Competência nos JEFs Lei Fed nº /2009

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Competência nos JEFs Lei Fed nº /2009"

Transcrição

1 Competência nos JEFs Lei Fed nº /2009 Eduardo Uhlein Agosto 2013

2 Lei Federal nº 12153/2009 Dispõe sobre os Juizados Especiais da Fazenda Pública dos Estados, do Distrito Federal, dos Territórios e dos Municípios Art. 2o É de competência dos Juizados Especiais da Fazenda Pública processar, conciliar e julgar causas cíveis de interesse dos Estados, do Distrito Federal, dos Territórios e dos Municípios, até o valor de 60 (sessenta) salários mínimos. 1o Não se incluem na competência do Juizado Especial da Fazenda Pública: I - as ações de mandado de segurança, de desapropriação, de divisão e demarcação, populares, por improbidade administrativa, execuções fiscais e as demandas sobre direitos ou interesses difusos e coletivos; II - as causas sobre bens imóveis dos Estados, Distrito Federal, Territórios e Municípios, autarquias e fundações públicas a eles vinculadas; III - as causas que tenham como objeto a impugnação da pena de demissão imposta a servidores públicos civis ou sanções disciplinares aplicadas a militares. 2o Quando a pretensão versar sobre obrigações vincendas, para fins de competência do Juizado Especial, a soma de 12 (doze) parcelas vincendas e de eventuais parcelas vencidas não poderá exceder o valor referido no caput deste artigo. 4o No foro onde estiver instalado Juizado Especial da Fazenda Pública, a sua competência é absoluta

3 Art. 2º, 4º No foro onde estiver instalado Juizado Especial da Fazenda Pública, a sua competência é absoluta. Fórmula idêntica à adotada pela Lei dos Juizados Especiais Federais (Lei nº /2001) Art. 3o Compete ao Juizado Especial Federal Cível processar, conciliar e julgar causas de competência da Justiça Federal até o valor de sessenta salários mínimos, bem como executar as suas sentenças. 1o (...). 3o No foro onde estiver instalada Vara do Juizado Especial, a sua competência é absoluta. Em relação ao juizados especiais estaduais cíveis e criminais, não contempla a lei 9099/95 idêntica previsão. Por esse preciso motivo, é facultada à parte a escolha do juízo em que deduzirá a pretensão (art. 3º, 3º, opção pelo procedimento )

4 Competência absoluta (art. 113 do CPC) Declarável de ofício Improrrogável Pode ser alegada a qualquer tempo e em qualquer grau de jurisdição (por mera preliminar) Conduz à nulidade da decisão Autoriza a rescisão da coisa julgada (art. 485, II, do CPC) Independe da complexidade da questão (salvo as exceções legais expressas)

5 Jurisprudência No âmbito das Câmaras Cíveis do 2º Grupo do TJRS (3ª e 4ª CC): Critério de menor complexidade no JEF é o do valor da causa (salvo as exceções expressas por natureza da demanda) Já se admitiu: Ação respeitando a concurso público ( , Rel. Ricardo Pastl, 4ª CC) Ação relativa ao concurso de notários e registradores ( , Rel. Rogerio Gesta Leal, 3ª CC) Ação em que necessária perícia ( , Rel José Luiz Azambuja, 4ª CC) Ação sobre adicional de insalubridade ( , Rel. Eduardo Uhlein, 4ª CC)

6 Jurisprudência Não se admite no Juizado Especial da Fazenda, segundo a 25ª Câmara Cível do TJRS: Ação sobre piso nacional do magistério ajuizada por servidor estadual, dada a complexidade ( , Rel. Leila Vani Pandolfo Machado, julg. 26/07/2013) Contra: AGRAVO. AGRAVO DE INSTRUMENTO. SERVIDORA PÚBLICA ESTADUAL. MAGISTÉRIO. PISO NACIONAL. COMPETÊNCIA. JUIZADO ESPECIAL DA FAZENDA PÚBLICA. VALOR DA CAUSA. I (...). II - Na hipótese vertente, o valor atribuído à causa é o de alçada, portanto, inferior a quarenta salários mínimos. Reconhecida a competência do Juizado Especial da Fazenda Pública.(...). (Agravo Nº , Terceira Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Eduardo Delgado, Julgado em 06/10/2011)

7 Jurisprudência Segundo o Superior Tribunal de Justiça: A necessidade de produção de prova pericial não influi na definição da competência dos juizados especiais cíveis estaduais. (RMS /RJ, Rel. Ministro JOÃO OTÁVIO DE NORONHA, 4ª TURMA, julgado em 20/04/2010) O Superior Tribunal de Justiça pacificou a orientação de que a competência dos Juizados Especiais, em matéria cível, deve ser fixada segundo o valor da causa, que não pode ultrapassar sessenta salários mínimos, conforme previsão do art. 3º da Lei /2001. A referida lei não obsta a competência desses Juizados para apreciar as demandas de maior complexidade, bem como as que envolvam exame pericial. (AgRg no CC /PR, Rel. Ministro HERMAN BENJAMIN, PRIMEIRA SEÇÃO, julgado em 12/08/2009) O valor dado à causa pelo autor fixa a competência absoluta dos Juizados Especiais. O Juizado Especial Federal Cível é absolutamente competente para processar e julgar causas afetas à Justiça Federal até o valor de sessenta salários mínimos (art. 3º, caput e 3º, da Lei /2001). A jurisprudência do STJ é firme no sentido de que, na hipótese de litisconsórcio ativo, o valor da causa para fins de fixação da competência é calculado dividindo-se o montante total pelo número de litisconsortes. Precedentes.(...) (REsp /PB, Rel. Ministra ELIANA CALMON, SEGUNDA TURMA, julgado em 18/10/2012, DJe 29/10/2012)

8 Jurisprudência Segundo o Superior Tribunal de Justiça Compete aos Juizados Especiais: Ação para fornecimento de Medicamentos (causa inferior a 60 SM)- RESp nº , Rel. Min Castro Meira (decisão em 22/04/2013) Ação com complexidade ou com necessidade de perícia (REsp nº , 2ª Turma, julg em 1º/12/2010) Ação objetivando tratamento médico-cirúrgico (cirurgia do joelho) AREsp nº , julg em 05/06/2013, Rel Min Napoleão Maia Filho Ação movida por servidores objetivando diferenças de URV (devendo observar-se o valor individual de cada litisconsorte para efeito de alçada): AREsp nº , Rel Min Herman Benjamin, julg em 05/06/2013

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça CONFLITO DE COMPETÊNCIA Nº 98.679 - RS (2008/0207142-9) RELATOR AUTOR ADVOGADO RÉU SUSCITANTE SUSCITADO : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA : NILTON FERNANDO CARVALHO DE SOUZA : LINDAMAR LEMOS DE GODOY E OUTRO(S)

Leia mais

LEI Nº , DE 22 DE DEZEMBRO DE 2009 AULA 3 JUIZADOS ESPECIAIS

LEI Nº , DE 22 DE DEZEMBRO DE 2009 AULA 3 JUIZADOS ESPECIAIS LEI DOS JUIZADOS ESPECIAIS LEI Nº 12.153, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2009 AULA 3 JUIZADOS ESPECIAIS DA FAZENDA PÚBLICA Art. 1o Os Juizados Especiais da Fazenda Pública, órgãos da justiça comum e integrantes

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL

DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO PROCESSUAL CIVIL ESTÁCIO-CERS DIREITO PROCESSUAL CIVIL Prof. André Mota deomotaadv@yahoo.com.br (F) Professor André Mota (IG) @profandremota.am (TW) profandremota TEORIA GERAL DOS RECURSOS 1. DEFINIÇÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.467.458 - SP (2014/0157622-2) RELATOR AGRAVANTE ADVOGADOS AGRAVADO PROCURADOR : MINISTRO OG FERNANDES : MAKRO ATACADISTA S/A : MARIANA MONTE ALEGRE DE PAIVA E OUTRO(S) SERGIO

Leia mais

Juizados Especiais. Aula 8 ( ) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor)

Juizados Especiais. Aula 8 ( ) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor) Juizados Especiais Aula 8 (09.04.13) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor) e-mail: vinipedrosa@uol.com.br Ementa da aula Recursos e embargos de declaração Mandado de segurança, habeas corpus

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 12.153, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2009. Mensagem de veto Dispõe sobre os Juizados Especiais da Fazenda Pública no âmbito dos Estados,

Leia mais

Jurisprudência em Teses - N. 82 PODER DE POLÍCIA

Jurisprudência em Teses - N. 82 PODER DE POLÍCIA Edição N. 82 Brasília, 31 de maio de 2017. As teses aqui resumidas foram elaboradas pela Secretaria de Jurisprudência, mediante exaustiva pesquisa na base de jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça,

Leia mais

ALEXSSANDER AUGUSTO PROCESSO CIVIL

ALEXSSANDER AUGUSTO PROCESSO CIVIL ALEXSSANDER AUGUSTO PROCESSO CIVIL 1. (2017 CONSULPLAN - TJ-MG - Titular de Serviços de Notas e de Registros) Sobre os Juizados Especiais Cíveis, instituídos pela Lei nº 9.099/95: As pessoas jurídicas

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DE DESEMBARGADOR

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DE DESEMBARGADOR ( Agravo de Instrumento no. 041.2007.002068-4/001 Relator: Des. José Di Lorenzo Serpa Agravante: Município de Conde, representado por seu Prefeito Adv. Marcos Antônio Leite Ramalho Junior e outros Agravado:

Leia mais

A Execução Fiscal e o novo CPC. < competência > Prof. Mauro Luís Rocha Lopes

A Execução Fiscal e o novo CPC. < competência > Prof. Mauro Luís Rocha Lopes A Execução Fiscal e o novo CPC < competência > Prof. Mauro Luís Rocha Lopes LEF, art. 5º A competência para processar e julgar a execução da Dívida Ativa da Fazenda Pública exclui a de qualquer outro juízo,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli RELATORA : DESEMBARGADORA FEDERAL MARGARIDA CANTARELLI RELATÓRIO A EXMA. DESEMBARGADORA FEDERAL MARGARIDA CANTARELLI (RELATORA): Trata-se de mandado de segurança impetrado contra o Juiz de Direito da 2ª

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.171.731 - BA (2009/0245062-7) RELATOR RECORRENTE PROCURADOR RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO CASTRO MEIRA : INSTITUTO BRASILEIRO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS -

Leia mais

A Câmara Municipal de Nepomuceno, por seus representantes legais, no uso de suas atribuições aprovou:

A Câmara Municipal de Nepomuceno, por seus representantes legais, no uso de suas atribuições aprovou: PROJETO DE LEI Nº 545, DE 11 DE MARÇO DE 2014. Autoriza o Município a não ajuizar ações ou execuções fiscais de débitos de pequeno valor; dispõe sobre o cancelamento dos débitos que especifica, quando

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO RS

PODER JUDICIÁRIO RS Página 1 de 7 Número do processo: 70053460812 Comarca: Comarca de Porto Alegre Data de Julgamento: 07-03-2013 Relator: Eduardo Delgado PODER JUDICIÁRIO ---------- RS ---------- ESTADO DO RIO GRANDE DO

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0035.12.011240-0/001 Númeração 1041280- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Pedro Bernardes Des.(a) Pedro Bernardes 30/04/2013 06/05/2013 EMENTA: AGRAVO

Leia mais

UNIÃO ESTÁVEL. 2) A coabitação não é elemento indispensável à caracterização da união estável.

UNIÃO ESTÁVEL. 2) A coabitação não é elemento indispensável à caracterização da união estável. Edição n. 50 Brasília, 11 de fevereiro de 2016 As teses aqui resumidas foram elaboradas pela Secretaria de Jurisprudência, mediante exaustiva pesquisa na base de jurisprudência do Superior Tribunal de

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Da inexistência de limitação valorativa para as causas previstas no art. 275, II do CPC no âmbito dos Juizados Especiais Cíveis Ana Raquel Colares dos Santos Linard* Uma das questões

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR S : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA EMENTA PROCESSUAL CIVIL. AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO DE INSTRUMENTO. IMPUGNAÇÃO DO VALOR DA CAUSA. CONTEÚDO ECONÔMICO DA DEMANDA. REVISÃO PARCIAL DO CONTRATO.

Leia mais

ESPECIAL PLANO VERÃO RELAÇÃO TEMÁTICA DAS JURISPRUDÊNCIAS CITADAS NAS PALESTRAS... 21

ESPECIAL PLANO VERÃO RELAÇÃO TEMÁTICA DAS JURISPRUDÊNCIAS CITADAS NAS PALESTRAS... 21 ÍNDICE ESPECIAL PLANO VERÃO... 07 RELAÇÃO TEMÁTICA DAS JURISPRUDÊNCIAS CITADAS NAS PALESTRAS... 21 PALESTRA: PROCESSO DE EXECUÇÃO EM AÇÕES COLETIVAS QUE VERSAM SOBRE PLANO VERÃO: PRÁTICA E QUESTÕES JUDICIAIS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EDcl no RECURSO ESPECIAL Nº 1.396.488 - SC (2013/0252134-1) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS EMBARGANTE : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL EMBARGADO : MARCELO BIGOLIN

Leia mais

Competência no Processo Civil

Competência no Processo Civil Competência no Processo Civil Direito Processual Civil I Prof. Leandro Gobbo 1 Conceito Princípio do juiz natural. A competência quantifica a parcela de exercício de jurisdição atribuída a determinado

Leia mais

SERVIDOR PÚBLICO - II

SERVIDOR PÚBLICO - II Edição N. 76 Brasília, 08 de março de 2017. As teses aqui resumidas foram elaboradas pela Secretaria de Jurisprudência, mediante exaustiva pesquisa na base de jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça,

Leia mais

/000 <CABBCAADDABACCBBCAADCBAADBCBCABACBCAADDABACCB>

/000 <CABBCAADDABACCBBCAADCBAADBCBCABACBCAADDABACCB> Acórdãos na Íntegra 146000124532 Tribunal: Tribunal De Justiça Do Estado De Minas Gerais Órgão Julgador: 1ª C.Cív. Tipo do Recurso: CC Nº Processo: 1.0000.12.112954-8/000 Relator(a): Rel. Geraldo Augusto

Leia mais

FUNDEF. Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental. Recuperação de créditos para municípios mineiros

FUNDEF. Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental. Recuperação de créditos para municípios mineiros FUNDEF Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental Recuperação de créditos para municípios mineiros FUNDEF Criação (EC 14/96) Art. 5º É alterado o art. 60 do ADCT e nele são inseridos novos

Leia mais

Curso Resultado. Jurisprudência ordenada por matérias e assuntos Juizados

Curso Resultado. Jurisprudência ordenada por matérias e assuntos Juizados Curso Resultado Jurisprudência ordenada por matérias e assuntos Juizados Atualizado em 19 de novembro de 2015 Sumário Alçada Criação por Estado Depósito para recurso ALÇADA Em relação à questão da competência

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0000.11.029913-8/000 Númeração 0299138- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Domingos Coelho Des.(a) Domingos Coelho 05/10/2011 17/10/2011 EMENTA: CONFLITO

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo fls. 1 Registro: 2014.0000017069 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Mandado de Segurança nº 2039481-82.2013.8.26.0000, da Comarca de Rio Claro, em que são impetrantes CLÁUDIO ANTONIO

Leia mais

Lei dos Juizados Especiais

Lei dos Juizados Especiais AULA 01 Lei dos Juizados Especiais Lei 9.099/1995 e Lei 12.153/2009 Professora Elisa Pinheiro www.pontodosconcursos.com.br www.pontodosconcursos.com.br Professor(a). Elisa Pinheiro 1 Sumário 1. Competência...04

Leia mais

5) É possível a retificação do registro do nome civil em decorrência do direito à dupla nacionalidade, desde que não haja prejuízo a terceiros.

5) É possível a retificação do registro do nome civil em decorrência do direito à dupla nacionalidade, desde que não haja prejuízo a terceiros. Edição N. 80 Brasília, 3 de maio de 2017. As teses aqui resumidas foram elaboradas pela Secretaria de Jurisprudência, mediante exaustiva pesquisa na base de jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça,

Leia mais

- Competência - 1ª fase: Jurisdição Interna x Jurisdição Externa (ou Internacional / Estrangeira) - art. 88 e seguintes do CPC:

- Competência - 1ª fase: Jurisdição Interna x Jurisdição Externa (ou Internacional / Estrangeira) - art. 88 e seguintes do CPC: Turma e Ano: Flex A (2014) Matéria / Aula: Processo Civil / Aula 06 Professor: Edward Carlyle Conteúdo: Competência: Busca do Juiz Competente (4 fases): Jurisdição Interna e Internacional; Critérios de

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 370.012 - SC (2013/0228913-8) RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES EMENTA PROCESSUAL CIVIL. TRIBUTÁRIO. AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL. SERVENTIAS

Leia mais

14. TRIBUTOS EM ESPÉCIE Impostos sobre a Transmissão ITBI e ITCMD

14. TRIBUTOS EM ESPÉCIE Impostos sobre a Transmissão ITBI e ITCMD 14. TRIBUTOS EM ESPÉCIE Impostos sobre a Transmissão ITBI e ITCMD 1 - Imposto sobre transmissão causa mortis e doação, de quaisquer bens ou direitos (ITCMD) Compete privativamente aos Estados a instituição

Leia mais

LEI N.º 1.921/2015 DATA: 29/09/2015

LEI N.º 1.921/2015 DATA: 29/09/2015 Publicado em 01/10/2015 Edição 2239 Pág. 6A Jornal Correio do Povo. LEI N.º 1.921/2015 DATA: 29/09/2015 SÚMULA: Autoriza o Município a não ajuizar ações ou execuções fiscais de débitos de pequeno valor;

Leia mais

Conflito de competência entre Municípios. Gabriel Collaço Vieira Advogado Ex-Conselheiro do TAT-Florianópolis Mestre - UFSC

Conflito de competência entre Municípios. Gabriel Collaço Vieira Advogado Ex-Conselheiro do TAT-Florianópolis Mestre - UFSC Conflito de competência entre Municípios Gabriel Collaço Vieira Advogado Ex-Conselheiro do TAT-Florianópolis Mestre - UFSC Conflito de competência Complexidade da operação Interpretação da lei Art. 146.

Leia mais

RECURSO ESPECIAL Nº MG (2013/ )

RECURSO ESPECIAL Nº MG (2013/ ) RECURSO ESPECIAL Nº 1.421.512 - MG (2013/0392820-1) RELATORA RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : EDNA REGINA GUIMARAES : MARDEN DRUMOND VIANA E OUTRO(S) : UNIMED PARÁ DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI EMENTA PROCESSUAL CIVIL. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. ERRO MATERIAL. CRÉDITOS ESCRITURAIS DE IPI. PRESCRIÇÃO QÜINQÜENAL. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO ACOLHIDOS PARA SANAR

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA : LUIS CAPUCCI NETO : MUNICÍPIO DE ITÁPOLIS EMENTA trabalhistas propostas por servidores públicos municipais contratados sob o regime celetista, instituído por meio de legislação

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : FAZENDA DO ESTADO DE SÃO PAULO PROCURADOR : RAFAEL DE OLIVEIRA RODRIGUES E OUTRO(S) RECORRIDO : MAKRO ATACADISTA S/A ADVOGADOS : SERGIO FARINA FILHO EMENTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 792.581 - SP (2015/0237359-0) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS AGRAVANTE : MUNICÍPIO DE SÃO PAULO ADVOGADO : BEATRICE CANHEDO DE ALMEIDA SERTORI E OUTRO(S) AGRAVADO

Leia mais

R E L A T Ó R I O O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO

R E L A T Ó R I O O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO R E L A T Ó R I O GUIMARÃES (RELATOR): O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO Trata-se de agravo inominado interposto ante decisão que negou seguimento ao recurso, impugnando decisum proferido pelo MM.

Leia mais

Justiça Federal ou Justiça Estadual? Onde ajuizar?

Justiça Federal ou Justiça Estadual? Onde ajuizar? Justiça Federal ou Justiça Estadual? Onde ajuizar? Luciano de Souza Godoy OFÍCIO n. 000360/2016-CD2S do Superior Tribunal de Justiça Demanda enviada pelo Min. Luis Felipe Salomão à Sra. Maria Carmen de

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça CONFLITO DE COMPETÊNCIA Nº 56.460 - RS (2005/0189241-4) RELATOR : MINISTRO JOSÉ DELGADO AUTOR : UNIÃO RÉU : L S DIVERSÕES ELETRÔNICAS LTDA E OUTROS SUSCITANTE : L S DIVERSÕES ELETRÔNICAS LTDA E OUTROS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 990.810 - DF (2016/0255643-4) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO AGRAVANTE : FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE - FUNASA AGRAVADO : GRUPO OK CONSTRUCOES E EMPREENDIMENTOS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça (e-stj Fl.452) EDcl no MANDADO DE SEGURANÇA Nº 13.174 - DF (2007/0256210-1) RELATOR : MINISTRO ROGERIO SCHIETTI CRUZ EMBARGANTE : BANCO CENTRAL DO BRASIL PROCURADOR : FLÁVIO JOSÉ ROMAN E OUTRO(S) EMBARGADO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 760.087 - DF (2005/0099885-5) RELATOR : MINISTRO OLINDO MENEZES (DESEMBARGADOR CONVOCADO DO TRF 1ª REGIÃO) RECORRENTE : COMERCIAL DE ALIMENTOS PONTE ALTA LTDA ADVOGADO : ANISIO BATISTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 90.001 - SP (2011/0207167-7) RELATORA : MINISTRA ASSUSETE MAGALHÃES AGRAVANTE : MUNICÍPIO DE SÃO PAULO PROCURADOR : ROGÉRIO STEFFEN E OUTRO(S) AGRAVADO : BEARINGPOINT

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 1.158.805 - SC (2009/0032560-5) RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON : INSTITUTO BRASILEIRO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS - IBAMA EMENTA PROCESSUAL CIVIL

Leia mais

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ UTP CURSO DE DIREITO TEORIA GERAL DO PROCESSO CIVIL COMPETÊNCIA. Professora Gabriela Buzzi Ano 2017/1 3º período

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ UTP CURSO DE DIREITO TEORIA GERAL DO PROCESSO CIVIL COMPETÊNCIA. Professora Gabriela Buzzi Ano 2017/1 3º período UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ UTP CURSO DE DIREITO TEORIA GERAL DO PROCESSO CIVIL COMPETÊNCIA Professora Gabriela Buzzi Ano 2017/1 3º período COMPETÊNCIA Conceitos: Competência é a quantificação da jurisdição

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0024.11.165578-3/004 Númeração 0909372- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Otávio Portes Des.(a) Otávio Portes 13/07/0016 15/07/2016 EMENTA: AGRAVO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Certificado digitalmente por: RUY MUGGIATI PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA ESTADO DO PARANÁ CONFLITO DE COMPETÊNCIA CÍVEL Nº 1.589.163-3, DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA

Leia mais

A ATRIBUIÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO PARA ATUAR NOS PROCESSOS COM LIDES ENVOLVENDO SINDICATOS E SERVIDORES PÚBLICOS

A ATRIBUIÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO PARA ATUAR NOS PROCESSOS COM LIDES ENVOLVENDO SINDICATOS E SERVIDORES PÚBLICOS A ATRIBUIÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO PARA ATUAR NOS PROCESSOS COM LIDES ENVOLVENDO SINDICATOS E SERVIDORES PÚBLICOS Maria Clara Lucena Dutra de Almeida Procuradora Federal Especialista em Direito Constitucional

Leia mais

Apelação Cível nº , de Cambé Vara Cível Relator: Lauro Laertes de Oliveira Apelante: Município de Cambé Apelado: Aparecido Alves Teixeira

Apelação Cível nº , de Cambé Vara Cível Relator: Lauro Laertes de Oliveira Apelante: Município de Cambé Apelado: Aparecido Alves Teixeira , de Cambé Vara Cível Relator: Lauro Laertes de Oliveira Apelante: Município de Cambé Apelado: Aparecido Alves Teixeira Trata-se de execução fiscal, afinal extinta diante do reconhecimento, de ofício,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.548.382 - SP (2015/0195619-9) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : TEXTILNOVA FIACAO LTDA ADVOGADO : GIL HENRIQUE ALVES TORRES E OUTRO(S) RECORRIDO : MUNICÍPIO DE PIRASSUNUNGA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES AGRAVANTE : AGAMENON CORDEIRO DE CARVALHO ADVOGADO : MÁRCIO VIEIRA DA CONCEIÇÃO E OUTRO(S) : MUNICÍPIO DE SANTO ANDRÉ PROCURADORES : DÉBORA DE ARAÚJO HAMAD E OUTRO(S)

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 663.487 - SC (2004/0072925-0) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS AGRAVANTE : ITAVEL ITAJAÍ VEÍCULOS LTDA ADVOGADO : JOAO JOAQUIM MARTINELLI AGRAVADO : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg nos EDcl no RECURSO ESPECIAL Nº 1.346.852 - PR (2012/0205691-9) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS AGRAVANTE : LUZIA APARECIDA DE OLIVEIRA ADVOGADOS : ARIELTON TADEU ABIA DE OLIVEIRA E OUTRO(S) THAIS

Leia mais

Excelentíssimo Senhor Procurador-Geral de Justiça e Presidente da Egrégia Câmara de Procuradores do Ministério Público do Estado de Minas Gerais

Excelentíssimo Senhor Procurador-Geral de Justiça e Presidente da Egrégia Câmara de Procuradores do Ministério Público do Estado de Minas Gerais Excelentíssimo Senhor Procurador-Geral de Justiça e Presidente da Egrégia Câmara de Procuradores do Ministério Público do Estado de Minas Gerais Os membros da Comissão Temporária constituída na 5ª Sessão

Leia mais

JUIZADOS ESPECIAIS DA FAZENDA PÚBLICA

JUIZADOS ESPECIAIS DA FAZENDA PÚBLICA JUIZADOS ESPECIAIS DA FAZENDA PÚBLICA Bruna Mendes Ferreira RESUMO: Este texto trata da recente figura dos Juizados Especiais da Fazenda Pública, integrantes do Sistema dos Juizados Especiais dos Estados

Leia mais

A EXECUÇÃO FISCAL E NOVO CPC. NATHALY CAMPITELLI ROQUE Mestre e Doutora em Direito PUC/SP Professora da PUC/SP Procuradora do Município de São Paulo

A EXECUÇÃO FISCAL E NOVO CPC. NATHALY CAMPITELLI ROQUE Mestre e Doutora em Direito PUC/SP Professora da PUC/SP Procuradora do Município de São Paulo A EXECUÇÃO FISCAL E NOVO CPC NATHALY CAMPITELLI ROQUE Mestre e Doutora em Direito PUC/SP Professora da PUC/SP Procuradora do Município de São Paulo LEI NOVA x LEI ANTIGA em que medida um diploma legal

Leia mais

CONFLITO DE COMPETÊNCIA CÍVEL N.º DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE MARINGÁ. SUSCITANTE

CONFLITO DE COMPETÊNCIA CÍVEL N.º DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE MARINGÁ. SUSCITANTE CONFLITO DE COMPETÊNCIA CÍVEL N.º 1.349.130-8 DO FORO CENTRAL DA COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE MARINGÁ. SUSCITANTE : Juízo de Direito da 4.ª Vara Cível do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana

Leia mais

SENTENÇA. Relatório dispensado (art. 38 da Lei 9.099/95).

SENTENÇA. Relatório dispensado (art. 38 da Lei 9.099/95). PROCESSO Nº 0084113-13.2014.4.01.3400 AUTOR: ITAMAR DE OLIVEIRA RÉU: UNIAO FEDERAL (FAZENDA NACIONAL) SENTENÇA TIPO: SENTENÇA Relatório dispensado (art. 38 da Lei 9.099/95). Cuida-se de ação cognitiva

Leia mais

20/11/2014. Direito Constitucional Professor Rodrigo Menezes AULÃO DA PREMONIÇÃO TJ-RJ

20/11/2014. Direito Constitucional Professor Rodrigo Menezes AULÃO DA PREMONIÇÃO TJ-RJ Direito Constitucional Professor Rodrigo Menezes AULÃO DA PREMONIÇÃO TJ-RJ 1 01. A Constituição Federal de 1988 consagra diversos princípios, os quais exercem papel extremamente importante no ordenamento

Leia mais

TEORIA GERAL DO PROCESSO APRESENTAÇÃO DO PROFESSOR-CURSO

TEORIA GERAL DO PROCESSO APRESENTAÇÃO DO PROFESSOR-CURSO Professor Curso TEORIA GERAL DO PROCESSO APRESENTAÇÃO DO PROFESSOR-CURSO Paulo Henrique de Oliveira E-mail: phdoliveira@yahoo.com.br Facebook: https://www.facebook.com/professorpaulohenriquedeoliveira

Leia mais

conclusões do Acórdão sido publicadas no DJ de "Da sentença, negando ou concedendo o mandado, cabe apelação ".

conclusões do Acórdão sido publicadas no DJ de Da sentença, negando ou concedendo o mandado, cabe apelação . Súmula nº 09... Cancelada por força da decisão prolatada nos autos do Expediente nº 98.005112-8, julgado em 24.02.99, tendo as conclusões do Acórdão sido publicadas no DJ de 19.03.99. Referências: Art.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.286.253 - SP (2011/0211865-3) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO AGRAVANTE : COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO - SABESP INTERES. : ANTONIO GONÇALVES

Leia mais

NOTA DA CSPM SOBRE A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL (Confederação Nacional dos Servidores Públicos Municipais)

NOTA DA CSPM SOBRE A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL (Confederação Nacional dos Servidores Públicos Municipais) Americana, 10 de abril de 2017 NOTA DA CSPM SOBRE A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL (Confederação Nacional dos Servidores Públicos Municipais) Na condição de advogado e procurador da CSPM, em análise a consulta

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.277.724 - PR (2011/0217334-1) RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA RECORRENTE : MARIA MADALENA FERREIRA VAZ E OUTRO ADVOGADO : MARCOS ANTÔNIO NUNES DA SILVA E OUTRO(S) RECORRIDO

Leia mais

LOCAÇÃO DE IMÓVEIS URBANOS

LOCAÇÃO DE IMÓVEIS URBANOS Edição N. 53 Brasília, 16 de março de 2016 As teses aqui resumidas foram elaboradas pela Secretaria de Jurisprudência, mediante exaustiva pesquisa na base de jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça,

Leia mais

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Quarta Câmara Cível

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Quarta Câmara Cível Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Quarta Câmara Cível AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº. 0073579-54.2015.8.19.0000 AGRAVANTE: PAULO ROBERTO RIBEIRO ALVES AGRAVADO: JFE 45 EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS

Leia mais

NOTA DA FESSPMESP SOBRE A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL (Federação dos Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais do Estado de São Paulo)

NOTA DA FESSPMESP SOBRE A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL (Federação dos Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais do Estado de São Paulo) Americana, 10 de abril de 2017 NOTA DA FESSPMESP SOBRE A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL (Federação dos Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais do Estado de São Paulo) Na condição de advogado e procurador

Leia mais

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Exmos. Desembargadores EUTÁLIO PORTO (Presidente), VERA ANGRISANI E ROBERTO MARTINS DE SOUZA.

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Exmos. Desembargadores EUTÁLIO PORTO (Presidente), VERA ANGRISANI E ROBERTO MARTINS DE SOUZA. Registro: 2016.0000537423 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0014422-69.2010.8.26.0053, da Comarca de São Paulo, em que é apelante MR AVALIAÇÕES E PERÍCIAS DE ENGENHARIA

Leia mais

PROCESSO CIVIL 1. PEDIDO

PROCESSO CIVIL 1. PEDIDO 1 PROCESSO CIVIL PONTO 1: Pedido PONTO 2: Espécies de Pedido PONTO 3: O Pedido e as Prestações Periódicas PONTO 4: Obrigação Indivisível PONTO 5: Cumulação de Pedidos PONTO 6: Interpretação do Pedido PONTO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.409.209 - CE (2013/0338180-5) RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON EMENTA PROCESSUAL CIVIL E PREVIDENCIÁRIO - RECURSO ESPECIAL - EXECUÇÃO - ÓBITO DA PARTE AUTORA - PRESCRIÇÃO DA PRETENSÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO ARI PARGENDLER RECORRENTE : SERV SCREEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE MATERIAIS SERIGRÁFICOS LTDA - MASSA FALIDA REPR. POR : ALFREDO LUIZ KUGELMAS - SÍNDICO ADVOGADO : RENATO DE LUIZI JÚNIOR

Leia mais

5) É válido o contrato celebrado em moeda estrangeira desde que no momento do pagamento se realize a conversão em moeda nacional.

5) É válido o contrato celebrado em moeda estrangeira desde que no momento do pagamento se realize a conversão em moeda nacional. Edição n. 48 Brasília, 18 de dezembro de 2015 As teses aqui resumidas foram elaboradas pela Secretaria de Jurisprudência, mediante exaustiva pesquisa na base de jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO EMENTA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO EMENTA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO : Conselho Regional de Medicina do Estado de Sao Paulo CREMESP D.E. Publicado em 13/01/2012 EMENTA CONTRIBUIÇÕES DESTINADAS AOS CONSELHOS PROFISSIONAIS

Leia mais

EMENTA ACÓRDÃO. Porto Alegre, 15 de março de Poder Judiciário TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIÃO

EMENTA ACÓRDÃO. Porto Alegre, 15 de março de Poder Judiciário TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIÃO APELAÇÃO CÍVEL Nº 5082843-37.2014.4.04.7100/RS RELATOR : RÔMULO PIZZOLATTI APELANTE : BANCO GMAC S.A. ADVOGADO : STEFANIE SANTOS DE OLIVEIRA APELADO : UNIÃO - FAZENDA NACIONAL MPF : MINISTÉRIO PÚBLICO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EMENTA ADMINISTRATIVO. AGRAVO REGIMENTAL EM AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL. RESPONSABILIDADE CIVIL. DANOS MORAIS. REDUÇÃO DO QUANTUM. VALOR RAZOÁVEL (R$ 17.500,00). REEXAME DO CONJUNTO FÁTICO-PROBATÓRIO. SÚMULA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.424.926 - CE (2013/0367891-7) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES AGRAVANTE : COMPANHIA ENERGÉTICA DO CEARÁ - COELCE AGRAVADO : EMAPE INTEGRAÇÃO AVÍCOLA INDÚSTRIA E

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI PROCURADOR : CESAR AUGUSTO BINDER E OUTRO(S) EMENTA TRIBUTÁRIO. EMBARGOS À EXECUÇÃO FISCAL. MASSA FALIDA. JUROS MORATÓRIOS. ATIVO SUFICIENTE PARA PAGAMENTO DO PRINCIPAL.

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO TCE/PR CARGO 5: ANALISTA DE CONTROLE ÁREA: CONTÁBIL PROVA DISCURSIVA P 4 PARECER PADRÃO DE RESPOSTA

CONCURSO PÚBLICO TCE/PR CARGO 5: ANALISTA DE CONTROLE ÁREA: CONTÁBIL PROVA DISCURSIVA P 4 PARECER PADRÃO DE RESPOSTA PROVA DISCURSIVA P 4 PARECER 1 Não se pode inscrever restos a pagar sem que haja disponibilidade financeira. É o que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) em seu art. 42. Assim, o valor máximo

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 553.444 - PA (2014/0181950-1) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO : FAZENDA NACIONAL : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL : RIO GRANDE PARTICIPAÇÕES E

Leia mais

Nº /PR

Nº /PR Agravo de Instrumento Nº 5013008-53.2013.404.0000/PR EMENTA AGRAVO DE INSTRUMENTO. SUSPENSÃO DA EXECUÇÃO FISCAL ATÉ O ESGOTAMENTO DAS INSTÂNCIAS ORDINÁRIAS. PREMATURIDADE DA LIQUIDAÇÃO DA FIANÇA BANCÁRIA.

Leia mais

Orientações gerais Petição Inicial

Orientações gerais Petição Inicial Orientações gerais Petição Inicial ndereçamento qual justiça endereço a minha petição inicial? emos a jurisdição especial e a jurisdição comum. A jurisdição especial é composta ela Justiça do Trabalho,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.459.072 - SP (2014/0130356-4) RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES AGRAVANTE : USINA GOIANESIA S/A AGRAVADO : FAZENDA NACIONAL ADVOGADO : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL

Leia mais

Vistos, relatados e discutidos estes autos de apelação cível nº , em que é apelante o Município de Cantagalo e apelado Sílvio José Vieira.

Vistos, relatados e discutidos estes autos de apelação cível nº , em que é apelante o Município de Cantagalo e apelado Sílvio José Vieira. Assinatura do autor por FABIO ANDRE SANTOS MUNIZ:9328 , Validade desconhecida APELAÇÃO CÍVEL Nº 1609946-0 DO JUÍZO ÚNICO DA COMARCA DE CANTAGALO. APELANTE: Município de Virmond. APELADO:

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO MARCO AURÉLIO BELLIZZE EMENTA AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL. IMPUGNAÇÃO DE DECISÃO COLEGIADA. RECURSO MANIFESTAMENTE INCABÍVEL. ERRO GROSSEIRO. AGRAVO NÃO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 3ª REGIÃO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0015754-06.2013.4.03.0000/SP D.E. Publicado em 31/07/2017 RELATORA Desembargadora Federal CONSUELO YOSHIDA AGRAVANTE Uniao

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE MINAS GERAIS

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE MINAS GERAIS AÇÃO CIVIL PÚBLICA 0055245-23.2013.4.01.3800 AUTORES: MINISTERIO PUBLICO DO ESTADO DE MINAS GERAIS, MINISTERIO PUBLICO FEDERAL RÉU: CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA CFM SENTENÇA O Ministério Público Federal

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo fls. 2 Registro: 2016.0000141482 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 9000260-33.2009.8.26.0090, da Comarca de, em que é apelante PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO, é apelado

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO SIDNEI BENETI EMENTA AGRAVO REGIMENTAL NOS EMBARGOS DE DIVERGÊNCIA EM AGRAVO. PREVIDENCIÁRIO. JUROS DE MORA. DIREITO INTERTEMPORAL. PRINCÍPIO TEMPUS REGIT ACTUM. ART. 1.º-F DA LEI N.º

Leia mais

5.6 Ações Trabalhistas Advindas da Relação de Emprego

5.6 Ações Trabalhistas Advindas da Relação de Emprego Dano moral individual o Competência Súmula nº 392 do TST - DANO MORAL. COMPETÊNCIA DA JUSTIÇA DO TRABALHO (conversão da Orientação Jurisprudencial nº 327 da SBDI-1) - Res. 129/2005, DJ 20, 22 e 25.04.2005

Leia mais

- Jurisdição - Competência é o limite dentro do qual juízes e tribunais exercem jurisdição.

- Jurisdição - Competência é o limite dentro do qual juízes e tribunais exercem jurisdição. Turma e Ano: Flex A (2014) Matéria / Aula: Processo Penal / Aula 09 Professor: Elisa Pittaro Conteúdo: Princípios da Jurisdição: Aderência. Competência: Natureza Jurídica; Competência Absoluta x Relativa;

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO Registro: 2017.0000225011 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0071692-91.2012.8.26.0114, da Comarca de Campinas, em que é apelante

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.280.711 - MG (2011/0186421-5) RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA PROCESSUAL CIVIL. JUSTIÇA GRATUITA. HONORÁRIOS PERICIAIS. PRESCRIÇÃO. PRAZO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 158.184 - SP (2012/0055988-6) RELATOR AGRAVANTE ADVOGADO AGRAVADO ADVOGADO INTERES. : MINISTRO CESAR ASFOR ROCHA : COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES EMENTA ADMINISTRATIVO. PODER DE POLÍCIA. LOJA DE DEPARTAMENTO. VIGILÂNCIA NÃO OSTENSIVA. ART. 10, 4º, DA LEI N. 7.102/83. INAPLICABILIDADE. 1. Pacífico o entendimento

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA INTERCORRENTE. ARQUIVAMENTO. INTIMAÇÃO. DESNECESSIDADE. 1. É despicienda a intimação da Fazenda Pública acerca da suspensão por ela mesma requerida, bem como do arquivamento,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.347.326 - MG (2012/0207915-8) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO RECORRENTE : MARIA CRISTINA GOMES E OUTROS ADVOGADO : MARIA DE FÁTIMA CHALUB MALTA E OUTRO(S) RECORRIDO

Leia mais

CONTAGEM RECÍPROCA DE TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO. Agosto/2017. Daniel Machado da Rocha

CONTAGEM RECÍPROCA DE TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO. Agosto/2017. Daniel Machado da Rocha CONTAGEM RECÍPROCA DE TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO Agosto/2017 Professor: Daniel Machado da Rocha REGIMES DE PREVIDÊNCIA NO BRASIL Para efeito de aposentadoria, é assegurada a contagem recíproca do tempo de contribuição

Leia mais