A Alma Uma perspectiva bíblica e luterana. Jörg Garbers Ms. de Teologia

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A Alma Uma perspectiva bíblica e luterana. Jörg Garbers Ms. de Teologia"

Transcrição

1 A Alma Uma perspectiva bíblica e luterana Jörg Garbers Ms. de Teologia

2 A alma A palavra alma é a tradução das palavras: Nefesch (hebraico no AT) Psyche(grego no NT) Popularmente a alma......é uma parte divina no ser humano....é imortal.... separa-se do corpo depois da morte.... dorme até a volta de Cristo e a ressurreição dos mortos.... pode em forma de espíritos atormentar os vivos.

3 A alma A ideia da alma parte da tripartição (dividido em 3 partes) ou dicotomia (dividido em 2 partes) do ser humano: Corpo Alma Mente/Espírito Corpo Alma A ideia da divisão do corpo humano em partes tem a sua origem na filosofia grega. Os teólogos antigo combinaram os seus pensamentos com as ideias da filosofia grega. A teologia cristã não questionou isso por muito tempo. Por isso ainda hoje esse ensino é muito popular.

4 Platão Filósofo grego ( a.c.) Aluno do Sócrates Um dos pensadores mais importantes e influentes na cultura ocidental Muitos conceitos de Platão entraram na teologia da igreja antiga e permaneceram lá de uma ou outra forma até hoje Existe o mundo das ideias. As ideias tomam forma na matéria.

5 Platão A alma faz parte do mundo da ideias e toma forma na matéria ser humano. A alma é tripartida: pensar (cabeça), vontade/sentimentos (peito), Voluptividade(corpo inferior) O pensar é a parte imortal A alma faz parte do mundo das ideias e assim eterno e imortal. O corpo é visto como a algema da alma.

6 Platão Resultado tudo que é feito com a cabeça é bom e importante: Pensar Refletir Raciocinar Falar Etc. O corpo é mal e prende a alma Beber Comer teatro Ter sexo Etc. Em termos da cultura Aquele que estuda ou trabalha com a cabeça ganha mais e vale mais. Aquele que trabalha com as mãos ganha menos e vale menos.

7 Platão Na igreja Viver espiritualmente: Orar Pregar Ler a bíblia Louvar / Gospel Trabalho na comunidade O pastor como um ser superior Viver carnalmente Beber Comer Cinema Música sexo Etc.

8 O ser humano nos textos bíblicos Os textos bíblicos são escrito em línguas antigas. O AT foi escrito em hebraico (umas pequenas partes em aramaico). O NT foi escrito em grego. Os autores do NT foram na sua grande maioria (menos Lucas) judeus e pensaram de forma hebraica. Muitas vezes pode se perceber nos textos do NT ainda que eles pensam em hebraico e usam os conceitos do AT. A teologia luterana fundamente-se no principio somente a escritura. Por isso os conceitos a respeito da alma mudaram nos anos depois da reforma lentamente, mas de forma radical. O estudo das línguas bíblicas trouxe novos conhecimentos que hoje permeiam a teologia luterana. Infelizmente existe e está se mantendo uma discrepância entre os resultados da teologia e a opinião popular.

9 N e fesh A palavra ocorre 750 vezes no AT 600 vezes a LXX traduz a palavra com psyché. Isso já mostra a dificuldade da tradução. Olhando para os textos do AT descobrimos que a palavra n e fesch significa: Garganta/boca (Is 5.14 / Hab2.5) Garganta para respirar (Jer 2.24; 15.9) Pescoço (Sl ) Desejo, sentimento etc. (Hs4.8 / Ex 23.9) Vida (Pr8.35ss/ Ex 21.23s) Está substituindo o pronome: eu, tu, ele, elas, nós, vós, eles, elas (Gn12.13; 19.19)

10 N e fesh O significado na cultura hebraica O ser humano não tem, mas é n e fesch. Todo ser vivo, também os animais, é n e fesch. N e fesch é vida na sua íntegra. N e fesch é concreto, palpável e tomado do pó da terra. Alma no nosso sentido de palavra é uma tradução errada. N e fesch é a vida sob o aspecto da limitação e necessidade.

11 Ru a ch Ru a chconsta 389 vezes no AT 113 vezes a palavra designa o vento. 136 vezes a palavra é usada com Deus. 129 vezes a palavra é usada no contexto de animais, ídolos e do ser humano. A tradução frequente Espírito não consegue captar o significado e leva a um caminho errado.

12 Ru a ch A palavra designa: Vento como força de mudança Hálito como força de vida Espírito no sentido de capacitação Espírito no sentido de personalidade Vontade Ru a chconsta 389 vezes no AT é uma realidade que está intimamente ligada a Deus. A Ru a chconsta 389 vezes no AT obedece a Deus e pertence a ele, mas age e anima o mundo.

13 O ser humano no NT Os autores do NT são judeus e continuam pensando nos conceitos do AT. O grego não tem uma palavra tão abrangente como o hebraico. Encontramos as palavras psyche, soma e sarx. Normalmente se usa a palavra grega psychepara traduzir ou expressar o conceito da n e fesch. Textos como Mc e Lc 9.56 podem exemplificar que a palavra psychequer ser compreendida como vida.

14 Resumo e consequências O ser humano biblicamente falando não tem alma. O ser humano tem um corpo com diferentes funções. O ser humano é uma unidade de pensar, sentir e agir, de mente, alma e corpo. Na grande maioria das vezes seria bom substituir a palavra alma pela palavra vida.

15 Resumo e consequências Biblicamente falando o ser humano morre por completo e até a sua ressurreição permanece apenas o seu relacionamento com Deus. Deus não está esquecendo-se da sua criatura. A ressurreição e o nosso corpo ressurreto são atos criacionaisde Deus. Mais não podemos dizer. As almas não podem perturbar as pessoas vivas, pois elas não existem como algo independente do corpo e da vida humana. Porém o ser humano pode ser perturbado pelas suas lembranças e seu inconsciente.

16 Resumo e consequências O que acontece depois da morte? A Bíblia descreve isso a partir de duas posições diferentes: Na perspectiva de Deus onde não existe conceito de tempo pode-se dizer que logo após a morte estamos diante dele (Lc 23.43). Na perspectiva do ser humano as pessoas e a sua lembrança aguardam a ressurreição, pode-se usar o conceito do sono (1 Th4.13). Qualquer conceito da alma abre a porte para pensamentos do espiritismo e por isso devia ser evitado.

17 A Alma Uma perspectiva bíblica e luterana

Escolha o assunto e os limites do estudo

Escolha o assunto e os limites do estudo Método Tópico Escolha o assunto e os limites do estudo Tema: unção (unção, ungir, ungido) descobrir o significado da unção no AT e NT. Quem era ungido por Deus (ou Jesus ou o Espírito Santo)? O que é a

Leia mais

O Espírito Santo. Ontem e Hoje

O Espírito Santo. Ontem e Hoje O Espírito Santo Ontem e Hoje E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco, o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não no vê, nem

Leia mais

Objeto de estudo: Os livros Apócrifos!

Objeto de estudo: Os livros Apócrifos! Objeto de estudo: Os livros Apócrifos! Versículo-chave: 2Pe 1.21 porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto, homens santos falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito

Leia mais

A caridade divina em São Tomás de Aquino

A caridade divina em São Tomás de Aquino RICARDO FIGUEIREDO A caridade divina em São Tomás de Aquino segundo o Comentário ao Evangelho de São João Índice Lista de siglas e abreviaturas 9 Prefácio, Professor Doutor José Jacinto Ferreira de Farias

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quinta-feira da 29ª Semana do Tempo Comum Deus

Leia mais

Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT. Jörg Garbers Ms. de Teologia

Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT. Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução e visão geral da história, estrutura e teologia do AT Jörg Garbers Ms. de Teologia Jhwh e os deuses Jörg Garbers Ms. de Teologia Escrita e pronúncia O textos hebraico antigo somente escreve

Leia mais

O corpo físico é mau e inferior à alma?

O corpo físico é mau e inferior à alma? O corpo físico é mau e inferior à alma? Compreendendo a natureza humana por Paulo Sérgio de Araújo INTRODUÇÃO Conforme a teoria das idéias (ou teoria das formas ) do filósofo grego Platão (428-347 a.c.),

Leia mais

Textos bíblicos e observações Jörg Garbers - Ms. de Teologia. A volta de Cristo

Textos bíblicos e observações Jörg Garbers - Ms. de Teologia. A volta de Cristo Textos bíblicos e observações Jörg Garbers - Ms. de Teologia A volta de Cristo Introdução A palavra segunda vinda ou volta não ocorre no NT. Parusia: Estar presente / Presença Visita oficial de um príncipe

Leia mais

Os quatro "passos" da leitura orante

Os quatro passos da leitura orante A leitura orante nada mais é do que a maneira como gerações e gerações de judeus e cristãos leram as Sagradas Escrituras, procurando nelas uma palavra do Deus vivo para a sua vida, em cada momento de sua

Leia mais

TRIMESTRE MORTE E RESSURREIÇÃO LIÇÃO 12. www.classedaescolasabatina.com.br

TRIMESTRE MORTE E RESSURREIÇÃO LIÇÃO 12. www.classedaescolasabatina.com.br TRIMESTRE MORTE E RESSURREIÇÃO LIÇÃO 12 www.classedaescolasabatina.com.br LIÇÃO 11 relembrando LIÇÃO 11 relembrando CRISTO, O CRIADOR DO SÁBADO LIÇÃO 11 relembrando CRISTO, O CRIADOR DO SÁBADO CRISTO,

Leia mais

PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA DIOCESE DE JUNDIAÍ

PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA DIOCESE DE JUNDIAÍ PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA DIOCESE DE JUNDIAÍ Material Estudo Bíblico Parte I Apresentação Pe Antônio 24/08 A BÍBLIA SAGRADA Palavra de Deus. Deus fala ao seu povo Deus se revela, se manifesta, intervém

Leia mais

O ANTIGO TESTAMENTO ENTRE PASSADO E ATUALIDADE

O ANTIGO TESTAMENTO ENTRE PASSADO E ATUALIDADE Jörg Garbres Ms. De Teologia O ANTIGO TESTAMENTO ENTRE PASSADO E ATUALIDADE Introdução ao AT e sua importância Introdução O AT faz parte do Cânon da cristandade! O AT abrange 4/5 da Bíblia! O AT é testemunho

Leia mais

Uma Visão Panorâmica da ANTROPOLOGIA

Uma Visão Panorâmica da ANTROPOLOGIA Uma Visão Panorâmica da ANTROPOLOGIA (Pr. Eudes Lopes Cavalcanti) 1) Etimologia Anthropos = homem; logos (logia) = estudo, tratado 2) Conceito Antropologia é a parte da Teologia Sistemática que estuda

Leia mais

TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE. Jörg Garbers Ms. de Teologia

TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE. Jörg Garbers Ms. de Teologia TEMPO PARA A FAMÍLIA E PARA A COMUNIDADE Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução A família hoje talvez é o elo mais fraco na distribuição de tempo. Entre trabalho, lazer próprio, amigos, comunidade e sono

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus RELEMBRAR A MISSÃO NOS EVANGELHOS 1. Jesus Cristo homem é o exemplo padrão para o exercício da Missão de Deus (intimidade

Leia mais

Escola Ryle de Teologia. Grade Curricular 1º Ano

Escola Ryle de Teologia. Grade Curricular 1º Ano Escola Ryle de Teologia Ensinando o poder do evangelho de Cristo Grade Curricular 1º Ano Introdução à Bíblia Como não se pode fazer teologia sem a Palavra de Deus, vamos dar início com esse tema. Este

Leia mais

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 PNEUMATOLOGIA OS DONS DO

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE TEOLOGIA SISTEMATICA (PERGUNTAS E RESPOSTAS)

QUESTIONÁRIO DE TEOLOGIA SISTEMATICA (PERGUNTAS E RESPOSTAS) QUESTIONÁRIO DE TEOLOGIA SISTEMATICA (PERGUNTAS E RESPOSTAS) 1. O que é Revelação segundo a Bíblia? Revelação segundo a Bíblia é trazer a luz aquilo que estava oculto, no que se refere ao programa de Deus

Leia mais

Conceitos Básicos e História

Conceitos Básicos e História Psicologia na Educação Aula 1 Conceitos Básicos e História Profa. Adriana Straube Nesta aula discutiremos sobre o conceito de psicologia. As origens da psicologia como ciência nascendo na Alemanha. História

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM arta-feira da 3ª Semana da Páscoa Qu 1) Oração Permanecei,

Leia mais

A leitura da Bíblia. questões centrais

A leitura da Bíblia. questões centrais questões centrais O que é a Bíblia? Quem é o autor e como escreveu? O que é o tema central? Por quê devo lê-la? Quando devo lê-la? Como? Requisitos? Como? Ajuda? Um novo propósito! o que é a Bíblia (1)

Leia mais

Buscando a excelência no casamento. Adalberto Vargas da Rosa 7º ENCONTRO

Buscando a excelência no casamento. Adalberto Vargas da Rosa 7º ENCONTRO 7º ENCONTRO Como amar sua esposa Amor é fundamentalmente um verbo I Co 13:4-7 Paciente e bondoso, no original grego, são particípios, relacionados ao verbo ser. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha,

Leia mais

Bem vindo à Comunidade Presbiteriana Villa-Lobos

Bem vindo à Comunidade Presbiteriana Villa-Lobos Bem vindo à Comunidade Presbiteriana Villa-Lobos Te darei todo louvor Te darei adoração Só a Ti minh alma anseia Meu louvor somente à Ti darei Te darei todo louvor Te darei adoração Só a Ti minh alma anseia

Leia mais

Escola Bíblica Dominical A idéia bíblica do inferno. IPB Angra dos Reis - 27/02/2011 Pr Dusi

Escola Bíblica Dominical A idéia bíblica do inferno. IPB Angra dos Reis - 27/02/2011 Pr Dusi Escola Bíblica Dominical A idéia bíblica do inferno IPB Angra dos Reis - 27/02/2011 Pr Dusi Pontos em revisão A idéia bíblica de inferno no AT A idéia bíblica de inferno no NT Figuras bíblicas que ilustram

Leia mais

"Este não é o carpinteiro, o filho de Maria, o irmão de Tiago, José, Judas e Simão? E suas irmãs não estão entre nós?"

Este não é o carpinteiro, o filho de Maria, o irmão de Tiago, José, Judas e Simão? E suas irmãs não estão entre nós? Mt 13,55-56 e Mc 6,3 igualmente dizem: "Este não é o carpinteiro, o filho de Maria, o irmão de Tiago, José, Judas e Simão? E suas irmãs não estão entre nós?" Observe: apenas o "carpinteiro" é chamado de

Leia mais

Compreendendo a Pessoa do! Espírito Santo!

Compreendendo a Pessoa do! Espírito Santo! h"p://www.youtube.com/watch?v=asb6gd- ayz0 Pneuma é a palavra grega para respiração, na Teologia Cristã, Pneumatologia é o estudo do Espírito Santo. No princípio Deus criou o céu e a terra. Era a terra

Leia mais

PERÍODO GREGO e Psicologia

PERÍODO GREGO e Psicologia PERÍODO GREGO e Psicologia De 700 a. C. ao início Era Cristã: (») Apogeu Conhecimento Humano :: Riqueza na Pólis (++) Produtos e Recursos O homem livre para se dedicar à Arte e Filosofia : Especulação

Leia mais

IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS DE MOSSORÓ RN

IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS DE MOSSORÓ RN IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS DE MOSSORÓ RN CURSO SOBRE O CREMOS DA ASSEMBLEIA DE DEUS Primeiro Artigo de Fé: Cremos em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas distintas: o Pai, o Filho

Leia mais

Curso de Teologia de Leigos

Curso de Teologia de Leigos Curso de Teologia de Leigos O MISTÉRIO DA CRIAÇÃO; DEUS MANTÉM E SUSTENTA A CRIAÇÃO; DEUS REALIZA O SEU PROJETO: A DIVINA PROVIDÊNCIA; A DIVINA PROVIDÊNCIA E AS CAUSAS SEGUNDAS; A DIVINA PROVIDÊNCIA E

Leia mais

Os salvos que já morreram ainda não se encontraram com o Senhor? (1Ts 4.13-18)

Os salvos que já morreram ainda não se encontraram com o Senhor? (1Ts 4.13-18) Os salvos que já morreram ainda não se encontraram com o Senhor? (1Ts 4.13-18) Compreendendo o destino humano 1 por Paulo Sérgio de Araújo Conforme a antropologia bíblica, a natureza humana consiste de

Leia mais

As Bases da Fé Cristã

As Bases da Fé Cristã As Bases da Fé Cristã Romanos 13 Os aspectos políticos da vida cristã Jörg Garbers Ms. de Teologia Resultado Cap. 12 A salvação traz mudanças A salvação quer ser vivida A vida em comunidade Os frutos principais

Leia mais

A suficiência da Bíblia

A suficiência da Bíblia A suficiência da Bíblia Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente

Leia mais

Por uma liturgia mais animada. Giovanni Marques Santos

Por uma liturgia mais animada. Giovanni Marques Santos Por uma liturgia mais animada Giovanni Marques Santos liturgia animada liturgia des-animada liturgia animada COM ALMA (anima), ação sim-bólica em que nos colocamos por inteiro, para que a graça divina

Leia mais

OS EVANGELHOS SINÓTICOS

OS EVANGELHOS SINÓTICOS Jörg Garbers OS EVANGELHOS SINÓTICOS HISTÓRIA E ASPECTOS DAS QUESTÕES SINÓTICAS 1 O PROBLEMA 1 Nós chamamos os primeiros três evangelhos da Bíblia de evangelhos sinópticos. Mt, Mc e Lc contam em grande

Leia mais

O Calendário Judaico. Cronologia. Cronologia HARMONIZAÇÃO CRONOLÓGICA O ANO DO NASCIMENTO DE JESUS. Mt 2:1-23 Época do Nascimento:

O Calendário Judaico. Cronologia. Cronologia HARMONIZAÇÃO CRONOLÓGICA O ANO DO NASCIMENTO DE JESUS. Mt 2:1-23 Época do Nascimento: Há Harmonia Entre os Evangelhos? Mar/Abr/2015 Vlademir Hernandes AULA 3 15/3/2015 Recapitulação A importância dos Evangelhos Por que 4 evangelhos Bibliografia A necessidade de harmonização Exercícios sobre

Leia mais

Espírito Santo na Bíblia. Tentativa de Resumo

Espírito Santo na Bíblia. Tentativa de Resumo Espírito Santo na Bíblia Tentativa de Resumo Etimologia Pneuma: espírito, vento; Pneuo: vento, hálito; Theopneustos: inspirado por Deus Uso Clássico Pneu-: movimento dinâmico do ar. Pneo: soprar (do vento

Leia mais

Filosofia (aula 7) Dimmy Chaar Prof. de Filosofia. SAE

Filosofia (aula 7) Dimmy Chaar Prof. de Filosofia. SAE Filosofia (aula 7) Prof. de Filosofia SAE leodcc@hotmail.com Linguagem Existe entre o poder da palavra e a disposição da alma a mesma relação entre a disposição dos remédios e a natureza do corpo. Alguns

Leia mais

Bíblia evangélica: Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cânticos Bíblia hebraica: Rute, Crônicas, Esdras, Neemias, Ester, Lamentações, Daniel

Bíblia evangélica: Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cânticos Bíblia hebraica: Rute, Crônicas, Esdras, Neemias, Ester, Lamentações, Daniel Bíblia evangélica: Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cânticos Bíblia hebraica: Rute, Crônicas, Esdras, Neemias, Ester, Lamentações, Daniel Data e Origem Cada livro tem uma história própria Salmos, Jó

Leia mais

Assessoria de Educação. Pastor Joel Nascimento Congresso Renovação Ministerial Fev/2016 Avivamento Bíblico - Jaçanã

Assessoria de Educação. Pastor Joel Nascimento Congresso Renovação Ministerial Fev/2016 Avivamento Bíblico - Jaçanã Assessoria de Educação Pastor Joel Nascimento Congresso Renovação Ministerial Fev/2016 Avivamento Bíblico - Jaçanã Agenda O que é a EBD? Considerações sobre o Ensino Algumas recomendações para os professores

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração QUINTA-FEIRA DA 3ª SEMANA DA PÁSCOA Ó Deus eterno

Leia mais

TEXTO DO DIA. "Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar e não proibais falar línguas." (1 Co 14.39)

TEXTO DO DIA. Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar e não proibais falar línguas. (1 Co 14.39) TEXTO DO DIA "Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar e não proibais falar línguas." (1 Co 14.39) SÍNTESE Os dons espirituais são presentes dados por Deus à sua Igreja para edificação do Corpo

Leia mais

Você já se perguntou o que significa ser feito à imagem e semelhança de Deus?

Você já se perguntou o que significa ser feito à imagem e semelhança de Deus? A ESSÊNCIA DE TUDO, O Que Significa Ser Feito à Imagem de Deus? Nº3 Você já se perguntou o que significa ser feito à imagem e semelhança de Deus? Em Gênesis 1:26 27 (ESV), a Bíblia diz: E disse Deus: Façamos

Leia mais

Paracletologia SEFO 2013

Paracletologia SEFO 2013 Paracletologia SEFO 2013 1 ª Aula Fabio Codo Fábio Codo - http://teologiaaservicoevangelho.wordpress.com Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes Conteúdo Programático

Leia mais

Interpretação Bíblica

Interpretação Bíblica IGREJA ALIANÇA EVANGÉLICA MISSIONÁRIA Interpretação Bíblica Disciplina 17/03/2011 Este material didático, é de grande importância para o estudo em seminário, visando a formação dos futuros líderes e obreiros

Leia mais

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 PNEUMATOLOGIA OS DONS DO

Leia mais

Julho HOSPITALIDADE. 98% de aprovação entre os turistas. Outubro. ÓDIO 84% de aumento de número de denúncia contra crimes de ódio na web

Julho HOSPITALIDADE. 98% de aprovação entre os turistas. Outubro. ÓDIO 84% de aumento de número de denúncia contra crimes de ódio na web IGREJA E CORPO Julho HOSPITALIDADE 98% de aprovação entre os turistas Outubro ÓDIO 84% de aumento de número de denúncia contra crimes de ódio na web Cordialidade e simpatia Comunhão e alteridade Inabilidade

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Dados de identificação: Curso: Ensino Fundamental II Série: 6 Ano Professora: Denise dos Santos Silva Rocha Disciplina: Ensino Religioso Ano: 2016. Plano de curso 1-Objetivo

Leia mais

JESUS, DEUS FILHO, É A 2a PESSOA DA TRINDADE

JESUS, DEUS FILHO, É A 2a PESSOA DA TRINDADE JESUS, DEUS FILHO, É A 2a PESSOA DA TRINDADE JESUS CRISTO: DEUS EM FORMA DE HOMEM A DIVINDADE DE CRISTO O Filho de Deus: A Pessoa e a Obra de Jesus Cristo Jesus Cristo, que é eternamente a segunda pessoa

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE AULA 5: ANTROPOLOGIA Baseado em Jeremias 9: 24, a Igreja Pentecostal Deus é Amor oferece a você, obreiro, a oportunidade aprofundar seu conhecimento na palavra de Deus

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) 2015-16 3 º ANO Unidade Letiva 1 A Dignidade das Crianças 1. Tomar consciência de que as crianças

Leia mais

Aula 7 : 22/Mar/2015. Te m a d a A u l a O Evangelho de João Proclamando Fé em Jesus como única fonte de salvação

Aula 7 : 22/Mar/2015. Te m a d a A u l a O Evangelho de João Proclamando Fé em Jesus como única fonte de salvação Te m a G e r a l A h i s t ó r i a d e J e s u s V i d a e M i n i s t é r i o Aula 7 : 22/Mar/2015 Te m a d a A u l a Escola Bíblica Dominical COXIPÓ lorikrama@hotmail.com Visão Geral Título Autoria Datação

Leia mais

CONSOLADOR, MESTRE E GUIA

CONSOLADOR, MESTRE E GUIA CONSOLADOR, MESTRE E GUIA UM ESTUDO SOBRE O ESPÍRITO SANTO Por William Farrand LIVRO DE ESTUDO AUTODIDÁTICO Universidade Global Instituto de Correspondência Internacional 1211 South Glenstone Avenue Springfield,

Leia mais

Módulo III O que anuncia a Catequese?

Módulo III O que anuncia a Catequese? Módulo III O que anuncia a Catequese? Diocese de Aveiro Objectivos Tomar consciência da realidade complexa do ser humano a quem levamos, hoje, uma Boa Nova. Compreender a importância da Sagrada Escritura

Leia mais

ORAR É AÇÃO. Paulo Velho Ministério de Oração - IBCU Fevereiro / 2015 EBA

ORAR É AÇÃO. Paulo Velho Ministério de Oração - IBCU Fevereiro / 2015 EBA ORAR É AÇÃO Paulo Velho Ministério de Oração - IBCU Fevereiro / 2015 EBA ORA R ÇÃO é A Orações de Davi Contextualizar Considerações de um dos filhos Precisamos orar mais Ministério de Oração Curso anterior

Leia mais

NOSSO DESTINO: A RESSURREIÇÃO DO CORPO.

NOSSO DESTINO: A RESSURREIÇÃO DO CORPO. NOSSO DESTINO: A RESSURREIÇÃO DO CORPO. O CÉU É UMA EXPERIÊNCIA CORPÓREA Mt 22, 23-32 I COR 2, 9-10 É como está escrito: Coisas que os olhos não viram, nem os ouvidos ouviram, nem o coração humano imaginou

Leia mais

Maria e o mistério de Cristo. Prof. Thiago Onofre

Maria e o mistério de Cristo. Prof. Thiago Onofre Maria e o mistério de Cristo Prof. Thiago Onofre A realidade da Encarnação A Encarnação do Verbo de Deus é obra do Espírito Santo; Não é vontade humana, mas divina; São Lucas apresenta Maria como mediação

Leia mais

Espiritismo Jörg Garbers, Ms. de Teologia Aspectos Históricos As raízes são muito antigas. O racionalismo estragou o ambiente espírita. As irmãs Fox nos EUA e outros reavivaram sob novas perspectivas uma

Leia mais

Imortalidade ou Ressurreição: Uma

Imortalidade ou Ressurreição: Uma Imortalidade ou Ressurreição: Uma Abordagem Bíblica Sobre a Natureza Humana e o Destino Eterno Natan Fernandes Silva 1 BACCHIOCCHI, Samuele. Imortalidade ou Ressurreição: Uma Abordagem Bíblica Sobre a

Leia mais

INFERNO, HADES, SHEOL, GEENA O que é isso?

INFERNO, HADES, SHEOL, GEENA O que é isso? VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 ESCATOLOGIA INFERNO, HADES,

Leia mais

CAPÍTULO 03 PERNAS QUE DÃO SUPORTE

CAPÍTULO 03 PERNAS QUE DÃO SUPORTE CAPÍTULO 03 PERNAS QUE DÃO SUPORTE Nossas pernas dão suporte ao nosso corpo inteiro e nos permitem andar, correr e pular. A facilitação na célula da suporte aos membros do grupo, capacitando-os a e x e

Leia mais

O João 3:16 é altamente eficaz na explicação objetiva do ministério salvador de Jesus.

O João 3:16 é altamente eficaz na explicação objetiva do ministério salvador de Jesus. APLICANDO O PLANO DE SALVAÇÃO JO 3:16 O João 3:16 é altamente eficaz na explicação objetiva do ministério salvador de Jesus. Dicas: Ore antes por você, para que seja guiado por Deus. Ore antes pela pessoa

Leia mais

Jörg Garbers Ms. de Teologia

Jörg Garbers Ms. de Teologia Jörg Garbers Ms. de Teologia Introdução ao livro Gênesis Autoria O livro foi escrito por várias pessoas. Reconhecemos hoje os seguintes grupos Escritos sacerdotais Escritos pré-sacerdotais Escritos pós-sacerdotais

Leia mais

BIBLIOLOGIA IV Epístolas e Apocalipse. Prof. Eloi Pereira dos Santos Faesp Extensão Mairiporã

BIBLIOLOGIA IV Epístolas e Apocalipse. Prof. Eloi Pereira dos Santos Faesp Extensão Mairiporã BIBLIOLOGIA IV Epístolas e Apocalipse Prof. Eloi Pereira dos Santos Faesp Extensão Mairiporã Objetivos da Disciplina Facilitar o estudo, compreensão e o uso adequado da Bíblia. Familiarizar o aluno com

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sexta-feira da 7ª Semana da Páscoa Ó Deus, pela

Leia mais

A noção agostiniana de Tempo. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Filosofia Professor Uilson Fernandes

A noção agostiniana de Tempo. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Filosofia Professor Uilson Fernandes A noção agostiniana de Tempo. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Filosofia Professor Uilson Fernandes Tempo como sucessão... A ideia de tempo surge a partir da distinção entre passado presente e futuro.

Leia mais

Treinamento de Instrutores Bíblicos. Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas

Treinamento de Instrutores Bíblicos. Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas North A meric an Divisio n Portuguese Mi nistry Treinamento de Instrutores Bíblicos Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas Objetivo Uma compreensão clara

Leia mais

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média:

Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: EXERCÍCIOS ON LINE 3º BIMESTRE DISCIPLINA: Filosofia PROFESSOR(A): Julio Guedes Curso TURMA: 2101 e 2102 DATA: Teste: Prova: Trabalho: Formativo: Média: NOME: Nº.: Exercício On Line (1) A filosofia atingiu

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ O MISTÉRIO DA MORTE MARIA DO LIVRAMENTO SAMPAIO R. RODRIGUES SOBRAL 2014 O MISTÉRIO DA MORTE RESUMO: Nesse breve ensaio será abordado a temática morte sob vários olhares.

Leia mais

Grupos no judaísmo na. época de Jesus

Grupos no judaísmo na. época de Jesus Grupos no judaísmo na época de Jesus Nome Origem Conceitos Jörg Garbers Ms. de Teologia Os Fariseus Nome: os que se separam, os separados. Origem: Eles têm a sua origem teológico junto com os Essênios

Leia mais

E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra.

E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra. Casas Abertas Estudos Diversos Batismo O batismo cristão é uma de duas ordenanças que Jesus instituiu para a igreja: E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra.

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Terça-feira da 4ª Semana da Páscoa Concedei, ó

Leia mais

Introdução à Bíblia e ao Novo Testamento

Introdução à Bíblia e ao Novo Testamento Introdução à Bíblia e ao Novo Testamento A palavra Bíblia deriva do grego: ta biblía; plural de: ton biblíon. E significa "livros" Logo descobrimos que a Bíblia é uma coleção de livros! Nós, cristãos,

Leia mais

Nestas palavras o profeta, Isaías indicou os Dons que devia possuir o Messias.

Nestas palavras o profeta, Isaías indicou os Dons que devia possuir o Messias. No Antigo Testamento podemos ler em Isaías: - Brotará uma vara do tronco de Jessé e um rebento das suas raízes: - Espírito de Sabedoria e de Entendimento. - Espírito de Conselho e de Fortaleza. - Espírito

Leia mais

domingo, 19 de setembro de 2010 A n é s i o R o d r i g u e s

domingo, 19 de setembro de 2010 A n é s i o R o d r i g u e s A n é s i o R o d r i g u e s Salmo 127:2 Anésio Rodrigues A vida: um dom de Deus Comida, Trabalho Família, diversão, igreja Anésio Rodrigues Salmo 127:2 Salmo 127:2 Será inútil levantar cedo e dormir

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 25 de Abril - São Marcos Evangelista 1) Oração Ó Deus, que

Leia mais

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo.

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo. A Bíblia A Bíblia chegou e chega até nós, sendo Palavra de Deus e Fruto da revelação direta de Deus. Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a

Leia mais

Caracterização Cronológica

Caracterização Cronológica Caracterização Cronológica Filosofia Medieval Século V ao XV Ano 0 (zero) Nascimento do Cristo Plotino (204-270) Neoplatônicos Patrística: Os grandes padres da igreja Santo Agostinho ( 354-430) Escolástica:

Leia mais

Aula 08 Terceiro Colegial.

Aula 08 Terceiro Colegial. Aula 08 Terceiro Colegial Cristianismo: Entre a Fé e a Razão Busca por uma base racional para sustentar a fé Formulações filosóficas se estendendo por mais de mil anos Cristianismo Palavra de Jesus, que

Leia mais

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO ETERNIDADE DEUS PAI LOGUS ESPIRITO SANTO A TRINDADE 1Jo.5.7 LOGUS QUER DIZER PALAVRA OU VERBO SE REFERE AO FILHO NA ETERNIDADE I - SUA PRÉ-EXISTÊNCIA 1 - SUA EXISTÊNCIA

Leia mais

No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura.

No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura. Franklin Ferreira No contexto da fé cristã, a teologia não é o estudo de Deus como algo abstrato, mas é o estudo do Deus pessoal revelado na Escritura. Necessariamente isso inclui tudo o que é revelado

Leia mais

Cap. 6: PREGAÇÃO PURITANA. PROPOSTA: Tentar ir além do texto. Sugestões de respostas. Debate.

Cap. 6: PREGAÇÃO PURITANA. PROPOSTA: Tentar ir além do texto. Sugestões de respostas. Debate. Cap. 6: PREGAÇÃO PURITANA PROPOSTA: Tentar ir além do texto. Sugestões de respostas. Debate. Introdução As pessoas gostavam muito do sermão puritano. Por quê? (capítulo responde essa pergunta (?); até

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Segunda-feira da 12ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Senhor,

Leia mais

ALBERTO MAGNO E TOMÁS DE AQUINO

ALBERTO MAGNO E TOMÁS DE AQUINO 1 ALBERTO MAGNO E TOMÁS DE AQUINO A ESCOLÁSTICA E OS PRINCIPAIS REPRESENTANTES ALBERTO MAGNO TOMÁS DE AQUINO Buscaram provar a existência de Deus utilizando argumentos racionais. 2 A UNIDADE ENTRE A FÉ

Leia mais

FUNDAMENTOS DA VERDADE

FUNDAMENTOS DA VERDADE FUNDAMENTOS DA VERDADE UM ESTUDO SOBRE DOUTRINA BÍBLICA Por Floyd C. Woodworth, Jr. e David D. Duncan LIVRO DE ESTUDO AUTODIDÁTICO Universidade Global Instituto de Correspondência Internacional 1211 South

Leia mais

ESCRITOS & POESIA HEBRAICA

ESCRITOS & POESIA HEBRAICA Jörg Garbers ESCRITOS & POESIA HEBRAICA INTRODUÇÃO 1 INTRODUÇÃO Os escritos formam a última parte do cânon do AT. Na Bíblia evangélica pertencem aos escritos os seguintes livros: Jó Salmos Provérbios Eclesiastes

Leia mais

No próximo domingo, dia 02 de outubro, às 09:00. apresentação do entendimento do aluno Victor de Andrade Lima sobre t e m a

No próximo domingo, dia 02 de outubro, às 09:00. apresentação do entendimento do aluno Victor de Andrade Lima sobre t e m a Boletim Informativo TFCA - Técnica Física para a Conquista da Autoconsciência. Edição e Diagramação: Adônis. Revisão: Marina Mesquita. Supervisão: Maria da Aparecida de Oliveira (Bianca). tfca.com.br Estamos

Leia mais

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19 1 Todos Morrem! Pessoas morrem diariamente, seja por acidente ou de câncer, ataque cardíaco, acidente vascular cerebral, ou como vítimas de quaisquer das numerosas outras doenças. Alguns chegam a morrer

Leia mais

Vivendo a Vida Santa

Vivendo a Vida Santa Livrinho 2 Pàgina 35 Lição Cinco Vivendo a Vida Santa Pode você descrever numa só palavra a qualidade de vida que procura levar? Muitas e variadas respostas são dadas a essa pergunta. Mas, da perspectiva

Leia mais

EVANGELISMO. Por Evaristo Filho. SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global

EVANGELISMO. Por Evaristo Filho. SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global EVANGELISMO Por Evaristo Filho SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global http://seminarioevangelico.com.br setebonline@gmail.com 2 Apresentação da Disciplina Informações Gerais Pré-Tarefas Antes

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

LIÇÃO 01 O que a Bíblia ensina sobre a Trindade? LIÇÃO 02 O que a Bíblia ensina sobre Deus? Missão: Missão Cumprida: 20 pontos.

LIÇÃO 01 O que a Bíblia ensina sobre a Trindade? LIÇÃO 02 O que a Bíblia ensina sobre Deus? Missão: Missão Cumprida: 20 pontos. LIÇÃO 01 O que a Bíblia ensina sobre a Trindade? Leia os textos de referência abaixo e relacionados à referida pessoa descrita: ( ) João 1.1-4,14 ( A ) Deus o Pai ( ) João 14.16, 17,27 ( B ) Jesus o Filho

Leia mais

CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ

CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA NASCIMENTO Pb. Márcio Tarcísio Mendonça Ferreira 5º) NA NECESSIDADE ABSOLUTA DO PELA GRAÇA DE

Leia mais

Jörg Garbers Ms. de Teologia

Jörg Garbers Ms. de Teologia Jörg Garbers Ms. de Teologia Não podemos falar do OUTRO sem falar do SER HUMANO O SER HUMANO É A IMAGEM DE DEUS LEITURA DE GN 1.26-27 E disse Deus: Façamos o ser humano à nossa imagem, conforme a nossa

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Dados de identificação: Curso: Ensino Fundamental II Série: 9 Ano Professora: Denise dos Santos Silva Rocha Disciplina: Ensino Religioso Ano: 2016. Plano de curso 1-Objetivo

Leia mais

Mariologia Prof. Thiago Onofre

Mariologia Prof. Thiago Onofre Mariologia Prof. Thiago Onofre Quando Deus formou o mundo Olhou a Virgem Maria Que, por mistério profundo, Antes de criá-la a via... Nela pôs a formosura Da mais bela criatura Que por desígnio plasmou,

Leia mais

HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO

HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO I - A ORIGEM DO PECADO 1. Em relação a Deus. Em Seu plano permitiu que suas criaturas (anjos e homens) tivessem a liberdade (livre arbítrio) de viver em amor e obediência

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quinta-feira da 21ª Semana do Tempo Comum Ó Deus,

Leia mais

INTRODUÇÃO Introdução ao Hinduísmo

INTRODUÇÃO Introdução ao Hinduísmo INTRODUÇÃO Introdução ao Hinduísmo Denominação do conjunto de princípios, doutrinas e práticas religiosas que surgiram na Índia, a partir de 2000 a.c. O termo é ocidental e é conhecido pelos seguidores

Leia mais

II TRI. LIÇÃO evange ho 13 LUCAS CRUCIFICADO E RESSURRETO

II TRI. LIÇÃO evange ho 13 LUCAS CRUCIFICADO E RESSURRETO II TRI 2015 DE LUCAS LIÇÃO evange ho 13 CRUCIFICADO E RESSURRETO VERSO PARA MEMORIZAR: quando disse: Importa que o Filho do Homem seja entregue nas mãos de pecadores, e seja crucificado, e ressuscite no

Leia mais