Baumer. Líder no Brasil. Forte no mundo.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Baumer. Líder no Brasil. Forte no mundo."

Transcrição

1 SOLUÇÃO PARA: Ortopedia. FIXADORES EXTERNOS TECNOLOGIA PARA: Lesões Traumáticas e Cirúrgicas reconstrutoras do sistema músculo-esquelético. Vista Aérea - Parque Industrial Baumer - Mogi Mirim - SP - Brasil Baumer. Líder no Brasil. Forte no mundo. Comercial Tel: Fax: LESÕES TRAUMÁTICAS E CIRURGIAS RECONSTRUTORAS DO SISTEMA MÚSCULO-ESQUELÉTICO

2 Pensou FIXADORES EXTERNOS CROMUS A LINHA MAIS COMPLETA DE FIXADORES EXTERNOS Cromus Pensou A Linha Cromus oferece instrumentais adequados no tratamento de lesões traumáticas e cirurgias reconstrutoras do sistema músculo-esquelético. Todos os Fixadores Externos Cromus foram validados através de ensaios mecânicos estáticos e dinâmicos, padronizados internacionalmente, executados por Laboratórios credenciados pela REBLAS (Rede Brasileira de Laboratórios Analíticos em Saúde) e/ou INMETRO e de notável reconhecimento nacional e mundial. LINHA COMPLETA COM A QUALIDADE COMPARADA AO QUE O MUNDO FAZ DE MELHOR

3 MÃO E PÉ NÃO ARTICULADO MINI Mão e Pé ARTICULADO MINI Mecanismo externo de compressão/ distração para ajuste de alongamento e redução. Plataformas porta pinos com fixação independente, permite 210º de articulação. Indicado para tratamento de fraturas, pseudo-artroses infectadas ou assépticas, correção de deformidades (osteotomias), reimplantação, correção de partes moles, artrodese, alongamento ósseo metacarpais e metatarsais. Indicado para tratamento de fraturas, fraturas intra-articulares, pseudo-artroses infectadas ou assépticas, correção de deformidades (osteotomias), reimplantação, correção de partes moles e artrodese. Qualidade para o paciente. Segurança para o Médico.

4 COTOVELO ANGULAR ROTACIONAL ARTICULADO PARA COTOVELO Fixadores de última geração, fabricado em liga metálica leve e de alta resistência. Qualidade assegurada e processo de produção totalmente automatizado. Cotovelo Matérias-primas normatizadas internacionalmente. Produto validado pelo laboratório CCDM UFSCar Universidade Federal de São Carlos. Mecanismo externo para distração e compressão para ligamentotaxia. Guias que permitem exato posicionamento do aparelho no centro de rotação do cotovelo. Sistema de distração passiva para rigidez articular.

5 PUNHO ANGULAR ROTACIONAL ARTICULADO PARA PUNHO Produtos desenvolvidos com o auxílio de profissionais renomados e especializados, com uso clínico e resultados comprovados, que garantem ao cirurgião segurança e eficácia. Punho Fixador externo para fraturas da extremidade distal do rádio. Sistema que permite visualização da fratura na radiografia em perfil. Mecanismo biarticulado que permite distração compressão e estabilidade durante a artrodiastase. Clamps permitem compressão triplanar nos pinos.

6 QUADRIL DINÂMICO ANGULAR ROTACIONAL PARA QUADRIL A Linha Cromus oferece fixadores adequados no tratamento de lesões traumáticas e cirurgias reconstrutoras do sistema músculo-esquelético. Mecanismo externo de distração para ajuste de redução e alongamento ósseo. Quadril Plataforma proximal anatômica que permite articulação em 90º e a utilização de três pinos cônicos. Indicado para tratamento de rigidez articular, condrólise, doença de Legg-Calvé-Perthes e outras necroses da cabeça femoral. Ideal para artrodiastase por ser monolateral e dinâmico.

7 TORNOZELO DINÂMICO ANGULAR ROTACIONAL ARTICULADO PARA TORNOZELO Alto grau rotacional e angular. Controle independente da redução da fratura em três planos. Tornozelo Sistema de distração passiva para rigidez articular. Sistema que permite visualização da fratura na radiografia em perfil.

8 FÊMUR, TÍBIA, ÚMERO, RÁDIO E ULNA DINÂMICO ANGULAR ROTACIONAL GRANDE Permite alongamento ósseo. Úmero Clamp de posicionamento multiplanar. Mecanismo interno de compressão/ distração para ajuste de alongamento e redução de fraturas. Ulna Indicado para tratamento de fraturas, artrodese de articulações, alongamento ósseo e osteotomias. Rádio Fêmur Tíbia Fêmur, Tíbia, Úmero, Rádio e Ulna

9 FÊMUR, TÍBIA, ÚMERO, RÁDIO E ULNA DINÂMICO ANGULAR ROTACIONAL MÉDIO QUALIDADE COMPARADA AO QUE O MUNDO FAZ DE MELHOR. DINÂMICO ANGULAR ROTACIONAL PEQUENO DESIGN MODERNO. QUALIDADE CONSAGRADA E SURPREENDENTE EM CADA DETALHE. Fêmur, Tíbia, Úmero, Rádio e Ulna

10 A LINHA MAIS COMPLETA DE FIXADORES EXTERNOS Garantia de qualidade, segurança e eficácia ao seu paciente. OFERECE TAMBÉM: Fundamentação técnica. Testes científicos e clínicos. Matéria-prima normatizada internacionalmente. Tecnologia e processos automatizados. MÁXIMA QUALIDADE À DISPOSIÇÃO DA CLASSE MÉDICA NO BRASIL E EXTERIOR Garantia de Qualidade

Cromus Maxxion a mais completa...

Cromus Maxxion a mais completa... Cromus Maxxion a mais completa... A linha Cromus Maxxion oferece aos cirurgiões ferramentas adequadas no tratamento de lesões traumáticas e cirurgias reconstrutoras do sistema músculo-esquelético. Fixador

Leia mais

Fixador Externo Cromus Articulado para Tornozelo. Guia de Montagem

Fixador Externo Cromus Articulado para Tornozelo. Guia de Montagem Fixador Externo Articulado para Tornozelo Guia de Montagem FIXADOR EXTERNO CROMUS ARTICULADO PARA TORNOZELO Guia de Montagem 1 2 Primeiro passe o pino guia 2,0 mm no centro de rotação do tornozelo, isto

Leia mais

Princípios do tratamento das fraturas

Princípios do tratamento das fraturas Disciplina de Traumato-Ortopedia e Reumatologia Princípios do tratamento das fraturas Prof. Marcelo Bragança dos Reis Introdução Tratamento conservador - indicações - imobilizações - redução incruenta

Leia mais

M a n u a l d e F i x a d o r e s

M a n u a l d e F i x a d o r e s M a n u a l d e F i x a d o r e s Í n d i c e A P R E S E N T A Ç Ã O I n d i c a ç õ e s G e r a i s V a n t a g e n s e D e s v a n t a g e n s P r i n c í p i o s A n a t o m i a R e l e v a n t e R

Leia mais

Ortopediatria SOLUÇÕES PARA

Ortopediatria SOLUÇÕES PARA SOLUÇÕES PARA Ortopediatria Haste e mini haste flexível em titânio para tratamento das fraturas Haste canulada e bloqueada para fixação das fraturas do fêmur Placas bloqueadas de 3,5mm: retas, reconstrução

Leia mais

Programa de Especialização em Reconstrução e. Alongamento Ósseo - ASAMI (R4)

Programa de Especialização em Reconstrução e. Alongamento Ósseo - ASAMI (R4) Programa de Especialização em Reconstrução e Alongamento Ósseo - ASAMI (R4) O programa de Especialização em Reconstrução e Alongamento Ósseo (R4) é oferecido pelo Programa de Pós Graduação do Instituto

Leia mais

Programa de Especialização em Ortopedia Infantil e. Reconstrução (R4)

Programa de Especialização em Ortopedia Infantil e. Reconstrução (R4) Programa de Especialização em Ortopedia Infantil e Reconstrução (R4) O programa de Especialização em Ortopedia Infantil e Reconstrução (R4) é oferecido pelo Programa de Pós Graduação do Instituto de Assistência

Leia mais

Metatarsalgias. Prof. Dr. Helencar Ignácio Dr. Márcio G Figueiredo

Metatarsalgias. Prof. Dr. Helencar Ignácio Dr. Márcio G Figueiredo Prof. Dr. Helencar Ignácio Dr. Márcio G Figueiredo Grupo de Cirurgia de Pé e Tornozelo Departamento de Ortopedia e Traumatologia do Hospital de Base Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto FUNFARME

Leia mais

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão André Montillo UVA Lesões Traumáticas do Membro Superior Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão Fratura Distal do Úmero Fratura da Cabeça do Rádio Fratura do Olecrâneo

Leia mais

INSTRUÇÕES DE USO SISTEMA DE FIXAÇÃO RÍGIDA DE PLACAS ESPECIAIS PARA MINI E MICRO FRAGMENTOS

INSTRUÇÕES DE USO SISTEMA DE FIXAÇÃO RÍGIDA DE PLACAS ESPECIAIS PARA MINI E MICRO FRAGMENTOS Página 1 de 53 Nome Técnico Nome Comercial Registro na Anvisa 80084420021 Sistema de Fixação Rígida de Placas Especiais para Osteossíntese Sistema de Fixação Rígida de Placas Especiais para Mini e Micro

Leia mais

ALTERAÇÃO NA TABELA DE PROCEDIMENTOS, MEDICAMENTOS E OPM DO SUS Diário Oficial da União Nº 222 Seção 1, segunda-feira, 19 de novembro de 2012

ALTERAÇÃO NA TABELA DE PROCEDIMENTOS, MEDICAMENTOS E OPM DO SUS Diário Oficial da União Nº 222 Seção 1, segunda-feira, 19 de novembro de 2012 Circular 531/2012 São Paulo, 21 de novembro de 2012. PROVEDOR(A) ADMINISTRADOR(A) ALTERAÇÃO NA TABELA DE PROCEDIMENTOS, MEDICAMENTOS E OPM DO SUS Diário Oficial da União Nº 222 Seção 1, segunda-feira,

Leia mais

INSTRUÇÕES DE USO BAUMER S.A.

INSTRUÇÕES DE USO BAUMER S.A. NOME TÉCNICO DO PRODUTO: FIXADOR EXTERNO NOME COMERCIAL: FIXADOR EXTERNO DINÂMICO PARA OSSOS MÉDIOS E LONGOS MODELO: FIXO MINI ARTICULADO TIPO COLLES, FIXO MINI SIMPLES, FIXO MAXI SIMPLES, FIXO MAXI FDX,

Leia mais

Procedimento x Procedimento Compativel

Procedimento x Procedimento Compativel Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS Procedimento x Procedimento Compativel Competencia: 03/2016

Leia mais

Lesões Traumáticas dos Membros Inferiores

Lesões Traumáticas dos Membros Inferiores Prof André Montillo Lesões Traumáticas dos Membros Inferiores Lesões do Joelho: Lesões Ósseas: Fratura Distal do Fêmur Fratura da Patela Fratura Proximal da Tíbia: Platô Tibial Anatomia: Lesões Traumáticas

Leia mais

CALO EXTERNO CALO INTERNO

CALO EXTERNO CALO INTERNO PRINCÍPIOS BÁSICOS DE FRATURA ÓSSEA E DESLOCAMENTO ARTICULAR Prof. Dr. Carlos Cezar I. S.Ovalle FRATURA DESLOCAMENTO ARTICULAR A) FRATURA: Perda (ou quebra) da solução de continuidade de um OSSO ou cartilagem.

Leia mais

Haste Femoral não Cimentada de Revisão com Fixação Distal VEGA Técnica Cirúrgica

Haste Femoral não Cimentada de Revisão com Fixação Distal VEGA Técnica Cirúrgica Haste Femoral não Cimentada de Revisão com Fixação Distal VEGA 82.30 - Técnica Cirúrgica VEGA Revision Cementless Femoral Stem With Distal Fixation MATERIAL: TITANIUM ( Ti 6Al 4V ELI ) ISO 5832-3 / ASTM

Leia mais

NEOPRENE ORTOPEDIA PIERQUIM * QUALIDADE CONFORTO SEGURAÇA* ORTOPEDIA PIERQUIM

NEOPRENE ORTOPEDIA PIERQUIM * QUALIDADE CONFORTO SEGURAÇA* ORTOPEDIA PIERQUIM NEOPRENE ÓRTESE SUROPODÁLICAS (AFO) GOTEIRA: utilizada para imobilização do tornozelo e pé. Confeccionada após molde gessado, permite bom posicionamento articular. O modelo suropodálico pode substituir

Leia mais

Artroplastia de Ombro TRATAMENTO POR ARTROPLASTIA NAS FRATURAS DO ÚMERO PROXIMAL INDICAÇÃO. partes? rachadura da

Artroplastia de Ombro TRATAMENTO POR ARTROPLASTIA NAS FRATURAS DO ÚMERO PROXIMAL INDICAÇÃO. partes? rachadura da Artroplastia de Ombro TRATAMENTO POR NAS FRATURAS DO ÚMERO PROXIMAL INDICAÇÃO em 4 partes? tipo rachadura da cabeça umeral (split head) impactada cabeça atingindo 40% do colo anatômico FRATURAS DO ÚMERO

Leia mais

Lesões ortopédicas do posterior em pequenos animais

Lesões ortopédicas do posterior em pequenos animais Lesões ortopédicas do posterior em pequenos animais Displasia Coxo-femoral Luxação do quadril Necrose asséptica Ruptura do ligamento cruzado cranial Luxação patelar Fraturas Lesões ortopédicas do posterior

Leia mais

Pyxis. Parafuso de compressão canulado Ø 2,5 mm

Pyxis. Parafuso de compressão canulado Ø 2,5 mm - Indicações O parafuso é indicado para a estabilização de osteotomias do antepé: Osteotomias do º metatarso para correção do Hálux Valgo (por exemplo, Scarf, Chevron), Osteotomias da falange do hálux,

Leia mais

Cage Expansivo Torácico e Lombar Thoraco - Lumbar Expansive Cage Técnica Cirúrgica

Cage Expansivo Torácico e Lombar Thoraco - Lumbar Expansive Cage Técnica Cirúrgica Thoraco - Lumbar Expansive Cage Cage Expansivo Torácico e Lombar Thoraco - Lumbar Expansive Cage Material Titânio Ti 6AL 4V-ELI ASTM F-136 Acabamento Ionizado Indicações O implante tipo Cage expansivo

Leia mais

PLACA TUBO PLACA ÓSSEA COM DISPOSITIVO DE FIXAÇÃO DESLIZANTE - PLACA TUBO BCPP 135º E 150º. Técnica Cirúrgica

PLACA TUBO PLACA ÓSSEA COM DISPOSITIVO DE FIXAÇÃO DESLIZANTE - PLACA TUBO BCPP 135º E 150º. Técnica Cirúrgica PLACA TUBO PLACA ÓSSEA COM DISPOSITIVO DE FIXAÇÃO DESLIZANTE - PLACA TUBO BCPP 135º E 150º Técnica Cirúrgica - 50.30 BCPP Tube Plate Placa Tubo BCPP - 135 o e 150 o Materiais Titânio - Ti 6Al 4V ELI ASTM

Leia mais

JOELHOS META BIO 1023

JOELHOS META BIO 1023 1023 JOELHOS META BIO JOELHOS META BIO Sistema para Artroplastia de Joelho META BIO Excelente desempenho biomecânico. Histórico com mais de 10 anos de sucesso. Variedade de tamanhos intercambiáveis de

Leia mais

Ministério da Saúde Secretaria de Atenção à Saúde PORTARIA Nº 216, DE 3 DE MAIO DE 2010

Ministério da Saúde Secretaria de Atenção à Saúde PORTARIA Nº 216, DE 3 DE MAIO DE 2010 Ministério da Saúde Secretaria de Atenção à Saúde PORTARIA Nº 26, DE 3 DE MAIO DE 200 A Secretária de Atenção à Saúde - Substituta, no uso de suas atribuições, Considerando a Portaria n 325/GM, de 25 de

Leia mais

O PRESENTE ESTUDO É DIRECIONADO AO ALUNO DO SEXTO ANO PARA DAR NOÇÕES MÍNIMAS DE ORTOPEDIA- TRAUMATOLOGIA

O PRESENTE ESTUDO É DIRECIONADO AO ALUNO DO SEXTO ANO PARA DAR NOÇÕES MÍNIMAS DE ORTOPEDIA- TRAUMATOLOGIA O PRESENTE ESTUDO É DIRECIONADO AO ALUNO DO SEXTO ANO PARA DAR NOÇÕES MÍNIMAS DE ORTOPEDIA- TRAUMATOLOGIA PODE SER COPIADO COM A FINALIDADE DE ESTUDO NÃO PODE SER REPRODUZIDO PARA OUTRAS FINALIDADES DISCIPLINA

Leia mais

Fraturas da Diáfise do Fêmur: Generalidades: É a fratura que compromete o fêmur abaixo do trocanter menor até o tubérculo dos adutores É uma fratura

Fraturas da Diáfise do Fêmur: Generalidades: É a fratura que compromete o fêmur abaixo do trocanter menor até o tubérculo dos adutores É uma fratura Prof André Montillo Generalidades: É a fratura que compromete o fêmur abaixo do trocanter menor até o tubérculo dos adutores É uma fratura Muito Importante porque compromete o maior e o mais resistente

Leia mais

Exame Físico Ortopédico

Exame Físico Ortopédico TAKE HOME MESSAGES! Exame Físico Ortopédico ANAMNESE REALIZAR UMA HISTÓRIA CLÍNICA DETALHADA, LEMBRANDO QUE DETALHES DA IDENTIFICAÇÃO COMO SEXO, IDADE E PROFISSÃO SÃO FUNDAMENTAIS, POIS MUITAS DOENÇAS

Leia mais

CEMENTLESS ACETABULAR CUP. Técnica Cirúrgica Componente Acetabular Não Cimentado

CEMENTLESS ACETABULAR CUP. Técnica Cirúrgica Componente Acetabular Não Cimentado CEMENTLESS ACETABULAR CUP Técnica Cirúrgica 13.30 - COLABORADOR: Dr. Flávio M. Turíbio MATERIAIS: TITÂNIO ASTM F67 / ISO 5832-2 Cr Co Mo ASTM F75 / ISO 5832-4 AÇO INOX ASTM F138 / ISO 5832-1 TITÂNIO -

Leia mais

PS 24 - MÉDICO I - Ortopedia e Traumatologia: Cirurgia do Pé e Tornozelo. Pág. 1

PS 24 - MÉDICO I - Ortopedia e Traumatologia: Cirurgia do Pé e Tornozelo. Pág. 1 Pág. 1 HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE EDITAL N.º 04/2011 DE PROCESSOS SELETIVOS GABARITO APÓS RECURSOS PROCESSO SELETIVO 24 MÉDICO I Ortopedia e Traumatologia: Cirurgia do Pé e Tornozelo 01. E 11.

Leia mais

2º TERMO ADITIVO DO CONTRATO N. 216/2015 O MUNICÍPIO DE LUCAS DO RIO VERDE, Estado de Mato Grosso, com sede administrativa na Avenida América do Sul, 2500-S, Parque dos Buritis, Lucas do Rio Verde-MT,

Leia mais

Versão 3.51 Página: 1 MS/DATASUS 14/03/2010 16:25:02 E430000001 HOSPITAL NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Estabelecimento: 2244128

Versão 3.51 Página: 1 MS/DATASUS 14/03/2010 16:25:02 E430000001 HOSPITAL NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Estabelecimento: 2244128 14/03/2010 16:25:02 Gestor: - Secretaria Estadual da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul Página: 1 NOVA PALMA COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC:

Leia mais

Traumatologia Infantil. O Esqueleto da Criança Não É O Esqueleto do Adulto em Miniatura

Traumatologia Infantil. O Esqueleto da Criança Não É O Esqueleto do Adulto em Miniatura O Esqueleto da Criança Não É O Esqueleto do Adulto em Miniatura Formação do Osso e Ossificação Esboço Cartilaginoso Pontos de Ossificação Primária Pontos de Ossificação Secundária Formação da Epífise

Leia mais

Imagem da Semana: Radiografia

Imagem da Semana: Radiografia Imagem da Semana: Radiografia Imagem 01. Radiografia simples de pelve (AP) em posição de batráquio. Paciente do sexo feminino, 10 anos, comparece a consulta no ambulatório de pediatria com queixa de dor

Leia mais

Projetado por renomados. cirurgiões da coluna, o. Easyspine apresenta. uma simplificada técnica. cirúrgica e implantes. adaptáveis para se ajustar

Projetado por renomados. cirurgiões da coluna, o. Easyspine apresenta. uma simplificada técnica. cirúrgica e implantes. adaptáveis para se ajustar Projetado por renomados cirurgiões da coluna, o Easyspine apresenta uma simplificada técnica cirúrgica e implantes adaptáveis para se ajustar a diversas patologias. Parafusos únicos e pré-montados - Componentes

Leia mais

Médico Cirurgia de Joelho

Médico Cirurgia de Joelho Caderno de Questões Prova Objetiva Médico Cirurgia de Joelho SRH Superintendência de Recursos Humanos DESEN Departamento de Seleção e Desenvolvimento de Pessoal 01 Na semiologia da lesão meniscal medial

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ HOSPITAL DE CLÍNICAS CURITIBA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ HOSPITAL DE CLÍNICAS CURITIBA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ HOSPITAL DE CLÍNICAS CURITIBA Orto-Hemo HC-UFPR LUCIANO DA ROCHA LOURES PACHECO HC-UFPR Luciano Rocha Loures Pacheco COMPLICAÇÕES MUSCULOESQUELÉTICAS E ALTERNATIVAS TERAPÊUTICAS

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS. GMReis.com.br. GMReis / Catálogo Geral de Produtos / Rev 02 / 2013

CATÁLOGO DE PRODUTOS. GMReis.com.br. GMReis / Catálogo Geral de Produtos / Rev 02 / 2013 CATÁLOGO DE PRODUTOS GMReis / Catálogo Geral de Produtos / Rev 02 / 2013 GMReis Matriz Rua Pierre Simon de Laplace, 600 / Lote 3 Quadra F/ Techno Park / CEP: 13069-310 Campinas SP Brasil / Tel.: +55 19

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS. GMReis.com.br. GMReis / Catálogo Geral de Produtos / Rev 02 / 2013

CATÁLOGO DE PRODUTOS. GMReis.com.br. GMReis / Catálogo Geral de Produtos / Rev 02 / 2013 CATÁLOGO DE PRODUTOS GMReis / Catálogo Geral de Produtos / Rev 02 / 2013 GMReis Matriz Rua Pierre Simon de Laplace, 600 / Lote 3 Quadra F/ Techno Park / CEP: 13069-310 Campinas SP Brasil / Tel.: +55 19

Leia mais

MLP. guia de montagem

MLP. guia de montagem MLP guia de montagem MLP Maxxion Locking Plate Características - Perfil baixo. - Pontas afiladas. - Furos bloqueados e não bloqueados. Materiais Liga Titânio - Ti 6Al 4V ELI - ASTM F-136. Indicações -

Leia mais

Cotovelo - Antebraço. Cotovelo - Antebraço Cinesiologia. Renato Almeida

Cotovelo - Antebraço. Cotovelo - Antebraço Cinesiologia. Renato Almeida Cotovelo - Antebraço Questão de Concurso Treinando... (EBSERH) Ligamento é um feixe de tecido fibroso, formado por tecido conjuntivo denso modelado. A principal função dos ligamentos é prevenir movimentos

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MIRACEMA 2014 MÉDICO ORTOPEDISTA PLANTONISTA PROVA OBJETIVA

PREFEITURA MUNICIPAL DE MIRACEMA 2014 MÉDICO ORTOPEDISTA PLANTONISTA PROVA OBJETIVA 1 CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 1) No tratamento das fraturas expostas tipos I e II de Gustilo e Anderson, uma das alternativas de antibioticoterapia profilática preconizada, em casos de alergia a cefalosporinas,

Leia mais

Fraturas e Luxações Prof Fabio Azevedo Definição Fratura é a ruptura total ou parcial da estrutura óssea 1 Fraturas Raramente representam causa de morte, quando isoladas. Porém quando combinadas a outras

Leia mais

CO-10. haste femoral modular não cimentada - titânio liga. Técnica Cirúrgica

CO-10. haste femoral modular não cimentada - titânio liga. Técnica Cirúrgica CO-10 haste femoral modular não cimentada - titânio liga CO-10 Haste Femoral Modular não Cimentada - Titânio Liga Material A Haste Femoral Modular Não Cimentada Titânio Liga CO-10 Primária e Revisão Haste

Leia mais

AVALIAÇÃO DA COLUNA VERTEBRAL

AVALIAÇÃO DA COLUNA VERTEBRAL AVALIAÇÃO DA COLUNA VERTEBRAL COLUNA CERVICAL FUNÇÕES: Suporte e estabilidade à cabeça Dar mobilidade à cabeça Abrigar, conduzir e proteger a medula espinhal e a artéria vertebral INSPEÇÃO Postura Global

Leia mais

TRAUMATOLOGIA DOS MEMBROS SUPERIORES

TRAUMATOLOGIA DOS MEMBROS SUPERIORES Luxação esternoclavicular - Luxação muito rara TRAUMATOLOGIA DOS MEMBROS SUPERIORES - Classificação: a) Anterior ( + comum) Extremidade esternal luxa anterior Mecanismo traumático trauma ântero-lateral

Leia mais

DISCIPLINAS DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA 4º Ano Grupo B 1º Rodízio Bloco III 2013

DISCIPLINAS DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA 4º Ano Grupo B 1º Rodízio Bloco III 2013 DISCIPLINAS DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA 4º Ano Grupo B 1º Rodízio Bloco III 2013 Coordenador da Disciplina: Prof. Dr. Eduardo Sadao Yonamine Coordenadora Anatomia Patológica II: Dra. Geanete Pozzan Carga

Leia mais

Fraturas Diáfise Umeral

Fraturas Diáfise Umeral Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Fraturas Diáfise Umeral As fraturas diafisárias do úmero, ocorrem na sua maioria das vezes por trauma

Leia mais

[ESTUDO REFERENTE À ENCF - JOELHO]

[ESTUDO REFERENTE À ENCF - JOELHO] 2011 IMPOL Instrumentais e Implantes Samuel de Castro Bonfim Brito [ESTUDO REFERENTE À ENCF - JOELHO] Casos apresentados neste estudo foram operados e pertencem à Fundação Pio XII Hospital do Câncer de

Leia mais

FIXADOR EXTERNO FAST LOCK REVISÃO 01

FIXADOR EXTERNO FAST LOCK REVISÃO 01 Visando a facilidade de acesso à informação, conforme a Instrução Normativa n 4/2012 estabelecida pela ANVISA, a empresa Ortobio Industria e Comércio de Produtos ortopédicos Ltda., passa a disponibilizar

Leia mais

MS/DATASUS 26/03/2013 09:00:19 E430000001

MS/DATASUS 26/03/2013 09:00:19 E430000001 26/03/2013 09:00:19 Gestor: - Secretaria Estadual da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul Página: 1 PASSO FUNDO COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC:

Leia mais

Ele é indicado em fraturas de quadril intertrocanterianas.

Ele é indicado em fraturas de quadril intertrocanterianas. Versão 1.1 O Fixador Externo Pertrocantérico trata fraturas de quadril intertrocantéricas (entre os dois trocânteres do fêmur) sem exposição da fratura. Sua aplicação reduz o tempo operatório, perda mínima

Leia mais

ORTHOGEN. Determinações Humano (%) IC 95% Bovino (%) IC 95% Água 7,93-7,75 - Gordura 0,06 0,1 0,1 0,1. Nitrogênio 4,3 0,1 4,3 0,1

ORTHOGEN. Determinações Humano (%) IC 95% Bovino (%) IC 95% Água 7,93-7,75 - Gordura 0,06 0,1 0,1 0,1. Nitrogênio 4,3 0,1 4,3 0,1 ORTHOGEN Orthogen é um enxerto ósseo liofilizado integral, de origem bovina que mantém, em função de seu processamento, as características físico-químicas do osso in natura. É produzido pela Genius, divisão

Leia mais

Trilliance. Haste de Quadril Polida Triplo Cônica. Aesculap Ortopedia

Trilliance. Haste de Quadril Polida Triplo Cônica. Aesculap Ortopedia Haste de Quadril Polida Triplo Cônica Aesculap Ortopedia Haste de Quadril Polida Triplo Cônica 2 CONTEÚDO Conteúdo Página Filosofia 4 Design 6 Implantes 8 Cirurgia 10 Informação de Pedidos 16 3 Filosofia

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 76

PROVA ESPECÍFICA Cargo 76 11 PROVA ESPECÍFICA Cargo 76 QUESTÃO 26 Sobre as infecções osteoarticulares, é correto afirmar, EXCETO: a) A hemocultura está positiva em 50% dos casos de osteomielites. b) A grande maioria das osteomielites

Leia mais

MS/DATASUS 23/04/2012 10:42:51 E430000001

MS/DATASUS 23/04/2012 10:42:51 E430000001 23/04/2012 10:42:51 Gestor: - Secretaria Estadual da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul Página: 1 ERECHIM COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC: Cirurgias

Leia mais

USO DE FIXADOR ESQUELÉTICO EXTERNO TIPO II NA OSTEOSSÍNTESE DE TÍBIA E FÍBULA DE CADELA

USO DE FIXADOR ESQUELÉTICO EXTERNO TIPO II NA OSTEOSSÍNTESE DE TÍBIA E FÍBULA DE CADELA 311 USO DE FIXADOR ESQUELÉTICO EXTERNO TIPO II NA OSTEOSSÍNTESE DE TÍBIA E FÍBULA DE CADELA Vania Ramos da Silva¹, Emmanuele Conegundes Gomes Pinto¹, Laís Gonçalves Botelho¹, Fabiano Henrique Siman de

Leia mais

Residência em Ortopedia e Traumatologia

Residência em Ortopedia e Traumatologia Residência em Ortopedia e tologia FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG 26 NOVEMBRO - 23º NÚMERO AGORA É A VEZ DO CME ANO DE1978 Mini-fixador externo em mão, desenvolvido em Rio Grande, apresentado

Leia mais

MS/DATASUS 11/05/2010 11:07:51 E430000001

MS/DATASUS 11/05/2010 11:07:51 E430000001 11/05/2010 11:07:51 Gestor: - Secretaria Estadual da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul Página: 1 TEUTONIA COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC: Política

Leia mais

Reconstrução Pélvica Sistema de Placas e Parafusos Bloqueados de ângulo variável

Reconstrução Pélvica Sistema de Placas e Parafusos Bloqueados de ângulo variável Reconstrução Pélvica Sistema de Placas e Parafusos Bloqueados de ângulo variável RECONSTRUÇÃO PÉLVICA 30º O Sistema de Reconstrução Pélvica GMReis foi desenvolvido para a osteossíntese das fraturas que

Leia mais

Imaginologia Por radiografias. Profº Claudio Souza

Imaginologia Por radiografias. Profº Claudio Souza Imaginologia Por radiografias Profº Claudio Souza Imaginologia Imaginologia O sufixo logia é derivado do grego e significa ciência, estudo, sendo assim imagi+logia nada mais é que a ciência que estuda

Leia mais

AKS - ANATOMIC KNEE SYSTEM. Técnica Cirúrgica Prótese de Joelho Anatômica Cimentada

AKS - ANATOMIC KNEE SYSTEM. Técnica Cirúrgica Prótese de Joelho Anatômica Cimentada AKS - ANATOMIC KNEE SYSTEM Técnica Cirúrgica 28.30 - Prótese de Joelho Anatômica Cimentada Prótese de Joelho Anatômica Cimentada Materiais Liga de Cr Co Mo ASTM F-75 ou ISO 5832-4 Polietileno UHMWPE ASTM

Leia mais

86º Curso AOTrauma - Princípios do Tratamento Cirúrgico das Fraturas

86º Curso AOTrauma - Princípios do Tratamento Cirúrgico das Fraturas Programa do Curso 86º Curso AOTrauma - Princípios do Tratamento Cirúrgico das Fraturas 28-30 Julho, 2011 Belém, Brasil Chairperson Hélio J. A. Fernandes São Paulo, Brasil Faculty Flamarion dos Santos Batista

Leia mais

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão André Montillo UVA Lesões Traumáticas do Membro Superior Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão e Braço Fratura da Escápula Fratura da Clavícula Luxação Acrômio-clavicular

Leia mais

ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO

ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO ATA DA SESSÃO PÚBLICA DO PREGÃO Dependência: FAHERG - FUNDACAO DE APOIO AO HOSPITAL ENSINO DO RIO GRANDE - (RS) Licitação: (Ano: 2013/ FAHERG / Nº Processo: PREGÃO) Às 14:06:40 horas do dia 02/09/2013

Leia mais

ABORDAGEM FISIOTERAPÊUTICA EM PACIENTE COM LEGG-CALVÉ- PERTHES APÓS CIRURGIA DE OSTEOTOMIA VALGIZANTE DA CABEÇA FEMURAL

ABORDAGEM FISIOTERAPÊUTICA EM PACIENTE COM LEGG-CALVÉ- PERTHES APÓS CIRURGIA DE OSTEOTOMIA VALGIZANTE DA CABEÇA FEMURAL ABORDAGEM FISIOTERAPÊUTICA EM PACIENTE COM LEGG-CALVÉ- PERTHES APÓS CIRURGIA DE OSTEOTOMIA VALGIZANTE DA CABEÇA FEMURAL William Heck* Nabil El Hajjar** * Acadêmico do 9º período de Fisioterapia do curso

Leia mais

Curso AOTrauma do Pé e Tornozelo

Curso AOTrauma do Pé e Tornozelo Programa preliminar Curso AOTrauma do Pé e Tornozelo 01 a 03 de Março de 2012 Tomar, Portugal Curso AOTrauma do Pé e Tornozelo, Tomar - Portugal 2 Declaração de Qualidade A AOTrauma compromete-se a melhorar

Leia mais

15/03/2016 ESQUELETO APENDICULAR OSTEOLOGIA DO ESQUELETO APENDICULAR MEMBRO TORÁCICO. Constituído por ossos dos membros torácico e pélvico

15/03/2016 ESQUELETO APENDICULAR OSTEOLOGIA DO ESQUELETO APENDICULAR MEMBRO TORÁCICO. Constituído por ossos dos membros torácico e pélvico ESQUELETO APENDICULAR Constituído por ossos dos membros torácico e pélvico OSTEOLOGIA DO ESQUELETO APENDICULAR Ombro - Escápula Braço - Úmero Antebraço Rádio e Ulna Joelho - Carpos Canela - Metacarpos

Leia mais

INTERSOMATIC FUSER DEVICE. Técnica Cirúrgica Dispositivos para Fusão Intersomática

INTERSOMATIC FUSER DEVICE. Técnica Cirúrgica Dispositivos para Fusão Intersomática INTERSOMATIC FUSER DEVICE Técnica Cirúrgica 68.30 - 68.30 - Materiais Titânio Ti 6Al 4V ELI Alloy ASTM F-136 / ISO 5832-3 Indicações Os implantes tipo Cage Rosqueado / Quadrado Intersomático, são indicados

Leia mais

DR. ANDRÉ AUGUSTO CASAGRANDE CRM/SC: 7582 RQE: 3762

DR. ANDRÉ AUGUSTO CASAGRANDE CRM/SC: 7582 RQE: 3762 DR. ANDRÉ AUGUSTO CASAGRANDE CRM/SC: 7582 RQE: 3762 APRESENTAÇÃO PESSOAL Data de nascimento: 01/03/1968 Naturalidade: Caxias do Sul RS Nacionalidade: Brasileiro Endereço profissional: Rua: Blumenau, 1316

Leia mais

3. INSTRUÇÕES DE USO

3. INSTRUÇÕES DE USO Folha: 1 de 40 3. INSTRUÇÕES DE USO 3.1. Informações Gerais de Identificação do Produto Produto de uso único, não estéril, esterilizar antes do uso 3.1.1.a. Nome Técnico: Sistema de Fixação Rígida de Placas

Leia mais

ECO - ONLINE (EDUCAÇÃO CONTINUADA EM ORTOPEDIA ONLINE)

ECO - ONLINE (EDUCAÇÃO CONTINUADA EM ORTOPEDIA ONLINE) ECO - ONLINE (EDUCAÇÃO CONTINUADA EM ORTOPEDIA ONLINE) DESCRIÇÃO: Aulas interativas ao vivo pela internet. Participe ao vivo, respondendo as enquetes e enviando suas perguntas. Vale pontos para a Revalidação

Leia mais

TÉCNICA CIRÚRGICA ARTRODESE DO TORNOZELO UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE FIXAÇÃO CIRCULAR TRUELOK

TÉCNICA CIRÚRGICA ARTRODESE DO TORNOZELO UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE FIXAÇÃO CIRCULAR TRUELOK TÉCNICA CIRÚRGICA ARTRODESE DO TORNOZELO UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE FIXAÇÃO CIRCULAR TRUELOK 1 INTRODUÇÃO 2 COMPONENTES NECESSÁRIOS 2 LIMPEZA E ESTERILIZAÇÃO 2 INDICAÇÕES 3 MONTAGEM 5 POSICIONAMENTO DO PACIENTE

Leia mais

Este tipo de fixador externo é indicado para fraturas meta diafisárias, tornozelo articulado e fixador híbrido.

Este tipo de fixador externo é indicado para fraturas meta diafisárias, tornozelo articulado e fixador híbrido. Muito mais leve que a linha ProCallus. Por ser radiotransparente não obstrui a visualização da fratura, permitindo reduções mais rápidas e fáceis. Possui maior facilidade na checagem da formação de calo

Leia mais

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão André Montillo UVA Lesões Traumáticas do Membro Superior Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão Lesões do Cotovelo Fratura Distal do Úmero Fratura da Cabeça do Rádio

Leia mais

TERAPIA MANUAL APLICADA AO TRATAMENTO DAS DISFUNÇÕES DAS EXTREMIDADES INFERIORES

TERAPIA MANUAL APLICADA AO TRATAMENTO DAS DISFUNÇÕES DAS EXTREMIDADES INFERIORES TERAPIA MANUAL APLICADA AO TRATAMENTO DAS DISFUNÇÕES DAS EXTREMIDADES INFERIORES A articulação do quadril é composta pelo acetábulo (côncavo) e a cabeça do fêmur (convexa). Repouso articular: 30º flex,

Leia mais

MS/DATASUS 23/08/2012 09:28:03 E430000001

MS/DATASUS 23/08/2012 09:28:03 E430000001 23/08/2012 09:28:03 Página: 1 PASSO FUNDO COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC: Cirurgias Eletivas - Estabelecimento: 2246988 HOSPITAL SAO VICENTE DE

Leia mais

ORTOBIO - INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE PRODUTOS ORTOPÉDICOS LTDA.

ORTOBIO - INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE PRODUTOS ORTOPÉDICOS LTDA. Visando a facilidade de acesso à informação, conforme a Instrução Normativa n 4/2012 estabelecida pela ANVISA, a empresa Ortobio Industria e Comércio de Produtos ortopédicos Ltda., passa a disponibilizar

Leia mais

OSTEOLOGIA 18/03/2014 OSTEOLOGIA

OSTEOLOGIA 18/03/2014 OSTEOLOGIA OSTEOLOGIA SISTEMA ESQUELÉTICO Na verdade quando se fala em Sistema Esquelético, temos logo em mente só os ossos, o que não está completamente correto, isso porque as articulações é que na verdade mantêm

Leia mais

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão

Lesões Traumáticas do Membro Superior. Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão André Montillo UVA Lesões Traumáticas do Membro Superior Lesões do Ombro e Braço Lesões do Cotovelo e Antebraço Lesões do Punho e Mão Lesões do Ombro e Braço Fratura da Escápula Fratura da Clavícula Luxação

Leia mais

Esqueleto Apendicular e Axial, e articulação do joelho. Marina Roizenblatt 75 Monitora de Anatomia

Esqueleto Apendicular e Axial, e articulação do joelho. Marina Roizenblatt 75 Monitora de Anatomia Esqueleto Apendicular e Axial, e articulação do joelho Marina Roizenblatt 75 Monitora de Anatomia Coluna Vertebral Canal Vertebral Forames intervertebrais Características de uma vértebra típica Corpo vertebral

Leia mais

Parque Fabril Parque Fabril

Parque Fabril Parque Fabril Parque Fabril Número de profissionais - 500 Parque Fabril Linha do Destino A Baumer nasceu pela necessidade vivenciada de seu fundador em criar uma solução local e rápida para área da saúde, especificamente

Leia mais

ORTOBIO - INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE PRODUTOS ORTOPÉDICOS LTDA.

ORTOBIO - INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE PRODUTOS ORTOPÉDICOS LTDA. Visando a facilidade de acesso à informação, conforme a Instrução Normativa n 4/2012 estabelecida pela ANVISA, a empresa Ortobio Industria e Comércio de Produtos ortopédicos Ltda., passa a disponibilizar

Leia mais

Técnica Cirúrgica Navegada LOGIC HORIZON HORIOZON + LOGIC. grooved cementless partial HAP femoral stem

Técnica Cirúrgica Navegada LOGIC HORIZON HORIOZON + LOGIC. grooved cementless partial HAP femoral stem HORIOZON + LOGIC Técnica Cirúrgica Navegada LOGIC grooved cementless partial HAP femoral stem HORIZON ceramic/ceramic cementless acetabular component with HAP coating 1. Introdução 2. Navegador 2.1 Aparelho

Leia mais

Parafuso EIS Técnica Cirúrgica da Osteotomia de Scarf do M1 Princípios Gerais Indicações da Osteotomia de SCARF Contra-Indicação

Parafuso EIS Técnica Cirúrgica da Osteotomia de Scarf do M1 Princípios Gerais Indicações da Osteotomia de SCARF Contra-Indicação EIS Parafuso EIS da Osteotomia de Scarf do M1 Princípios Gerais Permite a transação lateral da primeira cabeça metatarsal, juntamente com o realinhamento sobre os sesamóides. Osteotomia extra-articular.

Leia mais

2ª. PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

2ª. PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 2ª. PARTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS ORTOPEDIA/TRAUMATOLOGIA 21. O exame radiográfico de uma criança após queda da própria altura mostra fratura supra condileana de úmero, com traço de fratura marcante

Leia mais

MS/DATASUS 23/05/2012 10:23:44 E430000001

MS/DATASUS 23/05/2012 10:23:44 E430000001 23/05/2012 10:23:44 Gestor: - Secretaria Estadual da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul Página: 1 PASSO FUNDO COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC:

Leia mais

Versão 5.60 Página: 1 MS/DATASUS 16/12/2011 11:56:31 E430000001 RIO GRANDE DO SUL

Versão 5.60 Página: 1 MS/DATASUS 16/12/2011 11:56:31 E430000001 RIO GRANDE DO SUL 16/12/2011 11:56:31 Gestor: - Secretaria Estadual da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul Página: 1 PAROBE COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE Estabelecimento: 2227762 HOSPITAL SAO FRANCISCO DE ASSIS 4311106319212

Leia mais

O que é? Quem pode usar? Benefícios para o médico. Benefícios para o paciente. 2.0 mm. Sistema Lockplan 2.0mm

O que é? Quem pode usar? Benefícios para o médico. Benefícios para o paciente. 2.0 mm. Sistema Lockplan 2.0mm Sistema Lockplan 2.0mm O que é? O Sistema de Fixação Rígida Lockplan 2.0mm é um sistema composto por placas e parafusos, que realizam a reconstrução óssea de pacientes com deformidades, de causas genéticas

Leia mais

Anatomia Humana Módulo 02 Conceitos Gerais do Sistema Osteomioarticular

Anatomia Humana Módulo 02 Conceitos Gerais do Sistema Osteomioarticular Anatomia Humana 1 Profª Fabíola Claudia Henrique da Costa Parte 01 Osteologia Partedaanatomiaque estuda o esqueleto, o qual é constituído por ossos e cartilagens. 1 Axial Ossos da cabeça, pescoço e tronco

Leia mais

BIOMECÂNICA DA AÇÃO MUSCULAR EXCÊNTRICA NO ESPORTE. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior

BIOMECÂNICA DA AÇÃO MUSCULAR EXCÊNTRICA NO ESPORTE. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior BIOMECÂNICA DA AÇÃO MUSCULAR EXCÊNTRICA NO ESPORTE Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior Considerações iniciais EXCÊNTRICA CONCÊNTRICA ISOMÉTRICA F m F m F m P V P V P V = 0 Potência < 0 Potência >

Leia mais

TÉCNICA CIRÚRGICA. Contours PHP Placa para terço proximal do úmero

TÉCNICA CIRÚRGICA. Contours PHP Placa para terço proximal do úmero TÉCNICA CIRÚRGICA Contours PHP Placa para terço proximal do úmero 1 INTRODUÇÃO 2 3 3 3 CARACTERÍSTICAS Bloqueio proximal Bloqueio distal INDICAÇÕES 4 EQUIPAMENTO NECESSÁRIO 5 TÉCNICA CIRÚRGICA 11 REMOÇÃO

Leia mais

RESPIRE. SORRIA. SINTA-SE BEM. Soluções inteligentes para fixação Crânio Maxilo Facial

RESPIRE. SORRIA. SINTA-SE BEM. Soluções inteligentes para fixação Crânio Maxilo Facial Registro dos implantes 1.5 / 2.0 / 2.4 ANVISA 80455630030 REV. 04 E E E M E PR SA CERTIFIC A EN ISO DA DA DA Rua 1A JC, 138, Jd. Centenário, 13503-510, Rio Claro/SP traumec.com.br vendas@traumec.com.br

Leia mais

Revisão de artroplastia total do quadril com prótese modular não-cimentada de fixação distal tipo ZMR. Análise clínica e radiográfica de 30 casos.

Revisão de artroplastia total do quadril com prótese modular não-cimentada de fixação distal tipo ZMR. Análise clínica e radiográfica de 30 casos. Revisão de artroplastia total do quadril com prótese modular não-cimentada de fixação distal tipo ZMR. Análise clínica e radiográfica de 30 casos. Richard Prazeres Canella Paulo Gilberto Cimbalista de

Leia mais

Curso AOTrauma Avanços no Tratamento de Fracturas

Curso AOTrauma Avanços no Tratamento de Fracturas Programa preliminar Curso AOTrauma Avanços no Tratamento de Fracturas 16 a 19 de Junho de 2011 Évora, Portugal Curso AOTrauma Avanços no Tratamento de Fracturas, Évora - Portugal 2 Declaração de Qualidade

Leia mais

Traumatologia e Ortopedia

Traumatologia e Ortopedia Traumatologia e Ortopedia Ressecção de um corpo vertebral cervical; Ressecção de dois ou mais corpos vertebrais cervicais (inclui instrumentação) Principais Resultados de Provas Diagnósticas: Radiografia;

Leia mais