RESOLUÇÃO CNSP nº 12/1988

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RESOLUÇÃO CNSP nº 12/1988"

Transcrição

1 RESOLUÇÃO CNSP nº 12/1988 A SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP, na forma do art. 30 do Regimento Interno baixado pela Resolução CNSP nº 31/68, de , com a redação dada pela Resolução CNSP nº 05/87, de , torna público que o CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS - CNSP, em sessão realizada nesta data, no uso de suas atribuições e considerando o que consta do Processo CNSP nº 03/88, de , RESOLVEU: Art. 1º- Aprovar as Condições Gerais e Tarifa para o Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Intermodal - Carga, na forma das normas anexas a esta Resolução. Art. 2º- Esta Resolução entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Brasília (DF), 03 de outubro de JOÃO RÉGIS RICARDO DOS SANTOS SUPERINTENDENTE

2 ANEXO À RESOLUÇÃO CNSP Nº 12/88, DE CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR INTERMODAL-CARGA CLÁUSULA 1ª- OBJETO DO SEGURO O presente seguro tem por objetivo garantir ao Segurado-Transportador Rodoviário, aquaviário ou Aéreo, até o limite de responsabilidade, por evento, o reembolso das reparações pecuniárias pelas quais, nos termos da legislação em vigor, for ele civilmente responsável, em virtude de perdas ou danos sofridos pelas mercadorias de terceiros, constituídas de cargas unitizadas, conforme definição em lei específica, e que lhes tenham sido entregues para transporte intermodal, desde que aquelas perdas ou danos ocorram durante o transporte rodoviário, aquaviário ou aéreo, e tenham enquadramento na Cláusula 2ª- Risco Coberto, deste contrato. CLÁUSULA 2ª- RISCO COBERTO Considera-se risco coberto: a Responsabilidade Civil do transportador rodoviário terrestre por perdas ou danos causados à carga transportada em conseqüência de: a) colisão e/ou capotagem e/ou abalroamento e/ou tombamento do veículo transportador; b) incêndio ou explosão no veículo transportador a Responsabilidade Civil do transportador aquaviário por perdas ou danos causados à carga transportada em conseqüência de: a) naufrágio, encalhe, varação, abalroação e colisão da embarcação transportadora com qualquer corpo fixo ou móvel; b) incêndio ou explosão na embarcação transportadora; a Responsabilidade Civil do transportador aéreo por todo e qualquer tipo de perda ou dano que lhe for imputável, nos termos do Código Brasileiro de Aeronáutica e/ou convenções que regulem o transporte aéreo nacional Observado o critério de aferição de responsabilidade previsto neste contrato, achase, ainda, coberta a responsabilidade do Segurado-Transportador pelas perdas ou danos sofridos pelas mercadorias, conseqüentes dos riscos de incêndio ou explosão nos depósitos, armazéns ou pátios usados pelo Segurado nas localidades de inícios, pernoite, baldeação.

3 2.3 - Fica entendido e acordado que, não estarão abrangidas pelo presente contrato, salvo convenção em contrário, perdas ou danos ocorridos durante o transporte ferroviário, ainda que imputáveis à responsabilidade civil do transportador rodoviário, aquaviário ou aéreo emitente do conhecimento de transporte intermodal. CLÁUSULA 3ª - COMEÇO E FIM DOS RISCOS Os riscos assumidos na presente apólice, durante o transporte propriamente dito, têm início no momento em que as mercadorias são colocadas no meio de transporte, no local do início da viagem contratada, e terminam quando são retiradas do meio de transporte no local de destino da mesma viagem Os riscos de incêndio ou explosão, durante a permanência das mercadorias nos depósitos, armazéns ou pátios usados pelo Segurado, conforme definido no item 2.2 da Cláusula 2ª destas Condições, têm o prazo de cobertura de 30 (trinta) dias, contados da data da entrada naqueles depósitos, armazéns ou pátios A cobertura concedida por esta apólice estende-se aos percursos urbanos e suburbanos de coletas e entregas de bens ou mercadorias, efetuadas pelo Segurado, como complementares a viagem principal, comprovadas pelo documento fiscal do embarcador ou pela minuta de despacho. CLÁUSULA 4ª - CONDIÇÕES DE TRANSPORTE O transporte das cargas unitizadas, conforme definido na lei específica, deverá ser feito em meios de transportes licenciados, em bom estado de funcionamento e providos de equipamentos e/ou dispositivos necessários à perfeita proteção da carga Os condutores dos meios de transporte - que para todos os efeitos deste contrato de seguro são considerados prepostos do Segurado - deverão estar regularmente habilitados. CLÁUSULA 5ª - PROPOSTA DO SEGURO A presente apólice é emitida de conformidade com as declarações da proposta do seguro, que fica fazendo parte integrante deste contrato O Segurado obriga-se a comunicar, por escrito, à Sociedade Seguradora, qualquer alteração que ocorra nos dados constantes da proposta do seguro, no prazo de 03 (três) dias, a contar da data da alteração Não é admitida a presunção de que a Sociedade Seguradora possa ter conhecimento de circunstâncias que não constem da proposta e daquelas que não tenham sido comunicadas posteriormente.

4 CLÁUSULA 6ª - OUTROS SEGUROS O Segurado não poderá manter mais de uma apólice deste seguro nesta ou em outra Sociedade Seguradora, sob pena de suspensão de seus efeitos, sem qualquer direito à restituição do prêmio que houver pago. CLÁUSULA 7ª - AVERBAÇÕES O Segurado obriga-se a entregar à Sociedade Seguradora dentro dos 10 (dez) primeiros dias úteis de cada mês as averbações simplificadas acompanhadas de relação discriminada por localidade de emissão, de todos os conhecimentos das viagens intermodais emitidos no mês anterior, em rigorosa ordem numérica, acompanhada de 01 (uma) via desses conhecimentos O Segurado assume a obrigação de: averbar nesta apólice todos os embarques abrangidos pela mesma, quaisquer que sejam seus valores; fornecer à Sociedade Seguradora e ao Instituto de Resseguro do Brasil os elementos e provas que lhe forem solicitados para a verificação do fiel cumprimento dessa obrigação de averbar todos os seus embarques; O não cumprimento da obrigação de averbar todos os embarques abrangidos pela apólice, quaisquer que sejam, seus valores, implica, de pleno direito, a imediata rescisão deste contrato e a perda do direito de receber desta Sociedade Seguradora indenização por força deste seguro, tenha ou não sido averbado o embarque sinistrado. CLÁUSULA 8ª - PRÊMIO O prêmio do seguro terá por base o valor das mercadorias constantes das notas fiscais declaradas no Conhecimento de Transporte Intermodal e na averbação simplificada, e as taxas previstas na correspondente Tarifa o valor declarado na averbação deverá obrigatoriamente ser o mesmo das notas fiscais mencionadas no Conhecimento de Transporte Intermodal A cobrança do prêmio será feita através de fatura mensal e correspondente Nota de Seguro, englobando todo o movimento averbado pelo Segurado no mês. inicial A entrega da apólice aos Segurados será feita mediante o pagamento de prêmio

5 CLÁUSULA 9ª - IMPORTÂNCIA SEGURADA E LIMITE DE RESPONSABILIDADE A Sociedade Seguradora fixará, nas Condições Particulares da Apólice, o limite máximo de responsabilidade por evento (acidente, incêndio ou explosão em armazém), suscetível de alteração, a pedido prévio do Segurado Convencionam os contratantes que a Importância Segurada corresponderá aos valores integrais das mercadorias constantes nas notas fiscais e declaradas nos Conhecimentos de Transporte Intermodal e representará, em qualquer hipótese, o prejuízo máximo indenizável pela Seguradora por evento Em se tratando de transporte aéreo sem valor declarado, a responsabilidade do transportador aéreo ficará limitada aos valores estabelecidos no Código Brasileiro de Aeronáutica. CLÁUSULA 10ª - PAGAMENTO DE PRÊMIO Fica entendido e ajustado que qualquer indenização por força do presente contrato somente passa a ser devida depois que o pagamento do prêmio houver sido realizado pelo Segurado, o que deve ser feito, no máximo, até a data limite prevista para este fim, na NOTA DE SEGURO A data limite para pagamento do prêmio não poderá ultrapassar o 30º dia da emissão da apólice, da fatura ou da conta mensal, do aditivo de renovação, dos aditivos ou endossos dos quais resulte aumento do prêmio Quando a data limite cair em dia que não haja expediente bancário, o pagamento do prêmio poderá ser efetuado no primeiro dia útil em que houver expediente bancário Fica, ainda, entendido e ajustado que, se o sinistro ocorrer dentro do prazo de pagamento do prêmio sem que ele se ache efetuado, o direito à indenização não ficará prejudicado, se o prêmio respectivo for pago ainda naquele prazo Decorridos os prazos referidos nos itens anteriores sem que tenha sido quitada a respectiva NOTA DE SEGURO, o contrato ou aditamento a ela referente ficará automaticamente e de pleno direito cancelado, independente de qualquer interpelação judicial ou extrajudicial, sem que caiba restituição de qualquer parcela do prêmio já paga. CLÁUSULA 11 SINISTRO O Segurado obriga-se a comunicar imediatamente à Sociedade Seguradora, por escrito, as ocorrências que possam acarretar responsabilidade por esta apólice Além do aviso à Sociedade Seguradora, o Segurado deverá tomar todas as providências consideradas inadiáveis, e ao seu alcance, para resguardar os interesses comuns e impedir o agravamento dos prejuízos.

6 Ao representante da Sociedade Seguradora prestará o Segurado todas as informações e esclarecimentos necessários à determinação da causa do sinistro e à natureza e extensão das perdas ou danos resultantes Proposta que seja qualquer ação cível contra o Segurado, ou seu preposto, será dado imediato conhecimento do fato à Sociedade Seguradora, à qual serão remetidas cópias das contrafés recebidas. Em tais casos, o Segurado ou seu preposto ficará obrigado a constituir, para defesa judicial ou extrajudicial de seus direitos, procurador ou advogado, de comum acordo com a Sociedade Seguradora a Sociedade Seguradora indenizará também as custas judiciais e os honorários do advogado ou procurador nomeado pelo Segurado de comum acordo com ela, ainda que tais custas e honorários, acrescidos ao valor da indenização devida, ultrapassem o valor segurado, observada, se for o caso, a eventual proporção na responsabilidade pela indenização principal Embora as negociações e atos relativos à liquidação com os reclamantes sejam tratados pelo Segurado, a Sociedade Seguradora reserva-se o direito de dirigir os entendimentos, se o quiser, ou intervir em qualquer fase do andamento das providências sendo vedado ao Segurado transigir, pagar ou tomar outras providências que possam influir no resultado das negociações ou litígios, salvo se autorizado pela Sociedade Seguradora. CLÁUSULA 12 - ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE Ficará a Sociedade Seguradora isenta de toda e qualquer responsabilidade ou obrigação decorrente deste seguro, sem qualquer reembolso ao Segurado, quando este: a) transgredir os prazos, não fizer as comunicações devidas ou não cumprir quaisquer das obrigações que lhe cabem pelas condições do presente seguro; b) exagerar de má fé os danos causados pelo sinistro, desviar ou ocultar, no todo ou em parte, as mercadorias sobre as quais verse a reclamação; c) dificultar qualquer exame ou diligência necessária para a ressalva de direitos contra terceiros ou para a redução dos riscos e prejuízos; d) praticar qualquer fraude ou falsidade que tenha influído na aceitação do risco ou nas condições do seguro; e) inobservar o disposto na cláusula 5 destas Condições Gerais; e/ou ar; f) inobservar as disposições que disciplinam o transporte de carga por água, terra Fica também a Sociedade Seguradora isenta de responsabilidade quando as perdas ou danos sofridos pela carga forem provenientes direta ou indiretamente de:

7 a) dolo do Segurado, sócio-dirigente e dirigentes de empresa do Segurado; b) greves, "lock-out", tumultos, motins, arruaças, desordens, e quaisquer outras perturbações da ordem pública, salvo de o Segurado for condenado em sentença transitada em julgado; c) transbordo, assim entendidas as operações de carga e descarga com ou sem içamento, salvo mediante, a cobrança de prêmio adicional e inclusão na apólice de Cláusula Especial. CLÁUSULA 13 INSPEÇÕES A Sociedade Seguradora poderá proceder, em qualquer tempo, às inspeções e verificações que considerar necessárias ou convenientes, com relação ao seguro e ao prêmio, e o Segurado assume a obrigação de fornecer os esclarecimentos, os elementos e as provas que lhe forem solicitadas pela Sociedade Seguradora. CLÁUSULA 14 REEMBOLSO Caso o Segurado liquide diretamente a reclamação, a Sociedade Seguradora ficará obrigada a reembolsa-lo no prazo de 10 (dez) dias, a contar da apresentação da prova do pagamento Verificada pela Sociedade Seguradora a procedência de qualquer reclamação que tenha sido liquidada pelo Segurado, tratará a reclamação como se a ela fora diretamente apresentada e reembolsará o Segurado mediante prova do pagamento por este efetuado O reembolso será acrescido das despesas, quando comprovadas, de socorro e salvamento, armazenagem guarda, reembalagem, outras que tenham sido feitas para salvaguardar as mercadorias, e as decorrentes de medidas solicitadas pela Sociedade Seguradora. CLÁUSULA 15 - SUB-ROGAÇÃO A Sociedade Seguradora, ao pagar a correspondente indenização, por motivo de sinistro coberto pela presente apólice, ficará automaticamente sub-rogada em todos os direitos e ações que competirem ao Segurado, contra terceiros, obrigando-se o Segurado a facilitar os meios ao pleno exercício desta sub-rogação.

8 TARIFA PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR INTERMODAL CARGA Art. 1º - APLICAÇÃO DA TARIFA As disposições desta Tarifa aplicam-se aos Seguros de Responsabilidade Civil do Transportador Intermodal. Art. 2º - CONTRATAÇÃO DO SEGURO O seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Intermodal.- carga será contratado pela empresa transportadora (aérea, aquaviário ou rodoviária) que emitir o conhecimento de transporte intermodal Figurarão na apólice, na qualidade de co-segurados, todos os demais transportadores envolvidos na operação de transporte intermodal, exceção feita ao transportador ferroviário. Art. 3º - COBERTURA DE BENS E MERCADORIAS SUJEITAS A CONDIÇÕES PRÓPRIAS As disposições tarifárias previstas nesta Tarifa não se aplicam, em qualquer hipótese, aos transportes de valores, assim considerados: dinheiro em moeda ou papel, metais preciosos e suas ligas, trabalhadas ou não, pedras preciosas, semi-preciosas, jóias pérolas engastadas ou não, certificado de títulos, conhecimentos, recibo de depósito de armazéns, cheques, saques, ordens de pagamento, selos e estampilhas, bilhetes de loteria, apólices de seguro e quaisquer outros instrumentos ou contratos, negociáveis ou não, representando dinheiro, objetos de arte, coleções, esculturas e quadros. Art. 4º - COBERTURA ESPECIAIS Operações de Carga, Descarga e Transbordo ou Baldeação - A cobertura para todas as operações de carga, descarga, transbordo ou baldeação ocorridas durante uma mesma viagem intermodal, poderá ser concedida mediante adoção da Cláusula Especial nº 1, anexa a esta Tarifa, e cobrança da taxa de 0,08% (oito centésimos por cento), sobre a importância segurada, para efeito desta cobertura, por viagem intermodal Reembolso de danos ocorridos em percursos ferroviários - A cobertura para indenizações pagas pelos transportadores rodoviários, aquaviários ou aéreos, por danos ocorridos à carga nos percursos ferroviários, poderá ser concedida, mediante adoção da Cláusula Especial nº 2, anexa a esta Tarifa, e cobrança de 50% das taxas previstas na "Tabela de Taxas para o Seguro Obrigatório de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário-Carga (RCTR-C)" para os percursos rodoviários equivalentes aos percursos ferroviários envolvidos na operação de transporte intermodal.

9 Art. 5º- APÓLICE DE AVERBAÇÃO Para os seguros sujeitos à presente Tarifa deverá ser emitida apólice de averbação, sendo expressamente vedada a emissão de apólice de prêmio fixo, cobrindo englobadamente diversos embarques por período de tempo determinado, sem a especificação de cada um A Sociedade Seguradora fornecerá ao Segurado formulários de Averbação Simplificada, em seis vias, numeradas e assinadas permitido o uso de chancela - com a destinação prevista na Cláusula 6ª das Condições Gerais da Apólice. Art. 6º - TAXAS A taxa aplicável ao seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Intermodal- Carga corresponderá a 80% da soma das taxas tarifárias ou individuais de que goze o segurado para os segmentos modais da operação de transporte intermodal, mais as taxas previstas nos subitens 4.1 e 4.2 do Art. 4º desta tarifas para as coberturas especiais ali discriminadas Na emissão da apólice será cobrado o prêmio inicial correspondente a 0,1% (um décimo por cento) da importância fixada nas Condições da Apólice como limite máximo de responsabilidade por evento. Art. 7º - CORRETAGEM A Sociedade Seguradora remunera o corretor oficialmente registrado, que tenha angariado o seguro, com uma comissão de corretagem única, limitada ao máximo de 10% (dez por cento) do prêmio líquido recebido. Art. 8º - REVISÃO DE CRITÉRIO TARIFÁRIO O critério tarifário constante da presente tarifa será objeto de revisão 2 anos após a sua entrada em vigor. Art. 9º - CASOS OMISSOS Os casos omissos da presente Tarifa serão resolvidos pela Superintendência de Seguros Privados, ouvido o Instituto de Resseguro do Brasil. *Este texto não substitui o publicado no D.O.U. de

10 CLÁUSULA ESPECIAL Nº 1 1.RISCOS COBERTOS Fica entendido e acordado que o presente seguro garante ainda, em complemento à Cláusula 1 - Objeto do Seguro e Riscos Cobertos, das Condições Gerais para o Seguro de Responsabilidade Civil de Transportador Intermodal-Carga, o reembolso das reparações pecuniárias pelas quais nos termos da legislação em vigor, for ele responsável em virtude de perdas ou danos sofridos pelas mercadorias de terceiros, constituídas de cargas unitizadas, durante as operações de carga, descarga e transbordo ou baldeação, desde que essas perdas ou danos sejam decorrentes de: choque, queda, incêndio e explosão. 2. PARTICIPAÇÃO OBRIGATÓRIA DO SEGURADO Fica estabelecida uma participação obrigatória do Segurado igual a 20% (vinte por cento), aplicável sobre o total dos prejuízos reclamados sob a presente cobertura. 3. LIQUIDAÇÃO DO SINISTRO Em caso de sinistro, o Segurado se obriga a apresentar registro da ocorrência com descrição do fato e relação das testemunhas, sem prejuízo do disposto nas Condições Gerais abaixo ratificadas. 4. RATIFICAÇÃO Ratificam-se integralmente as disposições das Condições Gerais para o Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Intermodal Carga que não tenham sido alteradas pela presente Cláusula Especial. *Este texto não substitui o publicado no D.O.U. de

11 CLÁUSULA ESPECIAL Nº 2 1. O Segurador compromete-se a reembolsar ao segurado-transportador rodoviário, ou aéreo, as indenizações pagas, por perdas ou danos causados à carga transportada nos percursos ferroviários, em conseqüência de: a) colisão e/ou capotagem e/ou descarrilamento e/ou tombamento do veículo transportador; b) incêndio ou explosão no veículo transportador. 2. Ao efetuar o reembolso previsto nesta Cláusula, o Segurador ficará automaticamente sub-rogado em todos os direitos e ações que competirem ao Segurado contra o transportador ferroviário. 3. Ratificam-se integralmente as disposições das Condições Gerais para o Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Intermodal Carga que não tenham sido alteradas pela presente Cláusula Especial. *Este texto não substitui o publicado no D.O.U. de

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA Cláusula 1 a. - OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS 1.1O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC 1. Segurado Pelo presente contrato, Segurado é a empresa de transportes regularmente constituída, nos termos do Art. 10, inciso I, do Decreto nº 89.874, de 28.06.84. 2. Objeto do Seguro e Riscos Cobertos

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA Cláusula 1 - Objeto do Seguro e Risco Coberto 1.1 - O presente contrato

Leia mais

A partir das 24:00 horas do dia05/11/2015 até as 24:00 horas do dia05/11/2016

A partir das 24:00 horas do dia05/11/2015 até as 24:00 horas do dia05/11/2016 VIGÊNCIA A partir das 24:00 horas do dia05/11/2015 até as 24:00 horas do dia05/11/2016 A BERKLEY INTERNATIONAL DO BRASIL SEGUROS SA - 01414 a seguir denominada "SEGURADORA", tendo em vista as declarações

Leia mais

Seguro de Responsabilidade Civil do Tranportador Rodoviário em Viagem Internacional. Danos a Carga Transportada. Condições Gerais

Seguro de Responsabilidade Civil do Tranportador Rodoviário em Viagem Internacional. Danos a Carga Transportada. Condições Gerais Seguro de Responsabilidade Civil do Tranportador Rodoviário em Viagem Internacional Danos a Carga Transportada Condições Gerais Cláusula 1 Objeto do seguro e risco coberto 1.1. O presente contrato de seguro

Leia mais

PROPOSTA DE SEGUROS TRANSPORTES

PROPOSTA DE SEGUROS TRANSPORTES Data da Cotação: 29/9/2015 PROPOSTA DE SEGUROS TRANSPORTES ITEM PAG. 1 RCTR-C 3 Pág 1 de 8 Data da Cotação: 29/9/2015 ACE BRASIL PROPOSTA DE SEGURO RCTR-C Pág 2 de 8 Endereço do Segurado AV. BRIG. FARIA

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA 1. Objeto do Seguro e Riscos Cobertos 1.1 O presente contrato de seguro tem por objeto, nos termos das presentes condições e do Convênio sobre Transporte Internacional Terrestre, reembolsar ao Segurado

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS 1 -INFORMAÇÕES PRELIMINARES. 1.1. A aceitação deste seguro estará sujeita à análise do risco.

CONDIÇÕES GERAIS 1 -INFORMAÇÕES PRELIMINARES. 1.1. A aceitação deste seguro estará sujeita à análise do risco. CONDIÇÕES CONTRATUAIS PADRONIZADAS PARA O SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCF-DC) CONDIÇÕES GERAIS 1 -INFORMAÇÕES PRELIMINARES 1.1.

Leia mais

CANAIS DE ATENDIMENTO

CANAIS DE ATENDIMENTO CANAIS DE ATENDIMENTO Grande São Paulo - 3156-2990 Demais Localidades - 0800 77 19 119 SAC - Cancelamento, Reclamações, Informações Gerais: Automóvel, Riscos Especiais, Transportes e Vida 0800 77 19 719

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º. O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

Características Gerais dos Seguros de Transportes Internacionais: I Condições Gerais;

Características Gerais dos Seguros de Transportes Internacionais: I Condições Gerais; Coberturas de Riscos UNIDADE III: Seguros: modalidades, custos e legislação internacional do setor. Cláusulas e condições gerais das apólices de seguros Características Gerais dos Seguros de Transportes

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 02, de 05 DE JANEIRO DE 1990

CIRCULAR SUSEP Nº 02, de 05 DE JANEIRO DE 1990 CIRCULAR SUSEP Nº 02, de 05 DE JANEIRO DE 1990 Aprova Condições Gerais para o Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional Danos à Carga Transportada. O SUPERINTENDENTE

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO CARGA (RCTA -C)

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO CARGA (RCTA -C) TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO CARGA (RCTA -C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º. O presente seguro garante ao

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 216, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2002

CIRCULAR SUSEP Nº 216, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2002 CIRCULAR SUSEP Nº 216, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2002 Dispõe sobre o Seguro de Responsabilidade Civil do Operador de Transporte Multimodal Cargas (RCOTM-C). O SUPERINTENDENTE DA SUPERINTEND NCIA DE SEGUROS

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 219, DE 2010.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 219, DE 2010. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 219, DE 2010. Dispõe sobre o Seguro Obrigatório de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário Carga (RCTR-C). A SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

TÍTULO I CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS

TÍTULO I CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANPORTADOR FERROVIÁRIO - CARGA (RCTF-C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1 o O presente seguro garante

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 123, de 2005.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 123, de 2005. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 123, de 2005. Dispõe sobre o Seguro Obrigatório de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário Carga (RCTR-C). A SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

Amigos, Atenciosamente,

Amigos, Atenciosamente, Amigos, A MSCB Advogados Associados, é o braço jurídico da Zênite Assessoria e Consultoria Ltda., que há mais de 20 anos presta serviços às empresas que atuam na área de transporte de cargas e logística,

Leia mais

1/6 SUSEP Nº 15414.001029/2005-37 TÍTULO I - CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA

1/6 SUSEP Nº 15414.001029/2005-37 TÍTULO I - CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CONDIÇÕES GERAIS, CONDIÇÕES ESPECIAIS, CLÁUSULAS E TAXAS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO - CARGA RCTR-C - 3.0 SUSEP Nº 15414.001029/2005-37 TÍTULO I - CONDIÇÕES

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013.

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. Dispõe sobre as regras e os critérios para operação do seguro de garantia estendida, quando da aquisição de

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO - CARGA (RCTA - C)

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO - CARGA (RCTA - C) TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO - CARGA (RCTA - C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1 o O presente seguro garante

Leia mais

Liberty Marine. Apólice

Liberty Marine. Apólice N Endosso N Contrato N Vigência do Seguro CONDIÇÕES PARTICULARES DADOS DO(A) SEGURADO(A) Nome do(a) Segurado(a) CNPJ/CPF TEMPO TRANSPORTES SERV COS E LOG ST CA LTDA M 002.715.637/0001-90 Endereço AVENIDA

Leia mais

RCT-VI DANOS A CARGA 01/2011 1/9 (FORM=32G0001) IMPRESSO ELETRONICAMENTE A LASER

RCT-VI DANOS A CARGA 01/2011 1/9 (FORM=32G0001) IMPRESSO ELETRONICAMENTE A LASER RCT-VI DANOS A CARGA ÍNDICE Cláusula 01 - Objeto do Seguro e Risco Coberto... 2 Cláusula 02 - Âmbito Geográfico... 2 Cláusula 03 - Riscos Excluídos... 2 Cláusula 05 - Responsabilidade pelo Transporte de

Leia mais

2/10 23.0080-9 - TRCG05RCTR011105

2/10 23.0080-9 - TRCG05RCTR011105 CNPJ 61.198.164/0001-60 TÍTULO I - CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I - OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º. O presente

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 182, DE 2008.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 182, DE 2008. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 182, DE 2008. Dispõe sobre o Seguro Obrigatório de Responsabilidade Civil do Transportador Aquaviário - Carga (RCA-C). A SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCF-DC)

SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCF-DC) Condições Gerais e Cláusula Particular Cláusula 1 Segurado SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCF-DC) Pelo presente contrato, Segurado

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP N o 422, DE 1 o DE ABRIL DE 2011. Estabelece as regras básicas para a comercialização do Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS 1 -INFORMAÇÕES PRELIMINARES. 1.1. A aceitação deste seguro estará sujeita à análise do risco.

CONDIÇÕES GERAIS 1 -INFORMAÇÕES PRELIMINARES. 1.1. A aceitação deste seguro estará sujeita à análise do risco. CONDIÇÕES CONTRATUAIS PADRONIZADAS PARA O SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCF-DC) CONDIÇÕES GERAIS 1 -INFORMAÇÕES PRELIMINARES 1.1.

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1. O presente seguro garante ao segurado, até o

Leia mais

7.169.636. Apólice Endosso. Segurado. Coberturas. Demonstrativo do Prêmio. Corretor. Vigência Cosseguro

7.169.636. Apólice Endosso. Segurado. Coberturas. Demonstrativo do Prêmio. Corretor. Vigência Cosseguro Apólice Endosso Segurado Coberturas Demonstrativo do Prêmio Corretor Vigência Cosseguro 7.169.636 0 SMART EXPRESS TRANSPORTES LTDA EPP CNPJ/CPF: 12103225000152 AVENIDA PREFEITO ARISTEU FERREIRA DA SILVA

Leia mais

A partir das 24:00 horas do dia19/05/2015 até as 24:00 horas do dia19/05/2016

A partir das 24:00 horas do dia19/05/2015 até as 24:00 horas do dia19/05/2016 VIGÊNCIA A partir das 24:00 horas do dia19/05/2015 até as 24:00 horas do dia19/05/2016 A BERKLEY INTERNATIONAL DO BRASIL SEGUROS SA - 01414 a seguir denominada "SEGURADORA", tendo em vista as declarações

Leia mais

CNPJ 61.198.164/0001-60 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação deste seguro estará sujeita à análise de risco. O registro deste plano na Superintendência de Seguros Privados Susep, não implica, por parte

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP Nº. 183, DE 2008. TÍTULO I

RESOLUÇÃO CNSP Nº. 183, DE 2008. TÍTULO I RESOLUÇÃO CNSP Nº. 183, DE 2008. TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA (RCTF-C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS

Leia mais

Este documento objetiva a apresentação de nosso voto relativamente ao assunto em epígrafe, acompanhado da respectiva justificativa.

Este documento objetiva a apresentação de nosso voto relativamente ao assunto em epígrafe, acompanhado da respectiva justificativa. VOTO ASSUNTO: AUDIÊNCIA PÚBLICA DE NOVA NORMA PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO - CARGA (RCTF - C) PROCESSO N.º 15414.004597/2005-90 DIRETORA - VERA MELO

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL (OTM) NO ÂMBITO DO MERCOSUL DANOS À CARGA

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL (OTM) NO ÂMBITO DO MERCOSUL DANOS À CARGA MERCOSUL/GMC/RES N 62/97 CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL (OTM) NO ÂMBITO DO MERCOSUL DANOS À CARGA TENDO EM VISTA: O Tratado de Assunção, o Protocolo

Leia mais

Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional

Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional (Danos causados a pessoas ou coisas transportadas ou não, a exceção da carga transportada). 1. OBJETO

Leia mais

CIRCULAR SUSEP n 27, de 22 de agosto de 1985

CIRCULAR SUSEP n 27, de 22 de agosto de 1985 CIRCULAR SUSEP n 27, de 22 de agosto de 1985 Aprova Condições Gerais e Tarifa para o Seguro Facultativo de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário por Desaparecimento de Carga (RCF-DC). O SUPERINTENDENTE

Leia mais

RCTR-C MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS

RCTR-C MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS Prezado Segurado, Você acaba de contratar o Yasuda RCTR-C, um seguro que oferece proteção e segurança para sua empresa. Como produto da Yasuda Seguros S.A., você conta com a garantia de uma empresa que

Leia mais

ANEXO VII - MODELO DE GARANTIA E SEGURO-GARANTIA DE OFERTA. Concorrente R$ XXX / / / /

ANEXO VII - MODELO DE GARANTIA E SEGURO-GARANTIA DE OFERTA. Concorrente R$ XXX / / / / ANEXO VII - MODELO DE GARANTIA E SEGURO-GARANTIA DE OFERTA PARTE 2 - MODELO DE SEGURO-GARANTIA PARA OFERTA APÓLICE N.º A ( nome da seguradora ), através desta apólice de Seguro-Garantia, garante ao SEGURADO

Leia mais

A partir das 24:00 horas do dia14/09/2014 até as 24:00 horas do dia14/09/2015

A partir das 24:00 horas do dia14/09/2014 até as 24:00 horas do dia14/09/2015 VIGÊNCIA A partir das 24:00 horas do dia14/09/2014 até as 24:00 horas do dia14/09/2015 A BERKLEY INTERNATIONAL DO BRASIL SEGUROS SA a seguir denominada "SEGURADORA", tendo em vista as declarações constantes

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1o O presente seguro garante ao Segurado, até o

Leia mais

RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA (RCTF-C)

RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA (RCTF-C) RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA (RCTF-C) Condições Gerais CNPJ 61.074.175/0001-38 Processo SUSEP nº 15414.002990/2008-91 Condições Gerais Responsabilidade Civil do Transportador

Leia mais

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO Estipulante: BANCO TRIÂNGULO S. A. Seguradora: PORTO SEGURO CIA DE SEGUROS GERAIS Número processo SUSEP: 15414.000223/2007-67

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PADRONIZADAS SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC

CONDIÇÕES GERAIS PADRONIZADAS SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC CONDIÇÕES GERAIS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES 1.1. A aceitação deste seguro estará sujeita à análise do risco. 1.2. O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação

Leia mais

Tokio Marine TRANSPORTES

Tokio Marine TRANSPORTES Tokio Marine TRANSPORTES Tokio Marine Transportes Objetivo Compreender o Seguro de Transportes e sua aplicação. Identificar oportunidades de negócios ligadas ao seguro de Transportes. 1. Objetivo do Seguro

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA - RCF-DC

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA - RCF-DC CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA - RCF-DC CLÁUSULA 1ª SEGURADO Pelo presente contrato, Segurado é a empresa de

Leia mais

A partir de hoje você conta com os serviços de uma empresa com grande solidez financeira e operações em diversos países.

A partir de hoje você conta com os serviços de uma empresa com grande solidez financeira e operações em diversos países. Obrigado por escolher a Argo Seguros. A partir de hoje você conta com os serviços de uma empresa com grande solidez financeira e operações em diversos países. A Argo privilegia construir relações de longo

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO DE CARGA RCTR-C

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO DE CARGA RCTR-C CAPÍTULO I - OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º. O presente seguro garante ao segurado, até o valor da Importância Segurada, o pagamento das reparações pecuniárias, pelas quais, por disposição

Leia mais

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA

APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA APÓLICE/ENDOSSO DE SEGURO GARANTIA Apólice: 024612013000107750002827 Processo SUSEP : 15414.004045/2010-49 Endosso: 0000000 Número de Controle Interno: 7202Ě CONDIÇÕES PARTICULARES A Austral Seguradora

Leia mais

Cláusula 2ª - IMPORTÂNCIA SEGURADA E LIMITE MÁXIMO DE GARANTIA

Cláusula 2ª - IMPORTÂNCIA SEGURADA E LIMITE MÁXIMO DE GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCTR-DC) Apresentamos, a seguir, o conjunto de disposições comuns a

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. 1.1.1. Neste contrato, o Segurado é, exclusivamente, o Operador de Transporte Multimodal de Cargas.

CONDIÇÕES GERAIS. 1.1.1. Neste contrato, o Segurado é, exclusivamente, o Operador de Transporte Multimodal de Cargas. CONDIÇÕES CONTRATUAIS PADRONIZADAS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL - CARGA (RCOTM-C), NOS ÂMBITOS NACIONAL E INTERNACIONAL 1 - OBJETO DO SEGURO CONDIÇÕES GERAIS

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO-CARGA

RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO-CARGA RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO-CARGA RCA-C Condições Gerais CNPJ 61.074.175/0001-38 Processo SUSEP nº 15414.000236/2009-06 Responsabilidade Civil do Transportador Aquaviário-carga RCA-C

Leia mais

PARTE II - CONDIÇÕES ESPECIAIS

PARTE II - CONDIÇÕES ESPECIAIS PARTE II - CONDIÇÕES ESPECIAIS Apresentamos a seguir as Condições Especiais que em conjunto com as Condições Gerais, regem este seguro e estabelecem suas normas de funcionamento. LEMBRAMOS QUE SERÃO APLICÁVEIS

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA (RCA-C)

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA (RCA-C) CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA (RCA-C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º - O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO-CARGA (RCTA-C)

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO-CARGA (RCTA-C) CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO-CARGA (RCTA-C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º - O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS, CONDIÇÕES ESPECIAIS E CLÁUSULAS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO CARGA (RCA-C) 2

CONDIÇÕES GERAIS, CONDIÇÕES ESPECIAIS E CLÁUSULAS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO CARGA (RCA-C) 2 CNPJ 61.198.164/0001-60 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. O registro deste plano na Susep não implica, por parte da autarquia, incentivo ou recomendação

Leia mais

11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE

11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE 11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE CONDIÇÕES PARTICULARES DO SEGURO DE VIDA EM GRUPO E ACIDENTES PESSOAIS CONVEÇÃO COLETIVA DO SINDICATO DOS CONCESSIONÁRIOS E DISTRIBUIDORES DE VEÍCULOS

Leia mais

Tipo de apólice Ramo Proc. Susep. 0022011079-A 24 Hs 04 JUL 2013 24 Hs 04 JUL 2014. Orgão Emissor Unidade Emissora Proposta Renova Apólice

Tipo de apólice Ramo Proc. Susep. 0022011079-A 24 Hs 04 JUL 2013 24 Hs 04 JUL 2014. Orgão Emissor Unidade Emissora Proposta Renova Apólice APÓLICE DE SEGURO Nome e Endereço do Segurado Tipo de apólice Ramo Proc. Susep ABERTA Apólice TRANSPORTE NACIONAL Início de vigência da apólice a partir de 15414.000748/2008-83 Término de vigência da apólice

Leia mais

SEGURO GARANTIA - SETOR PÚBLICO MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS Processo SUSEP Nº 15414.900183/2014-84 CNPJ: 61.383.493/0001-80 1.

SEGURO GARANTIA - SETOR PÚBLICO MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS Processo SUSEP Nº 15414.900183/2014-84 CNPJ: 61.383.493/0001-80 1. 1. OBJETO 1.1. Este contrato de seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo Tomador perante o Segurado, conforme os termos da apólice e até o valor da garantia fixado nesta, e de acordo

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º. O presente seguro garante ao segurado, até

Leia mais

Liberty Marine. Apólice

Liberty Marine. Apólice N Endosso N Contrato N Vigência do Seguro CONDIÇÕES PARTICULARES DADOS DO(A) SEGURADO(A) Nome do(a) Segurado(a) CNPJ/CPF TRANSLOG BDS LTDA 020.899.301/0001-06 Endereço AVENIDA MA MANOEL PAVAN, 1517 Bairro

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Nº 21 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.0b 1

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Nº 21 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.0b 1 Cobertura Básica Nº 21 PARA SEGUROS DE MERCADORIAS CONDUZIDAS POR PORTADORES Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura garante, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer em conseqüência de

Leia mais

A partir das 24:00 horas do dia01/11/2015 até as 24:00 horas do dia01/11/2016

A partir das 24:00 horas do dia01/11/2015 até as 24:00 horas do dia01/11/2016 VIGÊNCIA A partir das 24:00 horas do dia01/11/2015 até as 24:00 horas do dia01/11/2016 A BERKLEY INTERNATIONAL DO BRASIL SEGUROS SA - 01414 a seguir denominada "SEGURADORA", tendo em vista as declarações

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO CARGA (RCTA - C) CAPÍTULO I

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO CARGA (RCTA - C) CAPÍTULO I TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AÉREO CARGA (RCTA - C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º O presente seguro garante ao

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA RCTR-CARGA CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO CARGA CAPÍTULO I - OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS... 2 CAPÍTULO II - RISCOS NÃO COBERTOS...

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA Cláusula 1 - Objeto do Seguro e Risco Coberto 1.1 - O presente contrato

Leia mais

CONDIÇÕES ESPECIAIS - ADITIVO B GARANTIA RESPONSABILIDADE DO EXPLORADOR E TRANSPORTADOR AÉREO - R.E.T.A.

CONDIÇÕES ESPECIAIS - ADITIVO B GARANTIA RESPONSABILIDADE DO EXPLORADOR E TRANSPORTADOR AÉREO - R.E.T.A. CONDIÇÕES ESPECIAIS - ADITIVO B GARANTIA RESPONSABILIDADE DO EXPLORADOR E TRANSPORTADOR AÉREO - R.E.T.A. 1. Objeto do Seguro 1.1 - Responsabilidade do explorador ou transportador aéreo 1.1.1- Respeitados

Leia mais

Generali Atendimento: 0800-70-70-211 Fale com a Ouvidoria da Generali: www.generali.com.br

Generali Atendimento: 0800-70-70-211 Fale com a Ouvidoria da Generali: www.generali.com.br Prezados(as) Segurados(as), Incontestavelmente, o transporte de cargas tem contribuição significativa para a vitalidade da economia de nossas cidades, regiões e país. Para nós, da Generali, portanto, partilhar

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS, CONDIÇÕES ESPECIAIS E CLÁUSULAS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO CARGA (RCA-C) 2.

CONDIÇÕES GERAIS, CONDIÇÕES ESPECIAIS E CLÁUSULAS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO CARGA (RCA-C) 2. CNPJ 61.198.164/0001-60 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. O registro deste plano na Susep não implica, por parte da autarquia, incentivo ou recomendação

Leia mais

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado.

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL (DANOS CAUSADOS A PESSOAS OU COISAS TRANSPORTADAS OU NÃO, À EXCEÇÃO DA CARGA TRANSPORTADA) 1.

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. 1.1.1. O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação à sua comercialização.

CONDIÇÕES GERAIS. 1.1.1. O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação à sua comercialização. CONDIÇÕES CONTRATUAIS PADRONIZADAS PARA O SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCF-DC) 1 - INFORMAÇÕES PRELIMINARES CONDIÇÕES GERAIS 1.1.

Leia mais

Apólice. Transportes RCTR-C

Apólice. Transportes RCTR-C Transportes RCTR-C Nº Apólice: 5177201444540002723 Nº Endosso: 0 Apólice MAVIPA CORRETORA E ADMINISTRADORA DE SEG Telefone: 1143014454 Celular: 11992559093 Susep: 100674273 Código: 360593 Filial: 44 STAMM

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 55 RCF-DC

CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 55 RCF-DC CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 55 RCF-DC A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. O registro destes planos na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação

Leia mais

SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS

SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES... 2 2. APRESENTAÇÃO... 2 3. ESTRUTURA DO CONTRATO DE SEGURO... 2 4. OBJETIVO DO SEGURO... 3 5. DEFINIÇÕES... 3 6. FORMA DE CONTRATAÇÃO... 4

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N 232, de 3 de junho de 2003 - ANEXO I

CIRCULAR SUSEP N 232, de 3 de junho de 2003 - ANEXO I Fls. 3 da CIRCULAR SUSEP N 232, de 3 de junho de 2003 CIRCULAR SUSEP N 232, de 3 de junho de 2003 - ANEXO I SEGURO-GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas

Leia mais

Seguro Garantia - Seguro que garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice.

Seguro Garantia - Seguro que garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice. GUIA DE SEGURO GARANTIA PARA CONSULTA FENSEG QUEM SÃO AS PARTES Seguro Garantia - Seguro que garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice.

Leia mais

D A D O S D A A P Ó L I C E D A D O S D O S E G U R O O B J E T O D O S E G U R O C O N D I Ç Õ E S E C L Á U S U L A S

D A D O S D A A P Ó L I C E D A D O S D O S E G U R O O B J E T O D O S E G U R O C O N D I Ç Õ E S E C L Á U S U L A S RC Transportador Rodoviário Carga APÓLICE 10.001835 página 1 de 7 A Marítima Seguros S.A., com base nas informações e declarações constantes da proposta e seu(s) anexo(s), os quais fazem parte integrante

Leia mais

SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGENS INTERNACIONAIS DANOS A CARGA RCTRVI DANOS A CARGA VERSÃO 1.0.

SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGENS INTERNACIONAIS DANOS A CARGA RCTRVI DANOS A CARGA VERSÃO 1.0. SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGENS INTERNACIONAIS DANOS A CARGA RCTRVI DANOS A CARGA VERSÃO 1.0 Condições Gerais CNPJ 61.074.175/0001-38 Processo SUSEP nº 005-01594/01

Leia mais

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado.

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL (DANOS CAUSADOS A PESSOAS OU COISAS TRANSPORTADAS OU NÃO, À EXCEÇÃO DA CARGA TRANSPORTADA) 1.

Leia mais

SEGURO GARANTIA SETOR PÚBLICO

SEGURO GARANTIA SETOR PÚBLICO SEGURO GARANTIA SETOR PÚBLICO CONDIÇÕES GERAIS... 2 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES... 2 2. APRESENTAÇÃO...... 2 3. ESTRUTURA DO CONTRATO DE SEGURO... 2 4. DEFINIÇÕES... 3 5. OBJETO... 3 6. RISCOS COBERTOS...

Leia mais

Seguro Garantia É o seguro que garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice.

Seguro Garantia É o seguro que garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice. 2 Definição Seguro Garantia É o seguro que garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador perante o segurado, conforme os termos da apólice. Partes Seguradora - Sociedade de seguros garantidora,

Leia mais

HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE

HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE Processo SUSEP Principal nº 15414.000861/2006-05 Sumário CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO PROPRIETÁRIO E/OU CONDUTOR DE

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

RCA-C MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS

RCA-C MANUAL DO SEGURADO CONDIÇÕES GERAIS Prezado Segurado, Você acaba de contratar o RCA-C, um seguro que oferece proteção e segurança para você / sua empresa. Como produto da Yasuda Seguros S.A., você conta com a garantia de uma empresa que

Leia mais

APÓLICE DO RAMO DE RC TRANSP ROD CARGA

APÓLICE DO RAMO DE RC TRANSP ROD CARGA Porto Seguro Cia de Seguros Gerais Avenida Rio Branco, 1489 Campos Eliseos São Paulo CEP 01205-905 CNPJ 61.198.164/0001-60 - Cód. Susep 0588.6 Regulamentada pelo Decreto Lei 20.138 de 06/12/1945 Central

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03. Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GARANTIA CIRCULAR SUSEP 232/03 Processo SUSEP nº 10.003.017/01-08 Cláusula 1ª - OBJETO Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo Tomador no contrato principal,

Leia mais

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador.

II. Contrato Principal: o documento contratual, seus aditivos e anexos, que especificam as obrigações e direitos do segurado e do tomador. SEGURO-GARANTIA - CONDIÇÕES GERAIS Este seguro garante o fiel cumprimento das obrigações assumidas pelo tomador no contrato principal, firmado com o segurado, conforme os termos da apólice. I. Seguro-Garantia:

Leia mais

1500.13.01.I - DEZ/11 2

1500.13.01.I - DEZ/11 2 CNPJ 61.198.164/0001-60 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A aceitação deste seguro estará sujeita à análise de risco. O registro deste plano na Superintendência de Seguros Privados Susep, não implica, por parte

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO)

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO) CONDIÇÕES GERAIS SEGURO GAR ANTIA DE ENTREGA DE OBRA CBIC (IMOBILIARIO) ESSOR Seguros S.A CNPJ 14.5 25.684/0001-50 Process o SUSEP Nº 1 54 14.002 72 3/2 01 2-09 O registro deste plano na SUSEP não im plica,

Leia mais

SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS. HDI Seguros S/A.

SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS. HDI Seguros S/A. SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS HDI Seguros S/A. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO PROPIETÁRIO E/OU CONDUTOR DE VEÍCULOS TERRESTRES (AUTOMÓVEL DE PASSEIO PARTICULAR OU DE

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP N o 477, DE 30 DE SETEMBRO DE 2013. Dispõe sobre o Seguro Garantia, divulga Condições Padronizadas e dá outras providências. O SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 14 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 14 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1. Cobertura Básica Restrita Nº 14 PARA CARVÃO (EMBARQUES AQUAVIÁRIOS E TERRESTRES) Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 030, de 04 de junho de 1976

CIRCULAR SUSEP Nº 030, de 04 de junho de 1976 SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP Nº 030, de 04 de junho de 1976 Aprova Condições Especiais do Seguro de Garantia para Cobertura das Operações de Empréstimos Hipotecários. O SUPERINTENDENTE

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO

CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO Fl. 2 da CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012. CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO INSTRUÇÕES COMPLEMENTARES PARA A OPERAÇÃO DO SEGURO OBRIGATÓRIO DE DANOS PESSOAIS CAUSADOS

Leia mais

REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO

REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVA ESTA COBERTURA NÃO PODERÁ SER CONTRATADA ISOLADAMENTE FICANDO CONDICIONADA À COBERTURA DO EQUIPAMENTO ATIVO CADASTRADO

Leia mais

SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS INDIVIDUAL. Condições Especiais

SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS INDIVIDUAL. Condições Especiais SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS INDIVIDUAL Condições Especiais Processo SUSEP Nº 15414.004703/2010-01 0 ÍNDICE CLÁUSULA ADICIONAL DE INVALIDEZ PERMANENTE TOTAL OU PARCIAL POR ACIDENTE AUTOMOBILÍSTICO NO BRASIL

Leia mais

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967 DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967 Regulamenta os seguros obrigatórios previstos no artigo 20 do Decreto-lei nº 73, de 21.11.66, e dá outras providências O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, usando da

Leia mais

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967: Regulamenta os seguros

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967: Regulamenta os seguros DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967: Regulamenta os seguros obrigatórios previstos no artigo 20 do Decreto-lei nº 73, de 21.11.66, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, usando da

Leia mais