MANUAL DE INSTRUÇÃO E INSTALAÇÃO. Identificação do Proprietário NOME ELETRIFICADOR DE CERCA G.A.T. 8000/B ELETRIFICADOR DE CERCA G.A.T.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MANUAL DE INSTRUÇÃO E INSTALAÇÃO. Identificação do Proprietário NOME ELETRIFICADOR DE CERCA G.A.T. 8000/B ELETRIFICADOR DE CERCA G.A.T."

Transcrição

1 Certificado de Garantia Este aparelho tem garantia contra qualquer defeito de fabricação por um período de () doze meses a contar da data de sua aquisição. Para uma possível manutenção neste aparelho estando o mesmo coberto pela garantia conforme a data preenchida neste certificado, o proprietário deve solicitar a empresa que prestou o serviço de venda ou instalação do aparelho, estando com este certificado devidamente preenchido e anexado a respectiva nota fiscal de compra, afim de que seja executado o devido conserto sem ônus para o proprietário. Os números de série abaixo citados devem ser os mesmos contidos no aparelho ( em suas etiquetas internas) respectivo a este certificado. MANUAL DE INSTRUÇÃO E INSTALAÇÃO Estão excluídas desta garantia baterias, sensores, pilhas, fios e acessórios anexados ao aparelho. Esta garantia não cobre despesas de transportes, aparelhos danificados por imprudência, descargas elétricas, má instalação ou por ter sido exposto ao tempo sem proteção adequada. NÚMERO DE SÉRIE LOTE A MODELO B C D4 SEGUIMENTO ELETRIFICADOR DE CERCA G.A.T. 8000/B DATA DE FABRICAÇÃO JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV 0 DEZ Identificação do Proprietário NOME ENDEREÇO DATA DA COMPRA NÚMERO DA NOTA FISCAL EMPRESA PRESTADORA DA VENDA OU INSTALAÇÃO VENDEDOR / INSTALADOR TELEFONES OBSERVAÇÕES ELETRIFICADOR DE CERCA G.A.T. 8000/B INDÚSTRIA DE EQUIPAMENTOS ELETRÔNICOS PARA SEGURANÇA PATRIMONIAL E PESSOAL C.N.P.J.: /000-7 Site: PARA ELETRIFICAÇÃO DE CERCAS DE SEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS, RESIDÊNCIAS E ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS. 0-00

2 APRESENTAÇÃO Central de choque elétrico de alta tensão pulsante, desenvolvida especialmente para eletrificação de cercas de segurança em condomínios, residências e estabelecimentos comerciais como proteção de perímetro patrimonial. A central possui monitor de corte e aterramento da fiação da cerca, disparando o sistema de alarme caso ocorra qualquer um destes eventos, recarregador automático da bateria ( Vcc 7 Ah), com tensão de, Vcc a Ah estabilizado, e pode também ser acoplada a sistemas de alarmes convencionais ou por monitoramento 4 horas. O Choque causado pelo G.A.T 8000 e de aproximadamente volts, com uma corrente elétrica muito baixa. O choque apenas repele com uma desagradável sensação a quem tocar na fiação da cerca, evitando assim danos à saúde, uma vez que o que causaria possíveis danos é chamada alta corrente elétrica (que neste caso é muito baixa), e não a alta tensão elétrica que circula pelos cabos do sistema. Esta orientação deve ser passada aos moradores e proprietários do local protegido, afim de que os mesmos fiquem cientes sobre o funcionamento do sistema. Toda a instalação da cerca elétrica deve ser feita por técnicos capacitados e com prática comprovada em eletrificação de cercas de segurança. Uma boa instalação, o seguimento das normas de instalação deste manual e o uso de hastes com isoladores de boa qualidade são fundamentais para o melhor desempenho e funcionamento geral do sistema. ACESSÓRIOS OPCIONAIS PARA O SISTEMA A central permite ser ligada e desligada à distância por sistema de controle remoto (sem fios), bastando apenas acoplar o receptor ao painel (dentro do gabinete), e ligar aos bornes -, B, L, + da placa. O sistema de controle remoto é composto de 0 receptor modelo RC 8000 e 0 transmissor modelo TX 8000, que podem atuar ligando e desligando o sistema a uma distância de até 40 metros, emitindo um bip sinalizador na sirene do sistema, indicando seu estado de funcionamento atual. Para acoplar o receptor RC 8000, ligue os bornes correspondentes aos da placa do painel conforme indicado acima, desligando em seguida a ponte existente do borne + para o borne L da mesma (se esta ponte não for desligada, o sistema não funciona com o receptor remoto). NORMATIZAÇÕES NACIONAIS Atualmente, pela ausência das normas federais que asistem as questões das cercas eletrificadas, estão sendo criadas normas municipais e estaduais para normatização das instalações destes sistemas. Verefique se em seu município ou estado já existe normatização em vigor. Caso aja, siga corretamente as regras impostas nestas legislação e as contidas neste manual de instalação. O eletrificador G.A.T 8000 é fabricada conforme a norma técnica internacional do I.E.C. Nº Algumas destas características são mostradas abaixo. CARACTERÍSTICAS DO G.A.T 8000 CONFORME NORMA * Pulso de saída de alta tensão de até 000 volts. * Corrente elétrica do pulso de alta tensão máxima de 0, joules. * Saída para alimentação da bateria de volts com protetor de sobre carga. * Tensão da rede primária (0/0 Vac) separada da secundária ( 000 volts). * Caixa gabinete em termoplástico abs alto impacto. * Recarregador da bateria flutuante automático. * Intervalo sincronizado dos pulso de saída entre 0,8 e, segundos. * Duração do ciclo de pulso de saída de 0 µ s. CARACTERÍSTICAS DO ELETRIFICADOR G.A.T 8000 FÍSICAS Gabinete em plástico A.B.S. de alto impacto na cor cinza claro. Espaço interno para alojamento de bateria ( V 7 Ah) para backup. Chave liga-desliga geral tipo ignição frontal. Painel frontal em policarbonato. Furação padronizada para fixação do gabinete em paredes. Dimensões do gabinete 4 x 80 x 8 mm. AT E N Ç Ã O! NUNCA UTILIZE O NEUTRO DA REDE ELÉTRICA COMO ATERRAMENTO PARA O SISTEMA. O ELETRIFICADOR REQUER UM ATERRAMENTO INDIVIDUAL, PRÓPRIO COM HASTES PADRONIZADAS (,4 METROS DE COMPRIMENTO, COBREADA NO PADRÃO ABNT). ELÉTRICAS Tensão de alimentação 7/0 Vac 0/60 Hz. Tensão de choque pulsante ± volts e 000 volts (conforme opção regulada). Consumo estimado do aparelho quando ligado ± Walts (,6 KWh / mês). Tempo do choque pulsante ±0,4 segundos com intervalos de ± segundo. Recarregador automático de bateria a, V Ah estabilizado. Acionamento de alarme após corte ou aterramento da fiação da cerca. TÉCNICAS Tempo para acionamento do alarme ± segundos após corte ou aterramento da fiação da cerca. Recomendável instalar somente em muros acima de,0 metros de altura. Usar fio de aço inoxidável de 0,60 mm com no máximo.00 metros de comprimento. Bateria em backup com autonomia de ± horas de funcionamento. Temperatura ambiente para operação 0º C máximo. Garantia meses (total do aparelho) conforme consta no verso deste certificado. 0

3 4 ALARME HORAS COM Volts SECURiTy SySTEM PLACA DE ADVERTÊNCIA CONFORME NORMA DA P.B.H. NA TOQUE FIAÇÃO NÃO APRESENTAÇÃO PRECAUÇÕES OBRIGATÓRIAS NA INSTALAÇÃO 0 Evite instalar cercas elétricas em muros ou grades abaixo de,0 metros de altura. CABOS DE ALTA ISOLAÇÃO (USO OBRIGATÓRIO) HASTES COM ISOLADORES INNEAR PLACA DE ADVERTÊNCIA (USO OBRIGATÓRIO) COMPRIMENTO MÁXIMO DOS ARAMES 700 MÊTROS x 4 0 Instale a central a uma altura mínima de, metros, para crianças não alcançarem. 0 Verifique se ha legislação vigente no município ou estado onde será feita a instalação. PERIGO 04 Nunca instale uma cerca elétrica sem o devido aterramento (com haste padronizada). CERCA ELETRIFICADA 0 Nunca ligue a central sem o aterramento estar devidamente conectado. 06 Mantenha a fiação da cerca sempre bem afastada de vegetações em geral. 07 Use somente hastes com isoladores de boa qualidade e maior capacidade técnica de isolamento elétrico. 08 Use da saída de alta tensão da central até a cerca somente cabos de alta isolação apropriados. 09 Nunca instale a central dentro de caixas ou armários metálicos. 0 Os fios de alta tensão devem sair somente pelo lado direito da caixa (faça dois furos na lateral direita). Os fios dos bornes de ligação devem sair somente pelo lado esquerdo da caixa (faça um furo na lateral esquerda). Evite passar os fios de alta tensão dentro ou sobre objetos metálicos em geral. CABOS LIGADOS AOS CONECTORES INTERNOS SAÍDA OBRIGATÓRIA PELO LADO ESQUERDO DA CAIXA,4 METROS HASTE TERRA PADRONIZADA SOLO Evite passar os fios de alta tensão junto a outros, principalmente os de rede elétrica e / ou rede telefônica. 4 Não toque nos cabos que saem da central após a mesma estar ligada. Ligue a central somente quando a caixa estiver fechada. 6 Nunca tente fazer ou desfazer conexões com a central ligada. COMO FIXAR AS HASTES Para fixar as hastes sobre muros ou paredes, devemos usar uma furadeira de médio porte com uma broca de vídea, fazendo o furo no local escolhido. Aplique um pouco de adesivo fixador(sikadur ) no buraco, encaixe a haste e bata com um martelo até a mesma penetrar no furo. A fixação em grades ou em partes metálicas é feita com solda elétrica comum, conforme citado abaixo. 7 Confira se a chave geral da central está na posição desligada, antes de fazer qualquer conexão. 8 Use sempre placas de sinalização nos arames da cerca, advertindo para o risco existente de choque elétrico. 9 Instale as hastes sempre voltadas para a parte interior do local a ser protegido. 0 Mantenha uma distância entre cada haste de aproximadamente a metros. Para fixação de hastes em furos sobre muros ou paredes, use o adesivo fixador sikadur. Nunca instale a central próxima a outros aparelhos elétricos, principalmente eletrodomésticos. Evite fazer emendas nos fios que formam a cerca elétrica (fios das hastes). 4 Mantenha a bateria fora da caixa até terminar de ligar todos os fios da central. Anotações sobre a instalação Opcional em 4º Opcional em 4º Furo de ½ Solda elétrica, metros altura mínima permitida do primeiro arame ao solo. Muro de alvenaria, metros altura mínima permitida do primeiro arame ao solo. Grade de ferro RUA RESIDÊNCIA RUA RESIDÊNCIA S O L O S O L O FIXAÇÃO EM MURO DE ALVENARIA FIXAÇÃO EM GRADE DE FERRO 9

4 CONHECENDO APRESENTAÇÃO O ELETRIFICADOR G.T.A FIGURA X LIGAR A BATERIA Vcc 7Ah PRECAUÇÕES OBRIGATÓRIAS NA INSTALAÇÃO EXEMPLO DE LIGAÇÃO DA CENTRAL COM SENSORES COM FIO I.V.P, MAGNÉTICOS (TODOS EM SÉRIE), SIRENES, CENTRAL DE ALARME E REDE ELÉTRICA LOCAL. LIGAR A HASTE TERRA CONECTORES DA PLACA INFERIOR - + GND BATERIA - + SENSOR C R SETOR - + SIRENE NA C NF MONITOR LIGAÇAO COM CENTRAL DE ALARME 7 PARTE EXTERNA FIGURA Z O N A CENTRAL DE ALARME MONITORADA OU CONVENCIONAL ALARME SETOR C R - + ALARME SETOR C R PARTE INTERNA A FIGURA SENSORES IVP RADAR COM FIO + - SIRENES Vcc PIEZO ELETRICA SENSORES MAGNÉTICOS COM FIO C R GND BATERIA SENSOR SETOR - + NA C NF SIRENE MONITOR CONECTORES DA PLACA PRINCIPAL FIGURA X OPCIONAL PARA 0Vac LIGAR A REDE ELÉTRICA LOCAL 0Vac PARTE INTERNA B FIGURA OBSERVAÇÕES: Ao ligar sensores com fio, retire o JUMP J da placa inferior (localizado próximo aos conectores). Nunca ligue mais que duas sirenes na saída SIRENE + e -. Ao utilizar sensores com fio tipo I.V.P ou I.V.A, evite instalar mais que seis sensores para cada eletrificador. Os sensores com fio devem estar todos em série conforme citado acima. Para ligar a rede elétrica local ( ) utilize os conectores da placa Principal. 8

5 = Sirene + e - Borne para ligação a sirene V piezoeletrica. Essa saída comporta no máximo duas sirenes. = Monitor C, NA e NF. Borne para ligação a centrais de alarme monitorada ou convencional (geralmente se usa a saída C e NF para conexão com a centrais). = Neon. Neon indicador de retorno de alta tensão da cerca. Quando esta piscando indica que ha alta tensão retornando pelos arames da cerca, formando o enlace. Quando estiver apagado indica que ha algum problema com os arames da cerca (considerar somente quando o eletrificador estiver ligada). 4 = Conctores de saída de alta tensão Estes conectores devem ser ligado aos arames da cerca através (exclusivamente) dos cabos de alta isolação. Os cabos devem sair separadamente e somente pelo lado direito da caixa. = Dissipador do regulador de tenção da fonte primária. Um certo aquecimento neste item e considerado normal. 6 = Leds indicadores de estado de funcionamento do eletrificador. A visualização será pela parte frontal da caixa. 7 = Conector -, B, L, + e A. Para ligação de controle remoto. O receptor de controle remoto e um acessório opcional utilizado para ligar e desligar o sistema a uma distância de até 40 metros. Para conectar o receptor retire o strap localizado no conector, e encaixe o conector com o cabo que acompanha o recpetor. INSTALANDO O ELETRIFICADOR Procure sempre instalar o eletrificador em um local coberto, protegido e a uma altura mínima de,6 métros. Utilize o gabarito da tampa da embalagem para fazer os furos (para bucha 6) no local escolhido. Coloque as buchas e os parafusos que acompanham o aparelho nos furos e encaixe os mesmos nos orifícios de fixação no fundo da caixa do eletrificador. Faça os furos necessários e passe os cabos de alta isolação pelo lado direito da caixa (estes não devem passar junto a outros cabos). Os demais cabos deverão pelo lado esquerdo da caixa. Faça as conexões conforme os passos ilustrados neste manual. FIAÇÃO E HASTES Instale as hastes pelo perímetro a ser protegido, mantendo uma distância de a metros uma da outra. Em caso de instalação em muro, utilize uma furadeira de médio porte (com uma broca apropriada e na espessura da haste) para fazer a furação. Em grades solde (com solda comum) as hastes as partes metálicas (veja exemplos na figura?). Passe o arame de aço inox (0,60mm - 04) nas hastes formando a cerca de 4 ou 6 vias, todos em serie para que se forme o enlace do sistema de alarme (veja o exemplo na figura?). O comprimento máximo dos arames será de.800 metros (linear), dividido pelas 4 ou 6 vias. A soma das 4 vias será de 700 metros de cerca armada, e para 6 vias será de 466 metros. Procure não exceder estes valores. 8 = Varistores de proteção. Varistores de proteção contra sobre-atenção da fonte primária. 9 = Conectores CH. Conectores para ligação da chave geral do painel do eletrificador. 0 = Fuzivel de proteção. Fuzivel de proteção da entrada da rede elétrica local (0,A). = Bornes para ligação a rede eletrica local. Para ligação da rede eletrica local 0/0Vac (procure não inverter esta ligação). = Transformador. Transformador de força da fonte primária ( Vac / 0 - Vac - Ah). CABO DE ALTA ISOLAÇÃO O cabo de alta isolação e único que pode ser utilizado da saída de alta tensão do eletrificador até os arames da cerca. Sua capacidade de isolação e de até 40 Kv e suas propriedades físicas proporciona grande segurança na aplicação, além de ser um itém obrigatório por normas. Ligue os cabos na saída alta tensão da central e saia com eles pelo lado direito da caixa. Nunca passe os cabos de alta isolação junto a outros (qualquer outro). Evite ultrapassar os 0 metros (para cada fio) de comprimento da central até os arames da cerca. = Conector flat. Conector flat para conexão com a placa secundária (no fundo da caixa). 6

6 AJUSTE DE SENSIBILIDADE DE DISPARO DA CERCA Ajustar a sensibilidade do disparo da cerca pelo TRIMPOT correspondente (da esquerda). Maior sensibilidade para o sentido horário e menor sensibilidade para o sentido anti-horário. Evite deixar o ajuste da sensibilidade no máximo. Faça o ajuste conforme a necessidade do local. AJUSTE DE TEMPO DE DISPARO DA CERCA Ajustar o tempo de disparo pelo TRIMPOT correspondente (da direita). Maior tempo de disparo para o sentido horário (± 4 minutos) e menor tempo de disparo para o sentido anti-horário (± segundos). Caso a cerca continue arrombada ou aterrada o sistema não obedecerá este tempo de disparo (Ficando com o alarme disparado constantemente). SELEÇÃO DE ALTA TENSÃO DE SAÍDA Use o jump A-B para selecionar a tensão de saída. Na posição A a saída será de ± Volts, na posição B a saída será de ±.000 Volts. Use a tensão de.000 Volts somente para cercas de grande porte (acima de.000 metros). = = = 4 = = 6 = 7 = 8 = Led indicador de sistema ligado. Quando está aceso indica que o eletrificador está ligado e em pleno funcionamento. Led indicador de choque pulsante. Quando está pulsando indica a intensidade dos pulsos do choque na fiação da cerca. Led indicador de alarme disparado. Quando está aceso indica que o alarme foi disparado por consequência de problemas com a fiação da cerca. Led indicador de bateria em carga. Quando está aceso indica que a rede AC está constante e que a bateria está em recarga e flutuação permanente. Painel indicador de funcionamento e riscos. Chave geral. Na posição vertical (a) o sistema está desligado, na posição horizontal (b) o sistema estará ligado. Espaço opcional para colocação de adesivo. Espaço opcional para colocação de adesivo com o nome e telefone da empresa que prestou o serviço de instalação do sistema. TP para ajuste de sensibilidade do disparo do alarme da cerca. Para maior sensibilidade do disparo, gire o TP para o sentido horário (+) e para menor sensibilidade para o sentido anti-horário (-). Evite deixar o ajuste da sensibilidade no máximo, pois pode ocorrer disparos aleatórios com o tempo. 9 = TP para ajuste do tempo de disparo do alarme. O tempo em que a sirene permanecerá tocando após uma ocorrência pode ser variada de ± 4 segundos a ± minutos. Para maior tempo do, gire o TP para o sentido horário (+) e para menor tempo para o menor tempo sentido antihorário (-). LIGAÇÃO DE SENSORES NO SETOR COM FIO 0 = Seleção de alta tensão de saída. A saída de alta tensão pode ser variada mudando a posição do JUMP A B. Na posição A, a saída será de volts, já na posição B a saída será de.000 volts. A seleção para.000 volts só e recomendada para cercas acima de.000 metros de arame. Os sensores serão ligados nos bornes +, - (para alimentação), e C, R (para disparo). Ao ligar os sensores, retire o jump TRAVA SETOR da placa. Sempre que for utilizado mais de um sensor, estes devem estar sempre em série com os bornes C e R. LIGAÇÃO DE REDE ELÉTRICA LOCAL Seguindo as normas tecnicas internacionais, os bornes de conexão da rede elétrica primária ficam localizados na placa da fonte primária, totalmente isolado da placa principal onde e gerado a alta tensão. Ligue a rede elétrica local aos bornes correspondente sendo 0 para o neutro e 0 para a fase. Para ligação em 0 V use o borne opcional 0 Vac (sendo 0 e 0). LIGAÇÃO DO SISTEMA DE ATERRAMENTO O aterramento é o item principal do sistema de cerca eletrificada, ele que vai garantir o funcionamento perfeito e seguro do sistema (principalmente o choque). A haste de aterramento deve ser do tipo padrão (,40 M - /8" e cobreada), e deve ser instalada (fincada no solo) o mais próximo possível do eletrificador ou da cerca. Procure lugares mais úmidos como jardins, canteiros, etc. O fio usado da haste até o eletrificador deve ter no mínimo,mm de diâmetro. Nunca utilize o neutro da rede elétrica como aterramento para o sistema, nem compartilhe de aterramento de outros equipamentos como computadores, eletrodomésticos, etc. O aterramento deverá ser único e exclusivo para a instalação do eletrificador. Para verificar se o aterramento está eficiente para o sistema, utilize uma lâmpada de 60W ou 00W conectada ao polo "fase" da rede elétrica local e o outro polo da lâmpada conectado ao aterramento (fio da haste). Se a lâmpada acender com uma luminosidade mínima de 8%, conclui-se que o aterramento atenderá as necessidades do sistema. Nunca ligue o sistema sem o aterramento estar devidamente conectado. Hastes fora de padrão ou cortadas não são recomendadas. = Bobina geradora de alta tensão. = Jump opcional. Para eliminar o disparo do alarme por corte ou aterramento dos arames da cerca, corte este jump. = Conector flat. Para conexão com a placa da fonte primária (localizada no painel do gabinete). 4 = Fuzivel eletrônico. Fuzivel eletrônico para proteção do circuito contra inversão da polaridade da bateria. = Jump para travar o setor com fio. Quando utilizar sensores com fio na instalação, este jump deverá ser removido (caso contrario a central não efetuara o disparo quando os sensores atuarem. 6 = Led indicador de bateria invertida. Quando está aceso indica que a polaridade dos bornes da bateria está invertida e que o fuzivel protetor está atuando (desligue imediatamente a bateria e corrija a inversão. 7 = GND. Borne para ligação à haste terra padronizada. O sistema de aterramento e primordial na instalação do eletrificador. E ele que garantirá um bom funcionamento do sistema em geral (principalmente o choque elétrico nos arames da cerca). O aterramento deve ser totalmente individual e numca deve ser ligado ao neutro da rede eletrica local. 8 = Bateria + e -. Borne ligado ao cabo da bateria. Deve ser ligado a bateria V 7Ah. (Tomar um cuidado especial para não inverter a polaridade). A bateria deve ser a última a ser colocada na caixa após instalação. 9 = Sensor + e -. Borne alimentação positiva e negativa do sensores com fio I.V.P ou I.V.A (veja exemplo na figura?). 0 = Setor C e R Borne para ligação aos contatos NF dos sensores com fio (quando ligar mais de um sensor, os contatos deverão estar em série). Para essa ligação e necessário que se retire o Jump J. 7 4

ELETRIFICADOR PARA CERCA

ELETRIFICADOR PARA CERCA GARANTIA A JFL Equipamentos Eletrônicos Indústria e Comércio Ltda garante este aparelho por um período de meses a partir da data de aquisição, contra defeitos de fabricação que impeçam o funcionamento

Leia mais

FÊNIX SYSTEM - Indústria Eletrônica Telefone: (0xx43) MANUAL DE INSTALAÇÃO / OPERAÇÃO ELETRIFICADOR DE CERCAS

FÊNIX SYSTEM - Indústria Eletrônica Telefone: (0xx43) MANUAL DE INSTALAÇÃO / OPERAÇÃO ELETRIFICADOR DE CERCAS MANUAL DE INSTALAÇÃO / OPERAÇÃO ELETRIFICADOR DE CERCAS Fênix System Cerca Eletrica Versão 04/2004 Introdução. No Eletrificador de cercas Fênix Sistem foi incorporado uma central de alarme de um setor,

Leia mais

ELETRIFICADOR PARA CERCAS

ELETRIFICADOR PARA CERCAS GARANTIA A JFL Equipamentos Eletrônicos Indústria e Comércio Ltda garante este aparelho por um período de meses a partir da data de aquisição, contra defeitos de fabricação que impeçam o funcionamento

Leia mais

ELETRIFICADOR PARA CERCA SHOCK-8I

ELETRIFICADOR PARA CERCA SHOCK-8I ELETRIFICADOR PARA CERCA SHOCK-8I DESCRIÇÃO GERAL Com a finalidade de proteger áreas comerciais, residenciais, industriais, o eletrificador SHOCK- 8i foi desenvolvido para conter a invasão de intrusos

Leia mais

Controle remoto ELETRIFICADOR PARA CERCA 800R MANUAL DE INSTALAÇÃO GARANTIA

Controle remoto ELETRIFICADOR PARA CERCA 800R MANUAL DE INSTALAÇÃO GARANTIA GARANTIA A JFL Equipamentos Eletrônicos Indústria e Comércio Ltda garante este aparelho por um período de meses a partir da data de aquisição, contra defeitos de fabricação que impeçam o funcionamento

Leia mais

Índice. Apresentação. Características técnicas

Índice. Apresentação. Características técnicas P26947 - Rev. 2 Apresentação Índice Apresentação... 04 Características técnicas... 04 Central Electra 8K... 05 Instalação... 05 Fiação, isoladores e hastes... 06 Conexão do eletrificador com a cerca...

Leia mais

ELETRIFICADOR DE CERCA SHOCK-8i

ELETRIFICADOR DE CERCA SHOCK-8i ELETRIFICADOR DE CERCA SHOCK8i DESCRIÇÃO GERAL Com a finalidade de proteger áreas comerciais, residenciais, industriais, o eletrificador SHOCK8i foi desenvolvido para conter a invasão de intrusos na área

Leia mais

SHOCK-8 LITE DESCRIÇÃO GERAL

SHOCK-8 LITE DESCRIÇÃO GERAL SHOCK-8 LITE DESCRIÇÃO GERAL Com a finalidade de proteger áreas comerciais, residenciais, industriais, o eletrificador SHOCK-8 Lite foi desenvolvido para conter a invasão de intrusos na área protegida.

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Cerca Elétrica com Receptor Interno CE106R

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Cerca Elétrica com Receptor Interno CE106R MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Cerca Elétrica com Receptor Interno CE106R www.compatec.com.br ÍNDICE 1. Apresentação... 2. Status Central (LED Vermelho)... 3. Status de BIP S da Sirene.... Características

Leia mais

LCD DIGITAL de 3,5" com ajuste de Cor, Contraste, Brilho e Nitidez

LCD DIGITAL de 3,5 com ajuste de Cor, Contraste, Brilho e Nitidez LCD DIGITAL de," com ajuste de Cor, Contraste, Brilho e Nitidez Obs: Para evitar qualquer dano ao equipamento leia atentamente este manual. MONITOR PAINEL EXTERNO VOLTAGEM Bivolt automático Vdc pelo monitor

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções ELECTRONIC 150 (60 Hz / 220 V)

bambozzi Manual de Instruções ELECTRONIC 150 (60 Hz / 220 V) A SSISTÊNCIAS T ÊCNICASAUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 33833806 / 33833807 bambozzi Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP

Leia mais

CENTRAL DE ALARME AS-322 SINAL

CENTRAL DE ALARME AS-322 SINAL PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS CENTRAL DE ALARME AS SINAL Central de alarme de zonas, sendo que a zona é mista e a zona somente sem fio; Tempo de entrada e saída programável para a zona; Tempo de sirene de

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO E FUNCIONAMENTO

MANUAL DE OPERAÇÃO E FUNCIONAMENTO BARREIRA INFRAVERMELHO FEIXE ÚNICO D50-1 MANUAL DE OPERAÇÃO E FUNCIONAMENTO DECIBEL DESCRIÇÃO: A barreira I.V.A. feixe único D50-1 é recomendada em automações de portões, ao ser interrompida abre ou fecha

Leia mais

GCP LIGHT. Manual de Instalação. Revisão 2.7 B

GCP LIGHT.  Manual de Instalação. Revisão 2.7 B GCP 10000 LIGHT Manual de Instalação Revisão 2.7 B www.securiservice.com.br ATENÇÃO! Informações Importantes Leia atentamente este manual e siga suas instruções para instalar/utilizar o equipamento. Este

Leia mais

Medidor Trifásico SDM630D

Medidor Trifásico SDM630D Medidor Trifásico SDM630D MANUAL DO USUÁRIO Conteúdo 1 INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA... 3 1.1 PESSOAL QUALIFICADO... 3 1.2 FINALIDADE... 4 1.3 MANUSEIO... 4 2 INTRODUÇÃO... 5 2.1 ESPEFICICAÇÕES... 5 3 DIMENSÕES...

Leia mais

MODELO CP V NBR 01

MODELO CP V NBR 01 CENTRAL DE SEGURANÇA PERIMETRAL MODELO CP - 8000 V NBR 01 MANUAL DO USUÁRIO ATENÇÃO! LEIA TODAS AS INSTRUÇÕES DO MANUAL ANTES DE UTILIZAR ESTE EQUIPAMENTO. INDÚSTRIA BRASILEIRA www.atdshelter.com.br JULHO

Leia mais

Nossos Produtos. Solução completa em ELETRIFICAÇÃO RURAL. Eletrificadores Acessórios para cerca Diversos

Nossos Produtos. Solução completa em ELETRIFICAÇÃO RURAL. Eletrificadores Acessórios para cerca Diversos Nossos Produtos Solução completa em ELETRIFICAÇÃO RURAL Eletrificadores Acessórios para cerca Diversos Cerca Elétrica Rural Muito mais que SEGURANÇA a cerca elétrica rural é altamente utilizada no PIQUETEAMENTO

Leia mais

MP-6 CENTRAL DE ALARME 6 SETORES MANUAL DE OPERAÇÃO E INSTALAÇÃO

MP-6 CENTRAL DE ALARME 6 SETORES MANUAL DE OPERAÇÃO E INSTALAÇÃO CENTRAL DE ALARME 6 SETORES MP6 MANUAL DE OPERAÇÃO E INSTALAÇÃO JFL EQUIPAMENTOS ELETRÔNICOS IND. COM. LTDA Rua João Mota, 471 Jardim das Palmeiras 37540000 Santa Rita do SapucaÍ MG Telefax: 55 (35) 34711990

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO ALTERNADA (VAC) MODELO VT-2020

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO ALTERNADA (VAC) MODELO VT-2020 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO ALTERNADA (VAC) MODELO VT-2020 Julho de 2017 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do detector ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1

Leia mais

SENSOR DE PRESENÇA DE TETO. Manual de instruções

SENSOR DE PRESENÇA DE TETO. Manual de instruções SENSOR DE PRESENÇA DE TETO Manual de instruções Área de Monitoramento Os sensores 6307 são equipadas com lente fresnel que dividem toda área de ação dentro de um diâmetro de até 8m (no caso do pé direito).

Leia mais

PORTEIROS ELETRÔNICOS RESIDÊNCIAIS - KITs

PORTEIROS ELETRÔNICOS RESIDÊNCIAIS - KITs RESIDÊNCIAIS KITs 7.0 INTRODUÇÃO AOS PORTEIROS ELETRÔNICOS RESIDÊNCIAIS KITs O Porteiro Eletrônico Residencial é um sistema constituído por quatro componentes básicos. 7.1 PRIMEIRO COMPONENTE Painel instalado

Leia mais

RECEPTORA MULTIFUNCIONAL 1. APRESENTAÇÃO DA RECEPTORA

RECEPTORA MULTIFUNCIONAL 1. APRESENTAÇÃO DA RECEPTORA RECEPTORA MULTIFUNCIONAL. APRESENTAÇÃO DA RECEPTORA Fig. 0 . APRESENTAÇÃO DA PLACA PROG Chave para programação de controles remotos, sensores sem fio e condições de funcionamento. Led Saída de nível para

Leia mais

CENTRAL SMD LIGHT STANDARD POWER. Revisão 1.0

CENTRAL SMD LIGHT STANDARD POWER. Revisão 1.0 CENTRAL SMD LIGHT STANDARD POWER Revisão 1.0 LIGHT / STANDARD / POWER Este espaçamento pode ser menor, onde condutores ou condutores de conexão cobertos por capas isolantes consistem em cabos com isolação

Leia mais

TITAN. Man al de Instala o e Opera o. D pla Sirene Piezoel trica Blindada e A to-alimentada. Rev. 02

TITAN. Man al de Instala o e Opera o. D pla Sirene Piezoel trica Blindada e A to-alimentada. Rev. 02 TITAN D pla Sirene Piezoel trica Blindada e A to-alimentada Man al de Instala o e Opera o Rev. 02 2 Manual de Instalação e Operação da Sirene TITAN Índice Ítem Capítulo Página 1. Introdução... 3 2. Instalação...

Leia mais

PROTETOR SALIVAR BETA. manual do usuário

PROTETOR SALIVAR BETA. manual do usuário PROTETOR SALIVAR BETA manual do usuário PARABÉNS! Você acaba de adquirir um produto com a qualidade Glasart. Com a compra deste produto, seu estabelicimento está demonstrando cuidado com seus clientes

Leia mais

GCP CR POWER CR. Revisão 1.3 SMD

GCP CR POWER CR. Revisão 1.3 SMD GCP 10.000 CR POWER CR Revisão 1.3 SMD Informações Importantes CR/ POWER CR Este espaçamento pode ser menor, onde condutores ou condutores de conexão cobertos por capas isolantes consistem em cabos com

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Bloco Autônomo de Iluminação de Emergência À Prova de Tempo (IP 65) - Com 01 Lâmpada Fluorescente de 8 W. Código AFMAC8IP O Bloco Autônomo com uma lâmpada fluorescente de 8 Watts é um equipamento de iluminação

Leia mais

Eletrificadores Acessórios para cerca Diversos

Eletrificadores Acessórios para cerca Diversos Eletrificadores Acessórios para cerca Diversos Eletrificadores: Modelo do Equipamento. Sempre iniciando com ISO Pulso- Indicador De funcionamento Dados técnicos, Joules, potencia e alcance estimado Inmetro

Leia mais

LEIA TODO O CONTEÚDO DESTE MANUAL ANTES DE INICIAR A INSTALAÇÃO

LEIA TODO O CONTEÚDO DESTE MANUAL ANTES DE INICIAR A INSTALAÇÃO CENTRAL DE ALARME FLEX-200 2 SETORES MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA TODO O CONTEÚDO DESTE MANUAL ANTES DE INICIAR A INSTALAÇÃO INTRODUÇÃO A FLEX-200 é uma central de alarme de 2 setores, sendo o

Leia mais

ALFAKITS A-30

ALFAKITS  A-30 KIT PLACA AMPLIFICADOR 30 W RMS MONO C/ PRÉ-AMPLIFICADOR Primeiramente queremos agradecer a aquisição do KIT PLACA AMPLIFICADOR 30W RMS MONO com pré-amplificador Mod.A30 da ALFAKITS. Este manual procura

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Sinalizador / Alerta Visual à LED de Alto Brilho Tipo Estrobo (Flashes de Luz) - Código: AFIV01220. O sinalizador visaul código AFIV01 é um equipamento que deve ser instalado no teto ou na parede das edificações

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-6100

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-6100 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-6100 abril 2008 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso da fonte ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. ESPECIFICAÇÕES... 2 2.1.

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-5000

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-5000 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-5000 dezembro de 2011 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do multímetro ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. ESPECIFICAÇÕES...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA ANALÓGICO

MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA ANALÓGICO 1 MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA ANALÓGICO MODELO: KA-078 2 APRESENTAÇÃO DO EQUIPAMENTO O CARREGADOR DE BATERIA ANALOGICO KA-078 é um equipamento voltado à recarga de baterias automotivas de fácil

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções Fonte de Energia para Soldagem MAC-250ED

bambozzi Manual de Instruções Fonte de Energia para Soldagem MAC-250ED A SSISTÊNCIAS T ÊCNICASAUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 33833806 / 33833807 bambozzi Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP

Leia mais

CENTRAL DE ALARME BRISA 8 SINAL

CENTRAL DE ALARME BRISA 8 SINAL SENHA MESTRE CENTRAL DE ALARME BRISA 8 SINAL Parabéns por adquirir a central de alarme BRISA 8 sinal. Este equipamento foi desenvolvido e fabricado pela JFL usando a mais moderna técnologia disponível

Leia mais

ÍNDICE. 3.0 Instalação do receptor de sinal Ligação no receptor Ligação no painel Alimentação do painel I-Pool...

ÍNDICE. 3.0 Instalação do receptor de sinal Ligação no receptor Ligação no painel Alimentação do painel I-Pool... ÍNDICE 1.0 Introdução...2 1.1 Itens do Produto...2 2.0 Características do Produto...4 2.1 Contatora 1...4 2.2 Contatora 2...4 2.3 Contatora 3...5 2.4 Relê liga/desliga...5 3.0 Instalação do receptor de

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções Fonte de Energia para Soldagem MDC-260ED

bambozzi Manual de Instruções Fonte de Energia para Soldagem MDC-260ED A SSISTÊNCIAS T ÊCNICASAUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 33833806 / 33833807 bambozzi Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP

Leia mais

SS 1200 D. Central de Alarme 4 setores com discadora.

SS 1200 D. Central de Alarme 4 setores com discadora. SS 1200 D Central de Alarme 4 setores com discadora www.securiservice.com.br Características Técnicas Alimentação CA: 127/220V Alimentação CC: 6V (Utilizar bateria selada 6V/4,5Ah) Consumo: 6W Frequência

Leia mais

ELS. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Aterramento TECNOFLUID

ELS. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Aterramento TECNOFLUID Português ELS CHAVE DE NÍVEL Tipo Aterramento Manual de Instruções Leia este manual atentamente antes de iniciar a operação do seu aparelho. Guarde-o para futuras consultas. Anote o modelo e número de

Leia mais

1.1 Apresentação 1.2 Assistência técnica 1.3 Inspeção no ato do recebimento 1.4 Especificações técnicas. 2.1 Introdução 2.

1.1 Apresentação 1.2 Assistência técnica 1.3 Inspeção no ato do recebimento 1.4 Especificações técnicas. 2.1 Introdução 2. ÍNDICE SEÇÃO 1 Dados Gerais 1.1 Apresentação 1.2 Assistência técnica 1.3 Inspeção no ato do recebimento 1.4 Especificações técnicas SEÇÃO 2 Funcionamento 2.1 Introdução 03 2.2 Funcionamento 03 SEÇÃO 3

Leia mais

M A N U A L D E I N S T R U Ç Õ E S F O R N O E L É T R I C O D E E M B U T I R 6 0 L I T R O S

M A N U A L D E I N S T R U Ç Õ E S F O R N O E L É T R I C O D E E M B U T I R 6 0 L I T R O S M A N U A L D E I N S T R U Ç Õ E S F O R N O E L É T R I C O D E E M B U T I R 6 0 L I T R O S M O D E L O : B L T F E A D V Parabéns Ao escolher a linha BUILT de produtos, você optou por um produto de

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Bloco Autônomo de Iluminação de Emergência, com 1 Lâmpada de 20 W. Código AFLEA1X20 O Bloco Autônomo com uma lâmpada de 20 Watts é um equipamento de iluminação de emergência que tem a função de iluminar

Leia mais

CNPJ: / INSC. EST.: CRITÉTRIOS CONSTRUTIVOS DO PADRÃO DE ENTRADA

CNPJ: / INSC. EST.: CRITÉTRIOS CONSTRUTIVOS DO PADRÃO DE ENTRADA Notas: CRITÉTRIOS CONSTRUTIVOS DO PADRÃO DE ENTRADA A fiação do ramal de saída deve ser a mesma fiação do ramal de entrada; O padrão de entrada na zona rural deverá ficar no mínimo de 10 metros e no máximo

Leia mais

CNPJ: / INSC. EST.: CRITÉTRIOS CONSTRUTIVOS DO PADRÃO DE ENTRADA

CNPJ: / INSC. EST.: CRITÉTRIOS CONSTRUTIVOS DO PADRÃO DE ENTRADA Notas: CRITÉTRIOS CONSTRUTIVOS DO PADRÃO DE ENTRADA A fiação do ramal de saída deve ser a mesma fiação do ramal de entrada; O padrão de entrada na zona rural deverá ficar no mínimo de 10 metros e no máximo

Leia mais

Leitor LE230 Manual Versão 1.3 Revisão 0 Outubro/2014

Leitor LE230 Manual Versão 1.3 Revisão 0 Outubro/2014 Leitor LE230 Manual Versão 1.3 Revisão 0 Outubro/2014 Sumário 1. Apresentação... 3 2. Itens que Acompanham... 3 3. Especificações Técnicas... 3 4. Características Gerais... 4 5. Visão geral do Equipamento...

Leia mais

Manual de Instruções de Instalação e Garantia. Risco Zero1. -Acionador Eletrônico com Rebaixador de Tensão

Manual de Instruções de Instalação e Garantia. Risco Zero1. -Acionador Eletrônico com Rebaixador de Tensão Manual de Instruções de Instalação e Garantia Risco Zero1 -Acionador Eletrônico com Rebaixador de Tensão Revisão 0 - V. Jan/2013 Parabéns! Você acabou de adquirir a solução para o acionamento da motobomba

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO TELA DE PROJEÇÃO ELÉTRICA MANUAL DE UTILIZAÇÃO CARACTERÍSTICAS 1 As telas Elétricas Visograf foram projetadas em corpo de alumínio extrusado, pintura eletrostática, ponteira e mancal injetados em plástico

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO INDICADOR DE FALHAS COM SINALIZADOR EXTERNO MODELO IDBR-02

MANUAL DO USUÁRIO INDICADOR DE FALHAS COM SINALIZADOR EXTERNO MODELO IDBR-02 MANUAL DO USUÁRIO INDICADOR DE FALHAS COM SINALIZADOR EXTERNO MODELO IDBR-02 JANEIRO DE 2016 SUMÁRIO 1. OBJETIVO... 3 2. INFORMAÇÃO TÉCNICA... 3 3. DEFINIÇÃO... 3 4. ESTRUTURA DO PRODUTO... 3 5. INTERLIGAÇÃO

Leia mais

Eletrificador de Cerca com receptor interno

Eletrificador de Cerca com receptor interno Eletrificador de Cerca com receptor interno G CONTROL Ga ran tia Anos SUPORTE AO CLIENTE ALARMES www.genno.com.br 1 Descrição O eletrificador de cerca GCONTROL MAX foi desenvolvido visando a proteção perimetral

Leia mais

AVISO. Guarde Estas Instruções Utilize somente de maneira informada pelo fabricante. Caso tenha alguma pergunta, comunique-se com o fabricante.

AVISO. Guarde Estas Instruções Utilize somente de maneira informada pelo fabricante. Caso tenha alguma pergunta, comunique-se com o fabricante. GE Iluminação Guia de Instalação Luminária LED Albeo Iluminação Linear (Série ALC4) Características 5 anos de garantia Classificada para locais úmidos ANTES DE INICIAR Leia cuidadosamente estas instruções.

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Módulo Transformador para Iluminação de Emergência, até 2 Lâmpadas, Autonomia 1,5 h. Código AFILSI-NICAD Equipamento com a função de transformar uma ou mais luminárias fluorescentes comuns, instalada em

Leia mais

KIT D370-1 BOTOEIRA COM 1 BOTÃO SEM FIO MANUAL DE INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO.

KIT D370-1 BOTOEIRA COM 1 BOTÃO SEM FIO MANUAL DE INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO. CERTIFICADO DE GARANTIA A garante este equipamento por 12 (doze) meses a contar da emissão da Nota Fiscal. Esta garantia assegura ao adquirente a correção dos eventuais defeitos de fabricação, desde que

Leia mais

CM1 CENTRAL DE ALARME 1 SETOR MICROPROCESSADA

CM1 CENTRAL DE ALARME 1 SETOR MICROPROCESSADA 31 CM1 CENTRAL DE ALARME 1 SETOR MICROPROCESSADA Aplicação - Usada como central de alarme residencial, comercial ou industrial. 32 2. APRESENTAÇÃO DA PLACA 3. CARACTERÍSTICAS 3.1 Central de alarme microprocessada

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-5100

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-5100 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-5100 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso da fonte ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. ESPECIFICAÇÕES... 2 2.1. Gerais...

Leia mais

Manual de Instruções Auxiliar Para Troca de Baterias 12V.

Manual de Instruções Auxiliar Para Troca de Baterias 12V. Manual de Instruções Auxiliar Para Troca de Baterias 12V. A&C Automação e Controle Rua: Itápolis nº 84 SBC SP CEP:09615-040 Tel.: (11) 4368-4202 SAC: (11) 4368-5958 E-mail: sac@aecautomacao.com.br www.aecautomacao.com.br

Leia mais

SHOCK-8 PLUS DESCRIÇÃO GERAL

SHOCK-8 PLUS DESCRIÇÃO GERAL SHOCK8 PLUS DESCRIÇÃO GERAL Com a finalidade de proteger áreas comerciais, residenciais e industriais, o eletrificador SHOCK8 Plus foi desenvolvido para conter a invasão de intrusos na área protegida.

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-4001

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-4001 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DIGITAL MODELO PS-4001 dezembro de 2011 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do multímetro ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. ESPECIFICAÇÕES...

Leia mais

USO DO APARELHO DE TESTE DE EQUIPAMENTO AUXILIAR DE IP

USO DO APARELHO DE TESTE DE EQUIPAMENTO AUXILIAR DE IP 1/5 1. Objetivo Estabelecer procedimentos para testes de reator, ignitor e polaridade com o aparelho de teste de equipamento auxiliar de IP, para execução de trabalhos de construção e manutenção em iluminação

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO LCD DIGITAL de," com ajuste de Cor, Contraste, Brilho e Nitidez MANUAL DE INSTALAÇÃO www.lidermg.com.br TERMO DE GARANTIA O período coberto pela garantia é de meses contados a partir da data inserida

Leia mais

Manual de operação. Fonte de alimentação MT 0 300V 0 1A

Manual de operação. Fonte de alimentação MT 0 300V 0 1A Manual de operação Fonte de alimentação MT 0 300V 0 1A 1 Fonte de alimentação de tensão C.C. MT CUIDADO! ESTA FONTE DE ALIMENTAÇÃO PODE CAUSAR A MORTE MESMO ESTANDO DESLIGADA! LEIA ESTAS INSTRUÇÕES ATÉ

Leia mais

Manual de Instalação e Operação CENTRAL DE ALARME MICROPROCESSADA A L A R M E S.

Manual de Instalação e Operação CENTRAL DE ALARME MICROPROCESSADA A L A R M E S. Manual de Instalação e Operação www.genno.com.br CENTRAL DE ALARME MICROPROCESSADA A L A R M E S Índice. 1 - Introdução... pág 1. 2 - Características Principais... pág 2. 3 - Conhecendo o Aparelho... pág

Leia mais

FONTE FITA LED RGB 20M

FONTE FITA LED RGB 20M FONTE FITA LED RGB 20M Obrigado por ter escolhido um produto da Star Lighting Division. Você tem agora um produto de qualidade e confiabilidade. Esse produto deixou a fábrica em perfeitas condições. Para

Leia mais

ATIVADOR SETORIAL DE INCÊNDIO ENDEREÇAVEL

ATIVADOR SETORIAL DE INCÊNDIO ENDEREÇAVEL ATIVADOR SETORIA DE INCÊNDIO ENDEREÇAVE Ativador Setorial de incêndio endereçável microcontrolado com sirene embutida MANUA DE INSTAAÇÃO PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS ASI-1000 - Contato a relé (normalmente

Leia mais

Rele de Fuga a Terra RFT-1E

Rele de Fuga a Terra RFT-1E Rele de Fuga a Terra RFT-1E [1] Introdução Os Reles de fuga à terra são instrumentos utilizados para auxiliar na proteção de pessoas, painéis e equipamentos em geral. Acoplados a sensores de corrente toroidais

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO CATEGORIA: ILUMINAÇÃO DE Central de Iluminação de Emergência 24 V(cc), 41,7 A - com Capacidade de 1000 W. Código AFUSE241000 A central de iluminação de emergência é alimentada pela rede elétrica predial

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DE ALIMENTAÇÃO MODELO PS-4000

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DE ALIMENTAÇÃO MODELO PS-4000 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DE ALIMENTAÇÃO MODELO PS-4000 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso da fonte ÍNDICE 1. Introdução... 01 2. Especificações... 02 2.1.

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES GERAIS

ESPECIFICAÇÕES GERAIS A Luminária LED com Sensor e Lanterna SLM-301, possui função de iluminação com sensor de movimento, luz de emergência e lanterna portátil. Ideal para uso em corredor, sala, escritório, dormitório, banheiro,

Leia mais

Manual do usuário. ECR-18i

Manual do usuário. ECR-18i Manual do usuário ECR-18i Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade JFL Alarmes, produzido no Brasil com a mais alta tecnologia de fabricação. Este manual, mostra todas as funções do

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO ALTERNADA (VAC) MODELO VT-2010

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO ALTERNADA (VAC) MODELO VT-2010 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO ALTERNADA (VAC) MODELO VT-2010 Agosto de 2016 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...

Leia mais

RELÉ AMPLIFICADOR RP 200. Manual do usuário Série: J RELÉ AMPLIFICADOR MAN-DE-RP 200 Rev.:

RELÉ AMPLIFICADOR RP 200. Manual do usuário Série: J RELÉ AMPLIFICADOR MAN-DE-RP 200 Rev.: RP 200 Manual do usuário Série: J MAN-DE-RP 200 Rev.: 2.00-08 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso RP 200. Para garantir o uso correto e eficiente do RP 200, leia este manual completo e atentamente

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DE ALIMENTAÇÃO MODELO PS-5000

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DE ALIMENTAÇÃO MODELO PS-5000 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA FONTE DE ALIMENTAÇÃO MODELO PS-5000 outubro de 2011 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso da fonte ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. ESPECIFICAÇÕES...

Leia mais

MANUAL GENNO IMPACTO V2

MANUAL GENNO IMPACTO V2 MANUAL GENNO IMPACTO V2 Indice: ATENÇÃO - INFORMAÇÕES IMPORTANTES Pag.: 02 1 - Descrição Pag.: 03 2 - Características técnicas Pag.: 03 3 - Vantagens do aparelho Pag.: 03 4 - Painel frontal - funcionamento

Leia mais

Manual de instalação do Controle de cargas à distância. Instalação do Sistema de Controle.

Manual de instalação do Controle de cargas à distância. Instalação do Sistema de Controle. Manual de instalação do Controle de cargas à distância Instalação do Sistema de Controle. A RPS agradece sua escolha por este produto.estamos certos que o Controle de cargas à distância (CCD-064), irá

Leia mais

Sartor Indústria e Comércio LTDA CNPJ / Rua Evaristo de Antoni Nº 1062 Bairro São José CEP: CAXIAS DO SUL RS BRASIL

Sartor Indústria e Comércio LTDA CNPJ / Rua Evaristo de Antoni Nº 1062 Bairro São José CEP: CAXIAS DO SUL RS BRASIL Sartor Indústria e Comércio LTDA CNPJ. 94.277.084/0001-59 Rua Evaristo de Antoni Nº 1062 Bairro São José CEP: 95041-000 CAXIAS DO SUL RS BRASIL MANUAL DO KSB MANUAL DO KSB CARO USUÁRIO, Queremos desde

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO BASQUETE ELETRÔNICO

MANUAL DO USUÁRIO BASQUETE ELETRÔNICO MANUAL DO USUÁRIO BASQUETE ELETRÔNICO Índice APRESENTAÇÃO...3 GARANTIA...4 FERRAMENTAS NECESSÁRIAS...4 LISTA DE PEÇAS...5 INSTRUÇÕES DE MONTAGEM...6 OPERAÇÃO DO PLACAR ELETRÔNICO...14 COMO JOGAR...15 TERMO

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções TR 250 Turbo II (60 Hz - 110/220 V) +55 (16) 3383

bambozzi Manual de Instruções TR 250 Turbo II (60 Hz - 110/220 V) +55 (16) 3383 A SSISTÊNCIAS T ÊCNICAS AUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 3383 3818 bambozzi Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP 15990-668

Leia mais

Manual de Instalação e Operações

Manual de Instalação e Operações Manual de Instalação e Operações Acionador On/Off Bivolt Sistema de Aquecimento para banheira de hidromassagem PARA SUA SEGURANÇA: Antes de Instalar este produto, leia atentamente este manual de instruções.

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Sirene Eletrônica Tipo Corneta Um Toque - Para Pequenas e Médias Áreas - Código: AF4110. A sirene de alarme código AF4110 é um equipamento que deve ser instalado no teto ou na parede das edificações e

Leia mais

MAGNETI MARELLI T-BOX HW06 MANUAL DE INSTALAÇÃO

MAGNETI MARELLI T-BOX HW06 MANUAL DE INSTALAÇÃO MAGNETI MARELLI T-BOX HW06 MANUAL DE INSTALAÇÃO 1 Índice 1 ANTES DA INSTALAÇÃO...3 1.1 CUIDADOS ANTES DA INSTALAÇÃO...3 1.2 EQUIPAMENTOS NECESSÁRIOS...3 2 INSTALAÇÃO...4 2.1 LOCAIS DE INSTALAÇÃO...4 2.2

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Antes de utilizar o aparelho leia e siga atentamente todas as instruções contidas neste manual.

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Antes de utilizar o aparelho leia e siga atentamente todas as instruções contidas neste manual. MANUAL DE INSTRUÇÕES Antes de utilizar o aparelho leia e siga atentamente todas as instruções contidas neste manual. BEBEDOURO ET41004 Por favor atualize seus manuais em nosso site: www.eterny.com.br PARABÉNS

Leia mais

Série FOX 640Controle Remoto Industrial

Série FOX 640Controle Remoto Industrial comando c FOXCONTROL CONTROLES REMOTOS INDUSTRIAIS TEM A SOLUÇÃO!!! Fone: (41)3575-1020 foxcontrolbr@hotmail.com--www.foxcontrol.com.br Série FOX 640Controle Remoto Industrial Aproximando o Futuro!!!!!!

Leia mais

FEIXE SIMPLES M068 V.02

FEIXE SIMPLES M068 V.02 FEIXE SIMPLES M068 V.02 PARABÉNS Você acaba de adquirir um produto com alta tecnologia IPEC. Fabricado dentro dos mais rígidos padrões de qualidade, os produtos IPEC primam pela facilidade de instalação

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES TR1B/2003

MANUAL DE INSTRUÇÕES TR1B/2003 MANUAL DE INSTRUÇÕES BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 - Centro - CEP 15990-668 - Matão (SP) - Brasil Fone (16) 3383-3800 - Fax (16) 3382-4228 bambozzi@bambozzi.com.br - www.bambozzi.com.br CNPJ

Leia mais

M053 V02. comercialipec@gmail.com

M053 V02. comercialipec@gmail.com M053 V02 comercialipec@gmail.com PARABÉNS Você acaba de adquirir um produto com alta tecnologia IPEC. Fabricado dentro dos mais rígidos padrões de qualidade, os produtos IPEC primam pela facilidade de

Leia mais

Introdução e identificação dos aparelhos Posicionamento e instalação do produto...3. Controle operacional...4. Certificado de garantia...

Introdução e identificação dos aparelhos Posicionamento e instalação do produto...3. Controle operacional...4. Certificado de garantia... Introdução e identificação dos aparelhos... 2 Posicionamento e instalação do produto...3 Controle operacional...4 Dados técnicos e dimensões...5 Certificado de garantia...6 ÍNDICE INTRODUÇÃO Os termostatos

Leia mais

SENSOR DE BARREIRA (ATIVO)

SENSOR DE BARREIRA (ATIVO) SENSOR DE BARREIRA (ATIVO) Manual de Referência e Instalação Leia atentamente o manual antes do manuseio do equipamento ÍNDICE 1. O Produto...3 2. Especificações Técnicas...3 3. LEDs Indicadores...4 4.

Leia mais

Guia do instalador e do usuário. Kit Porteiro 1.1

Guia do instalador e do usuário. Kit Porteiro 1.1 Kit Porteiro 1.1 Tabela de Referências: Referência Descrição com Teto. PRM721410T * Unidade Interna Branco. * Unidade Externa Grafite. PRM720901 Interfone Arbus 900 Branco. PRM720214T Unidade Externa de

Leia mais

Simulador de sonda lambda inteligente

Simulador de sonda lambda inteligente t65 Simulador de sonda lambda inteligente APRESENTAÇÃO E CARACTERÍSTICAS O Simulador de sonda lambda inteligente T65 é um módulo eletrônico desenvolvido para efetuar a simulação do sinal do sensor de sonda

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Acionador Manual de Alarme de Incêndio Convencional Resetável Alavanca Simples Código: AFAM2. O acionador manual de alarme de incêndio AFAM2 é um equipamento que deve ser instalado na parede das edificações

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO DA CENTRAL DE ALARME CONTRA INCÊNDIO

MANUAL DE INSTALAÇÃO DA CENTRAL DE ALARME CONTRA INCÊNDIO MANUAL DE INSTALAÇÃO DA CENTRAL DE ALARME CONTRA INCÊNDIO RACHADEL SISTEMAS DE SEGURANÇA. Rua: Nossa Senhora Aparecida, 399 - Barreiros - São José - SC Fone: (48) 240-5958 CHAVE LIGA: MANUAL DE OPERAÇÃO

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA ESTAÇÃO DE SOLDA SMD MODELO TS-960

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA ESTAÇÃO DE SOLDA SMD MODELO TS-960 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA ESTAÇÃO DE SOLDA SMD MODELO TS-960 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...1 2. REGRAS DE SEGURANÇA...1

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. CORTINA DE AR Série: KCAF Modelo: G3

MANUAL DO USUÁRIO. CORTINA DE AR Série: KCAF Modelo: G3 MANUAL DO USUÁRIO CORTINA DE AR Série: KCAF Modelo: G3 INTRODUÇÃO Parabéns por adquirir a Cortina de Ar KOMECO, desenvolvida para oferecer maior conforto e bem-estar com muito mais economia de energia.

Leia mais

Descrição Funcional:

Descrição Funcional: 1 Descrição Funcional: 1. CHAVE LIGA E DESLIGA 2. ALÇA 3. CABO DE FORÇA 4. TUBO DE SAIDA DE DESCARGA DE PÓ 5. PORTA ESCOVA 6. BASE DE APOIO 7. PROTETOR DO DISCO DENTADO 8. DISCO DENTADO 9. ARRUELA DE FIXAÇÃO

Leia mais

CENTRAL DE ALARME COM FIO AW-201

CENTRAL DE ALARME COM FIO AW-201 CENTRAL DE ALARME COM FIO AW201 CARACTERÍSTICAS DO APARELHO Central de alarme de 1 setor com fio; Caixa plástica com alojamento para bateria selada de 7 A/H; Carregador de bateria incorporado; Tempo de

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO VT-3021

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO VT-3021 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO DETECTOR DE TENSÃO VT-3021 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. REGRAS DE SEGURANÇA... 1 3. ESPECIFICAÇÕES...

Leia mais

Manual do Usuário ALF-3000/GII

Manual do Usuário ALF-3000/GII Manual do Usuário ALINHADOR DE FAROL ALF 3000/GII O ALF-3000/GII realiza alinhamento de faróis de veículos e caminhões, com ajuste do corpo do alinhador no sentido horizontal e vertical, através de um

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES FONTE CARREGADOR DE BATERIA USINA Fonte Chaveada Usina Slim 150A/200A/250A-14,4V Antes de Efetuar qualquer ligação em sua fonte, leia atentamente o manual de instruções. Apresentação

Leia mais

Válvula de Descarga Eletrônica FLUX

Válvula de Descarga Eletrônica FLUX Válvula de Descarga Eletrônica FLUX Apresentação Válvula de Descarga Eletrônica Flux Wave - Ref.: 3660 EL-WAV. - Disponível em duas bitolas: 1 1/2 e 1 1/4, com mecanismo único. - Para bacia sanitária,

Leia mais

Advertência Para evitar choques elétricos e ferimentos pessoais, leia as Regras para Operação Segura cuidadosamente antes de usar o instrumento.

Advertência Para evitar choques elétricos e ferimentos pessoais, leia as Regras para Operação Segura cuidadosamente antes de usar o instrumento. ÍNDICE VISÃO GERAL... 02 ITENS INCLUSOS... 02 REGRAS PARA OPERAÇÃO SEGURA... 03 ESTRUTURA DO INSTRUMENTO... 04 ESPECIFICAÇÕES GERAIS... 04 INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO... 05 MANUTENÇÃO... 05 A. Serviço Geral...

Leia mais