Carne de Frango Var. Produção (milhões ton) Exportação (milhões ton) Disponibilidade 12,69 13,146 3,58% 4,03 4,3 5% 8,59 8,84 3,1%

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Carne de Frango Var. Produção (milhões ton) Exportação (milhões ton) Disponibilidade 12,69 13,146 3,58% 4,03 4,3 5% 8,59 8,84 3,1%"

Transcrição

1 Carne de Frango Produção (milhões ton) Exportação (milhões ton) Disponibilidade (milhões ton) Var. 12,69 13,146 3,58% 4,03 4,3 5% 8,59 8,84 3,1% Per capita (kg) 42,7 43,25 1,1% 2016 Produção e exportação: crescimento de 3 a 5% 1

2 Ranking: 15 maiores importadores do Brasil Carne de frango, 2015 PAÍSES JAN-DEZ15 SHARE 1 ARABIA SAUDITA ,7% 2 JAPAO ,0% 3 UNIÃO EUROPÉIA ,6% 4 CHINA ,3% 5 EMIRADOS ARABES ,2% 6 HONG KONG ,6% 7 AFRICA DO SUL ,4% 8 VENEZUELA ,1% 9 COVEITE ,9% 10 CUBA ,4% 11 COREIA DO SUL ,2% 12 RUSSIA ,1% 13 CINGAPURA ,0% 14 OMA ,0% 15 CATAR ,9% OUTROS ,7% T O T A L % CATAR OMÃ CINGAPURA RÚSSIA COREIA DO SUL CUBA COVEITE VENEZUELA OUTROS PAÍSES AF. DO SUL HONG KONG EMIRADOS ÁRABES ARÁBIA SAUDITA JAPÃO UNIÃO EUROPEIA CHINA

3 Carne de Frango (JAN-MAIO 2016) Frango total (ton) Volume % Mai ,5% Jan-Mai ,27% Frango total - Receita mil US$ mil R$ % % Mai ,9% ,7% Jan-Mai ,7% ,5%

4 Carne Suína Produção (milhões ton) Exportação (mil ton) Disponibilidade (milhões ton) Var. 3,47 3,643 4,95% ,1 9,7% 2,9 3,088 3,9% Per capita (kg) 14,71 15,08 2,52% 2016 Produção e exportação: crescimento entre 2% e 3% 4

5 Ranking: 15 maiores importadores do Brasil Carne suína, 2015 PAÍSES JAN-DEZ 15 SHARE 1 RUSSIA ,6% 2 HONG KONG ,6% 3 ANGOLA ,5% 4 CINGAPURA ,1% 5 URUGUAI ,2% 6 ARGENTINA ,0% 7 VENEZUELA ,8% 8 CHILE ,5% 9 GEORGIA ,4% 10 EMIRADOS ARABES ,1% 11 CHINA ,0% 12 HAITI ,8% 13 AZERBAIJAO ,8% 14 ARMENIA ,8% 15 BOLIVIA ,6% OUTROS ,2% TOTAL % URUGUAI ARMÊNIA AZERBAIJÃO HAITI CHINA UAE GEORGIA CHILE VENEZUELA ARGENTINA CINGAPURA ANGOLA OUTROS HONG KONG RÚSSIA

6 Carne Suína (JAN-MAIO 2016) Suino total (ton) Volume % Mai ,8% Jan-Mai ,2% Suíno total - Receita mil US$ mil R$ % % Mai ,0% ,4% Jan-Mai ,1% ,6%

7 A população mundial não para de crescer... Fonte: ONU / FIERGS 7

8 O crescimento populacional e a alta correlação entre renda per capita e consumo de proteína animal indicam um crescimento na demanda mundial... Fatores como o crescimento da população e o aumento da renda são fortes indícios de um aumento no consumo de proteína. Há uma grande correlação entre consumo de carne e a renda anual per capita da população; Existe, ainda hoje, uma grande diferença entre o consumo de proteína animal per capita nos países desenvolvidos e nos países mais pobres. Em alguns casos, o aumento incremental de renda resulta em consumos maiores de proteína (principalmente em países pouco desenvolvidos) 8

9 ... com destaque para o consumo de frango, que deve aumentar a uma taxa acima da carne suína e bovina... Ao longo do tempo, o consumo de proteína animal tem aumentado gradativamente no mundo. A proteína de frango é a que mais ganha espaço, seguida pela carne suína. A carne bovina cresce a um ritmo menos acelerado; No período de 2013 a 2024, o consumo dos três principais tipos de carne deve aumentar em 55 milhões de toneladas....gerando um aumento de demanda de 23 milhões de toneladas de 9 carne frango e 15 milhões de toneladas de carne suína até 2024 Fonte: USDA,

10 Competitividade: os ENTRAVES Fatores que prejudicam os negócios no Brasil -(Fórum Econômico Mundial, 2015) 10

11 Isolamento comercial BRASILEIRO Número de acordos comerciais regionais Fonte: Itaú Unibanco, OMC (2015) 11

12 Agregação de Valor: AMPLIAÇÃO DA RECEITA Menor Agregação de Valor Commodities Produção de Grande Escala Mercado Global Foco na Padronização Produção de Baixa Escala Mercado de Massa Foco na Preço Produção de Média Escala Mercado Segmentado em Nichos Foco na Especialização Produção de Baixa Escala Mercado Segmentado em Nichos Foco na Valorização Regional Maior Agregação de Valor Premium

13 Agregação de Valor: Carne Suína Receita obtida com a exportação de milho e do farelo de soja consumidos na produção de uma tonelada de carne suína em equivalente carcaça gera US$ 870, US$ 2300 US$ 2400 US$ 2500 US$ 1950 US$ 1350 US$ 870 Grãos* Miúdos Carcaça Barriga Paleta desossada Pernil desossado Copa Lombo US$ / Ton Exportada * Grãos suficientes para a produção de 1 tonelada de carne suína

14 Agregação de Valor: CARNE DE FRANGO 1,7 Kg de grãos (70% milho, 30% farelo de soja) para produzir 1,0 Kg de frango Grãos Griller Inteiro Corte Salgado Industrializado US$ / Ton Exportada

15 Valor Agregado: ganhos para o Agro Se exportássemos todo o milho e farelo de soja utilizada na produção de frango de 2014, teríamos um saldo de US$ 1,9 bilhão US$ 6,1 bilhões a menos do que o saldo dos embarques de carne de frango

16 Do volume à marca: a jornada para margens melhores Alto Valor Marca Alimento com valor adicionado Nível da Margem Ave com valor adicionado Ave Premium Baixo Valor Frango padrão

Exportações de Carnes agronegócio Janeiro a Dezembro de 2015

Exportações de Carnes agronegócio Janeiro a Dezembro de 2015 Exportações de Carnes agronegócio Janeiro a Dezembro de 2015 1. Exportações de carnes de janeiro a dezembro de 2015 BRASIL As exportações brasileiras de carnes somaram US$ 14,7 bilhões no período de janeiro

Leia mais

BRASIL E O AGRONEGÓCIO

BRASIL E O AGRONEGÓCIO FRANCISCO TURRA Presidente Executivo BRASIL E O AGRONEGÓCIO A ABPA Maior entidade da cadeia de proteína animal do Brasil; 132 associados, entre produtores e exportadores de aves, suínos, ovos, genética,

Leia mais

Exportações de Carnes agronegócio Janeiro a Dezembro de Exportações de carnes BRASIL

Exportações de Carnes agronegócio Janeiro a Dezembro de Exportações de carnes BRASIL Exportações de Carnes agronegócio Janeiro a Dezembro de 2014 1. Exportações de carnes BRASIL Ao longo dos últimos dez anos as exportações de carne no Brasil aumentaram. Para a carne de frango o aumento

Leia mais

Importações no período acumulado de janeiro até dezembro de 2015.

Importações no período acumulado de janeiro até dezembro de 2015. Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de dezembro de 2015. Total das exportações do Rio Grande

Leia mais

Avicultura e Suinocultura: Cenário Nacional e Mundial Desafios e Oportunidades

Avicultura e Suinocultura: Cenário Nacional e Mundial Desafios e Oportunidades FRANCISCO TURRA Presidente Executivo Avicultura e Suinocultura: Cenário Nacional e Mundial Desafios e Oportunidades Brasil é o 4º Maior Exportador Mundial de Produtos Agrícolas Exportação de produtos agrícolas

Leia mais

os desafios em um novo momento econômico"

os desafios em um novo momento econômico FRANCISCO TURRA Presidente-executivo Ex- Ministro da Agricultura "Caminhos de valor para o agronegócio: os desafios em um novo momento econômico" Momento de RECUPERAÇÃO DA CONFIANÇA 2003 2004 2005 2006

Leia mais

Balanço 2016 Perspectivas Suínos

Balanço 2016 Perspectivas Suínos Suínos 137 138 Balanço 2016 Perspectivas 2017 Perspectivas 2017 EXPECTATIVAS DE QUEDA DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO O abastecimento doméstico de milho a preços equilibrados está garantido para o próximo ano.

Leia mais

Total das exportações do Rio Grande do Sul. Exportações no período acumulado de janeiro a fevereiro de 2016.

Total das exportações do Rio Grande do Sul. Exportações no período acumulado de janeiro a fevereiro de 2016. Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio exterior do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de fevereiro de 2016. Total das exportações do Rio Grande do

Leia mais

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO JOÃO CRUZ REIS FILHO SECRETÁRIO DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Brasília/DF JULHO DE 2015 22 CENÁRIO POPULACIONAL

Leia mais

- Exportação: US$ 17,5 bi, em valor, e média diária de US$ 795,0 milhões; sobre dez-13 (US$ 992,7 milhões),

- Exportação: US$ 17,5 bi, em valor, e média diária de US$ 795,0 milhões; sobre dez-13 (US$ 992,7 milhões), Dezembro / 2014 Resultados de Dezembro de 2014 - Exportação: US$ 17,5 bi, em valor, e média diária de US$ 795,0 milhões; sobre dez-13 (US$ 992,7 milhões), redução de 19,9%, pela média diária; - Importação:

Leia mais

PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL

PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL Março/2014 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Mundial 05. População

Leia mais

Parceiros Comerciais do RS no período de. janeiro a abril de 2016.

Parceiros Comerciais do RS no período de. janeiro a abril de 2016. Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio exterior do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de abril de 2016. Total das exportações do Rio Grande do Sul.

Leia mais

Exportações no período acumulado de janeiro até maio de Total das exportações do Rio Grande do Sul.

Exportações no período acumulado de janeiro até maio de Total das exportações do Rio Grande do Sul. Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de maio de 2015. Total das exportações do Rio Grande do

Leia mais

O Agronegócio e o Sucesso do Brasil no Mercado de Carnes Gedeão Silveira Pereira

O Agronegócio e o Sucesso do Brasil no Mercado de Carnes Gedeão Silveira Pereira O Agronegócio e o Sucesso do Brasil no Mercado de Carnes Gedeão Silveira Pereira Vice Presidente FARSUL Terra arável disponível, por pessoa no mundo Brasil EUA Rússia Índia China União Européia Congo Austrália

Leia mais

Agronegócio e o Plano Nacional de Exportações

Agronegócio e o Plano Nacional de Exportações Agronegócio e o Plano Nacional de Exportações Alinne B. Oliveira Superintendente de Relações Internacionais Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil CNA 17 de novembro de 2015. O agronegócio e

Leia mais

Resultados de 2015 Perspectivas para Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio

Resultados de 2015 Perspectivas para Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio Resultados de 2015 Perspectivas para 2016 Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio Agronegócio na Balança Comercial 300 250 37,9% 37,1% 39,5% 41,3% 43,0% 45,9% 50% 45% 40% 200 35% 30% US$ Bilhões

Leia mais

CARNE AVÍCOLA NOVEMBRO DE 2016

CARNE AVÍCOLA NOVEMBRO DE 2016 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos CARNE AVÍCOLA NOVEMBRO DE 2016 O DEPEC BRADESCO não se responsabiliza por quaisquer atos/decisões tomadas com base nas informações disponibilizadas

Leia mais

Comércio Exterior de Mato Grosso do Sul / Desempenho Industrial Junho 2017

Comércio Exterior de Mato Grosso do Sul / Desempenho Industrial Junho 2017 >> Exportações de produtos industriais Grupos de Produtos Industriais Junho - US$ Janeiro a Junho - US$ 2016 2017 Var. % 2016 2017 Var. % Celulose e Papel 84.431.684 90.047.004 7% 522.390.072 501.962.469-4%

Leia mais

Resultados de Junho de 2014

Resultados de Junho de 2014 Junho / 2014 Resultados de Junho de 2014 - Exportação: US$ 20,5 bi, em valor, e média diária de US$ 1,023 bilhão; sobre mai-14, aumento de 3,6%, pela média diária; sobre jun-13, redução de 3,5%, pela média

Leia mais

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de dezembro de 2014. COMPARAÇÃO DO MÊS DEZEMBRO COM O MÊS

Leia mais

MERCADO DE CARNE BOVINA. Abril de 2016

MERCADO DE CARNE BOVINA. Abril de 2016 MERCADO DE CARNE BOVINA Abril de 2016 ASSOCIADOS DA ABIEC HISTÓRICO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE CARNE BOVINA 8.000.000 6.000 7.000.000 6.000.000 5.000.000 4.000.000 3.000.000 2.000.000 1.000.000 0 7.170.097

Leia mais

Comércio Exterior de Mato Grosso do Sul / Desempenho Industrial Dezembro 2016

Comércio Exterior de Mato Grosso do Sul / Desempenho Industrial Dezembro 2016 >> Exportações de produtos industriais Mato Grosso do Sul - Exportação de Produtos Industriais (Receita - US$) Grupos de Produtos Industriais Dezembro Janeiro a Dezembro 2015 2016 Var. % 2015 2016 Var.

Leia mais

BOVINOCULTURA DE CORTE

BOVINOCULTURA DE CORTE Milhares BOVINOCULTURA DE CORTE» MERCADO INTERNO Os preços médios da arroba do boi e da vaca na segunda semana de julho continuaram a crescer, finalizando o período em R$ 96,9 e R$91,11 (à vista e livre

Leia mais

Comércio Exterior de Mato Grosso do Sul / Desempenho Industrial Julho 2016

Comércio Exterior de Mato Grosso do Sul / Desempenho Industrial Julho 2016 >> Exportações de produtos industriais Mato Grosso do Sul - Exportação de Produtos Industriais (Receita - US$) Grupos de Produtos Industriais Julho Janeiro a Julho 2015 2016 Var. % 2015 2016 Var. % Celulose

Leia mais

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de outubro de 2014. COMPARAÇÃO DO MÊS OUTUBRO COM O MÊS

Leia mais

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de fevereiro de 2015. COMPARAÇÃO DO MÊS DE FEVEREIRO DE

Leia mais

Análisis Prospectivo del Comercio Agroalimentario Internacional. Prof. Dra. Susan E. Martins Cesar de Oliveira (Universidade de Brasília - UnB)

Análisis Prospectivo del Comercio Agroalimentario Internacional. Prof. Dra. Susan E. Martins Cesar de Oliveira (Universidade de Brasília - UnB) Análisis Prospectivo del Comercio Agroalimentario Internacional Prof. Dra. Susan E. Martins Cesar de Oliveira (Universidade de Brasília - UnB) ÍNDICE Tendências do mercado global; Perspectivas para o comércio

Leia mais

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO

RELATÓRIO SOBRE AS EXPORTAÇÕES E IMPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO GAÚCHO Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de janeiro de 2015. COMPARAÇÃO DO MÊS JANEIRO DE 2015 COM

Leia mais

DESAFIOS E EXPECTATIVAS DAS INDUSTRIAS EXPORTADORAS DE CARNES

DESAFIOS E EXPECTATIVAS DAS INDUSTRIAS EXPORTADORAS DE CARNES ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS INDÚSTRIAS EXPORTADORAS DE CARNES INDUSTRIALIZADAS DESAFIOS E EXPECTATIVAS DAS INDUSTRIAS EXPORTADORAS DE CARNES Antônio Camardelli Diretor Executivo Novembro, 2006 Panorama geral

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Março/2016

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Março/2016 SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Março/2016 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Rural 05. Habitantes no Campo

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA ÍNDICE FEVEREIRO 2015 FRANCA Página População...... 2 Piso salarial do sapateiro... 2 Número de funcionários na indústria de calçados...... 2 Admissões e demissões do

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA ÍNDICE MARÇO 2015 FRANCA Página População...... 2 Piso salarial do sapateiro... 2 Número de funcionários na indústria de calçados...... 2 Admissões e demissões do setor

Leia mais

COMÉRCIO EXTERIOR MAIO

COMÉRCIO EXTERIOR MAIO MAIO EXPORTAÇÕES No mês de maio de 2017, as exportações catarinenses somaram US$ 802,8 milhões, o que representou um avanço de 15,8% frente a maio de 2016. Esse crescimento é o melhor para o mês desde

Leia mais

DESEMPENHO DA CARNE DE FRANGO EM 2007 E PERSPECTIVAS PARA 2008

DESEMPENHO DA CARNE DE FRANGO EM 2007 E PERSPECTIVAS PARA 2008 DESEMPENHO DA CARNE DE FRANGO EM 2007 E PERSPECTIVAS PARA 2008 MERCADO INTERNACIONAL O Brasil é o terceiro maior produtor mundial de frangos, precedido pelos Estados Unidos e pela China e é o quarto consumidor,

Leia mais

O MERCADO MUNDIAL DE CARNE BOVINA. Agosto de 2016

O MERCADO MUNDIAL DE CARNE BOVINA. Agosto de 2016 O MERCADO MUNDIAL DE CARNE BOVINA Agosto de 2016 Pastagens 168 Mi ha Rebanho 209 Mi Cabeças Abates 39 Mi Cabeças CadeiadevalordeR$483,5bilhões Perfil do Setor 2015 Produção de Carne Bovina 9,56 Mi TEC

Leia mais

ABRIL 2016 RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA FRANCA SÃO PAULO BRASIL. Pág.

ABRIL 2016 RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA FRANCA SÃO PAULO BRASIL. Pág. RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA ABRIL 2016 FRANCA População e PIB do município de Franca Piso salarial do sapateiro Estimativa do número de funcionários na indústria de calçados de Franca Dados do

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA ÍNDICE OUTUBRO 2014 FRANCA Página População...... 2 Piso salarial do sapateiro... 2 Número de funcionários na indústria de calçados...... 2 Admissões e demissões do

Leia mais

Santa Maria - RS

Santa Maria - RS MERCADO INTERNO E DE EXPORTAÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL XXVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ZOOTECNIA ZOOTEC 2016 SIMPÓSIO III: MARKETING E EMPREENDEDORISMO Santa Maria - RS 13-05-2016 POSIÇÃO DO BRASIL

Leia mais

Semana Fiesp/Ciesp de Meio Ambiente

Semana Fiesp/Ciesp de Meio Ambiente Semana Fiesp/Ciesp de Meio Ambiente Agronegócio Brasileiro PIB Brasileiro (2007) US$ 1.314 bilhões Agronegócio 37% Empregos (2006) 25% US$ 329,9 bilhões Exportações (2007) Agronegócio US$ 58,4 bilhões

Leia mais

INTERMODAL SOUTH AMERICA CONFERÊNCIA INFRAPORTOS PAINEL PALESTRA VIABILIDADE DAS EXPORTAÇÕES DEPENDE DOS PORTOS

INTERMODAL SOUTH AMERICA CONFERÊNCIA INFRAPORTOS PAINEL PALESTRA VIABILIDADE DAS EXPORTAÇÕES DEPENDE DOS PORTOS INTERMODAL SOUTH AMERICA CONFERÊNCIA INFRAPORTOS PAINEL PERSPECTIVAS E INVESTIMENTOS NO SETOR PALESTRA VIABILIDADE DAS EXPORTAÇÕES DEPENDE DOS PORTOS JOSÉ AUGUSTO DE CASTRO São Paulo, 02 de abril de 2013

Leia mais

o BRASIL E O COMÉRCIO MUNDIAL DE CARNE BOVINA INTRODUÇÃ

o BRASIL E O COMÉRCIO MUNDIAL DE CARNE BOVINA INTRODUÇÃ - o BRASIL E O COMÉRCIO MUNDIAL DE CARNE BOVINA Oscar Tupy1 INTRODUÇÃ O Este trabalho tem por objetivo mostrar de forma compacta as tendências mundiais de consumo, produção e comércio de carne bovina.

Leia mais

Conjuntura e perspectivas

Conjuntura e perspectivas Conjuntura e perspectivas Panorama do mercado de oleaginosas Aproveitamento para produção de óleo e derivados IV Congresso Brasileiro de Mamona e I Simpósio Internacional de Oleaginosas Energéticas Daniel

Leia mais

Indicadores de Exportação e Importação. Dados de Comércio de Importação e Exportação de Massas e outros derivados.

Indicadores de Exportação e Importação. Dados de Comércio de Importação e Exportação de Massas e outros derivados. Dados de Comércio de Importação e Exportação de Massas e outros derivados. Dados extraídos em 12.06.2013 Relação dos Códigos s utilizados: Massas alimentícias, cont. ovos, n/cozidas, n/recheadas, etc.

Leia mais

EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES

EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES 2016 SUMÁRIO Pág. 1 - ANÁLISE 3 2 - CAPÍTULO 41 COMPLETO 4 3 - DESTINOS 5 4 - COURO BOVINO POR TIPO 6 5 - DISTRIBUIÇÃO POR ESTADO 7 1 ANÁLISE DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS

Leia mais

Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos

Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos VIII Congresso Brasileiro de Marketing Rural Como a agroindústria brasileira está se adaptando às exigências do mercado internacional São Paulo, 28

Leia mais

Prof. Dr. João Batista Padilha Junior Departamento de Economia Rural - UFPR

Prof. Dr. João Batista Padilha Junior Departamento de Economia Rural - UFPR O Agronegócio da Avicultura de Corte Prof. Dr. João Batista Padilha Junior Departamento de Economia Rural - UFPR Aspectos Abordados Frango no mundo (Visão Geral) Histórico: ambiente institucional e o frango

Leia mais

EXPORTAÇÃO BRASILEIRA DO CAPÍTULO 71 DA NCM. Por Principais Países de Destino. Janeiro - Dezembro. Bijuterias

EXPORTAÇÃO BRASILEIRA DO CAPÍTULO 71 DA NCM. Por Principais Países de Destino. Janeiro - Dezembro. Bijuterias Bijuterias Principais Países 2010 2011 2012 2013 2014 US$ mil 2014/ 2013 Estados Unidos 5.667 3.828 2.668 3.491 5.006 43 Colômbia 407 800 748 1.112 993-11 França 1.085 931 910 998 969-3 Argentina 2.112

Leia mais

Fabio Silveira. Outubro 2016

Fabio Silveira. Outubro 2016 Cenário Proteína Animal Fabio Silveira Outubro 2016 Mercado mundial: produção x consumo milhões t 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 P 2017 P Carne de Frango Carne Bovina Carne Suína Total Prod. 78,3 81,3

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA

RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA RELATÓRIO MENSAL - NICC POLO FRANCA ÍNDICE AGOSTO 2012 FRANCA 01) População 02) Piso salarial do sapateiro 03) Número de funcionários na indústria de calçados 04) Admissões e demissões do setor calçadista

Leia mais

Estatística e Probabilidades

Estatística e Probabilidades Estatística e Probabilidades Nesse resumo vamos mostrar como a análise crítica de séries estatísticas podem contribuir para uma compreensão mais precisa da realidade. Todos os dias ouvimos falar sobre

Leia mais

ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DE MINAS CAMINHOS PARA O CRESCIMENTO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS

ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DE MINAS CAMINHOS PARA O CRESCIMENTO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DE MINAS PALESTRA CAMINHOS PARA O CRESCIMENTO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS JOSÉ AUGUSTO DE CASTRO Belo Horizonte, 30 de agosto de 2016 2 - REALIDADE BRASIL: PAÍS EXPORTADOR DE PESO

Leia mais

BOVINOCULTURA DE CORTE

BOVINOCULTURA DE CORTE ISS 36-9 BOVINOCULTURA DE CORTE Os preços médios da arroba do boi e da vaca, em Mato Grosso do Sul, no mês de fevereiro, foram de R$8,8 e R$,99, respectivamente. Em relação ao mês anterior, houve um avanço

Leia mais

Balanço 2016 Perspectivas Balança Comercial do Agro

Balanço 2016 Perspectivas Balança Comercial do Agro Balança Comercial do Agro 39 40 Balanço 2016 Perspectivas 2017 Perspectivas 2017 INVESTIMENTOS EM INFRAESTRUTURA, INOVAÇÃO E SUSTENTABILIDADE SERÃO ESSENCIAIS PARA AUMENTO DAS EXPORTAÇÕES As projeções

Leia mais

OMC CONDENA INDONÉSIA POR PROIBIR ACESSO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE CARNE DE FRANGO

OMC CONDENA INDONÉSIA POR PROIBIR ACESSO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE CARNE DE FRANGO OMC CONDENA INDONÉSIA POR PROIBIR ACESSO DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE CARNE DE FRANGO Nesta terça-feira (17), a Organização Mundial do Comércio (OMC) circulou o relatório do Painel da disputa iniciada

Leia mais

Carlos Eduardo Rocha Paulista Grupo JBS S/A. Desafio da Industria Brasileira

Carlos Eduardo Rocha Paulista Grupo JBS S/A. Desafio da Industria Brasileira Carlos Eduardo Rocha Paulista Grupo JBS S/A Desafio da Industria Brasileira Carlos Eduardo Rocha Paulista Zootecnista FAZU Msc. Melhoramento Genético UNESP MBA em Marketing FEA USP AUSMEAT Curso de Formação

Leia mais

Balança Comercial. 1 0 Semestre de 2013 BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA - JANEIRO-JUNHO/2013 EXPORTAÇÃO: US$ 114,5 BI - JANEIRO-JUNHO/2013

Balança Comercial. 1 0 Semestre de 2013 BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA - JANEIRO-JUNHO/2013 EXPORTAÇÃO: US$ 114,5 BI - JANEIRO-JUNHO/2013 Balança Comercial 1 0 Semestre de 2013 BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA - JANEIRO-JUNHO/2013 O semestre foi o pior desde 1995, com déficit de US$ 3 bilhões, afetado por importações de petróleo e derivados

Leia mais

Abril 2015 São Paulo, 19 de maio de 2015 BALANÇA COMERCIAL REGISTRA NOVO SUPERÁVIT EM ABRIL

Abril 2015 São Paulo, 19 de maio de 2015 BALANÇA COMERCIAL REGISTRA NOVO SUPERÁVIT EM ABRIL Abril 2015 São Paulo, 19 de maio de 2015 BALANÇA COMERCIAL REGISTRA NOVO SUPERÁVIT EM ABRIL A balança comercial brasileira registou superávit de pouco mais de US$ 500 milhões em abril, próximo ao resultado

Leia mais

- Exportação: US$ 13,7 bi, em valor, e média diária de US$ 652,6 milhões; sobre jan-14 (US$ 728,5 bilhões),

- Exportação: US$ 13,7 bi, em valor, e média diária de US$ 652,6 milhões; sobre jan-14 (US$ 728,5 bilhões), Janeiro / 2015 Resultados de Janeiro de 2015 - Exportação: US$ 13,7 bi, em valor, e média diária de US$ 652,6 milhões; sobre jan-14 (US$ 728,5 bilhões), redução de 10,4%, pela média diária; - Importação:

Leia mais

Apex-Brasil Resultados e ações de apoio ao exportador

Apex-Brasil Resultados e ações de apoio ao exportador Apex-Brasil Resultados e ações de apoio ao exportador Exportações Empresas apoiadas pela Apex-Brasil e Brasil APEX-BRASIL EM NÚMEROS JANEIRO a DEZEMBRO 2016 O TRABALHO DESENVOLVIDO PELA APEX-BRASIL JUNTO

Leia mais

Resultado do 2º Trimestre de 2009

Resultado do 2º Trimestre de 2009 Resultado do 2º Trimestre de 2009 13 de Agosto de 2009 JBS S.A. Confiamos em Deus Apresentadores Joesley Mendonça Batista Presidente Jeremiah O Callaghan Diretor de Relações com Investidores 1 NOSSOS VALORES

Leia mais

PERSPECTIVA PARA PECUÁRIA Gustavo Figueiredo. Zootecnista e consultor de mercado. Venda quando pode, e não quando precisa

PERSPECTIVA PARA PECUÁRIA Gustavo Figueiredo. Zootecnista e consultor de mercado. Venda quando pode, e não quando precisa PERSPECTIVA PARA PECUÁRIA 2016 Gustavo Figueiredo Zootecnista e consultor de mercado VELOCIDADE DA INFORMAÇÃO VELOCIDADE DA INFORMAÇÃO Novos conceitos de negociação - TRANSPARÊNCIA - União da Classe; -

Leia mais

JBS S.A. JBS S.A. Resultado do 3º Trimestre de Reunião Pública com Analistas e Investidores 16 de novembro de 2009

JBS S.A. JBS S.A. Resultado do 3º Trimestre de Reunião Pública com Analistas e Investidores 16 de novembro de 2009 Resultado do 3º Trimestre de 2009 Reunião Pública com Analistas e Investidores 16 de novembro de 2009 JBS S.A. JBS S.A. Confiamos em Deus, respeitamos a natureza Apresentadores Joesley Mendonça Batista

Leia mais

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio. Balança Comercial do Agronegócio Julho/2013

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio. Balança Comercial do Agronegócio Julho/2013 MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio Balança Comercial do Agronegócio Julho/2013 I - Resultados do mês As exportações brasileiras do

Leia mais

Audiência Pública Senado Federal

Audiência Pública Senado Federal Audiência Pública Senado Federal Pedro de Camargo Neto Presidente Abipecs 12 de julho de 2012 Distribuição Geográfica da Suinocultura Estado Part. % 2009 RS 19,3 SC 25,1 PR 17,0 5,6% SP 5,0 MG 13,7 MT

Leia mais

AMCHAM BRASIL SÃO PAULO OBJETIVOS E METAS DO GOVERNO TEMER PARA O COMÉRCIO EXTERIOR

AMCHAM BRASIL SÃO PAULO OBJETIVOS E METAS DO GOVERNO TEMER PARA O COMÉRCIO EXTERIOR AMCHAM BRASIL SÃO PAULO PALESTRA OBJETIVOS E METAS DO GOVERNO TEMER PARA O COMÉRCIO EXTERIOR JOSÉ AUGUSTO DE CASTRO São Paulo, 30 de agosto de 2016 2 EXPORTAÇÕES POR FATOR AGREGADO, EM TONELADAS Em milhões

Leia mais

Luciano Coutinho Presidente

Luciano Coutinho Presidente Evolução Econômica: Renda e Consumo Alimentos e Energia 11º Congresso Brasileiro do Agronegócio Rio de Janeiro, 06 de agosto de 2012 Luciano Coutinho Presidente Breve panorama da economia mundial Incertezas

Leia mais

EMIRADOS ÁRABES UNIDOS Comércio Exterior

EMIRADOS ÁRABES UNIDOS Comércio Exterior Ministério das Relações Exteriores - MRE Departamento de Promoção Comercial e Investimentos - DPR Divisão de Inteligência Comercial - DIC EMIRADOS ÁRABES UNIDOS Comércio Exterior Novembro de 2014 Índice.

Leia mais

Mercado internacional do agro - análise FEVEREIRO/2017

Mercado internacional do agro - análise FEVEREIRO/2017 Mercado internacional do agro - análise FEVEREIRO/2017 Exportações tem caído em valores Balança Agrícola Brasileira US$ Bilhões Fonte: AgroStat a partir dos dados da SECEX/MDIC Dados extraídos em 06/01/2017.

Leia mais

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos CARNE SUÍNA AGOSTO DE 2016

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos CARNE SUÍNA AGOSTO DE 2016 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos CARNE SUÍNA AGOSTO DE 2016 O DEPEC BRADESCO não se responsabiliza por quaisquer atos/decisões tomadas com base nas informações disponibilizadas por

Leia mais

Dezembro 2014 São Paulo, 19 de Janeiro de 2015 BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA TEM PRIMEIRO DÉFICIT ANUAL EM 14 ANOS

Dezembro 2014 São Paulo, 19 de Janeiro de 2015 BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA TEM PRIMEIRO DÉFICIT ANUAL EM 14 ANOS Dezembro 2014 São Paulo, 19 de Janeiro de 2015 BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA TEM PRIMEIRO DÉFICIT ANUAL EM 14 ANOS Apesar do superávit de US$ 293 milhões no último mês do ano, a balança comercial brasileira

Leia mais

JAPÃO Comércio Exterior

JAPÃO Comércio Exterior Ministério das Relações Exteriores - MRE Departamento de Promoção Comercial e Investimentos - DPR Divisão de Inteligência Comercial - DIC JAPÃO Comércio Exterior Dezembro de 2014 Índice. Dados Básicos.

Leia mais

O Brasil e o Mercado Internacional de Carnes

O Brasil e o Mercado Internacional de Carnes O MERCADO INTERNACIONAL DE CARNES E A ECONOMIA BRASILEIRA Flávia Maria de Mello Bliska 1 Joaquim José Martins Guilhoto 2 Este artigo tem por objetivo mostrar a participação do Brasil no mercado internacional

Leia mais

JURANDI MACHADO - DIRETOR. Cenário Carnes 2014/2015

JURANDI MACHADO - DIRETOR. Cenário Carnes 2014/2015 JURANDI MACHADO - DIRETOR Cenário Carnes 2014/2015 Oferta e Demanda de Carne Suína CARNE SUÍNA 2014 (a)* no Mundo (Mil toneladas) 2015 (b)* Var % (b/a) PRODUÇÃO 110.606 111.845 1,12 CONSUMO 109.882 111.174

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS INDÚSTRIAS EXPORTADORAS DE CARNES INDUSTRIALIZADAS. Perspectivas dos Mercados Interno e Externo de Carne Bovina

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS INDÚSTRIAS EXPORTADORAS DE CARNES INDUSTRIALIZADAS. Perspectivas dos Mercados Interno e Externo de Carne Bovina ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS INDÚSTRIAS EXPORTADORAS DE CARNES INDUSTRIALIZADAS Perspectivas dos Mercados Interno e Externo de Carne Bovina Antonio Camardelli Diretor Executivo Março, 27 Panorama geral 1

Leia mais

CARNE BOVINA Período: JULHO/2011

CARNE BOVINA Período: JULHO/2011 CARNE BOVINA Período: JULHO/2011 MERCADO INTERNO BOVINO Quadro I - PREÇOS PAGOS AOS PRODUTORES - R$/unidade PERÍODOS ANTERIORES PRAÇA UF UNID 12 MESES 6 MESES 1 MÊS Barretos SP @ 81,55 104,88 100,70 97,27

Leia mais

Workshop da Cadeia Produtiva da Proteína Animal Componente FRANGO

Workshop da Cadeia Produtiva da Proteína Animal Componente FRANGO Workshop da Cadeia Produtiva da Proteína Animal Componente FRANGO Pauta Boas vindas Abertura Apresentação da Metodologia de Planejamento: próximos passos Caracterização da cadeia Validação dos Problemas:

Leia mais

EXPORTAÇÕES DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS NOS 5 PRIMEIROS MESES DE 2011 (JANEIRO A MAIO)

EXPORTAÇÕES DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS NOS 5 PRIMEIROS MESES DE 2011 (JANEIRO A MAIO) EXPORTAÇÕES DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS NOS 5 PRIMEIROS MESES DE 2011 (JANEIRO A MAIO) I. COOPERATIVAS DO BRASIL Quadro 01 Exportações das cooperativas brasileiras de janeiro a maio de 2005 a 2011 (US$

Leia mais

Agronegócio brasileiro

Agronegócio brasileiro Agronegócio brasileiro Rogério Luiz Iuspa Zootecnista, especialização na Chambre d Agriculture de La Mayenne França, MBA em Marketing - ESPM Gerente Nacional - Aves de Corte Agroceres Multimix Bilhões

Leia mais

Movimento Secular versus Bolha Pedro Bastos, CEO HSBC Global Asset Management - Brasil

Movimento Secular versus Bolha Pedro Bastos, CEO HSBC Global Asset Management - Brasil Setembro de 2008 Movimento Secular versus Bolha Pedro Bastos, CEO HSBC Global Asset Management - Brasil Global Asset Management 1 Conteúdo Integração entre Brasil e Ásia Redução do Home Bias e seus efeitos

Leia mais

ÍNDICES EXPORTAÇÃO DO AGRONEGÓCIO

ÍNDICES EXPORTAÇÃO DO AGRONEGÓCIO S 2016 Com vendas e preços menores, faturamento cai em 2016 Apesar de iniciar 2016 com exportações recordes, o agronegócio brasileiro encerrou o ano com menores embarques, em relação a 2015, refletindo

Leia mais

Balanço 2016 Perspectivas Pecuária de Corte

Balanço 2016 Perspectivas Pecuária de Corte Pecuária de Corte 113 114 Balanço 2016 Perspectivas 2017 Perspectivas 2017 RETOMADA ECONÔMICA DEVE MELHORAR A DEMANDA POR CARNE BOVINA RECUPERAÇÃO DA ECONOMIA COMBINADA COM A PREFERÊNCIA DO CONSUMIDOR

Leia mais

Negociações internacionais do agronegócio: panorama da situação atual. Marcelo Junqueira Ferraz

Negociações internacionais do agronegócio: panorama da situação atual. Marcelo Junqueira Ferraz Negociações internacionais do agronegócio: panorama da situação atual Marcelo Junqueira Ferraz Balança comercial do agronegócio Fonte: AgroStat Brasil a partir dos dados da Secex/MDIC Saldo da balança

Leia mais

Desempenho do Comércio Exterior Brasileiro Tatiana Lacerda Prazeres Secretária de Comércio Exterior

Desempenho do Comércio Exterior Brasileiro Tatiana Lacerda Prazeres Secretária de Comércio Exterior Desempenho do Comércio Exterior Brasileiro -2013 Tatiana Lacerda Prazeres Secretária de Comércio Exterior Resultados de 2013 - MAIO/2013 - Exportação:média diária (US$ 1,04 bi) acima de US$ 1 bilhão; 3ªmaior

Leia mais

Exportações no período acumulado de janeiro até abril de 2015. Total das exportações do Rio Grande do Sul. 2015 com abril de 2014.

Exportações no período acumulado de janeiro até abril de 2015. Total das exportações do Rio Grande do Sul. 2015 com abril de 2014. Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de abril de 2015. Total das exportações do Rio Grande do

Leia mais

Apresentação Institucional JBS Incluindo Resultados do 4T14 e 2014

Apresentação Institucional JBS Incluindo Resultados do 4T14 e 2014 Apresentação Institucional JBS Incluindo Resultados do 4T4 e 204 Disclaimer Fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e

Leia mais

BRF. Resultados 2T11 Agosto de José Antonio Fay - CEO Leopoldo Saboya - CFO

BRF. Resultados 2T11 Agosto de José Antonio Fay - CEO Leopoldo Saboya - CFO BRF Resultados 2T11 Agosto de 2011 José Antonio Fay - CEO Leopoldo Saboya - CFO Os resultados do segundo trimestre de 2011 consolidam as Empresas BRF - Brasil Foods S.A. e Sadia S.A. (subsidiária integral).

Leia mais

Balança Comercial do Rio Grande do Sul Agosto Unidade de Estudos Econômicos UNIDADE DE ESTUDOS ECONÔMICOS

Balança Comercial do Rio Grande do Sul Agosto Unidade de Estudos Econômicos UNIDADE DE ESTUDOS ECONÔMICOS Balança Comercial do Rio Grande do Sul Agosto 2015 Unidade de Estudos Econômicos O COMÉRCIO EXTERIOR DO RS EM AGOSTO Exportações As exportações da indústria registraram o nível mais baixo para o mês desde

Leia mais

CONJUNTURA ECONÔMICA

CONJUNTURA ECONÔMICA CONJUNTURA ECONÔMICA O principal índice de inflação da economia brasileira, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor- Amplo (IPCA) foi -0,23% em junho, taxa muito inferior ao mês de maio e inferior também

Leia mais

ENCONTRO CATARINENSE DA INDÚSTRIA FIESC PALESTRA PERSPECTIVAS PARA A INDÚSTRIA BRASILEIRA, NA EXPORTAÇÃO

ENCONTRO CATARINENSE DA INDÚSTRIA FIESC PALESTRA PERSPECTIVAS PARA A INDÚSTRIA BRASILEIRA, NA EXPORTAÇÃO ENCONTRO CATARINENSE DA INDÚSTRIA FIESC PALESTRA PERSPECTIVAS PARA A INDÚSTRIA BRASILEIRA, NA EXPORTAÇÃO JOSÉ AUGUSTO DE CASTRO Florianópolis, 19 de julho de 2012 2 - AVALIAÇÃO BRASIL: PAÍS EXPORTADOR

Leia mais

A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná

A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná Fórum de Competitividade da Câmara Americana de Comércio - AMCHAM Curitiba 27/setembro/2017 Curitiba/PR A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná Eng. Agr. J O S É

Leia mais

ANÁLISE BOVINOCULTURA DE CORTE (1ª semana)

ANÁLISE BOVINOCULTURA DE CORTE (1ª semana) ISS 316-119 ANÁLISE BOVINOCULTURA DE CORTE (1ª semana) MERCADO INTERNO: Os preços da arroba do boi e da vaca, na primeira quinzena de março de 13, apresentaram uma média de R$ 9,75 e R$ 85,6, respectivamente.

Leia mais

DADOS DAS EXPORTAÇÕES DE MEL

DADOS DAS EXPORTAÇÕES DE MEL DADOS DAS EXPORTAÇÕES DE MEL EXPORTAÇÃO BRASILEIRA DE MEL 2009 a 2014 (NCM 04.09.00.00) ANO 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Meses US$ KG Valor Kg US$ KG Valor Kg US$ KG Valor Kg US$ KG Valor Kg US$ KG Valor

Leia mais

Exportações no período acumulado de janeiro até março de 2015. Total das exportações do Rio Grande do Sul.

Exportações no período acumulado de janeiro até março de 2015. Total das exportações do Rio Grande do Sul. Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio internacional do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de março de 2015. Total das exportações do Rio Grande do

Leia mais

EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES

EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES FEVEREIRO / 215 SUMÁRIO PÁG. 1 - ANÁLISE DAS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES 3 2 - EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DE COUROS E PELES - CAPÍTULO 41 COMPLETO 4

Leia mais

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos SOJA DEZEMBRO DE 2016

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos SOJA DEZEMBRO DE 2016 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos SOJA DEZEMBRO DE 2016 O DEPEC BRADESCO não se responsabiliza por quaisquer atos/decisões tomadas com base nas informações disponibilizadas por suas

Leia mais

Balança Comercial do Rio Grande do Sul Janeiro Unidade de Estudos Econômicos UNIDADE DE ESTUDOS ECONÔMICOS

Balança Comercial do Rio Grande do Sul Janeiro Unidade de Estudos Econômicos UNIDADE DE ESTUDOS ECONÔMICOS Balança Comercial do Rio Grande do Sul Janeiro 2012 Unidade de Estudos Econômicos PRINCIPAIS ESTADOS EXPORTADORES NO MÊS jan/11 Part(%) jan/12 Part(%) Var (%) SAO PAULO 3.328 21,9% 3.672 22,7% 10,3% 344

Leia mais

Março 2014 São Paulo, 30 de abril de 2014

Março 2014 São Paulo, 30 de abril de 2014 Março 2014 São Paulo, 30 de abril de 2014 BALANÇA COMERCIAL REGISTRA O PRIMEIRO SALDO POSITIVO DO ANO,, MAS RESULTADO SEGUE MODESTO A balança comercial brasileira registrou um superávit de US$ 112 milhões

Leia mais

EXPORTAÇÃO DO AGRONEGÓCIO

EXPORTAÇÃO DO AGRONEGÓCIO S 1º SEMESTRE 2017 1º SEMESTRE 2016 2 Faturamento em dólar das exportações do agronegócio sobe 6% no 1º semestre As vendas externas do agronegócio brasileiro começaram este ano em alta. No primeiro semestre

Leia mais

BALANÇA COMERCIAL GOIANA OUTUBRO 2015 Dados preliminares

BALANÇA COMERCIAL GOIANA OUTUBRO 2015 Dados preliminares BALANÇA COMERCIAL GOIANA OUTUBRO 2015 Dados preliminares 1 BALANÇA COMERCIAL GOIÁS OUTUBRO 2015 US$ FOB MÊS EXPORTAÇÕES IMPORTAÇÕES SALDO OUTUBRO/2015 516.095.546 262.729.719 253.365.827 2 EVOLUÇÃO DA

Leia mais

ISSN Versão Eletrônica Outubro, Documentos. ANUÁRIO ESTATÍSTICO - AVICULTURA Central de Inteligencia da Embrapa Suínos e Aves

ISSN Versão Eletrônica Outubro, Documentos. ANUÁRIO ESTATÍSTICO - AVICULTURA Central de Inteligencia da Embrapa Suínos e Aves ISSN 0101-6245 Versão Eletrônica Outubro, 2011 Documentos 147 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - AVICULTURA Central de Inteligencia da Embrapa Suínos e Aves ISSN 0101-6245 Versão Eletrônica Outubro, 2011 Empresa Brasileira

Leia mais