Centro de. Esperamos que. de Centro 11:30. Departamento de d

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Centro de. Esperamos que. de Centro 11:30. Departamento de d"

Transcrição

1 DIA DO FONOAUDIÓLOGOO Bem Vindos à Primeira Gincana Científica & Cultural. Esperamos que todos tenham momentos agradáveis durantee a gincana!! Seção I Parte Geral Art. 1 A Gincana Científica & Cultural tem por finalidade: Entrosar estudantes e profissionais de Fonoaudiologia do estado do Espírito Santo e ampliar a divulgação da Fonoaudiologia para a população, como profissão e ciência c Art. 2 É de competência desta Comissão Organizadora (C.O.) interpretar este regulamento, zelar pela sua execução e resolver os casos omissos. Art. 3 Este regulamento é o conjuntoo das disposições que regem r a Gincana Científica & Cultural, sendo soberano à Comissão Organizadora. Seção II Das Disposições Gerais Art. 4 A Gincana Científica & Cultural será executadaa em duas fases. A primeira será realizada durante o período 11 a 27 de novembro de A segunda fase será realizada r no dia 29 de novembro de (sexta feira) no Auditório de Centro de Ciênciass da Saúde CCS, no qual será cumprido os horários abaixo: 9:00 Composição da mesa julgadora dass tarefas cumpridas da Gincana. 9:30 Execução de tarefas das equipes concorrentes na Gincana. Jogo: Artista Maluco. Jogo: Perguntas e Respostas. Jogo: Se vira nos 30! Jogo: Haja fôlego! 10:300 Aula Magna: Marketing Pessoal e Profissional: Estratégias para p o sucesso na vida. 11:30 Divulgação e Premiação da equipee vencedora da Gincana. Art.5 A Gincana envolverá os Alunos doo curso de Fonaoudiologia da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e Universidade Vila Velha (UVV) integrados e subsequente dos turnos t matutino e vespertino.

2 Art.6 Todas as pessoas envolvidas de qualquer forma neste evento estarão sujeitas às condições deste regulamento. Não serão aceitas alegações de desconhecimento deste documento. Art.7 O Evento será composto em sua totalidade por: Comissão Organizadora, Comissão Julgadora e as Equipes competidoras. Art. 8 As Equipes serão compostas c pelos alunos dos Cursos de Fonoaudiologia da UFES e UVV. As equipes poderão ser compostas de alunos de diferentes períodoss e de diferentes Universidades. Art. 9 Formação de CINCO equipes (Amarelo, Azul, Verde, Vermelho e Laranja). Cada Equipe terá até 15 componentes, sendo 1 líder, que será estabelecida pela própria equipe e informado à Comissão organizadora da gincana no período do dia 11 de novembro a 155 de novembro de É de responsabilidade dos líderes: A formação de uma comissão composta pelos integrantes de sua respectiva equipe. Avaliar os membros de sua equipe quanto a participação nas atividades. Art. 10 As Equipes participantes desta Gincana são consideradas s conhecedoras plenas das leis que regem este regulamento,, sendo que assim submeter se ão, ao mesmo sem reserva alguma e acatando todas as consequências que dele possam emanar. Art. 11 A Comissão Organizadora é composta pelos professores do da UFES: Alessandra Brunoro, Aline Pessoa, Carolina Fiorin, Eliane Dadalto, Guiomar Albuquerque, Janaína de Alencar, Liliane Miilher, Lucyenne Machado, M Mabel Guimarães, Michelle Guimarães e Trixy Niemeyer. Art. 12 Compete à C.O.: Designar os locais para as atividades e competições Supervisionar a aplicação do Regulamento. Preparar as tarefas antecipadas e de surpresa (relâmpago) da gincana. Preparar as atividades da gincana. Seção II II Dos Participantes Seção IV Da Comissão Organizadora (C.O) Auxiliar na preparação das tarefas (surpresa, relâmpago, suplementares e especiais).

3 Sanar possíveis dúvidas das equipes em relação as atividades através da mediação dos líderes de cada equipe. Estabelecer horários relacionados à execução de cada atividade. Sortear a ordem da apresentação das equipes, nas atividades quee forem necessárias. Estabelecer os critérios de avaliação específicos de cada atividade. Art. 13 As decisões da C.O. produzirão efeito imediato. Art. 14 As decisões da C..O. se darãoo por maioria simples, não n cabendoo nenhum tipo de recurso. Seção V Daa Comissão Julgadora (C.J.) Art. 15 A Comissão Julgadora é composta por: um (1) professor da Disciplina básica Carlos Rueff, dois (2) professores da UFES (Janaína de Alencar Nunes e Michelle M Guimarães) e dois (2) professores da UVV (Bianca Lanzetta e Nara Rabello). Art. 16 Compete à C.J.: Pré estabelecer o valor de cada atividadee que será desenvolvida na Gincana. Determinar a regulamento. pontuação a ser retirada da equipe que cometer qualquer infração no Avaliar toda atividade desenvolvida pelas equipes, atribuindoo nota de acordo com julgamento dentro do valor pré estabelecido para cada atividade. o seu Seçãoo VI Das Atividades Art. 17 Cada tarefa terá regras e pontuação específicas que serão estabelecidas e divulgadas antes da execução da mesma. Art. 18 As tarefas serão elaboradas pela Comissão de Desenvolvimento e/ Comissão Organizadora e conterão com clareza os quesitos para avaliação, bem comoo a pontuação e o tempo para cumprir determinada tarefa. Art. 20 As tarefas serão distribuídas ao mesmo tempo, para todos os Líderess das equipes. Dia 11/11 a dia 15/11 Formação de CINCO equipes ( Amarelo, Azul, Verde, Vermelho e Laranja) compostos pelos alunos do Curso de Fonoadiologia da UFES e UVV. U Cada equipe terá até 15 componentes. Dia 16/11 a dia 27/11 Execução das tarefas antecipadas que deverão ser entregues até o dia 27 de novembro de 2013 paraa a Comissãoo Julgadora ou para a secretária Josefa (Prédio Básico II na UFES). Todas as tarefas deverão ser apresentadas no dia da Gincana.

4 Tarefa 1: Nome da Equipe (10 pontos) Tarefa 2: Grito de Guerra (10 pontos) Tarefa 3: Apresentação de um produto de uso para Fonoaudiologia produzidoo com material reciclável. 20 pontos por cumprimento da tarefaa 1 a 30 pontos (julgamento) Tarefa 4: Preparação de um mural que apresente as áreas da Fonoaudiologia. 20 pontos por cumprimento da tarefaa 1 a 30 pontos (julgamento) Tarefa 5: Realizar uma filmagemm de alguma atividadee (ação, campanha, palestra, multirão, etc) sobre a fonoaudiologia e divulgar nas redes sociais. 30 pontos por cumprimento da tarefa 1 a 40 Tarefa 6: Realizar uma filmagem de 30 segundos com um profissionall na área da saúde que atua com o fonoaudiólogo (entrevista, depoimento, palavras de incentivo, etc) 20 pontos por cumprimento da tarefa 1 a 30 Tarefa 7: Realizar orientações sobre as áreas da Fonoaudiologia e solicitar assinatura da pessoa. 50 pontos por cumprimento da tarefa 1 a 50 Seção VII Da Competição e Forma de Disputa Art. 21 Quando as tarefas exigirem alguma forma de sorteio, será convidadoo um líder de cada uma das equipes para participar. Art. 22 Não serão permitidas participações de pessoas extras à composição c original da Equipe em nenhuma das atividades,, salvo se a prova exigir a presençaa de participantes externos a instituição. Seção VIII Dos Resultados e Pontuação Art. 23 Cada tarefa terá um critério de pontuação especifico. Art. 24 Cada atividade terá critérios de avaliação estabelecidos pela Comissão de desenvolvimento e/ou Comissão de Organização. Art. 25 O Resultado final será s anunciado pela C.J no mesmo dia d da Gincana: 29/11/2013 e divulgado no site da instituição. Art. 26 Somados os pontoss obtidos em cada tarefa, será declarada vencedora a equipe que obtiver o maior número de pontos.

5 Art. 27 Havendo empate, na contagem final da pontuação, serão realizadas tarefas de desempate. Seção IX Das Penalidades Art.28 Quando algum membro da equipe, ou a equipe, tiver uma u atitude que, sob a análise da Comissão Organizadora, é ou foi contrária ao bom andamentoo da gincana,, esta se reserva o direito de aplicar penas, que poderão variar desde a perda de pontos p até o desligamento da equipe. As equipes poderão perder pontos no caso de: Ultrapassar o limite para iniciar a tarefa, quando for o caso. Atrapalhar as equipes concorrentes por meio de qualquer artifício (inclusive barulho) Ultrapassar o tempo de conclusão previsto para o cumprimento da d tarefa. Seçãoo X Da Premiação Art. 29 A equipe que apresentar maior pontuação na Gincana Científica vencedora. A Premiação será realizada noo dia 29 de novembro de & Cultural será s a Equipe Organizadora: Professores do da UFES Comissão de alunos da UFES

Do Cerimonial de Abertura OLIMGLOCK Da Identificação

Do Cerimonial de Abertura OLIMGLOCK Da Identificação SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E INOVAÇÃO ESCOLA DE EDUCAÇÂO BÁSICA MONSENHOR GREGÓRIO LOCKS Justificativa Olimpíadas Gregório Locks Regulamento Geral Artigo 1º - No seu Projeto Político Pedagógico,

Leia mais

Art. 1 O presente documento regulamenta em linhas gerais os VI Jogos Internos Colégio Sólido.

Art. 1 O presente documento regulamenta em linhas gerais os VI Jogos Internos Colégio Sólido. 2015 I- DA APRESENTAÇÃO Art. 1 O presente documento regulamenta em linhas gerais os VI Jogos Internos Colégio Sólido. II- DA IDENTIFICAÇÃO Art. 2 Aos professores de Educação Física do Colégio compete a

Leia mais

Sant Anna International School

Sant Anna International School Sant Anna International School Av. Independência, 5656 Vila Storani Vinhedo, SP 13280-000 www.santanna.g12.br GINCANA SANT`ANNA 25 ANOS 1. JUSTIFICATIVA: Idealizamos um evento intitulado Gincana dos 25

Leia mais

REGULAMENTO DA OLIMPÍADA DO CONHECIMENTO

REGULAMENTO DA OLIMPÍADA DO CONHECIMENTO 1. Do evento A OLIMPÍADA DO CONHECIMENTO é uma iniciativa da Universidade Paulista campus Brasília e será promovida mediante a coordenação de uma Comissão Organizadora, formada por integrantes do corpo

Leia mais

I GINTEC - PIRAÍ DIGITAL

I GINTEC - PIRAÍ DIGITAL Estado do Rio de Janeiro Prefeitura Municipal de Piraí Secretaria Municipal de Educação I GINTEC - PIRAÍ DIGITAL Regulamento O presente regulamento visa apresentar e divulgar as diretrizes norteadoras

Leia mais

EDITAL 06/2015 IX ICONCURSO DE REDAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015 CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II DAS INSCRIÇÕES

EDITAL 06/2015 IX ICONCURSO DE REDAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015 CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II DAS INSCRIÇÕES ESCOLA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS ECJS NÚCLEO DE PESQUISA E PRODUÇÃO CIENTÍFICA NPPC Núcleo de Extensão - NEX EDITAL 06/2015 IX ICONCURSO DE REDAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015 CAPÍTULO I DO OBJETO Art. 1º

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER 1. O Prêmio 1.1. Apresentação O Prêmio Fortalecer é uma iniciativa da ThyssenKrupp CSA Siderúrgica do Atlântico (TKCSA), dentro do escopo do PROGRAMA FORTALECER. Este prêmio

Leia mais

REGULAMENTO DA 10ª MARATONA ESAMC SOROCABA

REGULAMENTO DA 10ª MARATONA ESAMC SOROCABA REGULAMENTO DA 10ª MARATONA ESAMC SOROCABA O presente Instrumento Regulamenta a 10ª MARATONA ESAMC SOROCABA, a ser realizada nos dias 29 e 30 de outubro de 2015 na unidade Centro da FACULDADE ESAMC Sorocaba.

Leia mais

ANEXO ÚNICO À PORTARIA Nº 020, DE 26 DE MAIO DE 2015. EDITAL N.º 001/2015 AGTUR

ANEXO ÚNICO À PORTARIA Nº 020, DE 26 DE MAIO DE 2015. EDITAL N.º 001/2015 AGTUR ANEXO ÚNICO À PORTARIA Nº 020, DE 26 DE MAIO DE 2015. EDITAL N.º 001/2015 AGTUR O PRESIDENTE DA AGÊNCIA MUNICIPAL DE TURISMO, no uso de suas atribuições, torna público o Edital do Concurso de Fotografia

Leia mais

Regulamento. Maratona Nacional Chemtech de Engenharia 2012

Regulamento. Maratona Nacional Chemtech de Engenharia 2012 Regulamento Maratona Nacional Chemtech de Engenharia 2012 Seção I - Dos Objetivos 1. Incentivar e apoiar as faculdades de Engenharia do Brasil que se dediquem ao ensino e pesquisa de disciplinas básicas

Leia mais

III CONCURSO DE QUADRILHA JUNINA ESTUDANTIL DE PORTO SEGURO

III CONCURSO DE QUADRILHA JUNINA ESTUDANTIL DE PORTO SEGURO III CONCURSO DE QUADRILHA JUNINA ESTUDANTIL DE PORTO SEGURO REGULAMENTO O presente regulamento estabelece normas para a participação no III Concurso de Quadrilha Estudantil, que será realizado de 20 a

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU CAP. I: AS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ART.1 - O torneio é uma Promoção do Colegiado do curso de Educação Física da Uniguaçu, apoiado pela Uniguaçu. ART.2

Leia mais

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 PARTE GERAL Art. 1º - Denomina-se Grêmio de Ex-Alunos do Colégio de São Bento ( GEACSB ) o campeonato de futebol society organizado pela ALUMNI CSB-RJ e realizado anualmente

Leia mais

Art. 3º Os participantes da gincana deve se inscrever em uma única categoria: a de concorrentes.

Art. 3º Os participantes da gincana deve se inscrever em uma única categoria: a de concorrentes. DO EVENTO Art. 1º O Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Ceará, visando um evento solidário, cultural e festivo para comemorar o dia do contabilista, realizará a 1ª GINCANA ADESÃO SOLIDÁRIA,

Leia mais

Regulamento do Concurso Árvore de Natal. Natal Encantado - Jundiaí 2015

Regulamento do Concurso Árvore de Natal. Natal Encantado - Jundiaí 2015 Regulamento do Concurso Árvore de Natal Natal Encantado - Jundiaí 2015 1. Objetivo O Concurso de Árvores de Natal realizado pela CDL Câmara de Dirigentes Lojistas de Jundiaí, com co-realização da Secretaria

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO Dispõe sobre as normas a serem estabelecidas no Regulamento do Campeonato de MÁSTER

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA Art. 1º O Torneio de Futebol Society tem por finalidade: A congregação dos graduandos, o fortalecimento dos laços de amizade e a camaradagem

Leia mais

Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre.

Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre. Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre. Título I Das Disposições Gerais A) Será obrigatório, de acordo com as Regras do Futsal, o uso de caneleiras para todos os atletas. B) Não

Leia mais

CONCURSO GRITO DE GUERRA

CONCURSO GRITO DE GUERRA CONCURSO GRITO DE GUERRA REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO CONCURSO GRITO DE GUERRA Art. 1º. O concurso tem como objetivo fomentar a produção de um vídeo com temática de torcidas do IFSC câmpus Araranguá. O

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE ANGLO-AMERICANO CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º Este Regulamento disciplina as atividades do Estágio Curricular Supervisionado,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA DIRETORIA DE ENSINO FUNDAMENTAL COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA DIRETORIA DE ENSINO FUNDAMENTAL COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR Copa do Mestre 2007 Raul de Jesus Lustosa Filho Prefeito Municipal de Palmas Danilo de Melo Souza Secretário Municipal da Educação e Cultura Zenóbio Cruz da Silva Arruda Júnior Chefe de Gabinete da Secretaria

Leia mais

TURMA 2015 EDITAL N. 01/2015

TURMA 2015 EDITAL N. 01/2015 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UEG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA LATO SENSU UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM POLÍTICAS

Leia mais

EM POLÍTICAS PÚBLICAS E DINÂMICAS TERRITORIAIS RESOLUÇÃO

EM POLÍTICAS PÚBLICAS E DINÂMICAS TERRITORIAIS RESOLUÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UEG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA LATO SENSU CÂMPUS DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM POLÍTICAS PÚBLICAS

Leia mais

CONCURSO DE CRIAÇÃO PUBLICITÁRIA CAMPANHA INSTITUCIONAL DE DIVULGAÇÃO DA FESTA DE SÃO BENEDITO 2011

CONCURSO DE CRIAÇÃO PUBLICITÁRIA CAMPANHA INSTITUCIONAL DE DIVULGAÇÃO DA FESTA DE SÃO BENEDITO 2011 CONCURSO DE CRIAÇÃO PUBLICITÁRIA CAMPANHA INSTITUCIONAL DE DIVULGAÇÃO DA FESTA DE SÃO BENEDITO 2011 R E G U L A M E N T O I DO CONCURSO II DO OBJETIVO III DOS PARTICIPANTES IV DAS INSCRIÇÕES E TRABALHOS

Leia mais

CEFET-MG / CAMPUS VARGINHA I GINCANA ECOLÓGICA INTEGRAÇÃO-CONHECIMENTO, CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO CAMPUS VARGINHA.

CEFET-MG / CAMPUS VARGINHA I GINCANA ECOLÓGICA INTEGRAÇÃO-CONHECIMENTO, CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO CAMPUS VARGINHA. CEFET-MG / CAMPUS VARGINHA I GINCANA ECOLÓGICA INTEGRAÇÃO-CONHECIMENTO, CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO CAMPUS VARGINHA. SEMANA DO MEIO AMBIENTE 03 A 08/06/2013 PLANEJAMENTO: PROJETO SEMANA

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO. Comissão de Produção Científica (CPC) Edital n 187 /2015

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO. Comissão de Produção Científica (CPC) Edital n 187 /2015 PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO Comissão de Produção Científica (CPC) Edital n 187 /2015 A presidente da Comissão de Produção Científica (CPC), no uso de suas atribuições legais e com base em

Leia mais

Campanha #TND em Foco REGULAMENTO DO I CONCURSO DE FOTOGRAFIA A ARTE DA NUTRIÇÃO

Campanha #TND em Foco REGULAMENTO DO I CONCURSO DE FOTOGRAFIA A ARTE DA NUTRIÇÃO Campanha #TND em Foco REGULAMENTO DO I CONCURSO DE FOTOGRAFIA A ARTE DA NUTRIÇÃO 1.Disposições Gerais 1.1 O I Concurso de Fotografias A Arte da Nutrição, comemorativo ao Dia do Técnico em Nutrição e Dietética

Leia mais

ESCOLA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS EDITAL 01/2013 IV CONCURSO DE ARTIGOS 1º SEMESTRE DE 2013 CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II - DAS INSCRIÇÕES

ESCOLA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS EDITAL 01/2013 IV CONCURSO DE ARTIGOS 1º SEMESTRE DE 2013 CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II - DAS INSCRIÇÕES ESCOLA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS EDITAL 01/2013 IV CONCURSO DE ARTIGOS CAPÍTULO I DO OBJETO Art. 1º - A Direção da Escola de Ciências Jurídicas e Sociais do Grupo Projeção, com a finalidade de incentivar

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, ARTE E CULTURA

CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, ARTE E CULTURA CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, ARTE E CULTURA EDITAL Nº 001/2015 TURMA 2015 A UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS Câmpus São Luís de Montes Belos

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 INSCRIÇÕES... 4 DATAS E LOCAIS DOS ENCONTROS 4 ESCALÕES ETÁRIOS/DURAÇÃO DE JOGO... 4 CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA... Erro! Marcador não definido.

Leia mais

EDITAL DO 6º CONCURSO DE EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO

EDITAL DO 6º CONCURSO DE EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO EDITAL DO 6º CONCURSO DE EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO ESCOLHA DE DESENHOS, VERSOS E MÚSICA ESTILO HIP HOP PARA CAMPANHAS EDUCATIVAS DE TRÂNSITO DA SMTT CAPITULO I DO OBJETIVO Art. 1º - O 6º concurso de educação

Leia mais

ABF ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE FRANCHISING REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA CAPÍTULO I DA COMISSÃO DE ÉTICA

ABF ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE FRANCHISING REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA CAPÍTULO I DA COMISSÃO DE ÉTICA ABF ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE FRANCHISING REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE ÉTICA CAPÍTULO I DA COMISSÃO DE ÉTICA Art. 1º. A Comissão de Ética, órgão nomeado pelo Conselho Diretor da ABF, é responsável pela

Leia mais

REGULAMENTO PROJETO SALVE UMA EMPRESA

REGULAMENTO PROJETO SALVE UMA EMPRESA REGULAMENTO PROJETO SALVE UMA EMPRESA I. DESCRIÇÃO DO PROJETO Criar incentivo e premiação anual para os melhores e atuais trabalhos com valor científico nas áreas gerais de administração e específicas

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE INDÚSTRIA, COMÉRCIO, TURISMO E CULTURA DEPARTAMENTO DE CULTURA 1ª SELEÇÃO DE BANDAS E MÚSICOS DO MUNICÍPIO DE COLOMBO

SECRETARIA MUNICIPAL DE INDÚSTRIA, COMÉRCIO, TURISMO E CULTURA DEPARTAMENTO DE CULTURA 1ª SELEÇÃO DE BANDAS E MÚSICOS DO MUNICÍPIO DE COLOMBO SECRETARIA MUNICIPAL DE INDÚSTRIA, COMÉRCIO, TURISMO E CULTURA DEPARTAMENTO DE CULTURA 1ª SELEÇÃO DE BANDAS E MÚSICOS DO MUNICÍPIO DE COLOMBO REGULAMENTO I DA PROMOÇÃO, REALIZAÇÃO E ORGANIZAÇÃO A 1ª Seleção

Leia mais

Sociedade Educacional UNIFAS. Mantenedora. Faculdade de Sinop FASIP. Mantida DIREITO. Curso NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA NPJ 05 DE JULHO

Sociedade Educacional UNIFAS. Mantenedora. Faculdade de Sinop FASIP. Mantida DIREITO. Curso NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA NPJ 05 DE JULHO Sociedade Educacional UNIFAS Mantenedora Faculdade de Sinop FASIP Mantida DIREITO Curso NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA NPJ 05 DE JULHO REGIMENTO INTERNO DE FUNCIONAMENTO Sinop - MT NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA

Leia mais

1ª GINCANA PARANAENSE DE ECONOMIA DO CORECON-PR. Regulamento

1ª GINCANA PARANAENSE DE ECONOMIA DO CORECON-PR. Regulamento 1ª GINCANA PARANAENSE DE ECONOMIA DO CORECON-PR Regulamento CAPÍTULO I OBJETIVOS ART 1º - OBJETIVOS GERAIS 1. O Torneio Gincana Paranaense - CORECON-PR é uma competição de caráter educacional, promovida

Leia mais

I GINCANA CULTURAL E ESPORTIVA DA JUVENTUDDE DE GENERAL SAMPAIO REGULAMENTO

I GINCANA CULTURAL E ESPORTIVA DA JUVENTUDDE DE GENERAL SAMPAIO REGULAMENTO I GINCANA CULTURAL E ESPORTIVA DA JUVENTUDDE DE GENERAL SAMPAIO I. DAS FINALIDADES REGULAMENTO Art. 1º - A I Gincana Cultural e Esportiva da Juventude de General Sampaio é uma atividade promovida pela

Leia mais

CLUBE COMERCIAL DE LORENA

CLUBE COMERCIAL DE LORENA TORNEIO DE BILHAR 2015 I - Dos Objetivos: REGULAMENTO Art. 1 - O evento tem por finalidade promover o intercambio social e esportivo entre os associados do Clube Comercial de Lorena e de toda a região,

Leia mais

XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 R E G U L A M E N T O

XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 R E G U L A M E N T O XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 R E G U L A M E N T O DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - O XXIV CIRCUITO ESTADUAL DE VOLEIBOL DE PRAIA 2013 / 2014 é uma promoção e realização da Federação

Leia mais

VII TORNEIO DE FUTSAL MENORES 2015 REGULAMENTO GERAL. OBJETIVO Proporcionar à criança a integração social através do futsal.

VII TORNEIO DE FUTSAL MENORES 2015 REGULAMENTO GERAL. OBJETIVO Proporcionar à criança a integração social através do futsal. VII TORNEIO DE FUTSAL MENORES 2015 REGULAMENTO GERAL OBJETIVO Proporcionar à criança a integração social através do futsal. ORGANIZAÇÃO O torneio será organizado e dirigido por uma Comissão Organizadora

Leia mais

REGULAMENTO GERAL II GINCANA - TROTE SOLIDÁRIO FURB - 2013/1

REGULAMENTO GERAL II GINCANA - TROTE SOLIDÁRIO FURB - 2013/1 REGULAMENTO GERAL II GINCANA - TROTE SOLIDÁRIO FURB - 2013/1 O presente documento regulamenta a II GINCANA - TROTE SOLIDÁRIO FURB, que será realizada de 11 a 16 de março de 2013, com o objetivo de, a partir

Leia mais

Associação Brasileira de Escolinhas de Futebol e Futsal- ABEFF

Associação Brasileira de Escolinhas de Futebol e Futsal- ABEFF Associação Brasileira de Escolinhas de Futebol e Futsal- ABEFF Diretoria de Competições Regulamento da Copa do Brasil de Escolinhas de Futebol Copa do Brasil de Escolinhas de Futebol 2016 Categorias Sub

Leia mais

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa)

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) PROJETO J BA 2013 I - OBJETIVOS TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) - Promover a integração e a participação dos alunos do CBB, permitindo

Leia mais

Regulamento Geral da Gincana Acadêmica Trilhas da Informação. 7 ª Edição: 2012 CAPÍTULO I DA FINALIDADE

Regulamento Geral da Gincana Acadêmica Trilhas da Informação. 7 ª Edição: 2012 CAPÍTULO I DA FINALIDADE Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais Instituto de Ciências Exatas e Informática Regulamento Geral da Gincana Acadêmica Trilhas da Informação 7 ª Edição: 2012 Tema: Vida Saudável: diga não às

Leia mais

REGULAMENTO DA GINCANA UNIJUÍ MINHA ESCOLA É DEZ EDIÇÃO 2015. Capítulo I Das Disposições Preliminares

REGULAMENTO DA GINCANA UNIJUÍ MINHA ESCOLA É DEZ EDIÇÃO 2015. Capítulo I Das Disposições Preliminares REGULAMENTO DA GINCANA UNIJUÍ MINHA ESCOLA É DEZ EDIÇÃO 2015 Capítulo I Das Disposições Preliminares Art. 1º. O presente documento regulamenta a Gincana UNIJUÍ MINHA ESCOLA É DEZ, promovida e organizada

Leia mais

Projeto Natal na Usina Boas Festas. Boas Energias Concurso Energisa de Presépios 2014 EDITAL

Projeto Natal na Usina Boas Festas. Boas Energias Concurso Energisa de Presépios 2014 EDITAL Projeto Natal na Usina Boas Festas. Boas Energias Concurso Energisa de Presépios 2014 EDITAL OBJETO: Seleção de presépios natalinos para o Concurso Energisa de Presépios 2014 CAPÍTULO I DO OBJETIVO 1.1

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL O Colegiado do Curso de Tecnologia em Gestão Ambiental, no uso de suas atribuições, resolve aprovar, com registro

Leia mais

TEMA: Nova Forma de ver o Mundo

TEMA: Nova Forma de ver o Mundo TEMA: Nova Forma de ver o Mundo APRESENTAÇÃO A SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO apresenta sua 1ª edição da gincana Nova Forma de ver o Mundo, a fim de proporcionar o exercício da competitividade, espírito

Leia mais

Regulamento do Torneio de Sueca Arraial Académico Departamento da Cultura e Atividades Académicas

Regulamento do Torneio de Sueca Arraial Académico Departamento da Cultura e Atividades Académicas Regulamento Torneio de Sueca Arraial Académico 2015 Preâmbulo O Arraial Académico é um atividade de âmbito cultural, com ampla tradição académica que une os estudantes e oferece à cidade um convívio saudável

Leia mais

1º Festival Canto Coral da Arquidiocese do Rio de Janeiro REGULAMENTO

1º Festival Canto Coral da Arquidiocese do Rio de Janeiro REGULAMENTO Natal Encanto 1º Festival Canto Coral da Arquidiocese do Rio de Janeiro REGULAMENTO A Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro através do VICOM torna público o regulamento do Natal Encanto, 1º Festival

Leia mais

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Atualizado em 24/02/2005 DOS OBJETIVOS Art. 1 o.- Promover o desporto educacional através de várias modalidades esportivas, dando a

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º. Este regulamento é o documento composto conjunto das disposições que regem a Campeonato Brasileiro de Handebol dos Surdos 2015, nas categorias

Leia mais

EDITAL Nº. 34/08 - DG TESTE SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR COLABORADOR I

EDITAL Nº. 34/08 - DG TESTE SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR COLABORADOR I EDITAL Nº. 34/08 - DG TESTE SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR COLABORADOR I O Diretor Geral das Faculdades Integradas do Brasil torna público que estão abertas as inscrições para o teste seletivo

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 2 JOGOS DO IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E FINALIDADES

REGULAMENTO GERAL 2 JOGOS DO IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E FINALIDADES 2015 REGULAMENTO GERAL 2 JOGOS DO IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E FINALIDADES Art.1º Os 2º Jogos do IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO têm por objetivo proporcionar momentos de

Leia mais

FACERB Faculdade Cenecista de Rio Bonito Credenciada pela Portaria Ministerial nº 57/09 de 13/01/2009.Publicada no D.O.U.

FACERB Faculdade Cenecista de Rio Bonito Credenciada pela Portaria Ministerial nº 57/09 de 13/01/2009.Publicada no D.O.U. REGULAMENTO DO NÚCLEO PROFISSIONAL PRÁTICO E ACADÊMICO NUPPAC CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O Núcleo Profissional Prático e Acadêmico - NUPPAC é um órgão executivo subordinado a Direção

Leia mais

BRASIL BASQUETE KIDS SÃO CARLOS ENCONTRO NACIONAL DE BASQUETEBOL SUB10/12 2014

BRASIL BASQUETE KIDS SÃO CARLOS ENCONTRO NACIONAL DE BASQUETEBOL SUB10/12 2014 BRASIL BASQUETE KIDS SÃO CARLOS ENCONTRO NACIONAL DE BASQUETEBOL SUB10/12 2014 REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO Capítulo Primeiro DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 01º- Este regulamento é o conjunto das disposições que

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO - NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC I e II

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO - NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC I e II CURSO DE ADMINISTRAÇÃO - NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - TCC I e II Santa Maria, RS, Brasil 2015 Conforme Processo Nº 253/2015, aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão

Leia mais

EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO DE DECORAÇÃO NATALINA NATAL NA SERRA - 2013 EDITAL N. 09/2013 --REGULAMENTO

EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO DE DECORAÇÃO NATALINA NATAL NA SERRA - 2013 EDITAL N. 09/2013 --REGULAMENTO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO DE DECORAÇÃO NATALINA NATAL NA SERRA - 2013 CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO: EDITAL N. 09/2013 --REGULAMENTO Art. 1º- O Concurso Público de Decoração Natalina Natal na Serra 2013 é

Leia mais

O Presidente da Liga Araguarina de Futebol, no uso de suas atribuições, por delegação de poderes, que lhes fora conferido, pelo Estatuto da Entidade:

O Presidente da Liga Araguarina de Futebol, no uso de suas atribuições, por delegação de poderes, que lhes fora conferido, pelo Estatuto da Entidade: LIGA ARAGUARINA DE FUTEBOL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL Nº 004/2013 - DT DISPÕE SOBRE O REGULAMENTO, DO CAMPEONATO DA 1ª DIVISÃO DE NÃO PROFISSIONAIS, DA TEMPORADA DE 2013. O Presidente da Liga Araguarina

Leia mais

CAPÍTULO I CAPÍTULO II COMPLEMENTARES

CAPÍTULO I CAPÍTULO II COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO CAPÍTULO I DA NATUREZA E DAS FINALIDADES Art. 1º As Atividades Complementares integram o currículo dos Cursos de Graduação do Instituto

Leia mais

PREFEITURA DE PORTEIRINHA DIRETORIA MUNICIPAL DE CULTURA REGULAMENTO FESTIVAL DE MÚSICA EDIÇÃO 2013

PREFEITURA DE PORTEIRINHA DIRETORIA MUNICIPAL DE CULTURA REGULAMENTO FESTIVAL DE MÚSICA EDIÇÃO 2013 A PREFEITURA DE PORTEIRINHA POR MEIO DA DIRETORIA DE CULTURA faz saber, para conhecimento dos artistas da música do município de Porteirinha, que estão abertas as inscrições para o FESTIVAL DE MÚSICA EDIÇÃO

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA REGULAMENTO DA II GINCANA NACIONAL DE ECONOMIA CAPÍTULO I Seção I Dos Objetivos Art. 1º O Conselho Federal de Economia promoverá a II Gincana Nacional de Economia - 2012 na

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING EDITAL Nº 29, DE 16 DE SETEMBRO DE 2014. PROCESSO SELETIVO VERÃO 2015

ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING EDITAL Nº 29, DE 16 DE SETEMBRO DE 2014. PROCESSO SELETIVO VERÃO 2015 ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING EDITAL Nº 29, DE 16 DE SETEMBRO DE 2014. PROCESSO SELETIVO VERÃO 2015 Art. 1º A Escola Superior de Gestão Comercial e Marketing (ESIC), e por sua Comissão

Leia mais

"Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9

Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos. Salmo 57.9 PROJETO J BA 2014 TEMA: COPA DO MUNDO FESTA DAS NAÇÕES "Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9 I - OBJETIVOS Regulamento Geral Ensino Fundamental II e

Leia mais

REGULAMENTO I Copa Integração de Futsal e Vôlei de Praia do IFPB Campus Sousa

REGULAMENTO I Copa Integração de Futsal e Vôlei de Praia do IFPB Campus Sousa REGULAMENTO I Copa Integração de Futsal e Vôlei de Praia do IFPB Campus Sousa Sousa, 20 de abril de 2012 CAPÍTULO I DAS INSCRIÇÕES Art. 1º. Os times interessados em participar I Copa Integração de Futsal

Leia mais

Regulamento da. 2ª Copa UniBH de Futsal

Regulamento da. 2ª Copa UniBH de Futsal Regulamento da 2ª Copa UniBH de Futsal FINALIDADE O presente regulamento contêm as normas que regem na 2ª Copa Futsal UniBH, sendo conhecedores de seu conteúdo todos os inscritos que se submetem sem ressalvas

Leia mais

REGULAMENTO TEMPORADA DOS CAMPEÕES 2014 MODALIDADE: TÊNIS CAPÍTULO I

REGULAMENTO TEMPORADA DOS CAMPEÕES 2014 MODALIDADE: TÊNIS CAPÍTULO I REGULAMENTO TEMPORADA DOS CAMPEÕES 2014 MODALIDADE: TÊNIS CAPÍTULO I DA FINALIDADE Art. 1º - O Torneio de Tênis tem por finalidade promover a integração dos colaboradores do Grupo FIAT através da atividade

Leia mais

4ª GINCANA PERNAMBUCANA DE ECONOMIA CORECON-PE REGULAMENTO

4ª GINCANA PERNAMBUCANA DE ECONOMIA CORECON-PE REGULAMENTO 4ª GINCANA PERNAMBUCANA DE ECONOMIA CORECON-PE REGULAMENTO CAPÍTULO I OBJETIVOS Art. 1º - OBJETIVOS GERAIS 1. O Torneio Gincana Pernambucana de Economia - Corecon-PE é uma competição de caráter educacional,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 196 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011.

RESOLUÇÃO Nº. 196 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. RESOLUÇÃO Nº. 196 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o Parecer nº.

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA RESOLUÇÃO Nº 1.926, DE 30 DE JANEIRO DE 2015 Aprova o Regulamento da V Gincana Nacional de Economia - 2015. O CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

3º TORNEIO DE FUTSAL CDL CANOAS

3º TORNEIO DE FUTSAL CDL CANOAS 3º TORNEIO DE FUTSAL CDL CANOAS REGULAMENTO GERAL Capítulo 1 Comissão disciplinar e organizadora: O Evento será coordenado pela CDL e pela CDL Jovem Canoas, com as seguintes atribuições: a) Tomar as providências

Leia mais

TEMA: COLÉGIO TÉCNICO DE TERESINA 60 ANOS CONSTRUINDO SONHOS EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL REGULAMENTO GERAL

TEMA: COLÉGIO TÉCNICO DE TERESINA 60 ANOS CONSTRUINDO SONHOS EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL REGULAMENTO GERAL 1 III GINCANA CULTURAL DO COLÉGIO TÉCNICO DE TERESINA 2014 TEMA: COLÉGIO TÉCNICO DE TERESINA 60 ANOS CONSTRUINDO SONHOS EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL REGULAMENTO GERAL 2 1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 1.1 Este documento

Leia mais

REGULAMENTO DO ARRASTÃO DA SOLIDARIEDADE DE MINAS GERAIS 2014 GRANDE CAPÍTULO DO ESTADO DE MINAS GERAIS

REGULAMENTO DO ARRASTÃO DA SOLIDARIEDADE DE MINAS GERAIS 2014 GRANDE CAPÍTULO DO ESTADO DE MINAS GERAIS REGULAMENTO DO ARRASTÃO DA SOLIDARIEDADE DE MINAS GERAIS 2014 GRANDE CAPÍTULO DO ESTADO DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares. Art. 1º Este edital trata do Arrastão Estadual da Solidariedade

Leia mais

RECEPÇÃO DOS CALOUROS 2014 Atividades de Integração para os calouros

RECEPÇÃO DOS CALOUROS 2014 Atividades de Integração para os calouros RECEPÇÃO DOS CALOUROS 2014 Atividades de Integração para os calouros Introdução Dentro do contexto da recepção dos calouros 2014, as entidades estudantis da UNIFESP campus Diadema Centro Acadêmico Simão

Leia mais

EDITAL nº 01, de 26/05/2015

EDITAL nº 01, de 26/05/2015 EDITAL nº 01, de 26/05/2015 A ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL PARQUE DA JUVENTUDE, município de São Paulo, atendendo o disposto no 3º do Artigo 62 do Regimento Comum das Escolas Técnicas Estaduais do Centro Estadual

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO-SENSU EM MBA em gestão estratégica nos agronegócios e suas tecnologias

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO-SENSU EM MBA em gestão estratégica nos agronegócios e suas tecnologias UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UEG CÂMPUS SANTA HELENA DE GOIAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO-SENSU EM MBA em gestão estratégica nos agronegócios e suas tecnologias A UEG Câmpus Santa Helena de Goiás faz

Leia mais

Hackaton: A Cidade e a Participação do Cidadão. Regulamento. Data: 24-25 de setembro

Hackaton: A Cidade e a Participação do Cidadão. Regulamento. Data: 24-25 de setembro Hackaton: A Cidade e a Participação do Cidadão Data: 24-25 de setembro Período de inscrições: 08 até 22/09 Divulgação dos projetos selecionados: 23/09 Regulamento 1. Das Disposições Gerais 1.1. A Hackaton

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HIPISMO

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HIPISMO RESOLUÇÃO TÉCNICA N. 42 (01 DE FEVEREIRO DE 2006) CRITÉRIOS DE SELEÇÃO PARA FORMAÇÃO DA EQUIPE REPRESENTATIVA DO BRASIL MODALIDADE RÉDEAS WEG 2006 As provas seletivas serão baseadas no Regulamento Geral

Leia mais

16ª Copa Farroupilha de Futebol Amador

16ª Copa Farroupilha de Futebol Amador 16ª Copa Farroupilha de Futebol Amador De Março a Julho de 2013 Organização: Prof. José Medeiros LIGA FARROUPILHA REGULAMENTO GERAL 1) Da fórmula de disputa: a) A competição contará com dezoito (18) equipes;

Leia mais

FESTIVAL DE QUADRILHAS 2015

FESTIVAL DE QUADRILHAS 2015 FESTIVAL DE QUADRILHAS 2015 REGULAMENTO. A Secretaria da Cultura, em parceria com a Prefeitura Municipal de Granja/CE, realiza o Festival Regional de Quadrilhas Juninas e estabelece o seguinte regulamento

Leia mais

I FESTIVAL DE MÚSICA DA FLORESTA REGULAMENTO

I FESTIVAL DE MÚSICA DA FLORESTA REGULAMENTO I FESTIVAL DE MÚSICA DA FLORESTA REGULAMENTO A FUNDAÇÃO AMAZONAS SUSTENTÁVEL, Fundação de Direito Privado, inscrita no CNPJ/MF nº 09.351.359/0001-88, doravante FAS, representado, neste ato, por seu Superintendente-Geral,

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO FUTSAL

REGULAMENTO TÉCNICO FUTSAL FUTSAL Art. 1º - O campeonato de Futebol de Salão será regido pelas regras oficiais da CBFS - Confederação Brasileira de Futsal, por este Regulamento e conforme o disposto no Regulamento Geral. Art. 2º

Leia mais

Escola Pais e Mestres Formando e Informando Salgueiro, 13 de Setembro de 2010.

Escola Pais e Mestres Formando e Informando Salgueiro, 13 de Setembro de 2010. Escola Pais e Mestres Formando e Informando Salgueiro, 13 de Setembro de 2010. X GINCANA CULTURAL DA SOLIDARIEDADE CAMPANHA DO LEITE TEMA: ESCOLA PAIS E MESTRES 10 ANOS SEMEANDO PRINCÍPIOS E VALORES REGULAMENTO

Leia mais

Programa Institucional de Bolsas e Auxílios para Ações de Extensão. PIBAEX

Programa Institucional de Bolsas e Auxílios para Ações de Extensão. PIBAEX Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul Programa Institucional de Bolsas e Auxílios para Ações de Extensão. PIBAEX MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Profissional

Leia mais

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA CAMPEONATO REGIONAL DA LARM DE FUTEBOL JÚNIOR DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO Disposições Preliminares: CAPÍTULO I Art. 1º - O campeonato Regional da Liga Atlética da Região Mineira de Futebol Júnior de

Leia mais

REGULAMENTO INSCRIÇÕES TREZE: O PALCO DA CULTURA 6ª EDIÇÃO

REGULAMENTO INSCRIÇÕES TREZE: O PALCO DA CULTURA 6ª EDIÇÃO REGULAMENTO INSCRIÇÕES TREZE: O PALCO DA CULTURA 6ª EDIÇÃO I. DO OBJETO 1.1. Através de processo de seleção, irá proporcionar a apresentação de 25 trabalhos produzidos por grupos ou companhias de Santa

Leia mais

TURMA 2015 EDITAL Nº 1/2015

TURMA 2015 EDITAL Nº 1/2015 1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UEG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PrP COORDENADORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CÂMPUS UNIVERSITÁRIO DE LUZIÂNIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM DOCÊNCIA

Leia mais

em parceria com Centro de Defesa da Cidadania - IJUCI/CDC Edital de Chamada de Artigos para integrar o Livro do Programa Mediação de Conflitos

em parceria com Centro de Defesa da Cidadania - IJUCI/CDC Edital de Chamada de Artigos para integrar o Livro do Programa Mediação de Conflitos Edital de Chamada de Artigos para integrar o Livro do O através da Superintendência de Prevenção à Criminalidade, da Secretaria de Estado de Defesa Social do Estado de Minas Gerais, em parceria com o Centro

Leia mais

REGULAMENTO 09 a 12 de Setembro de 2015

REGULAMENTO 09 a 12 de Setembro de 2015 REGULAMENTO 09 a 12 de Setembro de 2015 OBJETIVOS Incentivar os alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio e Tecnológico a desenvolver projetos, utilizando o método científico como um

Leia mais

Universidade Federal de São Carlos. Grupo PET/Conexões de Saberes-Indígenas: Ações em Saúde

Universidade Federal de São Carlos. Grupo PET/Conexões de Saberes-Indígenas: Ações em Saúde Universidade Federal de São Carlos 1 Grupo PET/Conexões de Saberes-Indígenas: Ações em Saúde FORMAÇÃO, AÇÃO E PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO EM SAÚDE - Edital para seleção de estudantes de graduação da UFSCar

Leia mais

XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO. Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010.

XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO. Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010. XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010. A Mostra ABMR&A de Comunicação em Marketing Rural e Agronegócio

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 6ª REGIÃO PE - AL - PB - RN - PI - MA - CE REGULAMENTO PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO 2013

CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 6ª REGIÃO PE - AL - PB - RN - PI - MA - CE REGULAMENTO PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO 2013 REGULAMENTO PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO 2013 CAPÍTULO I - DA CRIAÇÃO DO PRÊMIO SEÇÃO I DA INSTITUIÇÃO Artigo 1 º O PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO foi instituído pelo Plenário

Leia mais

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Seção I - Introdução Art. 1º O Prêmio Telecentros Brasil, criado pela Associação Telecentro de Informação e Negócios (ATN) em parceria com o SEBRAE, TICKET, Ministério

Leia mais

Resolução nº 004/2015

Resolução nº 004/2015 Resolução nº 004/2015 Dispões sobre o regulamento do Torneio Paranaense de Economia do CORECONPR. O Conselho Regional de Economia da 6ª Região Paraná, no uso das atribuições legais e regulamentares conferidas

Leia mais

REGULAMENTO DA AGÊNCIA EXPERIMENTAL DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA AGÊNCIA BARU. Título I Do objeto

REGULAMENTO DA AGÊNCIA EXPERIMENTAL DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA AGÊNCIA BARU. Título I Do objeto REGULAMENTO DA AGÊNCIA EXPERIMENTAL DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA AGÊNCIA BARU Título I Do objeto Art. 1º. A Agência Experimental é um laboratório vinculado ao Curso de Comunicação Social - com habilitação

Leia mais

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º O CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A

Leia mais

XXVII COPA NORDESTE DE CICLISMO - 2015

XXVII COPA NORDESTE DE CICLISMO - 2015 CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CICLISMO XXVII COPA NORDESTE DE CICLISMO - 2015 Art. 1º - REGULAMENTO OBJETIVO Com o objetivo de desenvolver e difundir o ciclismo em toda a Região Nordeste, bem como proporcionar

Leia mais

EDITAL Nº 005/2011 CONCURSO PARA ESCOLHA DE NOME DA BIBLIOTECA DO CAMPUS DE GURUPI

EDITAL Nº 005/2011 CONCURSO PARA ESCOLHA DE NOME DA BIBLIOTECA DO CAMPUS DE GURUPI EDITAL Nº 005/2011 CONCURSO PARA ESCOLHA DE NOME DA BIBLIOTECA DO CAMPUS DE GURUPI A Direção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, Campus de Gurupi, torna público o concurso para escolha

Leia mais

REGULAMENTO BASQUETE 2009

REGULAMENTO BASQUETE 2009 REGULAMENTO BASQUETE 2009 Organização: Fórum das Associações dos Servidores das Agências Reguladoras Patrocínio: DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO BASQUETE - 2009 Art.01 - Este regulamento é o conjunto

Leia mais

Semana Cult UNIBR/2013 13 e 14/05

Semana Cult UNIBR/2013 13 e 14/05 PROJETO SEMANA CULT 2013 TEMA/EIXO: SÃO VICENTE APRESENTAÇÃO A Semana Cult UNIBR é o maior evento acadêmico-cultural da Instituição, em sua 4ª edição, e objetiva fomentar nos alunos a consciência cidadã,

Leia mais