PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA"

Transcrição

1 Faculdade de Tecnologia SENAI de Desenvolvimento Gerencial NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISA PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

2 1. Introdução A Iniciação Científica é um instrumento de formação de recursos humanos, que permite colocar o estudante da graduação em contato direto com as atividades de pesquisa e o pensar científico, despertar a vocação científica e incentivar novos talentos potenciais entre alunos de graduação. Desta forma, o aluno tem a oportunidade de complementar a sua formação teórica e prática através da realização e participação em projetos de pesquisa que aproximam sua vivência acadêmica da realidade cotidiana. O desenvolvimento de pesquisas nas diversas áreas do conhecimento constitui-se em um compromisso das Instituições de Ensino Superior para promover uma melhor qualificação de discentes e docentes, bem como, para a integração com a comunidade em geral e o seu desenvolvimento social, econômico e cultural. Dessa forma, o desenvolvimento de pesquisas é fundamental para o estabelecimento de elos entre as Instituições de Ensino Superior e a sociedade que as mantém. Neste sentido, a Faculdade de Tecnologia SENAI de Aprendizagem Gerencial (FATESG) vem por meio deste programa apresentar sua proposta de trabalho de incentivo à iniciação científica. Assim, são objetivos deste programa: Em relação aos docentes orientadores: o Estimular pesquisadores produtivos a engajarem alunos de graduação no processo acadêmico; o Estimular o aumento da produção científica; o Estimular o envolvimento de novos pesquisadores na atividade de formação; Em relação aos alunos pesquisadores: o Despertar vocação científica e incentivar talentos potenciais entre alunos de graduação, mediante sua participação em projetos de pesquisa, o Introduzir o aluno no domínio do método científico; o Proporcionar ao aluno, orientado por pesquisador qualificado, a aprendizagem de técnicas e métodos, bem como estimular o desenvolvimento do pensar cientificamente e da criatividade decorrentes das condições criadas pelo confronto direto com os problemas de pesquisa; o Despertar no aluno uma nova mentalidade em relação à pesquisa.

3 2. Programas de incentivo à Pesquisa A Faculdade de Tecnologia SENAI de Aprendizagem Gerencial proporciona dois diferentes tipos de programas de iniciação científica que são: Programa de Bolsas de Iniciação Científica - PBIC-FATESG e o Programa de Voluntários de Iniciação Científica - PVIC-FATESG. O Programa de Bolsa de Iniciação Científica da FATESG (PBIC-FATESG) concede bolsas de estudo aos acadêmicos participantes de projetos de pesquisa no valor de 50% do valor da mensalidade. Para participar deste programa o aluno deve atender os seguintes requisitos: Estar regularmente matriculado em curso de graduação; Tenham disponibilidade de 10 (dez) horas semanais de dedicação às atividades de pesquisa; Possuir currículo Lattes\CNPq devidamente cadastrado e atualizado (últimos seis meses); Não estejam no último semestre do curso de graduação; Tenham sido selecionados e indicados pela Instituição, mediante aprovação de projeto de pesquisa. O Programa Voluntário de Iniciação Científica (PVIC-FATESG) tem como objetivo estimular estudantes de graduação que desenvolvem atividades de pesquisa, sem terem sido contemplados com bolsa de Iniciação Científica, a continuarem suas atividades. Este programa permite uma maior interação entre alunos e professores/pesquisadores, conferindo uma qualificação diferenciada aos participantes. A iniciação científica é um dever da instituição e não uma atividade eventual ou esporádica e é isso que permite tratá-la separadamente da bolsa de iniciação científica, já que se toma a iniciação científica como um instrumento básico de formação, ao passo que a bolsa de iniciação científica é um incentivo individual que se operacionaliza como estratégia exemplar de financiamento seletivo aos melhores alunos, vinculados a projetos desenvolvidos pelos pesquisadores no contexto da graduação. 3. Procedimentos para Inscrição nos Programas Para participar da Iniciação Científica o aluno deve procurar um professor orientador, da área de seu interesse, solicitando a participação em atividades de pesquisa, a serem implementadas pelo professor. Posteriormente, o professor orientador (coordenador do projeto) elaborará a proposta de projeto de pesquisa, solicitando a participação do aluno em um dos programas de Iniciação Científica.

4 Caso o docente orientador queira solicitar uma bolsa de pesquisa os seguintes documentos são necessários: 1. Plano de trabalho do Candidato à Iniciação Científica, devidamente preenchido e assinado, especificando o programa desejado. 2. Curriculum vitae do estudante (Currículo Lattes/CNPq, completo), por meio do qual será calculada a pontuação. 3. Histórico escolar atualizado (deve ser providenciado pelo estudante junto à secretaria da Unidade Universitária). 4. Proposta de Projeto de pesquisa do orientador. Para o Programa Voluntário de Iniciação Científica (PVIC-FATESG) basta o preenchimento dos seguintes documentos: 1. Plano de trabalho do Candidato à Iniciação Científica, devidamente preenchido e assinado, especificando o programa desejado. 2. Curriculum vitae do estudante (Currículo Lattes/CNPq, completo). 3. Proposta de Projeto de pesquisa do orientador. O coordenador do projeto deverá submeter um plano de trabalho detalhado para cada bolsista e/ou voluntário. A responsabilidade pela elaboração é do coordenador do projeto, devendo o acadêmico estar preparado para discuti-lo e analisar seus resultados. 4. Processo de Seleção de Bolsas A administração da FATESG fará a avaliação qualitativa (de caráter eliminatório) da adequação dos planos de trabalho dos candidatos à bolsa, emitindo parecer de recomendado ou não recomendado. A avaliação qualitativa será realizada de acordo com os critérios apresentados na tabela 1, sendo que todas as pontuações do acadêmico serão feitas exclusivamente em função do exposto no seu Currículo Lattes/CNPq e Histórico Escolar. O desempenho acadêmico (histórico escolar) terá máximo de 75 (setenta e cinco) pontos, sendo 5,0 (cinco) a média geral mínima. A conversão da média geral do histórico escolar do acadêmico para o número de pontos será feita através da expressão a seguir: Número de pontos = (15 x Média Geral) x 0,5 No currículo serão pontuadas as atividades realizadas de acordo com os critérios mostrados na tabela 1 a seguir:

5 Tabela 1 Critérios para pontuação do currículo Atividade Pontos Bolsista de Iniciação Científica (por semestre de atividade) 5,0 Voluntário de Iniciação Científica (por semestre de atividade) 1,0 Monitoria (por semestre de atividade) 1,5 Resumos ou apresentações de trabalhos em eventos 2,0 científicos/culturais Publicação de artigos completos em eventos ou periódicos 5,0 especializados Cursos em áreas afins ao projeto de pesquisa (máximo de 10 pontos) 0,5 Estágio em áreas afins ao projeto de pesquisa (máximo de 10 pontos) 0,5 A pontuação final será a soma da pontuação do desempenho acadêmico e do seu currículo Lattes. Esta pontuação final dará origem a uma lista classificatória de candidatos a bolsistas, sendo que a liberação das bolsas estará sujeita a disponibilidade financeira e orçamentária da FATESG. 5. Linhas de Pesquisa As linhas de pesquisas que deverão ser desenvolvidas devem estar em conformidade com o Regimento Interno de Pesquisa da FATESG. Desta forma, as linhas de pesquisa são: 1. Segurança da Informação 2. Arquitetura de Sistema de Computação 3. Desenvolvimento de Sistemas e Banco de Dados 4. Telecomunicações 5. Logística 6. Gestão de Pessoas 6. Disposições Gerais Havendo desistência e/ou cancelamento do bolsista este, poderá ser substituído por outro acadêmico que já esteja participando desde o inicio da vigência do projeto. Não tendo acadêmico vinculado ao projeto, será seguida a lista classificatória de bolsistas e distribuída para o candidato de maior pontuação geral. Os projetos recomendados e aprovados, não contemplados com bolsas PBIC- FATESG, terão suas solicitações automaticamente encaminhadas ao Programa de Voluntários de Iniciação Científica (PVIC-FATESG). O acompanhamento das bolsas até o final de sua vigência se dará por meio de relatório técnico parcial (bimestral) e final (12 meses de vigência).

6 This document was created with Win2PDF available at The unregistered version of Win2PDF is for evaluation or non-commercial use only. This page will not be added after purchasing Win2PDF.

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC REGULAMENTO

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC REGULAMENTO Texto Aprovado CONSU Nº 2010-08 - Data: 10/06/10 PRÓ-REITORIA ACADÊMICA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC REGULAMENTO 1. O programa se destina a apoiar os discentes do UNASP

Leia mais

EDITAL DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA 2014

EDITAL DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA 2014 EDITAL DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA 2014 A Direção do Núcleo Acadêmica do Centro Universitário Monte Serrat, no uso de suas atribuições, torna público o Programa de Iniciação Científica

Leia mais

Regulamento do Programa de Iniciação Científica da UNIFEV - Centro Universitário de Votuporanga - PIC/UNIFEV

Regulamento do Programa de Iniciação Científica da UNIFEV - Centro Universitário de Votuporanga - PIC/UNIFEV Regulamento do Programa de Iniciação Científica da UNIFEV - Centro Universitário de Votuporanga - PIC/UNIFEV Capítulo I Das Disposições Preliminares Art. 1º - O Programa de Iniciação Científica da UNIFEV

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SÃO JUDAS TADEU ISESJT. RESOLUÇÃO CONSUP Nº 03/2014 Floriano, 10 de janeiro de 2014.

INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SÃO JUDAS TADEU ISESJT. RESOLUÇÃO CONSUP Nº 03/2014 Floriano, 10 de janeiro de 2014. INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SÃO JUDAS TADEU ISESJT RESOLUÇÃO CONSUP Nº 03/2014 Floriano, 10 de janeiro de 2014. Fixa normas para o Programa de Iniciação Científica, no Instituto Superior de Educação

Leia mais

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NA FACULDADE DE ARACRUZ

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NA FACULDADE DE ARACRUZ FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NA FACULDADE DE ARACRUZ ARACRUZ 2010 INTRODUÇÃO A Iniciação Científica, segundo o Conselho Nacional

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DE PESQUISA

REGIMENTO INTERNO DE PESQUISA Faculdade de Tecnologia SENAI de Desenvolvimento Gerencial NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISA REGIMENTO INTERNO DE PESQUISA CAPÍTULO I DA NATUREZA E OBJETIVOS Art. 1º O objetivo deste Regimento é estabelecer

Leia mais

EMBRAPA SOJA ANO 2015/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO

EMBRAPA SOJA ANO 2015/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO EDITAL PIBIC-PIBITI/CNPq DA EMBRAPA SOJA ANO 2015/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIBIC-PIBITI/CNPq DA EMBRAPA SOJA 1. DEFINIÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC Jr/IFAP

REGULAMENTO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC Jr/IFAP PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO REGULAMENTO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC Jr/IFAP Julho/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR

Leia mais

Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas PIC DIREITO SP

Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas PIC DIREITO SP Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas PIC DIREITO SP Edital n o 01/2016 Seleção de Projetos de Pesquisa A Coordenadoria do Mestrado Acadêmico e Pesquisa

Leia mais

Universidade Federal de Pelotas Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. EDITAL PRPPG N.º 012/2014 (PBIP-DA UFPel)

Universidade Federal de Pelotas Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. EDITAL PRPPG N.º 012/2014 (PBIP-DA UFPel) Universidade Federal de Pelotas Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação EDITAL PRPPG N.º 012/2014 (PBIP-DA UFPel) A Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Federal de Pelotas torna público

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP A iniciação científica é a integração das atividades de graduação e pós-graduação da Instituição que permite a iniciação do acadêmico de graduação na pesquisa científica.

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FATEC PINDAMONHANGABA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FATEC PINDAMONHANGABA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FATEC PINDAMONHANGABA 1. INTRODUÇÃO O objetivo de presente regulamento é estabelecer as normas e os procedimentos gerais do programa de iniciação científica-tecnológica

Leia mais

VOTO CONSU de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA

VOTO CONSU de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOTO CONSU 2012-04 de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA 2012 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º O Programa de Monitoria do Centro Universitário Adventista de São Paulo UNASP é um programa

Leia mais

EDITAL UnC REITORIA 054/2015

EDITAL UnC REITORIA 054/2015 EDITAL UnC REITORIA 054/2015 Dispõe sobre as inscrições para concessão de Bolsa de Pesquisa para o Fundo de Apoio a Pesquisa da Universidade do Contestado FAP/UnC. A Reitora da Universidade do Contestado,

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ENFERMAGEM EM CARDIOLOGIA (Aprovado pela Resolução Nº 780 CONSEPE de 26 de agosto de 2010)

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ENFERMAGEM EM CARDIOLOGIA (Aprovado pela Resolução Nº 780 CONSEPE de 26 de agosto de 2010) CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ENFERMAGEM EM CARDIOLOGIA (Aprovado pela Resolução Nº 780 CONSEPE de 6 de agosto de 010) EDITAL PPPG Nº. 33/010 A PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL

Leia mais

EDITAL Nº 001/PIC/AU/2016

EDITAL Nº 001/PIC/AU/2016 EDITAL Nº 001/PIC/AU/2016 Estabelece os procedimentos para inscrição de acadêmicos no Programa de Iniciação Científica do Curso de Bacharelado em Arquitetura e Urbanismo da FACC Faculdade Concórdia. A

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRO-REITORIA DE POS GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PESQUISA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRO-REITORIA DE POS GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PESQUISA EDITAL Nº 1, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO A Coordenação de Pesquisa (COPES), setor vinculado a Pro-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (POSGRAP) da Universidade Federal de Sergipe, comunica

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ

PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ TÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CARACTERÍSTICAS DO PROGRAMA Artigo 1º - O Programa de Monitoria, mantido pela Faculdade de Medicina de Itajubá,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA MESTRADO PROFISSIONAL EM EDITAL Nº. 01, DE 21 DE JUNHO DE 2016 PROCESSO SELETIVO O PROFIAP da Universidade Federal de Sergipe comunica que estarão abertas inscrições para a seleção de estudantes para atuar

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ÍTALO- BRASILEIRO

CENTRO UNIVERSITÁRIO ÍTALO- BRASILEIRO CENTRO UNIVERSITÁRIO ÍTALO- BRASILEIRO PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016 PROGRAMA DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA O Programa de Bolsas de Iniciação Científica tem como objetivo incentivar

Leia mais

ANEXO II PARTILHA DO SIMPLES NACIONAL - INDÚSTRIA

ANEXO II PARTILHA DO SIMPLES NACIONAL - INDÚSTRIA ANEXO II PARTILHA DO SIMPLES NACIONAL - INDÚSTRIA Seção I: Receitas decorrentes da venda de mercadorias por elas industrializadas não sujeitas a substituição tributária, exceto as receitas decorrentes

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CABEDELO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CABEDELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CABEDELO EDITAL DE PESQUISA CPEX-CB Nº 02, DE 07 NOVEMBRO DE 2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE BOLSAS DE

Leia mais

EDITAL PROPI Nº 02/2014 PROCESSO SELETIVO DE BOLSAS DO MESTRADO PROFISSIONAL EM TECNOLOGIA DE MATERIAIS E PROCESSOS INDUSTRIAIS

EDITAL PROPI Nº 02/2014 PROCESSO SELETIVO DE BOLSAS DO MESTRADO PROFISSIONAL EM TECNOLOGIA DE MATERIAIS E PROCESSOS INDUSTRIAIS EDITAL PROPI Nº 02/2014 PROCESSO SELETIVO DE BOLSAS DO MESTRADO PROFISSIONAL EM TECNOLOGIA DE MATERIAIS E PROCESSOS INDUSTRIAIS A Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação da Universidade Feevale, no uso das

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Fundação Universidade Federal do ABC Pró-Reitoria de Graduação Av. dos Estados, 5001 Bairro Santa Terezinha Santo André - SP CEP 09210-580 Fone: (11) 4996.7983 gabinete.prograd@ufabc.edu.br

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIC FACULDADE DAS AMÉRICAS EDITAL 2016/2

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIC FACULDADE DAS AMÉRICAS EDITAL 2016/2 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIC FACULDADE DAS AMÉRICAS EDITAL 2016/2 Abertura do Processo Seletivo para o Programa de Iniciação Científica da Faculdade das Américas Artigo 1 o A Diretoria

Leia mais

FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ

FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA

Leia mais

2.1. As bolsas terão início em 1º de agosto de 2015 e término em 31 de julho de 2016, caracterizando 12 (doze) meses de duração.

2.1. As bolsas terão início em 1º de agosto de 2015 e término em 31 de julho de 2016, caracterizando 12 (doze) meses de duração. Edital de Iniciaçã ção Científica - IC do Hospital São Rafael 2015/2016 A Coordenação Científica do Hospital São Rafael torna pública e convoca a sua comunidade acadêmica para apresentar propostas ao Programa

Leia mais

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016 EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016 Chamada para submissão de Projetos de Iniciação Científica e Tecnológica A Direção Geral da FACULDADE

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE MARÍLIA-PIC/UNIMAR

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE MARÍLIA-PIC/UNIMAR PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE MARÍLIA-PIC/UNIMAR OBJETIVOS O Programa de Iniciação Científica da Universidade de Marília PIC/UNIMAR destinase a alunos de graduação para desenvolvimento

Leia mais

Edital PROGRAD nº 26, de 14 de julho de Chamada para o Programa de Iniciação à Docência (PID-2015)

Edital PROGRAD nº 26, de 14 de julho de Chamada para o Programa de Iniciação à Docência (PID-2015) Edital PROGRAD nº 26, de 14 de julho de 2014 Chamada para o Programa de Iniciação à Docência (PID-2015) Com base na Resolução 35/2011 do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, que estabelece as Normas

Leia mais

EDITAL PIBID/UFMS Nº 01/2016, DE 20 DE JUNHO DE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID)

EDITAL PIBID/UFMS Nº 01/2016, DE 20 DE JUNHO DE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID) EDITAL PIBID/UFMS Nº 01/2016, DE 20 DE JUNHO DE 2016. PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID) PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/UFMS O COORDENADOR INSTITUCIONAL

Leia mais

Cartilha Passo a Passo para Inscrição

Cartilha Passo a Passo para Inscrição Cartilha Passo a Passo para Inscrição EDITAL PIBIC 2013/2014 Passo 01 Identificar o professor /orientador e o projeto Passo 02 Cadastrar o Currículo na Plataforma Lattes Passo 03 Cadastrar como Pesquisador

Leia mais

UNIVERSIDADE POSITIVO

UNIVERSIDADE POSITIVO UNIVERSIDADE POSITIVO CHAMADA DE PROJETOS PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIC) CICLO 2012-2013 EDITAL N o 117 de 03/04/2012 Art. 1 o A Reitoria da Universidade Positivo (UP) torna público o presente

Leia mais

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO PELO TRABALHO PARA A SAÚDE PET/SAÚDE/GRADUASUS EDITAL COEX/PROEX/NUPEX/FAMAZ-PET-SAÚDE-GRADUASUS FAMAZ 2016-A

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO PELO TRABALHO PARA A SAÚDE PET/SAÚDE/GRADUASUS EDITAL COEX/PROEX/NUPEX/FAMAZ-PET-SAÚDE-GRADUASUS FAMAZ 2016-A FACULDADE METROPOLITANA DA AMAZÔNIA - FAMAZ NÚCLEO GESTOR DE PESQUISA E EXTENSÃO NUPEX COORDENADORIA DE EXTENSÃO - COEX PROGRAMA DE EDUCAÇÃO PELO TRABALHO PARA A SAÚDE PET/SAÚDE/GRADUASUS EDITAL COEX/PROEX/NUPEX/FAMAZ-PET-SAÚDE-GRADUASUS

Leia mais

MARINHA DO BRASIL CENTRO TECNOLÓGICO DA MARINHA EM SÃO PAULO

MARINHA DO BRASIL CENTRO TECNOLÓGICO DA MARINHA EM SÃO PAULO MARINHA DO BRASIL CENTRO TECNOLÓGICO DA MARINHA EM SÃO PAULO EDITAL PARA INSCRIÇÕES A BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VINCULADAS AO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIBIC) DO CONSELHO

Leia mais

Universidade Federal Rural de Pernambuco

Universidade Federal Rural de Pernambuco EDITAL Nº /26. Seleção Pública para Tutor Virtual e Professor Executor. - UAEADTec UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO A UNIDADE ACADÊMICA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E TECNOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN

PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS DO PAPIC- EINSTEIN Nº 02/2016 A Comissão Científica do

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação - PROPEP Fone: (82)

ESTADO DE ALAGOAS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação - PROPEP Fone: (82) ESTADO DE ALAGOAS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação - PROPEP Fone: (82) 3521-3379. E-mail: propep@uneal.edu.br PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Leia mais

CURSO DE TECN OLOGI A DO VÁCUO

CURSO DE TECN OLOGI A DO VÁCUO FATEC-SP CURSO DE TECN OLOGI A DO VÁCUO Prof. Me. Francisco Tadeu Degasperi Janeiro de 2005 Agradeço a colaboração do Tecnólogo Alexandre Cândido de Paulo Foi Auxiliar de Docente do LTV da Fatec-SP Atualmente

Leia mais

EDITAL 012/2016/DEX/PROEAC/UNIFAP, de 27 de maio de 2016

EDITAL 012/2016/DEX/PROEAC/UNIFAP, de 27 de maio de 2016 EDITAL 012/2016/DEX/PROEAC/UNIFAP, de 27 de maio de 2016 Seleção de Bolsistas e Voluntários para o Projeto de Extensão TERMOGRAFIA: APROXIMANDO O PACIENTE DIABÉTICO À TECNOLOGIA 1. DO PROJETO O projeto

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC DIREITO/UniCEUB EDITAL DE 2016

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC DIREITO/UniCEUB EDITAL DE 2016 PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO PIC DIREITO/UniCEUB EDITAL DE 2016 O reitor do Centro Universitário de Brasília UniCEUB, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, torna público que

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE MACAÉ FUNEMAC SUPERINTENDÊNCIA ACADÊMICA

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE MACAÉ FUNEMAC SUPERINTENDÊNCIA ACADÊMICA EDITAL N 08/2015 DE SELEÇÃO DE BOLSAS DE MONITORIA A Fundação Educacional de Macaé FUNEMAC vem por meio da Superintendência Acadêmica, tornar público que estarão abertas, no período de 15 de junho a 03

Leia mais

IVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE CURSO DE ODONTOLOGIA

IVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE CURSO DE ODONTOLOGIA Normatiza as Atividades Formativas previsto na Reforma Curricular do Curso de Odontologia Processo N o 23075.64471/05-92 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente regulamento tem o propósito de normatizar as

Leia mais

Faculdade Pio Décimo. Curso de Engenharia Civil

Faculdade Pio Décimo. Curso de Engenharia Civil Faculdade Pio Décimo Curso de Engenharia Civil EDITAL DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DA FACULDADE PIO DÉCIMO (PIC/FPD) A Faculdade

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO EDITAL N 31/2016 SUBMISSÃO DE PROJETOS DE PESQUISA

PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO EDITAL N 31/2016 SUBMISSÃO DE PROJETOS DE PESQUISA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO EDITAL N 31/2016 SUBMISSÃO DE PROJETOS DE PESQUISA A Pró-reitoria de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão, PRPGPE, torna público ao corpo docente do Centro

Leia mais

EDITAL 10/2014 PROPESP ESTÁGIO PIBIC DE VERÃO - EPV

EDITAL 10/2014 PROPESP ESTÁGIO PIBIC DE VERÃO - EPV EDITAL 10/2014 PROPESP ESTÁGIO PIBIC DE VERÃO - EPV A Pró- Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação (PROPESP) torna pública a seleção de propostas para a realização do Estágio PIBIC de Verão (EPV) por discentes

Leia mais

EDITAL PIBIC 2015/2016

EDITAL PIBIC 2015/2016 INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR MÚLTIPLO Credenciado pela Portaria n 2.535 de 19/08/04 - MEC CNPJ 05.379.062/0001-70 Avenida Boa Vista nº700 - Bairro: São Francisco CEP: 65631-350 Timon/MA Fone: 99 3212-2185

Leia mais

EDITAL Nº. 01, DE 20 DE OUTUBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTA PARA LIFE/SÃO CRISTÓVÃO

EDITAL Nº. 01, DE 20 DE OUTUBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTA PARA LIFE/SÃO CRISTÓVÃO EDITAL Nº. 01, DE 20 DE OUTUBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTA PARA LIFE/SÃO CRISTÓVÃO O PROGRAMA DE APOIO A LABORATÓRIOS INTERDISCIPLINARES DE FORMAÇÃO DE EDUCADORES LIFE/São Cristóvão/PROGRAD

Leia mais

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E PÓS GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIVIC/PIBIC) EDITAL

COORDENAÇÃO DE PESQUISA E PÓS GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIVIC/PIBIC) EDITAL COORDENAÇÃO DE PESQUISA E PÓS GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIVIC/PIBIC) EDITAL 2014-2015 INTRODUÇÃO A Coordenação de Pesquisa e Pós Graduação Stricto Sensu, com

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/ISB/FSMA 2016/2017

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/ISB/FSMA 2016/2017 PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC/ISB/FSMA 2016/2017 EDITAL 01/2016 A Direção Acadêmica juntamente com a Coordenação de Pesquisa e Extensão torna público o presente Edital de abertura de inscrições,

Leia mais

EDITAL 004/2016 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO

EDITAL 004/2016 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO EDITAL 004/2016 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO ABERTURA O Diretor Geral do câmpus Araraquara do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, torna pública,

Leia mais

Edital 01/2016 Programa de Iniciação Científica

Edital 01/2016 Programa de Iniciação Científica Edital 01/2016 Programa de Iniciação Científica A Faculdade Promove de Minas Gerais, Faculdade Promove de Belo Horizonte, Faculdade Promove de Tecnologia,Escola de Engenharia Kennedy, Faculdade Kennedy

Leia mais

EDITAL Nº. 01, DE 22 DE JUNHO DE 2016 PROCESSO SELETIVO

EDITAL Nº. 01, DE 22 DE JUNHO DE 2016 PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº. 01, DE 22 DE JUNHO DE 2016 PROCESSO SELETIVO O Departamento de Recrutamento e Seleção (DRS) da Universidade Federal de Sergipe comunica que estarão abertas inscrições para a seleção de estudantes

Leia mais

EDITAL Nº. 02 CCNE/DEPT. BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR/UFSM SELEÇÃO DE BOLSITAS

EDITAL Nº. 02 CCNE/DEPT. BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR/UFSM SELEÇÃO DE BOLSITAS EDITAL Nº. 02 CCNE/DEPT. BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR/UFSM SELEÇÃO DE BOLSITAS A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), através do projeto Institucional FIEX, torna pública a abertura de inscrições

Leia mais

Workshop Orientação à Iniciação Científica (para professores)

Workshop Orientação à Iniciação Científica (para professores) Workshop Orientação à Iniciação Científica (para professores) 18 de fevereiro de 2016 PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PESQUISA Procedimentos 1. Cadastrar projeto de pesquisa no

Leia mais

Anexo X ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

Anexo X ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Anexo X ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO O Colegiado do Curso de Bacharelado em Sistemas de Informação, em conformidade às diretrizes do Projeto Pedagógico do Curso

Leia mais

INICIAÇÃO CIENTÍFICA

INICIAÇÃO CIENTÍFICA UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES UMC INICIAÇÃO CIENTÍFICA 2016-2017 INFORMAÇÕES E ORIENTAÇÕES PROFª. MARINA BORBA marina.borba@umc.br ABRIL/2016 O que é PIBIC? O PIBIC Programa Institucional de Bolsas de

Leia mais

Este é um manual de procedimentos básicos padronizados para os Formulários on-line da Coleta Seletiva.

Este é um manual de procedimentos básicos padronizados para os Formulários on-line da Coleta Seletiva. MANUAL DE PROCEDIMENTOS Formulários on-line SISTEMAS INTEGRADOS MANUAL DE PROCEDI MENTOS PADRÃO Formulários on-line Este é um manual de procedimentos básicos padronizados para os Formulários on-line da

Leia mais

EDITAL Nº 09/2016 PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA

EDITAL Nº 09/2016 PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIRETORIA DE ENSINO COORDENAÇÃO DO CURSO LICENCIATURA EM QUÍMICA Campus

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE BRASILEIRA UNIVIX

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE BRASILEIRA UNIVIX PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE BRASILEIRA UNIVIX 1CONCEITUAÇÃO A Iniciação Cientifica é um instrumento que permite introduzir os estudantes de graduação, potencialmente mais promissores,

Leia mais

EDITAL N o 003/2016/DComp

EDITAL N o 003/2016/DComp EDITAL N o 003/2016/DComp PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE MONITORIA O Departamento de Computação (DComp), do Centro de Ciências Exatas e Tecnologia, do campus São Cristóvão da Universidade Federal de Sergipe,

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ÍTALO BOLOGNA (FATECIB) REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS, PESQUISA E EXTENSÃO (NEPE)

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ÍTALO BOLOGNA (FATECIB) REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS, PESQUISA E EXTENSÃO (NEPE) FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ÍTALO BOLOGNA (FATECIB) REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ESTUDOS, PESQUISA E EXTENSÃO (NEPE) 1. OBJETIVO GERAL O Núcleo de Estudos, Pesquisa e Extensão da Faculdade de Tecnologia

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES

PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES

Leia mais

EDITAL PIBIC 0001/2016

EDITAL PIBIC 0001/2016 EDITAL PIBIC 0001/2016 Edital PIBIC FAPESB 001/2016 O SENAI, Departamento Regional da Bahia SENAI/DR/BA, torna público e convoca a sua comunidade acadêmica para apresentar propostas em resposta ao Edital

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA 2015

CHAMADA PÚBLICA 2015 EDITAL 37 CHAMADA PÚBLICA 2015 PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS TÉCNICOS COM FINALIDADE DIDÁTICO-PEDAGÓGICA EM CURSOS REGULARES NO 1/7 EXECUÇÃO: OUTUBRO/2015 A JUNHO/2016. A Reitora do

Leia mais

EDITAL Nº 001/2014 I - BOLSA

EDITAL Nº 001/2014 I - BOLSA EDITAL Nº 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA BOLSA PNPD/CAPES DE PÓS- DOUTORADO NO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES DE SELEÇÃO PARA BOLSA EXTENSÃO

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES DE SELEÇÃO PARA BOLSA EXTENSÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA Autorizada pelo Decreto Federal No 77.498 de 27/04/76 Reconhecida pela Portaria Ministerial No 874/86 de 19/12/86 Recredenciada pelo Decreto Estadual Nº 9.271

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA EDITAL DE SELEÇÃO PARA MONITORIAS PERÍODO 2016-2 A Comissão de Monitoria do Centro de Ciências Exatas e Tecnologia da Universidade Federal de Sergipe, através do

Leia mais

PROGRAMA ESPECIAL DE APOIO A PROJETOS DE PESQUISA ACERVOS DA UFPA PE- ACERVOS

PROGRAMA ESPECIAL DE APOIO A PROJETOS DE PESQUISA ACERVOS DA UFPA PE- ACERVOS EDITAL 04/2015 PROPESP PROGRAMA ESPECIAL DE APOIO A PROJETOS DE PESQUISA ACERVOS DA UFPA PE- ACERVOS A Pró- Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação (PROPESP) torna pública a seleção de propostas no âmbito

Leia mais

FACULADADE ESTÁCIO DO RECIFE DIREÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE PROJETOS DE EXTENSÃO - EDITAL

FACULADADE ESTÁCIO DO RECIFE DIREÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE PROJETOS DE EXTENSÃO - EDITAL FACULADADE ESTÁCIO DO RECIFE DIREÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE PROJETOS DE EXTENSÃO - EDITAL 2016-2017 1 INTRODUÇÃO O Programa de Projetos de Extensão tem o objetivo de contribuir para a formação acadêmica,

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC AÇÕES AFIRMATIVAS

PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC AÇÕES AFIRMATIVAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC AÇÕES AFIRMATIVAS EDITAL PIBIC-AF/ CNPq/UPE 2012-2013 APRESENTAÇÃO O programa PIBIC nas Ações Afirmativas resulta

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. Faculdade de Direito de Alta Floresta - FADAF

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. Faculdade de Direito de Alta Floresta - FADAF REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA Faculdade de Direito de Alta Floresta - FADAF 2010 SUMÁRIO TITULO I... 3 DA CONCEITUAÇÃO DO PROGRAMA... 3 CAPÍTULO I... 3 DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA... 3

Leia mais

EDITAL PIVIC-2S/UFOP Nº 08/2015

EDITAL PIVIC-2S/UFOP Nº 08/2015 EDITAL PIVIC-2S/UFOP Nº 08/2015 A da torna público que estão abertas inscrições para candidatos a ORIENTADORES de Iniciação Científica (IC), no âmbito do PROGRAMA INSTITUCIONAL VOLUNTÁRIO DE INICIAÇÃO

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROIC EDITAL PROIC BOLSA

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROIC EDITAL PROIC BOLSA PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROIC EDITAL PROIC BOLSA 2015-2016 O Centro de Pesquisa convida professores orientadores com títulos (reconhecidos pela CAPES/MEC) de especialista, mestrado e doutorado

Leia mais

PROGRAMA ANDIFES DE MOBILIDADE ACADÊMICA EDITAL PROGRAD Nº 01/2015 DE 05 DE JANEIRO DE 2015

PROGRAMA ANDIFES DE MOBILIDADE ACADÊMICA EDITAL PROGRAD Nº 01/2015 DE 05 DE JANEIRO DE 2015 PROGRAMA ANDIFES DE MOBILIDADE ACADÊMICA EDITAL PROGRAD Nº 01/2015 DE 05 DE JANEIRO DE 2015 A PRÓ-REITORA DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO - UNIFESP, no uso de suas atribuições, nos termos

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EDITAL N 34, DE 9 DE AGOSTO DE 2016. EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA A COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI e CNPq

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI e CNPq EDITAL 02/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ANHEMBI MORUMBI e CNPq A Diretoria de Pesquisa e Pós-graduação, por meio da Coordenadoria de Pesquisa da Universidade Anhembi Morumbi

Leia mais

Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação tecnológica e inovação para o período de 2016-2017

Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação tecnológica e inovação para o período de 2016-2017 Edital para seleção de orientadores e bolsistas de iniciação tecnológica e inovação para o período de 2016-2017 O Comitê Institucional dos Programas de Iniciação Científica (CIPIC) da Universidade Federal

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016 A Coordenação do Curso de Arquitetura e Urbanismo, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior.

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior. i.e PRÓ-REITORIA ACADÊMICA REGULAMENTO DA MONITORIA Art. 1º. O presente regulamento estabelece as regras para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu UNIG, por meio de programas

Leia mais

Resolução nº 004/2015

Resolução nº 004/2015 Resolução nº 004/2015 Dispõe sobre estágio de prática docente para os alunos do Mestrado em Direito e Instituições do Sistema de Justiça. Art. 1º O Estágio de Prática Docente (EPD) tem por objetivo aperfeiçoar

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS Art. 1º - Este Regulamento visa normatizar as Atividades Complementares do Curso de História. Parágrafo único As Atividades Complementares

Leia mais

Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa

Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa Capacitação e Qualificação Docente Edital. 01/2016 1. Objetivo Subsidiar a capacitação dos docentes da Unit, visando ao aperfeiçoamento contínuo do corpo

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO FLEXÍVEL DO CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO (ATIVIDADES COMPLEMENTARES)

FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO FLEXÍVEL DO CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO (ATIVIDADES COMPLEMENTARES) REGULAMENTO DO NÚCLEO FLEXÍVEL DO CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO (ATIVIDADES COMPLEMENTARES) O presente Regulamento normatiza o oferecimento, a matrícula, o aproveitamento e a validação das

Leia mais

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O NORMAS ESPECÍFICAS DA COMISSÃO COORDENADORA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PROJETOS EDUCACIONAIS DE CIÊNCIAS - PPGPE I COMPOSIÇÃO DA COMISSÃO COORDENADORA DO PROGRAMA (CCP- PPGPE) A Comissão Coordenadora

Leia mais

Resolução UNESP nº 65 de 23/04/2012

Resolução UNESP nº 65 de 23/04/2012 Resolução UNESP nº 65 de 23/04/2012 Aprova o Regulamento do Programa de Pós-graduação em Ciências Odontológicas- Áreas de Odontopediatria, Ortodontia e Dentística Restauradora, Cursos de Mestrado Acadêmico

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO - CAPES

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO - CAPES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO Normas e Critérios para Concessão de Bolsas por quota - CAPES e CNPq 2014/2015 (* Alterações aprovadas em reunião do Conselho do Programa realizada no dia 22 de agosto

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIC/FANESE

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIC/FANESE EDITAL nº 05/2015 Edital de abertura de seleção de alunos para Iniciação Científica da Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe FANESE para os Cursos de Administração, Direito e Engenharia de Produção.

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID SELEÇÃO DE PROFESSOR SUPERVISOR EDITAL PIBID FEEVALE Nº. 06/2013

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID SELEÇÃO DE PROFESSOR SUPERVISOR EDITAL PIBID FEEVALE Nº. 06/2013 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID SELEÇÃO DE PROFESSOR SUPERVISOR EDITAL PIBID FEEVALE Nº. 06/2013 A Pró-reitora de Ensino da Universidade Feevale, no uso de suas atribuições,

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA. Curso de Direito. Núcleo de Atividades Complementares NAC

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA. Curso de Direito. Núcleo de Atividades Complementares NAC 1 EDITAL NAC nº01/2016 NÚCLEO DE ESTUDOS EM VIOLÊNCIA E CIDADANIA NEVIC PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC A Coordenação do, através de seu Núcleo de Atividades Complementares

Leia mais

EDITAL PIBID FESL Nº 03/2015 SELEÇÃO DE BOLSISTAS ID

EDITAL PIBID FESL Nº 03/2015 SELEÇÃO DE BOLSISTAS ID EDITAL PIBID FESL Nº 03/2015 SELEÇÃO DE BOLSISTAS ID A Direção Acadêmica e a Coordenação do PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA DA FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUIS tornam público a abertura

Leia mais

NORMAS E CRITÉRIOS PARA APROVEITAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

NORMAS E CRITÉRIOS PARA APROVEITAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES NORMAS E CRITÉRIOS PARA APROVEITAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES (Aprovadas pelo Colegiado do Curso em 13/06/2014. Ata nº. 05/2014) 1. PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS: b) Cópia do certificado de participação.

Leia mais

Centro Universitário Central Paulista

Centro Universitário Central Paulista Centro Universitário Central Paulista EDITAL DE ABERTURA PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA DOS CURSOS EDITAL Nº 02/2016 2º semestre O Núcleo de Apoio Pedagógico (NAP) faz saber, a todos os interessados,

Leia mais

Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa

Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa NORMAS E PROCEDIMENTOS DO PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIC/FANESE

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIC/FANESE EDITAL nº 04/2014 Edital de abertura de seleção de alunos para Iniciação Científica da Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe FANESE para os Cursos de Administração, Direito e Engenharia de Produção.

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE CONTROLE DE DOENÇAS INSTITUTO ADOLFO LUTZ CONSELHO TÉCNICO CIENTÍFICO CTC / IAL

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE CONTROLE DE DOENÇAS INSTITUTO ADOLFO LUTZ CONSELHO TÉCNICO CIENTÍFICO CTC / IAL PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PIBIC EDITAL PIBIC/IAL 2016-2017 O Conselho Técnico Científico (CTC) do Instituto Adolfo Lutz torna público o presente edital de abertura de inscrições de projetos de pesquisa,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CAMPUS UNIVERSITÁRIO PROF. ANTÔNIO GARCIA FILHO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO EM SAÚDE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CAMPUS UNIVERSITÁRIO PROF. ANTÔNIO GARCIA FILHO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO EM SAÚDE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CAMPUS UNIVERSITÁRIO PROF. ANTÔNIO GARCIA FILHO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO EM SAÚDE SELEÇÃO PARA CADASTRO DE ALUNOS DO CAMPUS LAGARTO PARA O PROGRAMA PopularizAÇÃO: ciência

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA

PROGRAMA DE MONITORIA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO VICENTE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO TECNOLOGIA EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL PROGRAMA DE MONITORIA Agosto/2010 2 1. O QUE É MONITORIA A Monitoria é a modalidade de ensino-aprendizagem,

Leia mais

EDITAL nº 01/2015 CHAMADA PARA CREDENCIAMENTO DE LIDERES DE GRUPOS DE PESQUISA

EDITAL nº 01/2015 CHAMADA PARA CREDENCIAMENTO DE LIDERES DE GRUPOS DE PESQUISA EDITAL nº 01/2015 CHAMADA PARA CREDENCIAMENTO DE LIDERES DE GRUPOS DE PESQUISA A Coordenação de Pesquisa e Extensão (COPEX) informa à comunidade acadêmica da Faculdade Leão Sampaio que está recebendo solicitações

Leia mais

EDITAL NUPEL/ILUFBA Nº 05, DE 08 DE SETEMBRO DE 2016, PARA A SELEÇÃO DE TRADUTORES EM FORMAÇÃO

EDITAL NUPEL/ILUFBA Nº 05, DE 08 DE SETEMBRO DE 2016, PARA A SELEÇÃO DE TRADUTORES EM FORMAÇÃO Universidade Federal da Bahia Núcleo Permanente de Extensão em Letras Instituto de Letras EDITAL NUPEL/ILUFBA Nº 05, DE 08 DE SETEMBRO DE 2016, PARA A SELEÇÃO DE TRADUTORES EM FORMAÇÃO O Núcleo Permanente

Leia mais