BOLETIM DE NORMALIZAÇÃO GRUPO DE ACOMPANHAMENTO DE NORMAS COMAT/CBIC

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BOLETIM DE NORMALIZAÇÃO GRUPO DE ACOMPANHAMENTO DE NORMAS COMAT/CBIC"

Transcrição

1 BOLETIM DE NORMALIZAÇÃO GRUPO DE ACOMPANHAMENTO DE NORMAS COMAT/CBIC Reunião da Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade 05/março/2015

2 NORMAS ABNT EM CONSULTA NACIONAL Fonte: Data da pesquisa: 02 de Março de 2015

3

4

5 Vide o arquivo anexo

6

7

8 FLUXO ELABORAÇÃO DE NORMA TÉCNICA ABNT Vide o arquivo anexo

9

10

11

12

13

14

15 NORMAS ACOMPANHADAS PELO GT COMAT/CBIC

16 CE-02: DESEMPENHO ACÚSTICO DE EDIFICAÇÕES Processo de revisão das normas: ABNT NBR 10151:2000 Acústica - Avaliação do ruído em áreas habitadas, visando o conforto da comunidade Procedimento. Errata 1:2003 ABNT NBR 10152:1952 Níveis de ruído para conforto acústico Procedimento. Errata 1:1992 Texto de Revisão de norma em elaboração/discussão.

17 CE-02: COMISSÃO DE ESTUDO DE INSPEÇÃO PREDIAL Com o objetivo de elaborar norma(s) para Inspeção Predial, no que se refere às suas responsabilidades, bem como a terminologia, procedimentos, diretrizes e requisitos. Previsão de workshop - Texto do Projeto de norma em elaboração/discussão.

18 CE-02: COMISSÃO DE ESTUDO DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS, REPRESENTAÇÃO GRÁFICA E ATIVIDADES TÉCNICAS DE ARQUITETURA Com o objetivo de revisar as normas de Arquitetura a seguir: ABNT NBR 6492:1994, Representação de projetos de arquitetura ABNT NBR 13531:1995, Elaboração de projetos de edificações Atividades técnicas ABNT NBR 13532:1995, Elaboração de projetos de edificações Arquitetura Texto do Projeto de norma em elaboração/discussão.

19 CE-02: Comissão de Estudo de Sistemas Prediais Hidraúlico-sanitário para Água Fria e Água Quente Esta Norma estabelece requisitos e recomendações relativos ao projeto, execução, operação e manutenção de sistemas prediais de água fria e quente. Esta norma abrange somente sistemas de água potável. Os requisitos e recomendações aqui estabelecidos emanam fundamentalmente do respeito aos princípios de bom desempenho dos sistemas, uso racional de água e energia e garantia de manutenção da potabilidade da água. Texto do Projeto de norma em elaboração/discussão.

20 CE 178: Comissão de Estudo de Aparelhos Sanitários e Sistemas de Descarga Com o objetivo de elaborar normas de projetos para sistemas de saneamento. Texto do Projeto de Norma em elaboração/discussão.

21 A ABNT publicou, em , a norma ABNT NBR : Concreto - Extração, preparo, ensaio e análise de testemunhos de estruturas de concreto - Parte 1: Resistência à compressão axial. Para detalhes sobre a norma publicada ou sua aquisição Clique Aqui Para consulta ao catálogo de normas ABNT, ISO, IEC, DIN, AFNOR, BSI, CEN, ASTM, IEEE, NFPA, AMN ou JISC visite

22 2º Projeto 18: /01 - Concreto leve - Preparo, controle e recebimento para execução de elementos de construção, tipo lajes e paredes - Parte 1: Requisitos, referente ao ABNT/CB-018 Cimento, Concreto e Agregados. CONSULTA NACIONAL - foi adicionado em 24/10/2014. OBS.: Verificado no site da ABNT em 10/03/2015, a norma não foi publicada.

23 CE-02: COMISSÃO DE ESTUDO DE REFORMAS EM EDIFICAÇÕES Com o objetivo de avaliar o texto para elaboração de Emenda 01:2014 para a ABNT NBR de Reforma em edificações Sistema de Gestão de Reformas Requisito. Texto finalizado pela CE será inserido em CONSULTA NACIONAL. OBS.: Verificado no site da ABNT em 11/03/2015, a Emenda não foi inserida.

24

25 NORMAS EM ANÁLISE NO GT DE NORMAS TÉC. SE DEVERÃO SER REVISADAS

26 ABNT NBR 6494:1990 Segurança nos Andaimes O CB-02 recebeu da ABENDI Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos, solicitação para revisão da ABNT NBR 6494:1990 Segurança nos Andaimes, que faz parte do acervo do CB 02. Com o atual escopo do CB-02 com foco em projetos estruturais e desempenho, sugiro que o Grupo de Acompanhamento de Normas da CBIC, avalie a real necessidade de mantermos essa norma no escopo do CB-02, ou se podemos transferi-la para o acervo geral da ABNT para que, na ocasião de sua revisão, seja feita através de uma (CEE) Comissão de Estudos Especial de Andaimes, alinhada às NR s existentes do Ministério do Trabalho.

27

28

29 NORMAS EM DISCUSSÃO

30

31

32 PROJETO DE LEI ACOMPANHADO PELO GT COMAT/CBIC

33 Inspeção Periódica em Edificação

34 GRUPO DE ACOMPANHAMENTO DE NORMAS COMAT/CBIC 3. Ser protagonista = induzir, acompanhar e influenciar proativamente a normatização.

35 ENG. ROBERTO MATOZINHOS Líder do GT DE NORMAS COMAT/CBIC Consultor Técnico - SINDUSCON-MG

Normalização Técnica Brasileira Acústica - Processo, tendências e perspectivas. Krisdany Cavalcante

Normalização Técnica Brasileira Acústica - Processo, tendências e perspectivas. Krisdany Cavalcante Normalização Técnica Brasileira Acústica - Processo, tendências e perspectivas Krisdany Cavalcante Normalização Técnica ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas Entidade privada, sem fins lucrativos,

Leia mais

PROJETO DE NORMAS ABNT NBR Conservação de águas em edificações Uso de fontes alternativas de água não potável em edificações

PROJETO DE NORMAS ABNT NBR Conservação de águas em edificações Uso de fontes alternativas de água não potável em edificações PROJETO DE NORMAS ABNT NBR Conservação de águas em edificações Uso de fontes alternativas de água não potável em edificações Lilian Sarrouf Coord Técnica do COMASP - SindusConSP AÇÕES DO COMITÊ DE MEIO

Leia mais

Normalização e controle da qualidade dos materiais e componentes das construções MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO 1

Normalização e controle da qualidade dos materiais e componentes das construções MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO 1 Normalização e controle da qualidade dos materiais e componentes das construções NORMA Documento técnico que descreve Objetivamente um PADRÃO TÉCNICO aceito pela sociedade. Estabelecido por consenso e

Leia mais

GT DESEMPENHO/BA Eng. Priscila Freitas

GT DESEMPENHO/BA Eng. Priscila Freitas GT DESEMPENHO/BA Eng. Priscila Freitas ENG. PRISCILA FREITAS Engenheira Civil, UEFS (2006) Especialista em Engenharia da Qualidade, UFBA (2007) Mestranda em Gestão e Tecnologia Industrial GETEC, SENAI

Leia mais

IMPACTOS DA NORMA DE DESEMPENHO NA INDÚSTRIA DE MATERIAIS

IMPACTOS DA NORMA DE DESEMPENHO NA INDÚSTRIA DE MATERIAIS I WORKSHOP DE DESEMPENHO MINASCON 2014 07/agosto/2014 IMPACTOS DA NORMA DE DESEMPENHO NA INDÚSTRIA DE MATERIAIS Laura Marcellini Diretora Técnica ABRAMAT IMPACTOS DA NORMA DE DESEMPENHO NA INDÚSTRIA DE

Leia mais

Signatária do código de boas práticas em normalização da OMC Certificadora de produtos, serviços, sistemas e pessoas

Signatária do código de boas práticas em normalização da OMC Certificadora de produtos, serviços, sistemas e pessoas 1 2 Entidade privada, sem fins lucrativos, de utilidade pública, fundada em 1940 Oficialmente reconhecida pelo governo brasileiro como único foro nacional de normalização (Resolução nº 07 do CONMETRO,

Leia mais

Indústria da Construção Civil

Indústria da Construção Civil Indústria da Construção Civil Grupo de Materiais de Construção 1 Construção Civil É uma indústria? Indústria: toda atividade humana que, através do trabalho, transforma matéria-prima em outros produtos,

Leia mais

Saiba como adequar sua edificação à NBR 15575/2013.

Saiba como adequar sua edificação à NBR 15575/2013. Ensaios de Desempenho. Saiba como adequar sua edificação à NBR 15575/2013. CONCREMAT INSPEÇÓES E LABORATÓRIOS. UMA MARCA DAS EMPRESAS CONCREMAT. Com mais de 60 anos de experiência no mercado nacional e

Leia mais

CAPÍTULO 1 NORMALIZAÇÃO TÉCNICA

CAPÍTULO 1 NORMALIZAÇÃO TÉCNICA CAPÍTULO 1 NORMALIZAÇÃO TÉCNICA 1. INTRODUÇÃO E HISTÓRICO RESUMIDO Passado: - mão de obra barata - Abundância de matérias-primas Atualidade: - Modernização - Competitividade - Qualidade - Produtividade

Leia mais

Instalações Prediais Aula 2

Instalações Prediais Aula 2 Instalações Prediais Aula 2 Prof. Dr. Alexandre Marques Buttler Identificação Curso: Engenharia Civil Carga horária: 2 h/aula Ano letivo: 2011 Aula teórica: sexta (19:20 21:00) 2 CONTRATO DE TRABALHO Cll

Leia mais

Saiba como adequar sua edificação à NBR 15575/2013.

Saiba como adequar sua edificação à NBR 15575/2013. Ensaios de Desempenho. Saiba como adequar sua edificação à NBR 15575/2013. CONCREMAT INSPEÇÓES E LABORATÓRIOS. A Concremat Inspeções e laboratórios possui corpo de engenheiros e técnicos experientes em

Leia mais

PIT PROJETO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A NORMALIZAÇÃO

PIT PROJETO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A NORMALIZAÇÃO De 09 a 11 de junho de 2010 - Maceió - Alagoas PIT PROJETO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A NORMALIZAÇÃO Carlos Alberto de Moraes Borges carlos,borges@tarjab.com.br 10/06/2010 ABNT Associação Brasileira de

Leia mais

ALTERAÇÕES NO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE DE EMPRESAS DE SERVIÇOS E OBRAS SiAC PBQP-H

ALTERAÇÕES NO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE DE EMPRESAS DE SERVIÇOS E OBRAS SiAC PBQP-H ALTERAÇÕES NO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE DE EMPRESAS DE SERVIÇOS E OBRAS SiAC PBQP-H ESPECIALIDADES TÉCNICAS DO SiAC Execução de obras Subsetor obras de edificações; Subsetor obras de saneamento

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: INSTALAÇÕES PREDIAIS HIDRÁULICO-SANITÁRIAS CÓDIGO: EHR031 CLASSIFICAÇÃO: OBRIGATORIA PRÉ-REQUISITO: não tem CARGA HORÁRIA:

Leia mais

ponto de vista do projeto de Arquitetura Eng. Civil Davi Akkerman

ponto de vista do projeto de Arquitetura Eng. Civil Davi Akkerman Os requisitos de desempenho acústico do ponto de vista do projeto de Arquitetura Eng. Civil Davi Akkerman Ruídos internos e externos aos edifícios - DESEMPENHO ACÚSTICO - Normas técnicas 1) Normas Técnicas

Leia mais

Módulo 1 Visão Geral e Impactos da Nova Norma NB-1. Histórico do Processo de Revisão. Impactos da Nova NBR 6118

Módulo 1 Visão Geral e Impactos da Nova Norma NB-1. Histórico do Processo de Revisão. Impactos da Nova NBR 6118 NBR 6118 Visão Geral e Impactos da Nova Norma NB-1 P R O M O Ç Ã O Conteúdo Visão Geral da Norma Objetivos Referências Normativas Filosofia da Nova Norma Histórico do Processo de Revisão Depoimento Eng

Leia mais

NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO

NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO ESTAS NORMAS SÃO PRODUZIDAS E REVISADAS POR (ABNT) ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, ATRAVÉS DO COMITÊ BRASILEIRO Nº55 (CB 55) COM SEDE NA

Leia mais

ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas ABNT. Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Sinmetro)

ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas ABNT. Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Sinmetro) ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas Denise Peixoto de Araújo ABNT T Sistema Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Sinmetro) O que é Normalização? Normas x Regulamentos

Leia mais

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO OBJETIVO DA DISCIPLINA: Fornecer ao aluno as informações necessárias sobre a constituição,

Leia mais

A Experiência da MRV na Implantação da NBR 15575

A Experiência da MRV na Implantação da NBR 15575 RESULTADOS ADEQUAÇÃO DE PROCESSOS NORMA DE DESEMPENHO GRUPO MINAS GERAIS MRV ENGENHARIA E PARTICIPAÇÕES S/A A Experiência da MRV na Implantação da NBR 15575 REALIZAÇÃO Flávio Paulino de Andrade e Silva

Leia mais

Cobei. Comitê Brasileiro de Eletricidade, Eletrônica, Iluminação e Telecomunicações

Cobei. Comitê Brasileiro de Eletricidade, Eletrônica, Iluminação e Telecomunicações Cobei Comitê Brasileiro de Eletricidade, Eletrônica, Iluminação e Telecomunicações Av. Paulista, 1439, conjunto 114 São Paulo Capital Tel. 11-3371-5601 Email: cobei@cobei.org.br www.cobei.org.br José Sebastião

Leia mais

FIM DE TARDE 30/10. 7 PASSOS PARA ATENDER A ABNT NBR Edificações Habitacionais - Desempenho

FIM DE TARDE 30/10. 7 PASSOS PARA ATENDER A ABNT NBR Edificações Habitacionais - Desempenho FIM DE TARDE 30/10 7 PASSOS PARA ATENDER A ABNT NBR 15575 Edificações Habitacionais - Desempenho 1 PASSO: Conhecer a norma Associação brasileira de normas técnicas ABNT www.abnt.org.br 1 PASSO: Conhecer

Leia mais

PROGRAMA SETORIAL DA QUALIDADE DE PORTAS DE MADEIRA PARA EDIFICAÇÕES

PROGRAMA SETORIAL DA QUALIDADE DE PORTAS DE MADEIRA PARA EDIFICAÇÕES PROGRAMA SETORIAL DA QUALIDADE DE PORTAS DE MADEIRA PARA EDIFICAÇÕES O Programa Setorial da Qualidade de Portas de Madeira para Edificações (PSQ-PME), desenvolvido e coordenado pela Associação Brasileira

Leia mais

SUMÁRIO DE REVISÕES. Rev. Data DESCRIÇÃO E/OU ITENS REVISADOS

SUMÁRIO DE REVISÕES. Rev. Data DESCRIÇÃO E/OU ITENS REVISADOS PGSGA/09 Registros do SGA Página 1 de 7 SUMÁRIO DE REVISÕES Rev. Data DESCRIÇÃO E/OU ITENS REVISADOS 0 10/01/2014 Emissão original consolidando práticas adotadas no PSS, anteriormente não documentadas

Leia mais

Qualidade Ambiental ABNT. PROGRAMA ABNT DE ROTULAGEM AMBIENTAL - O Rótulo Colibri. Guy Ladvocat

Qualidade Ambiental ABNT. PROGRAMA ABNT DE ROTULAGEM AMBIENTAL - O Rótulo Colibri. Guy Ladvocat Qualidade Ambiental ABNT PROGRAMA ABNT DE ROTULAGEM AMBIENTAL - O Rótulo Colibri Guy Ladvocat ABNT Fundação em 1940; Entidade privada, sem fins lucrativos e considerada de utilidade pública; Único fórum

Leia mais

PROJETO DE CONFORMIDADE DE TELHAS DE AÇO ZINCADO ENG. MAURO CRUZ

PROJETO DE CONFORMIDADE DE TELHAS DE AÇO ZINCADO ENG. MAURO CRUZ PROJETO DE CONFORMIDADE DE TELHAS DE AÇO ZINCADO ENG. MAURO CRUZ PROJETO DE CONFORMIDADE DE TELHAS DE AÇO ZINCADO EQUIPE: Proponente: Executor: Co-executor: Intervenientes: FINANCIAMENTO: AÇÃO TRANSVERSAL

Leia mais

NORMALIZAÇÃO OPORTUNIDADES E DESAFIOS. Eng. Fernando Matos Gerente da Qualidade Instituto Aço Brasil

NORMALIZAÇÃO OPORTUNIDADES E DESAFIOS. Eng. Fernando Matos Gerente da Qualidade Instituto Aço Brasil NORMALIZAÇÃO OPORTUNIDADES E DESAFIOS Eng. Fernando Matos Gerente da Qualidade Instituto Aço Brasil Sumário Princípios e objetivos da Normalização Objetivos e estrutura do CB-28 Conceitos / terminologia

Leia mais

ASPECTOS DE DESEMPENHO DOS SISTEMAS DE REVESTIMENTOS DE FACHADAS. Enga. Célia Maria Martins Neves DESEMPENHO

ASPECTOS DE DESEMPENHO DOS SISTEMAS DE REVESTIMENTOS DE FACHADAS. Enga. Célia Maria Martins Neves DESEMPENHO ASPECTOS DE DESEMPENHO DOS SISTEMAS DE REVESTIMENTOS DE FACHADAS Enga. Célia Maria Martins Neves cneves@superig.com.br DESEMPENHO 1 70 80 90 materiais tradicionais mdo treinada no canteiro desafios localizados

Leia mais

ABNT NBR 16156:2013 Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos Requisitos para atividade de manufatura reversa

ABNT NBR 16156:2013 Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos Requisitos para atividade de manufatura reversa ABNT NBR 16156:2013 Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos Requisitos para atividade de manufatura reversa Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer CTI Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação

Leia mais

Qualificação de Mão de Obra da construção civil

Qualificação de Mão de Obra da construção civil Qualificação de Mão de Obra da construção civil Laura Marcellini Dir Técnica ABRAMAT Reunião do Sub Grupo de Mão de Obra do GT Segurança nas Edificações DECONCIC/FIESP 14/abr/2014 Dimensões do tema Recursos

Leia mais

Lacunas de conhecimento tecnológico para o desempenho de edificações residenciais Luis Carlos Bonin

Lacunas de conhecimento tecnológico para o desempenho de edificações residenciais Luis Carlos Bonin 18/junho/2015 Caesar Business Faria Lima São Paulo, SP Lacunas de conhecimento tecnológico para o desempenho de edificações residenciais Luis Carlos Bonin Esta apresentação mostra os resultados de um trabalho

Leia mais

56º CBC IBRACON SEMINÁRIO DAS NOVAS TECNOLOGIAS Natal, Prof. Dr. Enio Pazini Figueiredo Universidade Federal de Goiás

56º CBC IBRACON SEMINÁRIO DAS NOVAS TECNOLOGIAS Natal, Prof. Dr. Enio Pazini Figueiredo Universidade Federal de Goiás 56º CBC IBRACON SEMINÁRIO DAS NOVAS TECNOLOGIAS Natal, 2014 Prof. Dr. Enio Pazini Figueiredo Universidade Federal de Goiás Vigas jacarés e degraus pré-moldados do Maracanã INTRODUÇÃO DOS ASPECTOS AMBIENTAIS

Leia mais

1º Encontro Preparatório da Engenharia e Agronomia para o 8º Fórum Mundial da Água NORMAS TÉCNICAS ABNT

1º Encontro Preparatório da Engenharia e Agronomia para o 8º Fórum Mundial da Água NORMAS TÉCNICAS ABNT 1º Encontro Preparatório da Engenharia e Agronomia para o 8º Fórum Mundial da Água NORMAS TÉCNICAS ABNT Campinas, 23 de Março de 2017 Química Monica Betterelli Diretora de Qualidade da AESAS Associação

Leia mais

Normas ABNT em Consulta Pública, Publicadas, Confirmadas ou Canceladas 18 de Outubro à 04 de Novembro de2016

Normas ABNT em Consulta Pública, Publicadas, Confirmadas ou Canceladas 18 de Outubro à 04 de Novembro de2016 em, Publicadas, Confirmadas ou Canceladas ABNT/CEE-185 ABNT NBR 16569 _ Parede e laje de concreto celular estrutural moldada no local para a construção de edificações Projeto, execução e controle Requisitos

Leia mais

Sistemas de gestão da qualidade Requisitos

Sistemas de gestão da qualidade Requisitos NORMA BRASILEIRA ABNT NBR ISO 9001:2008 ERRATA 1 Publicada em 11.09.2009 Sistemas de gestão da qualidade Requisitos ERRATA 1 Esta Errata 1 da ABNT NBR ISO 9001:2008 foi elaborada no Comitê Brasileiro da

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE SUMÁRIO

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE SUMÁRIO MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE SUMÁRIO Biblioteca Paulo Freire ABNT NBR 6027:2012 Informação e documentação Sumário Apresentação Jaguariúna Sumário 1. Introdução 1 2. Objetivos 2 3. Definições 3 4. Localização

Leia mais

Normas da Gestão da Qualidade. Prof.ª Karla Handressa Castro de Oliveira

Normas da Gestão da Qualidade. Prof.ª Karla Handressa Castro de Oliveira Normas da Gestão da Qualidade Prof.ª Karla Handressa Castro de Oliveira O que é Normalização? São critérios estabelecidos entre as partes interessadas - técnicos, engenheiros, fabricantes, consumidores

Leia mais

Dosagens e aplicações de concretos estruturais de acordo com as classes de consistência da NBR 8953: de março de 2016

Dosagens e aplicações de concretos estruturais de acordo com as classes de consistência da NBR 8953: de março de 2016 Dosagens e aplicações de concretos estruturais de acordo com as classes de consistência da NBR 8953:2015 31 de março de 2016 O concreto dosado em central e a norma NBR 8953:2015 O CONCRETO E A NBR 8953:2015

Leia mais

Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT)

Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) Comissão de Estudo Especial de Informática em Saúde (CEE78-IS) GT4 Segurança da Informação e do Paciente 8ª Plenária CEE78IS 15/09/2015 APRESENTAÇÃO DO PROJETO

Leia mais

ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO

ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO 04 de junho de 2009 Realização: Carlos Alberto de Moraes Borges caborges@tarjab.com.br Estrutura da apresentação Normalização e o Sistema regulatório

Leia mais

Avaliação do desempenho térmico de Sistema Construtivo em Concreto de Alto Desempenho Estrutural Leve CADEX

Avaliação do desempenho térmico de Sistema Construtivo em Concreto de Alto Desempenho Estrutural Leve CADEX UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE ENGENHARIA DE SÃO CARLOS DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO Relatório Avaliação do desempenho térmico de Sistema Construtivo em Concreto de Alto Desempenho Estrutural

Leia mais

ProAcústica 24.Abril.13. Dia Internacional de Conscientização Sobre o Ruído

ProAcústica 24.Abril.13. Dia Internacional de Conscientização Sobre o Ruído As expectativas da nova norma no mercado imobiliário Eng. Carlos Alberto Moraes Borges NORMALIZAÇÃO Na ultima década, diversas norma quem implicam na acústica das edificações foram atualizadas, criadas,

Leia mais

ABNT NBR12655 Preparo, Controle, Recebimento e Aceitação do Concreto e sua interação com a

ABNT NBR12655 Preparo, Controle, Recebimento e Aceitação do Concreto e sua interação com a As Novas Normas (revisadas): ABNT NBR12655 Preparo, Controle, Recebimento e Aceitação do Concreto e sua interação com a ABNT NBR 7680 Concreto Extração, preparo, ensaio e analise de testemunhos de estruturas

Leia mais

PROC IBR EDIF /2014

PROC IBR EDIF /2014 INSTITUTO BRASILEIRO DE AUDITORIA DE OBRAS PÚBLICAS IBRAOP INSTITUTO RUI BARBOSA IRB / COMITÊ OBRAS PÚBLICAS PROC IBR EDIF 01.02.011/2014 01 - Fase Licitatória 01.02 - Análise das especificações, quantidades

Leia mais

CONCURSO II CONCURSO DO CONCRETO

CONCURSO II CONCURSO DO CONCRETO CONCURSO II CONCURSO DO CONCRETO REGULAMENTO 2013 a) Objetivos: O concurso compreende a elaboração de um corpo de prova de concreto a ser submetido ao ensaio de resistência à compressão axial e a elaboração

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA - UNIPAMPA Monitoramento de Acesso Norma: - Data:

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA - UNIPAMPA Monitoramento de Acesso Norma: - Data: ABNT Coletânea de Normas Técnicas - Ambiente de Trabalho:2011 1 0 0 ABNT Coletânea de Normas Técnicas - Ambiente de Trabalho:2013 8 12 0 ABNT Coletânea de Normas Técnicas - Edificações Habitacionais -

Leia mais

CONVENÇÃO OIT 170 Segurança na Utilização de Produtos Químicos no Trabalho

CONVENÇÃO OIT 170 Segurança na Utilização de Produtos Químicos no Trabalho SEMINÁRIO DE MEIO AMBIENTE CONVENÇÃO OIT 170 Segurança na Utilização de Produtos Químicos no Trabalho GERALDO FONTOURA BAYER S.A. 11 de junho de 2002 ROTEIRO A Organização Internacional do Trabalho - OIT

Leia mais

Instalações Hidráulicas e o Projeto de Arquitetura 9ª edição

Instalações Hidráulicas e o Projeto de Arquitetura 9ª edição Instalações Hidráulicas e o Projeto de Arquitetura 9ª edição PARTE I INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS PREDIAIS 1 ÁGUA FRIA Entrada e fornecimento de água fria Compartimento que abriga o cavalete Medição de água

Leia mais

Manual do Proprietário

Manual do Proprietário Manual do Proprietário INTRODUÇÃO Prezado Cliente, Este Manual do Proprietário foi elaborada com a finalidade de transmitir, no momento da compra de seu imóvel, todas as informações referentes a sua unidade,

Leia mais

Atualização do Processo BIM na Construção Brasileira Mario William Esper

Atualização do Processo BIM na Construção Brasileira Mario William Esper Atualização do Processo BIM na Construção Brasileira Mario William Esper Inserido na Política de Desenvolvimento Produtivo - 2009 O que é BIM? O BIM não é um programa, tão pouco uma tecnologia, mas sim

Leia mais

trabalho a seguir trata-se de um modelo da parte técnica de um edital de licitação para uma concorrência, tomada de preços ou carta

trabalho a seguir trata-se de um modelo da parte técnica de um edital de licitação para uma concorrência, tomada de preços ou carta O trabalho a seguir trata-se de um modelo da parte técnica de um edital de licitação para uma concorrência, tomada de preços ou carta convite para fornecimento de aduelas (galerias celulares), de concreto

Leia mais

AUDITORIAS DO SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE

AUDITORIAS DO SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PS 04 3 Gestão Diretor Administrativo 17/04/2017 1 1. OBJETIVO Sistematizar o processo de planejamento, realização e análise das Auditorias Internas do Sistema de Gestão da Qualidade. 2. APLICAÇÃO Todos

Leia mais

NBR 10151/00 Avaliação de ruídos em áreas habitadas visando o conforto da comunidade

NBR 10151/00 Avaliação de ruídos em áreas habitadas visando o conforto da comunidade http://smmaspbh.vilabol.uol.com.br/10151.htm NBR 10151/00 Avaliação de ruídos em áreas habitadas visando o conforto da comunidade JUN 2000 NBR 10151 Acústica - Avaliação do ruído em áreas habitadas, visando

Leia mais

IPR Instalações Prediais

IPR Instalações Prediais IPR Instalações Prediais Programa: Sistemas Prediais de Água Fria Sistemas Prediais de Esgoto Sanitário Professora Andreza Kalbusch Sistemas Prediais de Água Quente Sistemas Prediais de Águas Pluviais

Leia mais

ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS

ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS NBR NORMA BRASILEIRA REGISTRADA NO INMETRO A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é reconhecida como único Foro Nacional de Normalização, responsável

Leia mais

Avaliação do Ruído em Zona Habitacional causado por Serralheria no Jardim Aeroporto em Ilha Solteira - SP

Avaliação do Ruído em Zona Habitacional causado por Serralheria no Jardim Aeroporto em Ilha Solteira - SP Laudo Técnico Avaliação do Ruído em Zona Habitacional causado por Serralheria no Jardim Aeroporto em Ilha Solteira - SP 1. INTRODUÇÃO O presente trabalho realiza-se em cumprimento ao requisito determinado

Leia mais

Assistência Técnica Predial Registro e Revisão: 01 Acionamento Página: 1/7

Assistência Técnica Predial Registro e Revisão: 01 Acionamento Página: 1/7 PROCEDIMENTO ÁREA OPERACIONAL PR-69-980-CPG-012 Assistência Técnica Predial Registro e Revisão: 01 Acionamento Página: 1/7 1. OBJETIVO Destina-se este Procedimento a definir as ações de registro, acionamento,

Leia mais

Entidade Setorial Nacional Mantenedora

Entidade Setorial Nacional Mantenedora Entidade Setorial Nacional Mantenedora ASFAMAS-IP - Associação Brasileira dos Fabricantes de Materiais para Saneamento - Grupo Setorial Instalações Prediais R. General Furtado Nascimento, 684 conj. 64

Leia mais

ABNT NBR 6118:2014 Considerações sobre a nova norma. Suely B. Bueno / Alio E. Kimura

ABNT NBR 6118:2014 Considerações sobre a nova norma. Suely B. Bueno / Alio E. Kimura ABNT NBR 6118:2014 Considerações sobre a nova norma Suely B. Bueno / Alio E. Kimura DE 1940 ATÉ 2014 São 74 anos Velha Senhora Muita coisa mudou NB-1 DE 1940 ATÉ 2014 Herança Passado e presente se misturam

Leia mais

Sextante Ltda. Rua da Assembléia, 10 sala 1817 Rio de Janeiro RJ (21) Programa Setorial da Qualidade

Sextante Ltda. Rua da Assembléia, 10 sala 1817 Rio de Janeiro RJ (21) Programa Setorial da Qualidade Av. Marechal Câmara, 160 grupo 632 - Centro - Rio de Janeiro, RJ CEP: 20020-080 Tel.: (21) 2262-3882 Fax: (21) 2533-1872 E-mail: abitam@abitam.com.br www.abitam.com.br Sextante Ltda Rua da Assembléia,

Leia mais

EDITAL Nº. 10:2014. Período de 01 de outubro a 31 de outubro de 2014 PROJETOS DE NORMA BRASILEIRA

EDITAL Nº. 10:2014. Período de 01 de outubro a 31 de outubro de 2014 PROJETOS DE NORMA BRASILEIRA EDITAL Nº. 10:2014 Período de 01 de outubro a 31 de outubro de 2014 PROJETOS DE NORMA BRASILEIRA Os Projetos de Norma da ABNT podem ser visualizados e impressos pelo site www.abnt.org.br/consultanacional

Leia mais

Unidade II ADMNISTRAÇÃO INTEGRADA. Prof. Flavio Martin

Unidade II ADMNISTRAÇÃO INTEGRADA. Prof. Flavio Martin Unidade II ADMNISTRAÇÃO INTEGRADA Prof. Flavio Martin Objetivos da unidade Importância da adoção de mecanismos de padronização. Conhecimento das normas dos sistemas de gestão. família ISO 9000 família

Leia mais

MONITORAMENTO DE NORMALIZAÇÃO AGOSTO/2012

MONITORAMENTO DE NORMALIZAÇÃO AGOSTO/2012 1. NORMALIZAÇÃO ABNT ABNT/CB-02 - COMITÊ BRASILEIRO DA CONSTRUÇÃO CIVIL ABNT NBR 15575 Edifícios habitacionais Desempenho. A ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) abriu consulta pública nacional

Leia mais

Instalações Elétricas de Sistemas Fotovoltaicos

Instalações Elétricas de Sistemas Fotovoltaicos Centro de Pesquisas de Energia Elétrica Instalações Elétricas de Sistemas Fotovoltaicos 22/set/15 Workshop USP/Abinee - A qualificação profissional e formação de mão de obra para atendimento da demanda

Leia mais

A visão da ANTF na normalização do CB06/ABNT

A visão da ANTF na normalização do CB06/ABNT Mário Machado Barcellos Consultor Técnico da ANTF Juiz de Fora, 28 de outubro de 2011 A visão da ANTF na normalização do CB06/ABNT www.antf.org.br Associadas ANTF Malhas Sul, Oeste, Norte e Paulista www.all-logistica.com

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO 008/14

RELATÓRIO TÉCNICO 008/14 SPE FASHION CITY RUÍDO AMBIENTAL R.T 008/14 PÁG. 1/21 RELATÓRIO TÉCNICO 008/14 RUÍDO AMBIENTAL NATUREZA DO TRABALHO: AVALIAÇÃO DOS NÍVEIS DE PRESSÃO SONORA CLIENTE: SPE FASHION CITY BRASIL S/A RODOVIA:

Leia mais

REALIZAR AÇÕES DE ERGONOMIA HISTÓRICO DE REVISÕES. Elaborado por: Renata Mendes da Silva. Próxima revisão: após 1 ano da ultima aprovação

REALIZAR AÇÕES DE ERGONOMIA HISTÓRICO DE REVISÕES. Elaborado por: Renata Mendes da Silva. Próxima revisão: após 1 ano da ultima aprovação REALIZAR AÇÕES DE ERGONOMIA HISTÓRICO DE REVISÕES Data Revisão Descrição da Revisão 00 Emissão Inicial 11/09/2012 01 05/06/2013 02 Alteração dos itens: 6.1; 6.34; Inclusão de atividades no item 6 (do 6.19

Leia mais

GUIA NACIONAL PARA A ELABORAÇÃO DO MANUAL DE USO E OPERAÇÃO DAS EDIFICAÇÕES COMAT/CBIC

GUIA NACIONAL PARA A ELABORAÇÃO DO MANUAL DE USO E OPERAÇÃO DAS EDIFICAÇÕES COMAT/CBIC GUIA NACIONAL PARA A ELABORAÇÃO DO MANUAL DE USO E OPERAÇÃO DAS EDIFICAÇÕES COMAT/CBIC Data: 23/maio/2014 COMAT GT ACOMPANHAMENTO DE NORMAS Coordenação Geral - José Carlos Martins Vice Presidente da CBIC

Leia mais

ISO IEC. Normas Regionais MERCOSUL CEN COPANT. Normas Nacionais ABNT, BSI, AFNOR, DIN, JISE. Normas internas das empresas

ISO IEC. Normas Regionais MERCOSUL CEN COPANT. Normas Nacionais ABNT, BSI, AFNOR, DIN, JISE. Normas internas das empresas Aula 03 : Norma NBR ISO 9001 Ghislaine Miranda Bonduelle NORMALIZAÇÃO DA QUALIDADE ISO IEC Internacional Normas Regionais MERCOSUL CEN COPANT Regional Normas Nacionais ABNT, BSI, AFNOR, DIN, JISE Nacional

Leia mais

HORÁRIO º Período - Turma: 06011A

HORÁRIO º Período - Turma: 06011A HORÁRIO 2016.1 MANHÃ 1º Período - Turma: 06011A Geometria Gráfica Geometria Gráfica Geometria Gráfica Desenho Artístico História das Artes Desenho Artístico História das Artes Desenho Artístico História

Leia mais

Módulo 2. Requisitos Legais Identificação da Legislação Aplicável Requisito da norma ISO Exercícios.

Módulo 2. Requisitos Legais Identificação da Legislação Aplicável Requisito da norma ISO Exercícios. Módulo 2 Requisitos Legais 2.1. Identificação da Legislação Aplicável. 2.2. Requisito 4.3.1. da norma ISO 14001. Exercícios. 2.1. Identificação da Legislação Aplicável Aspectos e Impactos Ambientais Identificação

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA Biblioteca Paulo Freire ABNT NBR 15287:2011 Informação e documentação Projeto de pesquisa Apresentação Jaguariúna SUMÁRIO 1. Introdução 1 2. Objetivo 2 3.

Leia mais

Materiais de Construção II TC 031

Materiais de Construção II TC 031 Materiais de Construção II TC 031 Normalização Prof. Marcelo Medeiros Adaptado pela prof.a Laila Valduga Artigas 1 Normas e responsabilidades para engenheiros: Hammurabi, rei da Babilônia 1.800 AC, escreveu

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 187

Norma Técnica SABESP NTS 187 Norma Técnica SABESP NTS 187 Tubos e conexões de PVC Exigências de desempenho complementares à NBR 5647-1, NBR 5648, NBR 5685, NBR 7362-1 e NBR 7665 Especificação São Paulo Abril - 2014 - revisão 1 NTS

Leia mais

CBIC Projeto de Inovação Tecnológica / 2010

CBIC Projeto de Inovação Tecnológica / 2010 CBIC Projeto de Inovação Tecnológica / 2010 MODULO 4 - CÓDIGO DE OBRAS NACIONAL Contribuições AsBEA Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (Fase preliminar das questões a serem abordadas)

Leia mais

Leitura e Interpretação de Desenho Técnico Mecânico. Módulo I. Aula 01

Leitura e Interpretação de Desenho Técnico Mecânico. Módulo I. Aula 01 Leitura e Interpretação de Desenho Técnico Mecânico Módulo I Aula 01 Introdução O homem se comunica por vários meios. Os mais importantes são a fala, a escrita e o desenho. O desenho artístico é uma forma

Leia mais

Workshop CAIXA-CBIC Análise Compartilhada da Norma de Desempenho. Ana Paula M. Menegazzo Alais Coluchi

Workshop CAIXA-CBIC Análise Compartilhada da Norma de Desempenho. Ana Paula M. Menegazzo Alais Coluchi Workshop CAIXA-CBIC Análise Compartilhada da Norma de Desempenho Ana Paula M. Menegazzo Alais Coluchi SETOR DE PLACAS CERÂMICAS PARA REVESTIMENTO A favor da publicação da ABNT NBR 15575 Alguns ajustes

Leia mais

Esse é o nosso negócio. A INFORMAÇÃO DE QUE VOCÊ PRECISA. NEM MAIS, NEM MENOS.

Esse é o nosso negócio. A INFORMAÇÃO DE QUE VOCÊ PRECISA. NEM MAIS, NEM MENOS. Esse é o nosso negócio. A INFORMAÇÃO DE QUE VOCÊ PRECISA. NEM MAIS, NEM MENOS. Novas demandas de mercado exigem que modelos técnicos consagrados sejam incorporadas a novas tecnologias, novos conhecimentos

Leia mais

INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS PREDIAIS

INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS PREDIAIS INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS PREDIAIS AULA 01 Prof. Guilherme Nanni prof.guilherme@feitep.edu.br 7º Semestre Engenharia civil INST. HIDRÁULICAS AULA 01 7 semestre - Engenharia Civil EMENTA Elaborar projetos

Leia mais

ABNT NBR 7680:2015 Concreto Extração, preparo, ensaio e análise de testemunhos de estruturas de concreto Parte 1: Resistência à compressão

ABNT NBR 7680:2015 Concreto Extração, preparo, ensaio e análise de testemunhos de estruturas de concreto Parte 1: Resistência à compressão ABNT NBR 7680:2015 Concreto Extração, preparo, ensaio e análise de testemunhos de estruturas de concreto Parte 1: Resistência à compressão Eng.º Felipe C. Bungenstab, M.Sc. Brascontec Engenharia e Tecnologia

Leia mais

MATERIAS DE CONSTRUÇÃO 1 NOÇÕES GERAIS, IMPORTÂNCIA, QUALIDADE, HISTÓRICO E NORMALIZAÇÃO

MATERIAS DE CONSTRUÇÃO 1 NOÇÕES GERAIS, IMPORTÂNCIA, QUALIDADE, HISTÓRICO E NORMALIZAÇÃO MATERIAS DE CONSTRUÇÃO 1 NOÇÕES GERAIS, IMPORTÂNCIA, QUALIDADE, HISTÓRICO E NORMALIZAÇÃO QUESTÕES A SEREM DISCUTIDAS QUESTÃO 1 QUAL A IMPORTÂNCIA DAS DISCIPLINAS DE CUNHO DESCRITO EM COMPARAÇÃO AOS MATERIAS

Leia mais

A Nova NBR Preparo, Controle e Recebimento de Concreto, com Foco na Durabilidade

A Nova NBR Preparo, Controle e Recebimento de Concreto, com Foco na Durabilidade A Nova NBR 12655 Preparo, Controle e Recebimento de Concreto, com Foco na Durabilidade Enga. Inês Laranjeira da Silva Battagin Superintendente do ABNT/CB-18 A Nova NBR 12655:2006 Principal exigência para

Leia mais

PLANO DE RELACIONAMENTO NTO COM OS AGENTES PARA DESENVOLVIMENTO DE TEMAS RELACIONADOS À PREVISÃO E ACOMPANHAMENTO DA CARGA - CRIAÇÃO DE COMISSÃO

PLANO DE RELACIONAMENTO NTO COM OS AGENTES PARA DESENVOLVIMENTO DE TEMAS RELACIONADOS À PREVISÃO E ACOMPANHAMENTO DA CARGA - CRIAÇÃO DE COMISSÃO PLANO DE RELACIONAMENTO NTO COM OS AGENTES PARA DESENVOLVIMENTO DE TEMAS RELACIONADOS À PREVISÃO E ACOMPANHAMENTO DA CARGA - CRIAÇÃO DE COMISSÃO DE ESTUDOS DE PREVISÃO E ACOMPANHAMENTO DA CARGA - CEPAC

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS DA DISTRIBUIÇÃO

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS DA DISTRIBUIÇÃO EMD -.001 1/8 Fotos meramente ilustrativas, para aquisição EMD -.001 2/8 NTD CÓDIGO CEB-D DESCRIÇÃO 4.17 E 4.12 1 OBJETIVO 12095161 121162 Detetor de tensão por contato para baixa tensão BT para utilização

Leia mais

PO - Procedimento Operacional Revisão: 02 Folha: 1 de 6

PO - Procedimento Operacional Revisão: 02 Folha: 1 de 6 PO - Procedimento Operacional Revisão: 02 Folha: 1 de 6 1. OBJETIVO Orientar a condução dos processos de de forma a garantir a uniformidade e eficiência dos procedimentos, ferramentas e técnicas utilizadas,

Leia mais

Lançamento. Manual para Contratação de Projetos para o Desempenho de Edificações Habitacionais

Lançamento. Manual para Contratação de Projetos para o Desempenho de Edificações Habitacionais Lançamento Manual para Contratação de Projetos para o Desempenho de Edificações Habitacionais Manual para Contratação de Projetos para o Desempenho de Edificações Habitacionais Processo de Projeto para

Leia mais

Sistema de Gestão do Processo de Certificação ABNT (CERTO) Guia do Auditor

Sistema de Gestão do Processo de Certificação ABNT (CERTO) Guia do Auditor Pag. Nº 1/23 SUMÁRIO 1 Comentários Gerais 2 Login 3 Segurança do Sistema 4 Área Principal 5 Ferramentas de comunicação 6 Solicitação de serviço: identificação da auditoria 7 Solicitação de serviço: documentos

Leia mais

Dicas Acadêmicas. Elaboração de Trabalhos Acadêmicos Normas ABNT

Dicas Acadêmicas. Elaboração de Trabalhos Acadêmicos Normas ABNT Dicas Acadêmicas Elaboração de Trabalhos Acadêmicos Normas ABNT ABNT Fundada em 1940, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é o órgão responsável pela normalização técnica no país, fornecendo

Leia mais

Texto base: XXXXXXXXXXXXXXXXX

Texto base: XXXXXXXXXXXXXXXXX revisão e unificação da NBR 5626 e NBR 7198 Sistemas prediais de água fria e água quente Procedimento PRINCIPAIS INOVAÇÕES NO PROJETO DE NORMA Engº MSc Sérgio Frederico Gnipper Secretário da Comissão de

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DE DESEMPENHO EM EMPREENDIMENTOS DE HIS

ESPECIFICAÇÕES DE DESEMPENHO EM EMPREENDIMENTOS DE HIS ESPECIFICAÇÕES DE DESEMPENHO EM EMPREENDIMENTOS DE HIS 2.1 Diretrizes gerais de projeto para atender aos requisitos de desempenho 2.1.1 Segurança no uso e operação 2.1.2 Segurança contra

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE DEFINIÇÕES / RESUMO. Apostilas de NORMAS, disponíveis no site do professor. Prof. Celso Candido ADS / REDES / ENGENHARIA

QUALIDADE DE SOFTWARE DEFINIÇÕES / RESUMO. Apostilas de NORMAS, disponíveis no site do professor. Prof. Celso Candido ADS / REDES / ENGENHARIA DEFINIÇÕES / RESUMO Apostilas de NORMAS, disponíveis no site do professor. 1 NORMAS VISÃO GERAL Qualidade é estar em conformidade com os requisitos dos clientes; Qualidade é antecipar e satisfazer os desejos

Leia mais

PA.06/201.95/11597/00

PA.06/201.95/11597/00 EQUIPE DE APOIO TÉCNICO ESPECIALIDADE PROFISSIONAL CREA/ CAU RUBRICA Arquitetura e Urbanismo Arq. Márcia Soldera CAU 54.2403 Christine Borges Reffatti (estagiária) REV MODIFICAÇÃO DATA PROJETISTA DESENHISTA

Leia mais

ggg A Dois Dez conta com anos de experiência na fabricação, fornecimento e instalação de diversos sistemas para trabalho em altura.

ggg A Dois Dez conta com anos de experiência na fabricação, fornecimento e instalação de diversos sistemas para trabalho em altura. ggg A Dois Dez conta com anos de experiência na fabricação, fornecimento e instalação de diversos sistemas para trabalho em altura. Desenvolvemos este artigo para ajudar você a entender mais sobre nosso

Leia mais

MONITORAMENTO DE NORMALIZAÇÃO FEVEREIRO

MONITORAMENTO DE NORMALIZAÇÃO FEVEREIRO 1) ABNT/CB-02 - COMITÊ BRASILEIRO DA CONSTRUÇÃO CIVIL ABNT NBR 5476 - Requisitos para o sistema de gestão de manutenção. Reunião 17 de fevereiro Houve uma mudança no escopo onde se define a necessidade

Leia mais

EDITAL Nº. 04:2011. Período de 01 de Abril de 2011 a 30 de Abril de 2011 PROJETOS DE NORMA BRASILEIRA

EDITAL Nº. 04:2011. Período de 01 de Abril de 2011 a 30 de Abril de 2011 PROJETOS DE NORMA BRASILEIRA EDITAL Nº. 04:2011 Período de 01 de Abril de 2011 a 30 de Abril de 2011 PROJETOS DE NORMA BRASILEIRA Os Projetos de Norma da ABNT podem ser visualizados e impressos pelo site www.abnt.org.br/consultanacional

Leia mais

Sistemas de Medição Individualizada em Edifícios

Sistemas de Medição Individualizada em Edifícios 03/02/20 2 o Seminário Uso Racional da Água e Habitação de Interesse Social no Estado de São Paulo Sistemas de Medição Individualizada em Edifícios Lúcia Helena de Oliveira agosto/200 Sistemas de Medição

Leia mais

ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO FICHA CATALOGRÁFICA-5 DATA: DEZEMBRO/2010.

ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO FICHA CATALOGRÁFICA-5 DATA: DEZEMBRO/2010. Tecnologias, sistemas construtivos e tipologias para habitações de interesse social em reassentamentos. ALVENARIA ESTRUTURAL COM BLOCOS DE CONCRETO FICHA CATALOGRÁFICA-5 DATA: DEZEMBRO/2010. Tecnologias,

Leia mais

A SUSTENTABILIDADE E A NORMALIZAÇÃO Enga. Inês Laranjeira da Silva Battagin Superintendente do ABNT/CB-18

A SUSTENTABILIDADE E A NORMALIZAÇÃO Enga. Inês Laranjeira da Silva Battagin Superintendente do ABNT/CB-18 Pré-Fabricação: O Contexto Habitacional e a Sustentabilidade A SUSTENTABILIDADE E A NORMALIZAÇÃO Enga. Inês Laranjeira da Silva Battagin Superintendente do ABNT/CB-18 27 de agosto de 2009 ISO = International

Leia mais

PARÂMETROS PARA QUALIDADE ACÚSTICA NAS EDIFICAÇÕES CONFORME NBR

PARÂMETROS PARA QUALIDADE ACÚSTICA NAS EDIFICAÇÕES CONFORME NBR EMPRESA NBR 15.575 DESEMPENHO ACÚSTICO PROJETO ACÚSTICO EXECUÇÃO PARÂMETROS PARA QUALIDADE ACÚSTICA NAS EDIFICAÇÕES CONFORME NBR 15.575 EMPRESA NBR 15.575 DESEMPENHO ACÚSTICO PROJETO ACÚSTICO EXECUÇÃO

Leia mais

ATENGE. Mais confiabilidade para o seu Sistema Elétrico. Serviços em Cabines Elétricas e Subestações de Alta, Média e Baixa Tensão ATENGE

ATENGE. Mais confiabilidade para o seu Sistema Elétrico. Serviços em Cabines Elétricas e Subestações de Alta, Média e Baixa Tensão ATENGE www.atenge.com Serviços em Cabines Elétricas e Subestações de Alta, Média e Baixa Tensão ATENGE Serviço Especializado de Manutenção Elétrica SOROCABA SÃO PAULO - BRASIL ATENGE Mais confiabilidade para

Leia mais