Introdução à Administração. Prof. Marcos Vinicius Pó

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Introdução à Administração. Prof. Marcos Vinicius Pó"

Transcrição

1 Introdução à Administração Prof. Marcos Vinicius Pó

2 Resposta à natureza complexa das organizações e à incerteza dos ambientes Causalidade mecânica Causalidade probabilística Administração: não mais apenas controlar e dirigir empregados no trabalho Metáfora biológica: organização como um organismo vivo Máquinas Organismos vivos Objetivos Estrutura Eficiência Sobrevivência Relação com o ambiente Eficácia Indivíduos como parte das máquinas Indivíduos como complemento às máquinas

3 Componentes do sistema Entrada (input) Saída (output) Processamento (caixa preta) Realimentação (feedback) Ambiente: origem dos recursos e destino dos produtos Sistema implica em um processo contínuo visando o equilíbrio Ambiente Organização Entrada Processamento Saída Realimentação

4 Sistema de interligação de grupos Ligados por indivíduos em posições-chave, que pertencem ao mesmo tempo a dois ou mais grupos Conjunto integrado de papéis Sistema de conjuntos de papéis que se sobrepõe e se ligam, alguns saindo dos limites da própria organização Comportamentos interrelacionados Ações organizacionais Importação Conversão Exportação

5 Sistemas existem dentro de sistemas maiores e são compostos por sistemas menores Relações intra e inter organizacionais Sistemas abertos: complexo de elementos em interação e intercâmbio contínuo com o ambiente Organização: subsistemas relacionados e inseridos em um ambiente

6 Equilíbrio e desequilíbrio ordem e desordem Homeostasia: busca permanente do auto-equilíbrio Comportamento probabilístico e não-determinístico Convivência com a incerteza Interagem com outros sistemas: dependência, influência... Fronteiras permeabilidade Composto de partes menores interdependentes Morfogênese: capaz de modificar a si e à sua estrutura Requisito de variedade: adaptação, lidar com a complexidade Resiliência Entropia negativa: importação de energia para sobreviver Eqüifinalidade: diversos meios de se atingir os objetivos, padrões flexíveis de organização

7 Sistemas cibernéticos Capacidade de sentir, monitorar e explorar aspectos significativos do ambiente externo Relacionar essas informações com as normas operacionais e padrões de referência Capacidade de detectar desvios significativos dessas normas Capacidade de iniciar ações corretivas ao detectar discrepâncias Acerta-se ao evitar errar Aprendizagem: limitada pelo fato do sistema só poder aprender dentro das normas operacionais ou padrões de referência

8 Passo 1 Passo 3 Passo 2 Passo 2a P1: Processo de percepção, exploração e controle do ambiente. P2: Comparação entre a informação obtida e normas de funcionamento P2 a: Processo de questionamento da pertinência das normas de funcionamento P3: Processo de iniciação de ações apropriadas. Fonte: Morgan, 1996:92

9 Organizações: construções abstratas; estruturas socialmente construídas; natureza planejada Características: Não possuem limitação de amplitude Não possui ciclo de vida definido Funções, normas e valores são os princípios básicos do sistema Grande variabilidade demandam controle Pode sofrer reorganizações e reconstruções Partes podem ser intercambiadas Necessitam de entradas de manutenção e produção Inserção em um ambiente Inclusão parcial das pessoas: habilidades, atividades

10 Quatro funções básicas (LIGA): Latência: sustentação e reprodução contínua; transmissão dos valores e padrões culturais que o embasam Integração: coerência e integração entre indivíduos, grupos e partes que o compõe Gerar e atingir objetivos: estabelecer metas e implementar meios para atingir Adaptação: busca de recursos para a sobrevivência Os valores estão na base da ação social e antecedem as outras funções

11 Subsistemas da organização Técnico: demandas da tarefa, implantação física; equipamento Eficiência potencial da organização Social: relações sociais entre os encarregados pela tarefa Transforma a eficiência potencial em eficiência real Organização: convivência entre formalidade e informalidade

12 As características de estabilidade ou instabilidade do ambiente afetam a maneira como a organização se estrutura Isso pode variar em subunidades organizacionais Organização eficaz: encontrar equilíbrio ou compatibilidade entre estratégia, estrutura, tecnologia, envolvimento, necessidades das pessoas, ambiente externo Ambiente estável, estático Formalização de cargos, funções e atividades; Cada parte possui papel específico Hierarquia rígida, baseada em cargos Metas de produção Ordens e ações top-down Ambiente instável, dinâmico Informalidade e especificações genéricas de funções e atividades Sobreposições e ambigüidades são comuns Autoridade informal, baseada nas habilidades Busca de sobrevivência Necessidade de comunicação e troca de informações constantes

13 Formatos: Adhocracia, comissões Organizações matriciais Times de projetos Vantagens: Facilidades na inovação: produtos, serviços, processos... Maior variedade de pontos de vista Riscos: Conflitos de lealdade e responsabilidade Membros do grupo ou representantes de setores? Necessidade de boas habilidades interpessoais Sobreposições, ambigüidades

14 Abstração e descrição: dificuldades na aplicação prática Tendências estáticas das organizações x tendências dinâmicas dos ambientes Adaptação x resistência a mudanças Jogos de poder, crenças, conhecimento, investimentos realizados... Compreensão do ambiente: filtros informacionais; recortes... Ambientes são influenciáveis pelas organizações Operação harmoniosa das partes tende a ser mais exceção que a regra

15 Chiavenato Capítulo 12: Teoria estruturalista da Administração Disponível em

Teoria Geral dos Sistemas

Teoria Geral dos Sistemas Universidade Federal de Sergipe Centro de Ciências Exatas e Tecnologia Departamento de Ciência da Computação e Estatística Teoria Geral dos Sistemas Professor: Eduardo Coelho Exercícios objetivos 1. Quando

Leia mais

Introdução à Administração. Prof. Marcos Vinicius Pó

Introdução à Administração. Prof. Marcos Vinicius Pó Introdução à Administração Prof. Marcos Vinicius Pó marcos.po@ufabc.edu.br 1. Introdução e antecedentes históricos da administração 2. Abordagem clássica da administração 3. Administração e o ambiente

Leia mais

ABORDAGEM SISTÊMICA DA ADMINISTRAÇÃO

ABORDAGEM SISTÊMICA DA ADMINISTRAÇÃO Origens da Teoria de Sistemas: ABORDAGEM SISTÊMICA DA ADMINISTRAÇÃO Ludwig von Bertalanffy (1901 a 1972) teve grande influência na Teoria Geral dos Sistemas. Esse alemão dizia que os sistemas não podem

Leia mais

Aula 03. Parâmetros dos Sistemas TGS X S.I. 22/08/2012. O Conceito de Sistemas. Relação entre Teoria Geral de Sistemas e Sistemas de Informação

Aula 03. Parâmetros dos Sistemas TGS X S.I. 22/08/2012. O Conceito de Sistemas. Relação entre Teoria Geral de Sistemas e Sistemas de Informação Aula 03 O Conceito de Sistemas Relação entre Teoria Geral de Sistemas e Sistemas de Informação Teoria Geral de Sistemas TADS 2. Semestre Prof. André Luís 1 2 TGS X S.I. Parâmetros dos Sistemas Um sistema

Leia mais

Organizações. Prof. Gerson Volney Lagemann. Conceito de Organização

Organizações. Prof. Gerson Volney Lagemann. Conceito de Organização Organizações Prof. Gerson Volney Lagemann Conceito de Organização Conceito clássico (Escola Clássica), organização é um conjunto de duas ou mais pessoas que realizam tarefas, seja em grupo, seja individualmente

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação. Visão Sistêmica. Conceitos, componentes, tipos, subsistemas,

Fundamentos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação. Visão Sistêmica. Conceitos, componentes, tipos, subsistemas, Visão Sistêmica Conceitos, componentes, tipos, subsistemas, 1 Conceito de Sistemas Um conjunto de partes integrantes e interdependentes que, conjuntamente, formam um todo unitário com o mesmo determinado

Leia mais

Administração. Abordagem Contingencial. Professor Rafael Ravazolo.

Administração. Abordagem Contingencial. Professor Rafael Ravazolo. Administração Abordagem Contingencial Professor Rafael Ravazolo www.acasadoconcurseiro.com.br Administração 1. ABORDAGEM CONTINGENCIAL Conforme o dicionário Caldas Aulete, Contingência é: possibilidade

Leia mais

Teoria Geral dos Sistemas

Teoria Geral dos Sistemas Sistema - pressupostos Teoria Geral dos Sistemas Há coisas comuns nas diferentes áreas do conhecimento. Existem problemas similares que podem ser resolvidos com soluções similares. Universidade de Brasília

Leia mais

Comunicação e Comportamento Organizacional AULA 03

Comunicação e Comportamento Organizacional AULA 03 Comunicação e Comportamento Organizacional AULA 03 36 Ponto de Partida: da Visão Sistêmica SISTEMA: CONCEITO E HIERARQUIZAÇÃO O crescimento e o aprofundamento do conhecimento humano conduziram, através

Leia mais

Teoria Geral dos Sistemas

Teoria Geral dos Sistemas Universidade Federal de Sergipe Centro de Ciências Exatas e Tecnologia Departamento de Ciência da Computação e Estatística Teoria Geral dos Sistemas Professor: Eduardo Coelho Conceito de interação Dois

Leia mais

2.2 Elementos formais e informais

2.2 Elementos formais e informais 2.2 Elementos formais e informais A produtividade de um grupo e sua eficiência estão estreitamente relacionadas não somente com a competência de seus membros, mas, sobretudo com a solidariedade de suas

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA GESTÃO DE PESSOAS

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA GESTÃO DE PESSOAS CAPÍTULO 02 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA GESTÃO DE PESSOAS A Gestão de Pessoas em um Ambiente Dinâmico e Competitivo As Mudanças e Transformações no Cenário Mundial. As Mudanças e Transformações na Função

Leia mais

Abordagem Ergonómica. dos Sistemas

Abordagem Ergonómica. dos Sistemas Abordagem Ergonómica dos Sistemas Conceito de ergonomia A ergonomia é o estudo científico da relação entre o homem e seus meios, métodos e espaços de trabalho. O seu objectivo é elaborar, mediante a contribuição

Leia mais

Assinale a alternativa que contém a seqüência CORRETA. a) V, F, V, V, V. b) V, V, F, V, V. c) V, V, V, F, F. d) F, V, V, F, F.

Assinale a alternativa que contém a seqüência CORRETA. a) V, F, V, V, V. b) V, V, F, V, V. c) V, V, V, F, F. d) F, V, V, F, F. 1. Acerca do comportamento organizacional, julgue os itens a seguir. O projeto organizacional define uma configuração estrutural para a organização com base na autoridade legal e ordem para qualquer tipo

Leia mais

Sistemas de Informação SIN0001 Turma B Prof. Ricardo Jose Pfitscher Material elaborado com base em material cedido por: Prof. Gerson Volney Lagemann

Sistemas de Informação SIN0001 Turma B Prof. Ricardo Jose Pfitscher Material elaborado com base em material cedido por: Prof. Gerson Volney Lagemann As Organizações Sistemas de Informação SIN0001 Turma B Prof. Ricardo Jose Pfitscher Material elaborado com base em material cedido por: Prof. Gerson Volney Lagemann Cronograma Revisão última aula Exercício

Leia mais

22/08/2014. Planejamento e Controle da Produção: Conceito, Finalidades, Funções e Princípios. Conceito de Planejamento. Conceito de Controle

22/08/2014. Planejamento e Controle da Produção: Conceito, Finalidades, Funções e Princípios. Conceito de Planejamento. Conceito de Controle Planejamento e Controle da Produção: Conceito, Finalidades, Funções e Princípios Conceito de Planejamento É a função administrativa que determina antecipadamente quais os objetivos a serem atingidos e

Leia mais

UNEMAT SINOP Ciências Contábeis

UNEMAT SINOP Ciências Contábeis UNEMAT SINOP Ciências Contábeis Organização Sistemas e Métodos(FA) Professora: Priscila Pelegrini priscila_pelegrini@unemat-net.br Sinop 2016/1 Controles e Avaliações SISTEMAS ASPECTOS BÁSICOS Objetivos

Leia mais

Evolução da Teoria das Organizações

Evolução da Teoria das Organizações Organização, Sistemas e Métodos Evolução da Teoria das Organizações Por José Luís Carneiro - www.jlcarneiro.com - Grandes feitos da Humanidade As pirâmides do Egito A Grande Muralha da China A Acrópole

Leia mais

TEORIA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO

TEORIA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO TGA II TEORIA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO Henri Fayol (1841-1925) TEORIA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO As Funções Básicas da Empresa Funções técnicas: relacionadas com a produção de bens ou serviços da empresa.

Leia mais

ORGANIZAÇÃO: Ato de dispor os elementos de um conjunto, de modo a facilitar o desempenho de suas funções para alcançar um determinado objetivo

ORGANIZAÇÃO: Ato de dispor os elementos de um conjunto, de modo a facilitar o desempenho de suas funções para alcançar um determinado objetivo OS&E ORGANIZAÇÃO: Ato de dispor os elementos de um conjunto, de modo a facilitar o desempenho de suas funções para alcançar um determinado objetivo Organização Informal: - Surge naturalmente, em função

Leia mais

Etapas do processo de Administração Estratégica. DPS aula 3 Negócios

Etapas do processo de Administração Estratégica. DPS aula 3 Negócios Etapas do processo de Administração Estratégica Aula 3 Professor Douglas Pereira da Silva 1 2 As etapas envolvidas na administração estratégica Etapa 1: Análise do ambiente O processo de administração

Leia mais

Abordagens Tradicionais Ênfase nas Tarefas Administração Científica (Taylor)

Abordagens Tradicionais Ênfase nas Tarefas Administração Científica (Taylor) Abordagens Tradicionais Ênfase nas Tarefas 1903...Administração Científica (Taylor) Ênfase na Estrutura 1911...Teoria Clássica (Fayol) 1947...Organização Burocrática (Max Weber) Ênfase nas Pessoas 1932...Teoria

Leia mais

Aumentando a Produtividade e Reduzindo os Custos da Fábrica. Antonio Cabral

Aumentando a Produtividade e Reduzindo os Custos da Fábrica. Antonio Cabral Aumentando a Produtividade e Reduzindo os Custos da Fábrica Antonio Cabral acabral@maua.br Roteiro Desafio; Sistemas; O custo e o valor do controle de processo; Mapeamento; Principais indicadores usados

Leia mais

Administração Interdisciplinar

Administração Interdisciplinar Administração Interdisciplinar 21/9/2015 Rosely Gaeta Revisão Fundamentos da Administração Introdução àadministração e às organizações Fonte: Felipe Sobral Alketa Peci - Teoria e Prática no Contexto Brasileiro

Leia mais

Empresa como sistema e o processo decisório Aula 03 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE

Empresa como sistema e o processo decisório Aula 03 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Empresa como sistema e o processo decisório Aula 03 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Agenda Teoria geral dos sistemas Características do sistema Empresa como sistema Subsistema

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ 1 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ AULA - TURMA 2- ADN-1 CURSO : ADMINISTRAÇÀO DISCIPLINA: TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO II PROF: NAZARÉ FERRÀO TURMA: 2ADN-1 CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à teoria

Leia mais

Teoria Geral dos Sistemas 2

Teoria Geral dos Sistemas 2 Teoria Geral dos Sistemas 2 Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Curso de Arquivologia Disciplina: Planejamento e Gestão de Instituições Arquivísticas Profa. Lillian Alvares CONCEITOS

Leia mais

Disciplina: SIG. Aula 1. Assunto: SISTEMAS

Disciplina: SIG. Aula 1. Assunto: SISTEMAS Disciplina: SIG Aula 1 Assunto: SISTEMAS Prof Ms Keilla Lopes Mestre em Administração pela UFBA Especialista em Gestão Empresarial pela UEFS Graduada em Administração pela UEFS Contatos: E-mail: keillalopes@ig.com.br

Leia mais

Desenvolvimento de pessoas e de organizações

Desenvolvimento de pessoas e de organizações Desenvolvimento de pessoas e de organizações www.profsaravalli.com GESTÃO DE CONCEITOS E NOMENCLATURAS ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL A Gestão de Pessoas (GP) é responsável por um conjunto de políticas e práticas

Leia mais

Disciplina: OSM. Aula 4. Assunto: SISTEMAS

Disciplina: OSM. Aula 4. Assunto: SISTEMAS Disciplina: OSM Aula 4 Assunto: SISTEMAS Prof Ms Keilla Lopes Mestre em Administração pela UFBA Especialista em Gestão Empresarial pela UEFS Graduada em Administração pela UEFS Contatos: E-mail: keillalopes@ig.com.br

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO MARKETING NO ORGANOGRAMA DE UMA EMPRESA

A IMPORTÂNCIA DO MARKETING NO ORGANOGRAMA DE UMA EMPRESA INSTITUTO MACEIÓ DE EDUCAÇÃO E CULTURA - IMEC FACULDADE DA CIDADE DE MACEIÓ - FACIMA ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS AFRANIO JORGE/GREICY KELLY/EDSON PRAZERES NAYANNE MESSIAS/ROSEANY LOPES/RUSSINILDO DA SILVA

Leia mais

TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO

TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO Profa Giselle Pavanelli 5ª Aula Como explicar a Teoria Comportamental? Contexto da Teoria Comportamental A organização como organismo vivo As Relações Humanas Hierarquia das Necessidades

Leia mais

Gestão Estratégica da Informação Prof. Esp. André Luís Belini

Gestão Estratégica da Informação Prof. Esp. André Luís Belini Gestão Estratégica da Informação Prof. Esp. André Luís Belini Apresentação do Professor Formação Acadêmica: Bacharel em Sistemas de Informação Pós graduado em Didática e Metodologia para o Ensino Superior

Leia mais

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL. Baseado em Hall (2004)

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL. Baseado em Hall (2004) ESTRUTURA ORGANIZACIONAL Baseado em Hall (2004) ESTRUTURA ORGANIZACIONAL... Estrutura é isto?... É, mas não é só isto!!! ESTRUTURA ORGANIZACIONAL... Vejamos então o que mais envolve? ESTRUTURA ORGANIZACIONAL...

Leia mais

Jogos de Empresas MÓDULO I

Jogos de Empresas MÓDULO I MÓDULO I CONCEITO Jogo de Empresas pode ser definido como um exercício seqüencial de tomada de decisões, estruturado em torno de um modelo de uma situação empresarial, no qual os participantes se encarregam

Leia mais

Estratégia e Marketing. EGI ISEC Denise Lila Lisboa Gil Abril 2008

Estratégia e Marketing. EGI ISEC Denise Lila Lisboa Gil Abril 2008 Estratégia e Marketing EGI ISEC Denise Lila Lisboa Gil Abril 2008 A Estrutura Organizacional é o que vai servir como ponte de ligação entre a Formulação e a Implementação da Estratégia para que a empresa

Leia mais

Administração de Produção e Operações

Administração de Produção e Operações Administração de Produção e Operações Profa. Dra. Márcia Mazzeo Grande RAD1512 Administração: gestão e logística Ambiente Estratégia de operações Estratégia Recursos de entradas a serem transformados Materiais,

Leia mais

Desenvolvimento Organizacional. Cultura e Clima Organizacional

Desenvolvimento Organizacional. Cultura e Clima Organizacional Cultura e Clima Organizacional Atualizado em 01/03/2016 OBJETIVO: Compreender as implicações das novas configurações e alternativas que permeiam o trabalho no mundo contemporâneo; Compreender e analisar

Leia mais

APRENDIZAGEM. Descobrir. Compreender Estabelecer relações Transformar Criar

APRENDIZAGEM. Descobrir. Compreender Estabelecer relações Transformar Criar APRENDIZAGEM Descobrir Compreender Estabelecer relações Transformar Criar Onde se dá o aprendizado? Um cérebro com estrutura normal, com condições funcionais e neuroquímicas corretas e com um elenco genético

Leia mais

Teoria e Análise das Organizações. Prof. Dr. Onofre R. de Miranda Setembro, 2014

Teoria e Análise das Organizações. Prof. Dr. Onofre R. de Miranda Setembro, 2014 Teoria e Análise das Organizações Prof. Dr. Onofre R. de Miranda Setembro, 2014 OBJETIVOS OBJETIVO GERAL: Ressaltar a organização enquanto objeto de estudo científico; OBJETIVOS ESPECÍFICOS: o Comparar

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS Unidade 2 Gerenciamento da Integração. Luiz Leão

GESTÃO DE PROJETOS Unidade 2 Gerenciamento da Integração. Luiz Leão Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Conteúdo Programático Criação do Termo de Abertura Ciclo padrão de planejamento e Integração do Plano de Projeto. Controle e Monitoramento do Projeto

Leia mais

(esforço). Competência entendida segundo três eixos:

(esforço). Competência entendida segundo três eixos: em Gestão de Projetos Prof. Roberto Paixão Introdução Competência = com (conjunto) + petere (esforço). Competência entendida segundo três eixos: Características da pessoa; Formação educacional; Experiência

Leia mais

ECONOMA DA EMPRESA UNIVERSIDADE PORTUCALENSE. - Teoria da Empresa -

ECONOMA DA EMPRESA UNIVERSIDADE PORTUCALENSE. - Teoria da Empresa - ECONOMA DA EMPRESA UNIVERSIDADE PORTUCALENSE INFANTE D.HENRIQUE Departamento de Economia - Teoria da Empresa - 1 Índice 1. Motivações para uma teoria da empresa 2. Contributos iniciais para a análise da

Leia mais

O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento. Editora Saraiva Emerson de Oliveira Batista

O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento. Editora Saraiva Emerson de Oliveira Batista O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento Editora Saraiva Conceito amplo de sistema. A sociedade evolui com a evolução da inteligência e do desenvolvimento científico. Medo: fenômenos não compreendidos.

Leia mais

CONTROLADORIA II MBA Estácio 25/07/2017

CONTROLADORIA II MBA Estácio 25/07/2017 CONTROLADORIA II MBA Estácio 25/07/2017 Prof. Lucas S. Macoris PLANO DE AULA CONTROLADORIA II Aula 1 Boas Vindas e Introdução Aula 5 Análise das Demonstrações Contábeis Aula 2 Valor de Empresas: Conceitos

Leia mais

Evolução do Pensamento

Evolução do Pensamento Unidade IV Evolução do Pensamento Administrativo Prof. José Benedito Regina Conteúdo da disciplina EPA Parte 1 - conceitos gerais da administração Parte 2 - evolução histórica: Abordagens administrativas

Leia mais

AULA 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS

AULA 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS AULA 2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS Gestão de Projetos O que é um Projeto? O que é Gerência de Projeto? O que é um Projeto? Um empreendimento único e não-repetitivo, de duração determinada, formalmente organizado

Leia mais

Evolução do Pensamento Administrativo

Evolução do Pensamento Administrativo Evolução do Pensamento Administrativo Rosely Gaeta Abordagem Sistêmica da administração Slides de Aula Teoria de Sistemas (Teoria Contingencial) Fonte: Chiavenatto e diversos autores 22/11/2014 Abordagem

Leia mais

O DESEMPENHO OPERACIONAL

O DESEMPENHO OPERACIONAL O DESEMPENHO OPERACIONAL TIPOS DE OBJETIVOS DE DESEMPENHO OPERACIONAL PREÇO BAIXO, ALTAS MARGENS OU AMBOS ENTREGA RÁPIDA CUSTO ENTREGA CONFIÁVEL VELOCIDADE CICLO RÁPIDO ALTA PRODUTIVIDADE TOTAL OPERAÇÕES

Leia mais

Unidade I PROCESSOS ORGANIZACIONAIS. Prof. Léo Noronha

Unidade I PROCESSOS ORGANIZACIONAIS. Prof. Léo Noronha Unidade I PROCESSOS ORGANIZACIONAIS Prof. Léo Noronha Introdução aos processos organizacionais Qualquer tamanho de empresa, até as informais ou do terceiro setor. Visão moderna de gestão organizacional,

Leia mais

TECNOLOGIA DE PROCESSO

TECNOLOGIA DE PROCESSO TECNOLOGIA DE PROCESSO Danillo Tourinho Sancho da Silva, MSc INTRODUÇÃO Tecnologia de processo são máquinas, equipamentos e dispositivos que ajudam a produção a transformar materiais, informações e consumidores

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 2016 Plano de Curso nº 213 aprovado pela portaria Cetec nº 134 de 04/10/2012 Etec PROFa. MARIA CRISTINA MEDEIROS Código:

Leia mais

Introdução a Informática

Introdução a Informática Universidade Estadual de Goiás Unidade Universitária de Ciências Socioeconômicas e Humanas de Anápolis Introdução a Informática Prof. Elisabete Tomomi Kowata betetk2010@gmail.com Data: 19/03/2011 1 Roteiro

Leia mais

A Família Estrutura ou Desestrutura o indivíduo?

A Família Estrutura ou Desestrutura o indivíduo? TERAPIA FAMILIAR A Família Estrutura ou Desestrutura o indivíduo? Abordagens influentes do século XX Os problemas psicológicos provêm da interação doentia com os membros da família. Solução: Afastar os

Leia mais

PARTE IV O SISTEMA ORGANIZACIONAL CAPÍTULO FUNDAMENTOS DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL by Pearson Education

PARTE IV O SISTEMA ORGANIZACIONAL CAPÍTULO FUNDAMENTOS DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL by Pearson Education PARTE IV O SISTEMA ORGANIZACIONAL CAPÍTULO 15 FUNDAMENTOS DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL 2006 by Pearson Education O QUE É ESTRUTURA ORGANIZACIONAL? Estrutura organizacional Como as tarefas são formalmente

Leia mais

MODELAGEM DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

MODELAGEM DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Unidade I MODELAGEM DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Daniel Arthur Gennari Junior A disciplina Nossa disciplina se divide em 4 unidades de aprendizagem: 1. Sistemas de Informação 2. Fases do Levantamento

Leia mais

Organização da Disciplina. Gestão Empresarial. Aula 1. Classificação das Empresas. Conceito de Empresa

Organização da Disciplina. Gestão Empresarial. Aula 1. Classificação das Empresas. Conceito de Empresa Gestão Empresarial Aula 1 Prof. Elton Ivan Schneider tutoriacomercioexterior@grupouninter.com.br Comércio Exterior Organização da Disciplina 1. Administração: conceito e teorias 2. Gestão empresarial na

Leia mais

empreendedorismo UNIDADE iii- PROCESSO EMPREENDEDOR; AMBIENTES E CARACTERÍSTICAS DE NEGÓCIO.

empreendedorismo UNIDADE iii- PROCESSO EMPREENDEDOR; AMBIENTES E CARACTERÍSTICAS DE NEGÓCIO. empreendedorismo UNIDADE iii- PROCESSO EMPREENDEDOR; AMBIENTES E CARACTERÍSTICAS DE NEGÓCIO. PROCESSO EMPREENDEDOR SE DESENVOLVE AO LONGO DO TEMPO E SE MOVE POR MEIO DE FASES DISTINTAS, MAS INTIMAMENTE

Leia mais

Ementas. Certificate in Business Administration CBA

Ementas. Certificate in Business Administration CBA Ementas Certificate in Business Administration CBA Agosto 2012 Módulo Fundamental Administração Financeira EMENTA: Disciplina desenvolve a capacidade de contribuição para as decisões gerenciais aplicando

Leia mais

Teoria da Administração. RAD-1101 Prof.Dr.Jorge Henrique Caldeira de Oliveira

Teoria da Administração. RAD-1101 Prof.Dr.Jorge Henrique Caldeira de Oliveira Teoria da Administração RAD-1101 Bibliografia Filipe Sobral, Alketa Peci. Administração: teoria e prática no contexto brasileiro, cap.6 Organização Objetivos da aula Definir os conceitos de organização,

Leia mais

10/8/2011. Administração de Recursos Humanos TREINAMENTO: DESENVOLVIMENTO: Concluindo: T&D é o processo educacional aplicado de

10/8/2011. Administração de Recursos Humanos TREINAMENTO: DESENVOLVIMENTO: Concluindo: T&D é o processo educacional aplicado de TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAL Administração de Recursos Humanos É o processo de desenvolver qualidades nos RHs para habilitá-los a serem mais produtivos e contribuir melhor para o alcance dos

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Novembro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Finalizar o conteúdo da Disciplina Governança de

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 02. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 02. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 02 Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua Michel CROZIER (1964) Teoria das Contingências Estratégicas abordagem sistêmica: As organizações são vistas como poderosos sistemas compostos

Leia mais

Modelos Contemporâneos de Organização

Modelos Contemporâneos de Organização Modelos Contemporâneos de Organização Metáforas segundo Mintzberg e Handy 1 Prof.a Ms. Lilian A Pasquini Miguel Prof. Ms. José A. Ulhôa C. Ferreira Prof. Ms. Rogério S. Monteiro 1º Semestre de 2008 Reflexões

Leia mais

Disciplina: OSM. Aula 6. Assunto: SISTEMAS

Disciplina: OSM. Aula 6. Assunto: SISTEMAS Disciplina: OSM Aula 6 Assunto: SISTEMAS Prof Ms Keilla Lopes Mestre em Administração pela UFBA Especialista em Gestão Empresarial pela UEFS Graduada em Administração pela UEFS Contatos: E-mail: keillalopes@ig.com.br

Leia mais

Aula 02. Conceito de Sistemas 22/08/2012

Aula 02. Conceito de Sistemas 22/08/2012 Aula 02 Conceito de Sistemas. Componentes genéricos de um sistema. Performance e padrões de sistema. Variáveis e parâmetros de sistema. Sistemas de Informação TADS 4. Semestre Prof. André Luís 1 2 Conceito

Leia mais

CAPÍTULO 9 ALIANÇAS ESTRATÉGICAS

CAPÍTULO 9 ALIANÇAS ESTRATÉGICAS CAPÍTULO 9 ALIANÇAS ESTRATÉGICAS 9.1 DEFINIÇÃO COOPERAÇÃO, JV E FUSÕES Fonte: Jonas Puck (2013) ALIANÇA ESTRATÉGICA Acordo formal ou informal, potencialmente duradouro, considerado relevante pela empresa

Leia mais

Programa Gestão Estratégica de Pessoas. Projeto Corporativo BNDES

Programa Gestão Estratégica de Pessoas. Projeto Corporativo BNDES Programa Gestão Estratégica de Pessoas Projeto Corporativo BNDES CONTEXTO Desafios novos e crescentes Produtividade 1950 1960 Infraestrutura Econômica - Siderurgia Indústrias de Base - Bens de Consumo

Leia mais

ARQUITETURA ORGANIZACIONAL

ARQUITETURA ORGANIZACIONAL ARQUITETURA ORGANIZACIONAL Capítulo 04 1 QUESTÕES PARA REFLEXÃO 2 QUAL O OBJETIVO DA ARQUITETURA ORGANIZACIONAL? 1 3 QUAL O OBJETIVO DA ARQUITETURA ORGANIZACIONAL? É a identificação e a apresentação dos

Leia mais

As organizações como cérebros

As organizações como cérebros Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra Departamento de Engenharia Informática Processos de Gestão 2002 As organizações como cérebros As organizações devem ser constituídas por um

Leia mais

ISO 9001: Abordagem de processo

ISO 9001: Abordagem de processo ISO 9001:2008 0.2. Abordagem de processo Apesar dos requisitos da ISO 9001 propriamente ditos só começarem no item 4 da norma, o item 0.2 Abordagem de processo, é uma exigência básica para a aplicação

Leia mais

Disciplina:OS&M Prof Ms Keilla Lopes Assunto: ORGANIZAÇÃO ( Estrutura Organizacional) AULA 4 II parte

Disciplina:OS&M Prof Ms Keilla Lopes Assunto: ORGANIZAÇÃO ( Estrutura Organizacional) AULA 4 II parte Disciplina:OS&M Prof Ms Keilla Lopes Assunto: ORGANIZAÇÃO ( Estrutura Organizacional) AULA 4 II parte MONTAGEM DE UMA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL ESTRUTURA ORGANIZACIONAL 1. COMPONENTES 2. CONDICIONANTES

Leia mais

Classificação dos Sistemas de Informação

Classificação dos Sistemas de Informação Sistemas de Informação Classificação dos Sistemas de Informação O que veremos? Estaremos examinando o tipo de sistema de apoio à decisão. E, também, o tipo de sistema de informação estratégico. É o sistema

Leia mais

Sumário resumido. As origens da competição e do pensamento estratégico. Aplicação dos fundamentos da estratégia. Gestão competitiva do conhecimento

Sumário resumido. As origens da competição e do pensamento estratégico. Aplicação dos fundamentos da estratégia. Gestão competitiva do conhecimento Sumário resumido Fundamentos da Estratégia e da Competição CAPÍTULO 1 EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ESTRATÉGICO As origens da competição e do pensamento estratégico PROCESSO DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Aplicação

Leia mais

Engenharia de Processos Oscar F. T Paulino

Engenharia de Processos Oscar F. T Paulino 17 Seminário Brasileiro Industrial 27/10/2016 Engenharia de Processos Oscar F. T Paulino Engenharia de Processos - Conceitos Campo de atividades que utiliza os conhecimentos das Ciências básicas (Matemática,

Leia mais

08/05/2017. Curso: Engenharia Elétrica - 7º Semestre Professor:Eng.º CivilCássio Fernando Simioni. Quem? Como? Com o quê? O quê? Por quê?

08/05/2017. Curso: Engenharia Elétrica - 7º Semestre Professor:Eng.º CivilCássio Fernando Simioni. Quem? Como? Com o quê? O quê? Por quê? GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS DE SINOP FACULDADE DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGICAS Uma organização é uma combinação

Leia mais

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento Kleber A. Ribeiro Um pouco sobre o PMI PMI - Project Management Institute PMI Instituição internacional sem fins lucrativos criada em 1969 Desenvolve normas,

Leia mais

PROJETO INTEGRADO AULA 4 INTEGRAÇÃO E ESCOPO

PROJETO INTEGRADO AULA 4 INTEGRAÇÃO E ESCOPO PROJETO INTEGRADO AULA 4 INTEGRAÇÃO E ESCOPO PROF.: KAIO DUTRA Gerenciamento da Integração do Projeto O gerenciamento da integração do projeto inclui os processos e as atividades necessárias para identificar,

Leia mais

AO aula 12 GESTÃO E BENCHMARKING. Prof. Wilson LAPO

AO aula 12 GESTÃO E BENCHMARKING. Prof. Wilson LAPO AO aula 12 GESTÃO E BENCHMARKING Prof. Wilson LAPO 1 Excelência é uma habilidade que se conquista com treinamento e prática. Nós somos aquilo que fazemos repetidamente. Excelência, então, não é um ato,

Leia mais

COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL. Prof. Saravalli OBJETIVOS 08/03/2016

COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL. Prof. Saravalli OBJETIVOS 08/03/2016 COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL Prof. Saravalli ademir_saravalli@yahoo.com.br O comportamento organizacional é um campo de estudos que investiga o impacto que indivíduos, grupos e a estrutura têm sobre o

Leia mais

Introdução aos sistemas de informação

Introdução aos sistemas de informação Introdução aos sistemas de informação Sistemas de Informação Sistemas de Informação Um conjunto de informações relacionadas que coletam, manipulam e disseminam dados e informações e fornecem realimentação

Leia mais

Ciências da Austrália K-10 Desenvolvimento curricular. Melanie Isaacs Gerente de Projeto - Currículo

Ciências da Austrália K-10 Desenvolvimento curricular. Melanie Isaacs Gerente de Projeto - Currículo Ciências da Austrália K-10 Desenvolvimento curricular Melanie Isaacs Gerente de Projeto - Currículo Um currículo nacional A Austrália é uma federação Os Estados são constitucionalmente responsáveis pela

Leia mais

ANEXO I GUIÃO PARA AS ENTREVISTAS

ANEXO I GUIÃO PARA AS ENTREVISTAS ANEXO I GUIÃO PARA AS ENTREVISTAS i A Comunicação Estratégica no âmbito da Mudança Organizacional Guião para as Entrevistas 2 Caracterização da Organização e Entrevistado Tipo ORGANIZAÇÃO Atividade Breve

Leia mais

Sistemas Multi-agentes

Sistemas Multi-agentes Sistemas Multi-agentes! Projeto dos agentes «O problema é resolvido por um conjunto de agentes, fisicamente distribuídos em diversas máquinas conectadas. «Os agentes são concebidos para solucionar um problema

Leia mais

Políticas, gestão pública e inclusão social

Políticas, gestão pública e inclusão social Políticas, gestão pública e inclusão social Telma Maria Gonçalves Menicucci Fundação João Pinheiro Apresentação Relação das políticas públicas com a política Implementação de políticas sociais Políticas

Leia mais

Gerenciamento da Integração de Projetos. Parte 03. Gerenciamento de Projetos Espaciais CSE-301. Docente: Petrônio Noronha de Souza

Gerenciamento da Integração de Projetos. Parte 03. Gerenciamento de Projetos Espaciais CSE-301. Docente: Petrônio Noronha de Souza Gerenciamento da Integração de Projetos Parte 03 Gerenciamento de Projetos Espaciais CSE-301 Docente: Petrônio Noronha de Souza Curso: Engenharia e Tecnologia Espaciais Concentração: Engenharia e Gerenciamento

Leia mais

Unidade I. Avaliação de Desempenho. Profª. Ana Paula de Andrade Trubbianelli

Unidade I. Avaliação de Desempenho. Profª. Ana Paula de Andrade Trubbianelli Unidade I Avaliação de Desempenho Profª. Ana Paula de Andrade Trubbianelli Avaliação / desempenho Avaliação: apreciação, análise Desempenho: possibilidade de atuação Conceituação de avaliação de desempenho

Leia mais

Gerência de Projetos de TI

Gerência de Projetos de TI Gerência de de TI Experiência da COPEL SIMPROS 2001 Paulo Henrique Rathunde phr@copel.com Agenda Introdução Gerência de Definição dos Processos Implantação Reflexões 2/33 São Paulo, Brasil 17-20/09/2001

Leia mais

A Família como sistema de interacções

A Família como sistema de interacções A Família como sistema de interacções Aspectos gerais Caracterização do sistema Níveis de abordagem do sistema Interaccional/funcional Estrutural Contextual Critérios de eficácia do funcionamento Copyright,

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Sistemas de Informação O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento Prof. Msc. Christien Lana Rachid Organização 1. Vínculo Administração-Tecnologia 2. Introdução a sistemas 3. Empresas e Sistemas

Leia mais

Sistemas Informatizados de Gestão de Empresas (ERP) LES Economia e Administração de Sistemas de Produção Agroindustriais

Sistemas Informatizados de Gestão de Empresas (ERP) LES Economia e Administração de Sistemas de Produção Agroindustriais Sistemas Informatizados de Gestão de Empresas (ERP) LES 0202 - Economia e Administração de Sistemas de Produção Agroindustriais Referência principal O BRIEN, J. A.; MARAKAS, G. M. Administração de sistemas

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação. - Fundamentos - Prof. Robson Almeida

Administração de Sistemas de Informação. - Fundamentos - Prof. Robson Almeida Administração de Sistemas de Informação - Fundamentos - Prof. Robson Almeida ADMINISTRAÇÃO SISTEMAS INFORMAÇÃO 4 funções gerenciais o processo administrativo PLANEJAMENTO Início da gerência. É o processo

Leia mais

POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, AUTOMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO DAS EMPRESAS ELETROBRAS. 2ª Versão

POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, AUTOMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO DAS EMPRESAS ELETROBRAS. 2ª Versão POLÍTICA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, AUTOMAÇÃO E TELECOMUNICAÇÃO DAS EMPRESAS ELETROBRAS 2ª Versão Sumário 1 Objetivo... 3 2 Conceitos... 3 3 Princípios... 4 4 Diretrizes... 5 5 Responsabilidades... 5

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO POR COMPETÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO POR COMPETÊNCIAS Atualizado em 22/10/2015 GESTÃO POR COMPETÊNCIAS As competências não são estáticas, tendo em vista a necessidade de adquirir agregar novas competências individuais

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO E CONTROLE

ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO E CONTROLE ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO E CONTROLE Fernanda Niehues Professora: Albertina de Souza Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Processos Gerenciais (EMD0110) Prática do Módulo III 05/06/12 RESUMO

Leia mais

Humanismo e a Nova Administração Pública

Humanismo e a Nova Administração Pública Universidade do Estado de Santa Catarina Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento Governo Eletrônico Humanismo e a Nova Administração Pública (Capítulo 5) Professores: Aires Rover

Leia mais

Disciplina:OS&M Prof Ms Keilla Lopes Assunto: ORGANIZAÇÃO ( Estrutura Organizacional) AULA 4

Disciplina:OS&M Prof Ms Keilla Lopes Assunto: ORGANIZAÇÃO ( Estrutura Organizacional) AULA 4 Disciplina:OS&M Prof Ms Keilla Lopes Assunto: ORGANIZAÇÃO ( Estrutura Organizacional) AULA 4 CONCEITO DE ESTRUTURA ORGANIZACIONAL O agrupamento ordenado de recursos e atividades visando alcançar os objetivos

Leia mais

Sistemas de Informação (SI) nas Empresas. Prof David Viscarra. formato ABTN. Colaboração Prof. W da Costa

Sistemas de Informação (SI) nas Empresas. Prof David Viscarra. formato ABTN. Colaboração Prof. W da Costa Sistemas de Informação (SI) nas Empresas Prof David Viscarra Colaboração Prof. W da Costa formato ABTN Objetivos do Capítulo Seção 1 - Sistemas de Informação nas Organizações 1. Explicar por que o conhecimento

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação. - Fundamentos - Prof. Robson Almeida

Administração de Sistemas de Informação. - Fundamentos - Prof. Robson Almeida Administração de Sistemas de Informação - Fundamentos - Prof. Robson Almeida ADMINISTRAÇÃO SISTEMAS INFORMAÇÃO 4 funções gerenciais o processo administrativo PLANEJAMENTO Início da gerência. É o processo

Leia mais

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo Sistemas de Informações Gerenciais A Empresa e os Sistemas de Informação Conceito de Sistemas Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário

Leia mais