PROGRAMA DE MONITORIA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROGRAMA DE MONITORIA"

Transcrição

1 FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO VICENTE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO TECNOLOGIA EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL PROGRAMA DE MONITORIA Agosto/2010

2 2 1. O QUE É MONITORIA A Monitoria é a modalidade de ensino-aprendizagem, dentro das necessidades de formação acadêmica, destinada aos alunos regularmente matriculados. Pretende despertar o interesse pela docência, mediante, o desempenho de atividades ligadas ao ensino, possibilitando a experiência da vida acadêmica, por meio da participação em diversas funções da organização e desenvolvimento das disciplinas dos cursos, além de possibilitar a apropriação de habilidades em atividades didáticas, conforme as normas estabelecidas neste guia. O trabalho de monitoria é exercido por alunos selecionados conforme as condições estabelecidas e supervisionadas por docentes responsáveis pelas disciplinas, mediante critérios a serem definidos pelo curso. Em princípio, todas as disciplinas curriculares do curso poderão oferecer projetos de monitoria, voltados tanto à necessidade do curso como ao contexto social brasileiro. Os projetos de monitoria serão elaborados e implementados mediante discussão entre a Coordenação do Curso, os docentes e a representação discente. 2. MONITORIA: FORMA ALTERNATIVA DE TRABALHO PEDAGÓGICO Como observação fundamental, a monitoria tem como principais finalidades: colaborar com o docente nas questões didáticas; auxiliar o docente na elaboração do material para as aulas; realizar pesquisas junto aos temas da disciplina; envolver o discente nas questões metodológicas de pesquisa. Como princípio legal, o monitor jamais poderá substituir o docente em sua função de ministrar aulas. Durante os meses em que exercer a função, o monitor fará jus a uma ajuda de custo, em forma de bolsa de estudos, cujos limites serão definidos pela Instituição. 3. O MONITOR DA FATEF É o aluno de graduação concursado para exercer, juntamente com o professor, atividades técnico-didáticas condizentes com o seu grau de conhecimento junto à determinada disciplina, já por ele cursada. O MONITOR NÃO SUBSTITUI O PROFESSOR NA DISCIPLINA. 2

3 4. JORNADA E EXERCÍCIO DA MONITORIA O monitor cumprirá a sua jornada em horário não conflitante com o de suas aulas, 5 horas semanais, das 18h ás 19h, de 2ª a 6ª feira CANCELAMENTO DA MONITORIA A monitoria poderá ser cancelada nos seguintes casos: I- por indicação do professor da disciplina ao qual o monitor está vinculado, após aprovação do Colegiado de Curso; II- por trancamento de matrícula; III- por obtenção de freqüência inferior a 80% (oitenta por cento) às atividades de monitoria, a cada mês; IV- por apresentar rendimento escolar insatisfatório, com a média ponderada das notas das disciplinas que esteja cursando inferior a 6,0 (seis), ocorrendo a avaliação a cada bimestre; V- por não apresentar o formulário de acompanhamento mensal e/ou a avaliação final no prazo determinado. É DE TOTAL RESPONSABILIDADE DO PROFESSOR, ACOMPANHAR O MONITOR E SOLICITAR O CANCELAMENTO DA BOLSA NOS CASOS PREVISTOS, SOB PENA DE NÃO RENOVAÇÃO DA MESMA NO SEMESTRE SEGUINTE. 6. CERTIFICAÇÃO DA MONITORIA O aluno receberá, após o seu tempo de monitor, um certificado de monitoria contendo a disciplina e a carga horária da mesma, assinado pela Direção Acadêmica e pelo Coordenador Acadêmico. No caso de monitoria voluntária, é responsabilidade do professor e da coordenação de curso oferecer ao aluno uma declaração de que ele atuou como monitor voluntário da disciplina por dado período. 3

4 4 7. O PROCESSO SELETIVO A seleção dos candidatos às vagas de Monitoria, obedece aos seguintes critérios: 7.1 Somente pode inscrever-se, no exame de seleção, aluno que comprove aprovação, na disciplina ou atividade em que pretenda atuar, com nota igual ou superior a 7,0 (sete); 7.2 A inscrição será realizada segundo edital da Diretoria, conforme número de vagas fixado pelo Edital; 7.3 O processo de seleção será organizado e aplicado por uma comissão composta de, no mínimo, três professores, designada pelo Diretor. 7.4 Cabe ao Diretor homologar a classificação indicada pela comissão. 8. O REGIME DE TRABALHO O Monitor exerce suas atividades sem qualquer vínculo empregatício, cabendo à Mantenedora aplicar, ao exercício da Monitoria, os mesmos critérios adotados para os estagiários. 8.1 O Monitor exercerá suas atividades sob orientação de professor responsável pela disciplina ou atividade. 8.2 O horário das atividades do Monitor não pode, em hipótese alguma, prejudicar as atividades discentes. 8.3 As atividades de Monitor obedecem, em cada semestre, ao plano estabelecido pelo professor, aprovado pela Coordenação Acadêmica. 9. A BOLSA DE MONITORIA 9.1 Para o exercício de suas funções, ao Monitor será concedida uma bolsa, cujo valor é fixado pela Diretoria, obedecido o orçamento anual. 9.2 A renovação da bolsa de Monitoria depende do desempenho do Monitor, conforme avaliação do Coordenador. 10. COMPETÊNCIA DO COORDENADOR ACADÊMICO 10.1 Compete ao Coordenador: I. Recrutar e selecionar monitores, obedecidas as normas fixadas; 4

5 5 II. Aprovar os planos de trabalho dos monitores, elaborados pelos professores ; III. Supervisionar o desempenho dos monitores e promover sua avaliação, ao final de cada semestre letivo; IV. Controlar e encaminhar a freqüência dos monitores ao setor competente; V. Promover a substituição dos monitores que deixarem o programa; VI. Expedir e registrar o Certificado de Monitoria aos que integralizarem, no mínimo, um semestre de efetivo trabalho. 11. DISPOSIÇÕES GERAIS 11.1 A bolsa de monitoria tem a duração de um semestre letivo, podendo ser renovada Este regulamento entrará em vigor na presente data, revogadas as disposições em contrário. 12. CALENDÁRIO DA MONITORIA O calendario deve ser elaborado considerando os seguintes periodos: - Inscrições para o processo seletivo; - Seleção dos monitores pela comissão de três professores; - Aprovação dos selecionados pela Direção; - Divulgação dos aprovados; - Entrega do Plano de Trabalho e entrega do Formulário mensal de acompanhamento; - Entrega do formulário de avaliação final do docente e discente 5

6 ANEXO 1 FORMULÁRIO DE ACOMPANHAMENTO DE MONITORIA Disciplina: Professor responsável: Monitor: Data Descrição das Atividades Desenvolvidas / Justificativas de ausências Assinatura - Docente CH: Assinatura - Monitor 6

7 FORMULÁRIO DE ACOMPANHAMENTO DE MONITORIA Data Descrição das Atividades Desenvolvidas / Justificativas de ausências Assinatura - Docente Assinatura - Monitor Observações / Comentários 7

8 ANEXO 2 FORMULÁRIO DE AVALIAÇÃO FINAL DA MONITORIA -DOCENTE RESPONSÁVEL 8 Disciplina: Professor responsável: Monitor: 1. Como você avalia a contribuição do monitor para o processo de ensino-aprendizagem? 2. Como você avalia a contribuição da monitoria para a sua disciplina? 3. Como você avalia a atuação do monitor desta disciplina, quanto ao acompanhamento e participação das atividades desenvolvidas com a turma? 4. Em que tipo de atividade você envolveu o monitor em sala de aula? 5. Em que tipo de atividade você envolveu o monitor extra-sala de aula? 6. Quais atividades o monitor desempenhava sem supervisão docente? 7. Você pretende renovar a vaga de monitoria de sua disciplina? Por quê? 8. Quais suas maiores dificuldades no processo de acompanhamento e orientação do monitor? 9. Que sugestões você faria para aperfeiçoar o acompanhamento da monitoria? 10. Como você avalia o desempenho do monitor quanto ao cumprimento do que havia sido proposto no Plano de Trabalho? Em caso de não cumprimento das atividades propostas, quais as principais dificuldades a respeito? Data: Assinatura do docente: 8

9 9 ANEXO 3 PLANO DE TRABALHO DO MONITOR Disciplina: Professor Responsável: Monitor: Ementa da disciplina: ATIVIDADE DO MONITOR CARGA HORÁRIA 9

2 Manual de Monitoria

2 Manual de Monitoria MANUAL DE MONITORIA 1 Manual de Monitoria 2 3 INTRODUÇÃO O presente manual visa proporcionar aos professores orientadores de alunosmonitores das FIPMoc informações sobre a MONITORIA, entendida como possibilidade

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAZONAS - CIESA COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAZONAS - CIESA COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAZONAS - CIESA COORDENAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA ACADÊMICA NO CURSO DE GASTRONOMIA Manaus -

Leia mais

Manual de Monitoria - FAMETRO

Manual de Monitoria - FAMETRO 2015 Manual de Monitoria - FAMETRO QUALIDADE DE ENSINO Coordenação de Ensino 17/12/2015 MANUAL DE MONITORIA INTRODUÇÃO O presente Guia visa proporcionar aos professores orientadores e alunos-monitores

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 06/2013 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 06/2013 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 06/2013 A Coordenação do Curso de Sistemas de Informação, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

Faculdade Adventista da Bahia. Regulamento de Monitoria Acadêmica Fisioterapia

Faculdade Adventista da Bahia. Regulamento de Monitoria Acadêmica Fisioterapia Faculdade Adventista da Bahia Regulamento de Monitoria Acadêmica Fisioterapia Cachoeira BA Abril de 2011 Capítulo I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente regulamento disciplina o Programa de Monitoria

Leia mais

REGULAMENTO DE MONITORIA. CAPÍTULO I Das Considerações Preliminares

REGULAMENTO DE MONITORIA. CAPÍTULO I Das Considerações Preliminares F a c u l d a d e d e R e a b i l i t a ç ã o d a A S C E - F R A S C E REGULAMENTO DE MONITORIA CAPÍTULO I Das Considerações Preliminares Art.1º A Monitoria constitui-se em mais um espaço de aprendizagem

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE ENSINO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE ENSINO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADES SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE ENSINO

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA

REGULAMENTO DA MONITORIA REGULAMENTO DA MONITORIA REGULAMENTO DA MONITORIA Art. 1º. O presente regulamento estabelece as regras para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação do Centro Universitário de União da Vitória

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2017 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2017 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2017 A Coordenação do Curso de ARQUITETURA E URBANISMO, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS- CCL Coordenação do Curso de Letras

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS- CCL Coordenação do Curso de Letras REGULAMENTO DE MONITORIA TÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS OBJETIVOS CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO Art. 1 o A Monitoria no Centro de Comunicação e Letras (CCL) será regida por este regulamento e corresponderá ao conjunto

Leia mais

FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA

FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA INTRODUÇÃO O exercício da Monitoria constitui-se em uma atividade de grande relevância, especialmente, por estimular no aluno de graduação

Leia mais

REGULAMENTO DE MONITORIA NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FESPPR CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DE MONITORIA NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FESPPR CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS REGULAMENTO DE MONITORIA NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FESPPR CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS Art. 1º Este regulamento normaliza as Atividades de Monitoria nos Cursos de Graduação da FESPPR. Para efeito do

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016 A Coordenação do Curso de Arquitetura e Urbanismo, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 A Coordenação do Curso de ARQUITETURA E URBANISMO, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL Secretaria Executiva dos Conselhos Superiores SECS/UFAL RESOLUÇÃO Nº 55/2008-CONSUNI/UFAL, de 10 de novembro de 2008. APROVA NORMAS QUE DISCIPLINAM O PROGRAMA DE MONITORIA

Leia mais

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO CONEX PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA TERMO DE COMPROMISSO MONITOR VOLUNTÁRIO

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO CONEX PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA TERMO DE COMPROMISSO MONITOR VOLUNTÁRIO COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO CONEX PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA TERMO DE COMPROMISSO MONITOR VOLUNTÁRIO CONSIDERANDO que a monitoria acadêmica consiste em propiciar condições para a iniciação

Leia mais

CURSO DE ODONTOLOGIA EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 01/2017 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE ODONTOLOGIA EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 01/2017 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE ODONTOLOGIA EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 01/2017 A Coordenação do Curso de Odontologia, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições e em cumprimento

Leia mais

MONITORIA Regulamento Institucional

MONITORIA Regulamento Institucional MONITORIA Regulamento Institucional ESTRUTURA ADMINISTRATIVA INSTITUCIONAL Diretora Geral Yara Maria Lira Paiva e Silva Diretor Administrativo e Financeiro Átila de Melo Lira Diretora de Ensino Ms. Antonieta

Leia mais

SOCIEDADE PIAUIENSE DE ENSINO SUPERIOR I N S T I T U T O C A M I L L O F I L H O D I R E T O R I A G E R A L

SOCIEDADE PIAUIENSE DE ENSINO SUPERIOR I N S T I T U T O C A M I L L O F I L H O D I R E T O R I A G E R A L SOCIEDADE PIAUIENSE DE ENSINO SUPERIOR I N S T I T U T O C A M I L L O F I L H O D I R E T O R I A G E R A L PORTARIA Nº 24/2002 Regulamenta as atividades de monitoria. O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO DE

Leia mais

REGULAMENTO INSTITUCIONAL

REGULAMENTO INSTITUCIONAL FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL REGULAMENTO INSTITUCIONAL MONITORIA VOLUNTÁRIA CACOAL 2016 CAPÍTULO l DOS OBJETIVOS Artigo 1º - As presentes normas têm por objetivo organizar e disciplinar a

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 280/2006 CONSUNI (Alterada pela Resolução nº 24/2015-CONSUNI)

RESOLUÇÃO Nº 280/2006 CONSUNI (Alterada pela Resolução nº 24/2015-CONSUNI) RESOLUÇÃO Nº 280/2006 CONSUNI (Alterada pela Resolução nº 24/2015-CONSUNI) Dispõe sobre o Programa de Bolsas de Monitoria de Pós-Graduação PROMOP, da UDESC. O Presidente do Conselho Universitário - CONSUNI,

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE MONITORES

EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE MONITORES EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE MONITORES EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES A Diretora Acadêmica da Faculdade Inhumas (FacMais) e Coordenação do Núcleo de Extensão e Iniciação Científica (NEIC), ao final

Leia mais

RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190

RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190 Cria o Programa de Monitoria da UFG, fixa os objetivos e estabelece as estruturas de funcionamento da Monitoria na UFG, e

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA DE GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA DE GRADUAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 004/2011 CONSUNI/CGRAD Institui o Programa de Monitorias no âmbito da UFFS e dá outras providências. A Câmara de Graduação do Conselho Universitário CGRAD/CONSUNI, da Universidade Federal

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria Art. 1º - Entende-se por Monitoria, uma modalidade de ensino e aprendizagem que contribui para a formação integrada

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA VOLUNTÁRIA

PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA VOLUNTÁRIA PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA VOLUNTÁRIA A Faculdade Metropolitana de Manaus FAMETRO, através da Unidade 1 e 2, torna público que no período de 28/08/2017 a 04/09/2017, estarão abertas as inscrições para

Leia mais

REGULAMENTO INSTITUCIONAL

REGULAMENTO INSTITUCIONAL UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE MONITORIA São Paulo 2010 CAPÍTULO l DOS OBJETIVOS Artigo 1º - As presentes normas têm por objetivo organizar e disciplinar

Leia mais

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO CONEX PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA TERMO DE COMPROMISSO MONITOR BOLSISTA

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO CONEX PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA TERMO DE COMPROMISSO MONITOR BOLSISTA COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO CONEX PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA TERMO DE COMPROMISSO MONITOR BOLSISTA CONSIDERANDO que a monitoria acadêmica consiste em propiciar condições para a iniciação da

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE BOITUVA - FIB

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE BOITUVA - FIB REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE BOITUVA - FIB CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Entende-se por Monitoria as atividades de apoio

Leia mais

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante.

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 3º O estudante-monitor deverá assinar um Termo de Compromisso específico à atividade de monitoria. Art.4º

Leia mais

FACULDADE MORAES JÚNIOR MACKENZIE RIO REGULAMENTO DE MONITORIA TÍTULO I CAPÍTULO I DA FINALIDADE

FACULDADE MORAES JÚNIOR MACKENZIE RIO REGULAMENTO DE MONITORIA TÍTULO I CAPÍTULO I DA FINALIDADE FACULDADE MORAES JÚNIOR MACKENZIE RIO REGULAMENTO DE MONITORIA TÍTULO I CAPÍTULO I DA FINALIDADE Art. 1º. A Monitoria deve cumprir suas finalidades consoante os princípios norteadores de sua criação legal

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE DA AMAZONIA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE DA AMAZONIA 29/02/26 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE AMAZONIA Belém 26 29/02/26 Dispõe sobre normas de Monitoria da Universidade da Amazônia. CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1º Adotar e estimular a Monitoria Acadêmica, que

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA VOLUNTÁRIA

PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA VOLUNTÁRIA PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA VOLUNTÁRIA A Faculdade Metropolitana de Manaus FAMETRO, através da Unidade de Saúde, torna público que no período de 28/08/17 a 01/09/17, estarão abertas as inscrições para

Leia mais

RESOLUÇÃO CEPEX Nº 015/2011 Teresina, 13 de maio de 2011.

RESOLUÇÃO CEPEX Nº 015/2011 Teresina, 13 de maio de 2011. RESOLUÇÃO CEPEX Nº 015/2011 Teresina, 13 de maio de 2011. Revoga a Resolução CEPEX 002/2010 e fixa normas para o Programa de Monitoria na graduação, da Universidade Estadual do Piauí. O Reitor e Presidente

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PORTARIA N 190, DE 02 DE JUNHO DE 2017.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PORTARIA N 190, DE 02 DE JUNHO DE 2017. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PORTARIA N 190, DE 02 DE JUNHO DE 2017. O PRÓ-REITOR DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS, no uso de suas atribuições

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior.

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior. i.e PRÓ-REITORIA ACADÊMICA REGULAMENTO DA MONITORIA Art. 1º. O presente regulamento estabelece as regras para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu UNIG, por meio de programas

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO

MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO AGOSTO/2016 SUMÁRIO O QUE É ESTÁGIO INTERNO?... 3 INSCRIÇÃO... 3 CRITÉRIOS PARA SELEÇÃO... 3 COMPETÊNCIAS E ATRIBUIÇÕES... 4 Professor orientador:... 4 Estagiário:... 4 É EXPRESSAMENTE

Leia mais

Faculdade Iteana de Botucatu

Faculdade Iteana de Botucatu Faculdade Iteana de Botucatu REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA CAPÍTULO I DO PROGRAMA E DOS OBJETIVOS Artigo 1º. Monitoria Acadêmica é uma atividade auxiliar a docência e exercida por discentes regularmente

Leia mais

Mestrado Profissional em Rede Nacional em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos. Resolução ProfÁgua Nº 005/ Pagamento de Bolsa PROFÁGUA

Mestrado Profissional em Rede Nacional em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos. Resolução ProfÁgua Nº 005/ Pagamento de Bolsa PROFÁGUA Resolução ProfÁgua Nº 005/2017 - Pagamento de Bolsa PROFÁGUA Dispõe sobre o Programa de Bolsa Monitoria, Tutoria e Coordenação de Tutoria de EAD do Programa de Pós- Graduação de Mestrado Profissional em

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA

REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA FAFIL/FAECO/FAENG Índice Capítulo I Das Finalidades 3 Capítulo II - Das Inscrições dos Alunos 3 Capítulo III - Dos critérios de

Leia mais

FACULDADE DO NORTE GOIANO - FNG PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA FNG EDITAL 01/2017

FACULDADE DO NORTE GOIANO - FNG PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA FNG EDITAL 01/2017 FACULDADE DO NORTE GOIANO - FNG PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA FNG EDITAL 01/2017 A Diretoria acadêmica da Faculdade do Norte Goiano da cidade de Porangatu estado de Goiás, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL DE MONITORIA no. 02/2016

EDITAL DE MONITORIA no. 02/2016 EDITAL DE MONITORIA no. 02/2016 Dispõe sobre o procedimento de seleção de alunos ao Programa de Monitoria do Curso de Pedagogia da Faculdade Única de Contagem e dá outras providências. A COORDENAÇÃO DO

Leia mais

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1. Quais são os requisitos para obtenção de bolsa monitoria? a) o discente deve estar regularmente matriculado no período letivo em

Leia mais

b) possuir carga horária disponível para a realização das atividades do Programa; c) ser professor da disciplina no período vigente das monitorias.

b) possuir carga horária disponível para a realização das atividades do Programa; c) ser professor da disciplina no período vigente das monitorias. EDITAL Nº 03/2016 - CONSEPE A Direção da Faculdade Herrero torna públicos os procedimentos e normas para inscrição e seleção de Monitores 2016/2. Este Edital está em conformidade com a RESOLUÇÃO Nº 11/2010

Leia mais

Resolução nº 004/2015

Resolução nº 004/2015 Resolução nº 004/2015 Dispõe sobre estágio de prática docente para os alunos do Mestrado em Direito e Instituições do Sistema de Justiça. Art. 1º O Estágio de Prática Docente (EPD) tem por objetivo aperfeiçoar

Leia mais

EDITAL N 14/2017 ATIVIDADES DESENVOLVIDAS

EDITAL N 14/2017 ATIVIDADES DESENVOLVIDAS EDITAL N 14/2017 0 DIRETOR-GERAL DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO - CAMPUS JUÍNA, no uso de suas atribuições legais, conferidas pela Portaria IFMT N 864, de 19/04/2017,

Leia mais

CHAMADA INTERNA 002/2017 MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA

CHAMADA INTERNA 002/2017 MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA CHAMADA INTERNA 002/2017 MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA A Coordenação do Curso Superior de Análise e Desenvolvimento de Sistema do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano Campus

Leia mais

EDITAL TSI - 01/2016 MONITORIA VOLUNTÁRIA CURSO DE GRADUAÇÃO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET

EDITAL TSI - 01/2016 MONITORIA VOLUNTÁRIA CURSO DE GRADUAÇÃO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET EDITAL TSI - 01/2016 MONITORIA VOLUNTÁRIA CURSO DE GRADUAÇÃO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET O Diretor da Faculdade Murialdo, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais, conforme

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA

EDITAL DE SELEÇÃO PARA MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA EDITAL DE SELEÇÃO PARA MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA O Colegiado do Curso Superior de Análise e Desenvolvimento de Sistema do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, no uso

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA. O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE) da UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA, no uso de suas atribuições,

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA. O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE) da UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA, no uso de suas atribuições, UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA RESOLUÇÃO/UEPB/CONSEPE/013/2006 CRIA O PROGRAMA DE TUTORIA ESPECIAL NO ÂMBITO DA UEPB. O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE) da UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA,

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA UNIP. A UNIP oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de Monitorias.

PROGRAMA DE MONITORIA UNIP. A UNIP oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de Monitorias. PROGRAMA DE MONITORIA UNIP A UNIP oferece ao aluno a oportunidade de iniciar-se na função docente através do exercício de Monitorias. 1. Regulamento do Programa de Monitoria 1.1 O que é Monitoria A UNIP

Leia mais

GUIA DA MONITORIA PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

GUIA DA MONITORIA PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA INSTITUTO FLORENCE DE ENSINO SUPERIOR COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO GUIA DA MONITORIA PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA São Luís 2016 Página 1 de 31 GUIA DA MONITORIA PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD DIRETORIA DE REGULAÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE MONITORIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD DIRETORIA DE REGULAÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES 1. IDENTIFICAÇÃO Unidade/Campus: Cacoal Departamento: Ciências Contábeis Disciplina(s): Conforme quadro abaixo Número de vagas: 01

Leia mais

EDITAL MONITORIA 2017/2

EDITAL MONITORIA 2017/2 EDITAL MONITORIA 2017/2 Edital de Seleção para o Programa de Monitoria Acadêmica do Curso de Serviço Social da Faculdade Metropolitana de Manaus- FAMETRO Nº. 7 de 2017/1. A Direção Geral da Faculdade Metropolitana

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI EDITAL ICET Nº 08/2017

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI  EDITAL ICET Nº 08/2017 EDITAL ICET Nº 08/2017 SELEÇÃO DE MONITORES REMUNERADOS E VOLUNTÁRIOS DO ICET (INSTITUTO DE CIÊNCIA, ENGENHARIA E TECNOLOGIA) DA UFVJM (UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI) CAMPUS

Leia mais

SELEÇÃO DE BOLSISTA PARA MONITORIA

SELEÇÃO DE BOLSISTA PARA MONITORIA Atualização em 2017 EDITAL DE CHAMADA XX/XX SELEÇÃO DE BOLSISTA PARA MONITORIA CURSOS DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS, GESTÃO COMERCIAL, GESTÃO PÚBLICA, MARKETING E ANÁLISE

Leia mais

VOTO CONSU de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA

VOTO CONSU de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOTO CONSU 2012-04 de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA 2012 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º O Programa de Monitoria do Centro Universitário Adventista de São Paulo UNASP é um programa

Leia mais

PORTARIA N. 01, DE 21 DE OUTUBRO DE 2015

PORTARIA N. 01, DE 21 DE OUTUBRO DE 2015 PORTARIA N. 01, DE 21 DE OUTUBRO DE 2015 A PRÓ-REITORIA DE ENSINO, DE PESQUISA E DE EXTENSÃO DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MINEIROS, dispõe sobre normas e critérios para MONITORIA nos cursos de graduação

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA DO ENSINO DE GRADUAÇÃO

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA DO ENSINO DE GRADUAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE QUÍMICA DE NILÓPOLIS RJ Instituído pela Resolução nº 36, de 04 de Dezembro de 2008. REGULAMENTO

Leia mais

FACULDADE EVOLUÇÃO ALTO OESTE POTIGUAR

FACULDADE EVOLUÇÃO ALTO OESTE POTIGUAR REGULAMENTO DA MONITORIA DA FACULDADE EVOLUÇÃO ALTO OESTE POTIGUAR Pau dos Ferros/RN REGULAMENTO DA MONITORIA A Faculdade Evolução Alto Oeste Potiguar, com sede em Pau dos Ferros, RN, torna públicas as

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 40/2010, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2010, DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CEPE) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS - UNIFAL-MG

RESOLUÇÃO Nº 40/2010, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2010, DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CEPE) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS - UNIFAL-MG MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas - UNIFAL-MG Rua Gabriel Monteiro da Silva, 700 37130-00 Alfenas - MG RESOLUÇÃO Nº 40/2010, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2010, DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA

Leia mais

REGULAMENTO DE MONITORIA. Capítulo I Das Disposições Gerais

REGULAMENTO DE MONITORIA. Capítulo I Das Disposições Gerais REGULAMENTO DE MONITORIA Dispõe sobre a regulamentação da Monitoria Capítulo I Das Disposições Gerais Art. 1 O presente regulamento estabelece normas para o processo seletivo de monitoria da Faculdade

Leia mais

EDITAL DE BOLSA DE MONITORIA UNIRIO

EDITAL DE BOLSA DE MONITORIA UNIRIO EDITAL DE BOLSA DE MONITORIA UNIRIO - 2010 Chamada para Seleção de Projetos de Ensino, tendo em vista a concessão de Bolsas de Monitoria para o período de março a dezembro de 2010. A Pró-Reitoria de Graduação

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO AO ENSINO

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO AO ENSINO EDITAL DE MONITORIA 2017 A Universidade Potiguar UnP, através da Pró-Reitoria Acadêmica ProAcad, por meio do Núcleo de Acessibilidade e apoio Psicopedagógico NAPe, torna público o presente Edital e convida

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 03/2016. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO, no uso de suas atribuições legais e estatutárias;

RESOLUÇÃO Nº 03/2016. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO, no uso de suas atribuições legais e estatutárias; RESOLUÇÃO Nº 03/2016 Revoga a Resolução nº 05/2014- CONUNI e estabelece normas para o Programa Integrado de Desenvolvimento e capacitação Estudantil da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF).

Leia mais

Seleção de Monitores. EDITAL NEPE Nº 16, de 29 de agosto de FACULDADE DINÂMICA DO VALE DO PIRANGA NÚCLEO DE ESTUDO, PESQUISA E EXTENSÃO-NEPE

Seleção de Monitores. EDITAL NEPE Nº 16, de 29 de agosto de FACULDADE DINÂMICA DO VALE DO PIRANGA NÚCLEO DE ESTUDO, PESQUISA E EXTENSÃO-NEPE EDITAL NEPE Nº 16, de 29 de agosto de 2016. Seleção de Monitores Dispõe sobre o Programa de Monitoria Curso de Medicina (Disciplinas MED 102, MED 104, MED 111, MED 112) O Coordenador do Núcleo de Estudo,

Leia mais

EDITAL DE MONITORIA AGÊNCIA ESCOLA

EDITAL DE MONITORIA AGÊNCIA ESCOLA EDITAL DE MONITORIA AGÊNCIA ESCOLA 2017.1 A Universidade Potiguar UnP, através da Pró-Reitoria Acadêmica ProAcad, torna público o presente Edital e convida o seu corpo discente a participar da seleção

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA INTA CURSO DE LICENCIATURA/BACHARELADO EM REGULAMENTO DE MONITORIA SOBRAL-CE

INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA INTA CURSO DE LICENCIATURA/BACHARELADO EM REGULAMENTO DE MONITORIA SOBRAL-CE INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA INTA CURSO DE LICENCIATURA/BACHARELADO EM REGULAMENTO DE MONITORIA SOBRAL-CE REGULAMENTO DE MONITORIA O Colegiado do Curso de Licenciatura/Bacharelado em, no uso

Leia mais

PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO (MONITORIA) EDITAL 01/2015. I. Da Caracterização do Programa de Estímulo ao Ensino de Graduação- Monitoria

PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO (MONITORIA) EDITAL 01/2015. I. Da Caracterização do Programa de Estímulo ao Ensino de Graduação- Monitoria PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO (MONITORIA) EDITAL 01/2015 DISPÕE SOBRE O EDITAL 01/2015 DO PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO QUE VISA A OFERECER A ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO

Leia mais

EDITAL PRE Nº 012/09 (PROGRAMA DE MONITORIA)

EDITAL PRE Nº 012/09 (PROGRAMA DE MONITORIA) 1 EDITAL PRE Nº 012/09 (PROGRAMA DE MONITORIA) A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), por meio da Pró-Reitoria de Ensino (PRE), torna pública a abertura das inscrições para seleção de Monitores

Leia mais

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS Dispõe sobre a oferta de atividades de Monitoria no curso de graduação da Faculdade Processus e dá outras providências.

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC AMAZONAS PROGRAMA DE MONITORIA. EDITAL DE MONITORIA Semestre

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC AMAZONAS PROGRAMA DE MONITORIA. EDITAL DE MONITORIA Semestre FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC AMAZONAS PROGRAMA DE MONITORIA EDITAL DE MONITORIA Semestre 2018.1 A Direção da Faculdade de Tecnologia Senac Amazonas abre inscrições para os professores do Curso Superior

Leia mais

EDITAL Nº11 - CSSB /IFB, 25 DE AGOSTO DE 2015

EDITAL Nº11 - CSSB /IFB, 25 DE AGOSTO DE 2015 EDITAL Nº11 - CSSB /IFB, 25 DE AGOSTO DE 2015. SELEÇÃO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS DO PROGRAMA DE MONITORIA DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL 2º SEMESTRE/2015 O Diretor Geral Substituto do Campus São

Leia mais

NORMATIZAÇÃO CGA N o 04/2015

NORMATIZAÇÃO CGA N o 04/2015 NORMATIZAÇÃO CGA N o 04/2015 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES NORMATIZAÇÃO DE ATIVIDADES DE MONITORIA 1.1 - O presente documento reúne as normas estabelecidas para o Programa de Monitoria desenvolvido no Instituto

Leia mais

Aprova a criação da função de Monitor e suas respectivas normas

Aprova a criação da função de Monitor e suas respectivas normas RESOLUÇÃO Nº 522/85 Aprova a criação da função de Monitor e suas respectivas normas Faço saber que o Conselho Universitário, nos termos do disposto na alínea a do art 51 do Estatuto, aprovou e eu promulgo

Leia mais

EDITAL DE MONITORIA AGÊNCIA ESCOLA

EDITAL DE MONITORIA AGÊNCIA ESCOLA EDITAL DE MONITORIA AGÊNCIA ESCOLA 2017.2 A Universidade Potiguar UnP, através da Pró-Reitoria Acadêmica ProAcad, torna público o presente Edital e convida o seu corpo discente a participar da seleção

Leia mais

2.1. As bolsas de Monitoria serão distribuídas conforme o seguinte quadro de disciplinas e vagas:

2.1. As bolsas de Monitoria serão distribuídas conforme o seguinte quadro de disciplinas e vagas: EDITAL 016/2017 DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA O Diretor Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais - Campus Ouro Branco, Lawrence de Andrade Magalhães Gomes,

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO ME-CEL/UFAC Nº 01/2017 PROGRAMA DE MONITORIA ESPECIAL - 2º SEMESTRE DE 2017

EDITAL DE SELEÇÃO ME-CEL/UFAC Nº 01/2017 PROGRAMA DE MONITORIA ESPECIAL - 2º SEMESTRE DE 2017 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE CAMPUS FLORESTA CRUZEIRO DO SUL CENTRO DE EDUCAÇÃO E LETRAS COORDENAÇÃO DE MONITORIA ESPECIAL EDITAL DE SELEÇÃO ME-CEL/UFAC Nº 01/2017 PROGRAMA DE MONITORIA ESPECIAL - 2º SEMESTRE

Leia mais

EDITAL DE MONITORIA nº 31/2014

EDITAL DE MONITORIA nº 31/2014 EDITAL DE MONITORIA nº 31/2014 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano Campus Senhor do Bonfim torna pública a abertura das inscrições para seleção de bolsas do Programa Institucional

Leia mais

Normas para Atividade de Monitoria MONITORIA

Normas para Atividade de Monitoria MONITORIA Normas para Atividade de Monitoria MONITORIA CURITIBA 2016 1 APRESENTAÇÃO A monitoria tem por finalidade o aperfeiçoamento do processo de formação profissional pela melhoria da qualidade de ensino, criando

Leia mais

REGIMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DA FAMESC

REGIMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DA FAMESC REGIMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DA FAMESC Bom Jesus do Itabapoana - RJ 2017 REGIMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA DA FAMESC Capítulo I DA APRESENTAÇÃO Art. 1º O presente Regimento estabelece as finalidades,

Leia mais

Edital PAE/EEFERP 2º Semestre de 2017

Edital PAE/EEFERP 2º Semestre de 2017 Edital PAE/EEFERP 2º Semestre de 2017 A Comissão Coordenadora do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino - PAE da Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, de acordo

Leia mais

FACULDADE UNA DE BETIM COLEGIADO DE CURSOS RESOLUÇÃO N 11/2013

FACULDADE UNA DE BETIM COLEGIADO DE CURSOS RESOLUÇÃO N 11/2013 COLEGIADO DE CURSOS RESOLUÇÃO N 11/2013 Assunto: Aprovação do Regulamento do Programa de Monitorias para os Cursos de Bacharelado, Licenciatura e de Graduação Tecnológica. O Colegiado de Cursos da Faculdade

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE. EDITALn 07/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE. EDITALn 07/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA EM EDUCAÇÃO FÍSICA INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE EDITALn 07/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA EM EDUCAÇÃO FÍSICA O Instituto Brasileiro de Gestão e Marketing IBGM e Saúde

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA

REGULAMENTO DA MONITORIA REGULAMENTO DA MONITORIA Institui o Regulamento da monitoria da Escola de Direito de Brasília EDB, mantida pelo Instituto Brasiliense de Direito Público IDP. O Conselho de Administração, Ensino, Pesquisa

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAIBA PRÓ-REITORIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 001/2017 SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE TUTORIA ESPECIAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAIBA PRÓ-REITORIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 001/2017 SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE TUTORIA ESPECIAL UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAIBA PRÓ-REITORIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 001/2017 SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE TUTORIA ESPECIAL A Universidade Estadual da Paraíba, por meio da Pró-Reitoria Estudantil, no uso de

Leia mais

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 023/2016, DE 24 DE AGOSTO DE 2016

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 023/2016, DE 24 DE AGOSTO DE 2016 PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 023/2016, DE 24 DE AGOSTO DE 2016 BOLSA TUTORIA/CURSO SUPERIOR - LICENCIATURA EM MATEMÁTICA IFMG O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E

Leia mais

FACULDADE METROPOLITANA DA GRANDE FORTALEZA - FAMETRO PROCESSO SELETIVO PARA VOLUNTÁRIOS DO PROJETO DE EXTENSÃO NUTRIEDUCA EDITAL NUTRIEDUCA Nº

FACULDADE METROPOLITANA DA GRANDE FORTALEZA - FAMETRO PROCESSO SELETIVO PARA VOLUNTÁRIOS DO PROJETO DE EXTENSÃO NUTRIEDUCA EDITAL NUTRIEDUCA Nº - FAMETRO PROCESSO SELETIVO PARA VOLUNTÁRIOS DO PROJETO DE EXTENSÃO NUTRIEDUCA EDITAL NUTRIEDUCA Nº 03/2017 A coordenação do Curso de Nutrição da Faculdade Metropolitana da Grande Fortaleza - FAMETRO,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI EDITAL DEF Nº 01/2017 SELEÇÃO DE MONITOR REMUNERADO DO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA FLORESTAL, DA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI, CAMPUS JK O

Leia mais

EDITAL Nº 01, DE 09 DE MAIO DE 2012

EDITAL Nº 01, DE 09 DE MAIO DE 2012 COORDENAÇÕES DO CST EM SISTEMAS DE TELECOMUNICAÇÕES E BACHARELADO EM ENGENHARIA ELÉTRICA EDITAL Nº, DE 09 DE MAIO DE 22 APRESENTAÇÃO O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB)

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE

FACULDADE DE EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE FAEMA REGULAMENTO DA ATIVIDADE DE REPRESENTAÇÃO DISCENTE DE TURMAS DE GRADUAÇÃO, COLEGIADOS DE CURSOS E CONSELHOS SUPERIORES FACULDADE DE EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE ARIQUEMES RO 2014 1 OBJETIVO FACULDADE

Leia mais

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA EDITAL DE MONITORIA Nº 05

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA EDITAL DE MONITORIA Nº 05 PRÓ-REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DOS CURSOS DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO E CIVIL EDITAL DE MONITORIA Nº 05 A Direção Geral e de Graduação torna público o presente Edital de Concurso Público composto de

Leia mais

EDITAL Nº 04/2016 PROGRAMA DE BOLSA DE MONITORIA DO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ARTES (PROF-ARTES)

EDITAL Nº 04/2016 PROGRAMA DE BOLSA DE MONITORIA DO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ARTES (PROF-ARTES) EDITAL Nº 04/2016 PROGRAMA DE BOLSA DE MONITORIA DO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ARTES (PROF-ARTES) O Conselho Gestor do Mestrado Profissional em Artes (PROF-ARTES) em Rede Nacional, no exercıćio

Leia mais

FACULDADE UNIGRAN CAPITAL

FACULDADE UNIGRAN CAPITAL FACULDADE UNIGRAN CAPITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA ACADÊMICA DE ENSINO E EXTENSÃO PARA OS CURSOS SUPERIORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA (BACHARELADO E LICENCIATURA) DA FACULDADE UNIGRAN CAPITAL NA CATEGORIA

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

REGULAMENTO DOS CURSOS DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES DEPARTAMENTO DE LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS PROGRAMA DEPARTAMENTAL DE EXTENSÃO EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

Leia mais

DIRETORIA DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO TECNICO E TECNOLÓGICO

DIRETORIA DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO TECNICO E TECNOLÓGICO DIRETORIA DE ENSINO DEPARTAMENTO DE ENSINO TECNICO E TECNOLÓGICO COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO INTEGRADO EM MECÂNICA EDITAL Nº 01, DE 08 DE MAIO DE 2012 PROCESSO DE PREENCHIMENTO DE VAGAS RELATIVAS AO PROGRAMA

Leia mais

EDITAL Nº 004/2016 (FACULDADE SETE LAGOAS CURSOS DE ODONTOLOGIA e FISIOTERAPIA)

EDITAL Nº 004/2016 (FACULDADE SETE LAGOAS CURSOS DE ODONTOLOGIA e FISIOTERAPIA) EDITAL Nº 004/2016 (FACULDADE SETE LAGOAS CURSOS DE ODONTOLOGIA e FISIOTERAPIA) O Diretor Acadêmico da Faculdade Sete Lagoas torna público que estão abertas as inscrições para o Programa de Monitorias

Leia mais

FACULDADE SANTA MARIA - FSM

FACULDADE SANTA MARIA - FSM FACULDADE SANTA MARIA - FSM BR 230, Km 504 CX. POSTAL 30 CEP: 58900-000 Fone: (83) 3531-1349 Fax: (83) 3531-1365 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA EDITAL Nº 02/2017 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA

PROGRAMA DE MONITORIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PROGRAMA DE MONITORIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA TABELA COMPARATIVA DA RESOLUÇÃO NORMATIVA 17/CUn/2012 COM AS ALTERAÇÕES PROPOSTAS PELA COMISSÃO DE REVISÃO Resolução Antiga - RESOLUÇÃO NORMATIVA

Leia mais

EDITAL DE MONITORIA Nº 01, de 18 de abril 2016 Processo Nº / INSCRIÇÕES PARA PROJETOS DE MONITORIA (2016/1º semestre)

EDITAL DE MONITORIA Nº 01, de 18 de abril 2016 Processo Nº / INSCRIÇÕES PARA PROJETOS DE MONITORIA (2016/1º semestre) EDITAL DE MONITORIA Nº 01, de 18 de abril 2016 Processo Nº 23232.000380/2016-20 INSCRIÇÕES PARA PROJETOS DE MONITORIA (2016/1º semestre) A Diretoria de Ensino do Campus Muriaé em conjunto com a Pró reitoria

Leia mais