C o n c u r s o d e L e i t u r a S a b e r l e r c o m e m o ç ã o. A l i c e V i e i r a E x c e r t o d o l i v r o : C h o c o l a t e à c h u v a

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "C o n c u r s o d e L e i t u r a S a b e r l e r c o m e m o ç ã o. A l i c e V i e i r a E x c e r t o d o l i v r o : C h o c o l a t e à c h u v a"

Transcrição

1 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o d e L e i t u r a S a b e r l e r c o m e m o ç ã o A l i c e V i e i r a E x c e r t o d o l i v r o : C h o c o l a t e à c h u v a A n a M a r i a M a g a l h ã e s e I s a b e l A l ç a da E x c e r t o d o l i v r o : U m a v i s i t a à c o r t e d o r e i D. D i n i s A n t ó n i o M o t a E x c e r t o d o l i v r o : P e d r o A l e c r i m J a i m e C o r t e s ã o E x c e r t o d o l i v r o : O r o m a n c e d a s i l h a s e n c a n t a d a s J o s é J o r g e L e t r i a E x c e r t o d o l i v r o : L e n d a s d o m a r L u í s a D u c l a S o a r e s E x c e r t o d o l i v r o : S e i s c o n t o s d e E ç a d e Q u e i r ó s L u í s a D u c l a S o a r e s E x c e r t o d o l i v r o : T r ê s h i s t ó r i a s d o f u t u r o M a r i a A l b e r t a M e n é r e s E x c e r t o d o l i v r o : U l i s s e s S o p h i a d e M e l l o B r e y n e r A n d r e s e n E x c e r t o d o l i v r o : A f a d a O r i a n a S o p h i a d e M e l l o B r e y n e r A n d r e s e n E x c e r t o d o l i v r o : O c a v a l e i r o d a D i n a m a r c a A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

2 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

3 E n t r e t a n t o, p e l o m e i o d e t o d o o m e u d i s c u r s o, e a p e s a r d o s o l h o s a i n d a e s t a r e m m e i o p i s c o s d o s o l, d o u p e l a I s a b e l m u i t o a t a r e f a d a à p r o c u r a d e q u a l q u e r c o i s a d e n t r o d a t e n d a. P r o c u - r o f a z e r - m e d e s e n t e n d i d a e c o n t i n u o a e n t u s i a s m a r a m u l t i d ã o, v i n d a d e t o d o s o s c a n t o s p a r a m e a p l a u d i r, o b r i g a d a, o b r i g a d a! S i m, h o j e e m d i a d e v e m o s e s t a r s e m p r e a t e n t o s a o q u e s e p a s s a à n o s s a v o l t a! O i n i m i g o e s p r e i t a - n o s! N ã o s e i o n d e, m a s e s p r e i t a! Deve s e r a l i p e l a r a c h a d o m u r o b i c h a n o u o M i g u e l a o o u v i d o d o Z é P e d r o, m a s n ã o t ã o b a i x i n h o q u e e u n ã o o o u v i s - s e. M a s c o m o o s g r a n d e s o r a d o r e s s ã o i m u n e s a o s a p a r t e s d o s p o b r e s m o r t a i s, d e i t e i - l h e s a p e n a s a q u e l e a r d e s u p e r i o r i d a d e q u e t i n h a a p r e n d i d o c o m t o d o s o s p r i m e i r o s - m i n i s t r o s q u e t ê m p a s s a d o p e l o t e l e j o r n a l, e c o n t i n u e i : J á l á p e r g u n t a v a, e m u i t o b e m, a L e o p o l d i n a, c r i a d a d a m i n h a m a d r i n h a, q u a n d o p a s s a v a p e l o q u a r t e l - g e n e r a l e o l h a v a a s g u a r i t a s s e m s o l d a d o s : «M i n h a s e n h o r a, m i n h a s e n h o r a! E s e o i n i m i g o a t a c a s s e a g o r a?!» U m a g a r g a l h a d a d a m u l t i d ã o f e z - m e t r a v a r. A o m e u l a d o a T e r e s a, q u e t e m m u i t o t e n t o n a l í n g u a, r e p r o v o u - m e b a i x i n h o : N ã o é c r i a d a q u e s e d i z, é e m p r e g a d a d o m é s t i c a! O m e u f u r o r f o i a o r u b r o. N ã o h á n a d a q u e m a i s m e i r r i t e d o q u e s e n t i r a o v i v o a e s t u p i d e z d o s m o r t a i s. Q u a l e m p r e g a d a d o m é s t i c a, q u a l c a r a p u ç a! A L e o p o l d i n a t r a b a l h a v a d e m a n h ã à n o i t e, n ã o t i n h a d o m i n g o s n e m f e r i a d o s, g a n h a v a u m a m i s é r i a, n ã o d e s c o n t a v a p a r a a c a i x a, n u n c a t e v e f é r i a s q u e r e s m a i s c r i a d a d o q u e i s t o? A I s a b e l t i n h a j á s a í d o d a t e n d a c o m u m g r a n d e c a r t ã o d e - b a i x o d o b r a ç o e a r b a s t a n t e c o m p r o m e t i d o, o l h a n d o e m v o l t a. C o m e c e i a n o t a r q u e e n t r e a m u l t i d ã o h a v i a j á q u e m d i s p e r - s a s s e e s e p r e p a r a s s e p a r a d e i x a r d e m e o u v i r e o p t a r p o r m a i s u m m e r g u l h o n a p i s c i n a. N ã o p o d i a s e r. A s e g u r a n ç a d o m u n d o o c i d e n t a l, q u e r o d i z e r, d e A l m o r n o s, e s t a v a e m j o g o. C o m o n e s t a h i s t ó r i a d e c o m í c i o s h á s e m p r e u m a r z i n h o d e r o c k p a r a a n i m a r, a i n d a p e n s e i s o c o r r e r - m e d a C l á u d i a.

4 A l i c e V i e i r a M a n d a l á u m a c a n t i g a, a n d a! E l a n ã o s e f e z r o g a d a e s a l t o u l o g o p a r a o m e u l a d o : «Olha o r o b o t é p r ò m e n i n o e p r à m e n i n a ô ô.» F o i o d e s a s t r e. A m u l t i d ã o m a n d o u à s u r t i g a s a s e g u r a n ç a d o mundo o c i d e n t a l, q u e r o d i z e r, d e A l m o r n o s, e d e s a t o u c a d a u m a b e r r a r p a r a s e u l a d o o q u e m u i t o b e m ( o u m u i t o m a l ) l h e v i - n h a à c a b e ç a. É p r ò m e n i n o e p r à m e n i n a, c a d a c o r s e u p a l a d a r! H á f r u t a ó c h i c o l a t e! V a i u m t i r i n h o, ó f r e g u ê s? Ó l o u r o, d á c á o p é! C h i c o F i n i n h o! U U! A t é q u e v e i o o S r. E r n e s t o p e r g u n t a r s e p o r a c a s o n ã o t e r i a c a í d o a l g u m a t e n d a e n ã o e s t i v é s s e m o s t o d o s a p r e c i s a r, m a i s u m a v e z, d a s u a a j u d a. A s s i m a c a b o u a r e b e l i ã o d e A l m o r n o s. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

5 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

6 A v i a g e m, p a r a g r a n d e d e s g o s t o d o J o ã o, d e c o r r e u s e m i n c i - d e n t e s. (... ) M a s s e a v i a g e m f o i c a l m a, o m e s m o n ã o s e p o d e d i z e r d a c h e g a d a a L e i r i a! D e s d e o p r i m e i r o m o m e n t o f o i u m a g r a n d e e x c i t a ç ã o. D e r e s t o, o n d e e s t i v e s s e a c o r t e d o r e i D. D i n i s, e r a c e r t o e s e g u r o q u e r e i n a v a a a l e g r i a. E r a u m a c o r t e d i v e r t i d í s - s i m a! O r e i g o s t a v a d e v i v e r r o d e a d o d e a r t i s t a s, e n o c a s t e l o havia t o d a s a s n o i t e s f e s t a s e s p l ê n d i d a s, l a u t o s b a n q u e t e s, e, c o m o n ã o p o d i a d e i x a r d e s e r, m ú s i c a e d a n ç a s. F o i s e m s a u d a d e q u e a b a n d o n a r a m o s a l m o c r e v e s, h o m e n s s o r u m b á t i c o s e d e m a s i a d o p r e o c u p a d o s c o m o s e u n e g ó c i o, p a - r a s e i n t e g r a r e m n u m g r u p o d e j o g r a i s q u e s e d i r i g i a a o c a s t e l o t o c a n d o e d a n ç a n d o a n i m a d a m e n t e p e l a s r u a s. À s p o r t a s e j a n e l a s h a v i a m u i t a g e n t e a v e r o d e s f i l e, n u m m i s t o d e c u r i o s i d a d e e i n v e j a. O s j o g r a i s, a s c a n t a d e i r a s e a s b a i l a r i n a s q u e o s a c o m p a n h a v a m e r a m j o v e n s, v e s t i a m r o u p a s d e c o r e s g a r r i d a s e a v a n ç a v a m c o m p e t u l â n c i a, e x i b i n d o - s e à l u z d o S o l c o m o q u e m g o z a d e g r a n d e l i b e r d a d e. O f a c t o d e s e m o s t r a r e m a s s i m, d i f e r e n t e s, e x c i t a v a a c u r i - o s i d a d e d a p o p u l a ç ã o. M a s e x c i t a v a t a m b é m a d e s c o n f i a n ç a. U - m a o u o u t r a v e l h a m u r m u r a v a à p a s s a g e m : H u m... S ã o u n s s e m - v e r g o n h a! I s t o o f e n d e a D e u s! A v e r d a d e é q u e, p o r s e r e m o s ú n i c o s h o m e n s e m u l h e r e s d o p o v o q u e a f i n a l i a m a o c a s t e l o, n ã o p a r a p r e s t a r s e r v i ç o s m a s p a r a c o n f r a t e r n i z a r c o m a n o b r e z a e c o m o s p r ó p r i o s r e i s, d e i - x a v a m o s o u t r o s r o í d o s d e i n v e j a. O O r l a n d o, a A n a e o J o ã o, c o m o v i n h a m d e f o r a, m i s t u r a - r a m - s e c o m e l e s s e m g r a n d e p r o b l e m a. B a s t o u q u e c o m e ç a s s e m a d a n ç a r e f o r a m a c e i t e s. O c a s t e l o f i c a v a n o t o p o d e u m m o r r o a r r e d o n d a d o, q u e s e e r g u i a a b r u p t o d o m i n a n d o t u d o e m r e d o r. O c a m i n h o p a r a l á c h e g a r e r a í n g r e m e e s e r p e n t e a d o. M a s n ã o l h e s c u s t o u a s u - b i r. V o u v e r o r e i e a r a i n h a s a n t a e m p e s s o a! I s t o é b o m d e m a i s!, p e n s a v a m t o d o s t r ê s.

7 I s a b e l A l ç a d a A n a M a r i a M a g a l h ã e s O J o ã o, q u e a p e s a r d a s u a e s t a r o l i c e e r a t a m b é m d e i d e i a s f i x a s, c o n t i n u a v a n a e s p e r a n ç a d e d e s l i n d a r a v e r d a d e i r a h i s - t ó r i a d o m i l a g r e d a s r o s a s. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

8 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

9 E o e s f o r ç o q u e e u f i z p a r a c o m p r e e n d e r a s p a l a v r a s n o v a s q u e o u v i a p e l a p r i m e i r a v e z, a u l a a p ó s a u l a! O s p r o f e s s o r e s d i z i a m : É m u i t o f á c i l, n ã o é v e r d a d e? T o d a a g e n t e a c e n a v a c o m a c a b e ç a. M a s n ã o, n ã o e r a n a d a f á c i l. A t é o d i c i o n á r i o e u n ã o s a b i a c o n s u l t a r. O t e m p o q u e e u d e m o r e i p a r a d e s c o b r i r q u e A L P f i c a v a a n t e s d e A L T... M u i t a s v e z e s a p e t e c e u - m e d e s i s t i r, o u e n t ã o f a z e r d e c o n t a q u e a s a u l a s n ã o m e d i z i a m r e s p e i t o. H o j e n ã o t e n s n a d a p a r a e s t u d a r? p e r g u n t a v a m i n h a m ã e, d e p o i s d e d e s l i g a r o t e l e v i s o r. J á v o u, j á v o u... d i z i a e u, a t u r d i d o p o r u m s o n o p e s a - d o q u e n ã o q u e r i a d e s a p a r e c e r. E r a a c a m i n h a d a q u e m e p u n h a a s s i m, d e s c o b r i m a i s t a r d e e m c o n v e r s a c o m o N i c o l a u q u e t a m b é m s e s e n t i a a s s i m. A q u e l a c a m i n h a d a e s t a f a v a - n o s. E q u a n d o c h o v i a, e a n e v e c o b r i a a s e r r a, e r a a i n d a p i o r. E n ã o p o s s o e s q u e c e r t a m b é m o s p r i m e i r o s a l m o ç o s n a c a n - t i n a, c o m a s e n h a n a m ã o, f e c h a n d o o s o l h o s p a r a d e i x a r p a s - s a r à f r e n t e o s g r a n d a l h õ e s e o s z a r a g a t e i r o s. N o s p r i m e i r o s d i a s d e a u l a n e m c h e g u e i a a l m o ç a r p o r q u e n ã o a c e r t a v a c o m a h o r a d e c o m p r a r a s e n h a. E n i n g u é m m e a v i s a r a q u e e r a n e c e s s á r i o c o m p r á - l a c o m a n t e c e d ê n c i a. P a r a q u e n ã o s e r i s s e m d a m i n h a i g n o r â n c i a, p r e f e r i a c a l a r - - m e e f i c a r s e m a l m o ç o. N ã o t i n h a r e l ó g i o. O p a i p r o m e t e r a - m e u m, s e p a s s a s s e d e ano, c o m o d e f a c t o a c o n t e c e u. R e c o r d o e s s e s t e m p o s c o m v o n t a d e d e d a r g a r g a l h a d a s e n ã o c onsigo c o n c e n t r a r - m e. (... ) D e i t o - m e n a c a m a. A m ã e, s e m p r e a t e n t a a t u d o, a p a g a a l u z d a s a l a. E n t r e o s l e n ç ó i s, p o n h o - m e a p e n s a r e m m u i t a s c o i s a s a o m e s m o t e m p o. P e n s o q u e o p a i p r e c i s a d e u m m é d i c o m u i t o c o m p e t e n t e p a - r a o c u r a r d e v e z. P e n s o n a m ã e. E j á s e i q u e e l a n ã o v a i d o r m i r q u a s e n a d a

10 A n t ó n i o M o t a e s t a n o i t e, s e m p r e p r e o c u p a d a. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

11 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

12 O s o l n a s c e r a e n f i m. L u z i a a o l o n g e o m a r. M a s n o f u n d o d o s v a l e s q u e i a m d a r à c o s t a, g r a n d e s r o l o s d e n é v o a d e s p r e n d i - am-se a c u s t o e p o u c o a p o u c o d o s b r a ç o s v e r d e s d o a r v o r e d o. D u a s b o a s h o r a s c o r r e r a o c a v a l e i r o p e l a b r e n h a o r v a l h a d a e n e m s o m b r a d e c a ç a a p a r e c e r a. D o m J o ã o F r o i a z l e m b r o u - se e n t ã o d e i r à q u e l a g a r g a n t a e n t r e o s d o i s m o n t e s, p o r o n d e a s á g u a s d e s c i a m a t é u n i r - s e a o m a r. É c e r t o, p e n s a v a e l e, q u e s ó à t a r d e u s a v a m o s v e a d o s, q u a n d o f a t i g a d o s d a s c o r r i d a s o u d o s d i a s m a i s q u e n t e s, i a m l á m a t a r a s e d e. M a s, p o i s, a t é à q u e l a h o r a, p o r o n d e a n d a r a a c a ç a n ã o s u r g i r a, r e s o l v e u - s e a p r o c u - rá-la n a s a b a s d a r i b e i r a. M a i s d e v a g a r! C a l a i o s c ã e s! T e n d e - v o s n a d e s c i d a! diz i a o c a v a l e i r o p a r a o s h o m e n s, m a l o u v i u n o s i l ê n c i o d a s e l v a c h a l r a r a s á g u a s q u e i a m d e p e d r a e m p e d r a. T a l v e z q u e n a m a r g e m d a r i b e i r a e s t e j a b e b e n d o a l g u m v e a d o! C a u t e l o s o s e a p o i a n d o - s e a o s t r o n c o s, o s h o m e n s d e s c i a m p e l a e n c o s t a. M a s a p e n a s s e o u v i a m a i s e s p e r t a e f r e s c a a v o z d a s á g u a s o u r a m o s o l t o q u e t o m b a v a. J á o c a v a l e i r o e o s s e u s h o m e n s, t e n d o c h e g a d o j u n t o à b e i r a - m a r, d e s a n i m a v a m. M a s e i s q u e u m d e l e s, o q u e i a à f r e n t e, e s t a c a, e v o l t a n d o a t r á s t r a n s t o r n a d o p e l o e s p a n t o, e x c l a m a c o m v o z s u r d a : C h u s! C a l a i - v o s! S e n h o r, e s t r a n h a c a ç a t e n d e s! L á n o f u n d o, a t r i n t a p a s s o s d o m a r, q u e n ã o m a i s, v i a - s e, d e m e i o c o r p o n a r i b e i r a, q u e a l i s e m i s t u r a v a c o m a s á g u a s s a l g a d a s, e a c a b e ç a s o b r e a s p l a n t a s d a m a r g e m, u m a m u l h e r d e i t a d a. E r a u m a m u l h e r m a r i n h a, u m a f i l h a d o M a r, q u e d o r m i n d o s e e s q u e c e r a n o s o s s e g o d o c e d a m a n h ã. J á D o m F r o i a z c a l a d a m e n t e e r g u e r a o b r a ç o, d a n d o s i n a l a o s h o m e n s p a r a f a z e r e m a l t o. D e p o i s d e i t o u - s e d o c a v a l o a b a i x o. E, p é a n t e p é, c o m a s m a i o r e s c a u t e l a s, d i r i g i u - s e a o l u g a r o n - d e a m u l h e r m a r i n h a a d o r m e c e r a. E i s q u e, a m e i o c a m i n h o, u m r a m o e s t a l o u s o b o s s e u s p é s. A m u l h e r a c o r d o u ; o l h o u à v o l t a ; e m a l q u e v i u o cavaleiro l e - v a n t o u - s e d e s a l t o e a b a l o u d e c o r r i d a e m d i r e ç ã o a o m a r. M a s a s m u l h e r e s m a r i n h a s c o r r e m m e l h o r n a s o n d a s d o q u e s o b r e o

13 J a i m e C o r t e s ã o c h ã o. E D o m F r o i a z, m a i s l i g e i r o d o q u e o s g a m o s d a m a t a, f oi- - l h e n o e n c a l ç o e j á q u a n d o ela m o l h a v a o s p é s n a s o n d a s c o n - s e g u i u d e i t a r - l h e o s b r a ç o s e a r r a s t á - l a c o n s i g o p a r a t e r r a. D e c a b e l e i r a s o l t a e m a l c o b e r t a c o m o s e u v e s t i d o d e a l g a s, a f i l h a d o M a r e s b r a c e j a v a i n u t i l m e n t e e n t r e a s p o s s a n t e s m ã o s d e D o m F r o i a z. M a s c o i s a e s t r a n h a! n e m p a l a v r a d e q u e i x a s e l h e o u v i a! P o r f i m d e i x a r a d e l u t a r. C o n t e n t e s, o s m o n t e i r o s r i a m. D o m F r o i a z s u b i u p a r a o c a v a l o, e, c o m o a u x í l i o d o s s e u s h o - m e n s, e r g u e u - a s o b r e a s e l a. E, s e m t a r d a r, m a r a v i l h a d o e s a - t i s f e i t o c o m t ã o n o v a c a ç a, a b a l o u d i r e i t o a s e u c a s t e l o. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

14 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

15 C a s t i g o d e s a l N o p r i n c í p i o d e t u d o, q u e m m a n d a v a n a T e r r a e r a o G r a n de D e u s d a s Á g u a s, q u e e r a p o d e r o s o, j u s t o e g r a v e [... ]. O G r a n d e D e u s d a s Á g u a s t i n h a l o n g a s b a r b a s f e i t a s d e a l g a s e d e s l o c a v a - s e d e u m l a d o p a r a o o u t r o à p r o a d e g i g a n t e s c a s o n d a s q u e, a o c o n t r á r i o d o s b a r c o s, n ã o p r e c i s a v a m d e r e m o s, d e v e l a s o u d e m o t o r e s p a r a s e m o v i m e n t a r. T o d o s o r e s p e i t a - v a m e t e m i a m, t a m a n h o s e r a m o s s e u s p o d e r e s. D e t o d o s o s s e u s f i l h o s, o m a i s i r r e q u i e t o e a t r e v i d o e r a a Á g u a q u e p o r t u d o e p o r n a d a a m u a v a, t e n d o o r e p r o v á v e l hábito d e i n v a d i r o e s p a ç o d o s s e u s i r m ã o s e d e s e a p r o p r i a r d o q u e l h e s p e r t e n c i a. S e n ã o m u d a r e s d e c o m p o r t a m e n t o a v i s o u - a r e p e t i d a - m e n t e o p a i, a i n d a t e r e i d e t e d a r u m a l i ç ã o d e q u e n ã o i r á s e s q u e c e r - t e. M u d a, p o i s, e n q u a n t o é t e m p o. D e p o i s p o d e s e r d e m a s i a d o t a r d e. M a s a Á g u a, q u e e r a i r r e v e r e n t e e o b s t i n a d a, p e n s a v a q u e a s p a l a v r a s d o p a i n ã o p a s s a v a m d e p a l a v r a s, i s t o é, d e s o n s v a g o s e i m p r e c i s o s q u e n u n c a s e t r a d u z i r i a m e m v e r d a d e i r o s a - t o s. A Á g u a e r a b e l a e e r a d o c e. Q u e m a l e v a s s e a o s l á b i o s, l o g o m a t a v a a s e d e e t i n h a u m a s e n s a ç ã o d e f r e s c u r a q u e l h e i n v a - d i a t o d o o c o r p o. M a s a s u a d o ç u r a e r a e n g a n a d o r a. P o r t r á s d e l a h a v i a t e i m o s i a e s o f r e g u i d ã o, c o b i ç a e m u i t o p o u c o r e s - p e i to p e l o q u e e r a d o s o u t r o s. N o p r i n c í p i o, o p a i, q u e e r a u m b o m e d u c a d o r, a p l i c o u - l h e p e q u e n o s c a s t i g o s, n ã o a l e v a n d o a p a s s e a r c o m o s i r m ã o s, q u a n d o e l a s e p o r t a v a m a l. M u i t a s v e z e s, e l a d e s o b e d e c i a s ó p e l o p r a z e r d e d e s o b e d e c e r, i m a g i n a n d o q u e, p o r h a v e r m u i t o p o u c a s c r i a t u r a s a h a b i t a r a T e r r a, t u d o l h e s e r i a t o l e r a d o e p e r d o a d o. M a s e n g a n a v a - s e. T e n s o t e u e s p a ç o p a r a b r i n c a r, p a r a c r e s c e r, p a r a f a z e r a m i z a d e s, p a r a c o r r e r e p a r a s a l t a r. E s s e e s p a ç o é m a i s d o q u e s u f i c i e n t e p a r a t i. P o r t a n t o, n ã o i n v a d a s o q u e p e r t e n c e a o s t e u s i r m ã o s a d v e r t i a - a o p a i, s e m s e v e r i d a d e, u s a n d o a s u a

16 J o s é J o r g e L e t r i a v o z g r a v e e l i g e i r a m e n t e r o u c a p a r a l h e d a r a v e r q u e a n o s s a l i b e r d a d e a c a b a o n d e c o m e ç a a d o s o u t r o s. M a s e l a, u m a v e z m a i s, f e z d e c o n t a q u e n a d a d o q u e o u v i r a l h e d i z i a r e s p e i t o e c o n t i n u o u a a b u s a r, a a b u s a r s e m p r e. U m d i a, a p a n h a n d o o G r a n d e D e u s d a s Á g u a s a d o r m i r a s e s - t a n o t e r r a ç o d o s e u p a l á c i o r o c h o s o, d e c i d i u p ô r à p r o v a a a u - t o r i d a d e q u e l i m i t a v a o s s e u s e x c e s s o s. E f ê - l o d e u m a m a n e i r a q u e n ã o d e i x a v a m a r g e m p a r a d ú v i d a s. E s t e n d e u o s b r a ç o s e a s p e r n a s e i n v a d i u a T e r r a, e s p r a i a n d o - s e p o r c o n t i n e n t e s e i - l h a s. Q u a n d o o G r a n d e D e u s d a s Á g u a s, a o a c o r d a r, s o u b e d o q u e t i n h a a c o n t e c i d o, f i c o u f u r i o s o. O s e u c a m a r e i r o - m o r a n u n ciou-lhe a p r e s e n ç a d e a n i m a i s t e r r e s t r e s q u e v i n h a m p r o t e s t a r c o n t r a a i n v a s ã o. E s t a v a m m u i t o d e s c a n s a d o s a c o m e r, a d o r m i r o u a t r a b a l h a r a t e r r a, q u a n d o a á g u a d o c e d e i x o u t u d o i n u n dad o, a r r a s t a n d o n a c o r r e n t e c o l h e i t a s e a n i m a i s. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

17 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

18 E n t ã o, r a p i d a m e n t e, p e g o u n o m e n i n o l o u r o q u e d o r m i a n o b e r ç o d e m a r f i m e a t i r o u - o p a r a o p o b r e b e r ç o d e v e r g a. P e g o u n o s e u f i l h i n h o m o r e n o e, e n t r e b e i j o s d e s e s p e r a d o s, d e i t o u - o n o b e r ç o r e a l. U m h o m e m e n o r m e, c o m u m m a n t o n e g r o, s u r g i u à p o r t a d o q u a r t o, a c o m p a n h a d o d e o u t r o s q u e e r g u i a m l a n t e r n a s. O l h o u, c o r r e u p a r a o b e r ç o d e m a r f i m, c o b e r t o d e b r o c a d o s, e a r r a n - c o u d e l á a c r i a n ç a, c o m o q u e m a r r a n c a u m a b o l s a d e o u r o. D e - s a p a r e c e r a m c o m e l a. O p r í n c i p e d o r m i a n o s e u n o v o b e r ç o. A a m a f i c o u i m ó v e l e m s i l ê n c i o. M a s, d e r e p e n t e, g r i t o s d e a l a r m e e c o a r a m p e l o p a l á c i o. T r a v a v a m - s e l u t a s n o s p á t i o s. A r a i n h a, d e s p e n t e a d a, q u a s e n u a, e n t r o u n o q u a r t o, e n t r e a s a i a s, g r i t a n d o p e l o f i l h o. A o v e r o b e r ç o d e m a r f i m c o m a s r o u p a s d e s m a n c h a d a s, c a i u c h o r a n d o. E n t ã o, m u i t o c a l a d a, m u i t o p á l i d a, a a m a d e s c o b r i u o b e r ç o d e v e r g a. O p r í n c i p e l á e s t a v a, s o r r i n d o, c o m o s s e u s c a b e l o s d e o u r o. N e s s e i n s t a n t e o u v i u - s e n o v a m e n t e u m g r a n d e c l a m o r. E r a o c a p i t ã o d o s g u a r d a s a n u n c i a n d o q u e o t e r r í v e l p r e t e n d e n t e a o t r o n o t i n h a s i d o abatido, t r e s p a s s a d o p o r f l e c h a s. M a s a i, t a m b é m o p r i n c i p e z i n h o e s t a v a m o r t o, e s g a n a d o p o r m ã o s f e r o z e s! A o o u v i r e s t a s p a l a v r a s, a r a i n h a, c h o r a n d o e r i n d o a o m e s - m o t e m p o, e r g u e u n o s b r a ç o s o p r í n c i p e. F o i u m e s p a n t o, u m a a c l a m a ç ã o! Q u e m o s a l v a r a? Q u e m? J u n t o d o b e r ç o, l á e s t a v a e l a, a e s c r a v a, q u e, p a r a s a l v a r o p r í n c i p e, e n t r e g a r a à m o r t e o p r ó p r i o f i l h o. A s d u a s m ã e s a b r a ç a r a m - s e. E r a p r e c i s o r e c o m p e n s a r a q u e l a m u l h e r! M a s c o m o? Q u e b o l - s a s d e o u r o p o d i a m p a g a r u m f i l h o? E n t ã o u m v e l h o t e v e u m a i d e i a : L e v e m - n a a o t e s o u r o r e a l p a r a e l a e s c o l h e r a s r i q u e z a s q u e q u i s e r. A r a i n h a d e u a m ã o à s e r v a e l e v o u - a a t é à s a l a d o t e s o u r o. S e n h o r e s, a i a s, s o l d a d o s a s s e g u i r a m, c o m o v i d o s.

19 L u í s a D u c l a S o a r e s [... ] T o d o s e s t a v a m a n s i o s o s. M a s a a m a n ã o s e m o v i a... O l h a v a p a r a o c é u, a l é m d a s g r a d e s, e p e n s a v a n o s e u m e n i - n o, q u e l á d e v i a e s t a r. J á e r a t a r d e, o m e n i n o d e c e r t o c h o r a v a e p r o c u r a v a o s e u p e i t o. A a m a s o r r i u e e s t e n d e u a m ã o. Q u e j o i a m a r a v i l h o s a, q u e f i o d e d i a m a n t e s, q u e p u n h a d o d e r u b i s i a e l a e s c o l h e r? A a m a e s t e n d e u a m ã o e a g a r r o u u m p u n h a l! E r a u m p u n h a l t o d o e n f e i t a d o c o m e s m e r a l d a s, q u e v a l i a u m a p r o v í n c i a. A g a r r a d a a o p u n h a l, g r i t o u : S a l v e i o m e u p r í n c i p e. A g o r a v o u d a r d e m a m a r a o m e u f i l h o! E c r a v o u o p u n h a l n o c o r a ç ã o. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

20 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

21 N o s é c u l o v i n t e e s e t e, n a c i d a d e d e A l c o c h e t e, v i v i a o S r. R o q u e t e, q u e v e n d i a s a b o n e t e. A c i d a d e d e A l c o c h e t e e r a u m a b e l a c i d a d e, c o m p r é d i o s d e m i l a n d a r e s e fábricas a o s m i l h a r e s. T i n h a j a r d i n s c o m á r v o r e s f i n g i d a s e f l o r e s d e p l á s t i c o, r a m p a d e f o g u e t õ e s e o u t r a s a t r a - ç õ e s, e n t r e e l a s u m a p r a ç a d e t o u r o s f e n o m e n a l, c o m t o u r o s d e aço, t e l e c o m a n d a d o s. Só h a v i a u m s e n ã o, n a c i d a d e d e A l c o c h e t e... e r a u m c e r t o c h e i r e t e, q u e s u b i a d o a n t i g o r i o T e j o, t r a n s f o r m a d o n o m a i o r c a n o d e e s g o t o d a P e n í n s u l a I b é r i c a, e d e s c i a d e u m e n o r m e c h a p é u d e f u m o d a s c h aminés i n d u s t r i a i s. P o r i s s o, o S r. R o q u e t e v e n d i a t a n t o s a b o n e t e. S a b o n e t e d e l i m ã o p a r a q u e m c h e i r a v a a a l c a t r ã o. S a b o n e t e d e a n a n á s p a r a q u e m c h e i r a v a a a g u a r r á s. S a b o n e t e d e m a n j e r i c o p a r a q u e m c h e i r a v a a p e n i c o. C o m o d i n h e i r o d o s s a b o n e t e s, o S r. R o q u e t e f i c o u r i c o e c o m p r o u o q u e a s p e s s o a s r i c a s c o s t u m a v a m c o m p r a r : u m p r é - d i o p a r a m o r a r, u m c a r r o p a r a a n d a r, u m f o g u e t ã o p a r a v i a j a r. O p r é d i o q u e c o m p r o u f i c a v a n u m b a i r r o m o d e r n o, o n d e o s a r r a n h a - c é u s e r a m t a o j u n t o s q u e a l u z d o s o l n e m n o v e r ã o l á c o n s e g u i a c h e g a r. F a r t o d e e s c u r i d ã o, m e t e u - s e n o a u t o m ó v e l p a r a d a r u m g i - r o, m a s e r a t a l o t r â n s i t o q u e l e v o u d o i s d i a s a p e r c o r r e r a s A - v e n i d a s C e n t r a i s e, q u a n d o f i n a l m e n t e q u i s e s t a c i o n a r, s ó arr a n j o u l u g a r n a v i z i n h a c i d a d e d e S a n t a r é m. I r r i t a d o, s a l t o u p a r a o f o g u e t ã o. Q u e r i a c o n h e c e r m u n d o, i - r i a v i a j a r p e l o a r. E m m á h o r a o f e z, p o r é m, c o m t ã o d e n s a f u - m a r a d a e m t o d a a T e r r a, não c h e g o u a v e r n a d a e o q u e l h e v a - l e u f o i o r a d a r p a r a n ã o c h o c a r c o m m i l h õ e s d e o u t r o s f o g u e - tões. C o m o a s p e s s o a s r i c a s, m a n d o u c o n s t r u i r f á b r i c a s : u m a f á - b r i c a d e b i f e s e m p ó, o u t r a d e b o m b a s i n v i s í v e i s, o u t r a d e t e - c i d o s m a g n é t i c o s q u e r e p e l i a m a s n ó d o a s... e m a i s t r ê s e n o r - mes c h a m i n é s c o m e ç a r a m a e s g u i c h a r f u m o e n c a r n a d o, p r e t o, a m a r e l o. O a r t o r n o u - s e t ã o i r r e s p i r á v e l q u e a s p e s s o a s p a s s a r a m a

22 L u í s a D u c l a S o a r e s u s a r m á s c a r a s de o x i g é n i o. E q u e m d i z a s p e s s o a s, d i z o s c ã e s e o s g a t o s d e l u x o, a s v a c a s l e i t e i r a s, o s p o r c o s, o s c a r n e i r o s. O s o u t r o s a n i m a i s i a m a p o u c o e p o u c o m o r r e n d o, n a t u r a l m ent e. O f u m o e n t r a v a n a s c a s a s, t o l d a v a t u d o. D a p o r t a j á n ã o s e v i s l u m b r a v a a j a n e l a... A t é q u e, c e r t o d i a, a o s e n t a r - s e c o m o h a b i t u a l m e n t e n o c a - d e i r ã o, o S r. R o q u e t e, n u m e s p a n t o h o r r o r i z a d o, v e r i f i c o u q u e d a l i j á n ã o p o d i a v e r a t e l e v i s ã o. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a A l m a d a, A n o L e t i v o d e

23 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

24 O s c i c l o p e s d a s o u t r a s i l h a s a c o r d a r a m e s t r e m u n h a d o s e d i s - s e r a m u n s p a r a o s o u t r o s : É o P o l i f e m o q u e e s t á a c h a m a r p o r n ó s, e e s t á a p e d i r s o c o r r o. T e m o s d e i r I á v e r o q u e é, t e m o s d e l h e a c u d i r! E l e v a n t a r a m - s e t o d o s, e d e i t a r a m - s e t o d o s a o m a r, e c h e - g a r a m t o d o s à p o r t a d a g r u t a o n d e m o r a v a o P o l i f e m o. C h e g a - r a m e s c o r r e n d o á g u a e f r i o e a n s i e d a d e. D i s s e u m : M e t e m o s o p e d r e g u l h o d e n t r o! R e s p o n d e r a m o s o u t r o s : N ã o, n ã o. O l h a q u e e l e p o d e e s t a r c o m u m d o s s e u s a t a q u e s d e m a u g é n i o e n ó s é q u e s o f r e m o s. V a m o s p e r g u n t a r o q u e l h e e s t á a c o n t e c e n d o, e d e p o i s v e r e - m o s. E a s s i m f i z e r a m. A c o n v e r s a q u e s e s e g u i u f o i e s t a : Ó P o l i f e m o, o q u e t e n s? A i m e u s i r m ã o s, a c u d a m - m e, a c u d a m - m e! O q u e f o i, P o l i f e m o? A i m e u s i r m ã o s, a c u d a m! N i n g u é m q u e r m a t a r - m e... P o i s n ã o, P o l i f e m o, n i n g u é m t e q u e r m a t a r. N ã o é i s s o, s e u s p a l e r m a s! O q u e e u e s t o u a d i z e r é q u e N i n g u é m e s t á a q u i e N i n g u é m q u e r m a t a r - m e! P o i s é, r a p a z! É o q u e n ó s e s t a m o s a p e r c e b e r m u i t o b e m : n i n g u é m e s t á a q u i e n i n g u é m t e q u e r m a t a r... N ã o é i s s o, s e u s i d i o t a s!... E n ã o h a v i a m a n e i r a d e s e e n t e n d e r e m u n s c o m o s o u t r o s. Q u a n d o o s c i c l o p e s p e r c e b e r a m q u e o P o l i f e m o e s t a v a j á m u i t o z a n g a d o, d i z e n d o s e m p r e a q u e l a s m e s m a s c o i s a s q u e e l e s j á t i - n h a m o u v i d o, e s c o r r e n d o a i n d a á g u a e f r i o s e f o r a m r e t i r a n d o p a r a a s s u a s c a v e r n a s d a s o u t r a s i l h a s, c o m e n t a n d o e n t r e s i : «Ora e s t a! Q u e i d e i a, n o m e i o d a n o i t e c e r r a d a a c o r d a r - n o s a s - s i m p a r a n o s d i z e r q u e n i n g u é m e s t a v a l á e n i n g u é m o q u e r i a m a t a r... C o i t a d o! C o m c e r t e z a e s t a v a c o m a l g u m a d o r d e d e n - t e s!» E l á s e f o r a m t o d o s e m b o r a p a r a a s s u a s c a v e r n a s l o n g e. U - l i s s e s e s t a v a r a d i a n t e p o r t e r t i d o a q u e l a b o a i d e i a d e d i z e r q u e s e c h a m a v a N i n g u é m. E m b o r a e n t r e t a n t o t i v e s s e s o f r i d o u m e n o r m e s u s t o a o s e n t i r a l i t ã o p e r t o t a n t o s c i c l o p e s...

25 M a r i a A l b e r t a M e n é r e s Mas c o m o h a v i a m e l e s d e s a i r d a l i? P o l i f e m o c o n t i n u a v a a s u a l a m ú r i a, a g o r a m a i s c a l m o : «N ã o h á d i r e i t o! F a z e r e m - me i s t o a m i m, q u e s o u t ã o b o n z i n h o! P o i s d e i x e m e s t a r, q u e a m a - nhã n e m u m s ó h o m e m s a i r á d e s t a c a v e r n a. S ó o m e u r e b a n h o é q u e s a i!» Q uando U l i s s e s o u v i u i s t o, t e v e u m a i d e i a : a t a r c a d a c o m p a - n h e i r o s e u p o r b a i x o d e c a d a o v e l h a, p a r a a s s i m n o d i a s e g u i n - t e q u a n d o o r e b a n h o a b a n d o n a s s e a c a v e r n a, o s h o m e n s a a b a n - d o n a r e m t a m b é m s e m p e r i g o. E a s s i m f o i. P a r a e l e, p o r n ã o s e p o d e r a t a r a s i p r ó p r i o, g u a r d o u o c a r n e i r o m a i s l a n z u d o d o r e - b a n h o a f i m d e s e a g a r r a r à s u a l ã q u a n d o p a s s a s s e j u n t o d o P o l i f e m o. A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

26 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

27 E, v i r a n d o a s c o s t a s, O r i a n a s e g u i u o s e u c a m i n h o, m a s enq u a n t o s e a f a s t a v a o u v i u o r i s o m a u e s i b i l a n t e d a v í b o r a : S S S S S S S S S S S. A o f i m d e m u i t o a n d a r c h e g o u à c a s a d o m o l e i r o. A p o r t a e s - t a v a a b e r t a. L á d e n t r o e s t a v a t u d o n a m a i o r d e s o r d e m : a s g a - v e t a s e o s a r m á r i o s a b e r t o s e v a z i o s, o c h ã o e o s m ó v e i s c o - b e r t o s d e p o e i r a, e h a v i a p o r t o d o s o s l a d o s c o i s a s p a r t i d a s. A c a s a p a r e c i a t e r s i d o a b a n d o n a d a h á m u i t o t e m p o. O l u m e e s t a - v a a p a g a d o, o s q u a r t o s c h e i o s d e t e i a s d e a r a n h a. O r i a n a p e g o u n u m a v a s s o u r a e n u m t r a p o e c o m e ç o u a v a r r e r e a l i m p a r a c a - s a. E n t ã o o u v i u u m r u í d o e u m a v o z q u e a c h a m o u : O r i a n a! E r a u m r a t o. O r i a n a, n ã o v a l e a p e n a a r r u m a r e s a c a s a. J á n ã o v i v e a - q u i n i n g u é m s e n ã o e u. O m o l e i r o, a m o l e i r a e o s s e u s f i l h o s for a m v i v e r p a r a a c i d a d e. A h! M a s p o r q u ê? p e r g u n t o u O r i a n a. U m d i a d e s a p a r e c e u u m d o s f i l h o s m a i s n o v o s, a q u e l e q u e t e m c a r a c ó i s p r e t o s e q u e t e m q u a t r o a n o s. O m o l e i r o e a m o l e i r a p r o c u r a r a m - n o d u r a n t e n o v e d i a s p e l a f l o r e s t a t o d a s e m o e n c o n t r a r, e a o f i m d e n o v e d i a s o m o l e i r o d i s s e : O n o s s o f i l h o p e r d e u - s e n a f l o r e s t a, o u f o i c o m i d o p e l o s l o b o s, o u c a i u a o r i o, q u e o l e v o u a f o g a d o p a r a l o n g e. N ã o v a l e a p e n a p r o c u r á - l o m a i s. V a m o - n o s e m b o r a d a f l o r e s t a a n t e s q u e t o r n e a a c o n t e c e r o u t r o d e s a s t r e. H á m u i t o t e m p o q u e e u s e n t i a q u e i a a c o n t e c e r u m a c o i - s a m á d i s s e a m o l e i r a. U l t i m a m e n t e t u d o m e c o r r i a t o r t o. Q u a n d o e u c h e g a v a a c a s a e n c o n t r a v a t u d o d e s a r r u m a d o. O s m e u s f i l h o s e s t a v a m s e m p r e a c a i r a o r i o e v o l t a v a m s e m p r e p a r a c a s a s u j o s, r o t o s e c h e i o s d e f e r i d a s. V a m o s d e p r e s s a e m - b o r a d a f l o r e s t a. E d e p o i s d e s t a c o n v e r s a o m o l e i r o e a m u l h e r f i z e r a m a s m a l a s e a s t r o u x a s, p u s e r a m t u d o n u m a c a r r o ç a e f o r a m c o m os f i l h o s p a r a a c i d a d e. P o r i s s o n ã o v a l e a p e n a a r r u m a r e s a c a - s a. F o i t u d o p o r m i n h a c u l p a s u s p i r o u O r i a n a, f u i e u q u e

28 S o p h i a d e M e l l o B r e y n e r A n d r e s e n o s a b a n d o n e i. O s f i l h o s d o m o l e i r o c a i a m a o r i o e v o l t a v a m p a - ra c a s a s u j o s, r o t o s e f e r i d o s p o r q u e e u n ã o t o m a v a c o n t a d e - l e s. A t é q u e u m s e p e r d e u. A i c o m o é q u e e u h e i d e d e s f a z e r o m a l q u e f i z? E d i z e n d o i s t o O r i a n a p ô s - s e a c h o r a r a o p é d o l u m e a p a g a - d o. É u m a g r a n d e t r i s t e z a d i s s e o r a t o. E f o i r e a l m e n t e t u a a c u l p a. O r i a n a p e g o u n a v a s s o u r a, d i z e n d o : A p e s a r d e t u d o, v o u a c a b a r d e a r r u m a r e l i m p a r a c a s a. Q u a n d o c h e g o u a o f i m d a s l i m p e z a s, a f a d a d e s p e d i u - s e d o r a t o e f o i o u t r a v e z p e l a f l o r e s t a f o r a. P e l o c a m i n h o h a v i a p e - d r a s q u e l h e m a g o a v a m o s p é s e t o j o s e m a t o s q u e a p i c a v a m. Q u a n d o e l a t i n h a a s a s, v o a v a p o r c i m a d o s c a m i n h o s m a u s e s ó p o u s a v a n o c h ã o o s s e u s p é s q u a n d o o c h ã o e s t a v a c o b e r t o d e m u s g o, d e r e l v a m a c i a o u d e a r e i a f i n a. «Q u e d i f í c i l q u e é a v i d a d o s h o m e n s», p e n s o u e l a. «E l e s n ã o t ê m a s a s p a r a v o a r p o r c i m a d a s c o i s a s m á s.» A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

29 B i b l i o t e c a E s c o l a r C o n c u r s o S a b e r l e r c o m e m o ç ã o

30 N o m e i o d o c l a u s t r o c o r r i a u m a f o n t e e e m s u a r o d a c r e s c i - a m c r a v o s e r o s a s b r a n c a s. N o c é u a z u l a s a n d o r i n h a s c r u z a v a m o s e u v o o. E d a s c o l u n a s, d o m u r m ú r i o d a f o n t e, d a s f l o r e s, d a s p i n t u - r a s e d a s a v e s e r g u i a - s e u m a g r a n d e p a z c o m o s e o s h o m e n s, o s a n i m a i s, a s p l a n t a s e a s p e d r a s t i v e s s e m e n c o n t r a d o u m r e i n o d e a l i a n ç a e d e a m o r. N e s t a p a z a s f o r ç a s d o C a v a l e i r o c r e s c i a m d i a a d i a a t é q u e, a o c a b o d e c i n c o s e m a n a s d e d e s c a n s o, e l e p ô d e d e s p e d i r - se d o s f r a d e s e c o n t i n u a r o s e u c a m i n h o. E n t ã o d i r i g i u - s e p a r a G é n o v a. M a s q u a n d o c h e g o u a o g r a n d e p o r t o d e m a r e r a j á o f i m d e s e t e m b r o e o s n a v i o s q u e s e g u i a m p a r a a F l a n d r e s j á t i n h a m p a r t i d o t o d o s. P e r c o r r e u o s c a i s, f a l o u c o m o s c a p i t ã e s, f o i à c a s a d o s a r m a d o r e s. A r e s p o s t a q u e l h e d a v a m e r a s e m p r e a m e s m a : s ó d a í a v á r i o s m e s e s p o d e r i a a r r a n j a r n a v i o p a r a a F l a n d r e s. P r i m e i r o o C a v a l e i r o f i c o u d e s e s p e r a d o c o m e s t a s n o t í c i a s e d u r a n t e d o i s d i a s n ã o c o m e u n e m d o r m i u. M a s d e p o i s r e c u p e - r o u o â n i m o e r e s o l v e u s e g u i r v i a g e m p o r t e r r a, a c a v a l o, a t é B r u g e s. A t r a v e s s o u o s A l p e s, a t r a v e s s o u o s c a m p o s, a s p l a n í c i e s, o s v a l e s e a s m o n t a n h a s d a F r a n ç a. A g o r a s ó p a r a v a p a r a c o m e r e d o r m i r, a n s i o s o d e c h e g a r ant e s d o N a t a l à s u a t e r r a. M a s q u a n d o c h e g o u à F l a n d r e s e r a j á i n v e r n o e s o b r e o s t e - l h a d o s e o s c a m p o s c a í a a p r i m e i r a n e v e. O C a v a l e i r o d i r i g i u - s e p a r a A n t u é r p i a e a í p r o c u r o u o n e g o - c i a n t e f l a m e n g o, p a r a o q u a l o b a n q u e i r o A v e r a r d o l h e t i n h a d a d o u m a c a r t a. E n c o n t r o u o n e g o c i a n t e e m s u a c a s a, a q u e c e n d o a s m ã o s à l a r e i r a, v e s t i d o c o m u m a b e l a r o u p a d e p a n o v e r d e, l a r g a e d e - b r u a d a d e p e l e s p r e t a s. O f l a m e n g o r e c e b e u o v i a j a n t e c o m g r a n d e a m a b i l i d a d e e c o n v i d o u - o p a r a f i c a r e m s u a c a s a. M a l s e s e n t a r a m p a r a j a n t a r o C a v a l e i r o e s p a n t o u - s e c o m o p a l a d a r d a c o m i d a q u e e s t a v a t e m p e r a d a c o m e s p e c i a r i a s p a r a

31 e l e d e s c o n h e c i d a s. O n e g o c i a n t e r i u - s e, a b a n o u a c a b e ç a e d i s s e : Vê-se q u e c o n h e c e s m a l o m u n d o n o v o. I n d i g n a d o c o m e s t a s p a l a v r a s, o C a v a l e i r o c o m e ç o u a n a r r a r a s u a v i a g e m. Q u a n d o e l e t e r m i n o u o f l a m e n g o d i s s e : C o n t a s t e u m a b e l a h i s t ó r i a, m a s d a q u i a p o u c o v a i c h e g a r a l g u é m q u e t e c o n t a r á h i s t ó r i a s m u i t o m a i s e s p a n t o s a s. D e f a c t o, p a s s a d o p o u c o t e m p o, b a t e r a m à p o r t a d a c a s a, o u v i r a m - s e p a s s o s n a e s c a d a, e d e p o i s p e n e t r o u n a s a l a u m h o - m e m a l t o e f o r t e, d e a s p e t o r u d e, p e l e q u e i m a d a p e l o s o l e and a r b a l o i ç a d o. E s t e é u m d o s c a p i t ã e s d o s m e u s n a v i o s d i s s e o n e g o c i - ante. V o l t o u h á d o i s d i a s d u m a v i a g e m. O r e c é m - c h e g a d o p o i s o u e m c i m a d a m e s a t r ê s p e q u e n o s c o - f r e s e d i s s e : A q u i e s t ã o t r ê s a m o s t r a s d a s m e r c a d o r i a s q u e t r a g o. O p r i m e i r o c o f r e e s t a v a c h e i o d e p e q u e n a s p é r o l a s, o seg u n d o c o f r e e s t a v a c h e i o d e o i r o e o t e r c e i r o c o f r e e s t a v a c h e i o d e p i m e n t a. E s p a n t o u - s e o C a v a l e i r o c o m a q u i l o q u e v i a, p o i s n a q u e l e t e m p o a p i m e n t a e r a q u a s e t ã o r a r a c o m o o o i r o. O d o n o d a c a s a p ô s m a i s l e n h a n a l a r e i r a, s e r v i u v i n h o a o s s e u s h ó s p e d e s, e o s t r ê s h o m e n s s e n t a r a m - s e e m f r e n t e d o l u - m e. E n t ã o, a p e d i d o d o n e g o c i a n t e, o c a p i t ã o c o m e ç o u a f a l a r d a s s u a s v i a g e n s. C o n t o u c o m o d e s d e m u i t o n o v o t i n h a s e g u i d o a c a r r e i r a d e m a r i n h e i r o v i a j a n d o p o r t o d o s o s p o r t o s d a E u r o - p a d e s d e o m a r B á l t i c o a t é a o M e d i t e r r â n e o. M a s e r a s o b r e t u d o e n t r e a F l a n d r e s e o s p o r t o s d a P e n í n s u l a I b é r i c a q u e v i a j a v a. U m d i a, p o r é m, t e v e d e s e j o d e i r m a i s l o n g e, d e i r a t é à s t e r - r a s d e s c o n h e c i d a s q u e s u r g i a m d o m a r. E n t ã o r e s o l v e u a l i s t a r - - s e n a s e x p e d i ç õ e s p o r t u g u e s a s q u e n a v e g a v a m p a r a o s u l à p r o c u r a d e n o v o s p a í s e s. V e i o a L i s b o a e a í e m b a r c o u n u m a c a - r a v e l a q u e p a r t i a a r e c o n h e c e r e a e x p l o r a r a s c o s t a s d e Á f r i - c a.

32 S o p h i a d e M e l l o B r e y n e r A n d r e s e n A B i b l i o t e c a E s c o l a r e m p a r c e r i a c o m o s P r o f e s s o r e s d e L í n g u a P o r t u g u e s a

33

M a n h ã... p r e s e n t e! L u g a r... p r e s e n t e! Q u e m... p r e s e n t e! N e n h u m... p r e s e n t e! C u í c a... p r e s e n t e!

M a n h ã... p r e s e n t e! L u g a r... p r e s e n t e! Q u e m... p r e s e n t e! N e n h u m... p r e s e n t e! C u í c a... p r e s e n t e! C a r o l i n a M a n h ã......................................................................... p r e s e n t e! L u g a r.......................................................................... p

Leia mais

U N I V E R S I D A D E C A N D I D O M E N D E S P Ó S G R A D U A Ç Ã O L A T O S E N S U I N S T I T U T O A V E Z D O M E S T R E

U N I V E R S I D A D E C A N D I D O M E N D E S P Ó S G R A D U A Ç Ã O L A T O S E N S U I N S T I T U T O A V E Z D O M E S T R E U N I V E R S I D A D E C A N D I D O M E N D E S P Ó S G R A D U A Ç Ã O L A T O S E N S U I N S T I T U T O A V E Z D O M E S T R E E S T U D O D O S P R O B L E M A S D A E C O N O M I A B R A S I L

Leia mais

A C O N T R A R E F O R M A E A R E F O R M A C A T Ó L I C A N O S P R I N C Í P I O S D A I D A D E M O D E R N A 2

A C O N T R A R E F O R M A E A R E F O R M A C A T Ó L I C A N O S P R I N C Í P I O S D A I D A D E M O D E R N A 2 1 Í N D I C E A C O N T R A R E F O R M A E A R E F O R M A C A T Ó L I C A N O S P R I N C Í P I O S D A I D A D E M O D E R N A 2 A P R E S E N T A Ç Ã O : A L G U M AS N O T A S E P A L A V R A S 2

Leia mais

A C T A N. º I V /

A C T A N. º I V / 1 A C T A N. º I V / 2 0 0 9 - - - - - - A o s d e z a s s e t e d i a s d o m ê s d e F e v e r e i r o d o a n o d e d o i s m i l e n o v e, n e s t a V i l a d e M o n c h i q u e, n o e d i f í c

Leia mais

P a l a v r a s - c h a v e s : l i n g u í s t i c a, l i n g u a g e m, s o c i a b i l i d a d e.

P a l a v r a s - c h a v e s : l i n g u í s t i c a, l i n g u a g e m, s o c i a b i l i d a d e. A V A R I E D A D E L I N G U Í S T I C A D E N T R O D A S O C I E D A D E C A M P O - G R A N D E N S E N O Â M B I T O D O M E R C A D Ã O M U N I C I P A L E F E I R A C E N T R A L D E C A M P O G

Leia mais

A S S E M B L E I A D E F R E G U E S I A D A U N I Ã O D E F R E G U E S I A S D O C A C É M E S Ã O M A R C O S R

A S S E M B L E I A D E F R E G U E S I A D A U N I Ã O D E F R E G U E S I A S D O C A C É M E S Ã O M A R C O S R A T A N º 2 /2013 A o s t r i n t a d i a s d o m ê s d e d e z e m b r o d o a n o d e d o i s m i l e t r e z e, p e l a s v i n t e e u m a h o r a s e q u i n z e m i n u t o s r e u n i u e m s e

Leia mais

P R O F E S S O R V I N I C I U S S I L V A CAP II DESIGN D E E M B A L A G E N S

P R O F E S S O R V I N I C I U S S I L V A CAP II DESIGN D E E M B A L A G E N S CAP II DESIGN D E E M B A L A G E N S LINGUAGEM V I S U A L E S T E M O M E N T O P R I M O R D I A L, O N D E A I D E N T I F I C A Ç Ã O D O P R O D U T O E R A F E I T A P E L A F O R M A D E S E U

Leia mais

EBI DA BOA ÁGUA EB1 N.º 2 DA QUINTA DO CONDE EB1/JI DO PINHAL DO GENERAL JI DO PINHAL DO GENERAL

EBI DA BOA ÁGUA EB1 N.º 2 DA QUINTA DO CONDE EB1/JI DO PINHAL DO GENERAL JI DO PINHAL DO GENERAL L I S T A D E C A N D I D A T U R A S A O C O N C U R S O D E A S S I S T E N T E O P E R A C I O N A L P U B L I C A D O N O D I Á R I O D A R E P Ú B L I C A N º 1 5 8 D E 1 4 / 8 / 2 0 1 5 A V I S O

Leia mais

Á Ç ó á ç

Á Ç ó á ç Á Ç ó á ç É í é çã ô ã â ã á ç õ é á õ é ê ã ê çã õ ê ú õ ê ó ó ó ó ã é à çã ê é ê í é ã ó ã á ç í á é ã ó é á ó ó á ó á ã ó ã ã çã ó ê ó ê á ô ô ã ã çã ô çã ô í ê ó á ó ê çõ ê é á ê á á ç ó í çã ó ã é

Leia mais

O processo eleitoral brasileiro. A n tonio Paim I n s t i t u t o d e H u m a n i d a d e s, S ã o P a u l o

O processo eleitoral brasileiro. A n tonio Paim I n s t i t u t o d e H u m a n i d a d e s, S ã o P a u l o O processo eleitoral brasileiro A n tonio Paim I n s t i t u t o d e H u m a n i d a d e s, S ã o P a u l o A p a i m 0 9 @ u o l. c o m. b r A j u l g a r p e l o s s i n a i s e x t e r i o r e s, o

Leia mais

A T A N º 4 /2014. S e s s ã o o r d i n á r i a 30 d e j u n h o d e M a r g a r i d a M a s s e n a 1 d e 50

A T A N º 4 /2014. S e s s ã o o r d i n á r i a 30 d e j u n h o d e M a r g a r i d a M a s s e n a 1 d e 50 A T A N º 4 /2014 A o s t r i n t a d i a s d o m ê s d e j u n h o d o a n o d e d o i s m i l e c a t o r z e, p e l a s v i n t e h o r a s e t r i n t a m i n u t o s r e u n i u e m s e s s ã o o

Leia mais

A T A N º 7 /

A T A N º 7 / A T A N º 7 / 2 0 1 4 A o s d e z a s s e i s dias d o m ê s d e d e z e m b r o d o a n o d e d o i s m i l e c a t o r z e, p e l a s v i n t e h o r a s e c i n q u e n t a m i n u t o s r e u n i u

Leia mais

S e s s ã o e x t r a o r d i n á r i a 1 3 d e m a r ç o d e A T A N º 1 /

S e s s ã o e x t r a o r d i n á r i a 1 3 d e m a r ç o d e A T A N º 1 / A T A N º 1 / 2 0 1 4 A o s t r e z e d i a s d o m ê s d e m a r ç o d o a n o d e d o i s m i l e c a t o r z e, p e l a s v i n t e e u m a h o r a s e d e z m i n u t o s r e u n i u e m s e s s ã

Leia mais

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z ÇÃ ódigo escrição nid. ódigo escrição nid. Ç 1001.01 Ç 13 16 (1/4 5/16) Ç 1001.02 Ç 19 25 (1/2 3/4) Ç 1001.03 Ç 1/2 / Ç 1001.04 Ç Ã 1/2 / Ç Á 1002.01 Á Ç 1002.02 Á Ç 1002.03 Á Ç 1003.01 / Ê Ç 1003.02 /

Leia mais

I g r e j a P a r o q u i a l d o C a c é m, n o C a c é m, s o b a P r e s i d ê n c i a d e C r i s t i n a S o f i a

I g r e j a P a r o q u i a l d o C a c é m, n o C a c é m, s o b a P r e s i d ê n c i a d e C r i s t i n a S o f i a A T A Nº 6 /2014 A o s v i n t e e o i t o dias d o m ê s d e n o v e m b r o do ano de dois mil e catorze, pelas v i n t e h o r a s e c i n q u e n t a m i n u t o s r e u n i u e m s e s s ã o e x t

Leia mais

Técnicas Expandidas no Repertório de Percussão

Técnicas Expandidas no Repertório de Percussão D e p a r t a m e n t o d e M ú s i c a M e s t r a d o e m M ú s i c a - I n t e r p r e t a ç ã o A r t í s t i c a Saulo Giovannini Musique Concrète In stru mentale Técnicas Expandidas no Repertório

Leia mais

D e p a r t a m e n t o d e P s i c o l o g i a d a U n i v e r s i d a d e L u s ó f o n a

D e p a r t a m e n t o d e P s i c o l o g i a d a U n i v e r s i d a d e L u s ó f o n a O M e d o, a A n s i e d a d e e a s s u a s P e r t u r b a ç õ e s A m é r i c o B a p t i s t a, M a r i n a C a r v a l h o & F á t i m a L o r y C e n t r o d e E s t u d o s d e P s i c o l o g i

Leia mais

K e y w o r d s : A r t, e x p e r i e n c e s, m u s e u m, p r o j e c t s

K e y w o r d s : A r t, e x p e r i e n c e s, m u s e u m, p r o j e c t s Arte e Vivências: Trajetória dos Alunos nos Espaços Culturais Arts and Experiences: the Story of Students in the Cu l- ture Spaces D i o n e B a p t i s t a d o A m a r a l S a r d i n h a 1 R e s u m

Leia mais

TAX & BUSINESS I. I N T R O D U Ç Ã O

TAX & BUSINESS I. I N T R O D U Ç Ã O i INFORMAÇÃO FISCAL Nº 8 A b r il 2013 A F I S C A L I Z A Ç Ã O C O N S T I T U C I O N A L S U C E S S I V A D O O. E. 2 0 1 3 ( A c ó r d ã o n. º 1 8 7 / 2 0 1 3, d e 5 d e A b r i l, d o T r i b u

Leia mais

1 I D E N T I F I C A Ç Ã O

1 I D E N T I F I C A Ç Ã O CONTRIBUIÇÃO DE MINI MUSEUS NA CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO RELATIVO A FENOMENOS FÍSICO QUÍMICOS A ESTUDANTES DE ENSINO BÁSICO E FUNDAMENTAL NO CONTEXTO AMBIENTAL. [MEC / SESU / UFLA] 1 I D E N T I F I C

Leia mais

P ET A g r o n o m i a & U n i v e r s i d a d e F e d e r a l d e L a v r a s U F L A / M G 1 R E S U M O 2 I N T R O D U Ç Ã O

P ET A g r o n o m i a & U n i v e r s i d a d e F e d e r a l d e L a v r a s U F L A / M G 1 R E S U M O 2 I N T R O D U Ç Ã O P RO G R A M A P ARA REDUÇÃ O D O I M P A C T O A M B I E N T A L C A U SA D O P ELA REVERS Ã O S E X U AL E M T I L Á P I A S ( O r e o c h r o m i s n i l o t i c u s ). P ET A g r o n o m i a & P ET

Leia mais

OBJETIVOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS DINAMIZA- DORES. - Canções mimadas; - Atividades livres na sala e exterior; - Jogos de interação; - Canções de roda;

OBJETIVOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS DINAMIZA- DORES. - Canções mimadas; - Atividades livres na sala e exterior; - Jogos de interação; - Canções de roda; 66 66 F 6 66 F 66 F 6 66 F F 66 F 6 66 F F F F 66 F 6 66 F F 66 F 6 66 F F 66 F 6 66 F 66 F 6 66 F 66 F 6 66 F F 66 F 6 66 F F F 66 F 6 66 F F F 66 F 6 6 Ÿ Ò Ï ß Ò Ï Ò ¼ ¼ F Ÿ ž ž µ Î ¼ Þ Ý Û Ò ¼ Î Ò µ

Leia mais

R EGIÃO G ASTRONÓMICA DA M ADEIRA

R EGIÃO G ASTRONÓMICA DA M ADEIRA R EGIÃO G ASTRONÓMICA DA M ADEIRA ESCOLA PROFISSIONAL E ARTÍSTICA DA MARINHA GRANDE P ROVA DE A PTIDÃO PROFISSIONAL Curso Técnico de Restauração, Variante Restaurante Bar 2010 2013 2 I DENTIFICAÇÃO NOME:

Leia mais

Reasons for the lack of sports performance of Comercial F.C

Reasons for the lack of sports performance of Comercial F.C RAZÕES PARA A FALTA DE RENDIMENTO ESPORTIVO DO COMERCIAL F.C. Reasons for the lack of sports performance of Comercial F.C V W X W Y Z [ \ ] ^ _ ` a _ a ] ` ] b X W Z c \ ] ` _ ` a _ a ] ` ` 5 & ', " d

Leia mais

7 Dias de gratidão para uma vida mais equilibrada

7 Dias de gratidão para uma vida mais equilibrada 7 Dias de gratidão para uma vida mais equilibrada g u i a c o m p l e t o luciana cairo A gratidão pode transformar a maneira como você enxerga o mundo! Luciana Cairo Uma palavrinha... O l á!! O b r i

Leia mais

ETANOL E USO CORPORATIVO DO TERRITÓRIO

ETANOL E USO CORPORATIVO DO TERRITÓRIO a Q Q a I I I I 5 a a ETANO E USO CORPORATIVO DO TERRITÓRIO ethanol and corporative use of territory! " # $ & ' & ( ) & * $! + # $, " & ( ( -. / 0 1 2 3 4 5 6 7 6 8 9 : 6 ; 5 < = < > 4 6 6 8? @ > = 6 =

Leia mais

Aspectos da leitura - uma perspectiva da psicolinguística Vilson J.Leffa

Aspectos da leitura - uma perspectiva da psicolinguística Vilson J.Leffa Aspectos da leitura - uma perspectiva da psicolinguística Vilson J.Leffa O L I V R O S E D I V I D E E M 4 P A R T E S, R E S P O N D E N D O À S S E G U I N T E S P E R G U N T A S : 1) O Q U E É L E

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE PRINCÍPIOS TRIBUTÁRIOS Por: Paulo Ricardo de Lima Rodrigues Orientador Prof. Ms. Claudia Gurgel Rio de Janeiro 2007 2 UNIVERSIDADE

Leia mais

ÍNDICE EPI. Por departamento / Seção. Botas e Calçados Luvas Óculos Segurança e Proteção e e 197.

ÍNDICE EPI. Por departamento / Seção. Botas e Calçados Luvas Óculos Segurança e Proteção e e 197. Ferramentas Elétricas Ferramentas Ferragem EPI Agronegócio Hidráulica Elétrica Químicos e Impermeabilzantes Pintura ÍNDICE Por departamento / Seção EPI Botas e Calçados Luvas Óculos Segurança e Proteção

Leia mais

P PÓ P. P r r P P Ú P P. r ó s

P PÓ P. P r r P P Ú P P. r ó s P PÓ P P r r P P Ú P P r ó s P r r P P Ú P P ss rt çã s t à rs r t t r rt s r q s t s r t çã r str ê t çã r t r r P r r Pr r r ó s Ficha de identificação da obra elaborada pelo autor, através do Programa

Leia mais

A u t o r : G r u p o P E T G e o g r a f i a, Universidade Federal de Pernambuco

A u t o r : G r u p o P E T G e o g r a f i a, Universidade Federal de Pernambuco A NÁ L I S E D A A C E S S I B I L I D A D E U R B A N A N A C I D A D E D O R E C I F E : U M O L H A R S O B R E O S P R I N C I P A I S E I X O S V I Á R I O S D E P E N E T R A Ç Ã O A u t o r : G

Leia mais

O J A J I 31 A C O M O D A 29 P E S S O A S EM UM L A Y O U T E S P A Ç O S O E C O N F O R T Á V E L.

O J A J I 31 A C O M O D A 29 P E S S O A S EM UM L A Y O U T E S P A Ç O S O E C O N F O R T Á V E L. JAJI 31 N ó s p a s s a m o s t r ê s anos p e r c o r r e n d o as á g u a s da Á f r i c a a p r e n d e n d o c o m o p r o j e t a r o b a r c o de p a s s a g e i r o s p e r f e i t o. O J A J I

Leia mais

Conceitos básicos de planejamento

Conceitos básicos de planejamento Conceitos básicos de planejamento 17 Questões logísticas básicas o que produzir e comprar quanto produzir e comprar quando produzir e comprar com que recursos produzir 17 O papel dos sistemas de planejamento

Leia mais

LEI Nº 8.112, DE 11 DE DEZEMBRO DE 1990 SUMÁRIO. T í t u l o I C a p í t u l o Ú n i c o D a s D i s p o s i ç õ e s P re l i m i n a res

LEI Nº 8.112, DE 11 DE DEZEMBRO DE 1990 SUMÁRIO. T í t u l o I C a p í t u l o Ú n i c o D a s D i s p o s i ç õ e s P re l i m i n a res LEI Nº 8.112, DE 11 DE DEZEMBRO DE 1990 SUMÁRIO T í t u l o I C a p í t u l o Ú n i c o D a s D i s p o s i ç õ e s P re l i m i n a res T í t u l o I I D o P ro v i m e n t o, Va c â n c i a, R e m o

Leia mais

LOGOTIPO. Escola Profissional e Artística. da Marinha Grande

LOGOTIPO. Escola Profissional e Artística. da Marinha Grande Escola Profissional e Artística da Marinha Grande Prova de Aptidão Profissional Curso Técnico de Restauração Variante Restaurante - Bar 2010 2013 MARISCOS P ROVA DE A PTIDÃO PROFISSIONAL DO A LUNO E DGAR

Leia mais

Sistema Braille Alfabeto

Sistema Braille Alfabeto 2 Sistema Braille Alfabeto Unidade 2 Sistema Braille - Alfabeto :: 27 Metas: Apresentar o alfabeto braille através da separação em grupos de letras organizados de acordo com critérios pré-estabelecidos.

Leia mais

Vallila

Vallila Vallila V a l l i l a é u m a m u i t o b e m s u c e d i d a e m p r e s a d e d e s i g n e s t a b e l e c i d a n a F i n l ân d i a. O s s e u s t r a b a l h o s e c r i a t i v i d a d e v ã o d

Leia mais

Estruturas de Suporte de Terras Executadas. Com Pneus. Estudo Paramétrico e Conceção de. Protótipo

Estruturas de Suporte de Terras Executadas. Com Pneus. Estudo Paramétrico e Conceção de. Protótipo I n s t i t u t o P o l i t é c n i c o d o P o r t o I n s t i t u t o S u p e r i o r d e E n g e n h a r i a d o P o r t o Estruturas de Suporte de Terras Executadas Com Pneus. Estudo Paramétrico e

Leia mais

MÍDIA KIT PROPOSTA DE PARCERIA PROJETO MÉDICO NO SERTÃO DO PIAUÍ

MÍDIA KIT PROPOSTA DE PARCERIA PROJETO MÉDICO NO SERTÃO DO PIAUÍ MÍDIA KIT PROPOSTA DE PARCERIA PROJETO MÉDICO NO SERTÃO DO PIAUÍ K A R I N A O L I A N I K A R I N A O L I A N I É A P R I M E I R A B R A S I L E I R A E S P E C I A L I Z A D A E M M E D I C I N A D

Leia mais

Práticas de Contabilidade Gerencial Adotadas Por Subsidiárias Brasileiras de Empresas Multinacionais

Práticas de Contabilidade Gerencial Adotadas Por Subsidiárias Brasileiras de Empresas Multinacionais Práticas de Contabilidade Gerencial Adotadas Por Subsidiárias Brasileiras de Empresas Multinacionais Marcos Antônio De Souza Resumo: Este trabalho tem como objeto de estudo as práticas de Contabilidade

Leia mais

F l o r i a n opó lis, D e z e m b r o

F l o r i a n opó lis, D e z e m b r o U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E S A N T A C A T A R I N A D E P A R T A M E N T O D E E N G E N H A R I A M E C Â N I C A C U R S O D E E N G E N H A R I A D E M A T E R I A I S ELECTRO A Ç O

Leia mais

D O P A R A N Á C O N S T R U Ç Ã O D O F Ó R U M E L E I T O R A L D E

D O P A R A N Á C O N S T R U Ç Ã O D O F Ó R U M E L E I T O R A L D E N o v e m b r o / 2 0 1 4 M E M O R I A L D E S C R I T I V O P R O J E T O A R Q U I T E T Ô N I C O E C O M P L E M E N T A R E S C O N S T R U Ç Ã O D O F Ó R U M E L E I T O R A L D E P O N T A G R

Leia mais

PARÂMETROS ECONÔMICOS NAS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS M A R Ç O /

PARÂMETROS ECONÔMICOS NAS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS M A R Ç O / PARÂMETROS ECONÔMICOS NAS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS M A R Ç O / 2 0 1 5 N EGOCIAÇ ÃO C O L E T I VA : "... u m pro c e s s o dinâmico de busca do ponto d e e q u i l í b r i o e ntre i nte r e s s e s d i

Leia mais

P a l a vr a s - c h a ve - h i d r o geológico, hidroquím i c o

P a l a vr a s - c h a ve - h i d r o geológico, hidroquím i c o M AP E AM E N T O H I D R O G E O L Ó G I C O D A F O L H A M O R AD A N O V A C E AR Á Eugenio Antonio de Lima 1 e Marcelo José Gonçalves Barros 2 R e s u m o - A F o l h a S B. 2 4 - X-C, M o r a d a

Leia mais

Projecto Intervir em Marvila

Projecto Intervir em Marvila Projecto Intervir em Marvila Responsável: E liz a b e te S ilv a (A s s e s s o r a d o P e lo u r o d e A c ç ã o S o c ia l) Coordenadora: J o a n a G o n ç a lv e s Equipa técnica: A n a B a iã o D

Leia mais

Latim-runas NUMERO 5:511 Sabbadrh-BQ de dezembro de O Fundador,

Latim-runas NUMERO 5:511 Sabbadrh-BQ de dezembro de O Fundador, 1 -\(^" - UR 11 S-Q 19 - F &-(P U? y - » T D!! &Jj / P - J óó PUÇS - PU-S QURTS-ÊHS SDS - - - 1 ñ 9 1 f - - - õ j w-- 1 PRSS PP D V F* " õ» -í ( (- f õ ~ f õí ( 1 " ÍÍÉ- f S J J &/ j - f f f j S f P-!

Leia mais

ERASMUS+ WORKSHOP TRANSFRONTEIRIÇO

ERASMUS+ WORKSHOP TRANSFRONTEIRIÇO ERASMUS+ WORKSHOP TRANSFRONTEIRIÇO C i n e Te a t r o J o ã o Ve r d e 2 0 e 2 1 d e f e v e r e i r o d e 2 0 1 7 M O N Ç Ã O Parcerias estratégicas de apoio à INOVAÇÃO D e s c o n s t r u ç ã o c o n

Leia mais

P R O J E Ç Õ E S. Produção Vendas Interna Importação Exportação Emprego ,1% -10,7% 6,2% -3,7% ,3% 2,0% 3,5% 5,0% 15.

P R O J E Ç Õ E S. Produção Vendas Interna Importação Exportação Emprego ,1% -10,7% 6,2% -3,7% ,3% 2,0% 3,5% 5,0% 15. BOLETIM TENDÊNCIAS DE CURTO PRAZO ANÁLISE GERAL J ANEIRO. 2017 L i d e r a d a p e l a i n d ú s t r i a T ê x t i l, a p r o d u ç ã o i n d u s t r i a l da c a d e i a de T ê x ti l & V e s t u á r

Leia mais

I NTENÇÕES DE A C ÇÃO PARA O PRESENTE ANO

I NTENÇÕES DE A C ÇÃO PARA O PRESENTE ANO INDICE I NTRODUÇÃO.... 3 D IAGNÓSTICO. 5 C a r a c t e r i z a ç ã o d o m e i o i n s t i t u c i o n a l. 5 C a r a c t e r i z a ç ã o d o g r u p o d e c r i a n ç a s... 6 C a r a c t e r i z a ç

Leia mais

Estruturas de Suporte de Terras Executadas com. Pneus - Modelo à Escala Reduzida

Estruturas de Suporte de Terras Executadas com. Pneus - Modelo à Escala Reduzida I n s t i t u t o P o l i t é c n i c o d o P o r t o I n s t i t u t o S u p e r i o r d e E n g e n h a r i a d o P o r t o Estruturas de Suporte de Terras Executadas com Pneus - Modelo à Escala Reduzida

Leia mais

BIOSEG SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE BRANDING BOOK

BIOSEG SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE BRANDING BOOK BRANDING BOOK Este manual tem como objetivo formular regras para a aplicação da marca em suas áreas institucionais, publicações e produtos. Com a correta utilização, a empresa mantém sua integridade visual

Leia mais

9 JUNHO. Rua Cândido dos Reis, Vila Nova de Gaia Tel.: Fax:

9 JUNHO. Rua Cândido dos Reis, Vila Nova de Gaia Tel.: Fax: ÇÃÀ 9JUNHO í çõ úãá ÕÚ õ ú ã é çã é õéá é à Rua Cândido dos Reis, 545 4400-075 Vila Nova de Gaia Tel.: 22 374 67 20 - Fax: 22 374 67 29 www.jf-santamarinha.pt 1 õ á õ à çã çõ õ á çã áí é àí àçãçã ã Á à

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE RORAIMA Processo N

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE RORAIMA Processo N MANDADO DE SEGURANÇA COLETIVO Requerente(s): SINDICATO DOS SERVIDORES DO DEPARTAMENTO DE POLICIA FEDERAL EM RORAIMA Advogado (s): ALESSANDRO ANDRADE LIMA Requerido (s): SUPERINTENDENTE DO DEPARTAMENTO

Leia mais

AU T O M AÇ ÃO D E P O Ç O S P R O F U N D O S

AU T O M AÇ ÃO D E P O Ç O S P R O F U N D O S AU T O M AÇ ÃO D E P O Ç O S P R O F U N D O S J o s é B o s c o F e r n a n d e s d e C a s t r o 1 e L i d i o M a r t i n s d o s An jos 2 R e s u m o - A s e xp e r i ê n c i a s d e a u t o m a ç

Leia mais

E S T A T U T O D O C L U B E D E R E G A T A S B R A S I L

E S T A T U T O D O C L U B E D E R E G A T A S B R A S I L E S T A T U T O D O C L U B E D E R E G A T A S B R A S I L H I N O O F I C I A L J a y m e d e A l t a v i l a I A o r e m o! Po i s n o s s o n o r t e D e g l ó r i a s t r a ç a d o e s t á. F a ç

Leia mais

Matemática F1 2 1 e 2. ) 3x Escreva a matriz A = (a ij. , tal que a ij. = i + j, para i {1, 2, 3}, j {1, 2}

Matemática F1 2 1 e 2. ) 3x Escreva a matriz A = (a ij. , tal que a ij. = i + j, para i {1, 2, 3}, j {1, 2} Matemática F1 2 1 e 2 NOME SALA 1 - Escreva a matriz A = (a ij ) 3x2, tal que a ij = i + j, para i {1, 2, 3}, j {1, 2}. 2-3 - 4-1 Matemática F1 1 e 2 2 5-6 - 7 - Dada a matriz A = (a ij ) 2x2, tal que

Leia mais

Observações com o Telescópio Subaru e o Satélite. CoRoT Revelam o Futuro do Sol. 17 de Maio, 2013

Observações com o Telescópio Subaru e o Satélite. CoRoT Revelam o Futuro do Sol. 17 de Maio, 2013 Observações com o Telescópio Subaru e o Satélite CoRoT Revelam o Futuro do Sol 17 de Maio, 2013 Uma equipe de astrônomos liderada pelo Dr José Dias do Nascimento (Departamento de Física Teórica e Experimental

Leia mais

L O T E S V A G O S. o c u p a ç õ e s e x p e r i m e n t a i s. v a c a n t L o t s e x p e r i m e n t a l o c c u p a t i o n s LOTES VAGOS

L O T E S V A G O S. o c u p a ç õ e s e x p e r i m e n t a i s. v a c a n t L o t s e x p e r i m e n t a l o c c u p a t i o n s LOTES VAGOS 01 L O T E S V A G O S o c u p a ç õ e s e x p e r i m e n t a i s v a c a n t L o t s e x p e r i m e n t a l o c c u p a t i o n s LOTES VAGOS B r e n o S i l v a L o u i s e G a n z 1 ª. E d i ç ã o

Leia mais

2. A C l a s s i f i c a ção M S C 01 H i s t o r y a n d b i o g r a p h y 03 M a t h e m a t i c a l l o g i c a n d f o u n d a t i o n s 05 C o m

2. A C l a s s i f i c a ção M S C 01 H i s t o r y a n d b i o g r a p h y 03 M a t h e m a t i c a l l o g i c a n d f o u n d a t i o n s 05 C o m Áreas Científicas do Departamento de Matemática Docu mento de trab al h o 1. Introdução O D e p a r t a m e n t o d e M a t e m á t i c a e st á or g a n i z a d o e m q u a t r o S e c ç õ e s: S 8 1

Leia mais

=================== & 2 4 π «2. l l l. l l l l. Ó l. =================== & 2 l. l l l l l l l

=================== & 2 4 π «2. l l l. l l l l. Ó l. =================== & 2 l. l l l l l l l PIPOCA MODERNA aim omo o Caeano enore anarão numa região grave 2 4 π 2 3 k k k k k π 4 k k k k k 5 emper imie repeir ee 2 ompao q 70 2 aé o ompao 20, om peruão 4 bem eve quae inaudíve, Ó FÁBRICA DE ARRANJOS

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE FILOSOFIA TEORIA E EXPLICAÇÃO NA FILOSOFIA DE DAVID HUME: UMA ABORDAGEM FALIBILISTA? Erickson Cristiano dos Santos

Leia mais

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP P E S Q U I S A Centro das Indústrias do Estado de São Paulo CIESP Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP Resultados do mês de Junho de 2011 FIESP/CIESP - Pesquisa NIVEL DE EMPREGO

Leia mais

M U N I C Í P I O D E B R A G A R E V I S Ã O D O P L A N O D I R E C T O R M U N I C I P A L

M U N I C Í P I O D E B R A G A R E V I S Ã O D O P L A N O D I R E C T O R M U N I C I P A L M U I C Í P I O D E B R A G A R E V I S Ã O D O P L A O D I R E C T O R M U I C I P A L 220000 220000 219000 219000 218000 218000 217000 217000 216000 216000 Precisão Posicional ominal de Reprodução: 2.2m

Leia mais

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP P E S Q U I S A Centro das Indústrias do Estado de São Paulo CIESP Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP Resultados do mês de Agosto de 2014 FIESP/CIESP - Pesquisa NIVEL DE EMPREGO

Leia mais

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP P E S Q U I S A Centro das Indústrias do Estado de São Paulo CIESP Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP Resultados do mês de Setembro de 2013 FIESP/CIESP - Pesquisa NIVEL DE EMPREGO

Leia mais

ý þ ü ü ü ü ý þ ü ÿ ý þ ü ü ü ü ü! þ " ÿ ÿ ý ý þ ü ü ÿ ü ý ü ÿ ý þ ý ü ÿ ÿ ý # $ % ÿ $ & þ ü þ ü þ ü ' þ ü þ ( ( ( O ) * +, -. / / 5 6

ý þ ü ü ü ü ý þ ü ÿ ý þ ü ü ü ü ü! þ  ÿ ÿ ý ý þ ü ü ÿ ü ý ü ÿ ý þ ý ü ÿ ÿ ý # $ % ÿ $ & þ ü þ ü þ ü ' þ ü þ ( ( ( O ) * +, -. / / 5 6 ! " # $ % & ' ( ) * +, -. /. 0 1 2 / 3 ' 4 / 3 5 5. 2 4 / 6-4 3 ) 7-3 2 3 0 4. 8 9 : ; < : > ; < :? @ A 8 > B C D E F G H I E J C K B L M N J < O P Q O P Q R S T S U V W X T X Y X Z [ S Y \ X ] T ^ \ _

Leia mais

O que são s o ondas sonoras? Ondas? Mecânicas? Longitudinais? O que significa?

O que são s o ondas sonoras? Ondas? Mecânicas? Longitudinais? O que significa? Movimento Ondulatório Fisíca Aplicada a Imaginologia - 115 O que são s o ondas sonoras? São ondas mecânicas, longitudinais que podem se propagar em sólidos, líquidos e gases. Ondas? Mecânicas? Longitudinais?

Leia mais

OBI2008 Caderno de Tarefas

OBI2008 Caderno de Tarefas OBI Caderno de Tarefas Modalidade Iniciação Nível, Fase de Maio de A PROVA TEM DURAÇÃO DE DUAS HORAS LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO ANTES DE INICIAR A PROVA A prova deve ser feita individualmente.

Leia mais

Instituto de Educação Infantil e Juvenil Primavera, Londrina, Nome: Ano: Tempo Início: Término: Total: Edição 20 MMXV Fase 2 Grupo E RIO DOCE?

Instituto de Educação Infantil e Juvenil Primavera, Londrina, Nome: Ano: Tempo Início: Término: Total: Edição 20 MMXV Fase 2 Grupo E RIO DOCE? Instituto de Educação Infantil e Juvenil Primavera, 2015. Londrina, Nome: de Ano: Tempo Início: Término: Total: Edição 20 MMXV Fase 2 Grupo E Revista Galileu, 13/11/15 RIO DOCE? É oficial: o Rio Doce está

Leia mais

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP

Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP P E S Q U I S A Centro das Indústrias do Estado de São Paulo CIESP Nível de Emprego Regional da Indústria Diretorias do CIESP Resultados do mês de Junho de 2013 FIESP/CIESP - Pesquisa NIVEL DE EMPREGO

Leia mais

é êíé é çã é ê óééçú ê é çãá çíçã çã ã çã ê ã á íçõíá íí í çã ô ú ç ç çê ú á éé í çõ í ã ã ã ã é ü óéó É ç ã çõ â ã ç áãúé çã ê çõ ô ç ú ú çõ çààá àúç

é êíé é çã é ê óééçú ê é çãá çíçã çã ã çã ê ã á íçõíá íí í çã ô ú ç ç çê ú á éé í çõ í ã ã ã ã é ü óéó É ç ã çõ â ã ç áãúé çã ê çõ ô ç ú ú çõ çààá àúç Ó é ç í ó ó ó çõ ã ê ã á ã ú é á ê ç á çã ê íç éçãé çãé ê éé çúê í çã é êíé é çã é ê óééçú ê é çãá çíçã çã ã çã ê ã á íçõíá íí í çã ô ú ç ç çê ú á éé í çõ í ã ã ã ã é ü óéó É ç ã çõ â ã ç áãúé çã ê çõ

Leia mais

REVITALIZAÇÃO URBANA - FRENTE MARÍTIMA

REVITALIZAÇÃO URBANA - FRENTE MARÍTIMA REVITALIZAÇÃO URBANA - FRENTE MARÍTIMA ORLA PREFEITO LUIZ PAULO CONDE MAIO 2016 R E V I T A L I Z A Ç Ã O U R B A N A D A F R E N T E M A R Í T I M A O R L A P R E F E I T O L U I Z PA U L O C O N D E

Leia mais

Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Terceira Aula Prática - 04 de dezembro de 2015

Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Terceira Aula Prática - 04 de dezembro de 2015 Computação para Informática - Prof. Adriano Joaquim de Oliveira Cruz Terceira Aula Prática - 04 de dezembro de 2015 Ç Ó Ø ÚÓ Ø Ù ÔÖ Ø Ü Ö Ø Ö Ú ØÓÖ º ½ Í Ó Ú ØÓÖ Ö Ó Ò Ñ ÖÓ Ö Ò Ñ Ó Nesta aula vamos usar

Leia mais

FARMÁCIAS EM DISPONIBILIDADE

FARMÁCIAS EM DISPONIBILIDADE Concelho de OLHÃO - Mês de Janeiro de 2014 1/12 Concelho de OLHÃO - Mês de Fevereiro de 2014 2/12 Concelho de OLHÃO - Mês de Março de 2014 3/12 Concelho de OLHÃO - Mês de Abril de 2014 4/12 Concelho de

Leia mais

Relatório de Ocorrências de OVNI

Relatório de Ocorrências de OVNI A f t x. n n, ( P. s i 0. A A ^ o. Relatório de Ocorrências de OVNI ANO 1980 m ê s. Fevereiro c o w v j Á ã ' ^ S I F I C A O A O E S Ç L ^ COMGl^ 19 22:00 GOIÂNIA GO LUZ/PLOT RADAR OLHO NU/RADAR PILOTOS/CONTROLADORES

Leia mais

Matemática F2 1 1 e 2

Matemática F2 1 1 e 2 Matemática F2 1 1 e 2 NOME SALA 1 - Seja A o conjunto dos números naturais maiores que 3 e menores que 11 e B o conjunto formado pelos elementos de A que são pares. Represente os conjuntos A e B simbolicamente:

Leia mais

C O N T R O L E T O D A I L U M I N A Ç Ã O D E S U A C A S A S E M P R E C I S A R M O V E R U M D E D O.

C O N T R O L E T O D A I L U M I N A Ç Ã O D E S U A C A S A S E M P R E C I S A R M O V E R U M D E D O. C O N T R O L E T O D A I L U M I N A Ç Ã O D E S U A C A S A S E M P R E C I S A R M O V E R U M D E D O. P E N S A N D O B E M U M D E D O V O C Ê V A I T E R Q U E M O V E R. Com o Digital Home Lighting

Leia mais

P r o g r a m a d e T r e in a m e n to e P a le s tr a s

P r o g r a m a d e T r e in a m e n to e P a le s tr a s P r o g r a m a d e T r e in a m e n to e P a le s tr a s D ia b e te s M e llitu s e H ip e r te n s ã o A r te r ia l Dra Fernanda Pavarini Diabetes M ellitus P o r q u e g e r e n c ia r D ia b e te

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria da Receita Federal do Brasil

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria da Receita Federal do Brasil MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria da Receita Federal do Brasil Portaria RFB nº 640, de 31 de janeiro de 2014. Institui o Concurso de Remoção de 2014, destinado aos ocupantes do cargo de Analista-Tributário

Leia mais

SciELO. Critérios de Indexação. Abel L. Packer Programa SciELO / FAPESP, Diretor

SciELO. Critérios de Indexação. Abel L. Packer Programa SciELO / FAPESP, Diretor SciELO Critérios de Indexação Abel L. Packer Programa SciELO / FAPESP, Diretor http://www.scielo.br/avaliacao/20141003novoscriterios_scielo_brasil.pdf Antecedentes e supostos A comunicação é parte integral

Leia mais

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT E s t u d o s o b r e a i n t e g r a ç ã o d e f e r r a m e n t a s d i g i t a i s n o c u r r í c u l o d a d i s c i p l i n a d e E d u c a ç ã o V i s u a l e T e c n o l ó g i c a Design Comics

Leia mais

DIAGRAMA DE SEQÜÊNCIA

DIAGRAMA DE SEQÜÊNCIA DIAGRAMA DE SEQÜÊNCIA g DIAGRAMA DE SEQÜÊNCIA g NOTAÇÕES DO DIAGRAMA DE SEQÜÊNCIA g DIAGRAMA DE SEQÜÊNCIA COM PERSPECTIVA CONCEITUAL 1 I. DIAGRAMA DE SEQÜÊNCIA O diagrama de seqüência é um dos diagramas

Leia mais

COMBUSTÍVEL REGIONAL I n t e l i g ê n c i a r e g i o n a l a p l i c a d a à c o m u n i c a ç ã o

COMBUSTÍVEL REGIONAL I n t e l i g ê n c i a r e g i o n a l a p l i c a d a à c o m u n i c a ç ã o COMBUSTÍVEL REGIONAL I n t e l i g ê n c i a r e g i o n a l a p l i c a d a à c o m u n i c a ç ã o A D R I A N A G I R Ã O 04 D E O U T U B R O D E 2016 ESTAMOS NATURALMENTE B E T I M - MG F á b r i

Leia mais

AVALIAÇÃO DA FERTILIDADE DO SOLO. Prof. Dr. Reges Heinrichs UNESP - Dracena

AVALIAÇÃO DA FERTILIDADE DO SOLO. Prof. Dr. Reges Heinrichs UNESP - Dracena AVALIAÇÃO DA FERTILIDADE DO SOLO Prof. Dr. Reges Heinrichs UNESP - Dracena 2010 Introdução Inicialmente: realizada de forma subjetiva e empírica como referência o desenvolvimento da vegetação. Atualmente:

Leia mais

< ()& : 555>?

< ()& : 555>? P Ú s Pr s t Pr t Pr r str Pr ss t át P q çõ s r ç s çõ s s é s r r t r Pr r sé rt r P Ú s Pr s t Pr t Pr r str Pr ss t át P q çõ s r ç s çõ s s é s r ss rt çã r s t rt s r q s t s r t çã tít str t r r

Leia mais

Возрастная группа: 3 º ano, 4 º ano, 2º ano Онлайн ресурсы: Abai xe

Возрастная группа: 3 º ano, 4 º ano, 2º ano Онлайн ресурсы: Abai xe 1 План урока Subtração d e Números d e 2- d ígitos Por Agrupamento e Desagrupamento Возрастная группа: 3 º ano, 4 º ano, 2º ano Онлайн ресурсы: Abai xe Abert ura Professor apresent a Alunos prat icam Discussão

Leia mais

Bolsista BIC-Júnior: Bolsista BIC-Júnior: Assinatura do (a) professor (a) orientador (a)

Bolsista BIC-Júnior: Bolsista BIC-Júnior: Assinatura do (a) professor (a) orientador (a) A ( F o r m _ p e s q _ 0 8 / 2 ) S L I C I T A Ç Ã E C A A S T R A M E N T E B L S A E I N I C I A Ç Ã C I E N T Í F I C A J N I R 2 0 1 2 - E C L A R A Ç Ã ECLAR, para fins legais, junto à NA e à FAPEMIG,

Leia mais

FOI DEUS QUEM FEZ VOCÊ

FOI DEUS QUEM FEZ VOCÊ FOI DEUS QUEM FEZ OCÊ AMELINHA Arr Neton W Mcedo Crmo Gregory c c c Deus que fez vo - Deus quem fez vo - Deus quem fez vo- c Deus quem fez vo - J De-us 4 Deus quem fez vo - Deus quem fez vo - J Deus quem

Leia mais

Возрастная группа: 2º ano Онлайн ресурсы: Cl ube do s se me l hant e s

Возрастная группа: 2º ano Онлайн ресурсы: Cl ube do s se me l hant e s 1 План урока Subtração até 20 usand o reagrupamento Возрастная группа: 2º ano Онлайн ресурсы: Cl ube do s se me l hant e s Abert ura Professor apresent a Alunos prat icam Discussão com a Classe Planilha

Leia mais

G i s e l a G o m e s P u p o N o g u e i r a. A v i o l a c o n a n i m a : u m a c o n s t r u ç ã o s i m b ó l i c a.

G i s e l a G o m e s P u p o N o g u e i r a. A v i o l a c o n a n i m a : u m a c o n s t r u ç ã o s i m b ó l i c a. G i s e l a G o m e s P u p o N o g u e i r a A v i o l a c o n a n i m a : u m a c o n s t r u ç ã o s i m b ó l i c a T e s e a p r e s e n t a d a a o D e p a r t a m e n t o d e C i ê n c i a s d a

Leia mais

Mídia Kit 2016

Mídia Kit 2016 - - - - - - - - - - - - - - - - - Mídia Kit 2016 - - - - - - - - - - - - - - - - - Quem somos ACREDITE: Essa é uma livraria que proporciona experiências, sensações e CULTURA! RS PE CE BA SP DF Nossas lojas

Leia mais

NEW JAPAN INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA. Aspiradores, Coletores e Exaustores Industriais CNPJ (MF) 62.375.274/0001-12 Inscr. Estadual 286.050.643-118 MODELO MINI COLETOR TIPO METAL Indicação: FUMAÇA (SOLDA)

Leia mais

ÁÒØÖÓ Ùô è Ó Á ÒØ Ö Ñ ØÖ Ò Ñ Ø Ó Ó Ò Ú Ñ Ö Ö Ó ÔÓÖ Ð ÙÑ ÓÒØ Á È Ö ÌÎ Ø Ð Ò ð Ù Ó Úð Ó Ó Á Ç Ó ÓÖ ÓÒØ ØÖ Ò ÓÖÑ Ó Ò Ð Ò ÐÓ Ó ÔØ Ó Ñ Ö µ Ñ Ò Ð Ø Ð ÑÓ Ó Õ

ÁÒØÖÓ Ùô è Ó Á ÒØ Ö Ñ ØÖ Ò Ñ Ø Ó Ó Ò Ú Ñ Ö Ö Ó ÔÓÖ Ð ÙÑ ÓÒØ Á È Ö ÌÎ Ø Ð Ò ð Ù Ó Úð Ó Ó Á Ç Ó ÓÖ ÓÒØ ØÖ Ò ÓÖÑ Ó Ò Ð Ò ÐÓ Ó ÔØ Ó Ñ Ö µ Ñ Ò Ð Ø Ð ÑÓ Ó Õ ÌÎ Ø Ð ÁÒØ Ö Ø Ú Ôð ØÙÐÓ ¾ Ó ô è Ó ÓÒØ ÈÖÓ º Ð Ô À ÒÖ ÕÙ Å Ê æ Ä ÓÖ Ø ðóö Ó ÅÙÐØ Ñð Ò Ñ ô è Ó Ê ÓÑÙÒ ô èó ̻ʠæ ÍÒ È ØÖ ðóôóð ÁÒØÖÓ Ùô è Ó Á ÒØ Ö Ñ ØÖ Ò Ñ Ø Ó Ó Ò Ú Ñ Ö Ö Ó ÔÓÖ Ð ÙÑ ÓÒØ Á È Ö ÌÎ Ø Ð Ò

Leia mais

A Prefeitura Municipal de Gavião, Estado Da Bahia, Visando a Transparência dos Seus Atos Vem PUBLICAR.

A Prefeitura Municipal de Gavião, Estado Da Bahia, Visando a Transparência dos Seus Atos Vem PUBLICAR. Edição Nº Nº 030/2012 00017 Sexta-Feira Quit-Feira 0825 de de Março Janeiro de de 2012 2013 A Prefeitura Municipal de Gavião, Estado Da Bahia, Visando a Transparência dos Seus Atos Vem PUBLICAR. RELATÓRIO

Leia mais

CONSTRUÇÃO DO ECO-CÓDIGO C O N S T R U Ç Ã O D O N O S S O E C O - C Ó D I G O

CONSTRUÇÃO DO ECO-CÓDIGO C O N S T R U Ç Ã O D O N O S S O E C O - C Ó D I G O CONSTRUÇÃO DO ECO-CÓDIGO C O N S T R U Ç Ã O D O N O S S O E C O - C Ó D I G O ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO HASTEAR DA BANDEIRA ECO-ESCOLAS

Leia mais

PERCEPÇÃO DE FISIOTERAPEUTAS RESIDENTES SOBRE IDOSOS CUIDADORES DE IDOSOS EM UM AMBULATÓRIO DE FISIOTERAPIA: RELATO DE EXPERIÊNCIA

PERCEPÇÃO DE FISIOTERAPEUTAS RESIDENTES SOBRE IDOSOS CUIDADORES DE IDOSOS EM UM AMBULATÓRIO DE FISIOTERAPIA: RELATO DE EXPERIÊNCIA PERCEPÇÃO DE FISIOTERAPEUTAS RESIDENTES SOBRE IDOSOS CUIDADORES DE IDOSOS EM UM AMBULATÓRIO DE FISIOTERAPIA: RELATO DE EXPERIÊNCIA Marluce Umbelino França, Flávia Laís da Silva Residência Multiprofissional

Leia mais

M U N D O L I V R E F M

M U N D O L I V R E F M M U N D O L I V R E 1 0 2. 5 F M A Mundo Livre FM, rádio consolidada em Curitiba há 7 anos, traz para os ouvintes de Maringá vanguarda, identidade e o melhor da música. Trabalhando com conceitos e posturas

Leia mais

E xpe ri me nt ar problemas com o subtraendo desconhecido

E xpe ri me nt ar problemas com o subtraendo desconhecido 1 План урока Subtração d e d ezenas Возрастная группа: 1º ano, E duc aç ão i nf ant i l, 2º ano Онлайн ресурсы: M o rdi da na c e reja Abert ura Professor apresent a Alunos prat icam Discussão com a classe

Leia mais

Subtítulo da Apresentação

Subtítulo da Apresentação Subtítulo da Apresentação MOTIVAÇÃO METODOLOGIA 15 cidades analisadas Análise do valor médio dos imóveis cadastrados no VivaReal 15 cidades + 1,8 mi Maior Base de imóveis entre os portais Análise de Intenção

Leia mais