Construção de Bibliotecas de cdna

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Construção de Bibliotecas de cdna"

Transcrição

1 Construção de Bibliotecas de cdna Claudia Teixeira Guimarães Antônio A.C. Purcino Eliane A. Gomes Jurandir V. Magalhães Newton P. Carneiro Elto E.G. Gama Robert E. Schaffert Sidney N. Parentoni Vera M.C. Alves

2 Biblioteca de cdna É um arranjo de cópias de DNA que representa uma população de mrnas. Objetivo é gerar ESTs (Expressed Sequence Tags) que amostrem os genes expressos (induzidos ou reprimidos) sob uma determinada condição (tecido, célula ou estresse). Pré-requisitos: a condição, tecido e genótipo permitam que os genes de interesse sejam expressos; a biblioteca possua qualidade e quantidade de clones suficiente para amostrar os mrnas, incluindo aqueles com reduzido número de cópias, que são normalmente aqueles de maior interesse.

3 Definição do Material Genético e das Condições É de fundamental importância garantir que os genes de interesse sejam expressos sob uma determinada condição. Para isso, é necessário: Genótipos caracterizados; Fenótipo confiável indicador da característica em estudo; Estudos fisiológicos para de determinar quando e em qual tecido os genes de interesse são expressos; Condições de estresse para o aparecimento do fenótipo e para a expressão dos genes; Coleta e armazenamento adequados do material vegetal.

4 Material Genético Linhagens contrastantes F 1 F 1 F 2 RC 1... Linhagens isogênicas F 2:3 F 7... RC 4 96,875%

5 Genótipos Caracterizados Colonização micorrízica P-efficient P-inefficient P-efficient P-inefficient c/ colonização Al tolerant Al sensitive Al sensitive Al tolerant s/ colonização

6 Caracterização Fisiológica

7 Caracterização em Campo Melhoramento Genético Genética Molecular Eficiência na utilização de N Clonagem de Genes Tolerância ao Al tóxico Tolerância a Seca

8 Biblioteca de cdna A representatividade da biblioteca de cdna está em função da sua qualidade, que por sua vez depende da integridade do RNA original e dos cuidados na construção da biblioteca. A qualidade da biblioteca pode ser avaliada pela: quantidade de clones: número suficiente para amostrar o máximo de mrnas possível, incluindo os de baixo número de cópias; tamanho dos insertos: favoreça a clonagem de cdnas completos, evitando fragmentos espúrios

9 Tipos de Biblioteca de cdna Típica: obter o perfil dos genes de um organismos, transcriptoma direcional: orientação da polaridade transcricional do mrna original ao acaso: insertos clonados em qualquer orientação Subtrativa seguida por PCR: identificar genes diferencialmente expressos biblioteca enriquecida com fragmentos de mrna raros e diferencialmente expressos

10 Etapas para a Construção da Biblioteca de cdna Isolamento do RNA mensageiro Síntese do cdna Clonagem dos fragmentos Estocagem dos clones Sequenciamento Análise: Bioinformática

11 Isolamento do RNA mensageiro Qualidade do mrna é primordial para se garantir a qualidade da biblioteca, obtendo o máximo de informações que serão convertidas em cdna Extração pode ser do RNA total ou do mrna RNA total = rrna, trna e mrna (0,5 a 2%) A maioria do mrna é poli-adenilado (poli-a) e sua purificação pode ser realizada em coluna de afinidade com oligo dt Cuidado para evitar contaminação com RNase De 1 a 5 ug de mrna são suficientes para construção de biblioteca com 10 5 a 10 6 clones

12 Primeira fita Segunda fita Síntese do cdna Depende da hibridização do primer (polit) com o mrna Para clonagem direcional o primer deve ter um adaptador com um ou mais sítios de restrição Transcriptase reversa (RT) deve ser eficiente para favorecer a síntese de cdnas completos e sem atividade RNase H Substituição da fita do mrna por DNA usando nick translation Combinação da DNA polimerase I, RNase H e DNA ligase Para clonagem direcional um segundo adaptador com sítios de restrição deve ser adicionado

13 Síntese de cdna via SuperScript (Invitrogen) Primer polit contendo sítio de restrição Síntese da primeira e segunda fita em um único tubo Ligação de um adaptador com sítio para Sal I Digestão com Not I Fragmentos prontos para a clonagem direcional

14 Clonagem dos Fragmentos No caso da clonagem direcional, os cdnas devem ser digeridos como mostrado anterior, e fracionados O fracionamento dos clones é importante para eliminar o excesso de adaptadores que são adicionados em excesso e para reduzir a clonagem de fragmentos de cdnas pequenos e degradados Ligação dos fragmentos de cdna e transformação usando vetores e células competentes de qualidade 10 a 20 ng de cdna x 50 ng de vetor 5 x 10 5 clones (protocolo do fabricante) Tecnologia Gateway, usa a recombinação sítio específica flanqueando os sítios de clonagem

15 Genoma Funcional Bibliotecas de cdnas RNA mensageiro = genes expressos 5 AAAAA AAAAA 3 TTTTT 5 TTTTT 5 TTTTT 5 TTTTT 5 1 a fita de cdna 5 3 CONTIG ~ GENE

16 GENES EXPRESSOS: bibliotecas de cdnas Diferentes tecidos Diferentes genótipos Diferentes condições Diferentes estágios de desenvolvimento ESTs: Alinhamento, Clusterização, Anotação Northern Eletrônico, Display Differencial Digital, SNPs, UniGenes

17 Banco de ESTs: dbest Total humanos camundongo bovino milho trigo Arabidopsis arroz soja cana nov, 2005 UniGenes: conjuntode clusters orientados e não redundantes que representam um gene único

18 Biblioteca Subtrativa seguida por PCR Objetivo é enriquecer a biblioteca de transcrito raros e diferencialmente expressos entre duas situações Síntese de cdnas a partir de duas populações de mrna diferentes (genótipos ou condições contrastantes), que são extraídos separadamente, e denominados tester e driver Tester é o tratamento: genótipo tolerante ou condição de estresse Driver é o controle: genótipo sensível ou sem estresse Quantidade inicial de mrna pode ser de 500 ng cdnas são digeridos, separadamente com a enzima Rsa I, de corte abrupto, e ligado dois adaptadores diferentes cdna Tester: dividido em porções iquais cdna Driver, sem adaptador e em excesso com adaptador 1R com adaptador 2R

19 Biblioteca Subtrativa seguida por PCR Hibridização Subtrativa cdna Tester com adaptador 1R cdna Driver (em excesso) cdna Tester com adaptador 2R a: transcritos raros b: transcritos abundantes c: transcritos comuns nas duas condições d: transcritos do controle em excesso a b c d 1 a hibridização a, b, c, d + e 2 a hibridização Com adição de Driver desnaturado e end filling

20 Biblioteca Subtrativa seguida por PCR Ciclos de PCR a e d: sem amplificação por não ter sítio de anelamento do primer c: amplificação linear b: formação de alça estável e: amplificação exponencial a b c d e 1 a PCR: adição do primer externo a PCR: adição dos primers internos

21 Clonagem dos Fragmentos Clonagem utilizando os kits disponíveis para fragmentos de PCR blunt-end, como TA Topo (Invitrogen), pgem-t (Promega) Não é clonagem direcional Normalmente são fragmentos pequenos, na faixa de 500 pares de base 1kB Controle 2 a PCR Fragmentos blunt-end com A nas extremidades deixados pela Taq-polimerase após a reação de PCR A A

22 Obtenção dos cdnas Tester e Driver RNA Total Peso Molecular Controle: Driver Tratamento:Tester Peso Molecular mrna Controle: Driver Tratamento:Tester cdna Driver cdna Driver digerido cdna Tester cdna Tester digerido Síntese do cdna Purificação poly-a Digestão com Rsa I

23 Fragmentos de cdna após as Hibridizações Subtrativas e as Reações de PCR 1kB ladder Controle 1 a PCR Control 2 a PCR Clonagem dos fragmentos em Vetores específicos

24 Clonagem dos Fragmentos de cdna Transformação em E. coli e seleção com X-gal/IPTG Eletroporação: estratégia que usa pulsos elétricos para alterar a estabilidade da membrana Mini-preps e digestão com EcoR I para identificação dos clones com insertos

25 Armazenamento dos Clones Organização para garantir a conservação e o uso posterior dos clones Sequenciamento e Análise Detalhamento na palestra do Felipe Rodrigues da Silva

ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE

ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE ISOLAMENTO E MANIPULAÇÃO DE UM GENE Importância da Engenharia Genética Diversidade biológica X Diversidade gênica Etapas básicas da Clonagem Escolha e amplificação do

Leia mais

PROSPECÇÃO DE GENES REGULATÓRIOS E ESTRUTURAIS DE BOTÃO FLORAL DE ALGODOEIRO MORGANNA POLLYNNE N. PINHEIRO

PROSPECÇÃO DE GENES REGULATÓRIOS E ESTRUTURAIS DE BOTÃO FLORAL DE ALGODOEIRO MORGANNA POLLYNNE N. PINHEIRO UFRPE - Universidade Federal Rural de Pernambuco Programa de Pós Graduação em Melhoramento Genético de Plantas PROSPECÇÃO DE GENES REGULATÓRIOS E ESTRUTURAIS DE BOTÃO FLORAL DE ALGODOEIRO MORGANNA POLLYNNE

Leia mais

Sequenciamento de DNA

Sequenciamento de DNA Sequenciamento de DNA Figure 8-50a Molecular Biology of the Cell ( Garland Science 2008) Método de Sanger Reação de síntese de DNA por uma DNA polimerase A incorporação de um dideoxinucleotídeo interrompe

Leia mais

PCR Real-time thermal cycler Standard thermal cycler

PCR Real-time thermal cycler Standard thermal cycler PCR Real-time thermal cycler Standard thermal cycler Tópicos (1) Estratégias gerais de estudo de sequências de DNA específicas em populações de DNA complexas Requisitos da reacção de polimerização em cadeia

Leia mais

VI Congresso Brasileiro de Biossegurança Simpósio Latino-Americano de Produtos Biotecnológicos

VI Congresso Brasileiro de Biossegurança Simpósio Latino-Americano de Produtos Biotecnológicos VI Congresso Brasileiro de Biossegurança Simpósio Latino-Americano de Produtos Biotecnológicos Rio de Janeiro, 21-25 setembro de 2009 Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ Construções Mais Comuns

Leia mais

Clonagem Molecular. Esta tecnologia permite estudar os genes e os seus produtos, obter organismos transgênicos e realizar terapia gênica.

Clonagem Molecular. Esta tecnologia permite estudar os genes e os seus produtos, obter organismos transgênicos e realizar terapia gênica. Clonagem Molecular A clonagem molecular é o processo de construção de moléculas de DNA recombinante e da sua propagação em hospedeiros apropriados que possibilitam a selecção do DNA recombinante. Esta

Leia mais

DNA polimerases dependentes de "template"

DNA polimerases dependentes de template DNA polimerases dependentes de "template" - Adicionam deoxiribonucleótidos à extremidade 3' de cadeias duplas de DNA com um local de "priming" - A síntese ocorre exclusivamente na direcção 5'-3' da nova

Leia mais

Rachel Siqueira de Queiroz Simões, Ph.D rachelsqsimoes@gmail.com rachel.simoes@ioc.fiocruz.br

Rachel Siqueira de Queiroz Simões, Ph.D rachelsqsimoes@gmail.com rachel.simoes@ioc.fiocruz.br Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro Centro de Ciências Biológicas e da Saúde Casa da Medicina Unidade Gávea Coordenação Central de Extensão EPIDEMIOLOGIA MOLECULAR Rachel Siqueira de Queiroz

Leia mais

Sequenciamento de genomas

Sequenciamento de genomas Sequenciamento de genomas 1 o genoma completo vírus OX174 5.000 nt (Sanger et al. 1977) em 1977 1000 pb sequenciados por ano neste ritmo genoma E. coli K-12 4.6-Mbp levaria mais de 1000 anos para ser completo

Leia mais

Apostila de aula prática REAÇÃO EM CADEIA PELA POLIMERASE (PCR)

Apostila de aula prática REAÇÃO EM CADEIA PELA POLIMERASE (PCR) 1 Universidade Federal Fluminense Instituto Biomédico Departamento de Microbiologia e Parasitologia Disciplina: Virologia Apostila de aula prática REAÇÃO EM CADEIA PELA POLIMERASE (PCR) A técnica de reação

Leia mais

O fluxo da informação é unidirecional

O fluxo da informação é unidirecional Curso - Psicologia Disciplina: Genética Humana e Evolução Resumo Aula 3- Transcrição e Tradução Dogma central TRANSCRIÇÃO DO DNA O fluxo da informação é unidirecional Processo pelo qual uma molécula de

Leia mais

BIOTECNOLOGIA. 2. Conceito de clonagem molecular

BIOTECNOLOGIA. 2. Conceito de clonagem molecular BIOTECNOLOGIA 1. Introdução Até a década de 70, o DNA era o componente celular mais difícil de ser analisado. Sua seqüência de nucleotídeos de enorme tamanho e monotonia química era geralmente analisada

Leia mais

Avaliação molecular da macho-esterilidade citoplasmática em milho

Avaliação molecular da macho-esterilidade citoplasmática em milho Jornal Eletrônico da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG) Ano 04 - Edição 26 - Agosto / Setembro de 2010 Artigo Avaliação molecular da macho-esterilidade citoplasmática em milho por Sílvia Neto Jardim

Leia mais

DNA r ecomb m i b n i a n nt n e

DNA r ecomb m i b n i a n nt n e Tecnologia do DNA recombinante DNA recombinante molécula de DNA contendo sequências derivadas de mais de uma fonte. As primeiras moléculas de DNA recombinante 1972 Paul Berg : vírus SV40 + plasmídeo 1973:

Leia mais

Avaliação Curso de Formação Pós-Graduada da Biologia Molecular à Biologia Sintética 15 de Julho de 2011 Nome

Avaliação Curso de Formação Pós-Graduada da Biologia Molecular à Biologia Sintética 15 de Julho de 2011 Nome 1 Avaliação Curso de Formação Pós-Graduada da Biologia Molecular à Biologia Sintética 15 de Julho de 2011 Nome 1 - As enzimas de restrição ou endonucleases recebem uma designação que provem (1 valor) a)

Leia mais

Antes da descoberta dos sirnas oligonucleotídeos antisenso (ASO) eram usados para silenciar genes

Antes da descoberta dos sirnas oligonucleotídeos antisenso (ASO) eram usados para silenciar genes Antes da descoberta dos sirnas oligonucleotídeos antisenso (ASO) eram usados para silenciar genes Zamecnik PC and Stephenson ML, 1978: oligonucleotídeos como agentes antisenso para inibir replicação viral.

Leia mais

Análise de expressão gênica

Análise de expressão gênica Universidade Federal do Espírito Santo Laboratório de Biotecnologia Aplicado ao Agronegócio Análise de expressão gênica Fernanda Bravim EXPRESSÃO GÊNICA Processo pelo qual a informação contida em um gene

Leia mais

Extração de DNA. Prof. Silmar Primieri

Extração de DNA. Prof. Silmar Primieri Extração de DNA Prof. Silmar Primieri Conceitos Prévios O que é DNA? Onde se localiza o DNA na célula? Do que são formadas as membranas celulares? Qual a estrutura do DNA? O que é DNA? Unidade básica informacional

Leia mais

Genética e Melhoramento de Plantas

Genética e Melhoramento de Plantas Genética e Melhoramento de Plantas Marcadores moleculares e sua utilização no melhoramento Por: Augusto Peixe Introdução ao uso de Marcadores moleculares Definição Marcador molecular é todo e qualquer

Leia mais

ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs

ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs João Meidanis Scylla Bioinformática e UNICAMP III Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas Gramado, RS Maio 2005 MINI-CURSO - AGENDA 1. Primeiro Dia

Leia mais

Extração de DNA e Amplificação por PCR

Extração de DNA e Amplificação por PCR Universidade Federal de São Carlos Departamento de Genética e Evolução Disciplina Práticas de Genética Extração de DNA e Amplificação por PCR Érique de Castro 405523, Victor Martyn 405612, Wilson Lau Júnior

Leia mais

Biologia Avançada Jatropha curcas L.

Biologia Avançada Jatropha curcas L. 1 Pesquisadores: Hugo Bruno C. Molinari Betania F. Quirino Biologia Avançada Jatropha curcas L. Maior banco de informações moleculares em todo o mundo Gerar ferramentas para subsidiar programa de Melhoramento

Leia mais

PROGRAMA TEÓRICO. 2. O Dogma Central da Biologia Molecular

PROGRAMA TEÓRICO. 2. O Dogma Central da Biologia Molecular PROGRAMA TEÓRICO 1. As moléculas da Biologia Molecular: DNA, RNA e proteínas Aspectos particulares da composição e estrutura do DNA, RNA e proteínas. EG- Características bioquímicas dos ácidos nucleicos,

Leia mais

Mestrado em Genética Molecular

Mestrado em Genética Molecular Mestrado em Genética Molecular Ano lectivo de 2000/2001, edição 2000-2002 Biologia Molecular Expressão génica (RT-PCR) Protocolo das sessões práticas Braga, 2000 Rui Pedro Soares de Oliveira Mestrado em

Leia mais

Transcrição e Tradução. Profa. Dra. Juliana Garcia de Oliveira Disciplina: Biologia Celular e Molecular Turmas: Biologia, enfermagem, nutrição e TO.

Transcrição e Tradução. Profa. Dra. Juliana Garcia de Oliveira Disciplina: Biologia Celular e Molecular Turmas: Biologia, enfermagem, nutrição e TO. Transcrição e Tradução Profa. Dra. Juliana Garcia de Oliveira Disciplina: Biologia Celular e Molecular Turmas: Biologia, enfermagem, nutrição e TO. Tópicos abordados na aula Dogma Central da Biologia Molecular;

Leia mais

BIOLOGIA MOLECULAR. Prof. Dr. José Luis da C. Silva

BIOLOGIA MOLECULAR. Prof. Dr. José Luis da C. Silva BIOLOGIA MOLECULAR Prof. Dr. José Luis da C. Silva BIOLOGIA MOLECULAR A Biologia Molecular é o estudo da Biologia em nível molecular, com especial foco no estudo da estrutura e função do material genético

Leia mais

REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR)

REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR) Área de Ciências da Saúde Curso de Medicina Módulo: Saúde do Adulto e Idoso II GENÉTICA HUMANA Professora: Dra. Juliana Schmidt REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE (PCR) A molécula de DNA é um longo polímero

Leia mais

PCR MARCADORES MOLECULARES. Prof. Dr. José Luis da C. Silva

PCR MARCADORES MOLECULARES. Prof. Dr. José Luis da C. Silva PCR MARCADORES MOLECULARES Prof. Dr. José Luis da C. Silva Histórico da PCR Kornberg (1960) Isolou e caracterizou a DNA polimerase. O isolamento desta enzima possibilitou o desenvolvimento da síntese in

Leia mais

ÁCIDOS NUCLEÍCOS RIBOSSOMO E SÍNTESE PROTEÍCA

ÁCIDOS NUCLEÍCOS RIBOSSOMO E SÍNTESE PROTEÍCA ÁCIDOS NUCLEÍCOS RIBOSSOMO E SÍNTESE PROTEÍCA ÁCIDOS NUCLÉICOS: Moléculas orgânicas complexas, formadas polimerização de nucleotídeos (DNA e RNA) pela Contêm a informação que determina a seqüência de aminoácidos

Leia mais

Reação em Cadeia Da Polimerase

Reação em Cadeia Da Polimerase Reação em Cadeia Da Polimerase X Jornada Farmacêutica IV Amostra 2010 Sueli Massumi Nakatani LACEN-PR Um Pouco de História... Um Pouco de História... 1983 Kary Mullis for his invention of the polymerase

Leia mais

Como a vida funciona? O processo de Transcrição. Prof. Dr. Francisco Prosdocimi

Como a vida funciona? O processo de Transcrição. Prof. Dr. Francisco Prosdocimi Como a vida funciona? O processo de Transcrição Prof. Dr. Francisco Prosdocimi Dogma central O fluxo da informação é unidirecional Refutação definitiva da herança dos caracteres adquiridos Transcrição

Leia mais

Enzimas e Clonagem Molecular

Enzimas e Clonagem Molecular Universidade Estadual de Maringá Enzimas e Clonagem Molecular Disciplina: Biologia Molecular 6855 Profa. Dra Maria Aparecida Fernandez Enzimas: Enzimas de Restrição Endonucleases de restrição; Fazem o

Leia mais

Problemas de Engenharia Genética

Problemas de Engenharia Genética Engenharia Genética Secção de Genética e Dinâmica de Populações Departamento de Biologia Vegetal Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa Problemas de Engenharia Genética 2. Técnicas de análise

Leia mais

Tecnologia do DNA recombinante

Tecnologia do DNA recombinante Tecnologia do DNA recombinante Tecnologia do DNA Recombinante déc. 70 conhecimento de mecanismos biomoleculares enzimas biológicas cortar DNA ligar DNA replicar DNA transcrever reversamente o RNA complementaridade

Leia mais

Estratégias de clonagem

Estratégias de clonagem UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO PÓLO AVANÇADO DE XERÉM GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA CURSO MELH. GEN. E OGMs (XBT353) TURMA 2015/2 Estratégias de clonagem Prof. Dr. Silas Pessini Rodrigues Rio de Janeiro,

Leia mais

Genética Molecular. Fundamentos Aplicações científicas Biotecnologia

Genética Molecular. Fundamentos Aplicações científicas Biotecnologia Genética Molecular Fundamentos Aplicações científicas Biotecnologia Genética Molecular DNA RNA Proteínas Universo Celular Ciclo celular Ciclo Celular: Mitose Célula animal Núcleo Celular: Cromossomas Cromossoma:

Leia mais

WHO GLOBAL SALM-SURV NÍVEL III

WHO GLOBAL SALM-SURV NÍVEL III WHO GLOBAL SALM-SURV NÍVEL III CAMPYLOBACTER spp. Multiplex PCR para detecção de C. jejuni e C. coli Grace Theophilo LRNCEB IOC/FIOCRUZ gtheo@ioc.fiocruz.br Diagnóstico molecular para Campylobacter spp.

Leia mais

Técnicas de análise de proteínas. Estrutura secundária da enzima COMT

Técnicas de análise de proteínas. Estrutura secundária da enzima COMT Técnicas de análise de proteínas Estrutura secundária da enzima COMT Fundamento e aplicação das técnicas de análise de proteínas Electroforese em gel de poliacrilamida (SDS-PAGE) Hibridação Western Electroforese

Leia mais

PCR in situ PCR Hotstart

PCR in situ PCR Hotstart Bruno Matos e Júlia Cougo PCR in situ PCR Hotstart Disciplina de Biologia Molecular Profª. Fabiana Seixas Graduação em Biotecnologia - UFPel PCR in situ - É a técnica de PCR usada diretamente numa lâmina

Leia mais

Técnicas de biologia molecular. da análise de genes e produtos gênicos únicos a abordagens em larga escala

Técnicas de biologia molecular. da análise de genes e produtos gênicos únicos a abordagens em larga escala Técnicas de biologia molecular da análise de genes e produtos gênicos únicos a abordagens em larga escala os mesmos genes, qual a diferença? Dogma central Localizando alvos Técnicas iniciais para evidenciar

Leia mais

Southern blotting análise de DNA. Northern blotting análise de RNA. Western blotting análise de proteínas

Southern blotting análise de DNA. Northern blotting análise de RNA. Western blotting análise de proteínas Southern blotting análise de DNA Northern blotting análise de RNA Western blotting análise de proteínas Southern blotting Hibridação DNA-DNA em membrana Southern blot Digestão enzimática Eletroforese em

Leia mais

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações

Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações Técnicas de PCR: Aplicações e Padronização de Reações BSc. Daniel Perez Vieira (Protozoologia-IMTSP/ Laboratório de Biologia Molecular-IPEN) Aula 3 - Análise dos produtos: Qualitativa e Semi- Quantitativa

Leia mais

7.012 Conjunto de Problemas 5

7.012 Conjunto de Problemas 5 Nome Seção 7.012 Conjunto de Problemas 5 Pergunta 1 Enquanto estudava um problema de infertilidade, você tentou isolar um gene hipotético de coelho que seria responsável pela prolífica reprodução desses

Leia mais

Replicação Quais as funções do DNA?

Replicação Quais as funções do DNA? Replicação Quais as funções do DNA? Aula nº 4 22/Set/08 Prof. Ana Reis Replicação O DNA é a molécula que contém a informação para todas as actividades da célula. Uma vez que as células se dividem, é necessário

Leia mais

Ficha Informativa nº11 Fundamentos de Engª.Genética

Ficha Informativa nº11 Fundamentos de Engª.Genética FICHA INFORMATIVA Nº11 FUNDAMENTOS DE ENGª.GENÉTICA Ficha Informativa nº11 Fundamentos de Engª.Genética Durante 25 anos, desde 1950 a 1957, a molécula de DNA foi considerada intocável. A partir da década

Leia mais

Metabolismo de RNA: Transcrição procarioto/eucarioto

Metabolismo de RNA: Transcrição procarioto/eucarioto Metabolismo de RNA: Transcrição procarioto/eucarioto Controle do nível de proteínas DNA inibição RNA degradação inibição Proteína degradação Tipos de RNA produzidos em uma célula Abundancia dos diferentes

Leia mais

Exercício 3 PCR Reação em Cadeia da Polimerase

Exercício 3 PCR Reação em Cadeia da Polimerase Exercício 3 PCR Reação em Cadeia da Polimerase (Polymerase Chain Reaction - PCR) Uma das dificuldades dos pesquisadores frente à análise baseada no DNA é a escassez deste. Na medicina forense pode-se ter

Leia mais

PCR tempo real. PCR quantitativo. 52º Congresso Nacional de Genética Foz do Iguaçu

PCR tempo real. PCR quantitativo. 52º Congresso Nacional de Genética Foz do Iguaçu PCR tempo real PCR quantitativo 52º Congresso Nacional de Genética Foz do Iguaçu Aspectos Básicos um dos métodos atuais de aferir o nível de expressão de genes mas não é o único: Northern blotting (quantificação

Leia mais

TRANSCRIÇÃO DO DNA: Tipos de RNA

TRANSCRIÇÃO DO DNA: Tipos de RNA TRANSCRIÇÃO DO DNA: Síntese do mrna Gene (Unidades transcricionais) Tipos de RNA Tipos de RNA polimerase Tipos de RNA polimerase DNA dependente Transcrição em Procariotos Transcrição em Eucariotos Mecanismos

Leia mais

RNA: extrema. plasticidade... funcional. Estrutura do RNA: extrema plasticidade. Estrutura do RNA: um mundo de. diferenças. & extrema plasticidade

RNA: extrema. plasticidade... funcional. Estrutura do RNA: extrema plasticidade. Estrutura do RNA: um mundo de. diferenças. & extrema plasticidade Estrutura do RNA: um mundo de diferenças & extrema plasticidade Estrutura do RNA: extrema plasticidade RNA: extrema plasticidade... funcional RNA: funções múltiplas rrna, mrna, trna, RNAs de funções especiais

Leia mais

A partícula viral infectante, chamada vírion, consiste de um ácido nucléico e de uma capa protéica externa (capsídeo). O conjunto do genoma mais o

A partícula viral infectante, chamada vírion, consiste de um ácido nucléico e de uma capa protéica externa (capsídeo). O conjunto do genoma mais o 1 A partícula viral infectante, chamada vírion, consiste de um ácido nucléico e de uma capa protéica externa (capsídeo). O conjunto do genoma mais o capsídeo de um vírion é denominado de nucleocapsídeo.

Leia mais

ls_pinto@hotmail.com Sibele Borsuk sibele@ufpel.tche.br

ls_pinto@hotmail.com Sibele Borsuk sibele@ufpel.tche.br Universidade Tiradentes Mestrado em Biotecnologia Industrial Seqüenciamento de DNA ls_pinto@hotmail.com Sibele Borsuk sibele@ufpel.tche.br Sequenciamento de DNA em MegaBACE DNA Analysis Systems TGTGAACACACGTGTGGATTGG...

Leia mais

DNA E SÍNTESE PROTEICA

DNA E SÍNTESE PROTEICA Genética Animal DNA e síntese proteica 1 DNA E SÍNTESE PROTEICA Estrutura do DNA: -Molécula polimérica, cujos monômeros denominam-se nucleotídeos. -Constituição dos nucleotídeos: açúcar pentose (5 -desoxirribose)

Leia mais

MAPA DO CROMOSSOMA DE E.coli

MAPA DO CROMOSSOMA DE E.coli REPLICAÇÃO DE DNA MAPA DO CROMOSSOMA DE E.coli TERMINOLOGIA Regras básicas para a designação de genes e proteínas: Genes bacterianos 3 letras minúsculas em itálico que reflectem a sua função aparente Ex:

Leia mais

BIOTECNOLOGIA E ENGENHARIA GENÉTICA. Profa. Maria Paula

BIOTECNOLOGIA E ENGENHARIA GENÉTICA. Profa. Maria Paula BIOTECNOLOGIA E ENGENHARIA GENÉTICA Profa. Maria Paula FERRAMENTAS Enzimas: de restrição, DNA-ligase, DNA-polimerase, transcriptase Vetores: plasmídeos, vírus 1) PGH O número de genes é muito menor do

Leia mais

V e t e r i n a r i a n D o c s www.veterinariandocs.com.br. Genética

V e t e r i n a r i a n D o c s www.veterinariandocs.com.br. Genética V e t e r i n a r i a n D o c s Genética Introdução Conceitos Gene: segmento de DNA que é expresso para produzir um produto funcional, o que pode ser RNA ou polipeptídeo. 3 partes: seqüência reguladora,

Leia mais

ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs

ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs ANÁLISE GENÔMICA, MAPEAMENTO E ANÁLISE DE QTLs João Meidanis Scylla Bioinformática e UNICAMP III Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas Gramado, RS Maio 2005 MINI-CURSO - AGENDA 1. Primeiro Dia

Leia mais

Sistema Web para Projeto de PCR

Sistema Web para Projeto de PCR Sistema Web para Projeto de PCR Abstract. This paper describes a web system that help the work of molecular biologists, automatizating the steps necessary for preparing a PCR experiment. This system will

Leia mais

TRANSCRICAO E PROCESSAMENTO DE RNA

TRANSCRICAO E PROCESSAMENTO DE RNA TRANSCRICAO E PROCESSAMENTO DE RNA Número de genes para RNA RNA ribossômico - rrna Os rrnas correspondem a 85 % do RNA total da célula, e são encontrados nos ribossomos (local onde ocorre a síntese proteíca).

Leia mais

Biologia Molecular de Corinebactérias Produtoras de Aminoácidos: Análise do Genoma de Brevibacterium lactofermentum ATCC 13869

Biologia Molecular de Corinebactérias Produtoras de Aminoácidos: Análise do Genoma de Brevibacterium lactofermentum ATCC 13869 Biologia Molecular de Corinebactérias Produtoras de Aminoácidos: Análise do Genoma de Brevibacterium lactofermentum ATCC 13869 António Carlos Matias Correia Dissertação apresentada à Universidade de Aveiro

Leia mais

ACESSO VESTIBULAR QUESTÕES DE PROCESSAMENTO DE RNA OU SPLICING 01. (MAMA 2007.1) PÁGINAS OCULTAS NO LIVRO DA VIDA

ACESSO VESTIBULAR QUESTÕES DE PROCESSAMENTO DE RNA OU SPLICING 01. (MAMA 2007.1) PÁGINAS OCULTAS NO LIVRO DA VIDA ACESSO VESTIBULAR QUESTÕES DE PROCESSAMENTO DE RNA OU SPLICING 01. (MAMA 2007.1) PÁGINAS OCULTAS NO LIVRO DA VIDA Os biólogos supunham que apenas as proteínas regulassem os genes dos seres humanos e dos

Leia mais

Genética Bacteriana. Prof (a) Dra. Luciana Debortoli de Carvalho

Genética Bacteriana. Prof (a) Dra. Luciana Debortoli de Carvalho Universidade Federal de Juiz de Fora Departamento de Microbiologia, Parasitologia e Imunologia Genética Bacteriana Prof (a) Dra. Luciana Debortoli de Carvalho Introdução O DNA existe como uma hélice de

Leia mais

MEDICINA VETERINÁRIA. Disciplina: Genética Animal. Prof a.: D rd. Mariana de F. Gardingo Diniz

MEDICINA VETERINÁRIA. Disciplina: Genética Animal. Prof a.: D rd. Mariana de F. Gardingo Diniz MEDICINA VETERINÁRIA Disciplina: Genética Animal Prof a.: D rd. Mariana de F. Gardingo Diniz TRANSCRIÇÃO DNA A transcrição é o processo de formação de uma molécula de RNA a partir de uma molécula molde

Leia mais

Resumos do 56º Congresso Nacional de Botânica.

Resumos do 56º Congresso Nacional de Botânica. Genômica Florestal: Oportunidades e Desafios DARIO GRATTAPAGLIA - EMBRAPA RECURSOS GENÉTICOS E BIOTECNOLOGIA/UNIVERSIDADE CATÓLICA DE BRASÍLIA dario@cenargen.embrapa.br Introdução Plantações florestais

Leia mais

MUTAÇÃO. O que é mutação? - Alteração no material genético.

MUTAÇÃO. O que é mutação? - Alteração no material genético. Universidade Federal do Piauí Núcleo de Estudos em Genética e Melhoramento (GEM) CNPJ: 12.597.925/0001-40 Rua Dirce de Oliveira,3597- Socopo/Teresina-PI Mutação MARIANE DE MORAES COSTA Teresina, 01 de

Leia mais

Fundamentos de GENÉTICA BACTERIANA. Profa Francis Moreira Borges

Fundamentos de GENÉTICA BACTERIANA. Profa Francis Moreira Borges Fundamentos de GENÉTICA BACTERIANA Profa Francis Moreira Borges As bactérias possuem material genético, o qual é transmitido aos descendentes no momento da divisão celular. Este material genético não está

Leia mais

Replicação do DNA a Nível Molecular

Replicação do DNA a Nível Molecular Replicação do DNA a Nível Molecular Função do DNA Transferência de informação Copiada em DNA (Replicação) Traduzida em proteína Modelo de replicação do DNA proposto por Watson e Crick Replicação ou Duplicação?

Leia mais

Tecnologia do DNA Recombinante-TDR

Tecnologia do DNA Recombinante-TDR Tecnologia do DNA Recombinante-TDR (clonagem de DNA) CONSTRUINDO A MOLÉCULA DE DNA RECOMBINANTE, BIOTECNOLOGIA:Engenharia genética. A utilização de microorganismos, plantas e animais para a produção de

Leia mais

Colónias satélite: ao fim de 2 dias (a e b) e de 4 (c)

Colónias satélite: ao fim de 2 dias (a e b) e de 4 (c) Colónias satélite: ao fim de 2 dias (a e b) e de 4 (c) 1 Regulação da expressão de genes 2 A decisão em iniciar a transcrição de um gene que codifica uma proteína em particular é o principal mecanismo

Leia mais

As bactérias operárias

As bactérias operárias A U A UL LA As bactérias operárias Na Aula 47 você viu a importância da insulina no nosso corpo e, na Aula 48, aprendeu como as células de nosso organismo produzem insulina e outras proteínas. As pessoas

Leia mais

RNA: transcrição e processamento

RNA: transcrição e processamento Universidade Federal do Piauí Centro de Ciências Agrárias Programa de Pós-graduação em Genética e Melhoramento Núcleo de Estudos em Genética e Melhoramento Bases Moleculares da Hereditariedade RNA: transcrição

Leia mais

MÓDULO III AULA 2: CONTROLE DA EXPRESSÃO GÊNICA EM EUCARIOTOS

MÓDULO III AULA 2: CONTROLE DA EXPRESSÃO GÊNICA EM EUCARIOTOS BIOLOGIA MOLECULAR BÁSICA MÓDULO III Olá! Chegamos ao último módulo do curso! Antes do início das aulas, gostaria de ressaltar que este módulo está repleto de dicas de animações. Dê uma olhada nas animações

Leia mais

RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA

RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Biológicas Departamento de Bioquímica e Imunologia Professor: Miguel Alunos: Gustavo Bastos, Hugo Rezende, Monica Maertens,

Leia mais

Bases e aplicações. da tecnologia do DNA recombinante

Bases e aplicações. da tecnologia do DNA recombinante Bases e aplicações da tecnologia do DNA recombinante Por quê entender a Tecnologia do DNA recombinante? y y Doenças: diagnóstico, prognóstico e tratamento Compreensão dos mecanismos biológicos y y y organismos

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ Departamento de Biologia Celular e Genética

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ Departamento de Biologia Celular e Genética UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ Departamento de Biologia Celular e Genética Biologia Molecular Tópicos de estudo Prof a Dr a Maria Aparecida Fernandez 2003 1 Unidade I Estrutura dos Ácidos Nucléicos Estrutura

Leia mais

Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular

Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular 1 2 Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular Conceitos Básicos de Técnicas em Biologia Molecular 3 ISSN 0103-0205 Setembro, 2008 Empresa Brasileira

Leia mais

CONCEITOS DE BIOLOGIA MOLECULAR. Jorge Mondego

CONCEITOS DE BIOLOGIA MOLECULAR. Jorge Mondego CONCEITOS DE BIOLOGIA MOLECULAR Jorge Mondego Biologia Molecular Genome Transcriptome The OME -Era Proteome Metabolome - Entendimento da fisiologia e reprodução de microorganismos - Entendimento dos mecanismos

Leia mais

Replicação do DNA REPLICAÇÃO DIVISÃO CELULAR E REPLICAÇÃO DNA REPLICAÇÃO. REPLICAÇÃO - Bibliografia

Replicação do DNA REPLICAÇÃO DIVISÃO CELULAR E REPLICAÇÃO DNA REPLICAÇÃO. REPLICAÇÃO - Bibliografia REPLICAÇÃO Plano de Aula -DNA e Hereditariedade -Processo de replicação REPLICAÇÃO Prof. Juliana Schmidt Curso Farmácia 2012 REPLICAÇÃO - Bibliografia DIVISÃO CELULAR E REPLICAÇÃO ALBERTS, B.; BRAY, D.;

Leia mais

Hoje estudaremos a bioquímica dos ácidos nucléicos. Acompanhe!

Hoje estudaremos a bioquímica dos ácidos nucléicos. Acompanhe! Aula: 2 Temática: Ácidos Nucléicos Hoje estudaremos a bioquímica dos ácidos nucléicos. Acompanhe! Introdução: Os ácidos nucléicos são as moléculas com a função de armazenamento e expressão da informação

Leia mais

Estrutura e função dos ácidos nucléicos. Profa. Melissa de Freitas Cordeiro-Silva

Estrutura e função dos ácidos nucléicos. Profa. Melissa de Freitas Cordeiro-Silva Estrutura e função dos ácidos nucléicos Profa. Melissa de Freitas Cordeiro-Silva > Polímeros de nucleotídeos Funções: DNA (ácido desoxirribonucléico) : > Armazenar as informações necessárias para a construção

Leia mais

Sequenciamento de genoma e transcriptomas

Sequenciamento de genoma e transcriptomas Sequenciamento de genoma e transcriptomas Por que seqüenciar genomas? O seqüenciamento de genomas é o primeiro passo para obter uma descrição completa da composição molecular de cada organismo, pois todas

Leia mais

Exame de 1ª Época Engenharia Genética 16 de Janeiro de 2009 Duração: 2h30min

Exame de 1ª Época Engenharia Genética 16 de Janeiro de 2009 Duração: 2h30min Nome: Curso: Nº Exame de 1ª Época Engenharia Genética 16 de Janeiro de 2009 Duração: 2h30min As bactérias Gram-negativas como Salmonella typhi têm de se adaptar a uma variedade de stresses ambientais extremos

Leia mais

Produção de Proteínas Recombinantes em Escherichia coli

Produção de Proteínas Recombinantes em Escherichia coli Produção de Proteínas Recombinantes em Escherichia coli Prof. Dr. Catarina Akiko Miyamoto 1 Resumo A produção de proteínas recombinantes para fins terapêuticos, veterinários, e agro-pecuários tem se mostrado

Leia mais

Núcleo Celular. Biomedicina primeiro semestre de 2012 Profa. Luciana Fontanari Krause

Núcleo Celular. Biomedicina primeiro semestre de 2012 Profa. Luciana Fontanari Krause Núcleo Celular Biomedicina primeiro semestre de 2012 Profa. Luciana Fontanari Krause Núcleo Celular Eucarioto: núcleo delimitado por membrana nuclear (carioteca) Portador dos fatores hereditários e controlador

Leia mais

Técnicas moleculares

Técnicas moleculares Técnicas moleculares PCR Reação em Cadeia da Polimerase Inventada em 1983 por Kary Mullis é uma das técnicas mais comuns utilizadas em laboratórios de pesquisas médicas e biológicas Kary Mullis ganhou

Leia mais

7.012 Conjunto de Problemas 3

7.012 Conjunto de Problemas 3 Nome Seção 7.012 Conjunto de Problemas 3 Data estelar 7.012.10.4.00 Diário Pessoal do Oficial Médico Responsável do USS Hackerprise Depois de voltar de uma missão em Europa, Noslen, um dos membros da tripulação,

Leia mais

Do Corpo Humano ao DNA. Noções de Biologia Molecular. Nucleotídeos - DNA RNA. Dogma central. Prof a. Dr a. Mônica B.

Do Corpo Humano ao DNA. Noções de Biologia Molecular. Nucleotídeos - DNA RNA. Dogma central. Prof a. Dr a. Mônica B. Do Corpo Humano ao DNA Noções de Biologia Molecular Prof a. Dr a. Mônica B. Melo FCM - SCSP - Estrutura dos ácidos nucléicos (DNA, RNA) - Replicação - Transcrição - Processamento - Tradução -Mutações -

Leia mais

DNA recombinante in a nutshell

DNA recombinante in a nutshell DNA recombinante in a nutshell Biologia Molecular Aplicada A tecnologia do DNA recombinante Prof. Dr. Francisco Prosdocimi Teoria bem fundamentada Por volta do início da década de 70, os fundamentos básicos

Leia mais

CONTROLE DO METABOLISMO GENES

CONTROLE DO METABOLISMO GENES CONTROLE DO METABOLISMO GENES 10/06/15 1º ANO - BIOLOGIA 1 ESTRUTURA DO GENE Segmentos (pedaços) da molécula de DNA, o constituinte dos nossos cromossomos, onde estão inscritas receitas (códigos genéticos)

Leia mais

Biologia molecular aplicada ao diagnóstico de vírus

Biologia molecular aplicada ao diagnóstico de vírus Biologia molecular aplicada ao diagnóstico de vírus Tânia Rosária Pereira Freitas Pesquisadora em Ciências Exatas e da Natureza Virologia Animal - Lanagro/MG Biologia Molecular DNA RNA Proteínas Célula

Leia mais

RETROCRUZAMENTOS AUXILIADOS POR MARCADORES MOLECULARES PARA CONVERSÃO DE LINHAGENS NORMAIS EM MILHO DE ALTA QUALIDADE PROTÉICA (QPM)

RETROCRUZAMENTOS AUXILIADOS POR MARCADORES MOLECULARES PARA CONVERSÃO DE LINHAGENS NORMAIS EM MILHO DE ALTA QUALIDADE PROTÉICA (QPM) RETROCRUZAMENTOS AUXILIADOS POR MARCADORES MOLECULARES PARA CONVERSÃO DE LINHAGENS NORMAIS EM MILHO DE ALTA QUALIDADE PROTÉICA (QPM) DUARTE J.M., PACHECO C.A.P., CARNEIRO N.P., GUIMARÃES C.T., GUIMARÃES

Leia mais

Biologia Molecular. Caderno de relatórios. Turma 3 Grupo 2 Alexandra Teixeira, Catarina Cunha, Mª Inês Silva. Licenciatura em Bioquímica 2013/2014

Biologia Molecular. Caderno de relatórios. Turma 3 Grupo 2 Alexandra Teixeira, Catarina Cunha, Mª Inês Silva. Licenciatura em Bioquímica 2013/2014 Biologia Molecular Caderno de relatórios Turma 3 Grupo 2 Alexandra Teixeira, Catarina Cunha, Mª Inês Silva Docentes: Dr. Cláudio Sunkel, Prof. Mariana Osswald 1 Extração de DNA genómico de Drosophila Melanogaster

Leia mais

Controle da expressão gênica

Controle da expressão gênica Programa de Biologia Celular V Curso de Verão Controle da expressão gênica Renata Ramalho Oliveira roliveira@inca.gov.br Desenvolvimento e fenótipos explicados pela modulação da expressão gênica Lehninger.

Leia mais

Estrutura e Função de Ácidos Nucléicos

Estrutura e Função de Ácidos Nucléicos UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO INSTITUTO DE QUÍMICA DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA QBQ0313 Estrutura e Função de Ácidos Nucléicos Flavia Carla Meotti Os Ácidos Nucléicos Função: armazenamento e transmissão da informação

Leia mais

1. (Unesp) A ilustração apresenta o resultado de um teste de paternidade obtido pelo método do DNA-Fingerprint, ou "impressão digital de DNA".

1. (Unesp) A ilustração apresenta o resultado de um teste de paternidade obtido pelo método do DNA-Fingerprint, ou impressão digital de DNA. Ácidos Nuclêicos 1. (Unesp) A ilustração apresenta o resultado de um teste de paternidade obtido pelo método do DNA-Fingerprint, ou "impressão digital de DNA". a) Segundo o resultado acima, qual dos homens,

Leia mais

Programa Interunidades de Pós-Graduação em Bioinformática - Universidade de São Paulo

Programa Interunidades de Pós-Graduação em Bioinformática - Universidade de São Paulo *Tópicos e Bibliografia da Prova de Seleção em Bioinformática Área: Biológicas 1 Estrutura e Função de ácidos nucleicos 1.1 Fluxo da Informação genética 1.2 Blocos estruturais do DNA e RNA 1.3 Níveis de

Leia mais

Equipe de Biologia. Biologia

Equipe de Biologia. Biologia Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 5B Ensino Médio Equipe de Biologia Data: Biologia Ácidos nucléicos Os ácidos nucléicos são moléculas gigantes (macromoléculas), formadas por unidades monoméricas menores

Leia mais

CLONAGEM DE DNA. CLONAGEM: é multiplicar assexuadamente. Primeiros experimentos bem sucedidos de clonagem foram mostrados no início da década de 1970.

CLONAGEM DE DNA. CLONAGEM: é multiplicar assexuadamente. Primeiros experimentos bem sucedidos de clonagem foram mostrados no início da década de 1970. Clonagem de DNA CLONAGEM DE DNA CLONAGEM: é multiplicar assexuadamente. Na Biologia Molecular, significa mais especificamente crescer uma colônia de bactérias a partir de uma célula única. Clonagem de

Leia mais

Fundamentos da Evolução

Fundamentos da Evolução Fundamentos da Evolução UNIDADE VIII EVOLUÇÃO CAPÍTULO 24 Aula 02 Teorias evolucionistas Teoria Sintética Fatores evolutivos TEORIA SINTÉTICA DA EVOLUÇÃO Neodarwinismo Século XX Combina seleção natural

Leia mais

Bioinformática. Trabalho prático enunciado complementar. Notas complementares ao 1º enunciado

Bioinformática. Trabalho prático enunciado complementar. Notas complementares ao 1º enunciado Bioinformática Trabalho prático enunciado complementar Neste texto, enunciam- se algumas considerações adicionais ao 1º enunciado e uma lista de possíveis tarefas que complementam o enunciado original

Leia mais