Histórico Tríades de Dobereiner

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Histórico Tríades de Dobereiner"

Transcrição

1 Tabela Periódica

2 Histórico Tríades de Dobereiner Ele procurou estabelecer vários grupos de três elementos com propriedades químicas semelhantes. Observou, então, que a massa atômica do elemento central era a média aritmética das massas atômicas dos outros elementos.

3 Histórico Parafuso Telúrico de Chancourtois Chancourtois dispôs os elementos na ordem crescente das suas massas atômicas numa superfície cilíndrica chamada parafuso telúrico. Os elementos colocados na mesma vertical apresentavam propriedades químicas semelhantes. Além de complicado, o parafuso só era válido até o cálcio.

4 Histórico Lei das Oitavas de Neulands Newlands, ao ordenar os elementos na ordem crescente das massas atômicas fez uma curiosa comparação. Como existem sete notas musicais, a oitava nota é sempre uma repetição da nota de onde se partiu. Com os elementos aconteceria a mesma coisa, porque o oitavo elemento teria as mesmas propriedades que o primeiro. Embora falha e muito ridicularizada na época, essa classificação teve o mérito de esboçar o conceito de periodicidade, isto é, propriedades que se repetem após certo período.

5 Histórico Dimitri Ivanovich Mendeleev Mendeleev ordenou-os em colunas, segundo as massas atômicas crescentes e observou que os elementos quimicamente semelhantes ficavam numa mesma horizontal. Ele tinha tanta confiança na validade da lei que, quando a ordem dos elementos parecia ser interrompida, deixava espaços em branco, lacunas que corresponderiam a elementos que deveriam ser descobertos. Outro mérito seu foi admitir que as massas atômicas de alguns elementos estavam erradas. Inverteu suas posições, como, por exemplo, no caso do telúrio e do iodo. Nem mesmo a descoberta de uma família completa de novos elementos, os gases nobres, desfigurou a classificação de Mendeleev. Os gases nobres ficaram perfeitamente acomodados pela simples adição de uma coluna vertical.

6

7

8 DIVISÕES DA TABELA PERIÓDICA METAIS Poucos e na CV DAR e CÁTIONS Sólidos ( - Hg que é líquido) Dúcteis (fios): Au, Cu Maleáveis (lâminas): Au, Al Bons condutores de energia

9 DIVISÕES DA TABELA PERIÓDICA NÃO- METAIS 5, 6 ou 7 e na CV RECEBER e ÂNIONS Sólidos, líquido (Br 2 ) ou gasosos (N 2, O 2, F 2, Cl 2 ) Se sólidos; quebradiços Maus condutores de energia (menos o C grafite que é bom condutor de eletricidade).

10 DIVISÕES DA TABELA PERIÓDICA GASES NOBRES CV completa 8 e (He: 2 e ) Baixíssima reatividade química HIDROGÊNIO CV = 1 e imita He: 2 e Gasoso: H 2

11 DIVISÕES DA TABELA PERIÓDICA Grupos ou Famílias igual grupo igual nº elétrons de valência iguais propriedades químicas Como reage Com quem reage Em que proporção reage

12 DIVISÕES DA TABELA PERIÓDICA Períodos igual período igual nº de camadas com elétrons 1º período muito curto 2 elementos: H e He 2º período curto 8 elementos: Li ao Ne 3º período curto 8 elementos: Na ao Ar 4º período longo 18 elementos: K ao Kr 5º período longo 18 elementos: Rb ao Xe 6º período muito longo 32 elementos: Cs ao Rn 7º período incompleto

13 DIVISÕES DA TABELA PERIÓDICA Representativos Última camada: 1 a 8 elétrons Penúltima camada: 8 ou 18 e Transição Última camada: 2 elétrons (-g.11 = 1 e) Penúltima camada: entre 8 e 18 e Transição Interna Séries dos Lantanídeos e Actinídeos Antepenúltima camada incompleta

14 DIVISÕES DA TABELA PERIÓDICA Elementos artificiais CISURÂNIOS: 43 Tc e 61 Pm TRANSURÂNIOS: Z > 92

15 Propriedades Periódicas

16 RAIO ATÔMICO É a distância que vai do núcleo do átomo até o seu elétron mais externo.

17 RAIO ATÔMICO

18

19 RAIO ATÔMICO x RAIO IÔNICO RAIO ATÓMICO / RAIO IÓN RAIO do cátion < RAIO do metal a ausência de um ou vários elétrons diminui a força elétrica de repulsão RAIO mútua entre ATÓMICO os elétrons restantes, / RAIO provocando IÓNICOa aproximação dos mesmos entre sí e ao núcleo positivo do átomo, resultando um raio iônico menor que o atômico. sair RAIO do ânion > RAIO do não-metal o excesso de carga elétrica negativa obriga o afastamento dos elétrons entre sí para restabelecer o equilíbrio das forças elétricas, de modo que o raio iônico é maior que o atômico. Para partículas com a me a que tiver mais electrõe raio, pois as repulsões in são mais fortes. Para partículas com a mesma carga nuclear

20 RAIOS IÔNICOS Espécies isoeletrônicas: o maior raio é da espécie que tem menor carga nuclear e o menor é da espécie que tem maior carga nuclear (maior atração). Espécies com 10 elétrons = 13Al +3 < 12 Mg +2 < 11 Na + < 9 F < 8 O 2 < 7 N 3

21 POTENCIAL DE IONIZAÇÃO Energia necessária para arrancar 1 e de um átomo no estado gasoso. Os gases nobres tem valores máximos. É inversamente proporcional ao raio. X(g) X + (g) + 1 e -

22 POTENCIAL DE IONIZAÇÃO

23 Eletronegatividade fome por elétrons. Valores elevados para os não-metais e baixos para os metais. Os gases nobres possuem valores nulos. CARÁTER AMETÁLICO mede a facilidade em receber elétrons e formar ânion.

24 Eletronegatividade

25 Eletropositividade CARÁTER METÁLICO mede a facilidade em perder elétrons e formar cátions. Está relacionada à reatividade dos metais. Os GN têm valores nulos.

26 Eletroafinidade Eletroafinidade ou afinidade eletrônica: energia liberada pelo átomo quando ele recebe um elétron. É definida para os não-metais. Não inclui os gases nobres. X + 1 e X

27 Eletroafinidade

28 Densidade Relação entre massa e volume. Mede a compactação da substância simples.

29

30 Ponto de fusão e ebulição

31

Histórico Tríades de Dobereiner

Histórico Tríades de Dobereiner Tabela Periódica Histórico Tríades de Dobereiner Ele procurou estabelecer vários grupos de três elementos com propriedades químicas semelhantes. Observou, então, que a massa atômica do elemento central

Leia mais

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano - 2016 TABELA PERIÓDICA ATUAL: Os elementos estão ordenados em ordem crescente de número atômico. O critério utilizado para classificar os elementos

Leia mais

Tabela Periódica e Propriedades Periódicas dos Elementos. periódico permite fazer previsões gerais sobre seu comportamento químico e físico.

Tabela Periódica e Propriedades Periódicas dos Elementos. periódico permite fazer previsões gerais sobre seu comportamento químico e físico. Tabela Periódica e Propriedades Periódicas dos Elementos Agrupar os elementos num quadro Agrupar os elementos num quadro periódico permite fazer previsões gerais sobre seu comportamento químico e físico.

Leia mais

Classificação Periódica dos Elementos

Classificação Periódica dos Elementos Classificação Periódica dos Elementos Reis, Oswaldo Henrique Barolli. R375c Classificação periódica dos elementos / Oswaldo Henrique Barolli. Varginha, 2015. 34 slides : il. Sistema requerido: Adobe Acrobat

Leia mais

Por volta do ano de 1800, já eram conhecidos aproximadamente 33 elementos químicos, uma quantidade suficiente que justifica uma busca para essa

Por volta do ano de 1800, já eram conhecidos aproximadamente 33 elementos químicos, uma quantidade suficiente que justifica uma busca para essa 1 ORGANIZAR... 2 Por volta do ano de 1800, já eram conhecidos aproximadamente 33 elementos químicos, uma quantidade suficiente que justifica uma busca para essa organização. Em 1829, o químico alemão Johann

Leia mais

Apostila de Química 13 Tabela Periódica

Apostila de Química 13 Tabela Periódica Apostila de Química 13 Tabela Periódica 1.0 Dimitri Svanovich Mendeleev (1834-1907) Organizou os elementos e, função de sua massa atômica e de propriedades periódicas. 2.0 Moseley (1887-1915) As propriedades

Leia mais

PROPRIEDADES ATÔMICAS E TENDÊNCIAS PERIÓDICAS

PROPRIEDADES ATÔMICAS E TENDÊNCIAS PERIÓDICAS PROPRIEDADES ATÔMICAS E TENDÊNCIAS PERIÓDICAS TAMANHO ATÔMICO Pode ser definido como a distância entre os átomos em uma amostra do elemento. Cl Cl (Cl 2 ): 198 pm Raio covalente: 198/2 = 99 pm C-C no diamante

Leia mais

5. A primeira tabela periódica foi montada por: a) Dalton. bl lavoisier. c) Dóbereiner. R d) Mendeleev.

5. A primeira tabela periódica foi montada por: a) Dalton. bl lavoisier. c) Dóbereiner. R d) Mendeleev. SOS QUÍMICA - O SITE DO PROFESSOR SAUL SANTANA. QUESTÕES = TABELA PERIÓDICA. 1. (FUND CARLOS CHAGAS) - Um elemento X é constituído por átomos, cuja configuração do elétron de valência no estado fundamental,

Leia mais

A eletrosfea do átomo

A eletrosfea do átomo A eletrosfea do átomo É dividida em nível e subnível. Nível: cada nível comporta uma quantidade máxima de elétrons: x=n. NÍVEL 1 3 4 5 6 7 8 QUANTIDADE MÁXIMA DE e. 1 =. = 8. 3 = 18. 4 = 3. 5 = 50. 6 =

Leia mais

Classificação Periódica

Classificação Periódica Histórico O homem sempre esteve preocupado em organizar tabelas, diagramas e gráficos, pois assim, poderia, rapidamente, obter informações. Na química, esta tendência está presente com a utilização da

Leia mais

AULA 03 Tabela Periódica

AULA 03 Tabela Periódica Faculdade de Tecnologia e Ciências FTC Colegiado de Engenharia Civil Química Geral AULA 03 Tabela Periódica PROFESSORA: Shaiala Aquino shaiaquino@hotmail.com Henry Moseley A.B.Chancourtois ( 1820-1886)

Leia mais

ATIVIDADE COMPLEMENTAR DE QUÍMICA - 1 ANO-HERSCHELL-CB2014. periódicas e aperiódicas. AP. propriedade aperiódica. Propriedades periódicas

ATIVIDADE COMPLEMENTAR DE QUÍMICA - 1 ANO-HERSCHELL-CB2014. periódicas e aperiódicas. AP. propriedade aperiódica. Propriedades periódicas ATIVIDADE COMPLEMENTAR DE QUÍMICA - 1 ANO-HERSCHELL-CB014 P. AP. periódicas e aperiódicas A Tabela pode ser utilizada para relacionar as propriedades dos elementos com suas estruturas atômicas, podendo

Leia mais

Cap. 4: A Química e sua influência histórica. Equipe de Biologia

Cap. 4: A Química e sua influência histórica. Equipe de Biologia Cap. 4: A Química e sua influência histórica Equipe de Biologia Origem dos elementos químicos O Big Bang é o momento da explosão que deu origem ao Universo, entre 12 e 15 bilhões de anos atrás. A evolução

Leia mais

Apresentar, através da configuração eletrônica, propriedades físicas e químicas dos elementos químicos.

Apresentar, através da configuração eletrônica, propriedades físicas e químicas dos elementos químicos. CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS (II) META Apresentar, através da configuração eletrônica, propriedades físicas e químicas dos elementos químicos. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno deverá: descrever

Leia mais

Tabela Periódica. 2. C Consultando a tabela periódica para a obtenção das massas atômicas dos elementos apresentados, tem-se:

Tabela Periódica. 2. C Consultando a tabela periódica para a obtenção das massas atômicas dos elementos apresentados, tem-se: Segmento: Pré-vestibular Resoluções Coleção: Alfa, Beta e Gama Disciplina: Química Volume: 1 Série: 2 Tabela Periódica 1. C Nas tabelas periódicas atuais os elementos estão dispostos em ordem crescente

Leia mais

CONCEITO DE LIGAÇÃO IÔNICA UNIÃO ENTRE ÁTOMOS METÁLICOS E AMETÁLICOS

CONCEITO DE LIGAÇÃO IÔNICA UNIÃO ENTRE ÁTOMOS METÁLICOS E AMETÁLICOS CONCEITO DE LIGAÇÃO IÔNICA UNIÃO ENTRE ÁTOMOS METÁLICOS E AMETÁLICOS ELETRONEGATIVIDADE CARÁTER AMETÁLICO CONFIGURAÇÃO DOS GASES NOBRES ÁTOMOS ESTÁVEIS E ISOLADOS OXIDAÇÃO ESTABILIZAÇÃO DO METAL REDUÇÃO

Leia mais

Química. Resolução das atividades complementares. Q39 Propriedades periódicas II

Química. Resolução das atividades complementares. Q39 Propriedades periódicas II Resolução das atividades complementares 3 Química Q39 Propriedades periódicas II p. 43 1 (UFRGS-RS) Em fogos de artifício, as diferentes colorações são obtidas quando se adicionam sais de diferentes metais

Leia mais

a tabela periódica paulinho

a tabela periódica paulinho a tabela periódica paulinho paulinho perguntas a tabela periódica serve para alguma coisa? tenho que decorar os elementos da tabela? existem relações de semelhança entre os elementos químicos? é

Leia mais

QUÍMICA Profª Msc. Érika Almeida

QUÍMICA Profª Msc. Érika Almeida TABELA PERIÓDICA. Mendeleev (869): organizou os elementos da tabela periódica em ordem crescente de massa atômica e de propriedades; 2. Moseley (887-95): organizou os elementos químicos com base no número

Leia mais

CONFIGURAÇÕES ELETRÔNICAS E PERIODICIDADE QUÍMICA

CONFIGURAÇÕES ELETRÔNICAS E PERIODICIDADE QUÍMICA A tabela periódica é o guia para a ordem na qual os orbitais são preenchidos. Ela está estruturada de forma que os elementos com o mesmo padrão de configurações eletrônicas de níveis mais externos (valência)

Leia mais

QUÍMICA GERAL PROF. PAULO VALIM

QUÍMICA GERAL PROF. PAULO VALIM QUÍMICA GERAL PROF. PAULO VALIM 4 TABELA PERIÓDICA Gás Nobre para catalisar sua reação, vamos disponibilizar alguns exercícios com gabarito ao final de cada capítulo de estudo. Eles não fazem parte dos

Leia mais

EVOLUÇÃO DA TABELA PERIÓDICA

EVOLUÇÃO DA TABELA PERIÓDICA Prof. Edson Cruz EVOLUÇÃO DA TABELA PERIÓDICA Os elementos químicos sempre foram agrupados de modo a termos elementos semelhantes juntos, tendo desta maneira o desenvolvimento de várias tabelas até os

Leia mais

Tabela Periódica e Propriedades Associadas

Tabela Periódica e Propriedades Associadas Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri Bacharelado em Ciência e Tecnologia Diamantina - MG Tabela Periódica e Propriedades Associadas Prof a. Dr a. Flaviana Tavares Vieira O Desenvolvimento

Leia mais

O ALUNO DEVERÁ VIR PARA A AULA DE RECUPERAÇÃO COM A LISTA PRONTA PARA TIRAR DÚVIDAS.

O ALUNO DEVERÁ VIR PARA A AULA DE RECUPERAÇÃO COM A LISTA PRONTA PARA TIRAR DÚVIDAS. Lista de exercícios para a prova de recuperação final 1º ano EM Conteúdo. O ALUNO DEVERÁ VIR PARA A AULA DE RECUPERAÇÃO COM A LISTA PRONTA PARA TIRAR DÚVIDAS. - Misturas e substâncias - Tabela e propriedades

Leia mais

Tabela Periódica dos Elementos:

Tabela Periódica dos Elementos: Tabela Periódica dos Elementos: - Na tabela periódica os elementos estão dispostos por ordem crescente de número atómico. - O Hidrogénio é o primeiro elemento da tabela periódica. *Cada linha da tabela

Leia mais

Propriedade periódica dos elementos

Propriedade periódica dos elementos Propriedade periódica dos elementos David P. White QUÍMICA: A Ciência Central O desenvolvimento da tabela periódica Em 2002, haviam 115 elementos conhecidos. A maior parte dos elementos foi descoberta

Leia mais

Aulão de Química. Química Geral Professor: Eduardo Ulisses

Aulão de Química. Química Geral Professor: Eduardo Ulisses Aulão de Química Química Geral Professor: Eduardo Ulisses Substâncias e Misturas Substância é qualquer parte da matéria que possui propriedades constantes. As substâncias podem ser classificadas como sendo

Leia mais

Lembrete: Antes de começar a copiar cada unidade, coloque o cabeçalho da escola e a data! CIÊNCIAS - UNIDADE 3 ÁTOMOS E LIGAÇÕES QUÍMICAS

Lembrete: Antes de começar a copiar cada unidade, coloque o cabeçalho da escola e a data! CIÊNCIAS - UNIDADE 3 ÁTOMOS E LIGAÇÕES QUÍMICAS Lembrete: Antes de começar a copiar cada unidade, coloque o cabeçalho da escola e a data! Use canetas coloridas ou escreva palavras destacadas, para facilitar na hora de estudar. E capriche! Não se esqueça

Leia mais

9) Um certo elemento tem número atômico igual a 37. Qual a carga mais provável do seu íon? a) 1. c) +1. e) +3. b) 2. d) +2.

9) Um certo elemento tem número atômico igual a 37. Qual a carga mais provável do seu íon? a) 1. c) +1. e) +3. b) 2. d) +2. Atividade de química Escola: Aluno(a): Série/turma: Nº Nota: Professor: Abedias Disciplina: Química Data: Conteúdo: Propriedade da Tabela Periódica e ligações químicas 1(ACAFE) O grupo de átomos que é

Leia mais

Schrödinger propôs uma equação que contém os termos onda e partícula. A resolução da equação leva às funções de onda. Af função de onda fornece o

Schrödinger propôs uma equação que contém os termos onda e partícula. A resolução da equação leva às funções de onda. Af função de onda fornece o Aula 3 Estrutura Atômica cont Tabela Periódica Mecânica quântica e orbitais atômicos Schrödinger propôs uma equação que contém os termos onda e partícula. A resolução da equação leva às funções de onda.

Leia mais

Aula 5: Propriedades e Ligação Química

Aula 5: Propriedades e Ligação Química Aula 5: Propriedades e Ligação Química Relacionar o tipo de ligação química com as propriedades dos materiais Um entendimento de muitas propriedades físicas dos materiais é previsto através do conhecimento

Leia mais

Capítulo 7 Propriedade periódica dos elementos

Capítulo 7 Propriedade periódica dos elementos QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Capítulo 7 Propriedade periódica dos elementos David P. White O desenvolvimento da tabela periódica Em 2002, haviam 115 elementos conhecidos. A maior parte dos elementos

Leia mais

ELEMENTOS QUÍMICOS E SUA CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA

ELEMENTOS QUÍMICOS E SUA CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 9º TURMA(S):

Leia mais

Por muito tempo acreditou-se que a estabilidade dos gases nobres se dava pelo fato de, à exceção do He, todos terem 8 elétrons na sua última camada.

Por muito tempo acreditou-se que a estabilidade dos gases nobres se dava pelo fato de, à exceção do He, todos terem 8 elétrons na sua última camada. Ligação química Atualmente, conhecemos cerca de 115 elementos químicos. Mas ao olharmos ao nosso redor vemos uma grande variedade de compostos (diferindo em sua cor e forma), muitas vezes formados pelo

Leia mais

A primeira ideia mais objectiva de elemento surgiu com os filósofos gregos:

A primeira ideia mais objectiva de elemento surgiu com os filósofos gregos: A primeira ideia mais objectiva de elemento surgiu com os filósofos gregos: Thales de Mileto (624-546 a.c) supunha que todas as coisas tinham a origem na água; Anaximenes de Mileto (560-500 a.c) propunha

Leia mais

Camadas internas: camadas anteriores a de valência do átomo. Orbitais internos: orbitais das camadas internas dos átomos.

Camadas internas: camadas anteriores a de valência do átomo. Orbitais internos: orbitais das camadas internas dos átomos. Tabela Periódica DEFINIÇÕES IMPORTANTES Orbitais de valência: orbitais mais externos ocupados de um átomo. Camada de valência: contém os orbitais de valência. Exemplo: Li 1s 2 2s 1 Orbitais de valência

Leia mais

Química A Extensivo V. 2

Química A Extensivo V. 2 Química A Extensivo V. 2 Exercícios 01) B 02) A a) Errada. Ao mudar de órbita, os elétrons emite ou absorve energia igual à diferença de energia entre as órbitas. b) Certa. c) Errada. De acordo com a teoria

Leia mais

TABELA PERIÓDICA PARTE 1

TABELA PERIÓDICA PARTE 1 PROJETO KAL - 2016 QUÍMCA AULA 06 TABELA PERÓDCA PARTE 1 Recordar é viver: Modelo Atômico de Rutherford-Bohr: Também conhecido como modelo atômico planetário, ele mostra como os elétrons se comportam ao

Leia mais

Ligações Químicas. Iônicas. Metálicas. Covalentes. Átomo: constituinte da menor parte de qualquer matéria;

Ligações Químicas. Iônicas. Metálicas. Covalentes. Átomo: constituinte da menor parte de qualquer matéria; Ligações Químicas Átomo: constituinte da menor parte de qualquer matéria; -capacidade de se combinarem uns com os outros, lhes permite a formação de uma grande variedade de substâncias; Ligações Químicas

Leia mais

09) (Vunesp) Os elementos I, II e III têm as seguintes configurações eletrônicas em suas camadas de valência:

09) (Vunesp) Os elementos I, II e III têm as seguintes configurações eletrônicas em suas camadas de valência: 01) Na tabela periódica os elementos estão ordenados em ordem crescente de: a) Número de massa. b) Massa atômica. c) Número atômico. d) Raio atômico. e) Eletroafinidade. 02) Na tabela periódica, estão

Leia mais

ATOMÍSTICA MODELOS ATÔMICOS. MODELO ATÔMICO DE DALTON: o átomo é constituído de uma pequena esfera maciça indivisível e indestrutível.

ATOMÍSTICA MODELOS ATÔMICOS. MODELO ATÔMICO DE DALTON: o átomo é constituído de uma pequena esfera maciça indivisível e indestrutível. ATOMÍSTICA MODELOS ATÔMICOS MODELO ATÔMICO DE DALTON: o átomo é constituído de uma pequena esfera maciça indivisível e indestrutível. O Átomo é constituído de uma região central chamada de núcleo onde

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 07 PROPRIEDADES PERIÓDICAS

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 07 PROPRIEDADES PERIÓDICAS QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 07 PROPRIEDADES PERIÓDICAS elétron mais externo raio núcleo d 1 d 2 r = _d 1 + d 2 _ 2 Sucessivas energias de ionização ( ev ) 100 80 80,1 60 71,6 40 20 0 5,1 7,6 47,3 15 Mg

Leia mais

Química A Semiextensivo V. 2

Química A Semiextensivo V. 2 Química A Semiextensivo V. Exercícios 0) B 0) A 0) A Símbolo N: elemento Nitrogênio Símbolo P: elemento Fósforo (do latim Phosphorus) Símbolo K: elemento Potássio (do latim Kalium) Trata-se de uma questão

Leia mais

A (g) + energia A + (g) + e -

A (g) + energia A + (g) + e - Atividade de química Escola: Aluno(a): Série/turma: Nº Nota: Professor: Abedias Disciplina: Química Data: 1(UCDB-MT) Os elementos x A, x+1 B e x+2 C pertencem a um mesmo período da tabela periódica. Se

Leia mais

DATA: Nº de ordem GRAU: PROVA: TURMA MATRÍCULA: Estudo Independente

DATA: Nº de ordem GRAU: PROVA: TURMA MATRÍCULA: Estudo Independente FOLHA DE QUESTÕES CURSO: ASS.: Engenharia de Produção DISCIPLINA: NOME: Química Geral DATA: Nº de ordem GRAU: PROVA: TURMA MATRÍCULA: Estudo Independente 5PRD31A 01) O grupo de átomos que é encontrado

Leia mais

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo 2 Bimestre 1. Tem-se dois elementos químicos A e B, com números atômicos iguais a 20 e 35, respectivamente. Escrever as configurações eletrônicas dos dois elementos.

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS VALENÇA SÉRIE: 1º ANO DISCIPLINA: QUÍMICA PROFESSOR: JOSÉ TIAGO PEREIRA BARBOSA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS VALENÇA SÉRIE: 1º ANO DISCIPLINA: QUÍMICA PROFESSOR: JOSÉ TIAGO PEREIRA BARBOSA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS VALENÇA SÉRIE: 1º ANO DISCIPLINA: QUÍMICA PROFESSOR: JOSÉ TIAGO PEREIRA BARBOSA Lista de Exercícios Ligações Químicas Teoria do Octeto

Leia mais

Colégio Notre Dame de Campinas Congregação de Santa Cruz PLANTÕES DE FÉRIAS QUÍMICA. Nome: Nº: Série: 1º ANO Profª BIANCA RIBEIRO Data: JULHO 2016

Colégio Notre Dame de Campinas Congregação de Santa Cruz PLANTÕES DE FÉRIAS QUÍMICA. Nome: Nº: Série: 1º ANO Profª BIANCA RIBEIRO Data: JULHO 2016 PLANTÕES DE FÉRIAS QUÍMICA Nome: Nº: Série: 1º ANO Profª BIANCA RIBEIRO Data: JULHO 2016 Roteiro de Estudos Primeiramente, revise em seu caderno alguns conceitos importantes da estrutura do átomo, como:

Leia mais

GOIÂNIA, / / PROFESSORA: Núbia de Andrade. DISCIPLINA:Química SÉRIE: 1º. ALUNO(a):

GOIÂNIA, / / PROFESSORA: Núbia de Andrade. DISCIPLINA:Química SÉRIE: 1º. ALUNO(a): GOIÂNIA, / / 2016 PROFESSORA: Núbia de Andrade DISCIPLINA:Química SÉRIE: 1º ALUNO(a): Lista de Exercícios P2 I Bimestre No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente

Leia mais

Revisão de Química 3º Bimestre 2013

Revisão de Química 3º Bimestre 2013 GDF - SEE - G.R.E. PLANALTINA COORDENAÇÃO REGIONAL DE ENSINO DE PLANALTINA CENTRO DE ENSINO FUNDAMENTAL 02 CIÊNCIAS NATURAIS MÁRIO CÉSAR CASTRO Revisão de Química 3º Bimestre 2013 1. Onde está localizado

Leia mais

Química. Resolução das atividades complementares. Q35 Tabela periódica

Química. Resolução das atividades complementares. Q35 Tabela periódica Resolução das atividades complementares 3 Química Q35 Tabela periódica p. 19 1 (ITA-SP) Considere as seguintes configurações eletrônicas de espécies no estado gasoso: I. 1s 2 2s 2 2p 1 II. 1s 2 2s 2 2p

Leia mais

02- Quais das propriedades a seguir são as mais indicadas para verificar se é pura uma certa amostra sólida de uma substância conhecida?

02- Quais das propriedades a seguir são as mais indicadas para verificar se é pura uma certa amostra sólida de uma substância conhecida? PROFESSOR: EQUIPE DE QUÍMICA BANCO DE QUESTÕES - QUÍMICA - 9º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================= 01- Massa, extensão

Leia mais

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo

COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo COLÉGIO EUCARÍSTICO Fixando o Conteúdo 2 Bimestre 1. Tem-se dois elementos químicos A e B, com números atômicos iguais a 20 e 35, respectivamente. Escrever as configurações eletrônicas dos dois elementos.

Leia mais

AULA DE RECUPERAÇÃO PROF. NEIF NAGIB

AULA DE RECUPERAÇÃO PROF. NEIF NAGIB AULA DE RECUPERAÇÃO PROF. NEIF NAGIB CONCEITOS SOBRE O ÁTOMO Número Atômico (Z): quantidades de prótons. Z = p = e Número de Massa (A): a soma das partículas que constitui o átomo. A = Z + N REPRESENTAÇÃO

Leia mais

Interações intermoleculares

Interações intermoleculares Comparações entre ligações e interações químicas Ligação covalente : Interação intramolecular Ligação de hidrogênio: Interação intermolecular Forças íon-dipolo Existem entre um íon e a carga parcial em

Leia mais

Aula 17 Ligações covalentes e metálicas

Aula 17 Ligações covalentes e metálicas Aula 17 Ligações covalentes e metálicas Em nossa aula passada falamos de ligações iônicas, aquelas que ocorrem entre átomos com grandes diferenças de eletronegatividade. Entretanto, essa não é a única

Leia mais

Classificação Periódica Folha 01 Prof.: João Roberto Mazzei

Classificação Periódica Folha 01 Prof.: João Roberto Mazzei www.professormazzei.com Classificação Periódica Folha 01 Prof.: João Roberto Mazzei 01. (PUC SP 1995) Considerando-se os elementos do 3º. período da Tabela Periódica, é correto afirmar: a) o elemento de

Leia mais

PROVA DE QUÍMICA MÓDULO I DO PISM (triênio )

PROVA DE QUÍMICA MÓDULO I DO PISM (triênio ) PRVA DE QUÍMICA MÓDUL I D PISM (triênio 006-008) CLASSIFICAÇÃ PERIÓDICA DS ELEMENTS 1 18 1 3 4 6 7 1 1,0 3 Li 6,9 11 Na 3,0 19 K 39,1 37 Rb 8, Cs 13,9 67 Fr 3,0 4 Be 9,0 1 Mg 4,3 0 Ca 40,1 38 Sr 87,6 6

Leia mais

ÁTOMO: núcleo muito pequeno composto por prótons e nêutrons, que é circundado por elétrons em movimento;

ÁTOMO: núcleo muito pequeno composto por prótons e nêutrons, que é circundado por elétrons em movimento; 1.1 CONCEITOS FUNDAMENTAIS ÁTOMO: núcleo muito pequeno composto por prótons e nêutrons, que é circundado por elétrons em movimento; Elétrons e prótons são eletricamente carregados: 1,60 x 10-19 C; Elétrons:

Leia mais

Metais de Transição. Samantha Cipriano

Metais de Transição. Samantha Cipriano Metais de Transição Samantha Cipriano Contexto histórico 2 Contexto histórico Forte impacto na sociedade, devido às suas aplicações. Ligas metálicas; Alguns medicamentos; Pigmentação. 3 Exemplos de aplicação

Leia mais

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA. Ligações Químicas

CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA. Ligações Químicas CIÊNCIAS DA NATUREZA - QUÍMICA Prof. Adriana Strelow 1º Ano - 2016 Ligações Químicas Na natureza, dificilmente os átomos ficam sozinhos. Eles tendem a se unir uns aos outros para formarem novas substâncias.

Leia mais

EXERCÍCIOS DE REVISÃO DE QUÍMICA PARA FÉRIAS / Professora Deborah Simões Petroni

EXERCÍCIOS DE REVISÃO DE QUÍMICA PARA FÉRIAS / Professora Deborah Simões Petroni EXERCÍCIOS DE REVISÃO DE QUÍMICA PARA FÉRIAS / 2009 Professora Deborah Simões Petroni INSTRUÇÕES Resolva os exercícios durante as férias ou num determinado período da mesma. Não copie, somente resolvendo

Leia mais

Exercícios Sobre DistribuiÇão eletrônica

Exercícios Sobre DistribuiÇão eletrônica Exercícios Sobre DistribuiÇão eletrônica Dado: 01. Faça a distribuição eletrônica nas camadas para os átomos: a) Cs (Z= 55) b) Tl (Z= 81) 02. Faça a distribuição eletrônica nas camadas, para os átomos:

Leia mais

LOGO. Tabela Periódica. Profa. Samara Garcia

LOGO. Tabela Periódica. Profa. Samara Garcia LOGO Tabela Periódica Profa. Samara Garcia Antes da Tabela Periódica O trabalho de Böhr despertou o interesse de vários cientistas para o estudo dos espectros descontínuos. Um deles, Sommerfeld, percebeu,

Leia mais

Critérios Específicos de Classificação da Questão Aula

Critérios Específicos de Classificação da Questão Aula Critérios Específicos de da Questão Aula Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos DISCIPLINA: Física e Química Módulo: Q 0/0 0 ºAno de escolaridade Duração: 90 minutos

Leia mais

A Natureza Elétrica dos Materiais

A Natureza Elétrica dos Materiais A Natureza Elétrica dos Materiais As primeiras ideias sobre a constituição da matéria Demócrito Gregos ÁTOMOS - A matéria possuia espaço vazio; - Indestrutíveis; - Dotadas de movimento; - Diversos formatos.

Leia mais

Prof. Willame TABELA PERIÓDICA

Prof. Willame TABELA PERIÓDICA TABELA PERIÓDICA 1. A organização dos elementos Com a descoberta de uma grande variedade de átomos, tornou-se necessária à criação de uma sistemática de classificação. Para organizar os elementos, utilizaram-se

Leia mais

LIGAÇÕES QUÍMICAS. Ocorre entre elétrons da CAMADA DE VALÊNCIA Portanto não ocorrem mudanças no núcleo dos átomos. Não altera a massa dos átomos.

LIGAÇÕES QUÍMICAS. Ocorre entre elétrons da CAMADA DE VALÊNCIA Portanto não ocorrem mudanças no núcleo dos átomos. Não altera a massa dos átomos. LIGAÇÕES QUÍMICAS 1 Ocorre entre elétrons da CAMADA DE VALÊNCIA Portanto não ocorrem mudanças no núcleo dos átomos. Não altera a massa dos átomos. Os átomos se ligam uns aos outros com a finalidade de

Leia mais

LIGAÇÕES INTERATÔMICAS X LIGAÇÕES INTERMOLECULARES

LIGAÇÕES INTERATÔMICAS X LIGAÇÕES INTERMOLECULARES Prof. Edson Cruz LIGAÇÕES INTERATÔMICAS X LIGAÇÕES INTERMOLECULARES Já estudamos que qualquer tipo de matéria é formado por átomos. Vimos também que cada agrupamento de átomos, combinados em uma determinada

Leia mais

Ligação iônica Ligação covalente Ligação metálica

Ligação iônica Ligação covalente Ligação metálica Principais Tipos de Ligações Químicas Ligação iônica Ligação covalente Ligação metálica Iônicas Covalentes Metálicas Ligações químicas A maioria dos compostos situa-se dentro do triângulo Representações

Leia mais

LIGAÇÃO COVALENTE: PRINCÍPIOS/ESTRUTURAS DE LEWIS. QFL-4010 Prof. Gianluca C. Azzellini

LIGAÇÃO COVALENTE: PRINCÍPIOS/ESTRUTURAS DE LEWIS. QFL-4010 Prof. Gianluca C. Azzellini LIGAÇÃO COVALENTE: PRINCÍPIOS/ESTRUTURAS DE LEWIS LIGAÇÃO QUÍMICA Principais Tipos de Ligação Química Iônica Covalente Metálica Gilbert N. Lewis LIGAÇÃO COVALENTE: Compartilhamento de elétrons entre dois

Leia mais

ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS

ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS RECUPERAÇÃO SEMESTRAL 3º Ano do Ensino Médio Disciplina: Química 1. Um átomo do elemento químico X, usado como corante para vidros, possui número de massa igual a 79 e número de nêutrons

Leia mais

Eletrólise é a parte da eletroquímica que estuda a transformação de energia elétrica em energia química. ENERGIA

Eletrólise é a parte da eletroquímica que estuda a transformação de energia elétrica em energia química. ENERGIA AULA 19 ELETRÓLISE Eletrólise é a parte da eletroquímica que estuda a transformação de energia elétrica em energia química. ENERGIA não espontâneo ELÉTRICA ENERGIA QUÍMICA A eletrólise é um processo não

Leia mais

Importância da Química

Importância da Química QUÍMICA Básica Importância da Química A Química está presente em todos os momentos da vida do ser humano. Exemplos: a) No corpo humano: o sangue transporta substâncias químicas como ácido láctico, ácido

Leia mais

LIGAÇÃO COVAL COV AL NT

LIGAÇÃO COVAL COV AL NT LIGAÇÃO COVALENTE INTRODUÇÃO Resulta do compartilhamento de elétrons. Ex: H 2 Os dois átomos de hidrogênio se aproximam devido à força de atração que depois de determinada distância diminuem surgindo as

Leia mais

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 1º ANO DO ENSINO MÉDIO Professoras: Elizete 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA DE QUÍMICA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 1º ANO DO ENSINO MÉDIO Professoras: Elizete 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA DE QUÍMICA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 1º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professoras: Elizete 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA DE QUÍMICA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES Estudante: Turma: Data: / / Assuntos: Classificação periódica

Leia mais

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 07 LIGAÇÕES QUÍMICAS

QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 07 LIGAÇÕES QUÍMICAS QUÍMICA - 3 o ANO MÓDULO 07 LIGAÇÕES QUÍMICAS O C Na Cl + - Na Cl Mg Cl Cl 2+ Mg Cl - 2 F Al F Al F F +x -y B y x Fórmula Eletrônica ou de Lewis Fórmula Estrutural Fórmula Molecular 2 s O O O O s O O O

Leia mais

I - Para responder as questões de 1 a 4, você deverá ler o texto deste capítulo e consultar a tabela periódica.

I - Para responder as questões de 1 a 4, você deverá ler o texto deste capítulo e consultar a tabela periódica. QUESTÕES PARA REVISÃO I - Para responder as questões de 1 a 4, você deverá ler o texto deste capítulo e consultar a tabela periódica. Desenhe uma tabela e indique a localização dos metais e dos ametais

Leia mais

Ligações Químicas elementos químicos átomos moléculas

Ligações Químicas elementos químicos átomos moléculas Ligações Químicas Ligações Químicas Os diferentes elementos químicos combinam-se de várias maneiras formando uma grande variedade de substâncias, por meio das ligações químicas. Através das ligações químicas

Leia mais

TABELA PERIÓDICA FAMÍLIAS DOS ELEMENTOS QUÍMICOS

TABELA PERIÓDICA FAMÍLIAS DOS ELEMENTOS QUÍMICOS TABELA PERIÓDICA A gran diversida elementos químicos levou à sua organização acordo com as suas propriedas físicas e químicas. A Tabela Periódica que hoje conhecemos foi sofrendo alterações ao longo dos

Leia mais

CURSO PREPARATÓRIO PARA BOMBEIRO - COMBATENTE GRANCURSOS DISCIPLINA QUÍMICA PROF. MARCUS VINÍCIUS DIAS DE OLIVEIRA AULA 2

CURSO PREPARATÓRIO PARA BOMBEIRO - COMBATENTE GRANCURSOS DISCIPLINA QUÍMICA PROF. MARCUS VINÍCIUS DIAS DE OLIVEIRA AULA 2 CURSO PREPARATÓRIO PARA BOMBEIRO - COMBATENTE GRANCURSOS DISCIPLINA QUÍMICA PROF. MARCUS VINÍCIUS DIAS DE OLIVEIRA AULA 2 01) Na tabela periódica os elementos estão ordenados em ordem crescente de: a)

Leia mais

Roteiro de Estudos 1 trimestre 2015 Disciplina: Química 1ª série Professor: Ricardo Augusto Marques da Costa

Roteiro de Estudos 1 trimestre 2015 Disciplina: Química 1ª série Professor: Ricardo Augusto Marques da Costa Roteiro de Estudos 1 trimestre 2015 Disciplina: Química 1ª série Professor: Ricardo Augusto Marques da Costa - Teoria do octeto. Unidade 5: Interações atômicas e moleculares - Ligação iônica ou eletrovalente.

Leia mais

Aulas 12 e 13 - Ligações Químicas

Aulas 12 e 13 - Ligações Químicas Aulas 12 e 13 - Ligações Químicas Em nossas aulas anteriores verificamos que os elementos químicos da tabela periódica podem existir na natureza tanto sozinhos como combinados. Essas combinações que os

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA AO LONGO DA TABELA PERIÓDICA

DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA AO LONGO DA TABELA PERIÓDICA DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA AO LONGO DA TABELA PERIÓDICA EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 01 (UEL-PR) Considere o texto abaixo. Os átomos de cloro, bromo e iodo têm o mesmo número X na camada de valência e, por isso,

Leia mais

1.1. IMPORTÂNCIA DOS MATERIAIS

1.1. IMPORTÂNCIA DOS MATERIAIS INTRODUÇÃO AOS MATERIAIS DE ENGENHARIA O material disponibilizado nesta apostila do curso de Ciência dos Materiais objetiva apresentar os fundamentos e a interrelação entre os diferentes níveis de estrutura

Leia mais

Química Orgânica Ambiental

Química Orgânica Ambiental Química Orgânica Ambiental Aula 1 Estrutura Eletrônica e ligação química Prof. Dr. Leandro Vinícius Alves Gurgel 1. Introdução: O átomo Os átomos são formados por nêutrons, prótons e elétrons: Prótons

Leia mais

A História da Tabela Periódica

A História da Tabela Periódica I Desenvolvimento. 1.1. - A História da Tabela Periódica Um pré-requisito necessário para construção da tabela periódica, foi a descoberta individual dos elementos químicos. Embora os elementos, tais como

Leia mais

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 01. A corrosão de um metal é a sua destruição ou deterioração, devida à reação com o meio ambiente. O enferrujamento é o nome dado à corrosão do ferro: Fe(s)

Leia mais

QUÍMICA GERAL PROF. PAULO VALIM

QUÍMICA GERAL PROF. PAULO VALIM QUÍMICA GERAL PROF. PAULO VALIM 11 GABARITO E aí Gás Nobre, Aqui está o gabarito das questões, não olhe o gabarito antes de tentar resolvê-las. Tá bom? Tô de olho em vc! RHUM! :) 40 AAAAAAHHHHHH RÁÁÁÁÁÁ

Leia mais

NOMENCLATURA DOS COMPOSTOS

NOMENCLATURA DOS COMPOSTOS NOMENCLATURA DOS COMPOSTOS Prof. Dr. Cristiano Torres Miranda Disciplina: Química Geral QM81A Turmas Q13 e Q14 Moléculas e compostos moleculares Moléculas e fórmulas químicas Moléculas são reuniões de

Leia mais

Demócrito. Demócrito a.c. Filósofo grego. A matéria é formada por partículas indivisíveis chamadas átomos.

Demócrito. Demócrito a.c. Filósofo grego. A matéria é formada por partículas indivisíveis chamadas átomos. Atomística Demócrito Demócrito 460-370 a.c. Filósofo grego. A matéria é formada por partículas indivisíveis chamadas átomos. Lavoisier NADA SE PERDE NADA SE CRIA TUDO SE TRANSFORMA Dalton BASEADO NA LEI

Leia mais

1ª PARTE: TABELA PERIÓDICA

1ª PARTE: TABELA PERIÓDICA OLÉGIO MARITA - PATO DE MINA 1º ANO DO ENINO MÉDIO - 2013 Professor (a): Elizete 2ª REUPERAÇÃO AUTÔNOMA (Química) ROTEIRO DE ETUDO - QUETÕE Estudante: Turma: Data: / / 1ª PARTE: TABELA PERIÓDIA 01. (UNEP)

Leia mais

QUÍMICA. Forças Intermoleculares

QUÍMICA. Forças Intermoleculares Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 4R Ensino Médio Equipe de Química Data: QUÍMICA Forças Intermoleculares DEFINIÇÃO: As forças intermoleculares são forças de atração que ocorrem entre as moléculas,

Leia mais

29/2/2008. Interações intermoleculares

29/2/2008. Interações intermoleculares Química 2 ano Forças Intermoleculares Décio Helena Fev/08 O tipo de interação existente entre as moléculas e/ou íons definem algumas propriedades importantes das substâncias, como o estado físico, temperaturas

Leia mais

Química 1. Classificação Periódica dos Elementos

Química 1. Classificação Periódica dos Elementos Química 1 Classificação Periódica dos Elementos 01. (FUVEST-SP) Quando se classificam elementos químicos utilizando como critério o estado de agregação a 1 atm e 25ºC, devem pertencer a uma mesma classe

Leia mais

Metais e ametais. Aula 5 - Ligações Químicas. Química - profª SIMONE MORGADO

Metais e ametais. Aula 5 - Ligações Químicas. Química - profª SIMONE MORGADO Química - profª SIMONE MORGADO Aula 5 - Ligações Químicas Os elementos químicos na natureza são encontrados ligados, portanto, a ligação química traz para os elementos maior estabilidade. Na natureza os

Leia mais

QUÍMICA LIGAÇÕES QUÍMICAS PROF. SAUL SANTANA

QUÍMICA LIGAÇÕES QUÍMICAS PROF. SAUL SANTANA QUÍMICA LIGAÇÕES QUÍMICAS PROF. SAUL SANTANA Ligação Química O conceito de configuração eletrônica e o desenvolvimento da Tabela Periódica permitiu aos químicos uma base lógica para explicar a formação

Leia mais

EXERCÍCIOS CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA - QUESTÕES DISCURSIVAS

EXERCÍCIOS CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA - QUESTÕES DISCURSIVAS PROFESSOR: EQUIPE DE QUÍMICA BANCO DE QUESTÕES QUÍMICA INORGÂNICA PARTE 2 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ============================================================================================= EXERCÍCIOS

Leia mais

1º Questão: Escreva a distribuição eletrônica dos elementos abaixo e determine o número de valência de cada elemento: a) Fe (26):.

1º Questão: Escreva a distribuição eletrônica dos elementos abaixo e determine o número de valência de cada elemento: a) Fe (26):. FOLHA DE EXERCÍCIOS CURSO: Otimizado ASS.: Exercícios de Conteúdo DISCIPLINA: Fundamentos de Química e Bioquímica NOME: TURMA: 1SAU 1º Questão: Escreva a distribuição eletrônica dos elementos abaixo e

Leia mais

QUÍMICA 1 ANO - PROGRESSÃO 2015

QUÍMICA 1 ANO - PROGRESSÃO 2015 QUÍMICA 1 ANO - PROGRESSÃO 2015 1. Esta questão apresenta três afirmativas, que podem estar corretas ou incorretas. Responda-a, obedecendo ao seguinte código: I) Fe, AI, C, Na são conjunto de elementos

Leia mais