Movendo-se na cidade: Bicicleta Elétrica Híbrida.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Movendo-se na cidade: Bicicleta Elétrica Híbrida."

Transcrição

1 Movendo-se na cidade: Bicicleta Elétrica Híbrida. Acadêmico: Guilherme Boff Orientador: Walter Strobel Neto

2 Justificativa: O trânsito nas grandes cidades torna-se mais caótico cada dia. Engarrafamentos, emissão de gases poluentes e acidentes são uma constante. A maioria dos deslocamentos realizados diariamente pelas pessoas são de curta a media distancia.esses deslocamentos representam oportunidades desperdiçadas, de realizar uma atividade física como a caminhada ou o ciclismo. Acaba que a grande maioria das pessoas não faz uso dessa oportunidade, contribuindo para o prejuízo da saúde sua e do resto da população. O desenvolvimento da bicicletas elétrica hibrida com foco no usuário, atendendo as suas necessidades e aumentando sua atratividade como meio de transporte e locomoção diária e eficiente em pequenos e médios trajetos. Somando com isso o respeito ao meio ambiente com um veiculo ambientalmente correto.

3 Objetivos: Objetivo Geral: Desenvolver uma bicicleta elétrica hibrida com o intuito de proporcionar um novo meio de transporte as pessoas nas grandes cidades, bem como para ser utilizada por todos em momentos de lazer. Objetivos Especifico: * Apresentar design e suas contribuições para o desenvolvimento de produtos. * Compreender os problemas de locomoção nos grandes centros urbanos. * Observar as leis de trânsito, bem como resoluções do Conselho Nacional de Transito (CONTRAN),a fim de desenvolver produtos de acordo com normas legais.

4 Bases do conhecimento: * DESIGN * DESIGN INDUSTRIAL * ECO DESIGN * LEIS PARA CIRCULACAO DE BICICLETAS ELETRICAS * ERGONOMIA

5 Apresentação da Metodologia:

6 Pré-Concepção

7 Concepção:

8 Pós Concepção:

9 Desenvolvimento da Temática: Painel Estilo de Vida

10 Desenvolvimento da Temática: Painel de Referência Visual

11 Desenvolvimento da Temática: Painel de Similares:

12 Público-Alvo: Analisando o publico alvo, através de pesquisa foi constatado algumas necessidades para um bicicleta: -Facilidade no transporte -Segurança -Peso reduzido -Eficiência da bateria - Velocidade -Facilidade na manutenção -Conforto

13 Algumas das justificativas para o uso de uma bicicleta elétrica como meio de transporte urbano sustentável são as seguintes: Utilização das bicicletas elétricas em subidas, motivo pelo qual muitos usuários deixam de utilizar este meio de transporte; Melhoria da infra-estrutura ciclo viária em algumas cidades do país; Alto custo dos combustíveis; Custo das passagens de ônibus; Trânsito caótico nos horários de pico; Má qualidade do transporte público, principalmente em horários de pico; Custo do quilômetro rodado com a bicicleta elétrica é baixo, entre 1 e 3 centavos; Aumento da acessibilidade proporcionada pela bicicleta elétrica, isto é, possibilita que o ciclista percorra maiores distâncias com menor desgaste físico; É um meio de transporte que contribui com a redução da emissão de gases de efeito estufa e de poluentes que causam doenças respiratórias; Estudos de caso mostram que o uso de bicicletas elétricas em aclives proporciona melhor rendimento na pedalada do ciclista em percursos planos quando comparados com bicicletas convencionais. O benefício cardio respiratório é melhor com as bicicletas assistidas eletricamente.

14 Geração de Alternativas:

15 Geração de Alternativas:

16 Geração de Alternativas: Altenativa escolhida

17 Adequação do Modelo 1. Farol dianteiro, de cor branca ou amarela 2. Lanterna, de cor vermelha, na parte traseira 3. Velocímetro 4. Buzina 5. Pneus que ofereçam condições mínimas de segurança

18 Bicicleta Elétrica Híbrida Desenho Técnico UNOESC XANXERÊ - SC Bicicleta Elétrica Híbrida Walter Strobel Neto Unidade: mm 28/11/2011 Guilherme Boff Escala: 1:10

19 Especificação Farol Luz Freio/Piscas Dinamo Baterias Motor

20 RESULTADO DO PROJETO Como observado na imagem acima a bicicleta elétrica hibrida possui um quadro com bastante espaço, pois e por dentro dele que passara todo sistema de fiação, onde se encontrara as baterias, também na parte do quadro terá um porta objetos. O motor será acoplado a roda traseira ligado através de correia com os pedais. Quadro: o quadro será feito todo em alumínio, pois alem de ser o material mais utilizados hoje em bicicletas, é leve e tem um custo não muito elevado em comparação a fibra de carbono. Baterias: a energia do motor é fornecida pela bateria de 22 células. Instalada na parte interna da bicicleta (quadro), a capacidade e desempenho são muito maiores do que qualquer coisa disponível no mundo das bicicletas elétricas. Aí que está à diferença, menor peso e mais velocidade. A tecnologia das células presentes nesta bateria permite recarga rápida de 80% da capacidade em torno de 15 a 20 minutos. Guidão ou Painel: aqui o ciclista vai encontra todos os controles e sistemas que a bicicleta oferece: pa ssagem das marchas, controle da bateria, autonomia, velocidade, etc.

21 Pontos Positivos e Pontos Negativos Aspectos positivos: - Não emitir ruídos. - Não emitir odores. - Não utilizar combustível fóssil. - Baixa manutenção. - Liberdade (baterias podem ser carregadas a qualquer momento. - Baixo custo de operação (carga elétrica das baterias). - Conforto perfeita para curtas distâncias. - Número reduzido de componentes. - Fácil operação. Aspectos Negativos: - Peso Aumentado (devido as baterias e ao motor). - Por ser elétrica necessita de um bom isolamento elétrico.

22 Rendering Final

23 Considerações Finais Através da elaboração deste trabalho foi possível verificar a grande necessidade deste produto, como vimos a grande necessidade de se locomover, a saúde cada vez mais precária os altos custos e a degradação do meio ambiente já são alguns dos motivos que motivaram a escolha. Como observado o mercado de bicicletas hoje é muito diferenciado, mas o desenvolvimento de bicicletas elétricas esta ainda em fase de crescimento, porem todos sabemos que essa é uma das alternativas para um futuro melhor. Conclui se então que o desenvolvimento da bicicleta elétrica hibrida mesmo com todas as dificuldades no decorrer do projeto foi possível uma solução, utilizando matérias mais leves e baratos.

24 Trabalhar com sustentabilidade é plantar um presente que garanta a subsistência das novas gerações num planeta que pede socorro e se aquece a cada dia. Pois melhor que plantar árvores, despoluir rios, proteger animais, é semear a consciência de que a garantia da vida é respeitar as fronteiras da natureza. Nildo Lage

25 MUITO OBRIGADO.

Universidade do Oeste de Santa Catarina campus Xanxerê

Universidade do Oeste de Santa Catarina campus Xanxerê Universidade do Oeste de Santa Catarina campus Xanxerê O design de produto no desenvolvimento de alforje para bicicleta Acadêmica Ana kosloski Orientador Walter Strobel Neto Tema: Desenvolvimento de alforje

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE ENERGIAS RENOVÁVEIS APLICADAS EM UM VEÍCULO DE COLETA DE MATERIAIS RECICLÁVEIS

UTILIZAÇÃO DE ENERGIAS RENOVÁVEIS APLICADAS EM UM VEÍCULO DE COLETA DE MATERIAIS RECICLÁVEIS Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc campus Xanxerê TCC - Design Industrial Orientador - Prof. Volmir Detoni Acadêmico - Semildo Renz Ano - 2009 INTRODUÇÃO TEMA Projeto de um veículo de coleta

Leia mais

PARABÉNS! #agoravoudelev #eudelev

PARABÉNS! #agoravoudelev #eudelev E-BIKE L PARABÉNS! Você acaba de adquirir uma bike Lev, o que significa que você tem um modo diferente de pensar, que tem consciência do impacto das suas ações, e sabe que o percurso é a parte mais importante.

Leia mais

Etanol eficiente, A alternativa brasileira para o controle dos gases de efeito estufa (GEE) Sustentabilidade

Etanol eficiente, A alternativa brasileira para o controle dos gases de efeito estufa (GEE) Sustentabilidade Etanol eficiente, A alternativa brasileira para o controle dos gases de efeito estufa (GEE) PROGRAMA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA SUSTENTÁVEL. Sustentabilidade Eficiência Energética Conectadas e Sincronizadas

Leia mais

MANUAL DO PROPRIETÁRIO

MANUAL DO PROPRIETÁRIO MANUAL DO PROPRIETÁRIO V.07 O uso deste veículo poderá comprometer a integridade física do condutor e de terceiros, sem culpa do fabricante. Assim como outros veículo, é possível perder controle, mesmo

Leia mais

Delivery x2 vs Ford Cargo 816 4x2. VW rpm + 9,10% Ford 1500 rpm

Delivery x2 vs Ford Cargo 816 4x2. VW rpm + 9,10% Ford 1500 rpm Página 1 de 7 Você está em DELIVERY 8.160 4X2 Home» Caminhões Volkwagen» Delivery Olá EDUARDO VASQUES SAIR Home Empresas Caminhões Volkswagen Delivery Delivery 5.150 4x2 Delivery 8.160 4x2 Delivery 9.160

Leia mais

MANUAL DO PROPRIETÁRIO

MANUAL DO PROPRIETÁRIO MANUAL DO PROPRIETÁRIO PATINETE ELÉTRICO V.03 O uso deste veículo poderá comprometer a integridade física do condutor e de terceiros, sem culpa do fabricante. Assim como outros veículo, é possível perder

Leia mais

Dicas Sobre Bicicletas Eletricas

Dicas Sobre Bicicletas Eletricas Dicas Sobre Bicicletas Eletricas Avalie em que situação você vai utilizar a WS Cruiser elétrica : se ela vai substituir a atual forma de locomoção diária (deslocamentos ao trabalho, escola e comércio),

Leia mais

PARABÉNS! #agoravoudelev #eudelev

PARABÉNS! #agoravoudelev #eudelev E-BIKE D PARABÉNS! Você acaba de adquirir uma bike Lev, o que significa que você tem um modo diferente de pensar, que tem consciência do impacto das suas ações, e sabe que o percurso é a parte mais importante.

Leia mais

Design. O estudante deve redigir texto dissertativo, abordando os seguintes tópicos:

Design. O estudante deve redigir texto dissertativo, abordando os seguintes tópicos: Design Padrão de Resposta O estudante deve redigir texto dissertativo, abordando os seguintes tópicos: A A ideia de que desenvolvimento sustentável pode ser entendido como proposta ou processo que atende

Leia mais

para uma cidade melhor

para uma cidade melhor PLANO DE MOBILIDADE URBANA DE SÃO CARLOS A participação da sociedade A participação da sociedade para uma cidade melhor Problemas urbanos Perda de tempo e dinheiro Viagens sem conforto Maior risco de

Leia mais

PARABÉNS! #agoravoudelev #eudelev

PARABÉNS! #agoravoudelev #eudelev E-BIKE E-BIKE S PARABÉNS! Você acaba de adquirir uma bike Lev, o que significa que você tem um modo diferente de pensar, que tem consciência do impacto das suas ações, e sabe que o percurso é a parte mais

Leia mais

A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão. Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S.

A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão. Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S. A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S. Duarte Objeto da pesquisa Relação entre adensamento, multifuncionalidade

Leia mais

Hall Bike. Produtos e Serviços para lazer e mobilidade urbana sustentável, com motricidade eléctrica. Easy Motion Mobilidade Sustentável, Lda

Hall Bike. Produtos e Serviços para lazer e mobilidade urbana sustentável, com motricidade eléctrica. Easy Motion Mobilidade Sustentável, Lda Hall Bike Apresentação Produtos e Serviços para lazer e mobilidade urbana sustentável, com motricidade eléctrica. Easy Motion Mobilidade Sustentável, Lda 16/03/2017 Easy Motion Mobilidade Sustentável,

Leia mais

Manual. Leia todo o manual antes de usar a bicicleta elétrica.

Manual. Leia todo o manual antes de usar a bicicleta elétrica. Manual Leia todo o manual antes de usar a bicicleta elétrica. 1 IMPORTANTE: Leia cuidadosamente antes de utilizar! Não use e não permita que outros usem esta bicicleta elétrica sem antes ter lido e entendido

Leia mais

NOVO FORD FIESTA B479_Fiesta_Main_V3_Image_Master.indd BC86-BC88 B479_Fiesta_Main_V3_PRT_PT-1.indd BC86-BC88 22/05/ :15:25 23/05/ :10:22

NOVO FORD FIESTA B479_Fiesta_Main_V3_Image_Master.indd BC86-BC88 B479_Fiesta_Main_V3_PRT_PT-1.indd BC86-BC88 22/05/ :15:25 23/05/ :10:22 NOVO FORD FIESTA FORD FIESTA Modelos Escolha o Fiesta certo para si. Disponível numa gama de opções distintivamente individuais no design das séries, existe um Novo Ford Fiesta para si, seja qual for a

Leia mais

Monot o r t iliho Um U a m a I no n v o a v ç a ã ç o ã e m e mtr T a r n a s n porte

Monot o r t iliho Um U a m a I no n v o a v ç a ã ç o ã e m e mtr T a r n a s n porte Monotrilho Uma Inovação em Transporte Estudos recentes apontam para o desperdício de 43% 43% do combustível em Automóveis devido a dificuldade no transito. (Sant Ana,2005). Com mais de 50% da população

Leia mais

DTEA - Transportes, Energia e Ambiente Grupo de Investigação em Energia e Desenvolvimento Sustentável Instituto Superior Técnico

DTEA - Transportes, Energia e Ambiente Grupo de Investigação em Energia e Desenvolvimento Sustentável Instituto Superior Técnico DTEA - Transportes, Energia e Ambiente Grupo de Investigação em Energia e Desenvolvimento Sustentável Instituto Superior Técnico 1 O que é a Eco-condução: Critérios e Importância Tiago Farias Instituto

Leia mais

Nissan Intelligent Mobility - e-bio Fuel-Cell System -

Nissan Intelligent Mobility - e-bio Fuel-Cell System - Nissan Intelligent Mobility - e-bio Fuel-Cell System - Ricardo Abe Gerente de Engenharia de Produto Nissan do Brasil Automóveis LTDA Maiores desafios para a indústria automotiva atualmente Energia Aquecimento

Leia mais

EVENTOS ESPORTIVOS OPORTUNIDADES PARA MELHORAR O TRANSPORTE PÚBLICO. MAN Latin America

EVENTOS ESPORTIVOS OPORTUNIDADES PARA MELHORAR O TRANSPORTE PÚBLICO. MAN Latin America EVENTOS ESPORTIVOS OPORTUNIDADES PARA MELHORAR O TRANSPORTE PÚBLICO 1 Necessidades básicas da população Transporte Emprego Educação Moradia Alimentação Necessidades da população no transporte Necessidade

Leia mais

Projeto Veículo Elétrico

Projeto Veículo Elétrico Projeto Veículo Elétrico Palio Weekend Elétrico Leonardo Gaudencio Cavaliere Supervisor de Inovações do Produto Belo Horizonte, 05 julho 2010 GRUPO FIAT NO MUNDO GRUPO FIAT NO BRASIL MONTADORAS COMPONENTES

Leia mais

Seu KIT de conversão parcial é composto por:

Seu KIT de conversão parcial é composto por: Seu KIT de conversão parcial é composto por: Módulo controlador eletrônico; Manetes de freio; Acelerador eletrônico; Motor 350 W da roda dianteira; Suporte de bateria; Bateria de Lítio; Carregador; PAS

Leia mais

... D E O P I N I Ã O,... F E L I Z,

... D E O P I N I Ã O,... F E L I Z, M U D E S I N T A V I V A... D E O P I N I Ã O, D E L U G A R, D E A T I T U D E.... A Q U A L I D A D E, A T E C N O L O G I A, A S O F I S T I C A Ç Ã O.... F E L I Z, S A T I S F E I T O, C O M P L

Leia mais

Porsche Híbridos, Elétricos e a Mobilidade Câmara Alemã. PAG Region V5

Porsche Híbridos, Elétricos e a Mobilidade Câmara Alemã. PAG Region V5 Porsche Híbridos, Elétricos e a Mobilidade Câmara Alemã Bem-vindos. Mariana Roméro Gerente de RP e Imprensa Porsche Brasil Bem-vindos. Matthias Brück Diretor Presidente Porsche Brasil A personalidade da

Leia mais

Projeto BRT. Projeto BRT Porto Alegre. Rede Atual de Transporte Coletivo Desenho Conceitual do BRT. ao Transmilenio. Abril

Projeto BRT. Projeto BRT Porto Alegre. Rede Atual de Transporte Coletivo Desenho Conceitual do BRT. ao Transmilenio. Abril Projeto BRT Porto Alegre Rede Atual de Transporte Coletivo Desenho Conceitual do BRT Projeto BRT Visita Técnica T ao Transmilenio Abril - 2010 Rede Atual de Transporte Coletivo Trem Metropolitano: (Dados

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Technische Especificação Daten Técnica Kaltfräse Fresadora W a 200 frio W 50 Especificação Técnica Largura de fresagem máx. Profundidade de fresagem * 1 Fresadora a frio W 50 500 mm 0 160 mm Tambor fresador

Leia mais

O VAI E VOLTA DE UMA EMBALAGEM: O DESIGN AUXILIANDO O PROCESSO DE LOGÍSTICA REVERSA

O VAI E VOLTA DE UMA EMBALAGEM: O DESIGN AUXILIANDO O PROCESSO DE LOGÍSTICA REVERSA UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA - UNOESC CAMPUS XANXERÊ O VAI E VOLTA DE UMA EMBALAGEM: O DESIGN AUXILIANDO O PROCESSO DE LOGÍSTICA REVERSA Design 8º Período Trabalho de Conclusão de Curso Acadêmica:

Leia mais

TRI4MOVE, Lda. CATÁLOGO

TRI4MOVE, Lda. CATÁLOGO CATÁLOGO 2015 A TRI4MOVE, Lda. foi constituída com o objetivo de comercializar soluções de veículos elétricos e ecológicos vocacionados para cargas e transportes associadas ao desenvolvimento das atividades

Leia mais

QUADRICICLO ELÉTRICO

QUADRICICLO ELÉTRICO MANUAL DO PROPRIETÁRIO QUADRICICLO ELÉTRICO 350W-24V 500W-36V V.03 O uso deste veículo poderá comprometer a integridade física do condutor e de terceiros, sem culpa do fabricante. Assim como outros veículo,

Leia mais

8W-18W. LED Solar iluminação externa autônoma. Manual do Usuário

8W-18W. LED Solar iluminação externa autônoma. Manual do Usuário 8W-18W LED Solar iluminação externa autônoma Manual do Usuário Prezado cliente, Obrigado por escolher um modo limpo e renovável de iluminação externa LED Solar. Este manual contém instruções e recomendações

Leia mais

M20. Lavadora-Varredeira Integrada. Resultados de limpeza superior em apenas uma passagem - úmida ou seca - com a FloorSmart

M20. Lavadora-Varredeira Integrada. Resultados de limpeza superior em apenas uma passagem - úmida ou seca - com a FloorSmart M20 Lavadora-Varredeira Integrada Resultados de limpeza superior em apenas uma passagem - úmida ou seca - com a FloorSmart O máximo em produtividade com a tecnologia ec-h2o, limpeza sem o uso de produtos

Leia mais

Híbrido integral em paralelo com tecnologia plug-in, motor a combustão e módulo híbrido com motor elétrico e embreagem de separação eletromagnética

Híbrido integral em paralelo com tecnologia plug-in, motor a combustão e módulo híbrido com motor elétrico e embreagem de separação eletromagnética Sistema de propulsão Tipo Potência máxima do sistema Torque máximo do sistema Híbrido integral em paralelo com tecnologia plug-in, motor a combustão e módulo híbrido com motor elétrico e embreagem de separação

Leia mais

Sistema Híbrido de Iluminação Pública

Sistema Híbrido de Iluminação Pública Sistema Híbrido de Iluminação Pública Sistema Híbrido de Iluminação Pública Universidade do Oeste de Santa Catarina Unoesc - Campus de Xanxerê Curso de Design Trabalho de Conclusão de Curso - TCC/2011

Leia mais

MANUAL DO PROPRIETÁRIO TRICICLO ELÉTRICO

MANUAL DO PROPRIETÁRIO TRICICLO ELÉTRICO MANUAL DO PROPRIETÁRIO TRICICLO ELÉTRICO 05 v.03 ESPECIFICAÇÕES ACOMPANHA O PRODUTO Motor: Potência: Velocidade máxima: Autonomia: Tempo de recarga: Bateria: Carregador: Transmissão: Tração: Carga máxima:

Leia mais

ALTERNATIVAS ENERGÉTICAS AO DIESEL DE PETRÓLEO SUPERINTENDÊNCIA DE ENGENHARIA VEICULAR DO/SEV

ALTERNATIVAS ENERGÉTICAS AO DIESEL DE PETRÓLEO SUPERINTENDÊNCIA DE ENGENHARIA VEICULAR DO/SEV ALTERNATIVAS ENERGÉTICAS AO DIESEL DE PETRÓLEO SUPERINTENDÊNCIA DE ENGENHARIA VEICULAR DO/SEV São Paulo Transporte S.A. Empresa responsável pela gestão do transporte público na Cidade de São Paulo Principais

Leia mais

POSTO DE SERVIÇO MÓVEL ABASTECIDO A ENERGIA SOLAR PARA A COMERCIALIZAÇÃO DE SORVETES

POSTO DE SERVIÇO MÓVEL ABASTECIDO A ENERGIA SOLAR PARA A COMERCIALIZAÇÃO DE SORVETES POSTO DE SERVIÇO MÓVEL ABASTECIDO A ENERGIA SOLAR PARA A COMERCIALIZAÇÃO DE SORVETES ACADÊMICO: VINÍCIUS SILVEIRA INÁCIO ORIENTADOR: PROF. ESP. WALTER STROBEL NETO TEMA Posto de serviço móvel abastecido

Leia mais

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Modelo Figueira VBX88 Os Direitos autorais pertencem a VB IMPORTAÇAO LTDA proibindo a reprodução sem previa autorização Obrigado por escolher a VERDE BIKE.

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTG11

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTG11 CHASSI 01 02 03 2 04 05 06 07 COMPONENTES DO CHASSI NÚMERO DESCRIÇÃO QT COR NÚMERO DA PEÇA PESO 01 AMORTECEDOR TRASEIRO 01 NEUTRO C024NN 843,54 g 02 CHASSI 01 NEUTRO C001NN 12700 g 03 SUPORTE DA CARENAGEM

Leia mais

Mobilidade Urbana. Aspectos Gerais Infraestrutura PMUS Além de Infraestrutura Novos Caminhos

Mobilidade Urbana. Aspectos Gerais Infraestrutura PMUS Além de Infraestrutura Novos Caminhos Mobilidade Urbana Mobilidade Urbana Aspectos Gerais Infraestrutura PMUS Além de Infraestrutura Novos Caminhos Aspectos Gerais LEI Nº 12.587, DE 3 DE JANEIRO DE 2012, Política Nacional de Mobilidade Urbana

Leia mais

VOCÊ SABE QUAIS SÃO AS MAIORES FONTES DE GASES DE EFEITO ESTUFA NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO?

VOCÊ SABE QUAIS SÃO AS MAIORES FONTES DE GASES DE EFEITO ESTUFA NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO? MEIO AMBIENTE MUDANÇA CLIMÁTICA VOCÊ SABE QUAIS SÃO AS MAIORES FONTES DE GASES DE EFEITO ESTUFA NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO? Comparação das Emissões Totais e por Habitante de São Paulo, em GWP (t CO2 eq)

Leia mais

TH 730 Telehandlers. Em ambientes estreitos TH730

TH 730 Telehandlers. Em ambientes estreitos TH730 TH 730 Telehandlers Em ambientes estreitos TH730 Mesmo em passagens com alturas limitadas, a carregadora telescópica da Wacker Neuson pode ser usada plenamente. A produtividade, a construção e as medidas

Leia mais

Leia todo o manual antes de usar a bicicleta elétrica.

Leia todo o manual antes de usar a bicicleta elétrica. Manual - FIRENZE Leia todo o manual antes de usar a bicicleta elétrica. Para poder adquirir completamente a garantia de 3 meses da bicicleta, é preciso que o comprador leve a bicicleta uma vez ao mês até

Leia mais

NEW HOLLAND TT TT384O

NEW HOLLAND TT TT384O NEW HOLLAND TT TT384O 2 3 PERFEITO PARA A SUA LAVOURA, DO TAMANHO DA SUA NECESSIDADE. O TT384O foi projetado para atender às suas necessidades mais específicas no campo. Com 55 cavalos, ele é robusto,

Leia mais

IMPACTOS DO TRANSPORTE FERROVIÁRIO

IMPACTOS DO TRANSPORTE FERROVIÁRIO Escola Politécnica da Universidade de São Paulo Departamento de Engenharia de Transportes Laboratório de Tecnologia de Pavimentação IMPACTOS DO TRANSPORTE FERROVIÁRIO Profa. Dra. ROSÂNGELA MOTTA Março,

Leia mais

ATUALIDADE S. Prof. Roberto. Um desafio ATUAL.

ATUALIDADE S. Prof. Roberto. Um desafio ATUAL. ATUALIDADE S Prof. Roberto Um desafio ATUAL. MOBILIDADE URBANA Todas as atividades dependem de um bom deslocamento na cidade! Ir a escola; Ir ao Trabalho; Frequentar uma academia; Usar um posto de saúde;

Leia mais

CB500 MANUAL DE MONTAGEM MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA

CB500 MANUAL DE MONTAGEM MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA MANUAL DE MONTAGEM MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA.- 1997 MANUAL DE MONTAGEM ÍNDICE INSTRUÇÕES PARA MONTAGEM... 2 MONTAGEM DA MOTOCICLETA... 4 PASSAGENS DE CABOS E FIAÇÃO... 11 REVISÃO DE ENTREGA... 12 MANUAL

Leia mais

New Holland TT TT384O

New Holland TT TT384O New Holland TT TT384O 2 3 Perfeito para a sua lavoura, do tamanho da sua necessidade. O TT384O foi projetado para atender às suas necessidades mais específicas no campo. Com 55 cavalos, ele é robusto,

Leia mais

GESTÃO EFICIENTE DE FROTAS

GESTÃO EFICIENTE DE FROTAS GESTÃO EFICIENTE DE FROTAS Veículos Pesados O Custo do Transporte no Brasil O PESO DOS CUSTOS NO NEGÓCIO Depreciação Salários Seguros Diárias Combustível Pneus Manutenção Lavagem Lubrificantes Custos fixos

Leia mais

IN 002/2009 UTILIZAÇÃO DA FROTA DE VEÍCULOS

IN 002/2009 UTILIZAÇÃO DA FROTA DE VEÍCULOS IN 002/2009 UTILIZAÇÃO DA FROTA DE VEÍCULOS Instrução Normativa do Conselho Nacional do Brasil Nº 002/2009, de 24/01/2009.aprovada em Reunião Plenária Ordinária desse Conselho, realizada no dia 24 de janeiro

Leia mais

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Modelo Figueira VBX88 Os Direitos autorais pertencem a VB IMPORTAÇAO LTDA proibindo a reprodução sem previa autorização Obrigado por escolher a VERDE BIKE.

Leia mais

USO EFICIENTE DO ETANOL VEICULAR NO BRASIL

USO EFICIENTE DO ETANOL VEICULAR NO BRASIL USO EFICIENTE DO ETANOL VEICULAR NO BRASIL ÔNIBUS ELÉTRICO HÍBRIDO A ETANOL São Paulo SP, 21 de novembro de 2013 NABOR FERREIRA CABRAL Assessoria de Mobilidade Elétrica Sustentável Engenheiro Mecânico

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTA11

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTA11 CHASSI COMPONENTES DO CHASSI 01 02 03 01 AMORTECEDOR TRASEIRO 01 NEUTRO C024NN 843,54 g 02 CHASSI 01 NEUTRO C001NN 12700 g 03 SUPORTE DA CARENAGEM FRONTAL 01 NEUTRO C306NN 218,19 g 04 BALANÇA TRASEIRA

Leia mais

ELEVADORES VEICULARES LIBERDADE PARA RODAR

ELEVADORES VEICULARES LIBERDADE PARA RODAR ELEVADORES VEICULARES LIBERDADE PARA RODAR Os elevadores veiculares Palfinger são resultado de anos de pesquisa, desenvolvimento e testes em campo. Todos os seus componentes foram aperfeiçoados para resultar

Leia mais

Senda DRD Racing 50 SM

Senda DRD Racing 50 SM Racing 50 SM A NOVA SENDA DRD RACING ABRE NOVOS HORIZONTES: LEVE, INVENCÍVEL, POTENTE, CONFIANTE E COM COMPONENTES DE ALTA QUALIDADE. Qualquer que seja a dificuldade do terreno podes levar a moto ao limite

Leia mais

PREÇOS E ESPECIFICAÇÕES

PREÇOS E ESPECIFICAÇÕES Executive Plus Impresso em 5 / 11 / 2017 Consultar aviso legal PREÇOS E ESPECIFICAÇÕES Executive Plus VISTA GERAL DESDE 78,800.00 Jantes de liga leve 18" Aceleração 0-100 km/h (s) 5.9 Consumo Combinado

Leia mais

VT600C MANUAL DE MONTAGEM MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA

VT600C MANUAL DE MONTAGEM MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA VT600C MANUAL DE MONTAGEM MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA.- 1997 VT600C MANUAL DE MONTAGEM INSTRUÇÕES PARA MONTAGEM... 1 MONTAGEM DA MOTOCICLETA... 3 PASSAGENS DE CABOS E FIAÇÃO... 6 REVISÃO DE ENTREGA...

Leia mais

LEGISLAÇÃO SOBRE O CONTROLE DE POLUIÇÃO CAUSADA POR MOTOCICLETAS

LEGISLAÇÃO SOBRE O CONTROLE DE POLUIÇÃO CAUSADA POR MOTOCICLETAS LEGISLAÇÃO SOBRE O CONTROLE DE POLUIÇÃO CAUSADA POR MOTOCICLETAS ILIDIA DA ASCENÇÃO GARRIDO MARTINS JURAS Consultora Legislativa da Área XI Meio Ambiente e Direito Ambiental, Organização Territorial, Desenvolvimento

Leia mais

Especificação Técnica. Fresadora a frio W 50 DC

Especificação Técnica. Fresadora a frio W 50 DC Especificação Técnica Fresadora a frio W 50 DC Especificação Técnica Fresadora a frio W 50 DC Largura de fresagem máx. Profundidade de fresagem * 1 500 mm 0 210 mm Tambor fresador Espaçamento entre ferramentas

Leia mais

Caravana Volvo estreou em Salvador no dia 15 de Agosto e foi sucesso absoluto

Caravana Volvo estreou em Salvador no dia 15 de Agosto e foi sucesso absoluto Caravana Volvo estreou em Salvador no dia 15 de Agosto e foi sucesso absoluto A Caravana Volvo apresentou-se em Salvador, cidade que ao longo dos tempos esteve sempre ligada ao transporte coletivo por

Leia mais

ASC 110 T3 ROLOS COMPACTADORES

ASC 110 T3 ROLOS COMPACTADORES EQUIPAMENTO PESADO ASC 110 T3 ROLOS COMPACTADORES ASC 110 T3 ROLO COMPACTADORES DE SOLOS «Excelente segurança, melhor compactação e design moderno com maior eficiência e resultados sob severas condições

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Technische Especifi cação Daten Técnica Kaltfräse Fresadora W a 200 frio W 100 Especificação Técnica Fresadora a frio W 100 Tambor fresador Largura de fresagem 1.000 mm Profundidade de fresagem * 1 300

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTR11

CATÁLOGO DE PEÇAS X050QTR11 CHASSI 01 02 03 2 04 05 06 07 08 COMPONENTES DO CHASSI NÚMERO DESCRIÇÃO QT COR NÚMERO DA PEÇA 01 AMORTECEDOR TRASEIRO 01 NEUTRO C024NN 02 CHASSI 01 NEUTRO C001NN 03 SUPORTE DA CARENAGEM FRONTAL 01 NEUTRO

Leia mais

MANUAL DO PROPRIETÁRIO TRICICLO ELÉTRICO

MANUAL DO PROPRIETÁRIO TRICICLO ELÉTRICO MANUAL DO PROPRIETÁRIO TRICICLO ELÉTRICO v.01 AVISO IMPORTANTE! ESPECIFICAÇÕES RECARREGUE A BATERIA IMEDIATAMENTE APÓS O USO Jamais armazenar o equipamento com pouca ou nenhuma carga. Motor: Potência:

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X150MAX

CATÁLOGO DE PEÇAS X150MAX X150MAX CHASSI ÍNDICE ELÉTRICA ÍNDICE CHASSI... 04 GUIDÃO... 06 CARENAGEM DO FAROL... 10 SISTEMA DE DIREÇÃO... 12 SUSPENSÃO DIANTEIRA... 14 PARALAMA DIANTEIRO... 16 CAVALETES... 18 PEDALEIRAS... 20 SUSPENSÃO

Leia mais

Parabéns! Você acaba de adquirir o KIT de Conversão Parcial H-BIKE Brasil.

Parabéns! Você acaba de adquirir o KIT de Conversão Parcial H-BIKE Brasil. Parabéns! Você acaba de adquirir o KIT de Conversão Parcial H-BIKE Brasil. Seu KIT de conversão parcial é composto por: - Módulo Controlador Eletrônico - Bateria de Lítio 36v 8Ah - Acelerador Wuxing -

Leia mais

MOBILIDADE URBANA SUSTENTÁVEL O DESAFIO DAS CIDADES BRASILEIRAS

MOBILIDADE URBANA SUSTENTÁVEL O DESAFIO DAS CIDADES BRASILEIRAS MOBILIDADE URBANA SUSTENTÁVEL O DESAFIO DAS CIDADES BRASILEIRAS Renato Boareto Diretor de Mobilidade Urbana SeMob Ministério das Cidades renato.boareto@cidades.gov.br www.cidades.gov.br INTRODUÇÃO 1- Crise

Leia mais

Teste n.º 3 Tema III. O condutor e o veículo. Em caso de avaria ou acidente, salvo se o veículo se encontrar imobilizado na faixa de rodagem.

Teste n.º 3 Tema III. O condutor e o veículo. Em caso de avaria ou acidente, salvo se o veículo se encontrar imobilizado na faixa de rodagem. Teste n.º 3 Tema III O condutor e o veículo 1 O uso pelo condutor do colete retrorrefletor é obrigatório: Depois do condutor colocar o sinal de pré-sinalização de perigo. Em caso de avaria ou acidente,

Leia mais

7. LASTRO, BITOLA E PNEUS

7. LASTRO, BITOLA E PNEUS 7. LASTRO, BITOLA E PNEUS 7.1. Lastreamentto Lastreamento de tratores agrícolas consiste em colocar pesos no trator, com os objetivos de aumentar: A estabilidade; A aderência (diminuindo a patinagem);

Leia mais

REVISÃO. e, cujos módulos são iguais a 3 u e 4 u,respectivamente. Determine o módulo do vetor

REVISÃO. e, cujos módulos são iguais a 3 u e 4 u,respectivamente. Determine o módulo do vetor FÍSICA Professor(a): Rodrigo Alves LISTA: 04 1ª série Ensino Médio Turma: A ( ) / B ( ) Aluno(a): Segmento temático: REVISÃO DIA: MÊS: 2017 ASSUNTOS: VETORES CINEMÁTICA VETORIAL MOVIMENTO CIRCULAR E UNIFORME

Leia mais

Nova Gama de Esquentadores Estanques CELSIUSPUR e CELSIUSNEXT

Nova Gama de Esquentadores Estanques CELSIUSPUR e CELSIUSNEXT Nova Gama de Esquentadores Estanques CELSIUSPUR e CELSIUSNEXT Outubro 008 Esquentadores Estanques CELSIUSPUR (Condensação) e CELSIUSNEXT Os Novos Esquentadores CELSIUSPUR e CELSIUSNEXT da Junkers proporcionam

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X150MAX

CATÁLOGO DE PEÇAS X150MAX CHASSI ÍNDICE ELÉTRICA ÍNDICE CHASSI... 04 GUIDÃO... 06 CARENAGEM DO FAROL... 08 SISTEMA DE DIREÇÃO... 10 SUSPENSÃO DIANTEIRA... 12 PARALAMA DIANTEIRO... 14 CAVALETES... 16 PEDALEIRAS... 18 SUSPENSÃO TRASEIRA...

Leia mais

para todos. BH tem espaço para todos #respeiteabicicleta tem espaço para todos #respeiteabicicleta Apoio:

para todos. BH tem espaço para todos #respeiteabicicleta tem espaço para todos #respeiteabicicleta Apoio: BH tem espaço para todos #respeiteabicicleta BH tem espaço para todos. BH tem espaço para todos #respeiteabicicleta Apoio: Índice Quando você estiver pedalando. 04 Quando você estiver dirigindo. 10 Algumas

Leia mais

Revolucionário sistema de escovas, rendimento extraordinário

Revolucionário sistema de escovas, rendimento extraordinário / 752/ 752 C As / 752/ 752 C representam a gama de lavadoras na vanguarda da limpeza, graças ao seu desenho e características melhoradas. Nível sonoro realmente baixo, desenho ergonómico e compacto para

Leia mais

ALLURE BUSINESS PRO THP AUTO

ALLURE BUSINESS PRO THP AUTO ALLURE BUSINESS PRO THP AUTO CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MOTOR Número de cilindros Número de válvulas / cilindro Cilindrada ( l ) Potência máxima cv (DIN) / rpm Torque máximo kgf.m (DIN) / rpm Velocidade

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 33/ 2017

PROJETO DE LEI N.º 33/ 2017 PROJETO DE LEI N.º 33/ 2017 (Vereadora Andresa Martins - PP) Dispõe sobre a criação de estacionamento de bicicletas em locais abertos à freqüência de público e dá outras providências. Art. 1º Fica estabelecida

Leia mais

Revolucionário sistema de escovas, rendimento extraordinário

Revolucionário sistema de escovas, rendimento extraordinário / 752/ 752 C As / 752/ 752 C representam a gama de lavadoras na vanguarda da limpeza, graças ao seu desenho e características melhoradas. Nível sonoro realmente baixo, desenho ergonómico e compacto para

Leia mais

Manual de Instruções

Manual de Instruções GW FOXY 2015 Bicicleta Elétrica Dobrável Sistema PEDELEC Suspensão no quadro Manual de Instruções Imagens meramente ilustrativas, a General Wings se reserva no direito de substituir componentes diferentes

Leia mais

Para sua frota, desempenho e economia

Para sua frota, desempenho e economia DESENPENHO E ECONOMIA PARA SEUS VEÍCULOS Tecnologia em sistemas inovadores Para sua frota, desempenho e economia Para você, tranquilidade NOSSOS SERVIÇOS Tecnologia em sistemas inovadores Softwares Suporte

Leia mais

CARREGADOR DE BATERIA CHARGER 250E

CARREGADOR DE BATERIA CHARGER 250E CARREGADOR DE BATERIA CHARGER 250E *Imagens meramente ilustrativas Manual de Instruções www.v8brasil.com.br Prezado Cliente Este Manual tem como objetivo orientá-lo na operação e informações gerais de

Leia mais

04/09/2014. Curso de Engenharia Civil

04/09/2014. Curso de Engenharia Civil Curso de Engenharia Civil Disciplina: Engenharia de Tráfego Período: 6º semestre Professor: Luiz Antonio do Nascimento Email: ladnascimento@gmail.com Os três elementos componentes são: Usuário; Veículo;

Leia mais

PARTNER CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MOTOR. Cilindrada ( l ) Alimentação TRANSMISSÃO. Tração. Dianteira DIREÇÃO. Direção. Hidráulica SUSPENSÃO.

PARTNER CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MOTOR. Cilindrada ( l ) Alimentação TRANSMISSÃO. Tração. Dianteira DIREÇÃO. Direção. Hidráulica SUSPENSÃO. PARTNER CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MOTOR Número de cilindros Número de válvulas / cilindro Cilindrada ( l ) Potência máxima cv (DIN) / rpm Torque máximo kgf.m (DIN) / rpm Alimentação 6 16 1587 Álcool: 113

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS XY50Q EAGLE

CATÁLOGO DE PEÇAS XY50Q EAGLE XY50Q EAGLE CHASSI ÍNDICE ELÉTRICA ÍNDICE Assento... Bagageiro... Carenagem / tanque de combustível... Cavaletes... Chassi... Escapamento... Guidão... Paralamas... Roda dianteira... Roda traseira... Sistema

Leia mais

[ E-BOOK] CONDUÇÃO ECONÔMICA Você sabe quais são os gastos que uma má condução pode trazer para sua frota?

[ E-BOOK] CONDUÇÃO ECONÔMICA Você sabe quais são os gastos que uma má condução pode trazer para sua frota? [ E-BOOK] CONDUÇÃO ECONÔMICA Você sabe quais são os gastos que uma má condução pode trazer para sua frota? Introdução Os gastos de sua frota estão diretamente relacionados a forma com o que os condutores

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X150F3513

CATÁLOGO DE PEÇAS X150F3513 CHASSI 01 02 COMPONENTES DO CHASSI 01 SUPORTE DA CARENAGEM FRONTAL 01 NEUTRO C306NN 348,31 g 02 CHASSI 01 NEUTRO C001NN 14,300 g 03 SUPORTE DO MOTOR 01 NEUTRO C169NN 1361,64 g 04 COXIM DO SUPORTE DO MOTOR

Leia mais

Venda a peso e limite legal. Gustavo Lanna Diretor Comercial

Venda a peso e limite legal. Gustavo Lanna Diretor Comercial Venda a peso e limite legal Gustavo Lanna Diretor Comercial A EMPRESA Situada em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, a Martins Lanna tem mais de 35 anos de experiência na produção de agregados

Leia mais

Contagem de Ciclistas Cruzamento da Av. Augusto Franco com Av. Gonçalo Rollemberg Leite Aracaju Sergipe Quarta-feira, 3 de abril de 2013.

Contagem de Ciclistas Cruzamento da Av. Augusto Franco com Av. Gonçalo Rollemberg Leite Aracaju Sergipe Quarta-feira, 3 de abril de 2013. Contagem de Ciclistas Cruzamento da Av. Augusto Franco com Av. Gonçalo Rollemberg Leite Aracaju Sergipe Quarta-feira, 3 de abril de 2013. Imagem:Ciclo Urbano 1- APRESENTAÇÃO A Organização Não Governamental

Leia mais

Plano de curso Tecnologia em Manipulador Telescópico

Plano de curso Tecnologia em Manipulador Telescópico PLANO DE CURSO MSOBRFDMTE08 PAG1 Plano de curso Tecnologia em Manipulador Telescópico Justificativa do Curso Em vários segmentos da indústria o manipulador telescópico desempenha um papel muito importante,

Leia mais

Mobilidade Sustentável. Ayrton Amaral Fº

Mobilidade Sustentável. Ayrton Amaral Fº Mobilidade Sustentável Ayrton Amaral Fº Valores corporativos Segurança Qualidade Respeito ao Meio Ambiente O Desafio da Mobilidade Sustentável -10000-8000 -6000-4000 -2000 0 2000 Ano População Global Combustíveis

Leia mais

EQUILÍBRIO OPERACIONAL EM TRATORES. Prof. Dr. CARLOS EDUARDO ANGELI FURLANI

EQUILÍBRIO OPERACIONAL EM TRATORES. Prof. Dr. CARLOS EDUARDO ANGELI FURLANI EQUILÍBRIO OPERACIONAL EM TRATORES Prof. Dr. CARLOS EDUARDO ANGELI FURLANI Trator Agrícola Converte potência do motor em trabalho útil para execução de operações agrícolas Trator Agrícola A capacidade

Leia mais

ALLURE BUSINESS THP AUTO

ALLURE BUSINESS THP AUTO ALLURE BUSINESS THP AUTO CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MOTOR Número de cilindros Número de válvulas / cilindro Cilindrada ( l ) Potência máxima cv (DIN) / rpm Torque máximo kgf.m (DIN) / rpm Velocidade máxima

Leia mais

Figura 2.1: Espaço viário ocupado por pessoas em ônibus, automóvel e motocicleta. Fonte: Vasconcellos (2008), adaptado.

Figura 2.1: Espaço viário ocupado por pessoas em ônibus, automóvel e motocicleta. Fonte: Vasconcellos (2008), adaptado. Vantagens diretas para a sociedade 2.1.1 Economia de espaço viário O uso de qualquer veículo de transporte coletivo traz vantagens na ocupação do espaço viário disponível, em relação aos automóveis e às

Leia mais

ADITIVO 03 AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2014

ADITIVO 03 AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2014 ADITIVO 03 AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2014 O Prefeito Municipal de Piranga MG, faz saber que fica alterado o Edital de Concurso Público da seguinte forma: Fica acrescentado ao Edital 01/2014 a

Leia mais

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Modelo Jequitibá VBX12 Os Direitos autorais pertencem a VB IMPORTAÇAO LTDA proibindo a reprodução sem previa autorização Obrigado por escolher a VERDE BIKE.

Leia mais

Tecnologias Automotivas: Híbrida e Célula Combustível. Roberto Braun Gerente Sênior de Assuntos Governamentais Toyota do Brasil Vice-Presidente ABVE

Tecnologias Automotivas: Híbrida e Célula Combustível. Roberto Braun Gerente Sênior de Assuntos Governamentais Toyota do Brasil Vice-Presidente ABVE Tecnologias Automotivas: Híbrida e Célula Combustível Roberto Braun Gerente Sênior de Assuntos Governamentais Toyota do Brasil Vice-Presidente ABVE Grandes preocupações da humanidade Aquecimento Global

Leia mais

FORD TRANSIT 2009 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

FORD TRANSIT 2009 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1 FORD TRANSIT 2009 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Modelo... Van/Furgão Motor... Ford Duratorq 2.4 L TDCI Número de cilindros... 4 Potência (cv/rpm)... 115,6 (85 kw)/ 3.500 Torque (kgfm/rpm)... 31,63 (310 Nm)/

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X150EXP10

CATÁLOGO DE PEÇAS X150EXP10 CHASSI ÍNDICE ELÉTRICA ÍNDICE CHASSI... 04 GUIDÃO... 06 SISTEMA DE DIREÇÃO... 08 CARENAGEM DO FAROL... 10 SUSPENSÃO DIANTEIRA... 12 PARALAMA DIANTEIRO... 14 CAVALETES... 16 SUSPENSÃO TRASEIRA... 18 PARALAMA

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS X050JET12

CATÁLOGO DE PEÇAS X050JET12 CHASSI ÍNDICE ELÉTRICA ÍNDICE CHASSI... 04 GUIDÃO... 06 SISTEMA DE DIREÇÃO... 08 SUSPENSÃO DIANTEIRA... 10 SUSPENSÃO TRASEIRA... 12 CAVALETES... 14 PEDALEIRA TRASEIRA... 16 FREIO DIANTEIRO... 18 RODA DIANTEIRA...

Leia mais

LOTE 05 ESPECIFICAÇÕES TÉNICAS TRATOR 4X4, 85 CV

LOTE 05 ESPECIFICAÇÕES TÉNICAS TRATOR 4X4, 85 CV LOTE 05 ESPECIFICAÇÕES TÉNICAS TRATOR 4X4, 85 CV 1/5 SUMÁRIO 1 OBJETO... 3 2 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MÍNIMAS DO TRATOR... 3 3 COMPARTIMENTO DO OPERADOR... 4 5 OBSERVAÇÕES NA PROPOSTA... Erro! Indicador

Leia mais

Tânia tempo (minutos)

Tânia tempo (minutos) PROVA DE FÍSICA 1 QUESTÃO 9 Ângela e Tânia iniciam, juntas, um passeio de bicicleta em torno de uma lagoa. Neste gráfico, está registrada a distância que cada uma delas percorre, em função do tempo: 2

Leia mais

9. SISTEMAS DE DIREÇÃO

9. SISTEMAS DE DIREÇÃO 56 9. SISTEMAS DE DIREÇÃO 9.1. Direção mecânica Há tipos diferentes de mecanismos de direção mecânica. O mais comum é o tipo pinhão e cremalheira. O conjunto de engrenagens de pinhão e cremalheira realiza

Leia mais