Boolean Sistemas 2 MANUAL DA ROTINA MENU DOS SISTEMAS Atualizado em Maio/2006

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Boolean Sistemas 2 MANUAL DA ROTINA MENU DOS SISTEMAS Atualizado em Maio/2006"

Transcrição

1 Boolean Sistemas 2 MANUAL DA ROTINA DE MENU DOS SISTEMAS Atualizado em Maio/2006

2 Empresas Especiais Suporte Cadastro das empresas Relação das empresas Controle das emissões Exclusão de empresas Informações Genéricas Cópias de segurança - normal Cópias de segurança - por ano Retornar cópia de segurança Deleção de arquivos de um ano Liberação para execução Configuração de máquinas Recuperação de arquivos Geração de arquivos ( ) Outras Informações Disposição dos arquivos Como implantar nova empresa Calculadora Como scanear foto do empregado Usar a caixa de diálogo do Windows Rotinas de pesquisas Como reportar um erro Módulo remoto de emissão de relatórios Rotina de exportação de informações Backup na saída dos sistemas Como capturar porta de impressora no Windows XP Empresas Cadastro das empresas Esta rotina tem como finalidade efetuar o cadastramento e alteração dos dados das empresas que serão controladas pelos sistemas. Este cadastro é único para todos os sistemas Relação das empresas Esta rotina é usada para a impressão ou visualização de todas as empresas cadastradas nos sistema ou de um único sistema, servindo com fonte de consulta e pesquisa no auxílio do usuário, bastando para isto escolher o tipo de classificação que deseja (pela razão social ou pelo código da empresa), com impressão do CNPJ/CEI/CPF e quais as empresas que deseja Controle das emissões Muitas vezes, devido à quantidade de empresas que são executadas, esquecemos se uma determinada etapa já foi executada para aquela ou aquelas empresas. Este relatório visa auxiliar os usuários na resposta desta informação. Este controle foi feito somente para algumas etapas da folha de pagamento e dos livros fiscais Exclusão de empresas

3 Esta rotina poderá ser usada somente pelo administrador do sistema e é usada para excluir uma determinada empresa ou desabilitar esta empresa de um determinado sistema, bastando que para isto que escolha o Tipo de Exclusão, a seguir : Exclusão Total da Empresa - Todos os Arquivos Todos os arquivos e o diretório da empresa serão excluídos (completamente). Exclusão da Empresa na Folha de Pagamento A empresa será desabilitada na folha de pagamento e todos os arquivos da folha serão excluídos do diretório da empresa. Exclusão da Empresa nos Livros Fiscais A empresa será desabilitada nos livros fiscais e todos os arquivos dos livros fiscais serão excluídos do diretório da empresa. Exclusão da Empresa na Contabilidade A empresa será desabilitada na contabilidade e todos os arquivos da contabilidade serão excluídos do diretório da empresa. Exclusão da Empresa no Patrimônio A empresa será desabilitada no patrimônio e todos os arquivos do patrimônio serão excluídos do diretório da empresa. Especiais Informações Genéricas Esta rotina é usada para auxiliar os usuários nos cadastramentos agilizando o preenchimento dos campos genéricos bem como define também várias opções a serem utilizadas pelos vários programas. Estas informações deverão estar sempre atualizadas. Nesta rotina você pode fixar uma empresa nas execuções dos sistemas. Esta empresa pode ser pré-determinada para todos os sistemas ou selecionada no início da execução de cada sistema. A fixação de uma empresa não implica que você não possa alterar a empresa em execução, esta opção visa principalmente a inicialização das telas de operação com uma empresa escolhida previamente, evitando a digitação da mesma empresa todas as vezes que for selecionada uma opção de execução Cópias de segurança - normal Nas rotinas de BACKUP's (Cópias de Segurança), após a seleção do nome do arquivo você poderá modifica-lo lembrando que: O nome do arquivo deve conter no máximo 8 posições, sem brancos ou pontos. O caminho não deve conter espaços. Os Backup's somente poderão ser feitos no computador onde estiver instalado o sistema. Você deve escolher um nome para o arquivo, de tal forma que facilite sua identificação futura. Os disquetes (quando utilizados) devem estar formatados e limpos. Poderá ser gerado para todas as empresas ou não (sugerimos todas as empresas).

4 Definir o caminho e o nome do arquivo a ser gerado, ver Caixa de diálogo. Observação: Para todas as cópias de segurança que forem feitas em dispositivos (disquetes) localizados no DRIVE A ou B, será em arquivos particionados em 1,2 Mb cada, caso contrário será gerado um único arquivo, com os nomes escolhidos pelo usuário Cópias de segurança - por ano Nas rotinas de BACKUP's (Cópias de Segurança), após a seleção do nome do arquivo você poderá modifica-lo lembrando que: O nome do arquivo deve conter no máximo 8 posições, sem brancos ou pontos. O caminho não deve conter espaços. Os Backup's somente poderão ser feitos no computador onde estiver instalado o sistema. Você deve escolher um nome para o arquivo, de tal forma que facilite sua identificação futura. Os disquetes (quando utilizados) devem estar formatados e limpos. Poderá ser gerado para todas as empresas ou não (sugerido todas as empresas). Definir o caminho e o nome do arquivo a ser gerado, ver Caixa de diálogo. Observação: Para todas as cópias de segurança que forem feitas em dispositivos (disquetes) localizados no DRIVE A ou B, será em arquivos particionados em 1,2 Mb cada, caso contrário será gerado um único arquivo, com os nomes escolhidos pelo usuário Retornar cópia de segurança Esta rotina tem como finalidade auxiliar o usuário na restauração das suas copias de segurança, o sistema somente recebe as informações da tela e gera um comando do sistema operacional para restaurar a cópia desejada. Poderá ser feita a restauração para todas as empresas ou não. Selecionar um grupo de arquivos a ser restaurado de cada vez. Informar o nome do arquivo da última cópia gerada, ver Caixa de diálogo. Retorno de backup por ano de somente uma empresa. A retorno dos backup executados (Cópias de Segurança) pode ser executado para os backup s efetuados por qualquer das duas rotinas do sistema, isto é, você pode retornar para todas as empresas ou para somente uma delas e de qual grupo de arquivos deseja. ATENÇÃO: Os backup executados por ano, não é de todos os arquivos, é somente dos arquivos de nomes variáveis do ano em questão (exemplo : F2003FUN :prdutxlyrghhpsuhjdgrvgr ano de 2003) Deleção de arquivos Esta rotina é usada para auxiliar o usuário a eliminar da máquina arquivos antigos que não considere mais necessário manter no computador, lembrando que antes desta execução é importante fazer as cópias de segurança por ano, pois após a execução da mesma todos os

5 arquivos do ano selecionado não estarão mais disponíveis no sistema. Como precaução somente o administrador consegue executar esta rotina. Suporte Liberação para execução Esta rotina é usada para fazer (em casos especiais) a liberação de execução dos sistemas e/ou para inicializar as senhas de acesso aos sistemas (Os sistemas, normalmente, são liberados automaticamente pela Boolean Sistemas) Configuração de máquinas Esta rotina é usada para configurar as máquinas de rede e também a máquina que é servidor do Boolean, bastando para isto definir qual das duas situações deseja executar. Se máquina é de rede deve-se definir como o servidor do Boolean identifica o terminal e como terminal identifica o servidor do Boolean. Deve ser executada na máquina onde esteja instalado o sistema Recuperação de arquivos Esta rotina é usada para auxiliar o usuário na recuperação de arquivos que possam ter sido danificados por algum motivo fora do controle do sistema. Deve ser executada na máquina onde esteja instalado o sistema. Bastando para isto definir a empresa, o ano, os arquivos de um determinado sistema Geração de arquivos ( ) Esta rotina é usada para auxiliar o usuário na geração dos arquivos de uma determinada empresa a ser enviada ao suporte técnico para avaliação através do Deve ser executada na máquina onde esteja instalado o sistema Definir o drive e o nome do diretório onde será gerado o arquivo O arquivo a ser gerado terá o seguinte rótulo BOO-999.ARJ, onde 999 é o código da empresa e será gerado na raiz ( C:\ ). Outras Informações Disposição dos arquivos Todos os arquivos que compõe os sistemas estão localizados sob o diretório BOOLEAN. Em todos os computadores que acessam os sistemas possuem no arquivo autoexec.bat os seguintes comandos: SET SP2DEC=1 SET QPRDEC=1 SET SP2DIR=.;<drive do servidor>c:\boolean\0-system SET QPRDIR=.;<drive do servidor>c:\boolean\0-system Tais linhas no arquivo autoexec.bat são de uso exclusivo dos Sistemas Boolean e não afetam a execução de nenhum outro software do usuário. Estes comandos e arquivos são somente para direcionar no equipamento as figuras utilizadas nos sistemas. Para criação destas linhas e arquivos ver Configuração de máquinas. Os arquivos do sistema estão localizados no equipamento servidor dos Sistemas Boolean, conforme esquema abaixo :

6 C:\> Drive de instalação do sistema BOOLEAN Programas e as DLL's do sistema 0-SYSTEM Bibliotecas do sistema I Fotografias dos empregados ARQUIVOS Arquivos genéricos do cliente EMPxxx Arquivos da empresa xxx Nos diretórios \BOOLEAN e \BOOLEAN\0-SYSTEM, é vetado o seu uso para gravação e/ou deleção de arquivos por parte do usuário. O uso destes diretórios é exclusivo da Boolean Sistemas Ltda Como implantar nova empresa Vá para primeira tela do sistema no Menu Empresas/Cadastro de Empresas, informe o código da empresa a ser cadastrada e preencha todas as informações que esta tela pede. Após cadastrada a empresa ela estará disponível em todos os outros módulos do sistema. Determine em qual módulo pretende trabalhar com esta empresa e click com o cursor do mouse no botão respectivo a este módulo, localizado na primeira tela do sistema. Aparecerá uma tela para ser informada a sua senha de acesso, informe e clik no botão OK. Vá no Menu Parâmetros/Habilitação de Empresas, informe o código da empresa cadastrada e logo a seguir o mês e ano que pretende iniciar sua rotina no sistema. Observação: Após informada a data de início de atividade no sistema, esta data não poderá mais ser alterada. Esta tela necessita que se informe as características da empresa, observando que o sistema fará um tratamento diferenciado para cada empresa, por isso preencha com muita atenção. Após feita a habilitação, verifique e se preciso altere os parâmetros/tabelas do respectivo módulo. Observação: Se for o módulo de Folha de Pagamento, verifique os Parâmetros de Execução, Tabelas de Proventos e Descontos, tabelas de Cargos, Sindicatos, Bancos, etc Calculadora Existe uma calculadora do sistema para o caso de você necessitar efetuar algum cálculo (principalmente nos programas de digitação), você poderá ativar a calculadora a qualquer momento, na execução do programa, ela não foi disponibilizada em todos os programas, somente nos menus e nos programas de digitação que podem exigir algum cálculo, descrevemos abaixo algumas funções : Para ativa-la pressione a TECLA F9 ou o botão específico de uma calculadora. O uso da calculadora permite você transferir o valor do visor da calculadora para o campo específico pressionando a TECLA TRANSF ou a TECLA T Para desativar a calculadora pressionar a TECLA ESC (neste caso o valor não será transferido). Disponível em vários programas do sistema, é usada para auxiliar o usuário em cálculos relacionados ao que está sendo processado. É executada pressionando a tecla F9 e finalizada com a tecla Esc.

7 2.17. Como scanear foto do empregado - Deve ser usada a resolução de 70 DPI - Acertar no Paint Brush no tamanho de 82 por 105 ( 82,105 ). - Você deve nomear a imagem digitalizada conforme a opção escolhida no menu Informações Genéricas. 1. Se a opção escolhida for SIM : O nome da fotografia deve ser dado da seguinte forma : BMP, onde : 999 é o código da empresa em que o empregado trabalha e é o código do empregado Este arquivo deve ser gravado no diretório C:\>BOOLEAN\0-SYSTEM Exemplo: BMP é a fotografia do empregado da empresa Se a opção escolhida for NÃO : O nome da fotografia deve ser dado da seguinte forma : BMP, onde : 999 é o código da empresa em que o empregado trabalha e 888 é o código do empregado Este arquivo deve ser gravado no diretório C:\>BOOLEAN\I (diretório de imagens) Exemplo: BMP é a fotografia do empregado 017 da empresa Usar a caixa de diálogo do Windows Nas rotinas de BACKUP's (Cópias de Segurança) e na geração do disquete para outros sistema, foi introduzida a caixa de diálogo para que você possa selecionar o arquivo a ser gravado ou lido nas rotinas específicas, observando: O nome do arquivo deve conter no máximo 8 posições, sem brancos ou pontos. O caminho não deve conter espaços. Os Backup's somente poderão ser feitos no computador onde estiver instalado o sistema. Você deve escolher um nome para o arquivo que será gravado, de tal forma que facilite sua identificação futura. Os disquetes (quando utilizados) devem estar formatados e limpos. A caixa de diálogo é aberta para auxiliar o usuário, dando uma maior visão para localizar arquivos ou pastas ( diretório ) para abrir ou salvar um determinado arquivo Rotinas de pesquisas Nas rotinas de pesquisas, quando você estiver nos atuais 200 registros do arquivo e acionar a opção (botão) para os próximos 200 registros o programa irá posicionar no 1o. (primeiro) registro da 2a. (Segunda) pesquisa, sendo que para o retorno, irá posicionar no último registro da pesquisa anterior Como reportar um erro 3. Identificar o erro

8 4. Fazer um relatório completo do erro em qualquer editor de texto 5. Ir na rotina principal, na opção Geração de arquivos ( ) e fazer a geração da empresa que apresentou o problema 6. Enviar o relatório e o arquivo gerado para o setor técnico 7. Aguardar a resposta (a Boolean fará a análise e lhe enviará a resposta o mais breve possível) Observação: Verifique o funcionamento de todos os equipamentos e suas configurações antes de dizer que o erro é do sistema. O conhecimento básico do sistema operacional e da operação dos equipamentos é fundamental (muito importante) na execução de qualquer sistema aplicativo Módulo remoto de emissão de relatórios 1. Solicite ao seu suporte técnico a instalação no seu equipamento que está conectado à internet da rotina que fará as transmissões. Informe os parâmetros de transmissão (no menu de SUPORTE da tela principal). 2. Você deve pedir ao seu cliente para instalar no computador dele que está conectado a Internet o BOO-CLI que está disponível no site da Boolean (www.boolean.com.br). Na instalação do seu cliente você deverá informar à ele os códigos das empresas dele (até no máximo de 5) com as respectivas descrições e pedir a ele o de transmissão para que seja registrado no cadastro da empresa. Após estes procedimentos sua rotina de transmissão estará habilitada para este cliente. Para os demais clientes proceder o item Rotina de exportação de informações As rotinas de exportação farão as gravações dos arquivos segundo o seguinte esquema de pastas (diretórios) : <driver> FFFy%22(;3 FFFy CAGED FFFy DAPI FFFy DIRF FFFy RAIS FFFy SAPI FFFy SEFIP FFFy SINTE (sintegra) z Abaixo descrevemos as explicações a respeito.

9 O <driver> é a letra correspondente de algum computador da rede (o disco de seu computador é a letra C) e esta letra será informada no momento em que você irá executar a exportação (geração do arquivo). O programa de geração do CAGED, quando executado, irá gravar o arquivo CGED9999.M88 na pasta <driver>:\boo-exp\caged, sendo que 9999 é o ano de referência e 88 é o mês de referência, as demais posições fixas. O programa de geração do DAPI, quando executado, irá gravar o arquivo D na pasta <driver>:\boo-exp\dapi, sendo que D0 é o tipo do DAPI ( = D1 Fy'$3, 'Fy'$3, D3 Fy'$3, 9999 é ano de referência, 88 é o mês de referência e 777 é o código da empresa. O programa de geração da DIRF, quando executado, irá gravar o arquivo DIRF na pasta <driver>:\boo-exp\dirf, sendo 9999 é ano de referência e 777 é o código da empresa, as demais posições fixas. O programa de geração da RAIS, quando executado, irá gravar o arquivo RAIS9999.TXT na pasta <driver>:\boo-exp\rais, sendo 9999 é ano de referência, as demais posições fixas. O programa de geração do SAPI, quando executado, irá gravar o arquivo 777S9988.TXT na pasta <driver>:\boo-exp\sapi, sendo que 777 é o código da empresa, 99 é as duas últimas posições do ano de referência e 88 é o mês de referência, as demais posições fixas. O programa de geração do SEFIP, quando executado, irá gravar o arquivo SEFIP.RE na pasta <driver>:\boo-exp\sefip com todas as posições fixas, logo este arquivo sempre irá conter a última geração do SEFIP feita pelos Sistemas Boolean. O programa de geração do SINTEGRA, quando executado, irá gravar o arquivo 777S9988.TXT na pasta <driver>:\boo-exp\sinte, sendo que 777 é o código da empresa, 99 é as duas últimas posições do ano de referência e 88 é o primeiro mês de referência, as demais posições fixas. Algumas observações Os arquivos são gravados segundo as documentações (instruções) de cada sistema que irão receber os dados. Caso você necessite que algum arquivo seja gravado em outro tipo de armazenamento (disquete, cd, etc.), execute a geração normal do arquivo e depois, fora dos Sistemas Boolean, faça a cópia deste arquivo para o tipo de armazenamento desejado. Se você, a cada momento informar um computador (driver) diferente, você terá a pasta BOO-EXP em todos estes computadores com os seus respectivos sub-diretórios. Neste caso a gerência destas gerações ficará mais difícil Backup na saída dos sistemas No servidor dos sistemas Boolean, no momento em que você sai, será exibido a pergunta Deseja fazer os BACKUP s agora?, caso a sua resposta seja afirmativa, você receberá instruções e após a leitura, iniciará ou não a execução. Os backup s executados nesta rotina terão como nome a data do computador invertida (exemplo: ARJ) e estará localizado no sub-diretório C:\BOOLEAN\BKP Observação: Este backup é feito dentro do próprio equipamento, ou seja, recomenda-se que seja feito também cópias (backup) para fora do computador visto que o mesmo esta sujeito a defeitos Como capturar porta de impressora no Windows XP

10 Clique em Iniciar/Executar e digite COMMAND, clicando em seguida em OK. No prompt de comando, digite: net use lptx: \\servidor de impressão\nome do compartilhamento \persistent:yes em que x é o número da porta LPT que está sendo usada (geralmente, 1 ou 2), servidor de impressão é o nome do servidor de impressão e nome compartilhado é o nome de compartilhamento da impressora. Observação: Para desconectar uma conexão LPT persistente, digite o comando abaixo no prompt de comando: net use lptx /delete

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

GUIA PARA HABILITAÇÃO DAS BIOMETRIAS LINEAR (SÉRIE LN) NO SOFTWARE HCS 2010 V9.0 (BETA 3) 11/06/2014

GUIA PARA HABILITAÇÃO DAS BIOMETRIAS LINEAR (SÉRIE LN) NO SOFTWARE HCS 2010 V9.0 (BETA 3) 11/06/2014 GUIA PARA HABILITAÇÃO DAS BIOMETRIAS LINEAR (SÉRIE LN) NO SOFTWARE HCS 2010 V9.0 (BETA 3) 11/06/2014 A partir da versão 9.0 (BETA 3) do Software HCS 2010 é possível monitorar e gerenciar as biometrias

Leia mais

Manual Captura S_Line

Manual Captura S_Line Sumário 1. Introdução... 2 2. Configuração Inicial... 2 2.1. Requisitos... 2 2.2. Downloads... 2 2.3. Instalação/Abrir... 3 3. Sistema... 4 3.1. Abrir Usuário... 4 3.2. Nova Senha... 4 3.3. Propriedades

Leia mais

1- Requisitos mínimos. 2- Instalando o Acesso Full. 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez

1- Requisitos mínimos. 2- Instalando o Acesso Full. 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez Manual Conteúdo 1- Requisitos mínimos... 2 2- Instalando o Acesso Full... 2 3- Iniciando o Acesso Full pela primeira vez... 2 4- Conhecendo a barra de navegação padrão do Acesso Full... 3 5- Cadastrando

Leia mais

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário Smart Laudos 1.9 A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos Manual do Usuário Conteúdo 1. O que é o Smart Laudos?... 3 2. Características... 3 3. Instalação... 3 4. Menu do Sistema... 4 5. Configurando

Leia mais

Manual do Usuário SUMÁRIO

Manual do Usuário SUMÁRIO SUMÁRIO VISUAL LIVRO CAIXA 1. Noções Gerais 1.1. Objetivo... 03 1.2. Sistema com Fundamento Legal Atualizado...03 1.3. Assistência Técnica... 03 1.3.1. Suporte Técnico... 03 1.3.2. Office Service... 03

Leia mais

SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição Configurando a Conexão com o Banco de Dados

SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição Configurando a Conexão com o Banco de Dados SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição 1 Configurando a Conexão com o Banco de Dados 2 Primeiro Acesso ao Sistema Manutenção de Usuários 3 Parametrizando o Sistema Configura

Leia mais

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes.

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes. ACESSO REMOTO Através do Acesso Remoto o aluno ou professor poderá utilizar em qualquer computador que tenha acesso a internet todos os programas, recursos de rede e arquivos acadêmicos utilizados nos

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR 1 - Integra Services Atenção: o Integra Services está disponível a partir da versão 2.0 do software Urano Integra. O Integra Services é um aplicativo que faz parte

Leia mais

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Iniciando o Windows XP...2 Desligar o computador...3 Área de trabalho...3

Leia mais

Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0

Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0 Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0 Noções Gerais: Pg. 02 Instruções para instalação Pg. 02 Ferramentas úteis Pg. 04 Menu Arquivos Empresas Usuárias Pg. 05 Ativar Empresa

Leia mais

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Desenvolvido por Hamilton Dias (31) 8829.9195 Belo Horizonte hamilton-dias@ig.com.br www.h-dias.cjb.net ÍNDICE Introdução...3 Implantação...3 Instalação...3

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

Manual. ID REP Config Versão 1.0

Manual. ID REP Config Versão 1.0 Manual ID REP Config Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Pré-Requisitos... 3 3. Instalação do ID REP Config... 4 4. Visão Geral do Programa... 8 4.1. Tela Principal... 8 4.2. Tela de Pesquisa... 12

Leia mais

MANUAL BACKUP XDENTAL 2012

MANUAL BACKUP XDENTAL 2012 MANUAL BACKUP XDENTAL 2012 Sumário CONFIGURANDO BACKUP... 2 ESCOLHENDO O TAMANHO DO ARQUIVO DE BACKUP... 4 CONFIGURANDO HORÁRIO DE INÍCIO DO BACKUP... 5 CONFIGURANDO BACKUP AO INICIAR O SISTEMA XDENTAL...

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO EDOutlet (Online e Offline):

MANUAL DE OPERAÇÃO EDOutlet (Online e Offline): MANUAL DE OPERAÇÃO EDOutlet (Online e Offline): Sumário 1 - EDOutletOffline (sem internet):... 1 2 EDOutlet (com internet)... 7 2.1 DIGITANDO AS REFERÊNCIAS:... 9 2.2 IMPORTAÇÃO DE PEDIDOS:... 11 3 ENVIANDO

Leia mais

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS 1) Clique duas vezes no arquivo ControlGasSetup.exe. Será exibida a tela de boas vindas do instalador: 2) Clique em avançar e aparecerá a tela a seguir: Manual de Instalação

Leia mais

Manual. ID REP Config Versão 1.0

Manual. ID REP Config Versão 1.0 Manual ID REP Config Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Pré-Requisitos... 3 2.1. Atualização... 3 3. Instalação do ID REP Config... 4 4. Visão Geral do Programa... 6 4.1. Tela Principal... 6 4.2.

Leia mais

O presente documento apresenta um passo a passo para os seguintes processos:

O presente documento apresenta um passo a passo para os seguintes processos: O presente documento apresenta um passo a passo para os seguintes processos: 1. Instalação do Sistema Sicredi Cobrança Integrada 2. Envio dos arquivos remessa - CRM 3. Leitura dos arquivos retorno - CRT

Leia mais

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas GerNFe 1.0 Manual do usuário Página 1/13 GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas O programa GerNFe 1.0 tem como objetivo armazenar em local seguro e de maneira prática para pesquisa,

Leia mais

LINEAR EQUIPAMENTOS RUA SÃO JORGE, 269 - TELEFONE: 6823-8800 SÃO CAETANO DO SUL - SP - CEP 09530-250

LINEAR EQUIPAMENTOS RUA SÃO JORGE, 269 - TELEFONE: 6823-8800 SÃO CAETANO DO SUL - SP - CEP 09530-250 LINEAR EQUIPAMENTOS RUA SÃO JORGE, 269 - TELEFONE: 6823-8800 SÃO CAETANO DO SUL - SP - CEP 09530-250 Recomendações Iniciais SOFTWARE HCS 2005 - VERSÃO 4.2 (Compatível com Guarita Vr4.03 e Vr4.04) Para

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Ferramenta de Backup

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Ferramenta de Backup MANUAL DO USUÁRIO Software de Ferramenta de Backup Software Ferramenta de Backup Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Este manual serve como referência para

Leia mais

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 1-13

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 1-13 1-13 INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

BACKUP ONLINE PASSOS PARA CONFIGURAÇÃO INICIAL DO PRODUTO

BACKUP ONLINE PASSOS PARA CONFIGURAÇÃO INICIAL DO PRODUTO BACKUP ONLINE PASSOS PARA CONFIGURAÇÃO INICIAL DO PRODUTO Criação de Conta de Usuário...03 Edição da Conta de Usuário...10 Download do Backup Online Embratel...10 Descrição dos Conjuntos de Cópia de Segurança...19

Leia mais

Manual de uso PSIM Client 2010

Manual de uso PSIM Client 2010 MANUAL DE USO PSIM CLIENT VERSÃO 2010 ÍNDICE Manual de uso PSIM Client 2010 INSTALAÇÃO...2 INSTALAÇÃO LOCAL...2 INICIANDO O SISTEMA...13 UTILIZANDO O ÍCONE DA ÁREA DE TRABALHO...13 UTILIZANDO O MENU INICIAR...16

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário MANUAL DO USUÁRIO 2 ÍNDICE 1. PRÉ REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SIGEP WEB 04 2. PROCEDIMENTOS PARA DOWNLOAD DO SISTEMA 04 3. INSTALANDO O SIGEP WEB 07 4. CONFIGURAÇÕES DO SISTEMA 09 COMPARTILHANDO O BANCO

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

DIGPROP - PREGÃO. Digitação de dados para entrega de propostas por meio magnético

DIGPROP - PREGÃO. Digitação de dados para entrega de propostas por meio magnético DIGPROP - PREGÃO Digitação de dados para entrega de propostas por meio magnético Marcio Tomazelli Programador Sênior Versão 1.0 Índice Índice...2 Índice de Figuras...2 Introdução...3 Fluxograma do processo

Leia mais

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com.

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com. Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com.br 1-15 INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior,

Leia mais

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424 Digitalização Este capítulo inclui: Digitalização básica na página 4-2 Instalando o driver de digitalização na página 4-4 Ajustando as opções de digitalização na página 4-5 Recuperando imagens na página

Leia mais

Instalação do VOL Backup para Desktops

Instalação do VOL Backup para Desktops Este é o guia de instalação e configuração da ferramenta VOL Backup para desktops. Deve ser seguido caso você queira instalar ou reinstalar o VOL Backup em sistemas Windows 2000, XP, Vista ou 7, 32 ou

Leia mais

Versão 1.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Ponto Legal. Manual do PONTO LEGAL

Versão 1.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Ponto Legal. Manual do PONTO LEGAL Versão 1.0 CARBON SYSTEM Manual do Software Ponto Legal Manual do PONTO LEGAL S O F T W A R E P A R A E M I S S Ã O D O R E L A T Ó R I O E S P E L H O D E P O N T O Manual do Ponto Legal Versão 1.0 Carbon

Leia mais

Área de Trabalho. Encontramos: Ìcones Botão Iniciar Barra de Tarefas

Área de Trabalho. Encontramos: Ìcones Botão Iniciar Barra de Tarefas Inicialização Tela de Logon Área de Trabalho Encontramos: Ìcones Botão Iniciar Barra de Tarefas Área de Trabalho Atalhos de Teclados Win + D = Mostrar Área de trabalho Win + M = Minimizar Tudo Win + R

Leia mais

Manual de operação. BS Ponto Versão 5.1

Manual de operação. BS Ponto Versão 5.1 Manual de operação BS Ponto Versão 5.1 conteúdo 1. Instalação do sistema Instalando o BS Ponto Configurando o BS Ponto 2. Cadastrando usuários Cadastro do usuário Master Alterando a senha Master Cadastro

Leia mais

Gerenciador de Imóveis

Gerenciador de Imóveis Gerenciador de Imóveis O Corretor Top é o mais completo sistema de gestão de imóveis do mercado, onde corretores terão acesso à agenda, cadastro de imóveis, carteira de clientes, atendimento, dentre muitas

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. - INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Fox Gerenciador de Sistemas

Fox Gerenciador de Sistemas Fox Gerenciador de Sistemas Índice 1. FOX GERENCIADOR DE SISTEMAS... 4 2. ACESSO AO SISTEMA... 5 3. TELA PRINCIPAL... 6 4. MENU SISTEMAS... 7 5. MENU SERVIÇOS... 8 5.1. Ativação Fox... 8 5.2. Atualização

Leia mais

Manual Instalação Pedido Eletrônico

Manual Instalação Pedido Eletrônico Manual Instalação Pedido Eletrônico 1 Cliente que não utiliza o Boomerang, mas possui um sistema compatível. 1.1 Instalação do Boomerang Inserir o CD no drive do computador, clicar no botão INICIAR e em

Leia mais

Perguntas frequentes do Samsung Drive Manager

Perguntas frequentes do Samsung Drive Manager Perguntas frequentes do Samsung Drive Manager Instalação P: Meu Disco Rígido Externo Samsung está conectado, mas nada está acontecendo. R: Verifique a conexão a cabo USB. Se seu Disco Rígido Externo Samsung

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES Agendar uma tarefa Você deve estar com logon de administrador para executar essas etapas. Se não tiver efetuado logon como administrador, você só poderá alterar as configurações

Leia mais

Versão 3.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Controla Tudo. Manual do Controla Tudo

Versão 3.0 CARBON SYSTEM. Manual do Software Controla Tudo. Manual do Controla Tudo Versão 3.0 CARBON SYSTEM Manual do Software Controla Tudo Manual do Controla Tudo SOFTWARE PARA CONTROLE DE PONTO VIA IMPRESSÃO DIGITAL OU DÍGITOS Manual do Controla Tudo Versão 3.0 Carbon System Rua Coronel

Leia mais

Configurando um Grupo Doméstico e Compartilhando arquivos no Windows 7

Configurando um Grupo Doméstico e Compartilhando arquivos no Windows 7 Configurando um Grupo Doméstico e Compartilhando arquivos no Windows 7 Para criar um grupo doméstico e compartilhar arquivos é necessário que tenhamos pelo menos dois computadores ligados entre si (em

Leia mais

Roteiro de geração do Informativo Fiscal Único Para Contribuintes do tipo Empresa de Pequeno Porte e Micro-empresa.

Roteiro de geração do Informativo Fiscal Único Para Contribuintes do tipo Empresa de Pequeno Porte e Micro-empresa. Roteiro de geração do Informativo Fiscal Único Para Contribuintes do tipo Empresa de Pequeno Porte e Micro-empresa. 1 SELECIONANDO O CONTRIBUINTE. 1 SELECIONANDO O CONTRIBUINTE 03 2 INCLUINDO O INFORMATIVO

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS 1 - A TELA AGENDA 1.1 - TIPOS DE AGENDA 1.1.1 AGENDA NORMAL 1.1.2 AGENDA ENCAIXE 2 - AGENDANDO CONSULTAS 2.1 - AGENDANDO UMA CONSULTA NA AGENDA

Leia mais

Guia de Atualização do Windows XP para Windows 7

Guia de Atualização do Windows XP para Windows 7 Guia de Atualização do Windows XP para Windows 7 Conteúdo Etapa 1: Saiba se o computador está pronto para o Windows 7... 3 Baixar e instalar o Windows 7 Upgrade Advisor... 3 Abra e execute o Windows 7

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Índice. Manual Backup Online. 03 Capítulo 1: Visão Geral

Índice. Manual Backup Online. 03 Capítulo 1: Visão Geral Índice 03 Capítulo 1: Visão Geral 04 Capítulo 2: Conta de Usuário 04 Criação 08 Edição 09 Grupo de Usuários 10 Informações da Conta 12 Capítulo 3: Download do Backup Online Embratel 16 Capítulo 4: Cópia

Leia mais

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 1 Sumário 1 - Instalação Normal do Despachante Express... 3 2 - Instalação do Despachante Express em Rede... 5 3 - Registrando o Despachante Express...

Leia mais

1998-2013 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2013 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.0A-01 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para XEROX 6279. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a XEROX 6279 no manual

Leia mais

Manual Software CMS. Introdução:

Manual Software CMS. Introdução: Introdução: O CMS é uma central de gerenciamento de DVRs, é responsável por integrar imagens de DVRs distintos, com ele é possível realizar comunicação bidirecional, vídeo conferência, função mapa eletrônico

Leia mais

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade do Sistema Índice Página 1. Como acessar o sistema 1.1 Requisitos mínimos e compatibilidade 03 2. Como configurar o Sistema 2.1 Painel de Controle 2.2 Informando o nome da Comissária 2.3 Escolhendo a Cor

Leia mais

IMPORTAR OU EXPORTAR CERTIFICADOS E CHAVES PRIVADAS

IMPORTAR OU EXPORTAR CERTIFICADOS E CHAVES PRIVADAS IMPORTAR OU EXPORTAR CERTIFICADOS E CHAVES PRIVADAS Você deve estar com logon de administrador para realizar essas etapas. Você pode importar um certificado para usá-lo no seu computador, ou pode exportá-lo

Leia mais

INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 4. INTERLIGAÇÃO DO SISTEMA... 5 5. ALGUNS RECURSOS... 6 6. SERVIDOR BAM...

INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 4. INTERLIGAÇÃO DO SISTEMA... 5 5. ALGUNS RECURSOS... 6 6. SERVIDOR BAM... 1 de 30 INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 3.1. ONDE SE DEVE INSTALAR O SERVIDOR BAM?... 4 3.2. ONDE SE DEVE INSTALAR O PROGRAMADOR REMOTO BAM?... 4 3.3. COMO FAZER

Leia mais

SIMULADO Windows 7 Parte V

SIMULADO Windows 7 Parte V SIMULADO Windows 7 Parte V 1. O espaço reservado para a Lixeira do Windows pode ser aumentado ou diminuído clicando: a) Duplamente no ícone lixeira e selecionando Editar propriedades b) Duplamente no ícone

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS 1 - A TELA AGENDA 1.1 - TIPOS DE AGENDA 1.1.1 AGENDA NORMAL 1.1.2 AGENDA ENCAIXE 2 - AGENDANDO CONSULTAS 2.1 - AGENDANDO UMA CONSULTA NA

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES 1.3

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Home -------------------------------------------------------------------------------------------------------- 7 2. Cadastros -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Procedimentos para Instalação e Utilização do PEP Programa automatizado de apoio à Elaboração de Projetos

Procedimentos para Instalação e Utilização do PEP Programa automatizado de apoio à Elaboração de Projetos MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria-Executiva Unidade de Coordenação de Programas Esplanada dos Ministérios Bl. P 4º Andar Salas 409/410 CEP 70.048-900 Brasília DF Tel: (61) 3412.2492 email: ucp@fazenda.gov.br

Leia mais

Manual Integra S_Line

Manual Integra S_Line 1 Introdução O é uma ferramenta que permite a transmissão Eletrônica de Resultado de Exames, possibilitando aos Prestadores de Serviços (Rede Credenciada), integrarem seus sistemas com os das Operadoras

Leia mais

Manual. Rev 2 - junho/07

Manual. Rev 2 - junho/07 Manual 1.Desbloquear o software ------------------------------------------------------------------02 2.Botões do programa- --------------------------------------------------------------------- 02 3. Configurações

Leia mais

Portaria Express 3.0

Portaria Express 3.0 Portaria Express 3.0 A portaria do seu condomínio mais segura e eficiente. Com a preocupação cada vez mais necessária de segurança nos condomínio e empresas, investe-se muito em segurança. Câmeras, cercas,

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

Nota Fiscal Paulista. Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

Nota Fiscal Paulista. Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Nota Fiscal Paulista Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) Versão 1.1 15/02/2008 Página 1 de 17 Índice Analítico 1. Considerações Iniciais 3 2. Instalação do

Leia mais

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013

Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Principais Novidades Abril/2013 a Junho/2013 Sumário 1. Ambiente Group Shopping... 3 2. Alteração na Tela de Contratos e Controle de Edições... 7 3. Propagação de Contratos... 10 4. Configuração de Impressora

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO GCD GERENCIADOR DE CERTIFICADOS DIGITAIS

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO GCD GERENCIADOR DE CERTIFICADOS DIGITAIS MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO GCD GERENCIADOR DE Versão 2 Atualizado em 03/05/2012 Página 1 de 77 ÍNDICE 1 - O QUE É O GCD... 3 2 - COMO EXECUTAR O GCD GERENCIADOR DE... 4 2.3 - COMO CONFIGURAR O PROXY DO GCD...

Leia mais

2 de maio de 2014. Remote Scan

2 de maio de 2014. Remote Scan 2 de maio de 2014 Remote Scan 2014 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. Conteúdo 3 Conteúdo...5 Acesso ao...5

Leia mais

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 Módulo 04 - Exportação e Importação de Dados Manual do SINASC Módulo Exportador Importador Introdução O Sistema SINASC

Leia mais

1.1. Gerenciamento de usuários e permissões. Suporta vários níveis de gerenciamento, gerenciamento de usuários e configuração de permissões.

1.1. Gerenciamento de usuários e permissões. Suporta vários níveis de gerenciamento, gerenciamento de usuários e configuração de permissões. CAMERA IP SERIE AV O CMS é uma central de gerenciamento de DVRs, é responsável por integrar imagens de DVRs distintos, com ele é possível realizar comunicação bidirecional, vídeo conferência, função mapa

Leia mais

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha

Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Manual de instalação, configuração e utilização do Assinador Betha Versão 1.5 Histórico de revisões Revisão Data Descrição da alteração 1.0 18/09/2015 Criação deste manual 1.1 22/09/2015 Incluído novas

Leia mais

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário SERVIÇO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ARQUIVO CENTRAL Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário Belém Pará Fevereiro 2000 Sumário Introdução... 3 Acesso ao Sistema...

Leia mais

ROTINAS PADRÕES DO SISTEMAS

ROTINAS PADRÕES DO SISTEMAS ROTINAS PADRÕES DO SISTEMAS Usando o Sistema pela primeira vez Ao executar o seu Sistema pela primeira vez a tela abaixo será apresentada para que você possa configurar os diretórios onde serão achados

Leia mais

Manual de. instalação. Certificado Digital A1 ou S1

Manual de. instalação. Certificado Digital A1 ou S1 Manual de instalação Certificado Digital A1 ou S1 Sumário O que é? 3 Aplicação 3 Preparando sua máquina 4 1ª configuração: Sistemas Homologados 4 2ª configuração: Perfil de usuário 4 3ª configuração: Hierarquias

Leia mais

COMO INSTALAR O CATÁLOGO

COMO INSTALAR O CATÁLOGO Este guia tem por finalidade detalhar as etapas de instalação do catálogo e assume que o arquivo de instalação já foi baixado de nosso site. Caso não tenho sido feita a etapa anterior favor consultar o

Leia mais

ArpPrintServer. Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02

ArpPrintServer. Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02 ArpPrintServer Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02 1 Sumário INTRODUÇÃO... 3 CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DO SISTEMA... 3 REQUISITOS DE SISTEMA... 4 INSTALAÇÃO

Leia mais

Manual de Atualização Versão 3.6.4.

Manual de Atualização Versão 3.6.4. Manual de Atualização Versão 3.6.4. Sumário 1. AVISO... 1 2. INTRODUÇÃO... 2 3. PREPARAÇÃO PARA ATUALIZAÇÃO... 3 4. ATUALIZANDO GVCOLLEGE E BASE DE DADOS... 7 5. HABILITANDO NOVAS VERSÕES DO SISTEMA....

Leia mais

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema.

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema. O que é o projeto O PROINFODATA - programa de coleta de dados do projeto ProInfo/MEC de inclusão digital nas escolas públicas brasileiras tem como objetivo acompanhar o estado de funcionamento dos laboratórios

Leia mais

Portaria Express 2.0

Portaria Express 2.0 Portaria Express 2.0 A portaria do seu condomínio mais segura e eficiente. Com a preocupação cada vez mais necessária de segurança nos condomínio e empresas, investe-se muito em segurança. Câmeras, cercas,

Leia mais

Indice. Sistema Smartphone / Tablet

Indice. Sistema Smartphone / Tablet Indice Sistema Smartphone / Tablet 1. Cadastrando um cliente... 2 2. Cadastrando produtos... 4 3. Incluindo fotos de produtos... 5 4. Fazendo um pedido... 6 5. Transmitindo pedido para empresa... 8 6.

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema GRServer Cam on-line (Gerenciamento de Câmeras On-line)

Manual de Utilização do Sistema GRServer Cam on-line (Gerenciamento de Câmeras On-line) Manual de Utilização do Sistema GRServer Cam on-line (Gerenciamento de Câmeras On-line) Criamos, desenvolvemos e aperfeiçoamos ferramentas que tragam a nossos parceiros e clientes grandes oportunidades

Leia mais

Instrução de Trabalho. Criar Imagem

Instrução de Trabalho. Criar Imagem Aprovado por Comitê da Qualidade Analisado criticamente por Chefe do Departamento 1. OBJETIVOS Orientar o colaborador da Seção do Laboratório de Informática da Superintendência de Informática a criar ou

Leia mais

Manual do Usuário Cyber Square

Manual do Usuário Cyber Square Manual do Usuário Cyber Square Criado dia 27 de março de 2015 as 12:14 Página 1 de 48 Bem-vindo ao Cyber Square Parabéns! Você está utilizando o Cyber Square, o mais avançado sistema para gerenciamento

Leia mais

Como obter Ajuda e Suporte

Como obter Ajuda e Suporte Como obter Ajuda e Suporte Durante a utilização dos Sistemas comercializados pela Domínio Sistemas, você e sua equipe poderão ter dúvidas sobre algum processo ou alguma tela em específico. Estas dúvidas

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

MANUAL CFTV DIGITAL - LINHA LIGHT 16 CANAIS 120 FPS / VID 120-LI CONFIGURAÇÃO DO COMPUTADOR 16 Canais - 120 FPS Processador Dual Core 2.0GHZ ou superior; Placa Mãe Intel ou Gigabyte com chipset Intel;

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

Reparar inicialização BOOTMGR IS MISSING (Está ausente) Este erro indica que o setor de inicialização está danificado ou ausente.

Reparar inicialização BOOTMGR IS MISSING (Está ausente) Este erro indica que o setor de inicialização está danificado ou ausente. Reparar inicialização BOOTMGR IS MISSING (Está ausente) Este erro indica que o setor de inicialização está danificado ou ausente. Observação Para concluir estas etapas, você deve ter um disco de instalação

Leia mais