TÍTULO DO PROJETO. COORDENADOR Co-ORIENTADOR (Opcional) ORIENTANDO IIZANETE DE MEDEIROS COSTA RENATHO ANDRIOLLA DA SILVA JOELSON SILVA DE ARAÚJO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TÍTULO DO PROJETO. COORDENADOR Co-ORIENTADOR (Opcional) ORIENTANDO IIZANETE DE MEDEIROS COSTA RENATHO ANDRIOLLA DA SILVA JOELSON SILVA DE ARAÚJO"

Transcrição

1 Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento de Pesquisa Campus Universitário BR-110, KM-46 - Costa e Silva Fone: (084) Ramal CEP: TÍTULO DO PROJETO COORDENADOR Co-ORIENTADOR (Opcional) ORIENTANDO RENOVAÇÃO DE PROJETO * FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA - PIBIC DESCRIÇÃO E ANÁLISE CRÍTICA DOS COMPONENTES PRESENTES NOS PRINCIPAIS LIVROS DIDÁTICOS DE FILOSOFIA PARA O ENSINO MÉDIO EXISTENTES NO MERCADO EDITORIAL BR M IIZANETE DE MEDEIROS COSTA RENATHO ANDRIOLLA DA SILVA JOELSON SILVA DE ARAÚJO 1. RESUMO DO PROJETO (até 2000 caracteres com espaço) A pesquisa visa descrever e analisar criticamente os componentes presentes nos principais livros didáticos de filosofia onados ao ensino médio existentes no mercado editorial brasileiro. A hipótese a ser investigada refere-se à limitaç didáticos de filosofia, no sentido de não atenderem de modo suficiente as necessidades atuais do ensino de filos médio. Para realizar a investigação proposta serão executados os seguintes procedimentos metodológicos: defin rso a ser pesquisado; elaboração dos critérios de análise para a definição dos índices de caracterização e descr o de pesquisa; definição dos parâmetros avaliativos que serão definidos tendo em vista os critérios próprios à prá o de filosofia. Para a definição dos parâmetros avaliativos será tomada como base de referência os seguintes as ção do que é ensinar filosofia; escolha dos conteúdos a serem ensinados; e a metodologia mais apropriada para fia. Além das diretrizes curriculares nacionais para o ensino de filosofia, tomar-se-á como base de estudo e ref o as contribuições dos mais relevantes pesquisadores da área do ensino de filosofia, tais como Walter Kohan, Silvi e outros. Como resultado espera-se descrever de modo sintético as características mais relevantes dos principai cos de filosofia, indicando a qualidade das publicações segundo os critérios adotados; fornecer elementos crít e que contribuam para a escolha dos livros a serem adotados pelos professores de filosofia no ensino médio; e ind 2. INTRODUÇÃO/JUSTIFICATIVA (até 7000 caracteres com espaço) ta-se a renovação do projeto de pesquisa tendo em vista que não foi possível, no prazo planejado, a realização de t s metodológicas previstas. O motivo de tal solicitação se deve ao pedido de afastamento do então coordenador do ssor José Teixeira Neto, no início de do mês de março de 2009,. Além desse fato, tivemos também, por razões pessoais, o afastamento no mês de dezembro de 2008 de Dário Jean l e de Cirlane Cristina de Souza, bolsistas voluntários do projeto. Esses fatos comprometeram o ritmo do andam isa que, entretanto, já cumpriu a primeira e segunda etapa e encontra-se em fase de finalização da terceir dológica prevista. A solicitação de renovação se justifica em razão dos dados preliminares da pesquisa obtido nto, que foram os seguintes. Etapa 1: foram selecionados os oito pricipais livros didáticos de filosofia existen do editorial brasileiro, objetos de análise da pesquisa. Etapa 2: Procedeu-se a ampla revisão bibilográfica com o obj elecer os critérios e os indicadores a serem avaliados relativos ao livro didático de filosofia, e elaborados os critér ctivos indicadores. Etapa 3: encontra-se em fase de finalização do instrumento de pesquisa visando a coleta dos, está previsto até o mês de julho de 2009, prazo final inicialmente estabelecido para a conclusão da pesquisa, o in amento dos dados ( quarta etapa) relativos à avaliação dos livros selecionados. Estima-se, assim, a necessidade eríodo para a finalização da pesquisa, no qual será concluída a coleta dos dados, sua tabulação e sistematizaç ção do texto final contendo a descrição das dimensões avaliadas, com suas respectivas áreas e indicadores e os res obtidos, t m a renovação ora solicitad 1

2 * Em caso de renovação de projeto, o coordenador deverá explicitar as razões para tal, justificando com os dados preliminares. 3. OBJETIVOS (até 2200 caracteres com espaço) ever e analisar os principais livros didáticos de filosofia disponíveis no mercado editorial brasileiro. vos Específicos: onar os principais livros didáticos de filosofia existentes no mercado editorial brasileiro. r os critérios que caracterizam o livro didático de filosofia. 4. METODOLOGIA (até 4000 caracteres com espaço) apas metodológicas para a realização da presente pesquisa compõem-se dos seguintes momentos em ordem cronológica senvolvimento: oceder à seleção dos principais livros didáticos existentes no mercado editorial brasileiro, utilizando-se, para a realização da ão os seguintes indicadores: importância da editora no mercado, número de edições e total de tiragem. Realizar amento bibliográfico de referência. aboração dos critérios e dos índices que caracterizam o livro didático de filosofia. Para a elaboração dos critérios e dos s proceder-se-á a leitura de bibliografia relativa ao livro didático, seu papel no ensino e sua estrutura básica. Também ltadas bibliografias atinentes aos aspectos específicos da metodologia do ensino de filosofia (CERLETTI; KOHAN ERO et. al., 2002), (GALLO; KOHAN, 2000), (KOHAN; CERLETTI, 1996), (MUCHAIL, 1995), (NIELSEN, 1986), (OBIOLS 2002). Com relação aos conteúdos, procurar-seadequado ao nível médio de ensino, tomando como referência os parâmetros curriculares nacionais e as diretrizes curricul ensino de filosofia (BRASIL, 1999), (ALVES, 2002), além de bibliografia especializada relativa ao papel que a história da filo ias filosóficas têm no ensino de filosofia no nível médio (LEOPOLDO E SILVA, 1993), visto que o conteúdo primeiro nte da filosofia se refere aos problemas e teorias produzidos em sua história. Também será analisada a relação e onteúdos variados da cultura têm no processo de ensino de filosofia, notadamente aqueles das artes, ciências, hi comportamentos éticos e políticos. Por fim, buscar-se-á estabelecer os elementos de comunicação do livro didático mais adequados ao nível médio de ensino, principalmente quanto aos aspectos de linguagem escrita e visual e quanto ao modo de apresentação e seus elementos motivacionais relacionados. aboração dos critérios de avaliação considerando a ordem de importância dos diversos critérios e índices que compõem a ura do livro didático. Para a definição dos graus de importância dos critérios, será consultada bibliografia especializada que ta o que é filosofia (DELEUZE; GUATTARI, 1992), (FOUCAULT, 1990); por que ensinar filosofia no ensino médi vos e o papel que esta disciplina representa na formação dos jovens dessa faixa etária (LEOPOLDO E SILVA, 1992), (, 2003), (RANCIÈRE, 2002). A partir dessas referências teóricas, serão definidos pesos relativos aos diversos cri índices, de modo a fixar uma pontuação que possa indicar a classificação da qualidade da publicação. 4. Aplicar esses critérios avaliativos aos livros selecionados de modo a produzir, a partir de uma indicação quantitativa, um resultado qualitativo dos mesmos. 5. RESULTADOS E APLICAÇÕES ESPERADAS (até 4000 caracteres com espaço) São os seguintes os resultados esperados da presente pesquisa: car os livros didáticos de filosofia mais utilizados no mercado editorial. ponibilizar critérios de caracterização e avaliação dos principais livros didáticos. car quais são os melhores e os piores livros didáticos segundo os critérios utilizados. 2

3 São as seguintes as aplicações esperadas como resultado da presente pesquisa: 1. Capacitação dos profissionais e professores que atuam na área através de um instrumento que lhes permita avaliar o livro co utilizado ou realizar a escolha do livro didático de filosofia para o ensino médio. entação para a edição de novos livros didáticos destinados ao ensino de filosofia. ização das informações e conhecimentos produzidos no processo de formação dos professores de filosofia no âmb iaturas, notadamente no que se refere aos conhecimentos relativos aos materiais didáticos. 6. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (até 3000 caracteres com espaço) S, D. J. A filosofia no ensino médio ambigüidades e contradições na LDB. Campinas: Autores Associados/FAPESP, IL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei n , de 20 de dezembro de Dispõe sobre as ba ção nacional. Diário Oficial da União, Brasília, 23 de dezembro de 1996, p IL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Vol. IV, Ciências Humanas e suas Tecnologias, Brasília, DF: Mi ucação/secretaria de Educação Média e Tecnológica, ETTI, Alejandro; KOHAN, Walter. A filosofia no ensino médio. Brasília: Ed. UNB, UZE, G.; GUATTARI, F. O que é filosofia? Rio de Janeiro: 34, RO, Altair A.; RAUBER, Jaime J.; KOHAN, Walter (Orgs.). Um olhar sobre o ensino de filosofia. Ijuí: Ed. Unijuí, RO, Altair A.; CEPPAS, f.; GONTIJO, P. E.; GALLO, S.; KOHAN, W. O ensino de filosofia no Brasil: um mapa das condições. Cadernos Cedes, Campinas, vol. 24, n. 64, p , set/dez, AULT, M. História da sexualidade 2: o uso dos prazeres. Rio de Janeiro: Graal, O, Sílvio; KOHAN, Walter (Orgs.). Filosofia no ensino médio. Petrópolis: Vozes, O, Silvio; CORNELLI, M.; DANELON, M. (Orgs.). Filosofia do ensino de filosofia. Petrópolis: Vozes, O, Sílvio. Deleuze e a educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2003., Emmanuel. Logique. Paris: Librairie Philosophique J. Vrin, N, W; CERLETTI, Alejandro A. La filosofia em La escuela. Caminos para pensar su sentido. Buenos Aires: UBA Oficina de caciones Del C.B.C., N, Walter. Filosofia para crianças. Rio de Janeiro: DP&A, OLDO E SILVA, F. Por que filosofia no 2º Grau. Estudos Avançados, v. 6, n. 14, São Paulo, IEA/USP, OLDO E SILVA, F. Currículo e formação: o ensino de filosofia. Síntese Nova Fase, v. 20, n. 63, Belo Horizonte, OTO, I. (Org.). Didáctica da filosofia. V. I-II, Lisboa: Universidade Aberta, AIL. Salma. T. (org.). A filosofia e seu ensino. Petrópolis: Vozes; São Paulo: EDUC, EN NETO, H. (Org.). O ensino de filosofia no 2º grau. São Paulo: Sofia/SEAF, LS, Guillermo. Uma introdução ao ensino de filosofia. Ijuí: Ed. Unijuí, LS, Guillermo; Rabossi, Eduardo (comps.). La enseñanza de la filosofia em debate. México: Ediciones Nov ativas, IÈRE, J. O mestre ignorante: cinco lições sobre a emancipação intelectual. Belo Horizonte: Autêntica Editora, ORÇAMENTO RUBRICAS/DISCRIMINAÇÃO Material de Consumo Quantidade Valor Individual R$ Valor Total R$ 3

4 Total de Material de Consumo R$896,00 ceiros Pessoa Físic Total de Serviço de Terceiros Pessoa Física ceiros Pessoa Juríd Total de Serviço de Terceiros Pessoa Jurídica Passagens Total R$160,00 Diárias - Total R$120,00 4

5 Bolsa de iniciação científica Quantidade Valor Unitário R$ Valor Total R$ eiros Costa R$2 ho Andriolla da Silva R$2 R$2.400 Bolsa de Iniciação Científica - Total VALOR TOTAL DO PROJETO R$4.800,00 R$6.016,00 8. TERMO DE COMPROMISSO DO SOLICITANTE o, para fins de direito, conhecer as normas gerais fixadas pelo presente edital, pelo CNPq e pela UERN para a concessão de Bolsas iação Científica. Mossoró, 25 de maio d 5

- SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN

- SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento

Leia mais

- SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN

- SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento

Leia mais

- SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN

- SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO TRIÂNGULO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO TRIÂNGULO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC EDITAL N. º 01/2014 Convocação de Projetos de Pesquisa para Programa de Iniciação Científica Unitri A Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão (PPPGE) torna público o presente Edital de âmbito

Leia mais

EDITAL N. 58/2015 INCENTIVO

EDITAL N. 58/2015 INCENTIVO EDITAL N. 58/2015 INCENTIVO À DIVULGAÇÃO E PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS, TECNOLÓGICOS E DE INOVAÇÃO POR SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA. A Direção Geral

Leia mais

Edital para Pleito a Bolsa de Iniciação Científica da Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Minas Gerais PIBIC / FAPEMIG - 2015

Edital para Pleito a Bolsa de Iniciação Científica da Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Minas Gerais PIBIC / FAPEMIG - 2015 Edital para Pleito a Bolsa de Iniciação Científica da Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Minas Gerais PIBIC / FAPEMIG - 2015 1. Descrição Este programa procura desenvolver nos estudantes de graduação

Leia mais

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA - PIBIC TÍTULO DO PROJETO O ENSINO DA LEITURA NA ESCOLA PÚBLICA DA CIDADE DE MOSSORÓ COORDENADOR

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA - PIBIC TÍTULO DO PROJETO O ENSINO DA LEITURA NA ESCOLA PÚBLICA DA CIDADE DE MOSSORÓ COORDENADOR Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento

Leia mais

Formulário para Elaboração de Relatório de Ação Extensionista

Formulário para Elaboração de Relatório de Ação Extensionista Formulário para Elaboração de Relatório de Ação Extensionista 1. CAPA Informar instituição, unidade de ensino, departamento acadêmico, caracterização e nome da ação, local e data INTITUIÇÃO UNIDADE DE

Leia mais

EDITAL N. 57/2015. II. Incentivar a divulgação dos resultados de pesquisa e inovação realizadas no âmbito do IFRO Campus Cacoal;

EDITAL N. 57/2015. II. Incentivar a divulgação dos resultados de pesquisa e inovação realizadas no âmbito do IFRO Campus Cacoal; EDITAL N. 57/2015 INCENTIVO A DIVULGAÇÃO E PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS, TECNOLÓGICOS E DE INOVAÇÃO POR SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA CAMPUS CACOAL.

Leia mais

Didática Especial de Filosofia

Didática Especial de Filosofia CENTRO DE TEOLOGIA E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE FILOSOFIA Prof.ª Rachel Nigro 2014-1 FIL1820 Didática Especial de Filosofia rachel.nigro@gmail.com CRÉDITOS: 4 / 60 horas 2 feira - L 516 4 feira -

Leia mais

ANEXO I FORMULÁRIO DE INDICAÇÃO DE BOLSISTA

ANEXO I FORMULÁRIO DE INDICAÇÃO DE BOLSISTA Nome Completo: ANEXO I FORMULÁRIO DE INDICAÇÃO DE BOLSISTA DADOS DO COORDENADOR/ORIENTADOR Centro: E-mail: Departamento: Telefone: Endereço do Currículo Lattes: Grupo de Pesquisa: ATUAÇÃO DO DOCENTE Doutor

Leia mais

FILOSOFIA NA ESCOLA, POR QUE NÃO?

FILOSOFIA NA ESCOLA, POR QUE NÃO? FILOSOFIA NA ESCOLA, POR QUE NÃO? Bruna Jéssica da Silva Josélia dos Santos Medeiros José Teixeira Neto (UERN) Resumo: A filosofia, amor pela sabedoria, enquanto componente curricular do Ensino Médio busca,

Leia mais

EDITAL 016/2015 PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2015

EDITAL 016/2015 PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE SÃO PAULO CÂMPUS CAPIVARI EDITAL 016/2015 PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2015 O Diretor do câmpus Capivari do Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO DE FORMULÁRIO DO PIC. pic@up.com.br

MANUAL DE PREENCHIMENTO DE FORMULÁRIO DO PIC. pic@up.com.br MANUAL DE PREENCHIMENTO DE FORMULÁRIO DO PIC pic@up.com.br ACESSO AO FORMULÁRIO Somente o professor terá acesso ao formulário. Basta acessar a intranet e localizar o botão do PIC na lista de ícones de

Leia mais

O ENSINO DE FILOSOFIA NA ESCOLA BÁSICA: UMA LEITURA FOUCAULTIANA Liliana Souza de Oliveira - UFSM

O ENSINO DE FILOSOFIA NA ESCOLA BÁSICA: UMA LEITURA FOUCAULTIANA Liliana Souza de Oliveira - UFSM O ENSINO DE FILOSOFIA NA ESCOLA BÁSICA: UMA LEITURA FOUCAULTIANA Liliana Souza de Oliveira - UFSM Introdução O artigo 36 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei n. 9.394/96) determina que

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO DIRETORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO DIRETORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO DIRETORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO EDITAL Nº 49, de 06 de abril de 2015 PROCESSO DE RENOVAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA, SELEÇÃO DE NOVOS PROJETOS E SELEÇÃO DE ESTUDANTES

Leia mais

Lí Co-ORIENTADOR (Opcional) ORIENTANDO RENOVAÇÃO DE PROJETO * 1. RESUMO DO PROJETO (até 2000 caracteres com espaço)

Lí Co-ORIENTADOR (Opcional) ORIENTANDO RENOVAÇÃO DE PROJETO * 1. RESUMO DO PROJETO (até 2000 caracteres com espaço) Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO SIGPROJ VERSÃO USUÁRIO

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO SIGPROJ VERSÃO USUÁRIO GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO SIGPROJ VERSÃO USUÁRIO INTRODUÇÃO O SIGProj é um sistema para elaboração, acompanhamento e gestão de projetos. Ele foi criado e é mantido pela Universidade Federal do Mato

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EDITAL 009 /2014 PRPGP/UFSM Programa Especial de Incentivo à Pesquisa para o Servidor Mestre (PEIPSM)

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS Pró - Reitor ia de Planejamento, Gestão e Finanças Gerência de Gestão de Pessoas (62) 3328-1123 - radoc@ueg.

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS Pró - Reitor ia de Planejamento, Gestão e Finanças Gerência de Gestão de Pessoas (62) 3328-1123 - radoc@ueg. EDITAL INTERNO - PrPGF 001/2014 - A Pró-Reitoria de Planejamento, Gestão e Finanças (PrPGF) da Universidade Estadual de Goiás (UEG), tendo em vista o disposto na Resolução CsU nº 051/2013, torna público

Leia mais

EDITAL N. 001/2015 PROJETO DE PESQUISA PIBIC/PIBITI/CNPQ/UNISALESIANO 2015/2016

EDITAL N. 001/2015 PROJETO DE PESQUISA PIBIC/PIBITI/CNPQ/UNISALESIANO 2015/2016 EDITAL N. 001/2015 PROJETO DE PESQUISA PIBIC/PIBITI/CNPQ/UNISALESIANO 2015/2016 A Pró-Reitoria de Pesquisa, Extensão e Ação Comunitária, no uso de suas atribuições legais, torna público o presente edital

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

ANEXO III: Modelo de Currículo do Estudante CURRICULUM VITÆ DADOS PESSOAIS

ANEXO III: Modelo de Currículo do Estudante CURRICULUM VITÆ DADOS PESSOAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO 36570-000 - VIÇOSA - MG BRASIL Fone: (31) 3899-2149/2147 FAX: (31) 3899-2148 ANEXO III: Modelo de Currículo do Estudante CURRICULUM VITÆ DADOS PESSOAIS Nome do

Leia mais

CAPES, para exercer atividades de pesquisa e docência em temas correlatos aos desenvolvidos pelos grupos de pesquisa associados ao programa.

CAPES, para exercer atividades de pesquisa e docência em temas correlatos aos desenvolvidos pelos grupos de pesquisa associados ao programa. EDITAL 201/02 - PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTAS DE ESTÁGIO PÓS-DOUTORAL PPGAU/201 O PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARQUITETURA E URBANISMO - PPGAU está selecionando um bolsista para estágio pós-doutoral,

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI EDITAL 03/2014 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI A Pró-reitora de Pesquisa, por meio da Coordenadoria de Pesquisa da Universidade Anhembi Morumbi torna público o

Leia mais

Fundação Carmelitana Mário Palmério FACIHUS Faculdade de Ciências Humanas e Sociais

Fundação Carmelitana Mário Palmério FACIHUS Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica PIBIC/FAPEMIG/FUCAMP 2015/2016 Edital Nº 01/2015 - Convocação de Projetos de Pesquisa para Bolsas de Iniciação Científica O Núcleo de

Leia mais

BIBLIOGRAFIAS SOBRE ENSINO DE FILOSOFIA

BIBLIOGRAFIAS SOBRE ENSINO DE FILOSOFIA BIBLIOGRAFIAS SOBRE ENSINO DE FILOSOFIA Referências com base em prévia lista organizada pelo Prof. Dr. Marcos Antônio Lorieri SOBRE HISTÓRIA DA FILOSOFIA CHÂTELET, François (Org.). História da Filosofia.

Leia mais

RELATIVO AO PROCESSO SELETIVO INTERNO SIMPLIFICADO DE PROFESSOR FORMADOR PARA O PARFOR/IFPI

RELATIVO AO PROCESSO SELETIVO INTERNO SIMPLIFICADO DE PROFESSOR FORMADOR PARA O PARFOR/IFPI INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PRÓ-REITORIA DE ENSINO PROCESSO DE MATRÍCULA PARA OS CURSOS PRESENCIAIS DO PLANO NACIONAL DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA - PARFOR

Leia mais

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT CIC) DIRETRIZES

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT CIC) DIRETRIZES PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT CIC) DIRETRIZES SOBRE O PROGRAMA Em 2012 a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico

Leia mais

2.1.1 Preenchimento do formulário de inscrição. Deve ser preenchido de forma a contemplar as etapas a seguir:

2.1.1 Preenchimento do formulário de inscrição. Deve ser preenchido de forma a contemplar as etapas a seguir: EDITAL PIBITI Nº 041/2013 Goiânia, 26 de dezembro de 2013. A Universidade Federal de Goiás por intermédio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação torna público o presente edital e convida os interessados

Leia mais

EDITAL PIBIC / CNPq/ UFF 2014/2015

EDITAL PIBIC / CNPq/ UFF 2014/2015 EDITAL PIBIC / CNPq/ UFF 2014/2015 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA A Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação PROPPI torna públicas as normas para apresentação de propostas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL Nº 14/2015 PROPPG EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PARA INGRESSO DE ALUNOS

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA CAPÍTULO I - DA APRESENTAÇÃO E DOS OBJETIVOS DA INICIAÇÃO CIENTÍFICA Art. 1 - A atividade de Iniciação Científica integra o processo de ensinoaprendizagem

Leia mais

Edital nº 001/2015 PROEX/UERN

Edital nº 001/2015 PROEX/UERN Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Educação e da Cultura SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN Pró-Reitoria de Extensão PROEX Campus Universitário BR 110,

Leia mais

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS RESOLUÇÃO nº 009/CUn/2006, de 13 de junho de 2006. DISPÕE SOBRE A PROPOSIÇÃO, O ACOMPANHAMENTO E A AVALIAÇÃO DAS ATIVIDADES DE PESQUISA NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. O PRESIDENTE DO CONSELHO

Leia mais

Edital n 015/2015 PROEX/UERN

Edital n 015/2015 PROEX/UERN Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Educação e da Cultura SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN Pró-Reitoria de Extensão PROEX Campus Universitário BR 110,

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO DA USC PIBIC/PIBITI 2013/2014

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO DA USC PIBIC/PIBITI 2013/2014 PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO DA USC PIBIC/PIBITI 2013/2014 A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade do Sagrado Coração torna público o

Leia mais

MESTRADO PROFISSIONAL EM FILOSOFIA (PROF-FILO) (em Rede Nacional)

MESTRADO PROFISSIONAL EM FILOSOFIA (PROF-FILO) (em Rede Nacional) MESTRADO PROFISSIONAL EM FILOSOFIA (PROF-FILO) (em Rede Nacional) Instituição Sede: Universidade Federal do Paraná (UFPR). Área de Concentração: Ensino de Filosofia. CARACTERIZAÇÃO DA PROPOSTA Contextualização

Leia mais

EDITAL nº 04, de 06 de janeiro de 2015

EDITAL nº 04, de 06 de janeiro de 2015 EDITAL nº 04, de 06 de janeiro de 2015 EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS RELATIVOS A NÚCLEOS DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS E CONCESSÃO DE BOLSAS DE EXTENSÃO E INICIAÇÃO CIENTÍFICA PARA NEABI -

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 25/11-CEPE R E S O L V E:

RESOLUÇÃO Nº 25/11-CEPE R E S O L V E: RESOLUÇÃO Nº 25/11-CEPE Fixa normas para execução do Programa Bolsa Extensão da Universidade Federal do Paraná. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO da Universidade Federal do Paraná, órgão normativo,

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIC/PIBITI/UniCEUB EDITAL DE 2015

PROGRAMA DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIC/PIBITI/UniCEUB EDITAL DE 2015 PROGRAMA DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIC/PIBITI/UniCEUB EDITAL DE 2015 O reitor do Centro Universitário de Brasília UniCEUB, no uso de suas atribuições legais e estatutárias,

Leia mais

COORDENADOR Co-ORIENTADOR (Opcional) ORIENTANDO RENOVAÇÃO DE PROJETO * 1. RESUMO DO PROJETO (até 2000 caracteres com espaço)

COORDENADOR Co-ORIENTADOR (Opcional) ORIENTANDO RENOVAÇÃO DE PROJETO * 1. RESUMO DO PROJETO (até 2000 caracteres com espaço) Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento

Leia mais

Edital 005/2015 PROEX / UERN

Edital 005/2015 PROEX / UERN Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Educação e da Cultura SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN Pró-Reitoria de Extensão PROEX Campus Universitário BR 110,

Leia mais

PROGRAMA DE INCENTIVO À PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA NO CAMPUS ARARANGUÁ DO IF-SC EDITAL INTERNO- N0 XX/2010

PROGRAMA DE INCENTIVO À PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA NO CAMPUS ARARANGUÁ DO IF-SC EDITAL INTERNO- N0 XX/2010 PROGRAMA DE INCENTIVO À PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA NO DO IF-SC EDITAL INTERNO- N0 XX/2010 CHAMADA DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA EXECUÇÃO: 19 DE ABRIL DE 2010 A 10 DE MAIO DE 2010

Leia mais

Universidade do Estado do Rio Grande do Norte

Universidade do Estado do Rio Grande do Norte Universidade do Estado do Rio Grande do Norte Ensino Superior para Todos!!! Capilaridade Geográfica A UERN desenvolve atividades em todas as regiões geográficas do Rio Grande do Norte, a partir de 6 Campi,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA EDITAL 01/2015 PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DTORADO 2015 O Programa de Pós-Graduação em

Leia mais

Programa Voluntário de Iniciação Científica e Tecnológica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro PIVIC IFTM

Programa Voluntário de Iniciação Científica e Tecnológica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro PIVIC IFTM INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA TRIÂNGULO MINEIRO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO Programa Voluntário de Iniciação Científica e Tecnológica do Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

RETIFICAÇÃO DE EDITAIS

RETIFICAÇÃO DE EDITAIS RETIFICAÇÃO DE EDITAIS A Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (PRPI) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), no uso de suas atribuições, resolve RETIFICAR

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE PLANO DE ENSINO Curso: "Formação Continuada de Professores da UFCSPA Carga horária: 30 horas/aula Docentes responsáveis: Márcia Rosa da Costa e

Leia mais

EDITAL PIBIC CNPq 001/2015 PERÍODO 2015/2016

EDITAL PIBIC CNPq 001/2015 PERÍODO 2015/2016 EDITAL PIBIC CNPq 001/2015 PERÍODO 2015/2016 O Centro Universitário Municipal de Franca Uni-FACEF, juntamente com o Comitê Institucional Interno, divulgam as informações para o processo de seleção no PIBIC

Leia mais

O TRABALHO DE MONOGRAFIA

O TRABALHO DE MONOGRAFIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS Módulo VI-a 27 a 29 de janeiro de 2011 O TRABALHO DE MONOGRAFIA PRINCÍPIO PARA O CONHECIMENTO E A FORMAÇÃO PROFISSIONAL Prof. Ms. Adriana Fernandes

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REPRODUÇÃO, SANIDADE E BEM-ESTAR ANIMAL. (MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO) SELEÇÃO TURMA 2014/2015

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REPRODUÇÃO, SANIDADE E BEM-ESTAR ANIMAL. (MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO) SELEÇÃO TURMA 2014/2015 PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REPRODUÇÃO, SANIDADE E BEM-ESTAR ANIMAL. (MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO) SELEÇÃO TURMA 2014/2015 EDITAL DPPG N. 09/2013 A DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE

Leia mais

EDITAL PICVOL UNITAU Período: agosto 2015 julho 2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NA UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ

EDITAL PICVOL UNITAU Período: agosto 2015 julho 2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NA UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ EDITAL PICVOL UNITAU Período: agosto 2015 julho 2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NA UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ DEFINIÇÃO O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia - IFRO Câmpus Colorado do Oeste Departamento de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação - DEPIPG EDITAL Nº 01 DE 10 DE MARÇO DE 2015 Edital para

Leia mais

EDITAL CEAD/UDESC Nº 019/2013 - PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO. PARA SELEÇÃO DE PROFESSOR PESQUISADOR I e II

EDITAL CEAD/UDESC Nº 019/2013 - PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO. PARA SELEÇÃO DE PROFESSOR PESQUISADOR I e II EDITAL CEAD/UDESC Nº 09/203 - PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA SELEÇÃO DE PROFESSOR PESQUISADOR I e II O Diretor Geral do CEAD - Centro de Educação a Distância da UDESC -, professor Marcus Tomasi, no

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EDITAL 024/2015 PRPGP/UFSM Programa PROIC-HUSM Programa de Bolsas de Iniciação Científica ou Auxílio

Leia mais

Nome do candidato TÍTULO DO PROJETO

Nome do candidato TÍTULO DO PROJETO Nome do candidato TÍTULO DO PROJETO Projeto de Pesquisa apresentado ao Programa de Pós- Graduação em Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria como requisito parcial para a seleção de ingresso

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI, Campus ITABIRA

EDITAL Nº 001/2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI, Campus ITABIRA EDITAL Nº 001/2015 SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI, Campus ITABIRA 1. OBJETIVO: O presente Edital tem por objetivo selecionar

Leia mais

EDITAL Nº 02 de 21 de novembro de 2012

EDITAL Nº 02 de 21 de novembro de 2012 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO- CAMPUS RIO VERDE DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIBIC/CNPq/IFGOIANO) PROGRAMA INSTITUCIONAL

Leia mais

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA - PIBIC Análise de Protocolos de Roteamento para Redes Mesh Glaucia Melissa Medeiros Campos

FORMULÁRIO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA - PIBIC Análise de Protocolos de Roteamento para Redes Mesh Glaucia Melissa Medeiros Campos Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretariado de Estado da Educação e Cultura - SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - UERN Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG Departamento

Leia mais

Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação científica para o período de 2015-2016

Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação científica para o período de 2015-2016 Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação científica para o período de 2015-2016 O Comitê Institucional dos Programas de Iniciação Científica (CIPIC) da Universidade Federal de Ciências

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS PROGRAMA INGLÊS SEM FRONTEIRAS EDITAL 13/2013

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS PROGRAMA INGLÊS SEM FRONTEIRAS EDITAL 13/2013 PROGRAMA INGLÊS SEM FRONTEIRAS EDITAL 13/2013 Vitória, 21 de novembro de 2013 APRESENTAÇÃO A Secretaria de Relações Internacionais (SRI) da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), no uso de suas

Leia mais

ADITIVO AO EDITAL PRPG/UFLA N o 06/2012 PROCESSO SELETIVO DO PPGAP PARA INGRESSO EM 2013/1 MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

ADITIVO AO EDITAL PRPG/UFLA N o 06/2012 PROCESSO SELETIVO DO PPGAP PARA INGRESSO EM 2013/1 MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA ADITIVO AO EDITAL PRPG/UFLA N o 06/2012 PROCESSO

Leia mais

Proponente: Associação Paranaense de Cultura Executor: Pontifícia Universidade Católica do Paraná

Proponente: Associação Paranaense de Cultura Executor: Pontifícia Universidade Católica do Paraná Proponente: Associação Paranaense de Cultura Executor: Pontifícia Universidade Católica do Paraná Metodologias de Avaliação de Estratégias de Promoção de Saúde no Brasil Março 2006 1. Justificativa A avaliação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015. EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS E VOLUNTARIADO EM INICIAÇÃO CIENTÍFICA NAS AÇÕES AFIRMATIVAS (ENSINO

Leia mais

EDITAL PROPEG Nº 005/2013 EXAME DE SELEÇÃO PARA A 5ª TURMA DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENFERMAGEM OBSTÉTRICA - CEEO - VAGAS REMANESCENTES

EDITAL PROPEG Nº 005/2013 EXAME DE SELEÇÃO PARA A 5ª TURMA DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENFERMAGEM OBSTÉTRICA - CEEO - VAGAS REMANESCENTES 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DO DESPORTO SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO ACRE EDITAL PROPEG Nº 005/2013 EXAME DE SELEÇÃO PARA A

Leia mais

EDITAL Nº 001/2014. Quotas disponíveis na data deste Edital

EDITAL Nº 001/2014. Quotas disponíveis na data deste Edital EDITAL Nº 001/014 A Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Direito da UFMG faz saber que estarão abertas as inscrições para concessão de bolsas de Mestrado e de Doutorado pelas agências de fomento

Leia mais

Programa Institucional de Bolsas e Auxílios para Ações de Extensão. PIBAEX

Programa Institucional de Bolsas e Auxílios para Ações de Extensão. PIBAEX Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul Programa Institucional de Bolsas e Auxílios para Ações de Extensão. PIBAEX MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Profissional

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MÍDIAS NA EDUCAÇÃO MARIA MAZUR

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MÍDIAS NA EDUCAÇÃO MARIA MAZUR UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MÍDIAS NA EDUCAÇÃO MARIA MAZUR A INFORMÁTICA E A MÍDIA IMPRESSA: COMO ELAS PODEM Prudentópolis 2013 MARIA MAZUR A INFORMÁTICA

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROEXAE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE EXTENSÃO - PIBEX EDITAL Nº 006/2015 PROEXAE/UEMA

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROEXAE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE EXTENSÃO - PIBEX EDITAL Nº 006/2015 PROEXAE/UEMA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROEXAE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE EXTENSÃO - PIBEX EDITAL Nº 006/2015 PROEXAE/UEMA A Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Estudantis da Universidade

Leia mais

EDITAL Nº 057, de 18 de dezembro de 2015

EDITAL Nº 057, de 18 de dezembro de 2015 EDITAL Nº 057, de 18 de dezembro de 2015 SELEÇÃO PÚBLICA DE DOCENTES DO CURSO DE DIREITO O Diretor Geral da Faculdade de Direito de Santa Maria FADISMA, devidamente autorizado por sua Mantenedora Pró-Ensino

Leia mais

O PERFIL DOS PROFESSORES DE SOCIOLOGIA NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE FORTALEZA-CE

O PERFIL DOS PROFESSORES DE SOCIOLOGIA NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE FORTALEZA-CE O PERFIL DOS PROFESSORES DE SOCIOLOGIA NAS ESCOLAS ESTADUAIS DE FORTALEZA-CE José Anchieta de Souza Filho 1 Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) josanchietas@gmail.com Introdução Analisamos

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 106, de 21 de dezembro de 2012

RESOLUÇÃO nº 106, de 21 de dezembro de 2012 RESOLUÇÃO nº 106, de 21 de dezembro de 2012 Dispõe sobre o processo de seleção interno de docentes para ministrar as disciplinas/módulos/unidade de aprendizagem ou educacional, constantes da estrutura

Leia mais

2 DA ETAPA DE SELEÇÃO DOS ORIENTADORES

2 DA ETAPA DE SELEÇÃO DOS ORIENTADORES EDITAL 2014 Estabelece inscrições para o Programa de Iniciação Científica da Faculdade de Tecnologia Intensiva FATECI. O Diretor Geral da Faculdade de Tecnologia Intensiva FATECI, Prof. Clauder Ciarlini

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 84, DE 23 DE JULHO DE

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 84, DE 23 DE JULHO DE O Diretor Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus São Luís Centro Histórico, no uso de suas atribuições, torna público que estarão abertas no período de 24/07/2014

Leia mais

FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS

FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS- DOUTORADO DA CAPES O Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais

Leia mais

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições,

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições, RESOLUÇÃO Nº 07/2014 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO Aprova a estrutura curricular contida no Projeto Pedagógico do Curso

Leia mais

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NO BRASIL, EVASÃO ESCOLAR E TRANSIÇÃO PARA O MUNDO DO TRABALHO

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NO BRASIL, EVASÃO ESCOLAR E TRANSIÇÃO PARA O MUNDO DO TRABALHO 1 EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NO BRASIL, EVASÃO ESCOLAR E TRANSIÇÃO PARA O MUNDO DO TRABALHO MACHADO, Marcela, R.L. MOREIRA, Priscila R. Faculdade de Educação Universidade Federal de Minas Gerais RESUMO: Este

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 06/2013 PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO PRA PROJETOS DE PESQUISA DA UFAC

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 06/2013 PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO PRA PROJETOS DE PESQUISA DA UFAC EDITAL DE SELEÇÃO Nº 06/2013 PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO PRA PROJETOS DE PESQUISA DA UFAC A Universidade Federal do Acre - UFAC, através da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEG, bem como da

Leia mais

EDITAL N. 03/2014 Coordenação de Pesquisa e Iniciação Científica PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL N. 03/2014 Coordenação de Pesquisa e Iniciação Científica PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL N. 03/2014 Coordenação de Pesquisa e Iniciação Científica PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA De forma a atender o que preconiza a RESOLUÇÃO Nº. 13/2012 CEPE, a Coordenação de Pesquisa e Iniciação

Leia mais

Palavras-Chave: Projeto Político-Pedagógico; Prática Pedagógica; Currículo Interdisciplinar; Proposta Pedagógica.

Palavras-Chave: Projeto Político-Pedagógico; Prática Pedagógica; Currículo Interdisciplinar; Proposta Pedagógica. A PRÁTICA PEDAGÓGICA DO LICEU ESCOLA DE ARTES E OFÍCIOS MESTRE RAIMUNDO CARDOSO: UM ESTUDO AVALIATIVO JUNTO A PROFESSORES E ALUNOS *Alcemir Pantoja Rodrigues ** Arlete Marinho Gonçalves Universidade do

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO COORDENADORIA DE PROJETOS EDITAL 002/2014

PRÓ-REITORIA DE INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO COORDENADORIA DE PROJETOS EDITAL 002/2014 PRÓ-REITORIA DE INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO COORDENADORIA DE PROJETOS EDITAL 002/2014 1. Abertura Abertura de inscrições para o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Tecnológica e Inovação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO- PIBITI 2014 O Programa Institucional de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI) da UFES é um programa

Leia mais

Edital nº 01/2015 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE MESTRADO E DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIAS

Edital nº 01/2015 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE MESTRADO E DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIAS Edital nº 01/2015 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE MESTRADO E DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOCIÊNCIAS 1. PREÂMBULO 1.1 A Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 032 CONSUPER/2012

RESOLUÇÃO Nº 032 CONSUPER/2012 RESOLUÇÃO Nº 032 CONSUPER/2012 Dispõe sobre alterações na Regulamentação de apoio à pesquisa do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense. O Presidente do do Instituto Federal de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL Nº 13/2015 PROPPG EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PARA INGRESSO DE ALUNO BOLSISTA NO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 004/2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI Campus ITABIRA

EDITAL Nº 004/2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI Campus ITABIRA EDITAL Nº 004/2015 SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI Campus ITABIRA 1. OBJETIVO: 1.1 - O presente Edital tem por objetivo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA AGRÍCOLA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA AGRÍCOLA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA AGRÍCOLA SELEÇÃO ENGENHARIA AGRÍCOLA EDITAL N o 03/2014 02 de maio

Leia mais

EDITAL Nº 018/2015 PROEX/UERN SELEÇÃO DE BOLSA DE EXTENSÃO E ALUNOS VOLUNTÁRIOS PARA O FESTUERN 2015

EDITAL Nº 018/2015 PROEX/UERN SELEÇÃO DE BOLSA DE EXTENSÃO E ALUNOS VOLUNTÁRIOS PARA O FESTUERN 2015 Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Educação e da Cultura SEEC UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN Pró-Reitoria de Extensão PROEX Campus Universitário BR 110,

Leia mais

RETIFICAÇÃO EDITAL N.º 01/2015/UNIVSOL SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA O PROJETO DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE SOLIDÁRIA - UNIVSOL

RETIFICAÇÃO EDITAL N.º 01/2015/UNIVSOL SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA O PROJETO DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE SOLIDÁRIA - UNIVSOL RETIFICAÇÃO EDITAL N.º 01/2015/UNIVSOL SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA O PROJETO DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE SOLIDÁRIA - UNIVSOL O Departamento Acadêmico de do campus de Vilhena e o Projeto de Extensão Universidade

Leia mais

Orientações para a elaboração dos projetos de pesquisa (Iniciação científica)

Orientações para a elaboração dos projetos de pesquisa (Iniciação científica) GRUPO PAIDÉIA FE/UNICAMP Linha: Episteduc Coordenador: Prof. Dr. Silvio Sánchez Gamboa Orientações para a elaboração dos projetos de pesquisa (Iniciação científica) Os projetos de pesquisa se caracterizam

Leia mais

EDITAL Nº 02/2012 PROPP/UEMS/MCT/FINEP/CT- INFRA PROINFRA 01/2011

EDITAL Nº 02/2012 PROPP/UEMS/MCT/FINEP/CT- INFRA PROINFRA 01/2011 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DIVISÃO DE PESQUISA EDITAL Nº 02/2012 PROPP/UEMS/MCT/FINEP/CT- INFRA PROINFRA 01/2011 SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA APOIO

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC PIC - UNIG Capítulo I Das Finalidades Art. 1º A iniciação científica é uma atividade oferecida

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC PIC - UNIG Capítulo I Das Finalidades Art. 1º A iniciação científica é uma atividade oferecida REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC PIC - UNIG Capítulo I Das Finalidades Art. 1º A iniciação científica é uma atividade oferecida com intuito de estimular vocação e identificar talentos

Leia mais

Projeto de Monitoria. do Desenho Urbanos. Plano de Trabalho 2012

Projeto de Monitoria. do Desenho Urbanos. Plano de Trabalho 2012 Projeto de Monitoria para a disciplina Fundamentos do Planejamento e do Desenho Urbanos Plano de Trabalho 2012 Plano de Trabalho para composição do Projeto de Monitoria do CTRN, em cumprimento às exigências

Leia mais

EDITAL Nº 01, DE 22 DE OUTUBRO DE 2012 PROCESSO SELETIVO PARA 2013.1

EDITAL Nº 01, DE 22 DE OUTUBRO DE 2012 PROCESSO SELETIVO PARA 2013.1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA EDITAL Nº 01, DE 22 DE OUTUBRO DE 2012 PROCESSO SELETIVO PARA 2013.1 A Coordenadora do Programa

Leia mais

AS CONTRIBUIÇÕES DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR UNIVERSITÁRIO

AS CONTRIBUIÇÕES DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR UNIVERSITÁRIO AS CONTRIBUIÇÕES DA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR UNIVERSITÁRIO EDILEUZA DE FREITAS MIRANDA DE MENDONÇA Universidade Estadual de Goiás (Brasil) Campus BR 153, Km 98, CEP: 75001-970

Leia mais

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA SECRETARIA DE ASSUNTOS LEGISLATIVOS EDITAL SAL/MJ Nº 03, DE 14 DE JANEIRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA SECRETARIA DE ASSUNTOS LEGISLATIVOS EDITAL SAL/MJ Nº 03, DE 14 DE JANEIRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA SECRETARIA DE ASSUNTOS LEGISLATIVOS EDITAL SAL/MJ Nº 03, DE 4 DE JANEIRO DE 205 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Projeto BRA/07/004 Seleciona: Consultor para identificação das melhores

Leia mais

CUIDAR, EDUCAR E BRINCAR: REFLETINDO SOBRE A ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO PEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

CUIDAR, EDUCAR E BRINCAR: REFLETINDO SOBRE A ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO PEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL CUIDAR, EDUCAR E BRINCAR: REFLETINDO SOBRE A ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO PEDAGÓGICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL Gislaine Franco de Moura (UEL) gislaine.franco.moura@gmail.com Gilmara Lupion Moreno (UEL) gilmaralupion@uel.br

Leia mais

Programa Binacional Centros Associados de Pós-graduação Brasil/Argentina - (CAPG/BA) Edital CGCI n. /2008

Programa Binacional Centros Associados de Pós-graduação Brasil/Argentina - (CAPG/BA) Edital CGCI n. /2008 Programa Binacional Centros Associados de Pós-graduação Brasil/Argentina - (CAPG/BA) Edital CGCI n. /2008 1 Do programa e objetivo 1.1 O Programa CAPG/BA (Programa de Centros Associados de Pós-Graduação),

Leia mais