O APOCALIPSE INTRODUÇÃO 1 ORIGEM E NOME 1.1 AUTOR 1.2 DATA 1.3 LOCAL 1.4 GÊNERO LITERÁRIO 1.5 DESTINATÁRIOS. Jörg Garbers

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O APOCALIPSE INTRODUÇÃO 1 ORIGEM E NOME 1.1 AUTOR 1.2 DATA 1.3 LOCAL 1.4 GÊNERO LITERÁRIO 1.5 DESTINATÁRIOS. Jörg Garbers"

Transcrição

1 Jörg Garbers O APOCALIPSE INTRODUÇÃO 1 ORIGEM E NOME 1.1 AUTOR A igreja antiga e a tradição antiga apontam para o apóstolo João. O próprio livro somente menciona um homem chamado João. Mas a autoria é debatida, pois o nome João era muito comum nessa época. A teologia do livro Apocalipse difere muito do quarto evangelho. O argumento mais importante contra a autoria do mesmo autor que escreveu o evangelho de João é a linguagem grega. Enquanto o quarto evangelho é escrito num grego simples, mas correto, o Apocalipse é escrito num grego muito ruim. Essas diferenças são difíceis de explicar. É então possível que o quarto evangelho e Apocalipse têm autores diferentes e que os dois se chamam João. 1.2 DATA Referente à data de origem, o debate gira em torno de duas possibilidades. Alguns defendem que o livro foi escrito durante o reinado de Nero. Mas a perseguição de Nero tinha mais um caráter local. As descrições das perseguições no livro parecem ser bem mais amplas e isso leva muitos teólogos a uma data no final do reinado de Domiciano, d.c. 1.3 LOCAL O livro foi escrito em Patmos enquanto João estava lá no exílio. 1.4 GÊNERO LITERÁRIO É muito difícil dizer a que gênero de literatura Apocalipse pertence. Formalmente parece uma carta. Mas o conteúdo é muito semelhante às escrituras apocalípticas desta época, mesmo com diferenças significativas. 1.5 DESTINATÁRIOS O livro originalmente foi escrito para sete comunidades da Ásia-menor: Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiatira, Sardes, Filadélfia e Laodicéia.

2 1.6 PROPÓSITO O propósito desse livro é também assunto de um amplo debate. O livro quer revelar coisas que aconteceriam logo, como João várias vezes afirma. Ao mesmo tempo o livro alerta os seus leitores para que sejam fiéis no meio de dificuldades, perseguições e heresias. Mas é claro que o livro também é um livro de consolo para cristãos em perseguição ou sob forte ameaça. 2 ESTRUTURA DO APOCALIPSE 1 Introdução / Saudação / Visão do chamado 2-3 As sete cartas 4-5 Visões do trono Os sete selos As sete trombetas Sete visões As sete taças O triunfo do Deus Todo-poderoso Novo céu e nova terra Epílogo 3 MÉTODOS DE INTERPRETAÇÃO 3.1 MÉTODO HISTÓRICO CONTEMPORÂNEO O texto do livro é uma carta para sete comunidades, escrito no final do século I. Por isso o texto deve ser interpretado com o conhecimento que temos desta época. O livro deveria ser entendido pelas sete comunidades. Todas as metáforas, símbolos e comparações podem e devem ser explicados através da história contemporânea deste livro. 3.2 MÉTODO HISTÓRICO CONTINUO O livro é explicado como uma planilha de ônibus para o universo. É possível para os defensores deste método estabelecer e saber quais visões se cumpriram durante a história e quais ainda vão se cumprir. O conhecimento histórico então é a chave para identificar os acontecimentos do livro com os eventos seculares. 3.3 MÉTODO ESCATOLÓGICO A partir do capítulo dois, mas no máximo a partir do quarto capítulo todos os textos descrevem eventos dos últimos dias. Por isso apocalipse é um livro que abre a visão para os últimos acontecimentos deste mundo. 3.4 MÉTODO IDEALISTA É dificilmente possível identificar textos do livro com acontecimentos históricos e isso nem é necessário. O livro quer com os seus símbolos revelar quem é Deus e como ele age em todos os tempos.

3 3.5 CONCLUSÃO Para levarmos o texto bíblico a sério temos que constatar que o livro realmente foi escrito para aquelas sete comunidades, com o intuito de revelar o que em breve aconteceria. Nós desrespeitaríamos o Apocalipse se interpretássemos o livro com os métodos 2 e 3. Em primeiro lugar os primeiros cristãos ouviram estas palavras e João mandou o escrito para eles e não para nós, que vivemos no século XXI. Por outro lado encontramos eventos neste livro que descrevem claramente o fim do mundo. Deste modo o método 3 com certeza tem o seu valor para alguns textos. O método idealista com certeza pode ser muito útil. Pensar em explicar os símbolos e destas explicações tirar um extrato teológico é um ato talvez difícil, mas enriquecedor. O método 2 é o mais problemático. Encontramos mil opiniões diferentes sobre a data do final do mundo. Se olharmos na literatura, o alto número de interpretações e identificações diferentes assusta ainda mais. Do Papa até Hitler quase todo mundo já era uma vez identificado com o Anticristo, uma palavra que aliás não ocorre nenhuma vez neste livro. Na minha opinião não cabe a nós este tipo de interpretação. Na verdade ela diminuiria o valor do livro e deixaria o cristianismo e o livro se tornarem ridículos. Uma mistura cautelosa dos métodos 1,3 e 4 é o caminho mais recomendável. Mesmo sendo difícil decidir que método usar para qual texto. O método 4 é o mais abrangente. Um conhecimento amplo do estudioso é essencial para a compreensão do Apocalipse. É um fato que este livro é um livro difícil de estudar. Mas se seguirmos os pensamentos principais, o livro traz muito consolo e paz para um coração abatido, porque em cada parte do mesmo, sem dúvida nenhuma, uma coisa está sempre presente: Deus é poderoso e vencedor contra todas as forças malignas. 4 EXEMPLOS DE INTERPRETAÇÃO DE PASSAGENS POLÊMICAS 1 As metáforas e os símbolos que encontramos em Apocalipse sempre de novo criam dificuldades e muitas explicações. Gostaria dar dois exemplos de como pode ser feita uma análise histórica e cautelosa e como esta análise pode ajudar para entender melhor um texto. 4.1 O NÚMERO 666 Apc 13.18: Aqui está a sabedoria. Aquele que tem entendimento calcule o número da besta, pois é número de homem. Ora, esse número é seiscentos e sessenta e seis. Se lermos atentamente o versículo já podemos observar algumas coisas: o número pode ser decifrado para decifrar o número é necessário calcular o número é identificado com um homem 1 Como base de interpretação serve: A. Pohl, Die Offenbarung des Johannes, Wuppertal

4 Lembremo-nos do fato de que Jesus tinha o propósito revelar as coisas que em breve aconteceriam (Apc 1.1; 22.6 os versículos funcionam como uma moldura); então podemos concluir que uma pessoa que podia calcular e tinha a sabedoria nesta época podia identificar a besta. Agora precisamos mais duas informações: João estava prisioneiro e escreveu para cristãos sob ameaça de perseguição. Por isso com certeza ele evitou escrever coisas que poderiam causar problemas diretos para a comunidade. Era muito comum nesta época identificar pessoas com um número. Na verdade cada letra tinha seu valor e assim uma palavra podia ser identificada também como um número. Um exemplo de fantasia: imaginamos que as seguintes letras têm os seguintes valores: E=3; G=7; J=8; O=11; R=23 então o meu nome (Jorge) teria o valor ou o número 52. Nesta época aconteceu que alguém escreveu na parede o seguinte: Eu amo 356. A moça com o nome deste número sabia que era para ela o recado. A dificuldade é que existem diversos métodos de contagem. A explicação mais lógica é que João em vez de citar o nome de um imperador colocou aqui o número deste imperador para não acender um fogo desnecessário. Através de manuscritos e descobertas arqueológicas sabemos que o nome oficial de Domiciano era: Autokrator Kaisar Dometianos Sebastos Germanikos. Na verdade é um título blasfémico (compare Apc 13.1). Estes títulos longos muitas vezes foram abreviados, como hoje em dia também. Assim nós chegamos à seguinte abreviatura: A Kai Domet Seb Ge, que se encontra, por exemplo, em moedas. Escrito em palavras gregas calculando o valor das letras chegamos ao número 666. Levando em consideração que Domiciano era o primeiro imperador que exigiu amplamente o culto a si mesmo como um deus e queria eliminar todas as pessoas que não o adorassem, temos que dizer que tudo fecha muito bem com o conteúdo do capítulo 13. Uma outra explicação é que como o número 7 sempre indica algo completo e divino, assim o número 6 indica algo incompleto, humano ou anti-divino. Desta forma então o número 666 simplesmente alega que uma pessoa é totalmente contra Deus. Mas não temos uma base segura para a interpretação do número 6 desta forma. 4.2 O MILÊNIO O texto básico encontra se em Ap A grande pergunta: Como entender o número 1000? Quando acontece o milênio? Quem participa de milênio? Quem Satanás pode seduzir? Existem 2 milênios? O número mil podemos entender literalmente. Mas o próprio texto já está indicando para uma outra direção (compare v. 3 com 7-11). Se não queremos entender que o texto está falando de dois milênios, então precisamos explicar os 1000 anos de uma forma diferente. Uma solução compreende o número de forma simbólica, que descreve uma quantidade. Então simplesmente não sabemos a durabilidade deste trecho, mas existe uma alternativa: podemos entender o número simbolicamente, que descreve uma qualidade. Então o texto está dizendo que Satanás finalmente está vencido e vai ser solto somente para ser julgado. Por outro lado o reino e a supremacia dos filhos de Deus agora estão plenamente vistos. Desse jeito o texto trata o dia do último juiz com palavras metafóricas. Essa interpretação encontra seu apoio no fato de que na literatura antiga a metáfora do milênio é conhecida e amplamente usada.

5 4.3 CONCLUSÃO Com certeza estes dois exemplos não podem satisfazer ou solucionar todas as perguntas. Mas eles mostram um caminho que pode ser seguido, antes de cair nas explicações populares que muitas vezes nem fecham com os textos bíblicos. No meio desta confusão nunca podemos deixar de lado o resto do NT e precisamos observar que o AT é amplamente usado em apocalipse. Tudo isso deveria nos alertar. No final das contas, os textos em questão realmente são necessários para nós? O livro de Ap foi escrito para consolar os cristãos e mostrar que nosso Deus é o Todo-poderoso. Numa linguagem difícil, mas com símbolos e metáforas grandiosos, o livro está descrevendo a vitória do nosso Deus. A nossa tarefa não é tanto entender tudo que encontramos lá, mas distribuir ao mundo a presença vitoriosa de Deus.

O livro Apocalipse Introdução. Jörg Garbers Ms. de Teologia

O livro Apocalipse Introdução. Jörg Garbers Ms. de Teologia O livro Apocalipse Introdução Jörg Garbers Ms. de Teologia A palavra Apocalipse Apocalipse significado Desvendar Revelar Fazer conhecer o desconhecido Apocalipses e apocalíptico Revelações a respeito do

Leia mais

O EVANGELHO SEGUNDO JOÃO. Jörg Garbers Ms. De Teologia

O EVANGELHO SEGUNDO JOÃO. Jörg Garbers Ms. De Teologia O EVANGELHO SEGUNDO JOÃO Jörg Garbers Ms. De Teologia O autor Não encontramos o nome do autor no evangelho. Jo 21.20-24 O autor conforme esses versículos é: Um discípulo de Jesus. O discípulo que Jesus

Leia mais

APOCALIPSE APOCALIPSE, UMA MENSAGEM URGENTE PARA A IGREJA

APOCALIPSE APOCALIPSE, UMA MENSAGEM URGENTE PARA A IGREJA APOCALIPSE 1.1-8 APOCALIPSE, UMA MENSAGEM URGENTE PARA A IGREJA INTRODUÇÃO Dois fatores contribuem para que muitos crentes evitem o livro de Apocalipse: a) A idéia de que ele é um livro selado, que trata

Leia mais

O apocalipse de João. Roteiro 21

O apocalipse de João. Roteiro 21 O apocalipse de João Roteiro 21 FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro I Cristianismo e Espiritismo Módulo II O Cristianismo FEB EADE Livro I Módulo II Roteiro 21 O

Leia mais

LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS Prof. Lucas Neto INTRODUÇÃO O FIM DA HUMANIDADE O fim da humanidade na terra será marcada pela gloriosa volta de Jesus e nos desdobramentos dos acontecimentos,

Leia mais

I - INTRODUÇÃO AO LIVRO

I - INTRODUÇÃO AO LIVRO APOCALIPSE Estudo Bíblico Quarta-feira 20hs. Rev. Rogério I - INTRODUÇÃO AO LIVRO IPMN 2016 REV. ROGÉRIO F. DE ALMEIDA AUTOR AUTORIA O autor do livro - João (1:1,1:4, 22:8). Era conhecido das Igrejas da

Leia mais

O Apocalipse de João foi feito para incitar a esperança, e não o pavor.

O Apocalipse de João foi feito para incitar a esperança, e não o pavor. LIÇÃO 01 O PONTO DE PARTIDA Texto Bíblico: Apocalipse 1.1-3 Objetivos: Desenvolver interesse em estudar o livro de Apocalipse. Entender que o objetivo do livro do Apocalipse não é trazer medo, mas esperança

Leia mais

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio.

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. VERSÍCULOS DE 8 A 11. 8. Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-poderoso....O Alfa e o

Leia mais

Textos bíblicos e observações Jörg Garbers - Ms. de Teologia. A volta de Cristo

Textos bíblicos e observações Jörg Garbers - Ms. de Teologia. A volta de Cristo Textos bíblicos e observações Jörg Garbers - Ms. de Teologia A volta de Cristo Introdução A palavra segunda vinda ou volta não ocorre no NT. Parusia: Estar presente / Presença Visita oficial de um príncipe

Leia mais

O livro Apocalipse 26 A visão do milênio e da primeira ressurreição (20.1-6) JörgGarbers Ms.deTeologia

O livro Apocalipse 26 A visão do milênio e da primeira ressurreição (20.1-6) JörgGarbers Ms.deTeologia O livro Apocalipse 26 A visão do milênio e da primeira ressurreição (20.1-6) JörgGarbers Ms.deTeologia Introdução20.1-6 O capítulo faz parte do grande final do livro Apocalipse. No capítulo anterior lemos

Leia mais

O livro Apocalipse 17 As bestas ( ) Jörg Garbers Ms. de Teologia

O livro Apocalipse 17 As bestas ( ) Jörg Garbers Ms. de Teologia O livro Apocalipse 17 As bestas (13.1-18) Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução 13.1-18 O cap. 12 falou da história da salvação, da ação do Messias e da preservação do povo de Deus. De certa forma o

Leia mais

A Volta de Jesus Subsídio para a conversa teológica (os livros da IBC estão à disposição para pesquisa) Scanner da matéria A Volta de Cristo da Teologia Sistemática de Wayne Grudem e ao final um esquema

Leia mais

Por que sete igrejas, se havia mais igrejas na Ásia

Por que sete igrejas, se havia mais igrejas na Ásia Por que sete igrejas, se havia mais igrejas na Ásia É porque essas sete igrejas falam da plenitude da igreja em todos os lugares e em todas as épocas, desde o seu nascimento até a sua subida. ESSAS IGREJAS

Leia mais

(Traduzido de Concise Bible Dictionary - G.A.Morrish, E.L.Bevir, J.N.Darby e J.A.Trench)

(Traduzido de Concise Bible Dictionary - G.A.Morrish, E.L.Bevir, J.N.Darby e J.A.Trench) Título: AS CARTAS AS SETE IGREJAS (Traduzido de Concise Bible Dictionary - G.A.Morrish, E.L.Bevir, J.N.Darby e J.A.Trench) Literaturas em formato digital: www.acervodigitalcristao.com.br Literaturas em

Leia mais

CURSO BÍBLICO SOBRE O APOCALIPSE

CURSO BÍBLICO SOBRE O APOCALIPSE 1 CURSO BÍBLICO SOBRE O APOCALIPSE Leandro Bertoldo 2 3 De: Para: 4 5 Dedico este livro às minhas queridas alunas Sonia Malerbi Knippel e Cristiane Malerbi Knippel Colletes 6 7 No Apocalipse todos os livros

Leia mais

Janeiro Fevereiro 2017

Janeiro Fevereiro 2017 Janeiro 2017 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 23/01 Início das Aulas com a disciplina PALAVRA VIVA 23/01 a 28/01 - Histórico da Bíblia / Bíblia, a Palavra

Leia mais

O livro Apocalipse 21 A visão das taças ( ) JörgGarbers Ms.deTeologia

O livro Apocalipse 21 A visão das taças ( ) JörgGarbers Ms.deTeologia O livro Apocalipse 21 A visão das taças (16.8-21) JörgGarbers Ms.deTeologia Estrutura16.1-21 16.8-9 Quarto flagelo 16.10-11 Quinto flagelo 16.12-16 Sexto flagelo 16.17-21 Sétimo flagelo Quartoflagelo 8

Leia mais

Janeiro Fevereiro 2017

Janeiro Fevereiro 2017 Janeiro 2017 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 23/01 Início das Aulas com a disciplina PALAVRA VIVA 23/01 a 28/01 - Histórico da Bíblia / Bíblia, a Palavra

Leia mais

A volta de Jesus é iminente, pois pode acontecer a qualquer momento.

A volta de Jesus é iminente, pois pode acontecer a qualquer momento. LIÇÃO 12 - A VOLTA DE JESUS Texto Bíblico: Apocalipse 19.11-16 Objetivos: Compreender as implicações sobre a segunda vinda de Cristo. Resgatar em sua vida cristã a bendita expectativa da volta de Cristo.

Leia mais

O cristão e o mundo. Sabemos que somos de Deus e que o mundo todo está sob o poder do Maligno (1João 5.19).

O cristão e o mundo. Sabemos que somos de Deus e que o mundo todo está sob o poder do Maligno (1João 5.19). 1 O cristão e o mundo Sabemos que somos de Deus e que o mundo todo está sob o poder do Maligno (1João 5.19). Inicio a nossa série com este versículo porque me parece que ele nos fornece o pano de fundo

Leia mais

O LIVRO DO APOCALIPSE INTRODUÇÃO (B. BÍBLICA) vivendopelapalavra.com. Revisão e versos acrescentados (RA) por: Helio Clemente. O livro de Apocalipse:

O LIVRO DO APOCALIPSE INTRODUÇÃO (B. BÍBLICA) vivendopelapalavra.com. Revisão e versos acrescentados (RA) por: Helio Clemente. O livro de Apocalipse: O LIVRO DO APOCALIPSE INTRODUÇÃO (B. BÍBLICA) vivendopelapalavra.com Revisão e versos acrescentados (RA) por: Helio Clemente O livro de Apocalipse: Chama-se assim o último livro da Bíblia pelo fato de

Leia mais

Lição nº 3 VERDADE SOBRE A UNÇÃO ESPIRITUAL. 18 jan Pr. Adriano Diniz

Lição nº 3 VERDADE SOBRE A UNÇÃO ESPIRITUAL. 18 jan Pr. Adriano Diniz Lição nº 3 VERDADE SOBRE A UNÇÃO ESPIRITUAL Pr. Adriano Diniz 18 jan 2015 TEXTO ÁUREO O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me ungiu para pregar boas novas aos pobres. Ele me enviou para proclamar

Leia mais

CURSO BÍBLICO SOBRE O APOCALIPSE

CURSO BÍBLICO SOBRE O APOCALIPSE 1 CURSO BÍBLICO SOBRE O APOCALIPSE Leandro Bertoldo 2 3 De: Para: 4 5 Dedico este livro às minhas queridas alunas Sonia Malerbi Knippel e Cristiane Malerbi Knippel Colletes 6 7 No Apocalipse todos os livros

Leia mais

Programa de Leitura da Bíblia. Teologia Faberj. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos.

Programa de Leitura da Bíblia. Teologia Faberj. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos. Lâmpada para os meus pés é a Tua Palavra e luz para os meus caminhos. (Salmo 119:105) 0 PROGRAMA DE LEITURA DA BÍBLIA A leitura da Bíblia Sagrada é de suma importância para todos os estudantes da Palavra

Leia mais

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 PNEUMATOLOGIA OS DONS DO

Leia mais

1. Vive a perambular e a agir de forma estranha e instintiva. 2. Um ser privado de vontade própria. 3. Vivem em bando pois é mais fácil de atacar a

1. Vive a perambular e a agir de forma estranha e instintiva. 2. Um ser privado de vontade própria. 3. Vivem em bando pois é mais fácil de atacar a O que é um Zumbi? Morto Vivo 1. Vive a perambular e a agir de forma estranha e instintiva. 2. Um ser privado de vontade própria. 3. Vivem em bando pois é mais fácil de atacar a presa. 4. Se alimentam de

Leia mais

É Maria quem nos convida a refletir e guardar no coração a

É Maria quem nos convida a refletir e guardar no coração a É Maria quem nos convida a refletir e guardar no coração a vida e projeto de seu FILHO. A missão dela era nos dar Jesus e fez isso de maneira ímpar. Vamos refletir nos fatos na vida de Jesus onde ELA está

Leia mais

LIÇÃO 9 AS BESTAS DO DRAGÃO. Texto bíblico: Apocalipse 13. Motivação

LIÇÃO 9 AS BESTAS DO DRAGÃO. Texto bíblico: Apocalipse 13. Motivação LIÇÃO 9 AS BESTAS DO DRAGÃO Texto bíblico: Apocalipse 13 Motivação No séc. XIII, um monge italiano foi chamado para interpretar uma carta estranha encontrada entre os documentos de um cardeal. Ele leu

Leia mais

Exemplo do trabalho Final II

Exemplo do trabalho Final II Christian Preaching College Um novo conceito de educação Exegese Básica Exemplo do trabalho Final II Aluno: Professor: Weslley W. de Oliveira Somerville, 23 de Outubro de 2013 Texto bíblico Mateus 9.9-13

Leia mais

Grupos no judaísmo na. época de Jesus

Grupos no judaísmo na. época de Jesus Grupos no judaísmo na época de Jesus Nome Origem Conceitos Jörg Garbers Ms. de Teologia Os Fariseus Nome: os que se separam, os separados. Origem: Eles têm a sua origem teológico junto com os Essênios

Leia mais

OS EVANGELHOS SINÓTICOS

OS EVANGELHOS SINÓTICOS Jörg Garbers OS EVANGELHOS SINÓTICOS HISTÓRIA E ASPECTOS DAS QUESTÕES SINÓTICAS 1 O PROBLEMA 1 Nós chamamos os primeiros três evangelhos da Bíblia de evangelhos sinópticos. Mt, Mc e Lc contam em grande

Leia mais

Você conhece a sua Bíblia?

Você conhece a sua Bíblia? Você conhece a sua Bíblia? Atividade da última aula Vamos praticar?? Leia 2Re 5.1-27 e responda... a) Quem são os personagens da narrativa? b) É possível caracterizá-los a partir da narrativa? Se você

Leia mais

O livro Apocalipse 30 A visão da nova Jerusalém ( ) JörgGarbers Ms.deTeologia

O livro Apocalipse 30 A visão da nova Jerusalém ( ) JörgGarbers Ms.deTeologia O livro Apocalipse 30 A visão da nova Jerusalém (22.6-21) JörgGarbers Ms.deTeologia Introdução 22.6-21 O último trecho do livro quer assegurar a sua autoridade. A estrutura é complicada, pois parece um

Leia mais

Analisando Daniel 9:25, 26 e 27. Qual o objetivo das Setenta Semanas? Daniel 9:24: "Setenta Semanas são determinadas sobre o teu povo...

Analisando Daniel 9:25, 26 e 27. Qual o objetivo das Setenta Semanas? Daniel 9:24: Setenta Semanas são determinadas sobre o teu povo... Analisando Daniel 9:25, 26 e 27 Qual o objetivo das Setenta Semanas? Daniel 9:24: "Setenta Semanas são determinadas sobre o teu povo..." As semanas são semanas de anos: 1 semana = 7 anos e de acordo com

Leia mais

As Revelações do Apocalipse

As Revelações do Apocalipse Page 1 of 5 As Revelações do Apocalipse Este estudo contém ao todo 24 lições. Para imprimir esta lição e respondê-la com auxílio de sua Bíblia CLIQUE AQUI. ESTUDO 01 O Apocalipse, um Livro Aberto A maioria

Leia mais

CARTAS DE AMOR. AOS VENCEDORES A recompensa aos FIÉIS em todas as Cartas. Aos verdadeiros cristãos de todos os tempos: provados e aprovados.

CARTAS DE AMOR. AOS VENCEDORES A recompensa aos FIÉIS em todas as Cartas. Aos verdadeiros cristãos de todos os tempos: provados e aprovados. ela ensinava que os cristãos locais poderiam continuar a frequentar templos pagãos (com toda a imoralidade que isto incluía) e ao mesmo tempo serem membros da congregação cristã. Esta mulher foi provavelmente

Leia mais

O livro Apocalipse 03 Prefácios e chamado (1.1-20) Jörg Garbers Ms. de Teologia

O livro Apocalipse 03 Prefácios e chamado (1.1-20) Jörg Garbers Ms. de Teologia O livro Apocalipse 03 Prefácios e chamado (1.1-20) Jörg Garbers Ms. de Teologia Estrutura de 1.1-20 1.1-3 Prefácio do livro 1.4-8 Prefácio das cartas 1.9-20 O chamado» 1.9-11 As circunstâncias» 1.12-16

Leia mais

6:66, O "PIOR" VERSÍCULO DA BÍBLIA. 29 de Outubro de 2011 Ministério Loucura da Pregação. "Desde então muitos dos Seus discípulos tornaram para trás,

6:66, O PIOR VERSÍCULO DA BÍBLIA. 29 de Outubro de 2011 Ministério Loucura da Pregação. Desde então muitos dos Seus discípulos tornaram para trás, 6:66, O "PIOR" VERSÍCULO DA BÍBLIA 29 de Outubro de 2011 Ministério Loucura da Pregação "Desde então muitos dos Seus discípulos tornaram para trás, e já não andavam com ELE" 1 / 5 (João 6:66) Todas as

Leia mais

Lição 13. HEBREUS, TIAGO e 1 PEDRO

Lição 13. HEBREUS, TIAGO e 1 PEDRO Lição 13 HEBREUS, TIAGO e 1 PEDRO Introdução Até aqui, já vimos os Evangelhos, o Livro de Atos e as Cartas Paulinas. Aproximamosnos do final do Novo Testamento, onde ainda veremos as Cartas Gerais, a partir

Leia mais

LIÇÃO 13 - O MILÊNIO E A NOVA JERUSALÉM. Texto bíblico: Apocalipse Motivação

LIÇÃO 13 - O MILÊNIO E A NOVA JERUSALÉM. Texto bíblico: Apocalipse Motivação LIÇÃO 13 - O MILÊNIO E A NOVA JERUSALÉM Texto bíblico: Apocalipse 20.1-6 Motivação Esta é a última lição. Com ela encerramos o maior repertório de revelações bíblicas sobre o céu e o final dos tempos.

Leia mais

Escrito por Pr.Valdemir Sarmento de Almeida Ter, 30 de Agosto de :00 - Última atualização Seg, 05 de Setembro de :54

Escrito por Pr.Valdemir Sarmento de Almeida Ter, 30 de Agosto de :00 - Última atualização Seg, 05 de Setembro de :54 E disse-me um dentre os anciãos: Não chores; eis que o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, venceu para abrir o livro e romper os seus sete selos. Nisto vi, entre o trono e os quatro seres viventes,

Leia mais

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio.

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. Capítulo II SEGUNDA CARTA: À IGREJA DE ESMIRNA 8 E ao anjo da igreja que está em Esmirna escreve: Isto diz o Primeiro e o Último, que foi morto e reviveu:

Leia mais

Escola Bíblica Dominical. Lição 01. Introdução à carta. Pb. Rodrigo da Silva Gomes 22/03/2015

Escola Bíblica Dominical. Lição 01. Introdução à carta. Pb. Rodrigo da Silva Gomes 22/03/2015 Escola Bíblica Dominical Lição 01 Introdução à carta Pb. Rodrigo da Silva Gomes 22/03/2015 Roteiro da Aula Introdução; O autor Local e data; Os destinatários; Propósitos; Roteiro da Aula Características

Leia mais

Lição 15 APOCALIPSE Introdução O livro revelação revelação de Jesus Cristo em glória e da obra de consumação da sua obra no mundo

Lição 15 APOCALIPSE Introdução O livro revelação revelação de Jesus Cristo em glória e da obra de consumação da sua obra no mundo Lição 15 APOCALIPSE Introdução O livro de Apocalipse conclui o Cânon do Novo Testamento, ou seja, é o livro que Deus escolheu para fechar a sua revelação escrita; aquele conteúdo que os seres humanos precisam

Leia mais

LIÇÃO 2 - AS CARTAS DO APOCALIPSE. Texto Bíblico: Apocalipse Motivação

LIÇÃO 2 - AS CARTAS DO APOCALIPSE. Texto Bíblico: Apocalipse Motivação LIÇÃO 2 - AS CARTAS DO APOCALIPSE Texto Bíblico: Apocalipse 1.4-20 Motivação O que distingue um seguidor de Jesus de alguém que não o tem como Senhor? Há alguma diferença entre um cristão e um não-cristão?

Leia mais

Revelação de Jesus Cristo: As coisas que estavam acontecendo e que irão acontecer.

Revelação de Jesus Cristo: As coisas que estavam acontecendo e que irão acontecer. APOCALIPSE - AS SETE IGREJAS - HELIO APOCALIPSE DE JOÃO (96 D.C.) Revelação de Jesus Cristo: As coisas que estavam acontecendo e que irão acontecer. As sete igrejas Sete candeeiros as igrejas; Sete estrelas

Leia mais

PPROFECIA ESCATOLÓGICA

PPROFECIA ESCATOLÓGICA PPROFECIA ESCATOLÓGICA DOUTRINA DAS ÚLTIMAS COISAS Este termo deve ser entendido como reverência ao estágio final do plano de Deus na história Esta profecia se baseia no conceito de que Deus tem um projeto

Leia mais

3. Introdução do Livro Depois de ter estudado agora leia a introdução ao livro de Filemom que está no final da lição.

3. Introdução do Livro Depois de ter estudado agora leia a introdução ao livro de Filemom que está no final da lição. Estudando Filemon 1. Competência a ser construída: Criar o hábito de estudar a Bíblia. A prática constrói o hábito! Encontro 05 2. Ouvindo os alunos A maior riqueza desse encontro é ver e ouvir o que os

Leia mais

Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT. Jörg Garbers Ms. de Teologia

Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT. Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução a literatura e a pesquisa dos escritos I Jörg Garbers Ms. de Teologia O nome provém da tradução

Leia mais

Evangelhos e atos. Observações

Evangelhos e atos. Observações NOVO TESTAMENTO Muitas vezes e de diversos modos outrora falou Deus aos nossos pais pelos profetas. Ultimamente nos falou por seu Filho (Hebreus 1,1-2) EVANGELHOS E ATOS Evangelhos e atos Os melhores recursos

Leia mais

Lição 5 ATOS 1. Atos destinado a Teófilo período 63 d.c apóstolo Pedro apóstolo Paulo Atos do Espírito Santo que Jesus operou por meio da igreja

Lição 5 ATOS 1. Atos destinado a Teófilo período 63 d.c apóstolo Pedro apóstolo Paulo Atos do Espírito Santo que Jesus operou por meio da igreja Lição 5 ATOS 1. Atos O livro de Atos foi o segundo escrito por Lucas, também destinado a Teófilo. Acredita-se que originalmente não tivesse título, sendo inserido Atos ou Atos dos Apóstolos nos manuscritos

Leia mais

LIÇÃO 12 - A VOLTA DE JESUS. Texto bíblico: Apocalipse Motivação

LIÇÃO 12 - A VOLTA DE JESUS. Texto bíblico: Apocalipse Motivação LIÇÃO 12 - A VOLTA DE JESUS Texto bíblico: Apocalipse 19.11-16 Motivação Quando uma pessoa amada precisa se ausentar por um longo tempo, a ansiedade por sua volta é muito grande. Contamos os dias para

Leia mais

1º Técnicas e Regras para Entender a Palavra de Deus. 2º Lendo a Palavra Tirando Entendimento Dela Geografia Bíblica da Interpretação.

1º Técnicas e Regras para Entender a Palavra de Deus. 2º Lendo a Palavra Tirando Entendimento Dela Geografia Bíblica da Interpretação. Introdução 1º Técnicas e Regras para Entender a Palavra de Deus. 2º Lendo a Palavra Tirando Entendimento Dela Geografia Bíblica da Interpretação. 4º A Regra Espiritual da Interpretação 5º O que disse Jesus

Leia mais

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes BÍBLIA Devocional Céus Abertos Pastor Carlito Paes 2 ROTEIRO BÍBLIA: ENTENDENDO A PALAVRA DE DEUS O que devo conhecer sobre a bíblia? Diversidade dos Autores Condições de alguns autores quando foram inspirados

Leia mais

Veremos hoje os últimos acontecimentos da escatologia enumerados da seguinte forma: 1)

Veremos hoje os últimos acontecimentos da escatologia enumerados da seguinte forma: 1) 11 Os últimos Acontecimentos Escatológicos Fim do mundo é uma frase muito ouvida em todas as épocas. Sab emos que não passa de uma força de expressão, visto que, na realidade, não existirá o fim do mundo.

Leia mais

COMO ENTENDER A DIVISÃO DO LIVRO DE APOCALIPSE

COMO ENTENDER A DIVISÃO DO LIVRO DE APOCALIPSE COMO ENTENDER A DIVISÃO DO LIVRO DE APOCALIPSE A corrente Pós-Milenista Crê que o mundo vai ser cristianizado e que teremos um grande e poderoso reavivamento e o crescimento espantoso da igreja ao ponto

Leia mais

Caderno de Atividades

Caderno de Atividades PORQUE DESDE A INFÂNCIA SABES AS SAGRADAS LETRAS QUE TÊM PODER DE FAZER-TE SÁBIO PARA A SALVAÇÃO, PELA FÉ QUE HÁ EM CRISTO JESUS 2 TIMÓTEO 3:15 Nome: Professor: Crianças do Advento- Nível Avançado Ideal

Leia mais

Rebelião Redenção. Preparado por: Pr. Wellington Almeida I TRI 2016

Rebelião Redenção. Preparado por: Pr. Wellington Almeida I TRI 2016 Rebelião Redenção e Preparado por: Pr. Wellington Almeida I TRI 2016 A Igreja militante 12 LIÇÃO Preparado por: Pr. Wellington Almeida A Igreja Militante 12 LIÇÃO - I TRI 2016 esboço INTRODUÇÃO Um fato

Leia mais

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse 6.7,8

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse 6.7,8 ESCATOLOGIA BÍBLICA O Quarto selo Cavalo Amarelo? 7 Quando o Cordeiro abriu o quarto selo, ouvi a voz do quarto ser vivente dizendo: Vem! 8 E olhei, e eis um cavalo amarelo e o seu cavaleiro, sendo este

Leia mais

A Bíblia é um livro de perguntas. O primeiro diálogo entre Deus e o homem após o pecado, começou com uma pergunta: ONDE ESTÁ VOCÊ?

A Bíblia é um livro de perguntas. O primeiro diálogo entre Deus e o homem após o pecado, começou com uma pergunta: ONDE ESTÁ VOCÊ? A Bíblia é um livro de perguntas. O primeiro diálogo entre Deus e o homem após o pecado, começou com uma pergunta: ONDE ESTÁ VOCÊ? Na Bíblia... Existem 3.298 perguntas; 2.274 no Antigo Testamento, 1.024

Leia mais

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA. MÓDULO I - O NOVO TESTAMENTO Aula XXV A IGREJA EM EXPECTATIVA - APOCALIPSE

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA. MÓDULO I - O NOVO TESTAMENTO Aula XXV A IGREJA EM EXPECTATIVA - APOCALIPSE IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA MÓDULO I - O NOVO TESTAMENTO Aula XXV A IGREJA EM EXPECTATIVA - APOCALIPSE O livro de Apocalipse fecha o Cânon do Novo Testamento. Independente

Leia mais

A palavra Bíblia é de origem grega - τα βιβλια - e significa. os rolos, os livros.

A palavra Bíblia é de origem grega - τα βιβλια - e significa. os rolos, os livros. A palavra Bíblia é de origem grega - τα βιβλια - e significa os rolos, os livros. UM LIVRO INSPIRADO POR DEUS Inspiração Bíblica é a iluminação da mente do autor humano para que possa, com os dados da

Leia mais

Pr. Jaziel Rodrigues,

Pr. Jaziel Rodrigues, www.ierueti.ch Pr. Jaziel Rodrigues, 13.03.2016 Introdução 1: A palavra «Apocalipse» quer dizer Revelação. Por isso este livro é conhecido também como: «A Revelação de Deus ao apóstolo João» (1.1) Foi

Leia mais

Voltado a Deus I. O Imperativo Divino

Voltado a Deus I. O Imperativo Divino Deus trabalha movido por oração. Quando Deus quer fazer certa coisa, Ele inspira oração para que Ele possa agir. Ele somente trabalha desta forma. Em Gênesis 20 lemos a primeira estória sobre cura narrada

Leia mais

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ http://cachorritosdelsenor.blogspot.com/ AS ERAS DA IGREJA DO SENHOR JESUS CRISTO PARTE 2 Volume 39 Escola: Nome : Professor (a): Data : / / PARA COLORIR: Uau!! Que maravilha

Leia mais

Estudando Filemon. 1. Competência a ser construída: Criar o hábito de estudar a Bíblia. A prática constrói o hábito!

Estudando Filemon. 1. Competência a ser construída: Criar o hábito de estudar a Bíblia. A prática constrói o hábito! Estudando Filemon 1. Competência a ser construída: Criar o hábito de estudar a Bíblia. A prática constrói o hábito! Encontro 05 2. Ouvindo os alunos Sepere um momento no início da aula para ouvir atentamente

Leia mais

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse ESCATOLOGIA BÍBLICA O Sexto selo Abalo no céu (sinais cósmicos) 12 Vi quando o Cordeiro abriu o sexto selo, e sobreveio grande terremoto. O sol se tornou negro como saco de crina, a lua toda, como sangue,

Leia mais

PREGAÇÃO CRISTÃ COM BASE EM TODOS OS TEXTOS DA BÍBLIA

PREGAÇÃO CRISTÃ COM BASE EM TODOS OS TEXTOS DA BÍBLIA PREGAÇÃO CRISTÃ COM BASE EM TODOS OS TEXTOS DA BÍBLIA GOLDSWORTHY, Graeme. Pregando toda a bíblia como a escritura cristã: a aplicação da teologia bíblica à pregação expositiva. São José dos Campos: Fiel,

Leia mais

Jesus Envia uma Revelação aos Seus Servos (Apocalipse 1:1-8) M

Jesus Envia uma Revelação aos Seus Servos (Apocalipse 1:1-8) M Apocalipse: Lição 3 Jesus Envia uma Revelação aos Seus Servos (Apocalipse 1:1-8) M uitos comentários sobre o Apocalipse dedicam capítulos inteiros a questões de autoria, data, estilo, etc. Nosso estudo,

Leia mais

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 1. Antes de entregar a lei, Deus já havia feito uma aliança com o povo. Em Êxodo 19.1-4, Deus lembra o povo do seu pacto, confirmado demonstrado em um fato. Qual é o

Leia mais

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse Prof. Davi Albuquerque

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse Prof. Davi Albuquerque ESCATOLOGIA BÍBLICA Apocalipse 11. 15-19 Prof. Davi Albuquerque A sétima trombeta 15 O sétimo anjo tocou a trombeta, e houve no céu grandes vozes, dizendo: O reino do mundo se tornou de nosso Senhor e

Leia mais

PANORAMA ESCATOLÓGICO PRÉ-TRIBULACIONISTA INTRODUÇÃO

PANORAMA ESCATOLÓGICO PRÉ-TRIBULACIONISTA INTRODUÇÃO PANORAMA ESCATOLÓGICO PRÉ-TRIBULACIONISTA INTRODUÇÃO DEFININDO ESCATOLOGIA O Estudo das últimas coisas O futuro em termos pessoais e cósmicos Tem a ver com a Igreja Israel as Nações VOCÊ! Temas e Termos

Leia mais

Você conhece a sua Bíblia?

Você conhece a sua Bíblia? Você conhece a sua Bíblia? Atividade da última aula Vamos praticar?? Leia Lc 10.30-37 e responda... a) Qual o ensino principal desta parábola? b) Por que Jesus proferiu esta parábola? Você pode encontrar

Leia mais

Expressão profética. Santa Convocação Relembrando. Mandato de domínio; Guerra de ofertas; Dom redentivo; Propósito contributivo; 12/02/2016

Expressão profética. Santa Convocação Relembrando. Mandato de domínio; Guerra de ofertas; Dom redentivo; Propósito contributivo; 12/02/2016 Santa Convocação - 2016 Lisandro I. Abulatif Relembrando Mandato de domínio; Guerra de ofertas; Dom redentivo; Propósito contributivo; Santa Convocação - 2016 2 1 Profecia Naba: Borbulhar para fora, como

Leia mais

Ap 1.1-8 INTRODUÇÃO Neste novo trimestre, estaremos estudando sobre o extraordinário tema:

Ap 1.1-8 INTRODUÇÃO Neste novo trimestre, estaremos estudando sobre o extraordinário tema: Ap 1.1-8 INTRODUÇÃO Neste novo trimestre, estaremos estudando sobre o extraordinário tema: As sete cartas do Apocalipse: a mensagem final de Cristo à Igreja. Na primeira lição, introduziremos o assunto

Leia mais

Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade.

Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. 2ª TESSALONICENSES Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2Pe. 3:18 2ª CARTA DE PAULO AOS

Leia mais

João Patmos v.1.9 Trabalhar nas minas e nas pedreiras. Apóstolo?

João Patmos v.1.9 Trabalhar nas minas e nas pedreiras. Apóstolo? ILHA DE PATMOS João Patmos v.1.9 Trabalhar nas minas e nas pedreiras. Apóstolo? Comparação de Alfa e Ômega Gênesis Início Céus e Terra Sol e Luz Jardim Casamento 1º Adão Início do pecado Apocalipse Fim

Leia mais

O Reino de Deus. Estudo Bíblico e Sistemático

O Reino de Deus. Estudo Bíblico e Sistemático O Reino de Deus Estudo Bíblico e Sistemático Antigo Testamento Sl 103.19 Deus é visto como o rei da criação, tendo domínio sobre todos os aspectos da criação (inanimados, animados e humanos). Ao criar

Leia mais

A segunda besta é também conhecido como falso profeta (Ap ;19.20 ; 20.10) a cerca dele podemos dizer:

A segunda besta é também conhecido como falso profeta (Ap ;19.20 ; 20.10) a cerca dele podemos dizer: Estudo Básico escatológico sobre o arrebatamento. Vamos no estudo desta noite dar continuidade a eventos que acontecerão durante o período de tribulação e grande tribulação. Falamos no estudo passado sobre

Leia mais

A REVELAÇÃO. Antônio Rocha

A REVELAÇÃO. Antônio Rocha A REVELAÇÃO 1 A REVELAÇÃO Antônio Rocha 2 A REVELAÇÃO 1ª Edição Volta Redonda, RJ Junho, 2013 3 A REVELAÇÃO Título A REVELAÇÃO Todos os direitos reservados; É proibida a reprodução total ou parcial do

Leia mais

Estima-se que o Brasil tem hoje 51 milhões de jovens entre 15 e 29 anos.

Estima-se que o Brasil tem hoje 51 milhões de jovens entre 15 e 29 anos. Jovem, ponha a sua cabeça no peito de Jesus. João 13.18-27 Pr. Fernando Fernandes PIB em Penápolis, 04/07/2010 Mês da Juventude e Ceia Memorial 2 É providencial iniciarmos o Mês da juventude com a Celebração

Leia mais

LIÇÃO 6 - O POVO DE DEUS NA TERRA E NO CÉU Texto bíblico: Apocalipse

LIÇÃO 6 - O POVO DE DEUS NA TERRA E NO CÉU Texto bíblico: Apocalipse LIÇÃO 6 - O POVO DE DEUS NA TERRA E NO CÉU Texto bíblico: Apocalipse 7.1-17 Motivação Uma das cenas mais conhecidas do cinema, na década de 80, se deu na trilogia Guerra nas Estrelas, episódio V (O Império

Leia mais

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse ESCATOLOGIA BÍBLICA Apocalipse 9.1-12 Apocalipse 9.1-12 A quinta trombeta 7 O aspecto dos gafanhotos era semelhante a cavalos preparados para a peleja; na sua cabeça havia como que coroas parecendo de

Leia mais

A Cidade: Foi totalmente destruída em 627 a.c. e, três séculos mais tarde, reconstruída por Alexandre, O Grande. Em algumas de suas moedas podia-se

A Cidade: Foi totalmente destruída em 627 a.c. e, três séculos mais tarde, reconstruída por Alexandre, O Grande. Em algumas de suas moedas podia-se A Cidade: Foi totalmente destruída em 627 a.c. e, três séculos mais tarde, reconstruída por Alexandre, O Grande. Em algumas de suas moedas podia-se ler: A número 1 da Ásia em beleza e tamanho. A Cidade:

Leia mais

A leitura da Bíblia. questões centrais

A leitura da Bíblia. questões centrais questões centrais O que é a Bíblia? Quem é o autor e como escreveu? O que é o tema central? Por quê devo lê-la? Quando devo lê-la? Como? Requisitos? Como? Ajuda? Um novo propósito! o que é a Bíblia (1)

Leia mais

Jesus no Meio dos Candeeiros (Apocalipse 1:9-20) Q

Jesus no Meio dos Candeeiros (Apocalipse 1:9-20) Q Apocalipse: Lição 4 Jesus no Meio dos Candeeiros (Apocalipse 1:9-20) Q uem é Jesus? Como devemos vê-lo? Muitas pessoas imaginam Jesus como um nenê indefeso numa manjedoura em Belém. Outras pensam na imagem

Leia mais

SOMOS VENCEDORES EM CRISTO JESUS. Quero usar a figura de um atleta - é alguém que sabe que tem um potencial pra vencer.

SOMOS VENCEDORES EM CRISTO JESUS. Quero usar a figura de um atleta - é alguém que sabe que tem um potencial pra vencer. SOMOS VENCEDORES EM CRISTO JESUS Quero usar a figura de um atleta - é alguém que sabe que tem um potencial pra vencer. Você sabia que no Reino de Deus todos nós somos atletas de Cristo? Paulo usa essa

Leia mais

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio.

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. CAPÍTULO III QUINTA CARTA, À IGREJA DE SARDES 1 E ao anjo da igreja que está em Sardes escreve: Isto diz o que tem os sete Espíritos de Deus e as sete

Leia mais

RESUMO DAS LIÇÕES DO TRIMESTRE

RESUMO DAS LIÇÕES DO TRIMESTRE RESUMO DAS LIÇÕES DO TRIMESTRE Esta série de lições da Escola Bíblica foi baseiada em três cartas do apóstolo João, que fazem parte do Novo Testamento, escritas entre 85-90 d.c. Nelas, ele apresenta as

Leia mais

INTRODUÇÃO AO LIVRO ATOS DOS VISÃO GERAL DA IGREJA PRIMITIVA APÓSTOLOS. Jörg Garbers Ms. de Teologia

INTRODUÇÃO AO LIVRO ATOS DOS VISÃO GERAL DA IGREJA PRIMITIVA APÓSTOLOS. Jörg Garbers Ms. de Teologia INTRODUÇÃO AO LIVRO ATOS DOS APÓSTOLOS VISÃO GERAL DA IGREJA PRIMITIVA Jörg Garbers Ms. de Teologia CONTEXTO POLÍTICO Império romano A organização era muito eficaz. Roma era a capital e o centro. Todo

Leia mais

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse ESCATOLOGIA BÍBLICA Apocalipse 10.1-11 Os anjos e os sete trovões. João e o livrinho 1 Vi outro anjo forte descendo do céu, envolto em nuvem, com o arco-íris por cima de sua cabeça; o rosto era como o

Leia mais

Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT. Jörg Garbers Ms. de Teologia

Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT. Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT Jörg Garbers Ms. de Teologia Jhwh e os deuses Jörg Garbers Ms. de Teologia Escrita e pronúncia O textos hebraico antigo somente escreve

Leia mais

Cristo, o Verdadeiro Deus e a Vida Eterna. Uma Exposição de 1ªJoão. (1ª Mensagem)

Cristo, o Verdadeiro Deus e a Vida Eterna. Uma Exposição de 1ªJoão. (1ª Mensagem) Cristo, o Verdadeiro Deus e a Vida Eterna Uma Exposição de 1ªJoão (1ª Mensagem) Imagine um homem com seus noventa e poucos anos, por quem você tem um profundo respeito, cujos ensinamentos estão carregados

Leia mais

A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã.

A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã. A evangelização é uma parte importante e fundamental da fé e vida cristã. Uma missão irrenunciável da igreja como um todo e do cristão particularmente. O QUE É INDISPENSÁVEL PARA A EVANGELIZAÇÃO? Conversão

Leia mais

Lição 3 Mensagens às sete igrejas da Ásia

Lição 3 Mensagens às sete igrejas da Ásia Lição 3 Mensagens às sete igrejas da Ásia Eu fui arrebatado em espírito, no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta, que dizia: O que vês, escreve-o num livro e envia-o às

Leia mais

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse

ESCATOLOGIA BÍBLICA. Apocalipse ESCATOLOGIA BÍBLICA O Quinto selo Santos Martirizados 9 Quando ele abriu o quinto selo, vi, debaixo do altar, as almas daqueles que tinham sido mortos por causa da palavra de Deus e por causa do testemunho

Leia mais

LUZEIROS NO MUNDO. Escola Bíblica Dominical Classe Mocidade Luiz Roberto Carboni Souza Luiz Fernando Zanin dos Santos

LUZEIROS NO MUNDO. Escola Bíblica Dominical Classe Mocidade Luiz Roberto Carboni Souza Luiz Fernando Zanin dos Santos LUZEIROS NO MUNDO Escola Bíblica Dominical Classe Mocidade Luiz Roberto Carboni Souza Luiz Fernando Zanin dos Santos Dinâmica Da escuridão do pecado à luz de Cristo Jesus A escuridão representa como o

Leia mais

Nova Esperança para a Vida Por David Batty

Nova Esperança para a Vida Por David Batty Nova Esperança para a Vida Por David Batty Projeto 302 Nome do Aluno Data do Início / / Data do Fim / / 2 Nova Esperança Para a Vida Lição 302 David Batty 1ª Edição Brasil As referências Bíblicas usadas

Leia mais

Os 1260 Dias no Livro de Apocalipse

Os 1260 Dias no Livro de Apocalipse Os 1260 Dias no Livro de Apocalipse Jon Paulien Andrews University Alguns Adventistas estão reconsiderando o sistema de interpretação profética da Igreja, promovendo uma mistura de historicismo e futurismo.

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais