Química 2º Ano. Professora Cristina Lorenski Ferreira

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Química 2º Ano. Professora Cristina Lorenski Ferreira"

Transcrição

1 Química 2º Ano Professora Cristina Lorenski Ferreira

2 GEOMETRIA MOLECULAR POLARIDADE DAS MOLÉCULAS INTERAÇÕES INTERMOLECULARES PROFESSORA CRISTINA LORENSKI FERREIRA 2

3 ALGUNS QUESTIONAMENTOS Como os átomos estão distribuídos espacialmente em uma molécula? Como as moléculas interagem? Quais forças intermoleculares existem? Por que o gelo flutua na água? Por que as garrafas contendo líquido podem estourar no congelador? Como a lagartixa consegue caminhar pelas paredes? Por que óleo e água não se misturam? Como age o sabão? Por que o NaCl se dissolve em água e não se dissolve em óleo? 3

4 GEOMETRIA MOLECULAR A Geometria Molecular descreve o ARRANJO ESPACIAL do átomo central e dos átomos ligados diretamente a ele. Dependendo dos átomos que compõem as moléculas, podemos ter as seguintes geometrias principais: 4

5 COMO PODEMOS PREVER A GEOMETRIA DE UMA MOLÉCULA? TEORIA DA REPULSÃO DOS PARES ELETRÔNICOS DA CAMADA DE VALÊNCIA - TRPEV (RONALD J. GILLESPIE) (1957) VALENCE SHELL ELECTRON PAIR REPULSION VSEPR Os pares de elétrons ao redor do átomo central distribuem-se no espaço de forma a AFASTAREM-SE O MÁXIMO POSSÍVEL UNS DOS OUTROS a fim de garantirem ESTABILIDADE. 5

6 COMO OS ÁTOMOS DA MOLÉCULA DA ÁGUA SE DISTRIBUEM NO ESPAÇO? 6

7 POR QUE O NaCl SE DISSOLVE EM ÁGUA E NÃO SE DISSOLVE EM ÓLEO? 7

8 E A RESPOSTA? 8

9 COMO OS ÁTOMOS DA MOLÉCULA DA ÁGUA DE DISTRIBUEM NO ESPAÇO? 9

10 RESUMINDO... 10

11 Fórmula Estrutural Plana 11

12 POLARIDADE DAS MOLÉCULAS Uma molécula pode ser POLAR ou APOLAR, característica que depende da GEOMETRIA MOLECULAR e da DIFERENÇA DE ELETRONEGATIVIDADE dos átomos presentes. A SOLUBILIDADE de um soluto em um solvente é influenciada pela POLARIDADE MOLECULAR de ambos. 12

13 COMO VARIA A En? H.M. 13

14 LIGAÇÕES POLARES E APOLARES EXEMPLO 1: Molécula HF O par de elétrons compartilhado não é atraído igualmente por ambos os átomos, pois o...é MAIS En que o

15 LIGAÇÕES POLARES E APOLARES EXEMPLO 2: Molécula H 2 Como os átomos possuem a mesma En, não há polarização da ligação e dizemos que se trata de uma Ligação Covalente Apolar. 15

16 RESUMINDO... 16

17 POLARIDADE DAS MOLÉCULAS Vetor Momento de Dipolo A ligação que existe na molécula HF ocorre o aparecimento de PÓLOS ELÉTRICOS. O vetor é orientado no sentido do pólo positivo para o negativo. 17

18 POLARIDADE DAS MOLÉCULAS Para moléculas COM MAIS DE 2 ÁTOMOS, devemos SOMAR todos os R de todas as ligações e concluir SE o Vetor momento de Dipolo Resultante R é NULO ou NÃO NULO. Ligações POLARES Molécula APOLAR 18

19 EXEMPLOS DE SOMA DE VETORES 19

20 APOLAR EXEMPLOS GEOMETRIA LINEAR: POLAR 20

21 EXEMPLOS GEOMETRIA TRIGONAL PLANA: APOLAR POLAR 21

22 EXEMPLOS GEOMETRIA PIRAMIDAL TÊM ELÉTRONS NÃO LIGANTES 22

23 EXEMPLOS GEOMETRIA ANGULAR H 2 O TÊM ELÉTRONS NÃO LIGANTES 23

24 EXEMPLOS GEOMETRIA TETRAÉDRICA 24

25 RESUMINDO... MOLÉCULA POLAR OU APOLAR? 25

26 CCl 4 26

27 POLARIDADE E SOLUBILIDADE 27

28 POLARIDADE E SOLUBILIDADE Substâncias formadas por moléculas POLARES geralmente se dissolvem bem em solventes formados por moléculas também POLARES. Substâncias formadas por moléculas APOLARES geralmente se dissolvem bem em solventes formados por moléculas também APOLARES. SEMELHANTE DISSOLVE SEMELHANTE. 28

29 NaCl SE DISSOLVE EM ÁGUA, POIS HÁ INTERAÇÃO... NaCl NÃO SE DISSOLVE EM ÓLEO, POIS NÃO HÁ INTERAÇÃO... APOLAR 29

30 GRAXA É REMOVIDA QUANDO UTILIZAMOS GASOLINA... POR QUÊ? Gasolina Óleo (C 16 H 34 ) 30

31 Por que o sabão limpa? 31

32 32

33 33

34 FORÇAS INTERMOLECULARES

35 O QUE SÃO FORÇAS OU INTERAÇÕES INTERMOLECULARES??

36 OS ESTADOS FÍSICOS DA MATÉRIA

37 FORÇAS INTERMOLECULARES As forças que existem entre as moléculas - FORÇAS INTERMOLECULARES - não são tão fortes como as ligações iônicas ou covalentes, mas são muito importantes; sobretudo quando se deseja explicar as PROPRIEDADES MACROSCÓPICAS DA SUBSTÂNCIA. OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: A teoria cinética dos GASES assume que a distância entre as moléculas é tão grande que não existe força de atração entre elas. Em estado líquido e sólido as moléculas estão muito próximas e a força atrativa pode ser observada.

38 QUAIS OS TIPOS DE INTERAÇÕES INTERMOLECULARES QUE EXISTEM?

39 TIPOS DE INTERAÇÕES ENTRE MOLÉCULAS Dipolo induzido, Forças de Dispersão de London ou Forças de Van der Waals Dipolo permanente ou dipolo dipolo Ligação de Hidrogênio

40 DIPOLO INDUZIDO Ocorre entre moléculas apolares neutras. É também conhecida como força de Van der Waals com dipolos induzidos. + - Molécula Apolar Dipolo instantâneo Exemplo: Cristais de iodo, I 2 sólido, que, por terem suas moléculas fracamente unidas, passam facilmente da fase sólida para a fase gasosa, ou seja, sofrem sublimação

41 DIPOLO INDUZIDO Estas forças são estabelecidas da seguinte maneira: quando duas moléculas apolares se aproximam, ocorre uma repulsão entre suas nuvens eletrônicas. Essa repulsão provoca um movimento dos elétrons que vão se acumular numa região da molécula, deixando a região oposta com deficiência de carga negativa. Cria-se assim um dipolo induzido: a molécula apolar, onde se formou o dipolo, induz as outras moléculas a também formarem dipolos, dando origem a uma pequena força de atração elétrica entre elas.

42 DIPOLO DIPOLO Ocorre entre moléculas polares neutras. É também conhecida como força de Van der Waals com dipolos permanentes.

43 LIGAÇÕES DE HIDROGÊNIO Caso especial de dipolo permanente Ocorre em moléculas polares que apresentam H interagindo com F, O ou N. A ponte é formada pela atração entre o H de uma molécula e o átomo muito eletronegativo (F, O ou N) de outra molécula. Por ser essa uma força de atração bastante forte, as moléculas que fazem ligações de hidrogênio possuem pontos de fusão e ebulição muito altos.

44 Ex.: ÁGUA E ETANOL LIGAÇÕES DE HIDROGÊNIO 44

45 LIGAÇÕES DE HIDROGÊNIO - ÁGUA Por que o gelo flutua sobre a água? Por que garrafas contendo líquido estouram no congelador? As interações por ligações de hidrogênio geram pequenos espaços vazios entre as moléculas, aumentando o volume. Com o aumento de volume, a densidade diminui, já que a massa se mantém constante. d = m/v Assim, água no estado sólido é capaz de flutuar sobre o seu próprio líquido!

46 Curiosidade: O caso da Lagartixa Com o avanço das técnicas de microscopia em escala nanométrica descobriu-se que as lagartixas possuíam em suas patas uma quantidade muito grande de fios, muito pequenos. Como a superfície desses fios é de substâncias apolares, a soma de forças de baixo poder de atração contidas na enorme área superficial dos pelinhos de suas patas é o suficiente para suportar o peso da lagartixa e aderi-la a qualquer superfície, seja lisa ou rugosa..

47 Forças Intermoleculares e Pontos de Fusão e de Ebulição Dois fatores que influenciam os PF e PE: 1. TIPO DE FORÇA INTERMOLECULAR: quanto mais intensas as atrações intermoleculares, maiores seus PF e PE. 2. MASSA MOLECULAR/TAMANHO: quanto maior o tamanho de uma molécula, maior será sua superfície, o que propicia um maior número de interações com outras moléculas vizinhas, acarretando PF e PE maiores. Para comparar os pontos de fusão e de ebulição de diferentes substâncias, devemos considerar esses dois fatores da seguinte maneira: Quanto maior a intensidade de interação, maiores seu PF e PE. Ordem crescente de intensidade de interação: dipolo induzido < dipolo permanente < ligações de hidrogênio Para moléculas com o mesmo tipo de interação: Quanto maior a massa molecular, maiores seu PF e PE.

48 EXERCÍCIOS DO LIVRO VOLUME 1 PARTE 2 Páginas Exercícios Conteúdo e 12 Geometria , 14, 15, 16,17, 20 Geometria e 22 Geometria 304 3, 4 e 5 Geometria e polaridade 305 7, 8, 9, 10, 11 Geometria e polaridade , 14, 15, 16, 17 Interações Intermoleculares e 22 Interações Intermoleculares Interações Intermoleculares 317 1, 2 e 7 Interações Intermoleculares 318 8, 11, 13, 14 Geonetria, Polaridade e Int. Interm. 48

Ajuda a descrever o compartilhamento dos elétrons entre os átomos

Ajuda a descrever o compartilhamento dos elétrons entre os átomos Polaridade, Geometria Molecular e Forças Intermoleculares Polaridade das Ligações Ajuda a descrever o compartilhamento dos elétrons entre os átomos Ligações covalentes Apolares: elétrons são compartilhados

Leia mais

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano - 2016 Geometria molecular : Forma como os átomos estão espacialmente dispostos em uma molécula. A geometria de uma molécula depende do número

Leia mais

Geometria molecular :

Geometria molecular : CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano - 2017 Geometria molecular : Forma como os átomos estão espacialmente dispostos em uma molécula. A geometria de uma molécula depende do número

Leia mais

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS As propriedades físicas dos compostos orgânicos podem ser interpretadas, e muitas vezes até previstas, a partir do conhecimento das ligações químicas que unem

Leia mais

QB70C:// Química (Turmas S71/S72) Ligação Química

QB70C:// Química (Turmas S71/S72) Ligação Química QB70C:// Química (Turmas S71/S72) Ligação Química Prof. Dr. Eduard Westphal (http://paginapessoal.utfpr.edu.br/eduardw) Formação das Ligações O modelo RPECV, baseado principalmente nas estruturas de Lewis,

Leia mais

Forças Intermoleculares

Forças Intermoleculares Forças Intermoleculares Você já se perguntou por que a água forma gotas ou como os insetos conseguem caminhar sobre a água? Gota d'água caindo sobre a superfície da água. Inseto pousado sobre a superfície

Leia mais

Ligações Interatômicas: IÔNICA = metal + não-metal COVALENTE = não-metais METÁLICA = metais

Ligações Interatômicas: IÔNICA = metal + não-metal COVALENTE = não-metais METÁLICA = metais Ligações Químicas Ligações Interatômicas: IÔNICA = metal + não-metal COVALENTE = não-metais METÁLICA = metais Ligação iônica Transferência de elétrons de um átomo para outro Íons de cargas opostas Forças

Leia mais

Ligações Interatômicas: IÔNICA = metal + não-metal COVALENTE = não-metais METÁLICA = metais

Ligações Interatômicas: IÔNICA = metal + não-metal COVALENTE = não-metais METÁLICA = metais Ligações Químicas Ligações Interatômicas: IÔNICA = metal + não-metal COVALENTE = não-metais METÁLICA = metais Ligação iônica Transferência de elétrons de um átomo para outro Íons de cargas opostas Forças

Leia mais

Propriedades Físicas e Químicas dos Compostos Orgânicos

Propriedades Físicas e Químicas dos Compostos Orgânicos Aumenta Propriedades das Moléculas Orgânicas Propriedades Físicas e Químicas dos Compostos Orgânicos A partir das ligações químicas que unem os átomos de suas moléculas, e das forças que agem entre elas

Leia mais

Aula 15 15/mai Rafael

Aula 15 15/mai Rafael Aula 15 15/mai Rafael Em condições ambientes, compostos iônicos são sólidos devido à forte atração entre seus cátions e ânions. Metais são quase todos sólidos devido à ligação metálica. Já os compostos

Leia mais

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS As propriedades físicas dos compostos orgânicos podem ser interpretadas, e muitas vezes até previstas, a partir do conhecimento das ligações químicas que unem

Leia mais

LIGAÇÕES INTERMOLECULARES

LIGAÇÕES INTERMOLECULARES Chama-se ligações intermoleculares, ou forças intermoleculares, a forças atrativas entre moléculas ou átomos sem que haja partilha significativa de eletrões. As ligações intermoleculares devem-se a forças

Leia mais

LIGAÇÕES QUÍMICAS INTERMOLECULARES

LIGAÇÕES QUÍMICAS INTERMOLECULARES LIGAÇÕES QUÍMICAS INTERMOLECULARES Ligações Químicas INTRAmoleculares INTERmoleculares Tipo de Ligação Química INTERMOLECULAR INTRAMOLECULAR Magnitude Comparativamente FRACA FORTE Polaridade em Ligações

Leia mais

Ligação Iônica. Ligação Metálica. Ligações Química. Ligação Covalente. Polaridade. Geometria. Ligações Intermoleculares

Ligação Iônica. Ligação Metálica. Ligações Química. Ligação Covalente. Polaridade. Geometria. Ligações Intermoleculares Ligação Iônica Ligação Metálica Ligações Química Ligação Covalente Polaridade Geometria Ligações Intermoleculares Teoria do octeto Os átomos se estabilizam com 8 elétrons na última camada. (Porém existem

Leia mais

Polaridade molecular

Polaridade molecular Polaridade molecular Relembrando: Eletronegatividade Nuvem eletrônica Relembrando: Eletronegatividade É a capacidade (ou tendência) do átomo em atrair elétrons para si Nuvem eletrônica Relembrando: Eletronegatividade

Leia mais

Propriedades Físicas de Compostos Orgânicos

Propriedades Físicas de Compostos Orgânicos Os principais fatores que influenciam nas propriedades físicas dos compostos orgânicos são: O tamanho das moléculas; Os tipos de interação intermolecular. Temperatura de Ebulição e Fusão Quanto mais fortes

Leia mais

Interações intermoleculares

Interações intermoleculares Comparações entre ligações e interações químicas Ligação covalente : Interação intramolecular Ligação de hidrogênio: Interação intermolecular Forças íon-dipolo Existem entre um íon e a carga parcial em

Leia mais

Geometria Molecular e polaridade de ligações

Geometria Molecular e polaridade de ligações Geometria Molecular e polaridade de ligações Prof. Éderson Química Geometria Molecular Geometria molecular O arranjo tri-dimensional dos átomos em uma molécula, ou seja, é a orientação espacial das moléculas,

Leia mais

Ligações Químicas Interações Intermoleculares

Ligações Químicas Interações Intermoleculares Ligações Químicas Interações Intermoleculares WWW.QUIMUSICANDO.ZZ.VC Prof. Jackson Alves Ligações intermoleculares O que mantém as moléculas unidas nos estados líquido e sólido? Que força faz a água, contrariando

Leia mais

LUAULA. Professor: Eduardo Ulisses

LUAULA. Professor: Eduardo Ulisses LUAULA Professor: Eduardo Ulisses Sobre as ligações químicas, analise as afirmativas. I. Nas estruturas de Lewis, a ligação covalente resulta do compartilhamento de um par de elétrons entre dois átomos.

Leia mais

Ligações Químicas. Prof. Jackson Alves.

Ligações Químicas. Prof. Jackson Alves. Ligações Químicas Prof. Jackson Alves www.quimusicando.zz.vc Ligação Covalente Elemento eletronegativo + Elemento eletronegativo Não metal Não metal Hidrogênio + Hidrogênio Compartilhamento de elétrons

Leia mais

MUDANÇA DE ESTADO ROMPIMENTO DE FORÇAS INTERMOLECULARES

MUDANÇA DE ESTADO ROMPIMENTO DE FORÇAS INTERMOLECULARES MUDANÇA DE ESTADO ROMPIMENTO DE FORÇAS INTERMOLECULARES DEFORMAÇÃO DA NUVEM ELETRÔNICA EFEITO COLISÃO = CHOQUE ///// EFEITO INDUÇÃO = VARIAÇÃO ELÉTRICA DIPOLO INDUZIDO FORÇAS DE LONDON ///// DIPOLO INSTANTÂNEO

Leia mais

FORÇAS INTERMOLECULARES

FORÇAS INTERMOLECULARES FORÇAS INTERMOLECULARES São as forças que mantêm os sólidos e líquidos unidos. A ligação covalente que mantém uma molécula unida é uma força intramolecular. A atração entre moléculas é uma força intermolecular.

Leia mais

Revisão de Ligações Químicas

Revisão de Ligações Químicas Revisão de Ligações s 1. Explique o que é Eletronegatividade. Material de Apoio para Monitoria 2. Explique a Teoria do Octeto. 3. Como funcionam as ligações iônicas? 4. O que são compostos iônicos? Cite

Leia mais

FORÇAS INTERMOLECULARES QUÍMICA GERAL

FORÇAS INTERMOLECULARES QUÍMICA GERAL FORÇAS INTERMOLECULARES QUÍMICA GERAL FORÇAS INTERMOLECULARES As forças intermoleculares, forças que existem entre as moléculas, contribuem em grande parte com as propriedades físicas apresentadas pelos

Leia mais

Ligações Químicas. Profº Jaison Mattei

Ligações Químicas. Profº Jaison Mattei Ligações Químicas Profº Jaison Mattei LIGAÇÃO IÔNICA Ocorre geralmente entre METAIS e AMETAIS com de eletronegatividade > 1,7. Não Esqueça!!! Eletropositivos Metais: Ametais: Perdem elétrons Viram Cátions(+)

Leia mais

FORÇAS INTERMOLECULARES

FORÇAS INTERMOLECULARES FORÇAS INTERMOLECULARES FORÇAS INTERMOLECULARES A intensidade das forças intermoleculares em diferentes substâncias varia em uma grande faixa, mas elas são muito mais fracas que ligações iônicas covalentes.

Leia mais

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS. Karla Gomes Diamantina-MG

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS. Karla Gomes Diamantina-MG PROPRIEDADES FÍSICAS DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS Karla Gomes Diamantina-MG Introdução As substâncias orgânicas, em sua maioria, são formadas por moléculas. Estas interagem entre si por interações intermoleculares.

Leia mais

Revisão de Química Básica Aplicada à Bioquímica II. Bioquímica Prof. Msc Brunno Macedo

Revisão de Química Básica Aplicada à Bioquímica II. Bioquímica Prof. Msc Brunno Macedo Revisão de Química Básica Aplicada à II Química Básica Aplicada à II Objetivo Relembrar os principais conceitos da química básica que são de grande importância para a. Conteúdo Regra do Octeto Ligações

Leia mais

Se dois átomos combinarem entre si, dizemos que foi estabelecida entre eles uma LIGAÇÃO QUÍMICA

Se dois átomos combinarem entre si, dizemos que foi estabelecida entre eles uma LIGAÇÃO QUÍMICA ÁGUA AMÔNIA Se dois átomos combinarem entre si, dizemos que foi estabelecida entre eles uma LIGAÇÃO QUÍMICA Os elétrons mais externos do átomo são os responsáveis pela ocorrência da ligação química Para

Leia mais

Estrutura Molecular, Ligações Químicas e Propriedades dos Compostos Orgânicos

Estrutura Molecular, Ligações Químicas e Propriedades dos Compostos Orgânicos Universidade Federal de Campina Grande Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar Profa. Roberlucia A. Candeia Disciplina: Química Orgânica Estrutura Molecular, Ligações Químicas e Propriedades dos

Leia mais

Princípios fisico-químicos laboratoriais. Aula 08 Profº Ricardo Dalla Zanna

Princípios fisico-químicos laboratoriais. Aula 08 Profº Ricardo Dalla Zanna Princípios fisico-químicos laboratoriais Aula 08 Profº Ricardo Dalla Zanna Conteúdo Programático Unidade 3 Química orgânica o Seção 3.1 Ligação e estrutura molecular o Seção 3.2 Funções orgânicas - Hidrocarbonetos

Leia mais

FORÇAS INTERMOLECULARES

FORÇAS INTERMOLECULARES FORÇAS INTERMOLECULARES O O Forças Intermoleculares Forças intermoleculares são as forças que ocorrem entre uma molécula e a molécula vizinha. A existência de substâncias nos estados gasoso, líquido e

Leia mais

Química Orgânica I. Formas de representação de moléculas orgânicas e interações intermoleculares Aula 3

Química Orgânica I. Formas de representação de moléculas orgânicas e interações intermoleculares Aula 3 Química rgânica I Formas de representação de moléculas orgânicas e interações intermoleculares Aula 3 Profa. Alceni Augusta Werle ProfaTânia Márcia Sacramento Melo 2- Formas de representação de moléculas

Leia mais

Aula 10 26/mai Marcelo Ligação iônica versus ligação covalente Veja as ligações esquematizadas abaixo, cada qual acompanhada do respectivo valor de diferença (Δ, delta) entre as eletronegatividades de

Leia mais

Ligações intermoleculares

Ligações intermoleculares Comparações entre ligações e interações químicas Ligação covalente : Interação intramolecular Ligação de hidrogênio: Interação intermolecular Forças íon-dipolo Existem entre um íon e a carga parcial em

Leia mais

Forças intermoleculares

Forças intermoleculares Disciplina: Química Prof.: Ivo Turma: TR 02/06/2016 Tema da aula: Aulas 15 Forças intermoleculares Forças intermoleculares Em condições ambientes, os compostos iônicos são sólidos, devido às forças elétricas

Leia mais

FORÇAS INTERMOLECULARES

FORÇAS INTERMOLECULARES FORÇAS MÓDULO 3 MATERIAIS: PROPRIEDADES E USOS FORÇAS INTRODUÇÃO Nos agregados iônicos, os íons estão presos por forças de coesão, de caráter elétrico, responsáveis pela natureza sólida e pelos altos pontos

Leia mais

TEORIA DA REPULSÃO DOS PARES DE ELÉTRONS DA CAMADA DE VALÊNCIA (TEORIA RPECV)

TEORIA DA REPULSÃO DOS PARES DE ELÉTRONS DA CAMADA DE VALÊNCIA (TEORIA RPECV) GEOMETRIA MOLECULAR TEORIA DA REPULSÃO DOS PARES DE ELÉTRONS DA CAMADA DE VALÊNCIA (TEORIA RPECV) A teoria da repulsão dos pares de elétrons da camada de valência afirma que o arranjo geométrico dos átomos

Leia mais

Capítulo 6 - LIGAÇÕES QUÍMICAS-resoluções

Capítulo 6 - LIGAÇÕES QUÍMICAS-resoluções Capítulo 6 - LIGAÇÕES QUÍMICAS-resoluções 1-C X e T devem ter a mesma carga com sinais contrários: +1 e -1, +2 e -2 ou +3 e -3. 2-B A) Fe 2 S 3 B) CsCl C) CaI 2 D) Al 2 3 E) Ba 3 N 2 Quanto maior a diagonal

Leia mais

TEORIA DAS ORBITAIS MOLECULARES

TEORIA DAS ORBITAIS MOLECULARES TORIA DAS ORBITAIS MOLCULARS Na teoria das orbitais moleculares (TOM), os eletrões ocupam precisamente orbitais definidas, chamadas orbitais moleculares (OM), que se estendem por toda a molécula. Na TOM,

Leia mais

Estrutura da Matéria Profª. Fanny Nascimento Costa

Estrutura da Matéria Profª. Fanny Nascimento Costa Estrutura da Matéria Profª. Fanny Nascimento Costa (fanny.costa@ufabc.edu.br) Aula 12 Forças intermoleculares Estrutura da Matéria A pergunta que começou nossa jornada: DO QUE TUDO É FEITO? RESPOSTA: depende

Leia mais

Qui. Semana. Allan Rodrigues Gabriel Pereira (Renan Micha)

Qui. Semana. Allan Rodrigues Gabriel Pereira (Renan Micha) Semana 4 Allan Rodrigues Gabriel Pereira (Renan Micha) Este conteúdo pertence ao Descomplica. Está vedada a cópia ou a reprodução não autorizada previamente e por escrito. Todos os direitos reservados.

Leia mais

Substâncias TF / C TE / C Mercúrio Amônia ,5 Benzeno 5,5 80 Naftaleno

Substâncias TF / C TE / C Mercúrio Amônia ,5 Benzeno 5,5 80 Naftaleno Aluno(a): nº: Turma: Nota Ano: 1º Ano EM Data: / /2016 Trabalho Recuperação Professor(a): Willian Novato Matéria: Química Valor: 30,0 PARA TDAS AS QUESTÕES, AS RESPSTAS DEVERÃ NSTAR DE RAIÍNI NA PRPRIA

Leia mais

INTERAÇÕES INTERMOLECULARES

INTERAÇÕES INTERMOLECULARES INTERAÇÕES INTERMOLECULARES Serão abordados: as forças íon-dipolo, dipolo-dipolo, dispersão de London e ligação de hidrogênio e a relação entre propriedade física e interação intermolecular. As partículas

Leia mais

Química Orgânica I Profa. Dra. Alceni Augusta Werle Profa. Dra. Tania Márcia do Sacramento Melo

Química Orgânica I Profa. Dra. Alceni Augusta Werle Profa. Dra. Tania Márcia do Sacramento Melo Química Orgânica I Profa. Dra. Alceni Augusta Werle Profa. Dra. Tania Márcia do Sacramento Melo Formas de representação e interações intermoleculares Aula 3 1- Fórmula química Maneira que os químicos possuem

Leia mais

Ligações químicas. Forças de ligações secundárias

Ligações químicas. Forças de ligações secundárias Ligações químicas Forças de ligações secundárias 1 Introdução Forças intermoleculares. Genericamente - são responsáveis pela possibilidade de liquefação e solidificação das moléculas. São de fraca intensidade

Leia mais

A Ciência Central. David P. White

A Ciência Central. David P. White QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 11 Forças intermoleculares, líquidos e sólidos David P. White Uma comparação entre líquidos e sólidos As propriedades físicas das substâncias entendidas em

Leia mais

SIMULADO de QUÍMICA 1 os anos 2008 TODOS COLÉGIOS

SIMULADO de QUÍMICA 1 os anos 2008 TODOS COLÉGIOS SIMULADO de QUÍMICA 1 os anos 2008 TODOS COLÉGIOS 1) Em relação às partículas atômicas, a alternativa falsa é: a) a massa do próton é igual a massa do elétron. b) a massa do elétron é menor que a massa

Leia mais

Luis Eduardo C. Aleotti. Química. Aula 61 - Propriedades Físicas dos Compostos Orgânicos

Luis Eduardo C. Aleotti. Química. Aula 61 - Propriedades Físicas dos Compostos Orgânicos Luis Eduardo C. Aleotti Química Aula 61 - Propriedades Físicas dos Compostos Orgânicos PROPRIEDADES FÍSICAS O que é? - Características da matéria, determinadas de forma experimental. - Não são alteradas,

Leia mais

Química Fascículo 02 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida

Química Fascículo 02 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida Química Fascículo 02 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida Índice Ligação Covalente...1 Ligação Iônica...3 Teoria de Lewis...5 Ligações Intermoleculares...6 Exercícios...7

Leia mais

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 08 LIGAÇÕES INTERMOLECULARES

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 08 LIGAÇÕES INTERMOLECULARES QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 08 LIGAÇÕES INTERMOLECULARES H Cl H H H H O C O - O Na + O N O H 2 O O H H lcl 3 Cl Cl Al Cl H 2 N H H H Temperatura de ebulição +100 0-100 HF H 2 O HCl 20 H 2 S 406080100 H 2

Leia mais

Aula 17 - Polaridade. Turma IU Profa. Nina 10/08/17

Aula 17 - Polaridade. Turma IU Profa. Nina 10/08/17 Aula 17 - Polaridade Turma IU Profa. Nina 10/08/17 Relembrando: Ligações Químicas Elementos em VERDE + H (cinza): não-metais Elementos em AZUL CLARO: gases nobres Todos os outros elementos (AZUL ESCURO,

Leia mais

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Departamento Acadêmico de Química e Biologia. Dr. Tiago P. Camargo

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Departamento Acadêmico de Química e Biologia. Dr. Tiago P. Camargo Universidade Tecnológica Federal do Paraná Departamento Acadêmico de Química e Biologia Dr. Tiago P. Camargo Forma das moléculas Correlação da geometria com propriedades físico-químicas Instável Instável

Leia mais

29/2/2008. Interações intermoleculares

29/2/2008. Interações intermoleculares Química 2 ano Forças Intermoleculares Décio Helena Fev/08 O tipo de interação existente entre as moléculas e/ou íons definem algumas propriedades importantes das substâncias, como o estado físico, temperaturas

Leia mais

Ligação Química. - Os elétrons mais fracamente ligados ao átomo podem tomar parte na formação de ligações químicas.

Ligação Química. - Os elétrons mais fracamente ligados ao átomo podem tomar parte na formação de ligações químicas. Ligação Química É necessário compreender (prever) as ligações químicas, se quisermos entender as propriedades químicas e físicas de elementos e compostos. - Os elétrons mais fracamente ligados ao átomo

Leia mais

RESOLUÇÃO DA LISTA COMPLEMENTAR INTERAÇÕES INTERMOLECULARES E SUA ASSOCIAÇÃO COM PROPRIEDADES FÍSICAS DAS SUBSTÂNCIAS

RESOLUÇÃO DA LISTA COMPLEMENTAR INTERAÇÕES INTERMOLECULARES E SUA ASSOCIAÇÃO COM PROPRIEDADES FÍSICAS DAS SUBSTÂNCIAS RESOLUÇÃO DA LISTA COMPLEMENTAR INTERAÇÕES INTERMOLECULARES E SUA ASSOCIAÇÃO COM PROPRIEDADES FÍSICAS DAS SUBSTÂNCIAS 1 E Molécula A: apesar de essa molécula apresentar somente ligações polares (entre

Leia mais

Ligações Químicas Parte - 3

Ligações Químicas Parte - 3 Ligações Químicas Parte - 3 Lewis: modelo para combinação dos átomos e formação das moléculas Ligação covalente : Baseia-se no compartilhamento de elétrons pelos átomos 1H : 1s 1 1H : 1s 1 1H : 1s 2 1H

Leia mais

Ligações Químicas Foz do Iguaçu, 2017

Ligações Químicas Foz do Iguaçu, 2017 Ligações Químicas Foz do Iguaçu, 2017 Ligação Química As forças que mantêm os átomos unidos são fundamentalmente de natureza elétrica e são responsáveis por ligações químicas Os átomos, ao se unirem, procuram

Leia mais

Interações intermoleculares e sua influência nas propriedades das substâncias

Interações intermoleculares e sua influência nas propriedades das substâncias Interações intermoleculares e sua influência nas propriedades das substâncias Forças intermoleculares Forças intermoleculares são forças de coesão entre as moléculas São muito mais fracas do que as ligações

Leia mais

Química I Exame de 2ª Época, 7/2/2012 Resolução 1. a)

Química I Exame de 2ª Época, 7/2/2012 Resolução 1. a) Química I Exame de 2ª Época, 7/2/2012 Resolução 1. a) b) A intensidade de corrente que passa no circuito (dada pelo nº de electrões que passa por unidade de tempo) depende da intensidade da radiação incidente.

Leia mais

QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 11 Forças intermoleculares, líquidos e sólidos David P. White

QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 11 Forças intermoleculares, líquidos e sólidos David P. White QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 11 Forças intermoleculares, líquidos e sólidos David P. White Uma comparação entre líquidos e sólidos As propriedades físicas das substâncias entendidas em

Leia mais

Química Básica: Profa. Alessandra Barone

Química Básica: Profa. Alessandra Barone Química Básica: Átomo Profa. Alessandra Barone www.profbio.com.br Átomo Fermions: formam a matéria Bósons: intermedeiam forças Quarks e leptons -Glúone fóton Partículas Quark up Quark down Quark charmoso

Leia mais

Aula 5: Propriedades e Ligação Química

Aula 5: Propriedades e Ligação Química Aula 5: Propriedades e Ligação Química Relacionar o tipo de ligação química com as propriedades dos materiais Um entendimento de muitas propriedades físicas dos materiais é previsto através do conhecimento

Leia mais

E-books PCNA. Vol. 1 QUÍMICA ELEMENTAR CAPÍTULO 2 LIGAÇÕES QUÍMICAS

E-books PCNA. Vol. 1 QUÍMICA ELEMENTAR CAPÍTULO 2 LIGAÇÕES QUÍMICAS E-books PCNA Vol. 1 QUÍMICA ELEMENTAR CAPÍTULO 2 LIGAÇÕES QUÍMICAS 1 QUÍMICA ELEMENTAR CAPÍTULO 2 SUMÁRIO Apresentação -------------------------------------------- 2 Capítulo 2 -------------------------------------------------

Leia mais

Qui. Semana. Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira)

Qui. Semana. Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira) Semana 6 Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira) Este conteúdo pertence ao Descomplica. Está vedada a cópia ou a reprodução não autorizada previamente e por escrito. Todos os direitos reservados. CRONOGRAMA

Leia mais

LIGAÇÃO COVAL COV AL NT

LIGAÇÃO COVAL COV AL NT LIGAÇÃO COVALENTE INTRODUÇÃO Resulta do compartilhamento de elétrons. Ex: H 2 Os dois átomos de hidrogênio se aproximam devido à força de atração que depois de determinada distância diminuem surgindo as

Leia mais

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS AULA 02 TURMA FMJ

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS AULA 02 TURMA FMJ RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS PROPOSTOS AULA 02 TURMA FMJ 03. Item C O equador da figura mostrada pode ser representado como abaixo. 01. Item B I Correto. A energia para quebrar a ligação H F (568 kj/mol) é

Leia mais

intermoleculares forças de atração que ocorrem entre as moléculas bem mais fracas intramoleculares

intermoleculares forças de atração que ocorrem entre as moléculas bem mais fracas intramoleculares As forças intermoleculares são forças de atração que ocorrem entre as moléculas, mantendo-as unidas, e são bem mais fracas, quando comparadas às forças intramoleculares (ligação iônica e covalente), encontradas

Leia mais

2.1 Princípios gerais da ligação química. Ligações químicas

2.1 Princípios gerais da ligação química. Ligações químicas 2.1 Princípios gerais da ligação química Ligações químicas A associação de átomos formando moléculas, ou em agregados de maiores dimensões como, por exemplo, nos metais, é possível pelo estabelecimento

Leia mais

QUÍMICA. Forças Intermoleculares

QUÍMICA. Forças Intermoleculares Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 4R Ensino Médio Equipe de Química Data: QUÍMICA Forças Intermoleculares DEFINIÇÃO: As forças intermoleculares são forças de atração que ocorrem entre as moléculas,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÉ-VESTIBULAR RUMO À UNIVERSIDADE CAMPUS JOÃO MONLEVADE QUÍMICA ORGÂNICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÉ-VESTIBULAR RUMO À UNIVERSIDADE CAMPUS JOÃO MONLEVADE QUÍMICA ORGÂNICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÉ-VESTIBULAR RUMO À UNIVERSIDADE CAMPUS JOÃO MONLEVADE QUÍMICA ORGÂNICA ORIENTADORA: PROF.ª DRA. KARLA VIEIRA P R OF.ª LUCAS SIQUEIRA PROPRIEDADES FÍSICAS E QUÍMICAS

Leia mais

Ligações Atômicas e Bandas de Energia. Livro Texto - Capítulo 2

Ligações Atômicas e Bandas de Energia. Livro Texto - Capítulo 2 40 Ligações Atômicas e Bandas de Energia Livro Texto - Capítulo 2 Ligação Atômica 41 Porque estudar a estrutura atômica? As propriedades macroscópicas dos materiais dependem essencialmente do tipo de ligação

Leia mais

O que veremos hoje? Voltados para a Orgânica! Revisão de: Polaridade Forças intermoleculares: Dipolo-dipolo Dipolo induzido-dipolo induzido

O que veremos hoje? Voltados para a Orgânica! Revisão de: Polaridade Forças intermoleculares: Dipolo-dipolo Dipolo induzido-dipolo induzido O que veremos hoje? Revisão de: Polaridade Forças intermoleculares: Dipolo-dipolo Dipolo induzido-dipolo induzido Dipolo-dipolo induzido Ligação de Hidrogênio Voltados para a Orgânica! Intensidade das

Leia mais

LIGAÇÃO COVALENTE: PRINCÍPIOS/ESTRUTURAS DE LEWIS. QFL-4010 Prof. Gianluca C. Azzellini

LIGAÇÃO COVALENTE: PRINCÍPIOS/ESTRUTURAS DE LEWIS. QFL-4010 Prof. Gianluca C. Azzellini LIGAÇÃO COVALENTE: PRINCÍPIOS/ESTRUTURAS DE LEWIS LIGAÇÃO QUÍMICA Principais Tipos de Ligação Química Iônica Covalente Metálica Gilbert N. Lewis LIGAÇÃO COVALENTE: Compartilhamento de elétrons entre dois

Leia mais

LIGAÇÕES QUÍMICAS. Prof. Marcel Piovezan. Curso Superior de Tecnologia em Processos Químicos

LIGAÇÕES QUÍMICAS. Prof. Marcel Piovezan. Curso Superior de Tecnologia em Processos Químicos MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CAMPUS LAGES LIGAÇÕES QUÍMICAS Prof. Marcel Piovezan marcel.piovezan@ifsc.edu.br

Leia mais

ÁGUA, SOLUBILIDADE E PH

ÁGUA, SOLUBILIDADE E PH Universidade Federal do Rio de Janeiro Centro de Ciências da Saúde Instituto de Bioquímica Médica Curso: Enfermagem e Obstetrícia ÁGUA, SOLUBILIDADE E PH ÁGUA: UM COMPONENTE E SOLVENTE UNIVERSAL A ÁGUA

Leia mais

Ligação Iónica. é também superior (993 ºC 800 ºC)

Ligação Iónica. é também superior (993 ºC 800 ºC) Ligação Iónica A ligação iónica resulta da atracção electroestática entre iões de carga oposta. A força atractiva é compensada pela repulsão quando os átomos estão muito próximos e as duas núvens electrónicas

Leia mais

Ressonância, Formas de respresentação de moléculas orgânicas, Forças intermoleculares. Aula 3

Ressonância, Formas de respresentação de moléculas orgânicas, Forças intermoleculares. Aula 3 Universidade Federal de uro Preto Ressonância, Formas de respresentação de moléculas orgânicas, Forças intermoleculares Aula 3 Flaviane Francisco ilário 1 1 Ressonância ESTRUTURA DE LEWIS Explica de maneira

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS. Data: Série: Olimpíadas Científicas Prof. Marcos Benfica Ligações químicas e intermoleculares

LISTA DE EXERCÍCIOS. Data: Série: Olimpíadas Científicas Prof. Marcos Benfica Ligações químicas e intermoleculares LISTA DE EXERCÍCIOS Data: Série: Olimpíadas Científicas Prof. Marcos Benfica Ligações químicas e intermoleculares 1. (Unesp 1989) Tem-se dois elementos químicos A e B, com números atômicos iguais a 20

Leia mais

Aspectos Bioquímicos da Água

Aspectos Bioquímicos da Água Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Biologia Aspectos Bioquímicos da Água Prof. Macks Wendhell Gonçalves, Msc mackswendhell@gmail.com A concentração de água varia entre os organismos

Leia mais

CIÊNCIAS DA NATUREZA E SUAS TECNOLOGIAS - QUÍMICA Profª Márcia Ribeiro

CIÊNCIAS DA NATUREZA E SUAS TECNOLOGIAS - QUÍMICA Profª Márcia Ribeiro CIÊNCIAS DA NATUREZA E SUAS TECNOLOGIAS - QUÍMICA Profª Márcia Ribeiro NOME: Nº TURMA: DATA: LIGAÇÕES QUÍMICAS Os átomos raramente ficam isolados na natureza, pois tendem a se unir uns aos outros, formando

Leia mais

Prof.: Guilherme Turma: TR. Tema da aula: Aulas 13 Geometria molecular e polaridade. Geometria molecular

Prof.: Guilherme Turma: TR. Tema da aula: Aulas 13 Geometria molecular e polaridade. Geometria molecular Disciplina: Química Prof.: Guilherme Turma: TR 19/ 05/2016 Tema da aula: Aulas 13 Geometria molecular e polaridade Geometria molecular - Nas aulas sobre ligações químicas, vimos que as moléculas são formadas

Leia mais

Ligação e Estrutura Molecular. -Ligação Covalente e Estrutura de Lewis

Ligação e Estrutura Molecular. -Ligação Covalente e Estrutura de Lewis Ligação e Estrutura Molecular -Ligação Covalente e Estrutura de Lewis istórico Estruturas de Lewis: (Gilbert Lewis, 1916): 1º. Modelo de Ligação ligação química composta por um par de elétrons compartilhado

Leia mais

FCAV/UNESP. ASSUNTO: Forças Intermoleculares. Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran

FCAV/UNESP. ASSUNTO: Forças Intermoleculares. Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran FCAV/UNESP ASSUNTO: Forças Intermoleculares Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran 1 2 FLUXOGRAMA PARA RECONHECER OS PRINCIPAIS TIPOS DE FORÇAS INTERMOLECULARES 3 ENERGIA TÍPICA REQUERIDA PARA O ROMPIMENTO

Leia mais

Forças de van der Waals e Estabilidade Coloidal

Forças de van der Waals e Estabilidade Coloidal Pós-Graduação em Ciência de Materiais Faculdade UnB - Planaltina Forças de van der Waals e Estabilidade Coloidal Prof. Alex Fabiano C. Campos, Dr Balanço de Interações em Colóides Convencionais Balanço

Leia mais

Forma e estrutura das moléculas Atkins e Jones, Princípios de Química, cap. 3, p (5 a edição)

Forma e estrutura das moléculas Atkins e Jones, Princípios de Química, cap. 3, p (5 a edição) Forma e estrutura das moléculas Atkins e Jones, Princípios de Química, cap. 3, p. 93-131 (5 a edição) Relembre: Estrutura de Lewis e a regra do octeto - Antiga (introduzida por GN Lewis em 1916), mas útil

Leia mais

QUÍMICA FRENTE II FICHA 9 POLARIDADE MOLECULAR

QUÍMICA FRENTE II FICHA 9 POLARIDADE MOLECULAR Polaridade de Ligações Como já discutido, os átomos possuem eletronegatividade diferente e a diferença de eletronegatividade entre eles é fundamental para entender as ligações químicas e polaridade das

Leia mais

Roteiro de Estudos 1 trimestre 2015 Disciplina: Química 1ª série Professor: Ricardo Augusto Marques da Costa

Roteiro de Estudos 1 trimestre 2015 Disciplina: Química 1ª série Professor: Ricardo Augusto Marques da Costa Roteiro de Estudos 1 trimestre 2015 Disciplina: Química 1ª série Professor: Ricardo Augusto Marques da Costa - Teoria do octeto. Unidade 5: Interações atômicas e moleculares - Ligação iônica ou eletrovalente.

Leia mais

Volume e forma - não são tão fixos como na teoria. Os sólidos sofrem dilatação com o aumento da temperatura, embora outros se contraem.

Volume e forma - não são tão fixos como na teoria. Os sólidos sofrem dilatação com o aumento da temperatura, embora outros se contraem. Roberto Márcio Assinado de forma digital por Roberto Márcio DN: CN = Roberto Márcio, C = BR, O = Área 1, OU = Faculdade de Ciência e Tecnologia Motivo: Sou o autor deste documento Dados: 2004.08.10 21:56:32-03'00'

Leia mais

ESTADO SÓLIDO. paginapessoal.utfpr.edu.br/lorainejacobs. Profª. Loraine Jacobs

ESTADO SÓLIDO. paginapessoal.utfpr.edu.br/lorainejacobs. Profª. Loraine Jacobs ESTADO SÓLIDO lorainejacobs@utfpr.edu.br paginapessoal.utfpr.edu.br/lorainejacobs Profª. Loraine Jacobs Estado Sólido Tradicionalmente, um sólido é definido como uma substância que mantém um volume e uma

Leia mais

É O RESULTADO DE FORÇAS ATRATIVAS E REPULSIVAS

É O RESULTADO DE FORÇAS ATRATIVAS E REPULSIVAS Ligações covalentes É O TIPO DE INTERAÇÃO NA QUAL OS ÁTOMOS SE MANTÊM UNIDOS ATRAVÉS DE ELÉTRONS DE VALÊNCIA QUE SÃO ATRAÍDOS, SIMULTANEAMENTE, POR MAIS DE UM NÚCLEO. É O RESULTADO DE FORÇAS ATRATIVAS

Leia mais

H 2. Cl 2 N 2 O 2. família dos calcogênios 4. É uma substância apolar

H 2. Cl 2 N 2 O 2. família dos calcogênios 4. É uma substância apolar H 2 Cl 2 1. O elemento que forma essa substância simples possui em sua única camada 1 elétron 3. Substância simples formada apenas por átomos de Hidrogênio 1. O elemento que forma essa sua camada valência

Leia mais

DURAÇÃO DA PROVA Manual da disciplina, livros de Química, computador, Trabalho Escrito. Conteúdos Objetivos e/ou Competências Estrutura Cotações

DURAÇÃO DA PROVA Manual da disciplina, livros de Química, computador, Trabalho Escrito. Conteúdos Objetivos e/ou Competências Estrutura Cotações ÉPOCA ESPECIAL DE EXAMES ANO LETIVO 2011/2012 MATRIZ DO EXAME DO MÓDULO QM6 Estado Físico das Substâncias e Interações Moleculares. Estado Gasoso. Química MATERIAL A UTILIZAR TIPO DE PROVA DURAÇÃO DA PROVA

Leia mais

Ligações Químicas Covalentes. Profa. Dra. Marcia Margerete Meier

Ligações Químicas Covalentes. Profa. Dra. Marcia Margerete Meier Ligações Químicas Covalentes Profa. Dra. Marcia Margerete Meier 1 ESTERILIZAÇÃO DE FRUTAS Irradiação é um processo onde alimentos são tratados com radiação ionizante (radioatividade como a radiação gama)

Leia mais

Estrutura atômica e ligação interatômica. Profa. Daniela Becker

Estrutura atômica e ligação interatômica. Profa. Daniela Becker Estrutura atômica e ligação interatômica Profa. Daniela Becker Referências Callister Jr., W. D. Ciência e engenharia de materiais: Uma introdução. LTC, 5ed., cap 2, 2002. Shackelford, J.F. Ciências dos

Leia mais

Disciplina: Química Professor: Rubens Barreto. III Unidade

Disciplina: Química Professor: Rubens Barreto. III Unidade Disciplina: Química Professor: Rubens Barreto III Unidade Ligações Químicas Ligações iônicas Tipos de Ligações Ligações covalentes Ligações metálicas Os gases nobres e a regra do octeto Todas as substâncias

Leia mais

Quimica. Quimica FRENTE

Quimica. Quimica FRENTE Quimica Quimica RETE ooperativa VERS Gabaritos RETE: Pauling MÓDUL 05: Modelos Atômicos 3) a) ovalentemente ou compartilhando elétrons. b) 4 órmula de Lewis: órmula estrutural: órmula Molecular: Química

Leia mais

Qui. Semana. Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira)

Qui. Semana. Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira) Semana 6 Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira) Este conteúdo pertence ao Descomplica. Está vedada a cópia ou a reprodução não autorizada previamente e por escrito. Todos os direitos reservados. CRONOGRAMA

Leia mais

LIGAÇÕES INTERATÔMICAS X LIGAÇÕES INTERMOLECULARES

LIGAÇÕES INTERATÔMICAS X LIGAÇÕES INTERMOLECULARES Prof. Edson Cruz LIGAÇÕES INTERATÔMICAS X LIGAÇÕES INTERMOLECULARES Já estudamos que qualquer tipo de matéria é formado por átomos. Vimos também que cada agrupamento de átomos, combinados em uma determinada

Leia mais