FAZENDO CIDADES FUNCIONAREM PARA AS PESSOAS.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FAZENDO CIDADES FUNCIONAREM PARA AS PESSOAS."

Transcrição

1 FAZENDO CIDADES FUNCIONAREM PARA AS PESSOAS

2 simule a vida real Legion Spaceworks Reconhecido mundialmente como o software líder de mercado em sua categoria, SpaceWorks simula o movimento de pedestres com precisão, baseado em medições reais de pessoas, fornecendo todas as ferramentas necessárias para a criação de modelos, análise e compartilhamento com as partes interessadas. Cidades ao redor do mundo estão crescendo a um ritmo sem precedentes, criando uma demanda sobre governos, gestores de transportes e outros operadores de infraestrutura para que sejam disponibilizados espaços públicos seguros e eficientes considerando restrições orçamentárias. Legion EVAC Derivado do SpaceWorks e destinado a grande circulação, Evac é dedicado a modelagem de evacuações em todos os tipos de infraestrutura. A Legion é pioneira no desenvolvimento de software para simular o movimento de pedestres em construções e ambientes urbanos. Legion é a escolha de proprietários e operadores de infraestrutura, além dos principais consultores de engenharia e arquitetura ao redor do mundo, para ajudar a conceber e validar projetos em áreas como:» Estações metro-ferroviárias e terminais de ônibus» Aeroportos e portos» Estádios» Edifícios comerciais e públicos» Grandes eventos (ex. Jogos Olímpicos)» Cidades (incluindo interação com veículos) Para tais áreas, o projeto e os procedimentos operacionais precisam estar corretos desde o princípio. Caso contrário, custos adicionais podem surgir e o baixo desempenho pode durar por anos ou até décadas. Serviços A Legion também fornece treinamentos e consultoria especializada. O melhor valor agregado vem da utilização destes serviços nos estágios iniciais do planejamento de projetos. Pesquisa e Desenvolvimento Nós entendemos que o mundo continua mudando, portanto, nossa pesquisa permanece em curso para que nossa coleção de simulações e resultados continue a ser a maior do mercado. A chave para o desempenho ideal é: teste antes de gastar. Simulações baseadas nos princípios científicos corretos permitem testar planos antes da execução e investimentos financeiros. Também é possível entender como otimizar a estratégia operacional para que sejam atingidos a capacidade, segurança e conforto necessários.

3 Economize tempo e dinheiro: Teste antes de gastar Tome decisões com confiança baseadas em dados seguros e informações visuais Melhore a experiência dos clientes e a capacidade da infraestrutura Otimize segurança e eficiência testando diferentes procedimentos operacionais

4 Soluções para múltiplos mercados Metro Ferroviário e Trânsito Esportes e Grandes Eventos Urbano e comercial Aviação A Legion é usada por mais da metade das 40 maiores agências de transportes do mundo A Legion tem sido usada por todos os jogos Olímpicos desde Sidney Cidades ao redor do mundo confiam na Legion para validar seus planos SpaceWorks é o software de simulação mais adotado no setor metro ferroviário e de trânsito. Otimizar o fluxo dos pedestres, utilizar o espaço de maneira segura e eficiente e implementar esquemas funcionais são fundamentais para o sucesso e sustentabilidade de um sistema ferroviário ou de metrô. Utilizada para testar diferentes cenários de circulação de pedestres, incluindo entradas, saídas, evacuações e interação dos estádios com os serviços de trânsito. Segurança, acessibilidade e uma experiência positiva dos visitantes são os principais resultados que podem ser alcançados utilizando as simulações e análises da Legion. Utilizada para modelar e analisar edifícios comerciais e centros urbanos, através da integração com simulações de tráfego ou aplicações comerciais, Legion é utilizada por uma ampla gama de clientes para simular planos e fazêlos funcionar da melhor forma. Autoridades aeroportuárias utilizam a Legion para simular ambientes complexos Operações aeroportuárias são complexas, muitas vezes com elevados níveis de tráfego através de check-in, controle de passaporte, segurança e coleta de bagagem, além de elevadores, escadas e escadas rolantes. Todos estes procedimentos e estruturas podem ser simulados, analisados, redesenhados e otimizados para uma melhor segurança e desempenho.

5 Legion Limited Londres São Paulo Nova Iorque Madri Bangkok Hong Kong Xangai Os softwares da Legion estão disponíveis em uma variedade de esquemas de licenciamento. Para informações adicionais, por favor contate:

Demonstração Internacional da Plataforma de informações de tráfego e de trânsito

Demonstração Internacional da Plataforma de informações de tráfego e de trânsito Demonstração Internacional da Plataforma de informações de tráfego e de trânsito As grandes cidades e áreas metropolitanas encaram o aumento da demanda nos sistemas de transportes, especialmente nas regiões

Leia mais

MODELAGEM E SIMULAÇÃO

MODELAGEM E SIMULAÇÃO MODELAGEM E SIMULAÇÃO Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza edwin@engenharia-puro.com.br www.engenharia-puro.com.br/edwin Análise da Decisão Pela própria natureza da vida, todos nós devemos continuamente

Leia mais

Curso de Bacharelado em Ciência da Computação

Curso de Bacharelado em Ciência da Computação Curso de Bacharelado em Ciência da Computação Há um século, riqueza e sucesso vinham para aqueles que produziam e distribuíam mercadorias manufaturadas. Hoje, riqueza e sucesso vêm para aqueles que utilizam

Leia mais

ESTRATÉGIAS PARA ADAPTAÇÃO DA OFERTA À PROCURA NUMA REDE DE METRO SEM GRANDES INVESTIMENTOS

ESTRATÉGIAS PARA ADAPTAÇÃO DA OFERTA À PROCURA NUMA REDE DE METRO SEM GRANDES INVESTIMENTOS XI Congresso Nacional da ADFERSIT Os Transportes, a Energia e o Ambiente ESTRATÉGIAS PARA ADAPTAÇÃO DA OFERTA À PROCURA NUMA REDE DE METRO SEM GRANDES INVESTIMENTOS Pedro Vazão de Almeida (Engenheiro reformado)

Leia mais

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE TRANSPORTE

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE TRANSPORTE Capítulo 1 INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE TRANSPORTE Tecnologia dos Transportes 2 SISTEMAS DE TRANSPORTE E SOCIEDADE De extrema importância para o desenvolvimento de uma sociedade O desenvolvimento está diretamente

Leia mais

SMART ASSET CONTROL SOLUTION OTIMIZANDO A UTILIZAÇÃO DE ATIVOS MÓVEIS PARA MELHORES RESULTADOS

SMART ASSET CONTROL SOLUTION OTIMIZANDO A UTILIZAÇÃO DE ATIVOS MÓVEIS PARA MELHORES RESULTADOS BROCHURE VENTURES SMART ASSET CONTROL SOLUTION OTIMIZANDO A UTILIZAÇÃO DE ATIVOS MÓVEIS PARA MELHORES RESULTADOS O DESAFIO DO CONTROLE DE EQUIPAMENTOS MÓVEIS Com o desafio econômico atual e a alta concorrência,

Leia mais

CASO DE SUCESSO: REDUÇÃO DE PESO USANDO OTIMIZAÇÃO

CASO DE SUCESSO: REDUÇÃO DE PESO USANDO OTIMIZAÇÃO CASO DE SUCESSO: REDUÇÃO DE PESO USANDO OTIMIZAÇÃO Índice Atividade... 3 Qual foi o Desafio para a VirtualCAE... 4 Qual a Solução... 5 Otimização Estrutural: Entenda o que é... 6 Benefícios... 7 Depoimento...

Leia mais

Como Superar o Desafio do Financiamento dos Projetos de Infraestrutura? Thomaz Assumpção

Como Superar o Desafio do Financiamento dos Projetos de Infraestrutura? Thomaz Assumpção Como Superar o Desafio do Financiamento dos Projetos de Infraestrutura? Thomaz Assumpção A Urban Systems é uma empresa de Inteligência de Mercado e Soluções há 17 anos no mercado. Realizou mais de 700

Leia mais

OVERVIEW. eventos simultâneos ao IBAS

OVERVIEW. eventos simultâneos ao IBAS OVERVIEW» Primeiro Air show do Brasil» Cerimônia de abertura com a presença de autoridades» Exposição estática de aeronaves e equipamentos» Pavilhão de exposição indoor» Espaço formação, tecnologia e inovação»

Leia mais

COMUNICAÇÕES TÉCNICAS 21º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO SÃO PAULO 28, 29 E 30 DE JUNHO DE 2017

COMUNICAÇÕES TÉCNICAS 21º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO SÃO PAULO 28, 29 E 30 DE JUNHO DE 2017 COMUNICAÇÕES TÉCNICAS 21º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO SÃO PAULO 28, 29 E 30 DE JUNHO DE 2017 A ANTP convida a todos os integrantes das entidades associadas, seus membros individuais e

Leia mais

Plano de mobilidade urbana de carga: proposta e desafios para as cidades brasileiras. Leise Kelli de Oliveira UFMG

Plano de mobilidade urbana de carga: proposta e desafios para as cidades brasileiras. Leise Kelli de Oliveira UFMG Plano de mobilidade urbana de carga: proposta e desafios para as cidades brasileiras Leise Kelli de Oliveira UFMG Distribuição Urbana de Mercadorias n Entrega ou Coleta de mercadorias no ambiente urbano

Leia mais

PLANO DE MOBILIDADE URBANA DE SÃO PAULO

PLANO DE MOBILIDADE URBANA DE SÃO PAULO PLANO DE MOBILIDADE URBANA DE SÃO PAULO setembro 2014 Plano de Mobilidade Urbana de São Paulo Documentos de referência referências Plano Municipal de Circulação Viária e de Transporte - 2003 Consolidou

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL-AERONÁUTICA. São José dos Campos, 20 de Agosto de 2014

RELATÓRIO DE ESTÁGIO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL-AERONÁUTICA. São José dos Campos, 20 de Agosto de 2014 INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL-AERONÁUTICA RELATÓRIO DE ESTÁGIO São José dos Campos, 20 de Agosto de 2014 Felipe Moreira Ribeiro FOLHA DE APROVAÇÃO Relatório Final de Estágio

Leia mais

JOUBERT FORTES FLORES FILHO

JOUBERT FORTES FLORES FILHO PAINEL 3 DESAFIOS DA OPERAÇÃO DE SISTEMAS METROFERROVIÁRIOS EM GRANDES EVENTOS JOUBERT FORTES FLORES FILHO DIRETOR DE OPERAÇÕES METRÔ - SP DESAFIOS DA OPERAÇÃO DE SISTEMAS METROFERROVIÁRIOS EM UM CENÁRIO

Leia mais

Regeneração de Energia & Otimização de Custos

Regeneração de Energia & Otimização de Custos Regeneração de Energia & Otimização de Custos Cristiano L. Saito 27/11/2015 1 2 Alstom HESOP HESOP 27/11/2015 P 2 Alstom Oferta integrada para sistemas metro-ferroviários Gama Completa => Material Rodante

Leia mais

SISTEMA BRT AV. JOÃO NAVES DE ÁVILA CORREDOR ESTRUTURAL SUDESTE

SISTEMA BRT AV. JOÃO NAVES DE ÁVILA CORREDOR ESTRUTURAL SUDESTE SISTEMA BRT AV. JOÃO NAVES DE ÁVILA CORREDOR ESTRUTURAL SUDESTE Inicialmente, o que é BRT? O BRT (Bus Rapid Transit), ou Transporte Rápido por Ônibus, é um sistema de transporte coletivo de passageiros

Leia mais

UM AEROPORTO MELHOR GANHA VIDA

UM AEROPORTO MELHOR GANHA VIDA Plano de Desenvolvimento do Aeroporto de Faro 015-017 UM AEROPORTO MELHOR GANHA VIDA Plano de Desenvolvimento do Aeroporto de Faro 015-017 Plano de Desenvolvimento do Aeroporto de Faro 015-017 Plano de

Leia mais

Consultoria Swagelok de Mangueiras PENSADO PARA TIRAR A PRESSÃO SOBRE VOCÊ.

Consultoria Swagelok de Mangueiras PENSADO PARA TIRAR A PRESSÃO SOBRE VOCÊ. Consultoria Swagelok de Mangueiras PENSADO PARA TIRAR A PRESSÃO SOBRE VOCÊ. Falhas de mangueiras montadas requerem tempo e recursos que você simplesmente não tem. Esteja preparado com uma abordagem preventiva

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2017

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2017 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2017 TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA ESPECIALIZADA PARA APOIAR A EQUIPE DO PROJETO SIMULAÇÃO DO POTENCIAL DOS IMPACTOS DE UMA GAMA DE CENÁRIOS SOCIOECONÔMICOS

Leia mais

Sumário DOCUMENTO 2 DO ANEXO 1 - PARTE I - ANEXO Arquitetura - Urbanismo

Sumário DOCUMENTO 2 DO ANEXO 1 - PARTE I - ANEXO Arquitetura - Urbanismo http://www.bancodobrasil.com.br 1 DOCUMENTO 2 DO ANEXO 1 - PARTE I - ANEXO 15.1.6 Arquitetura - Urbanismo Sumário 1. OBJETIVO... 2 2. CONDIÇÕES GERAIS... 2 3. CONDIÇÕES ESPECÍFICAS... 2 3.1 Lado Terra...

Leia mais

Pesquisa Operacional Introdução. Profa. Alessandra Martins Coelho

Pesquisa Operacional Introdução. Profa. Alessandra Martins Coelho Pesquisa Operacional Introdução Profa. Alessandra Martins Coelho julho/2014 Operational Research Pesquisa Operacional - (Investigação operacional, investigación operativa) Termo ligado à invenção do radar

Leia mais

UML. Rodrigo Leite Durães.

UML. Rodrigo Leite Durães. UML Rodrigo Leite Durães. rodrigo_l_d@yahoo.com.br O que é Análise de Software? UML: É o estágio de um sistema que captura os requisitos e o domínio do problema, focalizando no que deve ser feito, não

Leia mais

Gestão voluntária de carbono e de eficiência energética

Gestão voluntária de carbono e de eficiência energética Gestão voluntária de carbono e de eficiência energética Gestão voluntária de carbono e de eficiência energética A ANA Aeroportos de Portugal (ANA) reconhece que as alterações climáticas são um dos maiores

Leia mais

Relação entre investimentos e modelagem financeira. Cyriel Kronenburg, November 27, 2008

Relação entre investimentos e modelagem financeira. Cyriel Kronenburg, November 27, 2008 Relação entre investimentos e modelagem financeira Cyriel Kronenburg, November 27, 2008 O transporte aéreo é crítico para a economia global Somos uma indústria de US$ 450 bilhões anuais Sustentamos US$

Leia mais

Mobilidade Urbana. Aspectos Gerais Infraestrutura PMUS Além de Infraestrutura Novos Caminhos

Mobilidade Urbana. Aspectos Gerais Infraestrutura PMUS Além de Infraestrutura Novos Caminhos Mobilidade Urbana Mobilidade Urbana Aspectos Gerais Infraestrutura PMUS Além de Infraestrutura Novos Caminhos Aspectos Gerais LEI Nº 12.587, DE 3 DE JANEIRO DE 2012, Política Nacional de Mobilidade Urbana

Leia mais

MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana. O Brasil vai continuar crescendo

MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana. O Brasil vai continuar crescendo MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana O Brasil vai continuar crescendo O Brasil vai continuar crescendo PAVIMENTAÇÃO E QUALIFICAÇÃO DE VIAS URBANAS MINISTÉRIO

Leia mais

CYBERGYM #CG002 POR SERVIÇOS DE DEFESA CIBERNÉTICA

CYBERGYM #CG002 POR SERVIÇOS DE DEFESA CIBERNÉTICA CYBERGYM #CG002 POR SERVIÇOS DE DEFESA CIBERNÉTICA DESIGN, DESENVOLVIMENTO E AJUSTE Design, estabelecimento e monitoração abrangentes e estratégicas de soluções de defesa cibernética utilizando o know-how

Leia mais

Parceiro lider de tecnologia de processo utiliza ferramentas avançadas para aumentar o valor para seus clientes

Parceiro lider de tecnologia de processo utiliza ferramentas avançadas para aumentar o valor para seus clientes Tecnologia de processamento Parceiro lider de tecnologia de processo utiliza ferramentas avançadas para aumentar o valor para seus clientes Produtos Tecnomatix, NX Desafios de negócios Aumentar a abrangência

Leia mais

Conceitos Básicos INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO E SUAS APLICAÇÕES

Conceitos Básicos INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO E SUAS APLICAÇÕES FACULDADE DOS GUARARAPES INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO E SUAS APLICAÇÕES Conceitos Básicos Prof. Rômulo César romulodandrade@gmail.com romulocesar@faculdadeguararapes.edu.br www.romulocesar.com.br INTRODUÇÃO

Leia mais

PESQUISA OPERACIONAL APLICADA A LOGÍSTICA

PESQUISA OPERACIONAL APLICADA A LOGÍSTICA PESQUISA OPERACIONAL APLICADA A LOGÍSTICA Pós-Graduação em Logística e Supply Chain Valdick Sales 1 APRESENTAÇÃO Valdick sales Graduado em Ciência da Computação pela UFPE. Pós-Graduado em Redes e Banco

Leia mais

Transporte Coletivo: Chegando mais rápido ao futuro. Repensar Mobilidade em Transporte Coletivo

Transporte Coletivo: Chegando mais rápido ao futuro. Repensar Mobilidade em Transporte Coletivo Repensar Mobilidade em Transporte Coletivo As Cidades mudaram População mudou A Economia mudou Os Meios de Transportes mudaram E nós? Ainda pensamos igual ao passado? Em TRANSPORTE COLETIVO chega-se ao

Leia mais

FALTA DINHEIRO OU BOA APLICAÇÃO DOS RECURSOS?

FALTA DINHEIRO OU BOA APLICAÇÃO DOS RECURSOS? FALTA DINHEIRO OU BOA APLICAÇÃO DOS RECURSOS? Análise sintética do estudo internacional SPLISS consórcio de universidades que comparou as políticas esportivas com o sucesso internacional em 15 países O

Leia mais

SECRETARIA DE TRANSPORTES

SECRETARIA DE TRANSPORTES SECRETARIA DE TRANSPORTES Major Events Grandes Eventos 2013 Copa das Confederações 2013 Jornada Mundial da Juventude Católica 2014 Copa do Mundo de Futebol 2016 Jogos Olímpicos Soluções de Mobilidade para

Leia mais

O DMAIC é um método sistemático, baseado em dados e no uso de ferramentas estatísticas, para o desenvolvimento dos projetos Lean Seis Sigma.

O DMAIC é um método sistemático, baseado em dados e no uso de ferramentas estatísticas, para o desenvolvimento dos projetos Lean Seis Sigma. O DMAIC é um método sistemático, baseado em dados e no uso de ferramentas estatísticas, para o desenvolvimento dos projetos Lean Seis Sigma. O Método DMAIC do Lean Seis Sigma Por Cristina Werkema Como

Leia mais

Pesquisa Operacional Introdução. Profa. Alessandra Martins Coelho

Pesquisa Operacional Introdução. Profa. Alessandra Martins Coelho Pesquisa Operacional Introdução Profa. Alessandra Martins Coelho agosto/2013 Operational Research Pesquisa Operacional - (Investigação operacional, investigación operativa) Termo ligado à invenção do radar

Leia mais

CONCESSÃO DA ESTAÇÃO DE TRANSBORDO CLERISTON ANDRADE (ESTAÇÃO DA LAPA) SECRETARIA MUNICIPAL DE MOBILIDADE - SEMOB 1

CONCESSÃO DA ESTAÇÃO DE TRANSBORDO CLERISTON ANDRADE (ESTAÇÃO DA LAPA) SECRETARIA MUNICIPAL DE MOBILIDADE - SEMOB 1 CONCESSÃO DA ESTAÇÃO DE TRANSBORDO CLERISTON ANDRADE (ESTAÇÃO DA LAPA) SECRETARIA MUNICIPAL DE MOBILIDADE - SEMOB 1 ESTAÇÃO DA LAPA Inaugurada em 7 de novembro de 1982; Maior terminal rodoviário de Salvador;

Leia mais

4 O Modelo Termodinâmico da Turbina a Gás

4 O Modelo Termodinâmico da Turbina a Gás 4 O Modelo Termodinâmico da Turbina a Gás 4.1. Introdução Com o intuito de realizar o diagnóstico de falhas em turbinas a gás, são necessários muitos dados para a análise de falha dos componentes. O diagnóstico

Leia mais

SERVIÇO CIP NORMAS DE FUNCIOMENTO

SERVIÇO CIP NORMAS DE FUNCIOMENTO SERVIÇO CIP NORMAS DE FUNCIOMENTO CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES O atendimento constitui, um vector primordial da estratégia empresarial, devido, à comoditização de produtos e serviços. Sendo uma variável

Leia mais

COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES PROJETO DE LEI Nº 6.876, DE 2010

COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES PROJETO DE LEI Nº 6.876, DE 2010 COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES PROJETO DE LEI Nº 6.876, DE 2010 Altera a Lei nº 10.233, 2001, que dispõe sobre a reestruturação dos transportes aquaviário e terrestre, e dá outras providências. Autor:

Leia mais

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 03 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. Samarone Ruas

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. Samarone Ruas EFICIÊNCIA ENERGÉTICA Samarone Ruas 1 Introdução O aumento dos preços da energia, a consciência ambiental e o número crescente de regulamentações, têm levado as pessoas do mundo da indústria a cada vez

Leia mais

Simulação, simuladores e projetos de controle. O uso de simuladores no projeto de sistemas de controle

Simulação, simuladores e projetos de controle. O uso de simuladores no projeto de sistemas de controle Simulação, simuladores e projetos de controle O uso de simuladores no projeto de sistemas de controle 1 Definição n O que é simulação? É a representação de um processo ou sistema, em suas definições mais

Leia mais

BRT: Uma visão sistêmica

BRT: Uma visão sistêmica BRT: Uma visão sistêmica Gustavo Nogueira Marketing do Produto Sistemas de Transporte BRT Campinas, 20 de janeiro de 2016 Presença global da Daimler Ônibus América do Norte Espanha Alemanha México Turquia

Leia mais

Reconhecendo a importância e a significativa contribuição da aviação civil para o desenvolvimento sócio econômico de seus países e

Reconhecendo a importância e a significativa contribuição da aviação civil para o desenvolvimento sócio econômico de seus países e Memorando de Entendimento sobre a Parceria em Aviação entre o Governo da República Federativa do Brasil e o Governo dos Estados Unidos da América O Governo da República Federativa do Brasil e O Governo

Leia mais

Regional Nordeste Concessões e Parcerias. Ampliação das Oportunidades de Negócios 01 de Outubro de 2015 Fortaleza

Regional Nordeste Concessões e Parcerias. Ampliação das Oportunidades de Negócios 01 de Outubro de 2015 Fortaleza Regional Nordeste Concessões e Parcerias Ampliação das Oportunidades de Negócios 01 de Outubro de Fortaleza Programa de Gestão de PPPs do Estado do Piauí Viviane Moura Bezerra Superintendente de Parcerias

Leia mais

Introdução controle manual pelo coordenador da disciplina: abordagem conceitual: jogos lúdicos:

Introdução controle manual pelo coordenador da disciplina: abordagem conceitual: jogos lúdicos: 1 Introdução Desde a última década, uma nova forma de ensino na área administrativa tem chamado a atenção por seu espírito inovador, pela forma dinâmica de seu aprendizado e pela criatividade estimulada

Leia mais

TP052-PESQUISA OPERACIONAL I Introdução. Prof. Volmir Wilhelm Curitiba, Paraná, Brasil

TP052-PESQUISA OPERACIONAL I Introdução. Prof. Volmir Wilhelm Curitiba, Paraná, Brasil TP052-PESQUISA OPERACIONAL I Introdução Prof. Volmir Wilhelm Curitiba, Paraná, Brasil TP052-PESQUISA OPERACIONAL I Ementa Revisão de Álgebra Linear. Modelos de Programação Linear. O Método Simplex. O Problema

Leia mais

A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão. Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S.

A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão. Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S. A importância da mudança modal para tirar São Paulo da contramão Autora: Arqta. Melissa Belato Fortes Co-autora: Arqta. Denise H. S. Duarte Objeto da pesquisa Relação entre adensamento, multifuncionalidade

Leia mais

Produtividade e lucratividade

Produtividade e lucratividade Produtividade e lucratividade Soluções SKF para o setor de papel e celulose O Poder do Conhecimento em Engenharia Precisa atingir um nível superior? Fale com especialistas. Forças de mercado e o aumento

Leia mais

Introdução a Sistemas de Informação

Introdução a Sistemas de Informação Introdução a Sistemas de Informação Orivaldo Santana Jr A partir de slides elaborados por Ivan G. Costa Filho, Fernando Fonseca & Ana Carolina Salgado Graduação 1 Introdução Sistema de Informação (SI)

Leia mais

SOBRE A EQUIPE. SOBRE A I9Gestão

SOBRE A EQUIPE. SOBRE A I9Gestão SOBRE A EQUIPE A equipe da I9Gestão é formada por consultores experientes, altamente qualificados e apaixonados pelo que fazem. SOBRE A I9Gestão A I9Gestão Consultoria & Treinamento é especializada na

Leia mais

BENCHMARKING INTERNACIONAL GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS

BENCHMARKING INTERNACIONAL GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS WORKSHOP E VISITAS TÉCNICAS A INFRA ESTRUTURAS DE GESTÃO E VALORIZAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS EM PORTUGAL 1ª Edição: 05/12 a 09/12/2016 2ª Edição: 06/02 a 10/02/2017 APRESENTAÇÃO

Leia mais

Análise da alocação de slots aeroportuários no Brasil

Análise da alocação de slots aeroportuários no Brasil PET - Economia UnB 3 de junho de 2014 Motivação O artigo tem como objetivo analisar a alocação de slots aeroportuários no Brasil Estrutura 1 Introdução 2 3 Atual regulação Proposta de resolução 4 5 6 Importância

Leia mais

Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro Revisão da Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro

Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro Revisão da Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro 2012-2024 Revisão da Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro 2012-2024 Sumário: I. Modelo de Projeção II. Principais Premissas da Matriz Energética III.

Leia mais

Gestão de Riscos Transporte e Armazenamento de Petróleo, Derivados e Gás Natural

Gestão de Riscos Transporte e Armazenamento de Petróleo, Derivados e Gás Natural Aon Risk Solutions Gestão de Riscos Transporte e Armazenamento de Petróleo, Derivados e Gás Natural Risk. Reinsurance. Human Resources. Integração de riscos de processo, projetos, governança e seguros

Leia mais

PROGRAMA ANTP OBSERVADORES DA MOBILIDADE URBANA COPA DAS CONFEDERACOES FIFA Belo Horizonte Brasília Fortaleza Recife Rio de Janeiro Salvador

PROGRAMA ANTP OBSERVADORES DA MOBILIDADE URBANA COPA DAS CONFEDERACOES FIFA Belo Horizonte Brasília Fortaleza Recife Rio de Janeiro Salvador PROGRAMA ANTP OBSERVADORES DA MOBILIDADE URBANA COPA DAS CONFEDERACOES FIFA 2013 Belo Horizonte Brasília Fortaleza Recife Rio de Janeiro Salvador Objetivos Conhecimento do Plano Operacional de Mobilidade

Leia mais

Os salários de 15 áreas de TI nas cinco regiões do Brasil

Os salários de 15 áreas de TI nas cinco regiões do Brasil Os salários de 15 áreas de TI nas cinco regiões do Brasil Entre 2011 e 2012, os salários na área de tecnologia da informação (TI) cresceram em média 10,78% um número animador, que pode motivar jovens estudantes

Leia mais

2º TRIMESTRE de 2016 abril a junho AEROPORTO SANTOS DUMONT - RIO DE JANEIRO (SBRJ)

2º TRIMESTRE de 2016 abril a junho AEROPORTO SANTOS DUMONT - RIO DE JANEIRO (SBRJ) 2º TRIMESTRE de 2016 abril a junho AEROPORTO SANTOS DUMONT - RIO DE JANEIRO (SBRJ) COORDENAÇÃO DA PESQUISA EXECUÇÃO DAS COLETAS COLABORAÇÃO INTEGRANTES DO COMITÊ DE DESEMPENHO OPERACIONAL AGÊNCIA NACIONAL

Leia mais

Por que melhorar o processo? Melhoria do Processo de Software. De onde veio a idéia? Qualidade de Software

Por que melhorar o processo? Melhoria do Processo de Software. De onde veio a idéia? Qualidade de Software DCC / ICEx / UFMG Por que melhorar o processo? Melhoria do Processo de Software Eduardo Figueiredo http://www.dcc.ufmg.br/~figueiredo Há uma relação direta entre qualidade do processo e qualidade do produto

Leia mais

ESTRUTURAÇÃO DE TERMINAIS DE INTEGRAÇÃO EM SISTEMAS DE TRANSPORTE URBANO DE PASSAGEIROS

ESTRUTURAÇÃO DE TERMINAIS DE INTEGRAÇÃO EM SISTEMAS DE TRANSPORTE URBANO DE PASSAGEIROS ESTRUTURAÇÃO DE TERMINAIS DE INTEGRAÇÃO EM SISTEMAS DE TRANSPORTE URBANO DE PASSAGEIROS Maria Helena Stagi Hossmann Vania Barcellos Gouvêa Campos ESTRUTURAÇÃO DE TERMINAIS DE INTEGRAÇÃO EM SISTEMAS DE

Leia mais

ANAC divulga minuta de edital de concessão de Galeão e Confins

ANAC divulga minuta de edital de concessão de Galeão e Confins ANAC divulga minuta de edital de concessão de Galeão e Confins A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) aprovou, nesta quarta-feira (29/05), a minuta do Edital de Leilão e do Contrato

Leia mais

Universidade Presbiteriana Mackenzie Escola de Engenharia Depto. de Engenharia Civil 1 0 semestre de Aula 3. Características do tráfego

Universidade Presbiteriana Mackenzie Escola de Engenharia Depto. de Engenharia Civil 1 0 semestre de Aula 3. Características do tráfego Universidade Presbiteriana Mackenzie Escola de Engenharia Depto. de Engenharia Civil 1 0 semestre de 2016 Aula 3 Características do tráfego Recomendações de leitura: - Texto VII: Cidades abarrotadas de

Leia mais

BR Home Centers: planejamento com SAP Business Planning & Consolidation para seguir crescendo

BR Home Centers: planejamento com SAP Business Planning & Consolidation para seguir crescendo BR Home Centers: planejamento com SAP Business Planning & Consolidation para seguir crescendo Um dos maiores grupos varejistas da área de material para construção do Brasil, o BR Home Centers adotou o

Leia mais

Saab apresenta soluções para otimização da gestão de aeroportos durante a Airport Infra Expo 2015

Saab apresenta soluções para otimização da gestão de aeroportos durante a Airport Infra Expo 2015 Saab apresenta soluções para otimização da gestão de aeroportos durante a Airport Infra Expo 2015 Ferramentas já utilizadas, com sucesso, em aeroportos como Nova York, Paris e Hong Kong, oferecem importantes

Leia mais

Microsoft Faculty Connection

Microsoft Faculty Connection Microsoft Faculty Connection Plataforma de Jogos como Ferramenta Multidisciplinar Prof. Dr. LucianoAntonio Digiampietri EACH-USP Roteiro Introdução Objetivos Detalhamentodo Projeto Conclusões Introdução

Leia mais

Insight for a better planet SOLUÇÕES EM PLANEJAMENTO, AGENDAMENTO E OTIMIZAÇÃO FLORESTAL

Insight for a better planet SOLUÇÕES EM PLANEJAMENTO, AGENDAMENTO E OTIMIZAÇÃO FLORESTAL Insight for a better planet SOLUÇÕES EM PLANEJAMENTO, AGENDAMENTO E OTIMIZAÇÃO FLORESTAL www.remsoft.com 1 Excelência em planejamento e otimização de processos decisórios Líder em tecnologias de otimização

Leia mais

3i Buildings. Intelligent, Interactive and Immersive. Buildings para o telemóvel e interagem com o

3i Buildings. Intelligent, Interactive and Immersive. Buildings para o telemóvel e interagem com o 3i Buildings 3i Buildings Atenta aos desafios colocados às cidades em matéria de sustentabilidade e gestão eficiente de recursos, a Siemens aposta nas tecnologias de informação e comunicação (TIC), para

Leia mais

ENGENHARIA DE TRÁFEGO

ENGENHARIA DE TRÁFEGO ENGENHARIA DE TRÁFEGO Capítulo 1: A ENGENHARIA DE TRÁFEGO trata de atividades presentes no nosso dia a dia: a mobilidade das pessoas, o transporte de bens e sua relação com o ambiente tem importante função

Leia mais

O amplificador operacional

O amplificador operacional Instituto Superior Técnico Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores Área de Electrónica O amplificador operacional (simulação com Pspice) Trabalho de Laboratório Teoria de Circuitos

Leia mais

CONSIDERAÇÕES BÁSICAS SOBRE PROJETO DE MUSEU DE ARTES VISUAIS 1

CONSIDERAÇÕES BÁSICAS SOBRE PROJETO DE MUSEU DE ARTES VISUAIS 1 CONSIDERAÇÕES BÁSICAS SOBRE PROJETO DE MUSEU DE ARTES VISUAIS 1 PONTOS- CHAVE Possibilidade de expansão Circulações (atender as normas/ser espaço de transição/exposição) Armazenamento/Depósito Controle

Leia mais

Combinar Excelência Operacional com Sustentabilidade Financeira

Combinar Excelência Operacional com Sustentabilidade Financeira Combinar Excelência Operacional com Sustentabilidade Financeira Alvaro Caballero Rey / Gerente Comercial e Assuntos Corporativos, Metro de Santiago do Chile, Setembro 2015 Temas 1. Introdução 2. Estratégia

Leia mais

SofitView! Uma nova forma de fazer gestão da sua frota

SofitView! Uma nova forma de fazer gestão da sua frota SofitView! Uma nova forma de fazer gestão da sua frota ALGUNS DESAFIOS NÃO MUDAM... DESAFIOS INTERNOS Aumento da disponibilidade da frota Redução dos custos da frota Controle dos custos por KM rodado Decisões

Leia mais

@aviacaocivil

@aviacaocivil www.aviacaocivil.gov.br faleconosco@aviacaocivil.gov.br /AviacaoGovBr @aviacaogovbr @AviacaoGovBr @aviacaocivil Arranjo Institucional Março PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Formular, coordenar e supervisionar

Leia mais

Paradigmas da Engenharia de Software AULA PROF. ABRAHAO LOPES

Paradigmas da Engenharia de Software AULA PROF. ABRAHAO LOPES Paradigmas da Engenharia de Software AULA 03-04 PROF. ABRAHAO LOPES Introdução O processo de software é visto por uma sequência de atividades que produzem uma variedade de documentos, resultando em um

Leia mais

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR HOME OFFICE MANAGEMENT A MELHOR FORMA DE TRABALHAR www.homeoffice.com.br CONTATO Telefone: (11) 4321-2204 E-mail: contato@homeoffice.com.br /homeofficemanagement /homeofficemanagement /homeofficemanagement

Leia mais

SECRETARIA DE TRANSPORTES

SECRETARIA DE TRANSPORTES XIII CONFERÊNCIA DAS CIDADES CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO URBANO TRANSPORTE E INTEGRAÇÃO SOCIAL TELEFÉRICO DO COMPLEXO DO ALEMÃO Julio Lopes Secretário de Transportes do Estado do Rio

Leia mais

Cidades Inteligentes. Engenharia Unificada Universidade Federal do ABC

Cidades Inteligentes. Engenharia Unificada Universidade Federal do ABC Cidades Inteligentes Engenharia Unificada Universidade Federal do ABC Introdução Por que você escolheu morar em uma cidade grande? Família? Trabalho? Estudo? Estilo de vida? Introdução Até 2050 cerca de

Leia mais

ANEXO V INDICADORES DE DESEMPENHO E QUALIDADE

ANEXO V INDICADORES DE DESEMPENHO E QUALIDADE ANEXO V INDICADORES DE DESEMPENHO E QUALIDADE VOLUME II INDICADORES DE DESEMPENHO Sumário 1. Indicadores de Desempenho... 3 1.1. Intervalo entre Trens (INT)... 3 1.2. Tempo Médio de Percurso nos Picos

Leia mais

O novo sistema de. performance do Rio e. transporte de alta. oportunidades. Pedro Junqueira CEO / Centro de Operações da Prefeitura do Rio

O novo sistema de. performance do Rio e. transporte de alta. oportunidades. Pedro Junqueira CEO / Centro de Operações da Prefeitura do Rio O novo sistema de transporte de alta performance do Rio e oportunidades Pedro Junqueira CEO / Centro de Operações da Prefeitura do Rio Sistema de Transporte do Rio de Janeiro Após seis anos de intervenções

Leia mais

Grupo ANA Aeroportos de Portugal S.A.

Grupo ANA Aeroportos de Portugal S.A. Grupo ANA Aeroportos de Portugal S.A. _Objectivos e Fins Exploração do serviço público aeroportuário de apoio à aviação civil nos aeroportos de Lisboa, Porto e Faro, bem como no terminal civil de Beja,

Leia mais

Nesse artigo veremos 5 razões para fazer um plano de negócios para uma empresa que já existe. Caso queira ir direto para elas, basta clicar abaixo:

Nesse artigo veremos 5 razões para fazer um plano de negócios para uma empresa que já existe. Caso queira ir direto para elas, basta clicar abaixo: Nesse artigo veremos 5 razões para fazer um plano de negócios para uma empresa que já. Caso queira ir direto para elas, basta clicar abaixo: 1. 2. 3. 4. 5. 6. Alinhar mudanças estratégicas com a operação

Leia mais

Gestão de sistemas em energia:

Gestão de sistemas em energia: MESTRADO EM ENERGIA Gestão de sistemas em energia: - Planejamento da Operação - Projeto de sistemas de energia Prof. Manuel Jarufe manueljarufe@ceunes.ufes.br Disciplina: Gestão de sistemas em energia

Leia mais

ESPAÇO URBANO: vias de circulação (hierarquias)

ESPAÇO URBANO: vias de circulação (hierarquias) UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DE URBANISMO - ENGENHARIA CIVIL ESPAÇO URBANO: vias de circulação (hierarquias)

Leia mais

Curso de Gestão de Mobilidade Urbana Ensaio Crítico Turma 18 Transporte Público coletivo como prioridade

Curso de Gestão de Mobilidade Urbana Ensaio Crítico Turma 18 Transporte Público coletivo como prioridade 1 Curso de Gestão de Mobilidade Urbana Ensaio Crítico Turma 18 Transporte Público coletivo como prioridade Fernando Soares dos Santos (*) O planejamento das cidades para as próximas décadas passa, necessariamente,

Leia mais

para uma cidade melhor

para uma cidade melhor PLANO DE MOBILIDADE URBANA DE SÃO CARLOS A participação da sociedade A participação da sociedade para uma cidade melhor Problemas urbanos Perda de tempo e dinheiro Viagens sem conforto Maior risco de

Leia mais

Parcerias Público- Privadas do Rio de Janeiro. Rio Metropolitano. Jorge Arraes. 09 de julho 2015

Parcerias Público- Privadas do Rio de Janeiro. Rio Metropolitano. Jorge Arraes. 09 de julho 2015 Parcerias Público- Privadas do Rio de Janeiro Rio Metropolitano Jorge Arraes 09 de julho 2015 Prefeitura do Rio de Janeiro Secretaria Especial de Concessões e Parcerias Público-Privadas Em 2009, institucionalizou-se

Leia mais

A era do Caos dos Dados. Assuma o controle do Caos dos Dados

A era do Caos dos Dados. Assuma o controle do Caos dos Dados A era do Caos dos Dados Assuma o controle do Caos dos Dados O grande desafio COM a era do big data o o o o o o o Os dados estão em toda parte (nem sempre em bancos de dados); Os dados chegam de toda parte

Leia mais

Empresa de referência no negócio da manutenção em Portugal. Detida em partes iguais pelos grupos José de Mello e Têxtil Manuel Gonçalves

Empresa de referência no negócio da manutenção em Portugal. Detida em partes iguais pelos grupos José de Mello e Têxtil Manuel Gonçalves 2 QUEM SOMOS Empresa de referência no negócio da manutenção em Portugal resultado da fusão entre as sociedades ATM Assistência Total e Manutenção e Efacec SMA (Serviços de Manutenção e Assistência), concretizada

Leia mais

Automação em Iluminação

Automação em Iluminação Automação em Iluminação Introdução A partir da crescente necessidade mundial de conservação de energia elétrica e sustentabilidade, aliada ao surgimento da tecnologia LED de alta eficiência energética,

Leia mais

Processo de gerenciamento de capacidade

Processo de gerenciamento de capacidade Processo de gerenciamento de capacidade O fornecimento da capacidade exigida para processamento e armazenamento de dados é tarefa do gerenciamento de capacidade. Isso é feito para que o provimento desta

Leia mais

Plataforma da Informação. Fundamentos da Excelência

Plataforma da Informação. Fundamentos da Excelência Plataforma da Informação Fundamentos da Excelência Modelo de Excelência em Gestão Fundamentos da Excelência O Modelo de Excelência em Gestão estimula e apoia as organizações no desenvolvimento e na evolução

Leia mais

Normas ISO:

Normas ISO: Universidade Católica de Pelotas Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina de Qualidade de Software Normas ISO: 12207 15504 Prof. Luthiano Venecian 1 ISO 12207 Conceito Processos Fundamentais

Leia mais

de Requisitos do Sistema BET de Fortaleza

de Requisitos do Sistema BET de Fortaleza ApÊNDICE A Documento de Requisitos do Sistema BET de Fortaleza Introdução Propósito Este documento descreve os requisitos de software para o sistema de controle de Bilhetes Eletrônicos para Transporte

Leia mais

SERVIÇOS PARA A CADEIA FOTOVOLTAICA

SERVIÇOS PARA A CADEIA FOTOVOLTAICA SERVIÇOS PARA A CADEIA FOTOVOLTAICA INOVAÇÃO CONSULTORIA ENGENHARIA CURSOS Números Enova Solar + 4.000 Profissionais treinados + 200 Projetos de Engenharia + 50 Consultorias realizadas Nossa missão? Quem

Leia mais

Gestão de operações aeroportuárias: componentes de um aeroporto

Gestão de operações aeroportuárias: componentes de um aeroporto Gestão de operações aeroportuárias: componentes de um aeroporto Definições: A/C: aircraft, aeronave; Acostamento: faixa lateral nas pistas ou pátios com revestimento tal que evite a ingestão pelas turbinas

Leia mais

EMD Brasil. EMD Brasil

EMD Brasil. EMD Brasil EMD Brasil EMD Brasil www.emdbrasil.com 02 Empresa Nosso Perfil EMD International A/S (EMD) é um centro de conhecimento e desenvolvimento de software fornecendo para empresas e instituições em todo o mundo

Leia mais

Portugal 2020 Inovar na Administração Pública

Portugal 2020 Inovar na Administração Pública Portugal 2020 Inovar na Administração Pública Jaime S. Andrez Vogal da Comissão Diretiva Lisboa 29 de abril de 2015 1 Driver da Competitividade Ambiente favorável aos negócios Emprego e Valor económico

Leia mais

Válvulas de Controle para Refrigeração Industrial

Válvulas de Controle para Refrigeração Industrial Válvulas de Controle para Refrigeração Industrial Catálogo CC-11c/US - Agosto 2010 ! ADVERTÊNCIA SELEÇÃO IMPRÓPRIA, FALHA OU USO IMPRÓPRIO DOS PRODUTOS E/OU SISTEMAS DESCRITOS NESTE CATÁLOGO OU NOS ITENS

Leia mais

SEDE DA PETROBRAS EM SANTOS. 20 de outubro de 2011 SEDE DE SANTOS. Organograma

SEDE DA PETROBRAS EM SANTOS. 20 de outubro de 2011 SEDE DE SANTOS. Organograma SEDE DA PETROBRAS EM SANTOS 2º SEMINÁRIO BIM SINDUSCON / SP 20 de outubro de 2011 SEDE DE SANTOS Organograma Visão SEDE Geral do Projeto DE SANTOS Perspectiva principal Visão Geral do Projeto 2011 2007

Leia mais

Sistemas Embarcados (embutidos) Paulo C. Masiero

Sistemas Embarcados (embutidos) Paulo C. Masiero Sistemas Embarcados (embutidos) Paulo C. Masiero Caracterização São usados para controlar sistemas de diferentes tipos: máquinas domésticas, fábricas, carros, jogos etc. O software é embutido no hardware

Leia mais