Customização e Implantação da Solução Project Explorer para CNI Versão em Espanhol

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Customização e Implantação da Solução Project Explorer para CNI Versão em Espanhol"

Transcrição

1 Customização e Implantação da Solução Project Explorer para CNI Versão em Espanhol Brasília 06/11/2008 CDIS Empresa especializada em desenvolvimento de sistemas e consultoria em gerência de projetos

2 SUMÁRIO 1. OBJETO DA PROPOSTA ESCOPO DA PROPOSTA NÃO ESCOPO PREÇOS E PRAZO PARA EXECUÇÃO PREÇOS PRAZO VALIDADE DA PROPOSTA ANEXOS ANEXO 1 CARACTERÍSTICAS DO PROJECT EXPLORER

3 Brasília, 06 de novembro de 2008 Ao Sr. Thiago Mendes Lima Referente à proposta técnica para implantação de versão em espanhol do Project Explorer para CNI. O presente documento tem o objetivo de apresentar a Vossa Senhoria uma proposta técnica e comercial que contempla a customização da ferramenta Project Explorer às necessidades especificas da CNI, além de sua tradução para língua espanhola. Para execução de todos os trabalhos necessários, estimamos um prazo de 2 meses, contemplando a implementação de necessidades específicas, tradução e implantação da ferramenta no ambiente da CNI. A utilização do Project Explorer permitirá uma completa e efetiva gestão dos projetos que compõem o programa por meio da aplicação das melhores práticas definidas pelo PMI, possibilitando a análise, identificação de progressos e problemas e tomada de ações corretivas no caso de desvios encontrados nos projetos. Além disso, o Project Explorer aumenta consideravelmente a transparência e visibilidade das ações nos projetos porque seu objetivo principal é prover um ótimo canal de comunicação para todos os envolvidos. Sua objetividade e facilidade de uso permitiu a sua adoção na CNI Negócios, SENAI e IEL. Acreditando ter atendido as expectativas iniciais de Vossa Senhoria, colocamo-nos à disposição para quaisquer esclarecimentos necessários. Atenciosamente, Ericsson Rodrigo Cantão CDIS Informática Ltda. Sócio diretor (61) (61)

4 1. Objeto da Proposta Customização, tradução para espanhol e implantação da solução Project Explorer para CNI. 2. Escopo da Proposta O escopo dessa proposta contempla as seguintes entregas: Instalação do ambiente Project Server; Customização do Project Explorer contemplando as seguintes implementações: o Nova visão corporativa para atender as necessidades específicas do programa com enfoque da execução física, financeira, indicadores de cumprimento das metas e regionalização (mapas da América do Sul). o Possibilidade de gestão de câmbio com entrada de informações financeiras em várias moedas, sendo o euro a principal a ser utilizada; o Possibilidade de entrada da informação de execução financeira na WEB com conversão de moeda e anexação de documento comprobatório; o Tradução do Project Explorer para versão em espanhol. Manual do usuário em espanhol; Manutenção corretiva e evolutiva por um período de 48 meses; Atendimento às dúvidas relativas ao funcionamento da ferramenta por ; Workshop para apresentação das funcionalidades da ferramenta aos gestores que fazem parte do projeto internacional. 4

5 3. Não Escopo Os itens apresentados a seguir não fazem parte do escopo dessa proposta: Despesas de viagem para serviços executados fora da cidade de Brasília; Fornecimento de Hardware; Fornecimento de código fonte da ferramenta; Configuração, instalação ou adaptação do ambiente da rede interna e externa; Customização para atender as necessidades específicas da XXXX não citadas nesta proposta; Fornecimento de licenças dos seguintes softwares necessários para execução do Project Explorer: o Project Server; o Project Professional; o SQL Server; o Windows Server Treinamento em sala de aula no MS Project. 4. Preços e Prazo para Execução 4.1. Preços O preço proposto para execução do objeto dessa proposta é de R$ ,00 (vinte um mil e seiscentos), sendo composto pelos seguintes itens: o Customização, tradução e implantação do Project Explorer na CNI R$ 9.600,00 (nove mil e seiscentos reais) o Manutenção evolutiva, sendo o desembolso realizado em 12 parcelas mensais de R$ 1.000,00 (hum mil reais), podendo ser reajustada por mais 12 meses com correção pelo IGPM. 5

6 4.2. Prazo É estimado um prazo total de 2 meses para implantação de toda solução (com exceção da manutenção evolutiva que prevê um período de 12 meses) a partir da data de assinatura do contrato. 5. Validade da Proposta Essa proposta possui validade de 30 dias. Ericsson Rodrigo Cantão Sócio Diretor 6

7 6. Anexos 6.1. Anexo 1 Características do Project Explorer O PROJECT EXPLORER é uma ferramenta de software integrada ao MS Project desenvolvida para permitir a gestão executiva do portfólio de projetos da instituição por meio da análise de resultados e planejamento de ações necessárias para o alcance dos objetivos de seus projetos. Características O foco principal da ferramenta é garantir que os projetos sejam acompanhados de forma simples e intuitiva pelos gerentes e diretores da organização, a qualquer tempo e em qualquer lugar. Além de propiciar uma maior transparência sobre os trabalhos executados em relação aos projetos, o Project Explorer possibilita um ganho considerável na melhoria da comunicação da instituição no que diz respeito aos projetos acompanhados. Para isso, o Project Explorer foi desenvolvido sob plataforma WEB com interface baseada em gráficos que procuram demonstrar a evolução e a comparação do progresso físico e financeiro dos projetos. O diferencial do produto se deve ao fato de ser totalmente integrado ao ambiente Enterprise Project Management EPM da Microsoft que se destaca pela sua eficiência e simplicidade de uso, características que faz com que ela seja a ferramenta de gestão de projetos mais utilizada do mundo. A análise no Project Explorer é feita de forma top down, permitindo a visualização da performance da instituição, de suas áreas, dos projetos, até o nível de tarefas, possibilitando assim que sejam encontradas as principais causas de desvios para que sejam providenciadas as ações que irão resolver os problemas identificados. 7

8 Funcionalidades O Project Explorer é dividido em dois módulos principais, sendo um WEB para acompanhamento do portfólio de projetos pelos executivos e outro integrado ao Project Professional para uso dos gestores de projetos, permitindo assim que seja utilizado um ambiente único de gestão de projetos pela instituição. Módulo Gestão Executiva (WEB) As principais funcionalidades presentes no módulo de gestão executiva permitem: Apresentar uma visão corporativa demonstrando a situação atual da instituição no que diz respeito a seus projetos, apresentando a distribuição dos custos, trabalhos e quantidades de projetos por áreas; Analisar o portfólio dos projetos por área mostrando os seus sinalizadores gerais, de riscos, físicos e financeiros por meio de faróis (verde, amarelo e vermelho) que ajudam na identificação rápida dos projetos que demandam mais atenção e intervenção gerencial; Comparar projetos por área utilizando gráfico de bolhas nas perspectivas física e financeira; Visualizar os detalhes dos projetos identificando mês a mês: O trabalho previsto x realizado (geral e por integrante da equipe do projeto); O custo previsto x realizado (geral e por recursos materiais). Visualizar os riscos, principais etapas e análises efetuadas pelos gestores com a possibilidade de consultar um retrato dos projetos em um mês específico; Consultar a biblioteca de documentos importantes dos projetos e os relatórios de atividades elaborados pelos gestores e equipes dos projetos; Abrir questões que são direcionadas aos gestores para esclarecimentos de pontos problemáticos do projeto ou recomendações para tomada de providências. Ao abrir uma questão, o gestor automaticamente recebe um avisando-o;ao respondê-la, é enviado um ao gerente executivo com a resposta ao questionamento diretamente anexada; Analisar os recursos humanos, permitindo visualizar suas disponibilidades, alocações nos projetos e saldo de horas disponíveis para novas atribuições em projetos. 8

9 Módulo Gestão de Projetos As principais funcionalidades presentes no módulo de gestão de projetos (integrado ao Project Professional) permitem: Cadastrar informações complementares sobre os projetos (não presentes no MS Project) para sua melhor identificação como: Objetivos; Principais entregas; Cliente; Gerente; Orçamento total inicialmente previsto. Gerenciar os riscos dos projetos identificando sua probabilidade, impacto, estratégia (mitigar, evitar, transferir), plano de ações e responsáveis; Fazer o acompanhamento geral identificando possíveis causas de desvios e ações corretivas a serem tomadas para resolver os problemas; Gerenciar as receitas e custos fixos do projeto elaborando seu orçamento e registrando os valores efetivos. 9

Inteligência Empresarial

Inteligência Empresarial SOLUÇÕES WK Inteligência Empresarial A Solução para da WK Sistemas contempla um conjunto de ferramentas que permitem integrar através de Dashboards e Relatórios personalizados informações das diversas

Leia mais

Políticas Organizacionais

Políticas Organizacionais Políticas Organizacionais Versão 1.4 Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 11/10/2012 1.0 Revisão das políticas EPG 26/11/2012 1.1 Revisão do Item de customização EPG 24/10/2013 1.2 Revisão

Leia mais

Por que o Project Builder é tão efetivo como ferramenta para PMO

Por que o Project Builder é tão efetivo como ferramenta para PMO argumento da apresentação Por que o Project Builder é tão efetivo como ferramenta para PMO - assertividade da abordagem conceitual - características tecnológicas - flexibilidade da oferta Efetivo na implementação

Leia mais

RECURSOS HUMANOS. Introdução ao Benner RH. Núcleo da Solução

RECURSOS HUMANOS. Introdução ao Benner RH. Núcleo da Solução RECURSOS HUMANOS Introdução ao Benner RH Núcleo da Solução Sumário Introdução... 4 Módulos do Sistema Benner Recursos Humanos.... 5 Apresentação do Sistema.... 6 Gerenciamento de atualizações... 8 Gerenciamento

Leia mais

Project Builder: Apoio a Gestão de Projetos do Nível G ao C do MPS.BR

Project Builder: Apoio a Gestão de Projetos do Nível G ao C do MPS.BR Project Builder: Apoio a Gestão de Projetos do Nível G ao C do MPS.BR Bernardo Grassano 1, Analia Irigoyen Ferreiro Ferreira 2, Mariano Montoni 3 1 Project Builder Av. Rio Branco 123, grupo 612, Centro

Leia mais

Solisc 2010 Gerenciamento de Projetos com dotproject

Solisc 2010 Gerenciamento de Projetos com dotproject Solisc 2010 Gerenciamento de Projetos com dotproject Marcio Junior Vieira marcio em ambientelivre.com.br Sobre o Palestrante A 10 anos trabalha nas áreas de análise, consultoria e desenvolvimento de sistemas.

Leia mais

MANUTENÇÃO SISTEMAS INFORMATIZADOS PARA O PLANEJAMENTO E CONTROLE DA MANUTENÇÃO. CCMS- Computer Maintenance Management System

MANUTENÇÃO SISTEMAS INFORMATIZADOS PARA O PLANEJAMENTO E CONTROLE DA MANUTENÇÃO. CCMS- Computer Maintenance Management System MANUTENÇÃO SISTEMAS INFORMATIZADOS PARA O PLANEJAMENTO E CONTROLE DA MANUTENÇÃO CCMS- Computer Maintenance Management System Prof. Dissenha professor@dissenha.net SISTEMAS INFORMATIZADOS PARA O PLANEJAMENTO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO Tribunal Superior Eleitoral Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00002/2016

PODER JUDICIÁRIO Tribunal Superior Eleitoral Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00002/2016 18/02/2016 COMPRASNET O SITE DE COMPRAS DO GOVERNO Pregão Eletrônico PODER JUDICIÁRIO Tribunal Superior Eleitoral Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00002/2016

Leia mais

ACORDO DE NÍVEL DE SERVIÇO

ACORDO DE NÍVEL DE SERVIÇO ACORDO DE NÍVEL DE SERVIÇO Suporte Técnico DATACOM REVISÃO 1.0 SUMÁRIO 1 INFORMAÇÕES GERAIS... 1 1.1 Controle de Revisão... 1 2 APRESENTAÇÃO... 2 2.1 Objetivo... 2 2.2 Modalidades de Atendimento... 2 2.3

Leia mais

SofitView! Uma nova forma de fazer gestão da sua frota

SofitView! Uma nova forma de fazer gestão da sua frota SofitView! Uma nova forma de fazer gestão da sua frota ALGUNS DESAFIOS NÃO MUDAM... DESAFIOS INTERNOS Aumento da disponibilidade da frota Redução dos custos da frota Controle dos custos por KM rodado Decisões

Leia mais

A GESTÃO EM SUAS MÃOS FERRAMENTA DE ANÁLISE DE RISCOS

A GESTÃO EM SUAS MÃOS FERRAMENTA DE ANÁLISE DE RISCOS A GESTÃO EM SUAS MÃOS FERRAMENTA DE ANÁLISE DE RISCOS SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO 2. SOFTWARE 3. PROCESSO FERRAMENTAS 4. SUMÁRIO EXECUTIVO 5. RELATÓRIO PROJETO INTEGRADO 6. FUNCIONALIDADES 7. CONTATO 1. APRESENTAÇÃO

Leia mais

Software Para Geração de Consultas e Relatórios

Software Para Geração de Consultas e Relatórios Software Para Geração de Consultas e Relatórios Características e Funcionalidades Versão 1.1 Iniview é marca registrada da Projedata Informática Ltda. Todos os direitos reservados à Projedata Informática

Leia mais

Esperamos que nossos produtos e serviços contribuam diariamente para o crescimento da sua Empresa. É um prazer atendê-lo!

Esperamos que nossos produtos e serviços contribuam diariamente para o crescimento da sua Empresa. É um prazer atendê-lo! SUMÁRIO Horário de Atendimento...2 Localização...2 Canais de atendimento do Suporte Técnico...3 Serviços Prestados através do Contrato de Suporte Mensal...4 Serviços Prestados através de Negociação Especial...6

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. OBJETO DE CONTRATAÇÃO A presente especificação tem por objeto a contratação de empresa Especializada de Consultoria para Planejamento da Estrutura Funcional e Organizacional

Leia mais

Normas ISO:

Normas ISO: Universidade Católica de Pelotas Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina de Qualidade de Software Normas ISO: 12207 15504 Prof. Luthiano Venecian 1 ISO 12207 Conceito Processos Fundamentais

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO (RFQ) Nº JOF /2016 ERRATA 02. Com referência ao processo em epígrafe, segue errata 02 que deverá ser considerada:

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO (RFQ) Nº JOF /2016 ERRATA 02. Com referência ao processo em epígrafe, segue errata 02 que deverá ser considerada: JOF - JOINT OPERATIONS FACILITY SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO (RFQ) Nº JOF-0162-29944/2016 ERRATA 02 Brasília, 28 de setembro de 2016. Senhores(as): Com referência ao processo em epígrafe, segue errata 02 que

Leia mais

ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE CAPITAL Resolução 3.988/2011. Área Responsável: Risco de Crédito e Capital Gerência de Capital

ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE CAPITAL Resolução 3.988/2011. Área Responsável: Risco de Crédito e Capital Gerência de Capital ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE CAPITAL Área Responsável: Risco de Crédito e Capital Gerência de Capital Sumário RELATÓRIO DE ACESSO PÚBLICO ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE CAPITAL... 3 1. INTRODUÇÃO... 3

Leia mais

Declaração de Escopo

Declaração de Escopo Declaração de Escopo Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 16/0/2011 1.00 Versão Inicial do Documento Rafael Faria Sumário 1 INTEGRANTES DO PROJETO 2 OBJETIVO DO PROJETO 3 - CARACTERÍSTICAS

Leia mais

Sem fronteiras para o conhecimento. MS Project para Gerenciamento de Projetos

Sem fronteiras para o conhecimento. MS Project para Gerenciamento de Projetos 1 Sem fronteiras para o conhecimento MS Project para Gerenciamento de Projetos 2 MS Project para Gerenciamento de Projetos Em projetos, planejamento e gerenciamento são as palavras chaves para o sucesso.

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Novembro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Finalizar o conteúdo da Disciplina Governança de

Leia mais

1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia. LOCAL: Recife-PE 22/11/2013

1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia. LOCAL: Recife-PE 22/11/2013 DIVISÃO DE CONSULTORIA 1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia LOCAL: Recife-PE 22/11/2013 TEMA DA PALESTRA: Gestão de Fluxos de Trabalho e Indicadores

Leia mais

Desdobrando o Mapa Estratégico da Justiça Federal do Rio Grande do Sul

Desdobrando o Mapa Estratégico da Justiça Federal do Rio Grande do Sul Desdobrando o Mapa Estratégico da Justiça Federal do Rio Grande do Sul Marcelo De Nardi Porto Alegre, 04 de julho de 2011. CONTEXTUALIZAÇÃO Poder Judiciário no Contexto da Gestão Pública Nacional Processos

Leia mais

Termo de Abertura do Projeto

Termo de Abertura do Projeto [Inovar Recargas] 2016 Termo de Abertura do Projeto Baseado na 5ª edição do Guia PMBOK Modelo de documento de uso livre, desde que seja citada a fonte. Não se esqueça de sempre consultar o Guia PMBOK 5ª

Leia mais

PGE Digital DESCRIÇÃO DO PROJETO

PGE Digital DESCRIÇÃO DO PROJETO PGE Digital DESCRIÇÃO DO PROJETO Desenvolvimento de sistema de acompanhamento processual efetivo e eficaz para toda a Administração Pública, incluindo Autarquias e posterior desenvolvimento e implantação

Leia mais

SMART ASSET CONTROL SOLUTION OTIMIZANDO A UTILIZAÇÃO DE ATIVOS MÓVEIS PARA MELHORES RESULTADOS

SMART ASSET CONTROL SOLUTION OTIMIZANDO A UTILIZAÇÃO DE ATIVOS MÓVEIS PARA MELHORES RESULTADOS BROCHURE VENTURES SMART ASSET CONTROL SOLUTION OTIMIZANDO A UTILIZAÇÃO DE ATIVOS MÓVEIS PARA MELHORES RESULTADOS O DESAFIO DO CONTROLE DE EQUIPAMENTOS MÓVEIS Com o desafio econômico atual e a alta concorrência,

Leia mais

CATÁLOGO DE CUSTOMIZAÇÕES Cotação de Compra WEB

CATÁLOGO DE CUSTOMIZAÇÕES Cotação de Compra WEB CATÁLOGO DE CUSTOMIZAÇÕES Cotação de Compra WEB Índice CONSIDERAÇÕES INICIAIS... 3 DADOS DO PROJETO... 4 OBJETIVO(S) DO PROJETO... 4 ESCOPO... 6 PREMISSAS... 11 LIMITAÇÕES E RESTRIÇÕES... 11 OBSERVAÇÕES...

Leia mais

Descrição do Requisito

Descrição do Requisito ANEXO III 1 REQUISITOS TÉCNICOS A SOLUÇÃO deverá atender obrigatoriamente aos requisitos não funcionais e às características técnicas descritos nos itens deste Anexo. Os requisitos não funcionais e técnicos

Leia mais

Apresentação Processo Seletivo

Apresentação Processo Seletivo Apresentação A SofTeam Empresa Júnior de Computação, uma organização constituída e gerida pelos alunos do Departamento de Computação da Universidade Federal de Sergipe, tem a enorme satisfação de anunciar

Leia mais

Introdução a Teste de Software

Introdução a Teste de Software Universidade Católica de Pelotas Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina de Qualidade de Software Introdução a Teste de Software Prof. Luthiano Venecian 1 Conceitos Teste de software

Leia mais

Organização dos Estados Ibero-americanos. Para a Educação, a Ciência e a Cultura

Organização dos Estados Ibero-americanos. Para a Educação, a Ciência e a Cultura Organização dos Estados Ibero-americanos Para a Educação, a Ciência e a Cultura TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA CONSULTOR POR PRODUTO 1. Projeto: Aprimoramento da sistemática de gestão

Leia mais

3) Qual é o foco da Governança de TI?

3) Qual é o foco da Governança de TI? 1) O que é Governança em TI? Governança de TI é um conjunto de práticas, padrões e relacionamentos estruturados, assumidos por executivos, gestores, técnicos e usuários de TI de uma organização, com a

Leia mais

Modelos de Contratação de Serviços de Sistemas

Modelos de Contratação de Serviços de Sistemas Modelos de Contratação de Serviços de Sistemas Um enfoque gerencial da aplicação de Análise de Pontos de Função Carlos Eduardo Vazquez FATTO Consultoria e Sistemas 30/09/2013 Modelos de Contratação de

Leia mais

Planejamento e Controle de Obras com MS Project

Planejamento e Controle de Obras com MS Project Planejamento e Controle de Obras com MS Project Objetivo: Com o enfoque prático, capacitar o participante na utilização do Microsoft Project 2013, observando os conceitos das melhores práticas em gerenciamento,

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA SISTEMA DE GESTÃO PUBLICA MUNICIPAL

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA SISTEMA DE GESTÃO PUBLICA MUNICIPAL ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA SISTEMA DE GESTÃO PUBLICA MUNICIPAL CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES O presente termo de referência tem por objeto dar subsídio à Contratação de empresa especializada em implantação,

Leia mais

viadat Software de gerenciamento de armazéns com mais de fun ções de logística na versão padrão

viadat Software de gerenciamento de armazéns com mais de fun ções de logística na versão padrão viadat Software de gerenciamento de armazéns com mais de 2.500 fun ções de logística na versão padrão viastore SOFTWARE: o seu parceiro de WMS e WCS Maior produtividade em armazenamento, produção e distribuição

Leia mais

Manual do Tutor PIRELLI TYRE CAMPUS

Manual do Tutor PIRELLI TYRE CAMPUS Manual do Tutor PIRELLI TYRE CAMPUS Sumário 1 Apresentação... 4 1.1 Características e Funcionalidades... 4 1.2 Grupos de Usuários... 5 1.3 Portabilidade... 5 2 Usuários... 6 2.1 Alunos... 6 2.1.1 Pesquisa...

Leia mais

POLÍTICA DE CONTROLES INTERNOS

POLÍTICA DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICA DE CONTROLES INTERNOS Informação Pública 13/5/2016 ÍNDICE 1 OBJETIVO... 3 2 ABRANGÊNCIA... 3 3 PRINCÍPIOS... 3 4 REFERÊNCIAS... 4 5 CONCEITOS... 4 6 PRERROGATIVAS... 4 7 DIRETRIZES... 5 8 RESPONSABILIDADES...

Leia mais

Documento de Visão Dashboard de Visão Gerencial de Projetos

Documento de Visão Dashboard de Visão Gerencial de Projetos Documento de Visão Dashboard de Visão Gerencial de Projetos Cliente: Responsável: Isaac Bezerra Dashboard de Visão Gerencial de Projetos Pág 1 de 5 Histórico de Alterações Data Versão Descrição Autor 10/09/2011

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA Agosto de 2015 INTRODUÇÃO O Ministério de Educação (MEC) através do Sistema Nacional

Leia mais

Aula 01. Administração de Sistemas de Informação. Sistemas de Informação

Aula 01. Administração de Sistemas de Informação. Sistemas de Informação Administração de Aula 01 Decisões eficazes são baseadas na análise de dados e informações. (NBR ISO 9000 29/01/2001). Sistema de Informações pode ser considerado como centro de inteligência ou o cérebro

Leia mais

Termos de Referência para serviços especializados de consultoria Individual na área de Especialista em Transito

Termos de Referência para serviços especializados de consultoria Individual na área de Especialista em Transito Termos de Referência para serviços especializados de consultoria Individual na área de Especialista em Transito Projeto de Modernização Fiscal do Tocantins (PMF/TO) Banco Interamericano de Desenvolvimento

Leia mais

Gerenciamento do Escopo do Projeto (PMBoK 5ª ed.)

Gerenciamento do Escopo do Projeto (PMBoK 5ª ed.) Gerenciamento do Escopo do Projeto (PMBoK 5ª ed.) De acordo com o PMBok 5ª ed., o escopo é a soma dos produtos, serviços e resultados a serem fornecidos na forma de projeto. Sendo ele referindo-se a: Escopo

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO PPC GESTÃO DA QUALIDADE

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO PPC GESTÃO DA QUALIDADE PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO PPC GESTÃO DA QUALIDADE Nome do Curso: Curso Superior de Tecnologia em Gestão da Qualidade. Objetivo: Formar capital humano com qualificação adequada para atender à demanda

Leia mais

Código: MSFC-P-004 Versão: 05 Emissão: 10/2011 Última Atualização em: 02/2016

Código: MSFC-P-004 Versão: 05 Emissão: 10/2011 Última Atualização em: 02/2016 Política de Controles Internos Código: MSFC-P-004 Versão: 05 Emissão: 10/2011 Última Atualização em: 02/2016 OBJETIVO Garantir a aplicação dos princípios e boas práticas da Governança Corporativa, e que

Leia mais

PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI Versão 1.0 GERÊNCIA CORPORATIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. MACROPROCESSO... 4 3. DIAGRAMA DE ESCOPO DO PROCESSO GESTÃO DE ATIVOS DE TI... 5

Leia mais

EFICIÊNCIA OPORTUNIDADES NO ENSINO PRESENCIAL. Américo Matiello

EFICIÊNCIA OPORTUNIDADES NO ENSINO PRESENCIAL. Américo Matiello EFICIÊNCIA OPORTUNIDADES NO ENSINO PRESENCIAL Américo Matiello Focos de Eficiência Canal Campus 3 grupos representam 78% do total de custos e despesas previstos em 2015 no Canal Presencial Cada grupo possui

Leia mais

CATÁLOGO DE APLICAÇÕES Cotação de Compra WEB

CATÁLOGO DE APLICAÇÕES Cotação de Compra WEB CATÁLOGO DE APLICAÇÕES Cotação de Compra WEB Considerações iniciais Esse documento representa o investimento total para desenvolvimento do projeto em questão. Observe atentamente os requerimentos para

Leia mais

Utilizando um modelo de maturidade para implementar um programa de métricas. Márcio Silveira EDS - - Electronic Data Systems do do Brasil Ltda.

Utilizando um modelo de maturidade para implementar um programa de métricas. Márcio Silveira EDS - - Electronic Data Systems do do Brasil Ltda. Utilizando um modelo de maturidade para implementar um programa de métricas Márcio Silveira EDS - - Electronic Data Systems do do Brasil Ltda. Objetivos da Apresentação Estabelecer compreensão sobre o

Leia mais

Base de Alcântara, 22 agosto 2003

Base de Alcântara, 22 agosto 2003 Base de Alcântara, 22 agosto 2003 Orçamento do Agência Espacial Brasileira para 2003: R$35 milhões CHINA e ÍNDIA gastam R$1.200 milhões por ano O CHAOS Empresas americanas gastam mais de US$275 bilhões

Leia mais

Título do Slide Máximo de 2 linhas

Título do Slide Máximo de 2 linhas Título do Slide 13ª Seminário Internacional de Gerenciamento de Projetos Visibilidade ponta a ponta dos Projetos de Software da DATAPREV Denise Cascardo Luz Silva 17/09/13 AGENDA Título do Slide A DATAPREV

Leia mais

Gestão Estratégica de Projetos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Gestão Estratégica de Projetos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL Renovação dos Serviços de Suporte Avançado e Manutenção Anual LUMIS PORTAL PLATAFORMA LUMIS PORTAL

PROPOSTA COMERCIAL Renovação dos Serviços de Suporte Avançado e Manutenção Anual LUMIS PORTAL PLATAFORMA LUMIS PORTAL SÃO PAULO, 20 DE OUTUBRO DE 2015. PROPOSTA COMERCIAL Renovação dos Serviços de Suporte Avançado e Manutenção Anual LUMIS PORTAL PLATAFORMA LUMIS PORTAL LUM 1053v3-15 AOS CUIDADOS DE: Lorena Brasil Cirilo

Leia mais

Defender interesses difusos e coletivos, defender o regime democrático e a implementação de políticas constitucionais.

Defender interesses difusos e coletivos, defender o regime democrático e a implementação de políticas constitucionais. 1. Escopo ou finalidade do projeto Ampliar a efetividade do velamento que o Ministério Público exerce sobre as Fundações Privadas, de forma a garantir que este patrimônio social seja efetivamente aplicado

Leia mais

Tarifone WEB SOLUÇÃO DE TARIFAÇÃO. digitro.com

Tarifone WEB SOLUÇÃO DE TARIFAÇÃO. digitro.com Tarifone WEB SOLUÇÃO DE TARIFAÇÃO digitro.com O TariFone WEB é um aplicativo para tarifação e análise de bilhetagem, que permite ao operador efetuar consultas e gerar relatórios das chamadas efetuadas

Leia mais

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO

SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO SOLUÇÕES EM GESTÃO DE RELACIONAMENTO Hoje as empresas necessitam e muito de uma ferramenta de Gestão de Clientes! Porém, o alto custo de tal ferramenta inviabiliza sua implantação em empresas de pequeno

Leia mais

e-marketplace FAQ (Fornecedor)

e-marketplace FAQ (Fornecedor) e-marketplace FAQ (Fornecedor) Versão: Fevereiro de 2016 1 Introdução Este material tem como objetivo auxiliar a você, Fornecedor da Vale, com questões relacionadas ao projeto de substituição da Plataforma

Leia mais

Estruturação de um Sistema de Informações Contábeis

Estruturação de um Sistema de Informações Contábeis Estruturação de um Sistema de Informações Contábeis Por José Luís Carneiro - www.jlcarneiro.com - Características gerais Objetivos Suporte à Contabilidade Gerencial (Controladoria) Suporte à tomada de

Leia mais

RUP RATIONAL UNIFIED PROCESS

RUP RATIONAL UNIFIED PROCESS O que é RUP? É um metodologia para gerenciar projetos de desenvolvimento de software que usa a UML como ferramenta para especificação de sistemas. Ele é um modelo de processo híbrido Mistura elementos

Leia mais

Introdução a Gerencia de Projetos

Introdução a Gerencia de Projetos MBA EM GERENCIA DE PROJETOS Introdução a Gerencia de Projetos Rogério Santos Gonçalves 1 Agenda 1. Introdução ao Curso de Gerencia de Projetos 2. Conceitos Básicos sobre Gerenciamento de Projetos. 1. O

Leia mais

MODERIZAÇÃO PÚBLICA S I S T E M A D E A L M O X A R I F A D O M A N U A L D E I N S T R U Ç Õ E S

MODERIZAÇÃO PÚBLICA S I S T E M A D E A L M O X A R I F A D O M A N U A L D E I N S T R U Ç Õ E S MODERIZAÇÃO PÚBLICA S I S T E M A D E A L M O X A R I F A D O M A N U A L D E I N S T R U Ç Õ E S SISTEMA DE ALMOXARIFADO Guia do usuário Obs.: Informamos que por conta de ajustes e aperfeiçoamentos realizados

Leia mais

SAP ROADSHOW. O case Success Factors no Grupo Fallgatter. Gabriella Kellermann. Analista de Recursos Humanos Grupo Fallgatter

SAP ROADSHOW. O case Success Factors no Grupo Fallgatter. Gabriella Kellermann. Analista de Recursos Humanos Grupo Fallgatter SAP ROADSHOW O case Success Factors no Grupo Fallgatter Gabriella Kellermann Analista de Recursos Humanos Grupo Fallgatter O Grupo Fallgatter, fabricante e distribuidor de componentes e equipamentos metalmecânicos

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO INSTITUCIONAL EM MICROFINANÇAS (RATING) FINANCEIRO E SOCIAL

TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO INSTITUCIONAL EM MICROFINANÇAS (RATING) FINANCEIRO E SOCIAL TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO INSTITUCIONAL EM MICROFINANÇAS (RATING) FINANCEIRO E SOCIAL Projeto ABCRED (contrato BNDES nº 13.2.0613.1) 1) Objetivo

Leia mais

O que é o Kubo? Como acessar o Kubo? MANUAL DO USUÁRIO

O que é o Kubo? Como acessar o Kubo? MANUAL DO USUÁRIO MANUAL DO USUÁRIO Este manual visa auxiliar o usuário no acesso do treinamento e-learning demonstrando passo-a-passo todos os processos de utilização dos recursos dispostos no Kubo. O que é o Kubo? O Kubo

Leia mais

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 03 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS COM GLPI

GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS COM GLPI GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS COM GLPI UM POUCO SOBRE ITIL O QUE É? ITIL é um acrônimo de Information Technology Infrastructure Library; Traz as melhores praticas para o gerenciamento de serviços de TI; Foi

Leia mais

TEXTO AULA 7: Cronograma e Orçamento.

TEXTO AULA 7: Cronograma e Orçamento. TEXTO AULA 7: Cronograma e Orçamento. 7.1 Cronograma (Prazos) Quando se pergunta a alguém o que faz um projeto ser bem-sucedido, temos como uma das respostas mais freqüentes: prazos realistas. E o que

Leia mais

Sistema de Gestão de reservas Online

Sistema de Gestão de reservas Online Sistema de Gestão de reservas Online Sumário 1. Objetivo... 2. Fluxo processo...... 2.1 Planejamento... 2.2 Logística... 3. Sistema de Gestao de reservas... 3.1 Acesso planejamento... 3.2 Radar... 3.3

Leia mais

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR HOME OFFICE MANAGEMENT A MELHOR FORMA DE TRABALHAR www.homeoffice.com.br CONTATO Telefone: (11) 4321-2204 E-mail: contato@homeoffice.com.br /homeofficemanagement /homeofficemanagement /homeofficemanagement

Leia mais

PROJETOS. Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade.

PROJETOS. Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade. PROJETOS Reduza seus Custos com TI sem perder a qualidade. Conheça a FNC IT A FNC é uma empresa especializada em oferecer soluções completas e dinâmicas em tecnologia da informação para o mercado corporativo,

Leia mais

B e n e f í c i o s. Gestão da Saúde

B e n e f í c i o s. Gestão da Saúde B e n e f í c i o s Gestão da Saúde O GRUPO NUNES & GROSSI Atuamos no mercado de benefícios, oferecendo produtos de qualidade e criados sob medida para você, sua família ou empresa. Através da nossa Administradora

Leia mais

Antecipando o retorno do investimento através do uso de aceleradores de projeto. Case RDS na Globosat Canais

Antecipando o retorno do investimento através do uso de aceleradores de projeto. Case RDS na Globosat Canais Importante Esta apresentação descreve nossa direção geral de serviço e não deve ser usada para tomar decisões de compra. Esta apresentação não está sujeita ao contrato de licença ou qualquer outro acordo

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA Organização dos Estados Ibero-americanos Para a Educação, a Ciência e a Cultura OEI/TOR/MEC/DTI TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA 1. Projeto: OEI/BRA/09/004 - Aprimoramento da sistemática

Leia mais

PERFIL PROFISSIONAL DO TUTOR DE CURSOS DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

PERFIL PROFISSIONAL DO TUTOR DE CURSOS DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PERFIL PROFISSIONAL DO TUTOR DE CURSOS DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Área profissional: Educação Segmento tecnológico: Educação a Distância Qualificação profissional: Tutor de Cursos de Educação a Distância

Leia mais

De Olho na Pista. Documento de Arquitetura. De Olho na Pista Documento de Arquitetura Data: 23/03/2013. AJA Software

De Olho na Pista. Documento de Arquitetura. De Olho na Pista Documento de Arquitetura Data: 23/03/2013. AJA Software AJA Software www.ajasoftware.wordpress.com De Olho na Pista Documento de Arquitetura Confidencial De Olho na Pista, 2013 1 Sumário 1. Introdução 3 2. Metas e Restrições da Arquitetura 3 3. Padrão da Arquitetura

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 117/CSJT.GP.SG, DE 15 DE MAIO DE 2012

CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 117/CSJT.GP.SG, DE 15 DE MAIO DE 2012 CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 117/CSJT.GP.SG, DE 15 DE MAIO DE 2012 Aprova o cronograma das atividades relacionadas à implantação do Processo Judicial Eletrônico da Justiça

Leia mais

Plano de Aula: Aula 1 Ano letivo: 2013/2014. Curso: Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos

Plano de Aula: Aula 1 Ano letivo: 2013/2014. Curso: Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos Plano de Aula: Aula 1 Ano letivo: 2013/2014 - Apresentação do projeto - Formação de grupos de trabalho - Revisões sobre a utilização das ferramentas: - Microsoft Visio - Raptor Desenvolvimento de algoritmos

Leia mais

4.6. ATENDIMENTO ÀS METAS DO PLANO/PROGRAMA/PROJETO

4.6. ATENDIMENTO ÀS METAS DO PLANO/PROGRAMA/PROJETO 4.6. ATENDIMENTO ÀS METAS DO PLANO/PROGRAMA/PROJETO A planilha de atendimento às metas do projeto é apresentada na sequência. Metas Proporcionar os elementos necessários para que seja definido o processo

Leia mais

Análise de Ponto de Função APF. Aula 02

Análise de Ponto de Função APF. Aula 02 Análise de Ponto de Função APF Aula 02 Agenda Parte 01 Introdução a Métricas de Software Parte 02 A Técnica de APF O que é APF? Objetivos Benefícios Conceitos Básicos Visão Geral dos Procedimentos de Contagem

Leia mais

CARTA DE APRESENTAÇÃO

CARTA DE APRESENTAÇÃO CARTA DE APRESENTAÇÃO TechLuzi - Prestação de Serviços (SU), Lda. Sumário Sobre nós...3 Objetivo...4 Missão Visão Valores Nossos serviços...5 Aos Clientes... 6 2 Prezado (a) Senhor (a): Córdiais saudações!

Leia mais

Portfolio de Atividades. Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc

Portfolio de Atividades. Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc Portfolio de Atividades Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc A JCB MANAGEMENT. é uma empresa voltada para o segmento de Gerenciamento de Projetos, Planejamento, Controle de Projetos e Produção para

Leia mais

Treinamento Presencial: Spend Analysis para Compras. Data: 10 de Novembro de 2015 Carga horária: 8 horas Local: São Paulo/ SP

Treinamento Presencial: Spend Analysis para Compras. Data: 10 de Novembro de 2015 Carga horária: 8 horas Local: São Paulo/ SP Treinamento Presencial: Spend Analysis para Compras Data: 10 de Novembro de 2015 Carga horária: 8 horas Local: São Paulo/ SP Procurement Business School Quem somos: Procurement Business School é a mais

Leia mais

Mais controle. Maior rendimento

Mais controle. Maior rendimento Mais controle Maior rendimento REdUção de custos com FERRaMEntaS EM até 30% 60% MaiS RáPido na LocaLização de FERRaMEntaS MEnoR tempo PaRa SoLicitaR FERRaMEntaS MEnoR tempo de implantação do MERcado Atualmente

Leia mais

Na expectativa de um próximo contacto, subscrevo-me com os melhores cumprimentos.

Na expectativa de um próximo contacto, subscrevo-me com os melhores cumprimentos. À LAM Linhas Aéreas de Moçambique Att. Departamento de Recursos Humanos Maputo, 10 de Novembro de 2014 Ass: Pedido de emprego Exmos. Senhores Sou, João Paulo Matola, tenho 23 anos, estudante curso de Sistemas

Leia mais

Desenvolvimento de Negócios. Planejamento Estratégico Legal: da concepção à operacionalização Competências necessárias para o Gestor Legal

Desenvolvimento de Negócios. Planejamento Estratégico Legal: da concepção à operacionalização Competências necessárias para o Gestor Legal Desenvolvimento de Negócios Planejamento Estratégico Legal: da concepção à operacionalização Competências necessárias para o Gestor Legal Gestão Estratégica Para quê? Por Quê? Para fazer acontecer e trazer

Leia mais

Curriculum Vitae. Objetivo Cargo de interesse: Consultor Funcional Oracle EBS FA, GL, PA. Áreas afins

Curriculum Vitae. Objetivo Cargo de interesse: Consultor Funcional Oracle EBS FA, GL, PA. Áreas afins Curriculum Vitae Roberto Velasco Costa Alameda Jardim Holanda, 801 AP102 Uberlândia MG Tel: 34-9677-8502 E-Mail: robertovelascocosta@gmail.com / robertovelasco@hotmail.com.br Objetivo Cargo de interesse:

Leia mais

Sistemas de Informação Dashboards. Sofia Costa

Sistemas de Informação Dashboards. Sofia Costa Sistemas de Informação Dashboards SSC0530 Sofia Costa 02.06.2014 Tipos de Sistemas de Informação (SI) Sistemas de apoio às funções básicas de uma empresa Tipos de Sistemas de Informação (SI) Sistema do

Leia mais

Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006

Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006 Curso e Learning Sistema de Gestão de Segurança da Informação Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006 Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste

Leia mais

Mobilidade na Vistoria e Entrega de Obras

Mobilidade na Vistoria e Entrega de Obras Mobilidade na Vistoria e Entrega de Obras Sumário 1. Introdução... 03 2. Vistoria e Entrega com auxílio de tecnologias móveis - Mobuss Construção.......... 05 3. Construção.... 10 4. Inspeção Final.. 12

Leia mais

Oficina IV - Experiências de implantação e utilização de informações de custos nos entes sub-nacionais

Oficina IV - Experiências de implantação e utilização de informações de custos nos entes sub-nacionais I Congresso Informação de Custos e Qualidade do Gasto no Setor Público Oficina IV - Experiências de implantação e utilização de informações de custos nos entes sub-nacionais Selene Peres Peres Nunes Brasília,

Leia mais

SISTEMA GUARDIÃO. Manual de Usuário

SISTEMA GUARDIÃO. Manual de Usuário SISTEMA GUARDIÃO Manual de Usuário Resumo Neste documento é apresentada uma breve descrição das funcionalidades e da utilização do sistema integrado de detecção de anomalias em redes GUARDIÃO. Versão 1.0

Leia mais

Luis Miguel Valadas Diretor Fone: (11) Canal Credenciado

Luis Miguel Valadas Diretor Fone: (11) Canal Credenciado SOFTWARE GED PARA GESTÃO DOCUMENTAL Luis Miguel Valadas Diretor Fone: (11) 4194-5493 E-mail: laser@lasersystems.com.br Canal Credenciado Taugor GED Software de Gestão Documental O Taugor GED é uma solução

Leia mais

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento Kleber A. Ribeiro Um pouco sobre o PMI PMI - Project Management Institute PMI Instituição internacional sem fins lucrativos criada em 1969 Desenvolve normas,

Leia mais

O SUS LEGAL A partir das leis que ainda não foram cumpridas e que determinam a estrutura e funcionamento do SUS: Propostas do ministério da saúde

O SUS LEGAL A partir das leis que ainda não foram cumpridas e que determinam a estrutura e funcionamento do SUS: Propostas do ministério da saúde O SUS LEGAL A partir das leis que ainda não foram cumpridas e que determinam a estrutura e funcionamento do SUS: Propostas do ministério da saúde Brasília, 25/01/2017 Lei 141 Art. 30. Os planos plurianuais,

Leia mais

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo Sistemas de Informações Gerenciais A Empresa e os Sistemas de Informação Conceito de Sistemas Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE PROCESSAMENTO DE DADOS TÍTULO I DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DO CENTRO CAPÍTULO I DO CENTRO E DE SEUS OBJETIVOS Art. 1º O Centro de Processamento de Dados, Órgão Suplementar

Leia mais

Informações importantes

Informações importantes Processo de migração: consiste na conversão da sua caixa de GroupWise para um formato que Outlook reconheça e importe as informações para a sua nova caixa, dentro de um novo servidor. Dessa forma, durante

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Dr. José Luiz Viana Coutinho Código: 073 Município: Jales Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Qualificação Técnica de

Leia mais

SEGMENTO DE CERVEJARIA ARTESANAL_ APRESENTAÇÃO DE SOFTWARE

SEGMENTO DE CERVEJARIA ARTESANAL_ APRESENTAÇÃO DE SOFTWARE SEGMENTO DE CERVEJARIA ARTESANAL_ APRESENTAÇÃO DE SOFTWARE DESEMPENHO E QUALIDADE_ O Open Manager é um sistema de gestão empresarial dinâmico e intuitivo, aplicado a gerenciar e operacionalizar processos

Leia mais

Aula 4 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS DISTRIBUÍDOS. Marcelo Henrique dos Santos

Aula 4 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS DISTRIBUÍDOS. Marcelo Henrique dos Santos Aula 4 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS DISTRIBUÍDOS Marcelo Henrique dos Santos Marcelo Henrique dos Santos Email: Site: marcelosantos@outlook.com www.marcelohsantos.com.br TECNOLOGIA EM JOGOS

Leia mais

GESTÃO DA MANUTENÇÃO DE FROTAS. "SOFIT 4TRANSPORT O SOFTWARE MAIS LEVE E FÁCIL DE USAR.

GESTÃO DA MANUTENÇÃO DE FROTAS. SOFIT 4TRANSPORT O SOFTWARE MAIS LEVE E FÁCIL DE USAR. GESTÃO DA MANUTENÇÃO DE FROTAS. "SOFIT 4TRANSPORT O SOFTWARE MAIS LEVE E FÁCIL DE USAR. ALGUNS DESAFIOS NÃO MUDAM Aumento no preço dos combustíveis Prazo de entrega reduzido Aumento no preço dos pneus

Leia mais