Manejo de cafeeiro em áreas infestadas pelos nematoides-das-galhas com uso de cultivar resistente

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manejo de cafeeiro em áreas infestadas pelos nematoides-das-galhas com uso de cultivar resistente"

Transcrição

1 Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte 1 Manejo de cafeeiro em áreas infestadas pelos nematoides-das-galhas com uso de cultivar resistente Beatriz de Pauli (1), Sônia Maria de Lima Salgado (2), Inorbert de Melo Lima (3), Rosângela D Arc de Lima Oliveira (4) (1) Bolsista PIBIC FAPEMIG/EPAMIG, (2) Pesquisadora/Bolsista BIP FAPEMIG/EPAMIG - Lavras, (3) Pesquisador INCAPER - Linhares, (4) Professor UFV - Viçosa, MG, INTRODUÇÃO Os fitonematoides, principalmente do gênero Meloidogyne, causam sérios prejuízos aos cafeicultores, limitando a produção e, por consequência, a sustentabilidade da lavoura cafeeira em áreas infestadas. Conhecidos como nematoide-das-galhas, Meloidogyne sp. tem comprometido diversas lavouras cafeeiras no estado de Minas Gerais. Dentre as espécies de nematoide-dasgalhas do cafeeiro, Meloidogyne paranaensis e M. incognita são as mais prejudiciais, pela intensidade de danos que causam (GONÇALVES et al., 2004). Nas regiões do Triângulo, Alto Paranaíba e Sudoeste de Minas Gerais, diversas lavouras têm sido danificadas pelo parasitismo de M. paranaensis aos cafeeiros. O controle de M. paranaensis em lavouras cafeeiras é dificultado pela condição perene da cultura. O uso de cultivares resistentes é a medida mais eficiente, economicamente viável e ecologicamente correta para produção de café em áreas infestadas. A resistência do cafeeiro ao M. incognita e M. paranaensis vem sendo encontrada em Coffea canephora (GONÇALVES et al., 1996; SERA et al., 2004), porém a maioria dos genótipos segregrou para resistência. Coffea canephora apresenta frequência variável de plantas resistentes a diferentes espécies e raças fisiológicas de Meloidogyne spp. Além disso, plantas de Coffea arabica enxertadas sobre C. canephora, apresentaram maior produtividade. Segundo CARNEIRO et al. (2009), um híbrido intraespecífico derivado do cruzamento espontâneo entre C. arabica e C. canephora chamado Híbrido do Timor (HT) constitui uma considerável fonte de diversidade genética para cruzamentos em C. arabica. Acessos de HT e C.

2 EPAMIG. Resumos expandidos 2 canephora representam valorosas fontes de resistência para o melhoramento genético, visando resistência ao nematoide-das-galhas. Atualmente com os grandes danos causados por M. paranaensis, enxertar cafeeiros comerciais em plantas de C. canephora tornou-se uma alternativa para evitar o ataque desses nematoides. Este trabalho tem por objetivo avaliar o comportamento de material genético de C. canephora, variedade Conilon, em lavoura infestada por M. paranaensis. MATERIAL E MÉTODO O experimento foi instalado em área cafeeira naturalmente infestada por M. paranaensis, na Fazenda Guaiçara, município de Piumhi, Sudoeste de Minas Gerais, em fevereiro de As mudas foram obtidas no germoplasma de cafeeiro Conilon e Arábica, na Fazenda Experimental de Sooretama do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), município de Sooretama, ES. Foram empregados cinco clones da variedade Vitória 8142, em pé franco ou enxertados, de mudas vegetativas ou seminais, tendo como testemunhas o Catuaí IAC 44, Robusta Tropical e Rubi (Tabela 1). O delineamento de blocos casualizados (DBC), foi utilizado com quatro repetições, 15 tratamentos distribuídos em 58 parcelas com cinco plantas, no espaçamento de 3,5 x 0,8 m. RESULTADOS E DISCUSSÃO Em avaliação realizada um mês após o plantio, foi observado alto porcentual de mortalidade das plantas nos materiais oriundos do clone 13V (3), em pé franco, e Catuaí IAC 44 enxertado no clone 14 (Gráfico 1). De acordo com o número de plantas sobreviventes aos nove meses do plantio, a menor mortalidade ocorreu com o clone 6V, referente ao tratamento 5 e detectado como resistente ao nematoide (Gráfico 2). Em setembro de 2012 foram selecionados oito novos tratamentos para realizar o replantio (Tabela 2). O número de repetições foi alterado, passando de quatro para cinco, e o número plantas por parcela também, de cinco para

3 Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte 3 sete. O replantio aconteceu em meados de novembro. Sendo assim, não há novos resultados. AGRADECIMENTO À Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG) pela concessão da bolsa PIBIC, ao Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) e ao Consórcio Pesquisa Café. REFERÊNCIAS CARNEIRO, R. M. D. G. et al. Reação de cafeeiros conilon a diferentes populações de Meloidogyne spp. In: SIMPÓSIO DE PESQUISA DOS CAFÉS DO BRASIL, 6., 2009, Vitória. Anais... Brasilia: Embrapa Café, CD- ROM. GONÇALVES, W. et al. Manejo de nematoides na cultura do cafeeiro. In: REUNIÃO ITINERANTE DE FITOSSANIDADE DO INSTITUTO BIOLÓGICO - CAFÉ, 10., 2004, Mococa. Anais... São Paulo: Instituto Biológico, p GONÇALVES, W. et al. Reações de cafeeiros às raças 1, 2 e 3 de Meloidogyne incognita. Summa Phytopathologica, Jaboticabal, v.22, n.2, p , abr./jun SERA, T. et al. Freqüência de plantas resistentes aos nematóides Meloidogyne paranaensis e M. incognita raças 2 e 1 em populações da cultivar porta-enxerto Apoatã de Coffea canephora. SBPN Scientific Journal, São Paulo, v.8, p.17, 2004.

4 Seminário EPAMIG. de Resumos Iniciação expandidos Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte 4 4 Tabela 1 - Relação dos materiais genéticos oriundos de Coffea canephora, variedade Tratamento Material genético Variedade Origem 1 Clone 2V (T) Variedade Conilon Vitória Incaper 8142 Muda propagada vegetativamente (clonal) 2 Clone 12V (S) Variedade Conilon Vitória Incaper 8142 Muda propagada vegetativamente (clonal) 3 Clone 13V (S) Variedade Conilon Vitória Incaper 8142 Muda propagada vegetativamente (clonal) 4 Clone 14 (T) Conilon Incaper (CCI 14) Muda propagada vegetativamente (clonal) 5 Clone 6V (S) Variedade Conilon Vitória Incaper 8142 Muda propagada vegetativamente (clonal) 6 Robusta Tropical (S) Variedade Conilon Emcaper 8151 Muda propagada via semente 7 Catuai 44 (S) Variedade Arábica Catuai 44 Muda propagada via semente - EPAMIG-FEMA 8 Clone 2V/Clone 14 (T) 14Clone da Variedade Conilon Vitória Incaper 8142 Enxertado no CCI 14 (Estaca/estaca) 9 Clone 12V/Clone 14 (T) 14Clone da Variedade Conilon Vitória Incaper 8142 Enxertado no CCI 14 (Estaca/estaca) 10 Clone 13V/Clone 14 (T) 14Clone da Variedade Conilon Vitória Incaper 8142 Enxertado no CCI 14 (Estaca/estaca) 11 Catuai 44/Clone 14 (S) 14Estaca herbácea da variedade arábica Catuai 44 Enxertada no CCI 14 (Estaca/estaca) 12 Clone 14 seminal (S) Sementes do CCI 14 Polinização aberta 13 Rubi / clone Catuai Catuai 81/clone NOTA: S - Saquinho; T - Tubete.

5 Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte 5 Tabela 2 - Relação dos materiais genéticos oriundos de Coffea canephora, variedade Vitória Piumhi, MG, set Código Clone Reação 1 Fator de produção Muda Espécie (1) 2V Resistente 0,25 Clonal C. canephora (1) 6V Resistente 0,20 Clonal C. canephora (1) 7V Resistente 0,61 Clonal C. canephora (1) 13V Resistente 0,35 Clonal C. canephora (2) 14 Resistente 0,51 Clonal C. canephora 6 3V Resistente 1,53 Clonal C. canephora 7 (1) 12V Suscetível 7,38 Clonal C. canephora 8 Catuai Suscetível 29,33 Seminal C. arabica (1) Clone pertencente à variedade Conilon Vitória Incaper (2) Clone pertencente à variedade Conilon Robustão Emcapa Mortalidade (%) Genótipos Gráfico 1 - Porcentual de plantas mortas de clones de Conilon aos 30 dias do plantio em área infestada por Meloidogyne paranaensis em Piumhi, MG NOTA: Os números 1 a 15 referem aos genótipos descritos na Tabela 1.

6 EPAMIG. Resumos expandidos 6 Sobrevivência (%) Genótipos Gráfico 2 - Porcentagem de plantas sobreviventes aos 9 meses do plantio dos clones de Conilon variedade Vitória 8142, em pé franco ou enxertados, em área infestada naturalmente por Meloidogyne paranaensis NOTA: Os números 1 a 15 referem aos genótipos descritos na Tabela 1.

Seleção de cultivares Bourbon visando à produção de cafés especiais

Seleção de cultivares Bourbon visando à produção de cafés especiais Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 8., 2011, Belo Horizonte Seleção de cultivares Bourbon visando à produção de cafés especiais Antonio Alfredo de Figueiredo Rodrigues (1), Gladyston Rodrigues

Leia mais

Características biométricas de cafeeiro intercalado com diferentes sistemas de produção de abacaxizeiro para agricultura familiar do Projeto Jaíba

Características biométricas de cafeeiro intercalado com diferentes sistemas de produção de abacaxizeiro para agricultura familiar do Projeto Jaíba Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 8., 2011, Belo Horizonte Características biométricas de cafeeiro intercalado com diferentes sistemas de produção de abacaxizeiro para agricultura familiar

Leia mais

Produtividade e qualidade de diferentes genótipos de Bourbon cultivados em Minas Gerais visando à produção de cafés especiais

Produtividade e qualidade de diferentes genótipos de Bourbon cultivados em Minas Gerais visando à produção de cafés especiais Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 8., 2011, Belo Horizonte Produtividade e qualidade de diferentes genótipos de Bourbon cultivados em Minas Gerais visando à produção de cafés especiais Priscilla

Leia mais

Qualidade de sementes de café produzidas na Fazenda Experimental de Três Pontas da EPAMIG Sul de Minas

Qualidade de sementes de café produzidas na Fazenda Experimental de Três Pontas da EPAMIG Sul de Minas Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013. Belo Horizonte Qualidade de sementes de café produzidas na Fazenda Experimental de Três Pontas da EPAMIG Sul de Minas Júlia Vaz Tostes Miluzzi

Leia mais

Resposta das bananeiras BRS Platina e PA 9401 à irrigação no segundo ciclo nas condições do Norte de Minas

Resposta das bananeiras BRS Platina e PA 9401 à irrigação no segundo ciclo nas condições do Norte de Minas Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013. Belo Horizonte Resposta das bananeiras BRS Platina e PA 9401 à irrigação no segundo ciclo nas condições do Norte de Minas Miquéias Gomes dos

Leia mais

IPR 100 e IPR 106 cultivares de café arábica com resistência simultânea aos nematoides Meloidogyne paranaensis e M. incognita

IPR 100 e IPR 106 cultivares de café arábica com resistência simultânea aos nematoides Meloidogyne paranaensis e M. incognita IPR 100 e IPR 106 cultivares de café arábica com resistência simultânea aos nematoides Meloidogyne paranaensis e M. incognita Gustavo Hiroshi Sera Pesquisador do IAPAR Engenheiro Agrônomo/ Melhorista D.S.

Leia mais

CULTIVARES DE CAFÉ SELECIONADAS PELO INSTITUTO AGRONÔMICO DE CAMPINAS 1

CULTIVARES DE CAFÉ SELECIONADAS PELO INSTITUTO AGRONÔMICO DE CAMPINAS 1 Genética CULTIVARES DE CAFÉ SELECIONADAS PELO INSTITUTO AGRONÔMICO DE CAMPINAS 1 Luiz Carlos Fazuoli (2,4) Herculano Penna Medina Filho (2,4) Oliveiro Guerreiro Filho (2,4) Wallace Gonçalves (2,4) Maria

Leia mais

Luiz Carlos Fazuoli. CENTRO DE CAFÉ ALCIDES CARVALHO 38 Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras

Luiz Carlos Fazuoli. CENTRO DE CAFÉ ALCIDES CARVALHO 38 Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras Luiz Carlos Fazuoli CENTRO DE CAFÉ ALCIDES CARVALHO fazuoli@iac.sp.gov.br 38 Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras Seminário: As novas variedades de café Caxambu - MG 23 de Outubro de 2012 A escolha

Leia mais

Acúmulo de macronutrientes em roseiras em função do manejo do solo

Acúmulo de macronutrientes em roseiras em função do manejo do solo Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 9., 2012, Belo Horizonte Acúmulo de macronutrientes em roseiras em função do manejo do solo Iara Cristina Santos Curvelo (1), Elka Fabiana Aparecida Almeida

Leia mais

Seleção de progênies de café arábica com resistência à ferrugem

Seleção de progênies de café arábica com resistência à ferrugem Seleção de progênies de café arábica com resistência à ferrugem Gustavo Hiroshi Sera, Tumoru Sera, Luciana Harumi Shigueoka, Inês Cristina de Batista Fonseca, Valdir Mariucci Junior, José Alves de Azevedo,

Leia mais

AVALIAÇÃO DE DIFERENTES POPULAÇÕES DE CAFÉ EM PATROCÍNIO, ALTO PARANAÍBA, MINAS GERAIS 1

AVALIAÇÃO DE DIFERENTES POPULAÇÕES DE CAFÉ EM PATROCÍNIO, ALTO PARANAÍBA, MINAS GERAIS 1 AVALIAÇÃO DE DIFERENTES POPULAÇÕES DE CAFÉ EM PATROCÍNIO, ALTO PARANAÍBA, MINAS GERAIS 1 MOURA, W.M. 2 ; PEREIRA, A.A. 2 ; BARTHOLO, G.F. 2 ; KOCHEM, M.G. 3 E REIS, L.M. 4 1 Apoio financeiro: Consórcio

Leia mais

Índice de clorofila em variedades de cana-de-açúcar tardia, sob condições irrigadas e de sequeiro

Índice de clorofila em variedades de cana-de-açúcar tardia, sob condições irrigadas e de sequeiro Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Índice de clorofila em variedades de cana-de-açúcar tardia, sob condições irrigadas e de sequeiro Thiago Henrique Carvalho de Souza

Leia mais

Carlos Henrique Siqueira de Carvalho. Embrapa Café/Fundação Procafé

Carlos Henrique Siqueira de Carvalho. Embrapa Café/Fundação Procafé Carlos Henrique Siqueira de Carvalho Embrapa Café/Fundação Procafé 105 espécies conhecidas Espécies de Café Espécies de Importância Comercial: - Coffea arabica: 65% (Café arábica) - Coffea canephora: 35%

Leia mais

Espaçamento alternado e controle de crescimento do feijoeiro com aplicação do fungicida propiconazol

Espaçamento alternado e controle de crescimento do feijoeiro com aplicação do fungicida propiconazol Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 9., 2012, Belo Horizonte Espaçamento alternado e controle de crescimento do feijoeiro com aplicação do fungicida propiconazol Júnio Oliveira Ferreira (1),

Leia mais

Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Patrocínio, MG

Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Patrocínio, MG Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 8., 2011, Belo Horizonte Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Patrocínio, MG José Ricardo Silva (1), Leonardo de Oliveira Fernandes

Leia mais

Produção de milho (Zea mays) sob três arranjos estruturais do eucalipto (Eucalyptus spp.) no Sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

Produção de milho (Zea mays) sob três arranjos estruturais do eucalipto (Eucalyptus spp.) no Sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Produção de milho (Zea mays) sob três arranjos estruturais do eucalipto (Eucalyptus spp.) no Sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

Leia mais

Parâmetros meteorológicos em cafeeiros arborizados com aleias de leguminosas e a pleno sol, em São Sebastião do Paraíso, MG

Parâmetros meteorológicos em cafeeiros arborizados com aleias de leguminosas e a pleno sol, em São Sebastião do Paraíso, MG Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte Parâmetros meteorológicos em cafeeiros arborizados com aleias de leguminosas e a pleno sol, em São Sebastião do Paraíso, MG Lívia

Leia mais

Efeito da secagem na qualidade fisiológica de sementes de pinhão-manso

Efeito da secagem na qualidade fisiológica de sementes de pinhão-manso Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 8., 2011, Belo Horizonte Efeito da secagem na qualidade fisiológica de sementes de pinhão-manso Cézar Augusto Mafia Leal (1), Roberto Fontes Araujo (2),

Leia mais

Palavras-chave: Oryza sativa, melhoramento de arroz, número ótimo de ambientes.

Palavras-chave: Oryza sativa, melhoramento de arroz, número ótimo de ambientes. NÚMERO ÓTIMO DE ANOS AGRÍCOLAS PARA AVALIAÇÃO DA PRODUTIVIDADE DE ARROZ IRRIGADO NO ESTADO DE MINAS GERAIS Antônio Carlos da Silva Júnior 1 ; Plínio César Soares 2 ; Iara Gonçalves dos Santos 3 ; Francyse

Leia mais

Crescimento vegetativo e incidência de cercosporiose em cafeeiros sob diferentes sistemas de manejo

Crescimento vegetativo e incidência de cercosporiose em cafeeiros sob diferentes sistemas de manejo Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Crescimento vegetativo e incidência de cercosporiose em cafeeiros sob diferentes sistemas de manejo Guilherme Conceição Gonçalves

Leia mais

Cultivares de Café Arábica Desenvolvidas pela Epamig/UFV/UFLA

Cultivares de Café Arábica Desenvolvidas pela Epamig/UFV/UFLA Cultivares de Café Arábica Desenvolvidas pela Epamig/UFV/UFLA 38º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras Antonio Alves Pereira - Epamig/UREZM Antonio Carlos Baião de Oliveira - Embrapa Café Felipe

Leia mais

Suprimento de boro e zinco a cafeeiros por meio da inserção de comprimidos na base do tronco

Suprimento de boro e zinco a cafeeiros por meio da inserção de comprimidos na base do tronco Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 9., 2012, Belo Horizonte Suprimento de boro e zinco a cafeeiros por meio da inserção de comprimidos na base do tronco Roberto Jitsuo de França Sakano (1),

Leia mais

Seletividade de herbicidas pré e pós-emergentes à mamoneira

Seletividade de herbicidas pré e pós-emergentes à mamoneira Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Seletividade de herbicidas pré e pós-emergentes à mamoneira Samira Gabriela de Almeida Araújo (1), Maria Helena Tabim Mascarenhas

Leia mais

Sistema de informação geográfica na integração do conhecimento científico e tecnológico da cafeicultura em Minas Gerais

Sistema de informação geográfica na integração do conhecimento científico e tecnológico da cafeicultura em Minas Gerais Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte 1 Sistema de informação geográfica na integração do conhecimento científico e tecnológico da cafeicultura em Minas Gerais Liliany

Leia mais

Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Felixlândia, MG

Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Felixlândia, MG Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 9., 2012, Belo Horizonte Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Felixlândia, MG José Ricardo Silva (1), Leonardo de Oliveira Fernandes

Leia mais

Monitoramento e controle de mosca-das-frutas em pessegueiros no Sul de Minas Gerais 1

Monitoramento e controle de mosca-das-frutas em pessegueiros no Sul de Minas Gerais 1 Monitoramento e controle de mosca-das-frutas em pessegueiros no Sul de Minas Gerais 1 William Resende Alexandre Júnior (2), Rogério Antônio Silva (3), Júlio César de Souza (3), Vicente Luiz de Carvalho

Leia mais

Influência da adubação silicatada na qualidade sanitária de sementes de arroz

Influência da adubação silicatada na qualidade sanitária de sementes de arroz Influência da adubação silicatada na qualidade sanitária de sementes de arroz Sílvia Miranda Borba (1), Vanda Maria de Oliveira Cornélio (2), Moizés de Sousa Reis (2), João Roberto de Mello Rodrigues (2),

Leia mais

Avaliação do consórcio de pinhão-manso com culturas alimentares, oleaginosas e produtoras de fibra no Norte de Minas Gerais

Avaliação do consórcio de pinhão-manso com culturas alimentares, oleaginosas e produtoras de fibra no Norte de Minas Gerais Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Avaliação do consórcio de pinhão-manso com culturas alimentares, oleaginosas e produtoras de fibra no Norte de Minas Gerais Alexandre

Leia mais

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia Semana Nacional de Ciência e Tecnologia A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG) promoverá diversos eventos que integram a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, que acontece entre

Leia mais

Melhoramento de Café Robusta/Conilon

Melhoramento de Café Robusta/Conilon Melhoramento de Café Robusta/Conilon Maria Amélia Gava Ferrão Pesquisadora Embrapa Café/Incaper APRESENTAÇÃO Introdução Histórico Estratégias Melhoramento Brasil Principais Resultados Espécies Café Identificadas

Leia mais

NOVAS VARIEDADES DE CAFÉ DO PROCAFÉ. S.R.Almeida, J.B. Matiello, R.A. Ferreira, C.H.S. Carvalho, I.B. Ferreira e M.B. da Silva

NOVAS VARIEDADES DE CAFÉ DO PROCAFÉ. S.R.Almeida, J.B. Matiello, R.A. Ferreira, C.H.S. Carvalho, I.B. Ferreira e M.B. da Silva NOVAS VARIEDADES DE CAFÉ DO PROCAFÉ S.R.Almeida, J.B. Matiello, R.A. Ferreira, C.H.S. Carvalho, I.B. Ferreira e M.B. da Silva Metodologia A Fundação MAPA/Procafé possui um programa de melhoramento genético

Leia mais

A qualidade de mudas clonais de Eucalyptus urophylla x E. grandis impacta o aproveitamento final de mudas, a sobrevivência e o crescimento inicial

A qualidade de mudas clonais de Eucalyptus urophylla x E. grandis impacta o aproveitamento final de mudas, a sobrevivência e o crescimento inicial Anais da 50ª Reunião Técnico-Científica do Programa Cooperativo sobre Silvicultura e Manejo - Dias 12 e 13 de novembro de 2014 33 A qualidade de mudas clonais de Eucalyptus urophylla x E. grandis impacta

Leia mais

REAÇÃO DA CULTIVAR DE CAFÉ TUPI IAC EM DIFERENTES NÍVEIS DE INÓCULO DO NEMATÓIDE Meloidogyne paranaensis

REAÇÃO DA CULTIVAR DE CAFÉ TUPI IAC EM DIFERENTES NÍVEIS DE INÓCULO DO NEMATÓIDE Meloidogyne paranaensis REAÇÃO DA CULTIVAR DE CAFÉ TUPI IAC 1669-33 EM DIFERENTES NÍVEIS DE INÓCULO DO NEMATÓIDE Meloidogyne paranaensis Gustavo Hiroshi SERA 1, E-mail: gustavosera@uol.com.br; Tumoru SERA 2 ; João Siqueira da

Leia mais

Aula 1 -Importância e Objetivos do Melhoramento Genético

Aula 1 -Importância e Objetivos do Melhoramento Genético Aula 1 -Importância e Objetivos do Melhoramento Genético Piracicaba, 2011 Início do Melhoramento (início do desenvolvimento de cultivares) Domesticação de plantas e animais: homem deixou as coletas para

Leia mais

Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Patos de Minas

Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Patos de Minas Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 8., 2011, Belo Horizonte Avaliação de cultivares de milho para produção de silagem em Patos de Minas José Humberto dos Santos Junior (1), Leonardo de Oliveira

Leia mais

Desempenho de cultivares de alface em cultivo de verão na região Campo das Vertentes de Minas Gerais

Desempenho de cultivares de alface em cultivo de verão na região Campo das Vertentes de Minas Gerais Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Desempenho de cultivares de alface em cultivo de verão na região Campo das Vertentes de Minas Gerais Suelen Francisca Ribeiro (1),

Leia mais

AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS PARA PRODUÇÃO DE SOJA VERDE OU TIPO HORTALIÇA

AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS PARA PRODUÇÃO DE SOJA VERDE OU TIPO HORTALIÇA AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS PARA PRODUÇÃO DE SOJA VERDE OU TIPO HORTALIÇA Rafael Santos Finholdt (1), Roberto Kazuhiko Zito (2), Maria Eugenia Lisei de Sá (3) (1) Bolsista PIBIC FAPEMIG/EPAMIG, rafaelfinholdt@yahoo.com.br;

Leia mais

TÍTULO: AVALIAÇÃO DE MUDAS DE COFFEA ARABICA PRODUZIDAS EM DIFERENTES RECIPIENTES

TÍTULO: AVALIAÇÃO DE MUDAS DE COFFEA ARABICA PRODUZIDAS EM DIFERENTES RECIPIENTES TÍTULO: AVALIAÇÃO DE MUDAS DE COFFEA ARABICA PRODUZIDAS EM DIFERENTES RECIPIENTES CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA SUBÁREA: CIÊNCIAS AGRÁRIAS INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DO PLANALTO

Leia mais

MATURAÇÃO E PRODUTIVIDADE DO CAFEEIRO CONILON SUBMETIDO Á DIFERENTES ÉPOCAS DE IRRIGAÇÃO 2º ANO AGRÍCOLA

MATURAÇÃO E PRODUTIVIDADE DO CAFEEIRO CONILON SUBMETIDO Á DIFERENTES ÉPOCAS DE IRRIGAÇÃO 2º ANO AGRÍCOLA MATURAÇÃO E PRODUTIVIDADE DO CAFEEIRO CONILON SUBMETIDO Á DIFERENTES ÉPOCAS DE IRRIGAÇÃO 2º ANO AGRÍCOLA J.M. Correa¹; G.H.S. Vieira ²; J.B.Loss³; R. Birchler 4 ; G. Peterle 4 RESUMO: A qualidade do café

Leia mais

Adubação orgânica do pepineiro e produção de feijão-vagem em resposta ao efeito residual em cultivo subsequente

Adubação orgânica do pepineiro e produção de feijão-vagem em resposta ao efeito residual em cultivo subsequente Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 9., 2, Belo Horizonte 1 Adubação orgânica do pepineiro e produção de feijão-vagem em resposta ao efeito residual em cultivo subsequente Carlos Henrique

Leia mais

ESTUDO DO PROGRESSO GENÉTICO NA POPULAÇÃO UFG- SAMAMBAIA, SUBMETIDA A DIFERENTES MÉTODOS DE SELEÇÃO.

ESTUDO DO PROGRESSO GENÉTICO NA POPULAÇÃO UFG- SAMAMBAIA, SUBMETIDA A DIFERENTES MÉTODOS DE SELEÇÃO. ESTUDO DO PROGRESSO GENÉTICO NA POPULAÇÃO UFG- SAMAMBAIA, SUBMETIDA A DIFERENTES MÉTODOS DE SELEÇÃO RAMOS, Michele Ribeiro 1 ; BRASIL, Edward Madureira 2 Palavras-chave: progresso genético, métodos de

Leia mais

RESPOSTA DO CAFEEIRO SOB SISTEMA DE PLANTIO ADENSADO À ADUBAÇÃO COM ZINCO

RESPOSTA DO CAFEEIRO SOB SISTEMA DE PLANTIO ADENSADO À ADUBAÇÃO COM ZINCO RESPOSTA DO CAFEEIRO SOB SISTEMA DE PLANTIO ADENSADO À ADUBAÇÃO COM ZINCO Leonardo Campos Faria (1), Paulo César de Lima (2), Luiz Tarcísio Salgado (2), Waldênia de Melo Moura (2), Edimaldo Garcia Júnior

Leia mais

Rendimento econômico do consórcio de repolho com cebolinha em sistema orgânico

Rendimento econômico do consórcio de repolho com cebolinha em sistema orgânico Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 9., 2012, Belo Horizonte Rendimento econômico do consórcio de repolho com cebolinha em sistema orgânico Otieres Cirino de Carvalho (1), Izabel Cristina

Leia mais

AVALIAÇÃO DE ENXERTIA DE Coffea arabica EM DIVERSOS MATERIAIS DE Coffea 1

AVALIAÇÃO DE ENXERTIA DE Coffea arabica EM DIVERSOS MATERIAIS DE Coffea 1 AVALIAÇÃO DE ENXERTIA DE Coffea arabica EM DIVERSOS MATERIAIS DE Coffea 1 GASPARI, C. 2 ; VACCARELI, V.N. 3 e MEDINA FILHO, H.P. 4 1 Projeto financiado pela FAPESP; 2 Eng.-Agrônoma, Centro de Café e Plantas

Leia mais

CLONAGEM NO GRUPO GERDAU HISTÓRICO DA PROPAGAÇÃO VEGETATIVA NA FAZENDA DO GAMA

CLONAGEM NO GRUPO GERDAU HISTÓRICO DA PROPAGAÇÃO VEGETATIVA NA FAZENDA DO GAMA Anais / IPEF: 61-66, Junho, 1994 CLONAGEM NO GRUPO GERDAU Flávio Sérgio Mendes * HISTÓRICO DA PROPAGAÇÃO VEGETATIVA NA FAZENDA DO GAMA A Fazenda do Gama pertence ao Grupo Gerdau desde 1988. Está localizada

Leia mais

AVALIAÇÃO DE POPULAÇÕES DE SOJA DESTINADAS À ALIMENTAÇÃO HUMANA PARA O ESTADO DE MINAS GERAIS

AVALIAÇÃO DE POPULAÇÕES DE SOJA DESTINADAS À ALIMENTAÇÃO HUMANA PARA O ESTADO DE MINAS GERAIS AVALIAÇÃO DE POPULAÇÕES DE SOJA DESTINADAS À ALIMENTAÇÃO HUMANA PARA O ESTADO DE MINAS GERAIS Paulo Rogério Nascimento Resende (1), Maria Eugênia Lisei de Sá (2), Roberto Kazuhiko Zito (3) (1) Bolsista

Leia mais

Germinação de grãos de pólen de diferentes cultivares de oliveira

Germinação de grãos de pólen de diferentes cultivares de oliveira Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte Germinação de grãos de pólen de diferentes cultivares de oliveira Rennê Fonseca Ferreira (1), Adelson Francisco de Oliveira (2),

Leia mais

XXIX CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO - Águas de Lindóia - 26 a 30 de Agosto de 2012

XXIX CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO - Águas de Lindóia - 26 a 30 de Agosto de 2012 XXIX CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO - Águas de Lindóia - 26 a 30 de Agosto de 2012 Efeito da Época e Dose de Aplicação de Fungicida no Controle da Antracnose do Sorgo Lorena de Oliveira Moura 1, Luciano

Leia mais

Avaliação da altura do Cedro Australiano (Toona ciliata var. australis) após diferentes níveis de adubação de plantio

Avaliação da altura do Cedro Australiano (Toona ciliata var. australis) após diferentes níveis de adubação de plantio Avaliação da altura do Cedro Australiano (Toona ciliata var. australis) após diferentes níveis de adubação de plantio Josimar Rodrigues OLIVEIRA 1** ; Josiane Rodrigues OLIVEIRA²; Urbano Teixeira Guimarães

Leia mais

AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS DE PEPINO EM IPAMERI-GO

AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS DE PEPINO EM IPAMERI-GO AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS DE PEPINO EM IPAMERI-GO Érica Fernandes Leão¹, Valdivina Lúcia Vidal²; Emersom Rodrigues de Moraes³; José Antônio de Paula Oliveira³ Odilon Peixoto de Morais Junior³ ¹Bolsista PBIC/UEG

Leia mais

INTRODUÇÃO METODOLOGIA

INTRODUÇÃO METODOLOGIA EFEITO DA DENSIDADE POPULACIONAL DE MELOIDOGYNE MAYAGUENSIS NAS CARACTERÍSTICAS PRODUTIVAS DE GOIABEIRAS PALUMA CULTIVADA EM SISTEMA DE SEQUEIRO NO NORTE DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Inorbert de Melo Lima

Leia mais

DESENVOLVIMENTO VEGETATIVO DO CAFEEIRO A PARTIR DE DIFERENTES ALTURAS DE DECOTE

DESENVOLVIMENTO VEGETATIVO DO CAFEEIRO A PARTIR DE DIFERENTES ALTURAS DE DECOTE 6ª Jornada Científica e Tecnológica e 3º Simpósio de Pós-Graduação do IFSULDEMINAS 05 de novembro de 2014, Pouso Alegre/MG DESENVOLVIMENTO VEGETATIVO DO CAFEEIRO A PARTIR DE DIFERENTES ALTURAS DE DECOTE

Leia mais

Zoneamento climático do estado de Minas Gerais para as principais doenças que acometem as oleaginosas: algodão, girassol, soja e mamona

Zoneamento climático do estado de Minas Gerais para as principais doenças que acometem as oleaginosas: algodão, girassol, soja e mamona Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 8., 2011, Belo Horizonte Zoneamento climático do estado de Minas Gerais para as principais doenças que acometem as oleaginosas: algodão, girassol, soja

Leia mais

Avaliação da melhor metodologia de hibridação artificial em morangueiro (Fragaria sp.) para fins de melhoramento genético

Avaliação da melhor metodologia de hibridação artificial em morangueiro (Fragaria sp.) para fins de melhoramento genético Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Avaliação da melhor metodologia de hibridação artificial em morangueiro (Fragaria sp.) para fins de melhoramento genético Hudson

Leia mais

FULLAND (FOSFITO DE COBRE): CONTROLE DE PHOMA E ANTRACNOSE DO CAFEEIRO.

FULLAND (FOSFITO DE COBRE): CONTROLE DE PHOMA E ANTRACNOSE DO CAFEEIRO. FULLAND (FOSFITO DE COBRE): CONTROLE DE PHOMA E ANTRACNOSE DO CAFEEIRO. 1. INTRODUÇÃO O Brasil é o maior produtor e exportador mundial de café e o Estado de Minas Gerais destaca- se como o maior produtor

Leia mais

COMPORTAMENTO DE PROGENIES DE CAFEEIROS COM RESISTENCIA À FERRUGEM, SELECIONADAS DE ENSAIOS EM VÁRIOS CAMPOS EXPERIMENTAIS DO PROCAFÉ

COMPORTAMENTO DE PROGENIES DE CAFEEIROS COM RESISTENCIA À FERRUGEM, SELECIONADAS DE ENSAIOS EM VÁRIOS CAMPOS EXPERIMENTAIS DO PROCAFÉ COMPORTAMENTO DE PROGENIES DE CAFEEIROS COM RESISTENCIA À FERRUGEM, SELECIONADAS DE ENSAIOS EM VÁRIOS CAMPOS EXPERIMENTAIS DO PROCAFÉ J.B. Matiello, S.R. Almeida Iran B. Ferreira, M. B. da Silva, Engs

Leia mais

PORTA-ENXERTOS AFETANDO O CRESCIMENTO E A PRODUÇÃO DE PLANTAS DE Coffea arabica L. ROOTSTOCKS AFFECTING THE GROWTH AND YIELD OF Coffea arabica L.

PORTA-ENXERTOS AFETANDO O CRESCIMENTO E A PRODUÇÃO DE PLANTAS DE Coffea arabica L. ROOTSTOCKS AFFECTING THE GROWTH AND YIELD OF Coffea arabica L. PORTA-ENXERTOS AFETANDO O CRESCIMENTO E A PRODUÇÃO DE PLANTAS DE Coffea arabica L. Marcelo A. TOMAZ 1 ; Ney S. SAKIYAMA 2 ; Hermínia E. P. MARTINEZ 2 ; Adésio FERREIRA 2 ; Júlio C. BARBOSA 3 ; Pedro H.

Leia mais

VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOB IRRIGAÇÃO NO NORTE DE MINAS GERAIS

VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOB IRRIGAÇÃO NO NORTE DE MINAS GERAIS VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR SOB IRRIGAÇÃO NO NORTE DE MINAS GERAIS Geraldo Magela da Silva (1), Geraldo Antônio Resende Macêdo (2), Édio Luiz da Costa (3), Heloísa Mattana Saturnino (3), Fúlvio Rodriguez

Leia mais

Desempenho de cultivares de repolho na região Campo das Vertentes em Minas Gerais

Desempenho de cultivares de repolho na região Campo das Vertentes em Minas Gerais Desempenho de cultivares de repolho na região Campo das Vertentes em Minas Gerais Natália de Almeida Resende (1), Izabel Cristina dos Santos (2), Marinalva Woods Pedrosa (3), Sanzio Mollica Vidigal (4),

Leia mais

Efeito da adubação nitrogenada no cultivo de taro

Efeito da adubação nitrogenada no cultivo de taro Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte Efeito da adubação nitrogenada no cultivo de taro Bianca Fialho Bonicontro (1), Sanzio Mollica Vidigal (2), Iza Paula de Carvalho

Leia mais

Leonardo Henrique Duarte de Paula 1 ; Rodrigo de Paula Crisóstomo 1 ; Fábio Pereira Dias 2

Leonardo Henrique Duarte de Paula 1 ; Rodrigo de Paula Crisóstomo 1 ; Fábio Pereira Dias 2 Avaliação de diferentes cultivares de milho (Zea mays) para a produção de minimilho na região Bambuí MG Leonardo Henrique Duarte de Paula 1 ; Rodrigo de Paula Crisóstomo 1 ; Fábio Pereira Dias 2 1 Estudante

Leia mais

COMPORTAMENTO DE DIFERENTES GENÓTIPOS DE MAMONEIRA IRRIGADOS POR GOTEJAMENTO EM PETROLINA-PE

COMPORTAMENTO DE DIFERENTES GENÓTIPOS DE MAMONEIRA IRRIGADOS POR GOTEJAMENTO EM PETROLINA-PE COMPORTAMENTO DE DIFERENTES GENÓTIPOS DE MAMONEIRA IRRIGADOS POR GOTEJAMENTO EM PETROLINA-PE Marcos Antônio Drumond 1, José Barbosa dos Anjos 1, Máira Milani 2, Luiz Balbino Morgado 1, e José Monteiro

Leia mais

Bem-estar, comportamento e desempenho de porcas lactantes por 28 dias alojadas em diferentes tipos de maternidades no verão

Bem-estar, comportamento e desempenho de porcas lactantes por 28 dias alojadas em diferentes tipos de maternidades no verão Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Bem-estar, comportamento e desempenho de porcas lactantes por 28 dias alojadas em diferentes tipos de maternidades no verão Igor

Leia mais

Análise do uso de estresse hídrico como estratégia para aumento da receita obtida com lima-ácida Tahiti em período de entressafra

Análise do uso de estresse hídrico como estratégia para aumento da receita obtida com lima-ácida Tahiti em período de entressafra Análise do uso de estresse hídrico como estratégia para aumento da receita obtida com lima-ácida Tahiti em período de entressafra Antonio Fabio Silva Santos (1), Fúlvio Rodriguez Simão (2), Daniel Philipe

Leia mais

Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte

Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Métodos alternativos de controle de cigarrinha-verde (Empoasca kraemeri) e de ácaro-branco (Polyphagotarsonemus latus) no pinhão-manso

Leia mais

VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DO CULTIVO DO TOMATEIRO IRRIGADO *

VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DO CULTIVO DO TOMATEIRO IRRIGADO * VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DO CULTIVO DO TOMATEIRO IRRIGADO * VIEIRA, T.A. 1 ; SANTANA, M.J. 2 ; BARRETO, A.C. 2 * Projeto financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG).

Leia mais

Avaliação econômica do Sistema de Integração Lavoura-Pecuária

Avaliação econômica do Sistema de Integração Lavoura-Pecuária Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 7., 2010, Belo Horizonte Avaliação econômica do Sistema de Integração Lavoura-Pecuária Rafael França Fonseca (1), Maria Celuta Machado Viana (2), José Joaquim

Leia mais

Porta-enxertos afetando o desenvolvimento de plantas de Coffea arabica L. 1

Porta-enxertos afetando o desenvolvimento de plantas de Coffea arabica L. 1 Ciência 570 Rural, Santa Maria, v.35, n.3, p.570-575, mai-jun, 2005 Tomaz et al. ISSN 0103-8478 Porta-enxertos afetando o desenvolvimento de plantas de Coffea arabica L. 1 Rootstocks affecting the development

Leia mais

DE CULTIVARES DE CAFÉ CATUAÍ COM MUNDO NOVO 1

DE CULTIVARES DE CAFÉ CATUAÍ COM MUNDO NOVO 1 AVALIAÇÃO E SELEÇÃO DE PROGÊNIES CARVALHO, G. R. RESULTANTES et al. DO CRUZAMENTO DE CULTIVARES DE CAFÉ CATUAÍ COM MUNDO NOVO 1 844 Evaluation and selection of progenies from cross of Catuaí with Mundo

Leia mais

EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG

EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG C L I P P I N G 04/01/13 Produção Ascom Agrolink 03/01/2013 www.agrolink.com.br Transferência de tecnologias reafirma a importância do Consórcio

Leia mais

Efeitos da adubação nitrogenada de liberação lenta sobre a qualidade de mudas de café

Efeitos da adubação nitrogenada de liberação lenta sobre a qualidade de mudas de café Efeitos da adubação nitrogenada de liberação lenta sobre a qualidade de mudas de café Gabriel Avelar LAGE 1 ; Sheila Isabel do Carmo PINTO²; Iul Brinner Expedito de SOUZA³; Marcus Vinicius SANTOS 3 ; Guilherme

Leia mais

Aula 6 Melhoramento de Espécies com Propagação Assexuada

Aula 6 Melhoramento de Espécies com Propagação Assexuada Aula 6 Melhoramento de Espécies com Propagação Assexuada Prof. Dr. Isaias Olívio Geraldi Piracicaba, 2011 Cronograma de Aula 1. Objetivos do Melhoramento 2. Vantagens do Uso da Propagação Assexuada 3.

Leia mais

Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental

Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental Anais do Seminário de Bolsistas de Pós-Graduação da Embrapa Amazônia Ocidental Propagação Vegetativa de Piper hispidum Sw.

Leia mais

Programas de Melhoramento Visando à Resistência a Doenças. Estudo de casos

Programas de Melhoramento Visando à Resistência a Doenças. Estudo de casos Programas de Melhoramento Visando à Resistência a Doenças Estudo de casos Tomate e mancha-bacteriana Embrapa Hortaliças Importância da mancha-bacteriana Existem pelo menos três espécies de Xanthomonas

Leia mais

PRODUÇÃO DE MUDAS DE CAFEEIRO EM TUBETES UTILIZANDO SUBSTRATOS CONSTITUÍDOS POR CASCA DE ARROZ CARBONIZADA E CASCA DE CAFÉ COMPOSTADA

PRODUÇÃO DE MUDAS DE CAFEEIRO EM TUBETES UTILIZANDO SUBSTRATOS CONSTITUÍDOS POR CASCA DE ARROZ CARBONIZADA E CASCA DE CAFÉ COMPOSTADA PRODUÇÃO DE MUDAS DE CAFEEIRO EM TUBETES UTILIZANDO SUBSTRATOS CONSTITUÍDOS POR CASCA DE ARROZ CARBONIZADA E CASCA DE CAFÉ COMPOSTADA CARVALHO, MYCHELLE 1 ; VALLONE, HAROLDO SILVA 2 ; DIAS, FÁBIO PEREIRA

Leia mais

Genética Embrapa: INOVAÇÃO E SUPERIORIDADE NO CAMPO

Genética Embrapa: INOVAÇÃO E SUPERIORIDADE NO CAMPO Genética Embrapa: INOVAÇÃO E SUPERIORIDADE NO CAMPO Foz do Iguaçu PR 20/06/2017 Engº Agrº Ralf Udo Dengler Engº Agrº Milton Dalbosco Fundação Meridional Novos patamares de produtividade! Destaques do Melhoramento

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA DE TAMAREIRAS DE PROPAGAÇÃO POR SEMENTES

CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA DE TAMAREIRAS DE PROPAGAÇÃO POR SEMENTES CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA DE TAMAREIRAS DE PROPAGAÇÃO POR SEMENTES Resumo A tamareira (Phoenix dactylifera L.) é uma palmeira (Arecaceae), que corresponde a uma das mais antigas árvores frutíferas associadas

Leia mais

AVALIAÇÃO PRODUTIVA DE LINHAGENS DE FEIJÃO-VAGEM EM CULTURA TUTORADA EM IPAMERI. Bolsista PBIC/UEG, graduanda do curso de Agronomia, UnU Ipameri-UEG.

AVALIAÇÃO PRODUTIVA DE LINHAGENS DE FEIJÃO-VAGEM EM CULTURA TUTORADA EM IPAMERI. Bolsista PBIC/UEG, graduanda do curso de Agronomia, UnU Ipameri-UEG. AVALIAÇÃO PRODUTIVA DE LINHAGENS DE FEIJÃO-VAGEM EM CULTURA TUTORADA EM IPAMERI FERNANDA DE CÁSSIA SILVA 1, NEI PEIXOTO 2, MARIA MARTA ANTÔNIA DA SILVA 3, DIANA CRISTINA DA SILVA 3. 1 Bolsista PBIC/UEG,

Leia mais

Evolução da piscicultura na região de Morada Nova de Minas

Evolução da piscicultura na região de Morada Nova de Minas Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 9., 2012, Belo Horizonte Evolução da piscicultura na região de Morada Nova de Minas Barbara Veloso Drumond (1), Elizabeth Lomelino Cardoso (2), Vicente

Leia mais

SELETIVIDADE DOS HERBICIDAS BENTAZON E NICOSULFURON PARA Crotalaria juncea e Crotalaria spectabilis

SELETIVIDADE DOS HERBICIDAS BENTAZON E NICOSULFURON PARA Crotalaria juncea e Crotalaria spectabilis SELETIVIDADE DOS HERBICIDAS BENTAZON E NICOSULFURON PARA Crotalaria juncea e Crotalaria spectabilis NOGUEIRA, C. H. P (FCAV - UNESP, Jaboticabal/SP - nogueirachp@gmail.com), CORREIA, N. M. (Embrapa, Brasília/DF

Leia mais

Policultivos de coentro x beterraba x rúcula: Avaliação uni e multivariada da eficiência agronômica/biológica

Policultivos de coentro x beterraba x rúcula: Avaliação uni e multivariada da eficiência agronômica/biológica Policultivos de coentro x beterraba x rúcula: Avaliação uni e multivariada da eficiência agronômica/biológica Francisco Cicupira Andrade Filho 1 Francisco Bezerra Neto 2 Jailma Suerda Silva de Lima 2 Joserlan

Leia mais

EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG

EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA DE MINAS GERAIS - EPAMIG C L I P P I N G 4/3/2010 Produção Ascom Agência Minas 3/3/2010 www.agenciaminas.mg.gov.br Seminário destaca potencial de jovens para a pesquisa

Leia mais

DESEMPENHO PRODUTIVO DE ACESSOS DE HÍBRIDO DE TIMOR DO BANCO ATIVO DE GERMOPLASMA DE MINAS GERAIS 1

DESEMPENHO PRODUTIVO DE ACESSOS DE HÍBRIDO DE TIMOR DO BANCO ATIVO DE GERMOPLASMA DE MINAS GERAIS 1 DESEMPENHO PRODUTIVO DE ACESSOS DE HÍBRIDO DE TIMOR DO BANCO ATIVO DE GERMOPLASMA DE MINAS GERAIS 1 Janine Magalhães Guedes 2 ; Edleyne Rogéria de Mendonça 3 ; Sara Medeiros Sampaio 4 ; João Marcos Lara

Leia mais

LINHAGENS FINAIS DE ALGODÃO DE FIBRAS MÉDIAS E LONGAS NO CERRADO DA BAHIA, SAFRA

LINHAGENS FINAIS DE ALGODÃO DE FIBRAS MÉDIAS E LONGAS NO CERRADO DA BAHIA, SAFRA Página 1417 LINHAGENS FINAIS DE ALGODÃO DE FIBRAS MÉDIAS E LONGAS NO CERRADO DA BAHIA, SAFRA 200910. 1 Murilo Barros Pedrosa 1 ; Nelson Dias Suassuna 2, Camilo de Lelis Morello 2 ; Eleusio Curvelo Freire

Leia mais

AVALIAÇÃO DE PLANTAS MATRIZES DE UMBUZEIRO EM CONDIÇÕES IRRIGADAS PARA FORNECIMENTO DE PROPÁGULOS VEGETATIVOS

AVALIAÇÃO DE PLANTAS MATRIZES DE UMBUZEIRO EM CONDIÇÕES IRRIGADAS PARA FORNECIMENTO DE PROPÁGULOS VEGETATIVOS AVALIAÇÃO DE PLANTAS MATRIZES DE UMBUZEIRO EM CONDIÇÕES IRRIGADAS PARA FORNECIMENTO DE PROPÁGULOS VEGETATIVOS Francisco Pinheiro de Araújo Carlos Antonio F.Santos Everaldo Rocha Porto Embrapa Semi-Árido

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO DE RAÇAS FISIOLÓGICAS DE Hemileia vastatrix Berk. & Br. NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, BRASIL 1.

IDENTIFICAÇÃO DE RAÇAS FISIOLÓGICAS DE Hemileia vastatrix Berk. & Br. NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, BRASIL 1. IDENTIFICAÇÃO DE RAÇAS FISIOLÓGICAS DE Hemileia vastatrix Berk. & Br. NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, BRASIL 1. Dalza G. SILVA (UFV), Laércio ZAMBOLIM (UFV, e-mail: zambolim@mail.ufv.br); Ney S. SAKIYAMA

Leia mais

ENXERTIA DE PLANTAS FRUTÍFERAS

ENXERTIA DE PLANTAS FRUTÍFERAS ENXERTIA DE PLANTAS FRUTÍFERAS Prof. Angelo P. Jacomino Fruticultura - LPV 0448 2017 1 - Introdução Multiplicação Sexuada X Assexuada SEXUADA: - Facilidade; - Baixo custo. ASSEXUADA: - Características

Leia mais

MÉTODOS DE MANEJO DA IRRIGAÇÃO NO CULTIVO DA ALFACE AMERICANA

MÉTODOS DE MANEJO DA IRRIGAÇÃO NO CULTIVO DA ALFACE AMERICANA MÉTODOS DE MANEJO DA IRRIGAÇÃO NO CULTIVO DA ALFACE AMERICANA VIEIRA, T.A. 1 ; SANTANA, M.J. 2 ; BIULCHI, P.A. 2 ; VASCONCELOS, R.F. 3 1 Estudante de Agronomia do CEFET Uberaba MG, bolsista FAPEMIG, e-mail:

Leia mais

AVALIAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO VEGETATIVO DE MUDAS ENXERTADAS DE CAFEEIROS ( 1 )

AVALIAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO VEGETATIVO DE MUDAS ENXERTADAS DE CAFEEIROS ( 1 ) Agroclimatologia AVALIAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO VEGETATIVO DE MUDAS ENXERTADAS DE CAFEEIROS ( 1 ) Marcelo A. TOMAZ (UFV, matomaz@alunos.ufv.br) ; Ney S. SAKIYAMA (UFV, sakiyama@mail.ufv.br ); Hermínia E.

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Fruticultura II Código da Disciplina: AGR 354 Curso: Agronomia Semestre de oferta da disciplina: 8 período Faculdade responsável: Agronomia Programa em vigência a partir

Leia mais

Maturação do queijo Minas artesanal da região de Araxá e contagem de Staphylococcus aureus

Maturação do queijo Minas artesanal da região de Araxá e contagem de Staphylococcus aureus Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica, 10., 2013, Belo Horizonte Maturação do queijo Minas artesanal da região de Araxá e contagem de Staphylococcus aureus Amanda Alves Pereira (1), Júnio César

Leia mais

AVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE MANGA VISANDO O MERCADO DE CONSUMO IN NATURA LAERTE SCANAVACA JUNIOR 1 ; NELSON FONSECA 2

AVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE MANGA VISANDO O MERCADO DE CONSUMO IN NATURA LAERTE SCANAVACA JUNIOR 1 ; NELSON FONSECA 2 AVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE MANGA VISANDO O MERCADO DE CONSUMO IN NATURA LAERTE SCANAVACA JUNIOR ; NELSON FONSECA INTRODUÇÃO A seleção de variedades de mangueira para consumo de frutas frescas depende de

Leia mais

Identificação de alelos que conferem o fenótipo de milho-doce no banco ativo de germoplasma de milho 1

Identificação de alelos que conferem o fenótipo de milho-doce no banco ativo de germoplasma de milho 1 Identificação de alelos que conferem o fenótipo de milho-doce no banco ativo de germoplasma de milho 1 Aline Martineli Batista 2 e Flavia França Teixeira 3 1 Trabalho financiado pela FAPEMIG 2 Estudante

Leia mais

Formulário para submissão de trabalho

Formulário para submissão de trabalho Dados do Trabalho e do (a) Orientador (a) Formulário para submissão de trabalho Título do Projeto: Avaliação de substratos de germinação de rosa (Rosa sp.) variedade arco-íris Nível de Ensino: Graduação

Leia mais

TEORES DE AMIDO EM GENÓTIPOS DE BATATA-DOCE EM FUNÇÃO DA ADUBAÇÃO POTÁSSICA

TEORES DE AMIDO EM GENÓTIPOS DE BATATA-DOCE EM FUNÇÃO DA ADUBAÇÃO POTÁSSICA TEORES DE AMIDO EM GENÓTIPOS DE BATATA-DOCE EM FUNÇÃO DA ADUBAÇÃO POTÁSSICA Flávio Coelho Mendes 1 ; Priscila Fonseca Costa 1 ; Tânia Irres Lima de Sousa 1 ; Rodrigo de Castro Tavares 2 1 Aluno (a) do

Leia mais

CUSTO DE PRODUÇÃO DO CAFÉ ARÁBICA NAS MONTANHAS. Engº Agrº MSc. Cesar Abel Krohling INCAPER Marechal Floriano-ES

CUSTO DE PRODUÇÃO DO CAFÉ ARÁBICA NAS MONTANHAS. Engº Agrº MSc. Cesar Abel Krohling INCAPER Marechal Floriano-ES CUSTO DE PRODUÇÃO DO CAFÉ ARÁBICA NAS MONTANHAS Engº Agrº MSc. Cesar Abel Krohling INCAPER Marechal Floriano-ES 1.Estrutura da cafeicultura do ES - ES: 2º lugar na produção de café do Brasil (25%); - Tem

Leia mais

SELEÇÃO DE GENÓTIPOS EXPERIMENTAIS DE BATATA-DOCE COM BASE NA PRODUTIVIDADE E TEOR DE AMIDO COM POTENCIAL PARA A PRODUÇÃO DE ETANOL

SELEÇÃO DE GENÓTIPOS EXPERIMENTAIS DE BATATA-DOCE COM BASE NA PRODUTIVIDADE E TEOR DE AMIDO COM POTENCIAL PARA A PRODUÇÃO DE ETANOL SELEÇÃO DE GENÓTIPOS EXPERIMENTAIS DE BATATA-DOCE COM BASE NA PRODUTIVIDADE E TEOR DE AMIDO COM POTENCIAL PARA A PRODUÇÃO DE ETANOL Danilo Alves Porto da Silva Lopes; Tiago Ferreira Alves 1; Nascimento

Leia mais

TÍTULO: BIOESTIMULANTES APLICADOS VIA FOLIAR EM CAFEEIROS COFFEA ARABICA EM PRODUÇÃO EM MINAS GERAIS

TÍTULO: BIOESTIMULANTES APLICADOS VIA FOLIAR EM CAFEEIROS COFFEA ARABICA EM PRODUÇÃO EM MINAS GERAIS TÍTULO: BIOESTIMULANTES APLICADOS VIA FOLIAR EM CAFEEIROS COFFEA ARABICA EM PRODUÇÃO EM MINAS GERAIS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA SUBÁREA: CIÊNCIAS AGRÁRIAS INSTITUIÇÃO: CENTRO

Leia mais

Progresso genético em 22 anos de melhoramento do feijoeiro-comum do grupo carioca no Brasil.

Progresso genético em 22 anos de melhoramento do feijoeiro-comum do grupo carioca no Brasil. Progresso genético em 22 anos de melhoramento do feijoeiro-comum do grupo carioca no Brasil. Luís Cláudio de Faria 1, Patrícia Guimarães Santos Melo 2, Leonardo Cunha Melo 1, 1, 1, Antônio Joaquim Braga

Leia mais

ESTRATÉGIAS DE MANEJO DE PLANTAS DANINHAS COM PERDA DE SENSIBILIDADE AO GLYPHOSATE NA CULTURA DO MILHO RR

ESTRATÉGIAS DE MANEJO DE PLANTAS DANINHAS COM PERDA DE SENSIBILIDADE AO GLYPHOSATE NA CULTURA DO MILHO RR ESTRATÉGIAS DE MANEJO DE PLANTAS DANINHAS COM PERDA DE SENSIBILIDADE AO GLYPHOSATE NA CULTURA DO MILHO RR MORAIS, H. A. (Test Agro, Rio Verde/GO henrique.morais@terra.com.br), CABRAL, R. S. (UniRV Universidade

Leia mais