AVALIAR. É refletir sobre uma determinada realidade a partir de dados e informações, e emitir um julgamento que possibilite uma ação.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AVALIAR. É refletir sobre uma determinada realidade a partir de dados e informações, e emitir um julgamento que possibilite uma ação."

Transcrição

1

2 O que é Avaliação?

3 Conceito de Avaliação AVALIAR É refletir sobre uma determinada realidade a partir de dados e informações, e emitir um julgamento que possibilite uma ação.

4 Quebra de paradigmas

5 Tipos de Avaliação Avaliação Diagnóstica Formativa Somativa Interna Escola Externa Sistemas Interna Escola Externa Sistemas Interna Escola Externa Sistemas Pequena escala Larga escala

6 AVALIAÇÃO EDUCACIONAL Avaliação Interna/Escola Avaliação Externa/Sistemas Processo da aprendizagem Desempenho dos alunos Provas abertas Provas objetivas Observação/Registro Portfólio Testes de proficiência Questionários contextuais TEORIA CLÁSSICA TEORIA DA RESPOSTA AO ITEM

7 Metodologia de análise Teoria de Resposta ao Item Os três parâmetros da TRI:

8 Metodologia de análise Vantagens da TRI A TRI nos permite: Comparar resultados de diferentes avaliações, como o SAEB. Avaliar com alto grau de precisão a proficiência de alunos em amplas áreas do conhecimento sem submetê-los a longos testes. Comparar os resultados entre diferentes séries, como o início e fim do Ensino Médio.

9 Objetivos da Avaliação Externa Melhor eficiência do trabalho desenvolvido em cada unidade escolar Monitoramento do desempenho dos alunos Avaliação Externa em Larga Escala Acompanhamento, ao longo do tempo, da qualidade da educação ofertada Identificação de fatores intra e extra-escolares que interferem no desempenho dos alunos

10 Uso dos resultados

11 Como é feita a Avaliação?

12 Matriz de Referência Item

13 Exemplo de uma matriz de referência

14

15 Como trabalhar com os resultados da avaliação?

16 Padrões de desempenho

17 Abaixo do Básico Os alunos que se encontram nesse padrão de desempenho conseguem identificar as funções, ligações e comandos simples em máquinas, equipamentos e dispositivos elétricos; Reconhecer partes de um desenho técnico, simbologia normatizada, diagramas de eletricidade; Reconhecer a importância da reciclagem de resíduos de materiais elétricos, da sustentabilidade, da segurança no trabalho e das normas no uso da energia elétrica. Básico Os alunos que se encontram nesse padrão de desempenho conseguem identificar as partes constituintes dos sistemas e equipamentos elétricos de Potência (Baixa Tensão e Alta Tensão), diagramas, formas de acionamentos e princípios básicos de máquinas elétricas, Proceder através de medidas de proteção individual e coletiva na desenergização elétrica conforme estabelece a NR; aterramento de Sistemas Elétricos e preservar o meio ambiente. Reconhecer a NBR 5410 relacionado a identificação de fios e cabos para instalação elétrica predial.

18 Adequado Os alunos que se encontram nesse padrão de desempenho conseguem analisar diagramas elétricos; Identificar e utilizar equipamentos de medidas elétricas; Reconhecer parâmetros para cálculos luminotécnicos com auxílio de tabela; Interpretar a simbologia utilizada em diagramas de instalações e comandos elétricos; Interpretar e elaborar diagramas elétricos em linguagem Ladder para sistemas de partida de motores e automação; Reconhecer propriedades básicas de relação de transformação do transformador; Identificar os tipos de ligação dos motores de indução.associar procedimentos de manutenção elétrica aos instrumentos utilizados nessa prática; Reconhecer as relações entre tensões nos sistemas elétricos trifásicos; Calcular e relacionar potência elétrica em suas componentes ativa, reativa e aparente; Utilizar gráficos na resolução de problemas relativos ao consumo de energia elétrica; Reconhecer as características construtivas de componentes de proteção elétrica; Reconhecer os princípios aplicados em projetos de SPDA ; Reconhecer normas de aplicação de equipamentos em ambientes especiais; Reconhecer fenômenos eletromagnéticos em linhas de transmissão; Resolver problema de um circuito eletrônico.

19 Avançado Os alunos que se encontram nesse padrão de desempenho conseguem: Resolver problemas de circuitos elétricos de corrente contínua e alternada, no domínio do tempo e dos fasores, associações, utilizando leis e técnicas. Operar circuitos monofásicos e trifásicos que contenham transformadores, sequência de fases, potencias, cálculo de consumo de energia e correção do fator de potência. Reconhecer propriedades básicas, classificação, interpretação de placas das máquinas elétricas de corrente contínua e alternada, transformadores e tipos de ligações. Reconhecer circuitos de comando e controle de proteção e operação das máquinas elétricas monofásicas e trifásicas. Resolver problemas de magnetismo, eletromagnetismo e suas aplicações; Reconhecer as finalidades, características e métodos de manutenção dos circuitos de instalação elétrica e dos equipamentos de proteção; Reconhecer os fatores que interferem na qualidade da energia elétrica; Conhecer a NBR 5410, NR-10, SEP e suas recomendações. Reconhecer as funções lógicas básicas a partir da tabela verdade, operar expressão Booleana; Analisar o comportamento do retificador trifásico de onda completa em ponte, alimentado por sistema trifásico; Interpretar operações em um diagrama de controle; Reconhecer e relacionar recursos humanos e financeiros.

20 Avaliação Educacional Dimensões avaliadas

21 Fatores Associados ao Desempenho Fatores Extraescolares Fatores Intraescolares Fatores socioeconômicos Fatores familiares Fatores individuais Gestão e administração Prática pedagógica Condições de infraestrutura Qualificação dos profissionais

22 Canais de Comunicação

23 Publicações previstas para 2012 Volume 1 Volume 2 Volume 3 Volume 4 Fundamentos e Características da Avaliação Apresenta informações básicas sobre a avaliação e perfil de estudantes e professores. Relatório Geral Apresenta resultados gerais da avaliação e traz análises com enfoque para gestores. Relatório Pedagógico. Apresenta os resultados da escola com textos de suporte pedagógico para professores e coordenadores. Sumário executivo. Apresenta uma síntese de todos os resultados da avaliação, inclusive com dados dos questionários contextuais.

24 Volume 1 Relatório do Sistema

25 Volume 2 Revista do Diretório Regional

26 Volume 3 Relatório Pedagógico

27 Portal da Avaliação

O CAEd está organizado em cinco unidades:

O CAEd está organizado em cinco unidades: O Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação (CAEd), da Universidade Federal de Juiz de Fora, é uma instituição que operacionaliza (elabora e desenvolve) programas estaduais e municipais destinados

Leia mais

Curso Técnico Subsequente em Eletrotécnica MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 320h. Módulo/Semestre 2 Carga horária total: 320h

Curso Técnico Subsequente em Eletrotécnica MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 320h. Módulo/Semestre 2 Carga horária total: 320h Curso Técnico Subsequente em Eletrotécnica CÂMPUS CRICIÚMA MATRIZ CURRICULAR Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 320h Matemática Básica 64h - Eletricidade 64h - Medidas Elétricas I 32h - Desenho Técnico

Leia mais

Curso Técnico Concomitante em Eletroeletrônica Nome do Curso MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 300h

Curso Técnico Concomitante em Eletroeletrônica Nome do Curso MATRIZ CURRICULAR. Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 300h Curso Técnico Concomitante em Eletroeletrônica Nome do Curso CÂMPUS JOINVILLE MATRIZ CURRICULAR Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 300h Desenho Medidas Elétricas Eletrônica Digital I Fundamentos Tecnológicos

Leia mais

Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 300h

Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 300h Curso Técnico Subsequente em Eletrotécnica CÂMPUS Jaraguá do Sul GW MATRIZ CURRICULAR Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 300h Unidade Curricular Comunicação Técnica C/H Semestral Pré-Requisito Eletricidade

Leia mais

Oficina de Apropriação de Resultados de Matemática. Paebes 2013

Oficina de Apropriação de Resultados de Matemática. Paebes 2013 Oficina de Apropriação de Resultados de Matemática Paebes 2013 Paebes 2013 Conhecendo o outro.. Expectativas... Paebes 2013 OBJETIVOS DA OFICINA Objetivo geral: Analisar e interpretar resultados da avaliação

Leia mais

Comandos elétricos para motores com ênfase em partida com reversão

Comandos elétricos para motores com ênfase em partida com reversão Projeto Pedagógico do Curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Comandos elétricos para motores com ênfase em partida com reversão Modalidade: presencial, semipresencial Projeto Pedagógico do Curso

Leia mais

TRI TRILHAS. Telecomunicações. Eletrônica. Sistemas de Potência e Energia 100% COMPARTILHADO. Engenharia. Engenharia. de Produção.

TRI TRILHAS. Telecomunicações. Eletrônica. Sistemas de Potência e Energia 100% COMPARTILHADO. Engenharia. Engenharia. de Produção. Biomédica da Computação Elétrica de Produção Ambiental De 45 a 85% de compartilhamento de disciplinas Módulo Fundamentos 100% COMPARTILHADO Módulo Básico Comum à todas as s Civil Química de Alimentos TRI

Leia mais

O que o SAEP avalia? Avaliar apenas uma dessas dimensões é tomar a realidade de forma parcial. Aprendizagem. Currículo. Institucional.

O que o SAEP avalia? Avaliar apenas uma dessas dimensões é tomar a realidade de forma parcial. Aprendizagem. Currículo. Institucional. Aprendizagem (sala de aula) O que o SAEP avalia? Currículo Perfil profissional Institucional Gestão Sistema educacional Avaliar apenas uma dessas dimensões é tomar a realidade de forma parcial Avaliação

Leia mais

OBJETIVOS. 2. Apresentação dos componentes do Sistema Elétrico de Potência - Geração,

OBJETIVOS. 2. Apresentação dos componentes do Sistema Elétrico de Potência - Geração, PLANO DE DISCIPLINA NOME DO COMPONENTE CURRICULAR: Instalações Elétricas Prediais CURSO: Técnico em Eletrotécnica PERÍODO: 2º CARGA HORÁRIA: 67h DOCENTE RESPONSÁVEL: EMENTA Apresentação dos componentes

Leia mais

PLANO DE DISCIPLINA NOME DO COMPONENTE CURRICULAR:

PLANO DE DISCIPLINA NOME DO COMPONENTE CURRICULAR: PLANO DE DISCIPLINA NOME DO COMPONENTE CURRICULAR: Instalações Elétricas Prediais CURSO: TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO PERÍODO: 2º Ano CARGA HORÁRIA: 100 h.r DOCENTE RESPONSÁVEL: EMENTA

Leia mais

Oficina de divulgação. Educacional do Estado de Goiás. Mirian Carvalho

Oficina de divulgação. Educacional do Estado de Goiás. Mirian Carvalho Oficina de divulgação de resultados do Sistema de Avaliação Educacional do Estado de Goiás Mirian Carvalho O CAEd CAEd - O Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de

Leia mais

Metrologia 30 Não há Eletricidade 60 Não há Tecnologia dos Materiais I 30 Não há

Metrologia 30 Não há Eletricidade 60 Não há Tecnologia dos Materiais I 30 Não há Curso Técnico Subsequente em Eletromecânica Técnico em Eletromecânica CÂMPUS LAGES MATRIZ CURRICULAR Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 285h Introdução à Eletromecânica 15 Não há Qualidade, meio ambiente,

Leia mais

CURSO: ENGENHARIA ELÉTRICA EMENTAS PERÍODO

CURSO: ENGENHARIA ELÉTRICA EMENTAS PERÍODO CURSO: ENGENHARIA ELÉTRICA EMENTAS 2016.1 1 PERÍODO DISCIPLINA: INTRODUÇÃO AO CÁLCULO DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DE FÍSICA DISCIPLINA: REPRESENTAÇÃO GRÁFICA DISCIPLINA: INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DISCIPLINA:

Leia mais

Um estudo dos Componentes e Equipamentos Elétricos e Eletrônicos aplicados em engenharia Civil.

Um estudo dos Componentes e Equipamentos Elétricos e Eletrônicos aplicados em engenharia Civil. Unidade Universitária Escola de Engenharia Curso Engenharia Mecânica Disciplina Eletricidade Professor(es) Teoria: Paulo Guerra Junior Laboratório: José Gomes e Francisco Sukys Carga horária 4 Código da

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 233 aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13/09/2013 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 2016 Plano de Curso nº 089 aprovado pela portaria Cetec nº 728 de 10/09/2015 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município:

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 233 aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13/09/2013 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e

Leia mais

Sumário. CAPÍTULO 1 A Natureza da Eletricidade 13. CAPÍTULO 2 Padronizações e Convenções em Eletricidade 27. CAPÍTULO 3 Lei de Ohm e Potência 51

Sumário. CAPÍTULO 1 A Natureza da Eletricidade 13. CAPÍTULO 2 Padronizações e Convenções em Eletricidade 27. CAPÍTULO 3 Lei de Ohm e Potência 51 Sumário CAPÍTULO 1 A Natureza da Eletricidade 13 Estrutura do átomo 13 Carga elétrica 15 Unidade coulomb 16 Campo eletrostático 16 Diferença de potencial 17 Corrente 17 Fluxo de corrente 18 Fontes de eletricidade

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico Plano de Curso nº 95 aprovado pela portaria Cetec nº 38 de 30/10/2009 Etec Sylvio de Mattos Carvalho Código: 103 Município: Matão Eixo Tecnológico: Controle

Leia mais

Curso Técnico em Eletrônica Subsequente CAMPUS FLORIANÓPOLIS Instrumentos Regulatórios: Resolução CEPE/IFSC nº 27, de 19 de junho de 2015.

Curso Técnico em Eletrônica Subsequente CAMPUS FLORIANÓPOLIS Instrumentos Regulatórios: Resolução CEPE/IFSC nº 27, de 19 de junho de 2015. Curso Técnico em Eletrônica Subsequente CAMPUS FLORIANÓPOLIS Instrumentos Regulatórios: Resolução CEPE/IFSC nº 27, de 19 de junho de 2015. GRADE CURRICULAR Módulo 1 Carga horária total: 320h Eletricidade

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 233 aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13/09/2013 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 239 aprovado pela portaria Cetec nº 728 de 10/09/2015 Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 233aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13/09/2013 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município:São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e Processos

Leia mais

PLANO DE DISCIPLINA NOME DO COMPONENTE CURRICULAR:

PLANO DE DISCIPLINA NOME DO COMPONENTE CURRICULAR: PLANO DE DISCIPLINA NOME DO COMPONENTE CURRICULAR: Instalações Elétricas Prediais CURSO: TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO PERÍODO: 2º Ano CARGA HORÁRIA: 100 h.r DOCENTE RESPONSÁVEL: EMENTA

Leia mais

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA CURRÍCULO PLENO BACHARELADO 1 CICLO/MÓDULO A Ciências Exatas I Cálculo Diferencial 06 0 06 120 Desenho Técnico 0 02 02 40 Física I Mecânica da Partícula 04 02 06 120 Projeto

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Técnico em Mecatrônica na modalidade Concomitante

PLANO DE ENSINO. Técnico em Mecatrônica na modalidade Concomitante PLANO DE ENSINO 1. CURSO Técnico em Mecatrônica na modalidade Concomitante 2. DISCIPLINA / COMPONENTE CURRÍCULAR NOME: Instalações e Comandos Elétricos CARGA HORÁRIA: 60 h (80horas/aulas) MÓDULO OU FASE:

Leia mais

PEA 2401 LABORATÓRIO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS I

PEA 2401 LABORATÓRIO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS I PEA 2401 LABORATÓRIO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS I 1 OBJETIVO DA DISCIPLINA A disciplina tem por objetivo apresentar as bases teóricas e as aplicações dos principais dispositivos, materiais e equipamentos

Leia mais

ANEXO: ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DA UFCG

ANEXO: ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DA UFCG ANEXO: ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DA UFCG I. CONTEÚDOS BÁSICOS (Carga horária de 1740 horas) 1.1 - FORMAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA (Carga horária: 1425 horas) 1.1.1 - MATEMÁTICA

Leia mais

Plano Curricular Plano Curricular PlanoCurricular

Plano Curricular Plano Curricular PlanoCurricular Área de formação 522. Eletricidade e Energia Curso de formação Técnico/a de Eletrotecnia Nível de qualificação do QNQ 4 Componentes de Sociocultural Duração: 775 horas Científica Duração: 400 horas Plano

Leia mais

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA CURRÍCULO PLENO BACHARELADO 1 CICLO/MÓDULO A Ciências Exatas I Álgebra Linear 02 0 02 40 Cálculo Diferencial e Integral I 04 0 04 80 Cálculo Vetorial e Geometria Analítica

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 183/2012

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 183/2012 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 183/2012 Altera o Currículo Pleno do Curso de Engenharia Elétrica e Eletrônica para regime seriado semestral. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA, na conformidade do Processo Nº ELE-244/2012,

Leia mais

PROADE RELATÓRIO GERAL

PROADE RELATÓRIO GERAL 2238-8400 ISSN PROADE RELATÓRIO GERAL 2011 ISSN 2238-8400 PROADE2011 programa de avaliação de desempenho dos estudantes RELATÓRIO GERAL CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA CNI Presidente Robson Braga

Leia mais

Circuitos Elétricos. Prof. Me. Luciane Agnoletti dos Santos Pedotti

Circuitos Elétricos. Prof. Me. Luciane Agnoletti dos Santos Pedotti Circuitos Elétricos Prof. Me. Luciane Agnoletti dos Santos Pedotti Transmissão de Energia É o processo de transportar energia elétrica entre dois pontos. Geralmente essa transmissão é realizada em corrente

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO CAMPUS BELA VISTA DEPARTAMENTO DE ENSINO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO CAMPUS BELA VISTA DEPARTAMENTO DE ENSINO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO CAMPUS BELA VISTA DEPARTAMENTO DE ENSINO PLANO DE ENSINO SEMESTRE LETIVO 2013/1 CURSO Bacharelado em Engenharia

Leia mais

60 E 60 1º GAN00143 Álgebra Linear Aplicada 90

60 E 60 1º GAN00143 Álgebra Linear Aplicada 90 FORMULÁRIO N 16 - E Q U I VALÊNCIA D E D I S C I P L I N A S/ATIVI D A D E S 1º GMA00019 Cálculo IA 60 1º GMA04043 Cálculo Diferencial e Integral 60 Aplicado I 1º E GGM00127 Geometria Analítica e Cálculo

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente - 2017 Ensino Técnico Plano de Curso nº 239 aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13 / 09 / 2013. Etec Sylvio de Mattos Carvalho Código: 103 Município: Matão Eixo Tecnológico:

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC MONTADOR DE PAINEL ELÉTRICO. Parte 1 (solicitante)

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC MONTADOR DE PAINEL ELÉTRICO. Parte 1 (solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC MONTADOR DE PAINEL ELÉTRICO

Leia mais

Projetos Elétrico Industriais - PEI

Projetos Elétrico Industriais - PEI Projetos Elétrico Industriais - PEI Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC Centro de Ciências Tecnológicas - CCT Departamento de Engenharia Elétrica - DEE Profª: Laís Hauck de Oliveira e-mail:

Leia mais

TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA

TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA Objetivo Formar profissional com habilitação Técnica de Nível Médio em Eletrotécnica, para atuar nos diversos segmentos do mercado, tais como: concessionárias de energia elétrica,

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: HIGIENÓPOLIS SÃO PAULO Curso: ENGENHARIA ELETRÔNICA E ENGENHARIA ELÉTRICA Disciplina: Eletricidade I Núcleo Temático: Professor(es): Paulo Guerra Junior DRT: Etapa: 3ª Carga horária:

Leia mais

médio completo Eletromagnetismo I 35 2 grau ou ensino médio completo Instalações Elétricas 70 2 grau ou ensino médio completo

médio completo Eletromagnetismo I 35 2 grau ou ensino médio completo Instalações Elétricas 70 2 grau ou ensino médio completo Curso Técnico Subsequente em Eletroeletrônica CÂMPUS CHAPECÓ MATRIZ CURRICULAR Carga horária total: 400h Desenho 70 2 grau ou ensino Segurança e Higiene do Trabalho 35 2 grau ou ensino Eletromagnetismo

Leia mais

Circuitos Trifásicos Aula 1.1 Introdução

Circuitos Trifásicos Aula 1.1 Introdução Circuitos Trifásicos Aula 1.1 Introdução Engenharia Elétrica Universidade Federal de Juiz de Fora tinyurl.com/profvariz (UFJF) CEL062 tinyurl.com/profvariz 1 / 10 Sistema Elétrico de Potência - SEP Figura

Leia mais

Pré-requisito Coreq Disciplina EXPRESSÃO GRÁFICA - Ativa desde: 01/01/2011. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 36 TEÓRICA 18

Pré-requisito Coreq Disciplina EXPRESSÃO GRÁFICA - Ativa desde: 01/01/2011. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 36 TEÓRICA 18 1 de 5 01 - - 131101 - EXPRESSÃO GRÁFICA - Ativa TEÓRICA 18 131102 - FILOSOFIA - Ativa desde: Natureza - OBRIGATÓRIA 131103 - FÍSICA: CINEMÁTICA E DINÂMICA - Ativa 131104 - INFORMÁTICA E ALGORITIMOS -

Leia mais

PLANIFICAÇÃO - CURSO PROFISSIONAL DE NÍVEL SECUNDÁRIO

PLANIFICAÇÃO - CURSO PROFISSIONAL DE NÍVEL SECUNDÁRIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOÃO DA SILVA CORREIA ANO LETIVO 2016-2017 PLANIFICAÇÃO - CURSO PROFISSIONAL DE NÍVEL SECUNDÁRIO MECATRÓNICA AUTOMÓVEL DISCIPLINA: TECNOLOGIAS E PROCESSOS 12º ANO GESTÃO DO TEMPO:

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Monsenhor Antônio Magliano. Código: 088 Município: Garça. Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais. Habilitação Profissional: Profissional

Leia mais

Oficina de Apropriação de Resultados para Professores PAEBES Língua Portuguesa

Oficina de Apropriação de Resultados para Professores PAEBES Língua Portuguesa Oficina de Apropriação de Resultados para Professores PAEBES 2014 Língua Portuguesa Momentos de formação 1º Momento: Avaliação Externa e em Larga Escala. 2º Momento: Resultados. 2 1º Momento Avaliação

Leia mais

CURSO FIC Eletricista Instalador Predial de Baixa Tensão

CURSO FIC Eletricista Instalador Predial de Baixa Tensão INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA CAMPUS SANTO AMARO EDITAL SIMPLIFICADO PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES DA COMUNIDADE EXTERNA CURSO FIC Eletricista Instalador Predial de Baixa Tensão

Leia mais

SUMÁRIO. Prefácio Autores do Livro Capítulo 1 - Aspectos Hidráulicos e Elétricos Básicos

SUMÁRIO. Prefácio Autores do Livro Capítulo 1 - Aspectos Hidráulicos e Elétricos Básicos SUMÁRIO Prefácio Autores do Livro Capítulo 1 - Aspectos Hidráulicos e Elétricos Básicos 1.1 - Introdução 1.2 - Mecânica dos Fluidos e Hidráulica 1.3 - Viscosidade e Outras Propriedades 1.3.1 - Viscosidade

Leia mais

PORTFOLIO DE CURSOS A DISTÂNCIA

PORTFOLIO DE CURSOS A DISTÂNCIA PORTFOLIO DE CURSOS A DISTÂNCIA Sumário INICIAÇÃO PROFISSIONAL - COMPETÊNCIAS TRANSVERSAIS (13 CURSOS)... 2 APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL (50 CURSOS)... 2 QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL (30 CURSOS)... 3 CURSOS

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina ELT228 Instalações Elétricas II

Programa Analítico de Disciplina ELT228 Instalações Elétricas II 0 Programa Analítico de Disciplina Departamento de Engenharia Elétrica - Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Número de créditos: Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 15 Carga horária semanal

Leia mais

ENE082: Intalações Elétricas

ENE082: Intalações Elétricas UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA ENE082: Intalações Elétricas (Turma A) Aula 01: Informações Gerais P r o f. F l á v i o V a n d e r s o n G o m e s E - m a i l : f l a v i o. g o m e s @ u f j f.

Leia mais

CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 Componente Curricular: Energia e Instalações Elétricas

CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 Componente Curricular: Energia e Instalações Elétricas CURSO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 D.O.U de 27/08/10 Componente Curricular: Energia e Instalações Elétricas Código: ENGP 579 Pré-requisito: Período Letivo: 2016.2

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO. Professor Leonardo Gonsioroski

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO. Professor Leonardo Gonsioroski UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO Professor Leonardo Gonsioroski Sistemas Elétricos Pode-se dizer que os sistemas elétricos são divididos em 4 grandes

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico Plano de Curso nº 239 aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13/09/2013 Etec Sylvio de Mattos Carvalho Código: 103 Município: Matão Eixo Tecnológico: Controle

Leia mais

Caro aluno, segue uma lista de exercícios para a V2, no entanto estude toda a matéria dada: 1) Qual a diferença de um gerador para um motor elétrico?

Caro aluno, segue uma lista de exercícios para a V2, no entanto estude toda a matéria dada: 1) Qual a diferença de um gerador para um motor elétrico? Lista de Exercício para a V2 Instalações Elétricas II 1 Caro aluno, segue uma lista de exercícios para a V2, no entanto estude toda a matéria dada: 1) Qual a diferença de um gerador para um motor elétrico?

Leia mais

Portfolio de Cursos a Distância

Portfolio de Cursos a Distância Portfolio de Cursos a Distância Iniciação Profissional - Competência Transversal: 13 cursos Consumo Consciente de Energia - 14h Desenho Arquitetônico - 14 h Educação Ambiental - 14h Empreendedorismo -

Leia mais

1º PERÍODO ENGENHARIA ELÉTRICA SALA PRÉDIO PRINCIPAL 2º semestre de 2017

1º PERÍODO ENGENHARIA ELÉTRICA SALA PRÉDIO PRINCIPAL 2º semestre de 2017 1º PERÍODO ENGENHARIA ELÉTRICA SALA 125 - PRÉDIO PRINCIPAL CÁLCULO I CÁLCULO I G.A.A.V. G.A.A.V. CONTEXTO SOCIAL E PROFISSIONAL CONTEXTO SOCIAL E PROFISSIONAL EDUCAÇÃO CORPORAL E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2017 Ensino Técnico Plano de Curso nº 95 aprovado pela portaria Cetec nº 38 de 30/10/2009 Etec Sylvio de Mattos Carvalho Código: 103 Município: Matão Eixo Tecnológico: Controle

Leia mais

MANUAL PARA INSTALAÇÃO ELÉTRICA RESFRIADOR DE ÁGUA SERIE POLAR MODELOS: PA-01 ~ PA-120 PW-09 ~ PW-120 PRECAUÇÕES INFORMAÇÕES GERAIS DE SEGURANÇA

MANUAL PARA INSTALAÇÃO ELÉTRICA RESFRIADOR DE ÁGUA SERIE POLAR MODELOS: PA-01 ~ PA-120 PW-09 ~ PW-120 PRECAUÇÕES INFORMAÇÕES GERAIS DE SEGURANÇA MANUAL PARA INSTALAÇÃO ELÉTRICA RESFRIADOR DE ÁGUA SERIE POLAR MODELOS: PA-01 ~ PA-120 PW-09 ~ PW-120 PRECAUÇÕES INFORMAÇÕES GERAIS DE SEGURANÇA ÍNDICE INFORMAÇÕES GERAIS...3 QUADRO ELÉTRICO...3 DIMENSIONAMENTO

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 95 aprovado pela portaria Cetec nº 38 de 30/10/2009 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e Processos

Leia mais

Roteiro para experiências de laboratório. AULA 4: Retificadores. Alunos: 2-3-

Roteiro para experiências de laboratório. AULA 4: Retificadores. Alunos: 2-3- Campus SERRA COORDENADORIA DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Disciplinas: ELETRÔNICA BÁSICA e ELETRICIDADE GERAL Turmas: AM1 e AN1 - Período: 2012-1 Professores: Bene Regis Figueiredo Tatiane Policario Chagas Vinícius

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Médio ETEC MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: TUPÃ/SP Área de conhecimento: CIÊNCIAS DA NATUREZA E SUAS TECNOLOGIAS Componente Curricular: FÍSICA Série: 3º C.

Leia mais

JOSÉ FRANCISCO SOARES

JOSÉ FRANCISCO SOARES JOSÉ FRANCISCO SOARES Produção e uso de evidências na educação básica JOSÉ FRANCISCO SOARES Sumário Educação Evidências: (pedagógicas) Modelo Conceitual Agenda de pesquisa Educação concretizada A educação

Leia mais

Plano de Curso Não Regulamentado - Qualificação Profissional

Plano de Curso Não Regulamentado - Qualificação Profissional PERFIL PROFISSIONAL / IDENTIFICAÇÃO DA OCUPAÇÃO: Ocupação: Educação Profissional: Nível da Qualificação: Área Tecnológica: Competência Geral: Requisitos de Acesso: ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA

Leia mais

Disciplina: Instalações Elétricas Prediais

Disciplina: Instalações Elétricas Prediais Disciplina: Instalações Elétricas Prediais Parte 1 Conceitos fundamentais 1 Graduação em Eng. Elétrica 23:29:59 Cronograma 1. Revisão de Circuitos Elétricos Grandezas fundamentais: Tensão, corrente, Potência,

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Médio ETEC MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: TUPÃ/SP Área de conhecimento: CIÊNCIAS DA NATUREZA E SUAS TECNOLOGIAS Componente Curricular: FÍSICA Série: 3º C.

Leia mais

Planejamento e projeto das instalações elétricas

Planejamento e projeto das instalações elétricas Planejamento e projeto das instalações elétricas 1) A energia elétrica fornecida aos consumidores residenciais é resultado da conexão do consumidor com: a) Sistema elétrico de geração; b) Sistema de compatibilidade

Leia mais

Circuitos Elétricos 40 Módulo 1 Eletrônica Geral 80 Módulo 1. Hidráulica e Pneumática II 40 Módulo 1. Tecnologia dos Materiais 40 Módulo 1

Circuitos Elétricos 40 Módulo 1 Eletrônica Geral 80 Módulo 1. Hidráulica e Pneumática II 40 Módulo 1. Tecnologia dos Materiais 40 Módulo 1 Curso Técnico Concomitante em Mecatrônica CÂMPUS LAGES MATRIZ CURRICULAR Módulo/Semestre 1 Carga horária total: 320h Unidade Curricular C/H Semestral Pré-Requisito Instalações e Comandos Elétricos 60 Não

Leia mais

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR TÉCNICO EM ELETRÔNICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR TÉCNICO EM ELETRÔNICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA ORGANIZAÇÃO CURRICULAR TÉCNICO EM ELETRÔNICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA DC 4018 09/10/13 Rev. 01 1. Dados Legais Autorizado pelo Parecer 324 de 21/11/2006, Decreto 4.945 Publicado D.O 18.018 de 04/12/2006.

Leia mais

AULA 9 ATUADORES ELÉTRICOS

AULA 9 ATUADORES ELÉTRICOS AULA 9 ATUADORES ELÉTRICOS Prof. Fabricia Neres Tipos de Acionamento Os acionadores são dispositivos responsáveis pelo movimento nos atuadores. Podem ser classificados em: Acionamento Elétrico; Acionamento

Leia mais

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Formação Inicial e Continuada (Leis Federais nº 9.394/96 e nº 11.741/08 Decreto Federal nº 5.154/04, e Resoluções CNE/CEB

Leia mais

Eletrônica de Potência. Centro de Formação Profissional Orlando Chiarini - CFP / OC Pouso Alegre MG Prof.: Anderson

Eletrônica de Potência. Centro de Formação Profissional Orlando Chiarini - CFP / OC Pouso Alegre MG Prof.: Anderson Eletrônica de Potência Centro de Formação Profissional Orlando Chiarini - CFP / OC Pouso Alegre MG Prof.: Anderson Ementa Proposta 1.Análise de Circuitos Trifásicos; 2.Semicondutores de Potência; 3.Retificadores

Leia mais

PLANIFICAÇÃO - CURSO PROFISSIONAL DE NÍVEL SECUNDÁRIO

PLANIFICAÇÃO - CURSO PROFISSIONAL DE NÍVEL SECUNDÁRIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOÃO DA SILVA CORREIA ANO LETIVO 2016-2017 PLANIFICAÇÃO - CURSO PROFISSIONAL DE NÍVEL SECUNDÁRIO TÉCNICO DE MANUTENÇÃO INDUSTRIAL MECATRÓNICA AUTOMÓVEL DISCIPLINA: TECNOLOGIAS E

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal do Rio de Janeiro IFRJ Pró-Reitoria de Ensino Médio e Técnico PROET Direção de Ensino Campus Paracambi MATRIZ

Leia mais

Curso Técnico Subsequente em Refrigeração e Climatização CÂMPUS SÃO JOSÉ (RESOLUÇÃO CEPE/IFSC Nº 70 DE 13 DEZEMBRO DE 2016)

Curso Técnico Subsequente em Refrigeração e Climatização CÂMPUS SÃO JOSÉ (RESOLUÇÃO CEPE/IFSC Nº 70 DE 13 DEZEMBRO DE 2016) Curso Técnico Subsequente em Refrigeração e Climatização CÂMPUS SÃO JOSÉ (RESOLUÇÃO CEPE/IFSC Nº 70 DE 13 DEZEMBRO DE 2016) GRADE CURRICULAR E CORPO DOCENTE Módulo 1 Carga horária total: 400h Unidade Curricular

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 95 aprovado pela portaria Cetec nº 38 de 30/10/2009 Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e

Leia mais

Aula 08 Retificadores controlados

Aula 08 Retificadores controlados Aula 08 Retificadores controlados Prof. Heverton Augusto Pereira Universidade Federal de Viçosa - UFV Departamento de Engenharia Elétrica - DEL Gerência de Especialistas em Sistemas Elétricos de Potência

Leia mais

MATRIZ, EMENTÁRIO, COMPETÊNCIA, HABILIDADE E BASES TECNOLÓGICAS DO CURSO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA

MATRIZ, EMENTÁRIO, COMPETÊNCIA, HABILIDADE E BASES TECNOLÓGICAS DO CURSO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA CENTRO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL CEDUP INDUSTRIAL DE LAGES MATRIZ, EMENTÁRIO, COMPETÊNCIA, HABILIDADE E BASES TECNOLÓGICAS DO CURSO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA LAGES 2013 ORGANIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO TÉCNICO

Leia mais

PORTFOLIO. Cursos a Distância 157 programas

PORTFOLIO. Cursos a Distância 157 programas PORTFOLIO Cursos a Distância 157 programas Iniciação Profissional - Competência Transversal: 13 cursos Consumo Consciente de Energia - 14h Desenho Arquitetônico - 14h Educação Ambiental - 14h Empreendedorismo

Leia mais

ELETRÔNICA DE POTÊNCIA I Aula 01 - Introdução. à Eletrônica de Potência

ELETRÔNICA DE POTÊNCIA I Aula 01 - Introdução. à Eletrônica de Potência EPO I Aula 01 ELETRÔNICA DE POTÊNCIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA ELETRÔNICA DE POTÊNCIA I Aula

Leia mais

Eletrotécnica básica Atividade prática

Eletrotécnica básica Atividade prática Eletrotécnica básica Atividade prática 1 SUMÁRIO Apresentação... 3 Identificação dos terminais de motor trifásico... 5 Chave de Partida direta automática (com contator)... 7 Comando com acionamento de

Leia mais

COMPONENTES SIMÉTRICAS

COMPONENTES SIMÉTRICAS COMPONENTES SIMÉTRICAS COMPONENTES SIMÉTRICAS Uma das melhores ferramentas para lidar com circuitos polifásicos desbalanceados é o método das componentes simétricas introduzido por C. L. Fortescue; Neste

Leia mais

Prática de Acionamentos e Comandos Elétricos II

Prática de Acionamentos e Comandos Elétricos II Data: / / 20 Aluno(a): 1ª Aula Prática: Partida de motores de indução monofásicos com contatores. Prof. Epaminondas de Souza Lage 1 - Objetivos: -Identificar as partes constituintes do motor de indução

Leia mais

Os alunos que concluam com sucesso esta unidade curricular deverão ser capazes de:

Os alunos que concluam com sucesso esta unidade curricular deverão ser capazes de: MÁQUINAS ELÉTRICAS [10011] GERAL Regime: Semestre: OBJETIVOS Esta unidade curricular tem como objetivo dotar os alunos dos conhecimentos fundamentais no domínio de máquinas elétricas, partindo-se de uma

Leia mais

Fundação Joaquim Dos Santos. Escola Profissional de Torredeita

Fundação Joaquim Dos Santos. Escola Profissional de Torredeita Fundação Joaquim Dos Santos Escola Profissional de Torredeita Fundação Joaquim Dos Santos A fundação Joaquim dos Santos é uma instituição de direito privado que remonta ao ano de 1967 e que nos seus primórdios

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC Monsenhor Antônio Magliano Código: 088 Município: Garça Eixo Tecnológico: Indústria Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico de Técnico

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 239 aprovado pela portaria Cetec nº 728 de 10/09/2015 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e

Leia mais

Habilitação Profissional Técnico de nível Médio em AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Integrado ao Ensino Médio

Habilitação Profissional Técnico de nível Médio em AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Integrado ao Ensino Médio Habilitação Profissional Técnico de nível Médio em AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Integrado ao Ensino Médio PLANO DE TRABALHO DOCENTE ANO 2017 1 Sumário I.1 Aplicativos Informatizados... 3 I.2 Automação I... 13

Leia mais

Manual de Instalação Elétrica

Manual de Instalação Elétrica Manual de Instalação Elétrica Nobreaks NHS 1. ESCLARECIMENTOS Este material contempla um guia rápido de instalação e adequação da infraestrutura elétrica necessária para a posterior energização do nobreak.

Leia mais

Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC. Parte 1 (solicitante)

Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC. Parte 1 (solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CÂMPUS SÃO CARLOS Aprovação do curso e Autorização da oferta

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 233 aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13/09/2013 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e

Leia mais

Ementário das disciplinas do CST em Automação Industrial Currículo 4 aprovado pelo CDI em 19/12/16

Ementário das disciplinas do CST em Automação Industrial Currículo 4 aprovado pelo CDI em 19/12/16 A103 - Sistemas Hidro-Pneumáticos Ementário das disciplinas do CST em Automação Industrial Currículo 4 aprovado pelo CDI em 19/12/16 Propriedades Físicas do Ar e dos Fluídos - Pressão e Vazão. Princípios

Leia mais

Física Material desenvolvido pela Editora do Brasil, não avaliado pelo MEC.

Física Material desenvolvido pela Editora do Brasil, não avaliado pelo MEC. Currículo Estadual Rio de Janeiro Física Material desenvolvido pela Editora do Brasil, não avaliado pelo MEC. Cosmologia - Movimento - Compreender o conhecimento científico como resultado de uma construção

Leia mais

MÁQUINAS E ACIONAMENTOS ELÉTRICOS. Prof. Hélio Henrique Cunha Pinheiro Curso: Eletrotécnica (integrado) Série: 4º ano C.H.: 160 aulas (4 por semana)

MÁQUINAS E ACIONAMENTOS ELÉTRICOS. Prof. Hélio Henrique Cunha Pinheiro Curso: Eletrotécnica (integrado) Série: 4º ano C.H.: 160 aulas (4 por semana) MÁQUINAS E ACIONAMENTOS ELÉTRICOS Prof. Hélio Henrique Cunha Pinheiro Curso: Eletrotécnica (integrado) Série: 4º ano C.H.: 160 aulas (4 por semana) OBJETIVOS Compreender os princípios básicos de funcionamento

Leia mais

Normalização Aplicável a Instalações Elétricas de Interiores - Brasil

Normalização Aplicável a Instalações Elétricas de Interiores - Brasil Normalização Aplicável a Instalações Elétricas de Interiores - Brasil Descrevem-se a seguir os Regulamentos e Normas Técnicas vigentes. Qualquer referência posterior deve ser verificada pela possibilidade

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 238 aprovado pela portaria Cetec nº 172 de 13/09/2013 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle e

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 239 aprovado pela portaria Cetec nº 728 de 10/09/2015 Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Controle

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Curso: Engenharia Elétrica Campus: Campos dos Goytacazes SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Missão O Curso de Engenharia Elétrica da Universidade Estácio de Sá tem por missão formar engenheiros capazes de atender

Leia mais

Multimedidor Mult-K [1] Introdução Mult-K Foto ilustrativa [2] Princípio de funcionamento [5] Precisão Mult-K

Multimedidor Mult-K [1] Introdução Mult-K Foto ilustrativa [2] Princípio de funcionamento [5] Precisão Mult-K [1] Introdução O Multimedidor Mult-K é um instrumento digital microprocessado, para instalação em porta de painel, que permite a medição de até 44 parâmetros elétricos em sistema de corrente alternada

Leia mais