LIÇÃO 13 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LIÇÃO 13 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA"

Transcrição

1 INTRODUÇÃO - Concluindo o estudo deste trimestre sobre evangelização, estudaremos a necessária integralidade desta atividade mais importante, da razão de ser da igreja. - A evangelização tem de ser integral.

2 I A INTEGRALIDADE DA EVANGELIZAÇÃ0 NA MATÉRIA (CONTEÚDO) - O que seria evangelização integral? O Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa diz que integral é que não sofreu diminuição ou restrição; total, completo; a que não falta nada essencial; inteiro; básico para o completamento; integrante, constituinte; que se apresenta com todos os seus componentes e propriedades originais. - Evangelização integral é aquela que não esquece qualquer aspecto, que apresenta todos os elementos que têm de estar presentes, todos os fatores que se encontram nas Escrituras, que são as fiéis testemunhas de Cristo Jesus (Jo.5:39), nossa única regra de fé e prática.

3 - A evangelização integral precisa abranger todo o conteúdo da mensagem que foi pregada pelo Senhor Jesus, pois foi Ele quem mandou que pregássemos o Evangelho e este Evangelho precisa seguir a própria pregação efetuada pelo Senhor, pregação iniciada após a prisão de João Batista (Mc.1:14,15). - O evangelho pregado pelo Senhor Jesus dizia: O tempo está cumprido e o reino de Deus está próximo. Arrependei-vos e crede no Evangelho.

4 - O Evangelho precisa, por primeiro, centrar-se na questão da salvação na pessoa de Cristo Jesus, deve ser a mensagem de que o homem é pecador e que precisa de Jesus para se libertar do pecado e entrar em comunhão com Deus, alcançando a vida eterna. - Pregar o Evangelho é, por primeiro, pregar o arrependimento e remissão dos pecados. Não é por outro motivo que os pioneiros das Assembleias de Deus em nosso país começavam a dizer que Jesus salva.

5 - A pregação do Evangelho não se limita à esta importantíssima mensagem, pois, enquanto Jesus pregava esta mensagem, Ele também fazia bem e curava a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com Ele (At.10:38). - O Evangelho abrange dois elementos importantes, quais sejam: o fazer bem e o curar os oprimidos do diabo, ou seja, a ação social e a presença de sinais, prodígios e maravilhas.

6 - Pregar o Evangelho é dizer que Jesus salva, mas temos de provar a salvação na pessoa de Cristo Jesus pela prática de boas obras, pois uma fé sem obras é morta em si mesmo (Tg.2:17). - O apóstolo Paulo, que disse ter sido chamado para evangelizar (I Co.1:17), praticava ação social (Rm.15:16; I Co.16:1-3; II Co.8 e 9), prova de que faz parte da evangelização esta ação em favor dos mais necessitados.

7 - A evangelização deve ser acompanhada da expressão deste amor divino que dizemos ter vindo salvar a humanidade, expressão esta que se dá pela prática de boas obras pelos que estão a evangelizar, pela Igreja. - A ação social pode tanto ser um meio para a evangelização como consequência do evangelismo. A ação social não só ajuda os evangelizados para contribui para a mudança do modo de viver da sociedade, que a torne mais próxima dos princípios divinos.

8 - Além da ação social, a evangelização integral tem de também trazer a cura a todos os oprimidos do diabo, ou seja, é preciso que a proclamação da mensagem da salvação não se resuma a palavras tão somente, mas que a Palavra seja confirmada com sinais, prodígios e maravilhas, pois os sinais seguem os que creem ( (Mc.16:17). - O Senhor Jesus não apenas pregava o Evangelho, mas o confirmava com a realização de curas de enfermidades, expulsão de demônios e realização de maravilhas Não é por outro motivo que os pioneiros das Assembleias de Deus, depois de dizerem que Jesus salva, também afirmavam que Jesus cura.

9 - A evangelização integral ainda abrange um outro aspecto na matéria, que é o discipulado. Evangelizar não é apenas levar o conhecimento da salvação na pessoa de Jesus Cristo às pessoas, levando-as ao arrependimento dos pecados e à confissão de que Jesus é o único e suficiente Senhor e Salvador, mas, também, envolve o ensino dos rudimentos da doutrina cristã, as bases da Palavra de Deus, a fim de que o evangelizado que recebeu a salvação possa superar a condição de recém-nascido e ter condições de, com suas próprias pernas, prosseguir no crescimento espiritual, até atingir a maturidade espiritual. - Jesus Cristo não apenas pregava o Evangelho, mas também ensinava os discípulos (At.1:1), desvendando-lhes os mistérios do reino dos céus (Mt.13:11). Assim, também fizeram os discípulos (At.5:42), anunciando a Jesus, mas também não cessando de ensinar os que recebiam a fé.

10 - Não basta, portanto, que a Igreja pregue o Evangelho, ou seja, proclame a Palavra de Deus, mas é preciso, também, que a Igreja ensine as nações, faça discípulos. - Não se pode ter igreja sem que se tenham discípulos, ou seja, sem que se tenham aprendizes, alunos do Senhor Jesus.

11 - O discipulado nada mais é que ensinar a Palavra de Deus aos novos convertidos, àqueles que aceitaram a Cristo como seu único e suficiente Senhor e Salvador de suas vidas e fazer com que eles, que foram escolhidos por Deus, possam viver de tal maneira que deem o fruto do Espírito, ou seja, tenham um novo caráter, uma nova maneira de viver. - Discipulado, portanto, é esta tarefa de ensinar a Palavra de Deus aos salvos, a fim de que eles se pareçam cada vez mais com o Senhor Jesus, para que eles se tornem cada dia mais parecidos com Jesus.

12 II A INTEGRALIDADE DA EVANGELIZAÇÃO NA FORMA - A evangelização deve se dar de três maneiras fundamentais: o evangelismo pessoal, o evangelismo em massa e o evangelismo por alistamento. a) evangelismo pessoal evangeliza-se individualmente, uma determinada pessoa; b) evangelização em massa ou evangelismo impessoal evangelização de um conjunto de pessoas, a propagação da mensagem do Evangelho a uma massa ; c) evangelismo de alistamento, pedagógico ou pela educação o uso de atividades de ensino, como a Escola Bíblica Dominical, para dar conhecimento da mensagem da salvação às pessoas inconversas.

13 - Além dos métodos de evangelização, a questão da integralidade na forma também envolve a questão espacial, ou seja, a evangelização deve ser feita tanto no local onde está a igreja, como também em outras regiões e até mesmo em outros países. - O Senhor Jesus, na Grande Comissão, disse que o Evangelho deveria ser pregado por todo o mundo, a toda criatura (Mc.16:15), tendo afirmado que todas as nações deveriam ser alcançadas (Mt.28:19; Lc.24:47), tendo, pouco antes de ascender aos céus, reforçado esta ordem, ao dizer que os discípulos deveriam ser testemunhas Suas tanto em Jerusalém, como Judeia e Samaria, até os confins da terra (At.1:8).

14 - A igreja local deve evangelizar a localidade onde se encontra, mas, também, deve enviar missionários ou contribuir para o trabalho de missionários enviados por outras igrejas locais em seu próprio país (Judeia), em segmentos marginalizados e de difícil alcance na sociedade (Samaria) e em outros países e culturas (confins da Terra). - A igreja local deve ter uma secretaria de missões que coordene este envio de missionários ou contribuição a missionários enviados, contribuição que não é apenas material com dinheiro e serviços, mas, também, de intercessão, com oração e jejum, inclusive em relação à chamada Igreja perseguida.

15 III A INTEGRALIDADE DA EVANGELIZAÇÃO NA EFICIÊNCIA E NA FINALIDADE - A evangelização integral deve ser feita mediante a ação do Espírito Santo na vida do evangelizador, pois, para evangelizar, é preciso que alguém seja, antes de mais nada, salvo, convencido pelo Espírito Santo do pecado, da justiça e do juízo, que creia em Cristo Jesus e, mais do que isto, que, para que a eficácia da evangelização seja plena, haja o revestimento de poder, o batismo com o Espírito Santo. - A evangelização integral exige uma atitude de santificação, de busca do conhecimento das Escrituras e do poder de Deus, um avivamento contínuo por parte da igreja local. Não é por outro motivo que os pioneiros das Assembleias de Deus, depois de dizer que Jesus salva e cura, também afirmavam que Jesus batiza com o Espírito Santo.

16 - A evangelização integral exige que o anúncio do Evangelho tenha, por finalidade, fazer com que as demais pessoas tenham a mesma esperança da glória de Deus, a expectativa de adentrarem nas mansões celestiais. - A evangelização deve ter por finalidade preparar as pessoas para a glória celestial, fazer-lhes enxergar que, além desta existência terrena, existe uma eternidade que pode ser vivida com Deus, nas mansões celestiais. Não é por outro motivo que os pioneiros das Assembleias de Deus, depois de dizerem que Jesus salva, que Jesus cura e que Jesus batiza com o Espírito Santo, também não cessavam de afirmar que Jesus brevemente voltará.

INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura.

INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. INTRODUÇÃO AO TRIMESTRE - Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. - A Igreja foi criada para dar seguimento ao ministério

Leia mais

evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura.

evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. O Trimestre temático O desafio da evangelização obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura. O A Igreja foi criada para dar seguimento ao ministério terreno do Nosso Senhor

Leia mais

3º Trimestre de 2016: O DESAFIO DA EVANGELIZAÇÃO Obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura

3º Trimestre de 2016: O DESAFIO DA EVANGELIZAÇÃO Obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura PORTAL ESCOLA DOMINICAL 3º Trimestre de 2016 - CPAD O DESAFIO DA EVANGELIZAÇÃO Obedecendo ao ide do Senhor Jesus de levar as boas novas a toda criatura Comentários da revista da CPAD: Claudionor Correa

Leia mais

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI)

A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) A REVELAÇÃO E A MISSÃO DE DEUS (MISSIO DEI) Teologia Bíblica da Missão de Deus RELEMBRAR A MISSÃO NOS EVANGELHOS 1. Jesus Cristo homem é o exemplo padrão para o exercício da Missão de Deus (intimidade

Leia mais

Qual é o Evangelho Completo?

Qual é o Evangelho Completo? Qual é o Evangelho Completo? "Evangelho" significa boa notícia! Cristo é a Boa Nova de Deus para o homem. Assim, Cristo é o Evangelho. O anúncio de Cristo plenamente com todas as Suas bênçãos é mensagem

Leia mais

INTRODUÇÃO - O ganhador de almas tem de preencher alguns requisitos para realizar seu trabalho de evangelização.

INTRODUÇÃO - O ganhador de almas tem de preencher alguns requisitos para realizar seu trabalho de evangelização. INTRODUÇÃO - O ganhador de almas tem de preencher alguns requisitos para realizar seu trabalho de evangelização. - O trabalho de ganhar almas é de iniciativa divina e somente quem tem comunhão com o Senhor

Leia mais

Esboço n 013 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA

Esboço n 013 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA INTRODUÇÃO Escola Bíblica Dominical Igreja Apostólica Verdade e Vida Esboço n 013 A EVANGELIZAÇÃO INTEGRAL NESTA ÚLTIMA HORA Na lição passada foi encerrado o 3 e penúltimo bloco desse trimestre que tratou

Leia mais

Romanos, Paulo diz qual a motivação que o levou a escrever a epístola à igreja em Roma. visando evangelizar o ocidente do Império Romano.

Romanos, Paulo diz qual a motivação que o levou a escrever a epístola à igreja em Roma. visando evangelizar o ocidente do Império Romano. O No capítulo 15 da carta aos Romanos, Paulo diz qual a motivação que o levou a escrever a epístola à igreja em Roma. O Paulo escreve a carta aos Romanos visando evangelizar o ocidente do Império Romano.

Leia mais

INTRODUÇÃO - A salvação do homem por Cristo Jesus era um mistério que só foi plenamente revelado com a encarnação do Verbo.

INTRODUÇÃO - A salvação do homem por Cristo Jesus era um mistério que só foi plenamente revelado com a encarnação do Verbo. INTRODUÇÃO - A salvação do homem por Cristo Jesus era um mistério que só foi plenamente revelado com a encarnação do Verbo. - O primeiro a pregar o evangelho ao homem foi o próprio Deus no Éden. I O PROTOEVANGELHO

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE AULA 6: SOTERIOLOGIA Baseado em Jeremias 9: 24, a Igreja Pentecostal Deus é Amor oferece a você, obreiro, a oportunidade aprofundar seu conhecimento na palavra de Deus

Leia mais

OA salvação do homem por Cristo Jesus era um mistério que só foi plenamente revelado com a encarnação do Verbo.

OA salvação do homem por Cristo Jesus era um mistério que só foi plenamente revelado com a encarnação do Verbo. OA salvação do homem por Cristo Jesus era um mistério que só foi plenamente revelado com a encarnação do Verbo. OO primeiro a pregar o evangelho ao homem foi o próprio Deus no Éden. www.portalebd.org.br

Leia mais

evangelho de Jesus Cristo revelado na carta aos Romanos

evangelho de Jesus Cristo revelado na carta aos Romanos O Tema do trimestre: Maravilhosa graça O evangelho de Jesus Cristo revelado na carta aos Romanos O Estudo da epístola de Paulo aos Romanos, um dos livros mais analisados na história da Igreja (Agostinho,

Leia mais

O Reino de Deus. Estudo Bíblico e Sistemático

O Reino de Deus. Estudo Bíblico e Sistemático O Reino de Deus Estudo Bíblico e Sistemático Antigo Testamento Sl 103.19 Deus é visto como o rei da criação, tendo domínio sobre todos os aspectos da criação (inanimados, animados e humanos). Ao criar

Leia mais

Importância da Ressurreição de Cristo

Importância da Ressurreição de Cristo Introdução à 22/08/2011 A doutrina de Cristo segundo as escrituras Importância da Ressurreição de Cristo O que as escrituras afirmam sobre a ressurreição de Cristo? 1. Doutrina fundamental do Cristianismo:

Leia mais

E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra.

E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra. Casas Abertas Estudos Diversos Batismo O batismo cristão é uma de duas ordenanças que Jesus instituiu para a igreja: E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É me dado todo o poder no céu e na terra.

Leia mais

HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO

HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO HAMARTIOLOGIA: DOUTRINA DO PECADO I - A ORIGEM DO PECADO 1. Em relação a Deus. Em Seu plano permitiu que suas criaturas (anjos e homens) tivessem a liberdade (livre arbítrio) de viver em amor e obediência

Leia mais

O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e

O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e O Espírito Santo, que o Pai nos presenteia, identifica-nos com Jesus- Caminho, abrindo-nos ao seu mistério de salvação para que sejamos filhos seus e irmãos uns dos outros; identifica-nos com Jesus-Verdade,

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO DECLARAÇÃO DE FÉ Pr Josemeire Ribeiro CRM PR 2015 O que é credo? É o que eu creio. PLANO DE SALVAÇÃO QUEDA REDENÇÃO RESTAURAÇÃO Declaração de Fé da IEQ foi compilada por sua fundadora Aimeé Semple McPherson,

Leia mais

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade

ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORA: uma nova mentalidade Tanto o Documento de Aparecida (248) como a Exortação Apostólica Verbum Domini (73) se referem à uma nova linguagem e a um novo passo na questão bíblica:

Leia mais

CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ

CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO NASCIMENTO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MOSSORÓ CREMOS NA NECESSIDADE DO NOVO CURSO DE FORMAÇÃO DE LÍDERANÇA NASCIMENTO Pb. Márcio Tarcísio Mendonça Ferreira 5º) NA NECESSIDADE ABSOLUTA DO PELA GRAÇA DE

Leia mais

EVANGELISMO. Por Evaristo Filho. SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global

EVANGELISMO. Por Evaristo Filho. SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global EVANGELISMO Por Evaristo Filho SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global http://seminarioevangelico.com.br setebonline@gmail.com 2 Apresentação da Disciplina Informações Gerais Pré-Tarefas Antes

Leia mais

Voltado a Deus I. O Imperativo Divino

Voltado a Deus I. O Imperativo Divino Deus trabalha movido por oração. Quando Deus quer fazer certa coisa, Ele inspira oração para que Ele possa agir. Ele somente trabalha desta forma. Em Gênesis 20 lemos a primeira estória sobre cura narrada

Leia mais

Ao verem a intrepidez de Pedro e João, sabendo que eram homens iletrados e incultos, admiraram-se; e reconheceram que haviam eles estado com Jesus

Ao verem a intrepidez de Pedro e João, sabendo que eram homens iletrados e incultos, admiraram-se; e reconheceram que haviam eles estado com Jesus Ao verem a intrepidez de Pedro e João, sabendo que eram homens iletrados e incultos, admiraram-se; e reconheceram que haviam eles estado com Jesus (At 4:13). 1. Que venhamos a conhecer a história e as

Leia mais

- A maior parte da população mundial está nas cidades e, portanto, a evangelização urbana é indispensável para a realização da Grande Comissão.

- A maior parte da população mundial está nas cidades e, portanto, a evangelização urbana é indispensável para a realização da Grande Comissão. INTRODUÇÃO - A maior parte da população mundial está nas cidades e, portanto, a evangelização urbana é indispensável para a realização da Grande Comissão. - A Igreja precisa enfrentar os desafios da vida

Leia mais

A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES

A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES A MISSÃO NO SÉCULO XXI A GRANDE COMISSÃO: ANÁLISE DAS CINCO DIMENSÕES Dr. ERICO T. XAVIER Os cinco textos da Grande Comissão. Mateus 28:18-20 Marcos 16:14-20 Lucas 24:44-53 João 20:19-23 Atos 1:8 Repetiu

Leia mais

Aliando a Eclesiologia Batista e a Missão Integral Stephenson Soares Araújo 1 a Consulta Nacional de Missão Integral da CBN, 14-17/11/2013

Aliando a Eclesiologia Batista e a Missão Integral Stephenson Soares Araújo 1 a Consulta Nacional de Missão Integral da CBN, 14-17/11/2013 Aliando a Eclesiologia Batista e a Missão Integral Stephenson Soares Araújo 1 a Consulta Nacional de Missão Integral da CBN, 14-17/11/2013 Análise da Eclesiologia Batista Nacional Manual Básico dos Batistas

Leia mais

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37):

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): Quem é o meu próximo? perguntou o Doutor da Lei a Jesus, que em seguida lhe contou a Parábola do

Leia mais

O Espírito Santo. Ontem e Hoje

O Espírito Santo. Ontem e Hoje O Espírito Santo Ontem e Hoje E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco, o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não no vê, nem

Leia mais

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Prof. Denilson A. Rossi O que se entende por Nova Evangelização? Quais são as luzes dos documentos conciliares para a Nova Evangelização? Em que

Leia mais

Abraão Moisés Davi. Jesus

Abraão Moisés Davi. Jesus A natureza missionária da igreja Derivada da promessa de Deus de criar um Povo para Si dada para cada uma das três principais figuras : Abraão Moisés Davi Cumprida e exemplificada na pessoa de Jesus CTC

Leia mais

O BAPTISMO NO ESPIRITO SANTO

O BAPTISMO NO ESPIRITO SANTO O BAPTISMO NO ESPIRITO SANTO I. Introdução Ele vos batizará no Espírito Santo Mt. 3: 11b Jesus veio ao mundo, não como Deus, mas como homem. Em tudo Jesus foi igual a nós, teve frio, calor, sentiu fome,

Leia mais

Assessoria de Educação. Pastor Joel Nascimento Congresso Renovação Ministerial Fev/2016 Avivamento Bíblico - Jaçanã

Assessoria de Educação. Pastor Joel Nascimento Congresso Renovação Ministerial Fev/2016 Avivamento Bíblico - Jaçanã Assessoria de Educação Pastor Joel Nascimento Congresso Renovação Ministerial Fev/2016 Avivamento Bíblico - Jaçanã Agenda O que é a EBD? Considerações sobre o Ensino Algumas recomendações para os professores

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 25 de Abril - São Marcos Evangelista 1) Oração Ó Deus, que

Leia mais

DISCIPULADO DE BATISMO I.P. A MENSAGEM DA ULTIMA HORA

DISCIPULADO DE BATISMO I.P. A MENSAGEM DA ULTIMA HORA DISCIPULADO DE BATISMO I.P. A MENSAGEM DA ULTIMA HORA LIÇÃO N 01 Batismo nas Águas O batismo nas águas não é opcional: é um mandamento deixado por Jesus. Aquele que aceita Jesus como Senhor e Salvador

Leia mais

Princípios para uma Catequese Renovada. Eu vim para que tenham a vida Jo 10,10

Princípios para uma Catequese Renovada. Eu vim para que tenham a vida Jo 10,10 Princípios para uma Catequese Renovada Eu vim para que tenham a vida Jo 10,10 Por que Renovada? Podemos renovar o que ainda não existe? Como renovar? Introdução A renovação atual da catequese nasceu para

Leia mais

- Um compromisso de oração que vai mudar a sua vida -

- Um compromisso de oração que vai mudar a sua vida - 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 - Um compromisso de oração que vai mudar a sua vida - Dia 0 - Tempo de adoração e gratidão Leitura Bíblica: Ap. Motivos de Oração: Agradeça pela salvação, família,

Leia mais

"Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa do teu nome" (Lc 10,17)

Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa do teu nome (Lc 10,17) "Os setenta e dois discípulos voltaram alegres, dizendo: Senhor, até os demônios nos obedecem por causa Outubro 2014 Editorial Neste mês de setembro foi realizado o 57º Retiro Básico, no Morro das Pedras

Leia mais

Preparado por: Pr. Wellington Almeida. LIÇÃO Inicio. Ministério de do. O Evangelho. Mateus

Preparado por: Pr. Wellington Almeida. LIÇÃO Inicio. Ministério de do. O Evangelho. Mateus Preparado por: Pr. Wellington Almeida Cristo02 LIÇÃO Inicio Ministério de do O Evangelho Mateus de LIÇÃO - II TRI 2016 02 INTRODUÇÃO esboço Uma das grandes lutas da humanidade tem sido conhecer o significado

Leia mais

AULA 02. Pr. Wellington Almeida

AULA 02. Pr. Wellington Almeida Pr. Wellington Almeida RELATÓRIOS DE LEITURAS LIVRO AUTOR pg / cap ENTREGA 1º Atos dos Apóstolos Ellen White cap. 1, 2, 3 12/04 2º Teologia e metodologia da missão Elias Brasil de Souza pag. 3-27 31/07

Leia mais

LIÇÃO 3 A SEGUNDA VINDA DE CRISTO O ARREBATAMENTO DA IGREJA. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 3 A SEGUNDA VINDA DE CRISTO O ARREBATAMENTO DA IGREJA. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 3 A SEGUNDA VINDA DE CRISTO O ARREBATAMENTO DA IGREJA Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO O ARREBATAMENTO DA IGREJA O arrebatamento da igreja do Senhor Jesus, será o mais extraordinário

Leia mais

...batizando em nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo...

...batizando em nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo... ESTUDO DO BATISMO : O objetivo deste estudo é levar ao irmão(a), o conhecimento da verdade bíblica sobre o batismo ensinado por Jesus Cristo, que nestes dias possamos abrir nossa mente e coração para absorvermos

Leia mais

Sumário. VOLUME UM A obra do Espírito Santo na Igreja como um todo. CAPÍTULO UM Introdução

Sumário. VOLUME UM A obra do Espírito Santo na Igreja como um todo. CAPÍTULO UM Introdução Sumário Prefácio do autor... 13 Nota explicativa à edição americana... 19 Lista parcial dos trabalhos do Dr. Kuyper... 23 Nota introdutória pelo Prof. Benjamin B. Warfield, D. D., LL. D.... 27 VOLUME UM

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ. CONPLEI Conselho Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas

DECLARAÇÃO DE FÉ. CONPLEI Conselho Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas DECLARAÇÃO DE FÉ CONPLEI Conselho Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas DAI-AMTB Departamento de Assuntos Indígenas, Associação de Missões Transculturais Brasileiras Campo Grande, MS: 2016

Leia mais

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA 17-03-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze A Igreja no desígnio de Deus O que significa a palavra Igreja? Designa o povo que Deus convoca e reúne de todos os

Leia mais

O que é arrependimento

O que é arrependimento 1 O que é arrependimento É muito importante entendermos bem o que é arrependimento. Nós estamos rodeados de conceitos do mundo e de conceitos religiosos que não definem exatamente nosso problema com Deus.

Leia mais

GRUPO DE ORAÇÃO. Formação Missionária Diocese de Osasco

GRUPO DE ORAÇÃO. Formação Missionária Diocese de Osasco GRUPO DE ORAÇÃO Formação Missionária Diocese de Osasco Conceito Comunidade carismática presente em um lugar (...) que cultiva a oração, a partilha e todos os outros aspectos da vivência do Evangelho, a

Leia mais

Advento é uma palavra latina, ad-venio,

Advento é uma palavra latina, ad-venio, Advento -Tempo de preparação para o Natal - Advento é uma palavra latina, ad-venio, que significa aproximar-se, vir chegando aos poucos. Durante as quatro semanas do Advento preparamo-nos para o Natal.

Leia mais

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial Roteiro de leitura e síntese para compreender o significado da Comunidade Eclesial Comunidade Eclesial Sinal do Reino no presente e no futuro O livro está dividido em 4 capítulos: Refletindo sobre Comunidade

Leia mais

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 PNEUMATOLOGIA OS DONS DO

Leia mais

Como ser. Salvo TRIMESTRE LIÇÃO.

Como ser. Salvo TRIMESTRE LIÇÃO. Como ser TRIMESTRE Salvo LIÇÃO 05 www.classedaescolasabatina.com.br LIÇÃO4 relembrando SALVAÇÃO A BASE: UM DOM UMA INICIATIVA UM SACRIFÍCIO O RESULTADO: UMA LIBERTAÇÃO UMA VIDA ETERNA VERSO PARA MEMORIZAR!!

Leia mais

COMUM DOS SANTOS E DAS SANTAS

COMUM DOS SANTOS E DAS SANTAS 279 I rmãs e irmãos: Ao celebrar a solenidade de São N. (de Santa N.), nosso irmão (nossa irmã) na fé e no Baptismo, oremos a Deus Pai todo-poderoso, dizendo (ou: cantando): R. Deus, fonte de toda a santidade,

Leia mais

Todos em pé, por favor, para lermos a Bíblia Sagrada em Filipenses Leiamos de forma alternada o Texto Sagrado.

Todos em pé, por favor, para lermos a Bíblia Sagrada em Filipenses Leiamos de forma alternada o Texto Sagrado. Todos em pé, por favor, para lermos a Bíblia Sagrada em Filipenses 1.12-21. Pr. Fernando Fernandes Campanha de Missões Mundiais, Estaduais, Nacionais e Regionais 2009 PIB em Penápolis, 13/09/2009 Leiamos

Leia mais

Evangelização. Aula 02. Prof. Adriano Lima

Evangelização. Aula 02. Prof. Adriano Lima Evangelização Aula 02 Prof. Adriano Lima CONVERSA INICIAL Olá, seja bem-vindo à aula 2 de Evangelização. Nosso objetivo, neste encontro, é apresentar as principais características da evangelização, uma

Leia mais

A igreja perseguida. A igreja perseguida l 5

A igreja perseguida. A igreja perseguida l 5 A igreja perseguida Quero contar para vocês a história do cristianismo. Creio que esta é uma prática do povo de Deus: ao longo dos anos, rememorar os grandes feitos de Deus. Alguém já disse apropriadamente

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE

CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIRO ON LINE AULA 8: ECLESIOLOGIA Baseado em Jeremias 9: 24, a Igreja Pentecostal Deus é Amor oferece a você, obreiro, a oportunidade aprofundar seu conhecimento na palavra de Deus

Leia mais

O PRIVILÉGIO DE SER FILHO DE DEUS

O PRIVILÉGIO DE SER FILHO DE DEUS O PRIVILÉGIO DE SER FILHO DE DEUS Ef. 1: 1-14 Slide 1 O PRIVILÉGIO DE SER FILHO DE DEUS Ef.1 : 1-14 1. Paulo, apóstolo de Cristo Jesus por vontade de Deus, aos santos que vivem em Éfeso e fiéis em Cristo

Leia mais

Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João

Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João 3.16-17 INTRODUÇÃO Do texto lido, faço à igreja duas perguntas: Por quejesus morreu na cruz? Para que Jesus morreu na cruz? O por que e o para

Leia mais

CREIO EM DEUS PAI Catequese com adultos Chave de Bronze

CREIO EM DEUS PAI Catequese com adultos Chave de Bronze CREIO EM DEUS PAI 03-12-2011 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze O que são os símbolos da fé? São definições abreviadas da fé, que possibilitam uma confissão comum a todos os crentes. Como surgiram

Leia mais

1 Coríntios 15,4: E, se Cristo não ressuscitou, é vã a nossa pregação, e vã, a vossa fé.

1 Coríntios 15,4: E, se Cristo não ressuscitou, é vã a nossa pregação, e vã, a vossa fé. BREVE CATECISMO DE WESTMINSTER PERGUNTA 30 PERGUNTA 30: Como nos aplica o Espírito a redenção adquirida por Cristo? Resposta: O Espírito aplica-nos a redenção adquirida por Cristo pelo chamado eficaz,

Leia mais

Introdução Traduções e Referências Bíblicas Lição Conceitos Básicos. Lição Criação. Lição 3...

Introdução Traduções e Referências Bíblicas Lição Conceitos Básicos. Lição Criação. Lição 3... SUMÁRIO Introdução... 7 Traduções e Referências Bíblicas... 8 Lição 1... 10 Conceitos Básicos Lição 2... 12 Criação Lição 3... 14 Queda Lição 4... 16 A Promessa do Senhor Lição 5... 18 A Chegada do Salvador

Leia mais

PLANTAÇÃO DE IGREJAS VOLUME II

PLANTAÇÃO DE IGREJAS VOLUME II PLANTAÇÃO DE IGREJAS VOLUME II Por Evaristo Filho SEMINÁRIO TEOLÓGICO EVANGÉLICO BÍBLICO SETEB Global http://seminarioevangelico.com.br setebonline@gmail.com 2 Apresentação da Disciplina Informações Gerais

Leia mais

Romanos 6:3-4 ensina o batismo na água?

Romanos 6:3-4 ensina o batismo na água? Seria incorreto designar o batismo de Romanos 6:3-4 o batismo na água de João Batista, de Jesus ou de Pedro no dia de Pentecostes. Procurará em vão encontrar qualquer menção de água mesmo no livro inteiro

Leia mais

- Na sequência do estudo dos aspectos específicos da evangelização, estudaremos a evangelização das crianças.

- Na sequência do estudo dos aspectos específicos da evangelização, estudaremos a evangelização das crianças. INTRODUÇÃO - Na sequência do estudo dos aspectos específicos da evangelização, estudaremos a evangelização das crianças. - As crianças devem ser evangelizadas. I AS CRIANÇAS PRECISAM SER EVANGELIZADAS

Leia mais

Lição 3 O testemunho apostólico

Lição 3 O testemunho apostólico Lição 3 O testemunho apostólico Texto bíblico: Gálatas 1.11-24 Texto áureo: 2Timóteo 1.8 Neste estudo, abordaremos um depoimento pessoal de Paulo, o apóstolo dos gentios (Ef 3.8; 1Tm 2.7). Interessa-nos,

Leia mais

Por ocasião das eleições municipais, o Ministério Fé e Política da RCCBRASIL preparou uma carta pra te ajudar ainda mais nessa escolha, confira:

Por ocasião das eleições municipais, o Ministério Fé e Política da RCCBRASIL preparou uma carta pra te ajudar ainda mais nessa escolha, confira: Por ocasião das eleições municipais, o Ministério Fé e Política da RCCBRASIL preparou uma carta pra te ajudar ainda mais nessa escolha, confira: Amados irmãos e irmãs em Cristo Jesus, A Paz de Jesus! A

Leia mais

O poder transformador da Palavra de Deus

O poder transformador da Palavra de Deus Introdução Transformado pelo evangelho, o poder de Deus, passando de irrepreensível quanto à justiça que há na lei (Fp 3.6) a ser o principal dos pecadores (1Tm 1.15), Paulo ao desenvolver o seu ministério

Leia mais

Gloria in excelsis Deo - O Cântico dos Anjos

Gloria in excelsis Deo - O Cântico dos Anjos Gloria in excelsis Deo - O Cântico dos Anjos Lucas 2.14 Glória a Deus nas alturas, e paz na terra aos homens aos quais ele concede o seu favor. O coral dos anjos É pena que não nos impressiona, mas o que

Leia mais

campanha eleitoral saúde programas de governo educação segurança emprego moradia

campanha eleitoral saúde programas de governo educação segurança emprego moradia campanha eleitoral saúde programas de governo educação segurança emprego moradia capitalismo socialismo esquerda e a igreja? direita liberal conservador Os cristãos devem ser cuidadosos em não batizar

Leia mais

POR QUE EVANGELIZAR? O amor de Deus A ordem de Jesus. O Dom do Espírito Santo. O clímax da história. A responsabilidade da Igreja.

POR QUE EVANGELIZAR? O amor de Deus A ordem de Jesus. O Dom do Espírito Santo. O clímax da história. A responsabilidade da Igreja. POR QUE EVANGELIZAR? Existem oito razões para incomodar as pessoas com a pregação do evangelho: 1. O amor de Deus. Evangelismo é um ato de amor (João 3:16, Mt. 5:45-44). 2. A ordem de Jesus. Evangelizar

Leia mais

Venha, e veja... o desafio entre o que se fala e o que se faz

Venha, e veja... o desafio entre o que se fala e o que se faz Venha, e veja... o desafio entre o que se fala e o que se faz ... estava João (Batista) outra vez na companhia de dois dos seus discípulos e, vendo Jesus passar, disse: Eis o Cordeiro de Deus! Os dois

Leia mais

Treinamento de Instrutores Bíblicos. Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas

Treinamento de Instrutores Bíblicos. Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas North A meric an Divisio n Portuguese Mi nistry Treinamento de Instrutores Bíblicos Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas Como Ensinar Doutrinas Básicas Adventistas Objetivo Uma compreensão clara

Leia mais

Os 5 Pontos do Calvinismo. Aula 13/07/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira

Os 5 Pontos do Calvinismo. Aula 13/07/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Os 5 Pontos do Calvinismo Aula 13/07/2014 Prof. Lucas Rogério Caetano Ferreira Origem Foi uma reação de discípulos de João Calvino (1509-1564) a um protesto dos seguidores de James Arminus (Jacob Hermann

Leia mais

A Fé que nos gloriamos de professar (continuação)

A Fé que nos gloriamos de professar (continuação) A Fé que nos gloriamos de professar (continuação) Fé cristã: Costume ou Decisão Pessoal É uma decisão livre, da consciência de cada um! As raízes da fé cristã A fé cristã não começou connosco. A fé que

Leia mais

EVANGELISMO. Uma ideia nada popular. razão externa: religião como fenômeno particular. razão interna: confusão entre evangelismo e proselitismo

EVANGELISMO. Uma ideia nada popular. razão externa: religião como fenômeno particular. razão interna: confusão entre evangelismo e proselitismo EVANGELISMO Uma ideia nada popular razão externa: religião como fenômeno particular razão interna: confusão entre evangelismo e proselitismo O QUE EVANGELISMO NÃO É? Não é um convite para ir uma reunião

Leia mais

BÊNÇÃOS DECORRENTES DO MINISTÉRIO PASTORAL

BÊNÇÃOS DECORRENTES DO MINISTÉRIO PASTORAL Lição nº 11 BÊNÇÃOS DECORRENTES DO MINISTÉRIO PASTORAL Pr. Roberto Monteiro Castro 14 DE JUNHO 2015 Texto Áureo Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles

Leia mais

IGREJA. Sua Natureza

IGREJA. Sua Natureza IGREJA Sua Natureza A igreja é a comunidade de todos os cristãos de todos os tempos. Wayne Grudem A igreja é o novo Israel de Deus que revela nesse tempo Sua glória Thiessen A igreja é a a assembléia dos

Leia mais

Lição 1 RESGATANDO A VISÃO MISSIONÁRIA

Lição 1 RESGATANDO A VISÃO MISSIONÁRIA Lição 1 RESGATANDO A VISÃO MISSIONÁRIA Texto Bíblico: Atos 1.1-14. Quando a Igreja perde de vista o seu chamado de ser a portadora do Evangelho para o mundo, ela vira um clube religioso como outro qualquer,

Leia mais

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 PNEUMATOLOGIA OS DONS DO

Leia mais

Acesso ao Jesus da História

Acesso ao Jesus da História 2 O Acesso ao Jesus da História Acesso ao Jesus da História A preocupação central da cristologia é o acesso ao Jesus da história. Se as cristologias do NT não são biografias, que acesso temos, então, ao

Leia mais

Missa no Dia de Páscoa

Missa no Dia de Páscoa Missa no Dia de Páscoa LEITURA I Actos 10, 34a.37-43 «Comemos e bebemos com Ele, depois de ter ressuscitado dos mortos» Leitura dos Actos dos Apóstolos Naqueles dias, Pedro tomou a palavra e disse: «Vós

Leia mais

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL SACRAMENTOS - III (ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL - 1 COMO OS SACRAMENTOS ATUALIZAM A GRAÇA NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DA VIDA 2 1. O QUE ACONTECE NO BATISMO? 3 NO BATISMO, A PESSOA

Leia mais

ASCENSÃO DO SENHOR. LEITURA I Actos 1, Leitura dos Actos dos Apóstolos. No meu primeiro livro, ó Teófilo,

ASCENSÃO DO SENHOR. LEITURA I Actos 1, Leitura dos Actos dos Apóstolos. No meu primeiro livro, ó Teófilo, ASCENSÃO DO SENHOR LEITURA I Actos 1, 1-11 Leitura dos Actos dos Apóstolos No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar, até ao dia em que foi elevado

Leia mais

EBD ADU 2011. Aulas sobre o Espírito Santo e você. Prefácio

EBD ADU 2011. Aulas sobre o Espírito Santo e você. Prefácio Aulas sobre o Espírito Santo e você. EBD ADU 2011 Prefácio 1. Quem é o Espírito Santo? 2. Os símbolos do Espírito Santo 3. O Espírito Santo e as Escrituras 4. Da criação até o nascimento de Jesus 5. Do

Leia mais

EBD ADU Aulas sobre o Espírito Santo e você. Prefácio

EBD ADU Aulas sobre o Espírito Santo e você. Prefácio Aulas sobre o Espírito Santo e você. EBD ADU 2011 Prefácio 1. Quem é o Espírito Santo? 2. Os símbolos do Espírito Santo 3. O Espírito Santo e as Escrituras 4. Da criação até o nascimento de Jesus 5. Do

Leia mais

Formas de fazer discípulos. E todos os dias, no templo e nas casas, não cessavam de ensinar e de anunciar a Jesus Cristo.

Formas de fazer discípulos. E todos os dias, no templo e nas casas, não cessavam de ensinar e de anunciar a Jesus Cristo. Formas de fazer discípulos E todos os dias, no templo e nas casas, não cessavam de ensinar e de anunciar a Jesus Cristo. (At 5:42) OBJETIVO Instruir o estudante da Bíblia a adotar estas duas formas de

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Quarta-feira da 3ª Semana do Advento 1) Oração O Evangelho

Leia mais

O Âmago do Evangelho. A justificação é o âmago do Evangelho?

O Âmago do Evangelho. A justificação é o âmago do Evangelho? O Âmago do Evangelho A justificação é o âmago do Evangelho? Introdução Qual é o centro do Evangelho? Muitos vão dizer que a justificação é a base do Evangelho, pois sem justificação não poderíamos nos

Leia mais

A Soberana Vontade de Deus. Exposição de Atos dos Apóstolos. (1ª Mensagem) Como pregar o Evangelho. At

A Soberana Vontade de Deus. Exposição de Atos dos Apóstolos. (1ª Mensagem) Como pregar o Evangelho. At A Soberana Vontade de Deus Exposição de Atos dos Apóstolos (1ª Mensagem) Como pregar o Evangelho At 1.1-11 Antes de iniciarmos nossa série de mensagens em Atos, faz-se necessário levantarmos algumas questões

Leia mais

O Plano de Salvação Encontro

O Plano de Salvação Encontro O Plano de Salvação Encontro 17 1. Competência a ser construída: Evangelizar usando a Bíblia. Já vimos que o testemunho é a primeira e mais fácil ferramenta de evangelização que podemos usar. Agora queremos

Leia mais

Itinerários e catequese Itinerário de conversão e de crescimento

Itinerários e catequese Itinerário de conversão e de crescimento Itinerários e catequese Itinerário de conversão e de crescimento Imersão progressiva na onda do Espírito, acompanhada por testemunhas feita de escuta, encontros e experiências no coração do REINO/COMUNIDADE

Leia mais

Reflexões sobre a vida do pregador da Justiça

Reflexões sobre a vida do pregador da Justiça Como nos dias de Noé... E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. Mateus 24:37 Reflexões sobre a vida do pregador da Justiça Introdução 1 Um história amada por todos. Um

Leia mais

O FUNDAMENTO. O que simboliza o batismo

O FUNDAMENTO. O que simboliza o batismo Ou vocês não sabem que todos nós, que fomos batizados em Cristo Jesus, fomos batizados em sua morte? Portanto, fomos sepultados com ele na morte por meio do batismo, a fim de que, assim como Cristo foi

Leia mais

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT)

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) 11-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Em que sentido toda a vida de Cristo é Mistério? Toda a vida

Leia mais

21 dias JEJUM & ORAÇÃO. Um tempo de maior Intimidade com DEUS Ministério Batista as Nações

21 dias JEJUM & ORAÇÃO. Um tempo de maior Intimidade com DEUS Ministério Batista as Nações Um tempo de maior Intimidade com DEUS Ministério Batista as Nações INTIMIDADE + NA PRESENÇA = VIDA ABUNDANTE = AÇÃO SOBRENATURAL DO CÉU NA TERRA Gerando O Coração de Deus no meio de sua igreja JEJUM INÍCIO:

Leia mais

TEMA: O NOVO NASCIMENTO E A CONVERSÃO.

TEMA: O NOVO NASCIMENTO E A CONVERSÃO. TEMA: O NOVO NASCIMENTO E A CONVERSÃO. Texto: E dar-lhes-ei coração para que me conheçam, porque eu sou o SENHOR; e ser-me-ão por povo, e eu lhes serei por Deus, porque se converterão a mim de todo o seu

Leia mais

Acesso ao Jesus da História ROSSI & KLINGBEIL

Acesso ao Jesus da História ROSSI & KLINGBEIL Acesso ao Jesus da História 2 O Acesso ao Jesus da História A preocupação central da cristologia é o acesso ao Jesus da história. Se as cristologias do NT não são biografias, que acesso temos, então, ao

Leia mais

Igreja Evangélica em Silvalde - pag. 1

Igreja Evangélica em Silvalde - pag. 1 Igreja Evangélica em Silvalde - pag. 1 O Baptismo "Jesus Cristo é o mesmo ontem, e hoje, e eternamente". Hebreus 13 A PALAVRA "BAPTISMO" D e acordo com eruditos da língua grega, a palavra "baptizar" significa

Leia mais

ORIGEM - DENOMINAÇÃO QUADRANGULAR

ORIGEM - DENOMINAÇÃO QUADRANGULAR ORIGEM - DENOMINAÇÃO QUADRANGULAR Quadrangular é um termo bíblico usado para o Tabernáculo, no livro de Êxodo; para o Templo do Senhor, em Ezequiel 40:47; e para o Céu, no livro de Apocalipse. O termo

Leia mais

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles»

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles» ASCENSÃO DO SENHOR LEITURA I Actos 1, 1-11 Leitura dos Actos dos Apóstolos «Elevou-Se à vista deles» No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar, desde

Leia mais

LIÇÃO 08 O DISCÍPULO E O BATISMO NAS ÁGUAS

LIÇÃO 08 O DISCÍPULO E O BATISMO NAS ÁGUAS LIÇÃO 08 O DISCÍPULO E O BATISMO NAS ÁGUAS TEXTO BÍBLICO: " De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam sua palavra; e, naquele dia, agregaram-se quase três mil almas" (Atos 2.41). Para

Leia mais