DECLARAÇÃO DE ACEITAÇÃO DO ESTAGIÁRIO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DECLARAÇÃO DE ACEITAÇÃO DO ESTAGIÁRIO"

Transcrição

1 Associação de Ensino e Cultura Pio Décimo Faculdade Pio Décimo Licenciatura em Química Disciplina: Estágio Supervisionado III Professores: MSc. Carlos Alberto Vieira Mendonça MSc. Vera Lúcia Luz Marques Modesto MSc. Lenalda Dias dos Santos DECLARAÇÃO DE ACEITAÇÃO DO ESTAGIÁRIO Declaro, para fins de comprovação junto à Coordenação de Estágio do Curso de Licenciatura em Química da Associação de Ensino Cultura Pio Décimo - Faculdade Pio Décimo, que o (a) aluno(a) do 6º semestre letivo desta Instituição, foi aceito como estagiário (a), conforme o plano de trabalho apresentado. Aracaju, de de. Assinatura do responsável e carimbo da Instituição Instituição concedente do Estágio: Endereço: Tel.: Nome do responsável pelo Estágio na Instituição (professor da disciplina):

2 Associação de Ensino e Cultura Pio Décimo Faculdade Pio Décimo Licenciatura em Química Disciplina: Estágio Supervisionado III Professores: MSc. Carlos Alberto Vieira Mendonça MSc. Vera Lúcia Luz Marques Modesto MSc. Lenalda Dias dos Santos PLANO DE TRABALHO Estagiário: Instituição do Estágio: Professor(a) da disciplina: Série: Turma: Período de Estágio: a Horário: ATIVIDADE DATA ASSUNTO A SER MINISTRADO N o DE HORAS Observação ---- Regência TOTAL Ass. do Estagiário Ass. do Professor da Disciplina

3 Associação de Ensino e Cultura Pio Décimo Faculdade Pio Décimo Licenciatura em Química Disciplina: Estágio Supervisionado III Professores: MSc. Carlos Alberto Vieira Mendonça MSc Vera Lúcia Luz Marques Modesto MSc. Lenalda Dias dos Santos FICHA DE REGISTRO DE FREQÜÊNCIA EM ESTÁGIO SUPERVISIONADO Estagiário: Instituição do Estágio: Série: Turma: Horário: Período de Estágio: a. Horas Cumpridas: horas DATA ASSUNTOS ABORDADOS NA AULA MINISTRADA N o DE HORAS ASSINATURA DO PROFESSOR DA DISCIPLINA Ass. do Estagiário Ass. do Professor da Disciplina Supervisor de Estágio

4 Associação de Ensino e Cultura Pio Décimo Faculdade Pio Décimo Licenciatura em Química Disciplina: Estágio Supervisionado III Professores: MSc. Carlos Alberto Vieira Mendonça MSc. Vera Lúcia Luz Marques Modesto MSc. MSc. Lenalda Dias dos Santos FICHA DE OBSERVAÇÃO E AVALIAÇÃO DE AULA 1) Estagiário: 2) Escola-campo: 3) Professor (a) da disciplina: 4) Data: 5) Horário da disciplina: 6) Horário Início: 7) Horário Término: ASSUNTO DA AULA: ASPECTOS A CONSIDERAR SIM Nível observado Demonstra domínio do assunto da aula Seleciona técnicas de acordo com os objetivos e o conteúdo do programa Maneja com habilidade as técnicas de ensino Proporciona a participação ativa dos alunos, estimulando o desenvolvimento do pensamento e atitudes Comunica-se com precisão e clareza Demonstra naturalidade e confiança Esclarece o aluno no momento em que ele apresenta dúvida Utiliza recursos didáticos adequadamente Desenvolve o assunto de maneira equilibrada e no tempo previsto Excelente (1,0) Ótimo (0,8) Bom (0,6) Regular (0,4) Péssimo (0,2) NÃO (0,0)

5 Avalia o rendimento da aprendizagem de acordo com os objetivos propostos. AVALIAÇÃO DA AULA (nota de 0 a 10):

6 CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA Minuta para Elaboração do Relatório do Estágio Supervisionado II e III 1. SUMÁRIO 2. FICHA DE CADASTRO 3. INTRODUÇÃO 4. FASE DE OBSERVAÇÃO a. DADOS RELEVANTES DO TESTE DE SONDAGEM b. REGISTRO DE COMPARECIMENTO c. SINTESE DA FASE DE OBSERVAÇÃO 5. FASE DE REGÊNCIA a. PLANEJAMENTO DE ESTÁGIO b. PLANO DE CURSO c. REGISTRO DE COMPARECIMENTO d. PLANOS DE AULAS e. SINTESE DA FASE DE REGÊNCIA 6. GRÁFICO DE APROVEITAMENTO 7. CONCLUSÃO 8. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 9. ANEXOS a. AVALIAÇÕES E RECURSOS DIDÁTICOS b. QUADRO DE NOTAS c. FICHA DE OBSERVAÇÃO DE ATIVIDADES d. FOTOS e. FICHA DE AUTO AVALIAÇÃO DO ESTAGIO SUPERVISIONADO II O modelo completo estará disponível no site: no item Graduação > Lic. em Química.

7 FICHA DE CADASTRO 01 NOME: 02 ENDEREÇO: 03 TELEFONE: 04 INSTITUIÇÃO ONDE REALIZARÁ O ESTÁGIO: 05 ENDEREÇO DA INSTITUIÇÃO: 06 NOME DO DIRETOR: 07 TURMA DE REGÊNCIA: 08 PROFESSOR REGENTE: 09 INÍCIO DA OBSERVAÇÃO: 10 INÍCIO DA REGÊNCIA: 11 TÉRMINO DO ESTÁGIO: ATIVIDADE A SEREM REALIZADAS NO ESTÁGIO OBSERVAÇÃO REGÊNCIA TOTAL DE HORAS HORAS PREVISTAS HORAS REALIZADAS

8 PLANEJAMENTO DE ESTÁGIO 1- Dados de Identificação: Instituição: Professor(a) Regente: Estagiário: Disciplina: Fase de Regência: Turma: 2- Distribuição do Tempo: Nº de horas/aulas semanais: Nº de horas/aulas totais da disciplina: 2.1 Horário HORAS SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA 3- DADOS SOBRE A POPULAÇÃO-ALVO: Nº de Alunos: Sexo: Masculino: Feminino: PLANO DE CURSO 1. Objetivos gerais: 2. Objetivos específicos: 3. Conteúdo Programático 4. Procedimentos 5. Avaliação:

CARTA DE APRESENTAÇÃO

CARTA DE APRESENTAÇÃO CARTA DE APRESENTAÇÃO Para cumprir as exigências legais e pedagógicas, dispostas na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB 9394/96) e na Resolução do Conselho Nacional de Educação nº 02/02,

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO Turma. Da: Universidade Estadual de Goiás Câmpus Jussara Para:

CURSO DE LICENCIATURA EM ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO Turma. Da: Universidade Estadual de Goiás Câmpus Jussara Para: CURSO DE LICENCIATURA EM ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO Turma Da: Universidade Estadual de Goiás Câmpus Jussara Para: CARTA DE APRESENTAÇÃO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I O acadêmico (a),,

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE FILOSOFIA DA USJT CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE FILOSOFIA DA USJT CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE FILOSOFIA DA USJT CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Este Regulamento estabelece as normas para o cumprimento da carga horária mínima em Estágio

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ORIENTAÇÕES SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO I,II E III

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ORIENTAÇÕES SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO I,II E III ORIENTAÇÕES SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO I,II E III DIAMANTINA 2010 ORIENTAÇÕES SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II e III O Estágio Supervisionado do Curso de Licenciatura da Educação Física da Universidade

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURRICULAR OBRIGATÓRIO DO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA TITULO I DO ESTÁGIO E SEUS OBJETIVOS

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURRICULAR OBRIGATÓRIO DO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA TITULO I DO ESTÁGIO E SEUS OBJETIVOS REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURRICULAR OBRIGATÓRIO DO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA TITULO I DO ESTÁGIO E SEUS OBJETIVOS CAPÍTULO I - DA DENOMINAÇÃO E ABRANGÊNCIA ART. 1º - Denomina-se

Leia mais

CRONOGRAMA ESTÁGIO SUPERVISIONADO II Universidade Estadual Vale do Acaraú Curso de Licenciatura em Matemática

CRONOGRAMA ESTÁGIO SUPERVISIONADO II Universidade Estadual Vale do Acaraú Curso de Licenciatura em Matemática CRONOGRAMA ESTÁGIO SUPERVISIONADO II 2016.1 Universidade Estadual Vale do Acaraú ENCONTROS PREVISTOS: 17 Abril: 04, 11, 18, 25 Maio: 02, 09, Outubro: 31 Novembro: 07, 21, 28 Dezembro: 05, 12, 19 Janeiro:

Leia mais

PROCEDIMENTOS GERAIS PARA A REALIZAÇÃO DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DO CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS E INGLÊS DA UTFPR CAMPUS PATO BRANCO

PROCEDIMENTOS GERAIS PARA A REALIZAÇÃO DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DO CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS E INGLÊS DA UTFPR CAMPUS PATO BRANCO PROCEDIMENTOS GERAIS PARA A REALIZAÇÃO DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DO CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS E INGLÊS DA UTFPR CAMPUS PATO BRANCO Aqui apresentar-se-ão os procedimentos gerais para

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO I

CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO I CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS CADERNO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO I Aluno (a): R.A.: Período Letivo: Ano/Sem.: Ribeirão Preto 2015 SUMARIO 1. APRESENTAÇÃO 3 2. O ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE MATEMÁTICA

ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE MATEMÁTICA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS DCE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE MATEMÁTICA Sugestões para Relatório UNUVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB DEPARTAMENTO

Leia mais

ACEITE DE REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO. Eu ocupando por função/ cargo, na () Instituição / (X) Escola

ACEITE DE REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO. Eu ocupando por função/ cargo, na () Instituição / (X) Escola Av. Leonardo Villas Boas, 351 Botucatu SP CEP 18.608-901 Fone/fax (0xx14) 3815-2500 ACEITE DE REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO Eu ocupando por função/ cargo, na () Instituição / (X) Escola aceito a realização de

Leia mais

CAMPUS DE PONTA PORÃ CAMPUS DE PONTA PORÃ

CAMPUS DE PONTA PORÃ CAMPUS DE PONTA PORÃ CAMPUS DE PONTA PORÃ PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO 1 - UNIDADE CONCEDENTE DO ESTÁGIO Nome: Nome do CEINF/Escola CNPJ: Ramo de atividade: Educacional Tel: (67) E-mail: Endereço: Município:

Leia mais

Normas para assinatura de contrato de estágio

Normas para assinatura de contrato de estágio Normas para assinatura de contrato de estágio O contrato deverá obrigatoriamente estar acompanhado da declaração de matrícula e histórico. Somente alunos matriculados na carga horária máxima do curso no

Leia mais

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I. Educação Física LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 428 de 28 de julho de 2014

ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I. Educação Física LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 428 de 28 de julho de 2014 ROTEIRO DE ORGANIZAÇÃO DO CADERNO DE ESTÁGIO I Educação Física LICENCIATURA Portaria de Reconhecimento nº. 428 de 28 de julho de 2014 E N V E L O P E Folha de identificação*; Capa; Folha carga horária

Leia mais

Machado, n 189 Centro Ponta Grossa - PR CEP Fone (0**42)

Machado, n 189 Centro Ponta Grossa - PR CEP Fone (0**42) Rua Pinheiro TERMO DE COMPROMISSOO DE ESTAGIÁRIO/ BACHARELADO EM SECRETARIADO EXECUTIVO O ESTAGIÁRIO...... Data de Nascimento.../....../... RA n...... Endereço...... Bairro...... CEP...Cidade... Estado...

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS CCT DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA DMAT

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS CCT DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA DMAT UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS CCT DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA DMAT DEPARTAMENTO: Matemática PROFESSORA: Regina Helena Munhoz DISCIPLINA: Estágio Curricular Supervisionado

Leia mais

DECLARAÇÃO DE ORIENTAÇÃO DE ESTÁGIO

DECLARAÇÃO DE ORIENTAÇÃO DE ESTÁGIO DECLARAÇÃO DE ORIENTAÇÃO DE ESTÁGIO Eu, professor(a), declaro ser orientador de estágio do aluno, do curso técnico em Agropecuária Modular. Por ser verdade, firmo a presente declaração. Professor(a) Orientador(a)

Leia mais

FESURV UNIVERSIDADE DE RIO VERDE FACULDADE DE LETRAS MANUAL DE ESTÁGIO

FESURV UNIVERSIDADE DE RIO VERDE FACULDADE DE LETRAS MANUAL DE ESTÁGIO FESURV UNIVERSIDADE DE RIO VERDE FACULDADE DE LETRAS MANUAL DE ESTÁGIO 1. APRESENTAÇÃO Este manual traz as orientações necessárias ao cumprimento das atividades de Estágio Curricular Supervisionado de

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO III

ESTÁGIO SUPERVISIONADO III ESTÁGIO SUPERVISIONADO III ORIENTAÇÕES DE ELABORAÇÃO DE RELATÓRIO PARCIAL E FINAL Prof. MSc Samuel Guerra Torres Prof. Patric Barreto CRONOGRAMA Aula Data Conteúdo Horas 1 06/ago Planejamento 0 2 13/ago

Leia mais

Anexo V ESTÁGIO SUPERVISIONADO I (7ª Período)

Anexo V ESTÁGIO SUPERVISIONADO I (7ª Período) Anexo V ESTÁGIO SUPERVISIONADO I (7ª Período) Documentos para Aproveitamento de Horas de Trabalho como Estágio Curricular Obs.: O documento final deve ser entregue na secretaria, com encadernação simples,

Leia mais

Número da Apólice:

Número da Apólice: INSTRUÇÕES GERAIS PARA O ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO O Estágio Supervisionado Obrigatório tem por objetivo: oportunizar ao aluno a realização de atividades práticas em situações reais de trabalho,

Leia mais

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul 13/4/ :50:57 PROGRAD - Pró-Reitoria de Graduação DICE - Divisão de Controle Escolar.

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul 13/4/ :50:57 PROGRAD - Pró-Reitoria de Graduação DICE - Divisão de Controle Escolar. INFI - INSTITUTO DE FÍSICA [2401] FÍSICA - LICENCIATURA Período Letivo: 2017/1 Disciplina: [2401.000196-1] ESTÁGIO OBRIGATÓRIO I C.H.: 136 horas Professor(es): PAULO RICARDO DA SILVA ROSA (T01) 1. Ementa:

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE QUÍMICA MODALIDADE LICENCIATURA EM QUÍMICA CAPÍTULO I DA NATUREZA E DAS FINALIDADES

REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE QUÍMICA MODALIDADE LICENCIATURA EM QUÍMICA CAPÍTULO I DA NATUREZA E DAS FINALIDADES 1 Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Diretoria de Graduação e Educação Profissional Departamento Acadêmico de Química e Biologia PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Leia mais

ENCAMINHAMENTO DE ACADÊMICOS ÀS ESCOLAS CAMPOS DE ESTÁGIO

ENCAMINHAMENTO DE ACADÊMICOS ÀS ESCOLAS CAMPOS DE ESTÁGIO ENCAMINHAMENTO DE ACADÊMICOS ÀS ESCOLAS CAMPOS DE ESTÁGIO União da Vitória, de de À Direção e/ou Equipe Pedagógica do Colégio/Escola: Pelo presente encaminhamos o(a) acadêmico(a) da 4ª série do Curso de

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CURRAIS NOVOS

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CURRAIS NOVOS INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CURRAIS NOVOS EDITAL Nº 11/2014 - DG/CN/IFRN PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DO CURSO SUPERIOR

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTO

CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTO CAPÍTULO I - DA DEFINIÇÃO DO ESTÁGIO Artigo 01 - O Estágio Supervisionado constitui disciplina obrigatória do Currículo dos Cursos de Licenciatura.

Leia mais

Etec de São José do Rio Pardo PLANO DE ESTÁGIO. (documento a ser preenchido de forma conjunta pela concedente de estágio e pela escola)

Etec de São José do Rio Pardo PLANO DE ESTÁGIO. (documento a ser preenchido de forma conjunta pela concedente de estágio e pela escola) PLANO DE ESTÁGIO (documento a ser preenchido de forma conjunta pela concedente de estágio e pela escola) Nome do aluno: Habilitação: Módulo: Ano: ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO Av. Brasil,

Leia mais

ESTÁGIO DE PORTUGUÊS II. Aula

ESTÁGIO DE PORTUGUÊS II. Aula ESTÁGIO DE PORTUGUÊS II Aula 5 Estágio Supervisionado em Ensino de Letras Geral OBJETIVOS - Exercitar a prática docente do ensino de língua portuguesa em escolas do ensino fundamental e médio. Específicos

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUIMICA SECÃO I

INSTRUÇÃO NORMATIVA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUIMICA SECÃO I INSTRUÇÃO NORMATIVA DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUIMICA SECÃO I DA DEFINIÇÃO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Art. 1º - A Coordenação do Curso de Licenciatura em Química da UTFPR Campus

Leia mais

FACULDADE DINÂMICA DO VALE DO PIRANGA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

FACULDADE DINÂMICA DO VALE DO PIRANGA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS FACULDADE DINÂMICA DO VALE DO PIRANGA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS NORMAS GERAIS PARA AS DISCIPLINAS CCO-304 E CCO-306 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I E ESTÁGIO SUPERVISIONADO II EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS CAPÍTULO

Leia mais

PEDAGOGIA MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO. 2º Semestre de 2012

PEDAGOGIA MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO. 2º Semestre de 2012 PEDAGOGIA MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 2º Semestre de 2012 COORDENAÇÃO GERAL Diretor Geral Prof. Adalberto Miranda Distassi Coordenadoria Geral de Estágios Prof. Ricardo Constante Martins Coordenador

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DOS CURSOS SUPERIORES DE LICENCIATURA

REGULAMENTO DE ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DOS CURSOS SUPERIORES DE LICENCIATURA REGULAMENTO DE ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DOS CURSOS SUPERIORES DE LICENCIATURA Normatiza a realização dos estágios supervisionados previstos nas Matrizes Curriculares dos Cursos Superiores de Licenciatura

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO FACULDADE DOM ALBERTO CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO SANTA CRUZ DO SUL, JUNHO DE 2010. 1. REGULAMENTO PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO Das atividades de estágio Art. 1. O estágio supervisionado

Leia mais

Regulamentação do Estágio Supervisionado Curso de Licenciatura em História UFRRJ/Seropédica

Regulamentação do Estágio Supervisionado Curso de Licenciatura em História UFRRJ/Seropédica MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO Regulamentação do Estágio Supervisionado Curso de Licenciatura em História UFRRJ/Seropédica CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO Art. 1º. O Estágio

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DE ESTAGIO CURSO DE GRADUAÇÃO EM HISTORIA LICENCIATURA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO

REGIMENTO INTERNO DE ESTAGIO CURSO DE GRADUAÇÃO EM HISTORIA LICENCIATURA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO REGIMENTO INTERNO DE ESTAGIO CURSO DE GRADUAÇÃO EM HISTORIA LICENCIATURA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Dispõe sobre o cumprimento da carga horária de Estágio Supervisionado

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTÁGIO REMUNERADO NÃO OBRIGATÓRIO EDITAL Nº 07/2013

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTÁGIO REMUNERADO NÃO OBRIGATÓRIO EDITAL Nº 07/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTÁGIO REMUNERADO NÃO OBRIGATÓRIO EDITAL Nº 07/2013 O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SERTÃO PERNAMBUCANO CAMPUS PETROLINA ZONA

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO MANTIDA PELA INSTITUIÇÃO PAULISTA DE ENSINO E CULTURA - IPEC REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO: LICENCIATURA EM PEDAGOGIA TUPÃ SP 2016 LEGISLAÇÃO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO ESTÁGIO

Leia mais

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO Atualizado em janeiro de 2015 UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO Organização Vera Lucia Lima do Espírito Santo Colaboração Coordenadores de Cursos de Graduação 1 Sumário Lista de Anexos... 3 Apresentação... Fundamentação

Leia mais

ENG09046 Terça-feira, das 16h30 às 18h10 Agosto de 2012

ENG09046 Terça-feira, das 16h30 às 18h10 Agosto de 2012 ENG09046 Terça-feira, das 16h30 às 18h10 Agosto de 2012 Objetivo geral da disciplina Preparar o aluno à prática profissional. A disciplina deve ser cursada paralelamente ao estágio supervisionado. Plano

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE MEDICINA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA. Estágio Eletivo

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE MEDICINA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA. Estágio Eletivo Estágio Eletivo UBERLÂNDIA-MG 2015 ESTÁGIO ELETIVO O Estágio Supervisionado Eletivo poderá direcionar o aprendizado para atualização e aprimoramento individual em especialidades médicas ou área específica

Leia mais

CARTA DE APRESENTAÇÃO

CARTA DE APRESENTAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA CARTA DE APRESENTAÇÃO DA: Coordenadora do Curso de Bacharelado em Educação Física da UFRN A(O): Sr(a). Diretor da Assunto: APRESENTAÇÃO DE ESTAGIÁRIO(A) Sr(a); Temos a satisfação

Leia mais

CARTA DE APRESENTAÇÃO

CARTA DE APRESENTAÇÃO Doc. 1 CARTA DE APRESENTAÇÃO Rio de Janeiro, de de. Do Professor de Estágio para Docência da UCB Ao(À) Sr(a). Diretor(a) do(a) Assunto: Apresentação de Estagiário Senhor(a) Diretor(a): Apresentamos a V.Sa.

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente instrumento dispõe sobre as normas e procedimentos a serem observados

Leia mais

ANEXO I REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO TÍTULO I DAS FINALIDADES

ANEXO I REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO TÍTULO I DAS FINALIDADES ANEXO I REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO Regulamenta o Estágio Curricular Supervisionado do Curso de Licenciatura em Pedagogia da Universidade de Sorocaba UNISO. TÍTULO I DAS FINALIDADES Art.1º. O

Leia mais

EDITAL Nº 01/2017 COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO E APOIO AO EDUCANDO SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA O CURSO DE EXTENSÃO ENEM PARA TODOS

EDITAL Nº 01/2017 COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO E APOIO AO EDUCANDO SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA O CURSO DE EXTENSÃO ENEM PARA TODOS 1 EDITAL Nº 01/2017 COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO E APOIO AO EDUCANDO SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA O CURSO DE EXTENSÃO ENEM PARA TODOS PUBLICADO EM: 19/05/2017. 2 A Coordenação de Extensão e Apoio ao Educando do

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS DIRETRIZES PARA A REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ENGENHARIA DE ALIMENTOS PORTO ALEGRE 2009 2 ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ENGENHARIA DE ALIMENTOS O Estágio Curricular Supervisionado é um procedimento

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: / FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: / FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ILHA SOLTEIRA CNPJ: 03.117.139/0001-08 FACULDADE DE ILHA SOLTEIRA - FAISA ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA ENSINO FUNDAMENTAL Ilha Solteira SP

Leia mais

FICHA DE AVALIAÇÃO PARA DIREÇÕES DE CLASSES

FICHA DE AVALIAÇÃO PARA DIREÇÕES DE CLASSES 1 FICHA DE AVALIAÇÃO PARA DIREÇÕES DE CLASSES Estagiário (a): Série: Série / Estágio: Critérios Valor 1ª ativ 2ª ativ 3ª ativ 4ª ativ 5ª ativ Discriminação 1- PLANEJAMENTO - apresentação 0,5 - uso 0,5

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO DA OUVIDORIA GERAL DA UNIVASF.

PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO DA OUVIDORIA GERAL DA UNIVASF. PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO DA DA UNIVASF. EDITAL Nº 01, DE 30 DE MAIO DE 2016. A Ouvidoria Geral da Universidade Federal do Vale do São Francisco, tendo em vista o disposto na Lei nº 11.788/2008,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 075, DE 20 DE ABRIL DE 2016.

RESOLUÇÃO Nº. 075, DE 20 DE ABRIL DE 2016. RESOLUÇÃO Nº. 075, DE 20 DE ABRIL DE 2016. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o Parecer nº 44/2016

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense - Campus Sombrio

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense - Campus Sombrio PLANO DE ENSINO Curso Disciplina/Carga horária Professor Responsável Licenciatura em Matemática ESTG 03- Estágio Supervisionado III (60h.a) Nome: Marleide Coan Cardoso email:marleide@ifc-sombrio.edu.br

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO

ESTÁGIO SUPERVISIONADO UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 COORDENAÇÃO DO CURSO DE MÚSICA NORMAS COMPLEMENTARES ESTÁGIO SUPERVISIONADO O Colegiado do Curso de Licenciatura

Leia mais

SUMÁRIO Apresentação... 5 Fundamentação Legal... 7 Objetivos... 8 Planejamento... 9 Competência: Do Professor de Estágio Curricular em Educação da UNISUAM... 10 Do Aluno... 10 Da Central de Estágios...

Leia mais

EDITAL Nº 09/ PROEX

EDITAL Nº 09/ PROEX EDITAL Nº 09/2014 - PROEX 1. DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS DIVULGA O PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE FORMAÇÃO EM IDIOMA ESTRANGEIRO NA MODALIDADE DE CURSOS DE INGLÊS NÍVEL BÁSICO PARA OS CAMPI DA UNIVASF

Leia mais

Manual de Estágio Curricular Supervisionado em Educação

Manual de Estágio Curricular Supervisionado em Educação Manual de Estágio Curricular Supervisionado em Educação Chanceler Profª Ana Cristina Monteiro da Motta Cruz Reitor Prof. Arapuan Medeiros da Motta Netto Pró-Reitor de Graduação Prof. Eluísio Antônio Gonçalo

Leia mais

EDITAL N 01/2017, 13 DE FEVEREIRO DE PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS PARA ESTÁGIO EXTRACURRICULAR DE PSICOLOGIA.

EDITAL N 01/2017, 13 DE FEVEREIRO DE PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS PARA ESTÁGIO EXTRACURRICULAR DE PSICOLOGIA. EDITAL N 01/2017, 13 DE FEVEREIRO DE 2017. PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS PARA ESTÁGIO EXTRACURRICULAR DE PSICOLOGIA. O Colégio Vitorino faz saber que encontram abertas as inscrições do

Leia mais

ETEC Profª. Draª. Doroti Q. K. Toyohara - ETEC Pirituba ALUNO: HABILITAÇÃO: MÓDULO: PERÍODO:

ETEC Profª. Draª. Doroti Q. K. Toyohara - ETEC Pirituba ALUNO: HABILITAÇÃO: MÓDULO: PERÍODO: ESTÁGIO SUPERVISIONADO ETEC Profª. Draª. Doroti Q. K. Toyohara - ETEC Pirituba MUNICÍPIO: SÃO PAULO ALUNO: HABILITAÇÃO: MÓDULO: PERÍODO: Data: / / CARACTERIZAÇÃO DA INSTITUIÇÃO CONCEDENTE Razão Social:

Leia mais

1 - Modelo de Relatório Final de Estágio Supervisionado CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL GUAXUPÉ UNIFEG CURSO DIREITO

1 - Modelo de Relatório Final de Estágio Supervisionado CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL GUAXUPÉ UNIFEG CURSO DIREITO IN 01/2013 INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DE RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO MANUAL DE ORIENTAÇÃO DE RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1 - Modelo de Relatório Final de Estágio Supervisionado

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CANGUARETAMA EDITAL 08/2015 DG/CANG/IFRN

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CANGUARETAMA EDITAL 08/2015 DG/CANG/IFRN MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CANGUARETAMA EDITAL 08/2015 DG/CANG/IFRN COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO BR-101, Km 160, S/N, Areia Branca,

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES

EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES O da UNISINOS, em conformidade com a Resolução do CONSUN nº 019/95, torna público que, de 12/06/2017 a 07/07/2017 estarão abertas as inscrições para o processo seletivo de

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AQUICULTURA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AQUICULTURA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AQUICULTURA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Diretrizes para o Estágio em Docência do Programa de Pós-Graduação em Aquicultura e Desenvolvimento Sustentável O Colegiado do Programa

Leia mais

Conselho Regional de Técnicos em Radiologia Serviço Público Federal

Conselho Regional de Técnicos em Radiologia Serviço Público Federal ORIENTAÇÕES PARA REGISTRO DE ESTAGIÁRIO VIA CORREIO (Obs: Este kit de Registro de Estagiário serve para o quem vai enviar pelo correio) 1. Solicitar o boleto para recolhimento da taxa de expedição da habilitação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS CAMPUS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS CAMPUS PLANO DE ESTÁGIO Estagiário: Empresa: Supervisor do estágio: Cargo do Supervisor: Período previsto para realização do estágio: Início / /, Término / /. Atividades Previstas Data Técnicas e instrumentos

Leia mais

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Os estágios curriculares no curso de História-Licenciatura

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTO PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO

MANUAL DE PROCEDIMENTO PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO MANUAL DE PROCEDIMENTO PARA ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO O Estágio Supervisionado obrigatório é valido para os alunos que cumpriram com aprovação, no mínimo 50% da carga horária total de seu curso.

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Letras

MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Letras MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Letras Organização: Revisão : Atualização: Profª Dayse Medeiros Profª Neusa Lanna Profª Sueli Sandes Profª Sandra Silva Dias Prof Roberto Domingos

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO BRASILEIRO EDITAL n 02/2017 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PARA O HOSPITAL ESCOLA VETERINÁRIO UNIBRA -HEVU

CENTRO UNIVERSITÁRIO BRASILEIRO EDITAL n 02/2017 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PARA O HOSPITAL ESCOLA VETERINÁRIO UNIBRA -HEVU CENTRO UNIVERSITÁRIO BRASILEIRO EDITAL n 02/2017 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PARA O HOSPITAL ESCOLA VETERINÁRIO UNIBRA -HEVU A Reitoria do Centro Universitário Brasileiro UNIBRA torna pública as

Leia mais

ALUNO ESPECIAL. OBSERVAÇÃO 1: Preencher os 02 formulários de inscrição em disciplina (pois são necessárias DUAS VIAS)

ALUNO ESPECIAL. OBSERVAÇÃO 1: Preencher os 02 formulários de inscrição em disciplina (pois são necessárias DUAS VIAS) 1 - CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO: 1.1 O aluno poderá cursar até 02 (duas) disciplinas; 1.2 Cada turma regular poderá acolher, no máximo, 02 (dois) inscritos de aluno especial. (Resolução n o 01/2009 da Comissão

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO-SECAD

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO-SECAD PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO-SECAD EDITAL SECAD Nº 01, DE 11 DE MAIO DE 2016 A Secretaria de Administração da UNIVASF torna Público que estará oferecendo,

Leia mais

CURSO DE TECNOLOGIA EM AGRONEGÓCIO REGIMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CURSO DE TECNOLOGIA EM AGRONEGÓCIO REGIMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE TECNOLOGIA EM AGRONEGÓCIO REGIMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Patrocínio, junho de 2013 SUMÁRIO Título I - Disposições Preliminares... 02 Título II - Da Caracterização... 02 Capítulo I Dos

Leia mais

PLANO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL SUPERVISIONADO

PLANO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL SUPERVISIONADO PLANO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL SUPERVISIONADO Habilitação: Técnico em Química Área Profissional: Controle e Processos Industriais Carga horária total: 1.720 h/a - 5. Objetivos do Estágio: 1.433 horas mais

Leia mais

Planilha de Conceito

Planilha de Conceito II Planilha de Conceito Nome do Estagiário QUADRO DA PONTUAÇÃO OBTIDA Pontos do Grupo I (Multiplicado por 2) Matrícula (cartão) AVALIAÇÃO Conceito Pontos do Grupo II (Multiplicado por 2) de 00 a 179 D

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE ENFERMAGEM EDITAL 04/2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE ENFERMAGEM EDITAL 04/2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE ENFERMAGEM EDITAL 04/2016 MONITORIA, UMA PRÁTICA COOPERATIVA NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM OBSTÉTRICA E PEDIÁTRICA A Faculdade de

Leia mais

TERMO DE COMPROMISSO DE ESTÁGIO Instrumento jurídico elaborado nos termos da Lei /2008 DADOS DA INSTITUIÇÃO CONCEDENTE DADOS DO ESTAGIÁRIO

TERMO DE COMPROMISSO DE ESTÁGIO Instrumento jurídico elaborado nos termos da Lei /2008 DADOS DA INSTITUIÇÃO CONCEDENTE DADOS DO ESTAGIÁRIO TERMO DE COMPROMISSO DE ESTÁGIO Instrumento jurídico elaborado nos termos da Lei 11.788/2008 Razão Social: Endereço: Cidade/Estado: Fone: Representado por: Cargo: Nome: Matrícula: Endereço: DADOS DA INSTITUIÇÃO

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE BOLSA DE ESTÁGIO PARA A SECRETARIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - SEAD

PROCESSO SELETIVO DE BOLSA DE ESTÁGIO PARA A SECRETARIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - SEAD FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO SEAD SECRETÁRIA DE ENSINO A DISTANCIA Avenida José de Sá Maniçoba, S/N, Centro CEP 56.304-205 Petrolina - PE TELEFONES 87 2101.6819 sead@univasf.edu.br

Leia mais

EDITAL Nº 206/RIFB, DE 02 DE DEZEMBRO DE 2013.

EDITAL Nº 206/RIFB, DE 02 DE DEZEMBRO DE 2013. EDITAL Nº 206/RIFB, DE 02 DE DEZEMBRO DE 2013. SELEÇÃO 2014/1 PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INCIAL E CONTINUADA (FIC) 1. DA ABERTURA O REITOR PRO TEMPORE DO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA (IFB),

Leia mais

EDITAL Nº 007/2016 SELEÇÃO DE MONITORES

EDITAL Nº 007/2016 SELEÇÃO DE MONITORES EDITAL Nº 007/2016 SELEÇÃO DE MONITORES Edital de Seleção para o Programa de Monitoria Acadêmica dos Cursos de Administração, Engenharia Agrícola e Ambiental, Engenharia de Produção, Educação Física, Enfermagem,

Leia mais

EDITAL IFTM/DGP Nº 030/2013 ESTÁGIO PARA ESTUDANTE UNIVERSITÁRIO - IFTM EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIOS

EDITAL IFTM/DGP Nº 030/2013 ESTÁGIO PARA ESTUDANTE UNIVERSITÁRIO - IFTM EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO. EDITAL IFTM/DGP Nº 030/2013 ESTÁGIO PARA ESTUDANTE UNIVERSITÁRIO

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense - Campus Sombrio

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense - Campus Sombrio PLANO DE ENSINO Curso Disciplina/Carga horária Professor Responsável Licenciatura em Matemática ESTG 04- Estágio Supervisionado IV (150h.a) Nome: Marleide Coan Cardoso email:marleide@ifc-sombrio.edu.br

Leia mais

EDITAL Nº 02/2016 Seleção de estagiário da Diretoria Administrativa e Educação Física (COM INCORPORAÇÃO DE RETIFICAÇÃO)

EDITAL Nº 02/2016 Seleção de estagiário da Diretoria Administrativa e Educação Física (COM INCORPORAÇÃO DE RETIFICAÇÃO) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS CANGUARETAMA BR-101, Km 160, S/N, Areia Branca, Canguaretama - RN, CEP: 59190-000. Fone: (84) 4005-4114

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA PRATICA DE DOCÊNCIA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO (PPGEd) DA UNOESC CAPÍTULO I

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA PRATICA DE DOCÊNCIA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO (PPGEd) DA UNOESC CAPÍTULO I MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA PRATICA DE DOCÊNCIA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO (PPGEd) DA UNOESC CAPÍTULO I DA FINALIDADE E DO OBJETIVO DA PRÁTICA DE DOCÊNCIA Art. 1º A Prática de Docência constitui

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO NOME ACADÊMICO (A) RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DO CURSO TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES

RELATÓRIO DE ESTÁGIO NOME ACADÊMICO (A) RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DO CURSO TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES RELATÓRIO DE ESTÁGIO NOME ACADÊMICO (A) RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DO CURSO TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES Crixás/GO Maio, 2015 NOME ACADÊMICO(A) RELATORIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

Leia mais

Planilha de Conceito

Planilha de Conceito Planilha de Conceito Nome do Estagiário QUADRO DA PONTUAÇÃO OBTIDA Matrícula (cartão UFRGS) TABELA DE CONCEITOS Pontos do Grupo I (Multiplicado por 2) Pontos do Grupo II (Multiplicado por 2) de 51 a 179

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BACABAL FEBAC Credenciamento MEC/Portaria: 472/07 Resolução 80/07

FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BACABAL FEBAC Credenciamento MEC/Portaria: 472/07 Resolução 80/07 BACABAL-MA 2012 ESTÁGIO PROFISSIONAL CURRICULAR SUPERVISIONADO - EPCS INSTRUÇÕES REGULADORAS 1. FINALIDADE As presentes instruções destinam-se a orientar o corpo docente e discente, bem como os setores

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS SANTA CRUZ EDITAL Nº 14/2017/DG-SC

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS SANTA CRUZ EDITAL Nº 14/2017/DG-SC MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS SANTA CRUZ EDITAL Nº 14/2017/DG-SC PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIO DO

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE CIÊNCIAS LICENCIATURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE CIÊNCIAS LICENCIATURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE CIÊNCIAS LICENCIATURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO Capítulo I Definição Art. 1º O estágio como componente curricular obrigatório no

Leia mais

CENTRO TECNOLÓGICO DE JOINVILLE REGULAMENTO DE ESTÁGIOS DO CURSO DE ENGENHARIA NAVAL

CENTRO TECNOLÓGICO DE JOINVILLE REGULAMENTO DE ESTÁGIOS DO CURSO DE ENGENHARIA NAVAL CENTRO TECNOLÓGICO DE JOINVILLE REGULAMENTO DE ESTÁGIOS DO CURSO DE ENGENHARIA NAVAL Joinville, 13 de julho de 2017. CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente Regulamento de Estágios visa disciplinar

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Informática - Letras

MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Informática - Letras MANUAL DE ESTÁGIO Licenciaturas em: - Geografia - História - Informática - Letras Rio de Janeiro Julho/2013 1. Apresentação O presente Manual foi reorganizado pelos membros do Colegiado dos Cursos de Licenciatura

Leia mais

Relatório Final de Estágio Obrigatório

Relatório Final de Estágio Obrigatório UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ CAMPUS DE APUCARANA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS QUÍMICOS Relatório Final de Estágio Obrigatório Relatório Final de Estágio apresentado à UTFPR como

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA OS CURSOS DE FORMAÇÃO CONTINUADA EM INGLÊS E ESPANHOL BÁSICO (MÓDULO BÁSICO I)

SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA OS CURSOS DE FORMAÇÃO CONTINUADA EM INGLÊS E ESPANHOL BÁSICO (MÓDULO BÁSICO I) EDITAL Nº 25 DE 19 DE JULHO DE 2017 SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA OS CURSOS DE FORMAÇÃO CONTINUADA EM INGLÊS E ESPANHOL BÁSICO (MÓDULO BÁSICO I) 1. DO OBJETO 1.1 O presente edital visa à seleção de estudantes

Leia mais

FACULDADE DO MACIÇO DE BATURITÉ CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I (EDUCAÇÃO INFANTIL)

FACULDADE DO MACIÇO DE BATURITÉ CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I (EDUCAÇÃO INFANTIL) FACULDADE DO MACIÇO DE BATURITÉ CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I (EDUCAÇÃO INFANTIL) BATURITÉ CE 2017 2 Prezado estudante, O Estágio Supervisionado é etapa imprescindível para a conclusão

Leia mais

UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS

UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS 1 UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CURSOS DE LICENCIATURA REGULAMENTO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO 2017_1 2 DA NATUREZA E DAS FINALIDADES O Estágio Curricular Supervisionado

Leia mais

I N E D I Instituto Nacional de Ensino a Distância FICHA DE ESTÁGIO

I N E D I Instituto Nacional de Ensino a Distância FICHA DE ESTÁGIO ATENÇÃO: Não esqueça de averiguar a regularidade do responsável pelo estágio no CRECI, só assim poderemos receber esse documento. FICHA DE ESTÁGIO ORIENTAÇÕES PARA O PREENCHIMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

Leia mais

FAINAM FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA SET Setor de Estágios. ESTÁGIO SUPERVISIONADO Orientações iniciais

FAINAM FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA SET Setor de Estágios. ESTÁGIO SUPERVISIONADO Orientações iniciais FAINAM FACULDADE INTERAÇÃO AMERICANA SET ESTÁGIO SUPERVISIONADO Orientações iniciais Curso: ADMINISTRAÇÃO 2º semestre de 2017 Envolvimento no processo: O aluno: estando apto à realização do Estágio Supervisionado

Leia mais

DIRETRIZES PARA A DISCIPLINA ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM DOCÊNCIA

DIRETRIZES PARA A DISCIPLINA ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM DOCÊNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MEC UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ UNIFAP PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAD COORDENADORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO COEG COLEGIADO DO CURSO DE GEOGRAFIA DIRETRIZES PARA A DISCIPLINA

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA COM ÊNFASE EM INFORMÁTICA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA COM ÊNFASE EM INFORMÁTICA ANEXO E - REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA COM ÊNFASE EM INFORMÁTICA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA COM ÊNFASE EM INFORMÁTICA

Leia mais

Manual de Estágio Supervisionado

Manual de Estágio Supervisionado Manual de Estágio Supervisionado Este Manual do Estágio Supervisionado contém informações e orientações importantes e necessárias aos estudantes do curso de Pedagogia. Nele, encontram-se os procedimentos

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ - IFCE CAMPUS MORADA NOVA EDITAL N.º 11/2017

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ - IFCE CAMPUS MORADA NOVA EDITAL N.º 11/2017 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ - IFCE CAMPUS MORADA NOVA EDITAL N.º 11/2017 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA INGRESSO NO CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL

Leia mais

CARTA DE APRESENTAÇÃO

CARTA DE APRESENTAÇÃO CARTA DE APRESENTAÇÃO Teresópolis, de de. Da: Professora Orientadora do Estágio do Curso de Licenciatura em Matemática Ao (À) Sr.(a) Diretor(a) do (a) Assunto: Apresentação de Estagiário. Senhor (a) Diretor

Leia mais

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS UNICRUZ - UNIVERSIDADE DE CRUZ ALTA CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA - LICENCIATURA REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS UNICRUZ - UNIVERSIDADE DE CRUZ ALTA CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA - LICENCIATURA REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS UNICRUZ - UNIVERSIDADE DE CRUZ ALTA CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA - LICENCIATURA REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES Art. 1º - O presente regulamento estabelece as normas para a efetivação

Leia mais

NORMAS GERAIS PARA A REALIZAÇÃO DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA

NORMAS GERAIS PARA A REALIZAÇÃO DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NORMAS GERAIS PARA A REALIZAÇÃO DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA As presentes normas têm por objetivo disciplinar e orientar os alunos do curso de Educação Física da Universidade

Leia mais