PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA AÇÃO ESTIMATÓRIA OU QUANTI MINORIS COM MODELO DE PETIÇÃO INICIAL E A TEORIA DA COMUNICAÇÃO JURÍDICA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA AÇÃO ESTIMATÓRIA OU QUANTI MINORIS COM MODELO DE PETIÇÃO INICIAL E A TEORIA DA COMUNICAÇÃO JURÍDICA"

Transcrição

1 AÇÃO ESTIMATÓRIA OU QUANTI MINORIS COM MODELO DE PETIÇÃO INICIAL E A TEORIA DA COMUNICAÇÃO JURÍDICA

2 Sabemos que o vício redibitório é o defeito oculto da coisa que pode torná-la imprópria para o fim a que se destina, ou que lhe diminua o valor, de maneira que o contrato não teria sido firmado se o defeito fosse conhecido pelo adquirente.

3 Quando o bem adquirido apresentar defeitos ocultos, o adquirente poderá rejeitá-lo ou requerer abatimento no preço. (Arts. 441 e 442 do CC)

4 Propomos a Ação Estimatória ou Quanti Minoris, quando o cliente deseja permanecer com o bem, no entanto, quer pleitear o abatimento no preço.

5 PRIMEIRA CAUTELA PRAZO DECADENCIAL Art. 445 do Código Civil A ação estimatória devem ser propostas dentro do prazo de trinta dias, contados da tradição da coisa móvel, contados da tradição da coisa móvel, ou de um ano, se se tratar de bem imóvel, computado da data de sua efetiva entrega.

6 ATENÇÃO Se o vício da coisa, por sua natureza, apenas puder ser detectado pelo adquirente mais tarde, por exemplo, em razão do uso prolongado, o prazo decadencial será contado a partir do instante em se identificou o defeito, até o prazo máximo de 180 dias em se tratando de bem móvel, e de um ano, se imóvel.

7 1. FORO COMPETENTE A regra geral ensina que a ação estimatória deve ser ajuizada no foro do domicílio do réu (art. 46 do CPC). Caso a relação jurídica esteja sob a égide do Código de Defesa do Consumidor (art. 101, I), a ação pode ser distribuída no foro do domicílio do autor.

8 2. PROCEDIMENTO DA AÇÃO O procedimento da ação estimatória é o comum, conforme dispõe os artigos 318 a 512 do Código de Processo Civil.

9 3. PETIÇÃO INICIAL A petição inicial será elaborada de acordo com os artigos 319 e 320 do Código de Processo Civil, inclusive com a opção de realização da audiência de conciliação ou mediação.

10 ATENÇÃO A citação deve ser feita pelo correio (art. 247 do CPC), com antecedência mínima de 20 (vinte) dias da audiência de conciliação ou mediação (art. 334 do CPC), observando que o prazo para a contestação (15 dias úteis) só começa a fluir depois da audiência de conciliação e mediação.

11 4. FATO E FUNDAMENTO JURÍDICO DO PEDIDO Data da realização do negócio jurídico Indicação do vício oculto Quando e como surgiu o vício oculto Deseja ficar com o bem, no entanto, quer o abatimento no preço (indicar o valor do abatimento e justificá-lo)

12 5. FUNDAMENTO LEGAL Artigo 441 do Código Civil Artigo 442 do Código Civil

13 6. ÔNUS DA PROVA Deve-se provar a efetivação do negócio jurídico (contrato de compra e venda) e a existência do vício redibitório e a data em que se tomou conhecimento dele.

14 ATENÇÃO Esta ação exige requerer perícia judicial. Pode-se requer também dano moral.

15 7. VALOR DA CAUSA O valor da causa é o valor do abatimento indicado pelo autor. Deve-se restringir à controvérsia.

16 8. DOCUMENTOS A SEREM JUNTADOS Nota fiscal ou contrato de compra e venda Três orçamentos que indiquem o quanto será necessário para consertar o bem Avaliação ou perícia sobre o vício

17 MODELO DA PETIÇÃO INICIAL

18 TEORIA DA COMUNICAÇÃO JURÍDICA

19 Elementos que compõem a construção da teoria da comunicação jurídica 1. Emissor (Autor) 2. Receptor (Juiz e Réu) 3. Canal (Petição inicial)

20 Elementos que compõem a construção da teoria da comunicação jurídica 3. Código (Português Jurídico) 4. Mensagem (veiculação do fato e do fundamento jurídico do pedido 5. Referente (A contextualização fato e fundamento jurídico do pedido)

Arras. arras probatórias ou confirmatórias. 2 espécies. arras penitenciais

Arras. arras probatórias ou confirmatórias. 2 espécies. arras penitenciais Arras 2 espécies arras probatórias ou confirmatórias arras penitenciais Arras Probatórias 3 funções confirmar o contrato antecipar pagamento Fixar, previamente, perdas e danos são o sinal dado para provar

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL DA COMARCA DE

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL DA COMARCA DE EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL DA COMARCA DE (10 cm) ULPIANO DE SOUSA, brasileiro, casado [convivente em regime de união estável], comerciante, portador da Cédula de Identidade

Leia mais

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA A NOVA PETIÇÃO INICIAL DO NOVO CPC

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA A NOVA PETIÇÃO INICIAL DO NOVO CPC A NOVA PETIÇÃO INICIAL DO NOVO CPC 1. Conceito Art. 319 do CPC A petição inicial é o ato formal do autor que dá início à causa. É um requerimento que contém a exposição do fato e dos fundamentos jurídicos

Leia mais

NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL E A CLT (DA CONTESTAÇÃO)

NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL E A CLT (DA CONTESTAÇÃO) NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL E A CLT (DA CONTESTAÇÃO) I DA CONTESTAÇÃO OS DISPOSITIVOS CLASSICOS DA CLT: O artigo 769 da CLT (SUBSIDIÁRIA), será aplicada no processo de fase conhecimento observando todas

Leia mais

Petição Inicial I. Professor Zulmar Duarte

Petição Inicial I. Professor Zulmar Duarte I Professor Zulmar Duarte Instaura a relação processual (linear) Apresenta a Demanda (causa de pedir e pedido) Litispendência (art. 312) Fixação da competência (art. 43) Requisitos Art. 319 Competência

Leia mais

Ações judiciais na locação de imóveis urbanos

Ações judiciais na locação de imóveis urbanos Ações judiciais na locação de imóveis urbanos Ação revisional de aluguel Ação de consignação de aluguel e acessórios da locação Prof. Denis Donoso Denis Donoso blogspot.denisdonoso.com.br Apresentação

Leia mais

AULA 24. Os pressupostos genéricos são a probabilidade do direito, perigo de dano ou risco ao resultado útil do processo.

AULA 24. Os pressupostos genéricos são a probabilidade do direito, perigo de dano ou risco ao resultado útil do processo. Turma e Ano: Master A (2015) 06/07/2015 Matéria / Aula: Direito Processual Civil / Aula 24 Professor: Edward Carlyle Silva Monitor: Alexandre Paiol AULA 24 CONTEÚDO DA AULA: Tutela provisória : tutela

Leia mais

Inovações legislativas e aspectos práticos no uso da Mediação em Propriedade Intelectual. Daniela Monteiro Gabbay

Inovações legislativas e aspectos práticos no uso da Mediação em Propriedade Intelectual. Daniela Monteiro Gabbay Inovações legislativas e aspectos práticos no uso da Mediação em Propriedade Intelectual Daniela Monteiro Gabbay 30.08.2016 Escolha da mediação: arte ou ciência? Como escolher a porta mais adequada de

Leia mais

Objetivo da aula: Negócios jurídicos. ELEMENTOS ESSENCIAS NATURAIS DO NEGÓCIO JURÍDICO

Objetivo da aula: Negócios jurídicos. ELEMENTOS ESSENCIAS NATURAIS DO NEGÓCIO JURÍDICO AULA 04 PONTO: 04 Objetivo da aula: Negócios jurídicos. Tópico do plano de Ensino: Elementos dos negócios jurídicos. Classificação. Elementos essenciais naturais: Vícios redibitórios e evicção. Roteiro

Leia mais

AULA 10 PONTOS: 10/11 VÍCIOS REDIBITÓRIOS CONCEITO

AULA 10 PONTOS: 10/11 VÍCIOS REDIBITÓRIOS CONCEITO AULA 10 PONTOS: 10/11 Objetivo da aula: Teoria geral dos contratos. Teoria geral dos contratos. Perfil e princípios. Formação defeito e extinção. Classificação e interpretação. Garantias legais específicas.

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Tutela provisória II. Prof. Luiz Dellore

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Tutela provisória II. Prof. Luiz Dellore DIREITO PROCESSUAL CIVIL Tutela provisória II Prof. Luiz Dellore Gênero Espécies Subespécies Tutela Provisória Tutela de urgência - Tutela cautelar - Tutela antecipada Tutela de evidência -- Art. 294.

Leia mais

LEI Nº , DE 16 DE MARÇO DE 2015

LEI Nº , DE 16 DE MARÇO DE 2015 LEI Nº 13.105, DE 16 DE MARÇO DE 2015 Código de Processo Civil. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: PARTE GERAL LIVRO V DA TUTELA PROVISÓRIA

Leia mais

SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Governador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site:

SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Governador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site: SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Governador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site: www.sei-cesucol.edu.br e-mail: sei-cesucol@vsp.com.br FACULDADE

Leia mais

Tutelas no novo CPC: Liminares?

Tutelas no novo CPC: Liminares? Tutelas no novo CPC: Liminares? Valter Nilton Felix Quando os efeitos da tutela definitiva são antecipados pelo juízo, tem-se a tutela provisória, satisfativa (fornecimento de certidão negativa é ordenada

Leia mais

AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO

AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO RESPOSTAS DO RÉU CONTESTAÇÃO; EXCEÇÃO (Incompetência relativa, suspeição

Leia mais

EXECUÇÃO PARA A ENTREGA DE COISA CERTA E INCERTA (Art. 621 ao 631, CPC):

EXECUÇÃO PARA A ENTREGA DE COISA CERTA E INCERTA (Art. 621 ao 631, CPC): - A petição inicial do processo de execução, além dos requisitos do art. 282, CPC, deve obedecer aos requisitos dos arts. 614 e 615, CPC: - I conter pedido expresso de citação do devedor; - II ser instruída

Leia mais

REFLEXOS DO NOVO CPC NO DIREITO DE FAMÍLIA

REFLEXOS DO NOVO CPC NO DIREITO DE FAMÍLIA REFLEXOS DO NOVO CPC NO DIREITO DE FAMÍLIA FERNANDA TARTUCE Advogada orientadora do Departamento Jurídico XI de Agosto (USP); Mediadora; Mestre e Doutora em Direito Processual Civil pela USP; Professora

Leia mais

1. Vícios redibitórios art , CC: São defeitos ocultos por duas razões: por que tornam impróprio ao uso ou diminuem consideravelmente o valor.

1. Vícios redibitórios art , CC: São defeitos ocultos por duas razões: por que tornam impróprio ao uso ou diminuem consideravelmente o valor. 1 PONTO 1: Vícios Redibitórios PONTO 2: Evicção PONTO 3: Quadro comparativos entre ilícito contratual e extracontratual. 1. Vícios redibitórios art. 441 1, CC: São defeitos ocultos por duas razões: por

Leia mais

Novo CPC Petição Inicial Modelo

Novo CPC Petição Inicial Modelo Novo CPC Petição Inicial Modelo Novo CPC Petição Inicial Modelo Novo CPC Petição Inicial Modelo EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA VARA (Ex. CIVIL, ou DE FAMÍLIA, ETC) DA COMARCA.. / UF (Conforme

Leia mais

LIVRO I Do Processo de Conhecimento...1

LIVRO I Do Processo de Conhecimento...1 Sumário LIVRO I Do Processo de Conhecimento...1 Capítulo 1 Da Jurisdição...3 1.1. Conceito de Jurisdição... 5 1.2. Exercício da Jurisdição Quem Exerce a Jurisdição?...15 1.3. Características da Jurisdição...17

Leia mais

TUTELA PROVISÓRIA NO NOVO CPC

TUTELA PROVISÓRIA NO NOVO CPC TUTELA PROVISÓRIA NO NOVO CPC Prof. Advogado. Mestre em Processo Civil pela PUC/SP. LL.M pela University of California Berkeley School of Law. DA TUTELA PROVISÓRIA Disposições gerais Art. 294 A tutela

Leia mais

CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. Prof. Eduardo

CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. Prof. Eduardo CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL Prof. Eduardo A que se presta o Código de Processo Civil? FACULDADE ASSIS GURGACZ CÓDIGO CIVIL DE 2002 Parte Geral Livro I Das pessoas Livro II Dos bens Livro III Dos fatos jurídicos

Leia mais

Pratica Civil I 7º Semestre. AULA 07 Ação de Consignação em pagamento

Pratica Civil I 7º Semestre. AULA 07 Ação de Consignação em pagamento AULA 07 Ação de Consignação em pagamento TEXTO LEGAL COMPARADO TÍTULO III- DOS PROCEDIMENTOS ESPECIAIS- CAPÍTULO I DA AÇÃO DE CONSIGNAÇÃO EM PAGAMENTO Art. 539 Nos casos previstos em lei, poderá o devedor

Leia mais

Apesar de os negros serem menos da metade dos usuários de drogas nos Estados Unidos, eles compõem muito mais da metade dos presos por causa de

Apesar de os negros serem menos da metade dos usuários de drogas nos Estados Unidos, eles compõem muito mais da metade dos presos por causa de Apesar de os negros serem menos da metade dos usuários de drogas nos Estados Unidos, eles compõem muito mais da metade dos presos por causa de drogas. Um em cada três jovens negros americanos serão presos

Leia mais

https://youtu.be/tjdwx0oqbrg Novo CPC Contestação Modelo

https://youtu.be/tjdwx0oqbrg Novo CPC Contestação Modelo Novo CPC Contestação Modelo https://youtu.be/tjdwx0oqbrg Novo CPC Contestação Modelo EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA VARA DA COMARCA.. / UF Pular 3 linhas Processo nº Pular 10 linhas (NOME

Leia mais

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA AÇÃO DE ALIMENTOS COM MODELO DE PETIÇÃO INICIAL E A CONSTRUÇÃO DO PARÁGRAFO JURÍDICO

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA AÇÃO DE ALIMENTOS COM MODELO DE PETIÇÃO INICIAL E A CONSTRUÇÃO DO PARÁGRAFO JURÍDICO AÇÃO DE ALIMENTOS COM MODELO DE PETIÇÃO INICIAL E A CONSTRUÇÃO DO PARÁGRAFO JURÍDICO A ação de alimentos é proposta, quando o autor precisa de pensão alimentícia com o objetivo de prover suas necessidades

Leia mais

AS ESPÉCIES DE TUTELA PROVISÓRIA NO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL BRASILEIRO E SEUS

AS ESPÉCIES DE TUTELA PROVISÓRIA NO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL BRASILEIRO E SEUS AS ESPÉCIES DE TUTELA PROVISÓRIA NO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL BRASILEIRO E SEUS REFLEXOS NA ARBITRAGEM ANDRÉA SECO TARCISIO JOSÉ MOREIRA JÚNIOR aseco@almeidalaw.com.br tjjunior@almeidalaw.com.br CONSIDERAÇÕES

Leia mais

1º Workshop Avaliação de Desempenho na Prática

1º Workshop Avaliação de Desempenho na Prática 1º Workshop Avaliação de Desempenho na Prática Módulo 02 Avaliação de Desempenho em Projetos Palestrante Dr. Luiz Antonio Scavone Junior Código Civil: Art. 618. Nos contratos de empreitada de edifícios

Leia mais

Foi instituída no ordenamento jurídico brasileiro a partir da Lei. 9079/95, que incluiu os arts A, 1102-B e 1102-C no CPC/73.

Foi instituída no ordenamento jurídico brasileiro a partir da Lei. 9079/95, que incluiu os arts A, 1102-B e 1102-C no CPC/73. AÇÃO MONITÓRIA Observações iniciais Foi instituída no ordenamento jurídico brasileiro a partir da Lei. 9079/95, que incluiu os arts. 1102-A, 1102-B e 1102-C no CPC/73. No NCPC tal matéria é tratada nos

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL

DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO PROCESSUAL CIVIL FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC) TÉCNICO TRT s 07 PROVAS 34 QUESTÕES (2012 2010) A apostila contém provas de Direito Processual Civil de concursos da Fundação Carlos Chagas (FCC),

Leia mais

Petição Inicial II. Professor Zulmar Duarte

Petição Inicial II. Professor Zulmar Duarte Petição Inicial II Professor Zulmar Duarte Petição Inicial Controle de Admissibilidade pelo Juiz (arts. 321, 330, 332 e 334) Petição Inicial Emenda da Inicial Juízo de Admissibilidade Improcedência Liminar

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 141, DE 2011 Redação Final

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 141, DE 2011 Redação Final PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 141, DE 2011 Redação Final Do Senador ROBERTO REQUIÃO Dispõe sobre o direito de resposta ou retificação do ofendido por matéria divulgada, publicada ou transmitida por veículo

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS DEFENSORES PÚBLICOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS ADEP MG ANÁLISE PRELIMINAR DO ANTEPROJETO DE REFORMA DO CPC

ASSOCIAÇÃO DOS DEFENSORES PÚBLICOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS ADEP MG ANÁLISE PRELIMINAR DO ANTEPROJETO DE REFORMA DO CPC Nº Aspectos Positivos 1 Capítulo IV, Seção III - Da Defensoria Pública (havia a previsão específica de uma seção para tratar apenas da Defensoria Pública) Há o reconhecimento da instituição como essencial

Leia mais

PartE I PrÁtICa ProCEssuaL

PartE I PrÁtICa ProCEssuaL sumário PartE I PrÁtICa ProCEssuaL capítulo 1 evolução Histórica... 3 capítulo 2 PrincíPios... 5 2.1. Celeridade... 5 2.2. Informalidade... 5 2.3. oralidade... 6 2.4. Concentração... 6 2.5. Jus Postulandi...

Leia mais

ROTEIRO TUTELAS PROVISÓRIAS DE URGÊNCIA E DE EVIDÊNCIA

ROTEIRO TUTELAS PROVISÓRIAS DE URGÊNCIA E DE EVIDÊNCIA PROFESSORA: DRA. JULIANA JUSTO ROTEIRO TUTELAS PROVISÓRIAS DE URGÊNCIA E DE EVIDÊNCIA 07.05.2015 1. HISTÓRICO 1.1 1973 PRIMEIRO MOMENTO 1.2 1994 SEGUNDO MOMENTO Art. 273. O juiz poderá, a requerimento

Leia mais

Petição Inicial - Conceito

Petição Inicial - Conceito Petição Inicial - Conceito A Petição Inicial é um documento escrito (ou digital) elaborado pelo advogado para defender e reivindicar os direitos de um cidadão ou instituição perante o Poder Judiciário,

Leia mais

Pratica Jurídica I Civil I 7 semestre. AULA 07 Contestação ESTRUTURA BÁSICA DA CONTESTAÇÃO. Juiz da causa (art. 297, CPC). Tratamento: autor e réu.

Pratica Jurídica I Civil I 7 semestre. AULA 07 Contestação ESTRUTURA BÁSICA DA CONTESTAÇÃO. Juiz da causa (art. 297, CPC). Tratamento: autor e réu. AULA 07 Contestação ESTRUTURA BÁSICA DA CONTESTAÇÃO Competência Partes Hipóteses de cabimento Fundamento legal Fatos Fundamentação jurídica Pedido Provas Valor da causa Juiz da causa (art. 297, CPC). Tratamento:

Leia mais

Olá, pessoal! Chegamos ao nosso sétimo módulo. Falaremos da petição inicial, da(s) resposta(s) do réu e do fenômeno da revelia.

Olá, pessoal! Chegamos ao nosso sétimo módulo. Falaremos da petição inicial, da(s) resposta(s) do réu e do fenômeno da revelia. CURSO DE RESOLUÇÃO DE QUESTÕES DE PROCESSO CIVIL PONTO A PONTO PARA TRIBUNAIS MÓDULO 7 PETIÇÃO INICIAL. RESPOSTA DO RÉU. REVELIA. Professora: Janaína Noleto Curso Agora Eu Passo () Olá, pessoal! Chegamos

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 A Situação Concreta Exposição da Situação Concreta e de suas mais de 50 Petições Vinculadas...1

Sumário. Capítulo 1 A Situação Concreta Exposição da Situação Concreta e de suas mais de 50 Petições Vinculadas...1 Sumário Capítulo 1 A Situação Concreta... 1 1.1. Exposição da Situação Concreta e de suas mais de 50 Petições Vinculadas...1 Capítulo 2 Petições Cíveis: Procedimento Comum... 7 2.1. Petição Inicial...7

Leia mais

AÇÃO DE ANULAÇÃO E SUBSTITUIÇÃO DE TÍTULOS AO PORTADOR

AÇÃO DE ANULAÇÃO E SUBSTITUIÇÃO DE TÍTULOS AO PORTADOR AÇÃO DE ANULAÇÃO E SUBSTITUIÇÃO DE TÍTULOS AO PORTADOR David Silva de Souza 1 RESUMO O presente trabalho tem por adjetivo fazer um breve estudo a respeito do tema citado, nos de destruição parcial ou total

Leia mais

DPRCIV3 Direito Processual Civil III. Plano de Ensino - 3. Do Indeferimento da Petição inicial. (arts. 295 a 285-A)

DPRCIV3 Direito Processual Civil III. Plano de Ensino - 3. Do Indeferimento da Petição inicial. (arts. 295 a 285-A) DPRCIV3 Direito Processual Civil III Plano de Ensino - 3. Do Indeferimento da Petição inicial. (arts. 295 a 285-A) Questões para Fixação da Aula Indeferimento da Inicial (arts. 295 a 296) 1. O art. 295,

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Fase Ordinatória. Professor Rafael Menezes

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Fase Ordinatória. Professor Rafael Menezes DIREITO PROCESSUAL CIVIL Fase Ordinatória Professor Rafael Menezes Fase Ordinatória Providências Preliminares Julgamento Confome o Estado do Processo Audiência Preliminar / Saneamento do Feito Providências

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

FACULDADE DE DIREITO UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE PLANO DE AULA PROFESSOR: RUBENS CARMO ELIAS FILHO Disciplina: Direito Processual Civil II Etapa: ()1ª () 2ª ( ) 3ª (x) 4ª Turmas: (x) F - (x ) G - () P ( ) F ( ) G ( ) P 1. OBJETIVOS: Introduzir o aluno

Leia mais

Parte Especial CURSOS. Código Processo Civil Parte Especial. VIZAM CONSULTORIA ASSESSORIA E PESQUISA Rua México, 21 8º Andar, Centro - RJ

Parte Especial CURSOS. Código Processo Civil Parte Especial. VIZAM CONSULTORIA ASSESSORIA E PESQUISA Rua México, 21 8º Andar, Centro - RJ CURSOS VIZAM CONSULTORIA ASSESSORIA E PESQUISA Rua México, 21 8º Andar, Centro - RJ A VIZAM Consultoria [www.vizam.com.br], empresa de consultoria em relações institucionais, vai promover um curso exclusivo,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INTERMEDIAÇÃO PARA VENDA DE VEÍCULO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INTERMEDIAÇÃO PARA VENDA DE VEÍCULO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INTERMEDIAÇÃO PARA VENDA DE VEÍCULO Pelo presente instrumento particular de Contrato de Intermediação para Venda de automóvel usado firmado, de um lado por REPASSE

Leia mais

SUMÁRIO PARTE I INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS PARA UMA APROPRIADA POSTULAÇÃO EM JUÍZO 1 INTRODUÇÃO

SUMÁRIO PARTE I INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS PARA UMA APROPRIADA POSTULAÇÃO EM JUÍZO 1 INTRODUÇÃO SUMÁRIO PARTE I INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS PARA UMA APROPRIADA POSTULAÇÃO EM JUÍZO 1 INTRODUÇÃO 2 SOLUÇÃO DE LITÍGIOS PERANTE O PODER JUDICIÁRIO 2.1 Estrutura jurisdicional brasileira 2.2 Lide, processo e

Leia mais

Meios de solução de controvérsias nas relações de consumo de seguros GUSTAVO DA ROCHA SCHMIDT

Meios de solução de controvérsias nas relações de consumo de seguros GUSTAVO DA ROCHA SCHMIDT Meios de solução de controvérsias nas relações de consumo de seguros GUSTAVO DA ROCHA SCHMIDT Em razão do volume exorbitante de demandas, o Judiciário brasileiro torna-se, naturalmente, incapaz de pacificar

Leia mais

Prezados amigos e leitores,

Prezados amigos e leitores, Prezados amigos e leitores, Abaixo, traço breves comentários sobre quatro questões de Direito Processual Civil da prova de analista da área judiciária do concurso do TRT da 1ª Região (2013). Para aprofundar

Leia mais

AULA 09 NULIDADES. 5) Sistemas de Nulidades do CPC.

AULA 09 NULIDADES. 5) Sistemas de Nulidades do CPC. Turma e Ano: Master A (2015) 06/04/2015 Matéria / Aula: Direito Processual Civil / Aula 09 Professor: Edward Carlyle Silva Monitor: Alexandre Paiol AULA 09 CONTEÚDO DA AULA: Nulidades: Invalidades; Vícios

Leia mais

Ofício nº (SF) Brasília, em 26 de setembro de 2013.

Ofício nº (SF) Brasília, em 26 de setembro de 2013. Ofício nº 2.157 (SF) Brasília, em 26 de setembro de 2013. A Sua Excelência o Senhor Deputado Marcio Bittar Primeiro-Secretário da Câmara dos Deputados Assunto: Projeto de Lei do Senado à revisão. Senhor

Leia mais

SUMÁRIO. Capítulo II SUBSTABELECIMENTO... 31

SUMÁRIO. Capítulo II SUBSTABELECIMENTO... 31 SUMÁRIO Capítulo I PROCURAÇÃO AD JUDICIA... 19 1. Conceito... 19 2. Extensão dos poderes conferidos pelo outorgante ao advogado... 21 3. Modelo da procuração ad judicia com poderes para o foro em geral...

Leia mais

2º AULA: PROCESSO DE CONHECIMENTO

2º AULA: PROCESSO DE CONHECIMENTO Coordenação: Dr. Pedro Miranda de Oliveira 2º AULA: PROCESSO DE CONHECIMENTO Prof. Dr. Francisco José R. de Oliveira Neto 30 MUDANÇAS NO PROCESSO DE CONHECIMENTO: PROCESSO DE CONHECIMENTO (INICIAL, DEFESA,

Leia mais

SUMÁRIO. Direito do Trabalho Direito Processual Civil Direito Processual do Trabalho

SUMÁRIO. Direito do Trabalho Direito Processual Civil Direito Processual do Trabalho SUMÁRIO Direito do Trabalho... 05 Direito Processual Civil... 139 Direito Processual do Trabalho... 195 DIREITO DO TRABALHO ÍNDICE CAPÍTULO 01... 7 Fontes e Princípios de Direito do Trabalho... 7 Surgimento

Leia mais

Pratica Jurídica Civil II 8 semestre Profa. Ana Luísa Reale confecção do conteúdo

Pratica Jurídica Civil II 8 semestre Profa. Ana Luísa Reale confecção do conteúdo AULA 3, segundo nosso plano de ensino Tutela Antecipada requerida em caráter antecedente Esta ação não possui regulamentação no CPC de 73. Trata-se de previsão inovadora em nosso sistema, regulamentada

Leia mais

DECADÊNCIA E PRESCRIÇÃO NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR Genesio Aires de Siqueira - 1 RESUMO

DECADÊNCIA E PRESCRIÇÃO NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR Genesio Aires de Siqueira - 1 RESUMO DECADÊNCIA E PRESCRIÇÃO NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR Genesio Aires de Siqueira - 1 RESUMO Este artigo traz algumas considerações sobre os conceitos e aplicação da prescrição e decadência do CDC, trazendo

Leia mais

Defesa do réu. Espécies de defesa. 1. Matéria. I. Defesa contra o processo

Defesa do réu. Espécies de defesa. 1. Matéria. I. Defesa contra o processo Defesa do réu O réu ao ser citado é levado a assumir o ônus de defender-se. Bilateralidade da ação/do processo. Ao direito de ação do autor (pretensão deduzida em juízo), equivale o direito de defesa do

Leia mais

UNIVERSIDADE DE MACAU FACULDADE DE DIREITO. Curso de Licenciatura em Direito em Língua Portuguesa. Ano lectivo de 2014/2015

UNIVERSIDADE DE MACAU FACULDADE DE DIREITO. Curso de Licenciatura em Direito em Língua Portuguesa. Ano lectivo de 2014/2015 UNIVERSIDADE DE MACAU FACULDADE DE DIREITO Curso de Licenciatura em Direito em Língua Portuguesa Ano lectivo de 2014/2015 DIREITO PROCESSUAL CIVIL I (Disciplina anual do 3.º ano) Responsável pela regência:

Leia mais

Olá, pessoal! Chegamos ao nosso décimo primeiro módulo. No módulo 10, tratamos dos recursos. Agora veremos algumas questões sobre a fase executiva.

Olá, pessoal! Chegamos ao nosso décimo primeiro módulo. No módulo 10, tratamos dos recursos. Agora veremos algumas questões sobre a fase executiva. CURSO DE RESOLUÇÃO DE QUESTÕES DE PROCESSO CIVIL PONTO A PONTO PARA TRIBUNAIS MÓDULO 11 EXECUÇÃO Professora: Janaína Noleto Curso Agora Eu Passo () Olá, pessoal! Chegamos ao nosso décimo primeiro módulo.

Leia mais

ANEXO III TABELA DE CUSTAS E HONORÁRIOS DOS MEDIADORES. Consoante dispõe o Regulamento de Mediação, os custos dos procedimentos de mediação comportam:

ANEXO III TABELA DE CUSTAS E HONORÁRIOS DOS MEDIADORES. Consoante dispõe o Regulamento de Mediação, os custos dos procedimentos de mediação comportam: ANEXO III TABELA DE CUSTAS E HONORÁRIOS DOS MEDIADORES Consoante dispõe o Regulamento de Mediação, os custos dos procedimentos de mediação comportam: 1. TAXA DE ADMINISTRAÇÃO 1.1. A Taxa de Administração

Leia mais

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA REPONSABILIDADE CIVIL POR ERRO MÉDICO

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA REPONSABILIDADE CIVIL POR ERRO MÉDICO REPONSABILIDADE CIVIL POR ERRO MÉDICO A responsabilidade civil médica é a aplicação de pena indenizatória que obrigue o médico a reparar o dano moral e/ou patrimonial praticado contra seu paciente ou contra

Leia mais

Por iniciativa das partes (art. 262 Regra Geral). Princípio da Inércia. Princípio Dispositivo. Desenvolvimento por impulso oficial.

Por iniciativa das partes (art. 262 Regra Geral). Princípio da Inércia. Princípio Dispositivo. Desenvolvimento por impulso oficial. Direito Processual Civil I EXERCÍCIOS - 2º BIMESTRE Professor: Francisco Henrique J. M. Bomfim 1. a) Explique como ocorre a formação da relação jurídica processual: R. Início do Processo: Por iniciativa

Leia mais

No Cartório de Registro de Imóveis são praticados três atos principais envolvendo bens imóveis (casas, prédios, lotes, apartamentos, lojas, fazendas,

No Cartório de Registro de Imóveis são praticados três atos principais envolvendo bens imóveis (casas, prédios, lotes, apartamentos, lojas, fazendas, No Cartório de Registro de Imóveis são praticados três atos principais envolvendo bens imóveis (casas, prédios, lotes, apartamentos, lojas, fazendas, terrenos), quais sejam, a matrícula, o registro e a

Leia mais

AÇÃO DE ANULAÇÃO E SUBSTITUIÇÃO DE TÍTULO AO PORTADOR

AÇÃO DE ANULAÇÃO E SUBSTITUIÇÃO DE TÍTULO AO PORTADOR AÇÃO DE ANULAÇÃO E SUBSTITUIÇÃO DE TÍTULO AO PORTADOR 1 I) INTRODUÇÃO a) Conceito de TÍTULO DE CRÉDITO b) Características dos títulos de crédito: Cartularidade Literalidade Autonomia 2 c)títulos de Crédito

Leia mais

XXI Encontro Institucional de Magistrados do TRT 14 Região. Porto Velho, 24 de junho de 2016.

XXI Encontro Institucional de Magistrados do TRT 14 Região. Porto Velho, 24 de junho de 2016. XXI Encontro Institucional de Magistrados do TRT 14 Região. Porto Velho, 24 de junho de 2016. Enunciado 01 NATUREZA JURÍDICA DA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 39/2016 DO TST. A instrução normativa consiste em

Leia mais

BLOQUEIO EM CONTA BANCÁRIA

BLOQUEIO EM CONTA BANCÁRIA BLOQUEIO EM CONTA BANCÁRIA PENHORA EM CONTA BANCÁRIA EM EXECUÇÃO FISCAL SISTEMA BACEN-JUD 2.0 1 Em se tratando de execução fiscal, o magistrado pode, via Sistema BACEN-UD 2.0, solicitar o bloqueio/desbloqueio

Leia mais

Jurisprudência Mineira Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais - TJMG

Jurisprudência Mineira Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais - TJMG Jurisprudência Mineira Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais - TJMG Enumera-se abaixo, entendimento jurisprudencial exarado pelo Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais, onde, em ações em

Leia mais

1) Com relação aos Atos do Escrivão ou do Chefe de Secretaria é INCORRETO afirmar que :

1) Com relação aos Atos do Escrivão ou do Chefe de Secretaria é INCORRETO afirmar que : 1 1) Com relação aos Atos do Escrivão ou do Chefe de Secretaria é INCORRETO afirmar que : a) Os atos e termos do processo serão datilografados ou escritos com tinta escura indelével, assinado-os as pessoas

Leia mais

AULA ) PROCEDIMENTO COMUM (art. 270 e seguintes do CPC a 318 e

AULA ) PROCEDIMENTO COMUM (art. 270 e seguintes do CPC a 318 e Turma e Ano: Master A (2015) 08/06/2015 Matéria / Aula: Direito Processual Civil / Aula 18 Professor: Edward Carlyle Silva Monitor: Alexandre Paiol AULA 18 CONTEÚDO DA AULA: Procedimento, contestação 10)

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Execução I. Prof. Luiz Dellore

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Execução I. Prof. Luiz Dellore DIREITO PROCESSUAL CIVIL Execução I Prof. Luiz Dellore Inadimplemento + título executivo extrajudicial: Processo de execução. PARTE ESPECIAL LIVRO II DO PROCESSO DE EXECUÇÃO Sempre? Art. 785. A existência

Leia mais

Turmas Especiais 2015 Programa da disciplina.

Turmas Especiais 2015 Programa da disciplina. Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo FDSBC Curso de Prática Jurídica Civil Prof. Titular Pedro Marini Neto Prof. Substituto Estevan Lo Ré Pousada Turmas Especiais 2015 Calendário de atividades

Leia mais

REVELIA (ART. 319 A 322)

REVELIA (ART. 319 A 322) REVELIA (ART. 319 A 322) Ocorre quando o réu, regularmente citado, deixa de responder à demanda. O CPC regulou esse instituto, considerando revel o réu que deixa de oferecer contestação após regularmente

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br BuscaLegis.ccj.ufsc.Br Teoria Geral da Prova no Processo Civil Daniel Nobre Morelli INTRODUÇÃO Podemos considerar prova como o meio pelo qual se procura demonstrar que certos fatos, expostos no processo,

Leia mais

PONTO 1: FORMAÇÃO DE CONTRATOS. PONTO 3: b)vício REDIBITÓRIO. Ambos institutos acima tem responsabilidade civil aquiliana.

PONTO 1: FORMAÇÃO DE CONTRATOS. PONTO 3: b)vício REDIBITÓRIO. Ambos institutos acima tem responsabilidade civil aquiliana. 1 CONTRATOS PONTO 1: FORMAÇÃO DE CONTRATOS PONTO 2: a) FORMAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO PONTO 3: b)vício REDIBITÓRIO FORMAÇÃO TRATATIVAS -Proposta individual: Art. 427 CC 1 obriga o proponente. O descumprimento

Leia mais

PROCEDIMENTOS ESPECIAIS

PROCEDIMENTOS ESPECIAIS PROCEDIMENTOS ESPECIAIS SEPARAÇÃO E DIVÓRCIO CONSENSUAL DPC III - Prof. ANA PAULA L. SAKAUIE 1 SEPARAÇÃO/DIVÓRCIO CONSENSUAL CONSIDERAÇÕES INICIAIS REFERÊNCIA LEGISLATIVA: ARTS. 731/734, NCPC HAVENDO LITÍGIO

Leia mais

RESPOSTA DO RÉU CONTESTAÇÃO

RESPOSTA DO RÉU CONTESTAÇÃO RESPOSTA DO RÉU CONTESTAÇÃO ESQUELETO MEMORIZE: ENDEREÇAMENTO QUALIFICAÇÃO PRELIMINAR PREJUDICIAL MÉRITO REQUERIMENTOS FINAIS - art. 847 da CLT fala em defesa - apresentada em audiência reclamado tem 20

Leia mais

Escola de Ciências Jurídicas-ECJ

Escola de Ciências Jurídicas-ECJ Posição legal Momento processual Necessidade, finalidade, objeto e limites Natureza jurídica Liquidação na pendência de recurso Liquidação concomitante com execução Modalidades Liquidação de sentença Sumário

Leia mais

Ministério Público do Estado do Ceará Procuradoria Geral de Justiça E X P E D I E N T E

Ministério Público do Estado do Ceará Procuradoria Geral de Justiça E X P E D I E N T E Decon Natal 2015 Dicas para Consumidores www.decon.ce.gov.br Ministério Público do Estado do Ceará Procuradoria Geral de Justiça E X P E D I E N T E Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor

Leia mais

PROVA DISCURSIVA II PARTE I

PROVA DISCURSIVA II PARTE I PROVA DISCURSIVA II Nesta prova, faça o que se pede, usando os espaços para rascunho indicados no presente caderno. Em seguida, transcreva os textos para o CADERNO DE TEXTOS DEFINITIVOS DA PROVA DISCURSIVA

Leia mais

Direito Processual Civil III

Direito Processual Civil III Direito Processual Civil III»Aula 8 Petição Inicial Pedido parte 2 Petição Inicial Pedido Alteração da Petição Inicial e estabilização do processo VI Petição inicial Pedido 5 Pedido cominatório -dois meios

Leia mais

Pratica Civil Especial 10º semestre. Aula 02 PETIÇÃO INICIAL RITO SUMÁRIO (ART. 275, I E II, do CPC) e RITO ORDINÁRIO ( 282 E SGS DO cpc)

Pratica Civil Especial 10º semestre. Aula 02 PETIÇÃO INICIAL RITO SUMÁRIO (ART. 275, I E II, do CPC) e RITO ORDINÁRIO ( 282 E SGS DO cpc) Aula 02 PETIÇÃO INICIAL RITO SUMÁRIO (ART. 275, I E II, do CPC) e RITO ORDINÁRIO ( 282 E SGS DO cpc) ESTRUTURA DA PETIÇÃO INICIAL DE RITO SUMÁRIO - REQUISITOS: CPC, art. 282 + 276. - COMPETÊNCIA: CPC,

Leia mais

Número:

Número: Tribunal de Justiça de Pernambuco PJe - Processo Judicial Eletrônico Consulta Processual 23/07/2014 Número: 0023150-12.2014.8.17.8201 Classe: PROCEDIMENTO DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL Partes Tipo Nome DEMANDANTE

Leia mais

LEGALE ADVOCACIA TRABALHISTA E O NOVO CPC - II

LEGALE ADVOCACIA TRABALHISTA E O NOVO CPC - II LEGALE ADVOCACIA TRABALHISTA E O NOVO CPC - II As Defesas Trabalhistas e o Novo CPC Professor: Rogério Martir Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais, Advogado militante e especializado em Direito Empresarial

Leia mais

Sumário. Lei do Inquilinato Anotada

Sumário. Lei do Inquilinato Anotada Sumário I II Lei do Inquilinato Anotada Questões Teóricas e Práticas do Direito Locatício 1 Quais são os princípios fundamentais do direito contratual que também se aplicam ao contrato de locação? 2 Resumidamente,

Leia mais

GABARITO SIMULADO WEB 1

GABARITO SIMULADO WEB 1 GABARITO SIMULADO WEB 1 PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL CADU, brasileiro, casado, engenheiro, domiciliado em Pindamonhangaba/SP, adquiriu, em 05 de janeiro de 2015, uma motocicleta de fabricação

Leia mais

REFLEXOS DO NOVO CPC NO DIREITO DE FAMÍLIA

REFLEXOS DO NOVO CPC NO DIREITO DE FAMÍLIA REFLEXOS DO NOVO CPC NO DIREITO DE FAMÍLIA JOÃO RICARDO BRANDÃO AGUIRRE Advogado; Doutor em Direito Civil pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo USP; Mestre em Direito Civil pela faculdade

Leia mais

Saldos, promoções e liquidações

Saldos, promoções e liquidações Saldos, promoções e liquidações Os saldos, promoções, liquidações e vendas de bens com defeito permitem escoar produtos a preços mais baixos. No entanto, estas modalidades de venda têm de cumprir determinadas

Leia mais

Sumário Capítulo 1 Prazos Capítulo 2 Incompetência: principais mudanças

Sumário Capítulo 1 Prazos Capítulo 2 Incompetência: principais mudanças Sumário Capítulo 1 Prazos 1.1. Forma de contagem: somente em dias úteis 1.2. Prática do ato processual antes da publicação 1.3. Uniformização dos prazos para recursos 1.4. Prazos para os pronunciamentos

Leia mais

Portaria 279/2013 de 26.08

Portaria 279/2013 de 26.08 Portaria 279/2013 de 26.08 Em destaque : Alterações aos procedimentos para inclusão na lista pública de execuções Artºs 2º, 3º e 4º Início do procedimento : Notificação/citação ( consoante o caso ), de

Leia mais

Direito e legislação. Tópico III Direito das obrigações Contratos

Direito e legislação. Tópico III Direito das obrigações Contratos Direito e legislação Tópico III Direito das obrigações Contratos Direito das Obrigações Credor Devedor Espécies das Obrigações Obrigação de dar (certa e incerta) Coisa Certa é aquela em que o devedor se

Leia mais

MÉRITO DO CONTRATO DE TRABALHO

MÉRITO DO CONTRATO DE TRABALHO PEÇA TREINO JOÃO CIDADÃO distribuiu, em 07/03/2014, Reclamação Trabalhista em face de seu empregador EMPRESA VIGILÂNCIA TOTAL LTDA e do tomador de serviços, BANCO FATURANDO S/A. Alegou, em síntese, que

Leia mais

Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Conteúdos/ Matéria. Categorias/ Questões. Tipo de aula. Semana

Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Conteúdos/ Matéria. Categorias/ Questões. Tipo de aula. Semana PLANO DE CURSO DISCIPLINA: PROCESSO DE CONHECIMENTO (CÓD. ENEX 60123) ETAPA: 4ª TOTAL DE ENCONTROS: 15 SEMANAS Semana Conteúdos/ Matéria Categorias/ Questões Tipo de aula Habilidades e Competências Textos,

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL

DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO PROCESSUAL CIVIL Reinaldo Branco de Moraes (Juiz do Trabalho do TRT12) -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

INTRODUÇÃO AO DIREITO PROCESSUAL CIVIL

INTRODUÇÃO AO DIREITO PROCESSUAL CIVIL CapítuloI INTRODUÇÃO AO DIREITO PROCESSUAL CIVIL... 17 1. Con ito de interesses e lide... 17 2. Funções do direito... 18 2.1. Direção de condutas... 19 2.2. Tratamento dos con itos... 19 3. Modos de tratamento

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO N.º 003/2016 DAS NOVIDADES DA CONTESTAÇÃO NO NCPC. Da preliminar de incompetência relativa

BOLETIM INFORMATIVO N.º 003/2016 DAS NOVIDADES DA CONTESTAÇÃO NO NCPC. Da preliminar de incompetência relativa BOLETIM INFORMATIVO N.º 003/2016 DAS NOVIDADES DA CONTESTAÇÃO NO NCPC O NCPC seguindo os princípios básicos definidos em seus primeiros artigos visou otimizar a dinâmica dos mecanismos de defesa a serem

Leia mais

PARECER TÉCNICO JURÍDICO e PROCESSUAL

PARECER TÉCNICO JURÍDICO e PROCESSUAL PARECER TÉCNICO JURÍDICO e PROCESSUAL 1 - PROCESSOS JUDICIAIS 1.1 Esfera Cível EMPRESA: Pareceres Ltda NATUREZA: Cível AUTOR: José dos Santos Silva RÉU: Pareceres PROCESSO: 0004861-33.2010.805.0141 TIPO

Leia mais

FUNDAÇÃO PROCON SÃO PAULO

FUNDAÇÃO PROCON SÃO PAULO APRESENTAÇÃO No ano em que o Código de Defesa do Consumidor completa 21 anos e o Procon-SP comemora seus 35, lançamos este CDC de bolso para que os consumidores possam ter sempre à mão os temas usualmente

Leia mais

Cumprimento de Sentença e Execução. Ricardo de Carvalho Aprigliano

Cumprimento de Sentença e Execução. Ricardo de Carvalho Aprigliano Cumprimento de Sentença e Execução Ricardo de Carvalho Aprigliano Considerações iniciais Antes da execução Cumprimento de sentença Intimação do devedor pelo DJE na pessoa do seu advogado (art. 513, 2º,I).

Leia mais

Direito Civil Direito Civil

Direito Civil Direito Civil DIREITO CIVIL PEÇA PROFISSIONAL Ercília, ao parar diante de faixa de pedestre, na cidade de Patos de Minas MG, teve seu veículo abalroado pelo automóvel conduzido por Otávio e, em razão do acidente, teve

Leia mais

POLÍTICA DE TROCA. O desejo de cancelamento deve ser imediatamente comunicado à Hermitex Uniformes Executivos, seguindo as seguintes regras:

POLÍTICA DE TROCA. O desejo de cancelamento deve ser imediatamente comunicado à Hermitex Uniformes Executivos, seguindo as seguintes regras: POLÍTICA DE TROCA Com o objetivo de atender plenamente aos clientes da Hermitex Uniformes Executivos em nossa loja virtual, estabelecemos uma Política de Troca e Devolução de acordo com as necessidades

Leia mais

COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO.

COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO. COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO. SUBSTITUTIVO AO PROJETO DE LEI Nº 71, DE 2007. Altera a Lei nº 8.245, de 18 de outubro de 1991, que dispõe sobre as Locações de Imóveis Urbanos

Leia mais