Desenvolvimento Sustentável de Pólo Turístico Ribeirão Branco - SP

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Desenvolvimento Sustentável de Pólo Turístico Ribeirão Branco - SP"

Transcrição

1 Desenvolvimento Sustentável de Pólo Turístico Ribeirão Branco - SP NOVA CAMPINA 1

2 Objetivo para potencializar o desenvolvimento sustentável de Pólos Turísticos Fortalecimento e integração dos elos da Cadeia Produtiva do Turismo Identificação dos principais produtos turísticos diferenciados existentes no destino Promoção e inserção competitiva de Pólos Turísticos no destino turístico da Região de Ribeirão Branco SP Geração de ocupação produtiva e renda Desenvolver profissões e capacitar os jovens e adultos para receber os turistas, propiciando oportunidades de trabalho Aumento de arrecadações tributárias estaduais e municipais Preservação do meio ambiente e do patrimônio cultural do Município de Ribeirão Branco Melhoria da qualidade de vida da população fixa 2

3 Desenvolver profissões e capacitar os jovens e adultos para receber os turistas, propiciando oportunidades de trabalho Paisagismo Artesanato Processo de reciclagem de papel e outros produtos Gestão de áreas verdes Guias de ecoturismo, turismo, histórico-cultural e religioso Diversas funções para hotéis e restaurantes Diversas funções para Construção Civil Fixar os jovens na Região e Manter os jovens na sua origem Rural, quando for o caso. 3

4 DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PARA do Projeto Turístico do Município Ribeirão Branco 4

5 Alinhamento Estratégico para o Desenvolvimento Sustentável do Projeto Turístico Análise da Situação Estratégica e Formulação de Estratégias Projeto Turístico do Município de Ribeirão Branco SP Comportamento Humano da Região INTEGRAÇÃO VERTICAL Aonde ir Como chegar Onde ficar O que fazer Transporte Como chegar Transporte Atrativos naturais Estrutura Clusters e as operações de serviços turísticos Serviços complementares Hospedagem Hospedagem Onde ficar Parques Estaduais Atrativos O que fazer Atrativos Históricos Serviços complementares INTEGRAÇÃO HORIZONTAL: Operadoras emissoras Atrativos Culturais... INTEGRAÇÃO HORIZONTAL: Operadoras Receptivas 5

6 Ações para o desenvolvimento sustentável do Projeto Turístico do Município de Ribeirão Branco - SP 1. Elaboração dos inventários de atrativos para os turistas e descrição desses atrativos pelo formulário existente 2. Especificação do sistema de qualidade: padrões, procedimentos, capacitação profissional e outras necessidades 3. Definição de contribuições e taxas: forma de pagamento, cálculos e os procedimentos de cobrança e controle 4. Desenvolvimento de programas integrados de eventos para minimizar a sazonalidade: descrição e cronograma anual de cada Pólo Turístico 5. Elaboração do Plano de Marketing e Implementação 6. Desenvolvimento do Produto de cada Pólo Turístico 7. Elaboração do site de cada Pólo Turístico 8. Assessoria de Imprensa para divulgação de cada Pólo Turístico 9. Criação (estatuto) e legalização da Associação de cada Pólo Turístico: registrar e executar outras formalizações legais 6

7 Integração do Produto Turístico do Projeto GRUPOS VERTICAIS Transporte O Au Hospedagem 1, 2, 3, 4,... Atrativos 1, 2, 3, 4,... Para onde ir COMO CHEGAR AONDE FICAR O QUE FAZER SERVIÇOS COMPLEMENTARES COMO CHEGAR Transporte GRUPO HORIZONTAL: OPERADORAS EMISSORAS AONDE FICAR Hospedagem O QUE FAZER ATRATIVOS NATURAIS Parques do Vale do Ribeira ATRATIVOS HISTÓRICOS ATRATIVOS CULTURAIS ATRATIVOS RELIGIOSOS... SERVIÇOS COMPLEMENTARES GRUPO HORIZONTAL: OPERADORAS RECEPTIVAS 7

8 Produto Turístico do Pólo Elaboração de Atrativos Turísticos Naturais, Religiosos e Histórico-Culturais Operadoras Locais Escolha das Operadoras Emissoras Plano de Trabalho das Operadoras Emissoras Início: Definição do Sistema de Qualidade e Capacitação profissional Plano de Marketing Implementação do Plano de Marketing Elaboração do Site de cada Pólo Lançamento do Produto de cada Pólo Data: Plano de Comunicação à Mídia Implementação do Plano de Comunicação à Mídia 8

9 Produto Turístico do Pólo Perfil do Turista Turista Descansar Usufruir das Paisagens do Campo e da Floresta Passeios de lazer, não cansativos Turista Ecológico Caminhadas ecológicas Passeio pelos diversos rios Palestras ecológicas Esporte Rural Visitas às Fazendas Saborear os diversos tipos de frutos e desfrutar da cidade Estudantes + Professores Educação sobre a preservação do ambiente Cuidados com a natureza Pesquisadores Estudos dos recursos naturais do Cerrado Estudos do Patrimônio Histórico e cultural Restaurantes Eventos sociais, religiosos e culturais NOVA CAMPINA 9

10 A T R A T IVOS T UR Í ST IC OS D E C A D A P ÓLO D EF IN ID O Tipo Atrativo Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez 10

11 Obrigado! 11

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES Página 1 de 28 Atualização: da poupança jun/81 1 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00 26.708,00-0,000% - 26.708,00 26.708,00 26.708,00 jul/81 2 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 1.72.380,00 0,00 0,00 0,00 361.00,00 22,96 22,96 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl Acum 14 set/11 15

Leia mais

Proposta de Curso de Turismo Rural Polo de Ecoturismo de São Paulo Sindicato Rural de SP / SENAR

Proposta de Curso de Turismo Rural Polo de Ecoturismo de São Paulo Sindicato Rural de SP / SENAR Proposta de Curso de Turismo Rural Polo de Ecoturismo de São Paulo Sindicato Rural de SP / SENAR Objetivo Ampliar o olhar sobre a propriedade rural, fornecendo ferramentas para identificar e implantar

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MODALIDADE A DISTÂNCIA CRONOGRAMA ACADÊMICO 2011 MBA EM ADMINISTRAÇÃO E MARKETING TURMAS 2011

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MODALIDADE A DISTÂNCIA CRONOGRAMA ACADÊMICO 2011 MBA EM ADMINISTRAÇÃO E MARKETING TURMAS 2011 2 3 4 5 6 7 8 9 0 2 3 4 5 6 7 8 9 20 22 Aula Data Evento 7/0 a 22/0 Período para solicitação de provas de 2ª chamada 23 24 25 26 27 28 29 26/jan Entrada de novos alunos + AVA (OFERTA JANEIRO 20) 30 3 3/0

Leia mais

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+ CALENDÁRIO, 2015 7 A JAN. 0 QUARTA -1-0.0018 7022.5 3750.3 1 QUINTA 0 +0.0009 7023.5 3751.3 2 SEXTA 1 +0.0037 7024.5 3752.3 3 SÁBADO 2 +0.0064 7025.5 3753.3 4 DOMINGO 3 +0.0091 7026.5 3754.3 5 SEGUNDA

Leia mais

1ª Retificação do Edital Nº 024/2015

1ª Retificação do Edital Nº 024/2015 1ª Retificação do Edital Nº 024/2015 O Diretor Geral do Câmpus Juiz de Fora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG), no uso de suas atribuições

Leia mais

Ministério do Turismo. Ministério do Meio Ambiente

Ministério do Turismo. Ministério do Meio Ambiente do A Campanha Passaporte Verde é uma iniciativa global que visa estimular o turista a adotar uma atitude de consumo responsável, mostrando de que forma suas escolhas podem contribuir para a conservação

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO 2014/2020 FARROUPILHA - RS

PLANO DE DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO 2014/2020 FARROUPILHA - RS PLANO DE DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO 2014/2020 FARROUPILHA - RS 22 de Outubro de 2014 AGENDA Relembrar o conceito de Plano Municipal de Turismo Etapas percorridas no desenvolvimento do PMT de Farroupilha

Leia mais

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,8 21-Jul-00 Real 0,6493 Sem frete - PIS/COFINS

Leia mais

SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS PEQUENOS negócios no BRASIL 99% 70% 40% 25% 1% do total de empresas brasileiras da criação de empregos formais da massa salarial do PIB das exportações

Leia mais

FERRAMENTAS UTILIZADAS PELO SEBRAE / MT

FERRAMENTAS UTILIZADAS PELO SEBRAE / MT MISSÃO SEBRAE Missão: Ser uma organização de desenvolvimento, ética e séria, gerando alternativas de soluções para nossos clientes tornarem-se competitivos alinhados à sustentabilidade da vida. ÁREA DE

Leia mais

ANEXO I. PROJETO DE LONGA DURAÇÃO

ANEXO I. PROJETO DE LONGA DURAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA REITORIA ANEXO I. PROJETO DE LONGA DURAÇÃO 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Título do Projeto: Políticas públicas: a cultura como fator de desenvolvimento econômico

Leia mais

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12 JANEIRO 2,8451 2,7133 2,4903 2,3303 2,1669 1,9859 1,7813 1,6288 1,4527 1,3148 1,1940 1,0684 FEVEREIRO 2,8351 2,6895 2,4758 2,3201 2,1544 1,9676 1,7705 1,6166 1,4412 1,3048 1,1840 1,0584 MARÇO 2,8251 2,6562

Leia mais

Discriminação AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO 79 80 81 82 83 84. Restauração, Intervenção da Praça General Tibúrcio - Fortaleza Histórica

Discriminação AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO 79 80 81 82 83 84. Restauração, Intervenção da Praça General Tibúrcio - Fortaleza Histórica CUSTO PREVISTO DA AÇÃO (R$) - 200.000,00 45.000,00 194.960,00 400.000,00 80.000,00 550.000,00 1. CONDIÇÕES DE ACEITAÇÃO 1.1 Atende aos componentes dos Termos de Referência? 1.2 Escala da ação é compatível

Leia mais

Discriminação AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO 37 38 39 40 41 42

Discriminação AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO 37 38 39 40 41 42 085/230 - Terezinha - CUSTO PREVISTO DA AÇÃO (R$) - 500.000,00 120.000,00 5.200.000,00 693.000,00 2.790.000,00 8.000.000,00 1. CONDIÇÕES DE ACEITAÇÃO 1.1 Atende aos componentes dos Termos de Referência?

Leia mais

APL DE TURISMO E ARTESANATO DE BONITO SERRA DA BODOQUENA

APL DE TURISMO E ARTESANATO DE BONITO SERRA DA BODOQUENA APL DE TURISMO E ARTESANATO DE BONITO SERRA DA BODOQUENA CONTEXTUALIZAÇÃO Contempla os municípios de Bodoquena, Bonito e Jardim; O Turismo e a Pecuária são as principais eixos de desenvolvimento; Possui

Leia mais

Meio Ambiente,Turismo e Ordenamento Territorial

Meio Ambiente,Turismo e Ordenamento Territorial Meio Ambiente,Turismo e Ordenamento Territorial O Turismo é a atividade mais promissora para a promoção do desenvolvimento sustentável Entretanto...o modelo adotado de Turismo no litoral brasileiro tem

Leia mais

ANEXO B Hierarquização dos projetos através da metodologia Delphi

ANEXO B Hierarquização dos projetos através da metodologia Delphi ANEXO B Hierarquização dos projetos através da metodologia Delphi Discriminação AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO AÇÃO s CUSTO PREVISTO DA AÇÃO (R$) - 500.000,00 1.000.000,00 2.850.000,00 170.000,00 30.000,00 1.120.000,00

Leia mais

Departamento de Qualificação e Certificação e Produção Associada ao Turismo

Departamento de Qualificação e Certificação e Produção Associada ao Turismo Ministério do Turismo Ministério do Turismo Departamento de Qualificação e Certificação e Produção Associada ao Turismo Funções e Objetivos Coordenar as ações voltadas à qualificação profissional e à melhoria

Leia mais

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016 Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado do Paraná Safra 2016/2017 Mar/16 0,6048 0,6048 0,6048 66,04 73,77 Abr 0,6232 0,6232 0,5927 64,72 72,29 Mai 0,5585 0,5878 0,5868

Leia mais

Estudo da Demanda Turística Internacional

Estudo da Demanda Turística Internacional Estudo da Demanda Turística Internacional Brasil 2012 Resultados do Turismo Receptivo Pontos de Coleta de Dados Locais de entrevistas - 25 Entrevistados - 31.039 15 aeroportos internacionais, que representam

Leia mais

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA DE EUNÁPOLIS

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA DE EUNÁPOLIS PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA DE EUNÁPOLIS Eunápolis, Julho/2013 1. CONTEXTUALIZAÇÃO Eunápolis possui a terceira maior população do Extremo Sul da Bahia estimada em 102 mil habitantes, sendo

Leia mais

Rua Esmeralda, 430 Faixa Nova Camobi -97110-767 Santa Maria RS Fone/FAX: (55) 3217 0625 E-Mail: prensino@iffarroupilha.edu.br.

Rua Esmeralda, 430 Faixa Nova Camobi -97110-767 Santa Maria RS Fone/FAX: (55) 3217 0625 E-Mail: prensino@iffarroupilha.edu.br. Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: TURISMO, HOSPITALIDADE E LAZER CURSO: TECNOLOGIA EM GESTÃO DE TURISMO FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura

Leia mais

Calendário Pós-graduação 2014 - MBA em Gestão de Projetos

Calendário Pós-graduação 2014 - MBA em Gestão de Projetos Calendário Pós-graduação 2014 - MBA em Gestão de Projetos Disciplina Data Início Data fim Atividade acadêmica ENTRADA 1 10/03/2014 20/12/2014 17/03/2014 24/03/2014 Análise de Cenários Econômicos (Disciplina

Leia mais

FICHA PROJETO - nº 072-MA

FICHA PROJETO - nº 072-MA FICHA PROJETO - nº 072-MA Mata Atlântica Grande Projeto TÍTULO: Vereda do Desenvolvimento Sustentável da Comunidade de Canoas: um Projeto Demonstrativo da Conservação da Mata Atlântica. 2) MUNICÍPIOS DE

Leia mais

Secretaria Municipal de Cultura e Turismo PLANO DE AÇÃO MUNICIPAL 2013/2016

Secretaria Municipal de Cultura e Turismo PLANO DE AÇÃO MUNICIPAL 2013/2016 Secretaria Municipal de Cultura e Turismo PLANO DE AÇÃO MUNICIPAL 2013/2016 RESULTADOS ESPERADOS Gestão estratégica integrada e descentralizada; Ações realizadas na busca pela excelência da hospitalidade;

Leia mais

Diretrizes para Patrocínio de Projetos Incentivados

Diretrizes para Patrocínio de Projetos Incentivados Diretrizes para Patrocínio de Projetos Incentivados A Mexichem Brasil A Mexichem Brasil, subsidiária do Grupo Mexichem, com atuação nos setores de tubos e conexões e geotêxteis não tecidos, é resultado

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL APA SERRA DO LAJEADO

EDUCAÇÃO AMBIENTAL APA SERRA DO LAJEADO PLANO DE AÇÃO EDUCAÇÃO AMBIENTAL APA SERRA DO LAJEADO 2014 1 -OBJETIVO GERAL APA Serra do Lajeado foi instituída pela Lei nº 906 de 20 de maio de 1997, está no entorno do Parque Estadual do Lajeado e tem

Leia mais

19ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO ESTADUAL DE TURISMO. 05 de Dezembro de 2013 BDMG Belo Horizonte

19ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO ESTADUAL DE TURISMO. 05 de Dezembro de 2013 BDMG Belo Horizonte 19ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO ESTADUAL DE TURISMO 05 de Dezembro de 2013 BDMG Belo Horizonte ESTATÍSTICAS DO TURISMO MINEIRO -Perfil da Demanda -Estudo de Competitividade -Dados Econômicos RAFAEL OLIVEIRA

Leia mais

Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014

Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014 Code-P0 Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014 Encontro Nacional - Abracen Eventos Esportivos e os Impactos para o país São Paulo, 7 de março de 2012 Code-P1 O Brasil

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM TURISMO GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM TURISMO GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS História da Cultura CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM TURISMO GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS 1º PERÍODO Repassar ao alunado a compreensão do fenômeno da cultura e sua relevância para

Leia mais

Câmara temática de gestão: Capacitação, Tecnologia e Inovação Coord.: Aluísio Cabral. Ação: Capacitar em Gestão

Câmara temática de gestão: Capacitação, Tecnologia e Inovação Coord.: Aluísio Cabral. Ação: Capacitar em Gestão Câmara temática de gestão: Capacitação, Tecnologia e Inovação Coord.: Aluísio Cabral Ação: Capacitar em Gestão 1. Palestras no Fórum com representantes ABRASEL e ABIH (nos seis municípios) 1. Associativismo

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO ANEXO I. PROJETO DE CURTA DURAÇÃO 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Título do

Leia mais

Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento

Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento Indicadores do Mercado de Meios Eletrônicos de Pagamento Setembro de 2007 Apresentado por Fernando Chacon Diretor de Marketing de Cartões do Banco Itaú 1 Pagamentos Parcelados: Acesso ao crédito sem juros

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, de 2015.

PROJETO DE LEI Nº, de 2015. PROJETO DE LEI Nº, de 2015. (Do Sr. Goulart) Estabelece condições e requisitos para a classificação de Estâncias Turísticas e dá outras providências. O Congresso Nacional decreta: estâncias. Art. 1º Esta

Leia mais

SE O OBJETIVO É A EXPORTAÇÃO, A SOLUÇÃO É O START EXPORT

SE O OBJETIVO É A EXPORTAÇÃO, A SOLUÇÃO É O START EXPORT SE O OBJETIVO É A EXPORTAÇÃO, A SOLUÇÃO É O START EXPORT SUA EMPRESA ESTÁ PREPARADA PARA EXPORTAR? Já participou de feiras internacionais do setor? Você pode adequar/modificar seu produto? Seu site e catálogos

Leia mais

Portal Cidades Paulistas. Associe sua marca ao guia de cidades dirigido para quem quer conhecer, curtir e fazer negócios com São Paulo

Portal Cidades Paulistas. Associe sua marca ao guia de cidades dirigido para quem quer conhecer, curtir e fazer negócios com São Paulo Portal Cidades Paulistas Associe sua marca ao guia de cidades dirigido para quem quer conhecer, curtir e fazer negócios com São Paulo XIV FIPTUR Festival Internacional de Publicidade do Turismo e Ecologia

Leia mais

EXPERIÊNCIAS DE EDUCAÇÃO PARA O CONSUMO CONSCIENTE: Fortalecendo a relação entre consumidores e produtores agroecológicos 1

EXPERIÊNCIAS DE EDUCAÇÃO PARA O CONSUMO CONSCIENTE: Fortalecendo a relação entre consumidores e produtores agroecológicos 1 EXPERIÊNCIAS DE EDUCAÇÃO PARA O CONSUMO CONSCIENTE: Fortalecendo a relação entre consumidores e produtores agroecológicos 1 Moacir R. Darolt 2 O objetivo deste relato é apresentar algumas estratégias de

Leia mais

Habilitação Profissional do Tecnólogo em Gestão do Turismo

Habilitação Profissional do Tecnólogo em Gestão do Turismo PERFIL PROFISSIONAL Habilitação Profissional do Tecnólogo em Gestão do Turismo É o profissional que atua em agências de viagens, em meios de hospedagem, em empresas de transportes e de eventos; promove

Leia mais

DESEMPENHO DA HOTELARIA DE SALVADOR - 2013

DESEMPENHO DA HOTELARIA DE SALVADOR - 2013 Superintendencia de Investimentos em Pólos Turisticos SUINVEST Diretoria de Planejamento e Estudos Econômicos DPEE DESEMPENHO DA HOTELARIA DE SALVADOR - 2013 Pesquisa SETUR Maio, 2014 1 DESEMPENHO DA HOTELARIA

Leia mais

Portal de Turismo Divulgando seu empreendimento

Portal de Turismo Divulgando seu empreendimento www.visitesaopedrodaaldeia.com.br Portal de Turismo Divulgando seu empreendimento Tel/ax: (21) 2522-2421 ideias@ideias.org.br Quem Somos O Instituto IDEIAS é uma associação civil, sem fins lucrativos,

Leia mais

Projeto Sócio-Ambiental SAAR-BRASIL. Agosto 2011 - Itu, São Paulo, Brasil

Projeto Sócio-Ambiental SAAR-BRASIL. Agosto 2011 - Itu, São Paulo, Brasil Projeto Sócio-Ambiental SAAR-BRASIL Agosto 2011 - Itu, São Paulo, Brasil INTRODUÇÃO Este projeto é uma iniciativa da EUROLATINA com a participação de entidades brasileiras, poder publico e entidades européias

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA CONTRATO 07/2013 EXERCÍCIO 2013 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 out/13 nov/13 dez/13 Número da Nota Fiscal emitida - - - - - - 92 99 110 121/133-157 - - Depósitos realizados

Leia mais

- Análise de consistência. Agosto Tabulação das adesões, proponente

- Análise de consistência. Agosto Tabulação das adesões, proponente Histórico de ações Dezembro 2008- Fortalecimento de Parceiros e Resgate de atores e mapeamento de novos atores Janeiro e Fevereiro 2009 - dimensionamento para detectar o potencial turístico e levantar

Leia mais

5 º FESTIVAL FICA FESTIVAL DE INVERNO DEINVERNO CANTAREIRA

5 º FESTIVAL FICA FESTIVAL DE INVERNO DEINVERNO CANTAREIRA FESTIVAL FICA DA DEINVERNO CANTAREIRA FESTIVAL DE INVERNO O MAIOR FESTIVAL ECOLÓGICO DO MUNDO! 2013 5ª Edição FICA FESTIVAL REALIZADO NA SERRA CANTAREIRA, PONTO DE GRANDE INTERESSE POLÍTICO E GEOLÓGICO

Leia mais

O ENOTURISMO. Conceito:

O ENOTURISMO. Conceito: Conceito: O conceito de enoturismo ainda está em formação e, a todo o momento, vão surgindo novos contributos; Tradicionalmente, o enoturismo consiste na visita a vinhas, estabelecimentos vinícolas, festivais

Leia mais

O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2005

O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2005 O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2005 Elaborado por: Maria Julieta Martins Coordenado por: Teresinha Duarte Direcção de Serviços de Estudos e Estratégia Turísticos Divisão de Recolha e Análise Estatística Índice

Leia mais

Grupos Disponíveis Para Venda - 25/05/2015 10:58:48

Grupos Disponíveis Para Venda - 25/05/2015 10:58:48 25/05/2015 10:59:09 Página 1 Grupo: 000894 Prazo: 084 Prazo Restante: 062 Assembleia Atual: 023 11/06/2015 Vencimento: 08/06/2015 Participantes: 600 Cotas Vagas: 000 Característica: 1 SORTEIO - 1 SORTEIO

Leia mais

Vencedores do 4º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor CATEGORIA: TURISMO DE EXCELÊNCIA

Vencedores do 4º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor CATEGORIA: TURISMO DE EXCELÊNCIA Vencedores do 4º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor Vencedores Estaduais na categoria Promoção do turismo de excelência CATEGORIA: TURISMO DE EXCELÊNCIA Município de Nova Friburgo RJ Vencedores do 4º

Leia mais

PROAGÊNCIA II. CURSOS EaD EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA

PROAGÊNCIA II. CURSOS EaD EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA PROAGÊNCIA II CURSOS EaD EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA 1. NOME DO CURSO: GESTÃO DE EMPRESAS DE AGENCIAMENTO E OPERAÇÕES TURÍSTICAS 2. OBJETIVO: o curso visa envolver os profissionais nos seguintes assuntos: - as

Leia mais

Distribuição Geográfica dos Pontos de Coleta de Dados

Distribuição Geográfica dos Pontos de Coleta de Dados Distribuição Geográfica dos Pontos de Coleta de Dados Nº de Entrevistados da Pesquisa: 39.000 pessoas Nº de locais das entrevistas: 27 15 em aeroportos internacionais, que representam 99% do fluxo internacional

Leia mais

PROGRAMA DA NOVA ECONOMIA CATARINENSE APRESENTAÇÃO DE DEMANDAS COLETIVAS - GRUPO PAINEL

PROGRAMA DA NOVA ECONOMIA CATARINENSE APRESENTAÇÃO DE DEMANDAS COLETIVAS - GRUPO PAINEL PROGRAMA DA NOVA ECONOMIA CATARINENSE APRESENTAÇÃO DE DEMANDAS COLETIVAS - GRUPO PAINEL PAUTA: Apresentaçãodo ProgramadaNova EconomiaCatarinense; Apresentaçãodos resultadosgeraisoriundosdaaplicaçãodos

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMPAIO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMPAIO 10º Ano Disciplina: Turismo Informação e Animação Turística Ano Letivo 2015/1 MÓDULO 1 CONCEITOS E FUNDAMENTOS DO TURISMO 1. O Conceito do Turismo 1.1. Noção de Turismo 1.2. Classificações do Turismo 1..

Leia mais

e a definição dos procedimentos. Sistema informatizado adequado à metodologia utilizada. Manual de procedimentos elaborado/atualizado.

e a definição dos procedimentos. Sistema informatizado adequado à metodologia utilizada. Manual de procedimentos elaborado/atualizado. ANEXO I CRONOGRAMA DE AÇÕES PARA IMPLEMENT AÇÃO DA CONT ABILIDADE APLICADA AO SET OR PÚBLICO PORTARIA STN n.º 753, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2012 I - Reconhecimento,

Leia mais

EDITAL N 02/2014 LOGPROS RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 01/2014

EDITAL N 02/2014 LOGPROS RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 01/2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EXECUTIVO EM LOGÍSTICA E PRODUÇÃO SUSTENTÁVEL Av. Paraguai, s/nº esq. c/ Rua Uxiramas

Leia mais

Padrão de Príncipes, Critérios e Indicadores para Florestas Modelo. Rede Ibero-Americana de Florestas Modelo 2012

Padrão de Príncipes, Critérios e Indicadores para Florestas Modelo. Rede Ibero-Americana de Florestas Modelo 2012 Meta superior (RIABM 2011): A Floresta Modelo é um processo em que grupos que representam uma diversidade de atores trabalham juntos para uma visão comum de desenvolvimento sustentável em um território

Leia mais

Educação Financeira e Previdenciária Case - Fundação CEEE. Magdarlise Dal Fiume Germany Gerente Relações Institucionais

Educação Financeira e Previdenciária Case - Fundação CEEE. Magdarlise Dal Fiume Germany Gerente Relações Institucionais Educação Financeira e Previdenciária Case - Fundação CEEE Magdarlise Dal Fiume Germany Gerente Relações Institucionais Programa de Educação Financeira e Previdenciária - Criação Aprovado pela PREVIC em

Leia mais

O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2006

O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2006 O TURISMO NO ESPAÇO RURAL 2006 Elaborado por: Ana Paula Gomes Bandeira Coordenado por: Teresinha Duarte Direcção de Serviços de Estudos e Estratégia Turísticos Divisão de Recolha e Análise Estatística

Leia mais

INICIATIVA PRIVADA AHCF - Associação de Hotéis de Cabo Frio ACIRB - Associação da Rua dos Biquínis AHB - Associação de Hotéis de Búzios

INICIATIVA PRIVADA AHCF - Associação de Hotéis de Cabo Frio ACIRB - Associação da Rua dos Biquínis AHB - Associação de Hotéis de Búzios INICIATIVA INICIATIVA Um projeto da INICIATIVA PRIVADA (Grupo ABC do Sol) que une as cidades de Arraial do Cabo, Armação dos Búzios e Cabo Frio, representado por: AHCF - Associação de Hotéis de Cabo Frio

Leia mais

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO O título do projeto deve delimitar a área de abrangência onde as ações serão executadas. Setembro, 2014 1 SUMÁRIO 1. DADOS GERAIS

Leia mais

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL Trabalho apresentado no III ENECULT Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, realizado entre os dias 23 a 25 de maio de 2007, na Faculdade de Comunicação/UFBa, Salvador-Bahia-Brasil. METODOLOGIA

Leia mais

O Trabalho de Mobilização Comunitária no Estado do Ceará

O Trabalho de Mobilização Comunitária no Estado do Ceará O Trabalho de Mobilização Comunitária no Estado do Ceará João Pessoa(PB), 06 de novembro de 2012 EVOLUÇÃO DO SANEAMENTO RURAL NO CEARÁ/CAGECE 2000 Ampliação da atuação da CAGECE no saneamento rural. 2001

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO CURSO: TURISMO ( bacharelado) Missão Formar profissionais humanistas, críticos, reflexivos, capacitados para planejar, empreender e gerir empresas turísticas, adaptando-se ao

Leia mais

Audiência Pública. Câmara dos Deputados. Comissão de Defesa do Consumidor

Audiência Pública. Câmara dos Deputados. Comissão de Defesa do Consumidor Audiência Pública Câmara dos Deputados Comissão de Defesa do Consumidor Agenda Central de Atendimento - Índices NII e Nextel Brasil Qualidade Técnica Conclusão Central de Atendimento Própria Serviço não

Leia mais

Luís Otávio Rocha Neves Secretário de Estado de Turismo

Luís Otávio Rocha Neves Secretário de Estado de Turismo Luís Otávio Rocha Neves Secretário de Estado de Turismo Sumário Cidades-sede Diferentes modelos de gestão Modelo de gestão no DF Operacionalização Metas Cidades-sede Manaus Fortaleza Natal Salvador Recife

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Turismo, Hospitalidade e Lazer CURSO: FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( x ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

Bem-Vindos NAGI P&G Campinas

Bem-Vindos NAGI P&G Campinas Bem-Vindos NAGI P&G Campinas Núcleo de Apoio à Gestão da Inovação da Cadeia de Petróleo e Gás do Estado de São Paulo 2013-2014 Edital Pro-Inova FINEP/2010 Há oportunidades para participação de empresas

Leia mais

1. Introdução 2. Objetivo 3. Aplicação dos recursos do fundo 3.1 Recursos Humanos 3.2 Sorteios e premiações 3.3 Links Patrocinados 4.

1. Introdução 2. Objetivo 3. Aplicação dos recursos do fundo 3.1 Recursos Humanos 3.2 Sorteios e premiações 3.3 Links Patrocinados 4. 1. Introdução 2. Objetivo 3. Aplicação dos recursos do fundo 3.1 Recursos Humanos 3.2 Sorteios e premiações 3.3 Links Patrocinados 4. Investimento total em 2013 5. Arrecadado em 2013 6. Encontro de contas:

Leia mais

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE

RECALL SMITHS LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE DOCUMENTO 2 LISTA DOS PRODUTOS ENVOLVIDOS, IMPORTADOS AO BRASIL PELA CIRÚRGICA FERNANDES, COM INFORMAÇÕES SOBRE PRODUTOS VENDIDOS E EM ESTOQUE 100.105.025 644425 10 10 fev/05 fev/10 9660 10/10/2005 13/10/2005

Leia mais

Compromisso para o Crescimento Verde e o Turismo

Compromisso para o Crescimento Verde e o Turismo www.pwc.pt Compromisso para o Crescimento Verde e o Turismo 16 Cláudia Coelho Diretora Sustainable Business Solutions da Turismo é um setor estratégico para a economia e sociedade nacional o que se reflete

Leia mais

CIDADANIA AMBIENTAL PROJETO ARBORETO

CIDADANIA AMBIENTAL PROJETO ARBORETO CIDADANIA AMBIENTAL A resposta da sociedade de Araxá aos problemas ambientais se dá através das ações de educação ambiental. Destacam-se as atividades de educação ambiental promovidas por escolas, organizações

Leia mais

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940

Vênus Em Aquário 25 Dez 1939. Vênus Em Peixes 18 Jan 1940. Vênus Em Áries 12 Fev 1940. Vênus Em Touro 8 Mar 1940. Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Aquário 25 Dez 1939 Vênus Em Peixes 18 Jan 1940 Vênus Em Áries 12 Fev 1940 Vênus Em Touro 8 Mar 1940 Vênus Em Gêmeos 4 Abr 1940 Vênus Em Câncer 6 Maio 1940 Vênus Em Gêmeos 5 Jul 1940 Vênus Em

Leia mais

Estratégia de Eficiência Colectiva PROVERE. Criação de uma Região de Excelência para o Ecoturismo no Interior do Algarve e Costa Vicentina

Estratégia de Eficiência Colectiva PROVERE. Criação de uma Região de Excelência para o Ecoturismo no Interior do Algarve e Costa Vicentina Estratégia de Eficiência Colectiva PROVERE Criação de uma Região de Excelência para o Ecoturismo no Interior do Algarve e Costa Vicentina Acerca do... Turismo de Natureza Ecoturismo, Turismo Ambiental,

Leia mais

LEYA BIKES CARTA- CONVITE LICITAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONSULTORIA

LEYA BIKES CARTA- CONVITE LICITAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONSULTORIA LEYA BIKES CARTA- CONVITE LICITAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONSULTORIA 1. OBJETO 1.1. A LEYA BIKES S.A realizará licitação para a prestação dos serviços de Consultoria em Comunicação, levando em conta

Leia mais

Planejamento e estratégia em turismo. Antonio Liccardo - UEPG

Planejamento e estratégia em turismo. Antonio Liccardo - UEPG Planejamento e estratégia em turismo Antonio Liccardo - UEPG O desenvolvimento do turismo impõe uma permanente articulação entre os diversos setores, públicos e privados, relacionados à atividade, no sentido

Leia mais

Portal de Turismo Divulgando seu empreendimento

Portal de Turismo Divulgando seu empreendimento www.turisangra.com.br Portal de Turismo Divulgando seu empreendimento Tel/ax: (21) 2522-2421 ideias@ideias.org.br Quem Somos O Instituto IDEIAS é uma associação civil, sem fins lucrativos, criada em 8

Leia mais

APL DE TURISMO NO LITORAL DO PIAUÍ

APL DE TURISMO NO LITORAL DO PIAUÍ APL DE TURISMO NO LITORAL DO PIAUÍ (A) Teresina; (B) Cajueiro da Praia; (C) Luis Correia; (D) Parnaíba; (E) Ilha Grande Rota das Emoções: Jericoacoara (CE) - Delta (PI) - Lençóis Maranhenses (MA) Figura

Leia mais

Congresso Mundial da Natureza/IUCN Barcelona 2008. Coordenação. Marta de Azevedo Irving. Apoio:

Congresso Mundial da Natureza/IUCN Barcelona 2008. Coordenação. Marta de Azevedo Irving. Apoio: Congresso Mundial da Natureza/IUCN Barcelona 2008 Coordenação Marta de Azevedo Irving Apoio: Objetivo Promover a discussão sobre o turismo em áreas protegidas como alternativa potencial para a conservação

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade 2014

Relatório de Sustentabilidade 2014 1 Relatório de Sustentabilidade 2014 2 Linha do Tempo TAM VIAGENS 3 Política de Sustentabilidade A TAM Viagens uma Operadora de Turismo preocupada com a sustentabilidade, visa fortalecer o mercado e prover

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Turismo, Hospitalidade e Lazer CURSO: Gestão de Turismo FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( x ) tecnólogo

Leia mais

FICHA PROJETO - nº 075-MA

FICHA PROJETO - nº 075-MA FICHA PROJETO - nº 075-MA Mata Atlântica Grande Projeto 1) TÍTULO: CENTRO DE REFERÊNCIA EM BIODIVERSIDADE DA SERRA DOS ÓRGÃOS: UMA ALIANÇA ENTRE EDUCAÇÃO, TURISMO E CONSERVAÇÃO. 2) MUNICÍPIOS DE ATUAÇÃO

Leia mais

ÍNDICE DE VELOCIDADE DE VENDAS IVV DF IMÓVEIS NOVOS

ÍNDICE DE VELOCIDADE DE VENDAS IVV DF IMÓVEIS NOVOS ÍNDICE DE VELOCIDADE DE VENDAS IVV DF IMÓVEIS NOVOS Setembro de 2015 Realização: Apoio: INTRODUÇÃO O Indicador de Velocidade de Vendas (IVV) do mercado imobiliário do Distrito Federal é produzido mensalmente

Leia mais

Metodologia Científica PROJETO DE PESQUISA

Metodologia Científica PROJETO DE PESQUISA Metodologia Científica PROJETO DE PESQUISA Curso: Especialização em Redes Convergentes e Tecnologia de Voz sobre Ip Disciplina:Metodologia Científica Profa. : Kátia Lopes Silva FACULDADE DE CIÊNCIAS APLICADAS

Leia mais

Implantação dos Requisitos Acreditação RN 277 (ANS)

Implantação dos Requisitos Acreditação RN 277 (ANS) Implantação dos Requisitos Acreditação RN 277 (ANS) Debates GVSaúde Acreditação Operadoras de Planos de Saúde Helton Marcondes Coordenação de Processos e Qualidade - GEPP Roteiro Unimed-BH em Números;

Leia mais

Os serviços, objetos desse termo de referência, deverão ser desenvolvidos em 03 (três) etapas, conforme descrição a seguir:

Os serviços, objetos desse termo de referência, deverão ser desenvolvidos em 03 (três) etapas, conforme descrição a seguir: Termo de Referência 1. Objeto Contratação de empresa especializada em gestão de saúde para execução de atividades visando a reestruturação do modelo de atenção à saúde, objetivando diagnosticar novas proposituras

Leia mais

ATIVIDADE DE ANALISE CRITICA DOS EIXOS, PROG

ATIVIDADE DE ANALISE CRITICA DOS EIXOS, PROG ATIVIDADE DE ANALISE CRITICA DOS EIXOS, PROG EIXOS E PROGRAMAS EIXO 1 - Uso sustentável dos recursos naturais Programa de fortalecimento do sistema de gestão ambiental Programa de formação e manutenção

Leia mais

EDITAL CONJUNTO SEMECT/FME 001/13 AGENTES AMBIENTAIS ESCOLARES DA REDE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE NITERÓI

EDITAL CONJUNTO SEMECT/FME 001/13 AGENTES AMBIENTAIS ESCOLARES DA REDE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE NITERÓI Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia Fundação Municipal de Educação EDITAL CONJUNTO SEMECT/FME 001/13 AGENTES AMBIENTAIS ESCOLARES DA REDE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE NITERÓI APRESENTAÇÃO

Leia mais

Comunicação e colaboração na execução do Plano Estratégico

Comunicação e colaboração na execução do Plano Estratégico Comunicação e colaboração na execução do Plano Estratégico Apresentação A Secretaria de Planejamento e Gestão Estratégica SEPG apoia a Presidência nas demandas relativas ao planejamento institucional,

Leia mais

PÓLO COSTA DAS PISCINAS/PARAÍBA PLANO DE DESENVOLVIMENTO INTEGRADO DO TURISMO SUSTENTÁVEL

PÓLO COSTA DAS PISCINAS/PARAÍBA PLANO DE DESENVOLVIMENTO INTEGRADO DO TURISMO SUSTENTÁVEL PÓLO COSTA DAS PISCINAS/PARAÍBA PLANO DE DESENVOLVIMENTO INTEGRADO DO TURISMO SUSTENTÁVEL ANEXO IV PERFIL DO TURISTA TABELAS JOÃO PESSOA-PB, JUNHO 2004 TABELA Nº01 PROCEDÊNCIA DOS TURISTAS JANEIRO/1999

Leia mais

A decolagem do turismo

A decolagem do turismo A decolagem do turismo OBrasil sempre foi considerado detentor de um enorme potencial turístico. Em 1994, no entanto, o país recebeu menos de 2 milhões de turistas internacionais, um contingente que, na

Leia mais

Relatório anual de acompanhamento das ações executadas com os recursos da cobrança pelo uso de recursos hídricos na Bacia Hidrográfica do Rio Doce

Relatório anual de acompanhamento das ações executadas com os recursos da cobrança pelo uso de recursos hídricos na Bacia Hidrográfica do Rio Doce Relatório anual de acompanhamento das ações executadas com os recursos da cobrança pelo uso de recursos hídricos na Bacia Hidrográfica do Rio Doce CBH MANHUAÇU RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013

Leia mais

Maiores conjuntos arquitetônicos do mundo; Gastronomia com influência Indígena, Africana e Portuguesa; Harmonia dos atrativos e gente hospitaleira;

Maiores conjuntos arquitetônicos do mundo; Gastronomia com influência Indígena, Africana e Portuguesa; Harmonia dos atrativos e gente hospitaleira; Efervescência Cultural; Maiores conjuntos arquitetônicos do mundo; Gastronomia com influência Indígena, Africana e Portuguesa; Harmonia dos atrativos e gente hospitaleira; Deserto de Areias brancas com

Leia mais

BOLETIM DO TURISMO PARNANGUARA 2/2012

BOLETIM DO TURISMO PARNANGUARA 2/2012 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE PARANAGUÁ BOLETIM DO TURISMO PARNANGUARA 2/2012 TAXA DE OCUPAÇÃO HOTELEIRA PERFIL DOS HÓSPEDES EM MEIOS DE HÓPEDAGEM CENTRAIS DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS ESTAÇÃO FERROVIÁRIA

Leia mais

PROGRAMAS E PROJETOS PARA O DESENVOLVIMENTO DO ECOTURISMO NO PÓLO DO CANTÃO

PROGRAMAS E PROJETOS PARA O DESENVOLVIMENTO DO ECOTURISMO NO PÓLO DO CANTÃO º PROGRAMAS E S PARA O DESENVOLVIMENTO DO ECOTURISMO NO PÓLO DO CANTÃO Programa de utilização sustentável dos atrativos turísticos naturais Implementação do Plano de Manejo do Parque do Cantão Garantir

Leia mais

ANUÁRIO ESTATÍSTICO DE 2014

ANUÁRIO ESTATÍSTICO DE 2014 ANUÁRIO ESTATÍSTICO DE 2014 O TURISMO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Estudo realizado em 2014 pelo Observatório de Turismo da Turisrio/Setur. Atrativos turísticos (total de visitantes)...pág.3 Atrativos turísticos

Leia mais

Rua Antônia Lara de Resende, 325 Centro CEP: 36.350-000 Fone: (0xx32) 3376.1438/ 2151 Fax: (0xx32) 3376.1503 pmstsaude@portalvertentes.com.

Rua Antônia Lara de Resende, 325 Centro CEP: 36.350-000 Fone: (0xx32) 3376.1438/ 2151 Fax: (0xx32) 3376.1503 pmstsaude@portalvertentes.com. - SECRETARIA DE SAÚDE - SÃO TIAGO MINAS GERAIS PROGRAMA DE EDUCAÇÃO ALIMENTAR E INCENTIVO À ATIVIDADE FÍSICA EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES DE 04 A 19 ANOS 1 PROGRAMA DE EDUCAÇÃO ALIMENTAR E INCENTIVO À ATIVIDADE

Leia mais

SECRETARIA DA ECONOMIA CRIATIVA

SECRETARIA DA ECONOMIA CRIATIVA SECRETARIA DA ECONOMIA CRIATIVA ECONOMIA CRIATIVA Definição A Economia Criativa contempla as dinâmicas culturais, sociais e econômicas construídas a partir do ciclo de criação, produção, distribuição/circulação/difusão

Leia mais

PPA 2012-2015 PLANO DE DESENVOLVIMENTO ESTRATÉGICO 1043 - PROGRAMA ESCOLA DO LEGISLATIVO

PPA 2012-2015 PLANO DE DESENVOLVIMENTO ESTRATÉGICO 1043 - PROGRAMA ESCOLA DO LEGISLATIVO 1043 - PROGRAMA ESCOLA DO LEGISLATIVO 100 - ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE GOIÁS O Programa Escola do Legislativo tem como objetivo principal oferecer suporte conceitual de natureza técnico-científica

Leia mais

PROJETO PARA FORMAÇÃO DE MONITORES AMBIENTAIS NO DISTRITO DE SÃO FRANCISCO XAVIER - SP. Glauce Yukari Michida, Greice Keli Nunes, Cleide Pivott

PROJETO PARA FORMAÇÃO DE MONITORES AMBIENTAIS NO DISTRITO DE SÃO FRANCISCO XAVIER - SP. Glauce Yukari Michida, Greice Keli Nunes, Cleide Pivott PROJETO PARA FORMAÇÃO DE MONITORES AMBIENTAIS NO DISTRITO DE SÃO FRANCISCO XAVIER - SP Glauce Yukari Michida, Greice Keli Nunes, Cleide Pivott UNIVAP Universidade do Vale do Paraíba / Faculdade de Comunicação

Leia mais