Linguagem de. Aula 07. Profa Cristiane Koehler

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Linguagem de. Aula 07. Profa Cristiane Koehler cristiane.koehler@canoas.ifrs.edu.br"

Transcrição

1 Linguagem de Prgramaçã IV -PHP Aula 07 Prfa Cristiane Kehler

2 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads HTML básic códigs cm páginas estáticas HTML + PHP códigs cm páginas dinâmicas HTML + PHP + BD códigs cm páginas dinâmicas e cm acess a Banc de Dads para armazenament e recuperaçã de dads. O PHP faz cm que as páginas sejam mais dinâmicas, mas que faz cm que PHP seja muit usad na Internet é a sua capacidade de interagir cm uma fnte de dads: Banc de Dads. 2

3 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads Inicialmente, a manipulaçã de dads de uma tabela em uma página da Web pr intermédi d PHP, exige algumas etapas: Efetuar cnexã cm servidr MySQL. Selecinar banc de dads. Executar uma cnsulta SQL u utr prcediment, cm inserir nvs registrs, alterar já existentes, excluir um registr... Visualizar s resultads. Encerrar a cnexã. 3

4 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads PASSO 1: Efetuar a cnexã cm servidr MySQL. Para que pssams trabalhar cm um BD em uma página da Web, é necessári, criar uma variável que cntenha uma cnexã cm servidr MySQL. SINTAXE: $<nme da variavel de cnexa> = mysql_cnnect ( nme d servidr>, usuari, senha ); 4

5 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads ONDE: $cnexa é nme da variável que cntém a cnexã cm servidr MySQL. Pdems usar qualquer nme válid de variável. Mysql_cnnect é uma funçã d PHP para abrir uma cnexã cm servidr. webinf.canas.ifrs.edu.br é nme d servidr lcal cm qual estams trabalhand e, cristiane.kehler é nme d usuári criad para banc de dads. cristiane é a sua senha. 5

6 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads PASSO 2: Selecinar Banc de Dads. O próxim pass cnsiste em criar uma variável que cntenha banc de dads a ser usad pela página Web. SINTAXE: $<nme da variavel que cntém BD> = mysql_select_db ( nme d banc de dads>, <nme da variável de cnexã>); 6

7 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads ONDE: $db é nme da variável que cntém banc de dads a ser utilizad. Pde ser qualquer nme válid de váriável. mysql_select_db é uma funçã d PHP para selecinar um banc de dads n servidr MySQL. db_php5 é nme d banc de dads a ser usad e, $cnexa é nme da variável de cnexã cm servidr MySQL. 7

8 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads PASSO 3: Criar uma instruçã SQL. Uma vez cnectad a banc de dads, devems criar uma variável que cntenha as instruções SQL para a manipulaçã de suas tabelas, cm, pr exempl, visualizar seus registrs. SINTAXE: $<nme da variavel que cntém a instruçã SQL> = < instruçã SQL >; 8

9 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads ONDE: $sql é nme da variável que cntém a instruçã SQL. N exempl a instruçã é frmada pr: que significa dizer selecinar tds s registrs da tabela miniaturas rdenads pr nme. 9

10 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads PASSO 4: Criar uma variável cm resultad btid pela instruçã SQL. Executada a instruçã SQL, devems armazenar seu resultad em uma variável, para que pssa ser exibid na tela d seu navegadr. SINTAXE: $<nme da variavel que cntém resultad da sentença SQL> = mysql_sentenca SQL>, <nme da variavel de cnexa >; 10

11 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads ONDE: $rs é nme da variável que cntém resultad da pesquisa SQL. mysql_query é uma funçã d PHP que envia resultad de uma declaraçã SQL. $sql é nme da variável que cntém a instruçã SQL. $cnexa é nme da variável de cnexã cm banc de dads. 11

12 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads PASSO 5: Frmatar resultad btid. Para que s camps de uma tabela pssam ser crretamente exibids, é necessári separarms seus registrs pr linha, usand uma funçã interna d MySQL, denminada: mysql_fetch_array(). SINTAXE: $<nme da variavel> = mysql_ftech_array(<nme da variavel que cntém resultad da sentenca SQL>); 12

13 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads ONDE: $reg é nme da variável que cntém registr. mysql_fetch_array é uma funçã d PHP que clca uma declaraçã SQL dentr de uma matriz. $rs é nme da variável que cntém resultad da pesquisa SQL. 13

14 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads PASSO 6: Encerrar a cnexã. A terminar de usar a tabela, devems fechá-la, bem cm a sua cnexã cm MySQL. SINTAXE: mysql_free_result (<nme da variavel que cntém resultad da sentenca SQL>); mysql_clse (<nme da variável de cnexã>); 14

15 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads ONDE: mysql_free_result é uma funçã d PHP que libera s recurss usads na cnexã atual. $rs é nme da variável que cntém resultad da pesquisa SQL. mysql_clse é uma funçã d PHP que fecha a cnexã atual e, $cnexa é nme da cnexã. 15

16 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads IMPORTANTE: É muit imprtante que uma cnexã seja fechada sempre que terminar de ser utilizada, pis evita a invasã de hackers e libera prvedr. Também é recmendad fechar tds s recurss usads pr intermédi d SQL, que nã serã mais usads em sua página. O instruçã SELECT d SQL. smente deve ser usad para a 16

17 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads Sugestã para s nmes de variáveis: $cnexa - efetua uma cnexã cm banc de dads. $db nme d banc de dads selecinad. $sql sentença SQL. $rs resultad btid pela sentença SQL, e $reg dads de um registr d banc de dads. 17

18 Banc de Dads RESUMO DOS COMANDOS 1) Efetuar cnexã cm servidr MySQL $cnexa - efetua uma cnexã cm banc de dads. 2) Selecinar BD $db nme d banc de dads selecinad. 3) Criar a sentença SQL $sql sentença SQL. 4) Criar uma variável cm resultad btid pela sentença SQL $rs resultad btid pela sentença SQL, e 5) Preparar s dads para serem exibids em sua página $reg dads de um registr d banc de dads. 6) Encerrar a cnexã mysql_free_result ($rs). mysql_clse ($cnexã) cnexã). 18

19 Banc de Dads Manipulaçã de Banc de Dads: Cm executar um cmand SQL? 1) Cnecta-se a SGBD 2) Selecina-se BD 3) Realiza-se a cnsulta 4) Recuperam-se as tuplas (resultad) 5) Libera-se memória 6) Fecha-se a cnexã 19

20 Banc de Dads Linguagem SQL Banc de Dads MySQL Manipuland Banc de Dads: Para manipularms s dads n Banc de Dads utilizarems s cmands da Linguagem SQL. O Banc de Dads utilizad será MySQL. Mas pderíams utilizar qualquer utr banc de dads cm: Micrsft Access Micrsft SQL Server PstgreeSQL MySQL 20

21 Banc de Dads Linguagem SQL Banc de Dads MySQL Manipuland Banc de Dads: Para implementarms uma página Web em PHP cm acess a Banc de Dads precisams: 1) criar arquiv PHP cm a página Web frmulári para digitaçã ds dads e 2) criar arquiv cm banc de dads. 21

22 Banc de Dads Cm criar uma tabela n banc de dads? Cmand create table Sintaxe: CREATE TABLE <nme_tabela> (nme_camp tip_de _dad [null nt null] [DEFAULT valr_padrã],...); Nme_tabela Nme_camp Tip_de_dad NULL NOT NULL define se camp aceita valres nuls u nã DEFAULT valr padrã para inserções na tabela

23 Create table Exempl: CREATE TABLE CREATE TABLE aluns (cdig_alun smallint NOT NULL, nme_alun varchar(60) NOT NULL);

24 Insert table INSERT INTO <nme_tablea> VALUES (valr1, valr2,..., valrn); Neste exempl s dads devem ser incluíds na rdem em que fram definids s camps INSERT INTO <nme_tabela> (camp1, camp2,..., campn) VALUES (valr1, valr2,..., valrn); Neste exempl valr1 é incluíd n camp1, valr2 para camp2...)

25 UPDATE UPDATE <nme_tabela> SET camp1=valr1

26 Linguagem de Prgramaçã IV -PHP Aula 07 Prfa Cristiane Kehler

PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 2

PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 2 ABRIR CONEXÃO PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 2 Professor: Leonardo Pereira Email: leongamerti@gmail.com Facebook: leongamerti Material de Estudo: http://www.leonti.vv.si Antes de podermos acessar informações

Leia mais

Banco de Dados. DIEGO BARCELOS RODRIGUES dbarcelos@ifes.edu.br 2015 (2015/1) 1. Ifes - Campus Cachoeiro de Itapemirim

Banco de Dados. DIEGO BARCELOS RODRIGUES dbarcelos@ifes.edu.br 2015 (2015/1) 1. Ifes - Campus Cachoeiro de Itapemirim Ifes - Campus Cacheir de Itapemirim Banc de Dads DIEGO BARCELOS RODRIGUES dbarcels@ifes.edu.br 2015 (2015/1) 1 Agenda Breve revisã ds Cnceits Básics SQL (Linguagem de Cnsulta Estruturada) Subdivisões da

Leia mais

Armazenamento organizado facilitando SCRUD; Agiliza processo de desenvolvimento de sistemas;

Armazenamento organizado facilitando SCRUD; Agiliza processo de desenvolvimento de sistemas; Conjunto de informações relacionadas entre si; Armazenamento organizado facilitando SCRUD; Agiliza processo de desenvolvimento de sistemas; Conjunto de Tabelas onde cada linha é um vetor de dados específico;

Leia mais

Programação WEB II. PHP e Banco de Dados. progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza

Programação WEB II. PHP e Banco de Dados. progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza PHP e Banco de Dados progweb2@thiagomiranda.net Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net PHP e Banco de Dados É praticamente impossível

Leia mais

2º Passo Criar a conexão via ODBC (Object DataBase Conection)

2º Passo Criar a conexão via ODBC (Object DataBase Conection) Prjet de Sexta-feira: Prfessra Lucélia 1º Pass Criar banc de dads u selecinar banc de dads. Ntas: Camps nas tabelas nã pdem cnter caracteres acentuads, especiais e exclusivs de línguas latinas. Nã há necessidade

Leia mais

Curso PHP Aula 08. Bruno Falcão brunogfalcao@gmail.com

Curso PHP Aula 08. Bruno Falcão brunogfalcao@gmail.com + Curso PHP Aula 08 Bruno Falcão brunogfalcao@gmail.com + Roteiro Conectividade com BD SQL + SQL Structured Query Language. Padrão para interagir com banco de dados relacionais. + Banco de dados Um banco

Leia mais

TECNOLOGIA WEG II PHP com SGBD MYSQL

TECNOLOGIA WEG II PHP com SGBD MYSQL TECNOLOGIA WEG II PHP com SGBD MYSQL Existem diversas formas de se acessar o SGBD Mysql para manipulação de dados por meio do PHP. Consulte o manual do PHP, em www.php.net ou http://www.php.net/manual/pt_br/,

Leia mais

COMO CONFIGURAR SUA(S) CONTA(S) NO MICROSOFT OFFICE OUTLOOK

COMO CONFIGURAR SUA(S) CONTA(S) NO MICROSOFT OFFICE OUTLOOK COMO CONFIGURAR SUA(S) CONTA(S) NO MICROSOFT OFFICE OUTLOOK Use as instruções de acrd cm a versã d seu Outlk (2010, 2007 u 2003) Para saber a versã de seu Outlk, clique n menu Ajuda > Sbre Micrsft Office

Leia mais

UFSM COLÉGIO AGRÍCOLA DE FREDERICO WESTPHALEN CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET. Programação para Internet I

UFSM COLÉGIO AGRÍCOLA DE FREDERICO WESTPHALEN CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET. Programação para Internet I UFSM COLÉGIO AGRÍCOLA DE FREDERICO WESTPHALEN CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Programação para Internet I Aula 10 PHP: Trabalhando com Banco de Dados leticia@cafw.ufsm.br Acessando

Leia mais

Sistema de Comercialização de Radiofármacos - Manual do Cliente

Sistema de Comercialização de Radiofármacos - Manual do Cliente Sistema de Cmercializaçã de Radifármacs - Manual d Cliente O IEN está dispnibilizand para s seus clientes um nv sistema para a slicitaçã ds radifármacs. Este nv sistema permitirá a cliente nã só fazer

Leia mais

IBOConsole Instalação e Configuração. Ferramenta para gerenciamento do banco de dados.

IBOConsole Instalação e Configuração. Ferramenta para gerenciamento do banco de dados. IBOCnsle Instalaçã e Cnfiguraçã Ferramenta para gerenciament d banc de dads. 2 IBOCnsle ÍNDICE INSTALAÇÃO IBOCONSOLE... 3 CONFIGURAÇÃO IBOCONSOLE... 6 Menu Cnsle... 6 Menu View... 8 Menu Server... 8 Menu

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem PHP Mail() e BD @wre2008 1 Sumário Função mail(); Conexão com Banco de dados; @wre2008 2 Envio de e-mail O comando mail(): é a função do PHP para envio de e-mail.

Leia mais

Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 4 O Componente Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus Ano: 03/2011

Leia mais

AULA 2 INTERAÇÃO COM O BANCO DE DADOS

AULA 2 INTERAÇÃO COM O BANCO DE DADOS AULA 2 INTERAÇÃO COM O BANCO DE DADOS BANCO DE DADOS POSTGRESQL O PostgreSQL é um sistema gerenciador de banco de dados dos mais robustos e avançados do mundo. Seu código é aberto e é totalmente gratuito,

Leia mais

AULA 2 INTERAÇÃO COM O BANCO DE DADOS

AULA 2 INTERAÇÃO COM O BANCO DE DADOS AULA 2 INTERAÇÃO COM O BANCO DE DADOS BANCO DE DADOS POSTGRESQL O PostgreSQL é um sistema gerenciador de banco de dados dos mais robustos e avançados do mundo. Seu código é aberto e é totalmente gratuito,

Leia mais

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS Manual d Usuári Elabrad pela W3 Autmaçã e Sistemas Infrmaçã de Prpriedade d Grup Jmóveis Este dcument, cm tdas as infrmações nele cntidas, é cnfidencial e de prpriedade d Grup Jmóveis,

Leia mais

Aula 11 Bibliotecas de função

Aula 11 Bibliotecas de função Universidade Federal d Espírit Sant Centr Tecnlógic Departament de Infrmática Prgramaçã Básica de Cmputadres Prf. Vítr E. Silva Suza Aula 11 Biblitecas de funçã 1. Intrduçã À medida que um prgrama cresce

Leia mais

Acesso ao menu da presença de Carga Exportação WEB

Acesso ao menu da presença de Carga Exportação WEB Manual de Utilizaçã Presença de Carga Exprtaçã WEB Acess a menu da presença de Carga Exprtaçã WEB Acessar site d TECON RG (HTTP://www.tecn.cm.br); Clicar em Tecn Online; Infrmar usuári e senha de acess

Leia mais

Manual de Operação WEB SisAmil - Gestão

Manual de Operação WEB SisAmil - Gestão Manual de Operaçã WEB SisAmil - Gestã Credenciads Médics 1 Índice 1. Acess Gestã SisAmil...01 2. Autrizaçã a. Inclusã de Pedid...01 b. Alteraçã de Pedid...10 c. Cancelament de Pedid...11 d. Anexs d Pedid...12

Leia mais

BANCO DE DADOS WEB. Professor Luciano Roberto Rocha

BANCO DE DADOS WEB. Professor Luciano Roberto Rocha BANCO DE DADOS WEB 1 CONECTANDO-SE AO MYSQL VIA PHP Professor Luciano Roberto Rocha Como conectar MySQL via PHP 2 O MySQL é mais popular SGBD entre os desenvolvedores PHP. Existem várias funções do PHP

Leia mais

Aplicação Hibernate1 no NetBeans

Aplicação Hibernate1 no NetBeans Aplicaçã Hibernate1 n NetBeans Hibernate é um framewrk que frnece ferramentas para efetuar mapeament bjet/relacinal para Java. Mapeament bjet/relacinal é prcess de cnversã bidirecinal entre bjets e tabelas

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO ÍNDICE QUE VALORES [MASTERSAF DFE] TRAZEM PARA VOCÊ? 1. VISÃO GERAL E REQUISITOS PARA INSTALAÇÃO... 2 1.1. AMBIENTE... 2 1.2. BANCO DE DADOS... 4 2. BAIXANDO OS INSTALADORES DO DFE MASTERSAF... 5 3. INICIANDO

Leia mais

8. Outros tipos de Transação (Modo de Transação de Autoconfirmação e Modo Implícito)

8. Outros tipos de Transação (Modo de Transação de Autoconfirmação e Modo Implícito) 8. Outros tipos de Transação (Modo de Transação de Autoconfirmação e Modo Implícito) Nos itens anteriores vimos transações do tipo explícitas, ou seja, aquelas que iniciam com BEGIN TRANSACTION. As outras

Leia mais

Informática II INFORMÁTICA II

Informática II INFORMÁTICA II Jrge Alexandre jureir@di.estv.ipv.pt - gab. 30 Artur Susa ajas@di.estv.ipv.pt - gab. 27 1 INFORMÁTICA II Plan Parte I - Cmplementar cnheciment d Excel cm ferramenta de análise bases de dads tabelas dinâmicas

Leia mais

LINGUAGEM SQL. SQL Server 2008 Comandos iniciais

LINGUAGEM SQL. SQL Server 2008 Comandos iniciais 1 LINGUAGEM SQL SQL Server 2008 Comandos iniciais SQL - STRUCTURED QUERY LANGUAGE Quando os Bancos de Dados Relacionais estavam sendo desenvolvidos, foram criadas linguagens destinadas à sua manipulação.

Leia mais

Treinamento em PHP. Aula 7. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com

Treinamento em PHP. Aula 7. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Treinamento em PHP Aula 7 Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Banco de Dados Robustes no armazenamento Segurança, velocidade e facilidade na manipulação dos dados Controle e escalabilidade

Leia mais

PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 1

PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 1 INTRODUÇÃO PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 1 Leonardo Pereira leonardo@estudandoti.com.br Facebook: leongamerti http://www.estudandoti.com.br Informações que precisam ser manipuladas com mais segurança

Leia mais

BANCO DE DADOS BANCO DE DADOS. Prof. Patrícia Lucas 3º Trimestre

BANCO DE DADOS BANCO DE DADOS. Prof. Patrícia Lucas 3º Trimestre BANCO DE DADOS BANCO DE DADOS Prof. Patrícia Lucas 3º Trimestre ROTEIRO PARA O 3º TRIMESTRE 1. O MySQL DDL SQL 1. Como funciona o MySQL 2. Como criar um banco de dados no MySQL 3. Como criar tabelas: comandos

Leia mais

Código: Data: Revisão: Página: SUMÁRIO

Código: Data: Revisão: Página: SUMÁRIO UC_REQ-MK_ACF-001 27/01/2015 00 1 / 12 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 Objetiv... 2 Públic Alv... 2 Escp... 2 Referências... 2 DESCRIÇÃO GERAL DO PRODUTO... 2 Características d Usuári... 2 Limites, Supsições e

Leia mais

Plano de aulas 2010 1ª série 1ª aula 2ª etapa

Plano de aulas 2010 1ª série 1ª aula 2ª etapa Plan de aulas 2010 1ª série 1ª aula 2ª etapa Escla Clégi Eng Juarez Wanderley Prfessr Fernand Nishimura de Aragã Disciplina Infrmática Objetivs Cnstruçã de um website pessal para publicaçã de atividades

Leia mais

1 Criando uma conta no EndNote

1 Criando uma conta no EndNote O EndNte Basic (anterirmente cnhecid pr EndNte Web), é um sftware gerenciadr de referências desenvlvid pela Editra Thmsn Reuters. Permite rganizar referências bibligráficas para citaçã em artigs, mngrafias,

Leia mais

Novo Sistema Almoxarifado

Novo Sistema Almoxarifado Nv Sistema Almxarifad Instruções Iniciais 1. Ícnes padrões Existem ícnes espalhads pr td sistema, cada um ferece uma açã. Dentre eles sã dis s mais imprtantes: Realiza uma pesquisa para preencher s camps

Leia mais

TRANSAÇÕES. Considerando que estes comandos fazem parte de uma TRANSAÇÃO (veremos como indicar isso):

TRANSAÇÕES. Considerando que estes comandos fazem parte de uma TRANSAÇÃO (veremos como indicar isso): TRANSAÇÕES 1. Introdução Transação Uma transação é uma unidade lógica de trabalho (processamento), formada por um conjunto de comando SQL, que tem por objetivo preservar a integridade e a consistência

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO FINANCEIRO

MANUAL DO USUÁRIO FINANCEIRO SIGIO Sistema Integrad de Gestã de Imprensa Oficial MANUAL DO USUÁRIO FINANCEIRO S I G I O M A N U A L D O U S U Á R I O P á g i n a 2 Cnteúd 1 Intrduçã... 3 2 Acess restrit a sistema... 4 2.1 Tips de

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais Diretoria de Tecnologia da Informação

Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais Diretoria de Tecnologia da Informação 1.1.1.1 Cas de us Descmpactar e Cnverter arquivs d módul de Instruments de Planejament 1.1.1.1.1 Precndições 1. O cas de us de envi deve ter sid cncluíd cm sucess 1.1.1.1.2 Flux principal 1. O SICOM descmpacta

Leia mais

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário MTUR Sistema FISCON Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 5 4.1. CADASTRAR CONVENENTE... 5 4.2. INSERIR FOTOGRAFIAS/IMAGENS

Leia mais

Faculdade Pitágoras 16/08/2011. Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Sistemas para Internet

Faculdade Pitágoras 16/08/2011. Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Sistemas para Internet Faculdade Pitágoras Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Sistemas para Internet Disciplina: Banco de Dados Prof.: Fernando Hadad Zaidan SQL A linguagem SQL é responsável por garantir um bom nível

Leia mais

Faculdade Pitágoras. Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados. Disciplina: Banco de Dados Prof.: Fernando Hadad Zaidan SQL

Faculdade Pitágoras. Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados. Disciplina: Banco de Dados Prof.: Fernando Hadad Zaidan SQL Faculdade Pitágoras Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Disciplina: Banco de Dados Prof.: Fernando Hadad Zaidan SQL A linguagem SQL é responsável por garantir um bom nível de independência do

Leia mais

Aula 1 Acesso a Banco de Dados

Aula 1 Acesso a Banco de Dados Laboratório de Banco de Dados Aula 1 Acesso a Banco de Dados Prof. Josenildo Silva jcsilva@ifma.edu.br Introdução O JDBC (Java Database Connectivity) foi criado com o intuito de fornecer aos programadores

Leia mais

Manual do Novo Pátio. Revenda. Versão 2.0

Manual do Novo Pátio. Revenda. Versão 2.0 Manual d Nv Páti Revenda Versã 2.0 1 Cnteúd INTRODUÇÃO... 3 1.LOGIN... 4 2.ANUNCIANTE... 4 2.1 Listar Usuáris... 4 2.2 Criar Usuári... 5 2.2.1 Permissões:... 6 3.SERVIÇOS... 7 3.1 Serviçs... 7 3.2 Feirã...

Leia mais

Prof. Carlos Majer Aplicações Corporativas UNICID

Prof. Carlos Majer Aplicações Corporativas UNICID Este material pertence a Carlos A. Majer, Professor da Unidade Curricular: Aplicações Corporativas da Universidade Cidade de São Paulo UNICID Licença de Uso Este trabalho está licenciado sob uma Licença

Leia mais

Internet e Programação Web

Internet e Programação Web COLÉGIO ESTADUAL PEDRO MACEDO Ensino Profissionalizante Internet e Programação Web 3 Técnico Prof. Cesar 2014 1. PHP e MySQL O MySQL é o gerenciador de banco de dados mais usado com o PHP. Existem muitas

Leia mais

Manual de configuração. Exemplo de instalação e configuração do banco de dados Postgree e ODBC para reconhecimento de imagens no SARA.

Manual de configuração. Exemplo de instalação e configuração do banco de dados Postgree e ODBC para reconhecimento de imagens no SARA. Manual de cnfiguraçã Exempl de instalaçã e cnfiguraçã d banc de dads Pstgree e ODBC para recnheciment de imagens n SARA. Manual de cnfiguraçã Exempl de instalaçã e cnfiguraçã d banc de dads Pstgree e ODBC

Leia mais

MYSQL BÁSICO. 12 Horas Instrutor: Antonio Itamar Júnior

MYSQL BÁSICO. 12 Horas Instrutor: Antonio Itamar Júnior MYSQL BÁSICO 12 Horas Instrutor: Antonio Itamar Júnior BANCO DE DADOS - O que é MySQL - Criar bando de dados - Nomenclatura de banco de dados - Tipos de dados SQL - Atributos SQL - Criar Tabela - Inserir,

Leia mais

Database and Applications. Criação, inserção de dados PHP+MySQL

Database and Applications. Criação, inserção de dados PHP+MySQL Criação, inserção de dados PHP+MySQL Prof. Doutor Félix Singo phpmyadmin É uma aplicação de fácil utilização que serve para controlar base de dados MySQL. Pode-se utilizar para criar, copiar, apagar, renomear

Leia mais

Banco de Dados com PHP

Banco de Dados com PHP Linguagem de Programação III Banco de Dados com PHP Conceitos de Banco de Dados - é uma coleção de dados interrelacionados, representando informações sobre um domínio específico - sempre que for possível

Leia mais

Sistema OnixNet / TrucksNet Contagem de Estoque pelas oficinas

Sistema OnixNet / TrucksNet Contagem de Estoque pelas oficinas Versã: 3.0.0.48 Empresa: TrucksCntrl Slicitante: Diretria Respnsável: Fernand Marques Frma de Slicitaçã: e-mail/reuniã Analista de Negóci: Fábi Matesc Desenvlvedr: Fabian Suza Data: 24/09/2012 Sistema

Leia mais

Programação de Servidores CST Redes de Computadores. Marx Gomes Van der Linden

Programação de Servidores CST Redes de Computadores. Marx Gomes Van der Linden Programação de Servidores CST Redes de Computadores Marx Gomes Van der Linden Programação de Servidores Aplicações cliente/servidor para web. Fundamentos de HTML+CSS. Linguagem de programação de servidor:

Leia mais

Manipulação de Dados em PHP (Visualizar, Inserir, Atualizar e Excluir) Parte 2

Manipulação de Dados em PHP (Visualizar, Inserir, Atualizar e Excluir) Parte 2 Desenvolvimento Web III Manipulação de Dados em PHP (Visualizar, Inserir, Atualizar e Excluir) Parte 2 Prof. Mauro Lopes 1-31 21 Objetivos Nesta aula iremos trabalhar a manipulação de banco de dados através

Leia mais

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION

ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION ALTERAÇÕES NO SISTEMA ORION Orin Versã 7.74 TABELAS Clientes Na tela de Cadastr de Clientes, fi inserid btã e um camp que apresenta códig que cliente recebeu após cálcul da Curva ABC. Esse btã executa

Leia mais

MANUAL DOS GESTORES DAA

MANUAL DOS GESTORES DAA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ UFPI NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - NTI MANUAL DOS GESTORES DAA MÓDULOS: M atrícula e P rgramas e C DP [Digite resum d dcument aqui. Em geral, um resum é um apanhad

Leia mais

Programação SQL. Introdução

Programação SQL. Introdução Introdução Principais estruturas duma Base de Dados: Uma BD relacional é constituída por diversas estruturas (ou objectos ) de informação. Podemos destacar: Database: designa a própria BD; Table/Tabela:

Leia mais

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário

MTUR Sistema FISCON. Manual do Usuário MTUR Sistema FISCON Manual d Usuári Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 3. ACESSAR O SISTEMA... 4 4. UTILIZANDO O SISTEMA... 5 4.1. CADASTRAR CONVENENTE... 5 4.2. INSERIR FOTOS DOS CONVÊNIOS...

Leia mais

Descrição Tinyint[(M)] Inteiro pequeno. Varia de 128 até +127

Descrição Tinyint[(M)] Inteiro pequeno. Varia de 128 até +127 Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

Java na WEB Banco de Dados

Java na WEB Banco de Dados 1 Java na WEB Banco de Dados Objetivo: Ao final da aula o aluno será capaz de: Criar aplicações JSP com acesso ao Banco de Dados MySql Configurar o TomCat para acessar o MySql. Não é Objetivo: Ao final

Leia mais

INTRODUÇÃO BANCO DE DADOS(MYSQL) E PHP

INTRODUÇÃO BANCO DE DADOS(MYSQL) E PHP INTRODUÇÃO BANCO DE DADOS(MYSQL) E PHP Prof. Msc. Hélio Esperidião BANCO DE DADOS Podemos entender por banco de dados qualquer sistema que reúna e mantenha organizada uma série de informações relacionadas

Leia mais

SQL Linguagem de Definição de Dados. Laboratório de Bases de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri

SQL Linguagem de Definição de Dados. Laboratório de Bases de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri SQL Linguagem de Definição de Dados SQL Structured Query Language Uma das mais importantes linguagens relacionais (se não a mais importante) Exemplos de SGBD que utilizam SQL Oracle Informix Ingress SQL

Leia mais

Introdução ao SQL. Aécio Costa

Introdução ao SQL. Aécio Costa Aécio Costa A linguagem SQL é um padrão de linguagem de consulta comercial e possui as seguintes partes: Linguagem de definição de dados (DDL) Linguagem interativa de manipulação de dados (DML) Definição

Leia mais

Linguagem de Consulta - SQL

Linguagem de Consulta - SQL Complementos da Linguagem SQL - Eliminando Tuplas Repetidas Exemplo: Obter o código das editoras que têm livros publicados CodEditora Titulo Publicacao... 04 Banco de Dados 1989 02 Análise 2000 01 XML

Leia mais

SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA

SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA SMART CONTROLE DO ESTOQUE DE GONDOLA O prcess de cntrle de estque de gôndla fi desenvlvid cm uma prcess de auxili a cliente que deseja cntrlar a quantidade de cada item deve estar dispnível para venda

Leia mais

Os dados no MySQL são armazenado em tabelas. Uma tabela é uma colecção de informação relacionada e consiste em colunas e linhas.

Os dados no MySQL são armazenado em tabelas. Uma tabela é uma colecção de informação relacionada e consiste em colunas e linhas. MySQL 101 Recapitulando Os dados no MySQL são armazenado em tabelas. Uma tabela é uma colecção de informação relacionada e consiste em colunas e linhas. As bases de dados são úteis quando necessitamos

Leia mais

Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@gmail.com

Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@gmail.com Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@gmail.com O Que é JDBC? API de acesso a banco de dados relacional do Java Faz uso do driver provido pelo banco de dados Roda SQL (create, insert, update, etc.) no

Leia mais

Desenvolvimento de Sistemas Web Prof. Leandro Roberto. Aula 18 JavaScript: Eventos MySQL PHP (insert, update e delete)

Desenvolvimento de Sistemas Web Prof. Leandro Roberto. Aula 18 JavaScript: Eventos MySQL PHP (insert, update e delete) Desenvolvimento de Sistemas Web Prof. Leandro Roberto Aula 18 JavaScript: Eventos MySQL PHP (insert, update e delete) JavaScript Eventos Alguns eventos de uma página HTML podem ser interceptados e programados

Leia mais

API de Integração E-Zoop Documentação de uso

API de Integração E-Zoop Documentação de uso API de Integraçã E-Zp Dcumentaçã de us Data de Atualizaçã: 10/06/2015 Índice 1. Intrduçã... 1 2. Características... 2 Cadastr de características... 2 Exclusã de características... 4 Listagem de características...

Leia mais

Integração com coletores de ponto, catracas, dispositivos de abertura de portas, fechaduras eletromagnéticas,

Integração com coletores de ponto, catracas, dispositivos de abertura de portas, fechaduras eletromagnéticas, Vsft ids Pnt Web Cntrle de acess e pnt A Vsft desenvlveu uma sluçã baseada em sftware e hardware para cntrle de acess e u pnt que pde ser utilizada pr empresas de qualquer prte. Cm us da tecnlgia bimétrica

Leia mais

ETEC Dr. Emílio Hernandez Aguilar. Manual Simplificado: MySQL

ETEC Dr. Emílio Hernandez Aguilar. Manual Simplificado: MySQL ETEC Dr. Emílio Hernandez Aguilar Manual Simplificado: MySQL Franco da Rocha 2010 Informações Gerais O programa MySQL (R) é um servidor robusto de bancos de dados SQL (Structured Query Language Linguagem

Leia mais

Programação com Acesso a Banco de Dados

Programação com Acesso a Banco de Dados Campus Ipanguaçu Curso: Técnico em Informática Programação com Acesso a Banco de Dados AULA 17 ACESSO A BANCO DE DADOS COM JDBC PROF.: CLAYTON M. COSTA 2 011.2 Introdução Aplicação + Banco de Dados: Funcionalidade

Leia mais

UFES Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias Departamento de Engenharia Rural Disciplina de Banco de Dados.

UFES Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias Departamento de Engenharia Rural Disciplina de Banco de Dados. Ativando o MySQL Tutorial MySQL Passo1: Verificar onde (path, caminho) o MySQL está instalado. Figura 1. Diretório de instalação do MySQL Nome do Arquivo MySqld Mysqld-debug Mysqld-nt Mysqld-max Mysqld-max-nt

Leia mais

Processo de envio de e-mail de marketing

Processo de envio de e-mail de marketing Prcess de envi de e-mail de marketing Intrduçã Visand um melhr gerenciament ns prcesss de marketing das empresas, fi desenvlvid uma nva funcinalidade para sistema TCar, que tem pr finalidade realizar envis

Leia mais

Projeto de Banco de Dados

Projeto de Banco de Dados Projeto de Banco de Dados Prof. Marcelo Siedler Objetivos do documento: Apresentar os conceitos de stored procedutes e funções. Exercícios. Referência: http://dev.mysql.com/doc/refman/4.1/pt/stored-procedures.html

Leia mais

Laboratório de Banco de Dados Aula 1 Acesso a Banco de Dados. Prof. Josenildo Silva jcsilva@ifma.edu.br

Laboratório de Banco de Dados Aula 1 Acesso a Banco de Dados. Prof. Josenildo Silva jcsilva@ifma.edu.br Laboratório de Banco de Dados Aula 1 Acesso a Banco de Dados Prof. Josenildo Silva jcsilva@ifma.edu.br Introdução O JDBC (Java Database Connectivity) foi criado com o intuito de fornecer aos programadores

Leia mais

SQL Linguagem de Definição de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri

SQL Linguagem de Definição de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri SQL Linguagem de Definição de Dados Banco de Dados SQL Structured Query Language Uma das mais importantes linguagens relacionais (se não a mais importante) Exemplos de SGBD que utilizam SQL Oracle Informix

Leia mais

CRONOGRAMA DELPHI para turmas Aproximadamente 84 horas - aulas de 2 horas

CRONOGRAMA DELPHI para turmas Aproximadamente 84 horas - aulas de 2 horas CRONOGRAMA DELPHI para turmas Aprximadamente 84 hras - aulas de 2 hras Primeira Parte Lógica de Prgramaçã 5 aulas 10 hras AULA 1 OBJETIVO 1. Cnceits básics: Algritm, Tips de Variáveis, Tips e Expressões

Leia mais

Prova de pré-requisito

Prova de pré-requisito Prova de pré-requisito PHP & MySQL: Técnicas para Web 2.0 1 - Qual das opções constrói a tabela abaixo: DIA MÊS ANO 28 04 1988 22 02 2002 a) b) c) dia mês ano

Leia mais

TECNOLOGIA WEG II PHP com SGBD MYSQL:

TECNOLOGIA WEG II PHP com SGBD MYSQL: TECNOLOGIA WEG II PHP com SGBD MYSQL: Existem diversas formas de se acessar o SGBD Mysql para manipulação de dados por meio do PHP 1 Conexão A primeira atividade é efetuar a conexão com um servidor que

Leia mais

Revisando sintaxes SQL e criando programa de pesquisa. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Revisando sintaxes SQL e criando programa de pesquisa. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Revisando sintaxes SQL e criando programa de pesquisa. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 5 SELECT * FROM Minha_memoria Revisando Sintaxes SQL e Criando programa de Pesquisa Ano:

Leia mais

Structured Query Language (SQL)

Structured Query Language (SQL) SQL Histórico Structured Query Language (SQL) Foi desenvolvido pela IBM em meados dos anos 70 como uma linguagem de manipulação de dados (DML - Data Manipulation Language) para suas primeiras tentativas

Leia mais

PRO2511. MySQL databases Parte III. Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. Departamento de Engenharia de Produção

PRO2511. MySQL databases Parte III. Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. Departamento de Engenharia de Produção PRO2511 MySQL databases Parte III 1 Instruções Objetivo da aula: entender como usar o MySQL a partir do PHP Listar Entrar com dados Alterar Apagar aula preparada a partir de um programa pronto baixá-lo

Leia mais

Persistência de Dados

Persistência de Dados Persistência de s Universidade do Estado de Santa Catarina - Udesc Centro de Ciências Tecnológicas - CCT Departamento de Ciência da Computação Tecnologia de Sistemas de Informação Estrutura de s II - DAD

Leia mais

INTRODUÇÃO BANCO DE DADOS. Prof. Msc. Hélio Esperidião

INTRODUÇÃO BANCO DE DADOS. Prof. Msc. Hélio Esperidião INTRODUÇÃO BANCO DE DADOS Prof. Msc. Hélio Esperidião BANCO DE DADOS Podemos entender por banco de dados qualquer sistema que reúna e mantenha organizada uma série de informações relacionadas a um determinado

Leia mais

Dissídio Retroativo. Cálculos INSS, FGTS e geração da SEFIP

Dissídio Retroativo. Cálculos INSS, FGTS e geração da SEFIP Dissídi Retrativ Cálculs INSS, FGTS e geraçã da SEFIP A rtina de Cálcul de Dissídi Retrativ fi reestruturada para atender a legislaçã da Previdência Scial. A rtina de Aument Salarial (GPER200) deve ser

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS Etapa 3 Cadastr d Prcess Seletiv O Presidente da CRM cadastra s dads d prcess n sistema. O prcess seletiv é a espinha drsal d sistema, vist que pr mei dele regem-se tdas as demais

Leia mais

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente. Figura 1. Base de dados de exemplo

Bases de Dados. Lab 1: Introdução ao ambiente. Figura 1. Base de dados de exemplo Departamento de Engenharia Informática 2012/2013 Bases de Dados Lab 1: Introdução ao ambiente 1º semestre O ficheiro bank.sql contém um conjunto de instruções SQL para criar a base de dados de exemplo

Leia mais

INTRODUÇÃO. No entanto, o que pode ser considerado um produto (resultado) da criação de BDs?

INTRODUÇÃO. No entanto, o que pode ser considerado um produto (resultado) da criação de BDs? BANCO DE DADOS Universidade do Estado de Santa Catarina Centro de Ciências Tecnológicas Departamento de Ciência da Computação Prof. Alexandre Veloso de Matos alexandre.matos@udesc.br INTRODUÇÃO Um Banco

Leia mais

C A P I T U L O 10 F U N Ç Õ E S I N T E R N A S P H P P A R A B A N C O D E D A D O S

C A P I T U L O 10 F U N Ç Õ E S I N T E R N A S P H P P A R A B A N C O D E D A D O S C A P I T U L O 10 F U N Ç Õ E S I N T E R N A S P H P P A R A B A N C O D E D A D O S Para desenvolver um sistema que utilizará um banco de dados, precisamos estabelecer uma conexão entre a linguagem

Leia mais

SQL: Definição de tabelas, Modificações à Base de Dados

SQL: Definição de tabelas, Modificações à Base de Dados SQL: Definição de tabelas, Modificações à Base de Dados Fernando Lobo Base de Dados, Universidade do Algarve 1 / 24 Definição do esquema da base de dados O esquema da BD é composto pelas definições de

Leia mais

Lumine Database Mapping for PHP. Treinamento Básico

Lumine Database Mapping for PHP. Treinamento Básico Lumine Database Mapping fr PHP Treinament Básic Cnhecend as características básicas de um ds framewrks de mapeament de banc de dads relacinais mais fáceis de ser utilizad. Hug Ferreira da Silva 13/12/2010

Leia mais

IBOConsole Recuperação do Banco de Dados. Ferramenta de manutenção para recuperação de banco de dados.

IBOConsole Recuperação do Banco de Dados. Ferramenta de manutenção para recuperação de banco de dados. IBOCnsle Recuperaçã d Banc de Dads Ferramenta de manutençã para recuperaçã de banc de dads. 2 IBOCnsle ÍNDICE MAINTENANCE... 3 VALIDATION... 4 BACKUP/RESTORE... 6 BACKUP... 7 RESTORE... 10 3 IBOCnsle MAINTENANCE

Leia mais

SQL (Structured Query Language)

SQL (Structured Query Language) SQL (Structured Query Language) Linguagem comercial para BD relacional padrão ISO desde a década de 80 SQL (86); SQL-2 (92); SQL-3 (99) e SQL:2003 não é apenas uma linguagem de consulta! como o nome sugere...

Leia mais

SQL (Structured Query Language)

SQL (Structured Query Language) SQL (Structured Query Language) Linguagem comercial para BD relacional padrão ISO desde a década de 80 SQL- (86); SQL- (9); SQL- (99) não é apenas uma linguagem de consulta! como o nome sugere... Base

Leia mais

SQL (Structured Query Language)

SQL (Structured Query Language) SQL (Structured Query Language) Linguagem comercial para BD relacional padrão ISO desde a década de 80 SQL-1 (86); SQL- (9); SQL- (99) não é apenas uma linguagem de consulta! como o nome sugere... Base

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO ANTECEDENTES CRIMINAIS

MANUAL DO USUÁRIO ANTECEDENTES CRIMINAIS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elabrad: Equipe SAG Revisad: Aprvad: Data: 11/09/2008 Data: 10/10/2008 Data: A autenticaçã d dcument cnsta n arquiv primári da Qualidade Referencia: Help_Online_Antecedentes_Criminais.dc

Leia mais

Linguagem SQL Parte I

Linguagem SQL Parte I FIB - Centro Universitário da Bahia Banco de Dados Linguagem SQL Parte I Francisco Rodrigues Santos chicowebmail@yahoo.com.br Slides gentilmente cedidos por André Vinicius R. P. Nascimento Conteúdo A Linguagem

Leia mais

PL/SQL. Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri. Laboratório de Bases de Dados PL/SQL

PL/SQL. Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri. Laboratório de Bases de Dados PL/SQL PL/SQL Laboratório de Bases de Dados PL/SQL Program Language SQL linguagem de programação da Oracle que permite processar dados armazenados no banco de dados Exemplos de operações permitidas alterar, remover,

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicações para Internet Aula 9

Desenvolvimento de Aplicações para Internet Aula 9 Desenvolvimento de Aplicações para Internet Aula 9 Celso Olivete Júnior olivete@fct.unesp.br Na aula de hoje PDO PHP Data Object 2 PDO PDO é uma extensão que fornece uma interface padronizada para trabalhar

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO PARA WINDOWS

GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO PARA WINDOWS GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO PARA WINDOWS CONTEÚDO 1. Intrduçã... 3 2. Requisits de Sftware e Hardware:... 3 3. Usuári e Grups:... 3 3.1. Cnfigurand cm Micrsft AD:... 3 3.2. Cnfigurand s Grups e Usuáris:...

Leia mais

Anexo 01 - Mapeamento Documentos ISO. Mapeamento dos Documentos ISO. Pasta/ forma Sala Supervisão. Pasta documentos da ISO

Anexo 01 - Mapeamento Documentos ISO. Mapeamento dos Documentos ISO. Pasta/ forma Sala Supervisão. Pasta documentos da ISO Item 01 02 03 04 05 06 Refere a dcument PQN-02 PQN-02 07 PQN-05 08 09 10 Identificaçã Nme d registr Cntrle de emissã e distribuiçã de dcuments Matriz ds registrs da qualidade Ficha de cntrle de atualizações

Leia mais

Listando itens em ComboBox e gravando os dados no Banco de Dados MySQL.

Listando itens em ComboBox e gravando os dados no Banco de Dados MySQL. Listando itens em ComboBox e gravando os dados no Banco de Dados MySQL. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2012 Edição 7 Listando e Gravando Listando itens em ComboBox e gravando os dados no

Leia mais