CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E ESGOTAMENTO SANITÁRIO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E ESGOTAMENTO SANITÁRIO"

Transcrição

1 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E ESGOTAMENTO SANITÁRIO Pelo presente instrumento, de um lado: (i) FOZ DE URUGUAIANA S.A, inscrita no CNPJ sob nº / , com sede na Rua Dr. Maia nº 2673, Centro, CEP , Uruguaiana - RS, doravante denominada CONCESSIONÁRIA, em conformidade com o Contrato de Concessão nº 160/2011, com a Concorrência Pública nº 001/2010 e com a Lei Municipal nº 3.867/2009; e, de outro lado: (ii) o USUÁRIO responsável pela unidade usuária, devidamente qualificado na ordem de serviço emitida pela Prefeitura Municipal de Uruguaiana, doravante denominado USUÁRIO. Resolvem, de comum acordo, celebrar o presente Contrato de Prestação de Serviços de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário ( Contrato ), que se regerá pelas seguintes cláusulas e condições: CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO 1.1 Constitui objeto do presente Contrato a prestação dos serviços, pela CONCESSIONÁRIA ao USUÁRIO, de abastecimento de água e esgotamento sanitário, por meio de ligação domiciliar no endereço solicitado, na categoria de uso declarada como na modalidade pretendida, qual seja: ligação simples, ligação em cavalete múltiplo ou ligação temporária, nos termos e condições a seguir estabelecidos e na legislação vigente. CLÁUSULA SEGUNDA DAS DEFINIÇÕES 2.1 Para perfeito entendimento e interpretação deste Contrato, aplicam-se as seguintes definições: I. Poder Concedente: O Município de Uruguaiana do Estado do Rio Grande do Sul, pessoa jurídica de direito público, encarregado da fiscalização do cumprimento do Contrato de Concessão nº 160/2011; II. Foz de Uruguaiana S/A: Concessionária de serviços públicos com atividade voltada, exclusivamente, à ampliação e à manutenção dos sistemas de esgotamento sanitário, gestão de comercialização dos serviços de água e esgoto;

2 III. IV. Entidade Reguladora: Ente encarregado da regulação e fiscalização da concessão; Imóvel ou Unidade Usuária: Toda propriedade, terreno ou edificação, ocupada ou utilizada para fins públicos ou particulares; V. Tarifa: valor monetário, fixado em reais, para a cobrança dos serviços de abastecimento de água ou de esgotamento sanitário. VI. Ligação simples: Toda ligação de água constituída por apenas 01 (um) hidrômetro no imóvel; VII. VIII. IX. Ligação em Cavalete Múltiplo: Toda ligação de água constituída por até 04 (quatro) hidrômetros em imóvel residencial e comercial, justificado pela existência de mais de uma casa no imóvel; Ligação Temporária: Toda ligação executada em feiras, parques, circos, canteiro de obras e demais usos similares que, por sua natureza, não tenham duração permanente, desde que autorizado pelo Poder Concedente, mediante alvará e com solicitação prévia à Concessionária, encaminhada pelo usuário autorizado, com antecedência mínima de 15 (quinze) dias. Hidrômetro: Aparelho que mede o consumo de água; X. Regulamento do Serviço Público de Abastecimento de Água Potável e Esgotamento Sanitário do Município de Uruguaiana - RS: Normas que constam do Anexo VI do Contrato de Concessão nº 160/2011, a serem observadas pela CONCESSIONÁRIA e pelos USUÁRIOS; XI. Categorias de Uso: espécie de destinação do uso do imóvel, a seguir descritas e caracterizadas: 1 Residencial Social: a) Economias integrantes de imóveis ocupados exclusivamente para fins de moradia, com até 40 m² de área total construída, financiados pelos Órgãos Governamentais e destinados a atender planos sociais para pessoas de baixa renda; b) Economias integrantes de imóveis ocupados exclusivamente para fins de moradia, por pessoa de baixa renda e que comprovem ter no máximo 6 pontos de água e não mais de 60 m² de área total construída; e c) Bica Pública: ponto coletivo de tomada de água.

3 2 Residencial: a) Casa ou apartamento de uso exclusivamente residencial; e b) Casa ou apartamento de uso residencial, mas que abrigue pequena atividade comercial ou industrial exercida por pessoa residente. 3 Comercial: a) Cada imóvel ou unidade individualizada de imóvel ocupada por pessoa física ou jurídica para exercício de atividade de compra,venda ou prestação de serviços; e b) Cada imóvel ou unidade individualizada de imóvel, não importa de que natureza ou finalidade, que não se enquadre nas categorias residencial, industrial ou pública. 4 Industrial: a) Cada imóvel ou unidade individualizada de imóvel ocupada para o exercício de atividade classificada como industrial pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE,ressalvado o disposto na alínea b, do inciso XI, do item 2.1, do presente instrumento. 5 Pública: a) Cada imóvel ou unidade individualizada de imóvel ocupada para o exercício de atividade de entidade da Administração Pública, direta ou indireta, Federal, Estadual ou Municipal;e b) Cada imóvel ou unidade individualizada de imóvel ocupada por entidade privada sem fins lucrativos e reconhecida como de utilidade pública.

4 CLÁUSULA TERCEIRA DO PRAZO 3.1 O presente Contrato terá vigência por prazo indeterminado. CLÁUSULA QUARTA DAS OBRIGAÇÕES DA CONCESSIONÁRIA 4.1 Constituem obrigações da CONCESSIONÁRIA: i) Cumprir as obrigações fixadas neste Contrato, no Contrato de Concessão nº 160/2011 e na legislação pertinente; ii) A prestação dos serviços de abastecimento de água e esgoto de forma contínua e permanente, em conformidade com as normas federais e com as normas editadas pela Secretária do Meio Ambiente do Estado do Rio Grande do Sul, salvo na hipótese de interrupção dos serviços para manutenção ou nos casos fortuitos ou de força maior; iii) Garantir a instalação e a conservação dos ramais de distribuição de água; iv) Garantir a manutenção dos níveis de qualidade da água fornecida ao USUÁRIO dentro das especificações técnicas recomendadas; iv) Dar ciência ao USUÁRIO sobre reajustamentos e revisões da Tarifa; v) Fornecer ao USUÁRIO informações sobre a ocorrência de situações excepcionais, adoção de esquemas especiais de operação e realização de obras, em especial aquelas que obriguem à interrupção da prestação de serviços, salvo os casos emergenciais; e vi) Cobrar, na constatação de irregularidades nas ligações de água e esgoto do imóvel, independentemente de intimação, sanções e consumos retroativos, inclusive multa e retirada do ramal. CLÁUSULA QUINTA DOS DEVERES DO USUÁRIO 5.1 São deveres do USUÁRIO: i) Contribuir para a permanência das boas condições de funcionamento dos sistemas de água e esgoto; ii) Atender e respeitar o regulamento específico da CONCESSIONÁRIA e a legislação pertinente; iii) Não fazer uso de dispositivos intercalados no alimentador predial que, de qualquer modo, prejudiquem o abastecimento de água; iv) Providenciar, caso solicitado pela CONCESSIONÁRIA, caixa de proteção para abrigar o hidrômetro, segundo especificação fornecida pela mesma; iii) Responder pelas despesas decorrentes da falta de proteção e guarda dos hidrômetros;

5 v) Permitir o livre acesso de empregados e representantes da CONCESSIONÀRIA para fins de exame das instalações hidro-sanitárias prediais, leituras, trocas ou reparos no cavalete e no hidrômetro, sob pena de ter o serviço suspenso; vi) Manter o cadastro atualizado, informando à CONCESSIONÁRIA, para a devida retificação, qualquer modificação no cadastro do imóvel, entre elas alteração de titularidade, construção, demolição ou alteração na característica de categoria (residencial, comercial, industrial ou pública), com a apresentação da documentação pertinente, se necessário, sob pena de indeferimento da alteração; vii) Responsabilizar-se pelas instalações internas do imóvel, devendo mantêlas de acordo com as normas técnicas brasileiras, sendo seu dever reparar de imediato qualquer vazamento e evitar desperdícios e consumos supérfluos, respondendo pelo consumo de água decorrente de qualquer tipo de anormalidade, em razão do mau uso ou falta de conservação nas instalações; viii) Comunicar a CONCESSIONÁRIA qualquer avaria no hidrômetro, bem como o rompimento involuntário do lacre; ix) Nas hipóteses de furto ou dano, o USUÁRIO deverá fazer Registro de Ocorrência perante autoridade policial, dando imediata ciência à CONCESSIONÁRIA, caso contrário, será aplicada multa; x) Solicitar por escrito à CONCESSIONÁRIA a interrupção dos serviços de abastecimento de água e esgoto. Durante o período de interrupção dos serviços a CONCESSIONÁRIA cobrará do USUÁRIO a taxa mínima mensal. Caso o USUÁRIO não faça tal solicitação à CONCESSIONÁRIA, os serviços continuarão a ser prestados normalmente, devendo o USUÁRIO arcar com os pagamentos pelos serviços prestados até a efetiva formalização de interrupção dos serviços junto à CONCESSIONÁRIA; xi) Pagar a fatura dos serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário, até a data de vencimento, de acordo com as tarifas e preços homologados pela Entidade Reguladora, sujeitando-se às penalidades cabíveis em caso de atraso; e xii) Restituir à CONCESSIONÁRIA o custo referente à regularização da ligação de água, quando for constatada qualquer irregularidade que altere a medição no consumo do imóvel. 5.2 É vedado ao USUÁRIO: i) Derivar as tubulações das instalações de água e/ou esgoto para atender outro imóvel ou economia, mesmo que seja de sua propriedade; ii) Cometer qualquer tipo de adulteração, violação, instalação de equipamentos dispositivos no padrão de água, na rede de distribuição de água e na rede coletora de esgoto que prejudiquem a correta prestação de serviços pela CONCESSIONÁRIA, assim como prejudiquem a aferição do volume consumido; iii) Violar, manipular ou retirar o medidor ou lacre;

6 iv) Usar dispositivos que estejam fora de especificação do padrão de ligação ou da instalação predial que interfiram no medidor e/ou no abastecimento público de água v) Lançar águas pluviais nas instalações de esgoto; vi) Lançar esgotos na rede coletora que não atendam aos padrões estabelecidos pela CONCESSIONÁRIA; e vii) Impedimento injustificado ao acesso ou instalação, troca ou manutenção do medidor, à realização de leitura e/ou inspeção por funcionários da CONCESSIONÁRIA ou seu preposto após comunicação prévia O cometimento de qualquer infração enumerada nesta Cláusula e nas demais disposições deste Contrato sujeitará o infrator ao ressarcimento dos prejuízos arcados pela CONCESSIONÁRIA, acrescidos de correção monetária pelo IGP-M e juros legais, na forma da lei O cálculo do ressarcimento retroagirá a no máximo 12 (doze) meses da constatação da irregularidade. CLÁUSULA SEXTA DA LIGAÇÃO EM CAVALETE MÚLTIPLO 6.1 Para a efetivação das ligações pretendidas na modalidade Ligação em Cavalete Múltiplo, devidamente descrita no item VII da Cláusula 2ª, o USUÁRIO deverá apresentar previamente à CONCESSIONÁRIA, documentação que comprove a qualidade de proprietário do imóvel a ser atendido ou autorização deste, de acordo com Regulamento do Serviço Público de Abastecimento de Água Potável e Esgotamento Sanitário do Município de Uruguaiana RS. CLÁUSULA SÉTIMA DA INSTALAÇÃO DO HIDRÔMETRO E DA MEDIÇÃO 7.1 As instalações prediais de água e esgoto deverão ser executadas em conformidade com o presente Contrato, com as Normas Técnicas Brasileiras e com as normas emitidas pela Entidade Reguladora, sendo obrigação do USUÁRIO a construção prévia de uma caixa de proteção para receber o aparelho medidor, em conformidade as especificações fornecidas pela CONCESSIONÁRIA É de responsabilidade do USUÁRIO a prévia construção ou instalação de cavalete e abrigo do cavalete, de acordo com as especificações fornecidas pela CONCESSIONÁRIA, para a execução de ligação de água, ficando a seu encargo o zelo e conservação para que permaneçam em excelente estado de funcionamento, sendo certo que o USUÁRIO responderá por qualquer dano

7 que os aparelhos venham a sofrer em virtude de mau uso ou má conservação, salvo os danos decorrentes de caso fortuito ou força maior. 7.2 O USUÁRIO deverá possibilitar o livre acesso dos funcionários ou representantes da CONCESSIONÁRIA às instalações da ligação de água, para a realização da leitura do hidrômetro, bem como para as verificações de rotina das instalações do cavalete de água e do funcionamento do hidrômetro Na hipótese do USUÁRIO, por qualquer motivo, impossibilitar o acesso dos funcionários ou representantes da CONCESSIONÁRIA, o fornecimento de água será cortado e o restabelecimento do mesmo se dará somente após o acesso a adequação das instalações, de forma a propiciar a leitura regular do aparelho medidor e do pagamento da taxa de re-ligação. 7.3 Em caso de danos causados ao(s) hidrômetro(s), enquanto persistir a impossibilidade de correção de avarias, será adotado, para fins de faturamento pela CONCESSIONÁRIA, a média de consumo dos últimos 06 (seis) meses, observado o consumo mínimo da categoria. 7.4 O USUÁRIO poderá solicitar a aferição do(s) hidrômetros(s), obrigando-se ao pagamento das despesas se for constatado pela CONCESSIONÁRIA, ou por empresa por esta credenciada, o funcionamento normal do aparelho, sendo facultado ao USUÁRIO acompanhar a aludida aferição Serão considerados em funcionamento normal os hidrômetros que acusarem erro de medição dentro dos padrões estabelecidos pelo INMETRO. 7.5 A CONCESSIONÁRIA procederá a leitura mensal do(s) hidrômetro(s), a qual será efetuada em intervalos de aproximadamente 30 (trinta) a 33 (trinta e três) dias de consumo ( Período ), podendo haver variações em razão do número de dias no mês O volume a ser faturado mensalmente pela CONCESSIONÁRIA será aferido de acordo com a quantidade de água consumida no Período, o qual deverá estar em conformidade com o registrado no hidrômetro. CLÁUSULA OITAVA DA EMISSÃO DAS FATURAS 8.1 É de responsabilidade da CONCESSIONÁRIA a: (i) emissão das faturas mensais; (ii) a cobrança e o recebimento das faturas; (iii) o corte do fornecimento dos serviços de abastecimento de água em casos de inadimplência ou de uso irregular da ligação; e (iv) a re-ligação do fornecimento dos serviços de abastecimento de água quando sanada a irregularidade apontada pela CONCESSIONÁRIA.

8 CLÁUSULA NONA DO PAGAMENTO 9.1 As faturas emitidas pela CONCESSIONÁRIA deverão ser pagas pelo USUÁRIO nos estabelecimentos bancários e demais estabelecimentos credenciados pela CONCESSIONÁRIA, dentro dos prazos estabelecidos, sob pena de aplicação das sanções previstas no Regulamento do Serviço Público de Abastecimento de Água Potável e Esgotamento Sanitário do Município de Uruguaiana RS e na legislação em vigor O USUÁRIO que não adimplir com a obrigação de pagamento estará sujeito ao pagamento de multa, juros de mora e correção monetária, a saber: I - Multa de 2% (dois por cento) sobre o valor em atraso; II - Juros de mora de 1% (hum por cento) ao mês; III - Correção monetária com base na variação do Índice Geral de Preços de Mercado -IGP-M, apurado pela Fundação Getulio Vargas (FGV) Sem prejuízo da cobrança das penalidades acima previstas, o não pagamento das faturas nas datas de seus vencimentos ensejará na emissão pela CONCESSIONÁRIA do Aviso de Débito, cientificando o USUÁRIO acerca da possibilidade de suspensão da prestação dos serviços, respeitado o prazo mínimo de 30 (trinta) dias, em conformidade com o disposto no 2º do artigo 40 da Lei n / Ocorrendo a hipótese acima prevista, a prestação dos serviços somente será restabelecida após a realização do pagamento de todos os valores em atraso e dos respectivos encargos Caso o USUÁRIO efetue o pagamento da fatura em atraso em data posterior ao previsto no aviso de corte, deverá informar a CONCESSIONÁRIA da quitação de seu débito imediatamente após o pagamento, a fim de evitar a suspensão dos serviços Havendo débito em atraso, poderá a CONCESSIONÁRIA incluir o nome do USUÁRIO nos cadastros de proteção ao crédito empresarial SERASA (Centralização de Serviços dos Bancos S.A) e SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), nos termos da legislação vigente Caso a ligação inadimplente esteja cadastrada na modalidade Ligação em Cavalete Múltiplo, a CONCESSIONÁRIA poderá, nas situações de

9 inadimplência do USUÁRIO com a obrigação de pagamento, efetivar o corte do fornecimento no cavalete que abastece a ligação inadimplente. CLÁUSULA DÉCIMA DA INTERRUPÇÃO DO FORNECIMENTO DOS SERVIÇOS 10.1 Os serviços de abastecimento de água poderão ser interrompidos, nos casos previstos abaixo: i) Manipulação indevida de qualquer tubulação, medidor ou outra instalação da CONCESSIONÁRIA pelo USUÁRIO; ii) Situação de emergência que ofereça risco iminente à segurança de pessoas e bens; iii) Necessidade de efetuar reparos, modificações ou melhorias de qualquer natureza nos sistemas de ligação de água. Nessa hipótese, exceto nos casos de emergência, as interrupções deverão ser amplamente divulgadas com antecedência mínima de 05 (cinco) dias; iv) Impedimento, pelo USUÁRIO, de instalação ou acesso de empregados ou representantes da CONCESSIONÁRIA ao medidor; e v) Falta de pagamento das faturas de água e esgoto Nos casos previstos nos itens IV e V, o USUÁRIO deverá ser informado, previamente, por documento separado e de forma clara, com antecedência mínima de 30 (trinta) dias, sobre a data prevista da interrupção dos serviços do fornecimento de água A interrupção do fornecimento poderá ser realizada em no máximo 90 (noventa) dias da data da ocorrência de um dos eventos previstos no item 10.1 acima A prestação dos serviços de esgotamento sanitário poderá ser interrompida pela CONCESSIONÁRIA, no caso de deficiência técnica e/ou de segurança das instalações da unidade usuária ou nos padrões do esgoto coletado, que ofereçam risco iminente de danos à pessoa ou bens. CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA DA RESCISÃO CONTRATUAL 11.1 O presente Contrato poderá ser rescindido nos seguintes casos: I Por interesse do USUÁRIO mediante pedido de desligamento ou alteração da titularidade da unidade usuária, na forma prevista nos itens x e vi, respectivamente, da Cláusula 5ª do presente instrumento;

10 II Por ação da CONCESSIONÁRIA quando não forem cumpridas as obrigações contratuais por parte do USUÁRIO, ou na ocorrência de eventuais impedimentos na prestação dos serviços; e III Por ação do Poder Concedente quando do encerramento do Contrato de Concessão nº 160/2011. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 12.1 Fica determinado e perfeitamente entendido que a celebração do presente Contrato visa única e exclusivamente regularizar a implantação do fornecimento de água e do serviço de coleta de esgoto do imóvel em questão, não configurando ao USUÁRIO o direito de pleitear, em nenhuma instância, a propriedade da unidade usuária, nem qualquer outro direito que porventura possa advir do presente Contrato, ficando a CONCESSIONÁRIA isenta de toda e qualquer responsabilidade pela má utilização das ligações O USUÁRIO assume integralmente a responsabilidade pelas informações que prestar à CONCESSIONÁRIA e seus representantes, em especial no que se refere à categoria da ligação declarada, sob pena de aplicação das penalidades previstas neste Contrato Nenhuma ação ou omissão de quaisquer das Partes em exigir o cumprimento de determinada cláusula ou obrigação deste Contrato implicará em renúncia ou novação, nem afetará o subsequente exercício de tal direito É proibida ao USUÁRIO a cessão, a qualquer título, de água ou serviços da CONCESSIONÁRIA para outros fins que não o abastecimento da unidade usuária É vedado ao USUÁRIO realizar ligações cruzadas (interligação a poços ou outros sistemas) com a rede de abastecimento da CONCESSIONÁRIA, sendo expressamente vedada a mistura proveniente das águas de ambos os sistemas, de acordo com a Lei n /2007, bem como o abastecimento via caminhão pipa, salvo aqueles eventualmente encaminhados pela CONCESSIONÁRIA para complementarem possíveis dificuldades de abastecimento via rede de distribuição Para efeito da cobrança das tarifas será considerado o cadastro atual da unidade usuária, respeitadas as categorias de uso descritas no presente instrumento.

11 12.6 O USUÁRIO reconhece que receberá no endereço indicado no cadastro, por si ou através dos moradores/residentes no imóvel, os avisos ou notificações, sendo de sua inteira responsabilidade as alterações de seus dados cadastrais Este Contrato estará disponível no endereço eletrônico da CONCESSIONÁRIA: CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA DO FORO Fica eleito o Foro da Comarca de Uruguaiana/RS para dirimir qualquer divergência oriunda do presente Contrato que não possa ser resolvida pelas Partes, com renúncia a qualquer outro, por mais privilegiado que seja.

CONTRATO DE FORNECIMENTO DE GÁS NATURAL CANALIZADO CONTENDO AS CONDIÇÕES GERAIS DE FORNECIMENTO DE GÁS CANALIZADO REFERENTES AOS CLIENTES COMERCIAIS

CONTRATO DE FORNECIMENTO DE GÁS NATURAL CANALIZADO CONTENDO AS CONDIÇÕES GERAIS DE FORNECIMENTO DE GÁS CANALIZADO REFERENTES AOS CLIENTES COMERCIAIS CONTRATO DE FORNECIMENTO DE GÁS NATURAL CANALIZADO CONTENDO AS CONDIÇÕES GERAIS DE FORNECIMENTO DE GÁS CANALIZADO REFERENTES AOS CLIENTES COMERCIAIS DA CEG 1.º PARTES a) CEG: COMPANHIA DISTRIBUIDORA DE

Leia mais

Contrato de adesão de prestação de serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário

Contrato de adesão de prestação de serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário Contrato de adesão de prestação de serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário Prezado (a)usuário (a): Este é o seu contrato de prestação de serviços de abastecimento de água e de

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO DE FIAÇÃO INTERNA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO DE FIAÇÃO INTERNA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO DE FIAÇÃO INTERNA Pelo presente instrumento particular, a A.TELECOM S.A. inscrita no CNPJ/MF sob o nº 03.498.897/0001-13, com sede na Alameda Campinas, 1070

Leia mais

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A ISO 9001:2000

Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento S/A ISO 9001:2000 CONTRATO ESPECIAL DE FIDELIDADE PARA FORNECIMENTO DE ÁGUA POTÁVEL, COLETA/ AFASTAMENTO E TRATAMENTO DE ESGOTO, QUE ENTRE SI CELEBRAM A SOCIEDADE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E SANEAMENTO - SANASA CAMPINAS

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL RESOLUÇÃO N o 615, DE 6 NOVEMBRO DE 2002 (*) Vide alterações e inclusões no final do texto. Aprova o modelo do Contrato de Prestação de Serviço Público de Energia

Leia mais

Contrato de Adesão CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC)

Contrato de Adesão CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC) Contrato de Adesão CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC) O texto deste Contrato foi submetido à aprovação da Agência Nacional de Telecomunicações - ANATEL, estando sujeito a

Leia mais

CLÁUSULA SEGUNDA Este contrato entrará em vigor por prazo indeterminado após sua publicação e registro em Ofício de Notas competente.

CLÁUSULA SEGUNDA Este contrato entrará em vigor por prazo indeterminado após sua publicação e registro em Ofício de Notas competente. Pelo presente instrumento particular, a COMPANHIA DE ÁGUAS E ESGOTOS DO RIO GRANDE DO NORTE (CAERN), inscrita no CNPJ n.º 08.334.385/0001-35, com sede na Avenida Sen. Salgado Filho, n 1555, bairro Tirol,

Leia mais

Prestador de Serviços

Prestador de Serviços CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E/OU ESGOTAMENTO SANITÁRIO PARA AS UNIDADES USUÁRIAS ATENDIDAS PELA (-----------------------------PRESTADOR------------- ---------------).

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO PARA CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO PARA CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL Nº Do contrato: Fone: ( ) IMEI: * *A ser preenchido pela associação. INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO PARA CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL Pelo presente instrumento particular, de um lado

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA Por este instrumento, em que são partes: de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A., concessionária do Serviço Telefônico

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO PARA FORNECIMENTO DE GAS CANALIZADO - SEGMENTO RESIDENCIAL

CONTRATO DE ADESÃO PARA FORNECIMENTO DE GAS CANALIZADO - SEGMENTO RESIDENCIAL COMPANHIA DE GÁS DA BAHIA - BAHIAGÁS, concessionária estadual de serviços de distribuição de gás canalizado, conforme Decreto Estadual nº 4.401/1991, sociedade anônima de economia mista, inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

Minuta de resolução alterando a Resolução nº 14, de 2011, que estabelece as condições da prestação e utilização dos serviços públicos de água e de

Minuta de resolução alterando a Resolução nº 14, de 2011, que estabelece as condições da prestação e utilização dos serviços públicos de água e de Minuta de resolução alterando a Resolução nº 14, de 2011, que estabelece as condições da prestação e utilização dos serviços públicos de água e de esgoto no DF Ressarcimento de danos Nova Redação: Art.

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC)

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC) CONTRATO DE PRESTAÇÃO DO SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC) Pelo presente instrumento particular ( Contrato ), de um lado, ALGAR TELECOM S/A, prestadora de serviços de telecomunicações, inscrita no

Leia mais

DES CONSUMIDORAS ATENDIDAS PELA DAE S/A ÁGUA E ESGOTO.

DES CONSUMIDORAS ATENDIDAS PELA DAE S/A ÁGUA E ESGOTO. CONTRATO DE ADESÃO AOS SERVIÇOS PÚBLICOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E/OU ESGOTAMENTO SANITÁRIO PARA AS UNIDADES CONSUMIDORAS ATENDIDAS PELA DAE S/A ÁGUA E ESGOTO. DES CONSUMIDORAS ATENDIDAS PELA DAE S/A

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA: OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA: OBJETO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E/OU ESGOTAMENTO SANITÁRIO PARA AS UNIDADES USUÁRIAS ATENDIDAS PELA COMPANHIA DE SANEAMENTO AMBIENTAL DE ATIBAIA - SAAE, CNPJ/MF n 45.743.580/0001-45,

Leia mais

Considerando que: a) A UNAFISCO NACIONAL firmou com a TIM Celular contrato de Prestação do Serviço Móvel Pessoal (SMP);

Considerando que: a) A UNAFISCO NACIONAL firmou com a TIM Celular contrato de Prestação do Serviço Móvel Pessoal (SMP); Nº Do contrato: Fone: ( ) IMEI: * *A ser preenchido pela associação. INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE COMODATO DE APARELHO CELULAR E DE CONCESSÃO DE USO DE LINHA DE TELEFONIA MÓVEL E CONTRATAÇÃO DE

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETIVO

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETIVO CONTRATO DE INDIVIDUALIZAÇÃO DE LIGAÇÕES DE ÁGUA EM ATENDIMENTO AO ---------------------- -------------------------- DECORRENTE DO PROTOCOLO SANASA Nº. -------- --------/-------. Pelo presente instrumento

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA ASSESSORIA JURÍDICA DA DIREÇÃO-GERAL

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA ASSESSORIA JURÍDICA DA DIREÇÃO-GERAL CONTRATO DE SERVIÇO PARA EMOLUÇÃO DE TERMINAL EM MICROCOMPUTADOR E ENDEREÇAMENTO DE IMPRESSORA, CONECTADOS EM REDE LOCAL EML PROCESSO N.º 3920-09.00/13-2 CONTRATO AJDG 134/2013 DRC-265/2013 O ESTADO DO

Leia mais

MUNICÍPIO DE COQUEIRO BAIXO Estado do Rio Grande do Sul Município da Canção Italiana

MUNICÍPIO DE COQUEIRO BAIXO Estado do Rio Grande do Sul Município da Canção Italiana CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ACESSO A INTERNET Nº 01/2015 Pelo presente instrumento administrativo de contrato, as partes, de um lado, O MUNICÍPIO DE COQUEIRO BAIXO-RS, pessoa jurídica

Leia mais

CONTRATO PARTICULAR DE LOCAÇÃO DE BENS MÓVEIS EM IMÓVEL COMERCIAL Nº:

CONTRATO PARTICULAR DE LOCAÇÃO DE BENS MÓVEIS EM IMÓVEL COMERCIAL Nº: CONTRATO PARTICULAR DE LOCAÇÃO DE BENS MÓVEIS EM IMÓVEL COMERCIAL Nº: LOCADOR: Salão de Beleza ou (Estética), situado na Rua, Bairro, CEP, Cidade, Estado, inscrito no CNPJ sob o número, Alvará Municipal

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SISTEMA DE ENGENHARIA GERENCIADOR DE OBRAS ON LINE IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SISTEMA DE ENGENHARIA GERENCIADOR DE OBRAS ON LINE IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SISTEMA DE ENGENHARIA GERENCIADOR DE OBRAS ON LINE IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES LOCADOR: Obra24horas Soluções Web para Engenharia Ltda., com sede na Rua Formosa, 75 1º andar

Leia mais

TERMO DE DISPONIBILIZAÇÃO DE ESPAÇO VIRTUAL PARA DIVULGAÇÃO DE MARCA, PRODUTOS E/OU SERVIÇOS

TERMO DE DISPONIBILIZAÇÃO DE ESPAÇO VIRTUAL PARA DIVULGAÇÃO DE MARCA, PRODUTOS E/OU SERVIÇOS TERMO DE DISPONIBILIZAÇÃO DE ESPAÇO VIRTUAL PARA DIVULGAÇÃO DE MARCA, PRODUTOS E/OU SERVIÇOS Pelo presente Termo, em que são partes, de um lado SHAPE.I e, de outro, PARCEIRO, regularmente cadastrado em

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TRANSPORTES E OUTRAS AVENÇAS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TRANSPORTES E OUTRAS AVENÇAS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TRANSPORTES E OUTRAS AVENÇAS Pelo presente instrumento, as Partes Termos e Condições Reserva Online Usuário do Sistema de Reserva Online FastPass, doravante denominada

Leia mais

*ESTE CONTRATO ESTÁ REGISTRADO NO 9O. OFICIAL DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS DE SÃO PAULO SOBRE O NÚMERO 793973.

*ESTE CONTRATO ESTÁ REGISTRADO NO 9O. OFICIAL DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS DE SÃO PAULO SOBRE O NÚMERO 793973. *ESTE CONTRATO ESTÁ REGISTRADO NO 9O. OFICIAL DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS DE SÃO PAULO SOBRE O NÚMERO 793973. CONTRATO DE LOCAÇÃO INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO DE BEM MÓVEL Contrato

Leia mais

MODELO DO CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO DE MANUTENÇÃO DE REDE INTERNA

MODELO DO CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO DE MANUTENÇÃO DE REDE INTERNA CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO DE MANUTENÇÃO DE REDE INTERNA São partes no presente instrumento, de um lado, (i) o usuário dos serviços de telecomunicações da Brasil Telecom S.A., doravante individualmente

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS MEGA, PLUS E SEM LIMITE. Pelo presente instrumento, de um lado a COMPANHIA DE TELECOMUNICAÇÕES DO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS MEGA, PLUS E SEM LIMITE. Pelo presente instrumento, de um lado a COMPANHIA DE TELECOMUNICAÇÕES DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS MEGA, PLUS E SEM LIMITE Pelo presente instrumento, de um lado a COMPANHIA DE TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL CENTRAL, prestadora de serviços de telecomunicações, inscrita

Leia mais

CONTRATO Nº 104/2014

CONTRATO Nº 104/2014 CONTRATO Nº 104/2014 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE CELEBRAM O MUNICÍPIO DE SANTANA DA BOA VISTA/RS E A EMPRESA POLYTEK COMERCIO E SERVIÇOS DE INFORMATICA LTDA. O MUNICÍPIO DE SANTANA

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO DE LONGA DISTÂNCIA NACIONAL

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO DE LONGA DISTÂNCIA NACIONAL CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO DE LONGA DISTÂNCIA NACIONAL Pelo presente instrumento, de um lado a CLARO S.A., com sede na Rua Flórida, 1970, São Paulo/SP, inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº 081/2007 Fls. Contrato nº 081/2007 Fls. 1 MINUTA TERMO DE CONTRATO Convite de Preços n.º 081/07 Processo n.º 11784/05 Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESCUPINIZAÇÃO DO PREDIO E ACERVO DO

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA COMUTADA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA COMUTADA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA COMUTADA Pelo presente instrumento particular de contrato de prestação de serviços, de um lado, OTS OPTION TELECOM SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES LTDA.,

Leia mais

CONTRATO DE TEF, COMODATO E/OU COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS DE RECARGA

CONTRATO DE TEF, COMODATO E/OU COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS DE RECARGA TENDENCIA COD CONTRATO DE TEF, COMODATO E/OU COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS DE RECARGA Pelo presente instrumento particular, de um lado TENDÊNCIA INFORMAÇÕES E SISTEMAS LTDA., com sede na Rua São Jorge, 103,

Leia mais

(NOME DO PROVEDOR), (QUALIFICAÇÃO DO PROVEDOR), doravante denominada simplesmente PROVEDOR.

(NOME DO PROVEDOR), (QUALIFICAÇÃO DO PROVEDOR), doravante denominada simplesmente PROVEDOR. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE BILHETAGEM E VALORAÇÃO DE CHAMADAS PARA INTERNET, ATENDIMENTO À CLIENTES E LANÇAMENTO DE CRÉDITO EM CONTA TELEFÔNICA, firmado entre TELEMAR NORTE LESTE S/A de um lado

Leia mais

ALTERAÇÕES DA MINUTA REVISADA EM MARÇO/2011

ALTERAÇÕES DA MINUTA REVISADA EM MARÇO/2011 CONTROLE DE VERSÃO EILD PADRÃO BRASIL TELECOM S.A. ALTERAÇÕES DA MINUTA REVISADA EM MARÇO/2011 1. Alterações realizadas no corpo do contrato: Alteradas as qualificações da CONTRATADA e CONTRATANTE O Anexo

Leia mais

PROCEDIMENTO DE FISCALIZAÇÃO DE INFRAÇÕES PRATICADAS POR USUÁRIOS DOS SERVIÇOS PÚBLICOS DE ÁGUA E ESGOTO DE CUIABÁ

PROCEDIMENTO DE FISCALIZAÇÃO DE INFRAÇÕES PRATICADAS POR USUÁRIOS DOS SERVIÇOS PÚBLICOS DE ÁGUA E ESGOTO DE CUIABÁ PROCEDIMENTO DE FISCALIZAÇÃO DE INFRAÇÕES PRATICADAS POR USUÁRIOS DOS SERVIÇOS PÚBLICOS DE ÁGUA E ESGOTO DE CUIABÁ INTRODUÇÃO O objetivo desse documento é apresentar o Procedimento de Fiscalização da Concessionária

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA.

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFRA ESTRUTRA E DE TELEFONIA. Pelo presente instrumento particular de Contrato de Prestação de Serviços de Telefonia (doravante designado simplesmente Contrato ) o

Leia mais

=CONTRATO 01/2013 LOCAÇÃO DE SOFTWARE=

=CONTRATO 01/2013 LOCAÇÃO DE SOFTWARE= =CONTRATO 01/2013 LOCAÇÃO DE SOFTWARE= CONTRATO PARA LOCAÇÃO DE SOFTWARE - PROGRAMA PARA GERENCIAMENTO DOS DADOS PREVIDENCIÁRIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS CIVIS DO MUNICÍPIO DE CAMPINA GRANDE DO SUL E CESSÃO

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SCM

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SCM CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SCM Contrato que entre si celebram Edmilson de Lima Araújo - ME, inscrito no CNPJ sob o nº 00552496/0001-06, Inscrição Estadual 24837800-7, situado a Av. Dr. Jayme Carneiro Lopes

Leia mais

Registrado no 1º Cartório de Registro de Títulos e Documentos da Cidade de Ponta Grossa Estado do Paraná, sob o nº 143.698

Registrado no 1º Cartório de Registro de Títulos e Documentos da Cidade de Ponta Grossa Estado do Paraná, sob o nº 143.698 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA OPERAR, MANTER E ADMINISTRAR CARTEIRA DE COBRANÇA NA REDE MUNDIAL DE COMPUTADORES EM SITE DE PROPRIEDADE DA REGULARIZA IMOVEIS E COBRANÇAS LTDA Registrado no 1º Cartório

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO MEUS MINUTOS BRASIL TODO DIA

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO MEUS MINUTOS BRASIL TODO DIA CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO MEUS MINUTOS BRASIL TODO DIA Por este instrumento, em que fazem parte de um lado, TELEFÔNICA BRASIL S.A., devidamente inscrita no CNPJ/MF sob o nº. 02.558.157/0001-62,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO INSTITUTO AYRTON SENNA

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO INSTITUTO AYRTON SENNA CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO INSTITUTO AYRTON SENNA I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A CNPJ: 33.010.851/0001-74 PÉ QUENTE BRADESCO INSTITUTO AYRTON

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL Nº 118DV/2015

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL Nº 118DV/2015 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL Nº 118DV/2015 MUNICÍPIO DE WENCESLAU GUIMARÃES, pessoa jurídica de direito público, através de seu órgão administrativo Prefeitura Municipal, CNPJ nº 13.758.842/0001-59, representado

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA COMUTADA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA COMUTADA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELEFONIA FIXA COMUTADA Pelo presente instrumento particular de contrato de prestação de serviços, de um lado, OTS OPTION TELECOM SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES LTDA.,

Leia mais

CONTRATO DE COMODATO DE BEM MÓVEL E OUTRAS AVENÇAS

CONTRATO DE COMODATO DE BEM MÓVEL E OUTRAS AVENÇAS 1/6 CONTRATO DE COMODATO DE BEM MÓVEL E OUTRAS AVENÇAS Pelo presente instrumento particular de contrato, que tem de um lado FUNDAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA, pessoa jurídica de direito privado, de fins não

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO OUROCAP MULTISORTE PM24P I INFORMAÇÕES INICIAIS

CONDIÇÕES GERAIS DO OUROCAP MULTISORTE PM24P I INFORMAÇÕES INICIAIS CONDIÇÕES GERAIS DO OUROCAP MULTISORTE PM24P I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRASILCAP CAPITALIZAÇÃO S.A. CNPJ: 15.138.043/0001-05 OUROCAP MULTISORTE PM24P - MODALIDADE: TRADICIONAL

Leia mais

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Contrato que entre si celebram a FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial e a empresa... A FUNDAÇÃO PARA O INCREMENTO DA PESQUISA E DO APERFEIÇOAMENTO INDUSTRIAL - FIPAI,

Leia mais

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL PROCESSO Nº 01550.000345/2009-46. PREGÃO Nº 26/2009. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 1/2010. A FUNDAÇÃO CASA DE RUI BARBOSA, pessoa jurídica de direito público vinculada a Ministério da Cultura, com sede

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO SOS MATA ATLÂNTICA

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO SOS MATA ATLÂNTICA CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO SOS MATA ATLÂNTICA I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A CNPJ: 33.010.851/0001-74 PÉ QUENTE BRADESCO SOS MATA ATLÂNTICA PLANO

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS COM PARTICIPAÇÃO FINANCEIRA DO CLIENTE,

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS COM PARTICIPAÇÃO FINANCEIRA DO CLIENTE, CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, COM PARTICIPAÇÃO FINANCEIRA DO CLIENTE, QUE ENTRE SI CELEBRAM, LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE S/A, DE UM LADO, E XXXXXXXXX, DE OUTRO LADO. LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PIC

CONDIÇÕES GERAIS DO PIC CONDIÇÕES GERAIS DO PIC I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: CIA ITAÚ DE CAPITALIZAÇÃO CNPJ: 23.025.711/0001-16 PIC - MODALIDADE: TRADICIONAL PROCESSO SUSEP Nº: 15414.005217/2012-63 WEB-SITE:

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE TELEFONIA VOIP

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE TELEFONIA VOIP CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE TELEFONIA VOIP TRANSVOIP TELECOMUNICAÇÕES LTDA, com sede na Avenida Protásio Alves n.º 2.657, Porto Alegre, RS, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 09.571.024/0001-75, doravante

Leia mais

Câmara Municipal de Jacutinga Estância Hidromineral

Câmara Municipal de Jacutinga Estância Hidromineral CONTRATO N.º 006/2015 PROCESSO N.º 008/2015 DISPENSA N.º 005/2015 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE IMPLANTAÇÃO DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA NA INTERNET QUE CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE JACUTINGA E

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO SORTE DIA&NOITE

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO SORTE DIA&NOITE I INFORMAÇÕES INICIAIS CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO SORTE DIA&NOITE SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A CNPJ: 33.010.851/0001-74 PÉ QUENTE BRADESCO SORTE DIA&NOITE PLANO PM

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE ENTRE SI, CELEBRAM O MUNICÍPIO DE RIO VERDE, ATRAVÉS DO FUNDO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - FME E A SRª HELENA DA SILVA GUIMARÃES DE SOUZA,

Leia mais

CONTRATO DE ARMAZENAMENTO, HOSPEDAGEM, DISPONIBILIZAÇÃO RESTRITA E MANDATO

CONTRATO DE ARMAZENAMENTO, HOSPEDAGEM, DISPONIBILIZAÇÃO RESTRITA E MANDATO CONTRATO DE ARMAZENAMENTO, HOSPEDAGEM, DISPONIBILIZAÇÃO RESTRITA E MANDATO FÁBRICA DE SUCESSOS LTDA. ME, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob Nº 14.464.760/0001-64, com sede na Alameda

Leia mais

CONVÊNIO Nº 011/ 2015

CONVÊNIO Nº 011/ 2015 CONVÊNIO Nº 011/ 2015 CONVÊNIO ENTRE O / RN E A ASSOCIAÇÃO CAICOENSE DE ATLETISMO EQUIPE CAICÓ RUAS, NA FORMA INDICADA. O RN (PREFEITURA MUNICIPAL), Pessoa Jurídica de Direito Público, estabelecida na

Leia mais

MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS ADMINISTRAÇÃO 2013 2016

MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS ADMINISTRAÇÃO 2013 2016 CONTRATO Nº 038/2014 MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS O MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS, Estado de Minas Gerais, pessoa jurídica de direito público, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 18.677.633/0001-02,

Leia mais

Contrato. 22/01/2015 Registro.br Contrato. $Revision: 873 $ $Date: 2011 09 16 11:35:12 0300 (Fri, 16 Sep 2011) $

Contrato. 22/01/2015 Registro.br Contrato. $Revision: 873 $ $Date: 2011 09 16 11:35:12 0300 (Fri, 16 Sep 2011) $ Contrato $Revision: 873 $ $Date: 2011 09 16 11:35:12 0300 (Fri, 16 Sep 2011) $ CONTRATO PARA REGISTRO DE NOME DE DOMÍNIO SOB O ".BR" O NÚCLEO DE INFORMAÇÃO E COORDENAÇÃO DO PONTO BR NIC.br, inscrito no

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO PLANO SUPER LIGAÇÃO 15 TARIFA ÚNICA TODO DIA TODA HORA Por este instrumento, em que são partes: de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A, prestadora do serviço telefônico

Leia mais

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem:

O mútuo, objeto deste contrato, será concedido conforme condições que se seguem: SÃO PARTES DESTE CONTRATO: CONTRATO DE EMPRÉSTIMO FUNCEF NA MODALIDADE DE CREDINÂMICO FUNCEF 13º SALÁRIO QUE ENTRE SI FAZEM AS PARTES ABAIXO IDENTIFICADAS, NAS CONDIÇÕES QUE SE SEGUEM: A FUNDAÇÃO DOS ECONOMIÁRIOS

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO TC CASH 36

CONDIÇÕES GERAIS DO TC CASH 36 Página 1 de 7 CONDIÇÕES GERAIS DO TC CASH 36 I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: HSBC Empresa de Capitalização (Brasil) S.A. CNPJ: 33.425.075/0001-73 TC CASH 36 MODALIDADE: TRADICIONAL PROCESSO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08 MINUTA 1 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 041/08 Processo nº 31.744/08 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: AQUISIÇÃO E INSTALAÇÃO DE EQUIPAMENTOS PARA SISTEMA

Leia mais

CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE MATERIAL FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIATUBA

CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE MATERIAL FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIATUBA CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE MATERIAL FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIATUBA Que entre si celebram a FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIATUBA e a empresa: BRASILL INFORMÁTICA E PRODUTOS LTDA EPP. CLÁUSULA

Leia mais

1. Alterar os itens 1.3, 1.3.1, 1.5 e 1.5.1 e acrescentar item 1.3.2 da Cláusula Primeira do Contrato, com a seguinte redação:

1. Alterar os itens 1.3, 1.3.1, 1.5 e 1.5.1 e acrescentar item 1.3.2 da Cláusula Primeira do Contrato, com a seguinte redação: PRIMEIRO ADITIVO AO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS E FORNECIMENTO DE INFRA-ESTRUTURA DE ACESSO A SERVIÇOS INTERNET DE BANDA ESTREITA DIAL PROVIDER Pelo presente instrumento particular, de um lado, na

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PRIME

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PRIME CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO PRIME I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A CNPJ: 33.010.851/0001-74 PÉ QUENTE BRADESCO PRIME PLANO PM 48/48 P - MODALIDADE:

Leia mais

CG DA MODALIDADE POPULAR PM CONDIÇÕES GERAIS DO APLUBCAP POPULAR 2262 SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: APLUB CAPITALIZAÇÃO S. A. CNPJ: 88.076.

CG DA MODALIDADE POPULAR PM CONDIÇÕES GERAIS DO APLUBCAP POPULAR 2262 SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: APLUB CAPITALIZAÇÃO S. A. CNPJ: 88.076. CONDIÇÕES GERAIS DO APLUBCAP POPULAR 2262 I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: APLUB CAPITALIZAÇÃO S. A. CNPJ: 88.076.302/0001-94 APLUBCAP POPULAR 226 MODALIDADE: POPULAR PROCESSO SUSEP Nº:

Leia mais

CONTRATO DE COMODATO DE IMÓVEL

CONTRATO DE COMODATO DE IMÓVEL 1/5 CONTRATO DE COMODATO DE IMÓVEL Pelo presente instrumento particular de contrato, que tem de um lado FUNDAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA, pessoa jurídica de direito privado, de fins não lucrativos, reconhecida

Leia mais

O presente Contrato fica vinculado a Apólice apresentada pela CONTRATADA.

O presente Contrato fica vinculado a Apólice apresentada pela CONTRATADA. CONTRATO Nº 003/2013 - PARANACIDADE CONTRATO DE SEGURO, POR PREÇO GLOBAL FIXO QUE ENTRE SI CELEBRAM O SERVIÇO SOCIAL AUTÔNOMO PARANACIDADE E A EMPRESA MARÍTIMA SEGUROS S/A, NA FORMA ABAIXO: O Serviço Social

Leia mais

TERMO DE PARCERIA (Art. 9º da Lei nº 9.790, de 23.3.99, e Art. 8º do Decreto nº 3.100, de 30.6.99)

TERMO DE PARCERIA (Art. 9º da Lei nº 9.790, de 23.3.99, e Art. 8º do Decreto nº 3.100, de 30.6.99) TERMO DE PARCERIA (Art. 9º da Lei nº 9.790, de 23.3.99, e Art. 8º do Decreto nº 3.100, de 30.6.99) TERMO DE PARCERIA QUE ENTRE SI CELEBRAM A (UNIÃO/ESTADO/MUNICÍPIO), ATRAVÉS DO (ÓRGÃO/ENTIDADE ESTATAL),

Leia mais

PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN:

PARÁGRAFO ÚNICO - São as seguintes as modalidades de Ordens Bancárias, a serem processadas pelo Sistema OBN: CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PAGAMENTO A FORNECEDORES DE BENS E SERVIÇOS E DE SERVIDORES, QUE ENTRE SI CELEBRAM O /ESTADO OU MUNICÍPIO DE/ E O BANCO DO BRASIL S.A.. O /ESTADO OU MUNICÍPIO DE/,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS Contrato que entre si fazem, na melhor forma de direito, de um lado( nome da operadora), com sede na rua..., n o...,bairro..., em(nome da cidade), (Estado), inscrita

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO PARA A PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE TELEFONIA FIXA COMUTADA, MODALIDADE LONGA DISTÂNCIA NACIONAL

CONTRATO DE ADESÃO PARA A PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE TELEFONIA FIXA COMUTADA, MODALIDADE LONGA DISTÂNCIA NACIONAL CONTRATO DE ADESÃO PARA A PRESTAÇÃO DO SERVIÇO DE TELEFONIA FIXA COMUTADA, MODALIDADE LONGA DISTÂNCIA NACIONAL A INTELIG TELECOMUNICAÇÕES LTDA., com sede na Cidade do Rio de Janeiro - RJ, à Praia de Botafogo,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO AYRTON SENNA 50 ANOS

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO AYRTON SENNA 50 ANOS CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO AYRTON SENNA 50 ANOS I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A CNPJ: 33.010.851/0001-74 PLANO PM 48/48 D - MODALIDADE: TRADICIONAL

Leia mais

Rua Frei Caneca, 1398/1402 Consolação São Paulo/SP - CEP 01307-002.

Rua Frei Caneca, 1398/1402 Consolação São Paulo/SP - CEP 01307-002. TERMO DE CONTRATO EMERGENCIAL Nº. 246/2014 PROCESSO Nº: 2014.0.320.090-0 CONTRATANTE: AUTARQUIA HOSPITALAR MUNICIPAL CONTRATADA: G4S INTERATIVA SERVICE LTDA. CNPJ/MF Nº: 02.812.740/0001-58 OBJETO DO CONTRATO:

Leia mais

CONTRATO DE LICENÇA DE USO MENSAL E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE LICENÇA DE USO MENSAL E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE LICENÇA DE USO MENSAL E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS JLR SERVIÇOS DE ATENDIMENTO E ORGANIZAÇÃO DE DOCUMENTOS LTDA, com sede a Rua Dona Elisa Fláquer, nº 70-13 º andar - sala 134, Centro - Santo André

Leia mais

CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E,

CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E, CONTRATO PARA UTILIZAÇÃO DE CARTÃO CLUBE DEMAIS ALIMENTAÇÃO, QUE ENTRE SI CELEBRAM: SUPERMERCADOS DB LTDA E, NAS MODALIDAES PAT- PROGRAMA DE ALIMENTAÇÃO DOS TRABALHADORES E/OU PRÊMIO - PREMIAÇÃO E INCENTIVO

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ATUALIZAÇÃO E SUPORTE TÉCNICO

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ATUALIZAÇÃO E SUPORTE TÉCNICO INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ATUALIZAÇÃO E SUPORTE TÉCNICO Pelo presente instrumento particular, as partes, de um lado, VARITUS BRASIL EIRELI, inscrita no CNPJ sob nº

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO LINHA HÍBRIDA TARIFA PLANA LOCAL

CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO LINHA HÍBRIDA TARIFA PLANA LOCAL CONTRATO DE ADESÃO AO PLANO ALTERNATIVO LINHA HÍBRIDA TARIFA PLANA LOCAL Por este instrumento, em que fazem parte de um lado, Telecomunicações de São Paulo S.A. TELESP, devidamente inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO IBICAPITALIZAÇÃO MAIS

CONDIÇÕES GERAIS DO IBICAPITALIZAÇÃO MAIS CONDIÇÕES GERAIS DO IBICAPITALIZAÇÃO MAIS I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S.A. CNPJ: 33.010.851/0001-74 PLANO PM 60/60 A - MODALIDADE: TRADICIONAL PROCESSO SUSEP

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE LIMPEZA URBANA

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE LIMPEZA URBANA ANEXO VI MINUTA DE CONTRATO CONTRATO que entre si fazem o DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE LIMPEZA URBANA e a empresa xxxxxxxx, para seguro contra terceiros para os veículos deste Departamento. O DEPARTAMENTO

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICAÇÃO DE MATÉRIAS OFICIAIS EM JORNAL DE CIRCULAÇÃO DIÁRIA E LOCAL,

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICAÇÃO DE MATÉRIAS OFICIAIS EM JORNAL DE CIRCULAÇÃO DIÁRIA E LOCAL, CONTRATO Nº 13/2015 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICAÇÃO DE MATÉRIAS EM JORNAL DE CIRCULAÇÃO DIÁRIA E LOCAL, QUE ENTRE SI CELEBRAM O CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SERGIPE (COREN/SE) E A

Leia mais

ANEXO V MINUTA DO CONTRATO

ANEXO V MINUTA DO CONTRATO ANEXO V MINUTA DO CONTRATO Unidade Administrativa: Processo Administrativo: Contrato Nº CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICIPIO DE JARDIM E A EMPRESA... O MUNICÍPIO DE JARDIM, Estado do Ceará, Pessoa

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTES CLAROS

PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTES CLAROS ANEXO IV MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO DE HORTALIÇAS E FRUTAS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. O MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS, pessoa jurídica de direito público interno, inscrito no

Leia mais

MODELO CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR

MODELO CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR MODELO CONTRATO N.º /20 CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR A (Órgão/Entidade Federal, Estadual ou Municipal), pessoa jurídica de direito público ou privado, com sede à Rua, n.º,

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº09/2015 Contrato celebrado entre a Câmara Municipal de São Simão e a Empresa CABOCLO MOVEIS E ELETRO LTDA- ME. CONTRATANTE: A CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO SIMÃO, pessoa jurídica de

Leia mais

ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE

ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE ANEXO III TRANSAÇÕES SEM CARTÃO PRESENTE O presente Anexo III faz parte integrante do Contrato de Credenciamento ao Sistema Elavon ( CONTRATO ) registrado no 5º Oficial de Registro de Títulos e Documentos

Leia mais

ANEXO III PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG MINUTA DO CONTRATO

ANEXO III PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG MINUTA DO CONTRATO ANEXO III PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG MINUTA DO CONTRATO Instrumento Particular de Contrato referente ao PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG, que entre si fazem o Serviço Social do Comércio

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO AO CARTÃO VB FROTA Pré Pago

CONTRATO DE ADESÃO AO CARTÃO VB FROTA Pré Pago CONTRATO DE ADESÃO AO CARTÃO VB FROTA Pré Pago Por este instrumento, a pessoa jurídica, qualificado no respectivo Termo de Adesão, o qual é parte integrante deste Contrato, ora designado simplesmente CLIENTE,

Leia mais

h) CADASTRO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato.

h) CADASTRO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PROGRAMA DE FIDELIDADE inscrita no CNPJ/MF sob o n. 09.016.557/0001-95, com sede na Rua Dr. Sodré 122 Sala 53, Vila Nova Conceição, São Paulo SP - CEP: 04535-110,

Leia mais

CONTRATO DE RENOVAÇÃO DA LICENÇA INDIVIDUAL DE USO DO SOFTWARE DE RASTREAMENTO E MANUTENÇÃO DO SERVIDOR

CONTRATO DE RENOVAÇÃO DA LICENÇA INDIVIDUAL DE USO DO SOFTWARE DE RASTREAMENTO E MANUTENÇÃO DO SERVIDOR Atenção: Ao FINALIZAR CADASTRO no site www.nipponsat.com.br e clicar em LI E ACEITO OS TERMOS DO CONTRATO estará automaticamente aceitando todos os termos e condições do presente instrumento. Ressaltamos

Leia mais

Instrumento Particular de Contrato de Prestação de Serviços

Instrumento Particular de Contrato de Prestação de Serviços 1 de Prestação de Serviços Contratada: Qt Soluções, inscrita no CNPJ sob o número 10.585.240/0001-59, com sede na Rua Gramado, n. 1899, bairro Laranjal, nesta cidade, Cep: 96090-290. OBJETO DO CONTRATO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08 MINUTA 1 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 019/08 Processo nº 5935/0/ Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: AQUISIÇÃO DE TERMINAIS DE AUTO ATENDIMENTO Pelo

Leia mais

I INFORMAÇÕES INICIAIS II - GLOSSÁRIO

I INFORMAÇÕES INICIAIS II - GLOSSÁRIO I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: INVEST CAPITALIZAÇÃO S/A CNPJ: 93.202.448/0001-79 (NOME FANTASIA DO PRODUTO): INVESTCAP TRAD-PU 03 (12M) MODALIDADE: TRADICIONAL PROCESSO SUSEP Nº: 15414.900283/2013-20

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA ES

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA ES Contrato de Fornecimento de Energia Elétrica - Poder Público Contrato nº: DCPP ES 271/2014 Estrutura Tarifária: Baixa Tensão DISTRIBUIDORA Razão Social: Espírito Santo Centrais Elétricas S/A - ESCELSA

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA Estado do Espírito Santo

CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA Estado do Espírito Santo CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA ES. CONTRATO Nº. 001/2014. PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO Nº. 018/2013. Contrato de Prestação de Serviços que celebram a CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA e ESSENCIALNET

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE LOCAÇÃO Pelo presente instrumento e na melhor forma de direito, as partes, de um lado, na qualidade de LOCADOR, e doravante assim designado, Landlord, e, de outro

Leia mais

CONTRATO Nº 2015/001

CONTRATO Nº 2015/001 CONTRATO Nº 2015/001 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DO MÉDIO VALE DO ITAJAÍ - CIMVI E JF SITES OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPEDAGEM DE WEBSITE. O CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL

Leia mais

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante.

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante. CONTRATO Nº 004/2015 REFERENTE À PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE QUERÊNCIA E A EMPRESA RÁDIO LÍDER SERVIÇOS E PUBLICIDADE LTDA ME. A Estado de Mato Grosso, Pessoa Jurídica

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA SUPER ECONOMIA

CONTRATO DE ADESÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA SUPER ECONOMIA CONTRATO DE ADESÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DA LINHA DA SUPER ECONOMIA Por este instrumento, em que são partes: de um lado a TELEFÔNICA BRASIL S.A., concessionária do Serviço Telefônico Fixo Comutado,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Pelo presente instrumento particular e na melhor forma de direito, as partes abaixo identificadas (i), registrada na Junta Comercial do Estado de sob o nº, inscrita no

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 56, DE 5 DEZEMBRO DE 2007

INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 56, DE 5 DEZEMBRO DE 2007 INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 56, DE 5 DEZEMBRO DE 2007 Dispõe sobre instauração e organização de processo de tomada de contas especial e dá outras providências. O TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, no uso do

Leia mais