Nomes: Luana, Chaiane e Eduarda R.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Nomes: Luana, Chaiane e Eduarda R."

Transcrição

1 Nomes: Luana, Chaiane e Eduarda R.

2 No início do período republicano no Brasil (final do século XIX e começo do XX), fortificou-se um sistema conhecido popularmente como coronelismo. Este nome foi dado porque a política era controlada e comandada pelos coronéis (ricos fazendeiros). Como a base da economia brasileira era vinculada na produção agrícola à custa da força do trabalho escravo, esses homens possuíam um grande poder, tanto financeiro quanto social. Como possuíam milhares de funcionários, eles tinham em suas mãos uma máquina de votos, que, quando chegava a época da política era muito bem explorada. Muitos desses trabalhadores eram impedidos de estudar, a maioria dos coronéis não gostavam de ver seus funcionários instruídos, porque isso poderia prejudicar seus interesses. Então, eles aproveitavam o fato de que as pessoas eram desinformadas e pouco educadas para motivá-las a fazer segundo o que lhes era proposto. Como o voto era aberto, os coronéis mandavam capangas para os locais de votação, com o objetivo de intimar os leitores e ganhar votos.

3 Neste acordo político, os governadores de estados não faziam oposição ao governo federal e ainda instruíam os participantes de sua base a votarem favoravelmente aos projetos do executivo. O presidente da república e os governadores dos estados faziam acordos políticos baseados nas trocas de favores, para que desta forma ambos pudessem manter um governo sem nenhuma perturbação. Os governadores que apoiassem o presidente teriam em troca a facilidade na hora de conseguir a liberação de verbas federais. Nas eleições, os governadores usavam todos os recursos (legais e ilegais) para eleger deputados e senadores que iriam dar apoio e sustentação política ao presidente da República.

4 Ligados aos grandes proprietários rurais (coronéis), os governadores usavam o voto de cabresto, as fraudes eleitorais e compra de votos para conseguir eleger seus representantes nas eleições. Ao presidente da República cabia o papel de não interferir na vida política dos estados. Eles faziam vistas grossas à corrupção, ilegalidades de todo tipo e má administração que muitas vezes faziam parte de muitos governos estaduais.

5 Quando aconteceu a Revolução de 1930 e Getúlio Vargas chegou à presidência da República, o coronelismo foi perdendo cada vez mais força e deixando de existir em muitas regiões brasileiras. Mesmo nos dias de hoje, depois de passados tantos anos, podemos ver que o coronelismo pode ser facilmente encontrado nos períodos eleitorais, se não com esse nome, mas sim com as atitudes, pois mesmo sendo crime muitos candidatos recorrem a compra de votos para conseguirem chegar ao poder

6 A política do café com leite foi uma estrutura de poder empregado no Brasil durante a República Velha ( ). Foi o predomínio político dos cafeicultores de São Paulo e dos fazendeiros de Minas Gerais, que se revezavam ocupando a presidência do país.

7 O surgimento do nome "café-com-leite" batizando tal acordo seria uma referência à economia de São Paulo e Minas, grandes produtores, respectivamente, de café e leite. Com a quebra da Bolsa de Nova York, em 1929, o preço do café brasileiro caiu drasticamente, o que levou os cafeicultores paulistas a terem uma crise de superprodução. Esta fragilidade econômica de São Paulo foi decisiva para que Minas Gerais se unisse ao Rio Grande do Sul e à Paraíba, formando a chamada Aliança Liberal, a qual resultou na eleição do gaúcho Getúlio Vargas à presidência encerrando o ciclo da política café-com-leite. Durante os primeiros governos republicanos, os cafeicultores que não participaram diretamente do golpe militar que proclamou a República foram descriminados. Os coronéis, grandes fazendeiros, optavam por candidatos da política café-com-leite, e estes, além de focar suas decisões no sentido de proteger os negócios dos latifundiários, lhe concediam regalias, cargos públicos e financiamentos.

REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos

REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos A República Velha teve 13 Presidentes nesse período o poder foi dominado pela oligarquia cafeeira

Leia mais

Campos Salles ( ), firmou um pacto de poder chamado de Política dos Governadores.

Campos Salles ( ), firmou um pacto de poder chamado de Política dos Governadores. Campos Salles (1898-1902), firmou um pacto de poder chamado de Política dos Governadores. Um compromisso político entre o governo federal e as oligarquias que governavam os estados tendo por objetivo acabar

Leia mais

GOVERNO DEODORO DA FONSECA

GOVERNO DEODORO DA FONSECA GOVERNO DEODORO DA FONSECA GOVERNO PROVISÓRIO (1889/1891) 1- Primeiras medidas: Fim do Senado vitalício e do conselho de Estado, Dissolução da Câmara dos Deputados, Separação entre Igreja e Estado (extinção

Leia mais

PROFESSOR JOSÉ CARLOS ARQUETTI FILHO

PROFESSOR JOSÉ CARLOS ARQUETTI FILHO PROFESSOR JOSÉ CARLOS ARQUETTI FILHO Os primeiros tempos... O Brasil continuou a ser agroexportador; A população continuou sem participação; A República não representava o pensamento de todos que torceram

Leia mais

REPÚBLICA VELHA: De 1889 a 1894, os militares controlaram o poder político e comandaram os destinos da nação. Governo Provisório e República da

REPÚBLICA VELHA: De 1889 a 1894, os militares controlaram o poder político e comandaram os destinos da nação. Governo Provisório e República da REPÚBLICA VELHA: De 1889 a 1894, os militares controlaram o poder político e comandaram os destinos da nação. Governo Provisório e República da Espada A fase em que os militares ocuparam a liderança política

Leia mais

A República Oligárquica ( ) O Domínio das Oligarquias ( )

A República Oligárquica ( ) O Domínio das Oligarquias ( ) Aula 33 e 34 A República Oligárquica (1889-1930) Setor 1601 1 A Presidência de Campos Sales (1898-1902) 2 A Presidência de Rodrigues Alves (1902-1906) Aula 33 e 34 A República Oligárquica (1889-1930) ealvespr@gmail.com

Leia mais

Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, O rompimento da república café-com-leite, com o apoio

Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, O rompimento da república café-com-leite, com o apoio A Era do populismo Professor: Márcio Gurgel Os antecedentes da revolução de 1930 o Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, o O rompimento da república café-com-leite,

Leia mais

A República do Café - I. Prof. Thiago História C Aula 09

A República do Café - I. Prof. Thiago História C Aula 09 A República do Café - I Prof. Thiago História C Aula 09 Prudente de Morais Primeiro presidente Civil; Pacificação da Revolução Federalista Resolveu a questão de limites com a Argentina Messianismo no Brasil

Leia mais

República do Café com Leite Material para acompanhamento de aulas, Professor Luiz Marcello de Almeida Pereira

República do Café com Leite Material para acompanhamento de aulas, Professor Luiz Marcello de Almeida Pereira República do Café com Leite Material para acompanhamento de aulas, Professor Luiz Marcello de Almeida Pereira Formato ABNT, para citação desta apostila em trabalhos acadêmicos: PEREIRA, L. M. A. República

Leia mais

Prof. André Vinícius.

Prof. André Vinícius. 3 - República Oligárquica (1894 1930): OLIGARQUIA = Governo de poucos. Período em que o Brasil foi controlado por cafeicultores da região sudeste, especialmente de SP e MG. No âmbito regional, outras oligarquias

Leia mais

a) promulgação da Constituição de 1891, Revolta da Chibata e Crise do Encilhamento.

a) promulgação da Constituição de 1891, Revolta da Chibata e Crise do Encilhamento. Atividades on line: 1- São aspectos do Governo de Floriano Peixoto: a) promulgação da Constituição de 1891, Revolta da Chibata e Crise do Encilhamento. b) a grande naturalização de estrangeiros, Revolta

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA REPÚBLICA OLIGÁRQUICA

BRASIL REPÚBLICA REPÚBLICA OLIGÁRQUICA República Oligárquica (1894 1930) OLIGARQUIA = Governo de poucos. Definição: Período em que o Brasil foi controlado por cafeicultores da região sudeste, especialmente de SP e MG. No âmbito regional, outras

Leia mais

Prof. André Vinícius.

Prof. André Vinícius. 1 - Diferentes projetos republicanos: República Positivista: centralização política nas mãos do presidente. Postura predominante entre os militares. Prevaleceu entre 1889 e 1894, durante a chamada República

Leia mais

Brasil Republica parte 1 ( )

Brasil Republica parte 1 ( ) Brasil Republica parte 1 (1889-1945) O período que vai de 1889 a 1930 é conhecido como a República Velha. Este período da História do Brasil é marcado pelo domínio político das elites agrárias mineiras,

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) REPÚBLICA VELHA ( ) EXCEÇÕES: : Hermes da Fonseca (MG + RS) Política das Salvações *

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) REPÚBLICA VELHA ( ) EXCEÇÕES: : Hermes da Fonseca (MG + RS) Política das Salvações * 3 - República Oligárquica (1894 1930): OLIGARQUIA = Governo de poucos. Período em que o Brasil foi controlado por cafeicultores da região sudeste, especialmente de SP e MG. No âmbito regional, outras oligarquias

Leia mais

A República do Café - II. Prof. Thiago História C Aula 10

A República do Café - II. Prof. Thiago História C Aula 10 A República do Café - II Prof. Thiago História C Aula 10 Hermes da Fonseca (1910-1914) Política Salvacionista Enfrenta a Revolta da Chibata Criou a faixa presidencial; Único presidente a casar durante

Leia mais

ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas

ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas O PODER DE VARGAS ERA : PROVISÓRIO, CONSTITUCIONAL e ESTADO

Leia mais

BANCO DE ATIVIDADES Presente História 5 ano - 4 bimestre Avaliação

BANCO DE ATIVIDADES Presente História 5 ano - 4 bimestre Avaliação História 5 ano - 4 bimestre Unidade 4 1. Escreva um pequeno texto sobre o governo Getúlio Vargas. Não esqueça de incluir dois argumentos favoráveis e dois desfavoráveis. Dê um título para o texto. 2. Leia

Leia mais

Anos 20, anos de crise

Anos 20, anos de crise A UA UL LA MÓDULO 7 Anos 20, anos de crise Apresentação do Módulo 7 Atores sociais ou políticos: indivíduos que agem socialmente ou politicamente, interferindo nos rumos da sociedade. A partir da década

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA (1889 )

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) Repressão do governo. Sem maiores consequências. REVOLTA DA VACINA: OSWALDO CRUZ Revolta dos Marinheiros ou Revolta da Chibata (RJ 1910): João Cândido (líder), posteriormente apelidado de Almirante Negro.

Leia mais

historiaula.wordpress.com A Era Vargas Professor Ulisses Mauro Lima

historiaula.wordpress.com A Era Vargas Professor Ulisses Mauro Lima historiaula.wordpress.com A Era Vargas Professor Ulisses Mauro Lima 1930-1945 A era Vargas: 1930-1945 1930 2 de janeiro: publicação da plataforma da Aliança Liberal. 1 de março: vitória de Julio Preste

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA Nome Nº 9º Ano Data: Professor: Piero/ Thales FINAL Nota: (valor 2,0) a) Introdução Neste ano, sua média global foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA Nome Nº 9º Ano Data: Professor: Piero/ Thales Nota: (valor 1,0) 3 o.bimestre a) Introdução Neste bimestre, sua média foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos

Leia mais

SEGUNDO REINADO D. PEDRO II

SEGUNDO REINADO D. PEDRO II SEGUNDO REINADO D. PEDRO II 1840 1889 Golpe da Maioridade Proclamação da República GOVERNO = MONARQUIA PARLAMENTARISTA Segundo Reinado, a estrutura e a organização política, econômica e social do Brasil,

Leia mais

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições.

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Revolução de 1930 Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Responsável pelo fim da chamada Política café com leite Política café com leite

Leia mais

Proclamação da República e República das Espadas

Proclamação da República e República das Espadas Proclamação da República e República das Espadas 1. Caracteriza o processo eleitoral durante a Primeira República, em contraste com o vigente no Segundo Reinado: a) A ausência de fraudes, com a instituição

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 12 A ERA VARGAS: A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932 E A CARTA DE 1934

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 12 A ERA VARGAS: A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932 E A CARTA DE 1934 HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 12 A ERA VARGAS: A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932 E A CARTA DE 1934 ixação ) (CESGRANRIO) Durante o Estado Novo, no campo da política salarial, foi introduzida, via ecreto-lei,

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DE 1934

CONSTITUIÇÃO DE 1934 Vargas INTRODUÇÃO Neste livro você vai ler sobre a Era Vargas. Solicitado pela professora Valéria, da disciplina de História, escrito por Manuela Rottava, com caráter avaliativo. Tem destaque nas seguintes

Leia mais

História 5 o ano Unidade 7

História 5 o ano Unidade 7 História 5 o ano Unidade 7 Nome: Unidade 7 Data: 1. A Revolução de 1930 ocorreu: ( ) durante a construção de Brasília. ( ) durante as eleições para a presidência do Brasil naquele ano. ( ) logo após a

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia

Colégio Santa Dorotéia Colégio Santa Dorotéia Tema Transversal: Casa comum, nossa responsabilidade. Disciplina: História / ESTUDOS AUTÔNOMOS Série: 5ª - Ensino Fundamental Aluno(a): N o : Turma: Professora: Data: 3 / 10 / 2016

Leia mais

República Velha das Oligarquias: dominação e resistência

República Velha das Oligarquias: dominação e resistência República Velha das Oligarquias: dominação e resistência República Velha das Oligarquias. OLIGARQUIA = Governo de poucos. (1894 1930): Período em que o Brasil foi controlado por cafeicultores da região

Leia mais

REPÚBLICA DAS OLIGARQUIAS ( )

REPÚBLICA DAS OLIGARQUIAS ( ) AVISO: O conteúdo e o contexto das aulas referem-se aos pensamentos emitidos pelos próprios autores que foram interpretados por estudiosos dos temas RUBENS expostos. RAMIRO Todo JUNIOR exemplo (TODOS citado

Leia mais

PERÍODO COLONIAL

PERÍODO COLONIAL PERÍODO COLONIAL 1530-1808 POLÍTICA ADMINISTRATIVA 1º - SISTEMA DE CAPITANIAS HEREDITÁRIAS 1534-1548 2º SISTEMA DE GOVERNO GERAL 1548-1808 PERÍODO COLONIAL 1530-1808 ATIVIDADES ECONÔMICAS CICLO DO AÇÚCAR

Leia mais

A República Oligárquica. Prof. Thiago

A República Oligárquica. Prof. Thiago A República Oligárquica Prof. Thiago Prudente de Morais Primeiro presidente Civil; Pacificação da Revolução Federalista Resolveu a questão de limites com a Argentina Messianismo no Brasil Tidos como ameaça

Leia mais

História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 9º História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA Os últimos anos da República Velha Década de 1920 Brasil - as cidades cresciam e desenvolviam * Nos grandes centros urbanos, as ruas eram bem movimentadas, as pessoas

Leia mais

BRASIL: SEGUNDO REINADO

BRASIL: SEGUNDO REINADO Período: 1840 1889 Golpe da Maioridade deu início ao Segundo Reinado CONSOLIDAÇÃO DO ESTADO As Eleições do Cacete Disputa eleitoral entre: Partido Conservador e Partido Liberal Nessas eleições aconteceram

Leia mais

A República das Oligarquias

A República das Oligarquias A República das Oligarquias MÓDULO 08 - BRASIL Prof. Alan Carlos Ghedini www.inventandohistoria.com O que foi? Primeira fase civil da República, foi marcada por um domínio hegemônico do Partido Republicano

Leia mais

A República Oligárquica ( ): O Declínio das Oligarquias ( ) A Era Vargas ( ): O Processo de Industrialização

A República Oligárquica ( ): O Declínio das Oligarquias ( ) A Era Vargas ( ): O Processo de Industrialização Aula 39 e 40 A República Oligárquica (1889-1930): A Era Vargas (1930-1945): O Processo de Industrialização Setor 1601 1 A Presidência de Artur Bernardes (1922-1926) 2 A Presidência Washington Luís (1926-1930)

Leia mais

Os diferentes modelos de Estados (principais características)

Os diferentes modelos de Estados (principais características) Capítulo 6 Poder, política e Estado 7 Os diferentes modelos de Estados (principais características) Absolutista: - Unidade territorial. - Concentração do poder na figura do rei, que controla economia,

Leia mais

SUMÁRIO. INTRODUÇÃO 1 Maria Yedda Leite Linhares

SUMÁRIO. INTRODUÇÃO 1 Maria Yedda Leite Linhares MARIA YEDDA LINHARES (Organizadora) ORO FLAMARION SANTANA CARDOSO FRANCISCO CARLOS TEIXEIRA DA SILVA HAMILTON DE MATTOS MONTEIRO JOÀO LUÍS FRAGOSO SÔNIA REGINA DE MENDONÇA HISTÓRIA GERAL DO SUMÁRIO INTRODUÇÃO

Leia mais

Better Call Getúlio Vargas

Better Call Getúlio Vargas Better Call Getúlio Vargas Getúlio Vargas é formado em advocacia e escolheu essa profissão para agradar seu irmão Viriato Vargas. Viriato Vargas tinha 2 sonhos, se tornar advogado e ser um homem com muito

Leia mais

ROF.º OTTO TERRA BRASIL: 1º REINADO ( )

ROF.º OTTO TERRA BRASIL: 1º REINADO ( ) ROF.º OTTO TERRA BRASIL: 1º REINADO (1822-1831) Jean Baptiste Debret O RECONHECIMENTO INTERNACIONAL DO BRASIL INDEPENDENTE Estados Unidos da América A Doutrina Monroe (A América para os americanos )

Leia mais

BRASIL IMPÉRIO. Primeiro e Segundo Reinados. Prof. Rodrigo Toledo

BRASIL IMPÉRIO. Primeiro e Segundo Reinados. Prof. Rodrigo Toledo BRASIL IMPÉRIO Primeiro e Segundo Reinados Prof. Rodrigo Toledo PRIMEIRO REINADO Definição O primeiro Reinado do Brasil é o nome dado ao período em que D. Pedro I governou o Brasil como Imperador, entre

Leia mais

ERA VARGAS ( )

ERA VARGAS ( ) Antecedentes: ERA VARGAS (1930-1945) - República Oligárquica Crise política no Brasil - alternância entre São Paulo (maior economia) e Minas Gerais (maior colégio eleitoral) - (República do café com Leite)

Leia mais

REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso

REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso REDE EDUCACIONAL ADVENTISTA Ementa de Curso DISCIPLINA: HISTÓRIA SÉRIE/ TURMA: 1º ANO MÉDIO ABC BIMESTRE: 4º NÚMERO 1. Módulo 16 - Política e economia no Antigo Introdução do módulo, com aula em slides

Leia mais

dispunha sobre os poderes constituintes do Parlamento que seria eleito a 2 de Dezembro de 1945 e renomeava o Conselho Federal, que foi novamente chamado de Senado Federal. A dispunha sobre a proclamação

Leia mais

Era Vargas. Do Governo Provisório ao Estado Novo

Era Vargas. Do Governo Provisório ao Estado Novo Era Vargas Do Governo Provisório ao Estado Novo Períodos Governo provisório (1930-1934) Tomada de poder contra as oligarquias tradicionais Governo Constitucional (1934-1937) Período legalista entre dois

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE RONDÔNIA

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE RONDÔNIA PATRULHA ELEITORAL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE RONDÔNIA O Brasil tornou-se uma República em 1889, quando um golpe militar liderado pelo Marechal Deodoro da Fonseca tirou D. Pedro II do poder. No Brasil,

Leia mais

SEGUNDA REPÚBLICA A REVOLUÇÃO TRAÍDA GETÚLIO ASSUME E FICA A República Armada ( ) (Recapitulação)

SEGUNDA REPÚBLICA A REVOLUÇÃO TRAÍDA GETÚLIO ASSUME E FICA A República Armada ( ) (Recapitulação) Paulo Victorino 1930-1945 - SEGUNDA REPÚBLICA A REVOLUÇÃO TRAÍDA GETÚLIO ASSUME E FICA 005 - A República Armada (1889-1930) (Recapitulação) A Proclamação da Independência (1822) - A Proclamação da República

Leia mais

1840 ATÉ 1889 POLÍTICA E MOVIMENTOS SOCIAIS PROF. FELIPE KLOVAN

1840 ATÉ 1889 POLÍTICA E MOVIMENTOS SOCIAIS PROF. FELIPE KLOVAN SEGUNDO REINADO 1840 ATÉ 1889 POLÍTICA E MOVIMENTOS SOCIAIS SEGUNDO REINADO Golpe da maioridade 1840 Novo gabinete do governo Liberal de curta existência. Conservadores retornam ainda no mesmo ano ao governo.

Leia mais

UDESC 2015/2 HISTÓRIA. Comentário

UDESC 2015/2 HISTÓRIA. Comentário HISTÓRIA Questão interpretativa envolvendo um trecho de Machado de Assis. No texto fica claro que a história necessita de crônicas e assim é mencionado no texto o "esqueleto" da história. a) Incorreta.

Leia mais

Veja como a história de Eduardo Campos se funde com a história do PSB

Veja como a história de Eduardo Campos se funde com a história do PSB Biografia de Eduardo Henrique Accioly Campos (Eduardo Campos) Veja como a história de Eduardo Campos se funde com a história do PSB 2014 UNIDOS PELO BRASIL Em 28 de junho, a Coligação Unidos pelo Brasil

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: HISTÓRIA SÉRIE 1.ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Compreender

Leia mais

A República Oligárquica ( ) O Domínio das Oligarquias ( )

A República Oligárquica ( ) O Domínio das Oligarquias ( ) Aula 31 e 32 A República Oligárquica (1889-1930) Setor 1601 1 Presidência de Prudente de Morais (1894-1898) 2 A Presidência de Campos Sales (1898-1902) Aula 31 e 32 A República Oligárquica (1889-1930)

Leia mais

PRIMEIRO REINADO ( )

PRIMEIRO REINADO ( ) PRIMEIRO REINADO (1822 1831) 7 de setembro de 1822 Independência ou morte? O grito do Ipiranga. Pedro Américo. 1888. A proclamação da Independência. François- René Moreaux. 1844. Os desafios após a independência

Leia mais

A República da Espada. Prof. Thiago História C Aula 08

A República da Espada. Prof. Thiago História C Aula 08 A República da Espada Prof. Thiago História C Aula 08 O Novo Regime Proclamação da República Militares ideário positivista Cafeicultores defesa do federalismo Classe Média desenvolvimento industrial e

Leia mais

Poder, política e Estado

Poder, política e Estado 4 Unidade Poder, política e Estado O Brasil foi colônia de Portugal por mais de 300 anos. Com a independência, estabeleceu se o Estado monárquico. Na República, o Estado brasileiro assumiu diferentes feições,

Leia mais

Brasil: os anos mais repressivos do

Brasil: os anos mais repressivos do Brasil: os anos mais repressivos do regime militar Ago/69: Costa e Silva adoece e é afastado. Vice Pedro Aleixo é impedido de assumir. Ago-out/1969 Junta militar assume o poder e escolhe novo presidente.

Leia mais

Lula: Impeachment é conduzido por quadrilha legislativa

Lula: Impeachment é conduzido por quadrilha legislativa Lula: Impeachment é conduzido por quadrilha legislativa Em fala em seminário, o ex-presidente agradeceu à imprensa internacional pela cobertura que está fazendo da crise política Postado por Agência PT,

Leia mais

DO REGIME MILITAR A NOVA REPÚBLICA

DO REGIME MILITAR A NOVA REPÚBLICA DO REGIME MILITAR A NOVA REPÚBLICA Ditadura Militar Eventos Fundamentais: Goulart propõe as reformas de base Eleitoral Educacional Bancária / Tributária Agrária Marcha da TFP Tradição Família e Propriedade

Leia mais

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO:

DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: DISCIPLINA: História PROFESSORES: Carlão, Fred e Paula DATA: 18/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: Nº: Matéria da Prova: O conteúdo

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO FINAL DE HISTÓRIA Nome Nº 9º Ano Data: Professor: Piero/ Thales Nota: (valor 2,0) FINAL a) Introdução Neste ano, sua média global foi inferior a 6,0 e você não assimilou os conteúdos

Leia mais

BOM TRABALHO E SUCESSO!!! RENATA, LEONARDO E CARLÃO!!!

BOM TRABALHO E SUCESSO!!! RENATA, LEONARDO E CARLÃO!!! DISCIPLINA: História PROFESSORES: Renata, Leonardo e Carlão. DATA: /12/2014 VALOR: 20,0 pts. NOTA: ASSUNTO: Trabalho de Recuperação Final SÉRIE: 9º ANO/E.F. TURMA: NOME COMPLETO: Nº: Matéria da Prova:

Leia mais

Pré Vestibular Social Nossa Senhora da Glória. - Revoltas

Pré Vestibular Social Nossa Senhora da Glória. - Revoltas Frente 2: História do Brasil Professor: Michel Marques michelmarques@id.uff.br Aula 16 - República Velha e a Revolução de 30 Pré Vestibular Social Nossa Senhora da Glória - Política República das Espadas

Leia mais

Para dar seu voto consciente, o eleitor deverá:

Para dar seu voto consciente, o eleitor deverá: Neste ano teremos eleições gerais, para elegermos nossos representantes nas três esferas de Governo: municipal, estadual e federal. Numa democracia representativa, a escolha de prefeitos, governadores,

Leia mais

Opinião dos Vereadores sobre a Reforma Política

Opinião dos Vereadores sobre a Reforma Política Opinião dos Vereadores sobre a Reforma Política Resultado da pesquisa sobre Reforma Política com Vereadores presentes na 1ª Mobilização Nacional de Vereadores realizada, em Brasília, nos dias 06 e 07 de

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 29 OS GOVERNOS COLLOR E ITAMAR FRANCO ( )

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 29 OS GOVERNOS COLLOR E ITAMAR FRANCO ( ) HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 29 OS GOVERNOS COLLOR E ITAMAR FRANCO (1990-94) Fixação 1) (PUC) As eleições presidenciais brasileiras, ocorridas neste ano, envolveram oito candidatos, concorrendo por partidos

Leia mais

Populismo II e Regime Militar I. História C Aula 13 Prof. Thiago

Populismo II e Regime Militar I. História C Aula 13 Prof. Thiago Populismo II e Regime Militar I História C Aula 13 Prof. Thiago O Homem da Vassoura Jânio Quadros surpreendeu e venceu as eleições de 1960, em partes devido a agressiva campanha política que prometia varrer

Leia mais

PLANO DE CURSO DISCIPLINA:História ÁREA DE ENSINO: Fundamental I SÉRIE/ANO: 5 ANO DESCRITORES CONTEÚDOS SUGESTÕES DE PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS

PLANO DE CURSO DISCIPLINA:História ÁREA DE ENSINO: Fundamental I SÉRIE/ANO: 5 ANO DESCRITORES CONTEÚDOS SUGESTÕES DE PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS UNIDADE 1 COLÔNIA PLANO DE CURSO VIVER NO BRASIL *Identificar os agentes de ocupação das bandeiras *Conhecer e valorizar a história da capoeira *Analisar a exploração da Mata Atlântica *Compreender a administração

Leia mais

Definição como se transformam votos em poder

Definição como se transformam votos em poder Definição. Sistema eleitoral é o conjunto de regras que define como, em uma determinada eleição, o eleitor pode fazer suas escolhas e como os votos são contabilizados para serem transformados em mandatos.

Leia mais

Primeiro Reinado. Professora Adriana Moraes História

Primeiro Reinado. Professora Adriana Moraes História Primeiro Reinado O Primeiro Reinado é a fase da História do Brasil que corresponde ao governo de D. Pedro I. Tem início em 7 de setembro de 1822, com a Independência do Brasil e termina em 7 de abril de

Leia mais

b) Explique o provérbio medieval O ar da cidade liberta, enfatizando as relações entre os habitantes das cidades e os senhores feudais.

b) Explique o provérbio medieval O ar da cidade liberta, enfatizando as relações entre os habitantes das cidades e os senhores feudais. Questão 1 Leia o seguinte trecho: Sem dúvida sempre houve cidades no Ocidente, mas os cadáveres das cidades romanas do Baixo Império não continham em suas muralhas mais do que um punhado de habitantes,

Leia mais

HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO

HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO HISTÓRIA REVISÃO 1 REVISÃO 2 REVISÃO 3 Revolução Industrial Inicia-se na Inglaterra em 1700. País torna-se fornecedor de produtos para Impérios Coloniais. Forte migração do campo para as cidades mão de

Leia mais

A ERA VARGAS (1930/1945)

A ERA VARGAS (1930/1945) PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DE VARGAS(1930-1945) 1945) Nacionalista. Favor das empresas nacionais. Política econômica Intervencionista. Ditador de características fascista. Populista. Centralizador. PRINCIPAIS

Leia mais

Meio Rural X Meio Agrário:

Meio Rural X Meio Agrário: Introdução Rural X Urbano: Urbano: presença de construções (casas, prédios, comércio, escolas, hospitais, etc.); Rural: presença maior da natureza e atividades agrárias; Meio Rural X Meio Agrário: Rural:

Leia mais

Curso: Direito Constitucional I. Professor: Rosano Pierre Maieto

Curso: Direito Constitucional I. Professor: Rosano Pierre Maieto Tribunal de Contas do Município de São Paulo Escola Superior de Gestão e Contas Públicas Conselheiro Eurípedes Sales Curso: Direito Constitucional I Aula 1 História das Constituições Brasileiras Professor:

Leia mais

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 7.1 Conteúdo: Era Vargas II

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 7.1 Conteúdo: Era Vargas II 7.1 Conteúdo: Era Vargas II Habilidades: Contextualizar governo Vargas durante seu segundo mandato como Presidente A Volta da Democracia: Constituição de 1946; Influências da Guerra Fria; Marechal Dutra

Leia mais

HISTÓRIA 2 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO

HISTÓRIA 2 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO HISTÓRIA 2 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade IV Poder, Cultura e Tecnologia 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 15.1 Conteúdos Segundo Reinado no Brasil -

Leia mais

Exercícios: Crise de 1929, Crise da República Velha e Revolução de 1930

Exercícios: Crise de 1929, Crise da República Velha e Revolução de 1930 Exercícios: Crise de 1929, Crise da República Velha e Revolução de 1930 1. A crise atingiu o mundo inteiro. O operário metalúrgico de Pittsburgo, o plantador de café brasileiro, o artesão de Paris e o

Leia mais

República Velha ( ) - Proclamação da República em 15 de novembro de A monarquia é derrubada.

República Velha ( ) - Proclamação da República em 15 de novembro de A monarquia é derrubada. República Velha (1889-1930) - Proclamação da República em 15 de novembro de 1889. A monarquia é derrubada. - A República da Espada abrange os governos dos marechais Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto.

Leia mais

Unidade I SISTEMÁTICA DE IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO. Profa. Lérida Malagueta

Unidade I SISTEMÁTICA DE IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO. Profa. Lérida Malagueta Unidade I SISTEMÁTICA DE IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO Profa. Lérida Malagueta Sistemática de importação e exportação - conteúdo O Comércio Internacional Legislação e a estrutura brasileira Termos internacionais

Leia mais

Modulo 11 - Brasil. Prof. Alan Carlos Ghedini

Modulo 11 - Brasil. Prof. Alan Carlos Ghedini Modulo 11 - Brasil Prof. Alan Carlos Ghedini www.inventandohistoria.com O populismo pode ser compreendido como: Uma forma de exercício político garantida pelo apoio da grande massa Um sistema no qual o

Leia mais

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 13 A ERA VARGAS: O GOVERNO CONSTITUCIONAL ( )

HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 13 A ERA VARGAS: O GOVERNO CONSTITUCIONAL ( ) HISTÓRIA - 2 o ANO MÓDULO 13 A ERA VARGAS: O GOVERNO CONSTITUCIONAL (1934-37) Manifesto da AIB Plínio Salgado Fixação 1) (UFV) Durante a Era Vargas, notadamente no período de 1934-37, houve uma polarização

Leia mais

Capítulo 01- Democracia

Capítulo 01- Democracia Capítulo 01- Democracia INTRODUÇÃO Depois da Segunda Guerra Mundial, a ideia de democracia começou a levar a diferentes modelos de organização política, à medida que passava a ser adotada na maior parte

Leia mais

Democracia, Cidadania e Participação social

Democracia, Cidadania e Participação social Democracia, Cidadania e Participação social Proposta de redação: Cidadania e participação social como conciliar democracia e ordem pública? Democracia e participação social: A democracia opõe-se à ditadura

Leia mais

02- Quais fatores favoreceram o cultivo do café no oeste paulista? R.:

02- Quais fatores favoreceram o cultivo do café no oeste paulista? R.: PROFESSOR: EQUIPE DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA BANCO DE QUESTÕES - HISTÓRIA E GEOGRAFIA 5 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Consulte seu material

Leia mais

O grande silêncio aliado a revolta quanto ao resultado das eleições em Barra do Corda

O grande silêncio aliado a revolta quanto ao resultado das eleições em Barra do Corda O grande silêncio aliado a revolta quanto ao resultado das eleições em Barra do Corda Barra do Corda participou de um processo eleitoral neste ano de 2016 como nunca visto antes na história do município.

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE HISTÓRIA Nome: Nº 3ª Série Data: / / 2016 Professor: Gabriel, Marcelo e Marcos Final Nota: (Valor 2,0) A Introdução: Neste bimestre, sua média foi inferior a 6,0 e você não assimilou

Leia mais

Diminuir o número de círculos de 22 para 2. Diminuir o número de deputados de 230 para 181. Só exige alteração de 3 artigos da Lei Eleitoral

Diminuir o número de círculos de 22 para 2. Diminuir o número de deputados de 230 para 181. Só exige alteração de 3 artigos da Lei Eleitoral RESUMO DA PROPOSTA Diminuir o número de círculos de 22 para 2 Diminuir o número de deputados de 230 para 181 Só exige alteração de 3 artigos da Lei Eleitoral DOIS PROBLEMAS DA LEI ACTUAL Desrespeito pelo

Leia mais

Cooperativismo e Eleições 2014 Resultados do 2º turno

Cooperativismo e Eleições 2014 Resultados do 2º turno Cooperativismo e Eleições 2014 Resultados do 2º turno Apresentação Dando continuidade ao estudo realizado após o fim do 1º turno, o Sistema OCB apresenta esta análise com a intenção de subsidiar as lideranças

Leia mais

Revoltas provinciais no período Regencial Brasil século XIX. Colégio Ser! História 8º ano Profª Marilia Coltri

Revoltas provinciais no período Regencial Brasil século XIX. Colégio Ser! História 8º ano Profª Marilia Coltri Revoltas provinciais no período Regencial Brasil século XIX Colégio Ser! História 8º ano Profª Marilia Coltri Revoltas provinciais do período regencial Devido a excessiva centralização do poder político

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA A ERA NAPOLEÔNICA

IDADE CONTEMPORÂNEA A ERA NAPOLEÔNICA ERA NAPOLEÔNICA (1799 1815) Prof. João Gabriel da Fonseca joaogabriel_fonseca@hotmail.com 1 - O CONSULADO (1799 1804): Pacificação interna e externa. Acordos de paz com países vizinhos. Acordo com a Igreja

Leia mais

BARBOSA, Aureliano Pinto * dep. fed. RS

BARBOSA, Aureliano Pinto * dep. fed. RS BARBOSA, Aureliano Pinto * dep. fed. RS 1897-1902. Aureliano Pinto Barbosa nasceu em Itaqui (RS), filho do coronel Freitas Barbosa. Bacharelou-se pela Faculdade de Direito do Recife em 1885. Era um entusiasta

Leia mais

ATUALIDADES POLÍTICA : PROCESSO ELEITORAL NORTE-AMERICANO

ATUALIDADES POLÍTICA : PROCESSO ELEITORAL NORTE-AMERICANO ATUALIDADES POLÍTICA : PROCESSO ELEITORAL NORTE-AMERICANO As eleições presidenciais nos Estados Unidos são realizadas de modo indireto por meio de delegados escolhidos via convenções partidárias. Sistema

Leia mais

Jimboê. História. Avaliação. Projeto. 5 o ano. 2 o bimestre

Jimboê. História. Avaliação. Projeto. 5 o ano. 2 o bimestre Professor, esta sugestão de avaliação corresponde ao segundo bimestre escolar ou à Unidade 2 do Livro do Aluno. Projeto Jimboê História 5 o ano Avaliação 2 o bimestre 1 Avaliação História NOME: ESCOLA:

Leia mais

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro)

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro) Planejamento das Aulas de História 2016 8º ano (Prof. Leandro) Fevereiro Aula Programada (As tensões na Colônia) Páginas Tarefa 1 As tensões na Colônia 10 e 11 Mapa Mental 2 A viradeira 12 Exerc. 1 a 5

Leia mais

10/03/2010 CAPITALISMO NEOLIBERALISMO SOCIALISMO

10/03/2010 CAPITALISMO NEOLIBERALISMO SOCIALISMO CAPITALISMO NEOLIBERALISMO SOCIALISMO Uma empresa pode operar simultaneamente em vários países, cada um dentro de um regime econômico diferente. 1 A ética não parece ocupar o papel principal nos sistemas

Leia mais

História. Professores Oto & Silney

História. Professores Oto & Silney História Professores Oto & Silney Grécia ANTIGUIDADE OCIDENTAL Atenas Península Ática Jônios Comércio e Cultura Democracia Grécia Península do Peloponeso Dórios Militarismo Aristocracia Roma ANTIGUIDADE

Leia mais

ESTRUTURA FUNDIÁRIA BRASILEIRA

ESTRUTURA FUNDIÁRIA BRASILEIRA ESTRUTURA FUNDIÁRIA BRASILEIRA Estrutura Fundiária A estrutura fundiária corresponde ao modo como as propriedades rurais estão dispersas pelo território e seus respectivos tamanhos, que facilita a compreensão

Leia mais