Questão 01 Ortografia e semântica

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Questão 01 Ortografia e semântica"

Transcrição

1 Questão 01 Ortografia e semântica A lacuna da linha 07 deve ser preenchida pela palavra espectadores, com s, porque se trata de agente que vivencia, assiste, presencia, acompanha. Na linha 20, deve aparecer a palavra espectro, que significa campo de visão, campo de observação. Já na linha 25, deve aparecer a forma verbal aferir, que significa examinar a exatidão dos instrumentos que servem para medir, pesar, afilar, afinar... Questão 02 Crase No trecho... primeiros ouvir... (l. 08), a lacuna deve ser preenchida com a preposição a, porque não há crase antes de verbo. Na lacuna do trecho... desde as estátuas da Suméria de Elefanta... (l. 13), deve aparecer àquelas, com sinal indicativo de crase, porque ali está presente a ideia de desde a... até a.... Na lacuna da linha 26, deve aparecer à, porque o verbo dar, em dão origem, exige preposição a e a expressão própria narrativa, por ser feminina, exige o artigo a. Questão 03 Interpretação de texto De acordo com o texto, há variadas formas de se fazer leitura de imagens. Logo a forma de leitura não pode ser julgada de forma irretorquível. Errada a assertiva A. As demais opções contêm claramente ideias presente no texto quanto a leitura de imagens. Questão 04 Interpretação de texto Correta a assertiva I, porque se pode observar nas passagens das linhas 05 a 17 (em que o autor aborda as ideias de André Malraux) e 35 a 37 (em que o autor aborda as impressões de Michael Baxandall). Na primeira frase (l ), o autor utiliza tão ativamente (l. 05) e com lucidez (06), que são adjuntos adverbiais de modo, escolhidos para revelar informações sobre André Malraux. Na segunda frase (l ), o autor utiliza com sagacidade, que é adjunto adverbial de modo, utilizado para revelar informações sobre Michael Bandaxall. Correta a assertiva II. As formas verbais participou (l. 05), argumentou (l. 06), chamou (l. 08) e comentou (l. 36) estão conjugadas no pretérito perfeito do indicativo. Portanto as formas verbais utilizadas pelo autor do texto para atribuir informações aos outros estudiosos referem-se a um tempo passado. Correta a assertiva III.

2 Questão 05 Termos referentes e referidos O adjetivo gótica, no trecho... de uma igreja gótica (l. 11), está se referindo ao estilo da construção. Por sua vez, o adjetivo fortuitas, que significa não planejado, casual, está relacionado à casualidade, no trecho... circunstâncias... fortuitas... (l ). Por fim, engenho (l. 24) está relacionado à engenhosidade, capacidade, talento. RESPOSTA: D. Questão 06 Pronomes O pronome possessivo sua (l. 38) tem como referente possuidor arte, no trecho... a obra de arte permanece sempre fora do âmbito de sua apreciação crítica (l. 38). Está errada a relação constante na alternativa E. As demais referências estão corretas. Questão 07 Formação de palavras As palavras imutável (l. 04), infinita (l. 04), inesgotável (l. 05) e incontáveis (l. 12) apresentam o prefixo in-, e em todas elas a ideia é de negação. Na palavra iconografia (l. 19) é formado pelo radical ícon(e), que significa emblema, sinal, acrescido de grafia. Portanto não há prefixo na palavra. Questão 08 Morfologia Os adjetivos temporal (l. 02) e contemporâneos (l. 29) apresentam o radical temp, que significa tempo. O vocábulo cronologia tem como radical crono (grego), que também significa tempo, mas não tem forma igual ao constante nas palavras temporal e contemporâneo. Errada a assertiva I. Os substantivos lucidez (l. 06), ingenuidade (l. 23) e sagacidade (l. 36) são derivados, respectivamente, dos adjetivos lúcido, ingênuo e sagaz. Correta a assertiva II. O prefixo des- constante na forma verbal desentranhar (l. 19), que indica negação, poderá formar formas verbais com aprendemos (l. 30) e acompanham (34): desaprendemos e desacompanham. Correta a assertiva III. RESPOSTA: D.

3 Questão 09 Reescritura de trechos No trecho Ampliamos o que é limitado... (l ), a palavra o funciona como pronome demonstrativo, podendo ser substituído por aquilo, sem prejuízo da manutenção do significado original da frase. Observe-se o trecho já com a alteração sugerida: Ampliamos aquilo que é limitado.... Correta a assertiva I. No trecho... da ingenuidade, da compaixão... (l ), as expressões poderiam ser reordenadas, sem prejuízo da manutenção do significado original da frase. Observe-se o trecho já com a alteração sugerida: da compaixão, da ingenuidade. Correta a assertiva II. A troca de a, no trecho a obra de arte permanece sempre fora do âmbito de sua apreciação crítica (l. 38), por o mundo da alteraria o sentido da mensagem original, porque quem permanece sempre fora do âmbito de sua apreciação crítica é a obra de arte, e não o mundo da arte. Errada a assertiva III. Questão 10 Classes gramaticais (advérbio) Na linha 03, no trecho... para um antes..., a presença do artigo indefinido um transformou o termo antes em substantivo. A palavra só, no trecho... só poderia... (l. 11) funciona como advérbio, modificando o sentido do verbo poder. Errada a assertiva A. A palavra depois, no trecho... para um antes e um depois... (l. 03), está sendo empregada como substantivo, em virtude da presença do artigo indefinido um. O vocábulo algum (l. 27) é pronome indefinido. Errada a opção B. As palavras ativamente (l. 05) e só (l. 11, como se viu na explicação referente à opção A ) são advérbios. Correta a alternativa C. A palavra só (l. 11, como se viu na explicação referente à opção A ) está sendo empregada como advérbio. Já o termo meio, no trecho... por meio de ecos... (l. 21), está sendo empregada como substantivo, equivalendo a caminhos. Errada a alternativa D. A palavra meio (l. 11), como se viu na explicação à opção D, está sendo empregada como substantivo. Já no trecho... permanece sempre fora... (l. 37), a palavra sempre funciona como advérbio. Errada a assertiva E. Questão 11 Conjunções Os nexos segundo (l. 25) e se (l. 32) estão sendo empregados, nos trechos em que se encontram, como conjunções conformativa e condicional, respectivamente. O nexo mas, que é conjunção coordenativa adversativa, revela ideia de oposição. Portanto a resposta está em conformidade, hipótese e oposição.

4 Questão 12 Acentuação gráfica As palavras caráter (l. 02) e imutável (l. 04) são acentuadas por serem paroxítonas, respectivamente terminadas em R e L. Correta a assertiva A. O adjetivo inesgotável (l. 05) é acentuado por ser paroxítona terminada em L. O substantivo mármore (l. 14) é acentuado por ser proparoxítona. Errada a assertiva B. A palavra diálogo (l. 09) é acentuada por ser proparoxítona. A forma verbal está é acentuada por ser oxítona terminada em a. Errada a assertiva C. O adjetivo gótico (l. 15) é acentuado por ser proparoxítono. A forma verbal pôs (28) é acentuada por ser monossílaba terminada em a. Errada a assertiva D. O advérbio também (l. 20) é acentuado pela regra das oxítonas terminadas em EM. A palavra técnico (l. 22) é acentuada por ser proparoxítona. Errada a alternativa E. Questão 13 Concordância nominal Na alternativa B, a forma verbal trava (l. 09) (do verbo travar ) não está apenas sendo verbo do sujeito o diálogo, mas também com a expressão ou uma escultura. Portanto está errada a associação. As demais alternativas contêm associações corretas entre a primeira e a segunda palavra. Questão 14 Pontuação No trecho André Malraux, que participou tão ativamente da vida cultural e da vida política francesa do século XX, argumentou... (l ), as vírgulas isolam oração subordinada adjetiva explicativa. Oração, porque há verbo; subordinada, porque está dependente da principal ( André Malraux... argumentou... ); adjetiva, porque no contexto se atribui informação qualificativa a André Malraux; explicativa, porque só diz respeito a André Malraux e está isolada por vírgula. Questão 15 Regência nominal No trecho... atribuímos a elas o caráter... (l. 02), a preposição sublinhada é exigida pela regência do verbo atribuir. A contração da preposição de com o artigo a, sublinhada no trecho que participou tão ativamente da vida cultural... (l. 05), é exigida pela regência do verbo participar.

5 A preposição de, destacada no trecho... que ele chamou de... (l. 08), é exigida pela regência do verbo chamar. A preposição com, destacada no trecho... trava com outras pinturas... (l. 09), é exigida pela regência de travar. A preposição a, na combinação com o artigo o, destacada no trecho... nossa reação ao portal gótico... (l. 15), é exigida pelo substantivo reação. NÃO HÁ QUESTÃO RECORRÍVEL. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.É vedada a reprodução total ou parcial deste material, por qualquer meio ou processo. A violação de direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa (art. 184 e parágrafos do Código Penal), conjuntamente com busca e apreensão e indenizações diversas (arts. 101 a 110 da Lei nº 9.610, de 19/02/98 Lei dos Direitos Autorais). Prof. Menegotto - - professormenegotto.blogspot.com -

QUESTÃO 1 Concordância verbal

QUESTÃO 1 Concordância verbal PROF. ALBERTO MENEGOTTO COMENTÁRIOS À PROVA DE DO CONCURSO PARA PROVIMENTO DE VAGAS DE BOMBEIRO E POLÍCIA OSTENSIVA DA BRIGADA MILITAR DO RIO GRANDE DO SUL Certame elaborado pela banca EXATUS Prova ocorrida

Leia mais

COMENTÁRIOS E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DO CONCURSO PARA PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS RS CERTAME REALIZADO NO DIA 26 DE ABRIL DE 2015

COMENTÁRIOS E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DO CONCURSO PARA PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS RS CERTAME REALIZADO NO DIA 26 DE ABRIL DE 2015 E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DO Questão sobre ortografia e emprego de verbo HAVER. A lacuna da questão 17 deve ser preenchida com ATRÁS, que é advérbio. Na lacuna da linha 31, deve aparecer

Leia mais

Súmario APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO SINOPSES PARA CARREIRAS FISCAIS APRESENTAÇÃO PARTE I FONÉTICA

Súmario APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO SINOPSES PARA CARREIRAS FISCAIS APRESENTAÇÃO PARTE I FONÉTICA Súmario Súmario APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO SINOPSES PARA CARREIRAS FISCAIS... 15 APRESENTAÇÃO... 17 PARTE I FONÉTICA CAPÍTULO 1 ORTOGRAFIA... 21 1. Introdução... 21 2. O alfabeto...21 3. Emprego das letras

Leia mais

COMENTÁRIOS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA APLICADA AO CONCURSO DO MAGISTÉRIO ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL BANCA DA FDRH EM 19 DE MAIO DE 2013

COMENTÁRIOS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA APLICADA AO CONCURSO DO MAGISTÉRIO ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL BANCA DA FDRH EM 19 DE MAIO DE 2013 COMENTÁRIOS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA APLICADA AO CONCURSO DO MAGISTÉRIO ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL BANCA DA FDRH EM 19 DE MAIO DE 2013 1 Questão 01 Gramática emprego de preposição, crase e concordância

Leia mais

Questão 01 Crase. Questão 02 Ortografia

Questão 01 Crase. Questão 02 Ortografia Questão 01 Crase A lacuna de linha 04 deve ser preenchida com a contração da preposição a com o artigo definido feminino singular a, gerando à. O substantivo proteção exige preposição a, e a palavra saúde

Leia mais

CAPÍTULO 01 - INTERPRETAÇÃO DE TEXTO TIPOS DE TEXTO GÊNERO DE TEXTO TIPOS DE DISCURSO... 21

CAPÍTULO 01 - INTERPRETAÇÃO DE TEXTO TIPOS DE TEXTO GÊNERO DE TEXTO TIPOS DE DISCURSO... 21 sumário CAPÍTULO 01 - INTERPRETAÇÃO DE TEXTO...14 1.1.TIPOS DE TEXTO... 15 1.2.GÊNERO DE TEXTO... 20 1.3.TIPOS DE DISCURSO... 21 1.3.1. DISCURSO DIRETO... 22 1.3.2. DISCURSO INDIRETO... 22 1.3.3. DISCURSO

Leia mais

Sumário PARTE 1. Apresentação da Coleção Apresentação Sobre português... 23

Sumário PARTE 1. Apresentação da Coleção Apresentação Sobre português... 23 Sumário... 15 Apresentação da Coleção... 17 Apresentação... 19 Sobre português...... 23 PARTE 1 Capítulo 1 MORFOLOGIA 1... 27 Substantivo Adjetivo Advérbio (Pré-requisitos para a concordância nominal)

Leia mais

Sumário PARTE 1. MORFOLOGIA Pronomes demonstrativos Pronomes relativos O relativo que O relativo qual O relativo quem...

Sumário PARTE 1. MORFOLOGIA Pronomes demonstrativos Pronomes relativos O relativo que O relativo qual O relativo quem... Sumário Edital sistematizado... 15 Apresentação da Coleção... 17 Apresentação... 19 Sobre português...... 23 PARTE 1 Capítulo 1 MORFOLOGIA 1... 27 Substantivo Adjetivo Advérbio (Pré-requisitos para a concordância

Leia mais

BOLSÃO 2017 / 6º ANO

BOLSÃO 2017 / 6º ANO Você que se inscreveu no Bolsão do Colégio Futuro Vip para cursar o 6º ano do Ensino Fundamental está BOLSÃO 2017 / 6º ANO Fonética Fonema distinção entre FONEMA e LETRA Sílaba número de sílabas / divisão

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL II

ENSINO FUNDAMENTAL II ENSINO FUNDAMENTAL II CONTEÚDO 6 º ANO 1) Produção de texto: Narração. Foco narrativo: narrador-observador. Estrutura do texto narrativo. Elementos narrativos. Uso do diálogo. Paragrafação. 2) Texto: Leitura

Leia mais

Questão 1 Aspectos sintáticos e semânticos.

Questão 1 Aspectos sintáticos e semânticos. Comentários e respostas às questões da prova de Língua Portuguesa do concurso do Ministério da Fazenda para Assistente Técnico Administrativo certame elaborado pela ESAF Escola de Administração Fazendária-

Leia mais

Questão 01 Ortografia

Questão 01 Ortografia COMENTÁRIOS E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DE NÍVEL SUPERIOR PARA CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS DO CONCURSO DA FUNDAÇÃO ESTADUAL DE PROTEÇÃO E PESQUISA EM SAÚDE FEPS PROVA REALIZADA NO DIA 7 DE

Leia mais

Concurseiro. Espaço do. Português Prof. Joaquim Bispo. Sinta-se a vontade para estudar conosco. O seu espaço de preparação para concursos públicos

Concurseiro. Espaço do. Português Prof. Joaquim Bispo. Sinta-se a vontade para estudar conosco. O seu espaço de preparação para concursos públicos Espaço do Concurseiro Sinta-se a vontade para estudar conosco Português Prof. Joaquim Bispo O seu espaço de preparação para concursos públicos 1 Aulas Aula Conteúdo Página 1 Emprego das classes e palavras

Leia mais

Questão 1 Interpretação de texto. Questão 2 Interpretação de texto

Questão 1 Interpretação de texto. Questão 2 Interpretação de texto COMENTÁRIOS E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DO CONCURSO PARA TÉCNICO JUDICIÁRIO ÁREA ADMINISTRATIVA DO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIÃO TRF BANCA DA FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS FCC PROCESSO DE

Leia mais

Vestibular UFRGS 2016 Resolução da Prova de Língua Portuguesa

Vestibular UFRGS 2016 Resolução da Prova de Língua Portuguesa Vestibular UFRGS 2016 Resolução da Prova de Língua Portuguesa 1. Alternativa (A) às vésperas : locução adverbial cujo núcleo é palavra feminina tem crase obrigatória (substitua por, por exemplo, ao lado

Leia mais

Programação Anual. 7 ọ ano (Regime 9 anos) 6 ạ série (Regime 8 anos) VOLUME VOLUME

Programação Anual. 7 ọ ano (Regime 9 anos) 6 ạ série (Regime 8 anos) VOLUME VOLUME Programação Anual 7 ọ ano (Regime 9 anos) 6 ạ série (Regime 8 anos) 1 ọ 2 ọ 1. Amarrando as idéias COESÃO Introdução ao conceito de coesão Introdução aos mecanismos básicos de coesão Ordem das palavras

Leia mais

CAPÍTULO 1 O ESTUDO DAS PALAVRAS

CAPÍTULO 1 O ESTUDO DAS PALAVRAS Índice CAPÍTULO 1 O ESTUDO DAS PALAVRAS LIÇÃO 1 FONÉTICA...3 1.1. Fonema e letra... 3 1.2. Divisão dos fonemas... 3 1.3. Classificação dos fonemas... 4 1.4. Encontro vocálico... 5 1.5. Encontro consonantal...

Leia mais

O ESTUDO DAS PALAVRAS

O ESTUDO DAS PALAVRAS Sumário Capítulo 1 O ESTUDO DAS PALAVRAS Lição 1 Fonética...3 1.1. Fonema e letra... 3 1.2. Divisão dos fonemas... 3 1.3. Classificação dos fonemas... 5 1.4. Encontro vocálico... 6 1.5. Encontro consonantal...

Leia mais

Sumário SUMÁRIO LÍNGUA PORTUGUESA. Paula Barbosa. 1. Noções gerais Grupo nominal... 20

Sumário SUMÁRIO LÍNGUA PORTUGUESA. Paula Barbosa. 1. Noções gerais Grupo nominal... 20 SUMÁRIO 11 LÍNGUA PORTUGUESA Paula Barbosa CLASSES GRAMATICAIS: O NOME E SEUS MODIFICADORES... 19 1. Noções gerais... 19 2. Grupo nominal... 20 CLASSES GRAMATICAIS: O VERBO E SEUS MODIFICADORES... 27 1.

Leia mais

CURSO INTENSIVO MÓDULO 11 NEXOS

CURSO INTENSIVO MÓDULO 11 NEXOS 1) (I) Certo: o pronome relativo refere-se ao substantivo anterior. (II) Errado: nesse caso, LOGO é adjunto adverbial de tempo, e PORTANTO, conjunção conclusiva. (III) Certo: o sentido permaneceria igual,

Leia mais

QUESTÃO SOBRE INTERPRETAÇÃO DE TEXTO

QUESTÃO SOBRE INTERPRETAÇÃO DE TEXTO COMENTÁRIOS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA E À QUESTÃO 38 DO CONCURSO PARA ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL UFRGS CERTAME REALIZADO NO DIA 21 DE JUNHO DE 2015 QUESTÃO

Leia mais

O ESTUDO DO VOCABULÁRIO

O ESTUDO DO VOCABULÁRIO Sumário Capítulo 1 O ESTUDO DO VOCABULÁRIO Lição 1 Fonética...3 1.1. Fonema e Letra... 3 1.2. Divisão dos Fonemas... 3 1.3. Classificação dos fonemas... 5 1.4. Encontro Vocálico... 7 1.5. Encontro Consonantal...

Leia mais

Questão 01 Interpretação de texto

Questão 01 Interpretação de texto COMENTÁRIOS E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DE NÍVEL MÉDIO PARA DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL CARGO DE AGENTE DE POLÍCIA FEDERAL PROVA REALIZADA NO DIA 21 DE DEZEMBRO DE 2014 BANCA DO CESPE-UnB

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL 2 ª FASE

ENSINO FUNDAMENTAL 2 ª FASE ENSINO FUNDAMENTAL 2 ª FASE CONTEÚDO 6 º ANO Língua Portuguesa 1) Produção de texto: Narração. Foco narrativo: narrador-observador. Estrutura do texto narrativo. Elementos narrativos. Uso do diálogo. Paragrafação.

Leia mais

SUMÁRIO PARTE I FONOLOGIA CAPÍTULO 1 ACENTUAÇÃO...

SUMÁRIO PARTE I FONOLOGIA CAPÍTULO 1 ACENTUAÇÃO... SUMÁRIO PARTE I FONOLOGIA CAPÍTULO 1 ACENTUAÇÃO... 25 1. INTRODUÇÃO... 25 2. REGRAS DE ACENTUAÇÃO GRÁFICA... 25 2.1. Proparoxítonas... 25 2.2. Paroxítonas... 26 2.2.1. Observações... 26 2.3. Oxítonas...

Leia mais

CALENDÁRIO DE PROVAS - P2 1º TRIMESTRE

CALENDÁRIO DE PROVAS - P2 1º TRIMESTRE 6º Ano Conteúdo Interpretação de texto, Livro Pitágoras até a página 65, Linguagem e língua, Linguagem verbal, não verbal e mista, Onomatopeia, Oralidade e escrita, norma padrão, tipos de frase. Livro

Leia mais

7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

7º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL SELETIVO DE ADMISSÃO CPMCHMJ. AGUARDAN 7º ANO ENSINO FUNDAMENTAL 1. Interpretação Textual; 2. Ortografia; 3. Fonema e Letra, Dígrafo e Encontro Consonantal, Encontros Vocálicos; 4. Divisão silábica, Sílaba

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO BOLSÃO 2017 (5º ANO)

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO BOLSÃO 2017 (5º ANO) CONTEÚDO PROGRAMÁTICO BOLSÃO 2017 (5º ANO) Você que se inscreveu no Bolsão do COLÉGIO MARQUES RODRIGUES para cursar o 5º ano do Ensino 5º ANO 1. Interpretação e Compreensão de Textos; 2. Letras e Fonemas;

Leia mais

COMENTÁRIOS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DO MPRS AGENTE ADMINISTRATIVO PROVA REALIZADA EM 05 DE JUNHO DE 2016 QUESTÃO 1 Crase, conjugação verbal e concordância verbal. No trecho O casal chegou cidade...

Leia mais

SUMÁRIO EDITAIS E PLANO DE ESTUDOS CAPÍTULO 1 EDITAIS Introdução... 37

SUMÁRIO EDITAIS E PLANO DE ESTUDOS CAPÍTULO 1 EDITAIS Introdução... 37 SUMÁRIO PARTE I EDITAIS E PLANO DE ESTUDOS EDITAIS... 23 1. Introdução... 23 2. Plano de estudos... 23 3. Editais... 24 3.1. TRT 20 CONSULPLAN (2017).. 24 3.2 TRE PR - FCC (2017)... 25 3.3 TRT SC FGV (2017)...

Leia mais

Simulado de Língua Portuguesa para o Concurso Terracap DF 2017 autor: professor Fabrício Dutra Curso: IMP Concursos

Simulado de Língua Portuguesa para o Concurso Terracap DF 2017 autor: professor Fabrício Dutra Curso: IMP Concursos Simulado de Língua Portuguesa para o Concurso Terracap DF 2017 autor: professor Fabrício Dutra Curso: IMP Concursos QUESTÃO 1 Apesar do problema apontado na questão anterior, em "Tornar Visível os Invisíveis",

Leia mais

GRAMÁTICA MODERNA DA LÍNGUA PORTUGUESA

GRAMÁTICA MODERNA DA LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA MODERNA DA LÍNGUA PORTUGUESA Sumário Capítulo 1 O ESTUDO DAS PALAVRAS Lição 1 Fonética 1.1. Fonema e letra 1.2. Divisão dos fonemas 1.3. Classificação dos fonemas 1.4. Encontro vocálico 1.5.

Leia mais

SUMÁRIO. Capítulo 1. INTERPRETAÇÃO DE TEXTO, 21

SUMÁRIO. Capítulo 1. INTERPRETAÇÃO DE TEXTO, 21 SUMÁRIO Capítulo 1. INTERPRETAÇÃO DE TEXTO, 21 1.1. Tipos de texto, 22 1.2. Gênero de texto, 26 1.3. Tipos de discurso, 27 1.3.1. Discurso direto, 27 1.3.2. Discurso indireto, 28 1.3.3. Discurso indireto

Leia mais

Capítulo 2 - Acentuação gráfica Regras gerais...10 Casos especiais...10 Prosódia...12 Exercícios...14

Capítulo 2 - Acentuação gráfica Regras gerais...10 Casos especiais...10 Prosódia...12 Exercícios...14 Sumário Capítulo 1 - Noções de fonética... 2 Fonemas...2 Letra...2 Sílaba...2 Número de sílabas...3 Tonicidade...3 Posição da sílaba tônica...3 Dígrafos...3 Encontros consonantais...3 Encontros vocálicos...4

Leia mais

Processo Seletivo Estudantes/2018 Conteúdo Programático

Processo Seletivo Estudantes/2018 Conteúdo Programático Processo Seletivo Estudantes/2018 Conteúdo Programático 2º ano do Ensino Fundamental Componente Curricular Conteúdo Leitura e interpretação textual; Ordem alfabética; Bilhete; Carta; Convenções gráficas.

Leia mais

Antes de iniciar as respostas, faça uma leitura completa da avaliação. Lembre-se:

Antes de iniciar as respostas, faça uma leitura completa da avaliação. Lembre-se: 9º Rasuras serão consideradas erro! Não use corretivo! Não abrevie palavras! Utilize apenas caneta de tinta azul ou preta! Responda ao que foi solicitado de forma coerente e coesa. Boa Sorte! Dar o conceito

Leia mais

PROF. MARCO ANTONIO MACARRÃO

PROF. MARCO ANTONIO MACARRÃO PROF. MARCO ANTONIO MACARRÃO NÃO SEPARAMOS POR VÍRGULA: SEPARAMOS OU MARCAMOS POR VÍRGULA: SUJEITO DO VERBO; APOSTO; VERBO DE SEUS COMPLEMENTOS; VOCATIVO; NOME DE SEUS COMPLEMENTOS OU ADJUNTOS. ORAÇÕES

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL 6º ANO Ensino Fundamental Língua Portuguesa 2) Inferir o sentido

Leia mais

RESOLUÇÃO DA PROVA DE PORTUGUÊS UFRGS Concordância: o verbo "descobriu" concorda com o núcleo do sujeito "equipe".

RESOLUÇÃO DA PROVA DE PORTUGUÊS UFRGS Concordância: o verbo descobriu concorda com o núcleo do sujeito equipe. RESOLUÇÃO DA PROVA DE PORTUGUÊS UFRGS 2004 Questão 01. (B) - (fácil). Concordância: o verbo "descobriu" concorda com o núcleo do sujeito "equipe". "afastados" é um adjetivo e, portanto, deve concordar

Leia mais

Sumário. Apresentação. Parte 1 Período simples 1 Quadro geral dos termos da oração 3 Frase, oração e período 3

Sumário. Apresentação. Parte 1 Período simples 1 Quadro geral dos termos da oração 3 Frase, oração e período 3 Sumário Prefácio Apresentação XIII XV Parte 1 Período simples 1 Quadro geral dos termos da oração 3 Frase, oração e período 3 1. Tipologia do sujeito 6 Método para identificar o sujeito 6 Sujeito simples

Leia mais

Ensino Fundamental 5º Ano. Português. Matemática

Ensino Fundamental 5º Ano. Português. Matemática Conteúdo Programático Você que se inscreveu no Bolsão do Colégio Futuro VIP Brás de Pina pode conferir aqui o programa do concurso de bolsas de estudo. Fique atento ao conteúdo específico da série que

Leia mais

Apresentação 11 Lista de abreviações 13. Parte I: NATUREZA, ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DA LINGUAGEM

Apresentação 11 Lista de abreviações 13. Parte I: NATUREZA, ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DA LINGUAGEM Sumário Apresentação 11 Lista de abreviações 13 Parte I: NATUREZA, ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DA LINGUAGEM O homem, a linguagem e o conhecimento ( 1-6) O processo da comunicação humana ( 7-11) Funções da

Leia mais

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS AULAS CURSO: UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ (UFCCE) - ASSISTENTE ADMINISTRATIVO - REGULAR Poderá haver substituições de professores, ficando a critério da coordenação pedagógica

Leia mais

Academia Diplomática y Consular Carlos Antonio López

Academia Diplomática y Consular Carlos Antonio López FUNDAMENTACIÓN: PROGRAMA DE IDIOMA PORTUGUÊS CONTENIDO TEMÁTICO Llevando en consideración las directrices del Marco Europeo Común de Referencia, el examen será encuadrado en un nivel Intermedio Superior.

Leia mais

Datas e Conteúdos das Avaliações - 6º Ano A CALENDÁRIO DE AVALIAÇÕES DO 2º PERÍODO DO 3º BIMESTRE Período de 17 a 25 de setembro de 2015

Datas e Conteúdos das Avaliações - 6º Ano A CALENDÁRIO DE AVALIAÇÕES DO 2º PERÍODO DO 3º BIMESTRE Período de 17 a 25 de setembro de 2015 Datas e Conteúdos das Avaliações - 6º Ano A 17/09 5ª F 1-MATEMÁTICA Tipos de triângulos quanto aos lados e Pag. 162 a pag. 166 e ângulos/ construção de triângulos Construção de utilizando compasso e régua.

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS

CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS CAUSAIS Principais conjunções causais: porque, visto que, já que, uma vez que, como (= porque). Exemplos: - Não pude comprar o CD porque estava em falta. - Ele

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DANIEL SAMPAIO. Departamento de 1º Ciclo. Ano letivo 2016/2017 PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO. 4º ANO DISCIPLINA: Português

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DANIEL SAMPAIO. Departamento de 1º Ciclo. Ano letivo 2016/2017 PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO. 4º ANO DISCIPLINA: Português AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DANIEL SAMPAIO Departamento de 1º Ciclo Ano letivo 2016/2017 PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO 4º ANO DISCIPLINA: Português PERÍODO 1º *Oralidade Interação discursiva >Princípio de cortesia;

Leia mais

Comentário: Comentário:

Comentário: Comentário: 4 Por iminente, (L.79), entende-se (A) importante. (B) próximo. (C) insigne. (D) conspícuo. (E) impelente. A questão aborda a significação da palavra dentro do contexto, o que tem sido muito frequente

Leia mais

PARTÍCULA EXPLETIVA OU DE REALCE

PARTÍCULA EXPLETIVA OU DE REALCE FUNÇÕES DO QUE? Aqui estudaremos todas as classes gramaticais a que a palavra que pertence. SUBSTANTIVO A palavra que será substantivo, quando tiver o sentido de qualquer coisa ou alguma coisa, é sempre

Leia mais

ÁTILA ABIORANA LÍNGUA PORTUGUESA

ÁTILA ABIORANA LÍNGUA PORTUGUESA ÁTILA ABIORANA LÍNGUA PORTUGUESA No que se refere às ideias e aos aspectos linguísticos do texto acima, julgue os itens subsequentes. 1) Não haveria prejuízo à correção gramatical ou alteração o sentido

Leia mais

Obra: Autor: Página 3 Exemplificação do item 1.5.: Página 4 Substituir os dois quadros que abordam o emprego de hífen após consoante m ou n por:

Obra: Autor: Página 3 Exemplificação do item 1.5.: Página 4 Substituir os dois quadros que abordam o emprego de hífen após consoante m ou n por: ERRATA ERRATA Obra: Gramática Aplicada Para Concursos 1 a edição Autor: Décio Sena Página 3 Exemplificação do item 1.5.: baiúca baiuca Página 4 Substituir os dois quadros que abordam o emprego de hífen

Leia mais

Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula

Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula Anexo B Relação de Assuntos Pré-Requisitos à Matrícula MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL 6º ANO Ensino

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 Comunicação 1

Sumário. Capítulo 1 Comunicação 1 Sumário Capítulo 1 Comunicação 1 1.1 Elementos da comunicação 1 1.2 Linguagem, língua e fala 1 1.3 Significante e significado 2 1.4 Língua escrita e falada 2 1.5 Modalidades da língua 2 1.6 Funções da

Leia mais

Conselho Editorial: Capa: Diagramação: Copyright:

Conselho Editorial: Capa: Diagramação: Copyright: Rua Mato Grosso, 175 Pituba, CEP: 41830-151 Salvador Bahia Tel: (71) 3363-8617 / Fax: (71) 3363-5050 E-mail: fale@editorajuspodivm.com.br Conselho Editorial: Dirley da Cunha Jr., Leonardo de Medeiros Garcia,

Leia mais

UDESC 2015/2 PORTUGUÊS. Gabarito do departamento de português sem resposta. Comentário

UDESC 2015/2 PORTUGUÊS. Gabarito do departamento de português sem resposta. Comentário PORTUGUÊS Gabarito do departamento de português sem resposta. a) Incorreta. As orações iniciadas pela partícula se são subordinadas substantivas objetivas diretas do verbo discutir. b) Correta. Todas as

Leia mais

Questões Comentadas Língua Portuguesa

Questões Comentadas Língua Portuguesa Maria Augusta Guimarães de Almeida Questões Comentadas Língua Portuguesa CESPE - FCC - FGV - CESGRANRIO - VUNESP - ESAF 1ª edição Recife PE 2016 QUESTÕES CESPE 1 - A vida do Brasil colonial era regida

Leia mais

REVISÃO FINAL DELEGADO DE POLÍCIA

REVISÃO FINAL DELEGADO DE POLÍCIA REVISÃO FINAL DELEGADO DE POLÍCIA Com base no Edital n º 007 SEGPLAN/SSPAP/PCGO, de 4/11/2016 Revisão ponto a ponto POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DE GOIÁS COORDENAÇÃO Leandro Bortoleto Paulo Lépore Rogério Sanches

Leia mais

SUMÁRIO PARTE I EDITAIS E PLANO DE ESTUDOS

SUMÁRIO PARTE I EDITAIS E PLANO DE ESTUDOS SUMÁRIO PARTE I EDITAIS E PLANO DE ESTUDOS EDITAIS... 23 1. Introdução... 23 2. Plano de estudos... 23 3. Editais... 24 3.1. TRT 2 São Paulo FCC (prova aplicada em 2014)... 24 3.2. TRF 1 FCC (prova aplicada

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 Comunicação 1

Sumário. Capítulo 1 Comunicação 1 Sumário Capítulo 1 Comunicação 1 1.1 Elementos da comunicação 1 1.2 Linguagem, língua e fala 1 1.3 Significante e significado 2 1.4 Língua escrita e falada 2 1.5 Variedades linguísticas 2 1.6 Funções da

Leia mais

NUCE Concursos Públicos 1 PORTUGUÊS PROF.ª KARLA GRIZ. Página 02

NUCE Concursos Públicos  1 PORTUGUÊS PROF.ª KARLA GRIZ. Página 02 PORTUGUÊS PROF.ª KARLA GRIZ Página 02 01. D Nessa alternativa, por que pode ser substituído pela expressão pelas quais. 02. A Nesse caso, deve ser grafado por que (separado sem acento) já que equivale

Leia mais

Drummond escreveu poemas e entrou para a história.

Drummond escreveu poemas e entrou para a história. Conjunção Pode-se definir a conjunção como um termo invariável, de natureza conectiva que pode criar relações de sentido (nexos) entre palavras ou orações. Usualmente, as provas costumam cobrar as relações

Leia mais

Apresentação 7 Apresentação

Apresentação 7 Apresentação Apresentação 7 Apresentação Uma pequena síntese para que você, leitor(a), comece a se sentir em casa. A obra abrange todo o conteúdo exigido pela banca CESPE. Uma questão importante, que não deve ser desprezada,

Leia mais

TESTE FINAL. Eu bebo sim Eu tô vivendo, Tem gente que não bebe E tá morrendo.

TESTE FINAL. Eu bebo sim Eu tô vivendo, Tem gente que não bebe E tá morrendo. TESTE FINAL Questão 1 Leia o trecho da letra da música Eu bebo sim, de Luiz Antônio e João do Violão, reproduzido abaixo (Adaptada de Oliveira e Monnerat, 2005:98). Eu bebo sim Eu tô vivendo, Tem gente

Leia mais

FONÉTICA ACENTUAÇÃO GRÁFICA 07/04/2017 DÍGRAGOS = 2 LETRAS = 1 SOM DÍGRAGOS VOCÁLICOS DÍGRAGOS = 2 LETRAS = 1 SOM DÍGRAGOS CONSONANTAIS

FONÉTICA ACENTUAÇÃO GRÁFICA 07/04/2017 DÍGRAGOS = 2 LETRAS = 1 SOM DÍGRAGOS VOCÁLICOS DÍGRAGOS = 2 LETRAS = 1 SOM DÍGRAGOS CONSONANTAIS FONÉTICA DÍGRAGOS = 2 LETRAS = 1 SOM DÍGRAGOS CONSONANTAIS DÍGRAGOS = 2 LETRAS = 1 SOM DÍGRAGOS VOCÁLICOS CH -CHATO LH - ILHA NH -NINHO SS ASSESSOR RR - CARRO SÇ - DESÇA SC CRESCER-PESCA XC EXCEÇÃO - EXCLUIR

Leia mais

PORTUGUÊS com DUDA NOGUEIRA ANATEL / julho 2014

PORTUGUÊS com DUDA NOGUEIRA ANATEL / julho 2014 1 Edital SISTEMATIZADO ANATEL - Língua Portuguesa Edital: http://www.cespe.unb.br/concursos/anatel_14/arquivos/ed_1_abertura.pdf Olá, guerreiros! Em primeiro lugar, vamos aos tópicos exigidos nas últimas

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL II

ENSINO FUNDAMENTAL II CONTEÚDO 6 º ANO 1) Produção de texto: Narração. Foco narrativo: narrador-observador. Estrutura do texto narrativo. Uso do diálogo. Paragrafação. 2) Texto: Leitura e interpretação. 3) Gramática: Letra

Leia mais

ELEMENTAR da LÍNGUA PORTUGUESA

ELEMENTAR da LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA ELEMENTAR da LÍNGUA PORTUGUESA A. Gomes Ferreira J. Nunes de Figueiredo 2. CICLO Oo Introdução I. ONDE SE FALA A LÍNGUA PORTUGUESA II. A PALAVRA. A FRASE. SINTAXE E MORFOLOGIA MATÉRIA DAS UNIDADES

Leia mais

Aulas # CURSOS - EDITAIS ESPECÍFICOS TJ SP Língua Portuguesa Aula 13 - SINONÍMIA / COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAL

Aulas # CURSOS - EDITAIS ESPECÍFICOS TJ SP Língua Portuguesa Aula 13 - SINONÍMIA / COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAL LINGUA PORTUGUESA Interpretação de texto: informações literais e inferências possíveis; ponto de vista do autor; significação contextual de palavras e expressões; relações entre ideias e recursos de coesão;

Leia mais

Português - Principais Tópicos Para Concursos

Português - Principais Tópicos Para Concursos Português - Principais Tópicos Para Concursos PORTUGUÊS por Terezinha Rêgo Português - Principais Tópicos Para Concursos PORTUGUÊS por Terezinha Rêgo Lançamento: 08/03/2008 Atualização : 22/12/2016 43

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. Língua Portuguesa

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. Língua Portuguesa CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Língua Portuguesa 5º ano Interpretação de Texto; Verbos; Silaba Tônica; Pronomes (Tratamento); Substantivo; Acentuação e Pontuação; Adjetivo; Artigo; Advérbio de Tempo e Espaço. 6º

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA ÍNDICE

LÍNGUA PORTUGUESA ÍNDICE LÍNGUA PORTUGUESA ÍNDICE CAPÍTULO 01... 11 Níveis de Análise da Língua... 11 Morfologia - 10 Classes de Palavras... 11 Artigo...11 Adjetivo...12 Advérbio...15 Conjunção...15 Interjeição...17 Numeral...17

Leia mais

Questão 01 regência, crase e emprego do verbo haver

Questão 01 regência, crase e emprego do verbo haver COMENTÁRIOS E RESPOSTAS À PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA DO CONCURSO PARA TÉCNICO TRIBUTÁRIO DA RECEITA ESTADUAL SECRETARIA DE FAZENDA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL BANCA DA FUNDATEC PROCESSO DE SELEÇÃO OCORRIDO

Leia mais

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA

DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA DISCIPLINA DE LÍNGUA PORTUGUESA OBJETIVOS: 6º ano Usar a Língua Portuguesa como língua materna, para integrar e organizar o mundo e a própria identidade com visão empreendedora e como pensador capaz de

Leia mais

INSTITUTO EDUCACIONAL MANOEL PINHEIRO PROGRAMA DE ATIVIDADES DIAGNÓSTICAS PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS 2017

INSTITUTO EDUCACIONAL MANOEL PINHEIRO PROGRAMA DE ATIVIDADES DIAGNÓSTICAS PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS 2017 INSTITUTO EDUCACIONAL MANOEL PINHEIRO PROGRAMA DE ATIVIDADES DIAGNÓSTICAS PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS 2017 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL 1. Leitura e compreensão de diferentes gêneros textuais

Leia mais

JOSÉ ALMIR FONTELLA DORNELLES

JOSÉ ALMIR FONTELLA DORNELLES JOSÉ ALMIR FONTELLA DORNELLES Edição comemorativa de 20 anos. Revista, ampliada, novos exercícios e questões. 20ª edição Brasília 2014 2014 Vestcon Editora Ltda. Todos os direitos autorais desta obra são

Leia mais

VESTIBULAR INVERNO 2015

VESTIBULAR INVERNO 2015 LÍNGUA PORTUGUESA E REDAÇÃO PROVA COMENTADA VESTIBULAR INVERNO 2015 Baixe este e outros materiais em medium.com/plantão-resolveulbra OFICINA DE REDAÇÃO FONTE: UFRGS/2011 MATERIAL DE USO EXCLUSIVO DOS ALUNOS

Leia mais

Capítulo1. Capítulo2. Índice A LÍNGUA E A LINGUAGEM O PORTUGUÊS: uma língua, muitas variedades... 15

Capítulo1. Capítulo2. Índice A LÍNGUA E A LINGUAGEM O PORTUGUÊS: uma língua, muitas variedades... 15 Capítulo1 Capítulo2 A LÍNGUA E A LINGUAGEM............................................. 9 Linguagem: aptidão inata.............................................. 10 Funções.............................................................

Leia mais

Prefácio Nota sobre o livro. Capítulo 1 Fundamentos da Comunicação 1. 1 Componentes 1

Prefácio Nota sobre o livro. Capítulo 1 Fundamentos da Comunicação 1. 1 Componentes 1 Nota sobre o livro Esta gramática passou por uma gestação de mais de trinta anos. Ainda quando eu estava na graduação, na UFRJ, no início dos anos 80, comecei a escrevê-la, antes de tudo para eu mesmo

Leia mais

Sumarizando: o que é uma língua. Métodos para seu estudo...44

Sumarizando: o que é uma língua. Métodos para seu estudo...44 sumário APRESENTAÇÃO...13 1. O que se entende por língua Estudando a língua portuguesa...17 1.1 O Vocabulário: nascimento e morte das palavras. Consultando um dicionário...20 1.2 A Semântica: o sentido

Leia mais

Português - alfabeto; - sequência alfabética; - formação de palavras; - leitura e interpretação (imagem, palavra, frase e texto).

Português - alfabeto; - sequência alfabética; - formação de palavras; - leitura e interpretação (imagem, palavra, frase e texto). LISTA DE CONTEÚDOS TURMA : 1º. ANO DE 2016 2º. ANO DE 2017 Português - alfabeto; - sequência alfabética; - formação de palavras; - leitura e interpretação (imagem, palavra, frase e texto). Matemática -

Leia mais

ANEXO I CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 010/SMAd/2017

ANEXO I CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 010/SMAd/2017 ANEXO I CONTEÚDO PROGRAMÁTICO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 010/SMAd/2017 Conhecimentos comuns a todas as áreas: LÍNGUA PORTUGUESA: * Compreensão e interpretação de texto; * Fonologia: acentuação,

Leia mais

Complexo de Ensino Renato Saraiva (081) Profª Junia Andrade MPU 2010 Isolada Português PORTUGUÊS

Complexo de Ensino Renato Saraiva  (081) Profª Junia Andrade MPU 2010 Isolada Português PORTUGUÊS MPU técnicos e analistas JÚNIA ANDRADE Exemplos Cespe - Abin Mudado seu modo de pensar, o pesquisador já não concebe aquele tema da mesma forma e, assim, já não é capaz de estabelecer um relação exatamente

Leia mais

Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos Português 4 º ano Ano letivo

Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos Português 4 º ano Ano letivo Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos Português 4 º ano Ano letivo 2015 2016 1º PERIODO CONTEÚDOS COMPREENSÃO DO ORAL Vocabulário (sinónimos, antónimos, famílias de palavras, instruções, indicações)

Leia mais

Capítulo 1 Fonologia... 1 Capítulo 2 ortografia... 7

Capítulo 1 Fonologia... 1 Capítulo 2 ortografia... 7 Sumário Capítulo 1 Fonologia... 1 1.1. Letra e fonema... 1 1.2. Ditongo... 1 1.2.1. Ditongo decrescente... 1 1.2.2. Ditongo crescente... 1 1.2.3. Ditongo oral... 2 1.2.4. Ditongo nasal... 2 1.2.5. Ditongo

Leia mais

Sumário. O que é Gramática Normativa, Norma Culta, Registro Culto etc.?

Sumário. O que é Gramática Normativa, Norma Culta, Registro Culto etc.? Sumário Introdução O que é Gramática Normativa, Norma Culta, Registro Culto etc.? Capítulo 1 Fonologia Fonema Letra Dígrafo e Dífono dos Fonemas Sílaba Encontros Vocálicos Encontros Consonantais Separação

Leia mais

Durante. Utilize os conteúdos multimídia para ilustrar a matéria de outras formas.

Durante. Utilize os conteúdos multimídia para ilustrar a matéria de outras formas. Olá, Professor! Assim como você, a Geekie também tem a missão de ajudar os alunos a atingir todo seu potencial e a realizar seus sonhos. Para isso, oferecemos recomendações personalizadas de estudo, para

Leia mais

Valor modal e aspetual.

Valor modal e aspetual. ÍNDICE GERAL Índice de conteúdos 4 Apresentação 6 Ficha 1 7 Subclasses de palavras. Ficha 2 12 Classes Palavras convergentes. Ficha 3 17 Subclasses de palavras. Orações coordenadas. Ficha 4 22 Ficha 5

Leia mais

Formulário de Resposta aos Recursos CONCURSO IBGE 2004

Formulário de Resposta aos Recursos CONCURSO IBGE 2004 Formulário de Resposta aos Recursos CONCURSO IBGE 2004 CARGO: TECNOLOGISTA JR I / LETRAS PORTUGUÊS / INGLÊS QUESTÃO NÚMERO: 07 O gabarito oficial está correto, letra E. Na opção E a estrutura é de subordinação,

Leia mais

Capítulo 1 Fonologia... 1 Capítulo 2 ortografia... 7

Capítulo 1 Fonologia... 1 Capítulo 2 ortografia... 7 Sumário Capítulo 1 Fonologia... 1 1.1. Letra e Fonema...1 1.2. Ditongo...1 1.2.1. Ditongo decrescente...1 1.2.2. Ditongo crescente...1 1.2.3. Ditongo oral...2 1.2.4. Ditongo nasal...2 1.2.5. Ditongo fonético...2

Leia mais

Adjetivo (Adjunto Adnominal)

Adjetivo (Adjunto Adnominal) PROFESSOR(A): DISCIPLINA: ALUNO(A): Nº SÉRIE: TURMA: TURNO: DATA: / /2017. ORAÇÕES SUBORDINADAS ADJETIVAS Uma oração subordinada adjetiva é aquela que possui valor e função de adjetivo, ou seja, que a

Leia mais

EXTERNATO S. VICENTE DE PAULO Lisboa DEPARTAMENTO DE LÍNGUA MATERNA E HUMANIDADES DOMÍNIOS 1.º PERÍODO 2.º PERÍODO 3.º PERÍODO

EXTERNATO S. VICENTE DE PAULO Lisboa DEPARTAMENTO DE LÍNGUA MATERNA E HUMANIDADES DOMÍNIOS 1.º PERÍODO 2.º PERÍODO 3.º PERÍODO DOMÍNIOS 1.º PERÍODO 2.º PERÍODO 3.º PERÍODO Interação discursiva Princípio de cooperação Informação, explicação; pergunta, resposta ORALIDADE Interpretação de texto Intenção do locutor; tema; assunto;

Leia mais

GRAMATICAIS OU DE PALAVRAS REVISÃO

GRAMATICAIS OU DE PALAVRAS REVISÃO CLASSES GRAMATICAIS OU DE PALAVRAS REVISÃO CLASSIFICAÇÃO A morfologia está agrupada em dez classes, denominadas classes de palavras ou classes gramaticais. São elas: Substantivo Artigo Adjetivo Numeral

Leia mais

Programa para processo admissional 2017

Programa para processo admissional 2017 2º ano do Ensino Fundamental Interpretação de texto; Produção de texto: construção textual de sequência lógica, com a interpretação de imagens, aplicando a linguagem adequada ao tema proposto, letras maiúscula

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA ÍNDICE

LÍNGUA PORTUGUESA ÍNDICE LÍNGUA PORTUGUESA ÍNDICE CAPÍTULO 01... 11 Interpretação de Textos... 11 Ideias Preliminares sobre o Assunto...11 Semântica ou Pragmática?...11 Questão de interpretação?...11 Tipos de Texto - o Texto e

Leia mais

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo CURSO: CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS AULAS (IFCE) - ASSISTENTE EM ADM. - REGULAR Poderá haver substituições de professores, ficando a critério da coordenação pedagógica do curso quaisquer alterações. PORTUGUÊS

Leia mais

Cargo: M01 - ALUNO SOLDADO DO QUADRO DE PRAÇAS - COMBATENTES - MASCULINO Disciplina: Língua Portuguesa. Conclusão (Deferido ou Indeferido)

Cargo: M01 - ALUNO SOLDADO DO QUADRO DE PRAÇAS - COMBATENTES - MASCULINO Disciplina: Língua Portuguesa. Conclusão (Deferido ou Indeferido) Cargo: M01 - ALUNO SOLDADO DO QUADRO DE PRAÇAS - COMBATENTES - MASCULINO Disciplina: Língua Portuguesa Questão Gabarito por extenso Justificativa 1 2 À banalização do uso da câmera do aparelho celular

Leia mais

Curso: 3.º Ciclo do Ensino Básico Disciplina: Português Ano: 7º, 8.º e 9.º

Curso: 3.º Ciclo do Ensino Básico Disciplina: Português Ano: 7º, 8.º e 9.º DOMÍNIOS A AVALIAR INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO Tipo 1 Leitura, Educação Literária, Gramática e Escrita. Testes de avaliação (leitura, educação literária, gramática e escrita) DOMÍNIO COGNITIVO (COMPETÊNCIAS

Leia mais

Resolução da Prova de Português UFRGS / 2012

Resolução da Prova de Português UFRGS / 2012 Resolução da Prova de Português UFRGS / 2012 01. Resposta A Mantém-se a correlação verbal, visto que, na primeira lacuna, o uso do presente narrativo justifica-se devido ao emprego de formas verbais também

Leia mais

Período composto por coordenação

Período composto por coordenação Período composto por coordenação É o período composto por duas ou mais orações independentes. Estas orações podem ser assindéticas ou sindéticas. Orações coordenadas assindéticas Não apresentam conectivos

Leia mais

QUESTÃO 1 Interpretação de texto. QUESTÃO 2 Interpretação de texto.

QUESTÃO 1 Interpretação de texto. QUESTÃO 2 Interpretação de texto. Comentários e respostas às questões da prova de Língua Portuguesa do concurso do Ministério do Trabalho e Emprego MTE, para o cargo de Auditor-Fiscal do Trabalho (Nível Superior) pelo CESPE-UnB Concurso

Leia mais