PMERJ/CETIC. Novas Tecnologias na Polícia Militar

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PMERJ/CETIC. Novas Tecnologias na Polícia Militar"

Transcrição

1 PMERJ/CETIC Novas Tecnologias na Polícia Militar

2 Apresentação pessoal CEL PM DJALMA JOSÉ BELTRAMI TEIXEIRA PMERJ Coordenador do CETIC Coordenadoria Especializada em Tecnologia e Comunicações

3 Atribuições constitucionais As atribuições constitucionais da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ) estão previstas no 5º do art. 144 da Constituição Federal: às polícias militares cabem a polícia ostensiva e a preservação da ordem pública.

4 PMERJ Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro Ambiente operacional - Comunidades Comunidades carentes, favelas e guetos são comumente ambientes favoráveis a criminalidade, seja pela efetiva carência de total infraestrutura de suporte a vida, educação e promoção da saúde ou pelas características topográficas e demográficas que dificultando a entrada ou permanência do Estado e dos agentes de segurança pública, facilitam a utilização desses locais por parte dos criminosos como bases, áreas de comercialização de entorpecentes (narcotráfico), e outras ilegalidades correlatas, associadas ou não. A principal modalidade criminosa é o narcotráfico, sendo a principal mão de obra, jovens e adultos moradores locais ou migrantes de outras comunidades pertencentes a mesma facção criminosa ou grupos associados. O Narcotráfico possui forte influência nas comunidades onde atua.

5 O rio de Janeiro possui + de 2 mil favelas...

6 PMERJ Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro Comunidades características hostis A população de algumas comunidades carentes simpatiza e em muitas ocasiões, protege os criminosos. Sem parâmetros morais adequados, jovens e adultos entram no mundo do crime por diversas necessidades, principalmente para manutenção do próprio vício em entorpecentes. Influenciados ou coagidos por narcotraficantes e outros criminosos, os moradores dessas regiões em determinadas ocasiões atuam questionando a legalidade das ações realizadas pelas forças de segurança pública, rebelandose contra as autoridades constituídas ou incentivando condutas hostis diversas (desobediência civil/vandalismo). É comum o tráfico de drogas ordenar atos de vandalismo (normalmente com coletivos queimados) e manifestações em vias públicas quase sempre com enfoque contra as forças de segurança pública que atuam nessas regiões.

7

8

9 Considerando esse cenário hostil, surge a constante necessidade de legitimar e aprimorar as ações policiais nesses ambientes. Bem como o acompanhamento de todas as ações dos policiais no terreno emreal Time Entra em cena o CICC. O Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), que funciona, na Cidade Nova, como base de monitoramento das demandas cotidianas e de grandes evento

10 Inspirado em modelos integrados de segurança adotados em Londres, Nova Iorque, México e Madri, o CICC abriga diferentes órgãos do estado, município e governo federal, como a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Guarda Municipal, Defesa Civil e Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio (Cet-Rio). E neste centro encontra-se o CECOPOM que gerencia todas as demandas de acionamento do serviço policial militar, o serviço 190 de atendimento ao público.

11 A flexibilidade desse tipo de tecnologia operacional, nos permite também fazer uso do georeferenciamento espacial em diversos outros ambientes. Controle de Distúrbio Civil: Atuação em Manifestações (Pacíficas, hostis e cenários adversos)

12 A Reestruturação de todo data center da polícia com o projeto de implantação de uma rede privada de dados. Aumentando a capacidade para recepção de imagens do vídeo monitoramento urbano.

13 Video monitoramento embarcado nas viaturas com acompanhamento em tempo real por intermédio de tecnologia 3G, bem como com georefereciamento tando das viaturas bem como de todos os policiais via seu equipamento de rádio.

14 Une hardware e software numa aplicação de rastreamento veicular. O Georast utiliza informações enviadas por GPS e permite a visualização em mapa digital dos recursos disponíveis para monitoramento, gerenciamento, geração de relatórios e documentos para auditorias.

15 Possui integração com o TIDE e com diversos dispositivos de geolocalização, inclusive com os modelos que atendem a norma MIL STD 810G.

16

17 O TIDE, sigla para Teleatendimento Integrado de Demandas Emergenciais, é um núcleo integrador de aplicativos e tecnologias destinadas a dar suporte ao atendimento oferecido pelo Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). O aplicativo contempla todo o processo de atendimento de emergências do despacho ao preenchimento do Boletim de Ocorrência com geração de relatórios para fins gerenciais.

18 Desenvolvido a partir de um Termo de Cooperação Técnica entre a Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro (SESEG-RJ) e a Geocontrol, o sistema teve como base a realidade Brasileira e integra informações das áreas operacionais das forças emergenciais (Polícia Militar, Bombeiros, SAMU e outras) que, associadas ao sistema de rastreamento veicular Georast e ao computador militar robustecido embarcado Conecta, permite mobilização rápida de todos os recursos necessários ao atendimento eficiente de qualquer fato em grandes cidades e eventos.

19

20 Os atendentes do Centro de Atendimento de Emergência do Novo 190, ao serem acionados por uma vítima ou testemunha, farão o cadastro da ocorrência e a identificação do endereço georreferenciado no mapa digital. Feito isso, as informações seguem para a tela do despachador, que analisa quais recursos serão utilizados. Ele seleciona a viatura disponível mais próxima do local da ocorrência que, por meio do computador embarcado, recebe um alerta sonoro e inicia seu deslocamento para atendimento. São armazenados no sistema todos os tempos dos processos, como o tempo que o operador levou para registrar esta ocorrência e o tempo que o policial gastou para atender ao chamado enviado. Além disso, pelo GPS do computador, descobre-se a localização de outras viaturas, casos seja necessário enviar reforços.

21 A cada minuto, todo o trabalho operacionalizado via TIDE e Conecta alimenta estatísticas. A precisão dos números permite um gerenciamento eficiente dos recursos humanos e de equipamentos. Com todo o processo informatizado, pode-se verificar: tempo médio de registro de uma ocorrência; tempo médio de registro de uma ocorrência; tempo médio gasto pela viatura até o local do crime; total de ocorrências abertas ou atendidas; total de viaturas empenhadas ou disponíveis; total de ocorrências atendidas por batalhão; entre outros dados.

22

23

24 O que você sabe não vale nada, o único valor está no que você faz com aquilo que sabe.

1. LOGIN 2. OPÇÕES DE SISTEMAS 3. MENU SUPERIOR

1. LOGIN 2. OPÇÕES DE SISTEMAS 3. MENU SUPERIOR SUMÁRIO Apresentação...2 1. Login...3 2. Opções de sistemas...3 3. Menu superior...3 4. Painel Geral...4 4.1. Visualização de Veículos...5 4.2. Percurso...6 5. Suporte...7 APRESENTAÇÃO O Georast é uma

Leia mais

SEGURANÇA AO ALCANCE DE TODOS

SEGURANÇA AO ALCANCE DE TODOS SEGURANÇA AO ALCANCE DE TODOS TECNOLOGIA A SERVIÇO DA SEGURANÇA O Helper é um sistema inovador que utiliza tecnologia para promover o bem-estar das pessoas, contribuindo para a gestão da segurança pública

Leia mais

Sistema SpeedTAXI. Diminuir o tempo de despacho dos veículos realizando o processo de forma automática.

Sistema SpeedTAXI. Diminuir o tempo de despacho dos veículos realizando o processo de forma automática. OBJETIVO: Diminuir o tempo de despacho dos veículos realizando o processo de forma automática. REQUISITOS: Utilização da plataforma de comunicação MOTOTRBO (rádio digital Motorola DGM4100 com GPS); Instalação

Leia mais

ANEXO VI ESPECIFICAÇÃO DO SISTEMA DE MONITORAMENTO E CONTROLE OPERACIONAL

ANEXO VI ESPECIFICAÇÃO DO SISTEMA DE MONITORAMENTO E CONTROLE OPERACIONAL Anexo VI -fls.1/7 ANEXO VI ESPECIFICAÇÃO DO SISTEMA DE MONITORAMENTO E CONTROLE OPERACIONAL Serão apresentados a seguir os conceitos, requisitos e especificações básicas do Sistema de Monitoramento e Controle

Leia mais

RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 442, DE 1º DE JULHO DE 2010

RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 442, DE 1º DE JULHO DE 2010 RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 442, DE 1º DE JULHO DE 2010 Institui o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública CIOSP no âmbito da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa

Leia mais

BILFINGER MAUELL CENTRO INTEGRADO DE COMANDO E CONTROLE GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

BILFINGER MAUELL CENTRO INTEGRADO DE COMANDO E CONTROLE GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Power Systems Bilfinger Mauell Serviços e Engenharia Ltda. Rod. Salvador de Leone 2998 Itapecerica da Serra/SP Brasil Tel: +55 11 2117-5353 Fax +55 11 2117-5354 mauell@mauell.com.br www.mauell.com.br BILFINGER

Leia mais

COORDENADORIA ESTADUAL DE DEFESA CIVIL

COORDENADORIA ESTADUAL DE DEFESA CIVIL COORDENADORIA ESTADUAL DE DEFESA CIVIL Roteiro para montagem de um Plano Preventivo de Defesa Civil Apresentamos o presente roteiro com conteúdo mínimo de um Plano Preventivo de Defesa Civil ou Plano de

Leia mais

Tecnologia e Comércio de Equipamentos Eletrônicos LTDA PORTAL DE TELEMETRIA SYSTEMTEK PARA GERENCIAMENTO DE FROTAS

Tecnologia e Comércio de Equipamentos Eletrônicos LTDA PORTAL DE TELEMETRIA SYSTEMTEK PARA GERENCIAMENTO DE FROTAS PORTAL DE TELEMETRIA SYSTEMTEK PARA GERENCIAMENTO DE FROTAS Características Design inovador Controle de acesso Permite criar usuários com senhas podendo-se definir no sistema quais as funcionalidades cada

Leia mais

PROPOSTA DE RASTREAMENTO E MONITORAMENTO HÍBRIDO SATELITAL

PROPOSTA DE RASTREAMENTO E MONITORAMENTO HÍBRIDO SATELITAL PROPOSTA DE RASTREAMENTO E MONITORAMENTO HÍBRIDO SATELITAL Solução Tecnologia Monitoramento Instalação SOLUÇÃO A solução de rastreamento Unepxmil foi desenvolvida para atender as principais necessidades

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL SOLUÇÕES JÁ DISPONÍVEIS

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL SOLUÇÕES JÁ DISPONÍVEIS APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL DESENVOLVENDO SOLUÇÕES INOVADORAS DE TI PARA O MONITORAMENTO, OPERAÇÃO E GESTÃO DE PROCESSOS, AGREGANDO PRODUTIVIDADE E QUALIDADE ÀS ATIVIDADES DOS NOSSOS CLIENTES. 01 Gerenciamento

Leia mais

A INICIATIVA QUE VAI LEVAR SEGURANÇA, CONHECIMENTO E BEM-ESTAR À SUA CIDADE

A INICIATIVA QUE VAI LEVAR SEGURANÇA, CONHECIMENTO E BEM-ESTAR À SUA CIDADE A INICIATIVA QUE VAI LEVAR SEGURANÇA, CONHECIMENTO E BEM-ESTAR À SUA CIDADE APRESENTAÇÃO SEGURANÇA UM DIREITO DE TODOS Conviver em segurança é um direito de todos e é dever do poder público garanti-lo.

Leia mais

ANEXO III METAS DE PRODUÇÃO: POR SERVIÇO. AÇÕES METAS INDICADORES RESULTADOS 1. Recursos Humanos: 1.

ANEXO III METAS DE PRODUÇÃO: POR SERVIÇO. AÇÕES METAS INDICADORES RESULTADOS 1. Recursos Humanos: 1. ANEXO III METAS DE PRODUÇÃO: POR SERVIÇO AÇÕES METAS INDICADORES RESULTADOS 1. Recursos Humanos: 1. 1. 1. Prestar serviços ao CONSAVAP na Manter o sistema funcionando 100% de efetividade no Serviço operante

Leia mais

O futuro digital das cidades

O futuro digital das cidades O futuro digital das cidades Visão & Tecnologia: a fórmula para tornar nossas Cidades mais Inteligentes Hora de Agir: As cidades mais que estados ou países estarão cada mais se tornando o centro determinante

Leia mais

Sistema de localização e bloqueio veicular por célula de comunicação Objetivo Principal

Sistema de localização e bloqueio veicular por célula de comunicação Objetivo Principal de comunicação Objetivo Principal Prover uma solução de baixo custo para Identificação, localização, bloqueio e recuperação de veículos roubados ou procurados, através de micro circuitos embarcados de

Leia mais

Centro de Operações para governos mais inteligentes

Centro de Operações para governos mais inteligentes Centro de Operações para governos mais inteligentes Ricardo C. Mansano IBM Brazil - Smarter Cities Sales Manager Maio- 2014 Os problemas enfrentado pelos governantes não são atuais. Centro São Paulo década

Leia mais

TRANSDATA SMART RASTREAMENTO E GESTÃO FROTA

TRANSDATA SMART RASTREAMENTO E GESTÃO FROTA BRASIL ARGENTINA +55 19 3515.1100 www.transdatasmart.com.br SEDE CAMPINAS-SP RUA ANA CUSTÓDIO DA SILVA, 120 JD. NOVA MERCEDES CEP: 13052.502 FILIAIS BRASÍLIA RECIFE CURITIBA comercial@transdatasmart.com.br

Leia mais

SP 01/07/92 NT 149/92. Gerenciamento de Eventos Não Programados: Sala de Estratégias. Eng.º Edélcio Meggiolaro - GCO. Introdução

SP 01/07/92 NT 149/92. Gerenciamento de Eventos Não Programados: Sala de Estratégias. Eng.º Edélcio Meggiolaro - GCO. Introdução SP 01/07/92 NT 149/92 Gerenciamento de Eventos Não Programados: Sala de Estratégias. Eng.º Edélcio Meggiolaro - GCO Introdução Em 1991, a CET através das Gerências de Engenharia de Tráfego operou 400 Km

Leia mais

TECNOLOGIAS DE RASTREAMENTO DE VEÍCULOS. PTR5923 Prof. Flávio Vaz flaviovaz@usp.br

TECNOLOGIAS DE RASTREAMENTO DE VEÍCULOS. PTR5923 Prof. Flávio Vaz flaviovaz@usp.br TECNOLOGIAS DE RASTREAMENTO DE VEÍCULOS PTR5923 Prof. Flávio Vaz flaviovaz@usp.br 09/11/15 PTR5923 - Tecnologias de Rastreamento de Veículos 2 Componentes do Sistema Sistemas Posicionamento Comunicação

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CONSULTA DE RELACIONAMENTOS

MANUAL DO USUÁRIO CONSULTA DE RELACIONAMENTOS SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO INTEGRADA POLICIAL Elaborado: Equipe SAG Revisado: Aprovado: Data: 08/09/2008 Data: 18/11/2008 Data: A autenticação do documento consta no arquivo primário da Qualidade Referencia:

Leia mais

ITAIM BIBI SANTO ANDRÉ

ITAIM BIBI SANTO ANDRÉ Logotipos Iniciais do Programa ITAIM BIBI SANTO ANDRÉ Logotipo desenvolvido pela Polícia Militar do Estado de São Paulo PASSO A PASSO PARA A IMPLANTAÇÃO O QUE É? Programa Vizinhança Solidária, cria a adoção

Leia mais

Curso Forense Computacional

Curso Forense Computacional Curso Forense Computacional Todos nossos cursos são preparados por mestres e profissionais reconhecidos no mercado de Segurança da Informação no Brasil e exterior. Os cursos são ministrados em português,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA Anexo II.9 Especificações do Sistema de Monitoramento da Frota PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA ÍNDICE 1 OBJETIVOS... 2 2 ESPECIFICAÇÃO BÁSICA... 2 2.1 Aquisição de Dados Monitorados do Veículo...

Leia mais

1 INTRODUÇÃO. 1.1 Motivação e Justificativa

1 INTRODUÇÃO. 1.1 Motivação e Justificativa 1 INTRODUÇÃO 1.1 Motivação e Justificativa A locomoção é um dos direitos básicos do cidadão. Cabe, portanto, ao poder público normalmente uma prefeitura e/ou um estado prover transporte de qualidade para

Leia mais

central de atendimento -> 55(11) 3807-0188 ou atendimento@grupotreinar.com.br

central de atendimento -> 55(11) 3807-0188 ou atendimento@grupotreinar.com.br Todos nossos cursos são preparados por mestres e profissionais reconhecidos no mercado de Segurança da Informação no Brasil e exterior. Os cursos são ministrados em português, espanhol ou inglês, atendendo

Leia mais

Aplicação de dados para TETRA Rio de Janeiro Nov 2009 - Thierry de Matos Reis -

Aplicação de dados para TETRA Rio de Janeiro Nov 2009 - Thierry de Matos Reis - Aplicação de dados para TETRA Rio de Janeiro Nov 2009 - Thierry de Matos Reis - 09.11.2009 Conteúdo As necessidades de aplicações de dados Missão crítica vs. comercial Serviços de dados Exemplos de aplicações

Leia mais

Condomínios mais Seguros

Condomínios mais Seguros Condomínios mais Seguros Palestra ministrada pelo Capitão Yasui Comandante da 2ª Companhia do 49º Batalhão de Polícia Militar. 13/04/2011 Formulado por um grupo de trabalho composto por policiais civis

Leia mais

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2008/prt1559_01_08_2008.html

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2008/prt1559_01_08_2008.html Página 1 de 5 ADVERTÊNCIA Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial da União Ministério da Saúde Gabinete do Ministro PORTARIA Nº 1.559, DE 1º DE AGOSTO DE 2008 Institui a Política Nacional

Leia mais

Gabriel Carvalho Business Developer

Gabriel Carvalho Business Developer Gabriel Carvalho Business Developer ESTRUTURA DA CORPORAÇÃO Geosystems Metrology Captura, referência, analise, processo e armazenamento de valiosa informação geográfica, permitindo, em muitos casos, os

Leia mais

SOLUCÕES TECNOLÓGICAS PARA CONTROLE E GESTÃO DOS RESIDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL NOS MUNICIPIOS. www.csjsistemas.com.br

SOLUCÕES TECNOLÓGICAS PARA CONTROLE E GESTÃO DOS RESIDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL NOS MUNICIPIOS. www.csjsistemas.com.br SOLUCÕES TECNOLÓGICAS PARA CONTROLE E GESTÃO DOS RESIDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL NOS MUNICIPIOS Tecnologias Disponíveis de Rastreamento O GPS é um sistema via satélite de posicionamento global, que fornece

Leia mais

Implantação da Central Integrada de Monitoramento de Campinas - CIMCAMP.

Implantação da Central Integrada de Monitoramento de Campinas - CIMCAMP. Implantação da Central Integrada de Monitoramento de Campinas - CIMCAMP. Daniel Luis Nithack e Silva 1, João Carlos Fagundes 1, Carlo Alexandre Moneda 1, Mario Jose da Silva 1, José Sebastião Paiola Jr

Leia mais

EDITAL CONCORRÊNCIA 02/2015 ANEXO VI - ESPECIFICAÇÃO DO SISTEMA DE MONITORAMENTO DA FROTA.

EDITAL CONCORRÊNCIA 02/2015 ANEXO VI - ESPECIFICAÇÃO DO SISTEMA DE MONITORAMENTO DA FROTA. EDITAL CONCORRÊNCIA 02/2015 ANEXO VI - ESPECIFICAÇÃO DO SISTEMA DE MONITORAMENTO DA FROTA. 1. Sistema de Monitoramento da Frota O Sistema de Monitoramento da Frota será implantado pela concessionária para

Leia mais

Aplicação de Geoprocessamento no Licenciamento Ambiental do Estado do Rio Grande do Sul

Aplicação de Geoprocessamento no Licenciamento Ambiental do Estado do Rio Grande do Sul Aplicação de Geoprocessamento no Licenciamento Ambiental do Estado do Rio Grande do Sul Iara Ferrugem Velasques 1 Rejane Vargas Dornelles 1, Tânia Regina Prauchner 1 pnmaii, rejanevd, taniarp@fepam.rs.gov.br

Leia mais

CONSULTA Nº 164.517/2013

CONSULTA Nº 164.517/2013 1 CONSULTA Nº 164.517/2013 Assunto: Sobre como SAMU deve proceder em certas situações na sala de Regulação Médica do 192, procedimentos em diversas situações, na sala de Regulação Médica do 192, devido

Leia mais

II Simpósio Brasileiro de Desastres Naturais e Tecnológicos

II Simpósio Brasileiro de Desastres Naturais e Tecnológicos GABINETE DO GOVERNADOR CASA MILITAR COORDENADORIA ESTADUAL DE DEFESA CIVIL II Simpósio Brasileiro de Desastres Naturais e Tecnológicos Dezembro / 2007 POLÍTICA E PROGRAMAS PARA A DEFESA CIVIL DO ESTADO

Leia mais

PROPOSTAS PARA A REDUÇÃO DA VIOLÊNCIA

PROPOSTAS PARA A REDUÇÃO DA VIOLÊNCIA PROPOSTAS PARA A REDUÇÃO DA VIOLÊNCIA 1. Criar o Fórum Metropolitano de Segurança Pública Reunir periodicamente os prefeitos dos 39 municípios da Região Metropolitana de São Paulo para discutir, propor,

Leia mais

11.253.503. 3.100.000 Contribuintes. São Paulo em Números 60.000 200.000. 70.000 Logradouros Públicos. 2.000.000 Lotes. Quadras.

11.253.503. 3.100.000 Contribuintes. São Paulo em Números 60.000 200.000. 70.000 Logradouros Públicos. 2.000.000 Lotes. Quadras. São Paulo em Números 3.100.000 Contribuintes 2.000.000 Lotes 25 Secretarias 1.530 km 2 Área Municipal 96 Distritos 31 Subprefeituras 34 Autarquias, Empresas e outros 11.253.503 Habitantes 60.000 Quadras

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL RESOLUÇÃO CUNI Nº 059, DE 18 DE AGOSTO DE 2011. Institui as normas de instalação de câmeras e uso das informações e imagens da Central de Videossegurança do Patrimônio da UFLA,

Leia mais

RELATÓRIO MELHORIA DA ESTRUTURA POLICIAL CORPO DE BOMBEIROS

RELATÓRIO MELHORIA DA ESTRUTURA POLICIAL CORPO DE BOMBEIROS RELATÓRIO MELHORIA DA ESTRUTURA POLICIAL CORPO DE BOMBEIROS Na data de 03 de maio de 2011 1 o então Coordenador do Projeto Entorno, Luís Guilherme Martinhão Gimenes, reuniu-se com o Comandante Geral do

Leia mais

INDICADORES GERENCIAIS PRÓ-ATIVOS DE SEGURANÇA E SAÚDE. DISPOSITIVOS DE CONTROLE DE UTILIZAÇÃO NOS VEÍCULOS DO GRUPO CEEE.

INDICADORES GERENCIAIS PRÓ-ATIVOS DE SEGURANÇA E SAÚDE. DISPOSITIVOS DE CONTROLE DE UTILIZAÇÃO NOS VEÍCULOS DO GRUPO CEEE. INDICADORES GERENCIAIS PRÓ-ATIVOS DE SEGURANÇA E SAÚDE. DISPOSITIVOS DE CONTROLE DE UTILIZAÇÃO NOS VEÍCULOS DO GRUPO CEEE. Autores João Carlos Lindau Roberto de Azevedo Ferreira GRUPO CEEE RESUMO Cada

Leia mais

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei:

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 3.477 DATA: 14 de agosto de 2008. SÚMULA: Altera e acresce dispositivos da Lei nº 3.025, de 18 de janeiro de 2005, alterada pela Lei nº 3.264, de 19 de setembro de 2006, que Dispõe sobre a reestruturação

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Procedimentos no caso de furto, roubo ou sequestro relâmpago, com o veículo, sem acionamento do Botão de Emergência:

MANUAL DO USUÁRIO. Procedimentos no caso de furto, roubo ou sequestro relâmpago, com o veículo, sem acionamento do Botão de Emergência: MANUAL DO USUÁRIO BEM VINDO À JAPAN SAT Prezado usuário, ficamos muito satisfeitos por você ter escolhido um produto da JAPAN SAT. O Manual de usuário é o guia que vai lhe permitir o uso de forma correta,

Leia mais

SAU SERVIÇOS DE ATENDIMENTO A USUÁRIOS. Outubro/2008

SAU SERVIÇOS DE ATENDIMENTO A USUÁRIOS. Outubro/2008 SAU SERVIÇOS DE ATENDIMENTO A USUÁRIOS Outubro/2008 O QUE É O SAU? SERVIÇOS DE ATENDIMENTO A USUÁRIOS PROJETO PILOTO ABRANGENDO 421,2 KM DE TRECHOS DAS RODOVIAS FEDERAIS BR-040, BR- 060 E BR-153, NO DISTRITO

Leia mais

3.1. São as seguintes definições dos termos utilizados nesta Instrução Normativa:

3.1. São as seguintes definições dos termos utilizados nesta Instrução Normativa: INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01 DE 28 DE ABRIL DE 2015. Normatiza o procedimento administrativo para a instituição do Agente Patrimonial no âmbito da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. O PRÓ-REITOR

Leia mais

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. COM PLATAFORMA DE MOBILIDADE, SEPLAN AMPLIA NÚMERO E QUALIDADE DOS SERVIÇOS PÚBLICOS

Case de Sucesso. Integrando CIOs, gerando conhecimento. COM PLATAFORMA DE MOBILIDADE, SEPLAN AMPLIA NÚMERO E QUALIDADE DOS SERVIÇOS PÚBLICOS Case de Sucesso Integrando CIOs, gerando conhecimento. COM PLATAFORMA DE MOBILIDADE, SEPLAN AMPLIA NÚMERO E QUALIDADE DOS SERVIÇOS PÚBLICOS Perfil O Decreto nº 32.716/2011 fixou a nova estrutura do Poder

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS LABORATÓRIO DE ANÁLISE AMBIENTAL E GEOESPACIAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS LABORATÓRIO DE ANÁLISE AMBIENTAL E GEOESPACIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS LABORATÓRIO DE ANÁLISE AMBIENTAL E GEOESPACIAL PLANO DE CONTINGÊNCIA DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL Dezembro/2014 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. OBJETIVO... 4 3. ESTRUTURA...

Leia mais

Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal no âmbito do Sistema Nacional do Meio Ambiente - SISNAMA.

Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal no âmbito do Sistema Nacional do Meio Ambiente - SISNAMA. RESOLUÇÃO CONAMA Nº 379, de 19/10/2006 Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal no âmbito do Sistema Nacional do Meio Ambiente - SISNAMA. CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE

Leia mais

Demanda por um sistema integrado de mobilidade urbana, acessível por órgãos gestores, operadoras de transporte e população!

Demanda por um sistema integrado de mobilidade urbana, acessível por órgãos gestores, operadoras de transporte e população! Curso de Gestão da Mobilidade Urbana Ensaio Crítico - Turma 17 Sistema de Informação de Usuários Michel Costa da Silva (*) No Brasil, o crescimento demográfico das grandes capitais, o apoio governamental

Leia mais

RESOLUÇÃO CONAMA n o 379, de 19 de outubro de 2006 Publicada no DOU nº 202, de 20 de outubro de 2006, Seção 1, página 175 e 176

RESOLUÇÃO CONAMA n o 379, de 19 de outubro de 2006 Publicada no DOU nº 202, de 20 de outubro de 2006, Seção 1, página 175 e 176 RESOLUÇÃO CONAMA n o 379, de 19 de outubro de 2006 Publicada no DOU nº 202, de 20 de outubro de 2006, Seção 1, página 175 e 176 Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal

Leia mais

Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural

Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural 1. Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural no bioma Amazônia... 2 2. Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento

Leia mais

Etapa 01 Proposta Metodológica

Etapa 01 Proposta Metodológica SP Etapa 01 Proposta Metodológica ConsultGEL - Rua: : José Tognoli, 238, Pres., 238, Pres. Prudente, SP Consultores Responsáveis, SP Élcia Ferreira da Silva Fone: : (18) 3222 1575/(18) 9772 5705 João Dehon

Leia mais

Artigo 1º - Aprovar revisão da Política de Segurança da PRODEB, que com esta se publica.

Artigo 1º - Aprovar revisão da Política de Segurança da PRODEB, que com esta se publica. Classificação: RESOLUÇÃO Código: RP.2007.077 Data de Emissão: 01/08/2007 O DIRETOR PRESIDENTE da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia - PRODEB, no uso de suas atribuições e considerando

Leia mais

Segurança Pública no Brasil Gestão e Tecnologia na redução criminal O exemplo de São Paulo

Segurança Pública no Brasil Gestão e Tecnologia na redução criminal O exemplo de São Paulo Secretaria de Segurança Pública Segurança Pública Polícia Militar de S. Paulo Segurança Pública no Brasil Gestão e Tecnologia na redução criminal O exemplo de São Paulo Coronel PM Ricardo Gambaroni Comandante

Leia mais

Manual de utilização da Plataforma Tracking.

Manual de utilização da Plataforma Tracking. Manual de utilização da Plataforma Tracking. A Plataforma Tracking é a mais moderna ferramenta para o rastreamento e monitoramento de veículos, objetos e pessoas que existe no mercado atualmente. Você

Leia mais

PANOPTISMO: SÃO JOSÉ DOS CAMPOS, A CIDADE VIGIADA, NA ÓTICA OFICAL

PANOPTISMO: SÃO JOSÉ DOS CAMPOS, A CIDADE VIGIADA, NA ÓTICA OFICAL PANOPTISMO: SÃO JOSÉ DOS CAMPOS, A CIDADE VIGIADA, NA ÓTICA OFICAL MACEDO¹, Diego; ANDRADE¹, Daniel; DÓRIA¹, Vinícius; GASPARETO¹, Darci. Orientador Prof. MSc RIBEIRO¹, Gilson. ¹Universidade do Vale do

Leia mais

Com o objetivo de manter um alto nível de qualidade, nossos colaboradores são rigorosamente selecionados e treinados.

Com o objetivo de manter um alto nível de qualidade, nossos colaboradores são rigorosamente selecionados e treinados. A MBS SERVIÇOS possui o conhecimento necessário e indispensável para oferecer qualidade e agilidade nas realizações dos serviços prestados. Possuímos sede própria com toda infraestrutura necessária para

Leia mais

DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e,

DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e, DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. Cria a Central de Teleatendimento da PCRJ Central 1746, no âmbito da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa DECRETO Nº 51.307, DE 20 DE MARÇO DE 2014. (publicado no DOE n.º 055, de 21 de março de 2014) Estabelece o Sistema

Leia mais

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO Programa Vizinhança Solidária O Programa Vizinhança Solidária cria a adoção de mecanismos dentro da filosofia de polícia comunitária de estímulo à mudança de comportamento dos integrantes de determinadas

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INFORMÁTICA

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INFORMÁTICA REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INFORMÁTICA Aprovado pela Resolução CONSUNI nº 31/13, de 21/08/13. CAPÍTULO I DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Este regulamento dispõe especificamente do Núcleo de Informática

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE CORUMBÁ GABINETE DO PREFEITO

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE CORUMBÁ GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 1.308, DE 5 DE FEVEREIRO DE 2014 Estabelece as atribuições dos órgãos da Administração Municipal para o Carnaval de Corumbá/2014. O PREFEITO MUNICIPAL DE CORUMBÁ, Estado de Mato Grosso do Sul,

Leia mais

PROJETO SISTEMA DE PREVENÇÃO, CONTROLE E ATENDIMENTO EMERGENCIAL EM ACIDENTES COM PRODUTOS PERIGOSOS NA RODOVIA BR 101 TRECHO SUL SC

PROJETO SISTEMA DE PREVENÇÃO, CONTROLE E ATENDIMENTO EMERGENCIAL EM ACIDENTES COM PRODUTOS PERIGOSOS NA RODOVIA BR 101 TRECHO SUL SC PROJETO SISTEMA DE PREVENÇÃO, CONTROLE E ATENDIMENTO EMERGENCIAL EM ACIDENTES COM PRODUTOS PERIGOSOS NA RODOVIA BR 101 TRECHO SUL SC INTRODUÇÃO O Projeto foi assinado em novembro de 2010, é fruto de um

Leia mais

Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município de São Paulo

Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município de São Paulo Estatísticas Cidade de São Paulo: Altamente complexa, com 11,04 milhões de habitantes, (cerca de 6 % da população do Brasil) Ocupa uma área de 1.523 km² Produz cerca de 13% do PIB nacional. Gestão administrativa

Leia mais

TRBOnet MDC Console. Manual de Operação

TRBOnet MDC Console. Manual de Operação TRBOnet MDC Console Manual de Operação Versão 1.8 ÍNDICE NEOCOM Ltd 1. VISÃO GERAL DA CONSOLE...3 2. TELA DE RÁDIO...4 2.1 COMANDOS AVANÇADOS...5 2.2 BARRA DE FERRAMENTAS...5 3. TELA DE LOCALIZAÇÃO GPS...6

Leia mais

www.cidadedigitalbrasil.com.br ( 35 ) 3431-2777

www.cidadedigitalbrasil.com.br ( 35 ) 3431-2777 www.cidadedigitalbrasil.com.br ( 35 ) 3431-2777 Cidade Digital - Objetivos : Modernizar a estrutura pública Redução de custos Prover novos serviços à população Cidade Digital Sistemas contemplados : -

Leia mais

Região Metropolitana de São Paulo. Município de Diadema

Região Metropolitana de São Paulo. Município de Diadema Região Metropolitana de São Paulo Área total: 7.944 Km² População: 20,3 milhões de habitantes Densidade hab/km² Município de Diadema Área total: 30,7 Km2 População: 386.089 (IBGE/2010) Densidade demográfica:

Leia mais

Software para Gestão de Equipes Externas Produtividade e Controle sobre sua equipe externa

Software para Gestão de Equipes Externas Produtividade e Controle sobre sua equipe externa Software para Gestão de Equipes Externas Produtividade e Controle sobre sua equipe externa A MobiView é originada do Grupo Original Brasil, fundado em 1990 e desde 2005 é especializada em desenvolvimento

Leia mais

Geointeligência na Copa e Olimpíadas

Geointeligência na Copa e Olimpíadas 20 de junho de 2013 Fórum Geointeligência para Defesa e Segurança Grandes Eventos Planejamento e Monitoramento Geointeligência na Copa e Olimpíadas Marcus Ferreira - Ten Cel PMERJ Vice Presidente do ISP

Leia mais

MANUAL DO NOVO PORTAL GRUPO NEW VISION RASTREAMENTO E CONTROLE DE VEICULOS E FROTAS.

MANUAL DO NOVO PORTAL GRUPO NEW VISION RASTREAMENTO E CONTROLE DE VEICULOS E FROTAS. MANUAL DO NOVO PORTAL GRUPO NEW VISION RASTREAMENTO E CONTROLE DE VEICULOS E FROTAS. TELA DE LOGIN DO PORTAL LOGÍSTICA RASTREAMENTO Digite o endereço www.gruponewvision.com.br/rastreamento em seu navegador

Leia mais

POLÍTICA DE TRANSPORTE. Espaço exclusivo Caminhos Desobstruídos. Serviço em Rede. Operação Controlada Regularidade Confiabilidade

POLÍTICA DE TRANSPORTE. Espaço exclusivo Caminhos Desobstruídos. Serviço em Rede. Operação Controlada Regularidade Confiabilidade POLÍTICA DE TRANSPORTE QUALIFICAR O Serviço de Transporte por Ônibus Espaço exclusivo Caminhos Desobstruídos Serviço em Rede Flexibilidade de Trajetos Racionalidade de Caminhos Operação Controlada Regularidade

Leia mais

UPP - A EXPERIÊNCIA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA ESTADO DO RIO DE JANEIRO

UPP - A EXPERIÊNCIA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA ESTADO DO RIO DE JANEIRO UPP - A EXPERIÊNCIA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA ESTADO DO RIO DE JANEIRO Breve Histórico... Rio de Janeiro Década de 70 - Facções criminosas Final de 70 e início de 80

Leia mais

A GAMA TECNOLOGIA E SEGURANÇA PATRIMONIAL

A GAMA TECNOLOGIA E SEGURANÇA PATRIMONIAL A GAMA TECNOLOGIA E SEGURANÇA PATRIMONIAL, entendendo a necessidade do mercado em serviços relacionados a segurança e proteção do patrimônio, reúne as melhores tecnologias em soluções de segurança e geolocalização.

Leia mais

Você não consegue ver tudo que se passa com sua equipe? Nós podemos de ajudar.

Você não consegue ver tudo que se passa com sua equipe? Nós podemos de ajudar. Você não consegue ver tudo que se passa com sua equipe? Nós podemos de ajudar. Vídeo Monitoramento através do celular, smartphone agora é sinônimo de câmera IP. Plataforma de Vídeo Monitoramento Avançado

Leia mais

BANDA LARGA PARA SEGURANÇA PÚBLICA E DEFESA: DESAFIOS E OPORTUNIDADES

BANDA LARGA PARA SEGURANÇA PÚBLICA E DEFESA: DESAFIOS E OPORTUNIDADES SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO DIRETORIA DE TELEMÁTICA Polícia Militar do Estado de São Paulo Diretoria de Telemática Centro de Processamento

Leia mais

PROJETO BÁSICO Nº 003/2008. 1-Titulo do Projeto Implementação do Sistema de Rádio Comunicação da Polícia Judiciária Civil./MT

PROJETO BÁSICO Nº 003/2008. 1-Titulo do Projeto Implementação do Sistema de Rádio Comunicação da Polícia Judiciária Civil./MT PROJETO BÁSICO Nº 003/2008 1-Titulo do Projeto Implementação do Sistema de Rádio Comunicação da Polícia Judiciária Civil./MT 2- Identificação do Objeto Civil/MT Substituição e ampliação do Sistema de Rádio

Leia mais

GABINETE DO PREFEITO

GABINETE DO PREFEITO 1 Proc. nº 27.401/2008 LEI COMPLEMENTAR Nº 674 de 25 de novembro de 2013 Altera a Lei Complementar nº 582, de 19 de dezembro de 2008, alterada pela Lei Complementar nº 644, de 05 de abril de 2012, no que

Leia mais

Anexo I - Plano de Classificação de Documentos 33.01.01.01

Anexo I - Plano de Classificação de Documentos 33.01.01.01 Anexo I - Plano de Classificação de Documentos Secretaria de Estado de Segurança - SESEG Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro - PMERJ 33 - Competência: Exercer a polícia ostensiva e a preservação

Leia mais

A POLÍTICA DE SEGURANÇA PÚBLICA E INFRAESTRUTURA (LIGADA AO QUESITO DE SEGURANÇA) DESENVOLVIDA EM BARÃO GERALDO

A POLÍTICA DE SEGURANÇA PÚBLICA E INFRAESTRUTURA (LIGADA AO QUESITO DE SEGURANÇA) DESENVOLVIDA EM BARÃO GERALDO BE_310 CIÊNCIAS DO AMBIENTE UNICAMP ESTUDO (Turma 2012) Disponível em: http://www.ib.unicamp.br/dep_biologia_animal/be310 A POLÍTICA DE SEGURANÇA PÚBLICA E INFRAESTRUTURA (LIGADA AO QUESITO DE SEGURANÇA)

Leia mais

PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA

PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA EE Odilon Leite Ferraz PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA AULA 1 APRESENTAÇÃO E INICIAÇÃO COM WINDOWS VISTA APRESENTAÇÃO E INICIAÇÃO COM WINDOWS VISTA Apresentação dos Estagiários Apresentação do Programa Acessa

Leia mais

TETRA + CRITICAL COMMUNICATIONS ASSOCIATION. Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE. Estudo de Caso: TETRA para uma Operadora Privada

TETRA + CRITICAL COMMUNICATIONS ASSOCIATION. Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE. Estudo de Caso: TETRA para uma Operadora Privada TETRA + CRITICAL COMMUNICATIONS ASSOCIATION Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso: TETRA para uma Operadora Privada Julho-2012 Objetivo Apresentar a experiência da operadora privada LIG-MÓBILE,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 555 DE 30 DE NOVEMBRO DE 2011

RESOLUÇÃO Nº 555 DE 30 DE NOVEMBRO DE 2011 RESOLUÇÃO Nº 555 DE 30 DE NOVEMBRO DE 2011 Ementa: Regulamenta o registro, a guarda e o manuseio de informações resultantes da prática da assistência farmacêutica nos serviços de saúde. O Conselho Federal

Leia mais

Este Manual aplica-se a todos os Usuário de T.I. do Ministério Público de Goiás. ATIVIDADE AUTORIDADE RESPONSABILIDADE Manter o Manual Atualizado

Este Manual aplica-se a todos os Usuário de T.I. do Ministério Público de Goiás. ATIVIDADE AUTORIDADE RESPONSABILIDADE Manter o Manual Atualizado Versão 01 - Página 1/8 1 Objetivo Orientar o usuário de T.I. a solicitar atendimento. Mostrar o fluxo da solicitação. Apresentar a Superintendência 2 Aplicação Este Manual aplica-se a todos os Usuário

Leia mais

Reunião de regulamentação da Lei 12.841 Lei dos Desaparecidos. Deputado Federal Engº Agrº Valdir Colatto

Reunião de regulamentação da Lei 12.841 Lei dos Desaparecidos. Deputado Federal Engº Agrº Valdir Colatto Reunião de regulamentação da Lei 12.841 Lei dos Desaparecidos Deputado Federal Engº Agrº Valdir Colatto Justificativa O desaparecimento de pessoas é um problema cada vez mais grave no mundo atual, com

Leia mais

Relatório da prática/proposta

Relatório da prática/proposta Relatório da prática/proposta 1.Nome da pratica/ proposta inovadora: Projeto de Digitalização de Imagens Radiológicas na Rede Pública de Saúde de Naviraí 2.Caracterização da situação anterior: O município

Leia mais

de Po cia olíc para EVEREIRO/2 de Segurança Púb blica Pág. 3 o mbeiros do Tocan Visita ao Qu uartel do Comand Palestra no BOP PE Batalhão de O

de Po cia olíc para EVEREIRO/2 de Segurança Púb blica Pág. 3 o mbeiros do Tocan Visita ao Qu uartel do Comand Palestra no BOP PE Batalhão de O III Jo ornad da de de Po olíc cia a Com C mp para ad da FE EVEREIRO/2 2010 OficiaisAlunosdoCAESnopaalanquedurantea dapmba Pág.2 solenidadedeaniversáriod VisitaaaoQuarteldoComandoGeraldaPolícia MilitardoEspírittoSanto

Leia mais

MUNICÍPIO DE FLORIANÓPOLIS CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

MUNICÍPIO DE FLORIANÓPOLIS CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO MUNICÍPIO DE FLORIANÓPOLIS CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 02/2010 Estabelece Normas Operacionais Complementares em conformidade com o Parecer CNE/CEB nº 06/2010, Resoluções CNE/CEB nº 02/2010

Leia mais

SEGURANÇA MUNICIPAL EM GUARULHOS DIAGNÓSTICO E PROJETOS

SEGURANÇA MUNICIPAL EM GUARULHOS DIAGNÓSTICO E PROJETOS SEGURANÇA MUNICIPAL EM GUARULHOS DIAGNÓSTICO E PROJETOS INTRODUÇÃO PROPOSTA ELABORAÇÃO DE UM DIAGNÓSTICO REALISTA. MATERIAL ESTATÍSTICAS, MAPEAMENTO DO CRIME MAPEAMENTO DA CONDIÇÃO SOCIAL ENTREVISTAS COM

Leia mais

POLÍCIA FEDERAL. Apresentação Institucional DIVISÃO DE CONTROLE DE PRODUTOS QUÍMICOS

POLÍCIA FEDERAL. Apresentação Institucional DIVISÃO DE CONTROLE DE PRODUTOS QUÍMICOS POLÍCIA FEDERAL Apresentação Institucional DIVISÃO DE CONTROLE DE PRODUTOS QUÍMICOS AGENDA NOSSA ESTRUTURA O QUE FAZEMOS NOSSA MISSÃO NOSSA GESTÃO NOSSAS REALIZAÇÕES NOSSO FUTURO NOSSA ESTRUTURA ESTRUTURA

Leia mais

Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso de Operadora: Migrando de um Sistema Analógico para o TETRA

Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso de Operadora: Migrando de um Sistema Analógico para o TETRA TETRA ASSOCIATION Paulo Daher Filho, LIG-MÓBILE Estudo de Caso de Operadora: Migrando de um Sistema Analógico para o TETRA Objetivo Compartilhar a experiência da LIG-MÓBILE, operadora brasileira de serviços

Leia mais

Plano Nacional de. Emergências Ambientais com Produtos Químicos Perigosos. Curso LíderesL

Plano Nacional de. Emergências Ambientais com Produtos Químicos Perigosos. Curso LíderesL Plano Nacional de Prevenção, Preparação e Resposta Rápida R a Emergências Ambientais com Produtos Químicos Perigosos Curso LíderesL Brasília, 20 de agosto de 2008 1 Como surgiu o P2R2 Histórico de ocorrência

Leia mais

DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AGENTE DE APOIO ADMINISTRATIVO ANALISTA DE TRANSPORTES

DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AGENTE DE APOIO ADMINISTRATIVO ANALISTA DE TRANSPORTES DESCRITIVO DO RECRUTAMENTO PARA AGENTE DE APOIO ADMINISTRATIVO ANALISTA DE TRANSPORTES O presente documento é uma divulgação oficial das condições estabelecidas pelo SESC para este recrutamento. É de fundamental

Leia mais

O Sistema Way foi além, idealizou uma forma não só de garantir a qualidade do produto final, como deotimizar a logística de transporte e entrega.

O Sistema Way foi além, idealizou uma forma não só de garantir a qualidade do produto final, como deotimizar a logística de transporte e entrega. A Way Data Solution se especializou em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) para criar um sistema inovador de logística e monitoramento de temperatura/ umidade, através do qual empresas poderão

Leia mais

ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS CONCURSO PÚBLICO PARA SAMU CENTRO-SUL Edital nº 11/2010, de 22/07/2010 ANEXO II ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS CARGO: CONDUTOR-SOCORRISTA Atuar na Central Radioperador e controlador de frota e nas Unidades Móveis

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 4029 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO DE SELEÇÃO - EDITAL Nº

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 4029 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO DE SELEÇÃO - EDITAL Nº Impresso por: RAFAEL DE SOUZA RODRIGUES DOS SANTOS Data da impressão: 10/08/2015-14:35:09 SIGOEI - Sistema de Informações Gerenciais da OEI TERMO DE REFERÊNCIA Nº 4029 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA

Leia mais

IMAGINE UM MUNDO ONDE A TECNOLOGIA SEJA TOTALMENTE INTUITIVA PRÓXIMA GERAÇÃO EM SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PÚBLICA DA MOTOROLA

IMAGINE UM MUNDO ONDE A TECNOLOGIA SEJA TOTALMENTE INTUITIVA PRÓXIMA GERAÇÃO EM SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PÚBLICA DA MOTOROLA IMAGINE UM MUNDO ONDE A TECNOLOGIA SEJA TOTALMENTE INTUITIVA PRÓXIMA GERAÇÃO EM SOLUÇÕES DE SEGURANÇA PÚBLICA DA MOTOROLA ESCALADA DO INCIDENTE OU RETORNO À TRANQUILIDADE? ENVIAR MAIS UNIDADES OU REALIZAR

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Saúde Complexo Regulador Estadual Central de Regulação das Urgências/SAMU. Nota Técnica nº 10

Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Saúde Complexo Regulador Estadual Central de Regulação das Urgências/SAMU. Nota Técnica nº 10 Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Saúde Complexo Regulador Estadual Central de Regulação das Urgências/SAMU Nota Técnica nº 10 LIBERAÇÃO E SOLICITAÇÃO DE AMBULÂNCIA DO SERVIÇO DE ATENDIMENTO MÓVEL

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

MANUAL RASTREAMENTO 2013

MANUAL RASTREAMENTO 2013 MANUAL RASTREAMENTO 2013 Visão Geral O menu geral é o principal módulo do sistema. Através do visão geral é possível acessar as seguintes rotinas do sistema: Sumário, localização, trajetos, últimos registros.

Leia mais

Solução de Segurança patrimonial com a tecnologia RFID(*)

Solução de Segurança patrimonial com a tecnologia RFID(*) Solução de Segurança patrimonial com a tecnologia RFID(*) (*) - RFID Identificação por Rádio Freqüência Usa antenas que lêem e gravam informações em chips, para monitoramento de ativos pessoas ou objetos

Leia mais

Diagnóstico da gestão das redes semafóricas

Diagnóstico da gestão das redes semafóricas Apóio: Diagnóstico da gestão das redes semafóricas Ausência de uma visão estratégica da importância das redes Semafóricas e os impactos (positivos ou negativos) nas vidas das pessoas e das empresas; Serviços

Leia mais

Monitor de Rastreamento de Frota para Segurança de Transporte Planejamento de Projetos Iterativos Aplicando o RUP Projeto Blue Moon

Monitor de Rastreamento de Frota para Segurança de Transporte Planejamento de Projetos Iterativos Aplicando o RUP Projeto Blue Moon Monitor de Rastreamento de Frota para Segurança de Transporte Planejamento de Projetos Iterativos Aplicando o RUP Projeto Blue Moon Exercício Estudar a descrição do sistema, examinar os planos de projetos

Leia mais