ANALISTA DE DEPARTAMENTO PESSOAL E ROTINAS. TRABALHISTAS Conhecimentos e Práticas que Mitigam Riscos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANALISTA DE DEPARTAMENTO PESSOAL E ROTINAS. TRABALHISTAS Conhecimentos e Práticas que Mitigam Riscos"

Transcrição

1 ANALISTA DE DEPARTAMENTO PESSOAL E ROTINAS TRABALHISTAS Conhecimentos e Práticas que Mitigam Riscos

2 Objetivos do Workshop 1 Conhecer e Atualizar os Conhecimentos acerca da Legislação Trabalhista Vigente 2 Adotar Procedimentos e Padrões com vistas a Minimizar Passivos Trabalhistas 3 Exercitar e Simular Casos Práticos e Reais para Desenvolver uma Visão Crítica das Rotinas de Administração de Pessoal

3 Encontro 1 - Contexto Legal das Relações de Trabalho Contexto Legal nas Relações de Trabalho - Atualizações e Tendências Impacto das Relações de Trabalho no Negócio (Imagem e Custo) Princípios do Direito do Trabalho e Abordagens Contemperâneas Contratos de Trabalho - Conceitos, Tipos, Natureza Jurídica Elaboração de Contratos, Adendos e Aditivos Contratos Específicos: Contrato com Estrangeiro, Menor Aprendiz e Aposentado Quem são os sujeitos no contrato de trabalho? As diferenças entre: funcionário, temporário, aprendiz e estagiário Formalização da relação do Vínculo Empregatício: o processo de contratação Exames Médicos, Documentos Necessários e Facultativos, Registro de Empregados (dados essenciais e informatização) Providências a serem tomadas pelo empregador em Relação ao Novo Empregado Cuidado no gerenciamento de terceirizações Controle da Jornada em um Mundo Digital Definição de Jornada : Carga Horária, Descansos e Prorrogações Marcações de Ponto: formas de registro e cuidados com o Ponto Eletrônico Intervalos de alimentação, Repouso e Descansos Trabalhos externos e Cargos de Confiança Sobreaviso: como lidar com Celulares, s e Redes Sociais? Acordos com Compensação e Prorrogação de horas Em busca de flexibilidade: como Gerenciar um Banco de Horas? Redução da Jornada de Trabalho e Salários Jornadas Especiais e Horas In Itinere

4 Encontro 2 - Práticas de Rotinas de Pessoal e Trabalhista Gestão da Remuneração sem Risco Princípios da Remuneração: pisos, reajustes, equiparações Calculo de proventos, vencimentos e créditos para funcionarios Adicionais: insalubridade, periculosidade, noturno e transferência Repouso Semanal Remunerado e Faltas Legais Remuneração Variável - Benefícios e Vantagens Abonos, Horas Extras, Comissões e Gratificações Salário Maternidade e Salário Família Vale Refeição, Vale Transporte e Ajuda de Custo Equiparação Salarial e Quadro do Carreira 13 Salário; Férias, Processo de Compliance sobre a Folha de Pagamentos Salário Complessivo Transferências Salário In Natura e Salário Utilidade Término do Contrato de Trabalho e Demissões Advertências e Suspenção do Contrato de Trabalho Formas de Rescisão do Contrato de Trebalho Aviso Prévio: prazo, redução de horário e demais particularidades Direitos Rescisórios nos diferentes tipos de contrato de trabalho Homologação da Rescisão - Calculo de rescisões e prazos de pagamentos Seguro Desemprego - atualizações Tributação da rescisão Condições que impedem a rescisão do Contrato de Trabalho Casos de Estabilidade Provisória Encerrar Contratos não significa encerrar Relações Casos de Estabilidade Provisória Reintegração e Readmissão

5 Encontro 3 - Relações e Negociações na Área Trabalhista Acordos, Convenções e Dissidios Análise de reivindicações e Cumprimento de Acordos Sindicais Obrigações do Empregador Documentos de Afixação Obrigatória Guarda de Documentos, Prazos e Tabelas de Incidencia Fiscalização Trabalhista Relaçao Anual de Informação Social (RAIS) Relações Sindicais Obrigações do Empregador e Fiscalização Trabalhista Temas Atuais em Práticas Trabalhistas Assédio Moral E-Social Aprofundamento em Cálculo da Folha de Pagamento Cálculos Práticos : Férias, Rescisões, DSR, FGTS, IR, Constribuições Previdenciárias

6 Metodologia e Ferramentas Empregadas no Workshop 1 ESTUDOS DE CASO - com Situações Cotidianas da Área de DP 2 JOGOS E SIMULAÇÕES - Que Visam Desenvolver Habilidades Relacionais e Negociais para Mitigar Conflitos e RT`s 3 WORK EXPERIENCE - Análise de Casos Reais das Empresas-Clientes

7 Professora do Curso Michele Ruzon Administradora e Especialísta em Gestão e Prática de Recursos Humanos e Dinâmica de Grupos Pela Sociedade Brasileira de Dinâmica de Grupos - SBDG Vasta Experiência em Grandes Empresas nas áreas de Cargos e Salários, Rotinas e Processos de Administraçào de Pessoal e Gestão por Competências Experiência Profissional BelaAgrícola Copacol Lar Agroindustrial Milênia Agrociências Plhoraceae Unimed s PR METHODOS Educação Corporativa

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE

ÍNDICE CURSO DE DEPARTAMENTO PESSOAL. DEPARTAMENTO PESSOAL ONLINE ÍNDICE INTRODUÇÃO... 008 DISPOSIÇÕES GERAIS... 009 Conceito de empregador... 009 Conceito de empregado... 009 Direitos do empregado... 010 ASSÉDIO MORAL E SEXUAL NO TRABALHO... 014 Assédio moral no trabalho...

Leia mais

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO Curso: (curso/habilitação) Ciências Contábeis Disciplina: Cálculos Trabalhistas Carga Horária: (horas/semestre) 50 aulas Semestre Letivo / Turno: 4º Semestre Professores:

Leia mais

1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória?

1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória? CADERNO DE EXERCÍCIOS 1) O que caracteriza a utilidade com natureza salarial e a utilidade com natureza indenizatória? 2) Vale transporte pago em dinheiro, vale refeição pago em dinheiro, concessão de

Leia mais

Completo de Departamento de Pessoal com ênfase no esocial

Completo de Departamento de Pessoal com ênfase no esocial CURSOS DE ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL Completo de Departamento de Pessoal com ênfase no esocial Objetivo: Nosso intuito é facilitar as práticas do departamento de pessoal do dia-a-dia, possibilitando o aprimoramento

Leia mais

EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME PLANO DE ESTUDO - DIREITO DO TRABALHO

EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME PLANO DE ESTUDO - DIREITO DO TRABALHO EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME 2011.2 PLANO DE ESTUDO - DIREITO DO TRABALHO 1ª SEMANA Princípios 1. Princípios norteadores do Direito do Trabalho: 1.1 Princípio

Leia mais

Sumário. Introdução, 1

Sumário. Introdução, 1 S Sumário Introdução, 1 1 Folha de Pagamento, 7 1 Salário, 8 1.1 Salário-hora para 40 horas semanais: divisor 200 (duzentos), 9 1.2 Depósito de salários em conta bancária, 9 2 Horas extras, 10 2.1 Integração

Leia mais

É MELHOR PREVENIR DO QUE INDENIZAR COMO REDUZIR RISCOS DE AÇÕES TRABALHISTAS ATRAVÉS DE AÇÕES PREVENTIVAS

É MELHOR PREVENIR DO QUE INDENIZAR COMO REDUZIR RISCOS DE AÇÕES TRABALHISTAS ATRAVÉS DE AÇÕES PREVENTIVAS É MELHOR PREVENIR DO QUE INDENIZAR COMO REDUZIR RISCOS DE AÇÕES TRABALHISTAS ATRAVÉS DE AÇÕES PREVENTIVAS PRÉ-CONTRATAÇÃO: CONSEQUENCIA DA CONTRATAÇÃO: VÍNCULO EMPREGATÍCIO oneroso, habitual, subord, depend.

Leia mais

Sumário. Direito_Trabalho_Simplificado_Cad_00.indd 13 24/06/ :03:33

Sumário. Direito_Trabalho_Simplificado_Cad_00.indd 13 24/06/ :03:33 Sumário Capítulo 1 História e Evolução do Direito do Trabalho... 1 1.1. Sumário da Evolução Histórica do Direito do Trabalho no Mundo... 1 1.2. Sumário da Evolução Histórica do Direito do Trabalho no Brasil...

Leia mais

Tabela de incidência de INSS, FGTS e Imposto de Renda e legislação correlata

Tabela de incidência de INSS, FGTS e Imposto de Renda e legislação correlata Tabela de incidência de INSS, FGTS e Imposto de Renda e legislação correlata RUBRICAS INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR Abono de qualquer natureza, salvo o de férias Incide Art. 28, I, Lei nº e 1º, art. 457 da

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: TUPÃ Eixo Tecnológico: GESTÃO E NEGÓCIOS Habilitação Profissional: TÉCNICO EM CONTABILIDADE Qualificação:

Leia mais

S UMÁRIO. Capítulo 1 Direito do Trabalho... 1

S UMÁRIO. Capítulo 1 Direito do Trabalho... 1 S UMÁRIO Capítulo 1 Direito do Trabalho... 1 1. Trabalho...1 1.1. Origem da palavra...1 1.2. Definição... 1 1.3. Conceito... 2 1.4. Característica...2 1.5. Divisão... 2 1.6. Fundamento...3 1.7. Breve histórico

Leia mais

liberada por se tratar de um documento não aprovado pela PUC Goiás.

liberada por se tratar de um documento não aprovado pela PUC Goiás. PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Plano de Ensino 2016/2 Atenção! Este Plano de Ensino é um Rascunho. Sua impressão não está liberada por se tratar de um documento

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Unidade de Ensino Médio e Técnico CETEC Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso no. 224 aprovado pela Portaria Cetec 168, de 7 5 2013, publicada no Diário Oficial de 9 5 2013 Poder

Leia mais

Coleção Sinopses para Concursos Guia de leitura da Coleção... 17

Coleção Sinopses para Concursos Guia de leitura da Coleção... 17 Coleção Sinopses para Concursos... 15 Guia de leitura da Coleção... 17 Capítulo 1 FONTES DO DIREITO DO TRABALHO... 19 1. Conceito... 19 2. Classificação... 19 2.1. Fontes materiais... 19 2.2. Fontes formais...

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Dr. José Luiz Viana Coutinho Código: 073 Município: Jales/SP Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnico em Contabilidade

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Professora Nair Luccas Ribeiro Código: 156 Município: Teodoro Sampaio Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnico em Administração

Leia mais

CONTABILIZAÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO

CONTABILIZAÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO CONTABILIZAÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO DEFINIÇÃO DE FOLHA DE PAGAMENTO A Folha de Pagamento representa as obrigações do empregador com seus empregados, como salários, gratificações, comissões, etc., assim

Leia mais

POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO

POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO INTRODUÇÃO Muitos profissionais desta área se sentem perdidos quando falamos sobre a elaboração da Folha de Pagamento. Ficam cheios de dúvidas em meio

Leia mais

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno

Caderno de Exercícios - Departamento Pessoal - Aluno 1. O empregado na função de pizzaiolo foi contratado a tempo parcial com jornada de trabalho de 24 horas semanais. Os empregados na mesma função, com jornada normal de 220 horas, ganhavam o piso salarial

Leia mais

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação.

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. PLANO DE CURSO 2012/01 DISCIPLINA: DIREITO DO II PROFESSOR: FRANCISCA JEANE PEREIRA DA SILVA MARTINS TURMAS: 8

Leia mais

Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas necessários à elaboração da folha de pagamento.

Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas necessários à elaboração da folha de pagamento. ROTINAS DE ADM. DE PESSOAL - GST1141 Título Cálculos trabalhistas - execícios propostos Objetivo Ao final da realização das atividade o aluno será capaz de: Compreender e aplicar os cálculos trabalhistas

Leia mais

INSS/FGTS/IRRF Tabela de incidências

INSS/FGTS/IRRF Tabela de incidências INSS/FGTS/IRRF Tabela de incidências Tabela de incidências Fonte: ECONET EDITORA RUBRICAS INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR 28, I, Lei n de qualquer natureza, salvo o de Sim. Arts. 3 e 7 e 1, art. férias 457 da

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA PLANO DE ENSINO

FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA PLANO DE ENSINO FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA PLANO DE ENSINO - 2015 1. INFORMAÇÕES GERAIS 1.1 PROFESSOR: Iara Marthos Águila 1.2 DEPARTAMENTO: Direito Privado 1.3 DISCIPLINA: Direito do Trabalho 1.4 SÉRIE: 5º. Ano TURMAS:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO ESCOLA DE DIREITO, TURISMO E MUSEOLOGIA DEPARTAMENTO DE DIREITO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO ESCOLA DE DIREITO, TURISMO E MUSEOLOGIA DEPARTAMENTO DE DIREITO UNIDADE 1. REMUNERAÇÃO E SALÁRIO. 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO ESCOLA DE DIREITO, TURISMO E MUSEOLOGIA DEPARTAMENTO DE DIREITO Disciplina Direito do Trabalho II Prof. Amauri Cesar Alves Análise

Leia mais

Sumário 1. Parte I DIREITO DO TRABALHO. Henrique Correia

Sumário 1. Parte I DIREITO DO TRABALHO. Henrique Correia Sumário 1 Parte I DIREITO DO TRABALHO Henrique Correia Capítulo I REGULAMENTO DE EMPRESA, PRINCÍPIOS E PROGRAMA DE INCENTIVO À DEMISSÃO VOLUNTÁRIA... 17 1. Regulamento de empresa... 17 1.1. Complementação

Leia mais

O que é banco de horas?

O que é banco de horas? Este conteúdo faz parte da série: Controle de Horas Extras Ver 4 posts dessa série O que é banco de horas? O banco de horas é um sistema que serve para flexibilizar a jornada de trabalho de funcionários,

Leia mais

,UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO P L A N O D E E N S I N O

,UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO P L A N O D E E N S I N O ,UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO P L A N O D E E N S I N O I IDENTIFICAÇÃO Curso: Bacharelado em Administração Disciplina: Legislação Social e Trabalhista Ano Letivo:

Leia mais

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº

TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº ÍNDICE DO MANUAL DE ROTINAS TRABALHISTAS TÓPICO (em ordem alfabética) PÁGINA Nº INTRODUÇÃO 6 SIGLAS UTILIZADAS 7 ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL E GERÊNCIA DE REC HUMANOS 8 ABANDONO DE EMPREGO 19 ACIDENTE NO

Leia mais

Aviso Prévio indenizado OBS: o posicionamento do STJ não há a incidência de INSS sobre o aviso prévio indenizado, devendo o verificado o posicionament

Aviso Prévio indenizado OBS: o posicionamento do STJ não há a incidência de INSS sobre o aviso prévio indenizado, devendo o verificado o posicionament de qualquer natureza, salvo o de férias Sim. Art. 28, I, Lei nº e 1º, art. 457 da CLT Abono Adicionais (Insalubridade, periculosidade, noturno, de função e tempo de serviço, de transferência, Horas extras)

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: ES000257/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 28/06/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR031201/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46207.005077/2011-11 DATA

Leia mais

DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 4 JORNADA DE TRABALHO

DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 4 JORNADA DE TRABALHO DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES MÓDULO 4 JORNADA DE TRABALHO Índice 1. Jornada de trabalho...3 2. Formas de Prorrogação da Jornada de Trabalho...4 3. Horas Extras no Caso de Força Maior...5 4. Trabalho Noturno...6

Leia mais

SUMÁRIO SUMÁRIO PARTE I DIREITO DO TRABALHO HENRIQUE CORREIA CAPÍTULO III TERCEIRIZAÇÃO... 47

SUMÁRIO SUMÁRIO PARTE I DIREITO DO TRABALHO HENRIQUE CORREIA CAPÍTULO III TERCEIRIZAÇÃO... 47 SUMÁRIO SUMÁRIO PARTE I DIREITO DO TRABALHO HENRIQUE CORREIA CAPÍTULO I REGULAMENTO DE EMPRESA, PRINCÍPIOS E PROGRAMA DE INCENTIVO À DEMISSÃO VOLUNTÁRIA... 19 1. Regulamento de empresa (Norma Regulamentar)...

Leia mais

DURAÇÃO DO TRABALHO. Paula Freire 2015

DURAÇÃO DO TRABALHO. Paula Freire 2015 DURAÇÃO DO TRABALHO Paula Freire 2015 Jornada Do francês, journée, trabalho realizado durante um dia, do nascer ao pôr do sol. Duração do trabalho: Tempo em que o empregado está a disposição do empregador.

Leia mais

JORNADA DE TRABALHO. Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST

JORNADA DE TRABALHO. Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST JORNADA DE TRABALHO Tempo efetivamente Trabalhado; Tempo à disposição do empregador Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST Conceito Jornada é o lapso de tempo durante o qual o empregado

Leia mais

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e / ou da Coordenação. PLANO DE CURSO 2011

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e / ou da Coordenação. PLANO DE CURSO 2011 Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e / ou da Coordenação. PLANO DE CURSO 2011 DISCIPLINA: DIREITO DO II PROFESSOR: MARCELLO MANCILHA TURMA: 3º ANO INTEGRAL UNIDADES CONTEÚDOS

Leia mais

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR

Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS INSS FGTS IR Tabela de Incidência INSS/FGTS/IRRF INCIDÊNCIAS Abono Adicionais RUBRICAS de qualquer natureza, salvo o de férias pecuniário de férias (Insalubridade, periculosidade, noturno, de função e tempo de serviço,

Leia mais

Escopo do Produto. Permite copiar e inativar eventos, além de vincular um evento ao evento padrão, obtendo as mesmas características do evento Mega;

Escopo do Produto. Permite copiar e inativar eventos, além de vincular um evento ao evento padrão, obtendo as mesmas características do evento Mega; Escopo do Produto Módulo do Mega Empresarial: RH Folha de Pagamento Última Atualização: 01/04/2016 Gerente de Produto: Pedro Oliveira Descrição do Módulo O módulo de Folha de Pagamento do Mega Empresarial

Leia mais

Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet.

Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet. PORTARIA n.º 1.474, de 29 de JUNHO de 2010 Aprova modelos de Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho e implanta o Sistema Homolognet. O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO, no uso das atribuições

Leia mais

PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Nº do Processo: Nº da Licitação: Data / Hora: Discriminação do Seviços (dados referente à contratação)

PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Nº do Processo: Nº da Licitação: Data / Hora: Discriminação do Seviços (dados referente à contratação) PLANILHA DE CUSTOS E FORMAÇÃO DE PREÇOS Nº do Processo: Nº da Licitação: Data / Hora: 59800.000305/201291 3/2012 04/12/2012 10:00 horas Discriminação do Seviços (dados referente à contratação) A Data de

Leia mais

Legislação Social Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p REMUNERAÇÃO

Legislação Social Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p REMUNERAÇÃO 15 Legislação Social Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p REMUNERAÇÃO Definição É o conjunto de retribuições recebidas habitualmente pelo empregado pela prestação de serviços, seja em dinheiro ou utilidades,

Leia mais

ENTENDA SEUS DIREITOS. O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. O que é Banco de horas?

ENTENDA SEUS DIREITOS. O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. O que é Banco de horas? ENTENDA SEUS DIREITOS O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. O que é Banco de horas? O chamado banco de horas é uma possibilidade admissível de controle e compensação

Leia mais

ANEXO III PLANILHAS MODELO PARA APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS

ANEXO III PLANILHAS MODELO PARA APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS 1 ANEXO III PLANILHAS MODELO PARA APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS Planilha de Proposta de Preço nº Processo: Licitação nº Dia / / às : horas Data da apresentação da proposta Município/UF Ano Acordo, Convenção

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Cálculo das verbas rescosórias *Adriano Martins Pinheiro Este artigo apontará quais são as verbas rescisórias a serem recebidas após a rescisão. Enumeramos as possibilidades de rescisão:

Leia mais

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação.

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. PLANO DE CURSO 2014/01 DISCIPLINA: DO II PROFESSOR: FRANCISCA JEANE PEREIRA DA SILVA MARTINS TURMA: 8º DM / EN

Leia mais

- Compreender a aplicação e interpretação das normas de Direito do Trabalho;

- Compreender a aplicação e interpretação das normas de Direito do Trabalho; 1. IDENTIFICAÇÃO PERÍODO: 4 CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 NOME DA DISCIPLINA: DIREITO DO TRABALHO I NOME DO CURSO: DIREITO 2. EMENTA CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 Introdução ao Direito do Trabalho.

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente Etec Profª Ermelinda Giannini Teixeira

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente Etec Profª Ermelinda Giannini Teixeira Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 015 Etec Profª Ermelinda Giannini Teixeira digo: 187 Município: Santana de Parnaíba o Tecnológico: Gestão e Negócios bilitação

Leia mais

DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO

DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO EMENTA DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO DISCIPLINA: Teoria Geral do Direito do Trabalho CARGA-HORÁRIA: 10 horas EMENTA: Estudo sobre a introdução ao direito do trabalho, analisando

Leia mais

Aula 12 Constituição Formal de Empresa

Aula 12 Constituição Formal de Empresa Considerações iniciais Todas as sociedades empresariais e entidades, independente do seu objeto social e porte econômico, estão sujeitas às regras estabelecidas pelo MTE, quando tiverem pessoas físicas

Leia mais

O NOVO MOMENTO NA GESTÃO DE PESSOAS. Denise Poiani Delboni

O NOVO MOMENTO NA GESTÃO DE PESSOAS. Denise Poiani Delboni O NOVO MOMENTO NA GESTÃO DE PESSOAS Desfronteirização Organizacional Organizações transnacionais Facilidade de distribuição de produtos em escala mundial Pouco mais de 500 corporações controlam 70% do

Leia mais

Sumário. Parte I DIREITO DO TRABALHO

Sumário. Parte I DIREITO DO TRABALHO Sumário Parte I DIREITO DO TRABALHO Capítulo I REGULAMENTO DE EMPRESA, PRINCÍPIOS E PROGRAMA DE INCENTIVO À DEMISSÃO VOLUNTÁRIA... 17 1. Regulamento de empresa (norma regulamentar)... 17 1.1. Complementação

Leia mais

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO TERMO DE RESCISÃO DO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR CNPJ/CEI 07.199.061/00-79 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) Rua Cláudio Brotherhood 540 - LJ 05 Município 06 UF 07 CEP Recife

Leia mais

ÍNDICE TÍTULO I DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO

ÍNDICE TÍTULO I DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO ÍNDICE TÍTULO I DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO CAPÍTULO I - TEORIA GERAL DO DIREITO DO TRABALHO 1 1. Breve histórico 1 2. Conceito 3 3. Fontes e formas de integração 3 3.1. Fontes primárias (observância

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP005372/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 23/05/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023931/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 47998.003161/2013-66

Leia mais

Simulado TRT Direito do Trabalho Simulado Konrad Mota

Simulado TRT Direito do Trabalho Simulado Konrad Mota Simulado TRT Direito do Trabalho Simulado Konrad Mota 2013 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 01. (Analista/TRT-24/2011-FCC) Maria, estudante de direito, está discutindo

Leia mais

VERITAE CURSO. Rio de Janeiro, RJ, Dias 21 e 22 de Julho de 2011 REMUNERAÇÃO, SALÁRIO E FRINGE BENEFITS: ASPECTOS LEGAIS E DE GESTÃO ESTRATÉGICA

VERITAE CURSO. Rio de Janeiro, RJ, Dias 21 e 22 de Julho de 2011 REMUNERAÇÃO, SALÁRIO E FRINGE BENEFITS: ASPECTOS LEGAIS E DE GESTÃO ESTRATÉGICA VERITAE Cursos/RJ/Julho/2011 CURSO Rio de Janeiro, RJ, Dias 21 e 22 de Julho de 2011 REMUNERAÇÃO, SALÁRIO E FRINGE BENEFITS: ASPECTOS LEGAIS E DE GESTÃO ESTRATÉGICA A Quem se Destina: Profissionais de

Leia mais

TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO TERMO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome 04.543.651/0001-89 03 Endereço ( logradouro, nº, andar, apartamento ) 04 Bairro RUA FRANCISCO MUCCIOLO

Leia mais

NIVELAMENTO PARA PÓS GRADUAÇÃO. - Direito Individual do Trabalho - (aula 04/11)

NIVELAMENTO PARA PÓS GRADUAÇÃO. - Direito Individual do Trabalho - (aula 04/11) NIVELAMENTO PARA PÓS GRADUAÇÃO - Direito Individual do Trabalho - (aula 04/11) CUSTÓDIO NOGUEIRA Advogado militante especializado em Direito Civil e Processo Civil; Sócio da Tardem e Nogueira Assessoria

Leia mais

O presente texto refere-se as notas de aula do Curso Básico de Departamento Pessoal.

O presente texto refere-se as notas de aula do Curso Básico de Departamento Pessoal. O presente texto refere-se as notas de aula do Curso Básico de Departamento Pessoal. 1. TRABALHO Todos animais (inclusive nós seres humanos) temos instintos (instinto de maternidade, de sobrivivência etc.),

Leia mais

FUTURO TENDÊNCIAS INOVAÇÃO PARA QUEM BUSCA SUCESSO NA CARREIRA JURÍDICA, PRATICAR É LEI. Uma instituição do grupo

FUTURO TENDÊNCIAS INOVAÇÃO PARA QUEM BUSCA SUCESSO NA CARREIRA JURÍDICA, PRATICAR É LEI. Uma instituição do grupo FUTURO TENDÊNCIAS INOVAÇÃO PARA QUEM BUSCA SUCESSO NA CARREIRA JURÍDICA, PRATICAR É LEI. Uma instituição do grupo PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO DO TRABALHO E PROCESSO DO TRABALHO OBJETIVOS: O curso de Pós-graduação

Leia mais

Jornada de trabalho LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA

Jornada de trabalho LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA Jornada de trabalho 1 A jornada de trabalho normal será o espaço de tempo durante o qual o empregado deverá prestar serviço ou permanecer à disposição do empregador, com habitualidade, executadas as horas

Leia mais

Tabela 3 - Natureza de Rubricas no esocial

Tabela 3 - Natureza de Rubricas no esocial T a b e l a 3 N a t u r e z a d e R u b r i c a s e S o c i a l M O S 2. 1 P á g i n a 1 Tabela 3 - Natureza de Rubricas no esocial A tabela foi otimizada para aplicação prática: 1) Imprima a tabela 2)

Leia mais

SUMÁRIO. Direito do Trabalho Direito Processual Civil Direito Processual do Trabalho

SUMÁRIO. Direito do Trabalho Direito Processual Civil Direito Processual do Trabalho SUMÁRIO Direito do Trabalho... 05 Direito Processual Civil... 139 Direito Processual do Trabalho... 195 DIREITO DO TRABALHO ÍNDICE CAPÍTULO 01... 7 Fontes e Princípios de Direito do Trabalho... 7 Surgimento

Leia mais

PETIÇÃO INICIAL RECLAMATÓRIA TRABALHISTA

PETIÇÃO INICIAL RECLAMATÓRIA TRABALHISTA Faculdades Integradas do Brasil - UNIBRASIL Faculdade de Direito Direito do Trabalho Professor: Fabrício Gonçalves Zipperer Prática Trabalhista Petição Inicial Ano: 2012 MATERIAL DE APOIO PARA O ALUNO

Leia mais

DIREITO DO TRABALHO FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC) TRT s 18 PROVAS 140 QUESTÕES ( )

DIREITO DO TRABALHO FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC) TRT s 18 PROVAS 140 QUESTÕES ( ) DIREITO DO TRABALHO FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS (FCC) TÉCNICO TRT s 18 PROVAS 140 QUESTÕES (2012 2008) A apostila contém provas de Direito do Trabalho de concursos da Fundação Carlos Chagas (FCC), realizadas

Leia mais

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) AVENIDA VIDA NOVA, 28 ALA B SALA 1008 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE TABOAO DA SERRA SP 06764-045 8020-0/00 IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2

1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2 SUMÁRIO Prefácio, xi 1 Acordo, 1 Acordo de prorrogação da jornada de trabalho: hora extra, 2 2 Acordo coletivo, 3 Acordo coletivo de trabalho, 4 Acordo de compensação de dias úteis intercalados durante

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001260/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 17/07/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR034965/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.008742/2012-81 DATA DO

Leia mais

O PLC 38/17, em tramitação no Senado Federal, mudou profundamente em relação à proposta enviada pelo Poder Executivo. Para conhecer essas alterações,

O PLC 38/17, em tramitação no Senado Federal, mudou profundamente em relação à proposta enviada pelo Poder Executivo. Para conhecer essas alterações, O PLC 38/17, em tramitação no Senado Federal, mudou profundamente em relação à proposta enviada pelo Poder Executivo. Para conhecer essas alterações, o DIAP produziu quadro temático para entender o que

Leia mais

Sumário. Parte I DIREITO DO TRABALHO

Sumário. Parte I DIREITO DO TRABALHO Sumário Parte I DIREITO DO TRABALHO Capítulo I REGULAMENTO DE EMPRESA, PRINCÍPIOS E PROGRAMA DE INCENTIVO À DEMISSÃO VOLUNTÁRIA... 17 1. Regulamento de empresa (norma regulamentar)... 17 1.1. Complementação

Leia mais

70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas

70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas Boletim Econômico Edição nº 03 Setembro de 2013 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico 70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas 1 A Carteira de Trabalho Em 21 de março de

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS Matriz Curricular do Curso Superior de Tecnologia em

Leia mais

GESTÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS E REMUNERAÇÕES

GESTÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS E REMUNERAÇÕES Curso: GESTÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS E REMUNERAÇÕES Servidores civis, Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) e Relação Jurídico-Funcional Estatutária Data e Local: 12, 13 e

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001404/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/04/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019141/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.005615/2015-22 DATA DO

Leia mais

GESTÃO SUSTENTÁVEL IMPACTOS DA LEGISLAÇÃO TRABALHISTA NA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO GEP BRASIL 2015 RIBEIRÃO PRETO JUNHO 2015

GESTÃO SUSTENTÁVEL IMPACTOS DA LEGISLAÇÃO TRABALHISTA NA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO GEP BRASIL 2015 RIBEIRÃO PRETO JUNHO 2015 GESTÃO SUSTENTÁVEL IMPACTOS DA LEGISLAÇÃO TRABALHISTA NA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO GEP BRASIL 2015 RIBEIRÃO PRETO JUNHO 2015 SUMÁRIO PROBLEMAS LEGISLAÇÃO AMBIENTE SOLUÇÕES PROBLEMAS CULTURA HISTÓRIA

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: AL000044/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 19/02/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR003828/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46201.000737/2015-51 DATA

Leia mais

Disciplina: Direito e Processo do Trabalho 3º Semestre Professor Donizete Aparecido Gaeta Resumo de Aula

Disciplina: Direito e Processo do Trabalho 3º Semestre Professor Donizete Aparecido Gaeta Resumo de Aula 1. Fontes materiais e formais. 2. Normas Jurídicas de Direito do Trabalho. Constituição, Leis, Atos do Poder Executivo, Sentença normativa, Convenções e Acordos Coletivos, Regulamentos de empresa, Disposições

Leia mais

INSTITUTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS Faculdade de Direito EDITAL Nº 003/2017

INSTITUTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS Faculdade de Direito EDITAL Nº 003/2017 EDITAL Nº 003/2017 SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS PARA O TERMO ADITIVO Nº 36/2011 DO CONVÊNIO REALIZADO ENTRE O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 8ª REGIÃO E A UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ. A Direção da torna público

Leia mais

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial

Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS. Cartilha esocial Relação trabalhista e previdenciária DOMÉSTICAS Cartilha esocial 2 O que é o esocial? ESOCIAL DOMÉSTICO / SIMPLES DOMÉSTICO O recolhimento obrigatório a partir da competência OUTUBRO/2015. Por intermédio

Leia mais

Portaria MTE nº 1.621, de DOU 1 de

Portaria MTE nº 1.621, de DOU 1 de Portaria MTE nº 1.621, de 14.07.2010 - DOU 1 de 15.07.2010 Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O Ministro de Estado do Trabalho e Emprego, no uso das atribuições

Leia mais

Reflexos, repercussões, incidências e integrações nas parcelas trabalhistas pleiteadas na petição inicial e deferidas na sentença

Reflexos, repercussões, incidências e integrações nas parcelas trabalhistas pleiteadas na petição inicial e deferidas na sentença BuscaLegis.ccj.ufsc.Br Reflexos, repercussões, incidências e integrações nas parcelas trabalhistas pleiteadas na petição inicial e deferidas na sentença Rodrigo Ribeiro Bueno* 1.INTRODUÇÃO : Os reflexos

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE, ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DOS CUSTOS DE PESSOAL

SISTEMA DE CONTROLE, ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DOS CUSTOS DE PESSOAL SISTEMA DE CONTROLE, ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DOS CUSTOS DE PESSOAL Maria Nadja Souza Malta (1) Bacharel em Ciências Econômicas pela Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Pernambuco.

Leia mais

Curso de 13 Salário. Capacitação e Treinamento

Curso de 13 Salário. Capacitação e Treinamento Curso de 13 Salário Capacitação e Treinamento Conteúdo 1. DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO... 3 1.1. Contagem de Avos... 3 1.2. Primeira Parcela Pagamento até 30/11... 3 1.3. Empregados não disponíveis durantes

Leia mais

Escalas de Distribuição de Pessoal de Enfermagem. Profa. Dra. Ana Maria Laus

Escalas de Distribuição de Pessoal de Enfermagem. Profa. Dra. Ana Maria Laus Escalas de Distribuição de Pessoal de Enfermagem Profa. Dra. Ana Maria Laus analaus@eerp.usp.br ALGUMAS CONSIDERAÇÕES... cuidado de enfermagem prestado nas 24 horas elaboração de uma escala de trabalho

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG004286/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/10/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR062526/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46211.009587/2011-07 DATA DO

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente Etec Profª Ermelinda Giannini Teixeira

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente Etec Profª Ermelinda Giannini Teixeira Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 2015 Etec Profª Ermelinda Giannini Teixeira digo: 187 Município: Santana de Parnaíba o Tecnológico: Gestão e Negócios bilitação

Leia mais

Nota à 8 a edição, xvii. Nota à 7 a edição, xix. Nota à 6 a edição, xxi. Nota à 5 a edição, xxiii. Nota à 4 a edição, xxv. Nota à 3 a edição, xxvii

Nota à 8 a edição, xvii. Nota à 7 a edição, xix. Nota à 6 a edição, xxi. Nota à 5 a edição, xxiii. Nota à 4 a edição, xxv. Nota à 3 a edição, xxvii sumário Nota à 8 a edição, xvii Nota à 7 a edição, xix Nota à 6 a edição, xxi Nota à 5 a edição, xxiii Nota à 4 a edição, xxv Nota à 3 a edição, xxvii Nota à 2 a edição, xxix Preâmbulo, xxxiii 1 Trin t

Leia mais

texto-síntese REFORMA TRABALHISTA Riscos e perdas impostos pelo PL 6.787/2016 aos trabalhadores e ao movimento sindical

texto-síntese REFORMA TRABALHISTA Riscos e perdas impostos pelo PL 6.787/2016 aos trabalhadores e ao movimento sindical texto-síntese REFORMA TRABALHISTA Riscos e perdas impostos pelo PL 6.787/2016 aos trabalhadores e ao movimento sindical 02/05/2017 REFORMA TRABALHISTA texto-síntese: REFORMA TRABALHISTA Riscos e perdas

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS E CONTRATO DE TRABALHO

GESTÃO DE PESSOAS E CONTRATO DE TRABALHO GESTÃO DE PESSOAS E CONTRATO DE TRABALHO Gestão de Pessoas é uma área ou departamento da organização que se ocupa com um conjunto de atividades relacionadas às pessoas (funcionários, familiares, comunidade,

Leia mais

esocial Oportunidades de Negócios Relatos de Implantação nas Empresas Belém PA

esocial Oportunidades de Negócios Relatos de Implantação nas Empresas Belém PA esocial Oportunidades de Negócios Relatos de Implantação nas Empresas Belém PA 27.11.2015 OBRIGADO! EU VOLTEI! Currículo Sou Diretor de Negócios da Convite I Convite II Cadastre seu currículo no nosso

Leia mais

5 Passos Básicos Para Organizar seu DEPARTAMENTO PESSOAL

5 Passos Básicos Para Organizar seu DEPARTAMENTO PESSOAL 5 Passos Básicos Para Organizar seu DEPARTAMENTO PESSOAL 1 DEPARTAMENTO PESSOAL Algum tempo atrás, somente empresas de grande porte sabiam a importância de manter um departamento pessoal. Mas alguns anos

Leia mais

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO CAPÍTULO 2 CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO... 29

SUMÁRIO CAPÍTULO 1 DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO CAPÍTULO 2 CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO... 29 SUMÁRIO CAPÍTULO 1 DIREITO INDIVIDUAL DO TRABALHO... 15 1.1 FONTES DO DIREITO DO TRABALHO...15 1.1.1 Classificação...15 1.1.2 Hierarquia entre as fontes justrabalhistas...16 1.2 Princípios do direito do

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR021962/2013 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46219.014494/2012-05

Leia mais

ANALISTA FISCAL E TRIBUTÁRIO. Conhecimentos e Práticas Tributárias e Fiscais

ANALISTA FISCAL E TRIBUTÁRIO. Conhecimentos e Práticas Tributárias e Fiscais ANALISTA FISCAL E TRIBUTÁRIO Conhecimentos e Práticas Tributárias e Fiscais Objetivos do Workshop 1 Conhecer e Atualizar os Conhecimentos acerca da Legislação Tributária e Fiscal Vigente 2 Adotar Procedimentos

Leia mais

REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS

REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS REMUNERAÇÃO E ADICIONAIS LEGAIS 1 Conceito Salário complessivo corresponde aos pagamentos efetuados diretamente pelo empregador em favor do empregado, em virtude da vigência do contrato de trabalho, bem

Leia mais

DIREITO DO TRABALHO. Remuneração e salário. Prof. Hermes Cramacon

DIREITO DO TRABALHO. Remuneração e salário. Prof. Hermes Cramacon DIREITO DO TRABALHO Remuneração e salário Prof. Hermes Cramacon Remuneração Consiste na somatória da contraprestação paga diretamente pelo empregador, seja em pecúnia, seja em utilidades, com a quantia

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG004077/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 07/10/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR056169/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46246.002361/2011-70 DATA DO

Leia mais

GRATIFICAÇÕES, ADICIONAIS, AUXÍLIOS E OUTROS PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS E/OU RESULTADOS

GRATIFICAÇÕES, ADICIONAIS, AUXÍLIOS E OUTROS PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS E/OU RESULTADOS ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MT000542/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 26/08/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR047856/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46210.001655/2015 15 DATA DO

Leia mais

PRODUTO 6.3 RELATÓRIO FINAL DA IMPLANTAÇÃO DO SACC-RURAL

PRODUTO 6.3 RELATÓRIO FINAL DA IMPLANTAÇÃO DO SACC-RURAL Nome da Empresa: Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) OBJETIVO DA CONSULTORIA: DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA, ESTUDOS, DIVULGAÇÃO E SISTEMA DE ACOMPANHAMENTO DAS NEGOCIAÇÕES

Leia mais

Construção pesada gargalos trabalhistas: sugestões de mudança. José Pastore SINICESP

Construção pesada gargalos trabalhistas: sugestões de mudança. José Pastore SINICESP Construção pesada gargalos trabalhistas: sugestões de mudança José Pastore SINICESP 29-03-2011 Principais gargalos Custo do trabalho: a desoneração da folha Custo da insegurança jurídica: a disciplina

Leia mais

PORTARIA MTE Nº 1621/2010

PORTARIA MTE Nº 1621/2010 Page 1 of 6 PORTARIA MTE Nº 1621, DE 14.07.2010 (DOU DE 15.07.2010) Aprova modelos de Termos de Rescisão de Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O Ministro de Estado do Trabalho e Emprego, no

Leia mais