ETICS GF ETICS BT FABRIC. poliestireno extrudido. Aplicações recomendadas de placas de isolamento FIBRANxps MAESTRO INCLINE L 300 C I

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ETICS GF ETICS BT FABRIC. poliestireno extrudido. Aplicações recomendadas de placas de isolamento FIBRANxps MAESTRO INCLINE L 300 C I"

Transcrição

1

2 poliestireno extrudido Aplicações recomendadas de placas de - L C - I 0 - L 00 - L 00 - L MAESTRO ETICS GF ETICS BT SB FABRIC INCLINE COBERTURAS Coberturas planas invertidas Coberturas planas invertidas Terraços (Acessíveis) Coberturas planas invertidas (Acessíveis com trânsito automóvel Parking decks) Coberturas planas tradicionais Coberturas Verdes (Coberturas planas invertidas ajardinadas) Coberturas inclinadas (isolante sobre estrutura) Coberturas inclinadas (isolante sob estrutura) Coberturas inclinadas (isolante sobre laje plana estrutural) Pequenas coberturas, beirais, coberturas inclinadas Coberturas de armazéns, estruturas destivas e edifícios agrícolas PAVIMENTOS Pavimentos entre pisos e pavimentos radiantes Pavimentos enterrados e lajes de fundação Pavimentos com elevadas cargas Câmaras frigoríficas PAREDES Parede - Fachada Ventilada Parede dupla Parede - ETICS ( pelo exterior) Paredes de betão ( como cofragem perdida) Parede dupla em painél sandwish (de gesso ou outros materiais) Pontes s (varandas, janelas e ombreiras, vigas e pilares de betão) Paredes internas de câmaras frigoríficas ELEMENTOS ENTERRADOS Perímetro de paredes enterradas e piscinas Lajes térreas Pontes, Rodovias e Vias férreas Hangar de Aerotos INDÚSTRIA Painéis pré-fabricados para construção, painéis de tas, componentes folheados, contentores 01

3 XPS-EN116-T1-CS(\Y)-DS(TH) Placas inclinadas paraeparede dupla(cargas e fachada ventilada térmico para coberturas planas pavimentos leves) - L MAESTRO 0,0 - d placas atado,0 1,,0 X P S - E N TNº1de - Cplacas S ( 1 0 \ Y ) 0 atado 0 - D S ( T H ) [mk/w] 0, Rd [mk/w] 6,0 0 0,0 0, 1, 1, 6,00 6,0,0 1,0 1,, 1, 6,0 1,0 0 0,0 1,, 1,0,1,0,,,00,9,,,0 9,6 6,0 11,0 1, 9, 0 6,, Dimensões : 0/0,6 6, Superfície, lisa Tipo de encaixe: Meia-madeira L,1 XPS-EN116-T1-CS(\Y)-DS(TH) - I INCLINE Placas inclinadas de térmico placas Superfície lisa Macho-fêmea Rd Tipo de encaixe: D [m k/w] [m ] Dimensões : [m ] 0/0 0,0 0,,0 0/0 6,0 1,,0 0,0 X1, P S - E N T - C S ( 1 0 \6,00 Y) 0, 6,0,0 Inclinação: 1,6 %,,0,,00 6,0,1, 1, 1,0-0 Superfície rugosa Tipo de encaixe: Recto I Dimensões : 0/0 Superfície lisa Tipo de encaixe: Meia-madeira I Dimensões : 0/0 * * s sob pedido X P S - E N T 1 - C Sda( 1placa 0\Y)-DS(TH) para coberturas inclinadas fixadorestérmico / buchas Designação FIBRANfix fixadores para Ctérmico de FIBRANfix 0 FIBRANfix 90 0,0 FIBRANfix 1 [mk/w] 1 placas, 0,,90 N.º de fixadores m fixadores m [m ],0 9,00 6,0,0,0 9 6, 1,0 6,00,0 0, 6,0,,0 * Superfície lisa com ranhurado em C Tipo de encaixe: Meia-madeira L FIBRANstick adesivos adesivos de borracha butílica Dimensões : 0/0 adesivos adesivos placa m um atado 90 1 Os adesivos FIBRANstick são adesivos especiais em borracha butílica para fixar as placas de térmico a membranas Nota: Fixadores com dimensões superiores a 1mm sob consulta etérmico de impermeabilização de paredes enterradas. Durante o processo defixadores colagemouasbuchas placaspara de a membrana de impermeabilização deverão estar limpas e secas. 0 06

4 APLICAÇÕES RECOMENDADAS APLICAÇÕES RECOMENDADAS Coberturas planas invertidas Coberturas planas tradicionais Coberturas ajardinadas leves ( fixado Cobertura plana ou inclinada pelo interior) Protecção térmica de paredes Jet ground com -L construção inversa de uma parede de fundação ELEMENTOS ENTERRADOS: Perímetro de paredes subterrâneas, mesmo na presença de PAREDES: água (com nível freático elevado) Parede dupla com no interior Piscinas aquecidas Parede com sistema de fachada ventilada PAVIMENTOS: Pavimentos radiantes Pavimentos com cargas moderadamente elevadas Fachada ventilada com MAESTRO Protecção mecânica da membrana de impermeabilização e simultaneamente térmico do piso enterrado com -L Parede dupla com MAESTRO no interior Isolamento térmico de pavimentos com cargas elevadas com -L I sob pavimento radiante Isolamento de uma cobertura plana com -L Coberturas inclinadas (assentamento de telha cerâmica em ripados horizontais) Fixação de MAESTRO com buchas FIBRANfix Construção de uma cobertura invertida ajardinada com -L Jardim (mm de espessura) numa cobertura invertida - -L Fixação de placas -L na membrana de impermeabilização parede com adesivos FIBRANstick. Isolamento térmicoda visível comenterrada MAESTRO Reabilitação e adaptação de coberturas Coberturas Verdes (planas ajardinadas leves) FIBRANfix - Buchas de fixação para o sistema ETICS e Fachada Ventilada 0 0

5 térmico para cargas elevadas e ambientes húmidos 0-L X P S - E N T 1 - C S ( 1 0 \ Y ) D S ( T H ) [m k/w] placas 0,0 0,,0 6,0 0 1,, , 6,00,0 0 1,0, 6,0 0 Superfície lisa Tipo de encaixe: Meia-madeira L Dimensões : 0/0 X P S - E N T 1 - C S ( 1 0 \ Y ) D S ( T H ) 00-L [m k/w] placas térmico para cargas muito elevadas e ambientes húmidos 00-L 0 1, 6,00,0 00 1,0, 6,0 00,0,,0 00,,00 6,0 00 0,1, 1, 00 Superfície lisa Tipo de encaixe: Meia-madeira L Dimensões : 0/0 X P S - E N T 1 - C S ( 1 0 \ Y ) D S ( T H ) [m k/w] placas,, 6,0 00,0,,0 00,,00 6,0 00 0,1, 1, 00 Superfície lisa Tipo de encaixe: Meia-madeira L Dimensões : 0/0 0

6 APLICAÇÕES RECOMENDADAS Coberturas planas invertidas Coberturas planas transitáveis Coberturas Verdes (planas ajardinadas pesadas) PAVIMENTOS: Pavimentos com cargas elevadas (armazéns e edifícios industriais) Pistas de patinagem ELEMENTOS ENTERRADOS: Sob lajes de fundação Piscinas aquecidas Como anti-sísmico Isolamento térmico 0 L sob a laje de fundação de uma piscina aquecida Jardim no topo de uma cobertura invertida de uma garagem enterrada isolada com 00 L Cobertura invertida isolada com 0 L Coberturas planas invertidas Coberturas planas transitáveis (parking) Coberturas Verdes (planas ajardinadas pesadas) PAVIMENTOS: Pavimentos com cargas muito elevadas Câmaras frigoríficas ELEMENTOS ENTERRADOS: Sob lajes de fundação Sob superfícies de pontes, estradas e estruturas ferroviárias 00 L usado numa câmara frigorífica Isolamento térmico de um pavimento muito carregado com 00 L Coberturas planas transitáveis a veículos pesados (parking) PAVIMENTOS: Pavimentos com cargas muito elevadas Sob lajes de fundação Sob superfícies de pontes, estradas e estruturas ferroviárias Em hangares e pistas de aerotos Isolamento térmico XPS sob linha de caminho de ferro Pavimento com cargas muito elevadas 0

7 XPS-EN116-T1-CS(\Y)-DS(TH) térmico para coberturas planas pavimentos leves) Placas inclinadas paraeparede dupla(cargas e fachada ventilada -L MAESTRO 0,0 - d X P S - E N Nº T 1de- placas C S ( 1 0 \ Y ) 0atado 0-DS(TH ) [mk/w] 0, Rd [mk/w] [m ],0 placas atado 6,0 1,,0 0 0,0 0, 1, 1, 6,00 6,0,0 1,0 1,, 1, 6,0 1,0 0 0,0 1,, 1,0,1,0,,,00,9,,,0 9,6 6,0 11,0 1, 9, 0 6,, Dimensões : 0/0,6 6, Superfície, lisa Tipo de encaixe: Meia-madeira L,1 XPS-EN116-T1-CS(\Y)-DS(TH) - I INCLINE Placas inclinadas de térmico placas Superfície lisa Rd Tipo de encaixe: Macho-fêmea D [m k/w] [m ] Dimensões : [m ] 0/0 0,0 0,,0 0/0 6,0 1,,0 0 X1, P S - E N T - C S ( 1 0 \6,00 Y),0 1,0-0 0, 6,0 Inclinação: 1,6 %,0,,0,,00 6,0,1, 1, Superfície rugosa * * s sob pedido Tipo de encaixe: Recto I Dimensões : 0/0 Superfície lisa Tipo de encaixe: Meia-madeira I Dimensões : 0/0 X P S - E N T 1 - C S da ( 1placa 0\Y)-DS(TH) para coberturas inclinadas fixadorestérmico / buchas Designação FIBRANfix fixadores para Ctérmico de FIBRANfix 0 [mk/w] placas, N.º de fixadores m fixadores m [m ] 0,,90,0 9,00,0 1,0 9 6, 1,0 0 6,00,0, 6,0,,0 FIBRANfix 90 0,0 FIBRANfix 1 * 6,0 Superfície lisa com ranhurado em C Tipo de encaixe: Meia-madeira L FIBRANstick adesivos adesivos de borracha butílica Dimensões : 0/0 adesivos adesivos placa m um atado 90 1 Os adesivos FIBRANstick são adesivos especiais em borracha butílica para fixar as placas de térmico a membranas Nota: Fixadores com dimensões superiores a 1mm sob consulta etérmico de impermeabilização de paredes enterradas. Durante o processo defixadores colagemou asbuchas placas para de a membrana de impermeabilização deverão estar limpas e secas. 06 0

8 APLICAÇÕES RECOMENDADAS APLICAÇÕES RECOMENDADAS Coberturas planas invertidas Coberturas planas tradicionais Coberturasplana ajardinadas leves( fixado Cobertura ou inclinada pelo interior) Protecção térmica de paredes Jet ground com -L construção inversa de uma parede de fundação ELEMENTOS ENTERRADOS: Perímetro de paredes subterrâneas, mesmo na presença de PAREDES: água (com nível freático elevado) Parede com no interior Piscinasdupla aquecidas Parede com sistema de fachada ventilada PAVIMENTOS: Pavimentos radiantes Pavimentos com cargas moderadamente elevadas Fachada ventilada com MAESTRO Protecção mecânica da membrana de impermeabilização e simultaneamente térmico do piso enterrado com -L Parede dupla com MAESTRO no interior Isolamento térmico de pavimentos com cargas elevadas com -L I sob pavimento radiante Isolamento de uma cobertura plana com -L Coberturas inclinadas (assentamento de telha cerâmica em ripados horizontais) Fixação de MAESTRO com buchas FIBRANfix Construção de uma cobertura invertida ajardinada com -L Jardim (mm de espessura) numa cobertura invertida - -L Fixação de placas -L na membrana de Isolamento impermeabilização parede com adesivos FIBRANstick. térmico da visível comenterrada MAESTRO Reabilitação e adaptação de coberturas Coberturas Verdes (planas ajardinadas leves) FIBRANfix - Buchas de fixação para o sistema ETICS e Fachada Ventilada 0 0

9 X P S - E N T - C S ( 1 0 \ Y ) D S ( T H ) - S S T R W L ( T H ) 1, - M U 0 ETICS GF Superfície gofrada para sistema de fachada tipo ETICS (External Thermal Insulation Composite System) [m k/w] placas 0 0,0 0, ,0 0,, 6 1,,0 0 1, 6,00,0 1,0, 6,0,0,,0,,00 6,0 0,1, 1, Superfície rugosa gofrada Tipo de encaixe: Recto I Dimensões : 0/0 placas de térmico com elevada aderência ETICS BT Superfície sem pele de extrusão e ranhurada SB X P S - E N T - C S ( 1 0 \ Y ) D S ( T H ) [m k/w] placas 0,0 1,0,0 1,00 1,0 0,00,0 *,0 6,0,0 6,00,0 0,0 6,0 Superfície rugosa com ranhuras Tipo de encaixe: Meia-madeira L Dimensões : 00/0 X P S - E N T - C S ( 1 0 \ Y ) D S ( T H ) Superfície rugosa Tipo de encaixe: Recto I Dimensões : 0/0 FABRIC Superfície sem pele de extrusão com ou sem ranhurado X P S - E N T - C S ( 1 0 \ Y ) * * - D S ( T H ) 0,0 / * * à compressão sob especificação do cliente Superfície, dimensões, encaixe e tolerâncias sob especificação do cliente Embalagem do FABRIC em atado ou em com filme plástico Outras dimensões sob consulta Dimensões : 0/0 0/0 /0 0

10

... coloca em especial atenção a saúde e segurança dos seus colaboradores, bem como a sua constante formação especializada.

... coloca em especial atenção a saúde e segurança dos seus colaboradores, bem como a sua constante formação especializada. ...fabrica produtos para isolamento térmico e acústico de edifícios, alguns dos quais também oferecem protecção adicional contra incêndios.... é especializado na produção de espumas e lã de rocha. Produtos

Leia mais

XPS CATÁLOGO DE PRODUTOS. l Isolamento térmico de edificios. l Poliestireno extrudido (XPS)

XPS CATÁLOGO DE PRODUTOS. l Isolamento térmico de edificios. l Poliestireno extrudido (XPS) XPS l Isolamento térmico de edificios l Poliestireno etrudido (XPS) CATÁLOGO DE PRODUTOS Janeiro 2016 TOPOX A TOPOX centra-se na produção de poliestireno etrudido (XPS) para o seu uso como isolamento térmico

Leia mais

ISOLANTE TÉRMICO ELEVADA PERFORMANCE EM POLIESTIRENO EXTRUDIDO (XPS)

ISOLANTE TÉRMICO ELEVADA PERFORMANCE EM POLIESTIRENO EXTRUDIDO (XPS) ISOLANT TÉRMICO LVADA PRFORMANC M POLISTIRNO XTRUDIDO (XPS) caracterização aplicação CARACTRIZAÇÃO APLICAÇÃO DO ISOLANT TÉRMICO FibranCO A IberFibran, fabrica e comercializa o produto XPS FibranCO - um

Leia mais

GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES. FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de

GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES. FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de GUIÃO TÉCNICO CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS PAREDES SIMPLES FICHA TÉCNICA DOW Nº 14 Nº de pág.: 5 16 de Setembro de 2005 www.construlink.com CORRECÇÃO DE PONTES TÉRMICAS - PAREDES SIMPLES A necessidade

Leia mais

Tecnologia de construção para uma habitação unifamiliar

Tecnologia de construção para uma habitação unifamiliar Tecnologia de construção para uma habitação unifamiliar Módulo Processos de construção LABORATÓRIO DE CONSTRUÇÃO A68262 Sara Cardoso A68222 Ana Catarina Silva Guimarães, 07 de fevereiro de 2014 Índice

Leia mais

Placa Cimento-Madeira

Placa Cimento-Madeira Placa Cimento-Madeira INFORMAÇÃO GERAL: Painel de superfície lisa ou rugosa para diferentes aplicações. COMPOSIÇÃO: 75% Cimento 25% Madeira APRESENTADA COMO: B1 / A2 Bruto / Lixado Lisa / Bordo Maquinado

Leia mais

1.- SISTEMA ENVOLVENTE...

1.- SISTEMA ENVOLVENTE... ÍNDICE.- SISTEMA ENVOLVENTE.....- Pavimentos em contacto com o terreno......- Lajes térreas.....- Fachadas......- Parte opaca das fachadas......- Aberturas em fachada.....- Paredes meeiras... 5..- Coberturas...

Leia mais

Reabilitação da envolvente de edifícios na ótica da estanquidade à água

Reabilitação da envolvente de edifícios na ótica da estanquidade à água Seminário APCMC REABILITAÇÃO SUSTENTÁVEL Reabilitação da envolvente de edifícios na ótica da estanquidade à água Jorge M. Grandão Lopes (Investigador do LNEC) glopes@lnec.pt 11 de outubro de 2012 Algumas

Leia mais

ARGILA EXPANDIDA. Agregado leve de argila de forma arredondada

ARGILA EXPANDIDA. Agregado leve de argila de forma arredondada 2-4 Densidade aparente seca (Baridade) 358 4,0-8,0 mm NP EN 933-1:2000 Superfícies esmagadas e partidas N.A. (% massa) NP EN 933-5:2002 Resistência ao esmagamento (± 10%) 4,8 (MPa) EN 13055-1 (Anexo A)

Leia mais

Painéis X-Lam da KLH nova geração de edifícios

Painéis X-Lam da KLH nova geração de edifícios Painéis X-Lam da KLH nova geração de edifícios Luís Jorge Jornada Técnica Eficiência Energética em Edifícios FABRICANTE DE PAINÉIS X-LAM MAIOR PRODUTOR EUROPEU APROVAÇÃO TÉCNICA EUROPEIA GABINETE DE ENGENHARIA

Leia mais

Gestão da Construção - Anexo 7A1 - Mapa de quantidades Página 1

Gestão da Construção - Anexo 7A1 - Mapa de quantidades Página 1 DIMENSÕES QUANTIDADES comp. larg. alt. UN elemento parciais CAP. art. DESCRIÇÃO DOS TRABALHOS ELEMENTO 0 ESTALEIRO 0.1 Montagem e desmontagem de estaleiro 1 vg 1 ALVENARIAS 1.1 Tijolo Cerâmico 1.1.1 Paredes

Leia mais

CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS

CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS CONSTRUÇÃO COM PAINÉIS DE MADEIRA CLT UMA NOVA GERAÇÃO DE EDIFÍCIOS LISBOA, JULHO 2016 SISTEMA CONSTRUTIVO CLT - CONCEITO CARACTERÍSTICAS GERAIS ESTRATOS ORTOGONAIS ESPÉCIES RESINOSAS COLA EM POLIURETANO

Leia mais

Catálogo Geral

Catálogo Geral Catálogo Geral www.cfdoors.pt Painel de Frio Painel de Cobertura Painel Fachada Painel Fachada em Lã Rocha Painel Acústico Painel Cobertura Telha 2 Simbologia Simbologia dos revestimentos CF Doors identificando

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior. nº 17. Nº Pág.s: Fevereiro 2007

FICHA TÉCNICA. Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior. nº 17. Nº Pág.s: Fevereiro 2007 nº 17 FICHA TÉCNICA Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior Nº Pág.s: 07 17 12 Fevereiro 2007 Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior 01 Para responder às crescentes exigências de conforto higrotérmico,

Leia mais

Texsalastic. Impermeabilização Eficaz. EN e EN ARGAMASSA IMPERMEÁVEL E FLEXÍVEL BICOMPONENTE. De acordo com:

Texsalastic. Impermeabilização Eficaz. EN e EN ARGAMASSA IMPERMEÁVEL E FLEXÍVEL BICOMPONENTE. De acordo com: Texsalastic ARGAMASSA IMPERMEÁVEL E FLEXÍVEL BICOMPONENTE Impermeabilização Eficaz De acordo com: EN 1504-9 e EN 1504- ama TEXSALASTIC é uma argamassa impermeável e flexível bicomponente. É composto por

Leia mais

Isolamento Sustentável. Soluções Ideais para Reabilitação

Isolamento Sustentável. Soluções Ideais para Reabilitação Isolamento Sustentável A Gyptec Ibérica de capital nacional e inserida no Grupo Preceram, dedica-se à produção de placas de gesso laminado, através de métodos não poluentes e ambientalmente sustentáveis

Leia mais

soluções +eficientes de reabilitação de edifícios sistemas de renovação +sustentáveis sistemas energéticos +verdes Um edifício +sustentável.

soluções +eficientes de reabilitação de edifícios sistemas de renovação +sustentáveis sistemas energéticos +verdes Um edifício +sustentável. APRESENTAÇÃO A Reabilitação Sustentável é um serviço que agrega o know-how, os recursos, e a experiência das diversas áreas de atividade da Sotecnisol. A Sotecisol apresenta ao mercado uma oferta inovadora

Leia mais

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração.

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração. IMPERMEABILIZAÇÃO Têm a função de proteger a edificação contra patologias que poderão surgir como possível infiltração de água. Classificação RÍGIDAS Baixa capacidade de deformação FLEXÍVEIS Suportam deformações

Leia mais

1.- SISTEMA ENVOLVENTE...

1.- SISTEMA ENVOLVENTE... ÍNDICE.- SISTEMA ENVOLVENTE.....- Envolvente exterior......- Fachadas.....- Muros abaixo da rasante.....- Pavimentos......- Lajes térreas.....- Coberturas......- Coberturas planas....5.- Aberturas verticais....-

Leia mais

2. ENVOLVENTES PESADAS - Parte II

2. ENVOLVENTES PESADAS - Parte II 2. ENVOLVENTES PESADAS - Parte II Em La construcción de la arquitectura (ITeC, Barcelona 1985) Ignacio Paricio classifica as envolventes de acordo com as seguintes categorias: - Com capacidade resistente;

Leia mais

O que é o ICF? Vantagens

O que é o ICF? Vantagens O que é o ICF? É um sistema de construção constituído por blocos isolantes em EPS, poliestireno expandido (conhecido em Portugal como esferovite), que após montagem, são preenchidos com betão armado, formando

Leia mais

Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito

Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito Os Painéis Cimentício são compostos de Cimento Portland, partículas de madeira, água, aditivos e pigmentos. Muito utilizados em fechamentos de edifícios comerciais e residências, estes painéis são uma

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO FICHA TÉCNICA DO PRODUTO TOPECA, Lda Rua do Mosqueiro 2490 115 Cercal Ourém PORTUGAL Tel.: 00 351 249 580 070 Fax.: 00 351 249 580 079 geral@topeca.pt www.topeca.pt rebetop color Pág. 2 utilização Revestimento

Leia mais

PAINEIS MÓVEIS ACÚSTICOS TYPE 100

PAINEIS MÓVEIS ACÚSTICOS TYPE 100 Documentação Índice Documentação Geral... 2 Especificações Type 100... 4 Painéis de Parede e de Porta... 5 Sistema de Parqueamento dos Painéis... 6 Calhas dos Painéis... 7 Detalhes dos Painéis... 8 Tipos

Leia mais

A Planivis incorpora nas suas construções modulares materiais sustentáveis, nomeadamente*:

A Planivis incorpora nas suas construções modulares materiais sustentáveis, nomeadamente*: Princípio construtivo: O conceito de construção modular, assenta na execução de módulos com uma estrutura metálica mista, 100% reciclável, de aço laminado a quente (aço pesado ) e aço leve galvanizado.

Leia mais

quadro de escolha para colagem

quadro de escolha para colagem quadro de escolha para colagem São 3 os parâmetros que determinam a cola a utilizar em função dos trabalhos a realizar: 1º suporte 2º local 3º as peças a colar A natureza: Onde: Destino/uso: Natureza:

Leia mais

Paredes Fichas de Aplicação

Paredes Fichas de Aplicação Fichas de Aplicação e Revestimento Painel Perfurado Painel Sandwich Consulte o Dossier Técnico Viroc disponível em www.viroc.pt, na página de Downloads. Outros Suplementos de Soluções Recomendadas Viroc

Leia mais

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO CENTRO EMPRESARIAL DE DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DA INDÚSTRIA ELÉTRICA E ELETRÔNICA

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO CENTRO EMPRESARIAL DE DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DA INDÚSTRIA ELÉTRICA E ELETRÔNICA INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO CENTRO EMPRESARIAL DE DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO DA INDÚSTRIA ELÉTRICA E ELETRÔNICA Propriedade: SENAI Área: 217 mil metros quadrados Jan/2015 Mai/2016 Set/2016 Mai/2016 Mai/2016

Leia mais

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT GANHANDO TEMPO PARA VOCÊ 100% BRASIL PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT Painéis ISOJOINT WALL PUR Construção civil Os Painéis ISOJOINT WALL PUR são constituídos de núcleo de PUR (poliuretano) ou PIR (Poliisocianurato)

Leia mais

SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS PRÓ-EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E CONFORTO TÉRMICO

SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS PRÓ-EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E CONFORTO TÉRMICO António Curado SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS PRÓ-EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E CONFORTO TÉRMICO Índice 1. ENERGIA E CONFORTO TÉRMICO 2. SOLUÇÕES CONSTRUTIVAS REGULAMENTARES 2.1. REQUISITOS DE DESEMPENHO 2.2. FACHADAS

Leia mais

ED ILHABELA. Memorial descritivo dos acabamentos:

ED ILHABELA. Memorial descritivo dos acabamentos: ED ILHABELA Memorial descritivo dos acabamentos: 01 Fachada Fachada em painéis de alumínio na cor branca, vidros laminados 6 mm na cor verde, esquadria em alumínio branco, lateral revestida de cerâmica

Leia mais

Isolamento Térmico com Grés Cerâmico Manual de Instalação

Isolamento Térmico com Grés Cerâmico Manual de Instalação Isolamento Térmico com Grés Cerâmico Manual de Instalação www.candigres.com :: candigres@candigres.com Índice Pág. 1.0 Cálculo do Material necessário 4 2.0 Preparação do suporte 4 2.1 Condições Gerais

Leia mais

SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR

SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR Características Sistema de isolamento térmico pelo exterior é um sistema de isolamento de paredes pelo exterior de edifícios existentes e construção nova, composto

Leia mais

Lajetas térmicas Grazimac Catálogo versão 2.indd :01:11

Lajetas térmicas Grazimac Catálogo versão 2.indd :01:11 Lajetas Térmicas Grazimac Catálogo versão 2.indd 1 13-10-2009 16:01:11 Coberturas Planas Invertidas Existem vários factores a ter em conta ao isolar termicamente uma cobertura plana, que têm um impacto

Leia mais

perfil dilatação para betonilha e betão

perfil dilatação para betonilha e betão perfil dilatação para betonilha e betão perfil cunha instalação no assentamento da betonilha pode ser embutido em juntas abertas posteriormente perfil dilatação dilex-mp com perfil de prolongamento para

Leia mais

CROSS LAMINATED TIMBER

CROSS LAMINATED TIMBER CROSS LAMINATED TIMBER DETALHES CONSTRUTIVOS ÍNDICE Construindo em CLT 3 Parafusos mais utilizados 4 Conexões entre painéis e fundação 6 Conexões entre painéis perpendiculares 12 Conexões entre painéis

Leia mais

MORTERPLAS FP 3 KG. Impermeabilização Betuminosa APP

MORTERPLAS FP 3 KG. Impermeabilização Betuminosa APP MORTERPLAS FP é uma membrana impermeabilizante não protegida, de betume plastómero APP, de elevado ponto de amolecimento, com armadura de feltro de fibra de poliéster (FP) e acabamento em filme termofusível

Leia mais

SUPORT E AIRON CEILING M B SUPORT E AIRON CEILING L B INSTRUÇÕES DE MONTAGEM

SUPORT E AIRON CEILING M B SUPORT E AIRON CEILING L B INSTRUÇÕES DE MONTAGEM SUPORT E AIRON CEILING M B SUPORT E AIRON CEILING L B INSTRUÇÕES DE MONTAGEM Imagens ilustrativas * ATENÇÃO A boa fixação do suporte no teto (quadro e 02) é fundamental para a segurança do conjunto. Assim,

Leia mais

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos

Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Soluções de isolamento acústico: - Obra nova - Reabilitação - Estabelecimentos Impermeabilização Isolamento Drenagens - Geotêxteis Clarabóias Índice OBRA NOVA... N. Pavimentos...... N.. Abaixo da betonilha

Leia mais

Guia Prático de Instalação Completo Forros Nexacustic. Revisão: 2

Guia Prático de Instalação Completo Forros Nexacustic. Revisão: 2 Guia Prático de Instalação Completo Forros Nexacustic Revisão: 2 Guia Prático de Instalação Forros Nexacustic Cuidados Iniciais Cuidados iniciais: Os forros Nexacustic foram desenvolvidos para aplicação

Leia mais

FERRAMENTAS FERRAMENTAS E ACESSÓRIOS E ACESSÓRIOS.

FERRAMENTAS FERRAMENTAS E ACESSÓRIOS E ACESSÓRIOS. FERRAMENTAS FERRAMENTAS E ACESSÓRIOS E ACESSÓRIOS _1 RASPADOR PARA REBOCO E MONOMASSA 46051 Raspador para reboco/monomassa 15x25cm 20 peças RASPADOR DE ALUMÍNIO PARA GESSO 460ALL 15 peças TALOCHA EM AÇO

Leia mais

Quadro de escolha para colagem

Quadro de escolha para colagem Quadro de escolha para colagem A seleção do tipo de cola depende da análise dos 3 parâmetros seguintes: 1º suporte 2º local 3º as peças a colar Novo (cimento, betão, gesso, ) A natureza: Antigo (cerâmica,

Leia mais

PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS

PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS PATOLOGIA DA CONSTRUÇÃO ESTUDO DE CASOS Vasco Peixoto de Freitas Vasco Peixoto de Freitas FC_FEUP Novembro de 2007-1 www.patorreb.com Estrutura do Site Vasco Peixoto de Freitas FC_FEUP Novembro de 2007-2

Leia mais

O tritubo é aplicado nas condutas subterrâneas para proteção de fibras ópticas. O seu interior estriado melhora a passagem da fibra óptica.

O tritubo é aplicado nas condutas subterrâneas para proteção de fibras ópticas. O seu interior estriado melhora a passagem da fibra óptica. Mar.13 Tritubo O tritubo é aplicado nas condutas subterrâneas para proteção de fibras ópticas. O seu interior estriado melhora a passagem da fibra óptica. Especificações técnicas do produto Documento Produto

Leia mais

Soluções para Autoconstrução Praticidade, economia e agilidade na sua obra

Soluções para Autoconstrução Praticidade, economia e agilidade na sua obra Aços Longos Soluções para Autoconstrução Praticidade, economia e agilidade na sua obra Arame Recozido Trançadinho Recozido Prático Sapatas Recozido Fácil Pregos Treliças Nervuradas Murfor Produto Belgo

Leia mais

1.8 Desenvolvimento da estrutura de edifícios 48

1.8 Desenvolvimento da estrutura de edifícios 48 Sumário Capítulo 1 Desenvolvimento histórico de materiais, elementos e sistemas estruturais em alvenaria 23 1.1 História dos materiais da alvenaria 24 1.2 Pedra 24 1.3 Tijolos cerâmicos 26 1.4 Blocos sílico-calcários

Leia mais

CASAS PRÉ-FABRICADAS. Uma vida mais saudável numa casa mais confortável.

CASAS PRÉ-FABRICADAS. Uma vida mais saudável numa casa mais confortável. CASAS PRÉ-FABRICADAS Uma vida mais saudável numa casa mais confortável QUEM SOMOS? Norges Hus Tootmise OÜ é uma sociedade com sede na Estónia que se especializou na produção e montagem de casas pré-fabricadas

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO TOMADA DE PREÇO Nº 2/2016

EDITAL DE LICITAÇÃO TOMADA DE PREÇO Nº 2/2016 Page 1 of 10 Sub. Qtde. Unid. Descrição Marca/Modelo Valor Valor Total 1 1,00 UN INSTALAÇÃO DA OBRA Valor de Referência: 612,55000 1 2,50 M2 PLACA DE OBRA 2,00 m x 1,25 m Valor de Referência: 245,02000

Leia mais

O Sistema Dreamdomus Painéis

O Sistema Dreamdomus Painéis Construção Modular Conceito A equipa técnica da dreamdomus aprofundou o conceito de pré-fabricação, levando ao limite a noção de economia habitualmente associada a este tipo de construção, conseguindo

Leia mais

SOLUÇÕES PARA INTERIORES

SOLUÇÕES PARA INTERIORES SOLUÇÕES PARA INTERIORES TINTAS PLÁSTICAS Muráqua Paredes & Tectos Tinta plástica destinada à pintura de paredes interiores e tectos. Passimur Quartos & Salas Tinta plástica decorativa para interiores

Leia mais

K-FLEX K-FLEX TWIN SOLAR SYSTEM 32 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO

K-FLEX K-FLEX TWIN SOLAR SYSTEM 32 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO K-FLEX 32 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO K-FLEX TWIN SOLAR SYSTEM K-FLEX SOLAR R Acoplamento rápido à compressão Sistema completo para instalações de painéis solares térmicos Fácil e rápido

Leia mais

EDIFÍCIO MIRADOR. Memorial Descritivo dos Acabamentos

EDIFÍCIO MIRADOR. Memorial Descritivo dos Acabamentos EDIFÍCIO MIRADOR Memorial Descritivo dos Acabamentos 01 Fachadas Fachadas frontal pastilha de porcelana e/ou cerâmica e pintura na parte interna das varandas, vidro verde laminado 8mm e esquadria em alumínio

Leia mais

Composite Placas compostas em zinco para fachadas ventiladas ou paredes cortina.

Composite Placas compostas em zinco para fachadas ventiladas ou paredes cortina. FACHADA Composite Placas compostas em zinco para fachadas ventiladas ou paredes cortina. Vantagens Estética dos acabamentos em VMZINC Planimetria e robustez excepcionais Grande dimensão dos painéis e estabilidade

Leia mais

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil AULA 11 CONTRAPISOS O contrapiso é uma camada de argamassa executada sobre uma base, que pode ser a laje de um pavimento ou um lastro de concreto, se for sobre o solo. Sua função é regularizar a superfície

Leia mais

Painel Sandwich em Madeira

Painel Sandwich em Madeira Painel Sandwich em Madeira Dossier Técnico Soluções para Coberturas www.jular.pt Lisboa: Norte: Centro: Sul: Sede e Fábrica: Quinta de Santa Rosa Apartado 1042 P-2681-855 Camarate (Lisboa) Rua Oriental,

Leia mais

* import amo-nos. Os novos craques da Weber vão alinhar na sua equipa

* import amo-nos. Os novos craques da Weber vão alinhar na sua equipa * import amo-nos Os novos craques da Weber vão alinhar na sua equipa Conheça a de colagem Com os novos craques a alinhar na sua equipa, vamos vencer no campeonato da colagem de cerâmica! O mercado está

Leia mais

Contribuição das argamassas em camada fina para a redução da transmissão térmica da alvenaria Projecto cbloco

Contribuição das argamassas em camada fina para a redução da transmissão térmica da alvenaria Projecto cbloco Contribuição das argamassas em camada fina para a redução da transmissão térmica da alvenaria Projecto cbloco A. Baio Dias 12 de Novembro 2008 UMinho, Portugal 1 Projecto cbloco 1. Objectivos do Projecto

Leia mais

MANTA ASFÁLTICA VEDACIT ALUMÍNIO

MANTA ASFÁLTICA VEDACIT ALUMÍNIO Produto A MANTA ASFÁLTICA VEDACIT ALUMÍNIO é elaborada à base de asfaltos modificados armados com estruturante de Polietileno de Alta Densidade (PEAD). Possui cobertura superficial em foil de alumínio

Leia mais

Quantificação de Materiais e Mão-de-obra

Quantificação de Materiais e Mão-de-obra Quantificação de Materiais e Mão-de-obra INFRA-ESTRUTURA 20501 LOCAÇÃO DA OBRA Madeiras e pregos (locação) 144,71 1 144,71 m2 2,5 361,775 Execução da locação da obra Mão-de-obra 144,71 1 144,71 m2 2 289,42

Leia mais

Telas Soldadas Nervuradas Belgo

Telas Soldadas Nervuradas Belgo Telas Soldadas Nervuradas Belgo As Telas Soldadas de Aço Nervurado são uma armadura pré-fabricada, constituída por fios de aço Belgo 60 nervurado longitudinais e transversais, de alta resistência mecânica,

Leia mais

AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA ACÚSTICA DE UM EDIFÍCIO MBT

AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA ACÚSTICA DE UM EDIFÍCIO MBT AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA ACÚSTICA DE UM EDIFÍCIO MBT PACS REFERENCE: 43.55 Bragança 1, Luís; Almeida 1, Manuela; Silva 1, Sandra; Patricio 2, Jorge 1 Department of Civil Engineering University of Minho,

Leia mais

DESENHOS DAS FORMAS ESTRUTURAIS LEVANTAMENTO DAS AÇÕES VERTICAIS

DESENHOS DAS FORMAS ESTRUTURAIS LEVANTAMENTO DAS AÇÕES VERTICAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Departamento de Estruturas e Construção Civil ECC 1008 Estruturas de Concreto DESENHOS DAS FORMAS ESTRUTURAIS LEVANTAMENTO DAS AÇÕES VERTICAIS Aulas 13-16 Gerson Moacyr

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Aplicações da Espuma de Poliestireno Expandido. nº 16. Nº Pág.s: Fevereiro 2007

FICHA TÉCNICA. Aplicações da Espuma de Poliestireno Expandido. nº 16. Nº Pág.s: Fevereiro 2007 nº 16 FICHA TÉCNICA Aplicações da Espuma de Poliestireno Expandido Nº Pág.s: 18 16 02 Fevereiro 2007 Aplicações da Espuma de Poliesti tireno Expandido E na construção (EPS) 01 As aplicações do EPS na construção

Leia mais

PAVILHÕES PARA INDÚSTRIA E AGRICULTURA. Sistemas em aço para apoio e armazenamento. Catálogo Geral XFRAME

PAVILHÕES PARA INDÚSTRIA E AGRICULTURA. Sistemas em aço para apoio e armazenamento. Catálogo Geral XFRAME PAVILHÕES PARA INDÚSTRIA E AGRICULTURA Sistemas em aço para apoio e armazenamento Catálogo Geral 016.01 0 PAVILHÕES CHAVE NA MÃO SOLUÇÃO INTEGRAL Solução desenvolvida e industrializada de forma a ser facilmente

Leia mais

Catálogo Geral. Harmony with nature. Harmony with nature Vale de Cambra - Portugal Tel:

Catálogo Geral. Harmony with nature. Harmony with nature Vale de Cambra - Portugal Tel: Harmony with nature Z. I. Lordelo Codal - Lote 9 - Apt. 148 3731-901 Vale de Cambra - Portugal Tel: +351 256 472 148 Fax: +351 256 427 134 E-mail: geral@plakamat.pt www.plakamat.pt Harmony with nature

Leia mais

Domus

Domus Domus WWW.CS-TELHAS.PT Marca registada Domus é a telha marselha topo de gama da CS Produzida utilizando a mais avançada tecnologia atualmente disponível, nomeadamente nos processos de prensagem e cozedura,

Leia mais

ED MONTE MORENO. Memorial descritivo dos acabamentos:

ED MONTE MORENO. Memorial descritivo dos acabamentos: ED MONTE MORENO Memorial descritivo dos acabamentos: 01 Fachada Fachada em porcelanato nas varandas, vidros laminados 6 mm na cor verde, esquadria em alumínio branco, laterais revestidas de cerâmica ou

Leia mais

Guia Prático de Instalação Completo Forros Nexacustic. Revisão: 4

Guia Prático de Instalação Completo Forros Nexacustic. Revisão: 4 Guia Prático de Instalação Completo Forros Nexacustic Revisão: 4 Guia Prático de Instalação Nexacustic Cuidados Iniciais Cuidados iniciais: Os produtos Nexacustic foram desenvolvidos para aplicação em

Leia mais

Universidade Federal de Itajubá Instituto de Recursos Naturais. Cálculo Estrutural EHD 804 MÉTODOS DE CONSTRUÇÃO. Profa.

Universidade Federal de Itajubá Instituto de Recursos Naturais. Cálculo Estrutural EHD 804 MÉTODOS DE CONSTRUÇÃO. Profa. Universidade Federal de Itajubá Instituto de Recursos Naturais Cálculo Estrutural EHD 804 MÉTODOS DE CONSTRUÇÃO Profa. Nívea Pons Objetivo: Projeto e dimensionamento de estruturas estáticas ou dinâmicas

Leia mais

CONSTRUÇÃO CIVIL II ENG 2333 (2016/1)

CONSTRUÇÃO CIVIL II ENG 2333 (2016/1) ENG 2333 (2016/1) Aula 12 Forros FORROS Definição: Revestimento da face inferior da laje ou de telhados de modo a constituir a superfície superior de um ambiente fechado FORROS FORROS Critérios de escolha:

Leia mais

DESENHOS DAS FORMAS ESTRUTURAIS LEVANTAMENTO DAS AÇÕES VERTICAIS

DESENHOS DAS FORMAS ESTRUTURAIS LEVANTAMENTO DAS AÇÕES VERTICAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA Departamento de Estruturas e Construção Civil ECC 1008 Estruturas de Concreto DESENHOS DAS FORMAS ESTRUTURAIS LEVANTAMENTO DAS AÇÕES VERTICAIS Aulas 13-16 Gerson Moacyr

Leia mais

Guia Prático de Instalação Revestimentos Nexacustic. Revisão: 1

Guia Prático de Instalação Revestimentos Nexacustic. Revisão: 1 Guia Prático de Instalação Revestimentos Nexacustic Revisão: 1 Guia Prático de Instalação Nexacustic Cuidados Iniciais Cuidados iniciais: Os produtos Nexacustic foram desenvolvidos para aplicação em ambientes

Leia mais

ANEXO V DESCRIÇÃO DO PADRÃO DAS EDIFICAÇÕES Padrão Baixo

ANEXO V DESCRIÇÃO DO PADRÃO DAS EDIFICAÇÕES Padrão Baixo ANEXO V DESCRIÇÃO DO PADRÃO DAS EDIFICAÇÕES Padrão Baixo Edificações térreas ou assobradadas, podendo ser geminadas, inclusive em ambos os lados, satisfazendo a projeto arquitetônico simples, geralmente

Leia mais

Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014

Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014 Tecnologias, Sistemas Construtivos e Tipologias para Habitações de Interesse Social Painéis de garrafas PET e argamassa armada FICHA CATALOGRÁFICA NOVEMBRO/2014 Tecnologias, Sistemas Construtivos e Tipologias

Leia mais

Elementos de Concreto Aplicações

Elementos de Concreto Aplicações N O R D I M P I A N T I P R O D U C T S A P P L I C A T I O N S T U R N K E Y S E R V I C E G L O B A L Elementos de Concreto Aplicações Tecnologia para a indústria de concreto pré-fabricado e protendido

Leia mais

Aços Longos. Telas Soldadas Nervuradas

Aços Longos. Telas Soldadas Nervuradas Aços Longos Telas Soldadas Nervuradas Registro Compulsório 272/2011 Telas Soldadas Nervuradas Qualidade As Telas Soldadas de Aço Nervurado ArcelorMittal são armaduras pré-fabricadas constituídas por fios

Leia mais

CIA CONSTRUTORA E INCORPORADORA AGUIRRE LTDA

CIA CONSTRUTORA E INCORPORADORA AGUIRRE LTDA MINUTA DO RELATÓRIO TÉCNICO 16 de agosto de 2010 CIA CONSTRUTORA E INCORPORADORA AGUIRRE LTDA Avaliação técnica complementar do desempenho térmico de sistema construtivo integrado por paredes de concreto

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDACIL ACQUA é um verniz à base de resina acrílica dispersa em água. É indicado para proteção de estruturas e, após a cura, forma um filme transparente, impermeável, de fácil limpeza, de boa resistência

Leia mais

GET GESTÃO DE ENERGIA TÉRMICA Lda.

GET GESTÃO DE ENERGIA TÉRMICA Lda. 1 Dados climáticos de referência para a região do Porto: Inverno: Região climática I1, número de graus dias = 1610 (º dias), duração da estação de aquecimento = 6,7 meses. Verão: Região climática V1, Temperatura

Leia mais

Concreto de Alto Desempenho

Concreto de Alto Desempenho Programa de Pós-Graduação em Engenharia Urbana Universidade Estadual de Maringá Centro de Tecnologia Departamento de Engenharia Civil Concretos Especiais Concreto de Alto Desempenho Material de alta resistência

Leia mais

1. TIPO DE CASA 2. TIPO DE PAREDE 3. TIPO DE FUNDAÇÃO 4. MEDIDAS DE CASA 5. DIVISÃO DE CASA. No exterior, argamassa, no interior placa de gesso

1. TIPO DE CASA 2. TIPO DE PAREDE 3. TIPO DE FUNDAÇÃO 4. MEDIDAS DE CASA 5. DIVISÃO DE CASA. No exterior, argamassa, no interior placa de gesso Preço de aproximar: 81300 * *O preço calculado reflete acerca do 80 porcento de preço final. Depois de uma reunião pessoal, a gente calcula o valor final. 1. TIPO DE CASA Variação tipo de casa 1. Variação

Leia mais

Posição solar Posição solar Posição solar DESCRIÇÃO AMBIENTE ESPECIFICAÇÃO Alvenaria Geral Alvenarias com dimensões conforme projeto Cobertura Lajes de forro Laje impermeabilizada ou telhado

Leia mais

GreenEnergy Construção Sustentável

GreenEnergy Construção Sustentável Conceito e Soluções, adequados a vários sectores da Engenharia e Construção. Para uma e Ecológica. Conceito de construção tecnológico para habitação, industrial ou outros e Soluções de revestimentos, isolamentos,

Leia mais

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário:

(73) Titular(es): (72) Inventor(es): (74) Mandatário: (11) Número de Publicação: PT 105774 (51) Classificação Internacional: E04C 2/284 (2006) (12) FASCÍCULO DE PATENTE DE INVENÇÃO (22) Data de pedido: 2011.06.27 (30) Prioridade(s): (43) Data de publicação

Leia mais

Palas de Sombreamento Horizontais: SG.BS-H e SG.BS-V Verticais / Tapa Vistas: SG.BS-TV

Palas de Sombreamento Horizontais: SG.BS-H e SG.BS-V Verticais / Tapa Vistas: SG.BS-TV Palas de Sombreamento Horizontais: SG.BS-H e SG.BS-V Verticais / Tapa Vistas: SG.BS-TV v6 2 Pala de Sombreamento Horizontal SG.BS-H e SG.BS-V As Palas de Sombreamento (Brisa Sol) SeGurAL SG.BS-H e SG.BS-V

Leia mais

Telefones: (48) / Apoio:

Telefones: (48) / Apoio: UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO TECNOLÓGICO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL Campus Universitário Trindade Florianópolis SC CEP 88040-900 Caixa Postal 476 Laboratório de Eficiência Energética

Leia mais

LAJES PRÉ-MOLDADAS. GRADUAÇÃO Florestal AULA. Prof. Adriano Wagner Ballarin Prof. Marco Antonio Martin Biaggioni. Construções Rurais

LAJES PRÉ-MOLDADAS. GRADUAÇÃO Florestal AULA. Prof. Adriano Wagner Ballarin Prof. Marco Antonio Martin Biaggioni. Construções Rurais LAJES PRÉ-MOLDADAS Prof. Adriano Wagner Ballarin Prof. Marco Antonio Martin Biaggioni GRADUAÇÃO Florestal AULA 10 Aula 10b Lajes pré-moldadas 1 1. Definições São estruturas de concreto armado ou mistas,

Leia mais

ECA ESTRUTURAS DE CONCRETO ARMADO Fernando de Moraes Mihalik

ECA ESTRUTURAS DE CONCRETO ARMADO Fernando de Moraes Mihalik - 1 - UNIP - Universidade Paulista SISTEMAS ESTRUTURAIS CONCRETO SEC NOTAS DE AULA - 04 LAJES CONCEITOS, DIMENSIONAMENTO E CÁLCULO DE REAÇÕES NAS VIGAS - 2 - NA_04/2011 SISTEMAS ESTRUTURAIS NOTAS DE AULA

Leia mais

TÉCNICAS CONSTRUTIVAS I

TÉCNICAS CONSTRUTIVAS I Curso Superior de Tecnologia em Construção de Edifícios TÉCNICAS CONSTRUTIVAS I Prof. Leandro Candido de Lemos Pinheiro leandro.pinheiro@riogrande.ifrs.edu.br BLOCOS CERÂMICOS ABNT NBR 15270 / 2005 Componentes

Leia mais

Plasma

Plasma Plasma WWW.CS-TELHAS.PT Marca registada Plasma é a telha plana topo de gama da CS Cinza Aço Com um desenho inovador, a Plasma, completamente plana e lisa, cujo aspecto depois de aplicada é um retângulo

Leia mais

A sua casa sem um pingo de infiltrações.

A sua casa sem um pingo de infiltrações. A sua casa sem um pingo de infiltrações. Gama Anti-Humidade e Infiltrações HIDROFUGANTE FACHADAS WB 141-0002 Hidrofugante aquoso baseado numa emulsão de silicone, ideal para aplicação em materiais de construção

Leia mais

Laboratório de Eficiência Energética em Edificações

Laboratório de Eficiência Energética em Edificações UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO TECNOLÓGICO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL Campus Universitário Trindade Florianópolis SC CEP 88040-970 Caixa Postal 476 Laboratório de Eficiência Energética

Leia mais

Novas Moradias V3 com Altos Padrões de Qualidade, a 5 Minutos de Faro e da Ilha de Faro VILLA EM FARO

Novas Moradias V3 com Altos Padrões de Qualidade, a 5 Minutos de Faro e da Ilha de Faro VILLA EM FARO Novas Moradias V3 com Altos Padrões de Qualidade, a 5 Minutos de Faro e da Ilha de Faro VILLA EM FARO ref. S5180 348.000 4 4 126 m2 250 m2 Localização + Cidade Freguesia Concelho Região Detalhes + Faro

Leia mais

TangentEscala Construções e Representações, Lda.

TangentEscala Construções e Representações, Lda. TangentEscala Construções e Representações, Lda. Especialista no Sistema Construtivo Light Steel Framing - LSF Índice Apresentação da Empresa 04 Sistema Construtivo LSF 05 Componentes do Sistema LSF 07

Leia mais

Tecno

Tecno Tecno WWW.CS-TELHAS.PT Marca registada A Tecno é a telha lusa topo de gama da CS Produzida utilizando a mais avançada tecnologia atualmente disponível, nomeadamente nos processos de prensagem e cozedura,

Leia mais

CONTRIBUTO DAS ARGAMASSAS NA SUSTENTABILIDADE. Roca Lisboa Gallery LISBOA

CONTRIBUTO DAS ARGAMASSAS NA SUSTENTABILIDADE. Roca Lisboa Gallery LISBOA CONTRIBUTO DAS ARGAMASSAS NA SUSTENTABILIDADE Roca Lisboa Gallery LISBOA 01.04.2016 ÍNDICE Sobre a Secil Argamassas Perspectiva de melhoramento do conforto O contributo das Argamassas Térmicas na Sustentabilidade

Leia mais

Reabilitação de edifícios com sistema ETICS: um caso de aplicação prática

Reabilitação de edifícios com sistema ETICS: um caso de aplicação prática Reabilitação de edifícios com sistema ETICS: um caso de aplicação prática Reabilitação da Escola Secundária de Rio Tinto, Gondomar Vasco Pereira, Saint-Gobain Weber Portugal 1. Introdução 2. Reabilitação

Leia mais

PROJECTOASGARD ASGARD

PROJECTOASGARD ASGARD ASGARD Principais características do sistema construtivo ASGARD ASGARD Construção projectada para poupar energia Um consumo energético para aquecimento inferior a 15kWh/m2/ano, Um consumo energético para

Leia mais

Manta Asfáltica. Elastomérica. Produtos. Mantas Asfálticas

Manta Asfáltica. Elastomérica. Produtos. Mantas Asfálticas Manta Asfáltica Elastomérica Descrição LWARFLEX Manta Asfáltica Elastomérica é uma manta impermeabilizante pré-fabricada à base de asfalto modificado com elastômeros, estruturada com não-tecido de poliéster

Leia mais

K-FLEX K-FLEX K-FONIK SYSTEM 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO

K-FLEX K-FLEX K-FONIK SYSTEM 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO 58 UMA NOVA GERAÇÃO DE MATERIAIS DE ISOLAMENTO K-FONIK SYSTEM Aplicações: - Canalizações e sistemas de drenagem - Tubulação industrial, maquinaria civil e industrial - Isolamento acústico para paredes

Leia mais