double pcompra[1000], pvenda[1000], codclient[1000]; //sempre que o usuário voltar ao menu principal ele poderá

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "double pcompra[1000], pvenda[1000], codclient[1000]; //sempre que o usuário voltar ao menu principal ele poderá"

Transcrição

1 /*Algortimo de Controle de Estoque e Cadastro*/ #include <stdio.h> #include <stdlib.h> main(){ int i, op, op2, qtd, entradaestoque, consulproduto, consulcliente,cod[1000],estoque[1000]; double pcompra[1000], pvenda[1000], codclient[1000]; int flagcad=0,flagclient=0; cadastrar a partir de onde parou //sempre que o usuário voltar ao menu principal ele poderá char desc[1000], categ[1000], nome[1000]; printf("********controle de Estoque e Cadastro***************"); //menu principal - do { printf("\n **Bem-Vindo** \n"); printf("<1> Cadastro de Produtos\n"); printf("<2> Cadastro de Clientes\n"); printf("<3> Consulta de Estoque\n"); printf("<4> Cadastro de Vendas\n"); printf("<5> Alteração de dados do produto\n"); printf("<6> Entrada de Estoque\n"); printf("<0> Sair\n"); printf("digite uma opção.: "); scanf("%d", &op); //validação para entrada da opção while ( op!= 1 && op!= 2 && op!= 3 && op!= 4 && op!= 5 && op!= 6 && op!= 0) { printf("opção Inválida! Digite novamente.: "); scanf("%d", &op);

2 switch (op) { case 1: //Cadastro de Produtos for(i=flagcad; i < 1000; i++) { printf("\n\n **Cadastro de Produto** \n\n"); printf("código...: "); scanf("%d", &cod[i]); while (cod[i] < 0) { printf("código Inválido! Por Favor, digite um código positivo.: "); scanf("%d", &cod[i]); printf("descrição...: "); scanf("%c", desc[i]); printf("preço de Compra...: "); scanf("%f", &pcompra[i]); while (pcompra[i] <=0) { printf("preço Inválido! Por favor, digite um preço maior que 0.: "); scanf("%f", &pcompra[i]); printf("preço de Venda...: "); scanf("%f", &pvenda[i]); printf("categoria do Produto...: "); scanf("%c", &categ[i]); printf("qtd Estoque...: "); scanf("%d", &estoque[i]);

3 while (estoque[i] <= 0) { printf("qtde Inválida! Por favor, digite uma quantidade maior que 0.: "); scanf("%d", &estoque[i]); printf("\n**cadastro realizado com sucesso**\n"); printf("\ndeseja cadastrar mais produtos?"); printf("<1> sim"); printf("<2> não"); printf("digite uma opção.: "); scanf("%d", &op2); while (op2!= 1 && op2!= 2) { printf("opção Inválida! Digite novamente.: "); scanf("%d", &op2); if (op2 == 2) { flagcad=i+1; //enquanto o programa continuar aberto, sempre que o usuário voltar a tela de cadastro, continuará na posição do vetor seguinte a que ele parou case 2: //tela para cadastro de clientes for(i=flagclient; i < 1000; i++) { printf("\n\n **Cadastro de Clientes** \n\n"); printf("nome...: "); scanf("%s", nome[i]); printf("digite um Código..: "); scanf("%f", &codclient[i]);

4 while (codclient[i] < 0) { printf("código Inválido! Por favor, digite um código positivo.: "); scanf("%f", &codclient[i]); printf("\n**cadastro realizado com sucesso**\n"); printf("\ndeseja cadastrar mais clientes?\n"); printf("<1> sim"); printf("<2> não"); printf("digite uma opção.: "); scanf("%d", &op2); while (op2!= 1 && op2!= 2) { printf("opção Inválida! Digite novamente.: "); scanf("%d", &op2); if (op2 == 2) { FlagClient = i+1; case 3: //consulta de estoque do { printf("\n\n **Consulta de Estoque** \n\n"); printf("digite o código do produto ou -1 para sair.: "); while (consulproduto < -1) { printf("\n Código Inválido! Por favor, digite um código válido.: ");

5 for (i=0; i < 1000; i++) { if (consulproduto == cod[i]) { printf("descrição...:%c",desc[i]); printf("código...:%d", cod[i]); printf("categoria do produto.:%d", categ[i]); printf("estoque Disponível...:%d", estoque[i]); else { programa mostra essa frase if (i == 999) { //caso tenha percorrido vetor e não encontrou o código o printf("\nproduto não cadastrado! Favor cadastrar na opção 1 no menu\n"); while (consulproduto!= -1); case 4: //cadastro de Vendas consulcliente = 0; while (consulcliente!= -1) { printf("\n\n **Cadastro de Vendas** \n\n"); printf("digite o código do cliente ou -1 para sair.: "); scanf("%d", &consulcliente); while (consulcliente < -1) { printf("\n Código Inválido! Por favor, digite um código válido.: "); scanf("%d", &consulcliente); for (i=0; i < 1000; i++) { if (consulcliente == codclient[i]) { printf("nome do Cliente.:%c",nome[i]);

6 else { if (i == 999) { printf("\n\ncliente não cadastrado! Favor cadastrar na opção 2 no menu\n\n"); if (consulcliente!= -1 ){ //O programa só vai entrar na opção do produto se o código do cliente for válido printf("código do Produto...: "); while (consulproduto < 0) { printf("\n Código Inválido! Por favor, digite um código válido.: "); for (i=0; i < 1000; i++) { if (consulproduto == cod[i]) { printf("descrição.:%c", desc[i]); printf("digite Qtde adquirida pelo cliente.: "); scanf("%d", &qtd); while (consulproduto < 0) { printf("\n Código Inválido! Por favor, digite um código válido.: "); if (qtd > estoque[i]) { //verifica se tem estoque disponivel do produto printf("qtde Indisponível no estoque"); printf("estoque atual.:%d",estoque[i]); else{ estoque[i] = estoque[i] - qtd;

7 printf("\n **Cadastro efetuado com sucesso** \n"); //se o código foi encontrado não é necessário percorrer o vetor else { if (i == 999) { 1\n\n"); printf("\n\nproduto não cadastrado no sistema! Favor cadastrar produto na opção case 5: //alteração de dados do { printf("\n\n **Alteração de dados do produto** \n\n"); printf("digite código ou -1 pra sair.: "); while (consulproduto < -1) { printf("código Inválido! Por favor digite um código válido.: "); if (consulproduto!= -1) { for (i=0; i < 1000; i++) { if (consulproduto == cod[i]) { do { printf("qual dos itens abaixo você deseja alterar.: \n"); printf("<1> Codigo\n"); printf("<2> Descrição\n"); printf("<3> Preço de Compra"); printf("<4> Preço de Venda");

8 printf("<0> Voltar"); printf("digite uma opção.: "); scanf("%d", &op2); switch (op2) { case 1: printf("digite o novo código.: "); scanf("%d", &cod[i]); while (cod[i] < 0) { printf("\ncódigo Inválido! Por favor, digite um código acima de 0.: "); scanf("%d", &cod[i]); printf("\n\n **Código alterado com sucesso** \n\n"); case 2: printf("digite a nova descrição.: "); scanf("%c", desc[i]); printf("\n\n **Descrição alterada com sucesso** \n\n"); case 3: printf("digite o novo preço de compra.: "); scanf("%e", &pcompra[i]); while (pcompra[i] <= 0) { printf("preço Inválido! Por favor digite novamente");

9 scanf("%lf", &pcompra); printf("\n\n **Preço de compra alterado com sucesso** \n\n"); case 4: printf("digite o novo preço de venda.: "); scanf("%f", &pvenda); while (pvenda[i] <= 0) { printf("preço Inválido! Por favor digite novamente"); scanf("%f", &pvenda); printf("\n\n **Preço de veda alterado com sucesso** \n\n"); default: printf("opção Inválida! Digite novamente.: "); while (op2!= 0); else { if (i == 999) { printf("\nproduto não cadastrado! Por favor, cadastrar na opção 1\n"); while (consulproduto!= -1); case 6: printf("\n\n **Entrada no Estoque** \n\n");

10 do { printf("digite código do produto ou -1 para sair.: "); while (consulproduto < -1) { printf("\ncódigo Inválido! Por favor, digite um código válido.: "); for (i=0; i < 1000; i++) { if (consulproduto == cod[i]) { printf("qtde a entrar.: "); scanf("%d", &entradaestoque); while (entradaestoque <= 0) { printf("\nquantidade Inválida! Por favor, digite uma quantidade maior que 0.: "); scanf("%d", &entradaestoque); estoque[i] = estoque[i] + entradaestoque; printf("\n **Entrada efetuada com sucesso** \n"); while (consulproduto!= -1); case 0: printf("\n\n **Obrigado por utilizar o programa** \n\n"); printf("\n\n **Fim do Programa** \n\n"); default: printf("opção Inválida! Digite novamente"); while (op!= 0);

11

inteiro i, op, op2, qtd, entradaestoque, consulproduto, consulcliente;

inteiro i, op, op2, qtd, entradaestoque, consulproduto, consulcliente; Algoritmo { //variáveis auxiliares inteiro i, op, op2, qtd, entradaestoque, consulproduto, consulcliente; inteiro flagcad=0, flagclient=0; //sempre que o usuário voltar ao menu principal ele poderá cadastrar

Leia mais

Exercício 1. Tabela 1: Cadastro de usuários, senhas e privilégios (exemplo). Login Senha Privilégio Armamento

Exercício 1. Tabela 1: Cadastro de usuários, senhas e privilégios (exemplo). Login Senha Privilégio Armamento 1/5 Exercício 1 Um sistema de segurança militar, usado num submarino nuclear, controla o acesso de usuários a três subsistemas (armamento, navegação e comunicações) através da digitação do login do usuário

Leia mais

Edwar Saliba Júnior. Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C

Edwar Saliba Júnior. Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C Edwar Saliba Júnior Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C Belo Horizonte 2010 Sumário 1 Nota:... 2 2 Comandos e Palavras Reservadas:... 3 3 Dicas... 4 3.1 Strings

Leia mais

Estruturas%de%seleção%

Estruturas%de%seleção% Estruturas'de'seleção' 93% Execução'condicional' Etapa'em'um'programa'onde'uma'condição'é'avaliada'e,'dependendo'do' resultado,'diferentes'ações'podem'ser'realizadas.' 94% Condicional'simples' Uma'ou'mais'ações'serão'executadas'se,'

Leia mais

MC-102 Aula 17 Strings e Matrizes

MC-102 Aula 17 Strings e Matrizes MC-102 Aula 17 Strings e Matrizes Instituto de Computação Unicamp 5 de Maio de 2015 Roteiro 1 Strings Strings: Exemplos 2 Matrizes Exemplos com Matrizes 3 Exercícios (Instituto de Computação Unicamp) MC-102

Leia mais

MC-102 Aula 19 Registros

MC-102 Aula 19 Registros MC-102 Aula 19 Registros Instituto de Computação Unicamp 4 de Maio de 2015 Roteiro 1 Registros 2 Redefinição de tipos (Instituto de Computação Unicamp) MC-102 Aula 19 4 de Maio de 2015 2 / 17 Registros

Leia mais

Solucionário de. Programação

Solucionário de. Programação Solucionário de Programação Questão 1 Fazer um programa que mostre na tela o valor da variável x inteiro e y real, atribua a x 8 e a y 2.5 vezes o valor de x. int x; float y; x=8; y=2.5 * x; printf("x=%d\n",x);

Leia mais

PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C

PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C 1 2 Condicional 1 Se 'C' é verdadeira Então?; 3 Condicional 1 Se 'C' é verdadeira Então? if (C)?; 4 Condicional 2 Se 'C' é verdadeira Então? Senão?? 5 Condicional

Leia mais

Algoritmos e Programação

Algoritmos e Programação Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Engenharia da Produção / Elétrica Parte 08 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti www.twitter.com/jorgecav

Leia mais

Linguagem C (repetição)

Linguagem C (repetição) Linguagem C (repetição) André Tavares da Silva andre.silva@udesc.br Exercício Escrever um programa que conte (mostre na tela) os números de 1 a 100. Comandos aprendidos até o momento: printf, scanf, getchar,

Leia mais

Exercícios em C 1 Saulo O. D. Luiz

Exercícios em C 1 Saulo O. D. Luiz Exercícios em C 1 Saulo O. D. Luiz Exercícios 1. Faça um programa em C para receber três notas e seus respectivos pesos, calcule e mostre a média ponderada dessas notas. 2 Saulo O. D. Luiz #include

Leia mais

Lógica de Programação I

Lógica de Programação I Gilson de Souza Carvalho gaucho.gilson@hotmail.com 1 Comando Switch O comando Switch pode ser visto como uma especialização do comando if. Foi criado para facilitar um uso particular de comandos if encadeados.

Leia mais

José Romildo Malaquias 2011-1

José Romildo Malaquias 2011-1 Programação de Computadores I Aula 08 Programação: Estruturas de Repetição José Romildo Malaquias Departamento de Computação Universidade Federal de Ouro Preto 2011-1 1/58 Motivação Como imprimir os três

Leia mais

UFSM Introdução ao Dev-C++ Profa. Patrícia Pitthan. Introdução ao Dev-C++

UFSM Introdução ao Dev-C++ Profa. Patrícia Pitthan. Introdução ao Dev-C++ Introdução ao Dev-C++ O Dev-C++ oferece um ambiente que integra um editor de textos a um compilador para linguagem C. O compilador usado pelo Dev-C++ é o gcc (Gnu C Compiler). 1) Primeiro programa Para

Leia mais

Solução para os exercícios

Solução para os exercícios Solução para os exercícios Grupo I I.1 #include float medida; printf ("Entre valor em metros:\n"); scanf("%f", &medida); printf("valor lido: %f\ndecimetros: %f\ncentimetros: %f\nmilimetros:

Leia mais

Introdução à Programação C

Introdução à Programação C Introdução à Programação C Fabio Mascarenhas - 2014.2 http://www.dcc.ufrj.br/~fabiom/introc Recapitulando Um programa C é uma sequência de diretivas (#include e #define), declarações de funções auxiliares,

Leia mais

Introdução à Ciência da Computação

Introdução à Ciência da Computação Introdução à Ciência da Computação Introdução à Linguagem C: Parte II Prof. Ricardo J. G. B. Campello Sumário Seleção Simples Seleção Composta Seleção Encadeada Seleção de Múltipla Escolha Repetição com

Leia mais

SITUAÇÃO VETORES. Imagine o seguinte problema:

SITUAÇÃO VETORES. Imagine o seguinte problema: 13/08/2014 PROF. FABIANO TAGUCHI http://fabianotaguchi.wordpress.com ALGORITMOS E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO AULA 07 VETORES MATRIZES EXERCÍCIOS 1 SITUAÇÃO Imagine o seguinte problema: Crie um programa que

Leia mais

INF 1005 Programação I

INF 1005 Programação I INF 1005 Programação I Aula 12 Cadeia de Caracteres (Strings) Edirlei Soares de Lima Caracteres Até o momento nós somente utilizamos variáveis que armazenam números (int, float ou

Leia mais

COMANDOS DE DECISÕES. O COMANDO if. O comando if instrui o computador a tomar uma decisão simples. Forma Geral: if (expressão de teste) instrução;

COMANDOS DE DECISÕES. O COMANDO if. O comando if instrui o computador a tomar uma decisão simples. Forma Geral: if (expressão de teste) instrução; COMANDOS DE DECISÕES O COMANDO if O comando if instrui o computador a tomar uma decisão simples. Forma Geral: if (expressão de teste) instrução; Por exemplo: /* testif.c*/ /* mostra o uso do comando if*/

Leia mais

Computação 2. Diego Addan Aula 3. Funções

Computação 2. Diego Addan Aula 3. Funções Computação 2 Aula 3 Funções Diego Addan diegoaddan@gmail.com Funções Função é um subprograma que auxilia o programa principal através da realização de uma determinada subtarefa. As funções são chamados

Leia mais

1) Operadores de auto incremento ++ e auto decremento --

1) Operadores de auto incremento ++ e auto decremento -- Aula 09 - Operadores de auto incremento e auto decremento, atribuição múltipla, atribuição na declaração, atribuição resumida e algumas regras de boa programação. 1) Operadores de auto incremento ++ e

Leia mais

1 Resumo: Strings e vetores de caracteres. Departamento de Ciência da Computação IME/USP

1 Resumo: Strings e vetores de caracteres. Departamento de Ciência da Computação IME/USP Departamento de Ciência da Computação MAC2166 Introdução a Computação IME/USP Strings e vetores de caracteres 1 Resumo: O uso de strings facilita a manipulação de palavras e textos. Strings são basicamente

Leia mais

Q1 Q2 Q3 Nota. Departamento de Informática - PUC-Rio INF 1005 Programação I P2 20/10/2010. Aluno: Exemplo (apenas um exemplo!):

Q1 Q2 Q3 Nota. Departamento de Informática - PUC-Rio INF 1005 Programação I P2 20/10/2010. Aluno: Exemplo (apenas um exemplo!): Matrícula: Departamento de Informática - PUC-Rio Turma: Q1 Q2 Q3 Questão 1) (3.0 pontos) Uma empresa permite que seus funcionários façam chamadas internacionais a partir de seus ramais, mas mantém um registro

Leia mais

controle de fluxo - condicionais

controle de fluxo - condicionais controle de fluxo - condicionais controle de fluxo - condicionais tópicos if if else if else if else expressões booleanas switch referências Capítulo 4 da apostila Capítulo 3 do livro condicionais (tomada

Leia mais

Operaçõe õ s c om o Strings Intr oduç ão a o Ponte iros o e Funçõe õ s

Operaçõe õ s c om o Strings Intr oduç ão a o Ponte iros o e Funçõe õ s Universidade de São Paulo São Carlos Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação Operações com Strings Introdução a Ponteiros e Funções Profa Rosana Braga 1 Strings Strings são seqüências de caracteres

Leia mais

Curso de C. Declaração de Variáveis 18/3/ :48 1

Curso de C. Declaração de Variáveis 18/3/ :48 1 Curso de C Declaração de Variáveis 18/3/2008 15:48 1 Declaração de Variáveis Objetivos: Aprender como: Criar variáveis Atribuir um valor inicial à variável Escolher um nome para a variável 18/3/2008 15:48

Leia mais

Programação de Computadores I Funções de Repetição da Linguagem C PROFESSORA CINTIA CAETANO

Programação de Computadores I Funções de Repetição da Linguagem C PROFESSORA CINTIA CAETANO Programação de Computadores I Funções de Repetição da Linguagem C PROFESSORA CINTIA CAETANO Comando WHILE O comando while executa um bloco de comandos enquanto a condição testada for verdadeira (diferente

Leia mais

LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO. PROFª. M.Sc. JULIANA H Q BENACCHIO

LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO. PROFª. M.Sc. JULIANA H Q BENACCHIO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO PROFª. M.Sc. JULIANA H Q BENACCHIO Também chamado de estrutura de seleção múltipla (caso). Assim como o if-else, o switch também é uma estrutura de seleção. O if-else realiza o teste

Leia mais

Curso de C. Procedimentos e Funções. 6/4/200901/04/09 09:42 Copyright@Arnaldo V Moura, Daniel F Ferber 1

Curso de C. Procedimentos e Funções. 6/4/200901/04/09 09:42 Copyright@Arnaldo V Moura, Daniel F Ferber 1 Curso de C Procedimentos e Funções 6/4/200901/04/09 09:42 Copyright@Arnaldo V Moura, Daniel F Ferber 1 Funções Roteiro: Funções Declaração e chamada Funções importantes Exemplos de funções Variáveis Globais,

Leia mais

Linguagens de Programação I

Linguagens de Programação I Linguagens de Programação I Tema # 8 Strings e Estruturas Susana M Iglesias 1 STRINGS - INTRODUÇÃO Strings (cadeia de caracteres): é uma serie de caracteres que podem ser tratados como uma unidade simples,

Leia mais

Comando Switch. Embora a escada if else-if possa executar testes de várias maneiras, ela não é de maneira nenhuma elegante.

Comando Switch. Embora a escada if else-if possa executar testes de várias maneiras, ela não é de maneira nenhuma elegante. Comando Switch Embora a escada if else-if possa executar testes de várias maneiras, ela não é de maneira nenhuma elegante. O código pode ficar difícil de ser seguido e confundir até mesmo o seu autor no

Leia mais

Capítulo 4: Condicionais

Capítulo 4: Condicionais Capítulo 4: Condicionais INF1004 e INF1005 Programação 1 Pontifícia Universidade Católica Departamento de Informática Tomada de Decisão Até o momento, todas as instruções eram executadas, uma após a outra.

Leia mais

Comandos Sequenciais if else, e Switch

Comandos Sequenciais if else, e Switch Introdução à Programação Comandos Sequenciais if else, e Switch 1º ano - ESI e IGE (2011/2012) Engenheiro Anilton Silva Fernandes (afernandes@unipiaget.cv) O computador pensa? Muitas vezes utiliza-se a

Leia mais

Linguagem C (estruturas condicionais)

Linguagem C (estruturas condicionais) Linguagem C (estruturas condicionais) André Tavares da Silva atavares@joinville.udesc.br Comandos de Controle de Fluxo Todos os comandos devem ser terminados com um ;. { e são usados para delimitar um

Leia mais

MC102 Algoritmos e Programação de Computadores

MC102 Algoritmos e Programação de Computadores MC102 Algoritmos e Programação de Computadores Instituto de Computação UNICAMP Primeiro Semestre de 2014 Roteiro 1 Maior número 2 Soma de n números 3 Fatorial 4 Máximo Divisor Comum (MDC) 5 Números primos

Leia mais

Curso de C. Estruturas Condicionais

Curso de C. Estruturas Condicionais Curso de C Estruturas Condicionais Curso C - IC/UNICAMP Estruturas Condicionais Objetivos: Aprender: Como vincular a execução de blocos de sentenças à condições Quando utilizar cada uma das estruturas

Leia mais

Introdução à Linguagem C

Introdução à Linguagem C Engenharia de CONTROLE e AUTOMAÇÃO Introdução à Linguagem C Aula 02 DPEE 1038 Estrutura de Dados para Automação Curso de Engenharia de Controle e Automação Universidade Federal de Santa Maria beltrame@mail.ufsm.br

Leia mais

Estruturas de Repetição

Estruturas de Repetição Estruturas de Repetição Introdução No capítulo anterior verificamos que a execução seqüencial dos comandos da função main nos limita a programação de algoritmos muito simples. Passamos, então, a dedicar

Leia mais

Capítulo 2: Condicionais. Pontifícia Universidade Católica Departamento de Informática

Capítulo 2: Condicionais. Pontifícia Universidade Católica Departamento de Informática Capítulo 2: Condicionais Pontifícia Universidade Católica Departamento de Informática Tomada de Decisão Até o momento, todas as instruções eram executadas, uma após a outra. No capítulo 3, vimos que a

Leia mais

Solucionário de. Programação

Solucionário de. Programação Solucionário de Programação Questão 0 Crie um programa em que o usuário possa entrar com o valor de uma peça, com o número de peças compradas e dar um desconto de 12% ao comprador. O dado de saída é o

Leia mais

INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Nome:

INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Nome: INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Considere uma disciplina que adota o seguinte critério de aprovação: os alunos fazem duas provas (P1 e P2) iniciais; se a média nessas duas provas for maior ou igual a 5.0,

Leia mais

9. Estruturas em C Registros

9. Estruturas em C Registros 9. Estruturas em C Registros Unesp Campus de Guaratinguetá Curso: Programação de Computadores Prof. Aníbal Tavares Profa. Cassilda Ribeiro 1 9. Estrutura Até o presente momento os nossos dados eram armazenados

Leia mais

PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C

PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C PROGRAMAÇÃO INSTRUÇÕES DA LINGUAGEM C 1 2 Repetição 1 Enquanto 'C' é verdadeira Fazer? 3 Repetição 1 Enquanto 'C' é verdadeira Fazer? while (C)?; 4 Enunciado: Construa um algoritmo para mostrar os 100

Leia mais

Aula 12- Variáveis e valores reais

Aula 12- Variáveis e valores reais Aula 12- Variáveis e valores reais Até agora todos os nossos problemas continham apenas valores inteiros e portanto variáveis do tipo int. Para resolver problemas que usam valores com parte fracionária,

Leia mais

Lista de Exercícios II. 01. Desenvolva um programa em C que receba um valor numérico real, verifique e mostre se esse número é positivo.

Lista de Exercícios II. 01. Desenvolva um programa em C que receba um valor numérico real, verifique e mostre se esse número é positivo. Lista de Exercícios II 01. Desenvolva um programa em C que receba um valor numérico real, verifique e mostre se esse número é positivo. #include int main(int argc, char *argv[]) { /*declaração

Leia mais

Notas de Aula Exemplos em C (2)

Notas de Aula Exemplos em C (2) Notas de Aula (2) Routo Terada www.ime.usp.br/~rt Depto. C. da Computação - USP N=8, X= 55 2 3 4 5 6 7 BUSCASEQ.C /* BUSCASEQ.C--Exemplo de Busca Sequencial * Problema: dada uma sequencia de N numeros

Leia mais

Vetores(Arrays) Olimpíadas de Informática. Aulas preparatórias Introdução a Programação em C.

Vetores(Arrays) Olimpíadas de Informática. Aulas preparatórias Introdução a Programação em C. Olimpíadas de Informática Aulas preparatórias Introdução a Programação em C. Vetores(Arrays) Prof. Gemilson George gemilson@colegiogeo.com.br Blog: informaticageo.wordpress.com GEO.OBI Aula 05 Definição:

Leia mais

17 - Funções e Procedimentos em C Programação Modular

17 - Funções e Procedimentos em C Programação Modular 17 - Funções e Procedimentos em C Programação Modular Unesp Campus de Guaratinguetá Curso de Programação Computadores Prof. Aníbal Tavares Profa. Cassilda Ribeiro Ministrado por: Prof. André Amarante 17

Leia mais

NOME DO ALUNO: AVALIAÇÃO SIMULADA

NOME DO ALUNO: AVALIAÇÃO SIMULADA CURSO: ECA ECV EEL EPR - EMC SÉRIE: 1 a. e 2 a. DISCIPLINA: Algoritmos e Programação PROFESSOR: Paulo Cesar F. De Oliveira, BSc, PhD* RA: DATA: 21/11/2016 NOTA: NOME DO ALUNO:, AVALIAÇÃO SIMULADA 1ª Questão

Leia mais

Linguagem C. Comandos de Decisão

Linguagem C. Comandos de Decisão Linguagem C Comandos de Decisão Comandos de Decisão Uma das tarefas fundamentais de qualquer programa é decidir o que deve ser executado a seguir Os comandos de decisão permitem determinar qual é a ação

Leia mais

Estrutura, União e Enumeração em C

Estrutura, União e Enumeração em C USP-ICMC-BInfo Estrutura, União e Enumeração em C SCC501 - ICC-II 2011 Prof. João Luís 1 Introduzindo Estruturas Estrutura: coleção de tipos diferentes. Define-se primeiro o tipo: struct inflavel char

Leia mais

INF1007: Programação 2. 0 Revisão. 06/08/2015 (c) Dept. de Informática - PUC-Rio 1

INF1007: Programação 2. 0 Revisão. 06/08/2015 (c) Dept. de Informática - PUC-Rio 1 INF1007: Programação 2 0 Revisão 06/08/2015 (c) Dept. de Informática - PUC-Rio 1 Tópicos Principais Variáveis e Constantes Operadores e Expressões Entrada e Saída Tomada de Decisão Construção com laços

Leia mais

Legibilidade do código fonte

Legibilidade do código fonte Sumário Legibilidade do código fonte Exemplos Normas Instrução switch Sintaxe e Semântica Exemplo Tipos enumerados Exemplo Programação 2007/2008 DEEC-IST 1 Legibilidade do código fonte Exemplo: Considere

Leia mais

ALGORITMOS E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO

ALGORITMOS E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO ALGORITMOS E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO PROF. FABIANO TAGUCHI http://fabianotaguchi.wordpress.com (66) 9953-7642 AULA 02 Revisão de conteúdos da aula passada Exercícios de revisão da aula 01 Estruturas condicionais

Leia mais

Programação modular. Função

Programação modular. Função X 214 Função Definição matemá>ca Uma relação entre elementos de um conjunto (entrada) e elementos de outro conjunto (saída), com a propriedade que cada elemento da entrada relaciona-se com exatamente um

Leia mais

ARQUIVOS DE DADOS EM C: UMA INTRODUÇÃO

ARQUIVOS DE DADOS EM C: UMA INTRODUÇÃO ARQUIVOS DE DADOS EM C: UMA INTRODUÇÃO 1 2 3 4 // Programa p32.c // com alocacao estatica #include #include int main(int args, char * arg[]) int i,j,nl,nc; int ma[10][10], mb[10][10],

Leia mais

Algoritmos de Busca em Tabelas

Algoritmos de Busca em Tabelas Dentre os vários algoritmos fundamentais, os algoritmos de busca em tabelas estão entre os mais usados. Considere por exemplo um sistema de banco de dados. As operações de busca e recuperação dos dados

Leia mais

Linguagem C Controle do Fluxo de Execução. Lógica de Programação

Linguagem C Controle do Fluxo de Execução. Lógica de Programação Linguagem C Controle do Fluxo de Execução Lógica de Programação Caro(a) aluno(a), Aqui começaremos a escrever os nossos primeiros programas em uma Linguagem de Programação. Divirta-se!!! Estrutura Seqüencial

Leia mais

Vetores. Vetores. Figura 1 Exemplo de vetor com 10 elementos

Vetores. Vetores. Figura 1 Exemplo de vetor com 10 elementos Vetores Nos capítulos anteriores estudamos as opções disponíveis na linguagem C para representar: Números inteiros em diversos intervalos. Números fracionários com várias alternativas de precisão e magnitude.

Leia mais

INF 1005 Programação I

INF 1005 Programação I INF 1005 Programação I Aula 03 Introdução a Linguagem C Edirlei Soares de Lima Estrutura de um Programa C Inclusão de bibliotecas auxiliares: #include Definição de constantes:

Leia mais

system("pause"); //Envia comando para o sistema operacional solicitando parada de execução do programa } //limitador do corpo do programa

system(pause); //Envia comando para o sistema operacional solicitando parada de execução do programa } //limitador do corpo do programa Atividade Prática no Ambiente Dev C++ Para as nossas atividades práticas vamos utilizar o ambiente de desenvolvimento da Linguagem C, Dev C++, ele é bastante fácil de utilizar e com muitos recursos. Segue

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2007 / 2008

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2007 / 2008 Departamento de Engenharia Electrotécnica PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2007 / 2008 Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e Computadores 1º ano 1º semestre Testes, condições e ciclos http://tele1.dee.fct.unl.pt

Leia mais

Estruturas de Decisão em C

Estruturas de Decisão em C Estruturas de Decisão em C Professor: Juliano Lucas Gonçalves juliano.goncalves@ifsc.edu.br Agenda If If else If else encadeados switch Operadores aritméticos Operador Visualg Linguagem C igualdade = ==

Leia mais

428 Capítulo 7 Arrays. do { ExibeArrayInts(ar, n); /* Exibe a configuração */ /* corrente do array */ } while (ProximaPermutacao(ar, n));

428 Capítulo 7 Arrays. do { ExibeArrayInts(ar, n); /* Exibe a configuração */ /* corrente do array */ } while (ProximaPermutacao(ar, n)); 428 Capítulo 7 Arrays do { ExibeArrayInts(ar, n); / Exibe a configuração / / corrente do array / while (ProximaPermutacao(ar, n)); Análise: Inicialmente, a função GeraPermutacoes() chama a função BubbleSort(),

Leia mais

1ª versão. #include #include #include #define maxdiscos 1000

1ª versão. #include <stdio.h> #include <string.h> #include <stdlib.h> #define maxdiscos 1000 #include #include #include #define maxdiscos 1000 typedef struct { char nomeautor[80]; char nomedisco[100]; int numdiscosvendidos; DISCO; 1ª versão int main() { DISCO listadiscos[maxdiscos];

Leia mais

Linguagem de Programação I. Aula 07 Linguagem C: Estruturas de Controle

Linguagem de Programação I. Aula 07 Linguagem C: Estruturas de Controle Linguagem de Programação I Aula 07 Linguagem C: Estruturas de Controle Da Aula Anterior Tipos de dados básicos em C Modificadores de tipo Declaração de Variáveis Operadores em C Nesta Aula Estruturas de

Leia mais

Técnicas de Programação: Comandos de Controle de DEE UFPB

Técnicas de Programação: Comandos de Controle de DEE UFPB Técnicas de Programação: Comandos de Controle de Programa Prof. Protásio DEE UFPB 1 Comandos de Controle de Programa Comandos que direcionam o fluxo de execução de programa. Em C, tem se 3 categorias:

Leia mais

Algoritmos RESUMO - LINGUAGEM C

Algoritmos RESUMO - LINGUAGEM C Algoritmos RESUMO - LINGUAGEM C 1 Sintaxe da linguagem C Componentes reconhecidos pela linguagem C (sintaxe da linguagem): tipos propriedades dos dados; declarações partes do programa, podendo dar significado

Leia mais

INTRODUÇÃO À LINGUAGEM C. Prof. Msc. Luis Filipe Alves Pereira 2015

INTRODUÇÃO À LINGUAGEM C. Prof. Msc. Luis Filipe Alves Pereira 2015 INTRODUÇÃO À LINGUAGEM C Prof. Msc. Luis Filipe Alves Pereira 2015 INTRODUÇÃO À LINGUAGEM C 02/23 INTRODUÇÃO Criada em 1972 na AT&T Bell Labs É uma das linguagens mais populares. Existem poucas arquiteturas

Leia mais

Estrutura do programa

Estrutura do programa Linguagem C Estrutura do programa Exemplo: #include #include main() { printf( Ola, mundo! ); system( pause ); }

Leia mais

Linguagens de Programação I

Linguagens de Programação I Linguagens de Programação I Tema # 4 Operadores em C Susana M Iglesias FUNÇÕES ENTRADA-SAÍDA I/O printf(), utilizada para enviar dados ao dispositivo de saída padrão (stdout), scanf(), utilizada para ler

Leia mais

Introdução a Linguagem C (Parte I) UFPA Sistemas de Informação. Roberto Araujo 2013

Introdução a Linguagem C (Parte I) UFPA Sistemas de Informação. Roberto Araujo 2013 Introdução a Linguagem C (Parte I) UFPA Sistemas de Informação Roberto Araujo 2013 Meu primeiro programa em C #include main() { printf( Primeiro Programa \n ); Biblioteca padrão Função principal

Leia mais

Computação 2. Aula 5. Profª. Fabiany defines vetor, strings e matriz por parâmetros de função

Computação 2. Aula 5. Profª. Fabiany defines vetor, strings e matriz por parâmetros de função Computação 2 Aula 5 defines vetor, strings e matriz por parâmetros de função Profª. Fabiany fabianyl@utfpr.com.br #define A diretiva #define define um identificador e uma string que o substituirá toda

Leia mais

Linguagem C. André Tavares da Silva.

Linguagem C. André Tavares da Silva. Linguagem C André Tavares da Silva dcc2ats@joinville.udesc.br Lógica de Programação O objetivo da lógica de programação é exercitar os métodos de raciocínio e elaborar soluções coerentes para determinados

Leia mais

Linguagem C. Prof.ª Márcia Jani Cícero

Linguagem C. Prof.ª Márcia Jani Cícero Linguagem C Prof.ª Márcia Jani Cícero A estrutura Básica de um Programa em C Consiste em uma ou várias funções ou programas. main( ) // primeira função a ser executada // inicia a função // termina a função

Leia mais

Edwar Saliba Júnior. Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C / C++

Edwar Saliba Júnior. Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C / C++ Edwar Saliba Júnior Dicas, Comandos e Exemplos Comparativos entre Linguagem Algorítmica e Linguagem C / C++ Belo Horizonte 2009 Sumário 1 Nota:... 2 2 Comandos e Palavras Reservadas:... 3 3 Dicas... 4

Leia mais

Estruturas de Controle de Fluxo

Estruturas de Controle de Fluxo Aula Prática IX Aula Prática IX Teoria Estruturas de Controle de Fluxo Instrução condicional simples Em pseudocódigo: Na linguagem C: se entao fimse if ()

Leia mais

Coletânea de Exercícios em Linguagem C

Coletânea de Exercícios em Linguagem C Coletânea de Exercícios em Linguagem C Autor: Rogério Rômulo de Oliveira 2 Coletânea de exercícios- Linguagem C Aluno: Rogério Oliveira ANO 2006 2 ÍNDICE 3 Exercícios Diversos-----------------------------------------------------------------------------------9

Leia mais

5 - COMANDOS DE CONTROLE DE PROGRAMA Em C existem os comandos de decisões, os comandos de iteração (ou de laços) e os comandos de desvios.

5 - COMANDOS DE CONTROLE DE PROGRAMA Em C existem os comandos de decisões, os comandos de iteração (ou de laços) e os comandos de desvios. 3636363636363636363636363636363636363636363636363636 5 - COMANDOS DE CONTROLE DE PROGRAMA Em C existem os comandos de decisões, os comandos de iteração (ou de laços) e os comandos de desvios. 5.1 - Comandos

Leia mais

ESTRUTURAS CONDICIONAIS. Baseado nos slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza

ESTRUTURAS CONDICIONAIS. Baseado nos slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza ESTRUTURAS CONDICIONAIS Baseado nos slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza Estruturas de Controle ESTRUTURA SEQUENCIAL ESTRUTURA CONDICIONAL ESTRUTURA DE REPETIÇÃO 2 Estruturas Condicionais

Leia mais

P r o g r a m a ç ã o d e C o m p u t a d o r e s 1 o S e m - 2 0 1 3 P r o f. A n d r é A m a r a n t e L u i z L A B 5 tag %2d while printf PE1:

P r o g r a m a ç ã o d e C o m p u t a d o r e s 1 o S e m - 2 0 1 3 P r o f. A n d r é A m a r a n t e L u i z L A B 5 tag %2d while printf PE1: Inteligência É a faculdade de criar objetos artificiais, especialmente ferramentas para fazer ferramentas. Henri Bergson. WHILE Além dos comandos if-else e switch, o controle de fluxo de um programa pode

Leia mais

Aula 15 Variáveis Indexadas (vetores)

Aula 15 Variáveis Indexadas (vetores) Aula 15 Variáveis Indexadas (vetores) Além das variáveis normais já conhecidas, podemos ter também variáveis indexadas. Tais variáveis são referenciadas por um nome e um índice. Especialmente úteis para

Leia mais

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10 1. TIPOS DE DADOS... 3 1.1 DEFINIÇÃO DE DADOS... 3 1.2 - DEFINIÇÃO DE VARIÁVEIS... 3 1.3 - VARIÁVEIS EM C... 3 1.3.1. NOME DAS VARIÁVEIS... 3 1.3.2 - TIPOS BÁSICOS... 3 1.3.3 DECLARAÇÃO DE VARIÁVEIS...

Leia mais

Comandos de entrada. e saída. Comandos de entrada. Comandos de entrada. Comandos de entrada. Comandos de entrada. Comandos de entrada.

Comandos de entrada. e saída. Comandos de entrada. Comandos de entrada. Comandos de entrada. Comandos de entrada. Comandos de entrada. e saída Biblioteca stdio.h Comandos Função scanf() Função gets() Função getchar() Material cedido pelo prof. Daniel Callegari scanf() Rotina de entrada que lê todos os tipos de dados. Protótipo: int scanf(const

Leia mais

Vetores(Arrays) Olimpíadas de Informática. Aulas preparatórias Introdução a Programação em C.

Vetores(Arrays) Olimpíadas de Informática. Aulas preparatórias Introdução a Programação em C. Olimpíadas de Informática Aulas preparatórias Introdução a Programação em C. Vetores(Arrays) Prof. Gemilson George gemilson@colegiogeo.com.br Blog: informaticageo.wordpress.com GEO.OBI Aula 05 Vetores

Leia mais

Funções e Estrutura de Blocos

Funções e Estrutura de Blocos Funções e Estrutura de Blocos Funções devolvem em geral um valor calculado pela mesma. O próprio programa principal é uma função. Em vez de main () podemos escrever int main(), significando isto que o

Leia mais

Decisão. Prof. Dr. Silvio do Lago Pereira. Departamento de Tecnologia da Informação Faculdade de Tecnologia de São Paulo

Decisão. Prof. Dr. Silvio do Lago Pereira. Departamento de Tecnologia da Informação Faculdade de Tecnologia de São Paulo Decisão Prof. Dr. Silvio do Lago Pereira Departamento de Tecnologia da Informação Faculdade de Tecnologia de São Paulo Valores lógicos C não oferece tipo de dados específico para valores lógicos. O número

Leia mais

ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO. Prof. Esp. Fabiano Taguchi

ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO. Prof. Esp. Fabiano Taguchi ALGORITMOS E LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com PRÉ AULA 01 Analise o algoritmo a seguir e assinale a alternativa que indica o

Leia mais

Sistemas Operacionais e Introdução à Programação. Programação com linguagem C

Sistemas Operacionais e Introdução à Programação. Programação com linguagem C Sistemas Operacionais e Introdução à Programação Programação com linguagem C 1 Variáveis na linguagem C: tipo char O tipo char representa um caractere ASCII (ocupa só 1 byte) int main(int argc, char **

Leia mais

LEI 2016 LICENCIATURA EM ENGENHARIA INFORMÁTICA

LEI 2016 LICENCIATURA EM ENGENHARIA INFORMÁTICA LEI 2016 LICENCIATURA EM ENGENHARIA INFORMÁTICA Avaliam expressões. Estabelecem relações entre operandos. Devolvem Verdadeiro (1) ou Falso (0). Operador Nome Exemplo Significado do Exemplo == Igualdade

Leia mais

Princípios de programação em Linguagem C Cesar Tadeu Pozzer UFSM 16/08/2010

Princípios de programação em Linguagem C Cesar Tadeu Pozzer UFSM 16/08/2010 Princípios de programação em Linguagem C Cesar Tadeu Pozzer UFSM 16/08/2010 Introdução a Programação em Linguagem C Antes de um algoritmo ser executado no computador, ele deve ser traduzido em uma linguagem

Leia mais

Linguagem de Programação C

Linguagem de Programação C Linguagem de Programação C Aula 08 Diogo Pinheiro Fernandes Pedrosa Universidade Federal Rural do Semiárido Departamento de Ciências Exatas e Naturais 13 de novembro de 2009 Introdução O que é uma linguagem

Leia mais

Linguagem C: Elementos fundamentais

Linguagem C: Elementos fundamentais Instituto de C Linguagem C: Elementos fundamentais Luis Martí Instituto de Computação Universidade Federal Fluminense lmarti@ic.uff.br - http://lmarti.com Tópicos Principais Variáveis e Constantes Operadores

Leia mais

Resumo da matéria: - Sintaxe da definição duma função C: - Diagramas sintácticos do if e dos mecanismos de ciclos em C:

Resumo da matéria: - Sintaxe da definição duma função C: - Diagramas sintácticos do if e dos mecanismos de ciclos em C: Aula de PGI 15.4.2014 Exercícios que envolvem ciclos e funções Resumo da matéria: - Sintaxe da definição duma função C: tipovalorretorno nomedafuncao( tipo nomevar, tipo nomevar1 ){ int v; // Aqui consta

Leia mais

Linguagem C. Programação Estruturada. Fundamentos da Linguagem. Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo nicolas.trigo@ifsertao-pe.edu.

Linguagem C. Programação Estruturada. Fundamentos da Linguagem. Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo nicolas.trigo@ifsertao-pe.edu. Programação Estruturada Linguagem C Fundamentos da Linguagem Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo nicolas.trigo@ifsertao-pe.edu.br Sumário Estrutura Básica Bibliotecas Básicas Tipos de Dados Básicos Variáveis/Declaração

Leia mais

Linguagens de programação. Introdução ao C (continuação)

Linguagens de programação. Introdução ao C (continuação) Linguagens de programação Introdução ao C (continuação) M@nso 2003 Sumário Introdução à programação Linguagem C Repetição de instruções Ciclos com controlo inicial ciclo While ciclo For Ciclos com controlo

Leia mais

Introdução à Programação

Introdução à Programação Aula Teórica/Pratica 5: ciclos e funções Getchar e putchar Escrever e ler caracteres A função getchar da biblioteca stdio.h permite de receber exatamente um (1) carácter da o "teclado"ou stdin Definição:

Leia mais

Curso de C: uma breve introdução

Curso de C: uma breve introdução V Semana de Engenharia Elétrica - UFBA Licença de uso e distribuição Todo o material aqui disponível pode, posteriormente, ser utilizado sobre os termos da: Creative Commons License:

Leia mais