Isso é um MetaTexto. E seguem aqui contribuições... *

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Isso é um MetaTexto. E seguem aqui contribuições... * http://rede.metareciclagem.org/wiki/pubs-seminario-e-oficina-de-comunicacao-e-cultura-minc"

Transcrição

1 Isso é um MetaTexto "(...)Veremos um bando de moleques gordos reclamando e ameaçando os amigos do prédio, que, ao contrário dele, avarento, desajeitado e arrogante, agora preferem Le Parkour e criar robôs com sucata a babar em sua coleção de bonecos caros e estúpidos de alguma empresa gringa". Daniel Pádua setembro de 2012 esse conteúdo encontra-se sob a Licença Lata autorxs: Maira Begalli (org); Dalton Martins, Fernanda Scur, Hudson Augusto, Isaac Filho, Elenara Iabel, Marcos Egito, Orlando da Silva, Tatiana Prado. Soube da realização do Seminário Nacional de comunicação para a Cultura e Oficina do Comunica Diversidade pelo Felipe Fonseca. Felipe havia sido convidado, mas estaria nos Estados Unidos, então perguntou se eu gostaria de participar. No momento da inscrição, li que havia a possibilidade do envio de textos e narrativas. Mostrei isso para rede MetaReciclagem via lista, e publiquei no wiki *. Alguns metarecs mandaram, outros não. Entretanto, esse texto bricolado é uma tentativa de descentralizar um comando, que muitas vezes é imaginado, uma tal representatividade que não existe na Metarec. Muita gente não entende o que é MetaReciclagem: MetaReciclagem são pessoas. Para compor essa publicação, além da página de wiki, sugeri questões-guias que poderiam ser consideradas ou não... 1) Como você gostaria de poder falar com o Ministério da Cultura (canais, pessoas, interfaces)? 2) Por que você acha que a MetaReciclagem estabelecer um dialógo com o MINC seria importante? 3) O que você espera de dialógos como esse? 4) Você teria uma imagem para enviar ou algo que mostre o que tem feito? E seguem aqui contribuições... * 1

2 Dalton Martins, 34 anos, São Bernardo do Campo-SP, trabalha como arquiteto e analista de dados da Rede Humaniza SUS. Além disso, pesquisa cientometria e análise de redes sociais na Universidade de São Paulo e Universidade Federal de São Carlos. Atualmente, é professor na FATEC São Paulo, na área de Projeto de Redes. 1) Acho que há níveis de interação que poderiam ser potentes para essa relação com o MinC. Vou pontuar alguns aqui, pois acredito que isso ajude a organizar as ideias: 1. Realização de Conferências Nacionais de Cultura, organizadas por Grupos de Trabalho deliberativos, onde pudéssemos discutir e produzir referências de base para pautar a política de cultura que acreditamos ser fundamental para o Brasil. 2. Conferências Regionais de Cultura: promovidas por municípios e estados, além de outros entes de sociedade civil que tiverem interesse de participar, criando modos de produzir representação suficiente para chegar nas conferências nacionais de modo mais articulado; 3. Conferências Virtuais: organização de encontros, debates e formação de grupos de trabalho que não trabalhassem só presencialmente, mantendo espaços de conversação contínuos e modos de sistematização que ajudasse a incluir pessoas de diferentes realidades, contextos e possibilidades de articulação nesse processo; Entendo que o uso desses 3 mecanismos de conversa, sem dúvida, com muita discussão sobre seu formato e modos de operar, poderiam dar subsídio para a produção de instâncias mais interessantes de diálogo. 2) Necessariamente, não acho que seria e nem não seria. Acho que MetaReciclagem não é um grupo, nem uma comunidade e nem possui unidade temática/social suficiente para produzir níveis de representação que se estabeleçam numa relação de diálogo com um ente organizacional. A potência da metareciclagem está em ser um espaço caótico de produção contínua de derivas sem a necessidade de uma objetividade clara e determinada. Todas as tentativas que eu mesmo fiz ou mesmo presenciei outras pessoas fazerem que propussem uma forma diferente de operar acabaram entrando em embates "infinitos", terminando por criar campos abstratos de disputas em relação a definição mais verdadeira do conceito. De fato, acho isso inútil e desnecessário. Acho que relações mais institucionais devem ser operadas com outros nomes que não MetaReciclagem, com outros níveis de representatividade de quem de fato queira produzir algum comum de discurso, algum comum de ação para atuar juntos, mesmo que transitoriamente, na relação com a constituição de uma política pública. 3) Não sei se entendi exatamente qual seria a proposta desse encontro e o que ele poderia operar como modo de articulação de pessoas. Mas, falando talvez de forma mais genérica aqui, eu espero de diálogos como esse ações bastante claras e concretas de abertura da política de Cultura para ser pautada, ser construída e ser pensada de forma mais aberta e coletiva. Acho que temos acúmulo suficiente de experiências e vivências em várias comunidades espalhadas por Brasil que poderiam ser úteis para propor modos de atuar, de utilizar recursos, de fazer gestão de projetos, de produzir políticas que precisam ser aproveitadas. Cultura que representa uma visão só é excludente, autoritário e violento por fundamento. 4) A imagem é do trabalho que estamos atualmente com a Rede Humaniza SUS. 2

3 Fernanda Scur, 36 anos, Porto Alegre, Web Designer e Pesquisadora 1) Através de todas as formas possíveis, quanto mais possibilidades melhor. Mas acho que através de alguma plataforma online, com pessoas REAIS e que estejam efetivamente trabalhando para mudar alguma coisa já tá de bom tamanho. 2) O diálogo de governo com sociedade civil é fundamental, porque governo existe para atender as demandas das pessoas, das sociedades, das redes, "das gentes". E, esse diálogo é bastante debilitado desde sempre. É debilitado por questões tão complexas que não dá pra explicitar em poucas palavras e acho que nem cabe aqui. Mas a busca de um contexto em comum, ou alguma espécie de convergência entre esses sistemas que funcionam com mecanismos tão distintos já seria um começo, e putz, já estamos atrasados pra cacete. 3) Eu espero a possibilidade de iniciativas/criações/produções/trocas necessidades/demandas das redes, como já coloquei ali em cima. que espelhem as 4) Essa é uma imagem do campo da pesquisa que estou fazendo ( Pólo de Formação Tecnológica Marista, em Porto Alegre). É de um grupo de discussão, onde pedi aos envolvidos para que montassem a rede de indivíduos pertencentes ao projeto onde estão trabalhando. A idéia era em conjunto, atingir um consenso sobre a forma da rede - e com isso trazer uma reflexão crítica dos processos comunicatórios acontecendo dentro do projeto (quem fala com quem, quem nunca fala com quem, porquê, o que podemos fazer para uma maior coesão da rede, etc). 3

4 Hudson Augusto, 35 anos, Sorocaba - SP, funcionário público estadual. 1) Gostaria que o MINC disponibilizasse uma interface de fácil acesso, em especial, as pessoas com deficiência. Algo de simples acesso, com retorno às solicitações pelos responsáveis do MINC. 2) Ao meu ver, poderia ser útil, esse dialógo, na construção de projetos e idéias de forma coletiva, a exemplo da elaboração de espaço culturais acessíveis, ou eventos que disponibilizassem recursos para integração das pessoas com deficiência contribuindo com uma maior integração da sociedade com o MINC. 3) Espero pelo menos receber um feedback direto, se seria possível contribuir ou não para o processo de fortalecimento das ações do MINC, independente se a resposta será positiva ou não. Pois o importante é a interação dos entes envolvidos nesse processo de democratização da cultura em geral. 4) 4

5 Isaac Filho, 28 anos, Recife, estudante de Ciências Sociais na UFPE, trabalha como Técnico em Inclusão Digital no CRC Marista do Recife, pesquisador de tecnologias livres e apropriação de tecnologia. 1) Creio que respostas rápidas nas redes sociais, s e no site. Um canal de comunicação que respondesse e que repassasse - aos coordenadores - as demandas/questionamentos levantados. 2) Acredito que a cultura é o eixo principal de nossas relações e nada mais justo do que o Ministério da Cultura ouvir as pessoas, principalmente porque a cultura não é algo padrão, existem culturas que precisam dialogar. 3) Em primeiro lugar, ser ouvido. Se os projetos são destinados à população, é preciso ouví-la! No segundo lugar, espaço para articulação e respeito as ideias/projetos/discussões que são levantadas. 4) Oficina de MetaReciclagem na Escola Frei Caneca, em Camaragibe. 5

6 Elenara Vitória Cariboni Iabel - 49 anos, Porto Alegre - RS. Mãe de Cauã - 23 anos, Inaê - 17 anos, Ariel - 13 anos. Fundadora do conselho diretor da Themis Assessoria Jurídica e Estudos de Gênero, hacker do direito, metarecicleira e produtora cultural. 1) Gostaria de falar com o MINC através de projetos que estabeleçam o dialágo e o debate que promovam políticas públicas de inclusão social e digital. Para tanto, penso ser necessário que uma política de comunicação participava seja base para que possa fluir conhecimento, informação, onde o transmissor garanta que emissor-receptor comunguem, todos da mesma função, ou seja a cultura do protaganismo. 2) Porque a cultura do protagonismo é a única capaz de respeitar e promover a diversidade cultural brasileira. 3) Espero que esses diálogos sejam impertinentes, no sentido de transformação e radicalização da democracia, para que o artigo 5 da Constituição Federal seja efetivado, tenha verdadeira eficácia 4) Atualmente estou no conselho diretor da Themis. Uma imagem de Lelex em uma reportagem sobre o projeto que realizou com o Rapper Boaventura. 6

7 Marcos Egito, 33 anos, Camaragibe/PE, nasceu e trabalha em Recife/PE. Estudante de Pedagogia e educador de Software Livre e Ativista da Robótica Pedagógica Livre. 1) Diretamente por: telefone, chat, algum meio web que possibilitasse interagir, ou através da rede MetaReciclagem. 2) Para poder ter um apoio maior e direto, poder conhecer de forma mais clara os incentivos e atuação, mostrar os projetos que desenvolvo, e que são fortalecidos pela rede MetaReciclagem, ser acompanhado, apoiado, financiado, sem intermédio de terceiros. 3) Que possamos de fato andar lado a lado de forma horizontal, para que coisas como as citadas acima aconteçam. 4) No Konesans (www.konesans.tk), trabalho com jovens que tiveram a oportunidade de fazer um curso profissionalizante, e hoje replicam o que aprenderam e ajudam um centro espirita e jovens de um bairro pobre em Camaragibe/PE. Oficina de Robótica livre que dei no Senac, para filhos de funcionários, crianças com um nível social bem diferenciado do da foto acima. 7

8 Orlando da Silva, 41 anos, Água Fria, zona rural de Mataraca - PB, Pesquisador e ativista na área de gestão em redes de colaboração, tecnologia e inovação social no Semiárido Nordestino. 1) Acho que nós já estamos falando. Principalmente através da atuação da Rede MetaReciclagem e aliadxs. Talvez o que falte sejam mecanismos que garantam uma participação legítima da Rede. 2) Porque tem um campo aí, o da cultura digital, em que o diálogo pode fazer render bons frutos de planejamento e encaminhamento de ações em locais carentes de fomento à participação ativa da cultura ligada à tecnologia como algo de potencialização do viver nestes locais. 3) A constante revitalização do incentivo à cultura a partir do entendimento coletivo. O Governo tem suas demandas e os movimentos culturais também, a conversa pensando em convergências, em sinergia, se for sincera, pode gerar potencialização e abertura de caminhos. Para permitir que os espaços legítimos de manifestação cultural vivam ativos na produção de alternativas ao padrão enlatado de fomento da cultura. 4) Segue uma imagem de uma antena que instalamos para captar o sinal de Internet em uma área de produção orgânica em pleno coração do Semiárido. O projeto visa permitir a interação de agricultores familiares com a cultura digital, fazendo parte, colocando voz, construindo junto. 8

9 Tatiana Prado, 35 anos, educadora Certa vez tive a oportunidade de passar um fim de semana bem intenso e produtivo com o Celso Athayde. as conversas foram muitas e à medida que ele ia descrevendo a trajetória e o modo como a CUFA foi fundada, vi muitas semelhanças com a Metarec. Na semana que a gente se encontrou ele tinha acabado de voltar do haiti e essa foto estava em seu blog (ou ele me mandou, não lembro mais). imagem: Celso Athayde Talvez eu seja esse banquinho aí... que apóia o telefone público. Meio obsoleto, mas singular. Uma tentativa de fazer as pessoas se comunicarem de um outro jeito, ou "de um jeito ou de outro" - pra acionar a sabedoria popular aqui - no meio da guerra. é um pouco assim que me sinto nesse universo de redes.coisas simples se transformam em batalhas e o caos nem sempre e tão poético e lírico como os textos e as assinaturas das pessoas parecem defender. Temos que reinventar a todo instante a capacidade de comunicar e a noção de público. A dificuldade que existe de comunicação e sintonia interna simplesmente se reproduz com os agentes "externos". E na hora da crise, como a que foi deflagrada pelo e no MINC, fica evidente a desarticulação, a disputa pelo poder entre as próprias redes e tudo o que não favorece muito a vida coletiva. 9

10 10

Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4

Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4 Guia do Educador CARO EDUCADOR ORIENTADOR Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 2. PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4 Objetivo GERAL 5 METODOLOGIA 5 A QUEM SE DESTINA? 6 O QUE

Leia mais

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Prefeitura Municipal de Cachoeiro de Itapemirim - ES PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Introdução O Programa Municipal de Educação Ambiental estabelece diretrizes, objetivos, potenciais participantes, linhas

Leia mais

Estratégias para o desenvolvimento humano

Estratégias para o desenvolvimento humano ofício Estratégias para o desenvolvimento humano A Olhar Cidadão é uma empresa de planejamento estratégico, gestão e inovação, na qual se desenvolvem soluções integradas, projetos e ideias que contribuam

Leia mais

POR UMA POLÍTICA PÚBLICA NACIONAL DE FORMAÇÃO EM ECONOMIA SOLIDÁRIA PPNFES

POR UMA POLÍTICA PÚBLICA NACIONAL DE FORMAÇÃO EM ECONOMIA SOLIDÁRIA PPNFES SECRETARIA NACIONAL DE ECONOMIA SOLIDÁRIA MTE/SENAES FÓRUM BRASILEIRO DE ECONOMIA SOLIDÁRIA ENCONTRO NACIONAL DE FORMAÇÃO/EDUCAÇÃO EM ECONOMIA SOLIDÁRIA POR UMA POLÍTICA PÚBLICA NACIONAL DE FORMAÇÃO EM

Leia mais

Grasiela - Bom à gente pode começar a nossa conversa, você contando para a gente como funciona o sistema de saúde na Inglaterra?

Grasiela - Bom à gente pode começar a nossa conversa, você contando para a gente como funciona o sistema de saúde na Inglaterra? Rádio Web Saúde dos estudantes de Saúde Coletiva da UnB em parceria com Rádio Web Saúde da UFRGS em entrevista com: Sarah Donetto pesquisadora Inglesa falando sobre o NHS - National Health Service, Sistema

Leia mais

Entre o Suas e o Plano Brasil sem Miséria: Os Municípios Pactuando Caminhos Intersetoriais. 14º Encontro Nacional do Congemas

Entre o Suas e o Plano Brasil sem Miséria: Os Municípios Pactuando Caminhos Intersetoriais. 14º Encontro Nacional do Congemas Entre o Suas e o Plano Brasil sem Miséria: Os Municípios Pactuando Caminhos Intersetoriais 14º Encontro Nacional do Congemas CRAS como unidade de gestão local do SUAS 14º Encontro Nacional do Congemas

Leia mais

Realização de rodas de conversa e de troca de conhecimento para intercâmbio do que foi desenvolvido e produzido.

Realização de rodas de conversa e de troca de conhecimento para intercâmbio do que foi desenvolvido e produzido. Realização de rodas de conversa e de troca de conhecimento para intercâmbio do que foi desenvolvido e produzido. Criar novos mecanismos de intercâmbio e fortalecer os programas de intercâmbio já existentes,

Leia mais

Política Nacional de Participação Social

Política Nacional de Participação Social Política Nacional de Participação Social Apresentação Esta cartilha é uma iniciativa da Secretaria-Geral da Presidência da República para difundir os conceitos e diretrizes da participação social estabelecidos

Leia mais

Secretária-Geral da Presidência da República - SG/PR Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD

Secretária-Geral da Presidência da República - SG/PR Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD Secretária-Geral da Presidência da República - SG/PR Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD Projeto BRA/12/018 Desenvolvimento de Metodologias de Articulação e Gestão de Políticas Públicas

Leia mais

PLANO DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE SÃO PAULO: processo, participação e desafios. Seminário dos/as Trabalhadores/as da Educação Sindsep 24/09/2015

PLANO DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE SÃO PAULO: processo, participação e desafios. Seminário dos/as Trabalhadores/as da Educação Sindsep 24/09/2015 PLANO DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE SÃO PAULO: processo, participação e desafios Seminário dos/as Trabalhadores/as da Educação Sindsep 24/09/2015 Ação Educativa Organização não governamental fundada por um

Leia mais

Dados Gerais da Experiência. Rede Social de Angico, Peixe e Região. Instituto Lina Galvani

Dados Gerais da Experiência. Rede Social de Angico, Peixe e Região. Instituto Lina Galvani Nome da experiência candidata Organização candidata Nome postulante Dados Gerais da Experiência Rede Social de Angico, Peixe e Região Instituto Lina Galvani Cecília Galvani Telefone 55 11 767-000 E-mail

Leia mais

V Encontro Nacional de Fortalecimento dos Conselhos Escolares

V Encontro Nacional de Fortalecimento dos Conselhos Escolares V Encontro Nacional de Fortalecimento dos Conselhos Escolares Programa Nacional de Fortalecimento dos Conselhos Escolares: uma política de apoio à gestão educacional Clélia Mara Santos Coordenadora-Geral

Leia mais

As Escolas Famílias Agrícolas do Território Rural da Serra do Brigadeiro

As Escolas Famílias Agrícolas do Território Rural da Serra do Brigadeiro As Escolas Famílias Agrícolas do Território Rural da Serra do Brigadeiro VIEIRA, Tatiana da Rocha UFV - pedagogia_tati@yahoo.com.br BARBOSA, Willer Araújo UFV- wbarbosa@ufv.br Resumo: O trabalho apresentado

Leia mais

VI Conferencia Regional de voluntariado IAVE. Guayaquil Ecuador

VI Conferencia Regional de voluntariado IAVE. Guayaquil Ecuador VI Conferencia Regional de voluntariado IAVE Guayaquil Ecuador 2013 PerguntAção no Programa de Voluntariado Promon: conectando o conhecimento para criar, construir e transformar Autora: Marisa Villi (Assessora

Leia mais

ESCOLA-COMUNIDADE-UNIVERSIDADE: PARCEIRAS NA SOCIALIZAÇÃO DOS CONHECIMENTOS E DOS RECURSOS TECNOLÓGICOS

ESCOLA-COMUNIDADE-UNIVERSIDADE: PARCEIRAS NA SOCIALIZAÇÃO DOS CONHECIMENTOS E DOS RECURSOS TECNOLÓGICOS ESCOLA-COMUNIDADE-UNIVERSIDADE: PARCEIRAS NA SOCIALIZAÇÃO DOS CONHECIMENTOS E DOS RECURSOS TECNOLÓGICOS Débora Laurino Maçada FURG Sheyla Costa Rodrigues FURG RESUMO - Este projeto visa estabelecer a parceria

Leia mais

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL Eixos Temáticos, Diretrizes e Ações Documento final do II Encontro Nacional de Educação Patrimonial (Ouro Preto - MG, 17 a 21 de julho

Leia mais

A Comunicação da Rede Social de Cidades. Maio de 2012

A Comunicação da Rede Social de Cidades. Maio de 2012 A Comunicação da Rede Social de Cidades Maio de 2012 Sistematização da pesquisa virtual realizada entre os integrantes da Rede no período de abril a maio de 2012 A pesquisa de satisfação da Comunicação

Leia mais

$ $ COMO A INTRANET DE SUA EMPRESA ESTÁ TE FAZENDO PERDER DINHEIRO

$ $ COMO A INTRANET DE SUA EMPRESA ESTÁ TE FAZENDO PERDER DINHEIRO COMO A INTRANET DE SUA EMPRESA ESTÁ TE FAZENDO PERDER DINHEIRO INTRODUÇÃO No mundo corporativo, talvez nenhuma expressão tenha ganhado tanto foco quanto 'engajamento'. O RH ouve isso todo dia, o time de

Leia mais

Esta publicação tem por objetivo apresentar o Programa Cultura Viva, de responsabilidade da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do

Esta publicação tem por objetivo apresentar o Programa Cultura Viva, de responsabilidade da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do Esta publicação tem por objetivo apresentar o Programa Cultura Viva, de responsabilidade da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do Ministério da Cultura, de modo a facilitar sua compreensão

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

Entrevista Caru Schwingel defende incluir programação digital na formação do novo jornalista Interview Caru Schwingel advocates include digital programming in forming the new journalist Entrevista Caru

Leia mais

PROJETO MARCO REGULATÓRIO

PROJETO MARCO REGULATÓRIO PROJETO MARCO REGULATÓRIO RESUMO Apoio BRASÍLIA, ABRIL DE 2011 Projeto Marco Regulatório Antecedentes A (FGEB) desde a sua fundação em 1989 vem desenvolvendo seus trabalhos sob o foco do Desenvolvimento

Leia mais

Apoio. Patrocínio Institucional

Apoio. Patrocínio Institucional Patrocínio Institucional Parceria Apoio InfoReggae - Edição 83 Papo Reto com José Junior 12 de junho de 2015 O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura

Leia mais

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras 1. Introdução O Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras foi idealizado pelo Conselho Gestor da Escola,

Leia mais

InfoReggae - Edição 32 Inclusão Digital 11 de abril de 2014. Coordenador Executivo José Júnior

InfoReggae - Edição 32 Inclusão Digital 11 de abril de 2014. Coordenador Executivo José Júnior O Grupo Cultural AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura e da arte, desperta potencialidades artísticas que elevam a autoestima de jovens das camadas populares.

Leia mais

DECRETO Nº 8.243, DE 23 DE MAIO DE 2014

DECRETO Nº 8.243, DE 23 DE MAIO DE 2014 Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.243, DE 23 DE MAIO DE 2014 Institui a Política Nacional de Participação Social - PNPS e o Sistema Nacional de Participação

Leia mais

Programa. orientações. Portal do Ministério da Cultura www.cultura.gov.br. Cultura Viva www.cultura.gov.br/culturaviva

Programa. orientações. Portal do Ministério da Cultura www.cultura.gov.br. Cultura Viva www.cultura.gov.br/culturaviva Programa Portal do Ministério da Cultura www.cultura.gov.br Cultura Viva www.cultura.gov.br/culturaviva orientações @DiversidadeMinC e @CulturaViva cidadaniaediversidade Secretaria da Cidadania e da Diversidade

Leia mais

análise da home do site metarec Objetivo: melhorias que podem ser feitas rapidamente na usabilidade da home. O foco é a navegacao.

análise da home do site metarec Objetivo: melhorias que podem ser feitas rapidamente na usabilidade da home. O foco é a navegacao. análise da home do site metarec Objetivo: melhorias que podem ser feitas rapidamente na usabilidade da home. O foco é a navegacao. A home hoje: Hoje: O que dá para ser feito: Agrupar itens que se relacionam

Leia mais

Entrevista com Bernard Charlot

Entrevista com Bernard Charlot Entrevista Entrevista com Bernard Charlot A crise da educação pública brasileira é um dos temas dessa entrevista concedida pelo professor Bernard Charlot, 65 anos, em Juiz de Fora. Doutor em Educação

Leia mais

1. Indicação de Proponente. 2. Título do Projeto. 3. Atividade Econômica Principal. 4. Sistema Produtivo da Ação

1. Indicação de Proponente. 2. Título do Projeto. 3. Atividade Econômica Principal. 4. Sistema Produtivo da Ação 1. Indicação de Proponente O Descentro nó emergente de ações colaborativas tem vasta experiência com projetos colaborativos descentralizados e articulados em rede. Recebeu o Prêmio de Mídia Livre do Minc

Leia mais

Seis Anos de Freestyle

Seis Anos de Freestyle 107 Por Daniel Tamenpi Seis Anos de Freestyle Em 2003, surgia no Brasil a Rádio Boomshot, primeira estação online voltada exclusivamente para o rap alternativo e nacional. O momento era propício para a

Leia mais

Antônio Carlos Ribeiro (antonilos@gmail.com) Unifal - Universidade Federal de Alfenas Deptº de Ciências Humanas e Letras Professor de Ciência

Antônio Carlos Ribeiro (antonilos@gmail.com) Unifal - Universidade Federal de Alfenas Deptº de Ciências Humanas e Letras Professor de Ciência Antônio Carlos Ribeiro (antonilos@gmail.com) Unifal - Universidade Federal de Alfenas Deptº de Ciências Humanas e Letras Professor de Ciência Política Estudo comparado: FOCCO/AL; FOCCO/PE; FOCCO/PB. Entrevistas

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA INTERMINISTERIAL Nº- 17, DE 24 DE ABRIL DE 2007

PORTARIA NORMATIVA INTERMINISTERIAL Nº- 17, DE 24 DE ABRIL DE 2007 PORTARIA NORMATIVA INTERMINISTERIAL Nº- 17, DE 24 DE ABRIL DE 2007 Institui o Programa Mais Educação, que visa fomentar a educação integral de crianças, adolescentes e jovens, por meio do apoio a atividades

Leia mais

ANÁLISE DOS ASPECTOS TEÓRICO METODOLÓGICOS DO CURSO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE CONSELHEIROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO

ANÁLISE DOS ASPECTOS TEÓRICO METODOLÓGICOS DO CURSO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE CONSELHEIROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO ANÁLISE DOS ASPECTOS TEÓRICO METODOLÓGICOS DO CURSO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE CONSELHEIROS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO Andrelisa Goulart de Mello Universidade Federal de Santa Maria andrelaizes@gmail.com Ticiane

Leia mais

Edital de Seleção. Curso de Formação Inicial Continuada em Manejo Florestal Comunitário. (Turma 2015)

Edital de Seleção. Curso de Formação Inicial Continuada em Manejo Florestal Comunitário. (Turma 2015) Edital de Seleção Curso de Formação Inicial Continuada em Manejo Florestal Comunitário (Turma 2015) Belém Pará Novembro de 2014 Realização Página 2 de 9 Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. OBJETIVO... 4 3.

Leia mais

A construção participativa da Base Nacional Comum Curricular

A construção participativa da Base Nacional Comum Curricular Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica A construção participativa da Base Nacional Comum Curricular Direitos e Objetivos de Aprendizagem e Desenvolvimento Diretrizes Curriculares Nacionais

Leia mais

FORMAÇÃO DE LIDERANÇAS E ASSESSORESCAMINHOS DE ESPERANÇA

FORMAÇÃO DE LIDERANÇAS E ASSESSORESCAMINHOS DE ESPERANÇA FORMAÇÃO DE LIDERANÇAS E ASSESSORESCAMINHOS DE ESPERANÇA A beleza de ser um eterno aprendiz. (Gonzaguinha) Por que pensar em formação de lideranças e assessores? A Pastoral da Juventude busca potencializar

Leia mais

coleção Conversas #6 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #6 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. coleção Conversas #6 Eu Posso com a s fazer próprias justiça mãos? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo

Leia mais

EM PAUTA MÍDIAS SOCIAIS& INVESTIDORES. Abril 2012 REVISTA RI

EM PAUTA MÍDIAS SOCIAIS& INVESTIDORES. Abril 2012 REVISTA RI EM PAUTA MÍDIAS SOCIAIS& INVESTIDORES 8 As mídias sociais são a bola da vez. O Facebook está avaliado em aproximadamente US$ 100 bilhões, o Twitter, site de micro-blogging, em US$ 8 bilhões e o Youtube,

Leia mais

Sucesso de mobilização é perder o controle?

Sucesso de mobilização é perder o controle? METALAB: "Do ciberativismo ao ativismo" Quando: 10 de Maio de 2012, 19h30 as 21h30 Onde: Centro Cultural Da Espanha, Av. Angélica, 1091 Talita Montiel Sucesso de mobilização é perder o controle? Introdução:

Leia mais

coleção Conversas #14 - outubro 2014 - e r r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #14 - outubro 2014 - e r r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. não Eu Não r que o f existe coleção Conversas #14 - outubro 2014 - a z fu e r tu r uma fa o para c ul m d im ad? e. Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção

Leia mais

Articulação da Participação Social e Processos Formativos Voltados ao Desenvolvimento Rural

Articulação da Participação Social e Processos Formativos Voltados ao Desenvolvimento Rural Universidade Federal da Paraíba - UFPB / Centro de Ciências Agrárias - CCA / Campus II Areia, Paraíba - 27 a 30 de outubro de 2014. Articulação da Participação Social e Processos Formativos Voltados ao

Leia mais

O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR

O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR O mundo como escola Texto Isis Lima Soares, Richele Manoel, Marcílio Ramos e Juliana Rocha Fotos Luciney Martins/Rede Rua Site 5HYLVWD9LUDomR Já pensou um bairro inteirinho se transformando em escola a

Leia mais

1. DADOS SOBRE A ATIVIDADE Título/Ementa (competências a serem desenvolvidas pelos estudantes; objetivos de ensino-aprendizagem)

1. DADOS SOBRE A ATIVIDADE Título/Ementa (competências a serem desenvolvidas pelos estudantes; objetivos de ensino-aprendizagem) UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA PROGRAD / PROEXT / SUPAC Atividade Curricular em Comunidade - ACC Formulário para solicitação de oferta Aprovado em 22.02.2008 1. DADOS SOBRE A ATIVIDADE Título/Ementa (competências

Leia mais

DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS AS E ADOLESCENTES NO BRASIL.

DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS AS E ADOLESCENTES NO BRASIL. PRINCÍPIOS PIOS DA POLÍTICA NACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS AS E ADOLESCENTES NO BRASIL. Contextualização A elaboração da Política Nacional e do Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças

Leia mais

Secretaria Municipal de Educação SP. 144 Assessor Pedgógico. 145. Consultar o Caderno Balanço Geral da PMSP/SME, l992.

Secretaria Municipal de Educação SP. 144 Assessor Pedgógico. 145. Consultar o Caderno Balanço Geral da PMSP/SME, l992. PAULO FREIRE: A GESTÃO COLEGIADA NA PRÁXIS PEDAGÓGICO-ADMINISTRATIVA Maria Nilda de Almeida Teixeira Leite, Maria Filomena de Freitas Silva 143 e Antonio Fernando Gouvêa da Silva 144 Neste momento em que

Leia mais

5 Passos para vender mais com o Instagram

5 Passos para vender mais com o Instagram 5 Passos para vender mais com o Instagram Guia para iniciantes melhorarem suas estratégias ÍNDICE 1. Introdução 2. O Comportamento das pessoas na internet 3. Passo 1: Tenha um objetivo 4. Passo 2: Defina

Leia mais

Saberes da Docência Online

Saberes da Docência Online Saberes da Docência Online Edméa Santos Professora do PROPED-Faculdade de Educação da UERJ E-mail: mea2@uol.com.br Web-site: http://www.docenciaonline.pro.br/moodle http://www.proped..pro.br/moodle Fones

Leia mais

CHAMAMENTO PÚBLICO PARA SELEÇÃO DE ORIENTADORES ARTÍSTICOS EM TEATRO PARA O PROJETO ADEMAR GUERRA Edição 2013

CHAMAMENTO PÚBLICO PARA SELEÇÃO DE ORIENTADORES ARTÍSTICOS EM TEATRO PARA O PROJETO ADEMAR GUERRA Edição 2013 CHAMAMENTO PÚBLICO PARA SELEÇÃO DE ORIENTADORES ARTÍSTICOS EM TEATRO PARA O PROJETO ADEMAR GUERRA Edição 2013 PROJETO ADEMAR GUERRA Conceito e Eixo Curatorial I-Apresentação O Governo do Estado de São

Leia mais

SOBRE A AUTORA. Alcançou sua independência financeira através da Internet, conseguindo já no primeiro mês de blog R$ 1.215,67.

SOBRE A AUTORA. Alcançou sua independência financeira através da Internet, conseguindo já no primeiro mês de blog R$ 1.215,67. SOBRE A AUTORA Leticia Pietras tem 17 anos, é Empreendedora digital, fundadora do blog www.empreendedora-digital.com. Alcançou sua independência financeira através da Internet, conseguindo já no primeiro

Leia mais

8º Congresso da Fenafar discute sobre Assistência Farmacêutica e Saúde

8º Congresso da Fenafar discute sobre Assistência Farmacêutica e Saúde 8º Congresso da Fenafar discute sobre Assistência Farmacêutica e Saúde O que poderia sair, como linha de reflexão sobre saúde e assistência farmacêutica, de uma mesa composta por farmacêutico, economista,

Leia mais

EDITAL 2012 PARA APOIO À REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES ARTÍSTICO - CULTURAIS NA UFSCar - CCult

EDITAL 2012 PARA APOIO À REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES ARTÍSTICO - CULTURAIS NA UFSCar - CCult EDITAL 2012 PARA APOIO À REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES ARTÍSTICO - CULTURAIS NA UFSCar - CCult JUSTIFICATIVA O estatuto da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) no Capítulo 1, artigo 3º. define como finalidade

Leia mais

Trilha 4 Diversidade e Conteúdo Matriz GERAL de sistematização

Trilha 4 Diversidade e Conteúdo Matriz GERAL de sistematização Trilha 4 Diversidade e Conteúdo Matriz GERAL de sistematização coordenador: Lisandro Zambenedetti Granville relatores: Francele Cocco e Lucas Farinella Pretti A) Questões-chave SUSTENTABILIDADE DE PRODUTORES

Leia mais

:: LINHAS DE AÇÃO. Apoio aos Municípios. Tecnologia e Informação em Resíduos. Promoção e Mobilização Social. Capacitação

:: LINHAS DE AÇÃO. Apoio aos Municípios. Tecnologia e Informação em Resíduos. Promoção e Mobilização Social. Capacitação :: LINHAS DE AÇÃO Apoio aos Municípios Tecnologia e Informação em Resíduos Capacitação Promoção e Mobilização Social :: PRESSUPOSTOS DA COLETA SELETIVA Gestão participativa Projeto de Governo Projeto da

Leia mais

ESTRATÉGIAS DE DOCUMENTAÇÃO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL: UM ESTUDO DE CASO

ESTRATÉGIAS DE DOCUMENTAÇÃO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL: UM ESTUDO DE CASO ESTRATÉGIAS DE DOCUMENTAÇÃO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL: UM ESTUDO DE CASO Eixo Temático 2 - Pesquisa e Práticas Educacionais Autora: Beatriz de Oliveira Abuchaim Orientadora: Maria Malta

Leia mais

Você, no entanto, pode nos ajudar!

Você, no entanto, pode nos ajudar! Este livro pode ser adquirido por educação, negócios, vendas ou uso promocional. Embora toda precaução tenha sido tomada na preparação deste livro, o autor não assume nenhuma responsabilidade por erros

Leia mais

O tema desta edição do EVP em Notícias é: Conexões

O tema desta edição do EVP em Notícias é: Conexões O tema desta edição do EVP em Notícias é: Conexões Nosso entrevistado é o Prof. Dr. Rogério da Costa, da PUC-SP. A partir de um consistente referencial teórico-filosófico, mas em uma linguagem simples,

Leia mais

Local e data: Brasília/DF, ------- de ------------------ de 2013. Assinatura do Consultor:

Local e data: Brasília/DF, ------- de ------------------ de 2013. Assinatura do Consultor: Projeto PNUD BRA/12/018 Documento com as propostas de wireframes, telas e userstories para o tema padrão do portal contendo definições, orientações e códigos. Consultor (a): Fabiano Rangel Cidade Contrato

Leia mais

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais!

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Por Rafael Piva Guia 33 Prático Passos para criar Ideias de Negócio Vencedores! Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Que bom que você já deu um dos

Leia mais

MÁRCIO FLORENTINO PEREIRA DEMOCRACIA, PARTICIPAÇÃO E CONTROLE SOCIAL EM SAÚDE

MÁRCIO FLORENTINO PEREIRA DEMOCRACIA, PARTICIPAÇÃO E CONTROLE SOCIAL EM SAÚDE MÁRCIO FLORENTINO PEREIRA DEMOCRACIA, PARTICIPAÇÃO E CONTROLE SOCIAL EM SAÚDE BRASÍLIA 2013 1 1. CAPITALISMO E A BAIXA INTENSIDADE DEMOCRÁTICA: Igualdade apenas Jurídica e Formal (DUSSEL, 2007), Forma

Leia mais

UNIDADE II METODOLOGIA DO FORMAÇÃO PELA ESCOLA

UNIDADE II METODOLOGIA DO FORMAÇÃO PELA ESCOLA UNIDADE II METODOLOGIA DO FORMAÇÃO PELA ESCOLA Quando focalizamos o termo a distância, a característica da não presencialidade dos sujeitos, num mesmo espaço físico e ao mesmo tempo, coloca se como um

Leia mais

Caro Aluno, Seja bem-vindo!

Caro Aluno, Seja bem-vindo! Manual do Aluno Caro Aluno, Seja bem-vindo! Este manual é um guia que irá orientá-lo em sua vida acadêmica. Aqui você encontrará informações sobre as atividades educacionais, documentação, matrícula, avaliações

Leia mais

RELATÓRIO DAS CONFERÊNCIAS MUNICIPAIS E INTERMUNICIPAIS

RELATÓRIO DAS CONFERÊNCIAS MUNICIPAIS E INTERMUNICIPAIS RELATÓRIO DAS CONFERÊNCIAS MUNICIPAIS E INTERMUNICIPAIS 1 I - FICHA DE QUALIFICAÇÃO DO ÓRGÃO RESPONSÁVEL PELO EVENTO: 1. ESTADO: SANTA CATARINA 2. MUNCÍPIO: FLORIANÓPOLIS 3. ÓRGÃO RESPONSÁVEL PELO EVENTO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO I FÓRUM DE GRADUAÇÃO DA UEG CENÁRIOS DA GRADUAÇÃO: DESAFIOS PARA A UEG CARTA DA GRADUAÇÃO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO I FÓRUM DE GRADUAÇÃO DA UEG CENÁRIOS DA GRADUAÇÃO: DESAFIOS PARA A UEG CARTA DA GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO I FÓRUM DE GRADUAÇÃO DA UEG CENÁRIOS DA GRADUAÇÃO: DESAFIOS PARA A UEG CARTA DA GRADUAÇÃO Diretores de Unidades Universitárias, coordenadores pedagógicos

Leia mais

DE INOVAÇÃO E TECNOLOGIA 52, 102, CEP

DE INOVAÇÃO E TECNOLOGIA 52, 102, CEP DADOS JURÍDICOS O Instituto SAVIESA DE INOVAÇÃO E TECNOLOGIA é uma associação, pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, com sede no município de Vitória, Estado do Espírito Santo, à Rua

Leia mais

Como aconteceu essa escuta?

Como aconteceu essa escuta? No mês de aniversário do ECA - Estatuto da Criança e do Adolescente, nada melhor que ouvir o que acham as crianças sobre a atuação em Educação Integral realizada pela Fundação Gol de Letra!! Conheça um

Leia mais

Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio e Reinventando o Ensino Médio Profª. Welessandra A. Benfica- Doutoranda FAE-UFMG Universidade do

Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio e Reinventando o Ensino Médio Profª. Welessandra A. Benfica- Doutoranda FAE-UFMG Universidade do Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio e Reinventando o Ensino Médio Profª. Welessandra A. Benfica- Doutoranda FAE-UFMG Universidade do Estado de Minas Gerais Mas o que é mesmo que esse caderno

Leia mais

ANEXO I - Transcrição das entrevistas

ANEXO I - Transcrição das entrevistas 147 ANEXO I - Transcrição das entrevistas ENTREVISTA 1 Nome: L.C. Idade: 58 anos. Formação: Pedagogia. Tempo de experiência em cursos de Licenciatura: 7 anos. Pq - A pesquisa em questão trata da ação docente

Leia mais

A Política e a Atividade de Microcrédito como Instrumentos de Geração de Trabalho e Renda e Inclusão Produtiva

A Política e a Atividade de Microcrédito como Instrumentos de Geração de Trabalho e Renda e Inclusão Produtiva Projeto de Pesquisa - Microcrédito Produtivo Orientado: Inovações de Tecnologia Social e Aperfeiçoamento de Política A Política e a Atividade de Microcrédito como Instrumentos de Geração de Trabalho e

Leia mais

PESQUISA DIAGNÓSTICA - SISTEMATIZAÇÃO. - Sim, estou gostando dessa organização sim, porque a gente aprende mais com organização das aulas.

PESQUISA DIAGNÓSTICA - SISTEMATIZAÇÃO. - Sim, estou gostando dessa organização sim, porque a gente aprende mais com organização das aulas. ESCOLA MUNICIPAL BUENA VISTA Goiânia, 19 de junho de 2013. - Turma: Mestre de Obras e Operador de computador - 62 alunos 33 responderam ao questionário Orientador-formador: Marilurdes Santos de Oliveira

Leia mais

2 - Visita monitorada ao acervo CPDOC : funcionamento administrativo e técnico do acervo e ferramentas tecnológicas.

2 - Visita monitorada ao acervo CPDOC : funcionamento administrativo e técnico do acervo e ferramentas tecnológicas. Reuniões técnicas de trabalho para articulação e troca de experiências e para padrões tecnológicos com oficinas no CPDOC e Arquivo Nacional PROGRAMAÇÃO 30 de setembro de 2010 Manhã Centro de Documentação

Leia mais

Leitura na escola reflexões pedagógicas sobre os processos de formação de leitores e escritores na educação infantil, jovens e adultos.

Leitura na escola reflexões pedagógicas sobre os processos de formação de leitores e escritores na educação infantil, jovens e adultos. Leitura na escola reflexões pedagógicas sobre os processos de formação de leitores e escritores na educação infantil, jovens e adultos. Diogo Vieira do Nascimento 1 (UERJ/EDU) Fabiana da Silva 2 (UERJ/EDU)

Leia mais

CARAVANA ESPORTIVA. Projetos Esportivos Educacionais

CARAVANA ESPORTIVA. Projetos Esportivos Educacionais CARAVANA ESPORTIVA Seleção Pública P de Projetos Esportivos Educacionais Programa Petrobras Esporte & Cidadania Fomentar o desenvolvimento do esporte olímpico brasileiro; Democratizar o acesso ao esporte

Leia mais

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas?

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? 2 Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? É SOBRE ISSO QUE VOU FALAR NESTE TEXTO. A maioria das empresas e profissionais

Leia mais

Participação Social como Método de Governo. Secretaria-Geral da Presidência da República

Participação Social como Método de Governo. Secretaria-Geral da Presidência da República Participação Social como Método de Governo Secretaria-Geral da Presidência da República ... é importante lembrar que o destino de um país não se resume à ação de seu governo. Ele é o resultado do trabalho

Leia mais

AS TIC COMO ESTRATÉGIA DE AMPLIAÇÃO DA INTERNACIONALIZAÇÃO ACADÊMICA DA PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

AS TIC COMO ESTRATÉGIA DE AMPLIAÇÃO DA INTERNACIONALIZAÇÃO ACADÊMICA DA PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU AS TIC COMO ESTRATÉGIA DE AMPLIAÇÃO DA INTERNACIONALIZAÇÃO ACADÊMICA DA PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU Santa Cruz do Sul RS Maio/2013 LANZARINI, Joice Nunes - UNISC - joice@unisc.br OLIVEIRA, Cláudio J.

Leia mais

TEIA: COMPARTILHANDO SABERES POPULARES E ACADÊMICOS

TEIA: COMPARTILHANDO SABERES POPULARES E ACADÊMICOS TEIA: COMPARTILHANDO SABERES POPULARES E ACADÊMICOS Resumo O Teia é um Programa que objetiva consolidar e articular 31 projetos de extensão que compartilham concepções, práticas e metodologias baseadas

Leia mais

Convênio 76541/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 0001/2013

Convênio 76541/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 0001/2013 Convênio 76541/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 0001/2013 Apresentação Dados disponibilizados pelo IBGE em 2002 estimaram a coleta de aproximadamente 125.281 toneladas de resíduos domiciliares por dia no Brasil

Leia mais

Filmes com muitas vontades

Filmes com muitas vontades Filmes com muitas vontades Clarisse Alvarenga Desde a década de 1970, vêm sendo empreendidas algumas tentativas ainda autorais e incipientes, partindo de cineastas brasileiros, como Andrea Tonacci e Aluysio

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA - PROCESSO SELETIVO DE SUPERVISORES DE TUTORIA E TUTORES DO PÓLO REGIONAL SUL DA REDE NACIONAL DE FORMAÇÃO PARA INCLUSÃO DIGITAL

CHAMADA PÚBLICA - PROCESSO SELETIVO DE SUPERVISORES DE TUTORIA E TUTORES DO PÓLO REGIONAL SUL DA REDE NACIONAL DE FORMAÇÃO PARA INCLUSÃO DIGITAL CHAMADA PÚBLICA - PROCESSO SELETIVO DE SUPERVISORES DE TUTORIA E TUTORES DO PÓLO REGIONAL SUL DA REDE NACIONAL DE FORMAÇÃO PARA INCLUSÃO DIGITAL DO PROGRAMA TELECENTROS.BR - EDITAL N.º 001/2010- REDE MARISTA

Leia mais

PROGRAMA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DO RIO DE JANEIRO TEXTO-BASE CONSOLIDADO

PROGRAMA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DO RIO DE JANEIRO TEXTO-BASE CONSOLIDADO PROGRAMA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DO RIO DE JANEIRO TEXTO-BASE CONSOLIDADO 1 APRESENTAÇÃO O Programa Municipal de Educação Ambiental ProMEA-Rio será elaborado em sintonia com o Programa Nacional

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA DE DOCENTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA NA UFPEL: INVENTÁRIO DE AÇÕES

FORMAÇÃO CONTINUADA DE DOCENTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA NA UFPEL: INVENTÁRIO DE AÇÕES FORMAÇÃO CONTINUADA DE DOCENTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA NA UFPEL: INVENTÁRIO DE AÇÕES Resumo Lígia Cardoso Carlos 1 - UFPel Helenara Plaszewski Facin2 - UFPel Grupo de Trabalho - Formação de professores e profissionalização

Leia mais

Anexo PROPOSTA DOCUMENTO BASE. Versão Consulta Pública SISTEMA NACIONAL DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL - SINAPIR

Anexo PROPOSTA DOCUMENTO BASE. Versão Consulta Pública SISTEMA NACIONAL DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL - SINAPIR 1 Anexo PROPOSTA DOCUMENTO BASE Versão Consulta Pública SISTEMA NACIONAL DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL - SINAPIR A Definição e organização do sistema: 1 O Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial

Leia mais

Prêmio Atitude Ambiental 2012

Prêmio Atitude Ambiental 2012 Prêmio Atitude Ambiental 2012 TEMAS: 1. Carta da Terra (Para Educação Infantil e Ensino Fundamental I) 2. O Lixo de Bertioga e eu (para Ensino Fundamental II) 3. RIO +20 Conferência das Nações Unidas sobre

Leia mais

Percursos da pesquisa de campo: as rodas de conversas e a caracterização dos jovens e seus contextos

Percursos da pesquisa de campo: as rodas de conversas e a caracterização dos jovens e seus contextos 44 5. Percursos da pesquisa de campo: as rodas de conversas e a caracterização dos jovens e seus contextos As rodas de conversa tiveram como proposta convidar os participantes a debater o tema da violência

Leia mais

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014

RELATÓRIO SÍNTESE DA CPA (COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO) - 2014 A CPA (Comissão Própria De Avaliação) apresentou ao MEC, em março de 2015, o relatório da avaliação realizada no ano de 2014. A avaliação institucional, realizada anualmente, aborda as dimensões definidas

Leia mais

Edição Especial I Oficina de Educomunicação

Edição Especial I Oficina de Educomunicação Comunicação Área Social - Província Marista Brasil Centro Norte - PMBCN Expediente Brasília, 10 de outubro de 2011 Volume 1. edição 4 Edição Especial I Oficina de Educomunicação Reportagem e Edição Fernanda

Leia mais

Revista Sul-americana de Filosofia e Educação RESAFE A FILOSOFIA E A NOVIDADE DO PENSAMENTO

Revista Sul-americana de Filosofia e Educação RESAFE A FILOSOFIA E A NOVIDADE DO PENSAMENTO 83 Relato de experiência A FILOSOFIA E A NOVIDADE DO PENSAMENTO Vânia Mesquita 1 Resumo: O presente relato busca introduzir a discussão sobre o filosofar em sala de aula como uma importante possibilidade

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CENTRO DE REFERÊNCIA TÉCNICA EM PSICOLOGIA E POLÍTICAS PÚBLICAS

CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CENTRO DE REFERÊNCIA TÉCNICA EM PSICOLOGIA E POLÍTICAS PÚBLICAS CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CENTRO DE REFERÊNCIA TÉCNICA EM PSICOLOGIA E POLÍTICAS PÚBLICAS FORMAÇÃO EM PSICOLOGIA E POLITICAS PÚBLICAS: UMA APROXIMAÇÃO DO CRPRS COM O MEIO ACADÊMICO

Leia mais

Manual Arkos Secretaria de Educação

Manual Arkos Secretaria de Educação Manual Arkos Secretaria de Educação 1) Sobre Arkos O portal Arkos foi inspirado por uma das mais bem sucedidas iniciativas educacionais da Europa incentivando milhões de alunos a lerem mais. A ideia básica

Leia mais

AS INTERFACES DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

AS INTERFACES DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA 1 AS INTERFACES DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Marigeli Polidoro Dias 1 Andreia Ines Dillenburg 2 Denise Santos do Amaral 3 Luana Zimmer Sarzi 4 Fabiane Adela Tonetto Costas

Leia mais

o pensar e fazer educação em saúde 12

o pensar e fazer educação em saúde 12 SUMÁRIO l' Carta às educadoras e aos educadores.................5 Que história é essa de saúde na escola................ 6 Uma outra realidade é possível....... 7 Uma escola comprometida com a realidade...

Leia mais

Blog e Flog como recursos de aprendizagem

Blog e Flog como recursos de aprendizagem 1 de 6 12/11/2008 20:24 Blog e Flog como recursos de aprendizagem Imprimir página Blog pedagógico: é possível visualizar um novo horizonte? Tânia Maria Moreira 1 Antes de ler este texto, pare, pense e

Leia mais

Plano de Patrocínio TEATRO E CIDADANIA PRONAC: 08 3930. Realização: Promoção: Patrocínio:

Plano de Patrocínio TEATRO E CIDADANIA PRONAC: 08 3930. Realização: Promoção: Patrocínio: Plano de Patrocínio TEATRO E CIDADANIA PRONAC: 08 3930 Realização: Promoção: Patrocínio: Resumo Executivo Acreditamos que a cultura efetua uma transformação na vida das pessoas, no sentido de ampliar seu

Leia mais

DIRETRIZES A SEREM DEBATIDAS NAS CONFERÊNCIAS NO ANO DE 2015 E 2016

DIRETRIZES A SEREM DEBATIDAS NAS CONFERÊNCIAS NO ANO DE 2015 E 2016 DIRETRIZES A SEREM DEBATIDAS NAS CONFERÊNCIAS NO ANO DE 2015 E 2016 A Constituição de 1988 criou a possibilidade de que os cidadãos possam intervir na gestão pública. Pela via do controle social, influenciam

Leia mais

OFICINA PROVAB Fortaleza 16 de 17 de maio

OFICINA PROVAB Fortaleza 16 de 17 de maio OFICINA PROVAB Fortaleza 16 de 17 de maio Propostas formuladas nas rodadas de discussão tarde de 16/05 e na manhã de 17/05. Digitação idêntica às inscrições nos post it. Temas: Remanejamento, Supervisão,

Leia mais

Agregador de iniciativas digitais voltadas para a democracia e a sustentabilidade.

Agregador de iniciativas digitais voltadas para a democracia e a sustentabilidade. Assembleia 2012 Relatório de Gestão Estratégia Digital Diretrizes Agregador de iniciativas digitais voltadas para a democracia e a sustentabilidade. Plataforma colaborativa e fomentadora de debates que

Leia mais

Comunicação em Saúde: Experiências da Rádio Web Saúde com jovens latino-americanos Comunicação em Saúde

Comunicação em Saúde: Experiências da Rádio Web Saúde com jovens latino-americanos Comunicação em Saúde Comunicação em Saúde: Experiências da Rádio Web Saúde com jovens latino-americanos Comunicação em Saúde Ana Valéria Machado Mendonça¹ Grasiela de Sousa Pereira² Dyego Ramos Henrique Raelma Paz Silva Maria

Leia mais

No Brasil, a Shell contratou a ONG Dialog para desenvolver e operar o Programa, que possui três objetivos principais:

No Brasil, a Shell contratou a ONG Dialog para desenvolver e operar o Programa, que possui três objetivos principais: PROJETO DA SHELL BRASIL LTDA: INICIATIVA JOVEM Apresentação O IniciativaJovem é um programa de empreendedorismo que oferece suporte e estrutura para que jovens empreendedores de 18 a 30 anos desenvolvam

Leia mais

Política Nacional de Museus Bases para a Política Nacional de Museus

Política Nacional de Museus Bases para a Política Nacional de Museus Política Nacional de Museus Bases para a Política Nacional de Museus APRESENTAÇÃO Ao se propor a sistematização de uma política pública voltada para os museus brasileiros, a preocupação inicial do Ministério

Leia mais