CONCEITOS GRAMATICAIS PARA ESTUDO CARLA FRASE. FRASE VERBAL: é frase que apresenta verbo ou locução verbal.

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONCEITOS GRAMATICAIS PARA ESTUDO CARLA FRASE. FRASE VERBAL: é frase que apresenta verbo ou locução verbal."

Transcrição

1 CONCEITOS GRAMATICAIS PARA ESTUDO CARLA FRASE É uma enunciado (uma mensagem) de sentido completo que estabelece comunicação. Toda frase deve ser pontuada. FRASE VERBAL: é frase que apresenta verbo ou locução verbal. A criança gosta de brincar. Toda criança precisa de atenção. FRASE NOMINAL: é frase que NÃO apresenta verbo ou locução verbal. Que dia lindo! Silêncio! ATENÇÃO! Desde que estabeleça comunicação (que tenha sentido completo), uma só palavra pode ser uma frase. A ORAÇÃO Todo enunciado que apresenta verbo ou locução verbal é uma oração. Oração é, portanto, tudo o que está em volta de um verbo ou de uma locução verbal. O número de orações corresponde ao número de verbos e de locuções verbais apresentados em um texto: se o texto apresentar 5 verbos, ele terá 5 orações; se apresentar 2 verbos e 4 locuções verbais, ele terá 6 orações. EXEMPLOS: Os auditores analisaram os balancetes. 1 verbo = 1 oração O fiscal está apurando as denúncias. 1 locução verbal = 1 oração ATENÇÃO: toda locução verbal é formada por mais de um verbo, mas tem valor de 1 só. No exemplo anterior, a locução verbal está apurando equivale à forma verbal simples apura. O garoto caiu e machucou-se. 2 verbos = 2 orações. PERÍODO É uma frase verbal, sendo, portanto, um enunciado de sentido completo que apresenta verbo(s) e/ou locução(ões) verbal (is). PREDICAÇÃO VERBAL O verbo, quanto à predicação, pode ser classificado em: Transitivos Intransitivos Ligação VERBO TRANSITIVO DIRETO É aquele que vem acompanhado de um objeto SEM preposição. O aluno comprou os livros. VTD OD

2 O exemplo traz um verbo transitivo direto, pois o verbo comprar exige complemento para que seu sentido fique completo. Quando se compra, compra-se obrigatoriamente algo, alguma coisa. O complemento do verbo é chamado de objeto. Quando esse objeto é ligado ao verbo SEM preposição é chamado de objeto direto, assim o verbo torna-se verbo transitivo direto. VERBO TRANSITIVO DIRETO Esse verbo vem acompanhado de um objeto COM preposição obrigatória. ( objeto indireto) Os filhos devem obedecer V T I aos pais. OI (preposição obrigatória) O exemplo traz um verbo que requer complemento para ter sentido, pois quem obedece, obedece a alguém ou algo. Esse complemento ligado ao verbo por meio de uma preposição é chamado de objeto indireto. VERBO TRANSITIVO DIRETO E INDIRETO É aquele que vem acompanhado de um objeto SEM preposição (objeto direto) e de um objeto COM preposição (objeto indireto). O jornal dedicou uma página ao episódio. VTDI OD OI INTRANSITIVO É o verbo considerado de sentido completo, que não exige complemento para completar- lhe o sentido, ou seja, são os que não trazem complementos verbais. CUIDADO! Existem verbos intransitivos que apresentam preposição, não para formar objeto indireto, mas para compor adjunto adverbial. Também pode aparecer junto a um verbo intransitivo um predicativo do sujeito. Observem os exemplos que seguem: A criança dorme. VI A polícia chegou ao morro. VI adj. adverbial de lugar Ela mora em Olinda. VI adj. adverbial de lugar A garota chegou alegre. VI predicativo do sujeito ATENÇÃO! VERBO INTRANSITIVO NÃO PODE TER OBJETO. O VERBO INTRANSITIVO NÃO TRANSITA (ANDA) PARA BUSCAR COMPLEMENTO (OBJETO DIRETO E OBJETO INDIRETO) PARA O VERBO, POR ISSO NÃO PODE TER OBJETO DIRETO NEM OBJETO INDIRETO. VERBO DE LIGAÇÃO

3 É aquele que, expressando estado, liga características (predicativos) ao sujeito. Sandra é alegre. VL PS Sandra vive alegre. VL PS Mamãe está doente. VL PS Júlia ficou VL brava. PS SUJEITO É o termo da oração de quem ou do qual falamos na oração CLASSIFICAÇÃO DO SUJEITO: SUJEITO SIMPLES: é aquele que apresenta apenas um núcleo (parte principal responsável pelo verbo). Os meninos caíram. Sujeito simples que tem como núcleo a palavra menino. SUJEITO COMPOSTO: é aquele que apresenta 2 ou + núcleos. O pai e a mãe saíram juntos. Sujeito composto que tem como núcleo as palavras pai e mãe. SUJEITO DESINENCIAL, IMPLÍCITO, OCULTO, ELÍPTICO OU SUBENTENDIDO: é aquele que não aparece na oração mas pode ser identificado. TEMOS SUJEITO OCULTO COM: 1. Verbos na 1ª pessoa do singular ou do plural; 2. Verbos no imperativo. 3. E quando o sujeito não aparece na oração que está sendo analisada, mas pode ser identificado porque já foi mencionado em oração (-ões) anterior (-res). Fui ao clube. Verbo na 1ª pessoa do singular sujeito oculto EU. Saímos muito cedo. Verbo na 1ª pessoa do plural sujeito oculto NÓS. Vá rápido! Verbo no imperativo sujeito oculto VOCÊ Pedro e Jorge são muito amigos, não se desgrudam nunca. Temos 2 (duas) orações ser e desgrudar. Sujeito da 1ª oração: PEDRO e JORGE; da 2ª é implícito PEDRO e JORGE. SUJEITO INDETERMINADO: Ele é indeterminado, e isso não significa que ele não exista na oração. Muitas vezes o enunciador não sabe de quem se trata ou simplesmente não quer ou não pode revelá-lo. Observe: 1. Oração com verbo na 3ª pessoa do plural:

4 Falaram que você foi demitida. Quem falou?? Levaram minha carteira ontem. Quem levou?? 2. Oração com VTI (na 3ª pessoa do singular) + SE (índice de indeterminação do sujeito) Precisa-se de balconistas. 3. Oração com VI (na 3ª pessoa do singular) + SE (índice de indeterminação do sujeito) Trabalha-se muito nesta empresa. 4. Oração com VL ( na terceira pessoa do singular) + SE (índice de indeterminação do sujeito) Hoje vive-se mais feliz aqui. SUJEITO INEXISTENTE OU ORAÇÃO SEM SUJEITO: Ocorre quando simplesmente não existe um elemento ao qual o predicado se refere. Especificamente neste caso, há regras mais complexas que o determina: 1. VERBOS QUE INDICAM FENÔMENOS DA NATUREZA (no sentido real, denotativo), como: nevar, chover, trovejar, relampejar. Está nevando muito na Suíça. Choveu à noite toda. ATENÇÃO: Se o verbos que exprimem fenômeno estiverem no sentido figurado, passarão a ter sujeito. Estão chovendo flores na minha cabeça. Sujeito Simples flores. 2. VERBO HAVER e ACONTECER NO SENTIDO DE EXISTIR: Há muita corrupção na política. Na casa havia locais aconchegantes para o inverno. Houve muitos problemas. 3. Verbos FAZER e HAVER indicando tempo decorrido: Faz dois meses que não o vejo. Há anos que ele se foi. 4. Verbos SER, ESTAR e FAZER indicando tempo ou clima. Fez noites frias no inverno passado. São 13 horas. Está frio. É meia-noite. PREDICADO

5 É tudo o que falamos do sujeito, ou seja, é toda a informação sobre o sujeito. ADJUNTO ADVERBIAL (SINTAXE) OU ADVÉRBIOS E LOCUÇÕES ADVERBIAIS (MORFOLOGIA) ADVÉRBIO é a palavra que indica as circunstâncias em que se dá a ação verbal. Apesar disso, os advérbios de intensidade também podem acompanhar, além dos verbos, substantivos, adjetivos e outros advérbios. Exemplos: Falava muito. Quase morto, andava a passos lentos pela rua. As crianças possuem uma curiosidade muito grande. Os seus pais passam muito bem. O conjunto de duas ou mais palavras que têm valor de advérbio denomina-se LOCUÇÃO ADVERBIAL. Os advérbios e as locuções adverbiais são classificados de acordo com o seu valor semântico, isto é, com o sentido que apresentam ou a circunstância que indicam. Alguns dos valores semânticos são: tempo, lugar, modo, dúvida, afirmação e negação. Além de ter esses valores semânticos, as locuções adverbiais podem indicar ainda outras circunstâncias como: assunto, companhia, fim, etc. Há muitos tipos de advérbios: de lugar: aqui, ali, lá, longe, perto, atrás, acima, abaixo, à direita, à esquerda, ao lado, para dentro etc. de tempo: hoje, amanhã, ontem, jamais, nunca, de vez em quando, de tempos em tempos etc. de modo: assim, bem, mal, devagar, silenciosamente, em silêncio, pausadamente etc. de dúvida: talvez, acaso, provavelmente, possivelmente etc. de negação: não, nunca, jamais, de jeito algum, de modo nenhum etc. de intensidade: muito, pouco, bastante, bem, mais, menos, demais, um bom tanto etc. de afirmação: sim, com certeza, sem dúvida, etc. Locução adverbial é um conjunto de duas ou mais palavras que, juntas, atuam como um advérbio, alterando o sentido de um verbo, de um adjetivo ou de um advérbio. A maior parte das locuções adverbiais são iniciadas por uma preposição. Exemplos: Eles virão com certeza. Eles virão em breve. Eles virão por ali. Antônio construiu seu arraial popular ali. Estradas tão ruins. Meu pai foi caminhar na praia pela manhã. Em silêncio, os alunos prosseguiram seus estudos. De modo algum, você poderá contar com minha participação. Ele comeu em excesso. Grande parte da população adulta lê muito mal. ADVÉRBIO MODIFICANDO SUBSTANTIVO ATENÇÃO! SE A PALAVRA QUE REFERE-SE AO SUBSTANTIVO ESTIVER "INTENSIFICANDO" O MESMO E FOR INVARIÁVEL, ESSA SERÁ ADVÉRBIO. SE A PALAVRA PUDER FLEXIONAR-SE, SERÁ PRONOME INDEFINIDO.

6 Maria traga mais cadeiras. Advérbio = não flexiona-se. Compramos muito(s) livro(s). Pronome indefinido indicando quantidade inexata, imprecisa. Flexiona-se. Menos palavras e mais ações. Advérbios = não flexiona-se. Você deve saber que os advérbios não sofrem variação quanto ao gênero nem quanto ao número, ou seja, não variam para o feminino nem para o plural. Apesar disso, há casos em que ALGUNS TERMOS podem ser confundidos com advérbios, mas precisam passar por UMA ANÁLISE IMPORTANTE relativa à possibilidade de variação; se NÃO variarem, SÃO ADVÉRBIOS. É o que acontece com a palavra MUITO. Há situações em que ela NÃO PODE VARIAR. Ex.: Ela está MUITO bem. / Veja que não seria cabível dizer ou escrever Ela está MUITA bem! Nesse caso, vê-se claramente que se trata do ADVÉRBIO DE INTENSIDADE: MUITO, que é INVARIÁVEL. Certinho? Diferente disso, existe a expressão MUITA, termo feminino, variável quanto ao gênero e quanto ao número [MUITO/MUITOS/MUITAS]. Essa possibilidade de variação indica que essa palavra não pode ser um advérbio, mas sim um PRONOME INDEFINIDO, empregado para designar uma GRANDE quantidade ou volume de alguma coisa. Ex.: Tenho MUITAS novidades. Não quero MUITA comida!/ Recebi MUITOS amigos. Resumindo: MUITO sem poder variar é ADVÉRBIO DE INTENSIDADE; e MUITA, que é variável quanto ao gênero e quanto ao número, é PRONOME INDEFINIDO. ATENÇÃO! QUANDO A ANÁLISE É MORFOLÓGICA, AS PALAVRAS INVARIÁVEIS MODIFICADORAS DE VERBO, ADJETIVO, ADVÉRBIO E SUBSTANTIVO SÃO CLASSIFICADAS COMO ADVÉRBIO OU LOCUÇÃO ADVERBIAL (CLASSE GRAMATICAL). SE FOR ANÁLISE SINTÁTICA, A CLASSIFICAÇÃO DAS PALAVRAS PASSA A SER ADJUNTO ADVERBIAL.

Professora Patrícia Lopes

Professora Patrícia Lopes Professora Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia

Leia mais

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: são aqueles que não podem faltar, pois caso contrário, a oração deixa de existir. São eles: o SUJEITO e o PREDICADO. a) SUJEITO:

Leia mais

REVISÃO CONCEITOS GRAMATICAIS 9º ANO

REVISÃO CONCEITOS GRAMATICAIS 9º ANO REVISÃO CONCEITOS GRAMATICAIS 9º ANO Observe os exemplos... Marisa comprou um carro. São termos essenciais da oração: Sujeito É o termo da oração sobre quem se declara alguma coisa Predicado É tudo aquilo

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROFª.: THAÍS

LÍNGUA PORTUGUESA PROFª.: THAÍS LÍNGUA PORTUGUESA PROFª.: THAÍS AULA 8 O VERBO E SEUS COMPLEMENTOS pág. 57 A ORAÇÃO E SUA ESTRUTURA BÁSICA Sujeito = o ser sobre o qual se declara alguma coisa. Predicado = o que se declara sobre o sujeito.

Leia mais

A morfologia divide as palavras em classes gramaticais; já a sintaxe estuda a função das palavras dentro de um contexto oracional.

A morfologia divide as palavras em classes gramaticais; já a sintaxe estuda a função das palavras dentro de um contexto oracional. Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia divide

Leia mais

Professora Patrícia Lopes

Professora Patrícia Lopes Professora Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia

Leia mais

Lista 3 - Língua Portuguesa 1

Lista 3 - Língua Portuguesa 1 Lista 3 - Língua Portuguesa 1 Frase, oração e período; sujeito e predicado LISTA 3 - LP 1 - FRASE, ORAÇÃO E PERÍODO; SUJEITO E PREDICADO Frase, oração e período; sujeito e predicado Na fala ou na escrita,

Leia mais

Professor Marlos Pires Gonçalves

Professor Marlos Pires Gonçalves Termos essenciais da oração Introdução Chamamos de termos essenciais da oração aqueles compõem a estrutura básica da oração, ou seja, que são necessários para que a oração tenha significado. São eles:

Leia mais

Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é

Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é uma forma verbal. Existem também o sintagma adjetival

Leia mais

APOIO PEDAGÓGICO AO NÚCLEO COMUM GRAMÁTICA TRADICIONAL AULA 3: SINTAXE TERMOS ESSENCIAIS. Tutora: Ariana de Carvalho

APOIO PEDAGÓGICO AO NÚCLEO COMUM GRAMÁTICA TRADICIONAL AULA 3: SINTAXE TERMOS ESSENCIAIS. Tutora: Ariana de Carvalho APOIO PEDAGÓGICO AO NÚCLEO COMUM GRAMÁTICA TRADICIONAL AULA 3: SINTAXE TERMOS ESSENCIAIS Tutora: Ariana de Carvalho O QUE É SINTAXE? É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro

Leia mais

Colégio Diocesano Seridoense- CDS

Colégio Diocesano Seridoense- CDS Colégio Diocesano Seridoense- CDS SUJEITO E PREDICADO C A L I A N A M E D E I R O S A morfologia estuda as classes gramaticais, isto é, o campo da seleção, enquanto a sintaxe estuda o campo da combinação

Leia mais

9 - (CESGRANRIO) Complete CORRETAMENTE as lacunas da seguinte frase: A obra de Huxley, se faz alusão no texto, descreve uma sociedade os atos dos

9 - (CESGRANRIO) Complete CORRETAMENTE as lacunas da seguinte frase: A obra de Huxley, se faz alusão no texto, descreve uma sociedade os atos dos 9 - (CESGRANRIO) Complete CORRETAMENTE as lacunas da seguinte frase: A obra de Huxley, se faz alusão no texto, descreve uma sociedade os atos dos indivíduos são controlados por um sistema de televisão.

Leia mais

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações Odilei França Graduado em Letras pela Fafipar. Graduado em Teologia pela Faculdade Batista. Professor de Língua Portuguesa para concursos públicos há 22 anos. Predicação verbal e sintaxe do período simples

Leia mais

TERMOS BÁSICOS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO

TERMOS BÁSICOS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO Frase, oração, período TERMOS BÁSICOS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO Frase é uma palavra ou um conjunto organizado de palavras que estabelecem comunicação entre duas ou mais pessoas. A frase é marcada,

Leia mais

Obs: *Predicativo do sujeito Ex.: A situação parece perfeita. * Predicativo do objeto Ex.: Os presos acharam a comida péssima.

Obs: *Predicativo do sujeito Ex.: A situação parece perfeita. * Predicativo do objeto Ex.: Os presos acharam a comida péssima. Obs: *Predicativo do sujeito Ex.: A situação parece perfeita. * Predicativo do objeto Ex.: Os presos acharam a comida péssima. Termos essenciais 1) Sujeito: é o termo a respeito do qual se declara alguma

Leia mais

Revisão:Tipos de sujeito

Revisão:Tipos de sujeito Revisão:Tipos de sujeito Sujeito Simples: possui apenas um núcleo. Exemplos: - Deus é perfeito! - A cegueira lhe torturava os últimos dias de vida. Sujeito Composto: possui dois ou mais núcleos. Exemplos:

Leia mais

Aula 16 Termos essenciais da oração. Professor Guga Valente

Aula 16 Termos essenciais da oração. Professor Guga Valente Aula 16 Termos essenciais da oração Professor Guga Valente Termos essenciais 1. Termos essenciais: aqueles que são indispensáveis, isto é, não podem faltar. São eles: sujeito e predicado. 2. Termos integrantes:

Leia mais

PREDICADO. Profª Fernanda Colcerniani

PREDICADO. Profª Fernanda Colcerniani PREDICADO Profª Fernanda Colcerniani PREDICADO É o termo que expressa aquilo que se afirma a respeito do sujeito: 1. Jardineiros diplomados regam flores [...] sujeito predicado 2. A luz da tua poesia é

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE

LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR ANTONIO DUARTE E-mail: professorantonioduarte@gmail.com Facebook: Antonio Duarte SINTAXE ORAÇÃO = É o enunciado que gira em torno de um verbo. -Que dia lindo! - O dia está lindo!

Leia mais

Concurseiro. Sinta-se a vontade para estudar conosco. Português Prof. Joaquim Bispo. O seu espaço de preparação para concursos públicos

Concurseiro. Sinta-se a vontade para estudar conosco. Português Prof. Joaquim Bispo. O seu espaço de preparação para concursos públicos Espaço do Concurseiro Sinta-se a vontade para estudar conosco Português Prof. Joaquim Bispo O seu espaço de preparação para concursos públicos 1 SINTAXE DA ORAÇÃO Aula 2 Sintaxe: é a parte da gramática

Leia mais

ADVÉRBIOS. Prof.: Dr. Cristiano Xinelági Pereira

ADVÉRBIOS. Prof.: Dr. Cristiano Xinelági Pereira ADVÉRBIOS Prof.: Dr. Cristiano Xinelági Pereira Definições Classe de palavra que exprime uma circunstância. Morfologicamente: é invariável; Semanticamente: expressa uma circunstância (lugar, tempo, modo,

Leia mais

ADVÉRBIOS. Prof.: Dr. Cristiano Xinelági Pereira

ADVÉRBIOS. Prof.: Dr. Cristiano Xinelági Pereira ADVÉRBIOS Prof.: Dr. Cristiano Xinelági Pereira Definições Classe de palavra que exprime uma circunstância. Morfologicamente: é invariável; Semanticamente: expressa uma circunstância (lugar, tempo, modo,

Leia mais

TIPOS DE SUJEITO GRAMÁTICA

TIPOS DE SUJEITO GRAMÁTICA TIPOS DE SUJEITO GRAMÁTICA TIPOS DE SUJEITO SUJEITO SIMPLES As regras do sujeito simples e do composto são bem parecidas, mas não iguais! Possui apenas 1 núcleo; O núcleo do sujeito simples SÓ PODE SER:

Leia mais

ATENÇÃO! Material retirado da Internet, que eu considero de fonte segura e confiável. Os endereços estão no fim de cada assunto. TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO Sujeito e Predicado Para que a oração tenha

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA FRENTE B SINTAXE

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA FRENTE B SINTAXE LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA FRENTE B SINTAXE 1 Profª. Raquel Freitas Sampaio É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase. Identifica e reconhece os constituintes

Leia mais

Lista de exercícios de LP 2-7º ano

Lista de exercícios de LP 2-7º ano 1) Tipos de sujeito p. 77 2) Tipos de predicado p. 108 TIPOS DE SUJEITO Explique: Lista de exercícios de LP 2-7º ano Sujeito simples: É aquele que possui apenas um núcleo. Sujeito composto: É aquele que

Leia mais

02/03/2014 MORFOLOGIA X SINTAXE

02/03/2014 MORFOLOGIA X SINTAXE MORFOLOGIA X SINTAXE 1 TRANSITIVIDADE VERBAL OU PREDICAÇÃO VERBAL 1- VERBOS NOCIONAIS (significativos) ação, fenômeno e movimento VI, VTD, VTI ou VTDI 2- VERBOS RELACIONAIS (não-significativos) estado,

Leia mais

INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA

INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA FRASE, ORAÇÃO E PERÍODO FRASE: todo enunciado de sentido completo capaz de estabelecer comunicação. Pode ser nominal ou verbal. Nominal: não possui verbo Exemplos:

Leia mais

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL VERBO DE LIGAÇÃO; VERBO TRANSITIVO; VERBO INTRANSITIVO. Indica estado; VERBO DE LIGAÇÃO (VL) Liga uma característica do sujeito (predicativo

Leia mais

O predicado é o termo da oração que contém o verbo. Apesar de sujeito e predicado serem termos essenciais da oração, há situações (com verbos

O predicado é o termo da oração que contém o verbo. Apesar de sujeito e predicado serem termos essenciais da oração, há situações (com verbos O predicado é o termo da oração que contém o verbo. Apesar de sujeito e predicado serem termos essenciais da oração, há situações (com verbos impessoais) em que a oração não possui sujeito. Porém, não

Leia mais

VERBO DE LIGAÇÃO E PREDICATIVO DO SUJEITO

VERBO DE LIGAÇÃO E PREDICATIVO DO SUJEITO VERBO DE LIGAÇÃO E PREDICATIVO DO SUJEITO Verbo de Ligação É aquele que, expressando estado, liga características ao sujeito, estabelecendo entre eles (sujeito e características) certos tipos de relações.

Leia mais

SUJEITO TIPOS DE SUJEITO

SUJEITO TIPOS DE SUJEITO Colégio Diocesano Seridoense Disciplina: Língua Portuguesa 9 ano Professora: Lusia Raquel SUJEITO TIPOS DE SUJEITO Caicó RN 2018 SUJEITO SIMPLES Sujeito simples: é aquele que possui apenas um núcleo,

Leia mais

ADVÉRBIOS. Prof. Me. William Alves

ADVÉRBIOS. Prof. Me. William Alves ADVÉRBIOS Prof. Me. William Alves Definições Classe de palavra que exprime uma circunstância. Morfologicamente: é invariável; Semanticamente: expressa uma circunstância (lugar, tempo, modo, dúvida, certeza,

Leia mais

Língua. Portuguesa. Sintaxe da Oração

Língua. Portuguesa. Sintaxe da Oração Língua Portuguesa Sintaxe da Oração Frase Oração Período Frase: Bom dia! Ele resolveu a questão. Oração: Ele resolveu a questão. Espero que ele resolva a questão. Frase Oração Período Período Simples:

Leia mais

MATERIAL N. 1 AULA 01 SUJEITO: OS PRIMEIROS DIAS DE PAZ SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES NÚCLEO DO SUJEITO: DIAS CONCEITOS FUNDAMENTAIS SUJEITO COMPOSTO

MATERIAL N. 1 AULA 01 SUJEITO: OS PRIMEIROS DIAS DE PAZ SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES NÚCLEO DO SUJEITO: DIAS CONCEITOS FUNDAMENTAIS SUJEITO COMPOSTO AULA 01 SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES CONCEITOS FUNDAMENTAIS FRASE Frase é todo enunciado capaz de transmitir nossas idéias. Uma lua clara iluminava o céu. Socorro! ORAÇÃO É toda frase construída em torno

Leia mais

Estudo do Predicado e Predicativo do Sujeito

Estudo do Predicado e Predicativo do Sujeito Estudo do Predicado e Predicativo do Sujeito O estudo do predicado O predicado, como já vimos, é o termo da oração que contém o verbo. Apesar de sujeito e predicado serem termos essenciais da oração, há

Leia mais

Aula 18 Termos essenciais da oração II. Professor Guga Valente

Aula 18 Termos essenciais da oração II. Professor Guga Valente Aula 18 Termos essenciais da oração II Professor Guga Valente O meu tempo O meu tempo O meu tempo não é o seu tempo. O meu tempo é só meu. O seu tempo é seu e de qualquer pessoa, até eu. O seu tempo é

Leia mais

COLÉGIO DIOCESANO SERIDOENSE. Professora: Caliana Medeiros.

COLÉGIO DIOCESANO SERIDOENSE. Professora: Caliana Medeiros. COLÉGIO DIOCESANO SERIDOENSE Professora: Caliana Medeiros. PREDICAÇÃO VERBAL Em função da relação que os verbos estabelecem com outras palavras, podemos dividi-los de duas maneiras: verbos de ligação verbos

Leia mais

SINTAXE DA ORAÇÃO E PERÍODO

SINTAXE DA ORAÇÃO E PERÍODO SINTAXE DA ORAÇÃO E PERÍODO Frase, oração e período. Frase: É o enunciado com sentido completo, capaz de fazer uma comunicação - Atenção! -Ontem choveu. - Cuidado! - A moça atravessava a rua. Nem toda

Leia mais

Professor Marlos Pires Gonçalves

Professor Marlos Pires Gonçalves ADVÉRBIO Ele bebeu muito. Adv. Intensidade Na frase acima o advérbio muito está intensificando o sentido do verbo BEBER. A banda chegou hoje. tempo. Nessa outra frase o advérbio hoje acrescenta ao verbo

Leia mais

: é o termo da oração que, através de um verbo, projeta alguma afirmação sobre o sujeito.

: é o termo da oração que, através de um verbo, projeta alguma afirmação sobre o sujeito. feita através do predicado. : é o termo da oração que funciona como suporte de uma afirmação : é o termo da oração que, através de um verbo, projeta alguma afirmação sobre o sujeito. A pequena criança

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE

LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE 1 Profª. Raquel Freitas Sampaio É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase. Identifica e reconhece os constituintes sintáticos

Leia mais

PORTUGUÊS SÉRIE: Pré-Vestibular SINTAXE 1. Profª Raquel Sampaio

PORTUGUÊS SÉRIE: Pré-Vestibular SINTAXE 1. Profª Raquel Sampaio PORTUGUÊS SÉRIE: Pré-Vestibular SINTAXE 1 Profª Raquel Sampaio LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA SINTAXE 1 Profª. Raquel Freitas Sampaio É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro

Leia mais

Tipos de Sujeito. Profª Fernanda Machado

Tipos de Sujeito. Profª Fernanda Machado Tipos de Sujeito Profª Fernanda Machado Sujeito Simples: possui apenas um núcleo e este vem expresso na sentença. Os homens destroem a natureza. Quem destrói a natureza? Os homens Deus é perfeito! Quem

Leia mais

Sujeito determinado: ocorre quando a terminação do verbo e o contexto permitem: - reconhecer que existe um elemento ao qual o predicado se refere;

Sujeito determinado: ocorre quando a terminação do verbo e o contexto permitem: - reconhecer que existe um elemento ao qual o predicado se refere; Tipos de sujeito Sujeito determinado: ocorre quando a terminação do verbo e o contexto permitem: - reconhecer que existe um elemento ao qual o predicado se refere; - indicar quem é esse elemento. Exemplo:

Leia mais

Questão 01 Os hobbits

Questão 01 Os hobbits Educador: Angela Régia C. Curricular: Língua Portuguesa Data: / /2013 Estudante: 7º Ano Questão 01 Os hobbits Os hobbits são um povo discreto, mas muito antigo, que já foi mais numeroso do que é hoje.

Leia mais

ADVÉRBIO E LOCUÇÃO ADVERBIAL. Profª. Fernanda Machado

ADVÉRBIO E LOCUÇÃO ADVERBIAL. Profª. Fernanda Machado ADVÉRBIO E LOCUÇÃO ADVERBIAL Profª. Fernanda Machado Em língua portuguesa há 4 categorias gramaticais invariáveis: ADVÉRBIO PREPOSIÇÃO INTERJEIÇÃO CONJUNÇÃO 1. Advérbio DEFINIÇÃO: Advérbio é a palavra

Leia mais

Português. Sintaxe da Oração (Análise Sintática) Professor Carlos Zambeli.

Português. Sintaxe da Oração (Análise Sintática) Professor Carlos Zambeli. Português Sintaxe da Oração (Análise Sintática) Professor Carlos Zambeli www.acasadoconcurseiro.com.br Português SINTAXE DA ORAÇÃO (ANÁLISE SINTÁTICA) Frase: é o enunciado com sentido completo, capaz

Leia mais

ESTUDO DO ADVÉRBIO. Profª. Fernanda Machado

ESTUDO DO ADVÉRBIO. Profª. Fernanda Machado ESTUDO DO ADVÉRBIO Profª. Fernanda Machado Em língua portuguesa há 3 categorias gramaticais invariáveis: ADVÉRBIO PREPOSIÇÃO INTERJEIÇÃO CONJUNÇÃO 1. Advérbio DEFINIÇÃO: Advérbio é a palavra invariável

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA 9 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª DINANCI SILVA PROFª. SHIRLEY VASCONCELOS

LÍNGUA PORTUGUESA 9 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª DINANCI SILVA PROFª. SHIRLEY VASCONCELOS LÍNGUA PORTUGUESA 9 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª DINANCI SILVA PROFª. SHIRLEY VASCONCELOS CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade I Tecnologia: corpo, movimento e linguagem na era da informação. 2 CONTEÚDOS E

Leia mais

ADVÉRBIOS. Profa. Luana Lemos

ADVÉRBIOS. Profa. Luana Lemos ADVÉRBIOS Profa. Luana Lemos DEFINIÇÃO Do ponto de vista sintático: vem associado a verbo, adjetivo ou ao próprio advérbio; Do ponto de vista mórfico: é invariável; Do ponto de vista semântico denota circunstância

Leia mais

Morfologia, Sintaxe e Morfossintaxe substantivo, verbo, Morfologia. Morfologia classes gramaticais

Morfologia, Sintaxe e Morfossintaxe substantivo, verbo, Morfologia. Morfologia classes gramaticais Língua Portuguesa Nesta bimestral você aprendeu sobre diversos conceitos como Morfologia, Sintaxe e Morfossintaxe, e partir desses conceitos vamos revisar os principais assuntos estudados. Quando falamos

Leia mais

Análise sintática: Sujeito

Análise sintática: Sujeito Análise sintática: Sujeito ANÁLISE SINTÁTICA Analisar sintaticamente uma oração significa dividi-la em partes e estudar a relação existente entre elas. Dessa forma, torna-se possível determinar a função

Leia mais

RESUMÃO LÍNGUA PORTUGUESA AO VIVO 07/06/13 LUCIA DEBORAH SINTAXE: TIPOS DE SUJEITO E DE PREDICADO SUJEITO

RESUMÃO LÍNGUA PORTUGUESA AO VIVO 07/06/13 LUCIA DEBORAH SINTAXE: TIPOS DE SUJEITO E DE PREDICADO SUJEITO LÍNGUA PORTUGUESA AO VIVO 07/06/13 LUCIA DEBORAH SINTAXE: TIPOS DE SUJEITO E DE PREDICADO RESUMÃO SUJEITO -QUANTO À EXPLICITUDE NÃO EXISTE, PORQUE O VERBO É IMPESSOAL= INEXISTENTE EXISTE, MAS NÃO PODE

Leia mais

Obs.: Essa regra de concordância é excessivamente cobrada por todas as bancas.

Obs.: Essa regra de concordância é excessivamente cobrada por todas as bancas. Obs.: Se o verbo haver, com o sentido de existir, for o principal de uma locução verbal, seu auxiliar também ficará no singular. Ex.: Deve haver reclamações. (Devem existir reclamações) Obs.: Essa regra

Leia mais

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL VERBO DE LIGAÇÃO; VERBO TRANSITIVO; VERBO INTRANSITIVO. Indica estado; VERBO DE LIGAÇÃO (VL) Liga uma característica do sujeito (predicativo

Leia mais

Nº da aula 02. Estudo da Sintaxe

Nº da aula 02. Estudo da Sintaxe Página1 Curso/Disciplina: Português para Concurso. Aula: Estudo da Sintaxe: Sujeito. Conceito; Classificações: sujeito determinado e indeterminado - 02 Professor (a): Rafael Cunha Monitor (a): Amanda Ibiapina

Leia mais

Aula 09 PALAVRA SE. VOZ PASSIVA Sujeito agente Agente da passiva. VOZ ATIVA Objeto direto Sujeito paciente

Aula 09 PALAVRA SE. VOZ PASSIVA Sujeito agente Agente da passiva. VOZ ATIVA Objeto direto Sujeito paciente Página1 Curso/Disciplina: Português para Concursos Aula: Pronomes e colocação pronominal: a palavra se 09 Professor (a): André Moraes Monitor (a): Luis Renato Ribeiro Pereira de Almeida Aula 09 PALAVRA

Leia mais

REVISÃO DE SINTAXE Predicação e Tipos de Predicado

REVISÃO DE SINTAXE Predicação e Tipos de Predicado Sintaxe Aula 3 (Língua Portuguesa / Redação / Hermenêutica / Teologia Patrística / Teologia de Missões) Tel: 8566.8968 REVISÃO DE SINTAXE Predicação e Tipos de Predicado (Língua Portuguesa / Redação /

Leia mais

O verbo apresenta-se no plural, concordando com o sujeito que está no plural. Ex.: As nossas duas amigas italianas nos visitarão em julho.

O verbo apresenta-se no plural, concordando com o sujeito que está no plural. Ex.: As nossas duas amigas italianas nos visitarão em julho. CONCORDÂNCIA VERBAL CONCORDÂNCIA Concordância é a igualdade de gênero e número entre o substantivo e adjetivo, artigo, numeral, pronome e igualdade de número e pessoa entre o verbo e o sujeito. Ex.: Dois

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. Prof. Albert Iglésia

LÍNGUA PORTUGUESA. Prof. Albert Iglésia LÍNGUA PORTUGUESA Prof. Albert Iglésia 1 - Sujeito 2 - Predicado Essenciais 1 Complemento verbal 2 Complemento nominal 3 Agente da passiva Integrantes 1 Adjunto adverbial 2 Adjunto adnominal 3 Aposto Acessórios

Leia mais

CLASSES GRAMATICAIS E TERMOS DA ORAÇÃO. Revisão

CLASSES GRAMATICAIS E TERMOS DA ORAÇÃO. Revisão CLASSES GRAMATICAIS E TERMOS DA ORAÇÃO Revisão CLASSES DE PALAVRAS A morfologia está agrupada em dez classes, denominadas classes de palavras ou classes gramaticais. São elas: Substantivo Artigo, Adjetivo,

Leia mais

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL VERBO DE LIGAÇÃO; VERBO TRANSITIVO; VERBO INTRANSITIVO. VERBO DE LIGAÇÃO (VL) Indica estado; Liga uma característica do sujeito (predicativo

Leia mais

ATENÇÃO! Material retirado da Internet, que eu considero de fonte segura e confiável. Os endereços estão no fim de cada assunto. Termos acessórios da oração Apesar de prescindíveis são necessários para

Leia mais

Na aula anterior. Frase, oração e período. Sujeito e predicado. Sujeito inexistente

Na aula anterior. Frase, oração e período. Sujeito e predicado. Sujeito inexistente Tipos de sujeito Na aula anterior Frase, oração e período Sujeito e predicado Sujeito inexistente Localização do sujeito Pergunta ao verbo Nem sempre o sujeito inicia a oração (inversão ou posposição)

Leia mais

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO A SUJEITO

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO A SUJEITO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: SUJEITO E PREDICADO A SUJEITO É o termo da oração do qual se declara algo, por meio da ação verbal, e com o qual o verbo concorda. Aquela gritaria deixava-me tonta. Nós necessitamos

Leia mais

derrota: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Ele admitiu a derrota.

derrota: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Ele admitiu a derrota. Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra derrota: Ele admitiu a derrota. suj VTD função: núcleo do objeto direto classe: substantivo

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS

CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS CLASSIFICAÇÃO DAS CONJUNÇÕES SUBORDINATIVAS CAUSAIS Principais conjunções causais: porque, visto que, já que, uma vez que, como (= porque). Exemplos: - Não pude comprar o CD porque estava em falta. - Ele

Leia mais

Os advérbios de intensidade modificam adjetivos e outros advérbios.

Os advérbios de intensidade modificam adjetivos e outros advérbios. São palavras que indicam as circunstâncias em que os fatos ou ações representeados pelo verbo referente acontecem. Os advérbios de intensidade modificam adjetivos e outros advérbios. Indicam tempo, modo,

Leia mais

Prof.ª Cristiana Ferreira Nunes

Prof.ª Cristiana Ferreira Nunes Prof.ª Cristiana Ferreira Nunes 2012 São Subordinadas Substantivas as orações equivalentes a substantivos dos períodos simples. Exemplos: Período simples: Substantivo (núcleo do OD) Quero a sua presença

Leia mais

AULA 11. Sintaxe da oração e do período MINISTÉRIO DA FAZENDA

AULA 11. Sintaxe da oração e do período MINISTÉRIO DA FAZENDA AULA 11 Sintaxe da oração e do período MINISTÉRIO DA FAZENDA Professor Marlus Geronasso Frase, período e oração Frase é todo enunciado suficiente por si mesmo para estabelecer comunicação. Expressa juízo,

Leia mais

PORTUGUÊS EXERCÍCIO DE REVISÃO FICHA 1. Canção da América

PORTUGUÊS EXERCÍCIO DE REVISÃO FICHA 1. Canção da América PROFESSOR(A): FERNANDA MACHADO ALUNO(A): Nº SÉRIE: 7º ANO TURMA: TURNO: MANHÃ / /2018 EXERCÍCIO DE REVISÃO FICHA 1 Canção da América PORTUGUÊS Amigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves, dentro

Leia mais

1. ARTIGO É uma palavra que determina outra classe de palavra chamada de substantivo. Divide-se em: - Artigo definido: o, a, os, as.

1. ARTIGO É uma palavra que determina outra classe de palavra chamada de substantivo. Divide-se em: - Artigo definido: o, a, os, as. CURSO DELEGADO DE POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DO PARÁ DATA 11/08/2016 DISCIPLINA PORTUGUÊS PROFESSOR RICARDO ERSE MONITOR LUCIANA FREITAS AULA: 06 CLASSES GRAMATICAIS Ementa Na aula de hoje serão abordados

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. Professoras: Natália Oliveira e Natália Souza

LÍNGUA PORTUGUESA. Professoras: Natália Oliveira e Natália Souza LÍNGUA PORTUGUESA Professoras: Natália Oliveira e Natália Souza FRASE, PERÍODO E ORAÇÃO SÃO A MESMA COISA? FRASE Unidade de comunicação linguística, caracterizada [...] do ponto de vista comunicativo -

Leia mais

PORTUGUÊS. aula Sintaxe Sujeito

PORTUGUÊS. aula Sintaxe Sujeito PORTUGUÊS aula Sintaxe Sujeito CONJUNTO DE PRECEITOS QUE CAUSAM A ORDEM E AS AFINIDADES DOS TERMOS NA FRASE. ANÁLISE DA ESTRUTURA GRAMATICAL DAS FRASES. Frase = Unidade de comunicação, com ou sem verbo,

Leia mais

o erro: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra

o erro: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra o erro: Neymar não admitiu o erro do juiz. suj VTD função: núcleo do direto classe: substantivo

Leia mais

PREDICADO: APROFUNDANDO-SE NO ASSUNTO PARTE 1

PREDICADO: APROFUNDANDO-SE NO ASSUNTO PARTE 1 Aulas 37 à 40 PREDICADO: APROFUNDANDO-SE NO ASSUNTO PARTE 1 Vimos nas aulas anteriores sobre o sujeito e seus tipos, mas não podemos entender de forma completa o que é o sujeito sem também conhecer e compreender

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH)

LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH) LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH) TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO Ser de quem se diz alguma coisa; ser ou coisa de que se declara algo. PREDICADO Aquilo que é dito em relação ao sujeito*; tudo

Leia mais

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira

PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL Profª Giovana Uggioni Silveira PREDICAÇÃO VERBAL VERBO DE LIGAÇÃO; VERBO TRANSITIVO; VERBO INTRANSITIVO. VERBO DE LIGAÇÃO (VL) Indica estado; Liga uma característica do sujeito (predicativo

Leia mais

Língua Portuguesa. Profª: Fernanda Machado

Língua Portuguesa. Profª: Fernanda Machado Língua Portuguesa Profª: Fernanda Machado 01 Classes de palavras são agrupamentos de palavras que mantêm características comuns. Na Língua Portuguesa existem 10 classes gramaticais: 1) Substantivo 2) Adjetivo

Leia mais

Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA VERBAL

Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA VERBAL Prof. André Moraes CONCORDÂNCIA VERBAL O verbo concorda com o sujeito em número e pessoa. Exemplos: Eu saí da sala. Tu saíste da sala. Os alunos saíram da sala. Regras: 1) Quando o sujeito é composto,

Leia mais

Os advérbios de intensidade modificam adjetivos e outros advérbios.

Os advérbios de intensidade modificam adjetivos e outros advérbios. São palavras que indicam as circunstâncias em que os fatos ou ações representeados pelo verbo referente acontecem. Os advérbios de intensidade modificam adjetivos e outros advérbios. Indicam tempo, modo,

Leia mais

AULAS 25 E 26 CONCORDÂNCIA

AULAS 25 E 26 CONCORDÂNCIA AULAS 25 E 26 CONCORDÂNCIA Chama-se concordância ao princípio linguístico segundo o qual o vocábulo determinante se adapta a certas categorias gramaticais do vocábulo determinado. TENDEU??? SIMPLES, NÉ?

Leia mais

- Transitivo direto e indireto O garoto ofereceu. - Verbo intransitivo Ele morreu. A criança dormiu.

- Transitivo direto e indireto O garoto ofereceu. - Verbo intransitivo Ele morreu. A criança dormiu. - Transitivo direto e indireto O garoto ofereceu - Verbo intransitivo Ele morreu. A criança dormiu. COMPLEMENTO NOMINAL É o termo que completa o sentido de uma palavra que não seja verbo. Assim, pode referir-se

Leia mais

Sujeito e predicado. Professora: Allana Rauana Almeida Cortez.

Sujeito e predicado. Professora: Allana Rauana Almeida Cortez. Sujeito e predicado Professora: Allana Rauana Almeida Cortez. O sujeito e o predicado são chamado de termos essenciais da oração por serem os dois termos que formam a estrutura básica das orações. É em

Leia mais

Transitividade Verbal

Transitividade Verbal Transitividade Verbal Chama-se predicação verbal o resultado da ligação que se estabelece entre o sujeito e o verbo e entre os verbos e os complementos. Quanto à predicação, os verbos podem ser intransitivos,

Leia mais

Concurseiro. Espaço do. Português Prof. Joaquim Bispo. Sinta-se a vontade para estudar conosco. O seu espaço de preparação para concursos públicos

Concurseiro. Espaço do. Português Prof. Joaquim Bispo. Sinta-se a vontade para estudar conosco. O seu espaço de preparação para concursos públicos Espaço do Concurseiro Sinta-se a vontade para estudar conosco Português Prof. Joaquim Bispo O seu espaço de preparação para concursos públicos 1 Aulas Aula Conteúdo Página 1 Emprego das classes e palavras

Leia mais

Bárbara da Silva. Português. Aula 55 Classificação do sujeito

Bárbara da Silva. Português. Aula 55 Classificação do sujeito Bárbara da Silva Português Aula 55 Classificação do sujeito Classificação do Sujeito O sujeito das orações da língua portuguesa pode ser determinado ou indeterminado. Existem ainda as orações sem sujeito.

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH)

LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH) LÍNGUA PORTUGUESA PEDRO HENRIQUE (PH) Introdução ao Estudo do Predicado... PREDICADO Aquilo que é dito em relação ao sujeito*; tudo na oração, exceto o sujeito. Exemplos Paulo comprou um livro. A aluna

Leia mais

REVISÃO DE ANÁLISE SINTÁTICA Período composto

REVISÃO DE ANÁLISE SINTÁTICA Período composto REVISÃO DE ANÁLISE SINTÁTICA Período composto Professora Melina 9º. Ano Relembrando... ORAÇÃO Enunciado organizado em torno de um verbo. Você abre a janela. PERÍODO SIMPLES frase formada por uma só oração.

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA: REVISÃO DE TEXTO II

LÍNGUA PORTUGUESA: REVISÃO DE TEXTO II LÍNGUA PORTUGUESA: REVISÃO DE TEXTO II Prof. Francisco Platão Savioli ESTRUTURA SINTÁTICA DO PERÍODO SIMPLES (1) (TEMA 3) SUJEITO E PREDICADO Constituintes básicos da oração As chuvas sujeito provocaram

Leia mais

PARTÍCULA EXPLETIVA OU DE REALCE

PARTÍCULA EXPLETIVA OU DE REALCE FUNÇÕES DO QUE? Aqui estudaremos todas as classes gramaticais a que a palavra que pertence. SUBSTANTIVO A palavra que será substantivo, quando tiver o sentido de qualquer coisa ou alguma coisa, é sempre

Leia mais

ADJUNTOS x COMPLEMENTOS

ADJUNTOS x COMPLEMENTOS ADJUNTOS x COMPLEMENTOS GRAMÁTICA ADJUNTOS x COMPLEMENTOS ADJUNTOS só acompanham e podem ser retirados da oração sem que haja prejuízo de sentido. COMPLEMENTOS completam e não podem ser retirados da oração.

Leia mais

TERMOS RELACIONADOS AO VERBO

TERMOS RELACIONADOS AO VERBO TERMOS RELACIONADOS AO VERBO objeto direto objeto indireto V E R B O agente da passiva adjunto adverbial ADJUNTO ADVERBIAL: é o termo da oração que indica as circunstâncias em que se dá a ação verbal (de

Leia mais

Exercícios de múltipla escolha

Exercícios de múltipla escolha Exercícios de múltipla escolha 1-A classe gramatical da palavra alegria é: a-substantivo b-adjetivo c-advérbio d-pronome e-sujeito 2-A função sintática da palavra alegria é: a-predicado b-predicativo do

Leia mais

I. Sujeito e predicado: termos essenciais?

I. Sujeito e predicado: termos essenciais? Nome Nº Ano Turma Ensino Gabarito 8º Fund. II Disciplina Professora Natureza Código / Tipo Data Português Claudia Material de Apoio 5 MA5 2º / 2012 24/04/2012 Tema Estudos linguísticos: termos essenciais

Leia mais

Língua Portuguesa Material de apoio Professor Douglas Wisniewski

Língua Portuguesa Material de apoio Professor Douglas Wisniewski 1. Considere a frase Ele andava triste porque não encontrava a companheira os verbos grifados são respectivamente: a) transitivo direto de ligação; b) de ligação intransitivo; c) de ligação transitivo

Leia mais

Análise sintática: Adjuntos e Complemento Nominal

Análise sintática: Adjuntos e Complemento Nominal Análise sintática: Adjuntos e Complemento Nominal ANÁLISE SINTÁTICA Analisar sintaticamente uma oração significa dividi-la em partes e estudar a relação existente entre elas. Dessa forma, torna-se possível

Leia mais