OFICINA. Formadora: Helena Gaia

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "OFICINA. Formadora: Helena Gaia"

Transcrição

1 OFICINA Formadora: Helena Gaia

2 Deus abre à Igreja os horizontes de uma humanidade mais preparada para a sementeira evangélica (João Paulo II, RM n. 3). DA, 548: Compartilhar o dom do Encontro c/ Cristo RM, 3: Urgência: contínuo aumento dos que não conhecem a Cristo. RM, 5: Porque anunciar: não há outro nome pelo qual devamos ser salvos. LG, 9: O povo messiânico é para a humanidade um germe fecundíssimo. Libertação do homem todo e do homem inteiro.

3 Nova Evangelização (por Bento XVI / ) Em uma sociedade como a de hoje, frequentemente marcada pela secularização, a Igreja tem o dever de oferecer aos homens e mulheres um renovado anúncio de esperança. O termo nova evangelização recorda a exigência de uma renovada modalidade de anúncio, A missão não mudou, assim como não devem mudar o entusiasmo e a valentia que impulsionaram os Apóstolos e os primeiros discípulos. O Espírito Santo que os alentou a abrir as portas do cenáculo, tornando-os Evangelizadores, é o mesmo Espírito que move hoje a Igreja em um renovado anúncio de esperança aos homens de nosso tempo.

4 Creio que os movimentos para as missões se realizam num dinamismo de formas originais: realizam-se quase ao modo de osmose, de pessoa a pessoa, de família à família, de comunidade por meio do testemunho de quem havendo recebido gratuitamente um grande dom e experimentado sua verdade para a própria vida, corre a compartilhar com todos os que encontra. É muito humano, muito compreensível que quando alguém vive uma experiência grande, vive um acontecimento surpreendente, então corre a compartilhar a seus amigos. Nesse sentido, a experiência missionária não é uma experiência assessória, agregada à experiência Cristã, é um transbordamento, é uma comparticipação dessa experiência cristã. Quantos leigos redescobriram seu batismo e a responsabilidade que ele implica, por meio da vida compartilhada num movimento. (D. Terra)

5 Realidade A missão, hoje, assume 3 características (DGAE, 31) 1. Urgência oscilação de critérios (agudo relativismo) 2. Amplitude Todas as situações, tempos e 3. Inclusão locais são seus interlocutores. Novas estruturas agir com rapidez (DGAE, 34)

6 Doc. Aparecida DGAE Missão Continental Despertar a Igreja para um grande impulso missionário Igreja em estado em permanente de missão Desinstalar-se do comodismo/abandon ar estruturas ultrapassadas Ir ao encontro Pastoral de Conservação x Pastoral Missionária Novo compromisso com a missão ad gentes Recuperar valor e audácia apostólicos

7 METODOLOGIA MISSIONÁRIA NA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA

8 Quem somos nós? Qual nossa especificidade na evangelização? O que nos difere dos demais? O que devemos ser na Igreja e no mundo? Como deve ser uma ação missionária na RCC? Quais ferramentas podemos utilizar?

9 Os carismas não são inventados nem produzidos por agencias de pastorais, nem por planejamento de pastorais. Irrompam de surpresa, nos pegam desprevenidos. Rompem nossos esquemas, obrigamnos a revisar nossos planos de conjunto. Quantas vezes temos ouvido: não se integram no plano de conjunto. Porém, não será que o plano de conjunto tem que ser revisto segundo a modalidade que o Espírito suscita na vida do povo (indo além) superando nossos esquemas, ou são nossos esquemas os que constroem a Igreja? Bento XVI

10 Urs Von Balthazar afirma que, em determinadas encruzilhadas da história, onde a tradição católica parece ficar em xeque, porque surgem novas condições de vida, novas sensibilidades culturais e espirituais, a Providencia de Deus envia seus carismas em forma de pencas ou cachos, como uma concentração de dons do Espírito, que ajudam a voltar às fontes, ajudam a recupera a evidência original e o poder original da mensagem evangélica na vida das pessoas, ajudam a desencadear na Igreja correntes de santidade, a refazer o tecido comunitário da Igreja segundo o paradigma da comunidade primitiva, a inculturar o Evangelho nas novas condições de vida e a suscitar correntes de nova evangelização.

11 Jesus disse: «Vim lançar fogo sobre a terra; e que quero Eu senão que ele já se tenha ateado?» (Lc 12, 49); enquanto a Igreja se prepara para cruzar o limiar do terceiro milênio, acolhamos o convite do Senhor, para que o Seu fogo se propague no nosso coração e no dos irmãos. Hoje, deste cenáculo da Praça de São Pedro, eleva-se uma grande oração: Vinde Espírito Santo, vinde e renovai a face da terra! Vinde com os vossos sete dons! Vinde Espírito de vida, Espírito de verdade, Espírito de comunhão e de amor! A Igreja e o mundo têm necessidade de Vós. Vinde Espírito Santo e tornai sempre mais fecundos os carismas que concedeis. Dai nova força e impulso missionário a estes vossos filhos e filhas aqui reunidos. Dilatai o coração deles, reavivai o seu empenho cristão no mundo. Tornai-os corajosos mensageiros do Evangelho, testemunhas de Jesus Cristo ressuscitado, Redentor e Salvador do homem... Hoje, desta Praça, Cristo repete a cada um de vós: «Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a todas as criaturas» (Mc 16, 15). Ele conta com cada um de vós, a Igreja conta convosco. «Eis assegura o Senhor Eu estarei sempre convosco, até ao fim do mundo» (Mt 28, 20). Estou convosco. Amém! JP II/1998.

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Prof. Denilson A. Rossi O que se entende por Nova Evangelização? Quais são as luzes dos documentos conciliares para a Nova Evangelização? Em que

Leia mais

O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e

O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e irmãos uns dos outros; identifica-nos com Jesus-Verdade,

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra);

1.1 Recuperar a comunidade (Base do Antigo Israel); 1.2 A nova experiência de Deus: o Abbá (Oração e escuta comunitária da Palavra); Uma nova paróquia Introdução DA: Conversão Pastoral Escolha de outro caminho; Transformar a estrutura paroquial retorno a raiz evangélica; Jesus: modelo (vida e prática); Metodologia: Nele, com Ele e a

Leia mais

Conselho Arquidiocesano de Pastoral

Conselho Arquidiocesano de Pastoral Conselho Arquidiocesano de Pastoral Capítulo 1 Marco histórico-eclesial Marco Histórico-Eclesial (VER-JULGAR-AGIR) OS LEIGOS NA ÉPOCA DA CRISTANDADE... A presença e organização dos leigos buscou sempre

Leia mais

Três eixos temáticos. I. A alegria do Evangelho II. Sinodalidade e Comunhão III. Testemunho e Profetismo

Três eixos temáticos. I. A alegria do Evangelho II. Sinodalidade e Comunhão III. Testemunho e Profetismo Três eixos temáticos I. A alegria do Evangelho II. Sinodalidade e Comunhão III. Testemunho e Profetismo Um eixo transversal: A Igreja em saída na perspectiva ad gentes - Segue o método ver, julgar e agir

Leia mais

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37):

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): Quem é o meu próximo? perguntou o Doutor da Lei a Jesus, que em seguida lhe contou a Parábola do

Leia mais

Três eixos temáticos. I. A alegria do Evangelho II. Sinodalidade e Comunhão III. Testemunho e Profetismo

Três eixos temáticos. I. A alegria do Evangelho II. Sinodalidade e Comunhão III. Testemunho e Profetismo Três eixos temáticos I. A alegria do Evangelho II. Sinodalidade e Comunhão III. Testemunho e Profetismo Um eixo transversal: A Igreja em saída na perspectiva ad gentes - Segue o método ver, julgar e agir

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus Tema missiológico comum: Reino de Deus Mais de 70 vezes é referido por Jesus nos Evangelhos O tema destaca-se do começo ao

Leia mais

Teologia Bíblica de Missões SEFO 2013

Teologia Bíblica de Missões SEFO 2013 Teologia Bíblica de Missões SEFO 2013 2 ª Aula Fabio Codo Fábio Codo - http://teologiaaservicoevangelho.wordpress.com Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes

Leia mais

PRIMEIRO DIA LADAINHA. MEDITAÇÃO Nosso Compromisso: Rede de Comunidades. Animador das primeiras comunidades, Caridoso com os mais empobrecidos,

PRIMEIRO DIA LADAINHA. MEDITAÇÃO Nosso Compromisso: Rede de Comunidades. Animador das primeiras comunidades, Caridoso com os mais empobrecidos, PRIMEIRO DIA LADAINHA São Judas Tadeu, Apóstolo de Cristo, Eleito por Jesus, Seguidor do Evangelho, Testemunha do Ressuscitado, Animador das primeiras comunidades, Fiel pregador do Evangelho, Zeloso ministro

Leia mais

Ser testemunha de Jesus em fraternidade

Ser testemunha de Jesus em fraternidade Ser testemunha de Jesus em fraternidade Escuta do evangelho do domingo Jo 10,1-10; Eu Sou a Porta das ovelhas Estamos sempre à meditar sobre a nossa identidade No nosso voto, nos comprometemos à aprofundar

Leia mais

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA 17-03-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze A Igreja no desígnio de Deus O que significa a palavra Igreja? Designa o povo que Deus convoca e reúne de todos os

Leia mais

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial

Catedral Diocesana de Campina Grande. II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia. ANO DA FÉ Rito Inicial Catedral Diocesana de Campina Grande Paróquia nossa Senhora da Conceição II Domingo da Páscoa Ano C Domingo da Divina Misericórdia Por suas chagas fomos curados, felizes aqueles que crêem sem terem visto.

Leia mais

Plano de Pastoral da Arquidiocese de São Salvador da Bahia

Plano de Pastoral da Arquidiocese de São Salvador da Bahia Arquidiocese de São Salvador da Bahia Plano de Pastoral da Arquidiocese de São Salvador da Bahia 2015 2019 O Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida como resgate em favor

Leia mais

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão.

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Como animadores da comunhão, temos a missão de acolher,

Leia mais

LIÇÃO 13 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA

LIÇÃO 13 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA INTRODUÇÃO - Concluindo o estudo deste trimestre sobre evangelização, estudaremos a necessária integralidade desta atividade mais importante, da razão de ser da igreja. - A evangelização tem de ser integral.

Leia mais

EM RESUMO, QUE LUZES NOS TRAZ O DOCUMENTO DE APARECIDA?

EM RESUMO, QUE LUZES NOS TRAZ O DOCUMENTO DE APARECIDA? EM RESUMO, QUE LUZES NOS TRAZ O DOCUMENTO DE APARECIDA? O documento Conclusivo da V Conferência contém inúmeras e oportunas indicações pastorais, motivadas por ricas reflexões à luz da fé e do atual contexto

Leia mais

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html.

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html. Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas ocantinhodasao.com.pt/public_html 12 Ano B ocantinhodasao.com.pt/public_html 1 RITOS INICIAIS Hoje,

Leia mais

Paróquia missionária. O novo povo de Deus em forma de missão que participa da caminhada junto à humanidade.

Paróquia missionária. O novo povo de Deus em forma de missão que participa da caminhada junto à humanidade. Paróquia missionária O novo povo de Deus em forma de missão que participa da caminhada junto à humanidade. Renovação das paróquias As paróquias são células vivas da Igreja e o lugar privilegiado no qual

Leia mais

CNLB. Conselho Nacional do Laicato do Brasil

CNLB. Conselho Nacional do Laicato do Brasil CNLB Conselho Nacional do Laicato do Brasil Somos leigos e leigas... - Marcados pelo batismo, a maior parcela do Povo de Deus = Igreja - Corresponsáveis pela missão de Jesus = Igreja - De maneira singular,

Leia mais

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial Roteiro de leitura e síntese para compreender o significado da Comunidade Eclesial Comunidade Eclesial Sinal do Reino no presente e no futuro O livro está dividido em 4 capítulos: Refletindo sobre Comunidade

Leia mais

Também foram apresentadas sugestões de temáticas para alguns encontros que já fazem parte da vida do movimento nos estados e dioceses:

Também foram apresentadas sugestões de temáticas para alguns encontros que já fazem parte da vida do movimento nos estados e dioceses: O Conselho Nacional da RCCBRASIL, que está reunido em Brasília desde a última quarta-feira, dia 21, discerniu a temática que deverá acompanhar as missões, encontros e ser trabalhada nas reuniões de oração

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 049-PROEC/UNICENTRO, DE 27 DE MARÇO DE 2014. Altera o anexo I E II da Resolução nº035- PROEC/UNICENTRO, de 06 de maio de 2013 e aprova o Relatório Final. O PRÓ-REITOR DE EXTENSÃO E CULTURA

Leia mais

GRUPO DE ORAÇÃO. Formação Missionária Diocese de Osasco

GRUPO DE ORAÇÃO. Formação Missionária Diocese de Osasco GRUPO DE ORAÇÃO Formação Missionária Diocese de Osasco Conceito Comunidade carismática presente em um lugar (...) que cultiva a oração, a partilha e todos os outros aspectos da vivência do Evangelho, a

Leia mais

MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES

MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES MARCO SITUACIONAL - DIOCESE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES V Conferência Geral do Episcopado da América Latina e Caribe Aparecida, 13 a 31 de

Leia mais

+ Ilídio Pinto Leandro Bispo de Viseu

+ Ilídio Pinto Leandro Bispo de Viseu + Ilídio Pinto Leandro Bispo de Viseu Nota Pastoral Todos Discípulos. Todos Responsáveis O Plano Pastoral para o primeiro de 10 anos, na vivência e concretização do Sínodo Diocesano, convida-nos a ser

Leia mais

Uma comunidade daqueles que foram Perdoados para Amar. Pr. Alex Mello

Uma comunidade daqueles que foram Perdoados para Amar. Pr. Alex Mello Uma comunidade daqueles que foram Perdoados para Amar Pr. Alex Mello COMUNHÃO CULTO PERDÃO PREGAÇÃO ADORAÇÃO AMOR ORAÇÃO MINISTÉRIO A comunidade daqueles que foram Perdoados para Amar Pr. Alex Mello Leitura

Leia mais

COMO IGREJA POVO DE DEUS:

COMO IGREJA POVO DE DEUS: Objetivo Geral: COMO IGREJA POVO DE DEUS: Celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos e leigas no Brasil; Aprofundar a sua identidade, vocação, espiritualidade e missão; Testemunhar Jesus Cristo

Leia mais

Teologia Sistemática

Teologia Sistemática Teologia Sistemática Patriarcado de Lisboa Instituto Diocesano de Formação Cristã Escola de Leigos 1º Semestre 2014/2015 Docente: Juan Ambrosio Fernando Catarino Tema da sessão Lumen Gentium 1. Aspetos

Leia mais

IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO

IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO IMPELIDOS PELO ESPÍRITO PARA A MISSÃO IGREJA EM SAÍDA CULTURA DO ENCONTRO comunidade eclesial a V O C A Ç Ã O NASCE, CRESCE na IGREJA; é SUSTENTADA pela IGREJA. Todos os cristãos são constituídos missionários

Leia mais

Processo de Formação na RCC Brasil

Processo de Formação na RCC Brasil Processo de Formação na RCC Brasil I Como entendemos a Formação na Vida do Movimento: A Formação está presente em todos os ministérios, de maneira sólida e abrangente. Por este motivo podemos dizer que

Leia mais

COMUM DOS SANTOS E DAS SANTAS

COMUM DOS SANTOS E DAS SANTAS 279 I rmãs e irmãos: Ao celebrar a solenidade de São N. (de Santa N.), nosso irmão (nossa irmã) na fé e no Baptismo, oremos a Deus Pai todo-poderoso, dizendo (ou: cantando): R. Deus, fonte de toda a santidade,

Leia mais

Ser testemunha de Jesus no estudo, no trabalho, no bairro

Ser testemunha de Jesus no estudo, no trabalho, no bairro Ser testemunha de Jesus no estudo, no trabalho, no bairro Escuta do evangelho do domingo Festa de Pentecostes Jo 20,19-23; Jesus Ressuscitado sopra o Espírito Santo sobre os discípulos No nosso voto, nos

Leia mais

O papel do assessor diante do pluralismo eclesial juvenil atual

O papel do assessor diante do pluralismo eclesial juvenil atual Tema 05: Dimensão de Capacitação (Processo- metodológico. Como organizar a ação ). Tituto 02: O papel do assessor diante do pluralismo eclesial juvenil atual Antonio Ramos do Prado, sdb (Ms. Pastoral Juvenil

Leia mais

SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de

SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de 1 Áudio da Mensagem de Manoel de Jesus, de 28.08.2017 convertido em texto, SOBRE O CENÁCULO Mencionado na Mensagem de 21.08.2017 28.08.2017 Chamado de Amor e de Conversão do Coração Doloroso e Imaculado

Leia mais

VERDADES FUNDAMENTAIS DO EVANGELHO GERADORAS DE VIDAS 2 ARTE

VERDADES FUNDAMENTAIS DO EVANGELHO GERADORAS DE VIDAS 2 ARTE VERDADES FUNDAMENTAIS DO EVANGELHO GERADORAS DE VIDAS 2 ARTE ATOS 2:41 41 De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas, CONTEXTO:

Leia mais

Maria e a VOCAÇÃO LAICAL

Maria e a VOCAÇÃO LAICAL Maria e a VOCAÇÃO LAICAL João Luis Fedel Gonçalves Maria e a Vocação Laical 1 REFLETINDO Simplesmente cristãs e cristãos... eis a condição comum e fundamental de todos os batizados. Formamos o povo de

Leia mais

Vogal de Missão Cadernos de Serviços

Vogal de Missão Cadernos de Serviços Vogal de Missão Cadernos de Serviços Nome: Conselho Local / Regional / Nacional Centro Local: A JMV é um Movimento Missionário. Alimenta o seu espírito nas fontes de ser Igreja e no seu próprio carisma

Leia mais

Paróquia missionária comunidades de comunidades. Animada pela Palavra de Deus

Paróquia missionária comunidades de comunidades. Animada pela Palavra de Deus Paróquia missionária comunidades de comunidades Animada pela Palavra de Deus Renovação paroquial Toda paróquia é chamada a ser o espaço onde se recebe e se acolhe a Palavra (172). Sua própria renovação

Leia mais

O QUE É O PROJETO NATAL MISSIONÁRIO?

O QUE É O PROJETO NATAL MISSIONÁRIO? INTRODUÇÃO Como continuidade ao Projeto das Semanas Missionárias, Deus suscitou este novo projeto que envolverá não apenas ao movimento da Renovação Carismática Católica, mas a toda a Igreja Católica Apostólica

Leia mais

Ano Litúrgico Ano C

Ano Litúrgico Ano C Ano Litúrgico 2009-2010 Ano C TEMPO DO ADVENTO 29/11 1º Domingo do Advento A redenção está próxima. Jeremias 33,14-16; Salmo 25(24); 1 Tessalonicenses 3,12-4,2; Lucas 21,25-28. 34-36 6/12 2º Domingo do

Leia mais

Comissão Episcopal da Educação Cristã M E N S A G E M. Educação Cristã: um Serviço e um Compromisso

Comissão Episcopal da Educação Cristã M E N S A G E M. Educação Cristã: um Serviço e um Compromisso M E N S A G E M Educação Cristã: um Serviço e um Compromisso 1. A educação é tão importante na vida do ser humano que, sem ela, ninguém cresce harmoniosamente e ultrapassa um estilo de vida marcado pela

Leia mais

Quando para-se para refletir sobre o significado da palavra MARIA na vida dos cristãos, por diversas formas pode-se entendê-la: seja como a Mãe do

Quando para-se para refletir sobre o significado da palavra MARIA na vida dos cristãos, por diversas formas pode-se entendê-la: seja como a Mãe do Quando para-se para refletir sobre o significado da palavra MARIA na vida dos cristãos, por diversas formas pode-se entendê-la: seja como a Mãe do Deus feito Homem Jesus Cristo, Mãe da Igreja ou ainda

Leia mais

Espiritualidade e Missão dos Animadores de Grupos (comunidade de comunidades)

Espiritualidade e Missão dos Animadores de Grupos (comunidade de comunidades) Espiritualidade e Missão dos Animadores de Grupos (comunidade de comunidades) Qual um dos principais objetivos do Ano Missionário? Criar comunidades de comunidades ao redor da Palavra de Deus! "Basicamente,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 011/2007-PROEC/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 011/2007-PROEC/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 011/2007-PROEC/UNICENTRO Aprova o projeto de extensão Escola de Teologia para Leigos Nossa Senhora das Graças, na modalidade de curso de extensão, na categoria de projeto de extensão permanente,

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais

Coordenação Pastoral

Coordenação Pastoral Coordenação Pastoral Necessidade de um Coordenador Arquidiocesano de Pastoral. Dom Jaime colocou esta função como necessária. Diz ele: Falta um plano diocesano de Pastoral, com linhas de ação em comum..

Leia mais

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo,

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo, Coleção Chamados à Vida Em preparação à Eucaristia 1ª Etapa: Chamados à vida 2ª Etapa: Chamados à vida em Jesus Cristo 3ª Etapa: Chamados à vida em Comunidade. 4ª Etapa: Chamados à vida para amar e servir.

Leia mais

Solenidade de Pentecostes 04 de junho de 2017

Solenidade de Pentecostes 04 de junho de 2017 Solenidade de Pentecostes 04 de junho de 2017 Caríssimos Irmãos e Irmãs: Hoje chegamos ao término do ciclo litúrgico pascal com a solenidade de Pentecostes. Após 50 dias, o Espírito Santo prometido por

Leia mais

Discurso do Papa João Paulo II aos Participantes do Congresso Mundial dos Movimentos Eclesiais Ter, 01 de Abril de :00

Discurso do Papa João Paulo II aos Participantes do Congresso Mundial dos Movimentos Eclesiais Ter, 01 de Abril de :00 «Subitamente ressoou, vindo do céu, um som comparável ao de forte rajada de vento, que encheu toda a casa onde se encontravam. Viram, então, aparecer umas línguas à maneira de fogo, que se iam dividindo,

Leia mais

Princípios para uma Catequese Renovada. Eu vim para que tenham a vida Jo 10,10

Princípios para uma Catequese Renovada. Eu vim para que tenham a vida Jo 10,10 Princípios para uma Catequese Renovada Eu vim para que tenham a vida Jo 10,10 Por que Renovada? Podemos renovar o que ainda não existe? Como renovar? Introdução A renovação atual da catequese nasceu para

Leia mais

O documento da CNBB e o 7 o PPO apelos de conversão

O documento da CNBB e o 7 o PPO apelos de conversão O documento da CNBB e o 7 o PPO apelos de conversão Olhar a realidade com os olhos da fé: Olhar a realidade com um olhar positivo e esperançoso de quem busca, nesta realidade, ler os sinais de Deus, como

Leia mais

Teologia Sistemática

Teologia Sistemática Teologia Sistemática Patriarcado de Lisboa Instituto Diocesano de Formação Cristã Escola de Leigos 1º Semestre 2014/2015 Docente: Juan Ambrosio Fernando Catarino Tema da sessão A Igreja 1. Identidade e

Leia mais

OS SETE PASSOS DA CAMINHADA MISSIONÁRIA

OS SETE PASSOS DA CAMINHADA MISSIONÁRIA OS SETE PASSOS DA CAMINHADA MISSIONÁRIA para organizar uma animação missionária séria, eficaz e programada. 1 1 Constituir o Grupo de Animação Missionária (GAM) Grupo = núcleo que se reúne para Rezar Discutir

Leia mais

15/8/2011. Dom Dimas MINISTÉRIO DO CATEQUISTA. Apresentação (D. Eugênio Rixen)

15/8/2011. Dom Dimas MINISTÉRIO DO CATEQUISTA. Apresentação (D. Eugênio Rixen) MINISTÉRIO DO CATEQUISTA Dom Dimas Mesmo crescendo o número de serviços eclesiais, o do catequista ainda é necessário e fundamental e com características peculiares (RM 73). Isto vem sendo estudado e refletido

Leia mais

"Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa do teu nome" (Lc 10,17)

Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa do teu nome (Lc 10,17) "Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa Outubro 2014 Editorial Neste mês de setembro foi realizado o 57º Retiro Básico, no Morro das Pedras

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 25 de Abril - São Marcos Evangelista 1) Oração Ó Deus, que

Leia mais

Encontros com pais e padrinhos Batismo

Encontros com pais e padrinhos Batismo ARQUIDIOCESE DE TERESINA Batismo PASTORAL DO BATISMO 3º Momento Palavra de Deus (Leitura na Bíblia) Mt. 28,18-20 MISSÃO UNIVERSAL. Jesus aproximando-se deles, falou: Toda a autoridade sobre o céu e sobre

Leia mais

A alegria do Evangelho para uma Igreja em saída

A alegria do Evangelho para uma Igreja em saída Campanha Missionária 2017 A alegria do Evangelho para uma Igreja em saída Juntos na missão permanente Mês das Missões O mês de outubro é, para a Igreja, o período no qual são intensificadas as iniciativas

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA EVANGELIZAÇÃO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA EVANGELIZAÇÃO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA EVANGELIZAÇÃO 1. NOSSA VISÃO Tornar o Espírito Santo mais conhecido, amado e adorado 1, difundindo a espiritualidade e a Cultura de Pentecostes a partir do Grupo de Oração.

Leia mais

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL 1 Ivocação ao Espirito Santo (oração ou canto) 2- Súplica inicial. (Em 2 coros: H- homens; M- mulheres) H - Procuramos para a Igreja/ cristãos

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO CATEQUÉTICA PARNAÍBA

ESPECIALIZAÇÃO CATEQUÉTICA PARNAÍBA ESPECIALIZAÇÃO CATEQUÉTICA PARNAÍBA 23-24/0102017 Pe. João Paulo PARÓQUIA E INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ PARÓQUIA E CATECUMENATO LINHAS DE AÇÃO DA CATEQUESE PAROQUIAL A URGÊNCIA DE UMA RENOVAÇÃO PAROQUIAL A

Leia mais

MCC em seus 3 tempos PRÉ PÓS CUR

MCC em seus 3 tempos PRÉ PÓS CUR Pré-Cursilho MCC em seus 3 tempos PÓS PRÉ CUR A Espiritualidade do PRÉ: Com olhos de Deus, escolher os ambientes que mais necessitem do fermento dos valores do Evangelho. Neles selecionar pessoas que demonstrem

Leia mais

Diocese de Criciúma. Plano. Diocesano. de Pastoral

Diocese de Criciúma. Plano. Diocesano. de Pastoral Diocese de Criciúma Plano Diocesano de Pastoral 2012-2016 OBJETIVO GERAL Nós, povo de Deus da Diocese de Criciúma, animados pela Santíssima Trindade, queremos: Evangelizar vivendo em comunidade, como Igreja

Leia mais

Vocação e Missão EMBARGO ATÉ ÀS 18H30M DO DIA 10 DE ABRIL DE 2011

Vocação e Missão EMBARGO ATÉ ÀS 18H30M DO DIA 10 DE ABRIL DE 2011 EMBARGO ATÉ ÀS 18H30M DO DIA 10 DE ABRIL DE 2011 Vocação e Missão Catequese do 5º Domingo da Quaresma Sé Patriarcal, 10 de Abril de 2011 Introdução 1. Para aceitarmos e tomarmos a sério o desafio de João

Leia mais

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado UMA TENTATIVA RESUMO Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado SÍNTESE Mostra e revela as relações entre elementos

Leia mais

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013 ROTEIRO PARA O DIA DE ORAÇÃO PELA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE RIO2013 Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude - CNBB CANTO DE ENTRADA (Canto a escolha) (Este momento de oração pode ser associado

Leia mais

Santificação dos Sacerdotes

Santificação dos Sacerdotes No dia 27 de junho, Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, é celebrado o Dia de Oração pela Santificação dos Sacerdotes. Em preparação para a data, o Arcebispo de Palmas (TO), Dom Pedro Brito Guimarães,

Leia mais

Teologia Sistemática. Fernando Catarino

Teologia Sistemática. Fernando Catarino Teologia Sistemática Patriarcado de Lisboa Instituto Diocesano de Formação Cristã Escola de Leigos 1º Semestre 2014/2015 Docente: Juan Ambrosio Fernando Catarino Tema da sessão 1.Cristologia e História.

Leia mais

Roteiros Mensais para Grupos

Roteiros Mensais para Grupos Roteiros Mensais para Grupos SETEMBRO 2017 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes

Leia mais

Com Maria renovamos NOSSA FÉ

Com Maria renovamos NOSSA FÉ Com Maria renovamos NOSSA FÉ Dom Júlio Endi Akamine, sac Com Maria renovamos nossa fé 1 REFLETINDO A fé é graça de Deus, pois o próprio Cristo declarou a Pedro, que lhe reconhecera a divindade, que esta

Leia mais

Módulo III O que anuncia a Catequese?

Módulo III O que anuncia a Catequese? Módulo III O que anuncia a Catequese? Diocese de Aveiro Objectivos Tomar consciência da realidade complexa do ser humano a quem levamos, hoje, uma Boa Nova. Compreender a importância da Sagrada Escritura

Leia mais

Pontifícias Obras Missionárias

Pontifícias Obras Missionárias Pontifícias Obras Missionárias www.pom.org.br Três Campanhas Campanha da Fraternidade (1963) Na Quaresma - coleta Fundo Nacional de Solidariedade (FNS) Campanha Missionária (DMM - 1926) No mês de Outubro

Leia mais

Celebração para o dia do/a Catequista 2013

Celebração para o dia do/a Catequista 2013 Celebração para o dia do/a Catequista 2013 Comissão Episcopal Pastoral para Animação Bíblico-Catequética 30 ANOS DE CATEQUESE RENOVADA Celebração para o dia do/a Catequista 25 de agosto /2013 A Catequese

Leia mais

F R A D E S SERVOS DE MARIA. U m a p r o p o s t a d e v i d a

F R A D E S SERVOS DE MARIA. U m a p r o p o s t a d e v i d a F R A D E S SERVOS DE MARIA U m a p r o p o s t a d e v i d a ç Constituem uma fraternidade de homes reunidos no nome do Senhor, e se comprometem a viver o Evangelho em comunhão fraterna e a se colocar

Leia mais

Jo 15,16: não fostes vós que me escolhestes, mas eu vos escolhi e vos constituí para que vades e produzais frutos, e o vosso fruto permaneça.

Jo 15,16: não fostes vós que me escolhestes, mas eu vos escolhi e vos constituí para que vades e produzais frutos, e o vosso fruto permaneça. Jo 15,16: não fostes vós que me escolhestes, mas eu vos escolhi e vos constituí para que vades e produzais frutos, e o vosso fruto permaneça. O objetivo deste ensino é orientar aqueles que assumem uma

Leia mais

SER CATEQUISTA NOS DIAS DE HOJE

SER CATEQUISTA NOS DIAS DE HOJE Quem é o leigo catequista? SER CATEQUISTA NOS DIAS DE HOJE Pessoas que descobrem, na experiência de fé e na inserção na comunidade, a vocação de catequista. Exercem essa missão com esmero, com doação e

Leia mais

A Santa Sé DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II AOS BISPOS DA ESCANDINÁVIA EM VISITA «AD LIMINA APOSTOLORUM» Sexta-feira, 8 de Outubro de 1982

A Santa Sé DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II AOS BISPOS DA ESCANDINÁVIA EM VISITA «AD LIMINA APOSTOLORUM» Sexta-feira, 8 de Outubro de 1982 A Santa Sé DISCURSO DO PAPA JOÃO PAULO II AOS BISPOS DA ESCANDINÁVIA EM VISITA «AD LIMINA APOSTOLORUM» Sexta-feira, 8 de Outubro de 1982 Caros Irmãos em nosso Senhor Jesus Cristo! 1. Tal como há cinco

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS (EMRC) (5ºANO) Unidade letiva 1 (Viver Juntos) Mudar faz parte da vida Os grupos a que pertenço Deus estabelece uma relação com a humanidade A aliança condição facilitadora da relação entre as partes A

Leia mais

O ANO LITÚRGICO. Quando se inicia o Ano Litúrgico?

O ANO LITÚRGICO. Quando se inicia o Ano Litúrgico? O ANO LITÚRGICO Chama-se Ano Litúrgico o tempo em que a Igreja celebra todos os feitos salvíficos operados por Deus em Jesus Cristo. "Através do ciclo anual, a Igreja comemora o mistério de Cristo, desde

Leia mais

CRONOGRAMA. Identidade Visão e Missão Valores Objetivos Metas e Ação Fechamento Diagnóstico Situacional...

CRONOGRAMA. Identidade Visão e Missão Valores Objetivos Metas e Ação Fechamento Diagnóstico Situacional... CRONOGRAMA Identidade Visão e Missão... 30 Valores... 20 Objetivos... 10 Metas e Ação... 45 Diagnóstico Situacional...10 Fechamento... 5 O QUE É PLANEJAR? Processo gerencial de formulação de objetivos

Leia mais

Invocai o nome de Deus, nosso libertador

Invocai o nome de Deus, nosso libertador Invocai o nome de Deus, nosso libertador www.facebook.com/mensageiro sdeanguera Paz e Fogo, amados irmãos! Chegamos ao capítulo 12 do livro de Isaías, vemos aqui que o profeta louva a Deus pela libertação.

Leia mais

Solenidade da Imaculada Conceição

Solenidade da Imaculada Conceição 1.A Igreja celebra hoje a solenidade litúrgica da Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria, Padroeira de Portugal. Este é, por isso, um dia solene, um dia de graça e um dia de bênção para a Igreja e para

Leia mais

Venha nos visitar! IGREJA EVANGÉLICA CONGREGACIONAL EM PAU DOS FERROS-RN. ANUNCIANDO JESUS DESDE 1855 NO BRASIL. Pastor: Jones e Missionária: Rosimere

Venha nos visitar! IGREJA EVANGÉLICA CONGREGACIONAL EM PAU DOS FERROS-RN. ANUNCIANDO JESUS DESDE 1855 NO BRASIL. Pastor: Jones e Missionária: Rosimere IGREJA EVANGÉLICA CONGREGACIONAL EM PAU DOS FERROS-RN. ANUNCIANDO JESUS DESDE 1855 NO BRASIL. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

Leia mais

Ano B. Livro de Partituras. Missas da Quaresma Missas de Páscoa Missa de Pentecostes Missa da Santíssima Trindade. Diocese de Oliveira

Ano B. Livro de Partituras. Missas da Quaresma Missas de Páscoa Missa de Pentecostes Missa da Santíssima Trindade. Diocese de Oliveira Ano B Livro de Partituras Missas da Quaresma Missas de Páscoa Missa de Pentecostes Missa da Santíssima Trindade Diocese de Oliveira SUMÁRIO MISSAS DA QUARESMA ENTRADA - Hino Da Campanha Da Fraternidade

Leia mais

ASSEMBLEIA GERAL DOS BISPOS

ASSEMBLEIA GERAL DOS BISPOS PASTORAL DO DÍZIMO ASSEMBLEIA GERAL DOS BISPOS A 53ª Assembleia Geral dos Bispos (CNBB 2015) e 54ª Assembleia Geral dos Bispos (CNBB -2016) discutem profundamente sobre o tema do Dízimo e fazem emendas

Leia mais

PLANO TRIENAL DE FORMAÇÃO PERMANENTE para Catequistas

PLANO TRIENAL DE FORMAÇÃO PERMANENTE para Catequistas PLANO TRIENAL DE FORMAÇÃO PERMANENTE para Catequistas Crescer em humanidade e na fé através de processos ricos em humanidade e fé João Paulo II XV jornadas da Juventude Tor Vergata -2000 «Evangelizar constitui,

Leia mais

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO ITINERÁRIO CATEQUÉTICO PORQUÊ E PARA QUÊ!? P A R A Q U E A C R E D I T E M E T E N H A M V I D A CAUSAS/REALIDADE Contexto Sócio-cultural e religioso actual; Realidade diversificada - idade/percurso Identidade

Leia mais

Maria e o mistério de Cristo. Prof. Thiago Onofre

Maria e o mistério de Cristo. Prof. Thiago Onofre Maria e o mistério de Cristo Prof. Thiago Onofre A realidade da Encarnação A Encarnação do Verbo de Deus é obra do Espírito Santo; Não é vontade humana, mas divina; São Lucas apresenta Maria como mediação

Leia mais

Animação bíblica da escola

Animação bíblica da escola Animação bíblica da escola Coleção Animação Bíblica Da Pastoral Bíblica à Animação Bíblica da Pastoral, Gabriel Naranjo Salazar A animação Bíblica da Pastoral: sua identidade e missão, Santiago Silva Retamales

Leia mais

Rede Nacional de Intercessão: A importância da oração pessoal do intercessor Seg, 26 de Setembro de :03

Rede Nacional de Intercessão: A importância da oração pessoal do intercessor Seg, 26 de Setembro de :03 Muitas vezes somos tentados a pensar que a intercessão não constitui um grande Ministério. Somos inclinados a julgar que o pregador que fala a milhares de pessoas, ou o missionário que alcança as nações,

Leia mais

Rede Nacional de Intercessão: A importância da oração pessoal do intercessor Seg, 26 de Setembro de :03

Rede Nacional de Intercessão: A importância da oração pessoal do intercessor Seg, 26 de Setembro de :03 Muitas vezes somos tentados a pensar que a intercessão não constitui um grande Ministério. Somos inclinados a julgar que o pregador que fala a milhares de pessoas, ou o missionário que alcança as nações,

Leia mais

Vocação é missão do cristão leigo no Mundo

Vocação é missão do cristão leigo no Mundo Vocação é missão do cristão leigo no Mundo Paróquia Santa Rita de Cássia - Linhares - 11/06/2016 Assessora: Patrícia Teixeira Moschen Lievore O material utilizado é baseado no trabalho do Professor Dr.

Leia mais

Qual é o Evangelho Completo?

Qual é o Evangelho Completo? Qual é o Evangelho Completo? "Evangelho" significa boa notícia! Cristo é a Boa Nova de Deus para o homem. Assim, Cristo é o Evangelho. O anúncio de Cristo plenamente com todas as Suas bênçãos é mensagem

Leia mais

A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES

A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES A MISSÃO NO SÉCULO XXI A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES Dr. ERICO T. XAVIER Os cinco textos da Grande Comissão. Mateus 28:18-20 Marcos 16:14-20 Lucas 24:44-53 João 20:19-23 Atos 1:8 Repetiu

Leia mais

Wagner Fonseca

Wagner Fonseca 16.06.13 Wagner Fonseca Elementos da Maturidade Introdução Medidor de Maturidade!?! Roupas Linguajar Face Tempo de Igreja Tempo na Igreja 9 E também faço esta oração: que o vosso amor aumente mais e mais

Leia mais

O BANHEIRO falta o acabamento interno e externo e finalizar a parte elétrica.

O BANHEIRO falta o acabamento interno e externo e finalizar a parte elétrica. IGREJA EVANGÉLICA CONGREGACIONAL EM PAU DOS FERROS-RN. ANUNCIANDO JESUS DESDE 1855 NO BRASIL. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

Leia mais

Assembleia Diocesana do Renovamento Carismático Católico Diocese do Porto

Assembleia Diocesana do Renovamento Carismático Católico Diocese do Porto II SEMANA DA PÁSCOA sábado Assembleia Diocesana do Renovamento Carismático Católico Diocese do Porto 1.Sabemos, por experiência, que uma comunidade cristã, por melhor que seja, não está isenta de momentos

Leia mais

Dia Mundial das Missões - Coleta Nacional - 21 e 22 de outubro

Dia Mundial das Missões - Coleta Nacional - 21 e 22 de outubro Missionária 26º Domingo do Tempo Comum - 01/10/ Motivação inicial é o tema da Missionária que hoje iniciamos. A Igreja em saída é a comunidade que faz a experiência de Jesus e sai de si para anunciar a

Leia mais