TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE. Jörg Garbers Ms. de Teologia

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE. Jörg Garbers Ms. de Teologia"

Transcrição

1 TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE Jörg Garbers Ms. de Teologia

2 Introdução A família hoje talvez é o elo mais fraco na distribuição de tempo. Entre trabalho, lazer próprio, amigos, comunidade e sono sobra pouca coisa para a família. A era industrial, a economia o ritmo do trabalho não ajudam: Turnos diferentes Trabalhar mais para não perder o emprego ou para poder sustentar a família e realizar desejos. Formação contínua Mobilidade

3 Introdução Nem sempre os ensinos cristãs ajudam: Trabalho no Reino de Deus significa trabalhar e estar presente na comunidade Primeiro o Reino de Deus, depois a família Sacrifícios pelo SENHOR Tempo sem tarefa é tempo perdido Sem você almas são perdidas... Mente vazia, cozinha do diabo... Etc.

4 Introdução A palestra quer valorizar momentos e aspectos da família que exigem tempo e dedicação. Para esses pontos precisa se arrumar espaço na agenda. É possível que amigos e a comunidade nem sempre tem compreensão para isso. É até possível repensar a jornada de trabalho e avaliar um outro tipo de trabalho.

5 Tempo para falar Escolher a hora certa Escolher o lugar certo Escolher temas Se identificar com os outros Falar a verdade Expressar sentimentos Ajudar com perguntas que abrem Palavras amorosas

6 Tempo para ouvir O que passa na cabeça do outro? Prestar atenção Fazendo sinais Deixar falar Colocar-se no lugar do outro

7 Tempo para rituais O ritual é aquilo que fica igual e se repete. Rituais providenciam segurança e preparam para um dia de novidades e imprevistos. Rituais anuais: Festas religiosas Festas particulares Rituais mensais ou semanais Saídas Encontros Rituais diários

8 Tempo no início do dia Preparar e tomar um café em família ou pelo menos como casal. É um momento de comunicação e planejamento. Um momento de oração e devoção. O começo do dia não deve ser sobrecarregado pelos afazeres e problemas do dia.

9 Tempo na mesa A comunhão na mesa é importante Tempo de gratidão Curte a pausa e o repouso É nosso pão diário e não o meu Tempo de compartilhar Tempo de aconselhar Tempo de conhecer

10 Tempo antes de dormir Tempo de relaxar Tempo de reflexão Tempo de diversão Tempo de encontros Tempo de desligar

11 Tempo em dois A constatação Não é bom... O outro é: Idôneo Socorro Parceiro Amigo Apoio Planejar e executar Tempo para carinho e sexo Tempo para amigos Tempo para lazer Tempo para férias Tempo para...

12 Tempo em dois Muitos cônjuges vivem na mesma casa, mas vivem vidas paralelas É importante passar tempo em conjunto para se conhecer sempre de novo Pessoas mudam durante os anos Precisamos ver o cônjuge sempre de novo para não perder ele de vista Muitos casados se queixam que o seu cônjuge não os vê mais A rotina deixa o outro pálido, a mulher mais linda vira só a esposa e o homem mais esperto só o marido

13 Pausa

14 Introdução Tempo para Deus é tempo para si e tempo para a família e tempo para a comunidade. Trabalho no Reino de Deus é ter tempo para si, para a família e para a comunidade. IGREJA Corpo de Cristo Igreja Instituição religiosa igreja os prédios Os três são conceitos bem diferentes e não podem ser confundidos. Igreja não é igual a IGREJA por exemplo.

15 Introdução IGREJA existe onde dois ou três estão reunidos em nome de Cristo. Igreja existe para facilitar ou ajudar a propagação do evangelho, promover comunhão e crescimento na fé. Se a Igreja existe para fins próprios (manter o patrimônio, acumular membros, defender e propagar a denominação, etc.) ela não cumpre a sua tarefa. A igreja pode oferecer lugar e espaço de encontro e assim facilitar a reunião de pessoas cristãs para diversas atividades.

16 Introdução A Igreja não salva. A Igreja não é constitutivo para uma vida cristã. A Igreja pode ser a chance de somar forças. A Igreja pode ser a possibilidade de alcançar pessoas com o evangelho. A Igreja pode ajudar, apoiar e motivar na vida cristã. A Igreja precisa da colaboração dos seus membros, que dedicam tempo, dons e dinheiro a ela. Essa parte da palestra trata da questão do tempo para integrar os seus dons e talentos na Igreja.

17 Chamado para ter tempo para a Igreja Deus nos chama para: Crer Ser santo Servir Testemunhar Louvar Consequências: Todas as pessoas são chamadas! Todos cristãos são chamados para o serviço! Depois do primeiro não existe um segundo chamado. Cada situação deve corresponder ao primeiro chamado Precisamos conhecer a vontade de Deus para nossa vida e tomar as decisões diante dele. A liberdade da resposta e decisão: A teologia luterana diferencia entre as coisas superiores e inferiores. Profissão e decisão são normalmente atos pessoais.

18 Tempo para que tarefa? Pergunte! Pede orientação e sabedoria em oração. Lê a bíblica. O que curtas fazer, o que detestas? O que sabes fazer, em que tens dificuldade? Tente fazer experiências: Convívio Colaborar

19 Tempo para que tarefa? Administrativa Presbitério Zelador Limpeza etc. Finanças Organização Comunicação Marketing Cozinha Artesanal Construção Manutenção Comunitária Visitas Crianças Adolescentes Jovens Adultos Casais OASE Idosos Coral Música Oração Teológica Pregações Estudos bíblicos Aconselhamento Liturgia Leitura bíblica Palestras Devoções Ensino Orientação Discernimento Sacramentos

20 Tempo para testemunhar... O plano de Deus não nós transforma em marionetes nem em seguidores de um GPS. Tomar decisões diante de Deus Mandamento duplo do amor Testemunho do seu amor em palavras e ações Regra de ouro Uma vida em responsabilidade consigo mesmo e com o outro Gratidão pelas coisas boas e ruins Uma vida relacionada com Deus Tomar decisões diante de Deus

21 TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE Jörg Garbers Ms. de Teologia

A vida cristã na comunidade Como, quando e onde posso ajudar? Jörg Garbers, Mestre de Teologia

A vida cristã na comunidade Como, quando e onde posso ajudar? Jörg Garbers, Mestre de Teologia A vida cristã na comunidade Como, quando e onde posso ajudar? Jörg Garbers, Mestre de Teologia Comunidade cristã não é clube cristã Uma comunhão (com união) Um só Senhor Uma só fé Um só batismo Um só Deus

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO [ORGANIZAÇÃO]

ADMINISTRAÇÃO [ORGANIZAÇÃO] OS DONS ESPIRITUAIS ADMINISTRAÇÃO [ORGANIZAÇÃO] Êx 18.13-27; At 27.11; 1Co 12.28, Entender os objetivos a curto e a longo prazo de uma determinada parte do trabalho da igreja e elaborar planos eficientes

Leia mais

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias Finalidade: Descobrir-se Cristão Objectivos: Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Tema do Período Em Diálogo 1 1º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos

Leia mais

sobre tudo o INFORMA de Canoas Igreja Batista Nº a 16 de Julho de 2016 dias de amor

sobre tudo o INFORMA de Canoas Igreja Batista Nº a 16 de Julho de 2016 dias de amor INFORMA sobre tudo o Amor Igreja Batista de Canoas Nº 891 10 a 16 de Julho de 2016 dias de amor dias de amor sobre tudo o Amor 1 Coríntios 14:1, Marcos 12:30,31, 1 Cor. 16:14 (NTLH) OS FUNDAMENTOS DO AMOR

Leia mais

Diaconia e a Cidade. jovens;

Diaconia e a Cidade. jovens; Diaconia e a Cidade (Pastor Carlos Alberto Radinz, UP de São Paulo) Auxílio para a preparação do encontro de jovens; A nossa Igreja, neste ano, escolheu como tema ViDas em Comunhão, tendo como motivação

Leia mais

História e Ministério

História e Ministério História e Ministério 1 - Ministério e propósito 2 - Resumo da história da Igreja 3 - Responsabilidades espirituais e oficiais 4 - Documentos relevantes 1. MINISTERIO E PROPÓSITO O Ministério da Igreja

Leia mais

Valores de uma Igreja RELACIONAL

Valores de uma Igreja RELACIONAL Valores de uma Igreja RELACIONAL O que já aprendemos... A Igreja deve valorizar e incentivar os relacionamentos Os que criam mantinham-se unidos e tinham tudo em comum... Da multidão dos que creram, uma

Leia mais

MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES

MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES V Conferência Geral do Episcopado da América Latina e Caribe Aparecida, 13 a 31 de

Leia mais

Assembleia Ordinária Nº 3. Agenda

Assembleia Ordinária Nº 3. Agenda Assembleia Ordinária Nº 3 Informações úteis Agenda Apresentação do relatório 2014/2015 Sessão de esclarecimentos de dúvidas Avaliação de desempenho Apresentação do plano Estratégico e Orçamento 2015/2016

Leia mais

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português 1º Ano Paroquial e CNE Escutismo Católico Português JESUS GOSTA DE MIM Proporcionar às crianças um bom acolhimento eclesial, pelos catequistas e por toda a comunidade cristã (cf CT 16 e 24). Ajudá-las

Leia mais

II EXECUTIVA DA CONFEDERAÇÃO NACIONAL DE SAFs. Secretaria Causas da IPB. São Luiz-MA, 30 de abril a 03 de maio/2015

II EXECUTIVA DA CONFEDERAÇÃO NACIONAL DE SAFs. Secretaria Causas da IPB. São Luiz-MA, 30 de abril a 03 de maio/2015 II EXECUTIVA DA CONFEDERAÇÃO NACIONAL DE SAFs Secretaria Causas da IPB São Luiz-MA, 30 de abril a 03 de maio/2015 II EXECUTIVA DA CONFEDERAÇÃO NACIONAL DE SAFs Secretaria Causas da IPB Quem anuncia as

Leia mais

40 Dias de Propósitos. Detalhes de Funcionamento da Campanha Escola Bíblica 04/03/2007 Vlademir Hernandes

40 Dias de Propósitos. Detalhes de Funcionamento da Campanha Escola Bíblica 04/03/2007 Vlademir Hernandes 40 Dias de Propósitos Detalhes de Funcionamento da Campanha Escola Bíblica 04/03/2007 Vlademir Hernandes Histórico Igreja Saddleback Igreja Batista Lake Forest CA - EUA Fundada em 1980 por Rick Warren

Leia mais

INQUÉRITO SOBRE A REALIDADE PAROQUIAL

INQUÉRITO SOBRE A REALIDADE PAROQUIAL INQUÉRITO SOBRE A REALIDADE PAROQUIAL Feminino: 291 inqueridos Masculino: 179 inqueridos 1. ESTRUTURA PAROQUIAL Que conhecimento se tem sobre os espaços para a vivência da fé: a) Capela 90/61 32/21 51/31

Leia mais

IGREJA BATISTA DA BATALHA

IGREJA BATISTA DA BATALHA IGREJA BATISTA DA BATALHA TEMA ANUAL DA IGREJA BATISTA DA BATALHA PARA O ANO ECLESIÁSTICO DE 2016 ANUNCIANDO O REINO COM O PODER DE DEUS Divisa: Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra

Leia mais

Treinamento de Instrutores Bíblicos. Princípios de Testemunho Pessoal

Treinamento de Instrutores Bíblicos. Princípios de Testemunho Pessoal North American Division Portuguese Ministry Treinamento de Instrutores Bíblicos Princípios de Testemunho Pessoal Princípios de Testemunho Pessoal CRESCIMENTO DA IGREJA NO NOVO TESTAMENTO - Atos 1:15 -

Leia mais

Jörg Garbers, Mestre de Teologia

Jörg Garbers, Mestre de Teologia Jörg Garbers, Mestre de Teologia Introdução Os temas do retiro: Tempo para Deus Tempo para si Tempo para família/comunidade A separação dos temos é necessariamente artificial... Chama atenção que a comunidade

Leia mais

O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional. Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1

O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional. Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1 O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1 Sumário O que é vocação Matrimónio, sinal e missão Matrimónio, aliança e compromisso Missão em casal Missão

Leia mais

Treinamento de Instrutores Bíblicos. O Ministério dos Grupos Pequenos

Treinamento de Instrutores Bíblicos. O Ministério dos Grupos Pequenos North American Division Portuguese Ministry Treinamento de Instrutores Bíblicos O Ministério dos Grupos Pequenos O Poder dos Grupos Pequenos 1. Introdução Propósitos Grupo de pessoas que se reúnem para:

Leia mais

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o futuro com esperança. Como o testemunho de vida da

Leia mais

DIRETÓRIO DA PASTORAL FAMILIAR doc

DIRETÓRIO DA PASTORAL FAMILIAR doc DIRETÓRIO DA PASTORAL FAMILIAR doc 79-2004 O trabalho da PF é amplo e abrangente; principal enfoque é PROMOVER, FORTALECER e EVANGELIZAR a família. Uma das principais ações: UNIR ESFORÇOS PARA QUE A FAMÍLIA

Leia mais

CALENDÁRIO GERAL DE ATIVIDADES PARA JANEIRO Oração

CALENDÁRIO GERAL DE ATIVIDADES PARA JANEIRO Oração CALENDÁRIO GERAL DE ATIVIDADES PARA 2014 AB Acampamento Baptista Departamento Feminino DH Departamento de Homens DJ Departamento da Juventude DM - Departamento de Missões Seminário Teológico Baptista DIR-CBP

Leia mais

P S A T S ORAL DA AC A OLHID OLHID

P S A T S ORAL DA AC A OLHID OLHID PASTORAL DA ACOLHIDA Paróquia Sagrada Família Itajubá 06 05 2012 PASTORAL DA ACOLHIDA Todos são de suma importância na comunidade paroquial A acolhida de vocês deve ser como a acolhida de Jesus que acolhe

Leia mais

Pe. José Weber, SVD. Cantos do Evangelho. Anos A, B e C & Solenidades e Festas

Pe. José Weber, SVD. Cantos do Evangelho. Anos A, B e C & Solenidades e Festas Cantos do Evangelho Pe. José Weber, SVD Cantos do Evangelho Anos A, B e C & Solenidades e Festas Direção editorial Claudiano Avelino dos Santos Autor de todas as melodias Pe. José Weber, SVD Organização

Leia mais

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra);

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra); Uma nova paróquia Introdução DA: Conversão Pastoral Escolha de outro caminho; Transformar a estrutura paroquial retorno a raiz evangélica; Jesus: modelo (vida e prática); Metodologia: Nele, com Ele e a

Leia mais

Administração dinâmica da igreja: procedimentos e ações. 01/10/2013 Pb. Newton Roberto Sathler Romero

Administração dinâmica da igreja: procedimentos e ações. 01/10/2013 Pb. Newton Roberto Sathler Romero Administração dinâmica da igreja: procedimentos e ações 01/10/2013 Pb. Newton Roberto Sathler Romero Perguntas Inquietantes Por que a nossa igreja não cresce como aquela outra? Será que estamos orando

Leia mais

Jörg Garbers, Mestre de Teologia

Jörg Garbers, Mestre de Teologia Jörg Garbers, Mestre de Teologia Introdução Pregação e prática Durante essa pregação uns vão pensar: Eu fiz e faço muitas coisas de maneira errada. Isso é normal. Cada um de nos falha e ficamos tristes.

Leia mais

A CARTA DE IDENTIDADE CARISMÁTICA DA FAMÍLIA SALESIANA DE DOM BOSCO

A CARTA DE IDENTIDADE CARISMÁTICA DA FAMÍLIA SALESIANA DE DOM BOSCO A CARTA DE IDENTIDADE CARISMÁTICA DA FAMÍLIA SALESIANA DE DOM BOSCO Notas de apresentação e propostas de leitura para os membros da Associação de Maria Auxiliadora (ADMA) 1 Critério seguido Unificar numa

Leia mais

Diretora Nacional Sênior

Diretora Nacional Sênior Diretora Nacional Sênior AULA ESPECIAL c Unidades com crescimento de 20% Oração Área Nacional Obrigada Senhor por esse dia maravilhoso que temos em nossas mãos. Agradeço pelo oportunidade de estarmos reunidas

Leia mais

Nº 40 A Domingo XXXIII do Tempo Comum Deus renova todas as coisas

Nº 40 A Domingo XXXIII do Tempo Comum Deus renova todas as coisas Nº 40 A Domingo XXXIII do Tempo Comum-17.11.13 Deus renova todas as coisas Eu tive um sonho. Sonhei que os rios já não estavam poluídos, e as suas águas eram puras e cristalinas. Sonhei que. em vez de

Leia mais

1.! Quem'somos?' 2.! Visão'

1.! Quem'somos?' 2.! Visão' 1. Quem'somos?' Perspectivas é um movimento internacional que une cristãos no propósito de pensarepotencializarseuenvolvimentonatarefadeglorificaradeusentretodosos povos. Oferecemos12temposdereflexãosobreaMissioDei,nasperspectivasBíblica,

Leia mais

Mito 03. A Comunidade Presbiteriana Chácara Primavera não se preocupa com a Educação Cristã, pois não tem Escola Bíblica Dominical.

Mito 03. A Comunidade Presbiteriana Chácara Primavera não se preocupa com a Educação Cristã, pois não tem Escola Bíblica Dominical. Mito 03 A Comunidade Presbiteriana Chácara Primavera não se preocupa com a Educação Cristã, pois não tem Escola Bíblica Dominical. Educação Cristã e a Chácara Umaigreja, enquanto comunidade ensinadora

Leia mais

TRINDADE O DEUS TRIUNO DO CRISTIANISMO

TRINDADE O DEUS TRIUNO DO CRISTIANISMO TRINDADE O DEUS TRIUNO DO CRISTIANISMO Jörg Garbers Ms. De Teologia O QUE SIGNIFICA O TERMO? A palavra triuno pode ser facilmente subdividida em duas palavras: tri uno. Três elementos que formam uma unidade.

Leia mais

LINEAS GUÍA PARA LA ANIMACIÓN FRATERNA (DIRETRIZES PARA A ANIMAÇÃO FRATERNA)¹

LINEAS GUÍA PARA LA ANIMACIÓN FRATERNA (DIRETRIZES PARA A ANIMAÇÃO FRATERNA)¹ LINEAS GUÍA PARA LA ANIMACIÓN FRATERNA (DIRETRIZES PARA A ANIMAÇÃO FRATERNA)¹ 1. INTRODUÇÃO A OFS, por força da sua vocação, deve estar disposta a partilhar a sua experiência de vida evangélica com os

Leia mais

Família de retalhos Como lidar com divórcio. Jörg Garbers Ms. de Teologia

Família de retalhos Como lidar com divórcio. Jörg Garbers Ms. de Teologia Família de retalhos Como lidar com divórcio e novo casamento? Jörg Garbers Ms. de Teologia CASAMENTO NO AT Rito de casamento Concordância dos pais Pagamento do preço (noivado) Festa e benção dos pais Sem

Leia mais

CALENDÁRIO JANEIRO Mês da Assembleia da CBB. FEVEREIRO Mês de Aniversário da PIB em Pompéia

CALENDÁRIO JANEIRO Mês da Assembleia da CBB. FEVEREIRO Mês de Aniversário da PIB em Pompéia JANEIRO Mês da Assembleia da CBB 04 - domingo Diaconato Ceia do Senhor 09 - sexta-feira Diretoria Reunião da Diretoria as 19h30 13 - terça-feira Conselho Fiscal Reunião do Conselho Fiscal as 19h30 15 -

Leia mais

Os Outros Seis Dias. Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Os Outros Seis Dias. Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Os Outros Seis Dias Aula 02/08/2015 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira S Vivendo Teologicamente S O que a teologia tem a ver com a vida diária? S A teologia geralmente é considerada como algo abstrato.

Leia mais

Planificação Anual 10º ano da catequese

Planificação Anual 10º ano da catequese Finalidade: Descobrir-se Cristão : Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Planificação Anual 10º ano da 1º Creio em Conhecer Confrontar com valores de caridade, amor,

Leia mais

Vogal Mariano Cadernos de Serviços

Vogal Mariano Cadernos de Serviços Vogal Mariano Cadernos de Serviços Nome: Conselho Local / Regional / Nacional Centro Local: No dia 27 de Novembro de 1830, Nossa Senhora apareceu a Santa Catarina de Labouré, suscitando a devoção da Medalha

Leia mais

SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de

SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de 1 Áudio da Mensagem de Manoel de Jesus, de 28.08.2017 convertido em texto, SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de 21.08.2017 28.08.2017 Chamado de Amor e de Conversão do Coração Doloroso e Imaculado

Leia mais

F R A D E S SERVOS DE MARIA. U m a p r o p o s t a d e v i d a

F R A D E S SERVOS DE MARIA. U m a p r o p o s t a d e v i d a F R A D E S SERVOS DE MARIA U m a p r o p o s t a d e v i d a ç Constituem uma fraternidade de homes reunidos no nome do Senhor, e se comprometem a viver o Evangelho em comunhão fraterna e a se colocar

Leia mais

COM DEUS APRENDI A PERDER PARA GANHAR

COM DEUS APRENDI A PERDER PARA GANHAR COM DEUS APRENDI A PERDER PARA GANHAR Marcos 8:35 Na semana passada aprendemos um pouco mais sobre Salvação, que nada mais é que a própria pessoa de Jesus Cristo agindo em nosso interior, transformando

Leia mais

QUANDO UM PASTOR DEVE SE NEGAR A REALIZAR UM CASAMENTO? Por Brian Croft.

QUANDO UM PASTOR DEVE SE NEGAR A REALIZAR UM CASAMENTO? Por Brian Croft. QUANDO UM PASTOR DEVE SE NEGAR A REALIZAR UM CASAMENTO? Por Brian Croft. www.santoevangelho.com.br Um pastor deve realizar o casamento de dois não-cristãos? E, quanto a um cristão se casar com um não-cristão?

Leia mais

CALENDÁRIO DA PRIMEIRA IGREJA BATISTA EM ITAOCARA

CALENDÁRIO DA PRIMEIRA IGREJA BATISTA EM ITAOCARA Confraternização Universal D 0 D Aniversário de O Jornal Batista D 0 D D Janeiro Fevereiro Retiro D Retiro/ Dia da Aliança Batista Mundial Retiro Retiro 0 Aniversário da União Feminina Missionária de nossa

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

ADMA FAMÍLIA Família no carisma de Dom Bosco

ADMA FAMÍLIA Família no carisma de Dom Bosco ADMA FAMÍLIA Família no carisma de Dom Bosco UM CAMINHO NA MEDIDA DE FAMÍLIA Um caminho na medida de família com particular atenção às famílias jovens, é esta a experiência que se vê no seio da Família

Leia mais

Encontro 4 Tema: HABILIDADES SOCIAIS

Encontro 4 Tema: HABILIDADES SOCIAIS PROGRAMA DE ORIENTAÇÃO FAMILIAR Serviço de Atendimento Psicopedagógico Silvany Brasil Serviço Socioeducacional Divaneid Araújo Encontro 4 Tema: HABILIDADES SOCIAIS 08 de abril de 2015 A redução ou eliminação

Leia mais

COMUNIDADE LUTERANA EM CAMPINAS, SP IECLB PROJETO: EXPOSIÇÃO 500 ANOS DA REFORMA Informações adicionais

COMUNIDADE LUTERANA EM CAMPINAS, SP IECLB PROJETO: EXPOSIÇÃO 500 ANOS DA REFORMA Informações adicionais COMUNIDADE LUTERANA EM CAMPINAS, SP IECLB PROJETO: EXPOSIÇÃO 500 ANOS DA REFORMA Informações adicionais Banner 11: presença luterana na região de Campinas e organograma da IECLB. Sobre a Estrutura da Igreja

Leia mais

42ª Assembleia. Diocesana de Pastoral

42ª Assembleia. Diocesana de Pastoral A PAZ AMIGO A Paz amigo eu tenho em seu abraço em seu abraço amigo eu tenho a paz A Paz amigo eu tenho em seu abraço em seu abraço amigo eu tenho a paz A paz que acalma, a calma que faz a gente ser mais

Leia mais

A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã.

A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã. A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã. Uma missão irrenunciável da igreja como um todo e do cristão particularmente. O QUE É INDISPENSÁVEL PARA A EVANGELIZAÇÃO? Conversão

Leia mais

A Sedução da Auto-Estima

A Sedução da Auto-Estima A Sedução da Auto-Estima Aula 1: Criados para adorar Aula 2: A sedução da auto-estima Aula 3: Uma perspectiva bíblica sobre nós mesmos Aula 4: Verdade Bíblica X Perspectivas atuais 1 Aula 1 - Criados para

Leia mais

NÃO TEMAS! ESTOU CONTIGO! 2ª FEIRA 23 DE OUTUBRO PALAVRA DE DEUS

NÃO TEMAS! ESTOU CONTIGO! 2ª FEIRA 23 DE OUTUBRO PALAVRA DE DEUS 2ª FEIRA 23 DE OUTUBRO PALAVRA DE DEUS É já esta semana que celebramos a Festa da Santidade Juvenil Salesiana. Já muito foi falado sobre como poderemos atingir a Santidade e, de facto, sabemos que é algo

Leia mais

IGREJA E CULTO. Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira

IGREJA E CULTO. Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira AULA 7 CULTO: CRESCENDO JUNTOS NA ALEGRIA, NA COMUNHÃO E NA ADORAÇÃO A DEUS IGREJA E CULTO Por que me importar? Presb. José Cordeiro Neto» Presb. Lúcio Mafra Teixeira EBD CONSOLIDAÇÃO 2015 O Ano da Adoração

Leia mais

Evangelizar é partilhar o evangelho e levar outros a aceitarem Jesus como seu Salvador pessoal, aceitá-lo como seu Senhor que logo virá; unir sua

Evangelizar é partilhar o evangelho e levar outros a aceitarem Jesus como seu Salvador pessoal, aceitá-lo como seu Senhor que logo virá; unir sua Evangelizar é partilhar o evangelho e levar outros a aceitarem Jesus como seu Salvador pessoal, aceitá-lo como seu Senhor que logo virá; unir sua vida à da Sua igreja. Reavivamento Estudo da Bíblia Oração

Leia mais

De onde são essas freiras com tão belo hábito cor-de-rosa? Como vivem elas?

De onde são essas freiras com tão belo hábito cor-de-rosa? Como vivem elas? SERVAS DO ESPÍRITO SANTO DA ADORAÇÃO PERPÉTUA De onde são essas freiras com tão belo hábito cor-de-rosa? Como vivem elas? São do Brasil. Num recolhido convento localizado na cidade paranaense de Ponta

Leia mais

Empreendedorismo, Mercado de trabalho DONA DO MEU TEMPO! Gigi Zunino

Empreendedorismo, Mercado de trabalho DONA DO MEU TEMPO! Gigi Zunino Empreendedorismo, Mercado de trabalho DONA DO MEU TEMPO! Gigi Zunino Bom Dia; Compartilhar Conhecimento; Minha história; Empreendedora; Limitada Tempo, Financeiro, Aprendizagem, Conhecimento A vida é limitada:

Leia mais

Missão da Igreja. Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe

Missão da Igreja. Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe Missão da Igreja Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe Em nossa Igreja devemos oferecer a todos os nossos fiéis um encontro pessoal com Jesus Cristo. DA 226a 2007 A Igreja é comunidade.

Leia mais

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo,

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo, Coleção Chamados à Vida Em preparação à Eucaristia 1ª Etapa: Chamados à vida 2ª Etapa: Chamados à vida em Jesus Cristo 3ª Etapa: Chamados à vida em Comunidade. 4ª Etapa: Chamados à vida para amar e servir.

Leia mais

EIS-ME AQUI, ENVIA-ME! INFORMA. de Canoas. Igreja Batista. como. tornar SÉRIE: viciado ORAÇÕES PERIGOSAS. Nº a 26 de Novembro de 2016

EIS-ME AQUI, ENVIA-ME! INFORMA. de Canoas. Igreja Batista. como. tornar SÉRIE: viciado ORAÇÕES PERIGOSAS. Nº a 26 de Novembro de 2016 INFORMA EIS-ME AQUI, ENVIA-ME! Igreja Batista de Canoas Nº 910 20 a 26 de Novembro de 2016 SÉRIE: como se tornar um viciado ORAÇÕES PERIGOSAS SÉRIE: ORAÇÕES PERIGOSAS Texto Isaias 6.1-8 Então ouvi a voz

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) 2015-16 3 º ANO Unidade Letiva 1 A Dignidade das Crianças 1. Tomar consciência de que as crianças

Leia mais

2º encontro de pais. 2 de fevereiro de 2016

2º encontro de pais. 2 de fevereiro de 2016 2º encontro de pais 2 de fevereiro de 2016 Oração inicial Sinal da cruz OBJETIVOS Dar conhecimento da caminhada da catequese Levar a entender que o Sacramento da Reconciliação, nos faz vivenciar a misericórdia

Leia mais

Celebração Dominical da Palavra. Cap. 07 Ione Buyst

Celebração Dominical da Palavra. Cap. 07 Ione Buyst Celebração Dominical da Palavra Cap. 07 Ione Buyst A Igreja de Cristo, desde o dia de Pentecostes, após a descida do Espírito Santo, sempre se reuniu fielmente para celebrar o mistério pascal, no dia que

Leia mais

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal ITINERÁRIO CATEQUÉTICO Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal COMO É PROPOSTO O PROCESSO CATEQUÉTICO NO ITINERÁRIO? O Itinerário orienta a construção do processo catequético conforme

Leia mais

Roteiros Mensais para Grupos

Roteiros Mensais para Grupos Roteiros Mensais para Grupos SETEMBRO 2017 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes

Leia mais

MINISTÉRIO DA ORAÇÃO Prioridade da oração.

MINISTÉRIO DA ORAÇÃO Prioridade da oração. MINISTÉRIO DA ORAÇÃO Jesus instruiu os discípulos a aguardarem pelo batismo do Espírito Santo antes de realizarem qualquer atividade em oração. Ela é a nossa ferramenta mais poderosa no Grande Conflito.

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico REGULAMENTO OFICIAL Alfabeto Bíblico Tem como objetivo levar o competidor a encontrar na Bíblia versículos que comecem com cada letra do alfabeto da língua portuguesa e contenham em seu texto, uma palavra-chave,

Leia mais

Roteiros Mensais para Grupos

Roteiros Mensais para Grupos Roteiros Mensais para Grupos ABRIL 2017 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes

Leia mais

Vogal de Liturgia Cadernos de Serviços

Vogal de Liturgia Cadernos de Serviços Vogal de Liturgia Cadernos de Serviços Nome: Conselho Local / Regional / Nacional Centro Local: A Liturgia é um dos três Ministérios da vida da Igreja, para além do ministério profético e da caridade.

Leia mais

Vogal de Missão Cadernos de Serviços

Vogal de Missão Cadernos de Serviços Vogal de Missão Cadernos de Serviços Nome: Conselho Local / Regional / Nacional Centro Local: A JMV é um Movimento Missionário. Alimenta o seu espírito nas fontes de ser Igreja e no seu próprio carisma

Leia mais

BATISMO. Jörg Garbers Ms. de Teologia

BATISMO. Jörg Garbers Ms. de Teologia BATISMO HISTÓRIA E SIGNIFICADO Jörg Garbers Ms. de Teologia INTRODUÇÃO Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a observar

Leia mais

EDIÇÃO ESPECIAL Aliança de Casais com Cristo

EDIÇÃO ESPECIAL Aliança de Casais com Cristo Boletim Informativo nº 4 Ano 1 Julho de 2015 EDIÇÃO ESPECIAL Aliança de Casais com Cristo No mês de Julho a Aliança de Casais com Cristo comemorou seus 40 anos de existência em nossa comunidade. A data

Leia mais

CALENDÁRIO DE PROGRAMAÇÕES DA IBVN 2017

CALENDÁRIO DE PROGRAMAÇÕES DA IBVN 2017 CALENDÁRIO DE PROGRAMAÇÕES DA IBVN 2017 TEMA : ANUNCIANDO O REINO AS FAMÍLIAS EM CONSTRUÇÃO COM O PODER DE DEUS DIVISA: Venha o Teu Reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu Mateus 6:10

Leia mais

CONTEÚDOS ENSINO RELIGIOSO - 3º ANO COLEÇÃO INTERAGIR E CRESCER

CONTEÚDOS ENSINO RELIGIOSO - 3º ANO COLEÇÃO INTERAGIR E CRESCER CONTEÚDOS ENSINO RELIGIOSO - 3º ANO COLEÇÃO INTERAGIR E CRESCER UNIDADE 1 TESOUROS DO CÉU Compreender que a Bíblia é a Palavra de Deus e foi escrita para revelá-lo e mostrar o Seu amor por nós; Reconhecer

Leia mais

Por uma liturgia mais animada. Giovanni Marques Santos

Por uma liturgia mais animada. Giovanni Marques Santos Por uma liturgia mais animada Giovanni Marques Santos liturgia animada liturgia des-animada liturgia animada COM ALMA (anima), ação sim-bólica em que nos colocamos por inteiro, para que a graça divina

Leia mais

Informativo Semente Esperança

Informativo Semente Esperança Campinas, fevereiro de 2016-1ª edição Informativo Semente Esperança Ano Novo... 2016 começa e com ele trazemos nossos desafios, sonhos, esperanças e todo o amor para poder transformar, a nós mesmos e àqueles

Leia mais

1ª edição Projeto Timóteo Como Preparar e Realizar Cultos Apostila do Orientador

1ª edição Projeto Timóteo Como Preparar e Realizar Cultos Apostila do Orientador Como Preparar e Realizar Cultos www.projeto-timoteo.org 1ª edição Projeto Timóteo Apostila do Orientador Como Preparar e Realizar Cultos www.projeto-timoteo.org 1ª edição Projeto Timóteo Coordenador do

Leia mais

HOME OFFICE. O passo a passo para deixar sua casa ainda mais linda com a ajuda da Arquitetura do Abraço

HOME OFFICE. O passo a passo para deixar sua casa ainda mais linda com a ajuda da Arquitetura do Abraço HOME OFFICE O passo a passo para deixar sua casa ainda mais linda com a ajuda da Arquitetura do Abraço Home Office Muitas pessoas quando resolvem empreender começam seu trabalho em casa, seja por opção,

Leia mais

LISTA DE E-LIVROS DO PASTOR DEIVINSON BIGNON

LISTA DE E-LIVROS DO PASTOR DEIVINSON BIGNON Página 1 LISTA DE E-LIVROS DO PASTOR DEIVINSON BIGNON Página 2 VOLTANDO PARA A BÍBLIA O que fazer para alcançar mais conteúdo bíblico em sua vida? O cristão verdadeiro deve fazer uma contínua análise de

Leia mais

IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO

IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO IGREJA EM SAÍDA CULTURA DO ENCONTRO comunidade eclesial a V O C A Ç Ã O NASCE, CRESCE na IGREJA; é SUSTENTADA pela IGREJA. Todos os cristãos são constituídos missionários

Leia mais

PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão

PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão Na linha da primeira urgência das DGAE, uma Igreja em estado permanente de missão, destacam-se as seguintes ações concretas: - Formação e missão;

Leia mais

«A experiência mostra que, sem alguns pontos de aplicação precisos, as orientações de vida correm o risco de ficar letra morta».

«A experiência mostra que, sem alguns pontos de aplicação precisos, as orientações de vida correm o risco de ficar letra morta». [1] [2] Seguir uma direção de crescimento espiritual e humano supõe tomar um itinerário lógico e obter os meios necessários para seguir fielmente essa direção. «A experiência mostra que, sem alguns pontos

Leia mais

QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA?

QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA? SÉRIE Por que precisamos ser cheios do Espírito Santo mais do que tudo? QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA? Espírito Santo grego: parakletos CONSOLADOR CONSELHEIRO AUXILIADOR AMIGO Aquele que está ao

Leia mais

AMOR PROVADO Ninho Bagunçado (Décimo primeiro ao décimo nono ano)

AMOR PROVADO Ninho Bagunçado (Décimo primeiro ao décimo nono ano) AMOR PROVADO Ninho Bagunçado (Décimo primeiro ao décimo nono ano) a) Manter uma identidade pessoal e uma identidade para o casamento > Dependência exagerada - A identidade do cônjuge é um reflexo do seu

Leia mais

Programas de Pastoral

Programas de Pastoral Programas de Pastoral PROGRAMA CULTURA VOCACIONAL Caderno 5 02 1. Apresentação Na INSA a Animação Vocacional tem por finalidade trabalhar a cultura vocacional e o despertar do jovem para a vocação no sentido

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO. desenvolvimento social e humano /ucp centro regional do porto

PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO. desenvolvimento social e humano /ucp centro regional do porto PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO desenvolvimento social e humano /ucp centro regional do porto Como pode a escola católica promover o desenvolvimento da inteligência espiritual? O A educação deve

Leia mais

GT8. A SAF e Auxiliadoras não SAF (nossos tesouros): o que fazer para alcançá-las?

GT8. A SAF e Auxiliadoras não SAF (nossos tesouros): o que fazer para alcançá-las? GT8 A SAF e Auxiliadoras não SAF (nossos tesouros): o que fazer para alcançá-las? Quais os fatores que implicam na desmotivação de mulheres em tomar a decisão de ser sócia da SAF? Jovens casadas não sentem-se

Leia mais

A Oração. Egmon Pereira. 23 de Agosto de Igreja Presbiteriana do Brasil. A Oração. Egmon Pereira. Texto Bíblico. Introdução.

A Oração. Egmon Pereira. 23 de Agosto de Igreja Presbiteriana do Brasil. A Oração. Egmon Pereira. Texto Bíblico. Introdução. Igreja Presbiteriana do Brasil 23 de Agosto de 2016 Mateus 6.5-15 5 E, quando orardes, não sereis como os hipócritas; porque gostam de orar em pé nas sinagogas e nos cantos das praças, para serem vistos

Leia mais

MINISTÉRIO PASTORAL FÁBIO NUNES MINISTÉRIO PASTORAL FÁBIO NUNES

MINISTÉRIO PASTORAL FÁBIO NUNES MINISTÉRIO PASTORAL FÁBIO NUNES MINISTÉRIO PASTORAL FÁBIO NUNES MINISTÉRIO PASTORAL FÁBIO NUNES O objetivo do Ministério de Educação Religiosa da PIBAP é promover o ensino da palavra de Deus, base de nossa fé e essencial para o amadurecimento

Leia mais

Deus tem um plano para cada um de nós, com propósitos bem definidos (Pv 16.4).

Deus tem um plano para cada um de nós, com propósitos bem definidos (Pv 16.4). Leitura: Romanos 12.1-8 Deus tem um plano para cada um de nós, com propósitos bem definidos (Pv 16.4). O plano é perfeito e inclui a salvação em Cristo (2 Ts 2.13) e a capacitação para lhe servirmos (2

Leia mais

PROJETO AQUI TEM JOVEM, AQUI TEM FOGO!! MJ Paraná

PROJETO AQUI TEM JOVEM, AQUI TEM FOGO!! MJ Paraná PROJETO AQUI TEM JOVEM, AQUI TEM FOGO!! MJ Paraná O MINISTÉRIO JOVEM TEM COMO FINALIDADE: A PARTIR DO GRUPO DE ORAÇÃO, EVANGELIZAR, FORMAR, ASSISTIR, ORIENTAR E MOTIVAR OS JOVENS, DENTRO DA IDENTIDADE

Leia mais

2. Agir de acordo com nossa decisão. Enfatizo a palavra agir porque honra envolve fazer, mostrar e expressar.

2. Agir de acordo com nossa decisão. Enfatizo a palavra agir porque honra envolve fazer, mostrar e expressar. COMUNIDADE EVANGÉLICA ALIANÇA CRISTÃ Mensagem para Grupos Familiares TEMA: PRINCÍPIOS DE HONRA Ap. Marcelo Nhimi VAMOS DISCUTIR O ASSUNTO? TEXTO BASE: João 13:1-5 INTRODUÇÃO: : A honra é a semente para

Leia mais

PARA O MATRIMÓNIO. R. Ouvi-nos, Senhor. Ou: Abençoai, Senhor, o vosso povo.

PARA O MATRIMÓNIO. R. Ouvi-nos, Senhor. Ou: Abençoai, Senhor, o vosso povo. MATRMÓNO 321 rmãos e irmãs: Celebrando o especial dom da graça e da caridade, com que Deus Se dignou consagrar o amor dos nossos irmãos N. e N., confiemo-los ao Senhor, dizendo (ou: cantando): Ou: Abençoai,

Leia mais

A preparação e dignidade pessoais são necessárias para ensinar pelo Espírito. Os missionários podem convidar o Espírito Santo a seu ensino.

A preparação e dignidade pessoais são necessárias para ensinar pelo Espírito. Os missionários podem convidar o Espírito Santo a seu ensino. A preparação e dignidade pessoais são necessárias para ensinar pelo Espírito. Os missionários podem convidar o Espírito Santo a seu ensino. Os missionários devem praticar métodos de ensino que edifiquem.

Leia mais

Felicidade e a certeza

Felicidade e a certeza Felicidade e a certeza INTRODUÇÃO 1ª Razão Conflitos culturais 2 Um crê que pode comer de tudo; já outro, cuja fé é fraca, come apenas alimentos vegetais. 17 Pois o Reino de Deus não é comida nem bebida,

Leia mais

AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS

AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS AS 4 COLUNAS DO MDA PROJETO PURÊ DE BATATAS Esta é a primeira das 4 Colunas do MDA. Neste projeto, o objetivo principal é obter comunhão entre os irmãos das células, das redes e da Igreja, como um todo.

Leia mais

1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35

1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35 1. Disse Jesus: Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim jamais terá sede. Jo 6,35 Senhor Jesus, Tu tens palavras de vida eterna e Tu revelas-te a nós como Pão da vida

Leia mais

coração OS DIREITOS DAS CRIANÇAS NA COMUNIDADE DE FÉ Luiz Carlos Ramos CD Aventureiros em Missão, DNTC

coração OS DIREITOS DAS CRIANÇAS NA COMUNIDADE DE FÉ Luiz Carlos Ramos CD Aventureiros em Missão, DNTC OS DIREITOS DAS CRIANÇAS NA COMUNIDADE DE FÉ Luiz Carlos Ramos CD Aventureiros em Missão, DNTC Toda criança, sem exceção, tem direitos que devem ser valorizados por toda comunidade de fé. A criança, mesmo

Leia mais

Meditação Sala Verde MISSÕES NA ÁFRICA. Nome: Professor: Telefone Versículo para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional)

Meditação Sala Verde MISSÕES NA ÁFRICA. Nome: Professor: Telefone Versículo para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional) 1ª Semana Mês das Missões Meditação Sala Verde MISSÕES NA ÁFRICA Nome: Professor: Telefone Versículo para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional) Vão pelo mundo todo e preguem o

Leia mais

Roteiros Mensais para Grupos

Roteiros Mensais para Grupos Roteiros Mensais para Grupos MAIO 2017 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes

Leia mais

O Ano da Acolhida Acolha, abrace, perdoe!

O Ano da Acolhida Acolha, abrace, perdoe! AVISOS Lembrar a célula da importância de participar das Missas dominicais e do Grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados do mês. Convidar para ajudar a liderança na limpeza

Leia mais