Principais Novidades Dezembro/ 2012 a Março/2013

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Principais Novidades Dezembro/ 2012 a Março/2013"

Transcrição

1 Principais Novidades Dezembro/ 2012 a Março/2013

2 Sumário 1. Alterações nos menus Relatórios e Gráficos Resgate do orçamento para cálculo de rateio de condomínio Alteração em Permissões para Recebimento / Liquidação de Receitas EFD PIS/COFINS - LUCRO PRESUMIDO Alterações na Geração do Arquivo DIRF Ficha do Lojista: Considerar maior venda Relatório Ficha do Lojista: Considerar maior venda Relatório de Ficha do Lojista: indicação se a venda / loja foi auditada Campo Observações no Cadastro de Pessoas Partilha Santander

3 1. Alterações nos menus Relatórios e Gráficos Na nova versão do sistema os menus de relatórios e gráficos foram reestruturados com o intuito de permitir ao usuário uma melhor visualização de seus submenus. 1- Acesse o menu Relatórios. 2- Observe que uma nova tela será apresentada para emissão dos relatórios. 3- A emissão dos relatórios ocorre da forma habitual, não sofrendo nenhum tipo de alteração. 4- O mesmo ocorre com o menu Gráficos. 3

4 2. Resgate do orçamento para cálculo de rateio de condomínio Disponível na nova versão do sistema uma opção de configuração que permite que seja feito o resgate do valor do orçamento realizado para as despesas de condomínio e a partir desse valor resgatado seja feito o rateio do condomínio entre as lojas. Primeiramente, o sistema financeiro deve ser configurado para realizar esse resgate. 1- Acesse o menu Tabelas / Shoppings (Filiais) / Configurações Avançadas. 2- Vá até a aba Condomínio e marque a opção Resgate orçamento p/ cálc. de rateio de condomínio. Importante: ao configurar a filial com a opção Resgate orçamento p/ calc. de rateio de condomínio a configuração Subtrair LUC s não participantes fica indisponível para uso. 3- Acesse o menu Editar / Condomínio Parâmetros para Rateio. 4

5 4- Observe que foram inseridos novos campos na tela e um botão Buscar Orçamento. Valor do Orçamento (campo já existente): apresenta o valor orçado total de despesas da categoria Condomínio para a competência do mês de faturamento. Esse valor será resgatado do módulo Orçamento. Condomínio Valor Fixo: apresenta o valor das condições especiais de valor fixo das lojas que tiverem a opção Não participa de rateio desp. comum marcada. Valor para Rateio: valor a ser utilizado para rateio = valor do campo Valor do Orçamento menos valor do campo Condomínio Valor Fixo. 5- Para que os valores sejam resgatados é necessário configurar as classes de conta que participam do rateio do condomínio no módulo Orçamento. 6- Sendo assim, no módulo Orçamento acesse o menu Cadastros / Itens para rateio de Condomínio. Na tela apresentada devem ser selecionadas as classes de conta que irão compor o valor total a ser rateado no módulo financeiro. 7- Ao realizar o resgate no módulo financeiro serão considerados os valores orçados para as classes de conta selecionadas na tela acima. 5

6 8- No módulo financeiro clique em Buscar Orçamento. Será verificado se há orçamento mensal para o mês de faturamento e serão somados os valores das classes selecionadas. Caso não tenha orçamento mensal para o mês de faturamento será verificado se há orçamento anual contemplando esse mês e o resgate será feito normalmente. 9- Se não houver nenhum orçamento cadastrado para o mês selecionado o sistema emite uma mensagem informando que não foram encontrados orçamentos para esse mês de faturamento. Nesse caso, o valor a ser rateado deverá ser informado manualmente no campo Valor do Orçamento. 10- Após serem preenchidos os valores dos campos clique em Gravar. Agora, já pode ser gerado o faturamento para o condomínio considerando o orçamento realizado para o mês. 3. Alteração em Permissões para Recebimento / Liquidação de Receitas Disponível na nova versão do sistema uma funcionalidade que permite vincular as permissões de baixa ao cadastro do usuário deixando de ser vinculada à configuração do sistema. 1- Acesse o menu Arquivo / Configuração do Sistema. 2- Observe que na aba Receitas há duas configurações disponíveis: Config. Sistema e Config. Usuário. 6

7 3- Para que o sistema continue trabalhando da forma habitual a opção Config. Sistema deve permanecer marcada (essa opção é default do sistema). 4- Para configurar o sistema para trabalhar com configuração por usuário marque a opção Config. Usuário. 5- Com essa opção marcada as configurações de permissões de recebimento e liquidação de receitas serão habilitadas no cadastro de cada usuário. 7

8 Para que as opções estejam disponíveis é necessário que o usuário tenha a configuração Permitido baixar contas a receber por categoria marcada. Descrição das opções de configuração Limita Data de Recebimento: quando habilitada essa configuração a data para recebimento de contas fica limitada de acordo com o valor informado nos campos Inf e Sup. o Inf: Data Recebimento < data atual limite inferior em dias úteis o Sup: Data Recebimento > data atual + limite inferior em dias úteis Limita Data de Baixa: quando habilitada essa configuração a data para liquidação de contas fica limitada de acordo com o valor informado nos campos Inf e Sup. o Inf: Data Liquidação < data atual limite inferior em dias úteis o Sup: Data Liquidação > data atual + limite inferior em dias úteis Definir Tipo Doc. Pgto: define os tipos de documento de pagamento (somente de receitas) que o usuário terá permissão para realizar recebimento e baixa de contas a receber. 6- Marque as configurações desejadas, lembrando que para os campos Limita Data de Recebimento e Limita Data de Baixa devem ser informados os valores do limite superior e do limite inferior em dias úteis. 8

9 7- Para configurar os tipos de documento marque a opção Definir Tipo Doc. Pgto e clique na pasta amarela ao lado do campo. 8- Selecione os documentos que o usuário tem permissão para selecionar na baixa de conta a receber. Somente os documentos selecionados nessa tela serão exibidos no campo Tipo Doc. Pgto da tela Recebimento / Liquidação de Contas. 9

10 4. EFD PIS/COFINS - LUCRO PRESUMIDO Alterações na Geração do Arquivo Disponível na nova versão do Group Shopping algumas alterações na tela de geração do arquivo a ser enviado à Receita Federal para declaração de SPED PIS/COFINS. 1- Acesse o menu Arquivo / Importação/Exportação / Geração de Declarações. 2- Selecione a categoria Empreendedores. 3- No campo Declaração selecione a opção SPED PIS/COFINS Lucro Presumido. 4- Observe que está disponível um campo para preenchimento do empreendedor para o qual o arquivo deverá ser gerado. 10

11 O campo Empreendedor é de preenchimento obrigatório. 5- Outra alteração realizada é referente ao preenchimento do campo Código do Município. Esse campo passa a ser preenchido no cadastro de empreendedores (menu Tabelas / Empreendedores). O campo Cód. do Município é de preenchimento obrigatório quando se deseja gerar o arquivo. 6- Vale lembrar que deverá ser gerado um arquivo para cada empreendedor de acordo com o percentual definido no cadastro da loja. OBS: Validação do Arquivo O arquivo gerado deverá ser validado utilizando o programa PVA. O arquivo não pode ser enviado, apenas será utilizado o processo de validação. Para isso, faça download do validador em Vá até a seção Validadores e selecione o validador EFD Contribuições. 11

12 5. DIRF 2013 Novidades da versão 39.47/ O Group Shopping contempla as alterações na geração do arquivo da DIRF 2013 para adequação ao novo layout: número de telefone com nove dígitos (para o estado de São Paulo) e mudança no layout acrescentando a natureza Pagamentos relacionados à Copa das Confederações Fifa 2013 e Copa do Mundo Fifa Acesse o menu Arquivo / Importação / Exportação / Geração de Declarações. 2- Selecione o tipo de declaração DIRF. 3- Na informação do campo Fone é possível inserir números com oito ou nove dígitos quando o valor informado para o campo DDD for (11). 12

13 4- Ao gerar a declaração será acrescentada a natureza Pagamentos relacionados à Copa das Confederações FIFA 2013 e Copa do Mundo FIFA 2014 ao arquivo da DIRF. OBS: Validação do Arquivo O arquivo gerado deverá ser validado utilizando o programa Dirf2013. O arquivo não pode ser enviado, apenas será utilizado o processo de validação. Para isso, faça download do validador em 6. Ficha do Lojista: Considerar maior venda Disponível na tela Ficha do Lojista as opções Considerar Vendas Aluguel Percentual e Venda Bruta. A primeira permite que seja visualizada a venda utilizada no cálculo do aluguel percentual e a segunda impacta somente nos contratos que trabalham com retenção de impostos. 1- Acesse o menu Consultas / Ficha do Lojista. 2- As novas opções estão disponíveis na aba Vendas. 13

14 A opção Venda Bruta fica disponível somente quando a opção Considerar Vendas Aluguel Percentual está marcada. 3- Com a opção Considerar Vendas Aluguel Percentual marcada na aba Venda será visualizada a venda utilizada no cálculo do aluguel percentual, seja ela a venda auditada ou informada (GIM). 4- Com a opção Venda Bruta selecionada é possível visualizar as vendas sem a retenção de impostos para os contratos que possuem essa retenção. 7. Relatório Ficha do Lojista: Considerar maior venda Disponível na tela de emissão do relatório Ficha do Lojista as opções Considerar Vendas Aluguel Percentual e Venda Bruta. A primeira permite que seja mostrada no relatório a venda utilizada no cálculo do aluguel percentual e a segunda impacta somente nos contratos que trabalham com retenção de impostos. 1- Acesse o menu Relatórios / Gerencial / Ficha do Lojista (F9). 2- Observe as novas opções disponíveis na tela de emissão do relatório: Considerar Vendas Aluguel Percentual e Venda Bruta. 14

15 3- Com a opção Considerar Vendas Aluguel Percentual habilitada será exibida no relatório a venda utilizada no cálculo do aluguel percentual, seja ela a venda auditada ou informada (GIM). 4- A opção Venda Bruta irá impactar nos contratos que trabalham com retenção de impostos. Assim, serão exibidas informações das vendas sem a retenção dos impostos. 8. Relatório de Ficha do Lojista: indicação se a venda / loja foi auditada Disponível na nova versão uma marcação nos modelos de relatório Ficha do Lojista (F9) que indica se uma venda / loja foi auditada no período informado no filtro do relatório. 1- Acesse o menu Relatórios / Gerencial / Ficha do Lojista (F9). 2- Selecione um modelo de relatório e marque a opção Considerar Vendas Aluguel Percentual. 15

16 3- Ao visualizar ou imprimir o relatório observe que se caso o mês apresentado tiver vendas AUDITADAS é exibido um * ao lado do valor da venda e ao final da tabela foi incluída informação * - Venda Auditada. Além disso, será impressa uma informação ao lado das informações da loja: Loja auditada no período: SIM ou Loja auditada no período: NÃO. 9. Campo Observações no Cadastro de Pessoas Disponível na nova versão do sistema um campo com limite de 500 caracteres para cadastro de observações referentes a pessoas físicas e jurídicas. 1- Acesse o menu Tabelas / Pessoa Física e Jurídica (F7). 2- Observe que há uma nova aba na tela com a descrição Observação. Clique nessa aba. 16

17 3- O campo observação tem o limite de 500 caracteres. O campo Caracteres Restantes informa se a mensagem já atingiu esse limite. 4- Após inserir a observação clique em Gravar para que a alteração seja salva. 10. Partilha Santander A nova versão do Group Shopping contempla a geração de arquivos remessa e retorno considerando cobrança partilhada para o banco Santander (código 356). 17

18 1- Acesse o menu Tabelas / Shoppings (Filiais) / Configurações Avançadas. Novidades da versão 39.47/ Selecione a aba Cobrança e marque a opção Tipo de CNAB: Partilhado. 3- Faça a partilha das contas na tela Locais de Pagamento definindo a conta corrente principal. 4- Ao gerar o arquivo de remessa (menu Cobrança / Integração Bancária - Remessa e Retorno) esse arquivo será gerado com código de banco

Manual de Versão Sistema Condomínio21

Manual de Versão Sistema Condomínio21 Manual de Versão Sistema Condomínio21 Belo Horizonte, 2015. Group Software. Todos os direitos reservados. Sumário 1. Ajustes no processo de Homologação Carteira 112 Banco Itaú...3 2. Melhoria na alteração

Leia mais

COBRANÇA REGISTRADA CONDOMÍNIO SAMI ERP IMOBILIÁRIO

COBRANÇA REGISTRADA CONDOMÍNIO SAMI ERP IMOBILIÁRIO COBRANÇA REGISTRADA CONDOMÍNIO SAMI ERP IMOBILIÁRIO 1. Cadastro de Bancos Acesse o módulo DIVERSOS/ CADASTROS/ DE BANCOS. Este programa cadastra e altera o cadastro dos bancos. O cadastro de banco é utilizado

Leia mais

TUTORIAL MANTER ORDEM DE SERVIÇO

TUTORIAL MANTER ORDEM DE SERVIÇO Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 1 2. Gerar Nova Ordem de Serviço... 3 3. Pesquisar e Alterar Ordem de Serviço... 9 4. Gerar OS a partir de Orçamento Aprovado... 11 Apresentação A

Leia mais

TUTORIAL LISTA DE PRESENTES

TUTORIAL LISTA DE PRESENTES Apresentação A lista de presentes é utilizada para o cadastro de listas de Chá de Cozinha, Chá de Bebê, Lista de Presentes, Chá de Casa Nova, Lista de Casamento e outras conforme o tipo de evento. Este

Leia mais

Boletim Informativo Técnico BIT041 12/2016

Boletim Informativo Técnico BIT041 12/2016 COBRANÇA ESCRITURAL O processo de Cobrança Escritural é usado pelas empresas que optam pela utilização da cobrança escritural magnética, na qual é o banco quem faz as cobranças do contas a receber. O sistema

Leia mais

Versão 10.0A-06. Versão da Apostila de Novidades: 1

Versão 10.0A-06. Versão da Apostila de Novidades: 1 Versão 10.0A-06 Versão da Apostila de Novidades: 1 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda.

Leia mais

Como configurar integração com separador e rateio Conforme percentual definido na Contabilidade?

Como configurar integração com separador e rateio Conforme percentual definido na Contabilidade? Como configurar integração com separador e rateio Conforme percentual definido na Contabilidade? Os dados a seguir foram elaborados para explicar as configurações a serem realizadas na integração entre

Leia mais

Novidades Group Shopping

Novidades Group Shopping Novidades Group Shopping 1. Geração do Arquivo Disponível na nova versão do Group Shopping uma tela que permite preencher as informações requeridas na geração do arquivo a ser enviado à Receita Federal

Leia mais

Como configurar integração sem separador e rateio Conforme cálculo da folha?

Como configurar integração sem separador e rateio Conforme cálculo da folha? Como configurar integração sem separador e rateio Conforme cálculo da folha? Os dados a seguir foram elaborados para explicar as configurações a serem realizadas na integração entre os módulos Folha e

Leia mais

Exemplos de rateio Conforme percentual definido na Contabilidade

Exemplos de rateio Conforme percentual definido na Contabilidade Exemplos de rateio Conforme percentual definido na Contabilidade Os dados a seguir foram elaborados para demonstrar exemplos de configurações a serem realizadas na integração entre os módulos Folha e Contabilidade

Leia mais

Como configurar integração com separador Centro de custo e rateio conforme cálculo da folha?

Como configurar integração com separador Centro de custo e rateio conforme cálculo da folha? Como configurar integração com separador Centro de custo e rateio conforme cálculo da folha? Os dados a seguir foram elaborados para explicar as configurações a serem realizadas na integração entre os

Leia mais

Título: Configuração para realizar integração Folha x Contabilidade

Título: Configuração para realizar integração Folha x Contabilidade Título: Configuração para realizar integração Folha x Contabilidade 1- PARÂMETROS: acesse o menu CONTROLE e clique em PARÂMETROS; 1.1- Na guia CONTABILIDADE, subguia GERAL: 1.1.1- Selecione a opção [x]

Leia mais

SPED ECF - Como configurar uma empresa do Lucro Real e gerar a declaração?

SPED ECF - Como configurar uma empresa do Lucro Real e gerar a declaração? SPED ECF - Como configurar uma empresa do Lucro Real e gerar a declaração? 1 PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Na guia GERAL, opção INFORMATIVOS, clique em GERA

Leia mais

Como Fazer Renegociação de Parcelas (Contas a Receber)? FS136

Como Fazer Renegociação de Parcelas (Contas a Receber)? FS136 Como Fazer Renegociação de Parcelas (Contas a Receber)? FS136 Sistema: Futura Server Caminho: Contas a Receber>Renegociação de Parcelas Referência: FS136 Versão: 2016.02.15 Como Funciona: Esta tela é utilizada

Leia mais

SPED ECF - Como configurar uma empresa do Lucro Presumido (Escrituração Contábil Comercial) e gerar a declaração?

SPED ECF - Como configurar uma empresa do Lucro Presumido (Escrituração Contábil Comercial) e gerar a declaração? SPED ECF - Como configurar uma empresa do Lucro Presumido (Escrituração Contábil Comercial) e gerar a declaração? 1 PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Clique na

Leia mais

1. Importação de Dados cadastrais do Comunidades21

1. Importação de Dados cadastrais do Comunidades21 1. Importação de Dados cadastrais do Comunidades21 Visando uma maior integração entre o Condomínio21 e Comunidades On-Line e um aumento de produtividade nas administradoras, a partir de agora, as atualizações

Leia mais

Configuração para realizar controle de Vale Transporte individual ou em grupo

Configuração para realizar controle de Vale Transporte individual ou em grupo Configuração para realizar controle de Vale Transporte individual ou em grupo Os dados a seguir foram elaborados para a configuração sobre as informações de vale transporte individualmente ou para vários

Leia mais

Como realizar rotina do vale alimentação

Como realizar rotina do vale alimentação Como realizar rotina do vale alimentação Os dados a seguir foram elaborados para a configuração sobre as informações do vale alimentação. Lembramos que o cadastro deverá ser realizado por empresa. 1 CADASTRAR

Leia mais

Título: Como configurar o rateio de centro de custos por filiais?

Título: Como configurar o rateio de centro de custos por filiais? Título: Como configurar o rateio de centro de custos por filiais? 1- PARÂMETROS 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Na guia GERAL, clique em DEFINIÇÕES; 1.3 No quadro GERAL, no campo

Leia mais

Título: Configuração para emissão das Certidões Negativas de Débito - CND.

Título: Configuração para emissão das Certidões Negativas de Débito - CND. Título: Configuração para emissão das Certidões Negativas de Débito - CND. 1 LIBERAÇÃO DE USUÁRIOS DO ESCRITÓRIO: 1.1- Acesse o menu ATENDIMENTO, opção CONTROLE, opção USUÁRIOS e clique em USUÁRIOS DO

Leia mais

A JL tem uma super novidade. para sua empresa!!!!

A JL tem uma super novidade. para sua empresa!!!! A JL tem uma super novidade para sua empresa!!!! Novo sistema de Gestão de Documentos chamado Área do Cliente muito mais fácil e mais completo que substituirá o Safe-doc a partir de 01/10/2015! Prezado

Leia mais

Guia do usuário Módulo Boleto Fácil

Guia do usuário Módulo Boleto Fácil Guia do usuário Módulo Boleto Fácil Quais os pré requisitos? Para poder utilizar o módulo, é necessário que o logista possua uma conta cadastrada e validada pelo Boleto Fácil. Algumas informações da conta

Leia mais

Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++

Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++ Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++ 1. Baixa Manual de Boletos 1.1. Recebimentos Doc s - Caixa Acesse o módulo TERMINAL DE CAIXA/ CAIXA/ ABERTURA DE CAIXA/ CONDOMÍNIO/ LANÇAMENTOS AUTOMÁTICO/ RECEBIMENTOS

Leia mais

Configuração de Vale Transporte no cadastro do empregado e estagiário

Configuração de Vale Transporte no cadastro do empregado e estagiário Configuração de Vale Transporte no cadastro do empregado e estagiário Os dados a seguir foram elaborados para a configuração sobre as informações de vale transporte no cadastro do empregado 1 CADASTRO

Leia mais

Título: Como realizar a importação do Cadastro de Empresas pelo arquivo do SPED ECF?

Título: Como realizar a importação do Cadastro de Empresas pelo arquivo do SPED ECF? Título: Como realizar a importação do Cadastro de Empresas pelo arquivo do SPED ECF? A partir desta ferramenta, é possível realizar a importação dos dados cadastrais de empresas Clientes do Escritório

Leia mais

OBSERVAÇÕES SOBRE CAMPOS NO GESTOR PARA GERAR O SPED

OBSERVAÇÕES SOBRE CAMPOS NO GESTOR PARA GERAR O SPED PROCESSO DESCRITIVO OBSERVAÇÕES SOBRE CAMPOS NO GESTOR PARA GERAR O SPED OBS: Todos os dados inseridos pelos usuários do Gestor são de responsabilidade da Empresa Proprietária do Sistema. Passo 1: a) Criação

Leia mais

Parametrização para Documentos Fiscais

Parametrização para Documentos Fiscais Parametrização para Documentos Fiscais O sistema da Ommega Data é interativo e permite realizar as configurações necessárias conforme a necessidade da sua empresa. É importante que as configurações sejam

Leia mais

2º passo: Cadastrar o Boleto de cobrança. Cadastros Financeiros Bancários Cobrança - Boletos

2º passo: Cadastrar o Boleto de cobrança. Cadastros Financeiros Bancários Cobrança - Boletos A seguir, vamos mostrar como configurar, cadastrar, gerar boletos e gerar/ receber remessas de boletos bancários. Os boletos bancários poderão ser gerados para qualquer lançamento de contas a receber.

Leia mais

Título: Como realizar a importação do Cadastro de Empresas pelo arquivo do SPED Fiscal?

Título: Como realizar a importação do Cadastro de Empresas pelo arquivo do SPED Fiscal? Título: Como realizar a importação do Cadastro de Empresas pelo arquivo do SPED Fiscal? A partir desta ferramenta, é possível realizar a importação dos dados cadastrais de empresas Clientes do Escritório

Leia mais

Usando a geração de boletos

Usando a geração de boletos Usando a geração de boletos O sistema permite que sejam gerados boletos de cobrança, os boletos podem ser impressos ou enviados por e-mail. O sistema permite a geração de carteiras do tipo Não registrada,

Leia mais

Versão 8.3A-01. Versão Final da Apostila de Novidades

Versão 8.3A-01. Versão Final da Apostila de Novidades Versão 8.3A-01 Versão Final da Apostila de Novidades Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas

Leia mais

ITQ InPrint Cobrança. Manual do Usuário Atualizado em: 27/02/2012.

ITQ InPrint Cobrança. Manual do Usuário Atualizado em: 27/02/2012. ITQ InPrint Cobrança Manual do Usuário Atualizado em: 27/02/2012 http://www.itquality.com.br Sumário Introdução...2 Características do Sistema...3 Antes de Instalar...3 Instalando o Sistema...3 Acessando

Leia mais

Caminho: Cadastros>Vendas>Tabela de Preço Atualizar

Caminho: Cadastros>Vendas>Tabela de Preço Atualizar Como Atualizar Preço? - FS37 Tabela de Sistema: Futura Server Caminho: Cadastros>Vendas>Tabela de Preço Atualizar Referência: FS37 Versão: 2015.5.4 Como Funciona: Esta tela é utilizada para alterar o valor

Leia mais

Manual Módulo Processos:

Manual Módulo Processos: Manual Módulo Processos: O que é? O módulo Processos é um sistema criado pela Domínio Sistemas, que tem por função o controle de todas as operações existentes dentro de um escritório de contabilidade,

Leia mais

Título: Como configurar uma empresa com Sociedade em Conta de Participação?

Título: Como configurar uma empresa com Sociedade em Conta de Participação? Título: Como configurar uma empresa com Sociedade em Conta de Participação? 1 PARÂMETROS EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Clique no botão [Nova Vigência]; 1.3 Na guia GERAL,

Leia mais

Como realizar configuração para integração na Folha?

Como realizar configuração para integração na Folha? Como realizar configuração para integração na Folha? Os dados a seguir foram elaborados para explicar as configurações a serem realizadas para integração entre os módulos Folha e Contabilidade. 1 CONFIGURAR

Leia mais

Título: Como configurar uma empresa de lucro presumido com regime de caixa?

Título: Como configurar uma empresa de lucro presumido com regime de caixa? Título: Como configurar uma empresa de lucro presumido com regime de caixa? 1 PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE e clique em PARÂMETROS; 1.2 Na guia GERAL, clique em IMPOSTOS; 1.3 - Verifique

Leia mais

Avaliação de Desempenho. (Modelo de Avaliação e Criação de Evento) Fortes RH

Avaliação de Desempenho. (Modelo de Avaliação e Criação de Evento) Fortes RH Avaliação de Desempenho (Modelo de Avaliação e Criação de Evento) Fortes RH Avaliação de Desempenho A Avaliação de Desempenho é uma ferramenta que facilita e organiza a apreciação do valor, analisando

Leia mais

Plataforma Sage Resumo da Escrituração

Plataforma Sage Resumo da Escrituração Plataforma Sage Resumo da Escrituração Objetivo Disponibilizado na Plataforma Sage um painel de controle e acompanhamento sobre o status das importações das notas fiscais de saída e entrada, de forma a

Leia mais

TÍTULO: CONFIGURAÇÃO PARA EMISSÃO DE BOLETOS BANCÁRIOS.

TÍTULO: CONFIGURAÇÃO PARA EMISSÃO DE BOLETOS BANCÁRIOS. TÍTULO: CONFIGURAÇÃO PARA EMISSÃO DE BOLETOS BANCÁRIOS. 1- CADASTRO DOS BANCOS: 1.1 - Acesse o menu ARQUIVOS e clique em BANCOS; 1.2 - No campo CÓDIGO, será preenchido automaticamente pelo próprio sistema,

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Centro de Custos Sumário 1 CONCEITO... 3 2 REQUISITOS... 3 3 CONFIGURAÇÕES... 3 3.1 Permissões de Usuário... 3 3.2... 4 3.3 Empresas... 5 3.4 Motivos de Movimentação... 6

Leia mais

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Versão do Manual: 2.4 Versão do Aplicativo: 2.17.2 Conteúdo 1. Instalação do AFV...03 2. Configurações...04 3. Recebendo as tabelas...05

Leia mais

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Versão 2.18 1 Sumário 1 Instalação do AFV...3 2 Configurações do AFV...4 3 Recebendo as tabelas...6 4 Consultando clientes...6 5 Consultando

Leia mais

Apresentação Procedimentos iniciais Baixar Títulos... 3

Apresentação Procedimentos iniciais Baixar Títulos... 3 Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 1 2. Baixar Títulos... 3 Apresentação Esta rotina tem como objetivo processar os arquivos magnéticos de retorno do banco, referente à remessa enviada

Leia mais

Manual. Sistema Venus 2.0. (Módulo Financeiro)

Manual. Sistema Venus 2.0. (Módulo Financeiro) Manual Do Sistema Venus 2.0 (Módulo Financeiro) 1 Tela Principal: Esta é a tela principal do módulo financeiro, aqui trabalhamos com: Contas a Receber, Contas a Pagar, Controle de cheques recebidos, vendas

Leia mais

Configurações de Metas. Como cadastrar a Meta:

Configurações de Metas. Como cadastrar a Meta: Comissões Avançadas O módulo Comissões Avançadas permite o cálculo de comissões diferenciadas com várias possibilidades de filtros e configurações sobre os valores das vendas ou dos recebimentos de contas

Leia mais

TUTORIAL SIMPLES REMESSA BAIXANDO ESTOQUE

TUTORIAL SIMPLES REMESSA BAIXANDO ESTOQUE Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 1 2. Emitir Nota Fiscal Simples Remessa com Baixa no Estoque:... 2 2.1 Gerando Contas a Receber... 2 2.3 Sem Gerar Contas a Receber... 5 Apresentação

Leia mais

TUTORIAL GERAÇÃO DE ARQUIVO MAGNÉTICO CONTAS A PAGAR

TUTORIAL GERAÇÃO DE ARQUIVO MAGNÉTICO CONTAS A PAGAR Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 2 2. Cadastrar/Editar Dados de Integração Bancária (Rotina 1520)... 3 2.1 Criar Novo Registro de Banco... 3 2.2 Inserir, alterar e excluir Formas

Leia mais

Carnê de Pagamento. Copyright ControleNaNet

Carnê de Pagamento. Copyright ControleNaNet Este manual é parte integrante do Software On-line Carnê de Pagamento Concebido pela equipe técnica de ControleNaNet. http://www.controlenanet.com.br Todos os direitos reservados. Copyright 2015-2017 ControleNaNet

Leia mais

MÓDULO DE CONTROLE DE COMISSÃO

MÓDULO DE CONTROLE DE COMISSÃO MANUAL DO SISTEMA Versão 6.08 Configurações Gerais...2 Configurações para Serviços...2 Configurações para Peças...5 Configurando o Módulo...7 Perfil de Comissões...7 Perfil de Comissão de Veículos...7

Leia mais

Como configurar uma empresa para o cálculo do INSS Receita Bruta enquadrada no Simples Nacional?

Como configurar uma empresa para o cálculo do INSS Receita Bruta enquadrada no Simples Nacional? Como configurar uma empresa para o cálculo do INSS Receita Bruta enquadrada no Simples Nacional? Através desta configuração, você poderá configurar as empresas do Simples Nacional Anexo IV, com atividade

Leia mais

Como configurar integração com separador Centro de custo sem rateio de lançamentos?

Como configurar integração com separador Centro de custo sem rateio de lançamentos? Como configurar integração com separador Centro de custo sem rateio de lançamentos? Os dados a seguir foram elaborados para explicar as configurações a serem realizadas para integração com separador Centro

Leia mais

Table of Contents. WinThor 7. Index Cadastrar... Tributação de PIS/COFINS

Table of Contents. WinThor 7. Index Cadastrar... Tributação de PIS/COFINS Table of Contents WinThor 7 1 40 - Tributação... 7 4001 - Cadastrar... Tributação de PIS/COFINS 7 Visão Geral... 8 Validações Importantes... 12 Ações mais... Comuns 12 Incluir Tributação... PIS/COFINS

Leia mais

- Orientações para preenchimento da DIRF na Instrução Normativa nº 1.587, de 15 de setembro de 2015 através do link abaixo:

- Orientações para preenchimento da DIRF na Instrução Normativa nº 1.587, de 15 de setembro de 2015 através do link abaixo: Caro Responsável pelo Departamento de Pessoal, Seguindo os moldes de atualizações passadas, segue abaixo, o link para instalação da DIRF 2016 e também rotinas para a geração e importação do arquivo. Antes

Leia mais

Emissão Doc Extra de Condomínio Sami ERP ++

Emissão Doc Extra de Condomínio Sami ERP ++ Emissão Doc Extra de Condomínio Sami ERP ++ 1. Baixa de Parcelas Acesse o Módulo CONDOMÍNIO CÁLCULOS DA EMISSÃO BAIXA DE PARCELAS. Este programa efetua a baixa das parcelas dos eventos lançados nas unidades,

Leia mais

Importação de Extrato Eletrônico EEFI Operadora de Cartão de Crédito REDECARD

Importação de Extrato Eletrônico EEFI Operadora de Cartão de Crédito REDECARD Importação de Extrato Eletrônico EEFI Operadora de Cartão de Crédito REDECARD Introdução Quando o pagamento é efetuado via cartão de crédito ou débito, é gerado um título financeiro em nome da operadora

Leia mais

Por Percentual Fixo = preço de venda X (percentual de comissão para empresa)

Por Percentual Fixo = preço de venda X (percentual de comissão para empresa) 1 VENDAS DIRETAS É comum varejistas no seguimento de materiais de construção realizarem vendas com participação do fornecedor. Essas vendas são realizadas pela loja, no entanto a responsabilidade de entrega

Leia mais

N O V I D AD E S E M E L HO RI AS E 9 4 A8

N O V I D AD E S E M E L HO RI AS E 9 4 A8 VERSÃO 008.014 NOVID AD ES E MELHORIAS E94A8 Jéssica Pinheiro 21/02/2015 2/26 NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION Versão 008.014 1. Parâmetro para configuração da forma de controle dos serviços.... 3 2. Parâmetro

Leia mais

Busca XML - Cliente. *Observação* Se o certificado do cliente não for armazenado nessa tela a pesquisa da NFE para a empresa não será realizada.

Busca XML - Cliente. *Observação* Se o certificado do cliente não for armazenado nessa tela a pesquisa da NFE para a empresa não será realizada. BUSCA XML - CLIENTE Busca XML - Cliente Download Automático de NFE Para que o Download da Nfe seja automático é necessário efetuar as configurações abaixo: Acesse o Menu Preferências, clique sobre a Aba

Leia mais

Copyright Padrão ix Sistemas Abertos S/A. Todos os direitos reservados.

Copyright Padrão ix Sistemas Abertos S/A. Todos os direitos reservados. MANUAL DO USUÁRIO Copyright 2000-2017 Padrão ix Sistemas Abertos S/A. Todos os direitos reservados. As informações contidas neste manual estão sujeitas a alteração sem aviso prévio. Os nomes e dados fornecidos

Leia mais

Utilização do Sistema FaciliTiss. Guia de Resumo de Internação

Utilização do Sistema FaciliTiss. Guia de Resumo de Internação Utilização do Sistema FaciliTiss Guia de Resumo de Internação Versão 1 - ABR/2015 1 SUMÁRIO 1. Site...3 2. Login...4 3. Complemento Cadastro...4 4.Cadastro Operadora, Solicitante e Executante...5 5. Profissional

Leia mais

Título: Como considerar os juros, multas e outras como receita financeira para o cálculo dos impostos PIS e COFINS?

Título: Como considerar os juros, multas e outras como receita financeira para o cálculo dos impostos PIS e COFINS? Título: Como considerar os juros, multas e outras como receita financeira para o cálculo dos impostos PIS e COFINS? 1 PARÂMETROS EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Clique no

Leia mais

Manual Escrituração Contábil Digital (ECD)

Manual Escrituração Contábil Digital (ECD) Manual Escrituração Contábil Digital (ECD) JUNHO/2013 Sumário 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema ECD... 3 3. Gerar Arquivo... 5 3.1. Anexar Arquivo RTF... 7 3.2. Gerando Arquivo... 8 4. Signatários...

Leia mais

TUTORIAL PROCESSO RESTAURANTE

TUTORIAL PROCESSO RESTAURANTE Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 2 2. Cadastrar Mesas... 3 3. Configurar Registro de Vendas em Mesas... 4 4. Registrar vendas em mesas... 6 5. Emitir relatório gerencial... 15 6.

Leia mais

Configuração e Utilização de Boletos FAQ23

Configuração e Utilização de Boletos FAQ23 Configuração e Utilização de Boletos FAQ23 Através do sistema Futura Server é possível configurar e controlar a emissão de boletos bancários, Para isso é necessário realizar as seguintes configurações:

Leia mais

Como configurar a Contabilidade por Centro de Custo?

Como configurar a Contabilidade por Centro de Custo? Como configurar a Contabilidade por Centro de Custo? 1- PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 - Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 - Na guia GERAL, clique em DEFINIÇÕES; 1.2.1 - No quadro GERAL, selecione

Leia mais

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão

NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION. Versão VERSÃO 008.017 NOVID AD ES E MELHORIAS E107A9 Jéssica Pinheiro 20/01/2016 2/24 NOVIDADES/MELHORIAS ERP SOLUTION Versão 008.017 1. Envio de cópia de e-mail.... 3 2. Bloqueio de emissão de cupom fiscal com

Leia mais

Título: Como configurar uma empresa de atividade imobiliária com Sociedade em Conta de Participação - SCP?

Título: Como configurar uma empresa de atividade imobiliária com Sociedade em Conta de Participação - SCP? Título: Como configurar uma empresa de atividade imobiliária com Sociedade em Conta de Participação - SCP? 1 PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE e clique em PARÂMETROS; 1.2 Clique no botão

Leia mais

Movimento do Caixa

Movimento do Caixa Movimento do Caixa http://www.controlenanet.com.br Este manual é parte integrante do Software On-line Movimento do Caixa Concebido pela equipe técnica de ControleNaNet. http://www.controlenanet.com.br

Leia mais

Como Cadastrar Clientes? FS01

Como Cadastrar Clientes? FS01 Como Cadastrar Clientes? FS01 Sistema: Futura Server Caminho: Cadastros>Cadastros>Clientes>F2 novo Referência: FS01 Versão: 2017.07.31 Como funciona: O menu cadastro de cliente irá auxiliar no controle

Leia mais

Contas a Receber. Índice. 1. Adicionando uma Receita Manual

Contas a Receber. Índice. 1. Adicionando uma Receita Manual Contas a Receber Gerencie suas contas a receber com o VHSYS, sistema integrado e boletos, com registro, sem registro e duplicadas em apenas alguns cliques. Índice 1. Adicionando uma Receita Manual 2. Gerenciando

Leia mais

Para gerar o arquivo do SPED FISCAL ICMS/IPI entrar no ULTRAADM e executar a função SPED:

Para gerar o arquivo do SPED FISCAL ICMS/IPI entrar no ULTRAADM e executar a função SPED: Para gerar o arquivo do SPED FISCAL ICMS/IPI entrar no ULTRAADM e executar a função SPED: Na tela principal, clicar em Controle Operacional, a seguir em Exportar movimento e depois em SPED. 1 Código e

Leia mais

Manual de Versão Sistema Condomínio21

Manual de Versão Sistema Condomínio21 Manual de Versão Sistema Condomínio21 Belo Horizonte, 2014. Group Software. Todos os direitos reservados. 1. Novo filtro na tela de emissão de balancete Não exibir resumo financeiro Nesta versão do sistema

Leia mais

Manual de Utilização do Sistema FaciliTiss Guia de Consulta

Manual de Utilização do Sistema FaciliTiss Guia de Consulta Manual de Utilização do Sistema FaciliTiss Guia de Consulta Versão 1 - ABR/2015 1 SUMÁRIO 1. Site...3 2. Login...4 3. Complemento de Cadastro...4 4. Cadastro Operadora, Solicitante e Executante...5 5.

Leia mais

Manual Busca XML Contador

Manual Busca XML Contador BUSCA XML CONTADOR Manual Busca XML Contador O Busca XML Contador é uma ferramenta utilizada para gerenciar arquivos* recebidos por e- mail** através do Busca XML Cliente, onde possibilita a exportação

Leia mais

TUTORIAL INTEGRAÇÃO RM LABORE

TUTORIAL INTEGRAÇÃO RM LABORE Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 2 2. Parametrizar Integração... 2 3. Importar Arquivo RM... 5 4. Imprimir relatório de importação... 6 5. Exportar arquivo RM... 8 6. Imprimir relatório

Leia mais

FORTES FISCAL ECONTÁBIL ECF LUCRO PRESUMIDO

FORTES FISCAL ECONTÁBIL ECF LUCRO PRESUMIDO FORTES FISCAL ECONTÁBIL ECF LUCRO PRESUMIDO Esse manual tem o objetivo de demonstrar como será realizada a geração da ECF de uma empresa optante pelo Lucro presumido no Fortes Fiscal. O que é a ECF? A

Leia mais

GUIA SOBRE A GERAÇÃO DO ARQUIVO DIRF NO SISTEMA INTEGRADO DE PESSOAL - SIP

GUIA SOBRE A GERAÇÃO DO ARQUIVO DIRF NO SISTEMA INTEGRADO DE PESSOAL - SIP Atualização: Original........................ Página: 1 GUIA SOBRE A GERAÇÃO DO ARQUIVO DIRF NO SISTEMA INTEGRADO DE PESSOAL - SIP 1- Geração da DIRF por meio do SIP Depto. Técnico (*) (Jan 2016) Anualmente,

Leia mais

Módulo Cronotacógrafo

Módulo Cronotacógrafo Módulo Cronotacógrafo Introdução O módulo Cronotacógrafo tem como objetivo efetuar o controle dos selos, marcas e modelos, equipamentos de aferição e dos serviços de realização de revisão, manutenção,

Leia mais

Como Funciona: Esta tela é utilizada para fazer o Cancelamento das Notas Fiscais que foram emitidas ou importadas para o sistema Futura Server.

Como Funciona: Esta tela é utilizada para fazer o Cancelamento das Notas Fiscais que foram emitidas ou importadas para o sistema Futura Server. Como Cancelar Fiscal? - FS93 uma Nota Sistema: Futura Server Caminho:Fiscal>NfeEventos>Cancelamento Referência: FS93 Versão: 2015.8.7 Como Funciona: Esta tela é utilizada para fazer o Cancelamento das

Leia mais

Título: Como realizar a contabilização em SCP - Sociedades em Conta de Participação?

Título: Como realizar a contabilização em SCP - Sociedades em Conta de Participação? Título: Como realizar a contabilização em SCP - Sociedades em Conta de Participação? 1 PARÂMETROS EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Na guia GERAL, opção DEFINIÇÕES, no quadro

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Manual do Professor

SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Manual do Professor SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Manual do Professor SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Versão 1.0 1. Cadastro no sistema - Acesse o sistema pelo endereço: http://www.professor.ms.gov.br. - Clique no link na parte

Leia mais

Módulo: Easy Import Control Documentação: Nota Mãe e Filha Versão: Protheus 11

Módulo: Easy Import Control Documentação: Nota Mãe e Filha Versão: Protheus 11 Módulo: Easy Import Control Documentação: Nota Mãe e Filha Versão: Protheus 11 Pag. 2 Sumário INTRODUÇÃO... 3 Capítulo 1 Parte Operacional... 4 DESEMBARAÇO... 5 MANUTENÇÃO DE DESEMBARAÇO... 5 RECEBIMENTO

Leia mais

Emissão de Nota Fiscal Eletrônica ( Integração RM Nucleus ) Passos para geração do movimento. ( RM Nucleus ) Criação do Tipo de movimento

Emissão de Nota Fiscal Eletrônica ( Integração RM Nucleus ) Passos para geração do movimento. ( RM Nucleus ) Criação do Tipo de movimento Emissão de Nota Fiscal Eletrônica ( Integração RM Nucleus ) Passos para geração do movimento ( RM Nucleus ) Criação do Tipo de movimento Só serão listados tipos de movimentos que obedecem às seguintes

Leia mais

Neste bip. Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego. Você Sabia? Edição 68 Abril de 2016

Neste bip. Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego. Você Sabia? Edição 68 Abril de 2016 Neste bip Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego... 1 Geração dos recibos de vale transporte... 2 Horário de Trabalho... 3 Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego O validador do arquivo

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS Manual do Usuário

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS Manual do Usuário Manual do Usuário . GUIAS... 4 2. LOTES... 6 3. PROTOCOLOS... 20 4. RELATÓRIOS DE FATURAMENTO... 2 2 BOTÕES DO SISTEMA : Executar ação : Trocar senha : Gravar (Incluir ou alterar dados) : Imprimir : Excluir

Leia mais

Como importar o valor da folha e do imposto INSS/CPP dos últimos 12 meses para o cálculo do Simples Nacional?

Como importar o valor da folha e do imposto INSS/CPP dos últimos 12 meses para o cálculo do Simples Nacional? Como importar o valor da folha e do imposto INSS/CPP dos últimos 12 meses para o cálculo do Simples Nacional? Através desta solução, será demonstrado quais lançamentos realizar para que sejam importados

Leia mais

Para gerar o arquivo do SPED CONTRIBUIÇÕES entrar no ULTRAADM e executar a função SPED:

Para gerar o arquivo do SPED CONTRIBUIÇÕES entrar no ULTRAADM e executar a função SPED: ULT-817-GERAÇÃO ARQUIVO SPED EFD CONTRIBUIÇÕES Para gerar o arquivo do SPED CONTRIBUIÇÕES entrar no ULTRAADM e executar a função SPED: Na tela principal, clicar em Controle Operacional, a seguir em Exportar

Leia mais

SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - COMÉRCIO

SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - COMÉRCIO 1 SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - COMÉRCIO Este tutorial aborda, de forma simples e rápida, a geração do EFD-Contribuições para empresas do Lucro Presumido, com foco em REVENDA. 1. Acesse a opção

Leia mais

Gerenciamento de Dívidas

Gerenciamento de Dívidas Gerenciamento de Dívidas Baixa de Dívidas A rotina de Gerenciamento de Dívidas permite que sejam realizadas baixas dos títulos de dívidas gerados pelo PDV e a gestão de inadimplência para os títulos em

Leia mais

Manual DIMOF (Declaração de Informação sobre Movimentação Financeira)

Manual DIMOF (Declaração de Informação sobre Movimentação Financeira) Manual DIMOF (Declaração de Informação sobre Movimentação Financeira) JUNHO/2013 Sumário Sumário... 2 1. Introdução... 3 2. Funcionalidade... 4 3. Navegação no Sistema... 4 3.1. Autenticação de Usuário...

Leia mais

MANUAL DE USUÁRIO. Versão 1.0 Servidor

MANUAL DE USUÁRIO. Versão 1.0 Servidor MANUAL DE USUÁRIO Versão 1.0 Servidor SUMÁRIO 1. Acesso ao Sistema... 4 1.1. Acesso (LOGIN)... 5 1.2. Cadastro... 6 2. Sistema 2.1. Visão Inicial... 10 2.2. Itens do Menu de Navegação... 11 2.3. Informações

Leia mais

Cordilheira Escrita Fiscal 2.102a SPED PIS/COFINS

Cordilheira Escrita Fiscal 2.102a SPED PIS/COFINS LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA VERSÃO 2 (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando

Leia mais

Objetivo. Coletor de Dados Cadastro de Layout no Sismoura. Importar arquivo de coletor para o Sismoura.

Objetivo. Coletor de Dados Cadastro de Layout no Sismoura. Importar arquivo de coletor para o Sismoura. Coletor de Dados Objetivo Coletor de Dados Cadastro de Layout no Sismoura. Importar arquivo de coletor para o Sismoura. Pré - Requisito O software do Coletor de Dados deve estar instalado no computador

Leia mais

Índice. Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento. Apresentação Home. Parte II. Nota Premiada. Cadastro. Entrar. Sorteio. Dúvidas.

Índice. Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento. Apresentação Home. Parte II. Nota Premiada. Cadastro. Entrar. Sorteio. Dúvidas. Nota Premiada Índice Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento Parte II 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 Apresentação Home Cadastro Entrar Sorteio Realizados A realizar Dúvidas Fale Conosco Legislação

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização É uma conta corrente empresarial totalmente gratuita e digital, com todas as ferramentas necessárias para a boa gestão do dia a dia bancário da sua empresa. Nosso Internet Banking,

Leia mais

SPED Sistema Público de Escrituração de Documentos

SPED Sistema Público de Escrituração de Documentos SPED SPED Sistema Público de Escrituração de Documentos A Escrituração Fiscal Digital EFD é um arquivo digital, que se constitui de um conjunto de escriturações de documentos fiscais e de outras informações

Leia mais

ROTEIRO PARA O EFD CONTRIBUIÇÕES

ROTEIRO PARA O EFD CONTRIBUIÇÕES ROTEIRO PARA O EFD CONTRIBUIÇÕES O mais importante na preparação do Scritta, para a geração do EFD Contribuições, inicialmente, é a a Configuração dos Impostos Federais. No entanto, todos os dados colocados

Leia mais

OS - Cadastrar Ordem de Serviço

OS - Cadastrar Ordem de Serviço OS - Cadastrar Ordem de Serviço Objetivo Cadastrar ordem de serviço para clientes sem que seja necessário efetuar uma venda (semelhante ao orçamento, a diferença é que a ordem de serviço nos permite informar

Leia mais