EDITAL N 26/2014 DE 21 de maio de 2014

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL N 26/2014 DE 21 de maio de 2014"

Transcrição

1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - IFMA CAMPUS SÃO JOÃO DOS PATOS DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DDE DEPARTAMENTO DE ENSINO SUPERIOR DE TECNOLOGIA - DESTEC EDITAL N 26/204 DE 2 de maio de 204 O Diretor Geral Pró-tempore do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus São João dos Patos, com base no que dispõe a Resolução nº5 de 04 de maio de 2006 do Conselho Diretor do CEFET-MA, alterada pela Resolução nº 05/2009, de 25/05/2009, da Reitoria do IFMA, torna público que estará oferecendo, para o semestre 204.2, 08 (oito) vagas de Monitoria com Bolsa e 8(oito) vagas de monitoria voluntária, para os cursos de graduação, obedecendo aos seguintes critérios:. DAS VAGAS CURSO DISCIPLINA N. DE VAGAS MONITORIA COM BOLSA N. DE VAGAS MONITORIA VOLUNTÀRIA CURSO SUPERIOR EM FÍSICA INTRODUÇÃO A FÍSICA CÁLCULO I ALGEBRA LINEAR FÍSICA EXPERIMENTAL I TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO II CURSO SUPERIOR EM ADMINISTRAÇÃO ESTATÍSTICA CONTABILIDADE GERAL SOCIOLOGIA DA ADMINISTRAÇÃO TOTAL DE VAGAS As vagas serão preenchidas, obedecendo-se à rigorosa ordem de classificação no seletivo por disciplina.

2 .2. As bolsas da monitoria remunerada que não tiverem alunos classificados serão remanejadas para a Assistência Estudantil.3. Os alunos aprovados na monitoria voluntária poderão ocupar a vaga de monitoria de bolsa desde que haja desistência de bolsistas da mesma disciplina, seguindo rigorosamente a ordem de classificação. 2. DAS BOLSAS 2.. Poderão candidatar-se à Monitoria de uma disciplina os alunos regularmente matriculados no ano letivo de 204., que já tenha cursado 2 (dois) períodos letivos, comprovem ter sido aprovados na disciplina para a qual se candidatam, com média igual ou superior a 7,0 (sete) e comprovem não ter vinculo empregatício A bolsa terá duração de 05 (cinco) meses, correspondendo ao período de agosto a dezembro de A bolsa não poderá ser acumulada com outra bolsa de natureza acadêmica A bolsa poderá ser cancelada: Pelo não cumprimento das obrigações decorrentes da função de monitor; Por infração disciplinar; Por conclusão do curso; Por trancamento da matrícula; Por desejo do monitor; Por abandono do curso O valor da bolsa será de R$ 400,00 (quatrocentos reais). 3. DA MONITORIA VOLUNTÁRIA 3.. Poderão candidatar-se à Monitoria Voluntária de uma disciplina os alunos regularmente matriculados no ano letivo de 204., que já tenha cursado 2 (dois) períodos letivos, comprovem ter sido aprovados na disciplina para a qual se candidatam, com média igual ou superior a 7,0 (sete) A Monitoria Voluntária terá duração de 05 (cinco) meses, correspondendo ao período de agosto a dezembro de O monitor(a) voluntário(a) deverá assinar o termo de concordância de que não receberá qualquer incentivo financeiro pelo exercício da monitoria. 4. DAS INSCRIÇÕES 4.. Poderá se inscrever o aluno que já tenha cursado no mínimo 02 (dois) períodos letivos O candidato deverá ser aluno regularmente matriculado do curso ao qual pleiteia vaga de monitor 4.3. A inscrição será realizada em formulário a ser impresso, disponível no Departamento de Ensino Superior de Tecnologia do IFMA São João dos Patos Período: 2/05/204 a 23/05/ Horário: 08h às 8h na Coordenação de Curso Documentos necessários para efetivar a inscrição: a) Carteira de Identidade; b) CPF; c) Histórico escolar; d) Declaração de que não possui vínculo empregatício (para alunos que pleitearem bolsas). 2

3 5. DA SELEÇÃO 5.. O processo de seleção dar-se-á mediante uma prova escrita onde será sorteado um tema dentre 5 (cinco) assuntos apresentados no Programa de Processo Seletivo de Aluno Monitor deste edital. Os alunos farão uma dissertação com o mínimo de 20 linhas 5.2. A prova realizar-se-á em dia e hora específica determinada neste edital Serão considerados classificados os candidatos que alcançarem média igual ou superior a 7,0 (sete) O preenchimento das vagas será feito pelos candidatos aprovados em ordem decrescente de classificação, até o limite das vagas fixadas Em caso de empate, o desempate se fará pelo maior coeficiente de rendimento, constante no histórico Persistindo o empate, o desempate se fará pelo candidato mais velho A validade do processo seletivo será de 90 (noventa) dias, a contar da data de divulgação do resultado. 6. DO LOCAL E HORÁRIO DA PROVA 6.. A data de realização da prova será no dia 27/05/204 às 6h no auditório, tendo duração de 02 horas O resultado final sairá no dia 5 de junho de DAS OBRIGAÇÕES DO (A) MONITOR (A) 7.. Exercer suas tarefas conforme plano de trabalho elaborado juntamente com o professor orientador; 7.2 Exercer suas atividades sem qualquer vínculo empregatício com o IFMA, perfazendo carga horária semanal máxima de 2 (doze) horas Apresentar ao coordenador de curso a ficha de frequência mensalmente; 7.4. Apresentar ao professor orientador relatório das atividades desenvolvidas, contendo uma breve orientação do seu desenvolvimento, da orientação recebida e das condições em que desenvolveu as suas atividades, bem como sugestão para aprimoramento das mesmas O período diário de atividade do aluno monitor será de no mínimo 03 (três) e máximo 04 (quatro) horas, em horário fixado pelo professor-orientador Os turnos das atividades dos monitores não poderá, em hipótese alguma, coincidir com o turno do período no qual ele estiver regularmente matriculado, e deverá ser fixado em conjunto pelo professororientador. 8. DAS ATRIBUIÇÕES DO (A) MONITOR (A) 8.. Participar da elaboração do plano de trabalho de monitoria com o professor responsável; Organizar, conforme planejamento prévio com o (a) professor (a), os horários de atendimento ao alunado (que manifeste ou que for encaminhado pelo (a) professor (a)) para esclarecimento de dúvidas e/ou aprofundamento dos assuntos trabalhados na disciplina; 8..3 Participar das aulas, quando planejado, auxiliando nas discussões, assim como na organização de material necessário para as atividades desenvolvidas na disciplina (seminários, debates, apresentação de trabalho dos alunos); 3

4 8..4 Assessorar o alunado no desenvolvimento dos trabalhos finais da disciplina, pondo-se à disposição do mesmo, dentro dos horários planejados, para esclarecimentos teóricos e práticos; 8..5 Contribuir com o (a) professor (a) no planejamento das atividades a serem desenvolvidas no decorrer da disciplina; Auxiliar os alunos regulares orientando-os em trabalho de laboratório, da biblioteca, do campo e outros; Auxiliar o (a) professor (a) em tarefas de pesquisa e de extensão, compatíveis com seu grau de conhecimento. 8.2 É vedado ao (a) monitor (a) 8.2. Substituir professor na atividade docente; Avaliar o alunado; Executar atividades meramente administrativas; Realizar pesquisa, coleta de dados, realização de experimentos e quaisquer outras atividades que não estejam relacionadas às atividades previstas no plano de ação para a monitoria do(a) docente nem no plano de ensino da disciplina. 8.3 Atribuições do (a) professor(a) orientador(a) 8.3. Auxiliar no processo de seleção do aluno monitor; Orientar o (a) monitor (a) no desenvolvimento das atividades programadas; Capacitar o (a) monitor (a) no uso de metodologias adequadas à sua atuação; Contribuir com o aprofundamento dos conhecimentos do (a) monitor (a) quanto aos conteúdos da disciplina; Avaliar, continuamente, o desempenho do(a) monitor(a), por meio de critérios previamente estabelecidos e conhecidos pelo(a) monitor(a), através da ficha de avaliação que será encaminhada à Coordenação do Curso. 9. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 9. Serão eliminados em qualquer etapa do processo seletivo os candidatos que não satisfizerem a todas as condições especificadas neste Edital. 9.2 Os casos omissos ou situações não previstas neste Edital serão resolvidos pela Diretoria de Desenvolvimento de Ensino, Departamento de Ensino Superior de Tecnologia e Coordenações de Curso O candidato deverá comparecer ao local das provas, no horário informado neste edital, do contrário será eliminado A inscrição do candidato importa o conhecimento e tácita aceitação das condições estabelecidas no presente edital e nos demais instrumentos reguladores do concurso, dos quais o candidato não poderá alegar desconhecimento. São João dos Patos, 2 de maio de 204. Elissandro Tavares da Silva Diretor Geral em exercício 4

5 INTRODUÇÃO A FÍSICA. Cinemática 2. Dinâmica 3. Termologia 4. Óptica e Onda 5. Eletricidade CÁLCULO I. Gráficos e funções 2. Limites e continuismos 3. Limites infinitos e limites no infinito 4. Derivados e regras de derivação 5. Integrais ALGEBRA LINEAR. Espaço vetorial 2. Base e dimensão 3. Transformação linear 4. Produto interno 5. Autovalores e auto vetores FÍSICA EXPERIMENTAL I. Erros de medida 2. Média e mediana 3. Distribuição de probabilidades 4. Desvio padrão 5. Propagação de erros TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO II. Modelo burocrático da administração 2. Teoria estruturalista 3. Teoria comportamental da administração 4. Teoria do desenvolvimento organizacional 5. Tecnologia e administração ESTATÍSTICA. Tabela de frequência e gráfico 2. Media e mediana 3. Desvio padrão e variância 4. População/Amostra 5. Estatística no dia a dia SOCIOLOGIA DA ADMINISTRAÇÃO. Grupos sociais 2. Sociedade em rede 3. Organizações sociais 4. Movimentos sociais e sindicalismo 5. Estratificação social PROGRAMA DO PROCESSO SELETIVO DE ALUNO MONITOR CONTABILIDADE GERAL. Princípios contábeis 2. Patrimônio 3. Livros contábeis 4. Balanço patrimonial 5. Demonstrações contábeis e o processo de tomada de decisão 5

6 REQUERIMENTO DE INSCRIÇÃO PARA MONITORIA REMUNERADA Ilmo. Sra. Chefe do Departamento de Ensino Superior de Tecnologia, Prof. Claudete Ribeiro de Araujo,. Solicito inscrição no processo seletivo para aluno (a) monitor da disciplina: ( ) INTRODUÇÃO A FÍSICA ( ) CÁLCULO I ( ) ALGEBRA LINEAR ( ) FÍSICA EXPERIMENTAL I ( ) TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO II ( ) CONTABILIDADE ( ) ESTATÍSTICA ( ) SOCIOLOGIA DA ADMINISTRAÇÃO 2. Para tanto, anexo os seguintes documentos: ( ) Cópia do RG ( ) Cópia do CPF ( ) Cópia do Histórico Escolar ( ) Declaração de que não possui vínculo empregatício 3. Para efeito de inscrição, informo os seguintes dados: 3.. Nome completo: Telefone (fixo e móvel): São João dos Patos, 2 de maio de 204 Assinatura: 6

7 REQUERIMENTO DE INSCRIÇÃO PARA MONITORIA VOLUNTÁRIA Ilmo. Sra. Chefe do Departamento de Ensino Superior de Tecnologia, Prof. Claudete Ribeiro de Araujo,. Solicito inscrição no processo seletivo para aluno (a) monitor da disciplina: ( ) INTRODUÇÃO A FÍSICA ( ) CÁLCULO I ( ) ALGEBRA LINEAR ( ) FÍSICA EXPERIMENTAL I ( ) TEORIA DA ADMINISTRAÇÃO II ( ) CONTABILIDADE ( ) ESTATÍSTICA ( ) SOCIOLOGIA DA ADMINISTRAÇÃO 2. Para tanto, anexo os seguintes documentos: ( ) Cópia do RG ( ) Cópia do CPF ( ) Cópia do Histórico Escolar 3. Para efeito de inscrição, informo os seguintes dados: 3.. Nome completo: Telefone (fixo e móvel): São João dos Patos, 2 de maio de 204 Assinatura: 7

8 DECLARAÇÃO Eu, CPF declaro para os devidos fins não possuir vínculo empregatício. Firmo a presente declaração assumindo a responsabilidade pelas informações contidas na mesma. São João dos Patos / / Assinatura do Aluno 8

PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA COM BOLSA E MONITORIA VOLUNTÁRIA SEM BOLSA DO ENSINO SUPERIOR

PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA COM BOLSA E MONITORIA VOLUNTÁRIA SEM BOLSA DO ENSINO SUPERIOR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DOMARANHÃO DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE MONITORES

PROCESSO SELETIVO DE MONITORES PROCESSO SELETIVO DE MONITORES A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), por meio da Pró-Reitoria de Ensino (PRE), torna pública a abertura das inscrições para seleção de Monitores do Programa Institucional

Leia mais

DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO SUPERIOR COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE BACHARELADO EM ENGENHARIA ELÉTRICA

DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO SUPERIOR COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE BACHARELADO EM ENGENHARIA ELÉTRICA DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO SUPERIOR COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE BACHARELADO EM ENGENHARIA ELÉTRICA EDITAL Nº 01, DE 28 DE OUTUBRO DE 2014 PROCESSO DE PREENCHIMENTO

Leia mais

NORMAS DO SISTEMA DE MONITORIA

NORMAS DO SISTEMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CÂMARA DE MONITORIA NORMAS DO SISTEMA DE MONITORIA CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1º - Complementar a formação acadêmica do aluno, na área de seu

Leia mais

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03/2015

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03/2015 1 CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03/2015 A Coordenação do Curso de Ciências Contábeis, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03 /2015

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03 /2015 1 CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03 /2015 A Coordenação do Curso de Ciências Contábeis, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA CAMPUS IRECÊ DEPARTAMENTO DE ENSINO COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA CAMPUS IRECÊ DEPARTAMENTO DE ENSINO COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA CAMPUS IRECÊ DEPARTAMENTO DE ENSINO COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA PROGRAMA DE MONITORIA DOS CURSOS INTEGRADOS, SUBSEQUENTES

Leia mais

DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO PROFISSIONAL

DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO PROFISSIONAL DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO PROFISSIONAL COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES EDITAL Nº 01, DE 25 DE JULHO DE 2013 PROCESSO DE PREENCHIMENTO DE VAGAS RELATIVAS

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2015

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2015 1 A Coordenação do Curso de Administração, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições e em cumprimento ao Art. 5 o do Regulamento de Monitoria, Anexo da Resolução de 21 de dezembro

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA A POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL - AUXILIO TRANSPORTE APROVADO PELA RESOLUÇÃO N.º 022/2011 DO CONSELHO SUPERIOR/IFMA

PROCESSO SELETIVO PARA A POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL - AUXILIO TRANSPORTE APROVADO PELA RESOLUÇÃO N.º 022/2011 DO CONSELHO SUPERIOR/IFMA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO DO ENSINO CAMPUS ALCÂNTARA NÚCLEO DE ASSISTÊNCIA AO EDUCANDO PROCESSO SELETIVO PARA

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA PARA OS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO E PEDAGOGIA

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA PARA OS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO E PEDAGOGIA EDITAL DG N.º 07/2012 PROGRAMA DE MONITORIA PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA PARA OS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO E PEDAGOGIA A Direção da Faculdade Internacional Signorelli, no uso de suas atribuições,

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA CIVIL CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2014

CURSO DE ENGENHARIA CIVIL CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2014 1 CURSO DE ENGENHARIA CIVIL CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2014 A Coordenação do Curso de Engenharia de Produção e do Curso de Engenharia Civil, da

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO NÚCLEO DE CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS - NUCSA DEPARTAMENTO ACADEMICO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2014

PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO NÚCLEO DE CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS - NUCSA DEPARTAMENTO ACADEMICO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2014 PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO NÚCLEO DE CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS - NUCSA DEPARTAMENTO ACADEMICO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2014 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1 A Fundação Universidade

Leia mais

EDITAL N.º 01/2015 - CONSEPE

EDITAL N.º 01/2015 - CONSEPE EDITAL N.º 01/2015 - CONSEPE A Direção da Faculdade Herrero torna públicos os procedimentos e normas para inscrição e seleção de Projetos de Iniciação Científica 2015/16. Este Edital está em conformidade

Leia mais

CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 A Coordenação do Curso de Engenharia de Produção e do Curso de Engenharia Civil, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições e em cumprimento ao Art. 5 o do Regulamento de Monitoria,

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 02/2015

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 02/2015 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 02/2015 A Coordenação do Curso de Arquitetura e Urbanismo, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL Nº 88/2015 PROGRAD SELEÇÃO DE MONITORES PIMI 2015/2

EDITAL Nº 88/2015 PROGRAD SELEÇÃO DE MONITORES PIMI 2015/2 UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PROGRAMAS ESPECIAIS EM EDUCAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA Av. NS 15, 109 Norte, sala 219, Bloco IV 77001-090 Palmas/TO

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO CAMPUS BACABAL PROGRAMA NACIONAL MULHERES MIL

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO CAMPUS BACABAL PROGRAMA NACIONAL MULHERES MIL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO CAMPUS BACABAL PROGRAMA NACIONAL MULHERES MIL Edital Institucional de Extensão nº 15 de 11 de Julho de 2013 O Diretor Geral do Campus Bacabal

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL EDITAL DE ABERTURA DE VAGAS PARA PROFESSOR-MONITOR DO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL, N 2 DE 03 DE SETEMBRO DE 2012. A Coordenação do Projeto Cursinho

Leia mais

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL Nº 002/2013 DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA A Magnífica Senhora Reitora do CENTRO UNIVERSITÁRIO

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03 /2015

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03 /2015 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA Nº 03 /2015 A Coordenação do Curso de Arquitetura e Urbanismo, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

NORMAS REGULAMENTARES SOBRE A MONITORIA

NORMAS REGULAMENTARES SOBRE A MONITORIA NORMAS REGULAMENTARES SOBRE A MONITORIA Art. 1º A FACULDADE SANTA TEREZINHA - CEST admitirá, sem vínculo empregatício, alunos dos seus Cursos de Graduação nas funções de Monitor, tendo como finalidade

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA FACIIP REGULAMENTO

PROGRAMA DE MONITORIA FACIIP REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA FACIIP REGULAMENTO Capitulo I Do Programa Art.1 O presente regulamento do Programa de Monitoria estabelece as regras para o exercício da monitoria por alunos regularmente matriculados

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FACULDADE DE EDUCAÇÃO - TERRITÓRIOS, EDUCAÇÃO INTEGRAL E CIDADANIA (TEIA) EDITAL 001/2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FACULDADE DE EDUCAÇÃO - TERRITÓRIOS, EDUCAÇÃO INTEGRAL E CIDADANIA (TEIA) EDITAL 001/2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FACULDADE DE EDUCAÇÃO - TERRITÓRIOS, EDUCAÇÃO INTEGRAL E CIDADANIA (TEIA) EDITAL 001/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS O Grupo Territórios, Educação Integral

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA EDITAL DE SELEÇÃO. Projeto de Extensão Educação para o trânsito: a comunicação contribuindo para a cidadania.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA EDITAL DE SELEÇÃO. Projeto de Extensão Educação para o trânsito: a comunicação contribuindo para a cidadania. 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA EDITAL DE SELEÇÃO Projeto de Extensão Educação para o trânsito: a comunicação contribuindo para a cidadania. A Coordenação do Projeto de Extensão Educação para o trânsito:

Leia mais

CÂMPUS CAMPOS BELOS. Divulgação do edital 31 de março de 2015

CÂMPUS CAMPOS BELOS. Divulgação do edital 31 de março de 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO EDITAL N 007, DE 31 DE MARÇO 2015 SELEÇÃO INTERNA

Leia mais

EDITAL Nº 03/2014 - PROEX

EDITAL Nº 03/2014 - PROEX EDITAL Nº 03/2014 - PROEX DIVULGA O PROCESSO SELETIVO DE ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO E PÓS- GRADUAÇÃO PARA O PROGRAMA DE FORMAÇÃO EM IDIOMA ESTRANGEIRO NA MODALIDADE DE CURSOS DE INGLÊS, FRANCÊS, ALEMÃO E

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA DA SEMANA ACADÊMICA 2012

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA DA SEMANA ACADÊMICA 2012 FACULDADE INTEGRADA DA GRANDE FORTALEZA Avenida Porto Velho N.º 401 - Bairro João XXIII - Tel: (0xx85) 3299.9900 - Cep 61.525-571 - Fortaleza - Ceará Home-page: www.fgf.edu.br - E-mail: semanaacademica@fgf.edu.br

Leia mais

Edital de Monitoria do Curso de Nutrição

Edital de Monitoria do Curso de Nutrição Edital de Monitoria do Curso de Nutrição 2014.1 REGULAMENTO DA MONITORIA A prática de monitoria consiste na atuação docente de alunos que auxiliam outros alunos no processo de ensino-aprendizagem. O Curso

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE MONITORIA - UNIFEMM

EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE MONITORIA - UNIFEMM EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE MONITORIA - UNIFEMM Artigo Primeiro - O Centro Universitário de Sete Lagoas - UNIFEMM, informa que no período de 26 a 29/10/2015, de 09 às 18.00 horas,

Leia mais

Faculdade Figueiredo Costa FIC Núcleo de Apoio Acadêmico NAPA PROGRAMA DE MONITORIA PROM

Faculdade Figueiredo Costa FIC Núcleo de Apoio Acadêmico NAPA PROGRAMA DE MONITORIA PROM Faculdade Figueiredo Costa FIC Núcleo de Apoio Acadêmico NAPA PROM 1 APRESENTAÇÃO Hodiernamente, um profissional, de qualquer que seja a área, deve estar em constante processo de atualização, ele jamais

Leia mais

LABORATÓRIO AGÊNCIA MODELO TOTEM

LABORATÓRIO AGÊNCIA MODELO TOTEM CONCURSO DE MONITORIA LABORATÓRIO AGÊNCIA MODELO TOTEM EDITAL N. º 009/2013 (ALUNOS DO 2º AO 6º PERÍODOS DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA) I. DAS VAGAS, BOLSA DE MONITORIA, REGIME JURÍDICO E CARGA HORÁRIA.

Leia mais

EDITAL Nº 01 13 DE AGOSTO DE 2015

EDITAL Nº 01 13 DE AGOSTO DE 2015 FACULDADE EVANGÉLICA DO PIAUÍ CREDENCIADA PELO MEC-PORTARIA Nº 2.858-13/09/2004 C.N.P.J 03.873.844/0001-35 EDITAL Nº 01 13 DE AGOSTO DE 2015 A Coordenação do Curso de Pedagogia da Faculdade Evangélica

Leia mais

Edital nº 025, de 11 de abril de 2014

Edital nº 025, de 11 de abril de 2014 Edital nº 025, de 11 de abril de 2014 O Diretor Geral do Câmpus Porto Velho Calama no uso de suas atribuições legais, conferida pela Portaria 136 GR/IFRO de 10/02/2014, torna público, o Edital de seleção

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE. EDITALn 02/2015. CAMPUS 2 SAÚDE e CAMPUS 1- GASTRONOMIA

INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE. EDITALn 02/2015. CAMPUS 2 SAÚDE e CAMPUS 1- GASTRONOMIA INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE EDITALn 02/2015 CAMPUS 2 SAÚDE e CAMPUS 1- GASTRONOMIA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA O Instituto Brasileiro de Gestão e Marketing

Leia mais

3. Do Curso, Local, Tempo de Duração e Número de Vagas. As vagas disponíveis e a duração do curso estão listadas na tabela a seguir:

3. Do Curso, Local, Tempo de Duração e Número de Vagas. As vagas disponíveis e a duração do curso estão listadas na tabela a seguir: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS OURO PRETO Rua Pandiá Calógeras, 898 Bairro Bauxita Ouro

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DE TEIXEIRA DE FREITAS EDITAL DE SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO EDITAL N. 03.2015

FACULDADE PITÁGORAS DE TEIXEIRA DE FREITAS EDITAL DE SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO EDITAL N. 03.2015 FACULDADE PITÁGORAS DE TEIXEIRA DE FREITAS EDITAL DE SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO EDITAL N. 03.2015 A Coordenação do Curso de Direito da Faculdade Pitágoras de Teixeira de Freitas,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL Nº 14/2015 PROPPG EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PARA INGRESSO DE ALUNOS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE NACIONAL DE DIREITO Edital Interno - Programa de Monitoria 2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE NACIONAL DE DIREITO Edital Interno - Programa de Monitoria 2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE NACIONAL DE DIREITO Edital Interno - Programa de Monitoria 2014 A Coordenação de Graduação da Faculdade Nacional de Direito (FND) torna público que a Pró-Reitoria

Leia mais

Edital de Monitoria do Curso de Nutrição

Edital de Monitoria do Curso de Nutrição Edital de Monitoria do Curso de Nutrição 2015.2 REGULAMENTO DA MONITORIA A prática de monitoria consiste na atuação docente de alunos que auxiliam outros alunos no processo de ensino-aprendizagem. O Curso

Leia mais

EDITAL nº 05/2015/PET/PRG/UFLA

EDITAL nº 05/2015/PET/PRG/UFLA EDITAL nº 05/2015/PET/PRG/UFLA SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA O PROGAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL - PET O Tutor do Grupo PET - Medicina Veterinária da Universidade Federal de Lavras, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL Nº 06/2015 PROGRAMA DE MONITORIA

EDITAL Nº 06/2015 PROGRAMA DE MONITORIA EDITAL Nº 06/2015 PROGRAMA DE MONITORIA Seleção de monitores para o Programa de Monitoria Acadêmica da Faculdade de Quatro Marcos - FQM 1. ABERTURA A Faculdade de Quatro Marcos FQM, em São José dos Quatro

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL N 10, DE 30 DE JANEIRO DE 2013.

EDITAL INSTITUCIONAL N 10, DE 30 DE JANEIRO DE 2013. EDITAL INSTITUCIONAL N 10, DE 30 DE JANEIRO DE 2013. SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DO IFMA PARA ATUAREM COMO PROFESSORES NOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS - CESCAGE FACULDADES INTEGRADAS DOS CAMPOS GERAIS

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS - CESCAGE FACULDADES INTEGRADAS DOS CAMPOS GERAIS CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS - CESCAGE FACULDADES INTEGRADAS DOS CAMPOS GERAIS MANUAL DE MONITORIA ACADÊMICA Com base na Resolução CSA 02/07, que estabelece Monitoria Acadêmica Centro de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA - EMC ESCOLA DE ENGENHARIA ELÉTRICA, MECÂNICA E DE COMPUTAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA - EMC ESCOLA DE ENGENHARIA ELÉTRICA, MECÂNICA E DE COMPUTAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA - ESCOLA DE ENGENHARIA ELÉTRICA, MECÂNICA E DE COMPUTAÇÃO Edital n 02 de NORMAS COMPLEMENTARES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE MONITORES

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE POUSO ALEGRE REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE MONITORIA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE POUSO ALEGRE REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE MONITORIA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE POUSO ALEGRE REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE MONITORIA CAPÍTULO l DOS OBJETIVOS Artigo 1º - As presentes normas têm por objetivo organizar e disciplinar a monitoria, no âmbito

Leia mais

Aprovado pela Resolução nº. 022/2011 do Conselho Superior/IFMA EDITAL N 89 / 2014

Aprovado pela Resolução nº. 022/2011 do Conselho Superior/IFMA EDITAL N 89 / 2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO AO ENSINO NÚCLEO DE ASSISTÊNCIA AO EDUCANDO SELEÇÃO PARA O PROJETO AUXÍLIO TRANPORTE/2014.2

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA. Edital nº 02/2015 de 31 de março de 2015 PROEX/DACIC

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA. Edital nº 02/2015 de 31 de março de 2015 PROEX/DACIC MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA Edital nº 02/2015 de 31 de março de 2015 PROEX/DACIC PROGRAMA DE INCENTIVO ÀS ATIVIDADES ARTÍSTICO-CULTURAIS PRÓ-CULTURA

Leia mais

CURSO DISCIPLINAS VAGAS

CURSO DISCIPLINAS VAGAS EDITAL Nº 14 de 23 DE FEVEREIRO DE 2015 Processo seletivo para o Programa de Monitoria no Período 2015/01 dos Cursos de Engenharia Civil e Engenharia Elétrica. A Diretoria Geral e Diretoria Acadêmica através

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID EDITAL PIBID 61/2013

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID EDITAL PIBID 61/2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID EDITAL PIBID 61/2013 PROCESSO SELETIVO DE BOLSAS/INICIAÇÃO À DOCÊNCIA A Universidade

Leia mais

EDITAL Nº 007/2015/DG/IFMA CAMPUS BARRA DO CORDA

EDITAL Nº 007/2015/DG/IFMA CAMPUS BARRA DO CORDA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO CAMPUS BARRA DO CORDA EDITAL Nº 007/2015/DG/IFMA CAMPUS BARRA DO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS Nº001/2015 PARA O PET-ECONOMIA/UFES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS Nº001/2015 PARA O PET-ECONOMIA/UFES UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS Nº001/2015 PARA O PET-ECONOMIA/UFES O Tutor do Grupo PET-Economia/Ufes, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL Nº 13/2015 PROPPG EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PARA INGRESSO DE ALUNO BOLSISTA NO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO

Leia mais

Regulamento do Programa de Monitoria dos Cursos de Graduação da Faculdade ASCES

Regulamento do Programa de Monitoria dos Cursos de Graduação da Faculdade ASCES Regulamento do Programa de Monitoria dos Cursos de Graduação da Faculdade ASCES 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. Este documento determina as normas estabelecidas para o Programa de Monitoria a ser desenvolvido

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA ACADÊMICA EM CURSOS SUPERIORES E SUBSEQUENTES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA ACADÊMICA EM CURSOS SUPERIORES E SUBSEQUENTES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CAMPUS OSÓRIO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA ACADÊMICA

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS UNIDADE CENTRAL DE EDUCAÇÃO FAEM FACULDADE UCEFF FACULDADES Autorizado pela portaria nº 3.376, de 17de dezembro de 2003. CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Bacharelado Autorizado pela portaria nº. 818, de 20

Leia mais

UFMG / PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO / SETOR DE BOLSAS PMG PROGRAMA DE MONITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETRIZES GERAIS

UFMG / PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO / SETOR DE BOLSAS PMG PROGRAMA DE MONITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETRIZES GERAIS UFMG / PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO / SETOR DE BOLSAS PMG PROGRAMA DE MONITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETRIZES GERAIS 2015 1) DOS OBJETIVOS O Programa de Monitoria de Graduação visa dar suporte às atividades acadêmicas

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENFERMAGEM SEÇÃO CEARÁ

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENFERMAGEM SEÇÃO CEARÁ ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENFERMAGEM SEÇÃO CEARÁ EDITAL INTERNO Nº 02/2014 MONITORIA DA 13ª JORNADA NORTE-NORDESTE DE CENTRO CIRÚRGICO E CENTRAL DE ESTERILIZAÇÃO DISPÕE SOBRE A OFERTA DE VAGAS PARA ACADÊMICOS

Leia mais

Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro. Fundação Educacional de Além Paraíba

Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro. Fundação Educacional de Além Paraíba Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro Fundação Educacional de Além Paraíba Regulamento de Monitoria Art. 1º A Faculdade de Ciências da Saúde Archimedes Theodoro admitirá, sem vínculo empregatício,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PRÓ REITORIA DE ENSINO EDITAL 182/2012 PROEN

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PRÓ REITORIA DE ENSINO EDITAL 182/2012 PROEN PROCESSO DE SELEÇÃO DE CANDIDADOS PARA CURSO PREPARATÓRIO PARA TESTE DE PROFICIÊNCIA TOEFL/IELTS A Pró Reitoria de Ensino torna pública a seleção de alunos de graduação da Universidade Federal do Maranhão

Leia mais

EDITAL Nº 03 01 de Junho de 2015

EDITAL Nº 03 01 de Junho de 2015 FACULDADE EVANGÉLICA DO PIAUÍ CREDENCIADA PELO MEC-PORTARIA Nº 2.858-13/09/2004 C.N.P.J 03.873.844/0001-35 EDITAL Nº 03 01 de Junho de 2015 A Coordenação do Curso de Bacharelado em Serviço Social da Faculdade

Leia mais

EDITAL Nº 18/2014. Seleção para bolsas de monitoria em disciplinas de Ensino Médio e Ensino Superior

EDITAL Nº 18/2014. Seleção para bolsas de monitoria em disciplinas de Ensino Médio e Ensino Superior MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CÂMPUS BENTO GONÇALVES EDITAL Nº 8/204 Seleção para bolsas

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ UESPI - PREX

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ UESPI - PREX EDITAL Nº 022/2015 A Universidade Estadual do Piauí, por meio da Pró-Reitoria de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários - PREX, através do MEMO Nº 010/2015 Departamento de Engenharia - DENG, torna

Leia mais

ESCOLA DE COMUNICAÇÃO E ARTES

ESCOLA DE COMUNICAÇÃO E ARTES ESCOLA DE COMUNICAÇÃO E ARTES EDITAL DE SELEÇÃO DISCENTE PARA PARTICIPAÇÃO NO PROJETO DE EXTENSÃO BLOG CASA COR 2015 A Universidade Potiguar UnP, através da Escola de Comunicação e Artes, torna público

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES Nº 001/2015

EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES Nº 001/2015 1/5 Av. Presidente Vargas, 725 Centro Tel.: (67)3437-3838 Ponta Porã MS. EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES As Faculdades Magsul, no uso de suas atribuições e tendo em vista o disposto

Leia mais

SELEÇÃO DE MONITORES DO CURSO DE ENFERMAGEM EDITAL 01/2015

SELEÇÃO DE MONITORES DO CURSO DE ENFERMAGEM EDITAL 01/2015 SELEÇÃO DE MONITORES DO CURSO DE ENFERMAGEM EDITAL 01/2015 A Diretora-Geral da Faculdade Jk, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais, torna público que estão abertas, de acordo com o que

Leia mais

3.1. As vagas para transferências e reingresso destinam-se aos cursos de graduação, conforme o Quadro 1.

3.1. As vagas para transferências e reingresso destinam-se aos cursos de graduação, conforme o Quadro 1. EDITAL Nº 006/2012 PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA, INTERNA E REINGRESSO (PORTADOR DE DIPLOMA) PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO 1. ABERTURA O Diretor Geral do IFSP - Campus Caraguatatuba, no uso

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ UVA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ UFC SECRETARIA DA SAÚDE E AÇÃO SOCIAL DE SOBRAL - SSASS

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ UVA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ UFC SECRETARIA DA SAÚDE E AÇÃO SOCIAL DE SOBRAL - SSASS UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ UVA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ UFC SECRETARIA DA SAÚDE E AÇÃO SOCIAL DE SOBRAL - SSASS SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA O PROGRAMA DE EDUCAÇÃO PELO TRABALHO PARA A SAÚDE

Leia mais

Edital n 49/2011 PROEN

Edital n 49/2011 PROEN Edital n 49/2011 PROEN Seleção Simplificada para Tutor a Distância O Pró-Reitor de Ensino da Universidade Federal do Maranhão, em exercício e o Núcleo de Educação à Distância, no uso de suas atribuições,

Leia mais

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO O Diretor Geral Pró-Tempore do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus Pinheiro, no uso de suas atribuições, torna público que estarão abertas nos dias 15, 16, 17, 23, 24

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA N O 01/2014

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA N O 01/2014 Universidade Estadual de Pomta Grossa UEPG Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física da UEPG Polo UEPG do MNPEF EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UNIVERSIDADE ESTADUAL

Leia mais

CONSIDERANDO, finalmente, a aprovação na Comissão organizadora do evento;

CONSIDERANDO, finalmente, a aprovação na Comissão organizadora do evento; EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA DA 9ª JORNADA BRASILEIRA DE ENFERMAGEM GERIÁTRICA E GERONTOLÓGICA 25 de Junho de 2012 DISPÕE SOBRE A OFERTA DE VAGAS PARA ACADÊMICOS PARA MONITORIA DA 9ª JORNADA BRASILEIRA

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DA COMPUTAÇÃO RIO DE JANEIRO

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DA COMPUTAÇÃO RIO DE JANEIRO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DA COMPUTAÇÃO RIO DE JANEIRO 2015 1 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DA COMPUTAÇÃO - UComp

Leia mais

EDITAL DE ESTÁGIO NÃO REMUNERADO

EDITAL DE ESTÁGIO NÃO REMUNERADO EDITAL DE ESTÁGIO NÃO REMUNERADO O Eixo de Controle e Processos Industriais vem através deste edital divulgar vaga de estágio não remunerado conforme itens a seguir: 1. DO OBJETO 1.1. O presente Edital

Leia mais

EDITAL Nº 02/2015 PROCESSO SELETIVO PARA ADMISSÃO POR TRANSFERÊNCIA VOLUNTÁRIA E PORTADORES DE DIPLOMA 2015.1

EDITAL Nº 02/2015 PROCESSO SELETIVO PARA ADMISSÃO POR TRANSFERÊNCIA VOLUNTÁRIA E PORTADORES DE DIPLOMA 2015.1 EDITAL Nº 02/2015 PROCESSO SELETIVO PARA ADMISSÃO POR TRANSFERÊNCIA VOLUNTÁRIA E PORTADORES DE DIPLOMA 2015.1 A Comissão Permanente do Processo Seletivo, instituída conforme dispõe o art. 21, inciso IV

Leia mais

REGULAMENTO DE MONITORIA FAESA

REGULAMENTO DE MONITORIA FAESA REGULAMENTO DE MONITORIA FAESA Página 1 de 11 1. CONCEITO / FINALIDADE : A monitoria consiste na atividade de apoio aos alunos das disciplinas de oferta regular do currículo as quais os coordenadores de

Leia mais

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Edital n 05/2011 DEAD / IFMA Seleção Simplificada de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO IFMA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E RELAÇÕES INSTITUCIONAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO IFMA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E RELAÇÕES INSTITUCIONAIS EDITAL N 03, DE 07 DE MARÇO DE 2012. SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE SERVIDORES PARA ATUAREM NO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TECNICO E EMPREGO - PRONATEC A Diretora Pró-Tempore do Instituto Federal de

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS BACHARELADO

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS BACHARELADO FASIPE CENTRO EDUCACIONAL LTDA. Mantenedora Faculdade Cenecista de Sinop Facenop/FASIPE Mantida REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS BACHARELADO SINOP / MATO GROSSO 2014

Leia mais

DIRETORIA EDUCACIONAL COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO. EDITAL Nº 06 de 12 de maio de 2015

DIRETORIA EDUCACIONAL COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO. EDITAL Nº 06 de 12 de maio de 2015 DIRETORIA EDUCACIONAL COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO EDITAL Nº 06 de 12 de maio de 2015 PROCESSO SELETIVO INTERNO SIMPLIFICADO PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE EXTENSÃO DO INSTITUTO FEDERAL FLUMINENSE

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO O Reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro, IFRJ, no uso de suas atribuições legais, em consonância com a lei nº 12.513 de 26 de outubro de 2011, alterada pela lei

Leia mais

EDITAL nº 001/2015 SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA MONITORIA EM PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL nº 001/2015 SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA MONITORIA EM PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA AGES FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS DIRETORIA DE ENISNO COORDENAÇÃO DO PROJETO INTEGRADOR EDITAL nº 001/2015 SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA MONITORIA EM PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA A Diretoria

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA DA 12ª JORNADA NORTE-NORDESTE DE CENTRO CIRÚRGICO E CENTRAL DE ESTERILIZAÇÃO. 27 de agosto de 2012

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORIA DA 12ª JORNADA NORTE-NORDESTE DE CENTRO CIRÚRGICO E CENTRAL DE ESTERILIZAÇÃO. 27 de agosto de 2012 12ª. Jornada Norte Nordeste de Centro Cirúrgico e Central de Esterilização Tema Central: Ações integradas para a segurança e sustentabilidade do paciente cirúrgico 8 a 11 de outubro de 2012 Fortaleza Ceará

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES N 002/2015

EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES N 002/2015 EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES N 002/2015 O Reitor do CENTRO UNIVERSITÁRIO LUTERANO DE PALMAS CEULP, no uso de suas atribuições e tendo em vista o disposto na Resolução de n 374/2010

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB) CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSU)

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB) CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSU) UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB) CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSU) RESOLUÇÃO N.º 700/2009 Publicada no D.O.E. de 07-07-2009, p.16 Altera a Resolução nº 507/07 CONSU, que aprova o Regulamento de Monitorias

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA VOLUNTÁRIA 2008

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA VOLUNTÁRIA 2008 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS - UEMG ESCOLA DE DESIGN ED COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO NUCLEO INTEGRADOR DE PRÁTICAS PEDAGÓGICAS - NIPP PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA VOLUNTÁRIA 2008 Aprovado pelo

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO E CADASTRO DE RESERVA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO E CADASTRO DE RESERVA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO E CADASTRO DE RESERVA O Diretor da do Futuro, no uso de suas atribuições legais e regimentais, em conformidade com a Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008,

Leia mais

Art. 3º. A taxa de Inscrição será no valor de R$ 30,00 (trinta reais). Em hipótese alguma será devolvido o valor pago.

Art. 3º. A taxa de Inscrição será no valor de R$ 30,00 (trinta reais). Em hipótese alguma será devolvido o valor pago. EDITAL N 03 /2011-2 - VESTIBULAR, CONCURSO PRINCIPAL E PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTINUADO DO CENTRO UNIVERSITARIO DE MINEIROS UNIFIMES MANTIDO PELA FUNDAÇÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

DO E-TEC IDIOMAS SEM FRONTEIRAS PARA SERVIDORES EFETIVOS DO IFRO, ALUNOS REGULARES DO IFRO E ALUNOS DA REDE PÚBLICA ESTADUAL

DO E-TEC IDIOMAS SEM FRONTEIRAS PARA SERVIDORES EFETIVOS DO IFRO, ALUNOS REGULARES DO IFRO E ALUNOS DA REDE PÚBLICA ESTADUAL PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO PARA ACESSO AOS CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA - FIC EM INGLÊS NÍVEL A1 E EM ESPANHOL NÍVEL A1, NA MODALIDADE A DISTÂNCIA, NO ÂMBITO DA REDE E- TEC BRASIL DO E-TEC

Leia mais

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CAMPUS SÃO LUÍS CENTRO HISTÓRICO SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DO IFMA PARA ATUAREM NO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - O Diretor

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO- BRASILEIRA UNILAB INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS EDITAL 06/2013 SELEÇÃO DE ESTUDANTES BOLSISTAS PARA O NÚCLEO

Leia mais

EDITAL Nº 325/2015 SELEÇÃO DE DISCENTE VOLUNTÁRIO PARA ATUAÇÃO EM PROJETOS DE EXTENSÃO

EDITAL Nº 325/2015 SELEÇÃO DE DISCENTE VOLUNTÁRIO PARA ATUAÇÃO EM PROJETOS DE EXTENSÃO COORDENADORIA DE EXTENSÃO EDITAL Nº 325/2015 SELEÇÃO DE DISCENTE VOLUNTÁRIO PARA ATUAÇÃO EM PROJETOS DE EXTENSÃO O DIRETOR-GERAL do Câmpus VOTUPORANGA do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

EDITAL Nº 034/2013-CCP

EDITAL Nº 034/2013-CCP EDITAL Nº 034/2013-CCP A Professora Fátima Aparecida da Cruz Padoan, Diretora do Campus de Cornélio Procópio, da UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

Leia mais

FACULDADE ADVENTISTA DA BAHIA REGULAMENTO DE MONITORIA DO CURSO DE PEDAGOGIA

FACULDADE ADVENTISTA DA BAHIA REGULAMENTO DE MONITORIA DO CURSO DE PEDAGOGIA FACULDADE ADVENTISTA DA BAHIA REGULAMENTO DE MONITORIA DO CURSO DE PEDAGOGIA Cachoeira, março de 2011 REGULAMENTO DE MONITORIA ACADÊMICA DO CURSO DE PEDAGOGIA Capítulo I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA DO IFCE EDITAL N 08/2013

PROGRAMA DE MONITORIA DO IFCE EDITAL N 08/2013 PROGRAMA DE MONITORIA DO IFCE EDITAL N 08/2013 O Diretor-Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará-Campus de Acaraú, no uso de suas atribuições legais, torna público que estão

Leia mais

Curso de Administração

Curso de Administração EDITAL Nº 64, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2015. A DIRETORA DO CÂMPUS DE PARANAÍBA, da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais; e considerando a Resolução COEG nº

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UFRN N O 01/2015 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO UFRN

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UFRN N O 01/2015 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO UFRN Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN Escola de Ciência & Tecnologia Centro de Ciências Exatas e da Terra - Departamento de Física Teórica e Experimental Programa de Pós-Graduação em Ensino

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO Nº 05, DE 08 DE MARÇO DE 2012.

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO Nº 05, DE 08 DE MARÇO DE 2012. SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DO IFMA PARA ATUAREM COMO PROFESSORES NOS CURSOS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC O Diretor Pró-Tempore do Instituto

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB EDITALNº 070/2015 O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB, no uso de suas atribuições legais, em conformidade com a Lei Estadual nº 7.176,de10/09/1997, observando as disposições da

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UEFS Nº 01/2014 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO 06

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UEFS Nº 01/2014 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO 06 Universidade Estadual de Feira de Santana Departamento de Física Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física [Polo 06] EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UEFS Nº 01/2014 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO

Leia mais