(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:"

Transcrição

1 (11) Número de Publicação: PT (51) Classificação Internacional: E04C 2/284 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação do pedido: (73) Titular(es): APARTMAR - CONSTRUÇÕES, LDA. JARDINS DO ALTO, LOTE FARO PT (72) Inventor(es): RUI CARLOS CUNHA AMARO FERREIRA PT (74) Mandatário: ALEXANDRA MARIA VIEGAS COSTA PAIXÃO RUA DOS BACALHOEIROS, Nº LISBOA PT (54) Epígrafe: PLACAS DE ISOLAMENTO TÉRMICO E ACÚSTICO (57) Resumo: O PRESENTE INVENTO REFERE-SE A PLACAS DE ISOLAMENTO TÉRMICO E ACÚSTICO ATRAVÉS DE BORRACHA RECICLADA.TRATA-SE DE UM PRODUTO PRODUZIDO PELA AGLUTINAÇÃO DE RESÍDUOS RECICLADOS DE BORRACHA EPDM, BORRACHA SBR, POLIURETANOS, POLIESTIRENOS E CORTIÇA GRANULADA. O PRODUTO APRESENTA-SE EM PLACAS SIMPLES OU COMPOSTAS. EM PLACA SIMPLES, É O RESULTADO DA AGLUTINAÇÃO DOS RESÍDUOSRECICLADOS DE DIVERSAS GRANULOMETRIAS EM BORRACHA EPDM, BORRACHA SBR, POLIURETANOS, POLIESTIRENOS E CORTIÇA GRANULADA(1), PARA FABRICO EM DIVERSAS ESPESSURAS. EM PLACA COMPOSTA, É O RESULTADO DA AGLUTINAÇÃO DOS RESÍDUOS RECÍCLADOS DE DIVERSAS GRANULOMETRÍAS EM BORRACHA EPDM, BORRACHA SBR, POLIURETANOS, POLIESTIRENOS E CORTIÇA GRANULADA(1), PARA FABRICO EM DIVERSAS ESPESSURAS, ACRESCIDO DE PLACA POLIESTIRENO EXTRUDIDO(2) COM DIVERSAS ESPESSURAS PARA MELHORAR A PERFORMANCE DE ISOLAMENTO TÉRMICO, DE ACORDO COM SUA APLICAÇÃO E CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS.

2

3 DESCRIÇÃO Placa de isolamento térmico e acústico Área técnica da invenção O mercado no setor da construção civil tem vários produtos como isolamentos térmicos e acústicos. No entanto, esses produtos resultam da transformação de matérias-primas, na maioria derivados pétreos ou produtos naturais, como por exemplo a cortiça. Os produtos no mercado têm custos de transformação e consumo energéticos (emissão CO²), superiores aos produtos reciclados. Tendo os materiais reciclados excelentes características de isolamento térmico e acústico. Vantagens da invenção As vantagens que este tipo de placas apresenta em relação às existentes no mercado são: - baixo peso quando comparadas com as placas hoje existentes no mercado; - utilizar produtos reciclados na sua construção; - ter um baixo consumo energético (emissões CO²); - ter uma baixa condutibilidade térmica e acústica; - ter uma boa resistência química; - ter um resistência aos UV; - ter uma boa resistência à compressão; - ter uma satisfatória reacção ao fogo; - ter um excelente isolamento térmico e acústico; - aspecto final de acordo com as necessidades de comercialização. 1

4 As placas são de fácil manuseamento, logo de fácil aplicação, bem como o seu corte caso seja necessário. Como exemplo: as habitações com coberturas planas terão uma excelente solução de isolamento térmico e acústico sem criar grande sobrecarga. Poderão assim ser aplicadas sobre revestimentos existentes, e em caso de reparação será de fácil remoção. O facto do seu peso por m² ser inferior ao das placas que integram as soluções hoje existentes, torna esta solução uma excelente opção para projetista de estruturas e técnicos responsáveis, permitindo que em obras existentes a sua aplicação diminua custos e esforços na estrutura, melhorando a térmica e acústica em obras de reabilitação. Desta forma, é uma excelente solução para melhoramento do isolamento térmico e acústico em todos os locais que façam uso de coberturas planas, quer em obras novas quer de reabilitação. Por exemplo: As placas terão grande aplicabilidade no exterior, em coberturas planas, podendo ser aplicadas diretamente sobre as lâminas impermeabilizantes, sem fixação mecânica, simplesmente apoiadas. Poderão ser aplicadas em pavimentos, paredes e tetos em obras novas ou de reabilitação. Em processos novos de construção de paredes e tetos poderão ser aplicados entre revestimentos, como exemplo entre placas de gesso cartonado. Assim, o seu uso terá um desempenho em pavimentos, paredes e tetos, como isolamento térmico e acústico. 2

5 Estado da técnica Verifica-se a existência no setor da construção civil de vários produtos em placa como isolamento térmico e acústico, produtos esses resultantes da transformação de matériasprimas, na maioria derivados pétreos ou produtos naturais. No entanto, não se detectou o uso de produtos de reciclados, nomeadamente borrachas, poliuretanos e poliestirenos na constituição de placas, com características de isolamento térmico e acústico, e que sejam usadas no setor da construção. Breve descrição dos desenhos A figura 1 é uma representação em corte de uma placa simples constituída por diversas granulometrias de borracha EPDM, de borracha SBR, de poliuretanos, de poliestirenos e de cortiça granulada (1), todos eles reciclados. A figura 2 é uma representação em corte de uma placa composta por diversas granulometrias de borracha EPDM, de borracha SBR, de poliuretanos, de poliestirenos e de cortiça granulada (1), todos eles reciclados e de uma placa poliestireno extrudido (2). Descrição pormenorizada da invenção O presente invento refere-se ao fabrico de placas de resíduos reciclados. O produto em placas simples é o resultado da aglutinação de diversas granulometrias de resíduos reciclados de borracha 3

6 EPDM, de borracha SBR, de poliuretanos, de poliestirenos e de As placas podem ser constituídas por qualquer aglutinação de entre os resíduos acima referidos. Poderão ser constituídas por uma aglutinação de diversas granulometrias de dois dos resíduos de entre os de: borracha EPDM, borracha SBR, poliuretanos, poliestirenos e Poderão ser constituídas por uma aglutinação de diversas granulometrias de três dos resíduos de entre os de: borracha EPDM, borracha SBR, poliuretanos, poliestirenos e Poderão ser constituídas por uma aglutinação de diversas granulometrias de quatro dos resíduos de entre os de: borracha EPDM, borracha SBR, poliuretanos, poliestirenos e Finalmente poderão ser constituídas por uma aglutinação de diversas granulometrias dos cinco resíduos de: borracha EPDM, borracha SBR, poliuretanos, poliestirenos e cortiça granulada (1). A aglutinação dos componentes será efectuada através de qualquer aglutinador apropriado para o efeito, nomeadamente resinas ou ligante hidráulico com fibras de vidro. O fabrico das placas poderá ser efectuado a frio ou quente, dependendo esta escolha, do fim a que se destinam. 4

7 No processo a frio, os componentes juntamente com o aglutinador são colocados num molde, devidamente apertados, e posteriormente descofrados para comercialização. No processo a quente, os componentes juntamente com o aglutinador são prensados, sendo o produto resultante laminado na espessura desejada, tendo em vista a finalidade a que se destina. Também conforme a finalidade a que se destina, a pressão exercida na prensagem permitirá que sejam fabricadas placas mais ou menos densas. Neste último processo o aglutinador usado é um aglutinador apropriado para o efeito, nomeadamente uma resina, pois tem que ser um aglutinador que permita a laminagem. No caso das placas compostas serão acrescentadas placas de poliestireno extrudido (2), com diversas espessuras, por colagem simples. O seu peso por m² será determinado de acordo com a sua aplicação. Como exemplo: placas aplicadas no exterior para isolamento de coberturas planas terão uma dimensão adequada ao seu manuseamento, com espessuras entre 25 mm a 50 mm, cuja densidade será calculada de acordo com o mínimo peso possível que evite o seu levantamento por incidência de vento forte e flutuação por água. Assim, as placas de isolamento térmico e acústico objeto da presente invenção são caracterizadas pela aplicação de resíduos reciclados, sendo um isolamento térmico e acústico. 20/11/2012 5

8 REIVINDICAÇÕES 1. Placa de isolamento térmico e acústico caracterizada por ser constituída pela aglutinação de diversas granulometrias de resíduos reciclados de borracha SBR, de borracha EPDM, de poliuretanos, de poliestirenos e de 2. Placa de isolamento térmico e acústico de acordo com a reivindicação 1, caracterizada por ser constituída pela aglutinação de dois dos componentes de entre diversas granulometrias de resíduos reciclados de borracha SBR, de borracha EPDM, de poliuretanos, de poliestirenos e de 3. Placa de isolamento térmico e acústico de acordo com a reivindicação 1, caracterizada por ser constituída pela aglutinação de três dos componentes de entre diversas granulometrias de resíduos reciclados de borracha SBR, de borracha EPDM, de poliuretanos, de poliestirenos e de 4. Placa de isolamento térmico e acústico de acordo com a reivindicação 1, caracterizada por ser constituída pela aglutinação de quatro dos componentes de entre diversas granulometrias de resíduos reciclados de borracha SBR, de borracha EPDM, de poliuretanos, de poliestirenos e de 5. Placa de isolamento térmico e acústico de acordo com as reivindicações anteriores caracterizada por ter acoplada uma placa de poliestireno extrudido (2). 1

9 6. Placa de isolamento térmico e acústico de acordo com as reivindicações anteriores caracterizada por a aglutinação dos componentes ser efectuada através de qualquer aglutinador apropriado para o efeito, nomeadamente resinas ou ligante hidráulico com fibras de vidro. 7. Placa de isolamento térmico e acústico de acordo com as reivindicações anteriores caracterizada por a aglutinação dos componentes ser efectuada a frio ou a quente. 20/11/2012 2

10

11

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10848 (51) Classificação Internacional: E01C 5/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2012.07.29 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10956 (51) Classificação Internacional: E04H 4/06 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2013.09.27 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 106005 (51) Classificação Internacional: B32B 23/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2011.11.16 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10657 (51) Classificação Internacional: E04B 2/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2011.01.27 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10957 (51) Classificação Internacional: G02B 6/36 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2013.10.01 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(11) Número de Publicação: PT T. (51) Classificação Internacional: F23N 5/02 ( ) F23D 5/00 ( ) F23N 1/02 (2006.

(11) Número de Publicação: PT T. (51) Classificação Internacional: F23N 5/02 ( ) F23D 5/00 ( ) F23N 1/02 (2006. (11) Número de Publicação: PT 10596 T (51) Classificação Internacional: F23N 5/02 (2006.01) F23D 5/00 (2006.01) F23N 1/02 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2010.07.07

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 106562 (51) Classificação Internacional: E01D 21/10 (2006) E01D 11/04 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2012.10.03 (30) Prioridade(s): (43)

Leia mais

(54) Epígrafe: BANCO CONVERTÍVEL NUM CONJUNTO COMPOSTO POR UMA MESA E RESPECTIVOS BANCOS

(54) Epígrafe: BANCO CONVERTÍVEL NUM CONJUNTO COMPOSTO POR UMA MESA E RESPECTIVOS BANCOS (11) Número de Publicação: PT 104678 A (51) Classificação Internacional: A47B 85/04 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.07.21 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 104945 (51) Classificação Internacional: B23Q 3/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2010.01.18 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(11) Número de Publicação: PT A. (51) Classificação Internacional: E04C 1/40 ( ) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO

(11) Número de Publicação: PT A. (51) Classificação Internacional: E04C 1/40 ( ) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (11) Número de Publicação: 104571 A (51) Classificação Internacional: E04C 1/40 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.05.13 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(54) Epígrafe: MÉTODO DE PROTECÇÃO DA FIXAÇÃO DA BORRACHA-CALEIRA NAS JUNTAS DE DILATAÇÃO DE PONTES/VIADUTOS E SUA MONTAGEM

(54) Epígrafe: MÉTODO DE PROTECÇÃO DA FIXAÇÃO DA BORRACHA-CALEIRA NAS JUNTAS DE DILATAÇÃO DE PONTES/VIADUTOS E SUA MONTAGEM (11) Número de Publicação: PT 105358 A (51) Classificação Internacional: E01D 19/06 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2010.10.29 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(54) Epígrafe: RECIPIENTE BIODEGRADÁVEL E FERTILIZANTE PARA GERMINAÇÃO DE PLANTAS

(54) Epígrafe: RECIPIENTE BIODEGRADÁVEL E FERTILIZANTE PARA GERMINAÇÃO DE PLANTAS (11) Número de Publicação: 104476 A (51) Classificação Internacional: A01G 9/00 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.03.26 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

ACEPE ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL DO POLIESTIRENO EXPANDIDO

ACEPE ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL DO POLIESTIRENO EXPANDIDO ACEPE ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL DO POLIESTIRENO EXPANDIDO EPS POLIESTIRENO EXPANDIDO NO ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR ETICS NICOLAU TIRONE SEMINÁRIO APFAC FACHADAS ENERGETICAMENTE EFICIENTES LNEC, LISBOA

Leia mais

(74) Mandatário: (54) Epígrafe: COLECTOR SOLAR PARA AQUECIMENTO DE FLUÍDO TÉRMICO COM DUPLO CIRCUITO INTEGRADO

(74) Mandatário: (54) Epígrafe: COLECTOR SOLAR PARA AQUECIMENTO DE FLUÍDO TÉRMICO COM DUPLO CIRCUITO INTEGRADO (11) Número de Publicação: PT 104590 A (51) Classificação Internacional: F24J 2/12 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.05.25 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10876 (51) Classificação Internacional: E04C 1/42 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2010.07.22 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (54) Epígrafe: TAMPA COM CAVIDADE INTERNA PARA MISTURAR INGREDIENTES EM COPOS DE BEBIDA

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (54) Epígrafe: TAMPA COM CAVIDADE INTERNA PARA MISTURAR INGREDIENTES EM COPOS DE BEBIDA (11) Número de Publicação: PT 106289 (51) Classificação Internacional: A45F 3/16 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2012.04.24 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Meias canas para isolamento de tubagens, com diâmetros variáveis.

FICHA TÉCNICA. Meias canas para isolamento de tubagens, com diâmetros variáveis. FICHA TÉCNICA 1. APRESENTAÇÃO DO PRODUTO Aglomex Acoustic é um produto resultante da aglomeração de espuma flexível de poliuretano de diferentes densidades que evidencia uma composição homogénea e estável.

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10618 (51) Classificação Internacional: E04B 1/24 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2010.09.20 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

K-FLEX K-FLEX K-FONIK SYSTEM 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO

K-FLEX K-FLEX K-FONIK SYSTEM 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO K-FONIK SYSTEM Aplicações: - Canalizações e sistemas de drenagem - Tubulação industrial, maquinaria civil e industrial - Isolamento acústico para paredes

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10866 (51) Classificação Internacional: A47C 17/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2012.10.21 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(72) Inventor(es): (54) Epígrafe: SISTEMA DE FIXAÇÃO RÁPIDA DE PLACAS DE REVESTIMENTO EM FACHADAS VENTILADAS

(72) Inventor(es): (54) Epígrafe: SISTEMA DE FIXAÇÃO RÁPIDA DE PLACAS DE REVESTIMENTO EM FACHADAS VENTILADAS () Número de Publicação: PT 04686 A (5) Classificação Internacional: E04F /08 (006.0) () FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO () Data de pedido: 009.07. (0) Prioridade(s): (4) Data de publicação do pedido:

Leia mais

Isolamento Sustentável. Soluções Ideais para Reabilitação

Isolamento Sustentável. Soluções Ideais para Reabilitação Isolamento Sustentável A Gyptec Ibérica de capital nacional e inserida no Grupo Preceram, dedica-se à produção de placas de gesso laminado, através de métodos não poluentes e ambientalmente sustentáveis

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 105132 (51) Classificação Internacional: G01K 17/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2010.05.20 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10506 T (51) Classificação Internacional: E04H 3/24 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2009.11.24 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10555 (51) Classificação Internacional: A41D 1/06 (2006) A41D 1/20 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2010.04.21 (30) Prioridade(s): (43) Data

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 104718 (51) Classificação Internacional: G06Q 99/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.08.18 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

FICHA TÉCNICA Nº5. AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) AN STANDARD

FICHA TÉCNICA Nº5. AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) AN STANDARD FICHA TÉCNICA Nº5 AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) Referências: AN STANDARD Para Isolamento Térmico Regranulados Calibre 2 / 9 e 4,5 / 15 mm Nota: Por encomenda, fabricam-se ainda outros

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 106194 (51) Classificação Internacional: B32B 15/08 (2006) B32B 17/12 (2006) E04B 1/80 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2012.03.07 (30) Prioridade(s):

Leia mais

O que é o ICF? Vantagens

O que é o ICF? Vantagens O que é o ICF? É um sistema de construção constituído por blocos isolantes em EPS, poliestireno expandido (conhecido em Portugal como esferovite), que após montagem, são preenchidos com betão armado, formando

Leia mais

PAINEL STONEWOOL COMPOSITE HONEYCOMB DA ARCHICOM TM

PAINEL STONEWOOL COMPOSITE HONEYCOMB DA ARCHICOM TM STONEWOOL COMPOSITE HONEYCOMB ESTAMOS COMPROMETIDOS COM O VALOR E COM A QUALIDADE ARQUITETURA IDENTIDADE CORPORA TIVA EXIBIÇÃO TRANSPORTE INDÚSTRIA SOBRE A SUSTENTABILIDADE RIGIDEZ As estruturas prensadas

Leia mais

GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES. FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de

GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES. FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de 2005 www.construlink.com CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS - PAREDES SIMPLES A necessidade

Leia mais

PISOS e PAREDES RADIANTES

PISOS e PAREDES RADIANTES PISOS e PAREDES RADIANTES *Seguro *Estético *Saudável *Económico *Confortável PORTUGAL BOCKEMUEHL, LDA Apartado 32, Zona Industrial da Cooperativa 3240-217 Ansião Telefone : +351 236 670 110 Telefax :

Leia mais

NO FRIO E NO CALOR O CASACO TÉRMICO DA SUA CASA

NO FRIO E NO CALOR O CASACO TÉRMICO DA SUA CASA NOVO Sika ThermoCoat NO FRIO E NO CALOR O CASACO TÉRMICO DA SUA CASA SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR ETICS CONFORTÁVEL POUPA ENERGIA IMPERMEÁVEL SEM CONDENSAÇÕES SEM FISSURAS prt.sika.com UM

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: 104813 (51) Classificação Internacional: A61B 17/62 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.11.10 (30) Prioridade(s): 2010.11.03 20101000083766

Leia mais

Escola Secundária Alfredo da Silva Ensino Básico 6º Ano Disciplina de Educação Tecnológica Materiais e Técnicas (7) Plásticos e Borrachas / 6ºB

Escola Secundária Alfredo da Silva Ensino Básico 6º Ano Disciplina de Educação Tecnológica Materiais e Técnicas (7) Plásticos e Borrachas / 6ºB Escola Secundária Alfredo da Silva Ensino Básico 6º Ano Disciplina de Educação Tecnológica Materiais e Técnicas (7) Plásticos e Borrachas / 6ºB 1. Alguns factos sobre os plásticos Os plásticos são materiais

Leia mais

Impact Soft 25 Espessura: 25 mm Dimensões: 1m x 1m Cores: 3 cores Pigmentadas (Verde Claro, Azul e Terracota).

Impact Soft 25 Espessura: 25 mm Dimensões: 1m x 1m Cores: 3 cores Pigmentadas (Verde Claro, Azul e Terracota). Impact Soft 25 Espessura: 25 mm Cores: 3 cores Pigmentadas (Verde Claro, Azul e Terracota). Especificação: Piso Ecológico Impactsoft 25 composto por dupla camada de grânulos de borracha SBR, sendo a superior

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO 1. Para determinar a porosidade aberta de uma pedra calcária, utilizou-se um provete com as dimensões de 7.1 7.1 7.1 cm 3. Determinou-se a massa no estado

Leia mais

CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS

CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS LISBOA, JULHO 2016 SISTEMA CONSTRUTIVO CLT - CONCEITO CARACTERÍSTICAS GERAIS ESTRATOS ORTOGONAIS ESPÉCIES RESINOSAS COLA EM POLIURETANO

Leia mais

A MC31 é uma manta natural para isolamento acústico e proteção de fungos. É composta por cortiça aglomerada prensada para isolamento acústico e térmic

A MC31 é uma manta natural para isolamento acústico e proteção de fungos. É composta por cortiça aglomerada prensada para isolamento acústico e térmic Mantas de Cortiça A MC11 é uma manta natural para redução de ruído de impacto. É composta por cortiça aglomerada para isolamento acústico e térmico de pavimentos flutuantes. Elimina contato com laje ou

Leia mais

ACEPE ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL DO POLIESTIRENO EXPANDIDO

ACEPE ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL DO POLIESTIRENO EXPANDIDO ACEPE ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL DO POLIESTIRENO EXPANDIDO EPS POLIESTIRENO EXPANDIDO NO ETICS A ESCOLHA PARA UM ISOLAMENTO EFICIENTE, ECONÓMICO E SUSTENTÁVEL NICOLAU TIRONE SEMINÁRIO APFAC/ ITeCons FACHADAS

Leia mais

GET GESTÃO DE ENERGIA TÉRMICA Lda.

GET GESTÃO DE ENERGIA TÉRMICA Lda. 1 Dados climáticos de referência para a região do Porto: Inverno: Região climática I1, número de graus dias = 1610 (º dias), duração da estação de aquecimento = 6,7 meses. Verão: Região climática V1, Temperatura

Leia mais

POLY LIGA 5083 PROGRAMA DE FABRICO PLACAS BARRAS EXTRUDIDAS REDONDAS. Estado H111. Estado. Peso Chapa (kg) Dimensões. Espessura (mm) H22 /32

POLY LIGA 5083 PROGRAMA DE FABRICO PLACAS BARRAS EXTRUDIDAS REDONDAS. Estado H111. Estado. Peso Chapa (kg) Dimensões. Espessura (mm) H22 /32 POLY PROGRAMA DE FABRICO LIGA 5083 Espessura (mm) 2.0 3.0 4.0 4.0 4.0 5.0 5.0 5.0 6.0 6.0 6.0 8.0 8.0 10.0 10.0 12.0 12.0 15.0 15.0 20.0 20.0 25.0 25.0 30.0 30.0 35.0 35.0 40.0 40.0 45.0 45.0 Espessura

Leia mais

Soluções de reabilitação de paredes/fachadas com desempenho térmico melhorado. Luís Silva Coimbra, 31 de Julho 2014

Soluções de reabilitação de paredes/fachadas com desempenho térmico melhorado. Luís Silva Coimbra, 31 de Julho 2014 Soluções de reabilitação de paredes/fachadas com desempenho térmico melhorado Luís Silva Coimbra, 31 de Julho 2014 Introdução As exigências da reabilitação na relação com o existente A compatibilidade

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10863 (51) Classificação Internacional: H04N 7/18 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2012.10.10 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

1.- SISTEMA ENVOLVENTE...

1.- SISTEMA ENVOLVENTE... ÍNDICE.- SISTEMA ENVOLVENTE.....- Pavimentos em contacto com o terreno......- Lajes térreas.....- Fachadas......- Parte opaca das fachadas......- Aberturas em fachada.....- Paredes meeiras... 5..- Coberturas...

Leia mais

K-FLEX K-FLEX TWIN SOLAR SYSTEM 32 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO

K-FLEX K-FLEX TWIN SOLAR SYSTEM 32 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO K-FLEX 32 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO K-FLEX TWIN SOLAR SYSTEM K-FLEX SOLAR R Acoplamento rápido à compressão Sistema completo para instalações de painéis solares térmicos Fácil e rápido

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10900 (51) Classificação Internacional: A41D 23/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2013.03.19 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

Algarve. Armação de Péra Tendências de decoração 2017 Estilo moderno decoraçao para interiores

Algarve. Armação de Péra Tendências de decoração 2017 Estilo moderno decoraçao para interiores Tendências de decoração 2017 Estilo moderno decoraçao para interiores Revestimento de perede 3D Placas decorativas de gesso 3D Negocio produzido e confeccionado em familia. Somos uma empresa com uma motivação

Leia mais

ISOLAMENTO EM ESPUMA INJECTADA

ISOLAMENTO EM ESPUMA INJECTADA ISOLAMENTO EM ESPUMA INJECTADA O MELHOR ISOLAMENTO PARA CASAS HABITADAS Classe 1 resistente ao fogo Economiza até 50% nas contas de energia Reduz o ruído exterior até 80% Amigo do Ambiente IS O L A M E

Leia mais

1. TIPO DE CASA 2. TIPO DE PAREDE 3. TIPO DE FUNDAÇÃO 4. MEDIDAS DE CASA 5. DIVISÃO DE CASA. No exterior, argamassa, no interior placa de gesso

1. TIPO DE CASA 2. TIPO DE PAREDE 3. TIPO DE FUNDAÇÃO 4. MEDIDAS DE CASA 5. DIVISÃO DE CASA. No exterior, argamassa, no interior placa de gesso Preço de aproximar: 81300 * *O preço calculado reflete acerca do 80 porcento de preço final. Depois de uma reunião pessoal, a gente calcula o valor final. 1. TIPO DE CASA Variação tipo de casa 1. Variação

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO FICHA TÉCNICA DO PRODUTO TOPECA, Lda Rua do Mosqueiro 2490 115 Cercal Ourém PORTUGAL Tel.: 00 351 249 580 070 Fax.: 00 351 249 580 079 geral@topeca.pt www.topeca.pt rebetop color Pág. 2 utilização Revestimento

Leia mais

também de acordo com o Sistema Métrico Internacional e conforme exigência da norma ABNT

também de acordo com o Sistema Métrico Internacional e conforme exigência da norma ABNT STEEL FRAME O Steel Frame é uma alternativa já consolidada e amplamente usada há dezenas de anos em países desenvolvidos. Ao contrário das estruturas convencionais de construção, são usados perfis de aço

Leia mais

(72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10621 T (51) Classificação Internacional: E06B 3/70 (2006.01) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2010.09.27 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10747 (51) Classificação Internacional: B65D 81/34 (2006) A47J 31/40 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2011.10.27 (30) Prioridade(s): (43)

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (54) Epígrafe: LOÇÃO PARA TRATAMENTO DE VITILIGO E PROCESSO DE PRODUÇÃO DA LOÇÃO

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (54) Epígrafe: LOÇÃO PARA TRATAMENTO DE VITILIGO E PROCESSO DE PRODUÇÃO DA LOÇÃO (11) Número de Publicação: PT 104658 (51) Classificação Internacional: A61K 36/28 (2006) A61K 36/88 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.06.30 (30) Prioridade(s): (43)

Leia mais

MATERIAIS DE REVESTIMENTO EM COBERTURAS INCLINADAS

MATERIAIS DE REVESTIMENTO EM COBERTURAS INCLINADAS MATERIAIS DE REVESTIMENTO EM COBERTURAS INCLINADAS Jorge de Brito, Professor Associado IST 1. Introdução Neste início da coluna Elementos de construção não estruturais, inserido no número da revista dedicado

Leia mais

Colagem de Cerâmicos e Rochas Ornamentais Enquadramento normativo - Marcação CE

Colagem de Cerâmicos e Rochas Ornamentais Enquadramento normativo - Marcação CE Colagem de Cerâmicos e Rochas Ornamentais Enquadramento normativo - Marcação CE Workshop AICCOPN, Porto,13/03/2014 Baio Dias baiodias@ctcv.pt Diretor Adjunto Técnico 1 Enquadramento Normativo Normas aplicáveis

Leia mais

ifelt Introdução Ibérica Feltros A IbéricaFeltros Feltros Industriais, Lda., é uma empresa que iniciou a sua actividade em Maio de 2000.

ifelt Introdução Ibérica Feltros A IbéricaFeltros Feltros Industriais, Lda., é uma empresa que iniciou a sua actividade em Maio de 2000. Introdução A IbéricaFeltros Feltros Industriais, Lda., é uma empresa que iniciou a sua actividade em Maio de 2000. Esta Empresa tem a sua origem na Jomafil, e com os conhecimentos adquiridos ao longo de

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10801 (51) Classificação Internacional: A01C 5/02 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2012.03.09 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 105104 (51) Classificação Internacional: B29C 65/00 (2006) D06H 5/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2010.05.06 (30) Prioridade(s): (43)

Leia mais

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Impermeabilização Isolamento Drenagens - Geotêxteis Clarabóias Índice OBRA NOVA... N. Pavimentos...... N.. Abaixo da betonilha

Leia mais

PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS

PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS Vasco Peixoto de Freitas Vasco Peixoto de Freitas FC_FEUP Novembro de 2007-1 www.patorreb.com Estrutura do Site Vasco Peixoto de Freitas FC_FEUP Novembro de 2007-2

Leia mais

O tritubo é aplicado nas condutas subterrâneas para proteção de fibras ópticas. O seu interior estriado melhora a passagem da fibra óptica.

O tritubo é aplicado nas condutas subterrâneas para proteção de fibras ópticas. O seu interior estriado melhora a passagem da fibra óptica. Mar.13 Tritubo O tritubo é aplicado nas condutas subterrâneas para proteção de fibras ópticas. O seu interior estriado melhora a passagem da fibra óptica. Especificações técnicas do produto Documento Produto

Leia mais

FICHA TÉCNICA DE PRODUTO LAJE ALVEOLADA LA 12 -R ARMADURAS LA12-2-R

FICHA TÉCNICA DE PRODUTO LAJE ALVEOLADA LA 12 -R ARMADURAS LA12-2-R Página 1/5 LAJE ALVEOLADA LA 12 -R DESCRIÇÃO Painel pré-fabricado em betão pré-esforçado, com armadura constituída por fios de aço aderentes, de secção vazada, com as faces prontas a pintar. As lajes apresentam-se

Leia mais

Soluções em Adesão Estrutural, Fixação e Vedação para Indústria Náutica

Soluções em Adesão Estrutural, Fixação e Vedação para Indústria Náutica Engineered Polymers Soluções em Adesão Estrutural, Fixação e Vedação para Indústria Náutica Polymers Sealants Polymers Adhesives PP&F Asia Polymers South America Aperfeiçoando a produção de barcos com

Leia mais

Os materiais de proteção térmica devem apresentar:

Os materiais de proteção térmica devem apresentar: Os materiais de proteção térmica devem apresentar: Elevado calor específico Reduzida condutividade térmica Garantia de integridade durante a evolução do incêndio Resistência mecânica adequada Custo viável

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10820 (51) Classificação Internacional: E05G 1/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2012.04.19 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 104787 (51) Classificação Internacional: H03L 5/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2009.10.13 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

TAFIPAN P2 FR. Descrição. Aplicações. Recomendações. Técnico. TAFIPAN P2 FR - aglomerado para uso interior, incluindo mobiliário, com comportamento ao

TAFIPAN P2 FR. Descrição. Aplicações. Recomendações. Técnico. TAFIPAN P2 FR - aglomerado para uso interior, incluindo mobiliário, com comportamento ao Propriedades Disponível com pigmento vermelho Fácil maquinabilidade Permite uma grande variedade de revestimentos Ignífugo Técnico TAFIPAN P2 FR TAFIPAN P2 FR - aglomerado para uso interior, incluindo

Leia mais

SOLUÇÕES PARA INTERIORES

SOLUÇÕES PARA INTERIORES SOLUÇÕES PARA INTERIORES TINTAS PLÁSTICAS Muráqua Paredes & Tectos Tinta plástica destinada à pintura de paredes interiores e tectos. Passimur Quartos & Salas Tinta plástica decorativa para interiores

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10928 (51) Classificação Internacional: E04B 2/00 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2013.06.20 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

TECNOLOGIA INOVADORA PARA PROJETOS INTELIGENTES

TECNOLOGIA INOVADORA PARA PROJETOS INTELIGENTES TECNOLOGIA INOVADORA PARA PROJETOS INTELIGENTES A linha de Soluções Construtivas Eternit foi pensada para facilitar o desempenho do projeto na prática, para agregar qualidade e proporcionar um resultado

Leia mais

PORTAS SECCIONAIS PORTAS SECCIONAIS INDUSTRIAIS DS NÃO É APENAS A ESCOLHA CORRETA. É A MELHOR ESCOLHA.

PORTAS SECCIONAIS PORTAS SECCIONAIS INDUSTRIAIS DS NÃO É APENAS A ESCOLHA CORRETA. É A MELHOR ESCOLHA. PORTAS SECCIONAIS PORTAS SECCIONAIS INDUSTRIAIS DS NÃO É APENAS A ESCOLHA CORRETA. É A MELHOR ESCOLHA. Portas Seccionais industriais A DOCKSTEEL oferece uma linha completa de portas seccionais comerciais

Leia mais

Inovação e sustentabilidade em coberturas cerâmicas

Inovação e sustentabilidade em coberturas cerâmicas Inovação e sustentabilidade em coberturas cerâmicas A telha cerâmica é o mais antigo material de construção com forma adequada para o revestimento de coberturas. As características intrínsecas dos materiais

Leia mais

Materiais. Conceitos para acústica arquitetônica. Marcelo Portela LVA/UFSC

Materiais. Conceitos para acústica arquitetônica. Marcelo Portela LVA/UFSC Materiais Acústicos Conceitos para acústica arquitetônica Marcelo Portela LVA/UFSC LEMBRANDO... ISOLAMENTO ACÚSTICO Capacidade de certos materiais formarem uma barreira, impedindo que a onda sonora passe

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10730 (51) Classificação Internacional: A61C 13/02 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2011.08.18 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

PL 40/250 perfurado DESCRIÇÃO

PL 40/250 perfurado DESCRIÇÃO PL 40/250 perfurado DESCRIÇÃO Há mais de 40 anos que a Aceralia fabrica perfís largos auto-suportados de aço, para revestimento de todo tipo de edificações. Actualmente, é uma das empresas lider neste

Leia mais

Amianto. O amianto ou asbestos é a designação comercial utilizada para a variedade fibrosa de seis minerais metamórficos de ocorrência natural.

Amianto. O amianto ou asbestos é a designação comercial utilizada para a variedade fibrosa de seis minerais metamórficos de ocorrência natural. AMIANTO Amianto O amianto ou asbestos é a designação comercial utilizada para a variedade fibrosa de seis minerais metamórficos de ocorrência natural. Propriedades elasticidade, resistência mecânica, incombustibilidade,

Leia mais

Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito

Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito utilizados em fechamentos de edifícios comerciais e residências, estes painéis são uma

Leia mais

O Sistema Dreamdomus Painéis

O Sistema Dreamdomus Painéis Construção Modular Conceito A equipa técnica da dreamdomus aprofundou o conceito de pré-fabricação, levando ao limite a noção de economia habitualmente associada a este tipo de construção, conseguindo

Leia mais

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT GANHANDO TEMPO PARA VOCÊ 100% BRASIL PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT Painéis ISOJOINT WALL PUR Construção civil Os Painéis ISOJOINT WALL PUR são constituídos de núcleo de PUR (poliuretano) ou PIR (Poliisocianurato)

Leia mais

Lençóis e Placas de Borracha. Pisos de Borracha. Lonas Plásticas DO BRASIL

Lençóis e Placas de Borracha. Pisos de Borracha. Lonas Plásticas DO BRASIL Lençóis e Placas de Borracha Pisos de Borracha Lonas Plásticas Onde tem Tecway tem Soluções! Lençóis de Borracha Pisos de Borracha Lonas de Polietileno Produtos de Excelência Preços Competitivos A Tecway

Leia mais

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração.

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração. IMPERMEABILIZAÇÃO Têm a função de proteger a edificação contra patologias que poderão surgir como possível infiltração de água. Classificação RÍGIDAS Baixa capacidade de deformação FLEXÍVEIS Suportam deformações

Leia mais

CAL HIDRÁULICA NATURAL (NHL) PARA. Reabilitação e Construção Sustentável

CAL HIDRÁULICA NATURAL (NHL) PARA. Reabilitação e Construção Sustentável CAL HIDRÁULICA NATURAL (NHL) PARA Reabilitação e Construção Sustentável INTRODUÇÃO Fundada em 1891, a Secil Argamassas orgulha-se de ser um dos fabricantes mais antigos de Cal Hidráulica Natural (NHL),

Leia mais

O Edifício Solar XXI um exemplo de sustentabilidade na construção. João Mariz Graça, Arq.

O Edifício Solar XXI um exemplo de sustentabilidade na construção. João Mariz Graça, Arq. O Edifício Solar XXI um exemplo de sustentabilidade na construção João Mariz Graça, Arq. joao.mariz@lneg.pt Introdução conceito de sustentabilidade Bom desempenho Ambiental ciclo de vida do edifício; Fase

Leia mais

Lençóis Técnico de Borracha

Lençóis Técnico de Borracha Lençóis Técnicos de Borracha Os lençóis de borracha são laminados com características técnicas para atender às mais variadas necessidades industriais. Usados como componentes de produtos, podem ser transformados

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 10739 (51) Classificação Internacional: A43B 13/00 (2006) A43B 13/14 (2006) A43B 17/00 (2006) A43B 7/14 (2006) (12) FASCÍCULO DE MODELO DE UTILIDADE (22) Data de pedido: 2011.09.29

Leia mais

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO OBJETIVO DA DISCIPLINA: Fornecer ao aluno as informações necessárias sobre a constituição,

Leia mais

C 10/2 PT Jornal Oficial da União Europeia

C 10/2 PT Jornal Oficial da União Europeia C 10/2 PT Jornal Oficial da União Europeia 13.1.2017 Comunicação da Comissão no âmbito da execução do Regulamento (UE) n. o 305/2011 do Parlamento Europeu e do Conselho que estabelece condições harmonizadas

Leia mais

Projecto SipdECO Uma solução inovadora para paredes divisórias

Projecto SipdECO Uma solução inovadora para paredes divisórias Projecto SipdECO Uma solução inovadora para paredes divisórias Graça Vasconcelos ; Pedro Alves Paulo Mendonça; Aires Camões Paulo B. Lourenço Universidade do Minho (graca@civil.uminho.pt) Índice Introdução

Leia mais

PAREDE DIVISÓRIA ARTICULADA - LINHA PREMIUM

PAREDE DIVISÓRIA ARTICULADA - LINHA PREMIUM PAREDE DIVISÓRIA ARTICULADA - LINHA PREMIUM Características: Modelo indicado para ambientes que necessitam apresentação estética e alto isolamento acústico. Alguns ambientes que poderão ser instaladas

Leia mais

TAFIPAN MR P3. Descrição. Aplicações. Recomendações. Técnico

TAFIPAN MR P3. Descrição. Aplicações. Recomendações. Técnico Propriedades Disponível com pigmento verde Fácil maquinabilidade Permite uma grande variedade de revestimentos Técnico TAFIPAN MR P3 TAFIPAN MR P3 aglomerado para aplicações não estruturais em ambientes

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO DO TANQUE

ESPECIFICAÇÃO DO TANQUE ESPECIFICAÇÃO DO TANQUE FILTRO ASCENDENTE DE UMA ETE TANQUE CILINDRICO VERTICAL COM FUNDO PLANO APOIADO DIÂMETRO DO COSTADO: 2500 mm ALTURA DO COSTADO : 3700 mm LINER: 0,5 mm BARREIRA DE CORROSÃO: 2,0

Leia mais

Ferragens de segurança anti-intrusão PORTAS DE ENTRADA

Ferragens de segurança anti-intrusão PORTAS DE ENTRADA Ferragens de segurança anti-intrusão PORTAS DE ENTRADA + isolamento térmico e acústico + segurança + estética A combinação perfeita entre as exigências de isolamento térmico e acústico e as necessidades

Leia mais

Celulose - A Escolha Natural SOLUÇÕES MODERNAS E EFICAZES DE ISOLAMENTO TÉRMICO E ACÚSTICO. Soluciona todos os seus problemas térmicos e acústicos

Celulose - A Escolha Natural SOLUÇÕES MODERNAS E EFICAZES DE ISOLAMENTO TÉRMICO E ACÚSTICO. Soluciona todos os seus problemas térmicos e acústicos Celulose - A Escolha Natural SOLUÇÕES MODERNAS E EFICAZES DE ISOLAMENTO TÉRMICO E ACÚSTICO Soluciona todos os seus problemas térmicos e acústicos ISOLAMENTO TÉRMICO Para o comum dos mortais, o isolamento

Leia mais

Desempenho térmico de materiais e componentes construtivos

Desempenho térmico de materiais e componentes construtivos Desempenho térmico de materiais e componentes construtivos Profa. Dra. Denise Duarte Prof. Dr. Leonardo Marques Monteiro Modelo de cálculo de desempenho térmico da edificação 1 caracterizar ambiente Renovação:

Leia mais

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS COBERTURAS Imitação Telha (1/2/4 águas) -Aço galvanizado na qualidade S250GD+Z, segundo EN 10346:2009 + EN 10169, revestida com poliéster regular modificado, e tolerâncias de espessura

Leia mais

Apresentação da NP EN 12004: A1:2012

Apresentação da NP EN 12004: A1:2012 Joaquim Valente de Almeida LEP/ccMCS materials.habitat Seminário Colagem de Produtos Cerâmicos segundo a NP EN 12004:2008 (Colas para ladrilhos) CTCV/Coimbra 13/11/2013 1 Objectivo e campo de aplicação

Leia mais

Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014

Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014 Tecnologias, Sistemas Construtivos e Tipologias para Habitações de Interesse Social Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014 Tecnologias, Sistemas Construtivos e Tipologias

Leia mais

LSF. É mais do que um método construtivo... É um conceito de habitação totalmente novo! Convidamo-lo a conhecer todas as vantagens.

LSF. É mais do que um método construtivo... É um conceito de habitação totalmente novo! Convidamo-lo a conhecer todas as vantagens. LSF É mais do que um método construtivo... É um conceito de habitação totalmente novo! Convidamo-lo a conhecer todas as vantagens. Segurança Segurança Segurança Segurança Conforto Conforto Conforto Conforto

Leia mais