SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DE ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DE ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO"

Transcrição

1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DE ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 124/2010/CONEPE Altera Art. 12 da Resolução nº 68/2010/CONEPE, quanto ao período de realização das provas do Processo Seletivo Seriado da Universidade Federal de Sergipe. O CONSELHO DE ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO da Universidade Federal de Sergipe, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, CONSIDERANDO o que estabelece o a Resolução Nº 68/2010/CONEPE; CONSIDERANDO o parecer da Relatora Consª ADRIANA DANTAS NOGUEIRA, ao analisar o processo n /10-67; CONSIDERANDO ainda, a decisão deste Conselho, em sua Reunião Ordinária hoje realizada, R E S O L V E: Art. 1º Alterar o caput do Art. 12 da Resolução nº 68/2010/CONEPE, quanto ao período de realização das provas do Processo Seletivo Seriado da Universidade Federal de Sergipe, que passa a ter a seguinte redação: Art. 12. As provas do Processo Seletivo serão aplicadas por série, em quatro dias consecutivos, iniciando-se no último domingo do mês de novembro do ano de 2011 para o vestibular de 2012; e penúltimo domingo do mês de novembro de 2012 para os vestibulares subsequentes: Primeiro dia: provas de todas as matérias com conteúdos referentes à 1ª série do ensino médio; Segundo dia: provas de todas as matérias com conteúdos referentes à 2ª série do ensino médio; Terceiro dia: provas de todas as matérias com conteúdos referentes à 3ª série do ensino médio, e, Quarto dia: redação. Art. 2º Esta Resolução entra em vigor nesta data, revogadas as disposições em contrário. Sala das Sessões, 17 de dezembro de 2010 REITOR Prof. Dr. Josué Modesto dos Passos Subrinho PRESIDENTE

2 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 68/2010/CONEPE Substitui a Resolução n o 85/2009/CONEPE. O CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO da Universidade Federal de Sergipe, no uso de suas atribuições legais, CONSIDERANDO a extinção gradativa do Processo Seletivo Seriado da Universidade Federal de Sergipe; CONSIDERANDO o parecer do Relator, Consº EDUARDO OLIVEIRA FREIRE, ao analisar o Processo n o /10-76; CONSIDERANDO ainda, a decisão unânime deste Conselho em sua Reunião Ordinária hoje realizada, R E S O L V E Art. 1º Aprovar as alterações da Resolução n o 85/2009/CONEPE das NORMAS GE- RAIS para o PROCESSO SELETIVO para ingresso nos cursos de graduação da UFS, conforme consta do anexo que integra a presente Resolução. Art. 2º Esta Resolução entra em vigor nesta data, revoga as disposições em contrário e, em especial, as Resoluções nº 27/2009/CONEPE e 85/2009/CONEPE.. Sala das Sessões, 26 de julho de 2010 REITOR Prof. Dr. Angelo Roberto Antoniolli PRESIDENTE em exercício

3 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 68/2010/CONEPE ANEXO NORMAS GERAIS PARA O PROCESSO SELETIVO DA UFS Art. 1 o O Processo Seletivo tem por objetivo selecionar os candidatos a estudos superiores em função dos conhecimentos que demonstrem na área das disciplinas que constituem o núcleo comum do ensino médio. Art. 2 o As vagas a serem oferecidas serão estabelecidas mediante resolução específica. Art. 3 o A Universidade Federal de Sergipe encerrará gradativamente com o Processo Seletivo Seriado. DA INSCRIÇÃO Art. 4 o No Processo Seletivo de 2011 não haverá inscrição para os alunos da 1 a série. Para o Processo Seletivo de 2012 não haverá inscrição para os alunos das 1 a e 2 a séries e a partir do Processo Seletivo de 2013 somente poderá participar da seleção para ingresso nos cursos de graduação da Universidade Federal de Sergipe o candidato que estiver cursando a última série do ensino médio ou equivalente ou que já tenha concluído o ensino médio ou equivalente. Parágrafo Único: Ao inscrever-se para a avaliação referente à 2 a série o candidato se obriga a realizar a avaliação referente à 3 a série no ano seguinte, sob pena de desligamento do processo seletivo seriado. Art. 5 o No momento da sua inscrição para o processo seletivo o candidato definirá a sua opção de curso e da língua estrangeira. Parágrafo Único: O candidato só poderá inscrever-se em apenas uma opção de curso. Art. 6 o O Processo Seletivo será anunciado por Edital subscrito pelo titular da Coordenação de Concurso Vestibular (CCV), publicado no Diário Oficial da União até 15(quinze) dias antes do início das inscrições, devendo ser divulgado também em outro órgão da imprensa local. Parágrafo Único: O Edital a que se refere este artigo, além de outras informações à orientação do candidato constará de: a) número de vagas para cada curso; b) local, período e horário para as inscrições; c) calendário e horário das provas; d) valor da taxa de inscrição; e) período letivo ao qual o concurso se refere. Art. 7 o A inscrição deverá ser efetuada exclusivamente pela internet através de endereço eletrônico a ser definido em edital. Parágrafo Único: Para efetuar inscrição é imprescindível além do número do Documento de Identidade, o número de Cadastro de Pessoa Física (CPF) do candidato. 2

4 Art. 8 o O candidato poderá ou não optar pelo sistema de cotas conforme orienta a Resolução n o 80/2008/CONEPE. Serão considerados os seguintes grupos de inscrição: Grupo A - Todos os candidatos, qualquer que seja a procedência escolar ou grupo étnico racial. Grupo B - Candidatos da escola pública de qualquer grupo étnico racial. Grupo C - Candidatos da escola pública que se auto-declarem pardos, negros ou indígenas. Parágrafo Único: Os grupos de inscrição não são mutuamente excludentes. O grupo C é subconjunto de B e os grupos B e C são subconjuntos do grupo A. Assim, um candidato com inscrição no grupo C, se não selecionado, continuará concorrendo no grupo B e, se não selecionado, ainda concorrerá no grupo A. Art. 9 o O candidato que optar pela vaga de deficiente, caso não seja selecionado, continuará concorrendo de acordo com os critérios mencionados no artigo anterior. DAS PROVAS Art. 10. As provas do Processo Seletivo limitar-se-ão, em conteúdo, às matérias do núcleo comum obrigatório do ensino médio, acrescido de uma língua estrangeira (Espanhol ou Francês ou Inglês) e terão complexidade que não ultrapasse este nível de escolaridade. Art. 11. O Processo Seletivo compreenderá o seguinte elenco de provas: 1. Português - abrangendo conhecimentos da Língua Portuguesa e Literatura Brasileira e uma Redação que compreenderá um texto argumentativo sobre um tema proposto e será aplicada no quarto dia de prova; 2. Matemática; 3. Geografia; 4. Física; 5. Biologia; 6. Língua Estrangeira - Espanhol ou Francês ou Inglês; 7. Química; 8. História. Art. 12. As provas do Processo Seletivo serão aplicadas por série, em quatro dias consecutivos, iniciando-se sempre no primeiro domingo de dezembro de cada ano: Primeiro dia: provas de todas as matérias com conteúdos referentes à 1 a série do ensino médio; Segundo dia: provas de todas as matérias com conteúdos referentes à 2 a série do ensino médio; Terceiro dia: provas de todas as matérias com conteúdos referentes à 3 a série do ensino médio; Quarto dia: Redação. 1º As provas constarão de questões numéricas (com respostas entre 00 e 99) e/ou questões de proposições múltiplas contendo 05 itens, numerados de 00 a 44, que podem ser todos verdadeiros, todos falsos ou alguns verdadeiros e outros falsos e no caso da prova de português haverá também uma redação. 2 o A redação valerá 10 (dez) pontos, cada questão numérica valerá dois pontos e cada questão de proposições múltiplas terá o valor V calculado pela expressão: A E V = 2 5 onde: A é o número de acertos e E o número de erros. 3

5 3 o Nas questões de uma mesma matéria e de uma mesma série do ensino médio, as alternativas incorretamente classificadas contribuem negativamente para a pontuação da questão, podendo ocorrer repercussão da pontuação negativa de uma questão para outra. 4 o Quando o número de acertos de um candidato em uma prova de determinada matéria referente a uma das séries, for menor que o número de erros será atribuído ao candidato nota zero. 5 o Na correção das provas serão utilizadas técnicas de padronização dos pontos alcançados pelos candidatos. 6 o Não haverá revisão de provas. DA PRÉ-CLASSIFICAÇÃO Art. 13. Para obter-se os pontos padronizados de cada candidato numa prova, para a préclassificação, calcula-se a média aritmética dos pontos padronizados das partes da prova referente à cada série: PP1i + PP2i + PP3i PPi = 3 onde: i => número inteiro que varia de 1 a 8, representando o n o da prova. PP i => pontos padronizados de uma prova. PP1 i => pontos padronizados da parte de uma prova referente à 1 a série. PP2 i => pontos padronizados da parte de uma prova referente à 2 a série. PP3 i => pontos padronizados da parte de uma prova referente à 3 a série. Parágrafo Único: Somando-se os produtos dos pontos padronizados de cada prova pelo seu respectivo peso obtem-se o total de pontos padronizados (TPP) do candidato. Art. 14. Será excluído da pré-classificação o candidato que obtiver resultado nulo em qualquer matéria independentemente dos pontos alcançados nas demais ou que tenha faltado a qualquer dia de prova. Art. 15. Será pré-classificado um número de candidatos correspondente a, no máximo, 02 (duas) vezes o total de vagas oferecidas para cada opção de curso, considerando-se cada um dos grupos de inscrição anteriormente mencionados e, obedecendo a ordem decrescente do total de pontos padronizados (TPP) obtidos pelos candidatos, exceto quando houver empate na última colocação da pré-classificação quando todos os candidatos, nesta situação, serão também pré-classificados. Art. 16. Os candidatos que não forem pré-classificados estarão excluídos da classificação final. Art. 17. Só serão corrigidas as redações dos candidatos pré-classificados. DA CLASSIFICAÇÃO FINAL Art. 18. Para obter-se os pontos padronizados de cada candidato numa prova, para a classificação final, calcula-se a média aritmética dos pontos padronizados das partes da prova referente à cada série e, no caso da prova de Português, além da parte de cada série inclui-se a nota padronizada da redação: Prova de Português PP 1 onde: = PP PP21 + PP3 + PPR 4 PP 1 => pontos padronizados da prova de Português. PP1 1 => pontos padronizados da parte da prova de Português referente à 1 a série. PP2 1 => pontos padronizados da parte da prova de Português referente à 2 a série. 4

6 PP3 1 => pontos padronizados da parte da prova de Português referente à 3 a série. PPR => pontos padronizados da Redação. Demais provas PP1i + PP2i + PP3i PPi = 3 Onde i => número inteiro que varia de 2 a 8, representando o n o da prova. PP i => pontos padronizados de uma prova. PP1 i => pontos padronizados da parte de uma prova referente à 1 a série. PP2 i => pontos padronizados da parte de uma prova referente à 2 a série. PP3 i => pontos padronizados da parte de uma prova referente à 3 a série. Parágrafo Único: Somando-se os produtos dos pontos padronizados de cada prova pelo seu respectivo peso obtém-se o total geral de pontos padronizados (TGPP) do candidato. Art. 19. A classificação final far-se-á pela ordem decrescente do total geral de pontos padronizados (TGPP) obtidos pelos candidatos pré-classificados e de acordo com a sua opção de curso, considerando-se a vaga de deficiente, se for o caso, e cada um dos grupos de inscrição como previsto nos artigos 7 o e 8 o. Parágrafo Único: Os casos de empate que venham a ocorrer na classificação final dos candidatos para cada curso serão resolvidos dando-se prioridade, na ordem de classificação, ao candidato que obtiver maior nota na Prova de Português. Persistindo o empate a prioridade será dada ao candidato mais idoso. Art. 20. Em qualquer fase do Processo Seletivo será excluído o candidato que comprovadamente usar de fraude, atentar contra a disciplina, adotar procedimentos que contrariem estas Normas ou as orientações que constam no Edital ou no Manual do Candidato ou que venha a desacatar quem esteja investido de autoridade para dirigir, coordenar, orientar ou auxiliar na realização do Processo Seletivo. DA MATRÍCULA INSTITUCIONAL Art. 21. A Matrícula Institucional dos candidatos classificados no Processo Seletivo é obrigatória e será realizada pelo Departamento de Administração Acadêmica - DAA conforme Edital a ser publicado no endereço eletrônico DAS DISPOSIÇÕES GERAIS E TRANSITÓRIAS Art. 22. Fica mantida a aplicação do Programa de Ações Afirmativas, conforme estabelecido pela Resolução 80/2008/CONEPE. Art. 23. Os casos omissos serão resolvidos pela Coordenação de Concurso Vestibular. Art. 24. Esta Resolução entra em vigor nesta data, revoga as disposições em contrário e, em especial, as Resoluções nº 27/2009/CONEPE e 85/2009/CONEPE. Sala das Sessões, 26 de julho de

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 14/2007 Regulamenta o VESTIBULAR ESPECIAL para ingresso nos cursos de graduação

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 33/2013-CONSUNIV Altera a Resolução nº. 019/2011, que institui o Sistema de

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 33/2013-CONSUNIV Altera a Resolução nº. 019/2011, que institui o Sistema de UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 33/2013-CONSUNIV Altera a Resolução nº. 019/2011, que institui o Sistema de Ingresso Seriado para acesso aos Cursos de Graduação de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CONCURSO VESTIBULAR EDITAL N o 04 / PROCESSO SELETIVO 2014 DO SISTEMA MODALIDADE

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 158/2013

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 158/2013 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 158/2013 Dispõe sobre as normas e fixa o calendário e o número de vagas do Processo Seletivo/2014 para o Curso de Medicina da Universidade de Taubaté. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei 5 152 de 2111011966 São Luís - Maranhão

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei 5 152 de 2111011966 São Luís - Maranhão Fundação Instituída nos termos da Lei 5 152 de 2111011966 RESOLUÇÃO No 487-CONSEPE, de 29 de agosto de 2006. Regulamenta procedimentos e critérios do Processo Seletivo Vestibular Especial para ingresso

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976 FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976 EDITAL 2011 PROCESSO SELETIVO ISECC 2011 2º SEMESTRE 2 O Presidente da Fundação Educacional

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 034/2015

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 034/2015 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 034/2015 Dispõe sobre as normas e fixa o calendário e o número de vagas para a realização do Processo Seletivo de Inverno 2015 para o curso de Medicina da Universidade de Taubaté.

Leia mais

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 03/2008

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 03/2008 RESOLUÇÃO Nº 03/2008 Fixa critérios para o Processo Seletivo/Vestibular 2008.2 - UNIVASF referentes aos Cursos de Engenharia do Campus Juazeiro-BA. O DA UNIVASF, no uso da atribuição que lhe confere o

Leia mais

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL RESOLUÇÃO CEPE-UEMS Nº 382, de 14 de agosto de 2003. Aprova as normas para a realização do processo seletivo de ingresso de candidatos às vagas aos cursos de graduação da UEMS, e revoga as Resoluções que

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO Nº 02, DE 05 DE FEVEREIRO DE 2009 O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

Leia mais

Quadro 01: Modalidades e Cursos ofertados para o Processo Seletivo 2015.1.

Quadro 01: Modalidades e Cursos ofertados para o Processo Seletivo 2015.1. GOVERNO DO Secretaria da Ciência, Tecnoíogla EDITAL N 15/2014 A Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA, através da Comissão Executiva do Processo Seletivo - CEPS, toma público o presente Edital, para

Leia mais

Parágrafo único - Poderão participar desse concurso os candidatos que estejam cursando ou que já tenham concluído o Ensino Médio ou equivalente.

Parágrafo único - Poderão participar desse concurso os candidatos que estejam cursando ou que já tenham concluído o Ensino Médio ou equivalente. Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Educação, da Cultura e dos Desportos - SECD UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão -

Leia mais

EDITAL Nº 03/2011. Art. 1º O total de vagas para este Processo Seletivo são em número de 480 (quatrocentos e oitenta), assim distribuídas:

EDITAL Nº 03/2011. Art. 1º O total de vagas para este Processo Seletivo são em número de 480 (quatrocentos e oitenta), assim distribuídas: EDITAL Nº 03/2011 A FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DA REGIÃO DOS LAGOS faz saber, através do presente EDITAL, que estão abertas a partir de 16/11/2011, as inscrições do PROCESSO SELETIVO para os Cursos de Licenciatura

Leia mais

O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVASF, no uso da atribuição que lhe confere o Estatuto da Universidade Federal do Vale do São Francisco,

O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVASF, no uso da atribuição que lhe confere o Estatuto da Universidade Federal do Vale do São Francisco, RESOLUÇÃO Nº 01/2009 Fixa critérios para o Processo Seletivo/Vestibular 2009.2 - UNIVASF referentes aos novos cursos de Graduação do projeto REUNI e preencher as vagas remanescentes dos cursos de Engenharia

Leia mais

EDITAL N 01/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE HERRERO INGRESSO 2016

EDITAL N 01/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE HERRERO INGRESSO 2016 EDITAL N 01/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE HERRERO INGRESSO 2016 Fica aberto o processo seletivo da Faculdade Herrero, para: Tecnologia em Segurança no Trabalho

Leia mais

VESTIBULAR 2015.2 FACULDADE FARIAS BRITO FFB A FACULDADE DA QUALIDADE

VESTIBULAR 2015.2 FACULDADE FARIAS BRITO FFB A FACULDADE DA QUALIDADE EDITAL 01/2015 VESTIBULAR 2015.2 FACULDADE FARIAS BRITO FFB A FACULDADE DA QUALIDADE Faculdade Farias Brito FFB Rua Castro Monte, 1364 Varjota A Faculdade da Qualidade Sumário EDITAL Nº. 01/2015... 3 1.

Leia mais

EDITAL Nº 12/2015 CURSO TURNO MODALIDADE DURAÇÃO FASE VAGAS MATUTINO BACHARELADO 10 SEMESTRES 1ª 16 FÍSICA NOTURNO LICENCIATURA 8 SEMESTRES 1ª 24

EDITAL Nº 12/2015 CURSO TURNO MODALIDADE DURAÇÃO FASE VAGAS MATUTINO BACHARELADO 10 SEMESTRES 1ª 16 FÍSICA NOTURNO LICENCIATURA 8 SEMESTRES 1ª 24 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE - CAMPUS CONCÓRDIA Rod. SC 283 km 08 Vila Fragosos Concórdia SC - CEP 89.700-000 Fone: (49) 3441-4800/3441-4834

Leia mais

Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015

Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015 Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015 Aditivo nº 6 Define as normas específicas do Vestibular TOP 2016.1 (Aprovado pela Resolução nº 074/2015, de

Leia mais

1) Endereço na INTERNET: www.vestibular.unifei.edu.br

1) Endereço na INTERNET: www.vestibular.unifei.edu.br MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ EDITAL DO SEGUNDO VESTIBULAR 2009 UNIFEI Campus Itajubá Aprovado pela Câmara de Graduação em 10/02/2009 1ª Reunião Ordinária O Pró-Reitor de Graduação

Leia mais

CONCURSO VESTIBULAR 2011

CONCURSO VESTIBULAR 2011 Em 1º de julho, foi aprovado pela (UFSM) o novo modelo do Concurso Vestibular, constituído pelo Processo Seletivo da UFSM e pelo Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). O Processo Seletivo da UFSM é dividido

Leia mais

Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015

Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015 Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015 Aditivo nº 1 Define as normas específicas do Vestibular Seleção 2016.1 (Aprovado pela Resolução nº 061/2015,

Leia mais

VESTIBULAR 2015.2 FACULDADE FARIAS BRITO FFB A FACULDADE DA QUALIDADE

VESTIBULAR 2015.2 FACULDADE FARIAS BRITO FFB A FACULDADE DA QUALIDADE EDITAL 05/2015 VESTIBULAR 2015.2 FACULDADE FARIAS BRITO FFB A FACULDADE DA QUALIDADE Faculdade Farias Brito FFB Rua Castro Monte, 1364 Varjota A Faculdade da Qualidade Sumário EDITAL Nº. 05/2015... 3 1.

Leia mais

PROF. VALMAR CORRÊA DE ANDRADE

PROF. VALMAR CORRÊA DE ANDRADE RESOLUÇÃO Nº 679/2008. EMENTA: Estabele normas para o Processo Seletivo/Vestibular 2009 - UFRPE para os Cursos de Graduação em Licenciatura em Computação e Licenciatura em Física na modalidade de Ensino

Leia mais

ADITIVO AO EDITAL N 06/2014

ADITIVO AO EDITAL N 06/2014 Secret ariu da Cíéncío, TUJffllogia e Eâucoção Superior ADITIVO AO EDITAL N 06/2014 A Universidade Estadual Vale do Acaraú - UV A, através da Comissão Executiva do Processo Seletivo - CEPS, toma público

Leia mais

Processos Seletivos 2015 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 26 de setembro de 2014

Processos Seletivos 2015 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 26 de setembro de 2014 Processos Seletivos 2015 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 26 de setembro de 2014 Aditamento nº 13 Define as normas específicas do Vestibular TOP RN julho 2015.2 (Aprovado pela Resolução nº

Leia mais

EDITAL N 2212014. Quadro 01: Modalidades e Cursos ofertados para o Processo Seletivo 2015.1

EDITAL N 2212014. Quadro 01: Modalidades e Cursos ofertados para o Processo Seletivo 2015.1 GOVERNO DO Secret aríu du Ciéllt:Ít1. Tccn oí ogía e l:'llf1cnfífo Superior EDITAL N 2212014 A Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA, através da Comissão Executiva do Processo Seletivo - CEPS, toma

Leia mais

O Magnífico Reitor da Universidade Federal de Pernambuco no uso das atribuições que lhe confere o artigo 33, alínea p do Estatuto da Universidade e,

O Magnífico Reitor da Universidade Federal de Pernambuco no uso das atribuições que lhe confere o artigo 33, alínea p do Estatuto da Universidade e, O Magnífico Reitor da Universidade Federal de Pernambuco no uso das atribuições que lhe confere o artigo 33, alínea p do Estatuto da Universidade e, CONSIDERANDO - que a regulamentação do assunto deve

Leia mais

EDITAL Nº 02/2015 (Retificação)

EDITAL Nº 02/2015 (Retificação) EDITAL Nº 02/2015 (Retificação) A FACULDDE UNIÃO ARARUAMA DE ENSINO faz saber, por meio do presente EDITAL, que estão abertas a partir de 08 de junho de 2015, as inscrições do PROCESSO SELETIVO para o

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução 01/02 Estabelece normas para o Vestibular da UFBA e dá outras providências.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 002/2008 - COPERVES (Íntegra)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 002/2008 - COPERVES (Íntegra) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 002/2008 - COPERVES (Íntegra) A Universidade Federal de Santa Maria () torna público que, no período de 16 de

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA EDITAL N o. 1/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA

Leia mais

Unisa Universidade de Santo Amaro

Unisa Universidade de Santo Amaro 1 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO AOS CURSOS SUPERIORES, MODALIDADE DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EAD DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO, TURMAS DE AGOSTO 2012. A Magnífica Reitora da Universidade de Santo

Leia mais

EDITAL N 06/2013 PROCESSO SELETIVO 2014.1

EDITAL N 06/2013 PROCESSO SELETIVO 2014.1 EDITAL N 06/2013 PROCESSO SELETIVO 2014.1 A FACULDADE TERRA NORDESTE - FATENE, credenciada pelo MEC, portaria n 1.246 de 14/10/2008, torna pública a abertura de inscrições para o processo seletivo dos

Leia mais

Faculdade de Tecnologia do Amapá Portaria, MEC Nº 1.956, de 06/07/2004. VESTIBULAR 1º SEMESTRE DE 2015/Edital de 07/10/2014

Faculdade de Tecnologia do Amapá Portaria, MEC Nº 1.956, de 06/07/2004. VESTIBULAR 1º SEMESTRE DE 2015/Edital de 07/10/2014 Processo Seletivo 2015.1 - EDITAL N 003-2014/COPEVE A Faculdade de Tecnologia do Amapá - META, situada na Rua Pedro Siqueira, N 333, Jardim Marco Zero Macapá AP, faz saber que estarão abertas as inscrições

Leia mais

EDITAL N 05/2015 CCV. 1. VALIDADE O presente processo seletivo terá validade somente para o segundo semestre letivo de 2015.

EDITAL N 05/2015 CCV. 1. VALIDADE O presente processo seletivo terá validade somente para o segundo semestre letivo de 2015. EDITAL N 05/2015 CCV A FAMETRO torna público aos interessados que estão abertas as inscrições para o processo seletivo dos cursos de graduação, nas condições indicadas neste Edital. 1. VALIDADE O presente

Leia mais

EDITAL N /2015 PROCESSO SELETIVO 2015.1

EDITAL N /2015 PROCESSO SELETIVO 2015.1 EDITAL N /2015 PROCESSO SELETIVO 2015.1 A FACULDADE TERRA NORDESTE - FATENE, credenciada pelo MEC, portaria n 1.246 de 14/10/2008, torna pública a abertura de inscrições para o processo seletivo dos cursos

Leia mais

Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011

Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011 Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011 O Instituto de Ensino Superior João Alfredo de Andrade, por sua Comissão Organizadora do Processo Seletivo, instituída em caráter permanente pela Portaria

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2/2015 A Diretoria Executiva do curso preparatório Galt Vestibulares, no uso de suas atribuições, torna pública e estabelece as normas e as condições de habilitação às vagas

Leia mais

FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS FIESC

FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS FIESC FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS FIESC EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA A SEGUNDA LICENCIATURA EM PEDAGOGIA - 2011/01 A Faculdade Integrada de Ensino Superior de Colinas do

Leia mais

Estabelece normas para o Vestibular da UFBA e dá outras providências.

Estabelece normas para o Vestibular da UFBA e dá outras providências. Resolução 01/02 Universidade Federal da Bahia Estabelece normas para o Vestibular da UFBA e dá outras providências. Disponível em: http://www.vestibular.ufba.br/resolucao0102.htm O CONSELHO DE ENSINO,

Leia mais

EDITAL Nº 07/2013 - VESTIBULAR AGENDADO DE INVERNO 2013/02

EDITAL Nº 07/2013 - VESTIBULAR AGENDADO DE INVERNO 2013/02 FACULDADE SANT ANA INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SANT ANA. EDITAL Nº 07/2013 - VESTIBULAR AGENDADO DE INVERNO 2013/02 Estabelece normas para Vestibular Agendado 2013/2 da INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

Seleção para as Vagas Remanescentes do Processo Seletivo Vestibular 2014 Aproveitamento do Resultado do ENEM 2013

Seleção para as Vagas Remanescentes do Processo Seletivo Vestibular 2014 Aproveitamento do Resultado do ENEM 2013 REITORIA COORDENADORIA DE PROCESSOS SELETIVOS Edital COPS Nº 004 / 2014 Seleção para as Vagas Remanescentes do Processo Seletivo Vestibular 2014 Aproveitamento do Resultado do ENEM 2013 A Universidade

Leia mais

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições;

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições; 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 04/2008 Regulamenta o Concurso Vestibular, para ingresso nos cursos de graduação

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO NEWTON PARA O PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016 (INÍCIO DAS AULAS EM FEVEREIRO DE 2016)

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO NEWTON PARA O PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016 (INÍCIO DAS AULAS EM FEVEREIRO DE 2016) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO NEWTON PARA O PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016 (INÍCIO DAS AULAS EM FEVEREIRO DE 2016) O Reitor do Centro Universitário Newton Paiva em Belo Horizonte,

Leia mais

Edital do Processo Seletivo (Vestibular) - 1º Semestre/2012 Curso de Pedagogia em regime semipresencial

Edital do Processo Seletivo (Vestibular) - 1º Semestre/2012 Curso de Pedagogia em regime semipresencial Edital do Processo Seletivo (Vestibular) - 1º Semestre/2012 Curso de Pedagogia em regime semipresencial 1 - ABERTURA A UNIVERSIDADE DE RIO VERDE, através do seu Reitor e da Comissão Permanente de Vestibular

Leia mais

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br EDITAL 021/2015 DE 15 DE OUTUBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016.1 A Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde FAPEC torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2016.1, para

Leia mais

EDITAL N 001/2012 SELEÇÃO PARA O MESTRADO EM DESENVOLVIMENTO E MEIO AMBIENTE TURMA 2013

EDITAL N 001/2012 SELEÇÃO PARA O MESTRADO EM DESENVOLVIMENTO E MEIO AMBIENTE TURMA 2013 EDITAL N 001/2012 SELEÇÃO PARA O MESTRADO EM DESENVOLVIMENTO E MEIO AMBIENTE TURMA 2013 A Coordenação do FAZ SABER que no período de 10 de setembro a 19 de outubro de 2012 estarão abertas as inscrições

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - UNIVASF CONSELHO UNIVERSITÁRIO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - UNIVASF CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 06/2008 Estabelece critérios para o Processo Seletivo de Ingresso Extravestibular 2008 para os cursos de Graduação da UNIVASF O DA UNIVASF no uso de suas atribuições, e cumprindo o disposto

Leia mais

EDITAL 003/2015. Processo Seletivo 2016/1

EDITAL 003/2015. Processo Seletivo 2016/1 EDITAL 003/2015 Processo Seletivo 2016/1 O Diretor Geral da FASURGS, credenciada pela Portaria do MEC. Nº 1.220 de 23 Dezembro de 2009, e publicada no DOU nº 246 de 24/12/2009, seção1, pg.95, mantida pelo

Leia mais

FACULDADE ESPECIALIZADA NA ÁREA DE SAÚDE DO RIO GRANDE DO SUL Portaria MEC nº 1.220 23/12/2009 - DOU nº 246-24/12/2009, seção 1, p.

FACULDADE ESPECIALIZADA NA ÁREA DE SAÚDE DO RIO GRANDE DO SUL Portaria MEC nº 1.220 23/12/2009 - DOU nº 246-24/12/2009, seção 1, p. EDITAL 001/2015 Processo Seletivo 2015/2 O Diretor Geral da FASURGS, credenciada pela Portaria do MEC. Nº 1.220 de 23 Dezembro de 2009, e publicada no DOU nº 246 de 24/12/2009, seção1, pg.95, mantida pelo

Leia mais

EDITAL Nº 5/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO 01/2016

EDITAL Nº 5/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO 01/2016 EDITAL Nº 5/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO 01/2016 A Direção Geral da Faculdade Iguaçu, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, de acordo com a legislação vigente e Regimento Geral, torna

Leia mais

Processos Seletivos 2014 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de outubro de 2013

Processos Seletivos 2014 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de outubro de 2013 Processos Seletivos 2014 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de outubro de 2013 Aditamento nº 10 Define as normas específicas do Vestibular Seleção RN 2014.2 da graduação presencial (Aprovado

Leia mais

EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015

EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 A Faculdade Meta - FAMETA, Instituição de Ensino Superior comprometida a observar o padrão

Leia mais

Um novo Conceito em Educação! 402 Sul, Av. NS-02, Conj. II, Lote 16 Palmas TO Fone: 63 3214-7345/ 3214-7377 www.itopedu.com.br

Um novo Conceito em Educação! 402 Sul, Av. NS-02, Conj. II, Lote 16 Palmas TO Fone: 63 3214-7345/ 3214-7377 www.itopedu.com.br FACULDADE ITOP EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 06/2014 2º SEMESTRE LETIVO DE 2014 A Comissão Organizadora do Processo Seletivo - COPS, da Faculdade ITOP, considerando o que dispõe a legislação em vigor,

Leia mais

EDITAL DO VESTIBULAR ESPECIAL EAD/UAB - UNIFEI 2009

EDITAL DO VESTIBULAR ESPECIAL EAD/UAB - UNIFEI 2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ EDITAL DO VESTIBULAR ESPECIAL EAD/UAB - UNIFEI 2009 Aprovado pela Câmara de Graduação em 19/09/2008 18ª Reunião Extraordinária O Pró-Reitor de Graduação

Leia mais

Prof. Anísio Brasileiro de Freitas Dourado Reitor

Prof. Anísio Brasileiro de Freitas Dourado Reitor O Magnífico Reitor da Universidade Federal de Pernambuco no uso das atribuições que lhe confere o artigo 33, alínea p do Estatuto da Universidade e, CONSIDERANDO - que a regulamentação do assunto deve

Leia mais

Um novo Conceito em Educação! 402 Sul, Av. NS-02, Conj. II, Lote 16 Palmas TO Fone: 63 3214-7345/ 3214-7377 www.itopedu.com.br

Um novo Conceito em Educação! 402 Sul, Av. NS-02, Conj. II, Lote 16 Palmas TO Fone: 63 3214-7345/ 3214-7377 www.itopedu.com.br FACULDADE ITOP EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 01/2014 A Comissão Organizadora do Processo Seletivo - COPS, da Faculdade ITOP, considerando o que dispõe a legislação em vigor, faz saber pelo presente Edital,

Leia mais

1. PREÂMBULO 2. DO NÚMERO DE VAGAS. 2.1 Serão oferecidas 15 (quinze) vagas. 3. DA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO

1. PREÂMBULO 2. DO NÚMERO DE VAGAS. 2.1 Serão oferecidas 15 (quinze) vagas. 3. DA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTATÍSTICA EDITAL No. 1/2014 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTATÍSTICA PARA O CURSO DE MESTRADO ACADÊMICO PARA O

Leia mais

EDITAL Nº 092/VRG/2014

EDITAL Nº 092/VRG/2014 EDITAL Nº 092/VRG/2014 ESTABELECE CRITÉRIOS, DATAS E ETAPAS DE SELEÇÃO DAS VAGAS PARA OS CURSOS PRESENCIAIS DE LICENCIATURA EM HISTÓRIA E MATEMÁTICA, COM BOLSA DE ESTUDOS INTEGRAL, OFERTADOS A PROFESSORES

Leia mais

1.2. Os candidatos a ingresso em 2014 terão à sua disposição duas modalidades de avaliação, a saber: Exame Presencial e Nota do ENEM

1.2. Os candidatos a ingresso em 2014 terão à sua disposição duas modalidades de avaliação, a saber: Exame Presencial e Nota do ENEM A Diretoria Geral das faz publicar que, a partir de 18 de outubro de 2013 a 15 de janeiro de 2014, será realizado o Processo Seletivo para o preenchimento de vagas dos cursos de graduação desta Instituição

Leia mais

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de São Carlos, no

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de São Carlos, no RESOLUÇÃO CEPE Nº 503, de 13 de julho de 2005. Regulamenta a execução do Processo Seletivo para ingresso nos cursos da UFSCar e dá outras providências. O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade

Leia mais

Um novo Conceito em Educação! 402 Sul, Av. NS-02, Conj. II, Lote 16 Palmas TO Fone: 63 3214-7345/ 3214-7377 www.itopedu.com.br

Um novo Conceito em Educação! 402 Sul, Av. NS-02, Conj. II, Lote 16 Palmas TO Fone: 63 3214-7345/ 3214-7377 www.itopedu.com.br FACULDADE ITOP EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 01/2015 1º SEMESTRE LETIVO DE 2015 A Comissão Organizadora do Processo Seletivo - COPS, da Faculdade ITOP, considerando o que dispõe a legislação em vigor,

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR N 04/2015 AO EDITAL N. 003/2014 UNEMAT/COVEST

EDITAL COMPLEMENTAR N 04/2015 AO EDITAL N. 003/2014 UNEMAT/COVEST EDITAL COMPLEMENTAR N 04/2015 AO EDITAL N. 003/2014 UNEMAT/COVEST EDITAL ESPECÍFICO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS OCIOSAS - INGRESSO VIA HISTÓRICO ESCOLAR DO ENSINO MÉDIO SISU 2015/1 A REITORA da Universidade

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS DE OLINDA. EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 1º semestre/2014 Turmas de 1ª entrada ORIENTAÇÃO AO CANDIDATO

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS DE OLINDA. EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 1º semestre/2014 Turmas de 1ª entrada ORIENTAÇÃO AO CANDIDATO FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS DE OLINDA EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 1º semestre/2014 Turmas de 1ª entrada ORIENTAÇÃO AO CANDIDATO A Faculdade de Ciências Humanas de Olinda FACHO torna pública a abertura

Leia mais

COORDENADORIA GERAL DE CONCURSOS E PROCESSOS SELETIVOS EDITAL 027/2013-COGEPS

COORDENADORIA GERAL DE CONCURSOS E PROCESSOS SELETIVOS EDITAL 027/2013-COGEPS COORDENADORIA GERAL DE CONS E PROCESSOS SELETIVOS EDITAL 027/2013-COGEPS ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA OCUPAÇÃO DE INICIAIS REMANESCENTES DO CON VESTIBULAR 2013 PELO APROVEITAMENTO DO RESULTADO DO ENEM DE

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO. INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010 2º semestre EDITAL N 64 / 2010

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO. INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010 2º semestre EDITAL N 64 / 2010 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UNIRIO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010

Leia mais

EDITAL DE TRANSFERÊNCIA Nº 001/2013 DRCA/UFAL CAMPUS MACEIÓ

EDITAL DE TRANSFERÊNCIA Nº 001/2013 DRCA/UFAL CAMPUS MACEIÓ SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE REGISTRO E CONTROLE ACADÊMICO EDITAL DE TRANSFERÊNCIA Nº 001/2013 DRCA/UFAL CAMPUS MACEIÓ O Departamento

Leia mais

EDITAL Nº 102/2015. Processo Seletivo 2016

EDITAL Nº 102/2015. Processo Seletivo 2016 EDITAL Nº 102/2015 Processo Seletivo 2016 O Reitor da Universidade Católica de Santos, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, torna público que estarão abertas, das 12h de 31 de agosto às 14h

Leia mais

EDITAL VESTIBULAR 2013/2º SEMESTRE

EDITAL VESTIBULAR 2013/2º SEMESTRE EDITAL VESTIBULAR 2013/2º SEMESTRE A FACULDADE DE DIREITO DO VALE DO RIO DOCE FADIVALE, em Governador Valadares/MG, mantida pela Sociedade Simples Cultura e Educação, no uso de suas atribuições, nos termos

Leia mais

Manual do Candidato VESTIBULAR 2012.2

Manual do Candidato VESTIBULAR 2012.2 Fundação Educacional Unificada Campograndense Estrada da Caroba, 685 - Campo Grande - Rio de Janeiro - Cep.: 23085-590 www.feuc.br feuc@feuc.br CNPJ: 42.257.543/0001-39 Manual do Candidato VESTIBULAR 2012.2

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO/2016 MEDICINA

EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO/2016 MEDICINA EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO/2016 MEDICINA De ordem do Magnífico Reitor do Centro Universitário Lusíada - UNILUS, Dr. Nelson Teixeira, torno público que as provas do Processo Seletivo Classificatório

Leia mais

VESTIBULAR 2014.1 PROVA EM 1/2/2014

VESTIBULAR 2014.1 PROVA EM 1/2/2014 VESTIBULAR 2014.1 PROVA EM 1/2/2014 EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO REFERENTE AO 1 o SEMESTRE DO ANO LETIVO DE 2014 O Diretor do Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro da Universidade

Leia mais

EDITAL DO1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015

EDITAL DO1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 EDITAL DO1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 A Faculdade FAPAN Instituição de Ensino Superior comprometida a observar o padrão de qualidade

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE SECRETARIA GERAL DOS CONSELHOS SUPERIORES

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE SECRETARIA GERAL DOS CONSELHOS SUPERIORES SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE SECRETARIA GERAL DOS CONSELHOS SUPERIORES DELIBERAÇÃO Nº 044/2005 CONSELHO DEPARTAMENTAL EM 25 DE NOVEMBRO DE

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LITERATURA EDITAL 01/2014

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LITERATURA EDITAL 01/2014 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LITERATURA EDITAL 01/2014 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ESTRANGEIROS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM LITERATURA PARA OS CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO

Leia mais

EDITAL Nº 08/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO 2015

EDITAL Nº 08/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO 2015 EDITAL Nº 08/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO 2015 1º A Faculdade São Luiz, por ordem de seu Diretor Geral, comunica aos interessados que estarão abertas, de 15 de setembro de 2014 a 30 de novembro de 2014, as

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL EDITAL DE ABERTURA DE VAGAS PARA PROFESSOR-MONITOR DO CURSINHO DA INCLUSÃO SOCIAL, N 2 DE 03 DE SETEMBRO DE 2012. A Coordenação do Projeto Cursinho

Leia mais

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL I - DO PROCESSO SELETIVO De ordem do Senhor Diretor e para conhecimento de todos os interessados, torno público que, no período indicado neste

Leia mais

EDITAL N.º 005/2011 PROCESSO SELETIVO 2012/1 DA FACULDADE PIO DÉCIMO

EDITAL N.º 005/2011 PROCESSO SELETIVO 2012/1 DA FACULDADE PIO DÉCIMO DURAÇÃO O EDITAL N.º 005/2011 PROCESSO SELETIVO 2012/1 DA FACULDADE PIO DÉCIMO O DIRETOR GERAL DA FACULDADE PIO DÉCIMO, considerando o disposto na forma do que dispõe a Lei 9394 de 20/09/96, do Decreto

Leia mais

Instituto de Ensino Superior de Goiás Faculdades IESGO Edital do 2º Processo Seletivo de 2015

Instituto de Ensino Superior de Goiás Faculdades IESGO Edital do 2º Processo Seletivo de 2015 Instituto de Ensino Superior de Goiás Faculdades IESGO Edital do 2º Processo Seletivo de 2015 O Diretor Geral do Instituto de Ensino Superior de Goiás, mantido pela Sociedade de Ensino Superior Fênix Ltda,

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB Dispõe sobre as normas referentes ao Processo Seletivo 2015, para o preenchimento de vagas para os cursos de graduação, na modalidade de Ensino Educação a Distância, do CENTRO

Leia mais

SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O CURSO POPULAR PREPARATÓRIO ENEM 2011

SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O CURSO POPULAR PREPARATÓRIO ENEM 2011 EDITAL Nº 01/2011 SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O CURSO POPULAR PREPARATÓRIO ENEM 2011 A Universidade Federal de Itajubá Campus Itabira torna público o edital que regulamenta a seleção de alunos para ingresso

Leia mais

EDITAL TURMA 2011 / 02 - MESTRADO ACADÊMICO

EDITAL TURMA 2011 / 02 - MESTRADO ACADÊMICO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS INSTITUTO POLITÉCNICO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATERIAIS CURSO DE MESTRADO ACADÊMICO EDITAL PROGRAMA

Leia mais

Legislação do curso. Vagas. 45 Noturno 45

Legislação do curso. Vagas. 45 Noturno 45 De acordo com a Lei nº 9.394 de 20/12/96 e o Regimento Geral, a Reitora da Universidade Salvador - UNIFACS, no uso de suas atribuições, torna pública a abertura das inscrições para o Processo Seletivo

Leia mais

ANO 2014 2º SEMESTRE

ANO 2014 2º SEMESTRE SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 095/2014, de 25/04/2014 PROCESSO SELETIVO E MATRÍCULA DOS CANDIDATOS APROVADOS NO PROGRAMA

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO 2015

EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO 2015 EDITAL PROCESSO SELETIVO CENTRO UNIVERSITÁRIO LUSÍADA - UNILUS De ordem do Senhor Reitor do Centro Universitário Lusíada - UNILUS, Dr. Nelson Teixeira, torno público que estarão abertas as inscrições para

Leia mais

Coordenação do Processo Seletivo

Coordenação do Processo Seletivo Coordenação do Processo Seletivo Edital nº 002/12 Processo Seletivo Inverno 2012/2 A Diretora Geral da Faculdade Catuaí, mantida pela Associação de Ensino de Cambé, com base em dispositivos constantes

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 171/2015

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 171/2015 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 171/2015 Dispõe sobre as normas e fixa o calendário e o número de vagas para o Processo Seletivo Verão-2016, para os cursos de graduação presenciais da Universidade de Taubaté UNITAU.

Leia mais

Coordenação do Processo Seletivo

Coordenação do Processo Seletivo Coordenação do Processo Seletivo Edital nº 003/14 Processo Seletivo Verão 2015-1 A Diretora Geral da Faculdade Catuaí, mantida pela Associação de Ensino de Cambé, com base em dispositivos constantes de

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA, PARA O CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL, ÁREA

Leia mais

EDITAL UESC Nº 115 ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONCURSO VESTIBULAR PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - 2014

EDITAL UESC Nº 115 ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONCURSO VESTIBULAR PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - 2014 EDITAL UESC Nº 115 ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONCURSO VESTIBULAR PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - 2014 O Reitor em exercício da Universidade Estadual de Santa Cruz UESC, no

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO- BRASILEIRA (UNILAB) EDITAL Nº 04/2013

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO- BRASILEIRA (UNILAB) EDITAL Nº 04/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO- BRASILEIRA (UNILAB) EDITAL Nº 04/2013 PROCESSO SELETIVO 2013/1 PARA INGRESSO DE ESTUDANTES ESTRANGEIROS, NOS CURSOS DE

Leia mais

1 DA FINALIDADE E DO PÚBLICO ALVO

1 DA FINALIDADE E DO PÚBLICO ALVO A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências torna público as Normas Complementares do Processo Seletivo Ano Letivo 2015, aos candidatos a discente do Programa de Pós-Graduação em Ensino

Leia mais

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 Dispõe sobre as formas de ingresso e sobre o Processo Seletivo para admissão de alunos nos cursos de graduação, na Faculdade de Música do Espírito Santo Maurício de Oliveira. RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 O

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO AGENDADO Nº 0003/14 CONSOLIDADO

EDITAL PROCESSO SELETIVO AGENDADO Nº 0003/14 CONSOLIDADO EDITAL PROCESSO SELETIVO AGENDADO Nº 0003/14 CONSOLIDADO O Diretor da FACULDADE CENECISTA DE BENTO GONÇALVES - FACEBG, com sede no município de Bento Gonçalves, Estado/RS, torna público, na forma regimental

Leia mais

1. DO OBJETO 2. DAS INSCRIÇÕES

1. DO OBJETO 2. DAS INSCRIÇÕES EDITAL N 01 /2012-1 - VESTIBULAR, CONCURSO PRINCIPAL E PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTINUADO DO CENTRO UNIVERSITARIO DE MINEIROS UNIFIMES MANTIDO PELA FUNDAÇÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

CONCURSO VESTIBULAR 2016.1 EDITAL

CONCURSO VESTIBULAR 2016.1 EDITAL CONCURSO VESTIBULAR 2016.1 EDITAL A REITORA do Centro Universitário de João Pessoa UNIPÊ faz saber, pelo presente EDITAL, que estão sendo abertas durante o período, de 15 de setembro de 2015 a 11 de março

Leia mais

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades,

Leia mais