ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRINHA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRINHA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO"

Transcrição

1 LEI N o 3.065, DE 09 DE SETEMBRO DE Redefine o Fundo Municipal de Geração de Trabalho e Renda de Cachoeirinha (FUMGER) e revoga a Lei n o 2.359, de 22 de dezembro de O PREFEITO MUNICIPAL DE CACHOEIRINHA, Estado do Rio Grande do Sul. FAÇO SABER em cumprimento ao disposto no art. 67, item IV, da Lei Orgânica do Município, que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte: LEI Art. 1º. Esta lei redefine o Fundo Municipal de Geração de Trabalho e Renda de Cachoeirinha (FUMGER), que passa a ser denominado Fundo Municipal de Trabalho, Emprego e Renda de Cachoeirinha (FUMTER) e a obedecer ao disposto nesta Lei. Seção I Do Fundo Art. 2º. O FUMTER é de caráter rotativo, garantidor e equalizador de juros, vinculado à Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Renda (SMTER), e operado, mediante convênio e/ou contrato, com instituição oficial de crédito do poder público ou a ele vinculado. Art. 3º. O mesmo destina-se à concessão de crédito para: I - autônomos do mercado formal cadastrados em programas da Prefeitura Municipal de Cachoeirinha; II - autônomos do mercado informal cadastrados em programas da Prefeitura Municipal de Cachoeirinha; III - grupos de Economia Popular Solidária (ECOPOPSOL), registrados ou não, cadastrados na SMTER; IV - empreendimentos autogestionários, registrados ou não, cadastrados na SMTER; V - empreendimentos de economia doméstica ou familiar cadastrados em programas da Prefeitura Municipal de Cachoeirinha. Parágrafo único. Para fins de enquadramento nesta Lei, considera-se: I - autônomos do mercado formal: os indivíduos que estiverem devidamente registrados em Instituição da sua área de atuação; II - autônomos do mercado informal: os indivíduos cuja atividade produtiva for desempenhada e a renda for obtida através da informalidade nas relações de trabalho;

2 III - grupos de Economia Popular Solidária: os grupos inseridos no contexto do cooperativismo, associativismo em formação e empresas autogestionárias, tendo por objetivo o ingresso na economia solidária; IV - empreendimentos autogestionários: as associações e cooperativas de economia solidária, cujo trabalho e gestão seja majoritariamente efetuado pelos associados, com número não inferior a 5 (cinco) pessoas; V - empreendimentos de economia doméstica ou familiar: aqueles cujo trabalho e gestão sejam exercidos pelos integrantes da unidade familiar, considerada individualmente ou em associação com outras. Art. 4º. O FUMTER é um instrumento de captação e aplicação de recursos e tem como órgão de deliberação colegiada o Conselho Municipal de Trabalho, Emprego e Renda (COMTER), criado por instrumento legal próprio. Seção II Do Objetivo Art. 5º. O FUMTER tem por objetivo conceder crédito produtivo para capital de giro, capital fixo e capital misto, aos autônomos do mercado formal e informal, grupos de Economia Popular Solidária, empreendimentos autogestionários, pessoas em situação de vulnerabilidade social e empreendimentos de economia doméstica ou familiar. 1º. Para fins de enquadramento nesta Lei considera-se: I - investimentos em capital fixo: a aquisição de ferramentas, máquinas, móveis, utensílios, equipamentos novos e usados, construção, ampliação ou melhoria das instalações dos negócios, consertos de máquinas, ferramentas, veículos utilitários, capacitação, legalização dos negócios já existentes e relocalização dos empreendimentos; II - investimentos em capital de giro: publicidade e cursos de aperfeiçoamento, aumento e/ou diversificação de estoque de matéria-prima, insumos e mercadorias, implantação de técnicas de gestão e de organização da produção com vista ao aumento de produtividade e a melhoria da qualidade de produtos; III - investimentos em capital misto: quando o investimento fixo alavancar o acréscimo da necessidade de capital de giro, decorrentes da expansão das atividades (maior dispêndio com matéria-prima, insumos, mão-de-obra, dentre outros), desde que respeitado o limite de 30% (trinta por cento) do investimento fixo; 2º. Os investimentos em capital fixo também poderão se dar para melhoria no espaço físico de trabalho, como condição especial para um segundo momento da concessão de crédito aos indivíduos em vulnerabilidade social. Seção III Das Modalidades de Microcrédito Art. 6º. Os microcréditos serão concedidos nas modalidades individual, individual acompanhado, solidário e Economia Popular Solidária.

3 Seção IV Da Comissão Técnica Art. 7º. Será constituída uma comissão técnica composta de 3 (três) membros do COMTER, sendo 2 (dois) representantes da Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Renda e 1 (um) representante da Secretaria Municipal da Fazenda. Art. 8º. A comissão técnica terá as seguintes atribuições: I - registrar os recursos orçamentários próprios do Município ou a ele transferidos em benefício do FUMTER; II - registrar os recursos captados pelo Município através de convênio ou por doações ao FUMTER; III - manter o controle escritural das aplicações financeiras levadas a efeito na entidade operadora do FUMTER, nos termos das Resoluções do COMTER; IV - emitir pareceres técnicos sobre os pedidos de financiamentos de investimentos fixos, de capital de giro e de capital misto e encaminhá-los ao COMTER; V - encaminhar as tomadas de crédito, após aprovação do COMTER, à entidade operadora do FUMTER, para avaliação da entidade; VI - apresentar trimestralmente, em reunião ordinária do COMTER, ou extraordinariamente, quando este solicitar, o registro dos recursos captados pelo FUMTER, bem como sua destinação; VII - elaborar e apresentar, anualmente, para apreciação e aprovação do COMTER, o Plano de Aplicação das Verbas do FUMTER e a prestação de contas, elaborados a partir do planejamento e deliberações do COMTER; VIII - apresentar, juntamente com o Presidente do COMTER, o Plano de Aplicação das Verbas do FUMTER e a prestação de contas, anualmente, aos Poderes Executivo e Legislativo municipal; IX - divulgar à população o Plano de Aplicação das Verbas e a prestação de contas do FUMTER. Art. 9º. A liberação dos recursos do FUMTER só poderá ser feita mediante aprovação do COMTER e autorização por escrito do(a) Secretário(a) Municipal de Trabalho, Emprego e Renda e do(a) Presidente do COMTER. Art. 10. As contas e os relatórios do FUMTER serão submetidos à apreciação do COMTER, mensalmente, de forma sintética e, anualmente, de forma analítica. Seção V Dos Recursos Art. 11. Os recursos do FUMTER serão aplicados em: I - financiamento total ou parcial de programas, projetos atividades e serviços desenvolvidos por órgãos governamentais ou não governamentais, quando em sintonia com a política de trabalho, emprego e renda; II - pagamento pela prestação de serviços a entidades de direito público e privado para a execução de programas e projetos específicos da política do trabalho; III - desenvolvimento de programas de capacitação e aperfeiçoamento de recursos humanos na área do trabalho.

4 1º. As transferências de recursos para organizações governamentais e não governamentais afins com a política do trabalho serão processadas mediante convênios, contratos, acordos, ajustes ou similares, obedecendo a legislação vigente sobre a matéria e estando em conformidade com os programas, projetos e serviços aprovados pelo COMTER. 2º. O repasse dos recursos para as entidades e organizações não governamentais, devidamente registradas no COMTER, será efetivado por intermédio do FUMTER, de acordo com critérios estabelecidos pelo COMTER. Art. 12. Os recursos do FUMTER destinados ao Programa Regional de Microcrédito serão repassados à instituição oficial de crédito conveniada e/ou contratada pelo Município. 1º. A instituição oficial de crédito compromete-se a gerir os recursos e a aplicálos conforme créditos estabelecidos na parceria. 2º. Os recursos ficarão aplicados, obrigatoriamente, em banco público, em conta especial, sob a denominação Fundo Municipal de Trabalho, Emprego e Renda de Cachoeirinha (FUMTER), aplicando-se-lhes as taxas de mercado, sendo que o resultado dessa aplicação servirá de capitalização do FUMTER. Art. 13. O FUMTER é constituído com recursos provenientes das seguintes fontes: I - dotações orçamentárias próprias e créditos adicionais consignados, anualmente, no orçamento da Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Renda; II - recursos decorrentes de convênios e/ou contratos de acordos celebrados com instituições, financeiras ou não, públicas ou privadas, nacionais ou estrangeiras; III - contribuição de setor público ou privado; IV - resultados das aplicações financeiras do FUMTER; V - outros recursos a ele legalmente destinados. Seção VI Do Convênio e/ou Contrato Art. 15. Fica o Município autorizado a firmar convênio e/ou contrato com instituição de crédito do Poder Público, ou a ele vinculada, para atender aos objetivos desta Lei. de: Art. 16. A instituição oficial de crédito conveniada e/ou contratada terá a função a). parceira técnica do COMTER; b). agente financeiro na concessão de crédito; c). operadora e gerenciadora dos recursos do FUMTER.

5 Seção VII Das Disposições Finais Art. 17. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Art. 18. Fica revogada a Lei n o 2.359, de 22 de dezembro de GABINETE DO PREFEITO, 09 DE SETEMBRO DE Luiz Vicente da Cunha Pires Prefeito Municipal REGISTRE-SE E PUBLIQUE-SE Maurício Rogério de Medeiros Tonolher Secretário Municipal de Governo

PROJETO DE LEI N 022/2017.

PROJETO DE LEI N 022/2017. PROJETO DE LEI N 022/2017. Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Turismo COMTUR e do Fundo Municipal de Turismo - FUMTUR, e dá outras providências. Art. 1º. Fica criado o Conselho Municipal de

Leia mais

CURSO: TECNICAS LEGISLATIVAS

CURSO: TECNICAS LEGISLATIVAS CURSO: TECNICAS LEGISLATIVAS FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL Fica criado o Fundo Municipal de Assistência Social (FMAS), instrumento de gestão orçamentária e financeira do município, que tem por

Leia mais

LEI N 3.994, DE 18 DE MARÇO DE 2014.

LEI N 3.994, DE 18 DE MARÇO DE 2014. LEI N 3.994, DE 18 DE MARÇO DE 2014. FIA. Dispõe sobre o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PALHOÇA, Estado de Santa Catarina.

Leia mais

ESTADO DO ESPIRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACRUZ PROJETO DE LEI Nº. XXXX

ESTADO DO ESPIRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACRUZ PROJETO DE LEI Nº. XXXX ESTADO DO ESPIRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACRUZ PROJETO DE LEI Nº. XXXX DISPÕE SOBRE O PLANO MUNICIPAL DE APOIO E INCENTIVO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA NO MUNICÍPIO DE ARACRUZ E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

LEI Nº TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

LEI Nº TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS LEI Nº 3.961 Dispõe sobre a Política de Assistência Social no Município, cria o conselho Municipal de Assistência Social e o respectivo fundo, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE PELOTAS,

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 696, DE 4 DE JUNHO DE 2012.

LEI COMPLEMENTAR Nº 696, DE 4 DE JUNHO DE 2012. LEI COMPLEMENTAR Nº 696, DE 4 DE JUNHO DE 2012. Cria o Fundo Municipal dos Direitos A- nimais (FMDA) e institui seu Conselho Gestor. O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE Faço saber que a Câmara Municipal

Leia mais

EXTRATO DE TERMO DE CONTRATO. Município de Comendador Levy Gasparian. RJ Comercio Atacadista e Varejista de Lubrificantes Eireli - EPP

EXTRATO DE TERMO DE CONTRATO. Município de Comendador Levy Gasparian. RJ Comercio Atacadista e Varejista de Lubrificantes Eireli - EPP EXTRATO DE TERMO DE CONTRATO CONTRATO: Nº 048/2014 CONTRATANTE: Município de Comendador Levy Gasparian CONTRATADA: RJ Comercio Atacadista e Varejista de Lubrificantes Eireli - EPP OBJETO: Fornecimento

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ GABINETE DO PREFEITO

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ GABINETE DO PREFEITO LEI Nº. 503/2015, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2015. Estima a receita e fixa a despesa do município de São Francisco do Piauí para o exercício financeiro de 2016. O PREFEITO MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ,

Leia mais

LEI MUNICIPAL N.º 4.164/2016

LEI MUNICIPAL N.º 4.164/2016 LEI MUNICIPAL N.º 4.164/2016 AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A CELEBRAR CONTRATOS DE GESTÃO COM ENTIDADE CIVIL FILANTRÓPICA PARA OPERACIONALIZAR O SAMU BÁSICO E/OU O SAMU AVANÇADO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

CIDs (Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento)

CIDs (Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento) CIDs (Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento) LEI Nº 15.413, DE 20 DE JULHO DE 2011 (Projeto de Lei nº 288/11, do Executivo, aprovado na forma de Substitutivo do Legislativo) Dispõe sobre a concessão

Leia mais

LEI N.º DE 04 DE JUNHO DE 2004 * O GOVERNADOR DO ESTADO DE SERGIPE, Faço saber que a Assembléia Legislativa do estado aprovou e que sanciono a

LEI N.º DE 04 DE JUNHO DE 2004 * O GOVERNADOR DO ESTADO DE SERGIPE, Faço saber que a Assembléia Legislativa do estado aprovou e que sanciono a LEI N.º 5.360 DE 04 DE JUNHO DE 2004 * Dispõe sobre o Fundo de Defesa do Meio Ambiente de Sergipe FUNDEMA/SE, dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DE SERGIPE, seguinte Lei: Faço saber que a Assembléia

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 599, DE 31 DE JULHO DE 2017.

LEI COMPLEMENTAR Nº 599, DE 31 DE JULHO DE 2017. RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 599, DE 31 DE JULHO DE 2017. Dispõe sobre o Programa do Artesanato do Estado do Rio Grande do Norte (PROARTE-RN), e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO

Leia mais

LEI Nº 760 DE 18 DE ABRIL DE 2011

LEI Nº 760 DE 18 DE ABRIL DE 2011 LEI Nº 760 DE 18 DE ABRIL DE 2011 Dispõe sobre o Fundo Municipal de Meio Ambiente do Município de Paranatinga. CAPÍTULO I Do Fundo Municipal de Meio Ambiente Art. 1º Fica instituído o Fundo Municipal de

Leia mais

Lei Nº de 12 de março de Institui a Política de Fomento à Economia Solidária e dá outras providências Itajaí, Santa Catarina

Lei Nº de 12 de março de Institui a Política de Fomento à Economia Solidária e dá outras providências Itajaí, Santa Catarina Lei Nº 5.245 de 12 de março de 2009. Institui a Política de Fomento à Economia Solidária e dá outras providências Itajaí, Santa Catarina Ver. Luiz Carlos Pissetti, Presidente da Câmara de Vereadores de

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DE IMBITUBA Faço saber que a Câmara Municipal de Imbituba aprovou e eu sanciono a seguinte Lei:

O PREFEITO MUNICIPAL DE IMBITUBA Faço saber que a Câmara Municipal de Imbituba aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 4.764, DE 30 DE NOVEMBRO DE 2016. Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Imbituba para o Exercício de 2017. O PREFEITO MUNICIPAL DE IMBITUBA Faço saber que a Câmara Municipal de Imbituba

Leia mais

O Prefeito Municipal de Charrua, Estado do Rio Grande do Sul, FAÇO SABER que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei:

O Prefeito Municipal de Charrua, Estado do Rio Grande do Sul, FAÇO SABER que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: LEI MUNICIPAL Nº 378, EM 11 DE OUTUBRO DE 2002. DISPÕE SOBRE AS DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS PARA 2003 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Prefeito Municipal de Charrua, Estado do Rio Grande do Sul, FAÇO SABER que

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO FUNDO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL FMDES

REGIMENTO INTERNO DO FUNDO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL FMDES REGIMENTO INTERNO DO FUNDO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL FMDES Art. 1º - O Fundo Municipal de Desenvolvimento Econômico e Social FMDES, com personalidade contábil, procederá à execução

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS LEI MUNICIPAL Nº. 1.070, DE 21DE DEZEMBRO DE 2009. Autoriza o Poder Executivo a criar a Empresa Pública denominada FRIGORÍFICO PÚBLICO MUNICIPAL DE COLINAS DO TOCANTINS FRIGOCOL, e dá outras providências.

Leia mais

Nº 25, Santa Clara do Sul/RS, quarta-feira, dia 11 de outubro de DECRETOS Página 1 LICITAÇÃO Página 3 LEIS Página 4 PORTARIA Página 5

Nº 25, Santa Clara do Sul/RS, quarta-feira, dia 11 de outubro de DECRETOS Página 1 LICITAÇÃO Página 3 LEIS Página 4 PORTARIA Página 5 Diário Oficial Eletrônico Diário Oficial Eletrônico do Município de Santa Clara do Sul Nº 25-11/10/2017 de Santa Clara do Sul Nº 25, Santa Clara do Sul/RS, quarta-feira, dia 11 de outubro de 2017 Sumário

Leia mais

DECRETO Nº , DE 4 DE JANEIRO DE 2017.

DECRETO Nº , DE 4 DE JANEIRO DE 2017. DECRETO Nº 19.651, DE 4 DE JANEIRO DE 2017. Institui o Comitê para Gestão de Despesas de Pessoal (CGDEP). O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE, no uso de suas atribuições legais, na forma do artigo 94,

Leia mais

Prefeitura Municipal de São João del-rei

Prefeitura Municipal de São João del-rei Mensagem n 045/2013 Do: Gabinete do Prefeito Ao: Exmº Sr. Vereador Antônio Carlos de Jesus Fuzatto Presidente da Câmara Municipal de São João del-rei Senhor Presidente, Com os nossos respeitosos cumprimentos,

Leia mais

DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA POPULAR E SOLIDÁRIA - "FOZ DO IGUAÇU SOLIDÁRIA".

DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA POPULAR E SOLIDÁRIA - FOZ DO IGUAÇU SOLIDÁRIA. www.leismunicipais.com.br LEI Nº 3585 DE 17 DE SETEMBRO DE 2009 DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA POPULAR E SOLIDÁRIA - "FOZ DO IGUAÇU SOLIDÁRIA". A Câmara Municipal

Leia mais

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu LEI N o 3.941, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2011. Estima a receita e fixa a despesa do Município de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, para o exercício financeiro de 2012. A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado

Leia mais

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA DE ESPIGÃO DO OESTE Procuradoria Geral do Município LEI Nº 1.532/2011

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA DE ESPIGÃO DO OESTE Procuradoria Geral do Município LEI Nº 1.532/2011 LEI Nº 1.532/2011 Dispõe sobre a autonomia financeira das unidades escolares urbanas e rurais da rede pública municipal de Ensino, orienta sua implantação, e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

Nº 15, Santa Clara do Sul/RS, quarta-feira, dia 27 de setembro de DECRETOS Página 1 LICITAÇÕES Página 4 LEIS Página 5 PORTARIAS Página 6

Nº 15, Santa Clara do Sul/RS, quarta-feira, dia 27 de setembro de DECRETOS Página 1 LICITAÇÕES Página 4 LEIS Página 5 PORTARIAS Página 6 Diário Oficial Eletrônico Diário Oficial Eletrônico do Município de Santa Clara do Sul Nº 15-27/09/2017 de Santa Clara do Sul Nº 15, Santa Clara do Sul/RS, quarta-feira, dia 27 de setembro de 2017 Sumário

Leia mais

ESTADO DO AMAZONAS PREFEITURA MUNICIPAL DE COARI

ESTADO DO AMAZONAS PREFEITURA MUNICIPAL DE COARI 1965 ESTADO DO AMAZONAS PREFEITURA MUNICIPAL DE COARI LEI MUNICIPAL Nº. 619, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2013. Dispõe sobre o Plano Plurianual do Município para o período 2014 a 2017. O PREFEITO MUNICIPAL DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NEPOMUCENO

PREFEITURA MUNICIPAL DE NEPOMUCENO Nepomuceno, 19 de maio de 2014. MENSAGEM Nº 018/2014 Exmo. Sr. Francisco Ricardo Gattini DD. Presidente da Câmara Municipal de NEPOMUCENO MG Senhor Presidente, Submeto à consideração da Augusta Casa Legislativa,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NEPOMUCENO

PREFEITURA MUNICIPAL DE NEPOMUCENO Nepomuceno, 30 de setembro de 2014. MENSAGEM Nº 036/2014. Exmo. Sr. Francisco Ricardo Gattini DD. Presidente da Câmara Municipal de NEPOMUCENO MG Senhor Presidente, Com os nossos cordiais cumprimentos,

Leia mais

PROGRAMA GAÚCHO DE MICROCRÉDITO

PROGRAMA GAÚCHO DE MICROCRÉDITO PROGRAMA GAÚCHO DE MICROCRÉDITO O governo do Estado do Rio Grande do Sul em conjunto com o Banrisul, e suas Secretarias de Estado, está instituindo o Programa Gaúcho de Microcrédito, conforme o Decreto

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 287, DE 23 DE JULHO DE 2002 Revogada pela Resolução nº 752/2015

RESOLUÇÃO Nº 287, DE 23 DE JULHO DE 2002 Revogada pela Resolução nº 752/2015 RESOLUÇÃO Nº 287, DE 23 DE JULHO DE 2002 Revogada pela Resolução nº 752/2015 Institui linha de crédito denominada PROGER Urbano Micro e Pequena Empresa Capital de Giro, no âmbito do Programa de Geração

Leia mais

MUNICÍPIO DE GUARANTÃ

MUNICÍPIO DE GUARANTÃ DIÁRIO OFICIAL Segunda-feira, 29 de maio de 2017 Ano I Edição nº 50 EXPEDIENTE SUMÁRIO PODER EXECUTIVO DE GUARANTÃ Atos Oficiais 2 2 Leis 2 Portarias 3 Licitações e Contratos 3 Aviso de Licitação 3 Contratos

Leia mais

TRANSCRIÇÃO FIEL DA LEI Nº 1.840, DE 19 DE JUNHO DE 1.962

TRANSCRIÇÃO FIEL DA LEI Nº 1.840, DE 19 DE JUNHO DE 1.962 TRANSCRIÇÃO FIEL DA LEI Nº 1.840, DE 19 DE JUNHO DE 1.962 AUTORIZA A PREFEITURA A INSTITUIR, POR ESCRITURA PÚBLICA, UMA FUNDAÇÃO DENOMINADA FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ, QUE TERÁ POR FINALIDADE, MANTER A FACULDADE

Leia mais

LEI MUNICIPAL N 013/97. SÚMULA: Dispõe sobre a Instituição do Conselho Municipal de Saúde e dá outras providencias.

LEI MUNICIPAL N 013/97. SÚMULA: Dispõe sobre a Instituição do Conselho Municipal de Saúde e dá outras providencias. LEI MUNICIPAL N 013/97 SÚMULA: Dispõe sobre a Instituição do Conselho Municipal de Saúde e dá outras providencias. A Câmara Municipal de Carlinda, no uso de suas atribuições legais aprovou e eu, Geraldo

Leia mais

LEI Nº 859/2009, DE 22 DE OUTUBRO DE 2009

LEI Nº 859/2009, DE 22 DE OUTUBRO DE 2009 1 Atos Oficiais LEI Nº 859/2009, DE 22 DE OUTUBRO DE 2009 PROJETO DE LEI nº. 019/2009 Dispõe sobre o Plano de Incentivos a Projetos Habitacionais Populares, vinculado ao Programa do Governo Federal Minha

Leia mais

Lei Municipal N.º 968/2005, de 02 de dezembro de 2005

Lei Municipal N.º 968/2005, de 02 de dezembro de 2005 Lei Municipal N.º 968/2005, de 02 de dezembro de 2005 Leis Municipais - Leis Municipais 2005 LEI MUNICIPAL N.º 968/2005, DE 02 DE DEZEMBRO DE 2005. "Dispõe sobre a reestruturação do Conselho Municipal

Leia mais

LEI MUNICIPAL N de 15 de julho de 2014

LEI MUNICIPAL N de 15 de julho de 2014 LEI MUNICIPAL N 4.962 de 15 de julho de 2014 Autoriza o município a efetuar repasse de recursos oriundos do passe livre estudantil às associações que tiverem alunos beneficiários e diretamente aos alunos

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS Art. 1º O Centro de Processamento de Dados, Órgão Suplementar

Leia mais

ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2012.

ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2012. LEI N.º 830/2011, de 21 de dezembro de 2011 ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2012. PROFESSOR JOSÉ DODO DA ROCHA, Prefeito do Município de Selvíria,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL

PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL LEI N.º 968/2015, de 21 de dezembro de 2015. ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016. JAIME SOARES FERREIRA, Prefeito do Município de Selvíria, Estado

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires LEI Nº 5.369, DE 04 DE SETEMBRO DE 2013 Autoriza o Poder Executivo a celebrar convênio para repasse de recursos financeiros, constituído de Contribuição à Instituição Sinodal de Assistência, Educação e

Leia mais

O Prefeito Municipal de Capão do Leão, Estado do Rio Grande do Sul, Faz saber que a Câmara Municipal aprovou e ele sanciona a seguinte

O Prefeito Municipal de Capão do Leão, Estado do Rio Grande do Sul, Faz saber que a Câmara Municipal aprovou e ele sanciona a seguinte LEI 799/01 Dispõe sobre a Política Social do Idoso, conforme o Art. 80 da Lei Orgânica do Município, na criação do Conselho Municipal do Idoso e Cria o Fundo Municipal do Idoso, O Prefeito Municipal de

Leia mais

Estado do Rio Grande do Norte PREFEITURA MUNICIPAL DE PILÕES Gabinete do Prefeito

Estado do Rio Grande do Norte PREFEITURA MUNICIPAL DE PILÕES Gabinete do Prefeito Lei nº 345, de 21 de agosto de 2013. Nesta data, 21 de agosto de 2013, SANCIONO a presente Lei. Francisco das Chagas de Oliveira Silva PREFEITO MUNICIPAL Institui o Conselho Municipal de Desenvolvimento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO CORRENTE ESTADO DE SÃO PAULO

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO CORRENTE ESTADO DE SÃO PAULO LEI Nº 1375, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2016. De autoria do Legislativo, que autoriza o Poder Legislativo Municipal a celebrar convênio com farmácias e drogarias, visando o fornecimento de medicamentos e produtos

Leia mais

Estado de Santa Catarina CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA Setor de Expediente

Estado de Santa Catarina CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA Setor de Expediente PROJETO DE LEI Nº 464/2014. ECONOMIA SOLIDÁRIA. Institui a Política de Fomento à Economia Solidária de Palhoça, na forma que indica e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PALHOÇA, Estado

Leia mais

SÚMULA: Cria o Programa Municipal de Economia Solidária, e dá outras providências

SÚMULA: Cria o Programa Municipal de Economia Solidária, e dá outras providências Lei nº 10.523/2008 1 LEI N o 10.523, DE 28 DE AGOSTO DE 2008. SÚMULA: Cria o Programa Municipal de Economia Solidária, e dá outras providências A CÂMARA MUNICIPAL DE LONDRINA, ESTADO DO PARANÁ, APROVA

Leia mais

PROJETO DE LEI N. 31, DE 31 MARÇO DE 2016

PROJETO DE LEI N. 31, DE 31 MARÇO DE 2016 PROJETO DE LEI N. 31, DE 31 MARÇO DE 2016 Autoriza o Poder Executivo a firmar convênio com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial SENAC MT para realização de cursos de qualificação de mão-de-obra,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS Art. 1º O Centro de Processamento de Dados, Órgão Suplementar

Leia mais

Nº 08, Santa Clara do Sul/RS, sexta-feira, dia 15 de setembro de Extrato de Contratos Página 1 Editais de Licitação Página 3 Leis Página 4

Nº 08, Santa Clara do Sul/RS, sexta-feira, dia 15 de setembro de Extrato de Contratos Página 1 Editais de Licitação Página 3 Leis Página 4 Diário Oficial Eletrônico Diário Oficial Eletrônico do Município de Santa Clara do Sul Nº 08-15/09/2017 de Santa Clara do Sul Nº 08, Santa Clara do Sul/RS, sexta-feira, dia 15 de setembro de 2017 Sumário

Leia mais

LEI Nº 1.367, DE 17 DE MAIO DE O PREFEITO MUNICIPAL DE MATO LEITÃO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL.

LEI Nº 1.367, DE 17 DE MAIO DE O PREFEITO MUNICIPAL DE MATO LEITÃO, ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. LEI Nº 1.367, DE 17 DE MAIO DE 2007. AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A FIRMAR CONVÊNIO PARA PRESTAÇÃO DE MÚTUA COLABORAÇÃO COM O TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O

Leia mais

LEI Nº. 418 DE 09 DE FEVEREIRO DE Marcos Roberto Fernandes Corrêa, Prefeito

LEI Nº. 418 DE 09 DE FEVEREIRO DE Marcos Roberto Fernandes Corrêa, Prefeito LEI Nº. 418 DE 09 DE FEVEREIRO DE 2010. ALTERA OS ANEXOS V E VI DA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIA DE 2010 E AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITOS ADICIONAIS ESPECIAIS NO ORÇAMENTO MUNICIPAL Marcos Roberto Fernandes

Leia mais

Dedução da Receita para formação do FUNDEB R$ ,00 (Vinte e quatro milhões, vinte mil e seiscentos e sessenta e dois reais).

Dedução da Receita para formação do FUNDEB R$ ,00 (Vinte e quatro milhões, vinte mil e seiscentos e sessenta e dois reais). Mensagem n 68/2017. São Sebastião, 26de setembro de 2017. Exmo. Sr. Vereador Reinaldo Alves Moreira Filho DD. Presidente da Câmara de Vereadores de São Sebastião-SP. Sirvo-me do presente para encaminhar

Leia mais

LEI Nº0154/97 CRIA O FUNDO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

LEI Nº0154/97 CRIA O FUNDO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEI Nº0154/97 CRIA O FUNDO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. A Câmara Municipal de Santa Bárbara do Leste, por seus representantes aprovou e eu, Prefeito Municipal sanciono a seguinte Lei:

Leia mais

Lei nº 1282, de 18 de março de 2015.

Lei nº 1282, de 18 de março de 2015. Lei nº 1282, de 18 de março de 2015. " Autoriza o Município a firmar convênio e conceder contribuição ao Coral Luz e Vida de Guabiju, e dá outras providências." BRAULIO MARCOS GARDA, Prefeito Municipal

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA LEI Nº 14788

PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA LEI Nº 14788 LEI Nº 14788 A CÂMARA MUNICIPAL DE CURITIBA, CAPITAL DO ESTADO DO PARANÁ, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte lei: Art. 1º A Lei nº 12.313, de 3 de julho de 2007, passa a vigorar com

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 71/2014, DE 08 DE JULHO DE 2014.

PROJETO DE LEI Nº 71/2014, DE 08 DE JULHO DE 2014. PROJETO DE LEI Nº 71/2014, DE 08 DE JULHO DE 2014. AUTORIZA O MUNICÍPIO DE GUAPORÉ PARTICIPAR COMO ASSOCIADO DA CÂMARA DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE GUAPORÉ CIC MEDIANTE A CELEBRAÇÃO DE CONVÊNIO. O PREFEITO

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICIPIO DE PARAISO DO NORTE Avenida Tapejara, 88 Centro - cx. Postal Fone: (44)

PREFEITURA DO MUNICIPIO DE PARAISO DO NORTE Avenida Tapejara, 88 Centro - cx. Postal Fone: (44) LEI Nº 11, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2010. Regulamenta a Concessão de Benefícios Eventuais da Política Municipal de Assistência Social. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PARAISO DO NORTE Faço saber que a Câmara Municipal

Leia mais

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento Agenda Contexto O Nordeste Territorial Fórum de Governança da Atividade Econômica Formas de Financiamento Área de atuação do BNB Nordeste: 1.554,4 mil Km 2 Semi-árido: 974,4 mil Km 2 (62,7% do território

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires LEI Nº 5.636, DE 26 DE MARÇO DE 2015 Autoriza o Poder Executivo a conceder repasse de recursos financeiros à Associação Hídrica Nossa Senhora do Perpétuo Socorro com sede neste Município, e celebrar convênio.

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 024/17, DE 25 DE ABRIL DE 2017.

PROJETO DE LEI Nº 024/17, DE 25 DE ABRIL DE 2017. PROJETO DE LEI Nº 024/17, DE 25 DE ABRIL DE 2017. Autoriza o Município de Floriano Peixoto - RS, através do Poder Executivo, a celebrar Convênio com a Associação Beneficente dos Receptores de Sangue de

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 3.961/2015. REGULAMENTA O EXERCÍCIO DA ATIVIDADE E TRANSPORTE DE MERCADORIAS MOTO- FRETE, E CONTÉM OUTRAS DISPOSIÇÕES.

LEI MUNICIPAL Nº 3.961/2015. REGULAMENTA O EXERCÍCIO DA ATIVIDADE E TRANSPORTE DE MERCADORIAS MOTO- FRETE, E CONTÉM OUTRAS DISPOSIÇÕES. LEI MUNICIPAL Nº 3.961/2015. REGULAMENTA O EXERCÍCIO DA ATIVIDADE E TRANSPORTE DE MERCADORIAS MOTO- FRETE, E CONTÉM OUTRAS DISPOSIÇÕES. RENATO GEMELLI BONADIMAN, Prefeito Municipal de Seberi, Estado do

Leia mais

LEI Nº 4.917, DE 27 DE AGOSTO DE Projeto de Lei de autoria do Prefeito Municipal

LEI Nº 4.917, DE 27 DE AGOSTO DE Projeto de Lei de autoria do Prefeito Municipal Projeto de Lei de autoria do Prefeito Municipal Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Proteção e Bem-Estar Animal COMPBEA e a criação do Fundo Municipal de Proteção e Bem- Estar Animal FUBEM

Leia mais

TÍTULO II DO PATRIMÔNIO E DAS FINANÇAS CAPÍTULO I DA AUTONOMIA, DE GESTÃO FINANCEIRA, ORÇAMENTÁRIA E PATRIMONIAL

TÍTULO II DO PATRIMÔNIO E DAS FINANÇAS CAPÍTULO I DA AUTONOMIA, DE GESTÃO FINANCEIRA, ORÇAMENTÁRIA E PATRIMONIAL TÍTULO II DO PATRIMÔNIO E DAS FINANÇAS CAPÍTULO I DA AUTONOMIA, DE GESTÃO FINANCEIRA, ORÇAMENTÁRIA E PATRIMONIAL Art. 12 A UNILAB goza de autonomia de gestão financeira, orçamentária e patrimonial, conforme

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 009/17, DE 21 DE FEVEREIRO DE 2017.

PROJETO DE LEI Nº 009/17, DE 21 DE FEVEREIRO DE 2017. PROJETO DE LEI Nº 009/17, DE 21 DE FEVEREIRO DE 2017. Autoriza o Poder Executivo Municipal a celebrar Convênio com o Município de Sananduva RS, visando a construção de uma Ponte sobre o Rio Ligeiro, bem

Leia mais

I - DOS RECURSOS ORIUNDOS DOS ACORDOS DE EMPRÉSTIMOS OU CONTRIBUIÇÕES FINANCEIRAS NÃO REEMBOLSÁVEIS

I - DOS RECURSOS ORIUNDOS DOS ACORDOS DE EMPRÉSTIMOS OU CONTRIBUIÇÕES FINANCEIRAS NÃO REEMBOLSÁVEIS INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 06, DE 27 DE OUTUBRO DE 2004. Dispõe sobre os procedimentos de movimentação de recursos externos e de contrapartida nacional, em moeda ou bens e/ou serviços, decorrentes dos acordos

Leia mais

A Câmara Municipal de São Bernardo do Campo decreta: CAPÍTULO I DA POLÍTICA DE FOMENTO À ECONOMIA SOLIDÁRIA E SEUS AGENTES

A Câmara Municipal de São Bernardo do Campo decreta: CAPÍTULO I DA POLÍTICA DE FOMENTO À ECONOMIA SOLIDÁRIA E SEUS AGENTES P R O J E T O D E L E I - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Institui a política de fomento à economia solidária, e dá outras providências. A Câmara Municipal de São Bernardo do Campo decreta: CAPÍTULO

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 707 DE 03 DE ABRIL DE 2014 L E I

LEI MUNICIPAL Nº 707 DE 03 DE ABRIL DE 2014 L E I LEI MUNICIPAL Nº 707 DE 03 DE ABRIL DE 2014 ALTERA A LEI 699, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2013 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE PRESIDENTE FIGUEIREDO, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAPUÃ ESTADO DO PARANÁ

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAPUÃ ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAPUÃ ESTADO DO PARANÁ Notas Explicativas Das Demonstrações Contábeis Exercício financeiro de 2016 As Demonstrações Contábeis do Município de Arapuã foram elaboradas de acordo

Leia mais

Município de Taquari Estado do Rio Grande do Sul

Município de Taquari Estado do Rio Grande do Sul Lei nº. 3.961, de 20 de dezembro de 2016. Autoriza o Poder Executivo a celebrar convênio com o Clube de Idosos Amor e Integração. EMANUEL HASSEN DE JESUS, Prefeito Municipal de Taquari, Estado do Rio Grande

Leia mais

ESTATUTO FUNDAÇÃO EDUARDO CARLOS PEREIRA

ESTATUTO FUNDAÇÃO EDUARDO CARLOS PEREIRA ESTATUTO FUNDAÇÃO EDUARDO CARLOS PEREIRA CAPITULO I Da Natureza, Denominação, Sede, Finalidade Artigo 1º A Fundação Eduardo Carlos Pereira, dotada e organizada pela Igreja Presbiteriana Independente do

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 047/2017 DE 02 DE JUNHO DE 2017.

PROJETO DE LEI Nº 047/2017 DE 02 DE JUNHO DE 2017. PROJETO DE LEI Nº 047/2017 DE 02 DE JUNHO DE 2017. INSTITUI A PATRULHA AGRÍCOLA MUNICIPAL, VINCULADA A SECRETARIA DA AGRICULTURA E MEIO AMBIENTE DO MUNICÍPIO DE ARROIO DO TIGRE, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 20, DE 04 DE ABRIL DE

LEI COMPLEMENTAR Nº 20, DE 04 DE ABRIL DE LEI COMPLEMENTAR Nº 20, DE 04 DE ABRIL DE 2002-06-07 DISPÕE SOBRE A REESTRUTURAÇÃO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE ALAGOAS FAPEAL, INSTITUÍDA PELA LEI COMPLEMENTAR Nº 05, DE 27 DE SETEMBRO

Leia mais

VALDEMIR ANTONIO MORALLES, Prefeito

VALDEMIR ANTONIO MORALLES, Prefeito LEI Nº. 2.955 DE 06 DE MARÇO DE 2.013. REVOGA AS LEIS MUNICIPAIS Nº 2.875/11 E 2.902/12 E DISPÕE SOBRE O ADICIONAL DE QUINQUÊNIO AOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA INDIRETA E DÁ

Leia mais

RESOLUÇÃO N o 02/2006, DE 08 DE JUNHO DE Aprova o Regimento da Auditoria-Geral da UFMG, e revoga a Resolução n o 08/85, de 14 de junho de 1985

RESOLUÇÃO N o 02/2006, DE 08 DE JUNHO DE Aprova o Regimento da Auditoria-Geral da UFMG, e revoga a Resolução n o 08/85, de 14 de junho de 1985 RESOLUÇÃO N o 02/2006, DE 08 DE JUNHO DE 2006 Aprova o Regimento da Auditoria-Geral da UFMG, e revoga a Resolução n o 08/85, de 14 de junho de 1985 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS

Leia mais

PORTARIA GM N , DE 28 DE DEZEMBRO DE 2017 Altera a Portaria de Consolidação nº 6/GM/MS, de 28 de setembro de 2017, para dispor sobre o

PORTARIA GM N , DE 28 DE DEZEMBRO DE 2017 Altera a Portaria de Consolidação nº 6/GM/MS, de 28 de setembro de 2017, para dispor sobre o PORTARIA GM N. 3.992, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2017 Altera a Portaria de Consolidação nº 6/GM/MS, de 28 de setembro de 2017, para dispor sobre o financiamento e a transferência dos recursos federais para as

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 7-CEPE-CAD/UNICENTRO, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2013. O 2º, DO ART. 5º, DESTA PORTARIA, ESTÁ ALTERADO PELA RESOLUÇÃO Nº 1/2014-CEPE-CAD/UNICENTRO. Aprova o Regulamento do Centro de Línguas do Campus

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE AGUDOS DO SUL

PREFEITURA MUNICIPAL DE AGUDOS DO SUL DECRETO Nº 050/2013 19 DE JUNHO DE 2.013. Regulamenta o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e da Outras Providências ANTONIO ONÇALVES DA LUZ, PREFEITO MUNICIPAL DE AGUDOS DO SUL-PR

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAMBÉ DO MATO DENTRO MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAMBÉ DO MATO DENTRO MINAS GERAIS LEI Nº 520/2011 Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Itambé do Mato Dentro para o Exercício de 2012. Eu, WAVEL DIAS LAGE, Prefeito do Município de Itambé do Mato Dentro, Estado de Minas Gerais,

Leia mais

Estado de Santa Catarina PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO OESTE LEI Nº. 965

Estado de Santa Catarina PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO OESTE LEI Nº. 965 LEI Nº. 965 Autoriza celebrar termo de Ajuste com a Campanha Nacional de Alimentação Escolar- CNAE, e contém outras providências. OSWALDO GRUBER, Presidente da Câmara, no exercício do cargo de Prefeito

Leia mais

LEI Nº DE 6 DE SETEMBRO DE 2007

LEI Nº DE 6 DE SETEMBRO DE 2007 LEI Nº 14.202 DE 6 DE SETEMBRO DE 2007 Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação de São Carlos - COMCITI, do Fundo Municipal de Apoio à Ciência, Tecnologia e Inovação,

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 08/2016, DE 23 DE MARÇO DE 2016.

PROJETO DE LEI Nº 08/2016, DE 23 DE MARÇO DE 2016. PROJETO DE LEI Nº 08/2016, DE 23 DE MARÇO DE 2016. AUTORIZA A CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFISSIONAL PARA EXECUÇÃO DO PROGRAMA ACESSUAS TRABALHO, SUPLEMENTA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS

Leia mais

DECRETO Nº DE 25 DE MARÇO DE 2010

DECRETO Nº DE 25 DE MARÇO DE 2010 DECRETO Nº 12.024 DE 25 DE MARÇO DE 2010 Regulamenta o Fundo Estadual de Recursos Hídricos da Bahia - FERHBA, em face do disposto na Lei Estadual nº 11.612, de 08 de outubro de 2009, e dá outras providências.

Leia mais

Lei Nº 1026/95. O prefeito do município de Mossoró-RN, Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei:

Lei Nº 1026/95. O prefeito do município de Mossoró-RN, Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: Lei Nº 1026/95 DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DO CONSELHO MUNICIPAL DA ASSISTÊNCIA SOCIAL E ORGANIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA SOCIAL E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O prefeito do município de Mossoró-RN, Faço saber que a Câmara

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 25/2010/CS Florianópolis, 18 de Junho de 2010.

RESOLUÇÃO Nº 25/2010/CS Florianópolis, 18 de Junho de 2010. RESOLUÇÃO Nº 25/2010/CS Florianópolis, 18 de Junho de 2010. A PRESIDENTE DO DO IF-SC no uso das atribuições que lhe foram conferidas e atendendo as determinações da Lei 11.892/2008 de 29 de dezembro de

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 177/2009/CONEPE. O CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO da UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE, no uso de suas atribuições legais,

RESOLUÇÃO Nº 177/2009/CONEPE. O CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO da UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE, no uso de suas atribuições legais, SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 177/2009/CONEPE Aprova Normas Específicas do Estágio Curricular

Leia mais

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS. Art. 1º Esta Lei estima a receita e fixa a despesa do Estado para o exercício financeiro de 2013, compreendendo:

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS. Art. 1º Esta Lei estima a receita e fixa a despesa do Estado para o exercício financeiro de 2013, compreendendo: LEI Nº 15.944 de 21 de dezembro de 2012. Estima a receita e fixa a despesa do Estado para o exercício financeiro de 2013. O GOVERNADOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA, Faço saber a todos os habitantes deste

Leia mais

Prefeitura Municipal de DIAS D AVILA ESTADO DA BAHIA

Prefeitura Municipal de DIAS D AVILA ESTADO DA BAHIA Projeto de Lei n. 278 /2007 De 28 de setembro de 2007. Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Dias D avila para o exercício financeiro de 2008. A Câmara Municipal de Dias D avila, Estado da

Leia mais

Prefeitura Municipal de Guanambi publica:

Prefeitura Municipal de Guanambi publica: Prefeitura Municipal de Guanambi 1 Quinta-feira Ano V Nº 434 Prefeitura Municipal de Guanambi publica: Lei Nº 723 De 17 De Abril De 2013 - Autoriza o Município a firmar convênio, e estabelece outras providências.

Leia mais

MUNICÍPIO DE MARATAÍZES ESPÍRITO SANTO

MUNICÍPIO DE MARATAÍZES ESPÍRITO SANTO Página 1 de 5 LEI N 1187 de 04 de maio de 2009 AUTORIZA O CHEFE DO EXECUTIVO MUNICIPAL A REPASSAR AJUDA FINANCEIRA À ASSOCIAÇÃO CASA DE DAVI - ACD E DÁ OUTRAS PROVIDENCIAS. O de Marataízes, Estado do Espírito

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO CAPÃO DO LEÃO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

PREFEITURA MUNICIPAL DO CAPÃO DO LEÃO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL LEI 703/99 Dispõe Sobre a Política Municipal de Habitação, Institui o Fundo Municipal de Habitação e Dá Outras Providências. Manoel Nei da Costa Neves, Prefeito Municipal de Capão do Leão, Estado do Rio

Leia mais

MUNICIPIO DE GUARATUBA

MUNICIPIO DE GUARATUBA PROJETO DE LEI Nº 1.441/2017 Data: 30 de outubro de 2.017. Súmula: Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Guaratuba para o exercício financeiro de 2018. O Prefeito do Município de Guaratuba,,

Leia mais

RESOLUÇÃO SICREDI CREDUNI 004/2017

RESOLUÇÃO SICREDI CREDUNI 004/2017 RESOLUÇÃO SICREDI CREDUNI 004/2017 Atualiza a Resolução CREDUNI 003/2017 de 05/09/2017 sobre critérios e taxas de juros de empréstimos de acordo com as condições oferecidas pelo cooperado, alterando a

Leia mais

Terça-feira, 17 de Dezembro de 2013 Edição n 507

Terça-feira, 17 de Dezembro de 2013 Edição n 507 LEI Nº 65 DE 16 DE DEZEMBRO DE 2013 INSTITUI O PLANO PLURIANUAL PARTICIPATIVO - MUNICÍPIO DE SÃO MIGUEL DAS MATAS BA, PARA O PERÍODO DE 2014 A 2017 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE SÃO

Leia mais

LEI Nº 3.905, DE 19 DE DEZEMBRO DE O Prefeito Municipal: Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei: CAPÍTULO I

LEI Nº 3.905, DE 19 DE DEZEMBRO DE O Prefeito Municipal: Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei: CAPÍTULO I LEI Nº 3.905, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2016. Estima a receita e fixa a despesa do Município para o exercício financeiro de 2017 e dá outras disposições. O Prefeito Municipal: Faço saber que a Câmara Municipal

Leia mais

Estado de Mato Grosso Prefeitura Municipal de Nobres CNPJ: / LEI MUNICIPAL Nº 1.282/2013 DE 21 DE OUTUBRO DE 2013.

Estado de Mato Grosso Prefeitura Municipal de Nobres CNPJ: / LEI MUNICIPAL Nº 1.282/2013 DE 21 DE OUTUBRO DE 2013. LEI MUNICIPAL Nº 1.282/2013 DE 21 DE OUTUBRO DE 2013. DISPÕE SOBRE A ATUALIZAÇÃO ESTRUTURAL E ADMINISTRATIVA DO CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DE NOBRES CMAS E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Sr. SEBASTIÃO

Leia mais

LEI N 1049/2001. A CÂMARA MUNICIPAL DE ALTA FLORESTA, Estado de Mato Grosso, no uso de suas atribuições

LEI N 1049/2001. A CÂMARA MUNICIPAL DE ALTA FLORESTA, Estado de Mato Grosso, no uso de suas atribuições LEI N 1049/2001. SÚMULA: AUTORIZA O MUNICÍPIO DE ALTA FLORESTA A CELEBRAR CONVÊNIO COM A POLÍCIA MILITAR DE MATO GROSSO ATRAVÉS DA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA. A CÂMARA MUNICIPAL DE ALTA FLORESTA,

Leia mais

LEI MUNICIPAL N.º 1431/2007 DE 01 DE OUTUBRO DE 2007.

LEI MUNICIPAL N.º 1431/2007 DE 01 DE OUTUBRO DE 2007. LEI MUNICIPAL N.º 1431/2007 DE 01 DE OUTUBRO DE 2007. Altera redação do artigo 24, Extingue e Cria Cargos da Lei Municipal N : 1.413/2007, de 06/08/2007. JORGE LUIZ WILHELM, Prefeito Municipal de Três

Leia mais

JUSTIFICATIVA AO PROJETO DE LEI Nº 12/2009. Excelentíssimo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Piatã Excelentíssimos Senhores Vereadores,

JUSTIFICATIVA AO PROJETO DE LEI Nº 12/2009. Excelentíssimo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Piatã Excelentíssimos Senhores Vereadores, JUSTIFICATIVA AO PROJETO DE LEI Nº 12/2009 Excelentíssimo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Piatã Excelentíssimos Senhores Vereadores, Colenda Câmara, Apresentamos a esta Respeitável Casa, o anexo

Leia mais

Agência de Água: Base legal, alternativas jurídicas e forma de escolha Rosana Evangelista

Agência de Água: Base legal, alternativas jurídicas e forma de escolha Rosana Evangelista Agência de Água: Base legal, alternativas jurídicas e forma de escolha Rosana Evangelista 3ª Oficina do Grupo de Trabalho Agência e Cobrança GTAC do CBH-Paranaíba Uberlândia-MG, 21/03/2014 SUBPROGRAMA

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires LEI Nº 5.770, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2015 Autoriza o Poder Executivo a conceder repasse de recursos financeiros à Associação Hídrica João Guttenberg, com sede neste Município, e celebrar convênio. AIRTON

Leia mais

Prefeitura Municipal de Ilhéus publica:

Prefeitura Municipal de Ilhéus publica: Prefeitura Municipal de Ilhéus 1 Terça-feira Ano IV Nº 877 Prefeitura Municipal de Ilhéus publica: Lei Municipal nº 3.607, 18 de junho de 2012. Lei Municipal Nº 3.608, 18 de junho de 2012. Lei Municipal

Leia mais