BTC 022A Equipamento Cubo Mágico

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BTC 022A Equipamento Cubo Mágico"

Transcrição

1 BTC 022A Equipamento Cubo Mágico Este boletim tem como finalidade informar aos STA s sobre o equipamento Cubo Mágico da Skol, e suas particularidades para auxílio durante um eventual atendimento. Apresentação O Cubo Mágico é um equipamento exclusivo Ambev que foi produzido para a logomarca Skol. Ele possui um sistema inovador de prateleiras deslizantes que são apropriadas para o armazenamentos de Cubos (uma espécie de balde térmico específico para o armazenamento de 4 garrafas de 600ml Veja foto a seguir). Além disso, esse equipamento possui carenagem na porta de vidro e um display que fica localizado na parte superior direita (por trás da carenagem) e utiliza o R290 como fluido refrigerante. Produto Cubo Mágico - Skol Cubo térmico para armazenamento das bebidas Página 1/5

2 Remoção da carenagem (acesso ao display) Para ter acesso ao display, o técnico deve remover a carenagem da porta. E para retirar a carenagem, é necessária uma ferramenta que auxilie na remoção dos clips de fixação, conforme ilustrado abaixo: Desenho do formato ideal da ferramenta Exemplos de ferramenta elaborada (vista superior) Exemplos de ferramenta elaborada (vista lateral) Remoção de um dos clips de fixação da carenagem Remoção de um dos clips de fixação da carenagem Carenagem removida Página 2/5

3 OBS: A ferramenta utilizada no procedimento acima foi elaborada com um suporte de micro motor, porém, o técnico poderá utilizar outro tipo de ferramenta desde que não danifique a carenagem do produto. Controlador O controlador utilizado no equipamento Cubo Mágico é o Slim, da Coel. O módulo transformador fica na parte inferior do produto e o display (como mostrado anteriormente) fica na parte superior, por trás da carenagem. A parametrização é feita no display, através do botão em destaque na imagem abaixo: Display e indicação do botão de ajuste do termostato (em vermelho) As conexões dos sensores e o software (inteligência do controlador) ficam localizados no módulo transformador, apenas o acesso aos parâmetros é feito através do display. Em modo normal, o controlador opera o equipamento com os seguintes parâmetros: 01 setpoint normal; 02 diferencial normal; 03 offset; 05 tempo de porta fechada. Para entrar no modo econômico, o controlador compara o tempo de porta fechada com o parâmetro (05) Uma vez alcançado, o equipamento tem a iluminação desativada e passa a operar com os seguintes parâmetros: 06 setpoint econômico; 07 diferencial econômico; Indicação do display O display indica a mensagem EC quando está em economia. Para sair, basta abrir a porta. Quando a porta estiver aberta por mais de 1 minuto, exibe a mensagem PA. Em funcionamento normal, o display indica a temperatura corrigida do sensor do gabinete. Página 3/5

4 Indicação de alarmes Acesso aos parâmetros O ajuste deverá ser feito através de uma tecla de ajuste localizado na parte dianteira do módulo controlador. Siga o procedimento de ajuste a seguir: 1. Mantenha a tecla de ajuste pressionada até aparecer 01 piscando no display e solte. 01 é o código do parâmetro set-point normal ; 2. Selecione o parâmetro a ser alterado através de toques breves (01; 02; 03; 05; 06; 07); 3. Após selecionar o parâmetro a ser alterado, mantenha a tecla pressionada até que o valor atual desse parâmetro seja mostrado piscando rapidamente; 4. Selecione o valor desejado através de toques breves (o valor será incrementado em passos de 0,5 C ou 1h até que, após o último, voltará ao primeiro valor); 5. Após o ajuste, mantenha a tecla de ajuste pressionada até aparecer novamente o código do parâmetro; 6. Caso queira alterar outro parâmetro, repita o processo a partir da etapa Encerrados os ajustes, mantenha a tecla pressionada até que o controlador volte à operação normal (mostrando a temperatura interna) ou desligue e ligue o controlador. Página 4/5

5 Parâmetro 01 - Set point 02 - Diferencial 03 - Offset Valor Prateleiras Como dito anteriormente, o Cubo Mágico possui prateleiras deslizantes. Para retira-las, basta seguir o procedimento a seguir: Empurre a prateleira até o fundo Levante a parte da frente (retirando o rodízio frontal pela abertura do trilho mostrada na foto seguinte) Com a parte da frente levantada, puxe a prateleira para retirar o rodízio traseiro pela abertura no trilho indicada pela seta Remova a prateleira Para inserir novamente a prateleira, basta inserir primeiramente o rodízio traseiro na abertura do trilho, e empurrar a prateleira até o fundo, fazendo com que o rodízio frontal também entre no trilho. OBS: caso a prateleira emperre, o técnico deve verificar se o problema não é gabinete abaulado ou algum defeito no trilho, por exemplo, rebite de fixação do trilho mal colocado. Equipe Life Cycle Tecnologia Visite nosso e-learning: Página 5/5

BTR 086B VF50R Termostato Eletrônico Fim de Degelo

BTR 086B VF50R Termostato Eletrônico Fim de Degelo BTR 086B-04-10 VF50R Termostato Eletrônico Fim de Degelo Este boletim tem como finalidade informar à rede de STAs sobre o novo termostato de fim de degelo Coel desenvolvido para aplicação no freezer vertical

Leia mais

BTP 012A VN Controladores Eletrônicos

BTP 012A VN Controladores Eletrônicos BTP 012A-02-11 VN Controladores Eletrônicos Este boletim tem como objetivo apresentar os controladores eletrônicos e componentes utilizados nos equipamentos cervejeiros da linha VN Metalfrio. Informações

Leia mais

Eliminando atolamentos de mídia de impressão

Eliminando atolamentos de mídia de impressão Para obter dicas sobre como evitar atolamentos, consulte Evitando atolamentos. 1 Se você tiver um problema de atolamento de papel, siga as instruções deste tópico a seguir para eliminar o atolamento e

Leia mais

BTP 001B Peças de Reposição ARV-570 Hussmann

BTP 001B Peças de Reposição ARV-570 Hussmann BTP 001B-03-09 Peças de Reposição ARV-570 Hussmann Este boletim tem a finalidade de informar através de imagem, código, descrição e aplicação, todas as peças de reposição dos equipamentos ARV-570 da marca

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO DA FECHADURA TW3200

GUIA DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO DA FECHADURA TW3200 GUIA DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO DA FECHADURA TW3200 Características Abertura por impressão digital e/ou chave mecânica; Capacidade para 100 utilizadores; Resistente a água (chuvas e salpicos); Fechadura

Leia mais

Diebold Procomp. We won t t rest. Treinamento Técnico. agosto/2009

Diebold Procomp. We won t t rest. Treinamento Técnico. agosto/2009 Treinamento Técnico agosto/2009 Modelo de Impressora Mecanismo impressor para TSP143MF Características técnicas Velocidade de impressão 100 mm/s Interface de comunicação Serial (RS232) Nível de sinal:

Leia mais

2.ª Prática Controle (PID) do Nível da Caldeira (Tanque 02) da Planta de Instrumentação Industrial e Controle de Processos da De Lorenzo

2.ª Prática Controle (PID) do Nível da Caldeira (Tanque 02) da Planta de Instrumentação Industrial e Controle de Processos da De Lorenzo 1 2.ª Prática Controle (PID) do Nível da Caldeira (Tanque 02) da Planta de Instrumentação Industrial e Controle de Processos da De Lorenzo OBJETIVO: 1. Fazer o controle (PID) de um determinado nível na

Leia mais

AUTOMATIZADOR - SENTRA

AUTOMATIZADOR - SENTRA Manual de Acessórios AUTOMATIZADOR - SENTRA Part Number: PRT89 - SENTRA Execute a operação descrita utilizando os seguintes itens: A B Fusível Amarelo mini 0A Scotchlok Cabo complementar de alimentação

Leia mais

reehn 30.000 btus ERRO. Ao ligar e se deparar com o erro E4, devem ser feitos os testes abaixo indicados antes de trocar a placa da evaporadora:

reehn 30.000 btus
ERRO. Ao ligar e se deparar com o erro E4, devem ser feitos os testes abaixo indicados antes de trocar a placa da evaporadora: ERRO E-4 O erro ocorre quando o sensor de imersão da serpentina da evaporadora informa à placa principal da própria evaporadora que a serpentina está numa temperatura anormal (ou muito fria ou muito quente

Leia mais

C A R T I L H A. - Recursos Humanos Cargos

C A R T I L H A. - Recursos Humanos Cargos C A R T I L H A - Recursos Humanos Cargos Elaborada por: DIRPD Diretoria de Processamento de Dados Universidade Federal de Uberlândia Maio/2009 Apresentação Esta cartilha foi elaborada para auxiliar os

Leia mais

PB 201 Manual do Usuário

PB 201 Manual do Usuário PB 201 ÍNDICE 1. IDENTIFICAÇÃO 2.INSTALAÇÃO 2.1 Conteúdo 2.2 Desembalagem 2.3 Instrução de Instalação 3.MOEDAS 3.1 Especificações das Moedas 3.2 Condições das Moedas 4.OPERAÇÃO 4.1 Contagem 4.2 Pré-Determinação

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMO-HIGRÔMETRO MODELO HT-7020 rev 01

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMO-HIGRÔMETRO MODELO HT-7020 rev 01 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMO-HIGRÔMETRO MODELO HT-7020 rev 01 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...1 2. REGRAS DE SEGURANÇA...1

Leia mais

ÍNDICE. 1 Considerações iniciais Instalação da Câmera A. Instalação...3. B. Uso do Programa (Desktop Offline)...6

ÍNDICE. 1 Considerações iniciais Instalação da Câmera A. Instalação...3. B. Uso do Programa (Desktop Offline)...6 ÍNDICE 1 Considerações iniciais... 3 2 Instalação da Câmera... 3 A. Instalação...3 B. Uso do Programa (Desktop Offline)...6 C. Visualização das fotos da câmera (Desktop Offline)...9 3 Cuidados com o equipamento...

Leia mais

CPM800S. Manual do Usuário

CPM800S. Manual do Usuário CPM800S Manual do Usuário R Descrição Geral O CPM800S é um contador e totalizador microprocessado especialmente desenvolvido para máquinas de corte e solda. Possui algumas funções especiais como trabalho,

Leia mais

Indicador digital microprocessado 3 dígitos programável

Indicador digital microprocessado 3 dígitos programável Indicador digital microprocessado dígitos programável Manual do usuário DP0101- DP001- DP001 Rev.01-07/15 Indicador digital dígitos programável Manual do usuário Modelo: DP0101 1-Sumário 1-Sumário... -Apresentação...

Leia mais

NOVO PORTAL DA UFS EDITOR

NOVO PORTAL DA UFS EDITOR NOVO PORTAL DA UFS EDITOR Universidade Federal de Sergipe Núcleo de Tecnologia da Informação 2016 www.manuais.ufs.br NTI - 2105-6583 / 2105-6584 ASCOM 2105-6433 / comunica@ufs.br Novo portal Editor. Objetivo

Leia mais

PAINEL ELETRÔNICO DE MENSAGENS MANUAL DE OPERAÇÃO

PAINEL ELETRÔNICO DE MENSAGENS MANUAL DE OPERAÇÃO PAINEL ELETRÔNICO DE MENSAGENS MANUAL DE OPERAÇÃO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 2. DESCRIÇÃO DO PAINEL 3. CONEXÃO 4. OPERAÇÃO 5. SOFTWARE DE CONFIGURAÇÃO 5.1. Instalando o software de configuração 5.2. Iniciando

Leia mais

PAINEL SENHA E GUICHÊ 5/10 CM (2 BANDAS COM VÍNCULO) MANUAL DE OPERAÇÕES

PAINEL SENHA E GUICHÊ 5/10 CM (2 BANDAS COM VÍNCULO) MANUAL DE OPERAÇÕES PAINEL SENHA E GUICHÊ 5/10 CM (2 BANDAS COM VÍNCULO) MANUAL DE OPERAÇÕES DESCRIÇÃO ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Painel indicador de senha e guichê ou caixa disponível. Painel operado através de Acionador de

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO Instalação e configuração

MANUAL DO USUÁRIO Instalação e configuração CÂMARA QUENTE KSL CONTROLES Controlador de Temperatura para Câmara Quente MANUAL DO USUÁRIO Instalação e configuração CONTROLADOR DE TEMPERATURA PARA CÂMARA QUENTE PAINEL DE CONTROLE Visor de Temperatura

Leia mais

ABB Automação. Indicador Digital Processos Pt100 e TAP s MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional

ABB Automação. Indicador Digital Processos Pt100 e TAP s MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional Indicador Digital Processos Pt100 e TAP s MODO DE USO Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional ABB Automação Hartmann & Braun Dados Técnicos (NRB5180) Entrada Características

Leia mais

Uso da calculadora científica 82MS... 2

Uso da calculadora científica 82MS... 2 Uso da calculadora científica 82MS... 2 Ligar a calculadora... 2 Modo de operação... 2 Digitação de números... 2 Correção de digitação... 3 Segunda função... 3 Desligar a calculadora... 3 Fixação do número

Leia mais

3.ª Prática Inversor de Frequência Escalar da WEG CFW 07 com velocidade ANALÓGICA

3.ª Prática Inversor de Frequência Escalar da WEG CFW 07 com velocidade ANALÓGICA 1 Práticas de Acionamens Eletrônicos PAE 3.ª Prática Inversor de Frequência Escalar da WEG CFW 07 com velocidade ANALÓGICA OBJETIVO: 1. Aprender a fazer a instalação de um inversor de frequência modelo

Leia mais

SISTEMAS DE CONFORTO E CONVENIÊNCIA (Telecomandos/ acionadores de alarme)

SISTEMAS DE CONFORTO E CONVENIÊNCIA (Telecomandos/ acionadores de alarme) Fiat Palio, Marea, Tempra, Tipo Procedimento para programação de transmissor de entrada por controle remoto Com este sistema de programação, todos os códigos dos telecomandos; sem limite de quantidade,

Leia mais

RECEPTORA MULTIFUNCIONAL 1. APRESENTAÇÃO DA RECEPTORA

RECEPTORA MULTIFUNCIONAL 1. APRESENTAÇÃO DA RECEPTORA RECEPTORA MULTIFUNCIONAL. APRESENTAÇÃO DA RECEPTORA Fig. 0 . APRESENTAÇÃO DA PLACA PROG Chave para programação de controles remotos, sensores sem fio e condições de funcionamento. Led Saída de nível para

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ANEMÔMETRO MODELO AN-3030

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ANEMÔMETRO MODELO AN-3030 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO ANEMÔMETRO MODELO AN-3030 Maio 2016 Leia atentamente as instruções contidas neste manual, antes de iniciar o uso do instrumento 1. INTRODUÇÃO Obrigado por adquirir um dos nossos

Leia mais

MÓDULO ANTI-FURTO COM SENSOR DE PRESENÇA

MÓDULO ANTI-FURTO COM SENSOR DE PRESENÇA MÓDULO ANTI-FURTO COM SENSOR DE PRESENÇA PRODUTOS ELETRÔNICOS 1 - APRESENTAÇÃO A FKS sente-se honrada em ter sido escolhida por você. Ao tornar-se proprietário de um ANTI-FURTO FKS, você acrescentou ao

Leia mais

Symmetra LX. Guia de Inicialização. Para uso com os modelos de no-break Symmetra LX: LEIA PRIMEIRO. No-break para montagem em rack.

Symmetra LX. Guia de Inicialização. Para uso com os modelos de no-break Symmetra LX: LEIA PRIMEIRO. No-break para montagem em rack. Symmetra LX Guia de Inicialização Para uso com os modelos de no-break Symmetra LX: 200 V, 4 a 8 kva 208/240 V, 4 a 8 kva, 4 a 8 kva 200 V, 4 a 16 kva 208/240 V, 4 a 16 kva, 4 a 16 kva LEIA PRIMEIRO No-break

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA TRENA DIGITAL MODELO TN-1060

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA TRENA DIGITAL MODELO TN-1060 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA TRENA DIGITAL MODELO TN-1060 rev julho 2008 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do aparelho ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. REGRAS DE SEGURANÇA...

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMO-HIGRÔMETRO MODELO HT-208

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMO-HIGRÔMETRO MODELO HT-208 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TERMO-HIGRÔMETRO MODELO HT-208 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do aparelho ÍNDICE 1. Introdução... 01 2. Regras de segurança... 01 3.

Leia mais

Elaborado por: FFA ALINNE BARCELLOS BERND SIPOV/RS. Revisado em: 05/02/2016

Elaborado por: FFA ALINNE BARCELLOS BERND SIPOV/RS. Revisado em: 05/02/2016 Elaborado por: FFA ALINNE BARCELLOS BERND SIPOV/RS Revisado em: 05/02/2016 **Após o deferimento do Registro do Estabelecimento pelo Coordenador Estadual, o RL (Representante Legal) receberá um e-mail informando

Leia mais

MANUAL PARA CADASTRO DE FUNÇÕES DO CAIXA

MANUAL PARA CADASTRO DE FUNÇÕES DO CAIXA MANUAL PARA CADASTRO DE FUNÇÕES DO CAIXA Este manual tem o objetivo de orientar o procedimento de Funções do Caixa. Sempre que se fizer um destes procedimentos, os passos abaixo devem ser seguidos. AS

Leia mais

Manual Para Peticionamento Online

Manual Para Peticionamento Online Manual Para Peticionamento Online 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv). 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES RELÓGIO MORMAII YP9083_YP8393_YP9070_YP9466, YP9467,YS 9075

MANUAL DE INSTRUÇÕES RELÓGIO MORMAII YP9083_YP8393_YP9070_YP9466, YP9467,YS 9075 MANUAL DE INSTRUÇÕES RELÓGIO MORMAII YP9083_YP8393_YP9070_YP9466, YP9467,YS 9075 CARACTERÍSTICAS Os modelos Mormaii YP9083, YP8393, YP9070 e YP9466 são relógios digitais, sendo que os modelos YP9070, YP9466,

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA 1 ÍNDICE 1. ACESSANDO O SISTEMA ATENA...03 2. INCLUSÃO DOS DADOS DO PROJETO...04 3. INCLUSÃO DO BOLSISTA...07 3.1 Bolsista com cadastro na USP...08 3.2 Bolsista sem cadastro

Leia mais

TERMÔMETRO CLÍNICO INNOVATION - TH809 I N D Ú S T R I A D E T E R M Ô M E T R O S. Manual de Instruções

TERMÔMETRO CLÍNICO INNOVATION - TH809 I N D Ú S T R I A D E T E R M Ô M E T R O S. Manual de Instruções MODELO 29838 TERMÔMETRO CLÍNICO DIGITAL AURICULAR INNOVATION - TH809 I N D Ú S T R I A D E T E R M Ô M E T R O S Manual de Instruções TERMÔMETRO CLÍNICO DIGITAL AURICULAR INNOVATION - TH 809 Obrigado por

Leia mais

COMO CRIAR PEDIDOS A PARTIR DA CESTA DE PRODUTOS

COMO CRIAR PEDIDOS A PARTIR DA CESTA DE PRODUTOS Esse guia considera que o catálogo já esteja atualizado, caso haja dúvidas de como atualizar o catálogo favor consultar o Guia de Atualização do Catálogo. Abra o programa e clique no botão Clique aqui

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MEDIDOR DE UMIDADE DE MADEIRA E ALVENARIA MH-5025

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MEDIDOR DE UMIDADE DE MADEIRA E ALVENARIA MH-5025 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO MEDIDOR DE UMIDADE DE MADEIRA E ALVENARIA MH-5025 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do aparelho ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. REGRAS DE

Leia mais

Guia de referência rápida da 105SLPlus

Guia de referência rápida da 105SLPlus Guia de referência rápida da 05SLPlus Utilize este guia para operar a impressora diariamente. Para obter informações mais detalhadas, consulte o Guia do Usuário. Componentes da impressora A Figura mostra

Leia mais

LISTA DE ILUSTRAÇÕES

LISTA DE ILUSTRAÇÕES LISTA DE ILUSTRAÇÕES FIGURA 1 - Interface digital de gravação.... 6 FIGURA 2 - Senha para acessar o software.... 10 FIGURA 3 - Identificação das Interfaces.... 11 FIGURA 4 - Guia gravações.... 11 FIGURA

Leia mais

THERMO-HYGROMETER WITH CLOCK Termo-Higrómetro con Reloj Termo-Higrômetro com Relógio MT-230A

THERMO-HYGROMETER WITH CLOCK Termo-Higrómetro con Reloj Termo-Higrômetro com Relógio MT-230A THERMO-HYGROMETER WITH CLOCK Termo-Higrómetro con Reloj Termo-Higrômetro com Relógio MT-230A *Only illustrative image. Imagen meramente ilustrativa. Imagem meramente ilustrativa. INSTRUCTIONS MANUAL Manual

Leia mais

Instruções Gerais. Anexos: 1. Equipamento com Laser: 1PC 2. Cabo de Força: 1PC 3. Manual do usuário: 1PC

Instruções Gerais. Anexos: 1. Equipamento com Laser: 1PC 2. Cabo de Força: 1PC 3. Manual do usuário: 1PC Instruções Gerais Retirando da embalagem: Obrigada por comprar este produto. Por favor, leia o manual do usuário e as informações de operações por segurança antes de utilizá-lo. Guarde o manual para futuras

Leia mais

Ajuste Laser Lens potência óptica

Ajuste Laser Lens potência óptica Redigido por: agronbac INTRODUÇÃO Isso corrige o problema de discos de jogos não está sendo lido corretamente. FERRAMENTAS: Nintendo GameCube Ferramenta Bit (1) Phillips # 1 chave de fenda (1) Phillips

Leia mais

Exercícios de Programação CLP

Exercícios de Programação CLP Exercícios de Programação CLP 1 - Monte um esquema para acionar um contator, utilizando uma chave liga/desliga (knob) de duas posições. 2 - Monte um esquema para acionar um contator, utilizando push-bottoms,

Leia mais

LINEAR-HCS RUA SÃO JORGE, 267 - TELEFONE: 6823-8800 Revisado em 24/10/2006 SÃO CAETANO DO SUL - SP - CEP: 09530-250 www.linear-hcs.com.

LINEAR-HCS RUA SÃO JORGE, 267 - TELEFONE: 6823-8800 Revisado em 24/10/2006 SÃO CAETANO DO SUL - SP - CEP: 09530-250 www.linear-hcs.com. LINEAR-HCS RUA SÃO JORGE, 267 - TELEFONE: 6823-8800 Revisado em 24/10/2006 SÃO CAETANO DO SUL - SP - CEP: 09530-250 www.linear-hcs.com.br CENTRAL ELETRÔNICA MONOFÁSICA DE CONTROLE DE PORTÃO rev8 CARACTERÍSTICAS

Leia mais

Card Tree Creator. Um Sistema para a criação de árvores de cartões.

Card Tree Creator. Um Sistema para a criação de árvores de cartões. Card Tree Creator Um Sistema para a criação de árvores de cartões. 1. Introdução Card Tree Creator é um sistema escrito em linguagem JAVA que tem por objetivo fornecer uma ferramenta para a criação de

Leia mais

ADEGA DE VINHOS VCL-720

ADEGA DE VINHOS VCL-720 Manual de Instruções ADEGA DE VINHOS VCL-720 Leia atentamente as informações contidas neste manual antes de usar o aparelho. INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA: Antes de utilizar a adega, leia atentamente às instruções

Leia mais

Introdução. Manual Detector de Notas Suspeitas BK120 A. Características

Introdução. Manual Detector de Notas Suspeitas BK120 A. Características Manual Detector de Notas Suspeitas BK120 A Obrigado por adquirir nosso equipamento de detecção de cédulas suspeitas. A Eccostecno/Gerbó procura sempre oferecer o que há de mais moderno no mercado de controle

Leia mais

Linux Para esta configuração foi utilizado o Linux Ubuntu 12.04 mas o comando é o mesmo para todas as distribuições de Linux. Descompacte o arquivo patch_panel_evolution.gz na pasta home.informação. Digitar

Leia mais

MANUAL PARA CADASTRO DE PRODUTOS

MANUAL PARA CADASTRO DE PRODUTOS MANUAL PARA CADASTRO DE PRODUTOS Este manual tem o objetivo de orientar o procedimento de cadastro de Produtos. Sempre que se fizer um destes procedimentos, os passos abaixo devem ser seguidos. AS CORES

Leia mais

4. Configuração da interface no software megadmx

4. Configuração da interface no software megadmx Manual interface megadmx USB INPUT Autor: Luís Augusto Spranger (www.megadmx.com) data: 17.03.2008 / revisão: 12.01.2010 2006 2009 megadmx Índice 1. Introdução...1 2. LEDS indicadores...1 3. Drivers USB...1

Leia mais

GUIA RÁPIDO CELULAR F2000g

GUIA RÁPIDO CELULAR F2000g 1 GUIA RÁPIDO CELULAR F2000g ÍNDICE 1-Abrindo seu celular Pag. 2 2-Configurar o telefone Pags. 2 e 3 1. Acessando o menu 2. Data e hora local (fundamental para funcionar o wifi) 3. Idioma 4. Transferindo

Leia mais

CONTROLADOR DE FATOR DE POTÊNCIA COISARADA CFPC-12

CONTROLADOR DE FATOR DE POTÊNCIA COISARADA CFPC-12 CONTROLADOR DE FATOR DE POTÊNCIA COISARADA CFPC-12 1. Funções e Características - Interface totalmente em português. - Possui um eficaz sistema de medição de fator de potência da onda fundamental, o que

Leia mais

1. Respondendo a cotação.

1. Respondendo a cotação. 1 1. Respondendo a cotação. Quando o comprador informa o preço pelo processo convencional é usada à tela Processos > Informação de Preços [773] que está localizada no módulo - Compras da gestão Materiais.

Leia mais

MANUAL Pedidos On-Line

MANUAL Pedidos On-Line MANUAL Pedidos On-Line ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 O QUE É PEDIDOS ON-LINE... 3 QUEM PODE UTILIZAR... 3 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA ACESSO... 4 ACESSANDO O PEDIDOS ON-LINE... 5 COMO REGISTRAR UM PEDIDO... 7

Leia mais

Servidores da Instituição que Possuam Acesso ao Módulo de Protocolo do. Sistema

Servidores da Instituição que Possuam Acesso ao Módulo de Protocolo do. Sistema Assinar Documentos Sistema Módulo Usuários Perfil SIPAC Protocolo Servidores da Instituição que Possuam Acesso ao Módulo de Protocolo do Sistema Servidor Última Atualização Esta funcionalidade permite

Leia mais

Objetivo Com o objetivo melhorar a comunicação com o os clientes e dinamizar o atendimento aos usuários, criou-se o Help Desk.

Objetivo Com o objetivo melhorar a comunicação com o os clientes e dinamizar o atendimento aos usuários, criou-se o Help Desk. Objetivo Com o objetivo melhorar a comunicação com o os clientes e dinamizar o atendimento aos usuários, criou-se o Help Desk. O Help Desk é o sistema responsável por gerenciar chamados, com ele, é possível

Leia mais

Ao acessar o site de consulta (personal.docfinder.com.br), aparecerá a tela inicial do sistema. Figura 1. Figura 1

Ao acessar o site de consulta (personal.docfinder.com.br), aparecerá a tela inicial do sistema. Figura 1. Figura 1 MANUAL DO USUÁRIO 1 Sumário Tela de Login... 3 Tela Inicial do Sistema... 3 Pesquisando um Documento... 4 Gerando um Documento... 4 Visualizando um Documento... 5 Botões Complementares... 5 Filtros...

Leia mais

Manual do Proprietário. Batedeira planetaria BTI 18/ BT I36

Manual do Proprietário. Batedeira planetaria BTI 18/ BT I36 Manual do Proprietário Batedeira planetaria BTI 18/ BT I36 Índice 1- Apresentação. 2- Instalação e Instruções. 3- Operação. 4- Limpeza. 5- Manutenção. 6- Possíveis Problemas e Soluções. 7- Esquema Elétrico.

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Medidor de Turbidez. Modelo TB400

GUIA DO USUÁRIO. Medidor de Turbidez. Modelo TB400 GUIA DO USUÁRIO Medidor de Turbidez Modelo TB400 Introdução Parabéns pela sua compra do teste de Turbidez TB400. O TB400 mede a turbidez até 1000 NTU. As vantagens do TB400 para o usuário incluem: Fácil

Leia mais

TUTORIAL DE UTILIZAÇÃO DO TABLET EDUCACIONAL

TUTORIAL DE UTILIZAÇÃO DO TABLET EDUCACIONAL Botão Liga/Desliga TUTORIAL DE UTILIZAÇÃO DO TABLET EDUCACIONAL Este botão serve para ligar ou desligar o tablet, além de colocar ou retornar ao estado de repouso. Ligar o Tablet: acione o botão Liga/Desliga

Leia mais

Sumário 1. Inicializando o Sistema Arquitetura do Sistema Consulta Rápida de Veículos Informações Gerais...

Sumário 1. Inicializando o Sistema Arquitetura do Sistema Consulta Rápida de Veículos Informações Gerais... 1 Sumário 1. Inicializando o Sistema... 3 2. Arquitetura do Sistema... 5 2.1. Menu... 5 2.1.1. Detalhamento do Menu e Submenu... 5 2.2. Barra de Ferramentas... 6 2.2.1. Ações... 6 2.2.2. Crédito Disponível...

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA PERSONALIZAÇÃO DE BONECOS COM A MÁQUINA 3D FACE DOLL

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA PERSONALIZAÇÃO DE BONECOS COM A MÁQUINA 3D FACE DOLL MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA PERSONALIZAÇÃO DE BONECOS COM A MÁQUINA 3D FACE DOLL Identificação dos elementos da Máquina 3D Face Doll: Antes de ligar a máquina 3D Face Doll e iniciar seu trabalho é indispensável

Leia mais

TUTORIAL EXTRATOR DE DADOS CHEGADAS DE TURISTAS NÃO RESIDENTES AO BRASIL

TUTORIAL EXTRATOR DE DADOS CHEGADAS DE TURISTAS NÃO RESIDENTES AO BRASIL Ministério do Turismo Secretaria Executiva Diretoria de Estudos Econômicos e Pesquisas TUTORIAL EXTRATOR DE DADOS CHEGADAS DE TURISTAS NÃO RESIDENTES AO BRASIL SUMÁRIO 1- ACESSO AO EXTRATOR 2- ABERTURA

Leia mais

Manual do Usuário CMS WordPress MU Versão atual: 2.8

Manual do Usuário CMS WordPress MU Versão atual: 2.8 Manual do Usuário CMS WordPress MU Versão atual: 2.8 1 - Introdução O Centro de Gestão do Conhecimento Organizacional, CGCO, criou, há um ano, uma equipe para atender à demanda de criação de novos sites

Leia mais

Guia de Instalação Terminal Bin. ict250. Bem simples. Bem próximo.

Guia de Instalação Terminal Bin. ict250. Bem simples. Bem próximo. Guia de Instalação Terminal Bin Bem simples. Bem próximo. TM TM Índice 1. Kit de instalação 2. Vista frontal do Terminal 3. Recursos e vantagens do terminal 4. Instalando cabos fixos do terminal 5. Instalando

Leia mais

Instruções de Instalação em Rack

Instruções de Instalação em Rack Instruções de Instalação em Rack Reveja a documentação fornecida com o rack para obter informações sobre cabeamento e segurança. Ao instalar o subsistema de armazenamento em um rack, considere o seguinte:

Leia mais

PB 202P Manual de Operação

PB 202P Manual de Operação PB 202P ÍNDICE 1 IDENTIFICAÇÃO... 3 2 INSTALAÇÃO... 3 2.1 Conteúdo... 3 2.2 Desembalagem... 3 2.3 Instruções de Instalação... 3 3 DOCUMENTOS... 4 3.1 Especificações das Moedas... 4 3.2 Condições das Moedas...

Leia mais

CVRPS14WI. Sistema de Sensor com Sobreposição Gráfica. Manual de Instalação e Operação

CVRPS14WI. Sistema de Sensor com Sobreposição Gráfica. Manual de Instalação e Operação CVRPS14WI Sistema de Sensor com Sobreposição Gráfica Manual de Instalação e Operação Índice: Manual de Instalação...Página x até x Manual de Operação...Página x até x Lista de Hardware: Módulo PDC Módulo

Leia mais

Nota Fiscal Consumidor

Nota Fiscal Consumidor Nota Fiscal Consumidor Com o VHSYS a emissão de NFC-e ficou muito mais simples, rápida e integrada. Você pode enviar as NFC-e diretamente para o e-mail de seus clientes, imprimir o documento e acessar

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO ETIQUETADORA TÉRMICA RAMUZA (ETR)

MANUAL DO USUÁRIO ETIQUETADORA TÉRMICA RAMUZA (ETR) MANUAL DO USUÁRIO ETIQUETADORA TÉRMICA RAMUZA (ETR) RV 05 18/01/2016 INTRODUÇÃO Obrigado por escolher a Ramuza! Este equipamento possui o melhor custo benefício e é fabricado de acordo com os padrões de

Leia mais

Manual de Utilização YA XUN 858D

Manual de Utilização YA XUN 858D Manual de Utilização YA XUN 858D Cabo Ferro Solda Cabo Ar Quente Estação 858 Suporte Ferro Solda Especificações da Estação Ar Quente: 1. Entrada de Alimentação: AC 220V/60Hz. 2. Consumo de Corrente Máximo

Leia mais

Dash Jr. Manual do Usuário

Dash Jr. Manual do Usuário Dash Jr. Manual do Usuário 1 Conteúdo Informações de Segurança...4 Aparência e Principais Funções...6 Introdução...8 Funções Relativas às Ligações...9 Contatos... 11 Mensagens... 12 Navegador de Internet...

Leia mais

Manual prático de Ajuizamento de Iniciais Portal Processo Eletrônico Nova rotina de anexação de peças

Manual prático de Ajuizamento de Iniciais Portal Processo Eletrônico Nova rotina de anexação de peças 2014 Manual prático de Ajuizamento de Iniciais Portal Processo Eletrônico Nova rotina de anexação de peças Orientações gerais para ajuizar iniciais com base na nova rotina de anexação de peças. TRIBUNAL

Leia mais

Instalação do Rotary Attachment

Instalação do Rotary Attachment Instalação do Rotary Attachment Modo de instalação: 1 - Para a instalação do Rotary attachment desça a mesa de recorta até que fique no ponto mais baixo possível e desligue a laser. 2 - Coloque o Rotary

Leia mais

Manual da Turma Virtual: LANÇAR NOTAS. Para acessar a turma virtual com o perfil Docente, siga o caminho indicado abaixo:

Manual da Turma Virtual: LANÇAR NOTAS. Para acessar a turma virtual com o perfil Docente, siga o caminho indicado abaixo: Manual da Turma Virtual: LANÇAR NOTAS Para acessar a turma virtual com o perfil Docente, siga o caminho indicado abaixo: MENU ALUNOS LANÇAR NOTAS Essa operação tem como finalidade possibilitar o cadastro

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA ESTAÇÃO DE SOLDA MODELO TS-940

MANUAL DE INSTRUÇÕES DA ESTAÇÃO DE SOLDA MODELO TS-940 MANUAL DE INSTRUÇÕES DA ESTAÇÃO DE SOLDA MODELO TS-940 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do instrumento 1. INTRODUÇÃO A TS-940 é uma estação de solda de temperatura

Leia mais

Manual de operação da interface homem máquina.

Manual de operação da interface homem máquina. Manual de operação da interface homem máquina. 1.1 CLP com IHM incorporada GPM-18T. Descrição técnica. 1.2 Detalhamento das telas de operação do CLP. Teclado numérico-usado para ajustar os valores numéricos

Leia mais

MANUAL APLICATIVO SF ODONTO

MANUAL APLICATIVO SF ODONTO MANUAL APLICATIVO SF ODONTO Este Manual tem por finalidade orientar o Prestador a utilizar o Aplicativo SF ODONTO de Envio de Imagens e Confirmação de Atendimento PROCEDIMENTOS PARA ACESSAR O APLICATIVO:

Leia mais

Aprendendo o PowerPoint

Aprendendo o PowerPoint Aprendendo o PowerPoint Prof. Claudio A. B. Tiellet Parte I Capítulo 1 Introdução O PowerPoint é um programa para apresentações. Apresentações são exibições de imagens na tela do micro em forma de eslaides,

Leia mais

edif Guia de Operação

edif Guia de Operação Introdução: edif Guia de Operação edif é uma tecnologia de propriedade da SATLOC que permite que qualquer receptor SATLOC da linha SLX forneça posicionamento DGPS sem o uso de sinal diferencial. Esta técnica

Leia mais

LC4200. Manual do Usuário

LC4200. Manual do Usuário LC4200 Manual do Usuário Índice 1. Descrição Geral... 3 2. Aplicações (exemplo)... 3 3. Características Técnicas... 3 4. Dimensões... 4 5. Instalação... 5 6. Esquema de Ligação... 5 7. Calibração... 6

Leia mais

Iniciando um novo arquivo

Iniciando um novo arquivo 1 Sumário Iniciando o WinZip... 3 Iniciando um novo arquivo... 3 Abrindo e restaurando os arquivos... 5 Iniciando o WinRAR... 8 Criando um arquivo compactado.....9 Abrindo e restaurando um arquivo WinRAR...

Leia mais

Manual Gerenciador de Aprendizagem Papel Professor Versão 2.5.3

Manual Gerenciador de Aprendizagem Papel Professor Versão 2.5.3 Manual GA, Papel Professor / 37 Manual Gerenciador de Aprendizagem Papel Professor Versão 2.5.3 Manual GA, Papel Professor 2/ 37 Manual Gerenciador de Aprendizagem ACESSAR O GERENCIADOR DE APRENDIZAGEM...

Leia mais

Manual do Software TM 507-PC TM 510-PC GERENCIADOR DE RELATÓRIOS

Manual do Software TM 507-PC TM 510-PC GERENCIADOR DE RELATÓRIOS Manual do Software TM 507-PC TM 510-PC GERENCIADOR DE RELATÓRIOS Índice Tela principal 2 Configuração do software 3 Cadastro e alteração de clientes 4 Importação de testes 7 Busca de relatórios 12 Tabela

Leia mais

CRIPTOGRAFIA E ASSINATURA DIGITAL DE NO GROUPWISE

CRIPTOGRAFIA E ASSINATURA DIGITAL DE  NO GROUPWISE MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CORREDENADORIA DE SUPORTE TÉCNICO DIVISÃO DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO CRIPTOGRAFIA E ASSINATURA DIGITAL DE E-MAIL NO GROUPWISE Introdução

Leia mais

Procedimentos para configuração do DWL-G700AP em modo Access Point

Procedimentos para configuração do DWL-G700AP em modo Access Point 1 Procedimentos para configuração do DWL-G700AP em modo Access Point No modo Access Point o DWL-G700AP se conecta a várias máquinas, sejam elas notebooks ou desktops com adaptador wireless. Nesse Manual

Leia mais

Controlador portátil de pressão baixa Modelo CPC2000

Controlador portátil de pressão baixa Modelo CPC2000 Tecnologia de calibração Controlador portátil de pressão baixa Modelo CPC2000 WIKA folha de dados CT 27.51 Aplicações Calibração portátil de instrumentos de medição de baixas pressões Geração de baixas

Leia mais

CEN T R AI S TELEFÔNICAS HDL

CEN T R AI S TELEFÔNICAS HDL Assistência Técnica HDL CEN T R AI S TELEFÔNICAS HDL Giga de Testes HDL Giga de T estes para as Centrais HDL Instalação e Execução do Software Instale o software MonitorHx.exe para ser executado em ambiente

Leia mais

Inclusão de Validação Biométrica

Inclusão de Validação Biométrica Inclusão de Validação Biométrica Ambiente : Planos de Saúde Data da publicação : 12/11/08 Data da revisão : 12/11/08 Versões : Protheus 8.11 Países : Brasil Sistemas operacionais : Windows Bancos de dados

Leia mais

SUMÁRIO. 1. Introdução Capacidades Características Técnicas Partes do Equipamento... 3

SUMÁRIO. 1. Introdução Capacidades Características Técnicas Partes do Equipamento... 3 SUMÁRIO 1. Introdução... 2 1.1. Capacidades... 2 1.2. Características Técnicas... 2 1.3. Partes do Equipamento... 3 2. Instalação... 3 3. Operação... 4 4. Segurança... 5 5. Manutenção... 6 6. Solução de

Leia mais

HANDS-ON PROGRAMAÇÃO DE JOGOS PARA CRIANÇAS

HANDS-ON PROGRAMAÇÃO DE JOGOS PARA CRIANÇAS HANDS-ON PROGRAMAÇÃO DE JOGOS PARA CRIANÇAS Hoje vamos criar nosso primeiro jogo utilizando o Scratch, trabalharemos com Labirintos, você sabe o que é? Veja nosso Robô XM, ele precisa chegar ao quadradinho

Leia mais

MANUAL DE TESTE DO SMS SENSOR UMRR-0Axxxx-1Exxxx (type 30) RADAR W/ TRAFFIC MODULE

MANUAL DE TESTE DO SMS SENSOR UMRR-0Axxxx-1Exxxx (type 30) RADAR W/ TRAFFIC MODULE MANUAL DE TESTE DO SMS SENSOR UMRR-0Axxxx-1Exxxx (type 30) RADAR W/ TRAFFIC MODULE Produto: MANUAL DE TESTE DO SMS SENSOR UMRR-0Axxxx- 1Exxxx (type 30) RADAR W/ TRAFFIC MODULE Código: HW.00242.00 Módulo:

Leia mais

CADEIRA EM PVC MANUAL DE CONFECÇÃO CADEIRA EM PVC MANUAL DE CONFECÇÃO

CADEIRA EM PVC MANUAL DE CONFECÇÃO CADEIRA EM PVC MANUAL DE CONFECÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE MECÂNICA TECNOLOGIA ASSISTIVA (http://www.damec.ct.utfpr.edu.br/assistiva/) UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO

Leia mais

MMS1307/FT - Sistema de áudio e vídeo automotivo, para o New Fiesta 2015, com tecnologia Sync.

MMS1307/FT - Sistema de áudio e vídeo automotivo, para o New Fiesta 2015, com tecnologia Sync. MMS1307/FT - Sistema de áudio e vídeo automotivo, para o New Fiesta 2015, com tecnologia Sync. SEJA BEM VINDO!!! PRECAUÇÕES DE SEGURANÇA GUIA SIMPLES DE INSTALAÇÃO CONTROLES E COMANDOS OPERAÇÕES BÁSICAS

Leia mais

USO DO APARELHO DE TESTE DE EQUIPAMENTO AUXILIAR DE IP

USO DO APARELHO DE TESTE DE EQUIPAMENTO AUXILIAR DE IP 1/5 1. Objetivo Estabelecer procedimentos para testes de reator, ignitor e polaridade com o aparelho de teste de equipamento auxiliar de IP, para execução de trabalhos de construção e manutenção em iluminação

Leia mais

Instruções de Acesso: Eventos Científicos. Departamento de TI da FACTHUS (Atualizado: 22/09/2016)

Instruções de Acesso: Eventos Científicos. Departamento de TI da FACTHUS (Atualizado: 22/09/2016) Instruções de Acesso: Eventos Científicos Primeiro Acesso No primeiro acesso informe os números do CPF e depois selecione a opção Prosseguir Se você for aluno da FACTHUS ao clicar na opção prosseguir preencha

Leia mais

Objetivo: Auxiliar o aluno na instalação, operação e familiarização com a plataforma Fuze.

Objetivo: Auxiliar o aluno na instalação, operação e familiarização com a plataforma Fuze. Tutorial de da plataforma Fuze Objetivo: Auxiliar o aluno na instalação, operação e familiarização com a plataforma Fuze. Instalação 1. O primeiro passo para a instalação do Fuze é a abertura de contas.

Leia mais

INTRODUÇÃO MEDIDAS DE SEGURANÇA IMPORTANTES

INTRODUÇÃO MEDIDAS DE SEGURANÇA IMPORTANTES INTRODUÇÃO Parabéns pela escolha da Balança Super Slim. Para garantir o melhor desempenho do produto, ler atentamente as recomendações a seguir. Guardar este Manual de Instruções para eventuais consultas.

Leia mais

1.0 Informações de hardware

1.0 Informações de hardware 1.0 Informações de hardware 1.1 Botões e ligações 6 1 7 2 8 3 9 4 5 6 10 1 Ligar / Desligar 2 Conetor Micro USB 3 Botão Voltar 4 Conetor Mini HDMI 5 Microfone 6 Webcam 7 Entrada para fone de ouvido 8 Botão

Leia mais