PRINCIPAIS CAUSAS DE DOENÇAS DA CATEGORIA DOS TRABALHADORES BANCÁRIOS: Movimentos Repetitivos; Assédio Moral; Assaltos.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PRINCIPAIS CAUSAS DE DOENÇAS DA CATEGORIA DOS TRABALHADORES BANCÁRIOS: Movimentos Repetitivos; Assédio Moral; Assaltos."

Transcrição

1 PRINCIPAIS CAUSAS DE DOENÇAS DA CATEGORIA DOS TRABALHADORES BANCÁRIOS: Movimentos Repetitivos; Assédio Moral; Assaltos.

2 MOVIMENTOS REPETITIVOS: PRINCIPAIS DOENÇAS RELACIONADAS LER (Lesão por Esforço Repetitivo) e DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho), como por exemplo, Tendinite, Bursite, Hérnia de Disco, entre outras.

3 COMO PREVINIR É importante que as operações de trabalho estejam ao alcance das mãos, evitando esforços excessivos para alcançá-la; Os computadores devem estar ajustados ergonomicamente para evitar de curvar ou torcer o tronco com frequência; A mesa e cadeiras devem estar posicionadas de acordo com a altura de cada pessoa e ter espaço para movimentação das pernas e apoio para os pés, com formato anatômico para o quadril e encosto ajustável; Pausas durante a realização das tarefas permitem um alívio para os músculos mais ativos, O Trabalhador deve inspecionar e manter em ordem seu local de trabalho para evitar acidentes. Exercite-se, sempre. O QUE DIZ A LEGISLAÇÃO? O art. 7º, XXII da Constituição Federal assegura a redução dos riscos inerentes ao trabalho por meio de normas de saúde, higiene e segurança. O Decreto 3048/1999 da Previdência Social prevê a lista das doenças por LER/DORT. O Ministério do Trabalho e Emprego editou normas regulamentadoras que tratam da matéria, sendo elas a NR 05, NR 07, NR 09 e NR 17.

4 ASSÉDIO MORAL: PRINCIPAIS DOENÇAS CAUSADAS PELO ASSÉDIO MORAL : - Transtornos mentais, como por exemplo a depressão; - Doenças do sistema nervoso, como por exemplo o AVC (acidente vascular cerebral); - Distúrbios Psicossomáticos, tais como digestivos, endocrinológicos (ex.,tireóide) e crises de hipertensão arterial; - Síndrome do Pânico; - Síndrome de Burnout, causada pelo stress extremo no trabalho.

5 COMO PREVINIR O trabalhador que se sentir assediado deve: - dar ciência aos colegas (os de maior confiança) de que o assédio está acontecendo; - Evitar reuniões a sós com o assediador; - Guardar documentos e imagens que caracterizem o assédio moral; - Fotografar documentos ou fatos; - Salvar s com cobranças abusivas e gravar áudio/vídeo de situações de assédio; OBS: As gravações de áudio e vídeo são válidas como meio de prova, desde que o Autor (empregado assediado) faça parte da conversa ou fato gravado. O QUE DIZ A LEGISLAÇÃO? - Apesar de não existir legislação específica sobre o assédio moral, o direito a reparação pelo assédio moral sofrido pode ser encontrado na Constituição Federal; Código Civil Brasileiro e na Consolidação das Leis do Trabalho. - Ademais, a Convenção Coletiva da Categoria proíbe expressamente a exposição do ranking individual de seus empregados, bem como a cobrança de cumprimento de resultados por mensagem no telefone particular do empregado..

6 ASSALTOS: PRINCIPAIS DOENÇAS CAUSAS POR ASSALTOS A AGÊNCIAS: -Estresse -Depressão -Síndrome do Pânico -Transtornos Mentais COMO PREVINIR Todas as instituições financeiras em que haja guarda ou movimentação de numerário deverá possuir o Plano de Segurança Bancária, no qual apresenta o sistema de segurança à Policia Federal, demonstrado como por exemplo, a presença de vigilantes armados e especializados, equipamentos de filmagens, alarmes, portas giratórias com detector de metais, equipamento de retardo instalado na fechadura do cofre, cabine blindada para vigilantes entre outros.

7 COMO REAGIR EM CASO DE ASSALTOS: - Mantenha a calma. - Obedeça, o que reduz a chance da agressão; - Não faça gestos bruscos para não assustá-los; - Evite olhar fixamente para eles, que temem ser reconhecidos; - Não revide a violência, nem discuta com eles. Há sempre mais de um em ação; - Se houver disparo de arma, abrigue-se ou deite-se imediatamente no chão; - Não pense em atos heroicos. A ação individual não resolve; - Acione o alarme somente depois da saída dos assaltantes. O QUE DIZ A LEGISLAÇÃO? O art. 7º, XXII da Constituição Federal assegura a redução dos riscos inerentes ao trabalho por meio de normas de saúde, higiene e segurança. Quanto ocorrer assaltos em agências, o banco como empregador é obrigado a expedir o CAT (Comunicado de Acidente do Trabalho) até 24 horas após o episódio, tendo o empregado o direito a realizar uma avaliação médica para verificar eventuais lesões físicas ou transtornos mentais ocorridos, inclusive com o afastamento das atividades para tratamento, caso haja necessidade. O Decreto 3048/1999 da Previdência Social, reconhece o estresse agudo pós-assalto como doença de trabalho, conforme elencada no grupo VIII do CID 10 (classificação internacional de doenças)..

Computadores e Sociedade Aula IX: Doenças

Computadores e Sociedade Aula IX: Doenças Computadores e Sociedade Aula IX: Doenças Elverton Fazzion 2017/01 Doença profissional x Doença do trabalho Doença profissional assim entendida a produzida ou desencadeada pelo exercício do trabalho peculiar

Leia mais

AULA 06: HIGIENE E SEGURANÇA DO TRABALHO

AULA 06: HIGIENE E SEGURANÇA DO TRABALHO AULA 06: Prof. Thiago Gomes ASPECTOS INICIAIS Cuidados Domésticos no dia-a-dia Motivos dos cuidados especiais no trabalho. Motivo A: Motivo B: 1 ASPECTOS INICIAIS Morte Doenças ocupacionais LER DORT ASPECTOS

Leia mais

Lesão por esforço repetitivo

Lesão por esforço repetitivo Lesão por esforço repetitivo Impactos da utilização dos recursos tecnológicos na saúde Daniele da Silva Barbosa e Janaína Conceição Rodrigues É cada vez maior o número de pacientes diagnosticados com lesões

Leia mais

Lesão por Esforço Repetitivo (LER)

Lesão por Esforço Repetitivo (LER) Lesão por Esforço Repetitivo (LER) O que é Lesão por esforço repetitivo? Sinônimos: ler, l.e.r., lesão traumática cumulativa Denomina-se Lesão do Esforço Repetitivo ou simplesmente LER, a lesão causada

Leia mais

LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (L.E.R.) Causas, prevenção e tratamento

LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (L.E.R.) Causas, prevenção e tratamento LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (L.E.R.) Causas, prevenção e tratamento CONTEXTUALIZAÇÃO DO TEMA Hoje em dia, vivemos mais tempo conectado ao mundo virtual do que ao mundo real. As novas tecnologias digitais,

Leia mais

Como identificar as LER/DORT

Como identificar as LER/DORT O que são as Lesões por Esforços Repetitivos (LER) ou Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT)? São doenças graves originadas do uso excessivo ou inadequado do sistema que agrupa nervos,

Leia mais

Ergonomia no Trabalho: Produzindo com Conforto

Ergonomia no Trabalho: Produzindo com Conforto Ergonomia no Trabalho: Produzindo com Conforto Exigência Legal Norma Regulamentadora nº 17 NR 17 Portaria MTPS nº 3.751, de 23 de novembro de 1990 17.1.2. Para avaliar a adaptação das condições de trabalho

Leia mais

SERVIÇO ESPECIALIZADO EM ENGENHARIA DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO ANEXO III

SERVIÇO ESPECIALIZADO EM ENGENHARIA DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO ANEXO III ANEXO III RECOMENDAÇÕES ERGONÔMICAS O mobiliário deve estar de acordo com as informações contidas nas determinações da Norma Regulamentadora 17, que estabelece: 17.4.2. Nas atividades que envolvam leitura

Leia mais

Leia e veja como sua postura conta muito. Ergonomia

Leia e veja como sua postura conta muito. Ergonomia Leia e veja como sua postura conta muito. Ergonomia ERGONOMIA A ergonomia é a busca da relação ideal entre indivíduo e ambiente de trabalho. Ela visa proporcionar um ambiente de trabalho perfeitamente

Leia mais

Termo ergonomia. Ergonomia 25/04/2012. Palavra de origem grega. Ergo Trabalho. Nomos - Regra INTERFACE HOMEM AMBIENTE ERGONOMIA

Termo ergonomia. Ergonomia 25/04/2012. Palavra de origem grega. Ergo Trabalho. Nomos - Regra INTERFACE HOMEM AMBIENTE ERGONOMIA Termo ergonomia Ergonomia Palavra de origem grega Ergo Trabalho LILIANE GRAÇA SANTANA CEREST-ES Nomos - Regra INTERFACE HOMEM AMBIENTE ERGONOMIA É o estudo da adaptação do trabalho às características fisiológicas

Leia mais

ERGONOMIA. Erica Cristina Possoli Técnica em Segurança do Trabalho

ERGONOMIA. Erica Cristina Possoli Técnica em Segurança do Trabalho ERGONOMIA Erica Cristina Possoli Técnica em Segurança do Trabalho CONCEITO DE ERGONOMIA ERGONOMIA ERGO (Trabalho) + NOMOS (Leis) ERGONOMIA É o estudo do relacionamento entre o homem e o seu trabalho, equipamento

Leia mais

LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (LER)

LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (LER) LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (LER) AUTORES LEANDRO FERRO BORGES THIAGO MATHEUS GOMES PACHECO GLAUCIA AVELINA DOS SANTOS MAGNA DE JESUS LEAL ANANDA LIMA HASSAN 1 - Que é LER? O termo LER refere-se a um

Leia mais

Módulo 5 Riscos Ergonômicos

Módulo 5 Riscos Ergonômicos Módulo 5 Riscos Ergonômicos Introdução a Ergonomia A ergonomia ou engenharia humana é uma ciência relativamente recente que estuda as relações entre o homem e seu ambiente de trabalho. A Organização Internacional

Leia mais

Capítulo 14 Melhora na Gestão de Segurança e Medicina do Trabalho

Capítulo 14 Melhora na Gestão de Segurança e Medicina do Trabalho Capítulo 14 Melhora na Gestão de Segurança e Medicina do Trabalho slide 1 Objetivos de aprendizagem 1. Conhecer as principais Normas Regulamentadoras do Trabalho (NR). 2. Identificar causas de acidentes

Leia mais

Norma Regulamentadora nº 17 - A famosa NR 17

Norma Regulamentadora nº 17 - A famosa NR 17 Norma Regulamentadora nº 17 - A famosa NR 17 Tudo que se diz respeito à ergonomia e conforto ao trabalho está respaldado na portaria nº 3.751, de 23 de novembro de 1990, Norma Regulamentadora nº 17 - Ergonomia,

Leia mais

Ergonomia. Profa. Dra. Soraya Ferreira Habr

Ergonomia. Profa. Dra. Soraya Ferreira Habr Ergonomia Profa. Dra. Soraya Ferreira Habr Ergonomia Palavras Gregas: ergon = trabalho, nomos = leis. tarefa que se adapte ao trabalhador, e não forçar o trabalhador a adaptar-se à tarefa. Ergonomia É

Leia mais

ACIDENTES DE TRABALHO PREVINA-SE

ACIDENTES DE TRABALHO PREVINA-SE ACIDENTES DE TRABALHO PREVINA-SE NÚMEROS ALARMANTES São 160 milhões de trabalhadores no mundo. Não essa não é uma estatística sobre um mega evento comemorativo ou o número de vagas disponíveis no Mercado

Leia mais

Cartilha Ergonômica. para micro e pequenas facções

Cartilha Ergonômica. para micro e pequenas facções Cartilha Ergonômica para micro e pequenas facções 2017 Cartilha Ergonômica para micro e pequenas facções Autores: Maurélio José Witkoski Victor R. L. Aguiar www.univille.br/mestrados www.sebrae.com.br

Leia mais

Acidente do Trabalho e CAT. V Fórum de Medicina do Trabalho do CFM

Acidente do Trabalho e CAT. V Fórum de Medicina do Trabalho do CFM V Fórum de Medicina do Trabalho do CFM 1 Acidente do Trabalho Nexo Causal CAT 2 3 Primeira Geração: Acidente tipo Nexo Risco Dano 4 Primeira Geração: Acidente tipo 5 Nexo Risco Dano 6 Segunda e terceira

Leia mais

Anuário da Saúde do Trabalhador DIEESE

Anuário da Saúde do Trabalhador DIEESE Anuário da Saúde do Trabalhador DIEESE Objetivo: Levantar informações sobre saúde do trabalhador e condições de trabalho através de diversas bases de dados Estrutura do Anuário: Capítulo 1: Demografia

Leia mais

Ergonomia: Sinais/sintomas (demanda)

Ergonomia: Sinais/sintomas (demanda) Ergonomia: Sinais/sintomas (demanda) I - Alta incidência de afastamentos ao trabalho (doenças ou acidentes); II- Grande rotatividade de funcionários; III- Necessidade de melhoria de desempenho e produtividade

Leia mais

Ergonomia. para. Escritórios

Ergonomia. para. Escritórios Ergonomia para Escritórios Manual de Segurança sobre Ergonomia para Escritórios Objetivos Abrangência Público Alvo Este Manual irá permitir a você: entender melhor os elementos básicos da Ergonomia para

Leia mais

Administração. Higiene, Saúde e Segurança do Trabalho. Professor Rafael Ravazolo.

Administração. Higiene, Saúde e Segurança do Trabalho. Professor Rafael Ravazolo. Administração Higiene, Saúde e Segurança do Trabalho Professor Rafael Ravazolo www.acasadoconcurseiro.com.br Administração Aula XX HIGIENE, SAÚDE E SEGURANÇA DO TRABALHO Higiene do Trabalho pode ser definida

Leia mais

Sintomas Patológicos na Sociedade Tecnológica

Sintomas Patológicos na Sociedade Tecnológica Sintomas Patológicos na Sociedade Tecnológica A L.E.R. é uma síndrome dolorosa e de incapacidade funcional, localizada nos membros superiores e inferiores, causada pelo uso deles em tarefas que implicam

Leia mais

PRONUNCIAMENTO DO EXCELENTÍSSIMO DEPUTADO FEDERAL FERNANDO DE FABINHO SOBRE O PROJETO DE GINÁSTICA LABORAL

PRONUNCIAMENTO DO EXCELENTÍSSIMO DEPUTADO FEDERAL FERNANDO DE FABINHO SOBRE O PROJETO DE GINÁSTICA LABORAL PRONUNCIAMENTO DO EXCELENTÍSSIMO DEPUTADO FEDERAL FERNANDO DE FABINHO SOBRE O PROJETO DE GINÁSTICA LABORAL SRAS. DEPUTADAS, SRS. DEPUTADOS, SR. PRESIDENTE Estamos encaminhando a esta Casa, Projeto de lei

Leia mais

ANÁLISE ERGONÔMICA POSTURAL DE UMA POSIÇÃO SENTADA EM FRENTE A UM LAPTOP E A COMPARAÇÃO COM AS RECOMENDAÇÕES DA BIBLIOGRAFIA.

ANÁLISE ERGONÔMICA POSTURAL DE UMA POSIÇÃO SENTADA EM FRENTE A UM LAPTOP E A COMPARAÇÃO COM AS RECOMENDAÇÕES DA BIBLIOGRAFIA. ANÁLISE ERGONÔMICA POSTURAL DE UMA POSIÇÃO SENTADA EM FRENTE A UM LAPTOP E A COMPARAÇÃO COM AS RECOMENDAÇÕES DA BIBLIOGRAFIA. Vinícius Vilela da Silva (DES/UFV), Graciane Miranda de Freitas (LAB/UFV),

Leia mais

equipamentos e às condições ambientais do posto de trabalho e à própria organização do trabalho Para avaliar a adaptação das condições de

equipamentos e às condições ambientais do posto de trabalho e à própria organização do trabalho Para avaliar a adaptação das condições de Em anexo a NR 17 falando sobre ergonomia e seu anexo II para as maiores vítimas de descaso do empregador quanto a saúde dos funcionários: O operador de telemarketing. NR 17 - ERGONOMIA Publicação D.O.U.

Leia mais

DIAGNÓSTICO SINDRÔMICO

DIAGNÓSTICO SINDRÔMICO LER / DORT DIAGNÓSTICO SINDRÔMICO José Roberto Teixeira Outubro/2005 PÓLO SAÚDE, Assessoria e Consultoria em Saúde Ocupacional histórico paralisia de mãos em trabalhador após esforço prolongado (Hipócrates,

Leia mais

ERGONOMIA AULA FLORIANÓPOLIS

ERGONOMIA AULA FLORIANÓPOLIS ERGONOMIA AULA FLORIANÓPOLIS 15.10.2016 Ergonomia na Atualidade História 1700 Brenardino Ramazzini livro De Morbis Artificum. 1857 Wojciech Jastrzebowski cita o termo Ergonomia. 1912 - Taylor Princípios

Leia mais

CENÁRIOS E PERSPECTIVAS

CENÁRIOS E PERSPECTIVAS SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO CENÁRIOS E PERSPECTIVAS GUSTAVO NICOLAI Recife, setembro de 2016 VISÃO SISTÊMICA EM SST: ALTA COMPLEXIDADE GRANDE TRANSPARÊNCIA 1. Sistema de Gestão Integrada de QMSR 2. Política

Leia mais

Você conhece alguém que não tem celular ou que, de alguma forma, seja em casa ou no trabalho, que não faça uso de alguma ferramenta multimídia?

Você conhece alguém que não tem celular ou que, de alguma forma, seja em casa ou no trabalho, que não faça uso de alguma ferramenta multimídia? Dor por Lesão Você conhece alguém que não tem celular ou que, de alguma forma, seja em casa ou no trabalho, que não faça uso de alguma ferramenta multimídia? Provavelmente, não. Também, não é para menos:

Leia mais

CONTRIBUIÇÃO PARA UMA CONSCIÊNCIA CORPORAL. Distribuição Interna

CONTRIBUIÇÃO PARA UMA CONSCIÊNCIA CORPORAL. Distribuição Interna CONTRIBUIÇÃO PARA UMA CONSCIÊNCIA CORPORAL Distribuição Interna ÍNDICE Apresentação 3 O que é Lesão por esforço repetitivo (LER)? 4 Prevenção 5 Dicas para evitar lesões 6 Exercícios 8 Ginástica Laboral

Leia mais

Burnout. Debate Câmara dos Deputados. Ministério da Saúde CGST-DSAST-SVS. 10 de dezembro de 2015

Burnout. Debate Câmara dos Deputados. Ministério da Saúde CGST-DSAST-SVS. 10 de dezembro de 2015 Burnout Debate Câmara dos Deputados Ministério da Saúde CGST-DSAST-SVS 10 de dezembro de 2015 OBJETIVOS DA PNST PORTARIA GM/MS 1.823/2012 Fortalecer a Vigilância em Saúde do Trabalhador e a integração

Leia mais

Acidentes de trabalho e problemas de saúde relacionados com o trabalho (ATPS 2013)

Acidentes de trabalho e problemas de saúde relacionados com o trabalho (ATPS 2013) Acidentes de e problemas de saúde relacionados com o (ATPS 2013) Módulo ad hoc do Inquérito ao Emprego DES/Serviço de Estatísticas das Condições de Vida 14ª Reunião da Secção Permanente de Estatísticas

Leia mais

ERGONOMIA e Saúde do Trabalhador nos Ambientes de Atenção à Saúde

ERGONOMIA e Saúde do Trabalhador nos Ambientes de Atenção à Saúde Curso: Gestão Hospitalar Disciplina: Arquitetura Hospitalar ERGONOMIA e Saúde do Trabalhador nos Ambientes de Atenção à Saúde Professora Ma. Tainá Menezes Belém/PA 2016 ERGONOMIA: Estudo entre homem e

Leia mais

FACULDADE BAIANA DE DIREITO

FACULDADE BAIANA DE DIREITO FACULDADE BAIANA DE DIREITO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO ADRIANA DE MENEZES MOREIRA MELLO INDENIZAÇÕES POR ACIDENTE DE TRABALHO NAS HIPÓTESES DE PATOLOGIAS PSIQUICAS, DECORRENTES OU AGRAVADAS PELO TRABALHO.

Leia mais

Prof. Dr. Rodrigo Goldschmidt

Prof. Dr. Rodrigo Goldschmidt DIREITO FUNDAMENTAL À SAÚDE NAS RELAÇÕES DE TRABALHO: A RESPONSABILIDADE CIVIL DO EMPREGADOR EM CASO DE DANOS À SAÚDE MENTAL DO EMPREGADO JUSTIFICATIVAS: Alto número de doenças e acidentes de trabalho;

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2 Semestre/2015. Ensino Técnico ETEC ANHANQUERA. Professor: Eduardo Moreno de Paula

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2 Semestre/2015. Ensino Técnico ETEC ANHANQUERA. Professor: Eduardo Moreno de Paula PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2 Semestre/2015 Ensino Técnico Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Saúde e Segurança do Trabalho Componente Curricular: Prevenção

Leia mais

Audiência Pública: Federalização dos Crimes Praticados Contra Transportadoras de Valores. Brasília, 30 de novembro de 2016

Audiência Pública: Federalização dos Crimes Praticados Contra Transportadoras de Valores. Brasília, 30 de novembro de 2016 Audiência Pública: Federalização dos Crimes Praticados Contra Transportadoras de Valores 1 Brasília, 30 de novembro de 2016 Quem Somos? A Federação Nacional das Empresas de Segurança e Transporte de Valores

Leia mais

CENÁRIOS E PERSPECTIVAS

CENÁRIOS E PERSPECTIVAS SEGURANÇA E SAÚDE DO TRABALHO CENÁRIOS E PERSPECTIVAS GUSTAVO NICOLAI VISÃO SISTÊMICA EM SST: ALTA COMPLEXIDADE GRANDE TRANSPARÊNCIA 1. Sistema de Gestão Integrada de QMSR 2. Política de QMSR 3. Estrutura

Leia mais

NR 4 Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho SESMT

NR 4 Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho SESMT Instituto Superior de Tecnologia de Paracambi NR 4 Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho SESMT Curso:Tecnólogo em Gestão Ambiental Professora: Raquel Simas Pereira

Leia mais

Causas da LER em jovens. Uso indevido da tecnologia. Como prevenir?

Causas da LER em jovens. Uso indevido da tecnologia. Como prevenir? Causas da LER em jovens. Uso indevido da tecnologia. Como prevenir? Com o avanço crescente da tecnologia da informação e comunicação, com o evento da internet e do mundo virtual ocorreram mudanças na sociedade,

Leia mais

Ficha Informativa + Segurança

Ficha Informativa + Segurança Ficha Informativa + Segurança Saúde no Trabalho Edição n.º 22 - Riscos Ergonómicos. Equipamentos dotados de Visor Os equipamentos dotados de visor, na atualidade, como instrumentos de trabalho, fazem parte

Leia mais

DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA BOLETIM 064/2015

DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA BOLETIM 064/2015 DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA ADM 165/2015-13/07/2015 BOLETIM 064/2015 Estabelecidas as regras a serem adotadas pela perícia médica na inspeção no ambiente de trabalho dos segurados Por meio da norma

Leia mais

ACIDENTES DE TRABALHO. Acidentes no local de trabalho devido à negligencia e descumprimento das Normas Regulamentadoras

ACIDENTES DE TRABALHO. Acidentes no local de trabalho devido à negligencia e descumprimento das Normas Regulamentadoras ACIDENTES DE TRABALHO Acidentes no local de trabalho devido à negligencia e descumprimento das Normas Regulamentadoras Agressão a jornalista no exercício da profissão é AT Os jornalistas agredidos, atingidos

Leia mais

ANÁLISE ERGONÔMICA DE POSTOS DE TRABALHO EM ESCRITÓRIOS EM UMA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA

ANÁLISE ERGONÔMICA DE POSTOS DE TRABALHO EM ESCRITÓRIOS EM UMA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA ANÁLISE ERGONÔMICA DE POSTOS DE TRABALHO EM ESCRITÓRIOS EM UMA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA JOÃO FRANCISCO LINHARES ZENI 1 RODRIGO EDUARDO CATAI 2 ROSEMARA S. D. AMARILLA 3 Universidade Tecnológica Federal do

Leia mais

Informática Básica. Hardware. Anibal de Macedo, Informática Básica - Hardware. Instituto Federal do Rio Grande do Norte

Informática Básica. Hardware. Anibal de Macedo, Informática Básica - Hardware. Instituto Federal do Rio Grande do Norte Informática Básica Anibal de Macedo 1, 2 1 IFRN Instituto Federal do Rio Grande do Norte 2 UFRN Universidade Federal do Rio Grande do Norte Informática Básica - Introdução 1 Introdução, o que é isso? 2

Leia mais

Pesquisa sobre gestão de riscos psicossociais relacionados ao trabalho

Pesquisa sobre gestão de riscos psicossociais relacionados ao trabalho Pesquisa sobre gestão de riscos psicossociais relacionados ao trabalho Bancários e Bancárias, Esta pesquisa faz parte do Programa de Prevenção e Política de Saúde do Trabalhador do Sindicato dos Bancários

Leia mais

Ressurgimento da SSO. Primeira Lei de proteção aos trabalhadores HISTÓRIA DA SAÚDE E SEGURANÇA OCUPACIONAL

Ressurgimento da SSO. Primeira Lei de proteção aos trabalhadores HISTÓRIA DA SAÚDE E SEGURANÇA OCUPACIONAL HISTÓRIA DA SAÚDE E SEGURANÇA OCUPACIONAL Prof. Carlos William de Carvalho Ressurgimento da SSO Depois de esquecido por décadas, o tema Saúde e Segurança Ocupacional, volta a ganhar importância com a ocorrência

Leia mais

SAÚDE DO TRABALHADOR - LER. Nome: Silvia Kelly Leão Silva de Freitas Gilvan Carvalho Barbosa

SAÚDE DO TRABALHADOR - LER. Nome: Silvia Kelly Leão Silva de Freitas Gilvan Carvalho Barbosa SAÚDE DO TRABALHADOR - LER Nome: Silvia Kelly Leão Silva de Freitas Gilvan Carvalho Barbosa Este trabalho tem por objetivo trazer mais conhecimento sobre uma patologia que aflige muitas pessoas atualmente

Leia mais

RISCOS ÀSEGURANÇA E SAÚDE DOS TRABALHADORES BANCÁRIOS

RISCOS ÀSEGURANÇA E SAÚDE DOS TRABALHADORES BANCÁRIOS RISCOS ÀSEGURANÇA E SAÚDE DOS TRABALHADORES BANCÁRIOS A ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO BANCÁRIO Em consequência das mudanças sociais, econômicas e, sobretudo, tecnológicas, a organização do trabalho bancário

Leia mais

Nexo importante para a prevenção Sem o estabelecimento do nexo entre os transtornos de saúde e as atividades do trabalhador não é possível trabalhar

Nexo importante para a prevenção Sem o estabelecimento do nexo entre os transtornos de saúde e as atividades do trabalhador não é possível trabalhar DADOS da PESQUISA PERFIL, CONDIÇÕES DE TRABALHO E SAÚDE DOS TRABALHADORES - professores da rede estadual de São Paulo. APEOESP/DIEESE RELAÇÕES no TRABALHO X ADOECIMENTO 1 O TRABALHO NA SOCIEDADE ATUAL

Leia mais

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Formação Inicial e Continuada (Decreto Federal nº 5154/04 e Lei Federal nº 11741/08) PLANO DE CURSO Área Tecnológica: Segurança

Leia mais

Educação para a Saúde

Educação para a Saúde Educação para a Saúde Exercícios Laborais Setembro de 2006 Raquel Faria Araújo de Oliveira Ergonomista e Educadora física Saúde Segundo a Organização Mundial de Saúde: Saúde é um estado de completo bem-estar

Leia mais

Laudo ergonômico de um setor industrial

Laudo ergonômico de um setor industrial Laudo ergonômico de um setor industrial Resumo Norival Agnelli (UNESP) agnelli@feb.unesp.br Carlos Eduardo Segamarchi (UNESP) segama@terra.com.br Edson Antonio Capello Sousa (UNESP) capello@feb.unesp.br

Leia mais

Adoecimento Mental e Trabalho

Adoecimento Mental e Trabalho Adoecimento Mental e Trabalho Benefícios por Incapacidade Relacionados a Transtornos Mentais e Comportamentais Período: 2012 e 2016 Resumo do 1º Boletim Quadrimestral/2017 CGMBI/SRGPS/SPREV/MF 25 de maio

Leia mais

Uma Descrição Relativa ao Período Decenal de 2004 a 2013

Uma Descrição Relativa ao Período Decenal de 2004 a 2013 Candido Portinari. Brasil, 1903 1962. Uma Descrição Relativa ao Período Decenal de 2004 a 2013 Como evolui o emprego formal no período 2004-2013? Tabela 1- Evolução da Quantidade Média de Vínculos 2004-2013

Leia mais

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO Acidente Típico / Doença Profissional / Doença do Trabalho / Trajeto

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO Acidente Típico / Doença Profissional / Doença do Trabalho / Trajeto LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO Acidente Típico / Doença Profissional / Doença do Trabalho / Trajeto Professor: Dr. Rogério Martir Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidad

Leia mais

BANCÁRIO. conheça os seus direitos sobre a LER/DORT

BANCÁRIO. conheça os seus direitos sobre a LER/DORT BANCÁRIO conheça os seus direitos sobre a LER/DORT INTRODUÇÃO Todo bancário já ouviu falar em LER/DORT, as Lesões por Esforços Repetitivos (LER) ou Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT).

Leia mais

O impacto da tecnologia no mercado de trabalho

O impacto da tecnologia no mercado de trabalho O impacto da tecnologia no mercado de trabalho Tecnologia no mercado de trabalho Vivemos em uma era digital onde a sociedade atual passa por uma grande evolução tecnológica, sendo o computador uma das

Leia mais

ACIDENTE DO TRABALHO ARTIGOS 19 a 23 DA LEI 8213/91 Prof. Anderson Castelucio Art. 19. Acidente do trabalho é o que ocorre pelo exercício do trabalho a serviço da empresa ou pelo exercício do trabalho

Leia mais

O uso excessivo de tecnologias pode causar doenças

O uso excessivo de tecnologias pode causar doenças Saúde & Tecnologia O uso excessivo de tecnologias pode causar doenças Os aparelhos digitais, fonte de informação e entretenimento, tem levado muitos usuários a permanecerem por longos períodos conectados

Leia mais

III Seminário Catarinense de Prevenção ao Assédio Moral no Trabalho. 30 de setembro e 01 de outubro de 2013

III Seminário Catarinense de Prevenção ao Assédio Moral no Trabalho. 30 de setembro e 01 de outubro de 2013 III Seminário Catarinense de Prevenção ao Assédio Moral no Trabalho 30 de setembro e 01 de outubro de 2013 1 2 ASSÉDIO MORAL Assédio Moral Conceito: Comportamentos agressivos que visam, sobretudo a desqualificação

Leia mais

Contestação e Recurso: NTEP e FAP

Contestação e Recurso: NTEP e FAP Contestação e Recurso: NTEP e FAP Bruno Gil de Carvalho Lima Instituto Nacional do Seguro Social Instituto Médico-Legal Nina Rodrigues Câmara Técnica de Perícia Médica do CRM-BA 1 Análise Pericial Conclusão

Leia mais

Legislação sobre doenças como LER/DORT e suas prevenções. Marco Aurélio Barbosa Catalano Assessor Jurídico Assessoria Jurídica - Reitoria

Legislação sobre doenças como LER/DORT e suas prevenções. Marco Aurélio Barbosa Catalano Assessor Jurídico Assessoria Jurídica - Reitoria Legislação sobre doenças como LER/DORT e suas prevenções Marco Aurélio Barbosa Catalano Assessor Jurídico Assessoria Jurídica - Reitoria O QUE É LER? O QUE É DORT? LER Lesões por Esforço Repetitivo Entende-se

Leia mais

ERGONOMIA COGNITIVA APLICADA À PERCEPÇÃO DOS AMBIENTES DE TRABALHO E QUALIDADE DE VIDA DOS TRABALHADORES CNROSSI ERGONOMIA E FISIOTERAPIA PREVENTIVA

ERGONOMIA COGNITIVA APLICADA À PERCEPÇÃO DOS AMBIENTES DE TRABALHO E QUALIDADE DE VIDA DOS TRABALHADORES CNROSSI ERGONOMIA E FISIOTERAPIA PREVENTIVA ERGONOMIA COGNITIVA APLICADA À PERCEPÇÃO DOS AMBIENTES DE TRABALHO E QUALIDADE DE VIDA DOS TRABALHADORES Cognição - Definição Cognição refere-se a um conjunto de habilidades cerebrais/mentais necessárias

Leia mais

SEGURANÇA NO TRABALHO E MEIO AMBIENTE NR-17- ERGONOMIA

SEGURANÇA NO TRABALHO E MEIO AMBIENTE NR-17- ERGONOMIA Zelãene dos Santos SEGURANÇA NO TRABALHO E MEIO AMBIENTE NR-17- ERGONOMIA O termo ergonomia é derivado das palavras ergon(trabalho) e nomos(regras). Resumidamente, pode-se dizer que a ergonomia se aplica

Leia mais

FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho. Módulo de Saúde Ocupacional AULA 1

FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho. Módulo de Saúde Ocupacional AULA 1 FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho Módulo de Saúde Ocupacional AULA 1 Competências a serem trabalhadas nesta aula Aplicar legislação brasileira e Norma Regulamentadora NR-7, específicas à Saúde

Leia mais

2Utilização de. computadores, tablets e telemóveis. Adote uma postura adequada. Trabalha com um computador?

2Utilização de. computadores, tablets e telemóveis. Adote uma postura adequada. Trabalha com um computador? 2Utilização de computadores, tablets e telemóveis Trabalha com um computador? Caso trabalhe com um computador e, em particular, esteja mais de 4 horas por dia ou 20 horas por semana em frente a estes equipamentos,

Leia mais

A Implantação de Programas de Prevenção de Saúde e Segurança do Trabalho. Engª Jane Belém e Drª Gilda Maria

A Implantação de Programas de Prevenção de Saúde e Segurança do Trabalho. Engª Jane Belém e Drª Gilda Maria A Implantação de Programas de Prevenção de Saúde e Segurança do Trabalho Engª Jane Belém e Drª Gilda Maria Agentes Físicos Conceito - São diversas formas de energia a que possam estar expostos os trabalhadores,

Leia mais

DISCIPLINA: ERGONOMIA E SEGURANÇA DO TRABALHO

DISCIPLINA: ERGONOMIA E SEGURANÇA DO TRABALHO DISCIPLINA: ERGONOMIA E SEGURANÇA DO TRABALHO PROFESSOR: Altamir Durães Garcia Formação: Graduação em engenharia Elétrica PUC MG Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho FUNDAMENTOS E DEFINIÇÕES

Leia mais

NR 12 - SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

NR 12 - SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS NR 12 - SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS Arranjo Físico e Instalações, Aspectos Ergonômicos, Sinalização, Procedimentos de Trabalho e Segurança e Capacitação Clarice I. Lorenzi Eng. de

Leia mais

Ergonomia é o estudo do. relacionamento entre o homem e o seu trabalho, equipamento e ambiente, e. particularmente a aplicação dos

Ergonomia é o estudo do. relacionamento entre o homem e o seu trabalho, equipamento e ambiente, e. particularmente a aplicação dos ERGONOMIA ERGONOMIA relacionamento entre o homem e o seu trabalho, equipamento e ambiente, e conhecimentos de anatomia, fisiologia e psicologia na solução dos problemas surgidos deste relacionamento. Em

Leia mais

Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho

Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho Acção de sensibilização de segurança e saúde no trabalho com equipamentos dotados de visor ou Acção de sensibilização para adopção de posturas ergonómicas correctas

Leia mais

COMO EVITAR PASSIVO TRABALHISTA Reinaldo de Francisco Fernandes

COMO EVITAR PASSIVO TRABALHISTA Reinaldo de Francisco Fernandes COMO EVITAR PASSIVO TRABALHISTA Reinaldo de Francisco Fernandes email: GRÁFICO COMPARATIVO encargos sociais (fonte José Pastore) 2 QUADRO EVOLUTIVO DO VOLUME DE AÇÕES fonte TST 3 O complexo normativo Constituição

Leia mais

Bem estar e produtividade no trabalho

Bem estar e produtividade no trabalho Bem estar e produtividade no trabalho Camila Greco Müller dos Santos Fisioterapeuta Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro Especialista em osteopatia, terapia manual e biomecânica clínica O bem-estar

Leia mais

FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho. Módulo de Prevenção de Acidentes ACI Prof.ª Cleverson Luis Lima de souza

FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho. Módulo de Prevenção de Acidentes ACI Prof.ª Cleverson Luis Lima de souza FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho Módulo de Prevenção de Acidentes ACI Prof.ª Cleverson Luis Lima de souza OBJETIVO Consolidar todo o conhecimento construído durante o módulo A Legislação

Leia mais

TRABALHO E SAÚDE MENTAL. Cargas de trabalho e possíveis transtornos

TRABALHO E SAÚDE MENTAL. Cargas de trabalho e possíveis transtornos TRABALHO E SAÚDE MENTAL Cargas de trabalho e possíveis transtornos A influência das características atuais do trabalho sobre a saúde mental dos trabalhadores pode decorrer de inúmeros fatores e situações:

Leia mais

SAÚDE E Segurança do trabalho_sst. Prof. Marcus Aurélio

SAÚDE E Segurança do trabalho_sst. Prof. Marcus Aurélio SAÚDE E Segurança do trabalho_sst Prof. Marcus Aurélio Conceitos Básicos de SST A Segurança do Trabalho pode ser entendida como o conjunto de medidas adotadas, visando minimizar os acidentes de trabalho,

Leia mais

Andréia de Conto Garbin

Andréia de Conto Garbin Andréia de Conto Garbin Promoção: DVST - CEREST ESTADUAL/SP São Paulo, 12 de novembro de 2015 O nexo causal dos Transtornos mentais relacionados ao trabalho e a importância da anamnese ocupacional Por

Leia mais

Legislação do Ministério do Trabalho e Emprego (NR s)

Legislação do Ministério do Trabalho e Emprego (NR s) Legislação do Ministério do Trabalho e Emprego (NR s) http://www.mte.gov.br/ NR 01 Disposições Gerais 02 Inspeção Prévia 03 Embargo ou Interdição TEMA 04 Serviços Especializados em Eng. de Segurança

Leia mais

LER A DOENÇA DO SÉCULO

LER A DOENÇA DO SÉCULO LER A DOENÇA DO SÉCULO Introdução Muitas vezes sofremos lesões que procedem de comportamentos cotidianos que não nos damos conta de ser danosos a nossa saúde até começarmos a sentir a dores que são ocasionadas

Leia mais

REGULAMENTAÇÃO DA LEI Nº /2012 PELO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO

REGULAMENTAÇÃO DA LEI Nº /2012 PELO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO REGULAMENTAÇÃO DA LEI Nº 12.740/2012 PELO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO ANEXO III DA NR-16 (Proposta da FENAVIST) S PROFISSIONAIS DE SEGURANÇA PESSOAL OU PATRIMONIAL I S E OPERAÇÕES PERIGOSAS SE COM

Leia mais

NR 33 Plano de Aula - 16 Aulas (Aulas de 1 Hora).

NR 33 Plano de Aula - 16 Aulas (Aulas de 1 Hora). 6155 - NR 33 Plano de Aula - 16 Aulas (Aulas de 1 Hora). Aula 1 Capítulo 1 - Introdução à NR 33 1.1. Espaço Confinado... 22 1.1.1. Principais Características... 22 1.1.2. Outras Definições... 22 1.1.3.

Leia mais

LTCAT LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO REITORIA

LTCAT LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO REITORIA LTCAT LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO REITORIA ALAINE SANTANA BARRETO Engenheira de Segurança do Trabalho CREA SC nº 072076-6 SIAPE 1789080 Blumenau, 28 de Abril de 2015. SUMÁRIO 1 IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO

HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO Higiene e Segurança no Trabalho Capítulo IV EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL (NR-6), D.Sc. 1/29 Equipamento de Proteção Individual (EPI) 6.1 Para os fins de aplicação desta Norma Regulamentadora NR,

Leia mais

Vigilância em Saúde do Trabalhador em frigoríficos

Vigilância em Saúde do Trabalhador em frigoríficos Vigilância em Saúde do Trabalhador em frigoríficos Vigilância em Saúde Cuidado em Saúde Responsabilidade do profissional de saúde Questões éticas (prevenção, precaução, proteção da saúde) Sigilo médico

Leia mais

Diário Oficial do EXECUTIVO

Diário Oficial do EXECUTIVO Quinta-feira SUMÁRIO QR CODE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO - COPEL... 2 LICITAÇÕES E CONTRATOS... 2 ANULAÇÃO (TOMADA DE PREÇOS Nº 006/2017)... 2 AVISO DE LICITAÇÃO (CARTA-CONVITE Nº 005/2017)... 2 AVISO

Leia mais

GESTÃO DE ABSENTEÍSMO

GESTÃO DE ABSENTEÍSMO GESTÃO DE ABSENTEÍSMO O CENÁRIO - dados - O absenteísmo é um fenômeno de alcance mundial que tem crescido significativamente nos últimos anos trazendo impactos econômicos e sociais aos trabalhadores e

Leia mais

SEGURANÇA DO TRABALHO INTRODUÇÃO

SEGURANÇA DO TRABALHO INTRODUÇÃO SEGURANÇA DO TRABALHO INTRODUÇÃO Breve História da Revolução Industrial (1760-1830) Art. 82 Decreto-Lei 7.036 de 10.11.1944 Institucionalização da CIPA Art. 7º da Constituição Federal Promulgada em 05-10-1988

Leia mais

INTRODUÇÃO. É preciso avaliar cada caso, se já sabemos qual material vai ser cortado ou usinado, precisamos agora escolher a ferramenta ideal.

INTRODUÇÃO. É preciso avaliar cada caso, se já sabemos qual material vai ser cortado ou usinado, precisamos agora escolher a ferramenta ideal. SERRAS CIRCULARES INTRODUÇÃO Sabemos que para efeito de segurança, qualidade e de produtividade é necessário que se escolha a ferramenta indicada para cada corte executado dentro de uma marcenaria. É preciso

Leia mais

Como proceder nos contratos por prazo O que é estabilidade provisória? determinado?

Como proceder nos contratos por prazo O que é estabilidade provisória? determinado? O que é estabilidade provisória? É o período em que o empregado tem seu emprego garantido, não podendo ser dispensado por vontade do empregador, salvo por justa causa ou força maior. Encontram-se previstas

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA SETOR DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DE TECNOLOGIA ELISANDRA LAROCA DEMETERKO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA SETOR DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DE TECNOLOGIA ELISANDRA LAROCA DEMETERKO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA SETOR DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DE TECNOLOGIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO ELISANDRA LAROCA DEMETERKO RISCOS ENCONTRADOS EM ESTABELECIMENTOS

Leia mais

Ergonomia, Higiene e Segurança do Trabalho. ENG 1090 Introdução à Engenharia de Produção.

Ergonomia, Higiene e Segurança do Trabalho. ENG 1090 Introdução à Engenharia de Produção. Ergonomia, Higiene e Segurança do Trabalho. ENG 1090 Introdução à Engenharia de Produção. 2012 1 Nome Apresentação do Grupo. Mariana Arruda Caldas Stéfanie Alice Casali Tainá Barboza Introdução à Ergonomia,

Leia mais

LTCAT LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO CÂMPUS BRUSQUE

LTCAT LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO CÂMPUS BRUSQUE LTCAT LAUDO TÉCNICO DAS CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO CÂMPUS BRUSQUE ALAINE SANTANA BARRETO Engenheira de Segurança do Trabalho CREA SC nº 072076-6 SIAPE 2155240 Blumenau, 08 de Junho de 2016. SUMÁRIO

Leia mais

CIPA COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES. Jeferson Seidler

CIPA COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES. Jeferson Seidler CIPA COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES Objetivo A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes CIPA tem como objetivo a prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar

Leia mais

A Repercussão Previdenciária e Tributária dos Acidentes de Trabalho

A Repercussão Previdenciária e Tributária dos Acidentes de Trabalho A Repercussão Previdenciária e Tributária dos Acidentes de Trabalho Orion Sávio Santos de Oliveira Analista Técnico de Políticas Sociais ATPS DPSSO/SPPS/MF orion.oliveira@previdencia.gov.br Roteiro da

Leia mais

Contestação do Nexo Técnico Epidemiológico Previdenciário

Contestação do Nexo Técnico Epidemiológico Previdenciário Contestação do Nexo Técnico Epidemiológico Previdenciário 1 A Previdência Social tem a obrigação constitucional de dar cobertura ao acidente do trabalho: Cabe ao INSS toda a regulamentação do reconhecimento

Leia mais

O MÉDICO DO TRABALHO E A LEGISLAÇÃO: E O QUE MUDOU? Ações Regressivas Acidentárias

O MÉDICO DO TRABALHO E A LEGISLAÇÃO: E O QUE MUDOU? Ações Regressivas Acidentárias O MÉDICO DO TRABALHO E A LEGISLAÇÃO: E O QUE MUDOU? Ações Regressivas Acidentárias FERNANDO MACIEL Procurador Federal Mestre em Prevenção de Riscos Laborais pela Universidade de Alcalá de Henares (Espanha)

Leia mais