Universidade de Brasília Faculdade de Direito. Teoria Geral do Processo II Professor Vallisney Oliveira

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Universidade de Brasília Faculdade de Direito. Teoria Geral do Processo II Professor Vallisney Oliveira"

Transcrição

1 Universidade de Brasília Faculdade de Direito Teoria Geral do Processo II Professor Vallisney Oliveira Aluna: Marina Novetti Velloso Matrícula: 11/ º Semestre de 2013.

2 ACÓRDÃO RECURSO ESPECIAL Nº SP (2009/ ) RELATOR MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES NTE RECORRE COOPERATIVA DOS PROFISSIONAIS DA SAÚDE DE NÍVELSUPERIOR - COOPERPAS SUP 4 O ADVOGAD MÔNICA DE OLIVEIRA FERNANDES E OUTRO (S) O RECORRID MUNICÍPIO DE SÃO PAULO DORES PROCURA JOSÉ DE ARAÚJO NOVAES NETO (S) MARIA REGINA FERRO QUEIROZ PENTEADO E OUTRO EMENTA PROCESSUAL CIVIL. JUSTIÇA GRATUITA. CONCESSAO DO BENEFÍCIO. PESSOA JURÍDICA. ALEGAÇAO DE SITUAÇAO ECONÔMICA-FINANCEIRA PRECÁRIA. NECESSIDADE DE COMPROVAÇAO MEDIANTE APRESENTAÇAO DE DOCUMENTOS. INVERSAO DO ONUS PROBANDI. 1. A jurisprudência desta Corte tem entendido que o benefício da assistência judiciária gratuita pode ser deferido às pessoas jurídicas, sendo imprescindível, contudo, distinguir duas situações: (i) em se tratando de pessoa jurídica sem fins lucrativos (entidades filantrópicas ou de assistência social, sindicatos etc.), basta o mero requerimento, cuja negativa condiciona-se à comprovação da ausência de estado de miserabilidade jurídica pelo ex adverso; (ii) já no caso de pessoa jurídica com fins lucrativos, incumbe-lhe o onus probandi da impossibilidade de arcar com os encargos financeiros do processo. 2. A parte recorrente enquadra-se na hipótese (i), sendo, pois, bastante o simples requerimento.

3 3. Recurso especial provido. ACÓRDAO Vistos, relatados e discutidos esses autos em que são partes as acima indicadas,acordam os Ministros da SEGUNDA TURMA do Superior Tribunal de Justiça, na conformidade dos votos e das notas taquigráficas, o seguinte resultado de julgamento: "A Turma, por unanimidade, deu provimento ao recurso, nos termos do voto do Sr. Ministro-Relator, sem destaque." Os Srs. Ministros Cesar Asfor Rocha, Castro Meira, Humberto Martins (Presidente) e Herman Benjamin votaram com o Sr. Ministro Relator.

4 COMENTÁRIOS O presente acórdão trata do benefício da assistência judiciária gratuita deferido à pessoas jurídicas em duas situações: (i) em se tratando de pessoa jurídica sem fins lucrativos (entidades filantrópicas ou de assistência social, sindicatos etc.), bastando o mero requerimento, cuja negativa condiciona-se à comprovação da ausência de estado de miserabilidade jurídica pelo ex adverso; (ii) já no caso de pessoa jurídica com fins lucrativos, incumbe-lhe o onus probandi da impossibilidade de arcar com os encargos financeiros do processo. Nesse caso, a requerente encontra-se na situação (i) e teve seu recurso provido. Porém, o intuito desse trabalho é analisar o onus probandi, ou seja, o ônus da prova. O ônus da prova é o encargo, atribuído a uma das partes, de demonstrar a existência ou inexistência daqueles fatos controvertidos no processo, necessários para o convencimento do juiz. Simplificando, é da incumbência de uma das partes de provar para o juiz o fato alegado. Não se deve, portanto, confundir o ônus da prova com uma obrigação. A parte detentora do ônus que tem o interesse de cumpri-lo para não sofrer as consequências da não provação, não a obrigação de fazê-lo. Segundo Marcus Vinicius Rios Gonçalves, "o ônus da prova pode ser encarado sob o aspecto subjetivo e o objetivo". Subjetivo referente à divisão do ônus às partes e somente a elas sendo de interesse. Essa divisão é feita segundo o artigo 333 do Código de Processo Civil. Art O ônus da prova incumbe: I - ao autor, quanto ao fato constitutivo do seu direito; II - ao réu, quanto à existência de fato impeditivo, modificativo ou extintivo do direito do autor. Parágrafo único - É nula a convenção que distribui de maneira diversa o ônus da prova quando: I - recair sobre direito indisponível da parte; II - tornar excessivamente difícil a uma parte o exercício do direito. Já o aspecto objetivo trata do interesse do magistrado no ônus. Cabe a ele prezar pela veracidade dos fatos para tomar uma decisão acertada e justa, independente de prévia iniciativa das partes. Disso também é tratado no artigo 130 do Código de Processo Civil. Art Caberá ao juiz, de ofício ou a requerimento da parte, determinar as provas necessárias à instrução do processo, indeferindo as diligências inúteis ou meramente protelatórias.

5 Marcus Gonçalves, a respeito desse aspecto dúbio do ônus da prova, elucida que "o juiz deve usar primeiro os poderes que o CPC, art. 130, outorga-lhe e só supletivamente, em caso de impossibilidade de apuração da verdade real, valer-se dar regras do art. 333". Entretanto, outro aspecto relevante do ônus da prova merece ser ressaltado. Tratemos sobre sua inversão. A inversão do ônus da prova significa que o disposto no já supracitado artigo 333 do Código de Processo Civil será invertido. Essa inversão pode ocorrer em três tipos: convencional, legal e judicial. Na inversão convencional, temos um acordo de vontade das partes. Ou seja, a elas cabe a decisão do titular do direito ao ônus. Isso só não será possível nos termos do parágrafo único do referido artigo. A inversão legal é aquela quando há presunção relativa de um fato, a fim de provar fato contrário. Também ocorre nos casos de responsabilidade pelo fato do produto e do serviço, por norma expressa dos artigos 12, 3º e 13, 3º, do Código de Defesa do Consumidor. Já a inversão judicial ocorre por decisão do juiz, com base em texto legal contido no artigo 6º, VIII do Código de Defesa do Consumidor, na Lei nº 8.078/90. Pode-se alargar a interpretação do Código de Defesa do Consumidor para o caso concreto, e o juiz pode inverter o ônus da prova, desde que no caso tenha ou a verossimilhança da alegação ou a hipossuficiência do consumidor. A hipossuficiência do consumidor não precisa ser necessariamente econômica. Pode ser também técnica. Sempre que o consumidor tiver dificuldades ou impossibilidade de produzir a prova em razão da falta de conhecimento técnico, caberá ao fornecedor produzi-las, até mesmo porque é ele quem detém todas as informações a respeito do produto que comercializa. Além disso, para que o juiz aplique o referido dispositivo legal, é necessário que esteja presente a relação de consumo. Poderia se chegar à conclusão de que a distribuição do ônus da prova somente seria diversa da regra geral nas situações supracitadas de inversão do ônus. Mas não é assim. É possível que o ônus da prova seja distribuído de forma diversa da contida no artigo 333 do Código de Processo Civil, excepcionalmente, mesmo em relações que não sejam de consumo, ainda que não haja hipótese de presunção relativa ou convenção das partes, com base na integração normativa, utilizando-se uma interpretação sistemática e sociológica do ordenamento processual civil moderno, unido à teoria da distribuição dinâmica do ônus da prova. Essa teoria consiste em atribuir o referido

6 ônus à parte que possui melhores condições de produzir a prova, independentemente de quem alega os fatos.

7 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS DINAMARCO, Cândido Rangel; GRINOVER, Ada Pellegrini; CINTRA, Antonio Carlos de Araujo. Teoria Geral do Processo, São Paulo: Malheiros, GONÇALVES, Marcus Vinicius Rios. Novo Curso de Direito Processual Civil, São Paulo: Saraiva, Recurso Especial nº SP (2009/ ). Disponível em: Acessado em 24/9/2013.

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br BuscaLegis.ccj.ufsc.Br Teoria Geral da Prova no Processo Civil Daniel Nobre Morelli INTRODUÇÃO Podemos considerar prova como o meio pelo qual se procura demonstrar que certos fatos, expostos no processo,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES EMBARGANTE EMBARGADO EMENTA PROCESSUAL CIVIL. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. VÍCIOS INEXISTENTES. (ADMINISTRATIVO. RECURSO ORDINÁRIO EM MANDADO DE SEGURANÇA. CONCURSO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.431.476 - PE (2014/0014511-9) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS - ANP REPR. POR : PROCURADORIA-GERAL

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO INVERSÃO ÔNUS DA PROVA REGRA DE JULGAMENTO A C Ó R D Ã O

AGRAVO DE INSTRUMENTO INVERSÃO ÔNUS DA PROVA REGRA DE JULGAMENTO A C Ó R D Ã O AGRAVO DE INSTRUMENTO INVERSÃO ÔNUS DA PROVA REGRA DE JULGAMENTO - A inversão do ônus da prova é regra de julgamento ou para julgamento, quando na sentença, momento próprio, onde, de frente ao contexto

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 158.184 - SP (2012/0055988-6) RELATOR AGRAVANTE ADVOGADO AGRAVADO ADVOGADO INTERES. : MINISTRO CESAR ASFOR ROCHA : COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES EMENTA PROCESSUAL CIVIL. AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL. PROCESSO ADMINISTRATIVO. EXECUÇÃO FISCAL. PRESCRIÇÃO INTERCORRENTE ADMINISTRATIVA. PENDÊNCIA DE

Leia mais

AS POSSIBILIDADES DE INVERSÃO DO ÔNUS DA PROVA

AS POSSIBILIDADES DE INVERSÃO DO ÔNUS DA PROVA ALEXANDRE MAGALHÃES DE MATTOS 2000128599 AS POSSIBILIDADES DE INVERSÃO DO ÔNUS DA PROVA INCLUSIVE NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR Trabalho acadêmico apresentado como atividade gradual complementar da

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA INTERCORRENTE. ARQUIVAMENTO. INTIMAÇÃO. DESNECESSIDADE. 1. É despicienda a intimação da Fazenda Pública acerca da suspensão por ela mesma requerida, bem como do arquivamento,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg nos EDcl no RECURSO ESPECIAL Nº 1.346.852 - PR (2012/0205691-9) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS AGRAVANTE : LUZIA APARECIDA DE OLIVEIRA ADVOGADOS : ARIELTON TADEU ABIA DE OLIVEIRA E OUTRO(S) THAIS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR RECORRENTE PROCURADOR RECURSO ESPECIAL Nº 876.931 - RJ (2006/0115752-8) : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES : ASSOCIAÇÃO DE MORADORES E AMIGOS DO JARDIM BOTÂNICO AMAJB : PAULO ROBSON PEREIRA : ASSOCIAÇÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 924.835 - SP (2007/0038824-0) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES AGRAVANTE : CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO - CRF/SP AGRAVADO : UNIMED SANTA RITA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.323.653 - SC (2012/0101038-2) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SANTA CATARINA RECORRIDO : JOÃO RANGEL ADVOGADO : KATIA JACQUELINE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CESAR ASFOR ROCHA RECORRENTE : CONDOMÍNIO EDIFÍCIO JARDIM INHANDUÍ ADVOGADO : OSCAR FRANCISCO ALVES DA SILVA NETO E OUTRO RECORRIDO : CLARICE MARIA GOETZ ADVOGADO : VALDEMAR FRANCISCO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA : LUIS CAPUCCI NETO : MUNICÍPIO DE ITÁPOLIS EMENTA trabalhistas propostas por servidores públicos municipais contratados sob o regime celetista, instituído por meio de legislação

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.213.245 - RS (2010/0178505-3) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL RECORRIDO : CONDOR S/A ADVOGADO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Orloff Neves Rocha PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº ( )

PODER JUDICIÁRIO. Gabinete do Desembargador Orloff Neves Rocha PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº ( ) PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 222331-78.2014.8.09.0000 (201492223310) COMARCA AGRAVANTE AGRAVADO RELATOR :GOIÂNIA :BANCO BRADESCO FINANCIAMENTOS S/A :JESSYCA DE ALMEIDA SILVA :Desembargador

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES AGRAVANTE AGRAVADO EMENTA PROCESSUAL CIVIL E TRIBUTÁRIO. AGRAVO REGIMENTAL. ADUANEIRO. PENA DE PERDIMENTO DE VEÍCULO OBJETO DE ARRENDAMENTO MERCANTIL (LEASING)

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EMBARGOS DE DIVERGÊNCIA EM RESP Nº 834.956 - RS (2006/0189384-5) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS EMBARGANTE : ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADOR : LEANDRO DA CUNHA E SILVA E OUTROS EMBARGADO :

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA RECURSO ESPECIAL. BACALHAU IMPORTADO DA NORUEGA. DESEMBARAÇO ADUANEIRO. ICMS. COMPROVAÇÃO DE PAGAMENTO. AUSÊNCIA DE PREQUESTIONAMENTO. APELO NÃO CONHECIDO. SÚMULA

Leia mais

O ÔNUS DA PROVA NAS RELAÇÕES CONSUMERISTAS

O ÔNUS DA PROVA NAS RELAÇÕES CONSUMERISTAS O ÔNUS DA PROVA NAS RELAÇÕES CONSUMERISTAS Daniel Louzada de OLIVEIRA Resumo: O presente trabalho tem como finalidade analisar aspectos da doutrina e a jurisprudência no que se referem à Lei n. 8.078/90

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 663.487 - SC (2004/0072925-0) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS AGRAVANTE : ITAVEL ITAJAÍ VEÍCULOS LTDA ADVOGADO : JOAO JOAQUIM MARTINELLI AGRAVADO : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 611.763 - DF (2003/0213407-8) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : UNIMED NOROESTE FLUMINESE COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO ADVOGADO : REGINALDO FERREIRA LIMA E OUTRO(S)

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES : FEDERAÇÃO DA AGRICULTURA E PECUÁRIA DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL FAMASUL EMENTA ADMINISTRATIVO E TRIBUTÁRIO. RECURSO ORDINÁRIO EM MANDADO DE SEGURANÇA. REGISTRO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.513.218 - RJ (2014/0336151-3) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : COMPANHIA ESTADUAL DE ÁGUAS E ESGOTOS - CEDAE ADVOGADOS : CARLOS ALBERTO SUSSEKIND ROCHA FABRÍCIO VIANNA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.086.170 - SP (2008/0190551-1) RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON EMENTA TRIBUTÁRIO - IMPOSTO DE IMPORTAÇÃO - VITAMINA A-1 - DERIVADOS - GATT - ISENÇÃO - PRECEDENTES DO STJ. 1. Os derivados

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA TRIBUTÁRIO. IPVA. ARRENDAMENTO MERCANTIL. RESPONSABILIDADE SOLIDÁRIA. ARRENDANTE. 1. O arrendante, por ser possuidor indireto do bem e conservar a propriedade até

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 687.239 - RJ (2004/0084577-7) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : AMIR VIEIRA SOBRINHO FELIPPE ZERAIK E OUTROS : ANDRÉ SCHMIDT DE BRITO TANCREDO ROCHA JUNIOR EMENTA Direito

Leia mais

09/09/2016 SEGUNDA TURMA : MIN. TEORI ZAVASCKI

09/09/2016 SEGUNDA TURMA : MIN. TEORI ZAVASCKI Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 09/09/2016 SEGUNDA TURMA AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 961.319 MATO GROSSO RELATOR AGTE.(S) ADV.(A/S) AGDO.(A/S) PROC.(A/S)(ES) :

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli RELATORA : DESEMBARGADORA FEDERAL MARGARIDA CANTARELLI RELATÓRIO A EXMA. DESEMBARGADORA FEDERAL MARGARIDA CANTARELLI (RELATORA): Trata-se de mandado de segurança impetrado contra o Juiz de Direito da 2ª

Leia mais

PROVAS. DE FATO existência de controvérsia. DE DIREITO vigência e teor do direito municipal; estadual; estrangeiro; consuetudinário (CPC 376).

PROVAS. DE FATO existência de controvérsia. DE DIREITO vigência e teor do direito municipal; estadual; estrangeiro; consuetudinário (CPC 376). DAS PROVAS AULA 04 PROVAS DE FATO existência de controvérsia DE DIREITO vigência e teor do direito municipal; estadual; estrangeiro; consuetudinário (CPC 376). NATUREZA JURÍDICA PROVAS São provas de convencimento

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON EMENTA TRIBUTÁRIO ISENÇÃO FISCAL ACÓRDÃO DECIDIDO SOB FUNDAMENTO EXCLUSIVAMENTE CONSTITUCIONAL NÃO CONHECIMENTO. 1. Inviável o recurso especial interposto contra acórdão

Leia mais

TRABALHO II - ÔNUS DA PROVA DIREITO DO CONSUMIDOR

TRABALHO II - ÔNUS DA PROVA DIREITO DO CONSUMIDOR Universidade de Brasília Faculdade de Direito Teoria Geral Processo II Profº Vallisney de Souza Oliveira TRABALHO II - ÔNUS DA PROVA DIREITO DO CONSUMIDOR Maíra Isabel Saldanha Rodrigues Matrícula: 13/0158194

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.459.072 - SP (2014/0130356-4) RELATOR : MINISTRO BENEDITO GONÇALVES AGRAVANTE : USINA GOIANESIA S/A AGRAVADO : FAZENDA NACIONAL ADVOGADO : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.078.879 - RJ (2008/0170345-9) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : AERÓLEO TÁXI AÉREO S/A ADVOGADO : ANDREA CHIEREGATTO E OUTRO(S) RECORRIDO : FAZENDA NACIONAL ADVOGADO

Leia mais

COORD. DE ANÁLISE DE JURISPRUDÊNCIA D.J EMENTÁRIO N

COORD. DE ANÁLISE DE JURISPRUDÊNCIA D.J EMENTÁRIO N AI-AgR Ementa 449138 e Acórdão (1) 3957 c;?~~~~~ COORD. DE ANÁLISE DE JURISPRUDÊNCIA D.J.01.07.2005 EMENTÁRIO N 2 1 9 8-20 RELATOR AGRAVANTE(S) ADVOGADO (A/S) MIN. CARLOS VELLOSO VERA SÔNIA LINS D'ALBUQUERQUE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EMENTA AGRAVO REGIMENTAL EM RECURSO ESPECIAL. EMBARGOS DE DEVEDOR. CUSTAS. COMPLEMENTAÇÃO. INTIMAÇÃO DA PARTE. INTIMAÇÃO DO. DESNECESSIDADE. ARTIGO 257 DO CPC. AGRAVO NÃO CONHECIDO. 1. Não recolhidas as

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MASSAMI UYEDA AGRAVANTE : ESCRITÓRIO CENTRAL DE ARRECADAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO ECAD EMENTA PROCESSUAL CIVIL AGRAVO REGIMENTAL AGRAVO DE INSTRUMENTO RECURSO ESPECIAL DIREITOS AUTORAIS COBRANÇA

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA. Disciplina: TEORIA GERAL DO PROCESSO Código da Disciplina: JUR214 Curso: DIREITO Semestre de oferta da disciplina: 3º

PROGRAMA DE DISCIPLINA. Disciplina: TEORIA GERAL DO PROCESSO Código da Disciplina: JUR214 Curso: DIREITO Semestre de oferta da disciplina: 3º PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: TEORIA GERAL DO PROCESSO Código da Disciplina: JUR214 Curso: DIREITO Semestre de oferta da disciplina: 3º Faculdade responsável: DIREITO Programa em vigência a partir

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO : MINISTRO RIBEIRO DANTAS : EMERSON SILVA RODRIGUES (PRESO) : DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE SÃO PAULO : MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO EMENTA PROCESSUAL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.497.364 - GO (2014/0277069-8) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : GALAXY BRASIL LTDA ADVOGADOS : LUCIANO VALENTIM DE CASTRO E OUTRO(S) MARCELO RODRIGUES FELÍCIO RECORRIDO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.465.592 - RS (2014/0163409-4) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRO HERMAN BENJAMIN : FAZENDA NACIONAL : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL : PATRICIA SECKLER : FÁBIO ADRIANO

Leia mais

R E L A T Ó R I O O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO

R E L A T Ó R I O O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO R E L A T Ó R I O GUIMARÃES (RELATOR): O EXMO. SR. DESEMBARGADOR FEDERAL LÁZARO Trata-se de agravo inominado interposto ante decisão que negou seguimento ao recurso, impugnando decisum proferido pelo MM.

Leia mais

Dados Básicos. Ementa. Íntegra. Fonte: Tipo: Acórdão STJ. Data de Julgamento: 19/03/2013. Data de Aprovação Data não disponível

Dados Básicos. Ementa. Íntegra. Fonte: Tipo: Acórdão STJ. Data de Julgamento: 19/03/2013. Data de Aprovação Data não disponível Dados Básicos Fonte: 1.281.236 Tipo: Acórdão STJ Data de Julgamento: 19/03/2013 Data de Aprovação Data não disponível Data de Publicação:26/03/2013 Estado: São Paulo Cidade: Relator: Nancy Andrighi Legislação:

Leia mais

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Quinta Câmara Cível A C Ó R D Ã O

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Quinta Câmara Cível A C Ó R D Ã O Agravo de Instrumento nº 0015379-20.2016.8.19.0000 Agravante: Massa Falida de Banco Morada S/A Agravado: Maria Idelzenth Magalhães Relator: Desembargadora Maria Isabel Paes Gonçalves A C Ó R D Ã O AGRAVO

Leia mais

Página 1 de 7 Inversão do ônus da prova. art. 333 CPC

Página 1 de 7 Inversão do ônus da prova. art. 333 CPC Acórdão Origem: TRF-2 Classe: AC - APELAÇÃO CIVEL - 424438 Processo: 2007.51.01.014974-4 UF : RJ Orgão Julgador: QUINTA TURMA ESPECIALIZADA Data Decisão: 15/10/2008 Documento: TRF-200194482 Fonte DJU -

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.399.973 - RS (2013/0282180-8) RELATOR AGRAVANTE PROCURADOR AGRAVADO ADVOGADO : MINISTRO OG FERNANDES : ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL : HOMERO SO JOBIM NETO E OUTRO(S) : GESSI

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.164.140 - MG (2009/0213708-6) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS AGRAVANTE : INSTITUTO BRASILEIRO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS - IBAMA PROCURADOR :

Leia mais

DÉCIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVO

DÉCIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVO DÉCIMA QUINTA CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº 0030830-56.2014.8.19.0000 RELATOR: DES. CELSO FERREIRA FILHO AGRAVANTE: CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS

Leia mais

PLANO DE ENSINO OBJETIVOS GERAIS:

PLANO DE ENSINO OBJETIVOS GERAIS: PLANO DE ENSINO FACULDADE: Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais CURSO: Direito Período: 3 DEPARTAMENTO: Ano: 2016 DISCIPLINA: Teoria Geral do Processo CARGA HORÁRIA: 80 horas PRÉ-REQUISITO: não há.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.310.565 - PB (2012/0037944-7) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRO HERMAN BENJAMIN : FAZENDA NACIONAL : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL : IÊDO ANTÔNIO RODRIGUES : AMÉRICO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO EM MANDADO DE SEGURANÇA Nº 35.441 - RJ (2011/0184086-2) RELATOR RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO : MINISTRO HERMAN BENJAMIN : YORK ENGENHARIA E COMÉRCIO LTDA : ALCIDES DA FONSECA SAMPAIO E OUTRO(S)

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 471.894 - SP (2002/0126386-4) RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA RECORRENTE : RUI CLARET DE CARVALHO GONÇALVES ADVOGADO : GIL COSTA CARVALHO E OUTRO RECORRENTE : FAZENDA DO ESTADO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.097.801 - ES (2008/0220752-0) RELATORA : MINISTRA ELIANA CALMON RECORRENTE : CIA NIPO BRASILEIRA DE PELOTIZACAO NIBRASCO E OUTRO EMENTA TRIBUTÁRIO - PROCESSO CIVIL - ISS - DECADÊNCIA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO ARI PARGENDLER RECORRENTE : SERV SCREEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE MATERIAIS SERIGRÁFICOS LTDA - MASSA FALIDA REPR. POR : ALFREDO LUIZ KUGELMAS - SÍNDICO ADVOGADO : RENATO DE LUIZI JÚNIOR

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.456.632 - MG (2014/0127080-6) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI ADVOGADO : FABRÍCIO MADUREIRA GONÇALVES E OUTRO(S) - MG080890 EMENTA DIREITO PROCESSUAL CIVIL. AÇÃO RESCISÓRIA. EMBARGOS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 9.390 - EX (2014/0316102-8) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN REQUERENTE : PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA REQUERIDO : H DE G ADVOGADO : DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO

Leia mais

SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA

SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA O SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA, com base nos seus registros processuais eletrônicos, acessados no dia e hora abaixo referidos CERTIFICA que, sobre o(a) RECURSO ESPECIAL nº 952439/RO, do(a) qual é Relator

Leia mais

AULA 1) Ementa. Disposições administrativas:

AULA 1) Ementa. Disposições administrativas: Curso: DIREITO Disciplina: TEORIA GERAL DO PROCESSO (Matutino) quinta-feira 10:10 a 12:40 hs Ementa Direito Material e Direito Processual: conceito, natureza, posição enciclopédica, divisão. Fontes do

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 3ª REGIÃO RECORRENTES: CLÁUDIA MÁRCIA VARGAS DA COSTA (1) BANCO CITIBANK S/A (2) RECORRIDOS : OS MESMOS EMENTA: DEVOLUÇÃO TARDIA DOS AUTOS. NÃO CONHECIMENTO DA IMPUGNAÇÃO À DEFESA. CERCEAMENTO DE DEFESA. CONFIGURAÇÃO.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.296.728 - MG (2011/0299884-2) RELATOR RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO HUMBERTO MARTINS : SÓLIDA EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA : MARCELO DIAS GONÇALVES VILELA

Leia mais

RECURSO ESPECIAL Nº MG (2013/ )

RECURSO ESPECIAL Nº MG (2013/ ) RECURSO ESPECIAL Nº 1.421.512 - MG (2013/0392820-1) RELATORA RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : EDNA REGINA GUIMARAES : MARDEN DRUMOND VIANA E OUTRO(S) : UNIMED PARÁ DE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA EMENTA PROCESSUAL CIVIL. AGRAVO REGIMENTAL. COFINS E PIS. OPERAÇÕES COM DERIVADOS DE PETRÓLEO. IMUNIDADE. LEI N. 9.718/98. CONCEITO DE FATURAMENTO. MATÉRIAS DE

Leia mais

A PROVA DA JORNADA DO TRABALHADOR DOMÉSTICO À LUZ DA EC 72/13 Mauro Schiavi 1

A PROVA DA JORNADA DO TRABALHADOR DOMÉSTICO À LUZ DA EC 72/13 Mauro Schiavi 1 A PROVA DA JORNADA DO TRABALHADOR DOMÉSTICO À LUZ DA EC 72/13 Mauro Schiavi 1 A Emenda Constitucional 72/13 estendeu diversos direitos ao trabalhador doméstico, dentre os quais o regime de limitação de

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 857.043 - RS (2006/0119921-9) RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI RECORRIDO : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS EMENTA PROCESSO CIVIL. AUSÊNCIA DE PREQUESTIONAMENTO. SÚMULA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.218.320 - RS (2010/0195682-4) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : YARA BRASIL FERTILIZANTES S/A ADVOGADO : ROMEU JOÃO REMUZZI E OUTRO(S) RECORRIDO : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 957.670 - PR (2007/0127439-9) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : NITROBRÁS INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE FERTILIZANTES LTDA ADVOGADO : EDGAR LENZI E OUTRO(S) RECORRIDO : FAZENDA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL RECORRIDO : SIAM ALIMENTOS LTDA E OUTRO : MARCELO DE LIMA CASTRO DINIZ E OUTRO(S) EMENTA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA PROCESSO CIVIL. IMPOSTO DE IMPORTAÇÃO. PREQUESTIONAMENTO. SÚMULAS 282 E 356/STF. 1. Ausência de prequestionamento suposta dos arts. 111 e 178 do CTN. Incidência das

Leia mais

02/12/2016 SEGUNDA TURMA : MIN. TEORI ZAVASCKI

02/12/2016 SEGUNDA TURMA : MIN. TEORI ZAVASCKI Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 02/12/2016 SEGUNDA TURMA AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO 961.699 MARANHÃO RELATOR AGTE.(S) AGDO.(A/S) : MIN. TEORI ZAVASCKI :BANCO DO BRASIL SA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.158.897 - PE (2009/0182269-4) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES AGRAVANTE : ESTADO DE PERNAMBUCO PROCURADOR : WALTER MARON DE CERQUEIRA Y COSTA E OUTRO(S) AGRAVADO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 757.865 - SP (2005/0095876-7) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO GOMES DE BARROS RECORRENTE : HENRIQUE BORLENGHI E OUTROS ADVOGADO : JOÃO ANTÔNIO CÉSAR DA MOTTA E OUTROS RECORRIDO : PORTO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO fls. 1 ACÓRDÃO Registro: 2013.0000212885 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Embargos de Declaração nº 0184534-27.2010.8.26.0100/50000, da Comarca de São Paulo, em que é embargante MARIO ITO

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0126.11.000890-4/001 Númeração 0008904- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Mota e Silva Des.(a) Mota e Silva 12/11/2013 19/11/2013 EMENTA: EXTINÇÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.341.077 - RJ (2012/0182085-0) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL ADVOGADO : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL RECORRIDO : SEDCO FOREX PERFURAÇÕES

Leia mais

AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO

AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO RESPOSTAS DO RÉU CONTESTAÇÃO; EXCEÇÃO (Incompetência relativa, suspeição

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 995.800 - SP (2007/0237445-4) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES AGRAVANTE : DROGARIA LARGO DO DIVINO LTDA ADVOGADO : JOSE FERRAZ DE ARRUDA NETTO E OUTRO(S) AGRAVADO

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0194.09.096338-1/001 Númeração 0963381- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Mota e Silva Des.(a) Mota e Silva 09/06/2009 30/06/2009 EMENTA: DIREITO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça HABEAS CORPUS Nº 173.928 - MG (2010/0094429-2) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO EMENTA HABEAS CORPUS. EXECUÇÃO PENAL. LATROCÍNIO. 20 ANOS DE RECLUSÃO, EM REGIME INICIAL FECHADO. PRISÃO DOMICILIAR.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO ACÓRDÃO Registro: 2013.0000163433 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0010036-39.2011.8.26.0189, da Comarca de Fernandópolis, em que é apelante CIRCULO DOS TRABALHADORES CRISTAOS

Leia mais

TIPOS DE PROCESSO. Os processos são classificados de acordo. com o tipo de provimento jurisdicional. pretendido / depende do tipo de

TIPOS DE PROCESSO. Os processos são classificados de acordo. com o tipo de provimento jurisdicional. pretendido / depende do tipo de TIPOS DE PROCESSO Os processos são classificados de acordo com o tipo de provimento jurisdicional pretendido / depende do tipo de resultado esperado pela parte Processo de Conhecimento é aquele em que

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECLAMAÇÃO Nº 7.277 - ES (2011/0269859-0) RELATOR : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES RECLAMANTE : ESPÍRITO SANTO CENTRAIS ELÉTRICAS S/A - ESCELSA ADVOGADO : HERMANO DE VILLEMOR AMARAL FILHO E OUTRO(S) RECLAMADO

Leia mais

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A

D E C I S Ã O M O N O C R Á T I C A EXECUÇÃO FISCAL. DÉBITO DE PEQUENO VALOR. INTERESSE PROCESSUAL. RESERVA LEGAL. REMISSÃO. 1. A Fazenda Pública tem o poder-dever de cobrar seus créditos independentemente do seu valor. Somente a lei pode

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO MARCO AURÉLIO BELLIZZE EMENTA AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL. IMPUGNAÇÃO DE DECISÃO COLEGIADA. RECURSO MANIFESTAMENTE INCABÍVEL. ERRO GROSSEIRO. AGRAVO NÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES 2007/1 UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES Disciplina: DIREITO PROCESSUAL CIVIL I Curso: DIREITO Código CR PER Co-Requisito Pré-Requisito

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA ADMINISTRATIVO. FGTS. DEMISSÃO SEM JUSTA CAUSA. LEVANTAMENTO DOS DEPÓSITOS. ARBITRAGEM. DIREITO TRABALHISTA. 1. Configurada a demissão sem justa causa, não há como

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATORA : MINISTRA DIVA MALERBI (DESEMBARGADORA CONVOCADA TRF 3ª REGIÃO) RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO ADVOGADOS : : JOSIAS WELLINGTON SILVEIRA : COMPANHIA PAULISTA DE FORÇA E LUZ : WLADEMIR NOLASCO GUSTAVO

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 19/08/2016 PLENÁRIO EMB.DECL. NO AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 936.384 SÃO PAULO RELATOR EMBTE.(S) EMBDO.(A/S) : MINISTRO PRESIDENTE

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.152.707 - RS (2005/0178618-3) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRO CASTRO MEIRA : CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL PREVI : FABRÍCIO ZIR BOTHOMÉ E OUTRO(S)

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA ADVOGADO : CARLOS HENRIQUE BERNARDES CASTELLO CHIOSSI E OUTROS EMENTA ADMINISTRATIVO. FGTS. DESPEDIDA IMOTIVADA. LEVANTAMENTO DOS DEPÓSITOS. ARBITRAGEM. DIREITO TRABALHISTA.

Leia mais

28/05/2015 PLENÁRIO : MINISTRO PRESIDENTE

28/05/2015 PLENÁRIO : MINISTRO PRESIDENTE Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 5 RELATOR AGTE.(S) AGDO.(A/S) : MINISTRO PRESIDENTE :BRASIL TELECOM S/A : SANDRA REGINA RODRIGUES E OUTRO(A/S) : JIRO UGUMA E OUTRO(A/S) :VILMA THOMAL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 425.439 - RS (2002/0039809-6) RELATOR : MINISTRO FELIX FISCHER RECORRENTE : UNIÃO RECORRIDO : ELAINE DE SOUZA E OUTROS ADVOGADO : NOEMIA ALVES FARDIN E OUTROS EMENTA PROCESSUAL CIVIL.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA ADMINISTRATIVO. FGTS. DEMISSÃO SEM JUSTA CAUSA. LEVANTAMENTO DOS DEPÓSITOS. ARBITRAGEM. DIREITO TRABALHISTA. 1. Configurada a demissão sem justa causa, não há como

Leia mais

DA INEXISTÊNCIA DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS NOS ACORDOS EXTRAJUDICIAIS REALIZADOS PELOS SUBSTITUÍDOS NA RELAÇÃO JURÍDICA PROCESSUAL

DA INEXISTÊNCIA DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS NOS ACORDOS EXTRAJUDICIAIS REALIZADOS PELOS SUBSTITUÍDOS NA RELAÇÃO JURÍDICA PROCESSUAL DA INEXISTÊNCIA DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS NOS ACORDOS EXTRAJUDICIAIS REALIZADOS PELOS SUBSTITUÍDOS NA RELAÇÃO JURÍDICA PROCESSUAL Marco Aurélio Bezerra Verderamis Advogado da União lotado na Procuradoria-Seccional

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.505.261 - MG (2014/0216602-3) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : ROSÂNGELA GONTIJO ADVOGADO : GUSTAVO TADEU BIJOS ASSIS PINTO E OUTRO(S) RECORRIDO : INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.245.744 - SP (2011/0040157-0) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO : MINISTRO MAURO CAMPBELL MARQUES : FAZENDA NACIONAL : PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL : ENSEMBLE INSTRUMENTOS INDUSTRIAIS

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.280.711 - MG (2011/0186421-5) RELATOR AGRAVANTE AGRAVADO : MINISTRO CASTRO MEIRA EMENTA PROCESSUAL CIVIL. JUSTIÇA GRATUITA. HONORÁRIOS PERICIAIS. PRESCRIÇÃO. PRAZO

Leia mais

10/06/2014 SEGUNDA TURMA : MIN. GILMAR MENDES

10/06/2014 SEGUNDA TURMA : MIN. GILMAR MENDES Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 5 RELATOR AGTE.(S) : MIN. GILMAR MENDES :SALVAR TREINAMENTOS REPRESENTAÇÕES E CONSULTORIA EM SEGURANÇA DO TRABALHO LTDA ADV.(A/S) :CARLOS GUILHERME

Leia mais

Nº COMARCA DE FELIZ DBM FACTORING LTDA ACÓRDÃO

Nº COMARCA DE FELIZ DBM FACTORING LTDA ACÓRDÃO AÇÃO MONITÓRIA. CHEQUE PRESCRITO. DISCUSSÃO DO NEGÓCIO SUBJACENTE. DESNECESSIDADE. O cheque prescrito, como prova documental autorizativa da via injuncional, é suficiente como fato constitutivo do direito

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 28/10/2016 PRIMEIRA TURMA AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 806.607 PIAUÍ RELATOR AGTE.(S) AGDO.(A/S) : MIN. ROBERTO BARROSO :ESTADO

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 6 05/04/2016 SEGUNDA TURMA AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO 940.470 BAHIA RELATORA AGTE.(S) PROC.(A/S)(ES) AGDO.(A/S) : MIN. CÁRMEN LÚCIA

Leia mais