José Carlos Zoccoli Superintendente de Comercialização CELG D Brasil

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "José Carlos Zoccoli Superintendente de Comercialização CELG D Brasil"

Transcrição

1 José Carlos Zoccoli Superintendente de Comercialização CELG D Brasil

2 NOVO BILLING/CRM/METTERS X APLICAÇÃO DE FERRAMENTA MOTIVACIONAL

3 CENÁRIO NA IMPLANTAÇÃO BILLING/CRM DIFICULDADES- -> IMPACTOS -> DESMOTIVAÇÃO AMEAÇAS: Aumento dos Níveis de:» Inadimplência»Perdas Não Técnicas Redução da Qualidade de processos críticos.»ex: Faturamento Queda da qualidade no atendimento Necessidade de se garantir a efetivação da Receita Prevista-

4 A GESTÃO COMERCIAL VINHA DE BONS RESULTADOS ESTRUTURA DA GESTÃO COMERCIAL PROJETO COM VIÉS MOTIVACIONAL : UNIVERSALIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO

5 ESTRUTURA DA GESTÃO COMERCIAL - SÍNTESE Modelo Adotado à partir de 2004 Elaboração e construção de Indicadores Chaves de Desempenho Adoção do Conceito e estabelecimento de Metas Monitoração da padronização com Inspeções nas Regionais Estrutura de Comunicação Interna Eficaz

6 FERRAMENTA MOTIVACIONAL - SÍNTESE Projeto universalização da informação Adequação da equipe comercial ao negócio, às regras da empresa e ao mercado onde atua Estruturação de um novo processo de comunicação mais eficaz com a equipe (PIC) Assistência Pontual e Monitoração Remota com foco nas vulnerabilidades detectadas Valorização dos melhores resultados Prêmio de Melhor de Gestão

7 PREMIAÇÃO E RESULTADOS Evento de premiação aos gestores e equipes que obtiverem melhores resultados 7,00 6,00 5,00 4,00 3,00 2,00 1,00 0,00 EVOLUÇÃO DO ÍNDICE DE REFATURAMENTO POR ERRO DE LEITURA A CADA CONTAS ANTES DURANTE APÓS

8 IMPACTOS PELA IMPLANTAÇÃO DE UM NOVO SISTEMA Ambiente de Resistência Natural Novo Sistema Billing/CRM/ ADAPTAÇÕES À FERRAMENTA MOTIVACIONAL Ambiente de Desafio MOTIVADOR

9 PROCESSO DE COBRANÇA REAVISO Módulo de Cobrança - Regras Parametrizáveis Sugere CORTE VISTORIA E RECORTE NEGATIVAÇÃO COBRANÇA TERCEIRIZADA

10 RELAÇÃO COM A META DE INADIMPLÊNCIA APESAR DA GERAÇÃO AUTOMÁTICA DAS AÇÕES COM O USO DA INTELIGÊNCIA DO SISTEMA POSSIBILITA: DECISÃO DO GESTOR COMPETIÇÃO SAUDÁVEL VALORIZAÇÃO DOS MELHORES RESULTADOS GESTOR CONFIRMA SUGESTÃO APÓS ANÁLISE DE RECURSOS, CUSTOS E RESULTADOS MONITORAÇÃO CENTRALIZADA DO PROCESSO E DE SEUS RESULTADOS

11 TRATAMENTO DAS AÇÕES DE COBRANÇA TRATAMENTO DAS AÇÕES DE COBRANÇA MONITORAÇÃO CENTRALIZADA- TELA MONITORAÇÃO CENTRALIZADA- RELATÓRIO

12 MONITORAÇÃO CENTRALIZADA COM ASSISTÊNCIA REMOTA % REAVISOS FINALIZADOS / SUGERIDOS % CORTES FINALIZADOS / SUGERIDOS % INADIMPLÊNCIA CORRENTE CUSTOS (EM IMPLANTAÇÃO) ,43 R$??

13 ATENDIMENTO EXEMPLOS DE ALGUNS GANHOS INTEGRAÇÃO áreas de negócio COMERCIAL E TÉCNICA SISTEMA ÚNICO NEGOCIAÇÃO PESSOAL/TELEFONE COM SIMULAÇÃO INTEGRAÇAO AGENTES ARRECADADORES permite o pagamento de faturas sem a necessidade de o cliente estar com sua conta em mãos. REGISTRO ATENDIMENTO Á NÃO CLIENTE.

14 ACESSIBILIDADE CALL CENTER AGÊNCIAS PRÓPRIAS VAPT- VUPT AGÊNCIAS CREDENCIADA CONVÊNIOS OUTROS USUÁRIOS PADRÃO 100% WEB

15 INTELIGÊNCIA INFORMAÇÕES IMPORTANTES NA 1ª TELA REDUÇÃO DA CURVA DE APRENDIZADO USUÁRIO (AMIGÁVEL-AUTO AJUDA) FACILIDADE DE CONFIGURAÇÃO DE TEXTOS DE AUXÍLIO AO ATENDIMENTO (Scripts)

16 RELAÇÃO COM ÍNDICE DE SATISFAÇÃO DO CLIENTE Melhoria no atendimento e no relacionamento com o cliente em virtude da facilidade de acesso às informações pertinentes, concentradas em um único sistema TMA ATUAL 3,17 MINUTOS

17 AGENTE INSERIDO PARA APOIO CRIAÇÃO DE UM BACK-OFFICE À PARTIR DE ANTIGOS SUPERVISORES DE ATENDIMENTO APOIO À USUÁRIOS DAS REGIONAIS APOIO AOS USUÁRIOS DE CONVÊNIOS DETECÇÃO DE NECESSIDADES DE TREINAMENTO RECEPÇÃO E ANÁLISE DE SUGESTÕES PARA OPORTUNIDADES DE MELHORIAS

18 MÓDULO WORK-FLOW WORK-FLOW CONTROLA : O FLUXO E O STATUS DOS SERVIÇOS SOLICITADOS REALIZADOS E PENDENTES CONSULTA POR: QUALQUER AGÊNCIA CALL CENTER USUÁRIOS DEMAIS PROCESSOS

19 MÓDULO WORK-FLOW WORK-FLOW FLUXO DO SERVIÇO CONFIGURÁVEL PELO GESTOR DO PROCESSO EX: AÇÃO DE COBRANÇA - P/ ONDE DIRECIONA O RECORTE? PERMISSÃO PARA DIRECIONAMENTO DE SERVIÇOS DE ACORDO COM A NECESSIDADE SAZONAL E ESTRUTURA DA REGIONAL

20 NOVO SISTEMA DE GESTÃO DE MEDIDORES CONTROLA MOVIMENTAÇÃO E STATUS MEDIDOR LABORATÓRIO NOVO SISTEMA DE GESTÃO DE MEDIDORES AGÊNCIA PÓLO AGÊNCIA LOCALIDADE INSTALADOR CONSUMIDOR

21 MÓDULO DE GESTÃO DE MEDIDORES CONTROLA MÓDULO DE GESTÃO DE MEDIDORES RASTREABILIDADE METROLÓGICA MEDIDOR PADRÃO DE SERVIÇO ALINHADO COM SISTEMA GESTÃO DA QUALIDADE ISO PERMITE REGISTRO DE LACRES E SELOS PADRÃO EMPRESA INMETRO PEA PEA

22 RASTREABILIDADE RASTREABILIDADE FÍSICA- TELA 1 RASTREABILIDADE FÍSICA- TELA 2 RASTREABILIDADE METROLÓGICA

23 FATORES DE ESTRESSE PARA O PROFISSIONAL DE FATURAMENTO A INTELIGÊNCIA DO SISTEMA PROPICIA: MAIOR RIGIDEZ NO CUMPRIMENTO DAS REGRAS QUE IMPLICA EM MAIORES EXIGÊNCIAS MENOR VULNERABILIDADE QUE IMPEDE CONTIGENCIAMENTOS INFORMAIS FACILIDADE DE AUDITORIA QUE FACILITA TAMBÉM A DETECÇÃO DE FALHAS HUMANAS

24 COMPENSAÇÕES INSERIDAS NO PROCESSO Alteração de janelas de processamentos Disponibilização de maior tempo para o processo de validação de leituras Monitoramento centralizado Utilização do ambiente de teste Possibilidade de centralização do processo de remoção de inconsistências de acordo com a estrutura da regional Assistência pontual quando necessário

25 RESULTADOS À PARTIR DO Perdas Técnicas 9,50% PROJETO Faturamento CELG D Perdas Não Técnicas 2,10% Não Perdas 88,40 % Não perdas Perdas Técnicas Perdas Não Técnicas Evolução da Arrecadação Com ercial % Efetivada / Previsto Evolução do Faturamento Comercial % Realizado / Previsto 96,20% 103,00% 96,10% ,50% 96,00% 95,90% 102,00% 101,50% 101,00% ,80% ,50% 100,00% ,70% 99,50%

26 PORTABILIDADE USUÁRIO Navegador Aplicações Servidores de Aplicações Banco de Dados OS Solaris/AIX/HPUX LINUX Main Frame Intel RISC

27 FIM OBRIGADO! CONTATO:

28 RASTREABILIDADE FÍSICA Nesta Pág. Movimentação de 1 a 5 Nº. de Registros

29 RASTREABILIDADE FÍSICA

30 RASTREABILIDADE METROLÓGICA

31 INTELIGÊNCIA DO SISTEMA 1ª TELA

32 SCRIPT

33 PIC - PORTAL DE INFORMAÇÕES COMERCIAIS

34 TRATAMENTO DAS AÇÕES DE COBRANÇA

35 MONITORAÇÃO CENTRALIZADA

36 MONITORAÇÃO CENTRALIZADA

Integration and flexibility in business management Integração e flexibilidade na gestão dos negócios Ladislau das Chagas Júnior & Jose Domingos

Integration and flexibility in business management Integração e flexibilidade na gestão dos negócios Ladislau das Chagas Júnior & Jose Domingos Integration and flexibility in business management Integração e flexibilidade na gestão dos negócios Ladislau das Chagas Júnior & Jose Domingos Favoretto Jr. Integração e flexibilidade na gestão dos negócios

Leia mais

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com.

CRManager. CRManager. TACTIUM CRManager. Guia de Funcionalidades. Versão 5.0 TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades. www.softium.com. Tactium Tactium CRManager CRManager TACTIUM CRManager Guia de Funcionalidades 1 O TACTIUM CRManager é a base para implementar a estratégia de CRM de sua empresa. Oferece todo o suporte para personalização

Leia mais

SIMPROS 2001. Experiência de implantação da norma ISO 9001:2000 a partir da utilização da ISO/IEC TR 15504 (SPICE) para Melhoria de Processos

SIMPROS 2001. Experiência de implantação da norma ISO 9001:2000 a partir da utilização da ISO/IEC TR 15504 (SPICE) para Melhoria de Processos Experiência de implantação da norma ISO 9001:2000 a partir da utilização da ISO/IEC TR 15504 (SPICE) para Melhoria de Processos Adilson Sérgio Nicoletti Blumenau, SC - setembro de 2001 Conteúdo Apresentação

Leia mais

DÉDALO Ferramenta de Apoio à Gestão de Empresas Aéreas

DÉDALO Ferramenta de Apoio à Gestão de Empresas Aéreas DÉDALO Ferramenta de Apoio à Gestão de Empresas Aéreas DÉDALO é um sistema de informações especialista, concebido e desenvolvido para automatizar, integrar e dar suporte aos principais processos utilizados

Leia mais

Missão referência setor elétrico serviços e recursos

Missão referência setor elétrico serviços e recursos Apresentação Missão Ser referência na produção de sites, hotsites e intranets para o setor elétrico, fornecendo serviços e recursos exclusivos, gerando valor para nossos clientes e criando ferramentas

Leia mais

módulos transversais SOLUÇÕES multi-channel contract workflow

módulos transversais SOLUÇÕES multi-channel contract workflow módulos transversais SOLUÇÕES multi-channel contract workflow RESUMO DA SOLUÇÃO multicanal personalização adesão simplicidade A aplicação Multi-Channel Contract Workflow disponibiliza o processo de adesão

Leia mais

CRONOGRAMA DE INSTALAÇÃO

CRONOGRAMA DE INSTALAÇÃO CRONOGRAMA DE INSTALAÇÃO Para uma instalação segura e sem imprevistos, a equipe técnica da JOTEC, preparou este cronograma com 7 etapas que deverão ser seguidas utilizando todos os materiais de apoio enviados

Leia mais

A solução INFOTRÂNSITO abrange sistemas web multiplataformas, podendo ser instalados em ambientes Linux, Windows e Apple.

A solução INFOTRÂNSITO abrange sistemas web multiplataformas, podendo ser instalados em ambientes Linux, Windows e Apple. INFOTRÂNSITO A plataforma INFOTRÂNSITO emprega tecnologias inovadoras para garantir ao poder público um gerenciamento eficaz da operação do trânsito nos grandes centros urbanos. A partir da coleta, em

Leia mais

Desenvolvimento de software potencializa gestão de processos e gera economia estimada em R$ 80 milhões para Embasa

Desenvolvimento de software potencializa gestão de processos e gera economia estimada em R$ 80 milhões para Embasa Desenvolvimento de software potencializa gestão de processos e gera economia estimada em R$ 80 milhões para Embasa Perfil A Embasa é uma sociedade de economia mista de capital autorizado, pessoa jurídica

Leia mais

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. BANCO TOPÁZIO FORTALECE MONITORAMENTO E CONQUISTA MAIOR CREDIBILIDADE DOS CLIENTES

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. BANCO TOPÁZIO FORTALECE MONITORAMENTO E CONQUISTA MAIOR CREDIBILIDADE DOS CLIENTES Case de Sucesso Integrando CIOs, gerando conhecimento. BANCO TOPÁZIO FORTALECE MONITORAMENTO E CONQUISTA MAIOR CREDIBILIDADE DOS CLIENTES Perfil O Banco Topázio é parte de um grupo empresarial que atua

Leia mais

ORIENTAÇÃO TÉCNICA SICOM - CONTABILIDADE

ORIENTAÇÃO TÉCNICA SICOM - CONTABILIDADE ORIENTAÇÃO TÉCNICA SICOM - CONTABILIDADE O principal objetivo do SICOM é exercer um controle concomitante dos atos e fatos realizados nas administrações públicas, criando condições para identificar de

Leia mais

XVIII Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica. SENDI 2008-06 a 10 de outubro. Olinda - Pernambuco - Brasil

XVIII Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica. SENDI 2008-06 a 10 de outubro. Olinda - Pernambuco - Brasil XVIII Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2008-06 a 10 de outubro Olinda - Pernambuco - Brasil Pagamento da Conta de Energia com Cartão de débito Visa Rosimeri Xavier de Oliveira

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Sistema de Controle e Gerenciamento de intervenções em Rede de Distribuição De Água Gestão das Reclamações de Falta de Água Setembro/2010 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

Leia mais

Apresentação Comercial

Apresentação Comercial Apresentação Comercial Quem Somos O HANT é uma vertical da empresa NDDigital, com foco em desenvolver soluções através de software e serviços direcionados a atender a cadeia de compra das empresas, desde

Leia mais

CONHEÇA A VALECARD TODA ESSA ESTRUTURA EXISTE PRA VOCÊ: Reduzir custos. Ganhar tempo. Organizar processos.

CONHEÇA A VALECARD TODA ESSA ESTRUTURA EXISTE PRA VOCÊ: Reduzir custos. Ganhar tempo. Organizar processos. CONHEÇA A VALECARD Soluções completas e integradas para a gestão de benefícios, gestão financeira e de frotas. Cartões aceitos em todo território nacional, por meio da Redecard, Cielo e ValeNet, o que

Leia mais

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 01 TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 02 Plataforma O TOPLAB foi projetado para funcionar na web, nasceu 'respirando

Leia mais

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO A M2 Data Center é uma empresa especializada no desenvolvimento de tecnologias voltadas para agregarem valor às empresas, permitindo assim um melhor posicionamento

Leia mais

Portabilidade de Crédito Conceitos Gerais e Processos Guia Rápido Correspondentes

Portabilidade de Crédito Conceitos Gerais e Processos Guia Rápido Correspondentes Diretoria de Cartões e Consignado Superintendência Executiva de Crédito Consignado Conceitos Gerais e Processos Guia Rápido Correspondentes São Paulo, Maio de 2014. Índice 1. Glossário 2. Definições 3.

Leia mais

Planejamento Estratégico de TIC. da Justiça Militar do Estado. do Rio Grande do Sul

Planejamento Estratégico de TIC. da Justiça Militar do Estado. do Rio Grande do Sul Planejamento Estratégico de TIC da Justiça Militar do Estado do Rio Grande do Sul MAPA ESTRATÉGICO DE TIC DA JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO (RS) MISSÃO: Gerar, manter e atualizar soluções tecnológicas eficazes,

Leia mais

Luiz Ildebrando Pierry Porto Alegre, Maio de 2006

Luiz Ildebrando Pierry Porto Alegre, Maio de 2006 Luiz Ildebrando Pierry Porto Alegre, Maio de 2006 Evolução Estratégica do Movimento Qualidade RS 13 anos de atividade Instalação do Programa Cumulativo Consolidação do Programa como Promotor da Causa Evolução

Leia mais

Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra

Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra Reunião de Executivos 25/03/2015 Mafra - Ferramentas importantes para o dia a dia - Relacionamento com o Associado - Melhorias recentes - Módulo Financeiro Espaço Gestor Funções do SISPC que

Leia mais

Implantação de um Sistema de Gestão de Segurança da Informação na UFG

Implantação de um Sistema de Gestão de Segurança da Informação na UFG Universidade Federal de Goiás Implantação de um Sistema de Gestão de Segurança da Informação na UFG Jánison Calixto Hugo A. D. Nascimento CERCOMP - UFG Cronogram a Introdução Conceito de SGSI Política

Leia mais

MEDIÇÃO DE DESEMPENHO NA CONSTRUÇÃO CIVIL

MEDIÇÃO DE DESEMPENHO NA CONSTRUÇÃO CIVIL MEDIÇÃO DE DESEMPENHO NA CONSTRUÇÃO CIVIL Eng. Dayana B. Costa MSc, Doutoranda e Pesquisadora do NORIE/UFRGS Conteúdo da Manhã Módulo 1 Medição de Desempenho Conceitos Básicos Experiência de Sistemas de

Leia mais

Avaliação de Riscos Aplicada à Qualidade em Desenvolvimento de Software

Avaliação de Riscos Aplicada à Qualidade em Desenvolvimento de Software Rafael Espinha, Msc rafael.espinha@primeup.com.br +55 21 9470-9289 Maiores informações: http://www.primeup.com.br riskmanager@primeup.com.br +55 21 2512-6005 Avaliação de Riscos Aplicada à Qualidade em

Leia mais

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento HOME O QUE É TOUR MÓDULOS POR QUE SOMOS DIFERENTES METODOLOGIA CLIENTES DÚVIDAS PREÇOS FALE CONOSCO Suporte Sou Cliente Onde sua empresa quer chegar? Sistemas de gestão precisam ajudar sua empresa a atingir

Leia mais

DECRETO Nº 5 DE 2 DE JANEIRO DE 2013

DECRETO Nº 5 DE 2 DE JANEIRO DE 2013 DECRETO Nº 5 DE 2 DE JANEIRO DE 2013 SÚMULA: Estabelece a Programação Financeira, em Metas Bimestrais de Arrecadação, das Receitas previstas para o exercício financeiro de 2013, do Município de Londrina,

Leia mais

CONSULTORIA E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA

CONSULTORIA E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA CONSULTORIA E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA Quem Somos A Vital T.I surgiu com apenas um propósito: atender com dedicação nossos clientes. Para nós, cada cliente é especial e procuramos entender toda a dinâmica

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA INS 14.16. Instrução Normativa: 14.16/08-01. Revisão nº 0102. Data da Revisão: 22/10/2012. Resolução Sup.

INSTRUÇÃO NORMATIVA INS 14.16. Instrução Normativa: 14.16/08-01. Revisão nº 0102. Data da Revisão: 22/10/2012. Resolução Sup. INSTRUÇÃO NORMATIVA INS 14.16 Telemarketing Ativo Origem: Diretoria Superintendência Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado de Mato Grosso Instrução Normativa: 14.16/08-01 Revisão nº 0102

Leia mais

1.1 Objetivo 1 1.2 Características 1

1.1 Objetivo 1 1.2 Características 1 Introdução 1. INTRODUÇÃO 1 1.1 Objetivo 1 1.2 Características 1 2. AUTORIZAÇÃO DE ACESSO A SISTEMA 2 2.1 Endereço WEB do SCPA Módulo Sistema 2 2.2 Pré-requisitos para acesso: 2 2.3 Tela inicial: 3 2.4

Leia mais

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL CSI IT Solutions 2.5 solução CSI PrintManager G e s t ã o d e A m b i e n t e d e I m p r e s s ã o O CSI dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais

Leia mais

VISÃO ESTRATÉGICA PROPOSTA PELA CWM

VISÃO ESTRATÉGICA PROPOSTA PELA CWM VISÃO ESTRATÉGICA PROPOSTA PELA CWM MUDANÇA DE ATITUDE PARA VALORIZAR E FIDELIZAR O CLIENTE CWM COMUNICAÇÃO SETEMBRO DE 2005 ASPECTOS ESTRATÉGICOS Fator Econômico Criar um diferencial competitivo perante

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL SMART Versão 1.1

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL SMART Versão 1.1 MANUAL DO USUÁRIO PORTAL SMART Versão 1.1 1- OBJETIVO Apresentar ao cliente o procedimento de como utilizar o Portal SMART e realizar gestão de ocorrências apresentadas durante o monitoramento. 2- ACESSANDO

Leia mais

Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA. Service Desk

Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA. Service Desk Manual do usuário - Service Desk SDM - COPASA Service Desk Sumário Apresentação O que é o Service Desk? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Fazendo Login no Sistema Tela inicial

Leia mais

Prof. Dr. Ivanir Costa. Unidade III QUALIDADE DE SOFTWARE

Prof. Dr. Ivanir Costa. Unidade III QUALIDADE DE SOFTWARE Prof. Dr. Ivanir Costa Unidade III QUALIDADE DE SOFTWARE Normas de qualidade de software - introdução Encontra-se no site da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) as seguintes definições: Normalização

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 2ª REGIÃO Secretaria de Tecnologia da Informação

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 2ª REGIÃO Secretaria de Tecnologia da Informação TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 2ª REGIÃO Secretaria de Tecnologia da Informação REGIONALIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE TI MAPEAMENTO DE PROVIDÊNCIAS INICIAIS Março/2014 V 1.1 REGIONALIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE TI MAPEAMENTO

Leia mais

ANEXO I. Ref.: Convite nº. 002/2011 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ANEXO I. Ref.: Convite nº. 002/2011 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ANEXO I Ref.: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1. OBJETO DE CONTRATAÇÃO A presente especificação tem por objeto a contratação de empresa Especializada para Consultoria para implantação da NBR ISO 10.002 com base

Leia mais

MANUAL DO CIDADÃO MÓDULO NFSe SEFAM

MANUAL DO CIDADÃO MÓDULO NFSe SEFAM MANUAL DO CIDADÃO MÓDULO NFSe SEFAM Índice Introdução 3 Legislação 4 A quem se destina o Módulo Cidadão SEFAM NFSe 5 Configuração Mínima para acesso ao SEFAM NFSe 6 Como ter acesso ao produto SEFAM NFSe

Leia mais

Ministério da Ciência e Tecnologia COMUNICADO CONCORRÊNCIA 003/2004

Ministério da Ciência e Tecnologia COMUNICADO CONCORRÊNCIA 003/2004 COMUNICADO CONCORRÊNCIA 003/2004 OBJETO: contratação de empresa especializada para a prestação de serviços de modelagem, implementação física, implantação de procedimentos, técnicas, operação e gestão

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Inovação da Gestão em Saneamento

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Inovação da Gestão em Saneamento Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Inovação da Gestão em Saneamento PNQS 2010 IGS SETEMBRO/2010 ORGANOGRAMA DA ORGANIZAÇÃO CANDIDATA Vice-presidência de GO Superintendência T Gerência Prod. e Desenvolvimento

Leia mais

Sistemas de informação da rede de laboratorios da visa/sgaweb

Sistemas de informação da rede de laboratorios da visa/sgaweb 4 ENCONTRO LACENS/ 2 ENCONTRO LACENS, VISA E ANVISA SEMINARIO TEMATICO SOBRE LABORATORIOS ANALITICOS Sistemas de informação da rede de laboratorios da visa/sgaweb Eduardo C. Leal Brasilia 08 e 09 de Dezembro

Leia mais

PLANOS PERGUNTAS E RESPOSTAS DE PRODUTOS WWW.SPCBRASIL.ORG.BR

PLANOS PERGUNTAS E RESPOSTAS DE PRODUTOS WWW.SPCBRASIL.ORG.BR PLANOS DE PRODUTOS PERGUNTAS E RESPOSTAS WWW.SPCBRASIL.ORG.BR 1 O QUE SÃO PLANOS? Planos são mensalidades bonificadas que têm por objetivo simplificar, padronizar e aumentar a competitividade das CDLs

Leia mais

Sociedade para o Desenvolvimento da Tecnologia da Informação. CRISE FISCAL x OPORTUNIDADES DE MELHORIA NO ATENDIMENTO AO CIDADÃO

Sociedade para o Desenvolvimento da Tecnologia da Informação. CRISE FISCAL x OPORTUNIDADES DE MELHORIA NO ATENDIMENTO AO CIDADÃO Sociedade para o Desenvolvimento da Tecnologia da Informação CRISE FISCAL x OPORTUNIDADES DE MELHORIA NO ATENDIMENTO AO CIDADÃO Rápido, Fácil e Barato! TEMPOS DE CRISE REQUEREM PRAGMATISMO E SOLUÇÕES

Leia mais

Sistemas de Produtividade

Sistemas de Produtividade Sistemas de Produtividade Os Sistemas de Produtividade que apresentaremos em seguida são soluções completas e podem funcionar interligadas ou não no. Elas recebem dados dos aplicativos de produtividade,

Leia mais

Governança de T.I. Professor: Ernesto Junior E-mail: egpjunior@gmail.com

Governança de T.I. Professor: Ernesto Junior E-mail: egpjunior@gmail.com Governança de T.I Professor: Ernesto Junior E-mail: egpjunior@gmail.com Information Technology Infrastructure Library ITIL ITIL é um acrônimo de Information Technology Infraestruture Library. Criado em

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS IMPRESSÃO. Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS IMPRESSÃO. Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS IMPRESSÃO Serviços de impressão Os serviços de impressão permitem compartilhar impressoras em uma rede, bem como centralizar as tarefas de gerenciamento

Leia mais

Descrição do Projeto de Integração Grupo Totvs Microsiga Protheus Versão 11

Descrição do Projeto de Integração Grupo Totvs Microsiga Protheus Versão 11 Template: Lei 12.619 Regulamentação e Disciplina da Jornada de Trabalho e Tempo de Direção dos Motoristas Profissionais Descrição do Projeto de Integração Grupo Totvs Microsiga Protheus Versão 11 Índice

Leia mais

Qual a participação da Engenharia na Incorporação imobiliária da Cyrela?

Qual a participação da Engenharia na Incorporação imobiliária da Cyrela? Qual a participação da Engenharia na Incorporação imobiliária da Cyrela? Atuação da Engenharia Cyrela AQUISIÇÃO DO TERRENO INÍCIO DESENVOLVIMENTO DO PRODUTO LANÇAMENTO DO EMPREENDIMENTO INÍCIO DA OBRA

Leia mais

implantado nas áreas administrativa, contábil, financeira, pessoal e tributária. Meta: Programa integrado de gestão municipal

implantado nas áreas administrativa, contábil, financeira, pessoal e tributária. Meta: Programa integrado de gestão municipal PROGRAMA: 003 - ADIMINISTRAR PARA CRESCER OBJETIVO: Modernizar a administração municipal; Valorizar o servidor público; Adequar o quadro funcional; Elevar a arrecadação da receita própria; e Promover a

Leia mais

LINHA DE APRENDIZADO. Departamento de Compras. Modelo de Negócio. Central de Compras. Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar

LINHA DE APRENDIZADO. Departamento de Compras. Modelo de Negócio. Central de Compras. Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar AGOSTO/2015 LINHA DE APRENDIZADO Departamento de Compras Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar Central de Compras Modelo de Negócio Fundada há 120 anos. Atendimento de média e alta

Leia mais

Brilhantemente Simples. Quem é a Sophos Diferenciais Competitivos Soluções Sophos Porque Sophos é a melhor escolha Quem usa o Sophos

Brilhantemente Simples. Quem é a Sophos Diferenciais Competitivos Soluções Sophos Porque Sophos é a melhor escolha Quem usa o Sophos Brilhantemente Simples Quem é a Sophos Diferenciais Competitivos Soluções Sophos Porque Sophos é a melhor escolha Quem usa o Sophos Quem é a Sophos 100 Milhões de Usuários em mais de 150 países Empresa

Leia mais

Controle e Venda com o PN Consig O MERCADO

Controle e Venda com o PN Consig O MERCADO O MERCADO Controle e Venda com o PN Consig Mais de 40 milhões de consumidores Deste mercado, estima-se que 58% já realizaram no mínimo uma operação de crédito com desconto consignado. COMO CONTROLAR E

Leia mais

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb

Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Dezembro/2012 2 Manual de Utilização das Funções Básicas do Sistema ClinicWeb Sumário de Informações do Documento Título do Documento: Resumo:

Leia mais

SISTEMA PARA ABERTURA DE CHAMADOS TÉCNICOS GLPI ( GESTÃO LIVRE DE PARQUE DE INFORMÁTICA ) Manual do Usuário

SISTEMA PARA ABERTURA DE CHAMADOS TÉCNICOS GLPI ( GESTÃO LIVRE DE PARQUE DE INFORMÁTICA ) Manual do Usuário SISTEMA PARA ABERTURA DE CHAMADOS TÉCNICOS GLPI ( GESTÃO LIVRE DE PARQUE DE INFORMÁTICA ) Manual do Usuário 1 Apresentação... 3 1- Introdução... 4 2- Acessando GLPI:... 5 3- Abrindo chamado:... 6 3.1-

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 Reestrutura as unidades vinculadas à Secretaria de Tecnologia da Informação SETIN do Tribunal Superior do Trabalho.

Leia mais

A UTILIZAÇÃO RACIONAL DE INFORMAÇÕES EM PROCESSOS DE VENDAS, IMPULSIONAM O NEGÓCIO, GESTÃO EFICAZ E INTELIGÊNCIA OPERACIONAL É A CHAVE DO SUCESSO.

A UTILIZAÇÃO RACIONAL DE INFORMAÇÕES EM PROCESSOS DE VENDAS, IMPULSIONAM O NEGÓCIO, GESTÃO EFICAZ E INTELIGÊNCIA OPERACIONAL É A CHAVE DO SUCESSO. O MERCADO Venda mais com o PN Consig Mais de 40 milhões de consumidores Deste mercado, estima-se que 58% destes já realizaram no mínimo uma operação de crédito com desconto consignado. COMO VENDER MAIS

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Teclan mais de 20 anos de expertise Referência em soluções para contact centers Foco em qualidade, produtividade, gestão das operações e ROI Clientes em todo o País Capital 100%

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Sobre a OpServices Fabricante de software focada no gerenciamento de ambientes de TI e Telecom e processos de negócios. Mais de 12 anos de experiência no monitoramento de indicadores de infraestrutura;

Leia mais

A melhor ferramenta para criar e gerenciar Nota Fiscal Eletrônica

A melhor ferramenta para criar e gerenciar Nota Fiscal Eletrônica A melhor ferramenta para criar e gerenciar Nota Fiscal Eletrônica Gestor NFe Características Tecnologia Diferenciais Como Instalar e Licenciar Custos Contatos Características O objetivo do Gestor NFe é

Leia mais

Controle de Qualidade de Laboratório

Controle de Qualidade de Laboratório Controle de Qualidade de Laboratório de Ensaio Aliado à Tecnologia Paulo Henrique Muller Sary Diretor Técnico SaaS Ambiental Porto Alegre, 25 de julho de 2014. Garantia da Qualidade O programa de garantia

Leia mais

vigilância armada e desarmada vigilância orgânica portaria

vigilância armada e desarmada vigilância orgânica portaria GesOper Gestão Operacional para Guardas Municipais e Universidades 1. O que é o GesOper O GesOper é um software integrado, desenvolvido com o objetivo de obter resultados para a tomada de decisões através

Leia mais

SERVICE DESK MANAGER SDM. Manual do Sistema - DPOI

SERVICE DESK MANAGER SDM. Manual do Sistema - DPOI SERVICE DESK MANAGER SDM Manual do Sistema - DPOI Conteúdo SERVICE DESK MANAGER SDM... 1 Manual do Sistema - DPOI... 1 INTRODUÇÃO... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 OPÇÕES DO SISTEMA... 6 SISTEMA... 7 Pesquisar

Leia mais

GUIA DE CURSO. Tecnologia em Sistemas de Informação. Tecnologia em Desenvolvimento Web. Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

GUIA DE CURSO. Tecnologia em Sistemas de Informação. Tecnologia em Desenvolvimento Web. Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas PIM PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO COM O MERCADO GUIA DE CURSO Tecnologia em Sistemas de Informação Tecnologia em Desenvolvimento Web Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Tecnologia em Sistemas

Leia mais

FRENTE TÉCNICA (PROCESSOS DE MONITORAMENTO)

FRENTE TÉCNICA (PROCESSOS DE MONITORAMENTO) FRENTE TÉCNICA (PROCESSOS DE MONITORAMENTO) 1.1 Acompanhamento e Monitoramento dos Indicadores (com base nos níveis dos serviços contratados) 1.2 Envio do Diário de Bordo (Indicadores monitorados do Ativo)

Leia mais

Soluções Inteligentes. Todos os Direitos Reservados SML Consultoria e Tecnologia em Informá=ca - 2015

Soluções Inteligentes. Todos os Direitos Reservados SML Consultoria e Tecnologia em Informá=ca - 2015 Soluções Inteligentes Todos os Direitos Reservados SML Consultoria e Tecnologia em Informá=ca - 2015 DIFERENCIAIS SML BRASIL Empresa consolidada no mercado de TI Mais de 20 anos de mercado; Atua em todo

Leia mais

CONFIGURAÇÃO DE WORKFLOW

CONFIGURAÇÃO DE WORKFLOW Manual de Procedimentos - SISPREV WEB CONFIGURAÇÃO DE WORKFLOW Revisado em: 25/05/2010 1/15 O treinamento com o Manual de Procedimentos É com muita satisfação que a Agenda Assessoria prepara este manual

Leia mais

Cópia válida somente na INTRANET

Cópia válida somente na INTRANET Página: 1/12 Portaria DC nº. 7-A/2014, de 1 OBJETIVO Estabelecer o procedimento a ser adotado para coleta dos dados e apuração dos padrões de atendimento comercial, de modo a atender ao que estabelece

Leia mais

Alinhando NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 na Administração Pública - USP

Alinhando NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 na Administração Pública - USP Alinhando NBR-ISO/IEC 17799 e 27001 na Administração Pública - USP 3 3 Apresentação : Introdução. NBR ISO/IEC 27001 e 17799. Proposta de Plano de Trabalho/Ação. Referências. Confidencialidade Permitir

Leia mais

DEMANDA GT SOLUÇÕES PARA AUDITORIA CONTÍNUA

DEMANDA GT SOLUÇÕES PARA AUDITORIA CONTÍNUA DEMANDA GT SOLUÇÕES PARA AUDITORIA CONTÍNUA OBJETIVOS Desenvolvimento de metodologia e sistema de automação do monitoramento de riscos e controles organizacionais para: Minimização dos riscos regulatórios

Leia mais

TRANSFORME INFORMAÇÕES EM RESULTADOS

TRANSFORME INFORMAÇÕES EM RESULTADOS TRANSFORME INFORMAÇÕES EM RESULTADOS Hoje, mais do que nunca, o conhecimento é o maior diferencial de uma organização, mas somente quando administrado e integrado com eficácia. Para melhor atender os seus

Leia mais

Plano de Ação Anatel Vivo TV Versão Pública. São Paulo/SP, Novembro/2012

Plano de Ação Anatel Vivo TV Versão Pública. São Paulo/SP, Novembro/2012 Plano de Ação Anatel Vivo TV Versão Pública São Paulo/SP, Novembro/2012 2 Índice 01 Introdução 02 Ofensores TV 03 Plano de Ação -Curto Prazo 04 Considerações Finais 3 01 Introdução Telefônica Vivo 90 milhões

Leia mais

Tactium IP. Tactium IP. Produtividade para seu Contact Center.

Tactium IP. Tactium IP. Produtividade para seu Contact Center. TACTIUM IP com Integração à plataforma Asterisk Vocalix Guia de Funcionalidades 1 Independência de localização e redução de custos: o TACTIUM IP transforma em realidade a possibilidade de uso dos recursos

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO PARA CURTUMES

SISTEMA DE GESTÃO PARA CURTUMES SISTEMA DE GESTÃO PARA CURTUMES FAST4WEB COMÉRCIO E SOFTWARE LTDA RUA: PRIMEIRO DE MARÇO, 785 403 SÃO LEOPOLDO - RS I Apresentação - A Empresa A Fast4Web atua a mais de cinco anos no mercado obtendo ótimos

Leia mais

Gestão de Indicadores

Gestão de Indicadores Gestão de Indicadores OTIMIZA O ATENDIMENTO ÀS NORMAS ISO, ONA, OHSAS, TS, AS, PBQP-h, ABNT, NR, ANVISA, entre outras, além de se adaptar aos requisitos internos da empresa. TREINAMENTO E SUPORTE ONLINE

Leia mais

Case Livraria Saraiva: Solução de Atendimento Multicanal e Internalização da Central de Atendimento

Case Livraria Saraiva: Solução de Atendimento Multicanal e Internalização da Central de Atendimento Case Livraria Saraiva: Solução de Atendimento Multicanal e Internalização da Central de Atendimento Livraria Saraiva A Livraria Saraiva é uma empresa brasileira, fundada em 1914 e hoje é a maior livraria

Leia mais

CSI IT Solutions. Facilidade de uso

CSI IT Solutions. Facilidade de uso CSI IT Solutions WebReport2 Gestão de Ambiente de Impressão O CSI WebReport dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais de impressões. O sistema

Leia mais

Aspectos Técnico-Operacionais da Retomada dos Serviços pelo Município

Aspectos Técnico-Operacionais da Retomada dos Serviços pelo Município Aspectos Técnico-Operacionais da Retomada dos Serviços pelo Município Foco na Gestão Comercial e Operacional Estamos vivenciando atualmente, uma profunda transformação no Setor de Saneamento. As Companhias

Leia mais

2.1. Risco de Crédito De acordo com resolução 3721 - CMN-, define-se o risco de crédito como:

2.1. Risco de Crédito De acordo com resolução 3721 - CMN-, define-se o risco de crédito como: ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE RISCO DE CRÉDITO 1. Introdução A Diretoria da Grazziotin em atendimento ã Resolução 3721 de abril/2009, divulga sua Estrutura de Gerenciamento de Risco de Crédito alinhada

Leia mais

COMO APURAR OS CUSTOS DA QUALIDADE DE FORMA A AUMENTAR A LUCRATIVIDADE DA EMPRESA

COMO APURAR OS CUSTOS DA QUALIDADE DE FORMA A AUMENTAR A LUCRATIVIDADE DA EMPRESA COMO APURAR OS CUSTOS DA QUALIDADE DE FORMA A AUMENTAR A LUCRATIVIDADE DA EMPRESA Prof. Ms. Sidney E. Santana 1. Identificando os custos da qualidade Controlar a origem das receitas, produto da venda de

Leia mais

Oportunidades de melhoria No Sistema de Transporte Coletivo

Oportunidades de melhoria No Sistema de Transporte Coletivo Oportunidades de melhoria No Sistema de Coletivo Nos últimos anos Curitiba promoveu diversas melhorias operacionais na RIT, como: Melhorias nos terminais Melhorias de acessibilidade Implantação da Linha

Leia mais

Manual de Usuário. Gestion Libre de Parc Informatique (Gestão Livre de Parque de Informática) Versão 1.0 Afonso Ueslei da Fonseca

Manual de Usuário. Gestion Libre de Parc Informatique (Gestão Livre de Parque de Informática) Versão 1.0 Afonso Ueslei da Fonseca Manual de Usuário Gestion Libre de Parc Informatique (Gestão Livre de Parque de Informática) Versão 1.0 Afonso Ueslei da Fonseca Manual do Usuário GLPI 1. Introdução 3 2. Acessando o GLPI 4 3. Entendendo

Leia mais

Informações sobre oportunidades de trabalho na INTELECTO CONTACT CENTER

Informações sobre oportunidades de trabalho na INTELECTO CONTACT CENTER Informações sobre oportunidades de trabalho na INTELECTO CONTACT CENTER ASSISTENTE DE DEPARTAMENTO PESSOAL Salário a combinar São Bernardo do Campo/SP Atribuições: Atendimento aos clientes, organização

Leia mais

Guia de Referência 0800net

Guia de Referência 0800net Guia de Referência 0800net 1. Apresentação: Com o intuito de melhorar cada vez mais os serviços de atendimento, o Grupo GCI, disponibiliza a Central de Atendimento, através do endereço http://0800net.gci.com.br/.

Leia mais

Gerenciamento de Serviços de TIC. ISO/IEC 20.000 / ITIL V2 e V3

Gerenciamento de Serviços de TIC. ISO/IEC 20.000 / ITIL V2 e V3 Gerenciamento de Serviços de TIC ISO/IEC 20.000 / ITIL V2 e V3 Agenda O que é serviço de TIC? O que é Qualidade de Serviços de TIC? O que é Gerenciamento de Serviços de TIC? ISO IEC/20.000-2005 ITIL versão

Leia mais

Atendimento, Front Office, Back Office......o que observar e melhorar para o futuro

Atendimento, Front Office, Back Office......o que observar e melhorar para o futuro Atendimento, Front Office, Back Office......o que observar e melhorar para o futuro As pressões do novo momento de relacionamento com o cliente... Gestão da Experiência do Cliente Níveis de serviço focando

Leia mais

Carlos Augusto Montovani Energisa, Paraíba - Brasil

Carlos Augusto Montovani Energisa, Paraíba - Brasil Implantação do COM - Centro de Operação da Medição Carlos Augusto Montovani Energisa, Paraíba - Brasil Roteiro Histórico Estrutura - Organizacional - Funcional Atividades x Interfuncionalidades Situação

Leia mais

DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e,

DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e, DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. Cria a Central de Teleatendimento da PCRJ Central 1746, no âmbito da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas

Leia mais

Certificação ISO/IEC 27001. SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação. A Experiência da DATAPREV

Certificação ISO/IEC 27001. SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação. A Experiência da DATAPREV Certificação ISO/IEC 27001 SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação A Experiência da DATAPREV DATAPREV Quem somos? Empresa pública vinculada ao Ministério da Previdência Social, com personalidade

Leia mais

RANKING DE INTERCÂMBIO

RANKING DE INTERCÂMBIO RANKING DE INTERCÂMBIO Ranking de Intercâmbio A Unimed do Brasil na busca pela qualificação dos processos operacionais do Sistema Unimed, vem trabalhando na modernização do Ranking de Intercâmbio, de forma

Leia mais

Configurações Básicas para o e-sus Hospitalar

Configurações Básicas para o e-sus Hospitalar Configurações Básicas para o e-sus Hospitalar Guia do Usuário - 15/12/2014 Sumário 1 Introdução... 2 2 Objetivo... 3 3 Configuração e Execução dos Controles ActiveX... 4 3.1 ActiveX... 4 3.2 Install.bat...

Leia mais

Gerenciamento de Incidentes

Gerenciamento de Incidentes Gerenciamento de Incidentes Os usuários do negócio ou os usuários finais solicitam os serviços de Tecnologia da Informação para melhorar a eficiência dos seus próprios processos de negócio, de forma que

Leia mais

Modelo de Parceria. GSAN Sistema Integrado de Gestão de Serviços de Saneamento

Modelo de Parceria. GSAN Sistema Integrado de Gestão de Serviços de Saneamento Modelo de Parceria GSAN Sistema Integrado de Gestão de Serviços de Saneamento Modelo Proposto Fábrica Código Fonte (correção / Evolução) Documentação, casos de uso e testes Treinamento / Capacitação ao

Leia mais

Avaliando Ações de Treinamento e Desenvolvimento. Daniel Orlean

Avaliando Ações de Treinamento e Desenvolvimento. Daniel Orlean Avaliando Ações de Treinamento e Desenvolvimento Daniel Orlean ou... 6Ds + ROI Daniel Orlean Como você faz para aprovar um programa de T&D Na sua percepção, qual a maior barreira ao implementar um processo

Leia mais

Sumário. Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web

Sumário. Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Sumário Apresentação O que é o Centro de Gerenciamento de Serviços (CGS) NTI? Terminologia Status do seu chamado Utilização do Portal Web Fazendo Login no Sistema Tela inicial do Portal WEB Criando um

Leia mais

gesacad GESTÃO ACADÊMIDA DE ESCOLAS

gesacad GESTÃO ACADÊMIDA DE ESCOLAS gesacad GESTÃO ACADÊMIDA DE ESCOLAS Mais de uma década de experiência e evolução é o que dá ao sistema uma vasta gama de funcionalidades. Esse conhecimento que faz total diferença para sua empresa. xp+

Leia mais

O FOCO DA QUALIDADE NOS PROCESSOS DE TERCEIRIZAÇÃO

O FOCO DA QUALIDADE NOS PROCESSOS DE TERCEIRIZAÇÃO O FOCO DA QUALIDADE NOS PROCESSOS DE TERCEIRIZAÇÃO Grande parte das indústrias farmacêuticas, cosméticos e de veterinários, utilizam processos de terceirização, para otimizar suas produções, para casos

Leia mais

Gerenciamento de Serviços de TI ITIL v2 Módulo 1 Conceitos básicos

Gerenciamento de Serviços de TI ITIL v2 Módulo 1 Conceitos básicos Gerenciamento de Serviços de TI ITIL v2 Módulo 1 Conceitos básicos Referência: An Introductory Overview of ITIL v2 Livros ITIL v2 Cenário de TI nas organizações Aumento da dependência da TI para alcance

Leia mais

Vanderléia Bárbaro Valente Hemobrás 2.012

Vanderléia Bárbaro Valente Hemobrás 2.012 COMO IMPLANTAR NOVOS KITS E METODOLOGIAS: ELEMENTOS A SEREM CONSIDERADOS NAS TOMADAS DE DECISÕES, AÇÕES E CUIDADOS TÉCNICOS PARA VIABILIZAR A IMPLANTAÇÃO Vanderléia Bárbaro Valente Hemobrás 2.012 Qualidade

Leia mais

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário Vanderlei Manual de Apoio Resumo Módulo Básico Especifico para Instalação e Usabilidade Lista de Distribuição Nome Área / Função Histórico de modificações Versão Data Descrição Responsável 13/12/2013 Versão

Leia mais

ESTRUTURA ISO 9.001:2008

ESTRUTURA ISO 9.001:2008 Sistema de Gestão Qualidade (SGQ) ESTRUTURA ISO 9.001:2008 Objetivos: Melhoria da norma existente; Melhoria do entendimento e facilidade de uso; Compatibilidade com a ISO 14001:2004; Foco Melhorar o entendimento

Leia mais

Net View & Panda ManagedOfficeProtection Mais que antivírus, solução em segurança.

Net View & Panda ManagedOfficeProtection Mais que antivírus, solução em segurança. Net View & Panda ManagedOfficeProtection Mais que antivírus, solução em segurança. Net View & Panda Managed Office Protection É fato, tanto pequenas e médias e grandes empresas enfrentam os mesmos riscos

Leia mais