I S O M E R I A C 2 H 6 O CH 3 CH 2 OH CH 3 O CH 3

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "I S O M E R I A C 2 H 6 O CH 3 CH 2 OH CH 3 O CH 3"

Transcrição

1 I S O M E R I A É a ocorrência de dois ou mais compostos diferentes que apresentam a mesma fórmula molecular,mínima e centesimal. C 3 C 2 O Fórmula estrutural do etanol C 3 O C 3 Fórmula estrutural do metoxi-metano C 2 6 O

2 Tipos de Isomeria

3 ISOMERIA PLANA TIPOS ISOMERIA DE FUNÇÃO MESMA FÓRMULA MOLECULAR DIFERENTES FUNÇÕES QUÍMICAS

4 EXEMPLOS C 3 -C 2 -O C 2 6 O ÁLCOOL C 3 - O - C 3 C 2 6 O ÉTER

5 C 3 -C O O C 2 4 O 2 ÁCIDO O C C 2 4 O 2 O-C 3 ÉSTER

6

7 ISOMERIA PLANA TIPOS ISOMERIA DE CADEIA MESMA FÓRMULA MOLECULAR MESMA FUNÇÃO QUÍMICA DIFERENTES CADEIAS CARBÔNICAS

8 C 3 -C 2 -C 2 -C 3 C 4 10 C 3 -C-C 3 C 3 C 4 10 IDROCARBONETOS

9 C 2 =C-C 3 C 3 6 C 2 C 2 C 2 C 3 6 IDROCARBONETOS

10 ISOMERIA PLANA TIPOS ISOMERIA DE POSIÇÃO MESMA FÓRMULA MOLECULAR MESMA FUNÇÃO QUÍMICA MESMA CADEIA CARBÔNICA DIFERENTES POSIÇÕES DA FUNÇÃO, INSATURAÇÃO OU RADICAL

11 C 2 =C-C 2 -C 3 C 4 8 C 3 -C=C-C 3 C 4 8 IDROCARBONETOS Diferentes posições da insaturação

12 C 3 -C-C 3 O C 3 8 O C 3 -C 2 -C 2 O C 3 8 O ÁLCOOL Diferentes posições do grupo funcional

13 ISOMERIA PLANA TIPOS ISOMERIA DE COMPENSAÇÃO OU METAMERIA MESMA FÓRMULA MOLECULAR MESMA FUNÇÃO QUÍMICA DIFERENTES CADEIAS ETEROGÊNEAS

14 C 3 -C 2 -O-C 2 -C 3 C 4 10 O C 3 -O-C 2 -C 2 -C 3 ÉTER MUDOU A POSIÇÃO DO ETEROÁTOMO

15 C 3 -N-C 2 -C 2 -C 3 C 4 11 N C 3 -C 2 -N-C 2 -C 3 AMINA MUDOU A POSIÇÃO DO ETEROÁTOMO

16 ISOMERIA PLANA TIPOS ISOMERIA DINÂMICA OU TAUTOMERIA MESMA FÓRMULA MOLECULAR DIFERENTES FUNÇÕES QUÍMICAS

17 ALDEÍDO ENOL = C - O INSTÁVEL! O - C - CETONA O R- C -R

18 C 2 = C - O C 2 4 O ENOL O C 3 - C - C 2 4 O ALDEÍDO

19 C 3 -C=C 2 O C 3 6 O ENOL C 3 -C-C 3 O C 3 6 O CETONA

20

21 São da mesma função? Sim Tem heteroátomo? Não Estão em equilíbrio dinâmico? Sim Não Sim Não Metameria Cadeias heterogêneas Cadeia Posição Tautomeria ENOL Função

22 01) Um isômero do éter C3OC3 é o: a) ácido acético. b) éter dietílico. c) propanol. d) etanol. e) etano. Fórmula molecular do éter C26O ácido éter propanol etanol dietílico acético O 3C 3C C2 3C 3C C2 O C2 C2 C C2 O O C3 O Fórmula molecular Fórmula molecular C410O C24O2 C38O C26O

23 02) Indique, dentre as alternativas a seguir, a que apresenta um hidrocarboneto isômero do 2, 2, 4 trimetil pentano. a) octano. b) pentano. c) propano. d) butano. e) nonano. 2, 2, 4 trimetil pentano C3 3C C C2 C C3 C3 C3 Fórmula molecular C818 octano 3C C2 C2 C2 C2 C2 C2 C3 Fórmula molecular C818

24 03) Os compostos etanol e éter dimetílico demonstram que caso de isomeria? a) Cadeia. b) Posição. c) Compensação. d) Função. e) Tautomeria. Por pertencerem à funções químicas diferentes são ISÔMEROS DE FUNÇÃO

25 04) Os compostos etóxi propano e metóxi butano apresentam: a) isomeria de cadeia. b) isomeria de posição. diferem na posição do c) isomeria de compensação. ETEROÁTOMO d) isomeria funcional. e) tautomeria. etóxi propano 3C C2 O C2 C2 C3 metóxi butano 3C O C2 C2 C2 C3

26 05) (UPE/2007 Q1) Analise o equilíbrio representado pela equação química abaixo: O 3C 3C C CO 2C 2C O C2O C Em relação ao conceito de isomeria, é verdadeiro afirmar que o equilíbrio: a) não exemplifica caso de isomeria. b) exemplifica um caso de isomeria de cadeia entre alcenos. c) apenas evidencia a mudança da fórmula estrutural do etanal para a cetona. d) evidencia um caso particular de isomeria funcional conhecido com o nome de tautomeria. e) evidencia tão somente o efeito ressonante entre alcoóis insaturados.

27

28 É quando os isômeros apresentam as ligações entre seus átomos dispostas de maneira diferente no espaço Existem dois tipos de isomeria espacial Isomeria geométrica ou cis-trans. Isomeria óptica.

29 Pode ocorrer em dois casos principais: Em compostos com duplas ligações. Em compostos cíclicos.

30 Nos compostos com duplas ligações deveremos ter a seguinte estrutura: R1 R2 C = C R3 R4 R1 R2 e R3 R4

31 C3 C=C C3 C3 C=C CIS TRANS C3 A estrutura que apresentar os átomos de hidrogênio no mesmo lado do plano é a forma CIS A estrutura que apresentar os átomos de hidrogênio em lados opostos do plano é a forma TRANS

32 Nos compostos cíclicos a isomeria cis trans é observada quando aparecerem grupos ligantes diferentes em dois carbonos do ciclo 3C 3C C3 C3 TRANS CIS

33 No caso de não existirem dois átomos de hidrogênio nos carbonos da dupla ligação A IUPAC recomenda a utilização dos prefixos Z e E Z: zusammen (juntos) E: entgegen (opostos)

34 O composto que apresentar, do mesmo lado do plano imaginário, os ligantes do carbono com os maiores números atômicos (Z), será denominado Z o outro será o E Z = 6 Z = 6 3C C C C3 Cl 3C C C Z-2-clorobut-2-eno C3 Cl 3C Z = 17 Z = 1 C C Cl E-2-clorobut-2-eno C3

35 01) Dados os seguintes compostos orgânicos: I. (C3)2C = CCl2 III. C3ClC = CClC3 II. (C3)2C = CClC3 IV. C3FC = CClC3 Assinale a opção correta: a) Os compostos I e III são isômeros geométricos. b) Os compostos II e III são isômeros geométricos. c) O composto II é o único que apresenta isomeria geométrica. d) Os compostos III e IV são os únicos que apresentam isomeria geométrica. e) Todos os compostos apresentam isomeria geométrica.

36 02) (UESC) Admite isomeria geométrica, o alceno: a) 2, 3 dimetil 2 penteno b) 1 penteno c) 3 metil 3 hexeno d) eteno. e) 4 etil 3 metil 3 hexeno 2, 3 3 dimetil 1 penteno 32 hexeno penteno 3C 3C C C2 C C C2 C C C2 C2 C2 C3 C3 C3 C3 C3 C3

37 03) Apresenta isomeria cis - trans: a) 1 buteno. b) 2 metil 2 buteno. c) 2, 3 dimetil 2 buteno. d) 1, 1 dimetil ciclobutano. e) 1, 2 dimetil ciclobutano. 1, 2 dimetil 1, ciclobutano 2, 132 dimetil 1 buteno 2 ciclobutano 2 buteno 2 C 2 C C C C 3C C2 C3 3C C C C3 C C C C 2 C3 C3 C3 C3 C3 2 C 2

38 04)(UESC) Admite isomeria geométrica, o alceno: a) 2, 3 dimetil 2 penteno. b) 1 penteno. c) 3 metil 3 hexeno. d) eteno. e) 4 etil 3 metil 3 hexeno. 2, 3 3 dimetil 1 penteno 23 penteno hexeno 3C 3C C C2 C C C2 C C C2 C2 C2 C3 C3 C3 C3 C3 C3

39 Propriedades Fisiológicas dos Isômeros Geométricos Os isômeros espaciais geométricos, mesmo sendo a mesma substância química, não apresentam os mesmos efeitos sobre os organismos vivos porque suas formas espaciais diferentes são interpretadas de maneiras diferentes pelos organismos. Por exemplo: os isômeros cis e trans ou Z e E não apresentam o mesmo odor, possuem sabores diferentes e, se um deles atuar como medicamento, certamente o outro não terá o mesmo efeito como medicamento, ou seja se o isômero cis faz bem a saúde, o isômero trans pode fazer mal.

40 Propriedades Químicas dos Isômeros Geométricos Os isômeros espaciais geométricos, apresentam as mesmas propriedades químicas. As reações químicas sofridas pelo cis são as mesmas reações químicas sofridas pelo trans. Se o isômero Z sofrer uma certa reação, o isômero E sofrerá a mesma reação. Cuidado: Em moléculas que apresentam pontes de hidrogênio intermoleculares, os isômeros cis e trans podem apresentar reações químicas diferentes, conforme veremos em exemplos logo adiante.

41 Propriedades Físicas dos Isômeros Geométricos Nos isômeros geométricos tudo depende de uma análise da polaridade da molécula, por exemplo, na extrema maioria dos isômeros cis e trans ou Z e E: A forma cis é mais polar que a forma trans. Por ser mais polar, a forma cis possui maior ponto de fusão e ebulição. Por apresentar maior polaridade, as partículas cis ficam mais próximas umas das outras, aumentando assim a densidade. Por apresentar maior polaridade, as partículas cis são mais solúveis em água (que também é polar) e menos solúveis em gorduras (apolares). Conseqüentemente, a forma trans, que tende a ser apolar, é mais solúvel em gorduras e menos solúvel em água.

42

43

44 A Gordura Trans no nosso cotidiano

45 Tabela com valores de gordura trans

46

47

48 Isomeria Óptica

49

50 LUZ NATURAL É um conjunto de ondas eletromagnéticas que vibram em vários planos, perpendiculares à direção de propagação do feixe luminoso representação de Fresnell

51 LUZ POLARIZADA É um conjunto de ondas eletromagnéticas que vibram ao longo de um único plano representação de Fresnell

52 A POLARIZAÇÃO DA LUZ NATURAL luz natural bálsamo do canadá LUZ POLARIZADA lâmpada prisma de Nicol raio extraordinário raio ordinário

53 Algumas substâncias são capazes de provocar um desvio no plano da luz polarizada substância dextrógira luz natural luz polarizada levógira Estas substâncias possuem atividade óptica (opticamente ativas possuem carbono assimétrico ou a molécula é assimétrica) e as que não possuem atividade óptica(opticamente inativas).

54 As formas dextrógira e levógira, que correspondem uma a imagem da outra, foram chamadas ANTÍPODAS ÓPTICOS ou ENANTIOMORFOS ácido lático (ácido 2 hidróxipropanóico) espelho COO COO C O O C C3 C3

55 Substância opticamente ativa Dextrógiro, (d) ou (+) - desvia o plano de luz para a direita.

56 Levógiro, (l) ou (- ): desvia o plano de luz para a esquerda.

57 Ângulo de desvio(α - Alfa) α = [ α ]. d. c [ α ]: Poder rotatório d: Comprimento da solução atravessada pela luz c: Concentração da solução

58 Repare a imagem especular. Simétrico ou assimétrico?

59 Não é possível superpor a mão direita sobre a esquerda. Elas são diferentes, ou melhor, assimétricas.

60 Superponivéis: diz-se duas imagens idênticas quando colocadas uma sobre a outra percebe-se serem iguais; Agora imagens Não superponíveis são aquelas que são diferentes uma da outra, não podendo ser sobrepostas. Imagens especulares: imagens vistas ao espelho Quiral: da palavra grega cheir, que significa mão. Dizemos ainda que objetos assimétricos apresentam quiralidade.

61

62 Isômeros Opticamente Ativos- IOA São os isômeros que desviam o plano de luz polarizada.ex.: Dextrógiro e Levógiro

63 Isômeros Opticamente Inativos- IOI São os isômeros que ao desviarem o feixe de luz polarizada provocam anulação ou compensação que pode ser fora da substância ou dentro da substância. Por compensação externa: ocorre fora da substância,no infinito.ex.: Racêmico Por compensação interna: ocorre dentro da substância. Ex.: Meso Ocorre quando temos no composto dois carbonos assimétricos iguais,um dos C* cancela o desvio do plano de vibração da luz polarizada provocado pelo outro C*.

64 Resumindo,temos:

65

66

67 Diferença entre:

68 Quiralidade: é o fenômeno da assimetria,ou seja,a não sobreposição da molécula a sua imagem no espelho

69

70 A mistura em partes iguais dos antípodas ópticos fornece por compensação dos efeitos contrários um conjunto OPTICAMENTE INATIVO, que foi chamado MISTURA RACÊMICA

71 As substâncias assimétricas possuem atividade óptica A estrutura orgânica que tem CARBONO ASSIMÉTRICO possuirá atividade óptica (opticamente ativa)

72 É o átomo de carbono que possui quatro ligantes diferentes entre si C O C Os quatro grupos ligados ao como o composto tem carbono em destaque são carbono assimétrico, ele diferentes entre si apresenta ATIVIDADE ÓPTICA Cl Este carbono é ASSIMÉTRICO

73 01) Na estrutura abaixo, quando se substitui R por alguns radicais, o composto adquire atividade óptica. Qual dos itens indica corretamente esses radicais? C2 R C3 3C C COO C2 R C2 C3 a) metil e etil. b) metil e propil. c) etil e propil. d) dois radicais metil. e) dois radicais etil.

74 Substâncias com 1 carbono Assimétrico. Toda substância que apresenta um carbono assimétrico tem dois isômeros espaciais: um dextrógiro e um levógiro. C 3 - C - COO C 3 * O Existem dois ácidos láticos espacialmente diferentes: o ácido lático dextrógiro e levógiro. A mistura de dois enantiomorfos em proporções equimolares é chamada de racêmico.

75 Exemplo C 3 - C - COO O Mistura Racêmica + OOC- C - C 3 O n = n de carbonos quirais Isômeros ativos Misturas Racêmicas 2 n Ác. d-l Láctico 2 n = = 1

76 Isômeros ativos Luz polarizada C 3 - C - COO O Ác. (+) d-láctico Luz polarizada OOC- C - C 3 O Ác. (-) l -Láctico Enantiômeros, enantiomorfos ou antípodas

77 Isômero Óptico sem Carbono assimétrico: Ocorre com Dienos acumulados ou Compostos Alênicos

78

79

80 Separação dos Racêmicos O processo de separação da mistura racêmica pode ser feito através dos seguintes métodos: Físico: Catação - realizado pela 1º vez pelo Químico Luis Pasteur Biológico: através do uso de microorganismos que se alimente apenas de um tipo,o indesejável,deixando o outro tipo,o desejável. Químico: como os isômeros existentes na mistura racêmica são ácidos ou bases orgânicas,podem ser separados através do uso de ácidos ou bases fortes inorgânicas,dando origem a sais de diastereoisômeros,que podem ser finalmente separados por cristalização fracionada.

81 Propriedades Fisiológicas dos Isômeros Ópticos Os isômeros espaciais, mesmo sendo a mesma substância química, não apresentam os mesmos efeitos sobre os organismos vivos porque suas formas espaciais diferentes são interpretadas de maneiras diferentes pelos organismos. Por exemplo: os isômeros dextrógiro e levógiro não apresentam o mesmo odor, possuem sabores diferentes e, se um deles atuar como medicamento, certamente o outro não terá o mesmo efeito como medicamento.

82 Propriedades Químicas dos Isômeros Ópticos Os isômeros espaciais, sejam isômeros ópticos ou geométricos apresentam as mesmas propriedades químicas. As reações químicas sofridas pelo dextrógiro são as mesmas reações químicas sofridas pelo levógiro. Se o isômero cis sofrer uma certa reação, o isômero trans sofrerá a mesma reação.

83 Propriedades Físicas dos Isômeros Ópticos Os isômeros ópticos apresentam as mesmas propriedades físicas, como por exemplo, pontos de fusão e ebulição, densidade, calor específico entre outras. A única diferença do ponto de vista físico está no desvio do plano de vibração da luz polarizada.

84 01) (Q.I./2015) Em relação ao ácido lático, cujas fórmulas espaciais estão representadas abaixo, estão corretas as opções, exceto: COO COO COO COO O O O O C3 C3 ( I ) C3 ( II ) espelho espelho ácido lático ácido 2 hidroxipropanóico C3 a) Possui átomo de carbono assimétrico. b) Possui atividade óptica. c) Apresenta carboxila e oxidrila (hidroxila). d) Possui isomeria cis-trans. e) As suas estruturas não são superponíveis.

85 02) (UPE/2007 Q2) Analise as estruturas I, II, III e IV, abaixo. C2O C2O C2O C2O O O O O C3 C3 C2O C2O (I) (II) (III) (IV) É correto afirmar que a) somente as estruturas I e II apresentam isomeria ótica. b) somente as estruturas I e III apresentam atividade ótica. c) somente as estruturas III e IV apresentam atividade ótica. d) somente as estruturas I e IV apresentam isomeria ótica. e) todas apresentam atividade ótica.

86 03) (UFPE/2005) Diversos compostos orgânicos são responsáveis pelo odor de vários alimentos. Dentre eles, podemos citar: A partir das estruturas acima pode-se afirmar que: 0 0 A nomenclatura do composto orgânico responsável pelo aroma da canela, é 3 fenilpropanal. 1 1 A cicloexilamina possui um centro estereogênico (quiral). 2 2 O acetato de octila, responsável pelo aroma da laranja, apresenta uma função éter. 3 3 O composto responsável pelo aroma da baunilha, apresenta as funções fenol, aldeído e éter. 4 4 O isomeria cis - trans. composto responsável pelo aroma da canela, pode apresentar

87 O 04) (UFPE/2007) A partir das estruturas moleculares ao lado podemos afirmar que: 1) Os compostos representados em (I), ( I ) 3C C 3 C C C C 3 C C C C geranial O geranial e heral, apresentam isomeria cis/trans. 2) Os compostos representados em (II) são exatamente iguais; portanto não 3C C 3 C heral C C C 3 C C C C O apresentam nenhum tipo de isomeria. ( II ) 3) Os ácidos representados em (III) são diferentes; portanto, não apresentam nenhum tipo de isomeria. C O C 3 OOC ácido lático 3 C C COO Está(ão) correta(s): a) 1 apenas b) 2 e 3 apenas ( III ) COO C C 3 C C c) 1 e 3 apenas C 3 C C 3 C COO d) 1, 2 e 3 e) 3 apenas ácido 2-metilbutanóico ácido pentanóico

88 05) (UPE/2006-Q2) Analise as afirmativas acerca dos diversos compostos orgânicos e suas propriedades e assinale-as devidamente. F F V 0 0 Os compostos butanal e metilpropanal exemplificam um caso de isomeria espacial 1 1 Os isômeros de posição pertencem à mesma função orgânica e 3C possuem a mesma cadeia, C mas diferem entre si apenas quanto C à posição do heteroátomo 2 2 Um hidrocarboneto cíclico SÃO pode ISÔMEROS ser isômero DE CADEIA de um hidrocarboneto alifático insaturado DE UM RADICAL OU UMA INSATURAÇÃO O C2 C2 3C C C3 ISÔMEROS DE POSIÇÃO PERTENCEM À MESMA FUNÇÃO ORGÂNICA E TÊM A MESMA CADEIA, MAS DIFEREM ENTRE SI PELA POSIÇÃO O V F 3 3 Os cresóis, C78O, são conhecidos quimicamente como hidroximetilbenzenos e podem 2C apresentar C isomeria C3 plana, tanto de função como de posição C36 O C36 SÃO ISÔMEROS 4 4 A atividade ótica de uma substância está relacionada com a simetria cristalina ou molecular das substâncias É UM CRESOL ESTÁ RELACIONADA COM A ASSIMETRIA É ISÔMERO DE FUNÇÃO DO É ISÔMERO DE POSIÇÃO DO O C3 C3 C2 O

89 Para uma substância orgânica, com carbono assimétrico, o número de isômeros ativos e inativos é dado pelas expressões: número de isômeros ativos 2 n número de isômeros inativos 2 n 1 n é o número de carbonos assimétricos

90 O C C Cl tem um carbono assimétricos n = n = 2 isômeros ativos n 1 2 = = 2 0 = 1 isômero inativo

91 01) O número total de isômeros (ativos e inativos) da molécula abaixo é: a) 2. b) 4. c) 6. d) 8. e) 10. 3C I C I Cl I C N2 I Cl Este composto possui dois átomos de carbono assimétricos diferentes, 2 n = 2 2 = 4 isômeros ativos portanto n = 2 n 1 2 = = 2 1 = 2 isômero inativo total de isômeros: 4 ativos + 2 inativos = 6 isômeros

92 02) (UPE) Considere o composto: ácido 2, 3 dicloro 3 fenilpropanóico Ele apresenta: a) 4 isômeros sem atividade óptica. b) um total de 6 isômeros, sendo 2 sem atividade óptica. c) um total de 4 isômeros, sendo 2 sem atividade óptica. d) não apresenta isomeria óptica. e) só 2 isômeros ativos e um meso composto. Tem dois carbonos assimétricos n = 2 n 2 2 = 4 isômeros ativos n 1 2 = = 2 1 = 2 isômeros inativos Total de isômeros = = 6 isõmeros

93 03) O ácido cloromático Cl O O O OOC C CCl C CO C C COO O O apresenta: a) 4 isômeros ativos e 2 racêmicos. b) 2 isômeros ativos e 1 racêmico. c) 8 isômeros ativos e 4 racêmicos. d) 6 isômeros ativos e 3 racêmicos. e) 16 isômeros ativos e 8 racêmicos. Tem dois carbonos assimétricos diferentes, portanto n = n n 12 1 = 4 isômeros ativos 2 = 2 isômeros racêmicos

94

95 1. (ENEM/2014) A talidomida é um sedativo leve e foi muito utilizado no tratamento de náuseas, comuns no início da gravidez. Quando foi lançada, era considerada segura para o uso de grávidas, sendo administrada como uma mistura racêmica composta pelos seus dois enantiômeros (R e S). Entretanto, não se sabia, na época, que o enantiômero S leva à malformação congênita, afetando principalmente o desenvolvimento normal dos braços e pernas do bebê.coelo, F. A. S. Fármacos e quiralidade. Cadernos Temáticos de Química Nova na Escola, São Paulo, n. 3, maio 2001 (adaptado). Essa malformação congênita ocorre porque esses enantiômeros a) reagem entre si. b) não podem ser separados. c) não estão presentes em partes iguais. X d) interagem de maneira distinta com o organismo. e) são estruturas com diferentes grupos funcionais.

96 2. (ENEM/ NULA) Sabe-se que a ingestão freqüente de lipídios contendo ácidos graxos (ácidos monocarboxílicos alifáticos) de cadeia carbônica insaturada com isomeria trans apresenta maior risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares, sendo que isso não se observa com os isômeros cis. Dentre os critérios seguintes, o mais adequado à escolha de um produto alimentar saudável contendo lipídios é: X a) Se contiver bases nitrogenadas, estas devem estar ligadas a uma ribosa e a um aminoácido. b) Se contiver sais, esses devem ser de bromo ou de flúor, pois são essas as formas mais frequentes nos lipídios cis. c) Se estiverem presentes compostos com ligações peptídicas entre os aminoácidos, os grupos amino devem ser esterificados. d) Se contiver lipídios com duplas ligações entre os carbonos, os ligantes de maior massa devem estar do mesmo lado da cadeia. e) Se contiver polihidroxialdeídos ligados covalentemente entre si, por ligações simples, esses compostos devem apresentar estrutura linear.

97 3. (ENEM/2013) O citral, substância de odor fortemente cítrico, é obtido a partir de algumas plantas como o capim-limão, cujo óleo essencial possui aproximadamente 80%, em massa, da substância. Uma de suas aplicações é na fabricação de produtos que atraem abelhas, especialmente do gênero Apis, pois seu cheiro é semelhante a um dos feromônios liberados par elas. Sua fórmula molecular é C O, com uma cadeia alifática de oito carbonos, duas insaturações, nos carbonos 2 e 6 e dois grupos substituintes metila, nos carbonos 3 e 7. O citral possui dois isômeros geométricos, sendo o trans o que mais contribui para o forte odor. Para que se consiga atrair um maior número de abelhas para uma determinada região, a molécula que deve estar presente em alta concentração no produto a ser utilizado é: A) C) E) B) D)

98 Resolução: Considerando as informações sobre o composto ditas no enunciado, chegamos à seguinte estrutura: Sabendo que o citral possui dois isômeros geométricos, sendo o trans que mais contribui para o forte odor. Para que se consiga atrair um maior número de abelhas para uma determinada região, a molécula que deve estar presente em alta concentração no produto a ser utilizado é: Gab: A

carbonos hidrogênios oxigênio C 2 H 6 O

carbonos hidrogênios oxigênio C 2 H 6 O ISOMERIA carbonos hidrogênios oxigênio O O 2 6 O 2 6 O Os compostos 3 2 O e 3 O 3 são ISÔMEROS ISÔMEROS são compostos diferentes que possuem a mesma fórmula molecular A este fenômeno damos o nome de ISOMERIA

Leia mais

ISOMERIA. Prof. César Lourenço

ISOMERIA. Prof. César Lourenço ISOMERIA Prof. ésar Lourenço carbonos hidrogênios oxigênio O O 2 6 O 2 6 O Os compostos 3 2 O e 3 O 3 são ISÔMEROS ISÔMEROS são compostos diferentes que possuem a mesma fórmula molecular A este fenômeno

Leia mais

1. A gasolina é uma mistura de hidrocarbonetos diversos que apresenta, dentre outros, os seguintes componentes:

1. A gasolina é uma mistura de hidrocarbonetos diversos que apresenta, dentre outros, os seguintes componentes: Isomeria Tipos de Isomeria Isomeria Plana De cadeia De posição Metameria De função Tautomeria Isomeria Espacial Geométrica (Cis-Trans) Ótica 1. A gasolina é uma mistura de hidrocarbonetos diversos que

Leia mais

ISOMERIA EM QUÍMICA ORGÂNICA Profº.: Wesley de Paula

ISOMERIA EM QUÍMICA ORGÂNICA Profº.: Wesley de Paula Química Orgânica Aula 1 (Específica) ISOMERIA EM QUÍMICA ORGÂNICA Profº.: Wesley de Paula ISOMERIA INTRODUÇÃO a substância A é um álcool: CH 3 -CH 2 -OH; a substância B é um éter: CH 3 -O-CH 3 ; A e B

Leia mais

Carbonos Hidrogênios Oxigênios C 2 H 6 O

Carbonos Hidrogênios Oxigênios C 2 H 6 O Prof. Edson Cruz ISOMERIA Carbonos Hidrogênios Oxigênios H H H C C O H H C O C H H H H H H H C 2 H 6 O C 2 H 6 O Os compostos H 3 C CH 2 OH e H 3 C O CH 3 são ISÔMEROS. ISÔMEROS são compostos diferentes

Leia mais

Fala Gás Nobre! Preparado para reagir? O tema dessa semana é isomeria! Mas o que é isso? Você sabe?

Fala Gás Nobre! Preparado para reagir? O tema dessa semana é isomeria! Mas o que é isso? Você sabe? ISOMERIA Fala Gás Nobre! Preparado para reagir? O tema dessa semana é isomeria! Mas o que é isso? Você sabe? Bem, a isomeria é um fenômeno em que duas ou mais substâncias diferentes, apresentam a mesma

Leia mais

LOUCOS POR QUÍMICA. Prof. Neif Nagib

LOUCOS POR QUÍMICA. Prof. Neif Nagib LUS PR QUÍMIA Prof. Neif Nagib São dois ou mais compostos orgânicos diferentes que apresentam a mesma fórmula molecular. 3 2 Etanol 2 6 3 Metoximetano A isomeria se divide em: Isomeria Plana ou onstitucional.

Leia mais

Isomeria espacial. Prof. Everson Marin

Isomeria espacial. Prof. Everson Marin Isomeria espacial Prof. Everson Marin Classificação Isomeria Geométrica Espacial Óptica Isomeria Geométrica Isomeria Geométrica (Cis Trans) Condições de existência: 1) Cadeias alifáticas com ligação dupla

Leia mais

Química E Extensivo V. 5

Química E Extensivo V. 5 Química E Extensivo V. 5 Exercícios 01) a) b) 02) F V V F a) Errada. Existem séries homólogas em qualquer função. b) Certa. Na série homóloga, cada membro tem um CH 2 a mais. Massa molecular: 14µ. c) Certa.

Leia mais

ISOMERIA. Karla Gomes Diamantina-MG

ISOMERIA. Karla Gomes Diamantina-MG ISOMERIA Karla Gomes Diamantina-MG ISOMERIA Isomeria é o fenômeno em que compostos orgânicos têm a mesma fórmula molecular, sendo diferentes. ISOMERIA Etimologicamente, significa partes iguais. 1. ISO,

Leia mais

NORMAL: RAMIFICADA: H H H C C

NORMAL: RAMIFICADA: H H H C C C4 OBS.: C Carbono primário: Se o átomo de carbono estiver ligado a um átomo de carbono. Carbono secundário: se um átomo de carbono estiver ligado a dois átomos de carbono. Carbono terciário: se estiver

Leia mais

Gabaritos Resolvidos Energia Química Semiextensivo V3 Frente D

Gabaritos Resolvidos Energia Química Semiextensivo V3 Frente D 01) B Composto A: éter Composto B: fenol Composto C: álcool Fórmula molecular dos 3 compostos: C 7 H 8 O Compostos de mesma fórmula molecular e função química diferente isomeria de função. 02) B I. Álcool

Leia mais

Maratona ENEM Química Prof. Geovani Barros

Maratona ENEM Química Prof. Geovani Barros Maratona ENEM 2016 Química Prof. Geovani Barros Histórico *Fonte: Revista Superinteressante Química Orgânica Classificação dos átomos de carbono Classificação dos átomos de carbono As moléculas de nanoputians

Leia mais

Química D Extensivo V. 5

Química D Extensivo V. 5 Química D Extensivo V. 5 Exercícios 01) D H 3 C O 02) D éter H 3 C OH álcool C 2 H 6 O (isômeros) Funções diferentes isomeria de função. 06) D I. C 3 O P III. C 3 H 6 O O II. C 3 O P IV. C 3 O P Isômeros

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÉ-VESTIBULAR RUMO À UNIVERSIDADE CAMPUS JOÃO MONLEVADE QUÍMICA ORGÂNICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÉ-VESTIBULAR RUMO À UNIVERSIDADE CAMPUS JOÃO MONLEVADE QUÍMICA ORGÂNICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÉ-VESTIBULAR RUMO À UNIVERSIDADE CAMPUS JOÃO MONLEVADE QUÍMICA ORGÂNICA ORIENTADORA: PROF.ª DRA. KARLA VIEIRA P R OF.ª LUCAS SIQUEIRA ISOMERIA ÓPTICA - INTRODUÇÃO A

Leia mais

ISOMERIA ESPACIAL. paginapessoal.utfpr.edu.br/lorainejacobs. Profª Loraine Jacobs DAQBI

ISOMERIA ESPACIAL. paginapessoal.utfpr.edu.br/lorainejacobs. Profª Loraine Jacobs DAQBI ISOMERIA ESPACIAL lorainejacobs@utfpr.edu.br paginapessoal.utfpr.edu.br/lorainejacobs Profª Loraine Jacobs DAQBI Relembrando conceitos Isomeria Plana: Depende apenas da localização dos átomos nas moléculas

Leia mais

EXERCÍCIOS DE ISOMERIA

EXERCÍCIOS DE ISOMERIA EXERCÍCIOS DE ISOMERIA Questões: 01. (PUC-SP) Os dois compostos 3 C O e 3 C C 2 O demonstram que caso de Isomeria? a) cadeia b) posição c) composição d) função e) tautomeria 02. (FMU) O equilíbrio 3 C

Leia mais

ISOMERIA. Compostos diferentes com a mesma fórmula molecular denominam-se isômeros.

ISOMERIA. Compostos diferentes com a mesma fórmula molecular denominam-se isômeros. ISOMERIA Compostos diferentes com a mesma fórmula molecular denominam-se isômeros. Isômeros constitucionais (ou estruturais) são isômeros que diferem devido à diferente ligação dos seus átomos. Por exemplo:

Leia mais

Revisão III Unidade Isomeria

Revisão III Unidade Isomeria 1 Revisão III Unidade Isomeria 1) Em relação ao ácido lático, cujas fórmulas espaciais estão representadas abaixo, estão corretas as opções, exceto: a) Possui átomo de carbono assimétrico. b) Possui atividade

Leia mais

Isomeria. COELHO, F. A. S. Fármacos e quiralídade. Cadernos Temáticos de Química Nova na Escola, São Paulo, n. 3, maio 2001 (adaptado).

Isomeria. COELHO, F. A. S. Fármacos e quiralídade. Cadernos Temáticos de Química Nova na Escola, São Paulo, n. 3, maio 2001 (adaptado). Isomeria Karla Gomes 1. (Enem 2014) A talidomida é um sedativo leve e foi muito utilizado no tratamento de náuseas, comuns no início da gravidez. Quando foi lançada, era considerada segura para o uso de

Leia mais

FCAV/ UNESP. DISCIPLINA: Química Orgânica. ASSUNTO: Isomeria

FCAV/ UNESP. DISCIPLINA: Química Orgânica. ASSUNTO: Isomeria FCAV/ UNESP DISCIPLINA: Química Orgânica ASSUNTO: Isomeria Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran 1 1. ISÔMEROS Isômeros são dois ou mais compostos diferentes que apresentam a mesma fórmula molecular. Isomeria

Leia mais

Química D Superintensivo

Química D Superintensivo GABARIT Superintensivo Exercícios 0) 9 02) B 03) A 0. erta devido à propriedade de encadeamento do carbono, o número de compostos orgânicos é muito grande, com grande variação no arranjo dos átomos das

Leia mais

Lista de exercícios - Bloco 3 - Aula 15 - Isomeria Plana 1. (Fac. Santa Marcelina - Medicin 2016) Quando há falta de insulina e o corpo não consegue usar a glicose como fonte de energia, as células utilizam

Leia mais

Universidade Federal de Campina Grande Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar Profª Roberlúcia A. Candeia Disciplina: Química Orgânica

Universidade Federal de Campina Grande Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar Profª Roberlúcia A. Candeia Disciplina: Química Orgânica Universidade Federal de Campina Grande Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar Profª Roberlúcia A. Candeia Disciplina: Química Orgânica 1 Isomeria É o fenômeno onde dois ou mais compostos possuem

Leia mais

Prof. Willame Bezerra

Prof. Willame Bezerra 1. Os feromônios são compostos emitidos por animais para atrair outros da mesma espécie e sexo oposto. Um dos tipos de feromônios são os chamados atraentes sexuais de insetos, que facilitam sua reprodução.

Leia mais

20/06/2014. Isomeria. Classificação da Isomeria. Propeno. CH2 Ciclopropano

20/06/2014. Isomeria. Classificação da Isomeria. Propeno. CH2 Ciclopropano Universidade Federal de Campina Grande Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar Profª Roberlúcia A. Candeia Disciplina: Química Orgânica Isomeria É o fenômeno onde dois ou mais compostos possuem a

Leia mais

QUÍMICA ORGÂNICA parte 1

QUÍMICA ORGÂNICA parte 1 QUÍMICA ORGÂNICA parte 1 1 QUÍMICA ORGÂNICA Cafeína Vinagre Glicose (É o ramo da Química que estuda os compostos do CARBONO) 2 CLASSIFICAÇÃO DO CARBONO Carbono primário Ligado diretamente, no máximo, a

Leia mais

a mesma fórmula molecular ou seja, é necessário recorrer às fórmulas estruturais para os diferenciar.

a mesma fórmula molecular ou seja, é necessário recorrer às fórmulas estruturais para os diferenciar. Química do arbono VIII. ISÓMEROS A fórmula molecular de um composto, indica o tipo e o número de átomos presentes num determinado composto. Alguns exemplos de fórmulas moleculares são 2 6 ou 5 10 O. ontudo,

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO QUESTÕES. Escolha 12 exercícios dos mostrados abaixo e responda-os.

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO QUESTÕES. Escolha 12 exercícios dos mostrados abaixo e responda-os. 3º EM Química A Wesley Av. Dissertativa 19/10/16 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta

Leia mais

FCAV/UNESP. DISCIPLINA: Química Fisiológica. ASSUNTO: Noções de Química Orgânica

FCAV/UNESP. DISCIPLINA: Química Fisiológica. ASSUNTO: Noções de Química Orgânica FCAV/UNESP DISCIPLINA: Química Fisiológica ASSUNTO: Noções de Química Orgânica 1 QUÍMICA ORGÂNICA Química Orgânica é a área da Química que estuda os compostos que contêm carbono, chamados de compostos

Leia mais

Resoluções das Atividades

Resoluções das Atividades Resoluções das Atividades Sumário Módulo 4 Sal orgânico, anidrido de ácido carboxílico e haleto de ácido, amina, amida, isonitrila e nitrocomposto Nomenclaturas e aplicações...1 Módulo 5 Isomeria plana

Leia mais

4. Represente os isômeros geométricos do ácido butenodióico (ácido maléico cis) e (ácido fumárico trans).

4. Represente os isômeros geométricos do ácido butenodióico (ácido maléico cis) e (ácido fumárico trans). LISTA DE EXERÍIOS DE ISOMERIA ESPAIAL www.heltonsalles.com.br ISOMERIA GEOMÉTRIA 1. Quais são as condições necessárias para um composto apresentar isomeria geométrica? Represente os isômeros geométricos

Leia mais

Material Didático. Química Elementar - Orgânica. Fevereiro de Universidade Federal do Pará. Equipe de Química:

Material Didático. Química Elementar - Orgânica. Fevereiro de Universidade Federal do Pará. Equipe de Química: Química Elementar - Orgânica Material Didático Equipe de Química: (PCNA Fevereiro de 2015) Shirley Cristina Cabral Nascimento (Coordenação) Marlice Cruz Martelli Ana Rosa C. L. M. Duarte Marcos Vinícios

Leia mais

Tema da aula: Isomeria. Isomeria

Tema da aula: Isomeria. Isomeria Disciplina: Química Prof.: Ivo Turma: TR 02/09/2016 Tema da aula: Isomeria 1. Conceito Isomeria O butanoato de etila, composto que dá aroma característico ao abacaxi, possui a mesma fórmula molecular que

Leia mais

AULA 21 NOMENCLATURA DE COMPOSTOS ORGÂNICOS E HIDROCARBONETOS

AULA 21 NOMENCLATURA DE COMPOSTOS ORGÂNICOS E HIDROCARBONETOS AULA 21 NOMENCLATURA DE COMPOSTOS ORGÂNICOS E HIDROCARBONETOS NOMENCLATURA OFICIAL DOS COMPOSTOS ORGÂNICOS De acordo com a União Internacional de Química Pura e Aplicada (I.U.P.AC.), o nome de um composto

Leia mais

Classificação das cadeias orgânicas e hibridação

Classificação das cadeias orgânicas e hibridação Classificação das cadeias orgânicas e hibridação Gabarito: Resposta da questão 1: [E] [Resposta do ponto de vista da disciplina de Química] As cenouras de coloração laranja podem ter sido trazidas a Pernambuco

Leia mais

ISOMERIA Química Orgânica Prof. Gabriel Silveira

ISOMERIA Química Orgânica Prof. Gabriel Silveira ISOMERIA Orientadora: Drª Lucília Alves Linhares Professor Monitor: Gabriel Silveira O que é Isomeria? Isomeria é o fenômeno em que compostos orgânicos têm a mesma fórmula molecular e estruturas diferentes.

Leia mais

Isomeria Plana, Estrutural ou Constitucional

Isomeria Plana, Estrutural ou Constitucional Isomeria Plana, Estrutural ou onstitucional Isômeros são compostos diferentes que apresentam a mesma fórmula molecular. Isômeros constitucionais são isômeros que diferem na ordem em que seus átomos estão

Leia mais

ISOMERIA ESPACIAL. 1. (Mackenzie 2016)

ISOMERIA ESPACIAL. 1. (Mackenzie 2016) 1. (Mackenzie 2016) O ácido nalidíxico é um medicamento antibacteriano, utilizado no tratamento de infecções do trato urinário causadas por bactérias gram-negativas. Esse fármaco, cuja fórmula estrutural

Leia mais

Ciências Físico-Químicas 9ºAno Prof. Carla Bastos

Ciências Físico-Químicas 9ºAno Prof. Carla Bastos Ciências Físico-Químicas 9ºAno Prof. Carla Bastos O que são? Compostos orgânicos Compostos que contêm carbono e hidrogénio, podendo ainda conter outros elementos. Isómeros Compostos com a mesma fórmula

Leia mais

FCAV/UNESP. DISCIPLINA: Química Orgânica. ASSUNTO: Introdução à Química Orgânica

FCAV/UNESP. DISCIPLINA: Química Orgânica. ASSUNTO: Introdução à Química Orgânica FCAV/UNESP DISCIPLINA: Química Orgânica ASSUNTO: Introdução à Química Orgânica QUÍMICA ORGÂNICA Química Orgânica é a área da Química que estuda os compostos que contêm carbono, chamados de compostos orgânicos.

Leia mais

Exercícios de Isomeria

Exercícios de Isomeria Exercícios de Isomeria 1. Cientistas brasileiros definem como transgênico um "organismo cujo genoma foi alterado pela introdução de DNA exógeno, que pode ser derivado de outros indivíduos da mesma espécie,

Leia mais

PPGQTA. Prof. MGM D Oca

PPGQTA. Prof. MGM D Oca PPGQTA Prof. A Estereoquimica está relacionada ao arranjo tridimensional no espaço dos átomos em uma molécula. Estereoisômeros são moléculas que possuem os átomos com uma mesma conectividade entretanto,

Leia mais

Gabarito-R Profº Jaqueline Química. a) Dados: Solubilidade do KOH em etanol a 25 C

Gabarito-R Profº Jaqueline Química. a) Dados: Solubilidade do KOH em etanol a 25 C 1: a) Dados: Solubilidade do KOH em etanol a 25 C 40 g em 100 ml. Adicionou-se 1,5 g de KOH a 35 ml de etanol, agitando-se continuamente a mistura. 100 ml (etanol) 40 g (KOH) 35 ml (etanol) mkoh mkoh 14

Leia mais

Prof. Rafa - Química Isomeria. Lista de exercícios

Prof. Rafa - Química Isomeria. Lista de exercícios Prof. Rafa - Química Isomeria Lista de exercícios 01. (FURG) A fórmula 4 8 O pode representar dois isômeros funcionais como: a) metoxipropano e 1-butanol. b) butanona e butanal. c) butan-1-ol e butan-2-ol.

Leia mais

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA 3º ano Profª Adriana Strelow

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA 3º ano Profª Adriana Strelow IÊNIAS DA NATUREZA - QUÍMIA 3º ano - 2016 Profª Adriana Strelow Lista de Exercícios - Isomeria ISMERIA PLANA 1) (PU) álcool propan-1-ol é um exemplo de um dos isômeros de fórmula 3 8. número total de isômeros

Leia mais

Isomeria Óptica. A Luz Natural. Luz Polarizada. Espato da Islândia Malus Luz natural

Isomeria Óptica. A Luz Natural. Luz Polarizada. Espato da Islândia Malus Luz natural Isomeria Óptica A Luz Natural Luz Polarizada Espato da Islândia 1808 Malus Luz natural 1815 Jean-Batiste Biot onstatei que algumas soluções como o óleo de limão, a cânfora em álcool e o caldode-cana, quando

Leia mais

GOIÂNIA, / / ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO

GOIÂNIA, / / ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO GOIÂNIA, / / 2016 PROFESSOR:Taynara DISCIPLINA: Química Orgânica SÉRIE: 2 Ano ALUNO(a): Data entrega: / /2016 No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes

Leia mais

PPGQTA. Prof. MGM D Oca

PPGQTA. Prof. MGM D Oca PPGQTA Prof. A Estereoquimica está relacionada ao arranjo tridimensional no espaço dos átomos em uma molécula. Estereoisômeros são moléculas que possuem os átomos com uma mesma conectividade entretanto,

Leia mais

Funções Orgânicas e Isomeria

Funções Orgânicas e Isomeria Funções Orgânicas e Isomeria Funções Orgânicas e Isomeria 1. Uma forma de organização de um sistema biológico é a presença de sinais diversos utilizados pelos indivíduos para se comunicarem. No caso das

Leia mais

25/09/2012 O H. éster. álcool. éter H3C O CH3. amida. ácido carboxílico NH 2. amina primária. aldeído CH3. cetona. Efeitos do ETANOL no organismo

25/09/2012 O H. éster. álcool. éter H3C O CH3. amida. ácido carboxílico NH 2. amina primária. aldeído CH3. cetona. Efeitos do ETANOL no organismo 2 álcool éter éster ácido carboxílico N 2 amida aldeído N 2 amina primária cetona fenol 02)(ovest-ªfase-98) Aspartame é um composto orgânico multifuncional com propriedades adoçantes que o tornam um eficiente

Leia mais

AULA DE RECUPERAÇÃO PROF. NEIF NAGIB

AULA DE RECUPERAÇÃO PROF. NEIF NAGIB AULA DE RECUPERAÇÃO PROF. NEIF NAGIB 1ª QUESTÃO O aspartame, estrutura representada a seguir, é uma substância que tem sabor doce ao paladar. Pequenas quantidades dessa substância são suficientes para

Leia mais

GOIÂNIA, / / ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO

GOIÂNIA, / / ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO GOIÂNIA, / / 2016 PROFESSOR:Taynara DISCIPLINA: Química Orgânica SÉRIE: 3 Ano ALUNO(a): Data entrega: / /2016 No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes

Leia mais

QUÍMICA Prof. Alison Cosme Souza Gomes. Funções Orgânicas Resumo UERJ

QUÍMICA Prof. Alison Cosme Souza Gomes. Funções Orgânicas Resumo UERJ QUÍMICA Prof. Alison Cosme Souza Gomes Funções Orgânicas Resumo UERJ A Química Orgânica é a parte da química que estuda os diversos compostos de carbonos existentes. São compostos com sua base nos átomos

Leia mais

Exercícios de Propriedades Físicas dos Compostos Orgânicos

Exercícios de Propriedades Físicas dos Compostos Orgânicos Exercícios de Propriedades Físicas dos Compostos Orgânicos Material de apoio do Extensivo 1. Assinale a opção que apresenta o ácido mais forte, considerando que todos se encontram nas mesmas condições

Leia mais

Química D Extensivo V. 4

Química D Extensivo V. 4 Química D Extensivo V. 4 Exercícios 01) D 04) B I. II. III. 02) D Nas aminas terciárias, o nitrôgênio se liga a 3 carbonos. Isso ocorre nos dois compostos. 05) A O odor de peixe é provocado principalmente

Leia mais

Química E Extensivo V. 2

Química E Extensivo V. 2 Química E Extensivo V Exercícios 01) E Propano e butano são hidrocarbonetos pertencentes à subfunção alcano Para a diferenciação dos nomes de cada substância, deve-se observar o sufixo (ano) de alcano,

Leia mais

Com relação a estas substâncias citadas, são feitas as afirmativas abaixo.

Com relação a estas substâncias citadas, são feitas as afirmativas abaixo. Aula 1 Prova de Química - omentada 1. [EsPEx-2014] A Aspirina foi um dos primeiros medicamentos sintéticos desenvolvido e ainda é um dos fármacos mais consumidos no mundo. ontém como princípio ativo o

Leia mais

H 2 C OCH 3 H 2 C OH EXERCÍCIOS DE CLASSE

H 2 C OCH 3 H 2 C OH EXERCÍCIOS DE CLASSE EXERCÍCIOS DE CLASSE 1- De um modo geral, o ponto de ebulição dos compostos orgânicos cresce com o aumento do peso molecular, o que não acontece com os compostos do quadro abaixo: COMPOSTO PESO MOLECULAR

Leia mais

Ciência que estuda a química da vida (características dos seres vivos)

Ciência que estuda a química da vida (características dos seres vivos) Ciência que estuda a química da vida (características dos seres vivos) Características dos seres vivos 1 - Complexidade química e organização microscópica Elementos químicos comuns C, O, N, H e P Grande

Leia mais

PROFESSOR: EQUIPE DE QUÍMICA

PROFESSOR: EQUIPE DE QUÍMICA PROFESSOR: EQUIPE DE QUÍMICA BANCO DE QUESTÕES - QUÍMICA ORGÂNICA 2ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO - PARTE 1 ============================================================================================= Hidrocarbonetos

Leia mais

LISTA DAS FUNÇÕES ORGÂNICAS

LISTA DAS FUNÇÕES ORGÂNICAS Orgânica Na pré-história, o ser humano se limitava a usar materiais que encontrava na natureza, sem provocar neles grandes modificações. A descoberta do fogo trouxe ao ser humano a primeira maneira efetiva

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final Disciplina: Química Ano: 2012 Professor (a): Elisa Landim Turma: 3º FG/TI Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação. Faça

Leia mais

VI. GRUPOS FUNCIONAIS

VI. GRUPOS FUNCIONAIS Química do arbono VI. GRUPS FUNINAIS A maior parte das substâncias orgânicas pode ser agrupada num número relativamente pequeno de classes, de acordo com o seu grupo funcional. Designa-se por grupo funcional,o

Leia mais

Solução Comentada Prova de Química

Solução Comentada Prova de Química 34. A histamina, estrutura mostrada abaixo, é uma substância orgânica que provoca inchaço e coceira, e que é liberada pelas células de defesa, quando somos picados por insetos. N NH 2 N H Se quisermos

Leia mais

Exercícios Sobre ReaÇões Orgânicas: mecanismo da adição

Exercícios Sobre ReaÇões Orgânicas: mecanismo da adição Exercícios Sobre ReaÇões rgânicas: mecanismo da adição Enunciado dos exercícios de 01 a 24: Dê as equações químicas globais das reações orgânicas listadas a seguir. 01. H 2= + l 2 02. H 2= + Br 2 03. H

Leia mais

IEE ASSIS BRASIL- QUÍMICA 3º ANO ENSINO MÉDIO POLITÉCNICO

IEE ASSIS BRASIL- QUÍMICA 3º ANO ENSINO MÉDIO POLITÉCNICO IEE ASSIS BRASIL- QUÍMICA 3º ANO ENSINO MÉDIO POLITÉCNICO - 2015 Química Orgânica estudo dos compostos do carbono com propriedades específicas. 1 O átomo de carbono é considerado especial pela sua capacidade

Leia mais

QUÍMICA RESOLUÇÃO PRATIQUE EM CASA

QUÍMICA RESOLUÇÃO PRATIQUE EM CASA QUÍMICA RESOLUÇÃO PRATIQUE EM CASA Solução PC 01 [B] Se compararmos moléculas com o mesmo número de átomos de carbono, podemos afirmar que o ponto de ebulição de alcoóis é sempre maior do que o ponto de

Leia mais

COELHO, F. A. S. Fármacos e quiralídade. Cadernos Temáticos de Química Nova na Escola, São Paulo, n. 3, maio 2001 (adaptado).

COELHO, F. A. S. Fármacos e quiralídade. Cadernos Temáticos de Química Nova na Escola, São Paulo, n. 3, maio 2001 (adaptado). 1. A talidomida é um sedativo leve e foi muito utilizado no tratamento de náuseas, comuns no início da gravidez. Quando foi lançada, era considerada segura para o uso de grávidas, sendo administrada como

Leia mais

Gabarito - Hidrocarbonetos

Gabarito - Hidrocarbonetos Gabarito: Resposta da questão 1: [Resposta do ponto de vista da disciplina de Química] As cenouras de coloração laranja podem ter sido trazidas a Pernambuco durante a invasão holandesa e contêm um pigmento

Leia mais

1) Representação da reação de hidrogenação (quebra de duplas ligações e entrada de hidrogênio saturando a cadeia) mais perto do grupo carboxílico:

1) Representação da reação de hidrogenação (quebra de duplas ligações e entrada de hidrogênio saturando a cadeia) mais perto do grupo carboxílico: CAP. 5 ISMERIA ESPACIAL GEMÉTRICA (PAG. 98) 1) Representação da reação de hidrogenação (quebra de duplas ligações e entrada de hidrogênio saturando a cadeia) mais perto do grupo carboxílico: Fórmulas estruturais

Leia mais

Química Orgânica. Prof. ALEXANDRE D. MARQUIORETO

Química Orgânica. Prof. ALEXANDRE D. MARQUIORETO Química Orgânica Prof. ALEXANDRE D. MARQUIORETO Aspirina (AAS) Sacarina sódica Ácido cítrico Ciclamato de sódio Introdução Função química é uma série de compostos que possuem propriedades químicas semelhantes.

Leia mais

Lista de exercícios - Bloco 3 - Aula 16 - Isomeria Geométrica 1. (Uerj 2017) O ácido linoleico, essencial à dieta humana, apresenta a seguinte fórmula estrutural espacial: omo é possível observar, as ligações

Leia mais

Química 2 aula 6 COMENTÁRIOS ATIVIDADES PARA SALA C OMENTÁRIOS ATIVIDADES PROPOSTAS CADEIAS CARBÔNICAS

Química 2 aula 6 COMENTÁRIOS ATIVIDADES PARA SALA C OMENTÁRIOS ATIVIDADES PROPOSTAS CADEIAS CARBÔNICAS Química 2 aula 6 ADEIAS ARBÔIAS OMETÁRIOS ATIVIDADES PARA SALA 1. A cadeia que apresenta as características pedidas na questão: O limoneno apresenta cadeia carbônica insaturada. O limoneno e o mentol não

Leia mais

C o l é g i o R i c a r d o R o d r i g u e s A l v e s

C o l é g i o R i c a r d o R o d r i g u e s A l v e s C o l é g i o R i c a r d o R o d r i g u e s A l v e s Educação Infantil - Ensino Fundamental I - Ensino Médio 1º TRIMESTRE Química 3ª Série do Ensino Médio Conteúdo Introdução a Química Orgânica Características

Leia mais

NOME: TURMA: 3T3 AC Nº PROFESSORA: Idvani NOTA: TRABALHO DE QUÍMICA RECUPERAÇÃO FINAL. 1) Dê o nome dos compostos a seguir, segundo a IUPAC:

NOME: TURMA: 3T3 AC Nº PROFESSORA: Idvani NOTA: TRABALHO DE QUÍMICA RECUPERAÇÃO FINAL. 1) Dê o nome dos compostos a seguir, segundo a IUPAC: NOME: TURMA: 3T3 AC Nº PROFESSORA: Idvani NOTA: TRABALHO DE QUÍMICA RECUPERAÇÃO FINAL 1) Dê o nome dos compostos a seguir, segundo a IUPAC: a) b) c) d) 1 e) f) g) 5) É correto afirmar que determinado alcino

Leia mais

Curso ENSINO MÉDIO GUILHERME ROTEIRO DE ESTUDOS DE RECUPERAÇÃO E REVISÃO

Curso ENSINO MÉDIO GUILHERME ROTEIRO DE ESTUDOS DE RECUPERAÇÃO E REVISÃO Aluno (a): Disciplina QUÍMICA Curso Professor ENSINO MÉDIO GUILHERME ROTEIRO DE ESTUDOS DE RECUPERAÇÃO E REVISÃO Série 3º SÉRIE Número: 1 Conteúdo: Geometria molecular Polaridade e solubilidade Isomeria

Leia mais

FCAV/UNESP. ASSUNTO: Forças Intermoleculares. Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran

FCAV/UNESP. ASSUNTO: Forças Intermoleculares. Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran FCAV/UNESP ASSUNTO: Forças Intermoleculares Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran 1 2 FLUXOGRAMA PARA RECONHECER OS PRINCIPAIS TIPOS DE FORÇAS INTERMOLECULARES 3 ENERGIA TÍPICA REQUERIDA PARA O ROMPIMENTO

Leia mais

ISOMERIA ESPACIAL ISOMERIA DE CADEIA

ISOMERIA ESPACIAL ISOMERIA DE CADEIA apítulo 4 ISMERIA ISMERIA ESPAIAL Isomeria espacial ou estereoisomeria é o caso de isomeria no qual os compostos isômeros não diferem entre si pelas suas fórmulas estruturais planas mas sim pelas suas

Leia mais

Equipe de Química QUÍMICA

Equipe de Química QUÍMICA Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 14B Ensino Médio Equipe de Química Data: QUÍMICA ISOMERIA Isomeria é um fenômeno caracterizado pela ocorrência de duas ou mais substâncias diferentes, que apresentam

Leia mais

APOSTILA DE QUÍMICA ORGÂNICA 4º BIMESTRE

APOSTILA DE QUÍMICA ORGÂNICA 4º BIMESTRE Nome: nº: Bimestre: 4º Ano/série: 2ª série Ensino: Médio Componente Curricular: Química Professor: Ricardo Honda Data: / / APOSTILA DE QUÍMICA ORGÂNICA 4º BIMESTRE TEORIA 15 ISOMERIA PLANA Isomeria: fenômeno

Leia mais

Química Orgânica. Sinopse das Funções Orgânicas Prof. Jackson Alves

Química Orgânica. Sinopse das Funções Orgânicas Prof. Jackson Alves Química rgânica Sinopse das Funções rgânicas Prof. Jackson Alves idrocarbonetos Grupo funcional: Carbono e idrogênio aletos rgânicos ou Derivados alogenados Grupo funcional: R X (X = F, Cl, Br ou I) Cl

Leia mais

TD de química orgânica. Assunto: isomeria ( 2º ano) Professor: Jorge Luiz. 1) Os compostos etanol e éter dimetílico demonstram que caso de isomeria?

TD de química orgânica. Assunto: isomeria ( 2º ano) Professor: Jorge Luiz. 1) Os compostos etanol e éter dimetílico demonstram que caso de isomeria? TD de química orgânica Assunto: isomeria ( 2º ano) Professor: Jorge Luiz Assunto: Isomeria Plana 1) Os compostos etanol e éter dimetílico demonstram que caso de isomeria? a) Cadeia. b) Posição. c) Compensação.

Leia mais

EXERCÍCIOS DE ISOMERIA PLANA E ESPACIAL

EXERCÍCIOS DE ISOMERIA PLANA E ESPACIAL CURS DE QUÍMICA PRF.: RENÉ DS REIS BRGES EXERCÍCIS DE ISMERIA PLANA E ESPACIAL 01 Cite a função química a que pertencem as substâncias abaixo, com os tipos de isomeria que ocorrem em cada par. a) 3 C C

Leia mais

Química Orgânica Ambiental

Química Orgânica Ambiental Química Orgânica Ambiental Aula 7 Alcinos propriedades e síntese Prof. Dr. Leandro Vinícius Alves Gurgel 1. Introdução Os alcinos são hidrocarbonetos que apresentam pelo menos uma ligação tripla entre

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO DE QUÍMICA 3º BIMESTRE - 2º ANO - PROF. RODOLFO (COC-VILA VELHA)

LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO DE QUÍMICA 3º BIMESTRE - 2º ANO - PROF. RODOLFO (COC-VILA VELHA) LISTA DE EXERÍIS DE REUPERAÇÃ DE QUÍMIA 3º BIMESTRE - 2º AN - PRF. RDLF (-VILA VELA) LISTA DE REUPERAÇÃ QUÍMIA 131 2º AN VV MÓDULS 18 A 23 PRFº RDLF Questão 01) Analise a fórmula estrutural da curcumina,

Leia mais

Equilíbrio Químico. Exemplo: decomposição do tetróxido de dinitrogênio em dióxido de mononitrogênio realizada em um recipiente fechado.

Equilíbrio Químico. Exemplo: decomposição do tetróxido de dinitrogênio em dióxido de mononitrogênio realizada em um recipiente fechado. Equilíbrio Químico conceito de equilíbrio químico está relacionado sempre a uma reação reversível. Temos uma reação reversível quando os produtos, à medida que se formam, tornam a reagir entre si, regenerando,

Leia mais

1. (Ufrgs 2016) Reproduzir artificialmente todo o percurso químico de produção da morfina que acontece nas papoulas é um grande desafio.

1. (Ufrgs 2016) Reproduzir artificialmente todo o percurso químico de produção da morfina que acontece nas papoulas é um grande desafio. 1. (Ufrgs 2016) Reproduzir artificialmente todo o percurso químico de produção da morfina que acontece nas papoulas é um grande desafio. Em 2015, através da modificação genética do fermento, cientistas

Leia mais

Petróleo e seus derivados. Vinagre. Álcool Comum

Petróleo e seus derivados. Vinagre. Álcool Comum UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTR DE TECNLGIA AGRALIMENTAR CURS DE GRADUAÇÃ EM AGRNMIA DISCIPLINA: BIQUÍMICA GERAL PRFESSR: Adriana Silva Lima s compostos orgânicos estão presentes em nossa

Leia mais

FCAV/UNESP. ASSUNTO: Forças Intermoleculares e Propriedades Físicas de Compostos Orgânicos. Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran

FCAV/UNESP. ASSUNTO: Forças Intermoleculares e Propriedades Físicas de Compostos Orgânicos. Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran FCAV/UNESP ASSUNTO: Forças Intermoleculares e Propriedades Físicas de Compostos Orgânicos Prof a. Dr a. Luciana Maria Saran 1 FORÇAS INTERMOLECULARES Fonte: BARBOSA, 2004. 2 FORÇAS INTERMOLECULARES 1.

Leia mais

Química Orgânica. Aldeídos e cetonas. Professora: Ms. Fernanda Cristina Ferrari.

Química Orgânica. Aldeídos e cetonas. Professora: Ms. Fernanda Cristina Ferrari. Química Orgânica Aldeídos e cetonas Professora: Ms. Fernanda Cristina Ferrari Aldeídos São compostos que possuem o grupo: C O R C O H H Cetonas São compostos que possuem o grupo: R C O C O R' Não confunda

Leia mais

Lista de exercícios - Bloco 3 - Aulas 17 e 18 - Isomeria Óptica 1. (Enem 2014) A talidomida é um sedativo leve e foi muito utilizado no tratamento de náuseas, comuns no início da gravidez. Quando foi lançada,

Leia mais

COVEST/UFPE ª ETAPA

COVEST/UFPE ª ETAPA COVEST/UFPE 2004 2ª ETAPA 81. Ao longo da história, diversos modelos atômicos foram propostos até chegarmos ao modelo atual. Com relação ao modelo atômico de Rutherford, podemos afirmar que: 0 0 foi baseado

Leia mais

Apostila de Química 04 Compostos Orgânicos

Apostila de Química 04 Compostos Orgânicos 1.0 Introdução Apostila de Química 04 Compostos Orgânicos Composto orgânico Todo elemento que possui carbono na sua composição. Existem exceções grafite, monóxido de carbono, carboidratos... Química orgânica

Leia mais

Universidade Estadual de Maringá - PROINTE. Lista de Exercícios

Universidade Estadual de Maringá - PROINTE. Lista de Exercícios Universidade Estadual de Maringá - PROINTE PRECEPTORIA DA DISCIPLINA DE QUÍMICA ORGÂNICA I (QUIO I) PRECEPTORES: INGRID DE LIMA FIGUEIREDO E BILL NISHAR SAFADI Lista de Exercícios Exercício 1 Represente

Leia mais

Aparecida de Goiânia, / /2016. Aluno(a): 2ª Série Professor(a): Anderson. Lista de Química Data da entrega: 07/03/2016

Aparecida de Goiânia, / /2016. Aluno(a): 2ª Série Professor(a): Anderson. Lista de Química Data da entrega: 07/03/2016 UIDADE - I Aparecida de Goiânia, / /2016. Aluno(a): 2ª Série Professor(a): Anderson bservação: Justifique suas respostas. Lista de Química Data da entrega: 07/03/2016 1) Dentre os átomos de carbono que

Leia mais

Abaixo são indicadas três possibilidades de nomenclatura usual para representar o p

Abaixo são indicadas três possibilidades de nomenclatura usual para representar o p 1. (Ufg 2013) A fórmula de um alcano é CH n 2n+ 2, onde n é um inteiro positivo. Neste caso, a massa molecular do alcano, em função de n, é, aproximadamente: a) 12n b) 14n c) 12n + 2 d) 14n + 2 e) 14n

Leia mais

CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 9ºANO

CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 9ºANO CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS 9ºANO Tema: Compostos de carbono. Hidrocarbonetos. Fibras sintéticas, alimentos, cosméticos, medicamentos e combustíveis são alguns dos produtos que envolvem milhões de substâncias

Leia mais

Funções Orgânicas: Fontes: Hidrocarbonetos. Classificação: Principais aplicações: 10/08/2010. Petróleo Hulha Xisto

Funções Orgânicas: Fontes: Hidrocarbonetos. Classificação: Principais aplicações: 10/08/2010. Petróleo Hulha Xisto Funções rgânicas: Profs: Renato Acconcia láudio de Freitas Hidrocarbonetos Aldeídos Fenóis etonas Éteres Álcoois Enóis Ésteres Ácidos arboxílicos Sais de Ácidos arboxílicos Hidrocarbonetos Fontes: ompostos

Leia mais

Química COMPOSTOS DE CARBONO

Química COMPOSTOS DE CARBONO COMPOSTOS DE CARBONO COMPOSTOS DE CARBONO Compostos Orgânicos / Compostos de Carbono CO 2 COMPOSTOS DE CARBONO Inorgânicos Eram os que se obtinham de minerais Orgânicos Eram os que se obtinham de organismos

Leia mais