Concurso para Selecção e contratação de uma Empresa de Segurança Privada para o Porto de Vale dos Cavaleiros ilha do Fogo TERMOS DE REFERÊNCIA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Concurso para Selecção e contratação de uma Empresa de Segurança Privada para o Porto de Vale dos Cavaleiros ilha do Fogo TERMOS DE REFERÊNCIA"

Transcrição

1 Concurso para Selecção e contratação de uma Empresa de Segurança Privada para o Porto de Vale dos Cavaleiros ilha do Fogo TERMOS DE REFERÊNCIA I A ENAPOR,S.A pretende lançar um concurso para selecção e contratação de uma empresa de segurança privada para prestação do serviço de vigilância física portuária, privada, durante 24 horas por dia no Porto de Vale dos Cavaleiros ilha do Fogo, pelo que solicita as empresas do ramo a apresentarem as suas candidaturas até 18 de Janeiro de 2012 ás 15:00 horas, conforme os Termos de Referencia que a seguir se indica. II Avaliação de Idoneidade, Capacidade e Aptidão para o exercício da actividade: Neste ponto, deve se referir sobre a constituição da empresa, suas experiencias, formação no ramo de segurança, a legalidade da empresa, os Estatutos e sua respectiva publicação, o Alvará que permite a prestação do serviço de Segurança Privada, documentos certificando a situação da empresa perante a Administração Fiscal e a Segurança Social e o Número de Identificação Fiscal (NIF). 1. Experiencia Profissional: Referir sobre a experiencia do responsável máximo e os demais sócios da empresa, bem como dos agentes de segurança. 2. Programação do serviço: Tendo em conta as características do local e a complexidade das operações, pretende se que se instale 3 postos Fixos de vigilância de pessoas e bens, sob guarda da ENAPOR, e como forma de fechar o círculo de toda a área envolvente será necessário em simultâneo a instalação de um posto móvel que fará o giro no perímetro acostável. 1

2 3. Distribuição dos Turnos: Pretende se que os serviços sejam assegurados 24 horas por dia, todos os dias da semana por vigilantes, sob comando de um supervisor. 4. Tarefas Específicas: Os serviços de segurança devem ser prestados na componente vigilância humana, fiscalização, venda de bilhetes para peão e viaturas e controlo do acesso: Deve se vigiar a circulação de pessoas; O acesso de pessoas estranhas ao serviço deve ser interditada; Controlar o acesso dos trabalhadores mediante exibição do cartão de identificação; Ronda a todo o perímetro das instalações; Registo de entrada e saída de viaturas e revistá las sempre que for necessário; Assegurar a ordem e prioridade nas filas de atendimento público. 5. Tarefas Gerais para todos os Postos: Vigiar todas as Instalações; Evitar Roubos e Actos de Vandalismo; Velar pela boa observação das normas e costumes evitando o lixo no recinto portuário; Em caso de incêndio, diligenciar para sua erradicação, e comunicar imediatamente a ocorrência ao responsável do Porto. Em caso de incidente ao acidente no recinto portuário, comunicar imediatamente ao responsável do porto. Agir energicamente em caso de intrusão, solicitando intervenção da Policia Nacional não descurando a tomada de medidas preventivas evitando a fuga de intrusos; Elaboração de relatórios diários e entregar o original a chefia da ENAPOR; Para o bom funcionamento dos postos, o serviço deverá ser assegurado por supervisores cuja função será controlar a postura dos vigilantes, fazer a rendição dos turnos e servir de ponte entre os vigilantes e a chefia da ENAPOR. III Perfil dos Agentes: Os agentes deverão ter como perfil os requisitos seguintes: Habilitações literárias mínimas o 6.º ano de escolaridade; Bom comportamento moral e cívico; Formação em atendimento público; Formação na área de combate a incêndio; Formação em noções de defesa pessoal; Noções de funcionamento dos sistemas de alarmes. Formação na vertente da segurança portuária. 2

3 O concorrente deve garantir meios de comunicação portátil ao posto de vigilância e garantir a instalação de uma estação de rádio no porto numa fase posterior, com uma central fixa na sede da sua empresa, sem excluir a possibilidade de instalação de outros meios de comunicação que se revelarem necessários. IV Declaração dos equipamentos e condições que serão criadas aos agentes de segurança: No intuito de garantir a eficácia do serviço, o concorrente deve declarar os equipamentos que serão colocados a disposição da equipa de Supervisores e de vigilantes. I. Descrição dos Equipamentos fixos e móveis de comunicação de que dispõe a empresa, incluindo relógio de Ronda; II. Descrição dos Equipamentos que serão afectos ao serviço no Porto; III. Pessoal de que dispõe; IV. Documentos afectos ao serviço; O concorrente promete que em cada posto terá uma ficha de rendição, em que os vigilantes ao trocarem de turno, assinam permitindo a atribuição de responsabilidade e em caso de qualquer alarme deverá ser elaborado um relatório específico das ocorrências e enviado à Delegação da ENAPOR. V PROPOSTAS São admitidas a concurso todas as empresas do ramo de segurança, sediadas no país que cumpram os requisitos constantes da Lei n.º 50/VI/2006 e dos critérios definidos no presente caderno de encargos. A apresentação de uma proposta em resposta ao presente concurso, para prestação de serviço de vigilância física e humana e de controlo das instalações do Porto de Vale de Cavaleiros implica para os proponentes: a) A aceitação de todas as condições fixadas no anúncio do concurso, no presente caderno de encargos e no respectivo contrato; b) As propostas deverão manter se válidas por um período de 30 dias, a partir da data do acto público do concurso. c) O processo do concurso poderá ser examinado no Site da empresa (www.enapor.cv) e ou adquirido durante as horas normais de expedientes no escritório da ENAPOR. As propostas técnicas e financeiras devem ser apresentadas de forma com a seguir se indica: 1. Proposta Técnica para Vigilância Humana do Porto de Vale dos Cavaleiros, ilha do Fogo; 2. Proposta Financeira para Vigilância Humana do Porto de Vale dos Cavaleiros, ilha do Fogo. As empresas concorrentes devem apresentar as propostas em envelopes fechados e lacrados nos escritórios da ENAPOR em São Vicente, com a seguinte indicação: Concurso para Prestação de Serviço de Vigilância Física e controlo do Porto de Vale dos Cavaleiros O acto público da abertura das propostas terá lugar ás 15:30 horas na sala de reunião da Administração Central da ENAPOR em São Vicente, no mesmo dia do término do prazo para entrega das propostas. Serão exigidas todas as cauções e garantias legais de cumprimento tempestivo da prestação dos serviços constantes no presente Termo de Referencia e do Contrato a ser celebrado com a empresa Vencedora do Concurso. 3

4 VI Critério de Avaliação das Propostas O critério de apreciação das propostas será o da proposta mais vantajosa, ponderando se os seguintes actores: a) A Capacidade Profissional e Técnica da Empresa; b) Experiencia da empresa na Vigilância de Portos; c) Capacidade da empresa na área de Formação; d) O grau de Escolaridade dos Vigilantes a serem destacados para a prestação do serviço; e) A Capacidade Técnica da empresa, em termos dos equipamentos de segurança e de protecção instalados no Porto; f) As condições Técnicas e Financeiras das propostas. Para avaliação da proposta técnica será adoptada o seguinte procedimento: Elementos de Avaliação Pontuação a Capacidade Profissional e Técnica da Empresa 10 b Experiencia da empresa na Vigilância de Portos 15 c O grau de Escolaridade dos Vigilantes a serem destacados para a 20 prestação do serviço d A Capacidade Técnica da empresa, em termos dos equipamentos 15 de segurança e de protecção instalados no Porto e Capacidade da empresa na área de Formação 15 f Proposta Financeiras 25 Total 100 A empresa vencedora do Concurso deverá: a) Prestar a garantia à Administração da ENAPOR da disponibilidade imediata de iniciar a prestação do serviço em referência; b) Garantir com pessoal próprio o funcionamento normal dos equipamentos (fixos e portáteis) e dar garantias de prestação de um bom serviço de Vigilância Humana. VII Adjudicação, execução e alteração do contrato As obrigações decorrentes do presente concurso são objectos de um contrato escrito vinculativo para ambas as partes. O contrato é concluído mediante notificação ao proponente vencedor do concurso e da aceitação da sua proposta. A notificação será feita através de carta, após a homologação dos resultados apresentados pela Comissão de Avaliação. A organização do presente processo de concurso não implica para a ENAPOR,SA a obrigação de adjudicar o contrato. A ENAPOR,SA não ficará obrigada ao pagamento de qualquer indemnização aos proponentes cujas propostas não tenham sido aceites. O mesmo será aplicável no caso da ENAPOR,SA renunciar à adjudicação do contrato. O prazo da prestação do serviço será fixado no contrato e começa a contar a partir da data de celebração do mesmo. Salvo motivo de força maior, devidamente justificado e tornado público, não 4

5 haverá prorrogação do prazo do início da prestação dos serviços solicitados no âmbito do presente Termos de Referencia. ENAPOR, SA, aos 12 de Dezembro de 2011 O Conselho de Administração Eng.º Franklim do Rosário Spencer Presidente 5

Portanto, a empresa seleccionada deverá:

Portanto, a empresa seleccionada deverá: Concurso para Segurança Privada no Porto de Palmeira TERMOS DE REFERÊNCIA I. Introdução A ENAPOR - Empresa Nacional de Administração dos Portos de Cabo Verde S.A., pretende com os presentes Termos de Referência

Leia mais

TERMOS DE REFERENCIA. I - Avaliação de Idoneidade, Capacidade e Aptidão para o exercício da actividade:

TERMOS DE REFERENCIA. I - Avaliação de Idoneidade, Capacidade e Aptidão para o exercício da actividade: Concurso para Selecção e Contratação de uma Empresa Privada de Limpeza, Higiene e Conservação do Edifício Administrativo e Gare Marítima do Porto Novo, na Ilha de S. Antão TERMOS DE REFERENCIA A ENAPOR,

Leia mais

PROGRAMA DO CONCURSO

PROGRAMA DO CONCURSO PROGRAMA DO CONCURSO Page 1 ÍNDICE 1.º Objecto do Concurso 3 2.º Entidade Adjudicante 3 3.º Decisão de contratar 3 4.º Preço base 3 5.º Esclarecimentos 3 6.º Prazo para apresentação das candidaturas 3

Leia mais

ANONCIO DE CONCURSO POBUCO, OUTUBRO DE 2010

ANONCIO DE CONCURSO POBUCO, OUTUBRO DE 2010 _Ina:11110R Empresa Nacional de AdministracSo dos Portos, S.A. EMPRESA NACIONAL DE ADMINISTRACAO DOS PORTOS, SA ADM INISTRACAO CENTRAL C.P N 82 Telef. + (238) 230 75 00 Fax + (238) 232 43 37 / 231 27 78

Leia mais

MUNICÍPIO DE MONCHIQUE

MUNICÍPIO DE MONCHIQUE CONCURSO LIMITADO POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO ao abrigo dos artigos 162.º a 192.º do Código dos Contratos Públicos (CCP) aprovado pelo n.º 1, do art.º 1.º do D.L. n.º 18/2008, de 29/01 AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS

Leia mais

Programa Do Procedimento por Negociação, com publicação prévia de Anúncio

Programa Do Procedimento por Negociação, com publicação prévia de Anúncio Programa Do Procedimento por Negociação, com publicação prévia de Anúncio para celebração de contrato de cedência de utilização de diversos espaços, em edifícios municipais, para instalação e exploração

Leia mais

Edital n.º 49/2008. O Presidente da Câmara Municipal de Sines. Manuel Coelho Carvalho

Edital n.º 49/2008. O Presidente da Câmara Municipal de Sines. Manuel Coelho Carvalho MUNICíPIO DE SINES Câmara Municipal Edital n.º 49/2008 Manuel Coelho Carvalho, Presidente da Câmara Municipal de Sines, no uso da competência que lhe confere a alínea v) do n.º 1 do art. 68º do D.L. 169/99

Leia mais

ANÚNCIO DO CONCURSO ELABORAÇÃO DOS MANUAIS DE PROCEDIMENTOS CONTABILÍSTICOS/ FINANCEIROS (TERMOS DE REFERÊNCIA)

ANÚNCIO DO CONCURSO ELABORAÇÃO DOS MANUAIS DE PROCEDIMENTOS CONTABILÍSTICOS/ FINANCEIROS (TERMOS DE REFERÊNCIA) ANÚNCIO DO CONCURSO ELABORAÇÃO DOS MANUAIS DE PROCEDIMENTOS CONTABILÍSTICOS/ FINANCEIROS (TERMOS DE REFERÊNCIA) Introdução A EMPRESA NACIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DOS PORTOS, abreviadamente designada por ENAPOR

Leia mais

Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para a prestação do serviço de seguro automóvel

Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para a prestação do serviço de seguro automóvel Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para a prestação do serviço de seguro automóvel Convite à apresentação de propostas ANCP Outubro de 2010 Índice Artigo 1.º Objecto

Leia mais

Convite à apresentação de propostas

Convite à apresentação de propostas Concurso limitado por prévia qualificação para a celebração de acordo quadro para o fornecimento de veículos automóveis e motociclos e aluguer operacional de veículos Convite à apresentação de propostas

Leia mais

Escola Secundária com 3º Ciclo da Baixa da Banheira (403234)

Escola Secundária com 3º Ciclo da Baixa da Banheira (403234) CONSELHO GERAL TRANSITÓRIO REGULAMENTO DO PROCEDIMENTO CONCURSAL PARA A ELEIÇÃO DO DIRECTOR DA ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO Artigo 1.º Objecto O presente Regulamento define as regras a observar no procedimento

Leia mais

CONVITE AJUSTE DIRETO N.º 04/ENB/2012

CONVITE AJUSTE DIRETO N.º 04/ENB/2012 CONVITE AJUSTE DIRETO N.º 04/ENB/2012 RELATIVO A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉCTRICA DE BAIXA TENSÃO PARA AS INSTALAÇÕES DO CENTRO DE FORMAÇÃO DE SINTRA DA ESCOLA NACIONAL DE BOMBEIROS.

Leia mais

Município de Alcácer do Sal

Município de Alcácer do Sal Município de Alcácer do Sal Divisão de Planeamento e Gestão Urbanística CONCURSO PÚBLICO CONCESSÃO PARA EXPLORAÇÃO DO QUIOSQUE NA MARGEM SUL PROGRAMA DE PROCEDIMENTO 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Objecto: Concessão

Leia mais

Concurso SCM 01/2010

Concurso SCM 01/2010 PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS Concurso SCM 01/2010 SECÇÃO I Disposições gerais Artigo 1.º Objecto do concurso e Local de Prestação de Serviços 1- O presente concurso tem por objecto a celebração de um contrato

Leia mais

Anúncio de Abertura de Procedimento de Negociação

Anúncio de Abertura de Procedimento de Negociação Anúncio de Abertura de Procedimento de Negociação Anúncio de Abertura de Procedimento de Negociação 1. Entidade Contratante: 1.1. Designação: Comissão Nacional Eleitoral - CNE 1.2. Endereço: Rua Amílcar

Leia mais

PROGRAMA DO CONCURSO. CONCURSO PÚBLICO n.º 1/2010

PROGRAMA DO CONCURSO. CONCURSO PÚBLICO n.º 1/2010 PROGRAMA DO CONCURSO CONCURSO PÚBLICO n.º 1/2010 FORNECIMENTO DE REFEIÇÕES PARA ESCOLAS DO 1º CICLO E JARDINS- DE-INFÂNCIA DO MUNICÍPIO DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO Aquisição de Serviços - Fornecimento de

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA ADJUDICAÇÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DO. BAR da. Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Alcabideche.

CONCURSO PÚBLICO PARA ADJUDICAÇÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DO. BAR da. Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Alcabideche. CONCURSO PÚBLICO PARA ADJUDICAÇÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO DO BAR da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Alcabideche Anúncio Programa de Concurso Caderno de Encargos A Direcção da Associação

Leia mais

CONVITE PROCEDIMENTO DE AJUSTE DIRETO PARA A CONCESSÃO DE EXPLORAÇÃO DOS SERVIÇOS DE BAR FUNDAÇÃO DE SERRALVES

CONVITE PROCEDIMENTO DE AJUSTE DIRETO PARA A CONCESSÃO DE EXPLORAÇÃO DOS SERVIÇOS DE BAR FUNDAÇÃO DE SERRALVES CONCESSÃO DE EXPLORAÇÃO DOS SERVIÇOS DE BAR FUNDAÇÃO DE SERRALVES Índice Artigo 1.º Objeto do procedimento de Ajuste Direto Artigo 2.º Entidade adjudicante Artigo 3.º Órgão Competente Para a Decisão de

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO RESTAURANTE IBAR, SITO NO CENTRO DE LAZER, NA PORTAGEM

CONCURSO PÚBLICO PARA CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO RESTAURANTE IBAR, SITO NO CENTRO DE LAZER, NA PORTAGEM CONCURSO PÚBLICO PARA CESSÃO DE EXPLORAÇÃO DO RESTAURANTE IBAR, SITO NO CENTRO DE LAZER, NA PORTAGEM 1. ENTIDADE CEDENTE 2. OBJECTO DO CONCURSO 3. ELEMENTOS DO PROCESSO 4. CONCORRENTES PROGRAMA DE PROCEDIMENTO

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS CONCESSÃO DE USO PRIVADO DE ESPAÇO DO DOMÍNIO PÚBLICO NO JARDIM MUNICIPAL PARA INSTALAÇÃO E EXPLORAÇÃO DE DIVERSÕES

CADERNO DE ENCARGOS CONCESSÃO DE USO PRIVADO DE ESPAÇO DO DOMÍNIO PÚBLICO NO JARDIM MUNICIPAL PARA INSTALAÇÃO E EXPLORAÇÃO DE DIVERSÕES CADERNO DE ENCARGOS CONCESSÃO DE USO PRIVADO DE ESPAÇO DO DOMÍNIO PÚBLICO NO JARDIM MUNICIPAL PARA INSTALAÇÃO E EXPLORAÇÃO DE DIVERSÕES Cláusula 1ª Princípio geral O presente Caderno de Encargos compreende

Leia mais

REPÚBLICA DE ANGOLA TRIBUNAL DE CONTAS 2ª DIVISÃO DOS SERVIÇOS TÉCNICOS DO TRIBUNAL DE CONTAS I FISCALZAÇÃO PREVENTIVA

REPÚBLICA DE ANGOLA TRIBUNAL DE CONTAS 2ª DIVISÃO DOS SERVIÇOS TÉCNICOS DO TRIBUNAL DE CONTAS I FISCALZAÇÃO PREVENTIVA REPÚBLICA DE ANGOLA TRIBUNAL DE CONTAS 2ª DIVISÃO DOS SERVIÇOS TÉCNICOS DO TRIBUNAL DE CONTAS I FISCALZAÇÃO PREVENTIVA 1. LEGISLAÇÃO PERTINENTE: ORGÂNICA DO Tribunal de Contas (LEI Nº 5/96, de 12 de Abril)

Leia mais

CONVITE Nº 017/2006 Processo nº 05351/2006

CONVITE Nº 017/2006 Processo nº 05351/2006 CONVITE Nº 017/2006 Processo nº 05351/2006 O Tribunal de Contas do Estado do Tocantins, por intermédio da Comissão Permanente de Licitação, instituída pelas Portarias nº 1.262, de 14 de dezembro de 2005

Leia mais

ESPAÇOS COMERCIAIS NO MERCADO DO BAIRRO DO CONDADO

ESPAÇOS COMERCIAIS NO MERCADO DO BAIRRO DO CONDADO JUNTA DE FREGUESIA DE MARVILA CONCURSO PÚBLICO N / 2 ESPAÇOS COMERCIAIS NO MERCADO DO BAIRRO DO CONDADO Avisam-se todos os interessados que entre os dias de março e de abril de 2 se encontra aberto Concurso

Leia mais

E-Alicante: Serviços de peritos financeiros relacionados com a gestão da tesouraria 2012/S 153-254863. Anúncio de concurso.

E-Alicante: Serviços de peritos financeiros relacionados com a gestão da tesouraria 2012/S 153-254863. Anúncio de concurso. 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:254863-2012:text:pt:html E-Alicante: Serviços de peritos financeiros relacionados com a gestão da tesouraria 2012/S 153-254863

Leia mais

Programa de Procedimentos

Programa de Procedimentos Hasta Pública para venda de imóveis Programa de Procedimentos SETOR DE PATRIMÓNIO PROGRAMA DE PROCEDIMENTOS DE HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE IMÓVEIS 1. OBJETO DA HASTA PÚBLICA 1.1 A presente hasta pública,

Leia mais

ORIENTAÇÃO DE GESTÃO N.º 1/2010

ORIENTAÇÃO DE GESTÃO N.º 1/2010 ORIENTAÇÃO DE GESTÃO N.º 1/2010 APROVADA POR DELIBERAÇÃO DA COMISSÃO DIRECTIVA DE 19-03-2010 Altera o nº 4 da Orientação de Gestão nº 7/2008 e cria o ANEXO III a preencher pelos Beneficiários para registo

Leia mais

PROGRAMA DE CONCURSO

PROGRAMA DE CONCURSO PROGRAMA DE CONCURSO Cessão de Exploração da Loja N do Centro Comercial e de Artesanato de Penela 1 ENTIDADE PROMOTORA: Município de Penela, Praça do Município 3230-253 Penela, telefone 239560120, fax

Leia mais

1- ENTIDADE ADJUDICANTE:

1- ENTIDADE ADJUDICANTE: CONCURSO PÚBLICO PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL DO ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO/BEBIDAS DENOMINADO ADEGA DO ARRUFA, SITO NA TRAVESSA DAS FRANCAS, 3, EM CUBA PROGRAMA DE CONCURSO 1- ENTIDADE ADJUDICANTE:

Leia mais

P-Évora: Equipamento de controlo e telemetria 2008/S 132-176072 ANÚNCIO DE CONCURSO. Fornecimentos

P-Évora: Equipamento de controlo e telemetria 2008/S 132-176072 ANÚNCIO DE CONCURSO. Fornecimentos 1/5 P-Évora: Equipamento de controlo e telemetria 2008/S 132-176072 ANÚNCIO DE CONCURSO Fornecimentos SECÇÃO I: ENTIDADE ADJUDICANTE I.1) DESIGNAÇÃO, ENDEREÇOS E PONTOS DE CONTACTO: Águas do Centro Alentejo,

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Resolução do Conselho do Governo n.º 107/2010 de 14 de Julho de 2010

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Resolução do Conselho do Governo n.º 107/2010 de 14 de Julho de 2010 PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Resolução do Conselho do Governo n.º 107/2010 de 14 de Julho de 2010 O Programa Estagiar, nas suas vertentes L, T e U, dirigido a recém-licenciados e mestres, recém-formados

Leia mais

O FOMENTO DAS MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

O FOMENTO DAS MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS O FOMENTO DAS MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS MAIO 2012 1. REGULAMENTO DAS MICRO,, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS A Lei n.º 30/11, publicada em Setembro, definiu o novo regime das Micro, Pequenas e Médias

Leia mais

Prémio de Jornalismo Hospital Veterinário Montenegro. Regulamento

Prémio de Jornalismo Hospital Veterinário Montenegro. Regulamento Prémio de Jornalismo Hospital Veterinário Montenegro Regulamento 2ª Edição, Novembro de 2011 Prémio de Jornalismo Hospital Veterinário Montenegro 2ª Edição Novembro de 2011 Regulamento Artigo 1º Objectivo

Leia mais

AVISO DE ABERTURA DE CANDIDATURAS A APOIO FINANCEIRO. Tendo em conta os princípios constantes do Programa do XVII Governo Constitucional

AVISO DE ABERTURA DE CANDIDATURAS A APOIO FINANCEIRO. Tendo em conta os princípios constantes do Programa do XVII Governo Constitucional AVISO DE ABERTURA DE CANDIDATURAS A APOIO FINANCEIRO Tendo em conta os princípios constantes do Programa do XVII Governo Constitucional em matéria de política de saúde, foi definido, pelo Decreto Lei n.º

Leia mais

APCMG - Associação Portuguesa de Clínicas Médicas, Clínicas de Medicina Dentária, Médicos, Médicos Dentistas e Gestores de Clínicas NIPC: 508826020

APCMG - Associação Portuguesa de Clínicas Médicas, Clínicas de Medicina Dentária, Médicos, Médicos Dentistas e Gestores de Clínicas NIPC: 508826020 ESTATUTOS Artigo Primeiro (Denominação e sede social) 1 - A associação, sem fins lucrativos, adopta a denominação de APCMG - Associação Portuguesa de Clínicas Médicas, Clínicas de Medicina. 2 - A sociedade

Leia mais

I-Ispra: Fornecimento de um grupo electrogéneo trifásico 2012/S 187-306516. Anúncio de concurso. Fornecimentos

I-Ispra: Fornecimento de um grupo electrogéneo trifásico 2012/S 187-306516. Anúncio de concurso. Fornecimentos 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:306516-2012:text:pt:html I-Ispra: Fornecimento de um grupo electrogéneo trifásico 2012/S 187-306516 Anúncio de concurso

Leia mais

Índice Artigo 1.º Objecto... 3. Artigo 2.º Contrato... 3. Artigo 3.º Obrigações principais do adjudicatário... 4. Artigo 4.º Prazo...

Índice Artigo 1.º Objecto... 3. Artigo 2.º Contrato... 3. Artigo 3.º Obrigações principais do adjudicatário... 4. Artigo 4.º Prazo... Concurso Público para a elaboração do Inventário de Referência das Emissões de CO2 e elaboração do Plano de Acção para a Energia Sustentável do Município do Funchal CADERNO DE ENCARGOS Índice Artigo 1.º

Leia mais

Concurso Público N.º 02/2008 Í N D I C E

Concurso Público N.º 02/2008 Í N D I C E Concurso Público N.º 02/2008!"!#$%%& Í N D I C E P R O G R A M A D E C O N C U R S O SECÇÃO I - D I S P O S I Ç Õ E S G E R A I S...................................................... 4 A r t i g o 1.

Leia mais

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:120927-2013:text:pt:html

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:120927-2013:text:pt:html 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:120927-2013:text:pt:html B-Geel: Fornecimento e manutenção de um novo carro de bombeiros para o corpo de bombeiros do

Leia mais

GUIA PRÁTICO APADRINHAMENTO CIVIL CRIANÇAS E JOVENS

GUIA PRÁTICO APADRINHAMENTO CIVIL CRIANÇAS E JOVENS Manual de GUIA PRÁTICO APADRINHAMENTO CIVIL CRIANÇAS E JOVENS INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/7 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Apadrinhamento Civil Crianças

Leia mais

I-Ispra: Fornecimento e instalação de cablagem estruturada, instalação de sistemas de voz-dados e redes de fibra ótica 2013/S 121-206362

I-Ispra: Fornecimento e instalação de cablagem estruturada, instalação de sistemas de voz-dados e redes de fibra ótica 2013/S 121-206362 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:206362-2013:text:pt:html I-Ispra: Fornecimento e instalação de cablagem estruturada, instalação de sistemas de voz-dados

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 15/2015 de 23 de Janeiro de 2015

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 15/2015 de 23 de Janeiro de 2015 PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 15/2015 de 23 de Janeiro de 2015 Considerando que o Programa Estagiar, nas suas vertentes L, T e U dirigido a jovens recém-licenciados, mestres

Leia mais

CONTRATO DE SOCIEDADE DA TOMÁS TIMBANE E ASSOCIADOS ADVOGADOS SOCIEDADE UNIPESSOAL, LDA

CONTRATO DE SOCIEDADE DA TOMÁS TIMBANE E ASSOCIADOS ADVOGADOS SOCIEDADE UNIPESSOAL, LDA CONTRATO DE SOCIEDADE DA TOMÁS TIMBANE E ASSOCIADOS ADVOGADOS SOCIEDADE UNIPESSOAL, LDA CAPÍTULO I FIRMA, OBJECTO SOCIAL E SEDE ARTIGO PRIMEIRO (Firma) Um) A Sociedade é constituída sob a forma de sociedade

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS. Identificação dos Serviços Objecto de Concurso

CADERNO DE ENCARGOS. Identificação dos Serviços Objecto de Concurso CADERNO DE ENCARGOS Objecto O presente Caderno de Encargos compreende as cláusulas a incluir no contrato a celebrar na sequência do procedimento pré-contratual que tem por objecto principal a selecção

Leia mais

REGuLAMENTO DE RECRuTAMENTO, SELECçãO E CONTRATAçãO DE FORMADORES

REGuLAMENTO DE RECRuTAMENTO, SELECçãO E CONTRATAçãO DE FORMADORES REGuLAMENTO DE RECRuTAMENTO, SELECçãO E CONTRATAçãO DE FORMADORES Regulamento n.º 743/2010 OA (2.ª série), de 19 de Julho de 2010 / Conselho Geral da Ordem dos Advogados - Regulamento de Recrutamento,

Leia mais

CAE Rev_3: 93294 ASSISTÊNCIA AOS BANHISTAS

CAE Rev_3: 93294 ASSISTÊNCIA AOS BANHISTAS O conteúdo informativo disponibilizado pela presente ficha não substitui a consulta dos diplomas legais referenciados e da entidade licenciadora. FUNCHAL CAE Rev_3: 93294 ASSISTÊNCIA AOS BANHISTAS ÂMBITO:

Leia mais

AVISO DE ABERTURA DE CANDIDATURAS A APOIO FINANCEIRO

AVISO DE ABERTURA DE CANDIDATURAS A APOIO FINANCEIRO AVISO DE ABERTURA DE CANDIDATURAS A APOIO FINANCEIRO Tendo em conta os princípios constantes do Programa do XVII Governo Constitucional em matéria de política de saúde, foi definido, pelo Decreto Lei n.º

Leia mais

2. LEGITIMIDADE PARA A APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS

2. LEGITIMIDADE PARA A APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS CONDIÇÕES PARA A ALIENAÇÃO, POR AJUSTE DIRECTO, DE QUATRO LOTES DE TERRENO SITOS NA RUA CIDADE DE COIMBRA E NA RUA CIDADE DE BEJA, CRUZ DA PEDRA, FREGUESIA DE FRIELAS. 1. OBJECTO A alienação, por ajuste

Leia mais

HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE SUCATA CADERNO DE ENCARGOS

HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE SUCATA CADERNO DE ENCARGOS HASTA PÚBLICA PARA ALIENAÇÃO DE SUCATA CADERNO DE ENCARGOS Cláusula 1ª Objecto do procedimento Constitui objecto deste procedimento a venda de sucata vária. Cláusula 2ª Identificação da sucata Material

Leia mais

INFRAESTRUTURAS DE PORTUGAL, S.A.

INFRAESTRUTURAS DE PORTUGAL, S.A. INFRAESTRUTURAS DE PORTUGAL, S.A. Procedimento de Venda através de Leilão Público de Árvores em pé no IP5 entre os Km 80+000 a Km 97+000 N. 01/2015/EP/GRVIS As condições de venda a que se refere o presente

Leia mais

«Conta-nos: Voluntariado pelos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio»

«Conta-nos: Voluntariado pelos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio» Regulamento «Conta-nos: Voluntariado pelos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio» 1. Promotor O Projecto de apoio a implementação do Programa Nacional de Voluntariado de Cabo Verde (PNV), executado

Leia mais

ESTATUTOS ASSOCIAÇÃO CORAÇÃO AMARELO APROVADOS EM ASSEMBLEIA - GERAL DE 13.11.2009

ESTATUTOS ASSOCIAÇÃO CORAÇÃO AMARELO APROVADOS EM ASSEMBLEIA - GERAL DE 13.11.2009 ESTATUTOS DA ASSOCIAÇÃO CORAÇÃO AMARELO APROVADOS EM ASSEMBLEIA - GERAL DE 13.11.2009 Revistos conforme instruções da Procuradoria da República de Lisboa em Dezembro de 2010 ~~~~ ENTRADA EM VIGOR A 15

Leia mais

EDITAL DELEGAÇÃO DE COMPETÊNCIAS

EDITAL DELEGAÇÃO DE COMPETÊNCIAS EDITAL DELEGAÇÃO DE COMPETÊNCIAS DR. PAULO TITO DELGADO MORGADO, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE ALVAIÁZERE: Torna público, que nos termos e para efeitos do disposto no artigo 91º da Lei nº 169/99, de

Leia mais

Relatório Preliminar

Relatório Preliminar Relatório Preliminar Concurso para Aquisição de Serviços de Formação e Consultoria Especializada no âmbito do Projecto QI-PME Norte, iniciativa Formação para Empresários Ao segundo dia do mês de Agosto

Leia mais

Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015

Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015 Projeto n 14593/2014 - Escritório Nacional do CATAFORTE - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2015 1. PREÂMBULO O CEADEC - Centro de Estudos e Apoio ao Desenvolvimento,

Leia mais

3 AGOSTO, 2012 Área de Prática de Direito Público & Ambiente

3 AGOSTO, 2012 Área de Prática de Direito Público & Ambiente SÉTIMA ALTERAÇÃO AO CÓDIGO DOS CONTRATOS PÚBLICOS No passado dia 12 de Julho de 2012 foi publicado o Decreto-Lei n.º 149/2012, que altera o Código dos Contratos Públicos ( CCP ), ajustando-o ao disposto

Leia mais

MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE

MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE MUNICÍPIO DE CASTRO VERDE Concurso Público Arrendamento (para fins não habitacionais) do Estabelecimento Comercial Café Paraíso, em Castro Verde PROGRAMA DE CONCURSO Castro Verde, 04 de Janeiro de 2016

Leia mais

CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE UM ESPAÇO DESTINADO À INSTALAÇÃO DE UM ESTABELECIMENTO DE BEBIDAS CAFETARIA. ARTIGO 1.º

CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE UM ESPAÇO DESTINADO À INSTALAÇÃO DE UM ESTABELECIMENTO DE BEBIDAS CAFETARIA. ARTIGO 1.º CADERNO DE ENCARGOS CONCURSO PARA ARRENDAMENTO DE UM ESPAÇO DESTINADO À INSTALAÇÃO DE UM ESTABELECIMENTO DE BEBIDAS CAFETARIA. ARTIGO 1.º Pela Câmara Municipal de Caminha é aberto concurso para arrendamento

Leia mais

Artigo 1.º (Âmbito) Artigo 2.º (Empresas e Pró-Empresas) Artigo 3.º (Serviços Base) Artigo 4.º (Serviços Extra)

Artigo 1.º (Âmbito) Artigo 2.º (Empresas e Pró-Empresas) Artigo 3.º (Serviços Base) Artigo 4.º (Serviços Extra) REGULAMENTO O conceito de CENTRO DE EMPRESAS consiste na disponibilização de espaços destinados a empresas e pró-empresas, visando a promoção, desenvolvimento e consolidação das mesmas, com a finalidade

Leia mais

MUNICÍPIO DE MELGAÇO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO BAR DA ALAMEDA. ANÚNCIO N.º 1/DDE/2012, de 06 de JANEIRO

MUNICÍPIO DE MELGAÇO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO BAR DA ALAMEDA. ANÚNCIO N.º 1/DDE/2012, de 06 de JANEIRO CONCURSO PARA ARRENDAMENTO BAR DA ALAMEDA ANÚNCIO N.º 1/DDE/2012, de 06 de JANEIRO Índice CAPÍTULO I ANÚNCIO DE CONCURSO... 3 1. IDENTIFICAÇÃO DO CONCURSO... 4 2. IDENTIFICAÇÃO E CONTACTOS DA ENTIDADE

Leia mais

REGIMENTO DA ASSEMBLEIA GERAL DA ASSOCIAÇAO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA

REGIMENTO DA ASSEMBLEIA GERAL DA ASSOCIAÇAO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA REGIMENTO DA ASSEMBLEIA GERAL DA ASSOCIAÇAO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA CAPÍTULO I Da Assembleia Geral Artigo 1 Natureza A Assembleia Geral é constituída por todos os associados no pleno gozo dos seus

Leia mais

Procedimentos e documentos necessários para a instrução do pedido de Autorização

Procedimentos e documentos necessários para a instrução do pedido de Autorização Autorização para o exercício da actividade de mediação de seguros Entidade competente: Autoridade Monetária de Macau Departamento de Supervisão de Seguros (AMCM DSG) Endereço:Calçada do Gaio, N 24 e 26,

Leia mais

SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO MEDIDAS DE AUTOPROTECÇÃO

SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO MEDIDAS DE AUTOPROTECÇÃO IV JORNADAS TÉCNICAS DE SEGURANÇA E HIGIENE DO TRABALHO DA ESCOLA PROFISSIONAL DE AVEIRO SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO MEDIDAS DE AUTOPROTECÇÃO Manuela Mil-Homens Comando Distrital de Operações de Socorro

Leia mais

UNIDADE ORGÂNICA DE PLANEAMENTO E PROJECTOS ESTRUTURAIS SUB-UNIDADE ORGÂNICA ADMINISTRATIVA DE OBRAS E PROJECTOS ÍNDICE

UNIDADE ORGÂNICA DE PLANEAMENTO E PROJECTOS ESTRUTURAIS SUB-UNIDADE ORGÂNICA ADMINISTRATIVA DE OBRAS E PROJECTOS ÍNDICE MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ CÂMARA MUNICIPAL DE REGUENGOS DE MONSARAZ PROJECTO DE EXECUÇÃO REQUALIFICAÇÃO DO MERCADO MUNICIPAL DE REGUENGOS DE MONSARAZ PROGRAMA DE CONCURSO SETEMBRO 2010 SECÇÃO

Leia mais

PROGRAMA DO CONCURSO LIMITADO POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO (Página 2 33) CADERNO DE ENCARGOS (Página 33 66)

PROGRAMA DO CONCURSO LIMITADO POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO (Página 2 33) CADERNO DE ENCARGOS (Página 33 66) PROGRAMA DO CONCURSO LIMITADO POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO (Página 2 33) CADERNO DE ENCARGOS (Página 33 66) Outubro - 2011 CONCURSO LIMITADO POR PRÉVIA QUALIFICAÇÃO N.º [número] Designação: PROGRAMA DO CONCURSO

Leia mais

ORDEM DOS NOTÁRIOS REGULAMENTO DE ESTÁGIO

ORDEM DOS NOTÁRIOS REGULAMENTO DE ESTÁGIO ORDEM DOS NOTÁRIOS REGULAMENTO DE ESTÁGIO Preâmbulo Nos termos do Artigo 30.º do Estatuto do Notariado, aprovado pelo Decreto Lei Nº 26/2004, de 4 de Fevereiro, vem a Ordem dos Notários aprovar Regulamento

Leia mais

FUNCHAL. CAE Rev_3 68312 ACTIVIDADES DE ANGARIAÇÃO IMOBILIÁRIA ÂMBITO:

FUNCHAL. CAE Rev_3 68312 ACTIVIDADES DE ANGARIAÇÃO IMOBILIÁRIA ÂMBITO: O conteúdo informativo disponibilizado pela presente ficha não substitui a consulta dos diplomas legais referenciados e da entidade licenciadora. FUNCHAL CAE Rev_3 68312 ACTIVIDADES DE ANGARIAÇÃO IMOBILIÁRIA

Leia mais

Agência para o Desenvolvimento Empresarial e Inovação ADEI Rede Nacional de Incubadoras de Negócio RENI

Agência para o Desenvolvimento Empresarial e Inovação ADEI Rede Nacional de Incubadoras de Negócio RENI Agência para o Desenvolvimento Empresarial e Inovação ADEI Rede Nacional de s de Negócio RENI Anúncio Concurso Público nº ADEI/RENI- 07/2015 Contratação de uma empresa especializada e qualificada para

Leia mais

PROCEDIMENTO. Ref. Pcd. 3-sGRHF. Bolsas de Investigação Científica da UA, financiadas pela UA ou por outras verbas desde que não provenientes da FCT

PROCEDIMENTO. Ref. Pcd. 3-sGRHF. Bolsas de Investigação Científica da UA, financiadas pela UA ou por outras verbas desde que não provenientes da FCT PROCEDIMENTO Ref. Pcd. 3-sGRHF Bolsas de Investigação Científica da UA, financiadas pela UA ou por outras verbas desde que não provenientes da FCT Data: 14 /07/2011 Elaboração Nome: Fátima Serafim e Helena

Leia mais

ANÚNCIO DE CONCURSO - INSPECÇÃO-GERAL DE FINANÇAS

ANÚNCIO DE CONCURSO - INSPECÇÃO-GERAL DE FINANÇAS ANÚNCIO DE CONCURSO - INSPECÇÃO-GERAL DE FINANÇAS A Direcção Geral da Administração Pública e a Inspecção-Geral de Finanças (IGF), através da Direcção Geral do Planeamento, Orçamento e Gestão do Ministério

Leia mais

DIRECTIVA RELATIVA À SUBCONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS

DIRECTIVA RELATIVA À SUBCONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS N. o 032/B/2009-DBS/AMCM Data: 14/8/2009 DIRECTIVA RELATIVA À SUBCONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS A Autoridade Monetária de Macau (AMCM), no exercício das competências que lhe foram atribuídas pelo Artigo 9. o

Leia mais

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DOS SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS DO I2ADS CADERNO DE ENCARGOS

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DOS SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS DO I2ADS CADERNO DE ENCARGOS PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DOS SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS DO I2ADS CADERNO DE ENCARGOS 1/5 Cláusula 1.ª Objecto contratual Cláusula 2.ª Serviços incluídos na prestação de

Leia mais

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE MEDICINA DENTÁRIA CONCURSO PÚBLICO N.º 3.09 CADERNO DE ENCARGOS

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE MEDICINA DENTÁRIA CONCURSO PÚBLICO N.º 3.09 CADERNO DE ENCARGOS UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE MEDICINA DENTÁRIA CONCURSO PÚBLICO N.º 3.09 CADERNO DE ENCARGOS (Conforme art.42º do Decreto Leinº18/2008 de 29 de Janeiro de 2008) Cláusula 1.ª Objecto 1. O presente

Leia mais

Decreto-Lei n.º 13/93 de 15 de Janeiro Regula a criação e fiscalização das unidades privadas de saúde

Decreto-Lei n.º 13/93 de 15 de Janeiro Regula a criação e fiscalização das unidades privadas de saúde A leitura deste documento, que transcreve o conteúdo do Decreto-Lei n.º 13/93, de 15 de Janeiro, não substitui a consulta da sua publicação em Diário da República. Decreto-Lei n.º 13/93 de 15 de Janeiro

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE UMA LICENÇA DE TÁXI PARA A FREGUESIA DE REGO DA MURTA, COM ESTACIONAMENTO FIXO EM VENDA DOS OLIVAIS

CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE UMA LICENÇA DE TÁXI PARA A FREGUESIA DE REGO DA MURTA, COM ESTACIONAMENTO FIXO EM VENDA DOS OLIVAIS CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE UMA LICENÇA DE TÁXI PARA A FREGUESIA DE REGO DA MURTA, COM ESTACIONAMENTO FIXO EM VENDA DOS OLIVAIS PROGRAMA DE CONCURSO Artigo 1.º OBJECTO E VALIDADE DO CONCURSO 1.

Leia mais

Anúncio de concurso. Fornecimentos

Anúncio de concurso. Fornecimentos 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:268964-2014:text:pt:html Itália-Ispra: Aluguer de curta e longa duração de viaturas e transporte de viaturas com o objetivo

Leia mais

CARTA CONVITE N 04/2012 CONVÊNIO 760683/2011 SDH/PR

CARTA CONVITE N 04/2012 CONVÊNIO 760683/2011 SDH/PR CARTA CONVITE N 04/2012 CONVÊNIO 760683/2011 SDH/PR TIPO: MENOR PREÇO O Centro de Defesa da Criança e do Adolescente Glória de Ivone CEDECA-TO, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL SAZONAL DO ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO/BEBIDAS DO PARQUE MANUEL DE CASTRO, EM CUBA

CONCURSO PÚBLICO PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL SAZONAL DO ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO/BEBIDAS DO PARQUE MANUEL DE CASTRO, EM CUBA CONCURSO PÚBLICO PARA ARRENDAMENTO COMERCIAL SAZONAL DO ESTABELECIMENTO DE RESTAURAÇÃO/BEBIDAS DO PARQUE MANUEL DE CASTRO, EM CUBA PROGRAMA DE CONCURSO 1- ENTIDADE ADJUDICANTE: Entidade pública adjudicante

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE ARRENDAMENTO COMERCIAL DE LOJAS NO MERCADO MUNICIPAL DA NAZARÉ PROGRAMA DO CONCURSO

CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE ARRENDAMENTO COMERCIAL DE LOJAS NO MERCADO MUNICIPAL DA NAZARÉ PROGRAMA DO CONCURSO CONCURSO PÚBLICO PARA ATRIBUIÇÃO DE ARRENDAMENTO COMERCIAL DE LOJAS NO MERCADO MUNICIPAL DA NAZARÉ PROGRAMA DO CONCURSO 1 - ENTIDADE ADJUDICANTE Município da Nazaré, Avenida Vieira Guimarães, nº 54, Paços

Leia mais

CONVITE Nº 09/2.011 FUNDAMENTO LEGAL

CONVITE Nº 09/2.011 FUNDAMENTO LEGAL CONVITE Nº 09/2.011 Licitante Convidado: Endereço: nº Cidade: CEP: Fone: CNPJ: Insc. Estadual: FUNDAMENTO LEGAL O Presidente da Câmara Municipal de Jaboticabal-SP., no exercício de sua competência legal,

Leia mais

O Novo Regime da Contratação Pública. no Código dos Contratos Públicos. Grupo de Trabalho Março/Abril, 2008

O Novo Regime da Contratação Pública. no Código dos Contratos Públicos. Grupo de Trabalho Março/Abril, 2008 O Novo Regime da Contratação Pública no Código dos Contratos Públicos Grupo de Trabalho Março/Abril, 2008 Introdução Da mera transposição das novas directivas comunitárias 2004/17 e 2004/18 à elaboração

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) CARTA CONVITE Nº: 008/2013. São Paulo, 04 de junho de 2.013. Processo n.º 042-05/2013 Tipo: MENOR PREÇO Firma: A/C: E-mail: Convidamos a referida empresa a apresentar proposta para atendimento do objeto

Leia mais

REGULAMENTO ELEITORAL

REGULAMENTO ELEITORAL REGULAMENTO ELEITORAL I - PROCESSO ELEITORAL 1º 1. O processo eleitoral terá a duração máxima de 90 dias. 2. Em eleições regulares, realizadas trienalmente, iniciar- se- á no dia 1 de Outubro desse ano.

Leia mais

Bélgica-Bruxelas: Modelo para estudos de viabilidade de um novo projeto relativo a biocombustível comercial sustentável 2013/S 248-431845

Bélgica-Bruxelas: Modelo para estudos de viabilidade de um novo projeto relativo a biocombustível comercial sustentável 2013/S 248-431845 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:431845-2013:text:pt:html Bélgica-Bruxelas: Modelo para estudos de viabilidade de um novo projeto relativo a biocombustível

Leia mais

Anúncio de concurso. Fornecimentos

Anúncio de concurso. Fornecimentos 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:239648-2014:text:pt:html Espanha-Alicante: Contratação de fornecimento de eletricidade (lote 1) e gás (lote 2) nos imóveis

Leia mais

Espanha-Alicante: Prestação de serviços de auditoria de certificação para o IHMI 2015/S 231-418942. Anúncio de concurso. Serviços

Espanha-Alicante: Prestação de serviços de auditoria de certificação para o IHMI 2015/S 231-418942. Anúncio de concurso. Serviços 1 / 6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:418942-2015:text:pt:html Espanha-Alicante: Prestação de serviços de auditoria de certificação para o IHMI 2015/S 231-418942

Leia mais

Associação de Estudantes da Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto. Artigo 1º. Comissão Eleitoral. Artigo 2º

Associação de Estudantes da Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto. Artigo 1º. Comissão Eleitoral. Artigo 2º Regulamento Eleitoral Associação de Estudantes da Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto Artigo 1º Comissão Eleitoral 1 A Comissão Eleitoral será formada por um Presidente e dois vogais, a

Leia mais

Concurso público urgente n.º 01/2012 Programa de concurso CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES DE VOZ E DADOS

Concurso público urgente n.º 01/2012 Programa de concurso CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES DE VOZ E DADOS CONCURSO PÚBLICO URGENTE PARA A AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES DE VOZ E DADOS PROGRAMA DE CONCURSO ÍNDICE Artigo 1.º - Identificação e objeto do concurso Artigo 2.º - Entidade adjudicante Artigo

Leia mais

Normas Regulamentares do Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Supervisão Pedagógica

Normas Regulamentares do Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Supervisão Pedagógica Normas Regulamentares do Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Supervisão Pedagógica Artigo 1.º Da admissão ao ciclo de estudos 1. À matrícula no mestrado em Ciências da Educação

Leia mais

REGULAMENTO DO CONTROLO DE QUALIDADE DA ORDEM DOS REVISORES OFICIAIS DE CONTAS. (Artigo 68.º do Decreto-Lei n.º 487/99, de 16 de Novembro)

REGULAMENTO DO CONTROLO DE QUALIDADE DA ORDEM DOS REVISORES OFICIAIS DE CONTAS. (Artigo 68.º do Decreto-Lei n.º 487/99, de 16 de Novembro) REGULAMENTO DO CONTROLO DE QUALIDADE DA ORDEM DOS REVISORES OFICIAIS DE CONTAS (Artigo 68.º do Decreto-Lei n.º 487/99, de 16 de Novembro) CAPÍTULO I Objectivos e caracterização do controlo de qualidade

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 RASTREAMENTO E MONITORAMENTO DE VÉICULO

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 RASTREAMENTO E MONITORAMENTO DE VÉICULO INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 RASTREAMENTO E MONITORAMENTO DE VÉICULO O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos de interesse

Leia mais

EDITAL Nº 68/2008 HASTA PÚBLICA PARA A ATRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS DE EXCLUSIVIDADE DE BARES DE APOIO AO FESTIVAL MÚSI- CAS DO MUNDO

EDITAL Nº 68/2008 HASTA PÚBLICA PARA A ATRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS DE EXCLUSIVIDADE DE BARES DE APOIO AO FESTIVAL MÚSI- CAS DO MUNDO MUNICíPIO DE SINES Câmara Municipal Gabinete da Presidência EDITAL Nº 68/2008 HASTA PÚBLICA PARA A ATRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS DE EXCLUSIVIDADE DE BARES DE APOIO AO FESTIVAL MÚSI- CAS DO MUNDO Manuel Coelho

Leia mais

Plano para recuperar ou liquidar a empresa

Plano para recuperar ou liquidar a empresa Plano para recuperar ou liquidar a empresa Os credores podem decidir se querem recuperar a empresa ou liquidála. Cabe aos credores de uma empresa decidirem se querem recuperá-la a empresa ou liquidá-la,

Leia mais

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:145006-2013:text:pt:html

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:145006-2013:text:pt:html 1/7 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:145006-2013:text:pt:html B-Bruxelas: Serviços de formação profissional no domínio da vigilância, do combate a incêndios,

Leia mais

ESTATUTO DA SOCIEDADE .. SOCIEDADE UNIPESOAL S.A.

ESTATUTO DA SOCIEDADE .. SOCIEDADE UNIPESOAL S.A. ESTATUTO DA SOCIEDADE.. SOCIEDADE UNIPESOAL S.A. CAPÍTULO I Da Firma, Tipo, Sede, Duração e Objecto Social ARTIGO 1.º (Natureza jurídica, denominação e duração) A sociedade adopta o tipo de sociedade anónima

Leia mais

DECRETO Nº 4154/2009, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2009

DECRETO Nº 4154/2009, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2009 DECRETO Nº 4154/2009, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2009 REGULAMENTA OS CONCURSOS PÚBLICOS PARA OS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE GUAPORÉ, Prefeito Municipal de Guaporé, Estado do Rio Grande do Sul, no uso das atribuições

Leia mais

A Kudumba Investments Lda. considera e respeita a todos os níveis, os DH proclamados internacionalmente.

A Kudumba Investments Lda. considera e respeita a todos os níveis, os DH proclamados internacionalmente. AREA DO PACTO GLOBAL PRINCIPIOS DO PACTO GLOBAL ACÇOES REALIZADAS IMPACTO ALCANÇADO ACÇOES PLANEADAS DIREITOS HUMANOS 1. Respeitar e proteger os direitos humanos; A Kudumba Investments Lda. considera e

Leia mais

Espanha-Alicante: Serviços de creche ao ar livre/quinta educativa 2014/S 156-279479. Anúncio de concurso. Serviços

Espanha-Alicante: Serviços de creche ao ar livre/quinta educativa 2014/S 156-279479. Anúncio de concurso. Serviços 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:279479-2014:text:pt:html Espanha-Alicante: Serviços de creche ao ar livre/quinta educativa 2014/S 156-279479 Anúncio

Leia mais

INSTITUTO DOS VINHOS DO DOURO E DO PORTO, I.P. Aluguer Operacional de Viaturas CADERNO DE ENCARGOS Capítulo I Disposições gerais Clausula 1.

INSTITUTO DOS VINHOS DO DOURO E DO PORTO, I.P. Aluguer Operacional de Viaturas CADERNO DE ENCARGOS Capítulo I Disposições gerais Clausula 1. INSTITUTO DOS VINHOS DO DOURO E DO PORTO, I.P. Aluguer Operacional de Viaturas CADERNO DE ENCARGOS Capítulo I Disposições gerais Clausula 1.ª Objecto O presente Caderno de Encargos compreende as cláusulas

Leia mais

SERVIÇO EUROPEU DE SELECÇÃO DO PESSOAL (EPSO)

SERVIÇO EUROPEU DE SELECÇÃO DO PESSOAL (EPSO) 25.5.2011 PT Jornal Oficial da União Europeia C 155 A/1 V (Avisos) PROCEDIMENTOS ADMINISTRATIVOS SERVIÇO EUROPEU DE SELECÇÃO DO PESSOAL (EPSO) ANÚNCIO DE CONCURSO GERAL EPSO/AD/215/11 Administradores no

Leia mais

Tipos de procedimento e critérios de escolha: principais novidades para as empresas de obras públicas. Margarida Olazabal Cabral

Tipos de procedimento e critérios de escolha: principais novidades para as empresas de obras públicas. Margarida Olazabal Cabral Tipos de procedimento e critérios de escolha: principais novidades para as empresas de obras públicas Margarida Olazabal Cabral Empreitadas de obras públicas Tipos de procedimento: Concurso Público e Concurso

Leia mais